Isabela Lamante Scotton

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0870574179493297
  • Última atualização do currículo em 11/06/2018


Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Terapia Cognitivo-Comportamental e Psicologia Organizacional e do Trabalho. Bolsista CNPq de janeiro de 2014 até julho de 2015. Membro do LaPICC-USP (Laboratório de Pesquisa e Intervenção Cognitivo-Comportamental da Universidade de São Paulo) desde 2013; atualmente é mestranda pelo mesmo laboratório, na Universidade de São Paulo (Campus de Ribeirão Preto). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Isabela Lamante Scotton
Nome em citações bibliográficas
SCOTTON, I. L.;SCOTTON, ISABELA LAMANTE

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto.
Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto - USP
Vila Monte Alegre
14040901 - Ribeirão Preto, SP - Brasil
Telefone: (16) 981563344


Formação acadêmica/titulação


2017
Mestrado em andamento em Psicologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: CONSTRUÇÃO DE UM INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE COMPETÊNCIAS DO TERAPEUTA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL,Orientador: Carmem Beatriz Neufeld.
Grande área: Ciências Humanas
2016
Especialização em andamento em Psicologia Clínica: Terapia Cognitivo-Comportamental. (Carga Horária: 640h).
Instituto de Psicologia, Educação, Comportamento e Saúde de Rio Preto, IPECS, Brasil.
2013 - 2015
Graduação em Bacharelado Especial em Pesquisa.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: CARACTERIZAÇÃO DOS PARTICIPANTES DE UM PROGRAMA DE REEDUCAÇÃO ALIMENTAR EM RELAÇÃO A DEPRESSÃO, ANSIEDADE E DESESPERANÇA.
Orientador: Profa. Dra. Carmem Beatriz Neufeld.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2011 - 2015
Graduação em Psicologia - Formação de Psicólogo.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2011 - 2014
Graduação em Bacharelado em Psicologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.




Formação Complementar


2016
Especialização em Psicologia Clínica: Terapia Cognitivo-Comprtamental. (Carga horária: 580h).
Instituto de Psicologia, Educaçãi, Comportamento e Saúde de Rio Preto, IPECS, Brasil.
2016 - 2016
Tratamento Transdiagnóstico para ansiedade. (Carga horária: 8h).
IV Jornada de Terapias Cognitivo-Comportamentais, JOTCC, Brasil.
2015 - 2015
Treinamento Teórico-prático em TCC em Grupos. (Carga horária: 16h).
Laboratório de Pesquisa e Intervenção Cognitivo-Comportamental, LAPICC, Brasil.
2014 - 2014
Curso de Atualização sobre o DSM-5. (Carga horária: 12h).
Laboratório de Pesquisa e Intervenção Cognitivo-Comportamental, LAPICC, Brasil.
2014 - 2014
Workshop Internacional com Stephen Hoffman. (Carga horária: 8h).
Federação Brasileira de Terapias Cognitivas, FBTC, Brasil.
2014 - 2014
Treinamento Teórico-Prático em TCC em grupos. (Carga horária: 16h).
Laboratório de Pesquisa e Intervenção Cognitivo-Comportamental, LAPICC, Brasil.
2014 - 2014
Treinamento Teórico-prático em TAC. (Carga horária: 16h).
Laboratório de Pesquisa e Intervenção Cognitivo-Comportamental, LAPICC, Brasil.
2013 - 2013
Acesso às bases de dados. (Carga horária: 4h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2013 - 2013
Workshop Interacional com David A. Clark. (Carga horária: 8h).
Federação Brasileira de Terapias Cognitivas, FBTC, Brasil.
2013 - 2013
Treinamento Teórico-prático em TCC em Grupos. (Carga horária: 16h).
Laboratório de Pesquisa e Intervenção Cognitivo-Comportamental, LAPICC, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagiária/extensão
Outras informações
Estágios de atendimento individual e atendimento em grupos na abordagem cognitivo-comportamental, com supervisão semanal. Estágio em Psicologia Organizacional e do Trabalho, na área de Gestão de Pessoas, em um hospital de Retaguarda para pacientes com paralisia cerebral. Extensão Universitária: Empresa Júnior de consultoria em gestão de pessoas.

