Dayanna Teodoro Quirino

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2032630168604463
  • Última atualização do currículo em 11/06/2018


Possui graduação em Tecnologia em Geoprocessamento pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás IFG (2013). Mestre em Agronomia pela Universidade Federal de Goiás na área de concentração de Solo e Água. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Dayanna Teodoro Quirino
Nome em citações bibliográficas
QUIRINO, D. T.;QUIRINO, DAYANNA TEODORO


Formação acadêmica/titulação


2015 - 2017
Mestrado em Agronomia.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Título: Respostas da variedade CTC4 de cana-de-açúcar em função de dados agroclimáticos e espectrais em Santo Antônio de Goiás,Ano de Obtenção: 2017.
Orientador: Derblai Casaroli.
Coorientador: Ieda Del'Arco Sanches.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2014 - 2014
Aperfeiçoamento em Educação Ambiental. (Carga Horária: 180h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Restauração ambiental do parque Lara Guimarães em Trindade-Go. Ano de finalização: 2014.
Orientador: Maria Ivanice de Andrade Viegas.
2014
Graduação em andamento em Ciências Agrárias.
Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.
2007 - 2013
Graduação em Geoprocessamento.
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás, IFG, Brasil.
Título: Estimativa de Precipitação por Sensoriamento Remoto.
Orientador: Hostilio Maia de Paula Neto.
2017 - 2018
Curso técnico/profissionalizante em Técnico em Segurança do Trabalho.
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano- Campus Trindade, IF Goiano Trin, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Sensoriamento Remoto: Aprendizagem Continuada - Mapeamento de Áreas Agrícol. (Carga horária: 72h).
Sociedade de Especialistas Latino-americanos em Sensoriamento Remoto, SELPER, Brasil.
2017 - 2017
Sensoriamento Remoto para Fins de Fiscalização do Crédito Rural. (Carga horária: 8h).
Sociedade de Especialistas Latino-americanos em Sensoriamento Remoto, SELPER, Brasil.
2016 - 2016
Extensão universitária em Sistema de Informações Geográficas com Qgis. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2016 - 2016
Extensão universitária em Irrigação de Jardins e Gramados. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2015 - 2015
Extensão universitária em Desenho Topográfico Computacional. (Carga horária: 24h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2015 - 2015
Programa Estatístico Genes. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2014 - 2014
Extensão universitária em Educação a distancia: teoria e prática. (Carga horária: 20h).
Universidade Estadual de Goiás, UEG, Brasil.
2014 - 2014
Extensão universitária em Tutoria em educação a distancia. (Carga horária: 60h).
Universidade Estadual de Goiás, UEG, Brasil.
2014 - 2014
Cadastro Ambiental Rural. (Carga horária: 78h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2013 - 2013
Monitoramento Hidrológico - Aspecto Quatitativos. (Carga horária: 27h).
Fundação Casimiro Montenegro Filho, FCMF, Brasil.
2013 - 2013
Pagamento por Serviços Ambientais. (Carga horária: 25h).
Fundação Casimiro Montenegro Filho, FCMF, Brasil.
2013 - 2013
Monitoramento da Qualidade da Água. (Carga horária: 35h).
Fundação Casimiro Montenegro Filho, FCMF, Brasil.
2013 - 2013
Instrumentos Econômicos e Recursos Hídricos. (Carga horária: 35h).
Fundação Casimiro Montenegro Filho, FCMF, Brasil.
2013 - 2013
Planejamento, manejo e gestão de bacias. (Carga horária: 40h).
Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.
2013 - 2013
Wokshop RBMC. (Carga horária: 6h).
MundoGEO, MUNDOGEO, Brasil.
2013 - 2013
Mega Tendências. (Carga horária: 7h).
MundoGEO, MUNDOGEO, Brasil.
2013 - 2013
Analise de series temporais. (Carga horária: 64h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2013 - 2013
MyEnglish. (Carga horária: 20h).
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2012 - 2012
Gestão Ambiental. (Carga horária: 25h).
Faculdade de Tecnologia Senai Roberto Mange, FATEC, Brasil.
2012 - 2012
Relatorio de gestao fiscal e execução orçamentaria. (Carga horária: 120h).
TERSECOM, TERSECOM, Brasil.
2012 - 2012
Ferramentas sistema de informação geografica. (Carga horária: 3h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
2012 - 2012
II Workshp EUROCLIMA DLDD. (Carga horária: 5h).
MundoGEO, MUNDOGEO, Brasil.
2012 - 2012
Geomarketing - Conceitos e Aplicações. (Carga horária: 3h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
2012 - 2012
Galileo para aplicações de gestao de terras. (Carga horária: 3h).
Projeto Encore e MundoGEO, MUNDOGEO, Brasil.
2012 - 2012
Educação Ambiental. (Carga horária: 14h).
SENAI - Departamento Regional do Rio Grande do Norte, SENAI/ DR/RN, Brasil.
2011 - 2011
Sistema de Controle Interno. (Carga horária: 120h).
TERSECOM, TERSECOM, Brasil.
2011 - 2011
Auditoria Contabil, Financeira e Patrimonial. (Carga horária: 120h).
TERSECOM, TERSECOM, Brasil.
2010 - 2010
Contrato e Licitações. (Carga horária: 120h).
TERSECOM, TERSECOM, Brasil.
2010 - 2010
Recursos Humanos e Gestão de Pessoas. (Carga horária: 120h).
TERSECOM, TERSECOM, Brasil.
2009 - 2009
Contabilidade e Finanças Públicas. (Carga horária: 120h).
TERSECOM, TERSECOM, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2017
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: bolsista, Regime: Dedicação exclusiva.