Atividades

08/2017 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, .

02/2015 - 12/2015
Estágios , Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, .

Estágio realizado
Gestão de Pessoas I e II.
02/2014 - 12/2015
Estágios , Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, .

Estágio realizado
Terapia Cognitivo-Comportamental I e II.
02/2014 - 12/2015
Estágios , Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, .

Estágio realizado
Abordagem Cognitivo-Comportamental em Grupos I e II.
02/2013 - 12/2015
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, .

Linhas de pesquisa
Caracterização de amostra
08/2011 - 12/2013
Extensão universitária , Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, .

Atividade de extensão realizada
Membro do time de Gestão de Projetos na Irhis - Consultoria Jr. em Psicologia.

Cantinho do Céu - Hospital de Retaguarda, CCHR, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Psicóloga, Carga horária: 20
Outras informações
Psicóloga Organizacional e Hospitalar, responsável pela coordenação da área de Gestão de Pessoas e pelo atendimento aos pacientes.


CAPES - Centro Anhanguera de Promoção e Educação Social, CAPES, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 12



Linhas de pesquisa


1.
Construção de instrumento de avaliação psicológica
2.
Caracterização de amostra


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
CONSTRUÇÃO DE UM INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE COMPETÊNCIAS DO TERAPEUTA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Carmem Beatriz Neufeld em 16/10/2017.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2014
Relações entre sexo, classificações de IMC e índices de ansiedade, depressão, desesperança, compulsão alimentar e percepção da imagem corporal em participantes do Programa de Reeducação Alimentar da USP-RP (PRAUSP)
Descrição: A obesidade e o sobrepeso dizem respeito ao acúmulo excessivo de gordura que pode prejudicar a saúde. Sabe-se que a obesidade já representa um risco à saúde pública sendo considerada há mais de 10 anos uma epidemia mundial. O indivíduo obeso apresenta aspectos emocionais e psicológicos que podem ser identificados como causadores, mantenedores ou retroalimentadores da obesidade. O objetivo do presente estudo é avaliar as relações entre sexo, IMC e depressão, ansiedade, desesperança, compulsão alimentar e percepção da imagem corporal da amostra de pessoas que buscaram atendimento de 2010 a 2012, no PRO-META, um programa Cognitivo-Comportamental de Educação Alimentar da Universidade de São Paulo. São participantes dessa amostra 169 adultos (79,9% mulheres), com idade média de 43,76 anos (DP=12,2), sendo que 32,9% possuíam ensino médio e 39% ensino superior completos. Os instrumentos utilizados na coleta de dados incluíram, além dos dados como peso e altura, visando obtenção de IMC, questionários clínicos de auto avaliação para constatação dos níveis de ansiedade (BAI), depressão (BDI), desesperança (BHS), compulsão alimentar (ECAP) e auto percepção da imagem corporal (EFS). Os dados coletados a partir dos testes mencionados acima foram analisados com auxílio do SPSS, utilizando estatística inferencial. Dessa forma, os resultados indicaram diferenças estatisticamente significativas em relação ao gênero em todas as variáveis (p<0,05) exceto na insatisfação. Entre as classificações de IMC, notaram-se diferenças estatisticamente significativas (p<0,05) em relação à acurácia e à insatisfação. Esses dados podem auxiliar na ampliação do conhecimento sobre esse tipo de população visando cada vez mais a adequação dos programas de tratamento para a mesma..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2015
Caracterização dos participantes de um programa de reeducação alimentar em relação a depressão, ansiedade e desesperança
Descrição: A prevalência da obesidade e do sobrepeso vem aumentando na sociedade, atingindo proporções epidêmicas, sendo assim considerado um problema de saúde pública. Por ser um fenômeno de etiologia complexa e não muito bem definida, recomenda-se um tratamento multidisciplinar. Para melhor cuidar de indivíduos obesos, é essencial ao profissional de saúde mental conhecer e entender seus correlatos psicológicos para o manejo clínico destes. O objetivo desse estudo foi investigar quais são as características que mais aparecem em indivíduos com sobrepeso e obesidade em termos de depressão, ansiedade e desesperança em níveis mais graves, e que procuraram o atendimento em um programa de educação alimentar em grupo (PRAUSP) da USP-RP, a partir da análise item a item dos instrumentos preenchidos por eles, antes da intervenção. São participantes dessa amostra 184 adultos (80,4% mulheres), com idade média de 43,36 anos (dp=12,38), e com MC médio de 33,7 kg/m² (dp=5,9). Os instrumentos utilizados nessa coleta foram os questionários clínicos de auto avaliação para constatação dos níveis de ansiedade (BAI), depressão (BDI), desesperança (BHS), preenchidos pelos participantes do programa desde 2010 até o primeiro semestre de 2013, após terem assinado o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). A partir dos dados armazenados do programa, foi elaborado um banco de dados virtual com os escores gerais e as respostas item a item de cada instrumento supracitado. A análise se deu em etapas: primeiramente foi investigada a distribuição dos escores gerais dentre os níveis crescentes de intensidade e só então foi realizada a análise item a item. Finalmente, foi feito o uso de estatística inferencial, para verificar se houve diferença estatisticamente significativa na pontuação de cada item entre homens e mulheres. Considerando a faixa de classificação de moderado à grave, 18,9% das pessoas pontuaram para sintomas de depressão, 16,9% para os sintomas de ansiedade e 11,1% para os sintomas de desesperança. Dentre esses indivíduos, os itens mais pontuados no BDI foram aqueles relacionados à auto-acusações, indecisão e retração da imagem corporal; no BAI, nove itens foram pontuados pela maioria das pessoas nas intensidades mais graves e na BHS, cinco itens foram pontuados por mais de 80% dos indivíduos. Com relação às análises inferenciais, apenas um item do BDI apresentou diferença estatisticamente significativa entre os sexos (relacionado a auto-depreciação). Assim é importante atentar para as características dessa amostra para poder desenvolver intervenções cada vez mais eficazes para esses indivíduos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Isabela Lamante Scotton - Integrante / Carmem Beatriz Neufeld - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2016
Melhor Painel na categoria "Graduação", IV Jornada de Terapias Cognitivas.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
STOQUE, FABIANA MARIS VERSUTI2016 STOQUE, FABIANA MARIS VERSUTI ; SCOTTON, ISABELA LAMANTE ; LISBOA, CAROLINA SARAIVA DE MACEDO ; NEUFELD, CARMEM BEATRIZ . Information and communication technologies and training of the clinical psychologist. REVISTA BRASILEIRA DE TERAPIAS COGNITIVAS (IMPRESSO), v. 12, p. 91-99, 2016.

Capítulos de livros publicados
1.
Sticca, M. G. ; SCOTTON, I. L. ; Silva, F. H. M. . Interface entre a abordagem cognitivo-comportamental e o contexto das organizações. In: Carmem Beatriz Neufeld; Eliane Mary de Oliveira Falcone; Bernard Rangé. (Org.). PRO-COGNITIVA. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2017, v. 3, p. 133-172.

Apresentações de Trabalho
1.
SCOTTON, I. L.; Neufeld, C. B, . Caracterização dos participantes de um programa de reeducação alimentar em relação a depressão, ansiedade e desesperança. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
SCOTTON, I. L.; Neufeld, C. B, . Caracterização dos participantes de um programa de reeducação alimentar em relação a depressão, ansiedade e desesperança. 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
AFFONSO, G. ; SCOTTON, I. L. ; Neufeld, C. B, . Relações entre sexo, classificações de IMC e índices de ansiedade, depressão, desesperança, compulsão alimentar e percepção da imagem corporal em participantes do Programa de Reeducação Alimentar da USP-RP (PRAUSP). 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

4.
SCOTTON, I. L.; AFFONSO, G. ; Mandarini, M. B. ; Neufeld, C. B, . Intervenção cognitivo-comportamental em dois grupos do programa de reeducação alimentar da universidade de são paulo ? um relato de experiência. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Semana Intensiva de TCC: Indivíduos e Grupos.Intersecções da TCC: Neurosciências, Educação e Organizações. 2017. (Encontro).

2.
I Semana Intensiva de TCC: Indivíduos e Grupos.Terapia Cognitivo- Comportamental em grupos de ansiedade e obesidade. 2017. (Encontro).

3.
IV Jornada de Terapias Cognitivo-Comportamentais. Caracterização dos participantes de um programa de reeducação alimentar em relação a depressão, ansiedade e desesperança. 2016. (Congresso).

4.
National Model United Nations (NMUN).Delegate of Saint Vincent and the Grenadines. 2015. (Encontro).

5.
SIICUSP.Caracterização dos participantes de um programa de reeducação alimentar em relação a depressão, ansiedade e desesperança. 2015. (Simpósio).

6.
44ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia. 2014. (Congresso).

7.
Aprender Criança. 2014. (Congresso).

8.
III Jornada de Terapias Cognitivas. INTERVENÇÃO COGNITIVO-COMPORTAMENTAL EM DOIS GRUPOS DO PROGRAMA DE REEDUCAÇÃO ALIMENTAR DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ? UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. 2014. (Congresso).

9.
SIICUSP.Relações entre sexo, classificações de IMC e índices de ansiedade, depressão, desesperança, compulsão alimentar e percepção da imagem corporal em participantes do Programa de Reeducação Alimentar da USP-RP (PRAUSP). 2014. (Simpósio).

10.
GEP Brasil. 2013. (Congresso).

11.
IX Congresso Brasileiro de Terapias Cognitivas. 2013. (Congresso).

12.
V Encontro de Saúde Mental - Álcool e Drogas. 2012. (Encontro).

13.
XI Semana da Psicologia - USP. 2012. (Encontro).

14.
IV Encontro de Saúde Mental. 2011. (Encontro).

15.
Mini Curso de Saúde Mental do Cotidiano - FMRP - USP. 2011. (Outra).

16.
X Semana da Psicologia - USP. 2011. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Neufeld, C. B, ; SCOTTON, I. L. ; Ferreira, I. M. F. ; Maltoni, J. ; Palma, P. de C. ; Peron, S. ; Benedetti, T. B. . V Jornada de Terapias Cognitivo-Comportamentais. 2018. (Congresso).

2.
Neufeld, C. B, ; SCOTTON, I. L. . II Semana Intensiva de TCC: Indivíduos e Grupos. 2018. (Outro).

3.
Neufeld, C. B, ; SCOTTON, I. L. . I Semana Intensiva de TCC: Indivíduos e Grupos. 2017. (Outro).

4.
SCOTTON, I. L.. I Workshop de Psicologia. 2013. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SCOTTON, I. L.. I Workshop de Psicologia. 2013. (Outro).



Outras informações relevantes


Membro do Time de Projetos da Irhis - Consultoria Júnior em Psicologia de 08/2011 até 01/2014. A Irhis Consultoria é uma associação civil sem fins lucrativos e vinculada a Universidade de São Paulo (USP). Uma Empresa Júnior é totalmente gerida por alunos da graduação e contam com o apoio e orientação de professores e doutores da USP. Oferecemos serviços relacionados a Psicologia Organizacional, como Recrutamento & Seleção, Análise de Clima Organizacional, Gestão de Desempenho, Planejamento Estratégico em Gestão de Pessoas, Gestão da Qualidade de Vida no Trabalho, Treinamento, Desenvolvimento e Educação, entre outros.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/01/2019 às 21:14:14