Instituto Tecnológico do Estado de Goiás Ruth Vilaça Correia Leite Cardoso, ITEGO, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - 2018
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professor Irrigação, Drenagem e Topografia, Carga horária: 60
Outras informações
Métodos mais comuns de aplicação da irrigação. Manejo adequado de acordo com a demanda de cada cultura. Manejo da irrigação baseado nas características dos solos e das plantas. A importância de uma drenagem eficiente. Excesso de água como fator limitante ao desenvolvimento vegetal. Proteção dos solos por meio de análises topográficas.



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Eficiência hídrica e componentes do coeficiente de cultura da cana-de-açúcar cultivada em lisímetro e em campo
Descrição: O açúcar e o etano provenientes da cana-de-açúcar contribuem de forma significativa com o desenvolvimento agrícola nacional, bem como para o Estado de Goiás, que é o segundo maior produtor brasileiro. Entretanto, o déficit hídrico acentuado na região é um dos principais limitadores para o aumento da produtividade naquele Estado. Por outro lado, maiores produtividades podem ser alcançadas a partir de técnicas que visam suprir a necessidade hídrica desta cultura, como a irrigação. Para isto, há uma incessante busca por informações mais precisas referentes às variáveis que tangem o cultivo irrigado da cana-de-açúcar nas condições edafoclimáticas do Cerrado goiano, sobretudo, em termos de se conhecer a quantidade de água capaz de manter a evapotranspiração máxima, e consequentemente, maior produção de biomassa, bem como, a quantidade de déficit hídrico ideal para estabilizar o crescimento vegetal e iniciar o processo de maturação. Assim, os objetivos desta proposta são: i) quantificar a água necessária em cada fase do desenvolvimento da cana-de-açúcar para manter a taxa potencial de crescimento vegetal; ii) detectar o déficit hídrico capaz de induzir o processo de maturação da cana-de-açúcar sem quebra de produtividade; iii) indicar coeficientes de cultura para a cana-de-açúcar em cada estádio de desenvolvimento. Para isto, será implantada uma área de cana-de-açúcar com três tratamentos: i) irrigação a 100% da evapotranspiração potencial da cultura (ETc); ii) irrigação a 50%ETc; e iii) irrigação de salvamento (80 mm). Além disto, será construído um lisímetro de pesagem, mantendo-se a umidade do solo na capacidade de campo (ETc100%), que será cultivado com cana-de-açúcar. Para cada tratamento, serão implantadas três parcelas experimentais, contendo quatro linhas de 8 m. A irrigação será feita via sistema de gotejamento. Serão realizadas avaliações em plantas: área foliar, altura, diâmetro de colmo, profundidade das raízes, folhas verdes e senescentes, °Brix, fitomassa seca de folhas, biomassa de colmos (verdes e secos), produtividade; no solo: tensão de água no solo, curva de retenção, granulometria, fertilidade, densidade, umidade do solo; e das condições atmosféricas: radiação solar, temperatura do ar, velocidade do vento, chuva, UR%. Após a colheita serão realizadas as análises tecnológicas, tais como: ATR, POL%, Umidade, Fibra, °Brix e TPH. Todas as avaliações realizadas em campo serão feitas também no lisímetro, exceto as avaliações destrutivas ou que possam causar danos as plantas (°Brix, biomassa de colmos, profundidade de raízes, produtividade, análise tecnológicas), que serão feitas apenas na colheita. O experimento terá duração de 36 meses, sendo avaliados os ciclos de cana-planta (18 meses) e 1ª soca (12 meses). Espera-se com este estudo indicar o melhor manejo da irrigação da cana-de-açúcar nos diferentes estádios do desenvolvimento..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Modelagem da produtividade pontencial e depleicionada da cana-de-açúcar a partir de dados edafoclimáticos e imagens de satélite

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Derblai Casaroli em 27/11/2017.
Descrição: om a crescente expansão do setor agrícola na produção de açúcar e álcool, as usinas de cana-de-açúcar têm avançado os estudos de técnicas que minimizem o tempo de avaliações em campo, visando obter estimativas confiáveis de produtividade, isto para otimizar a colheita e as negociações em mercado futuro, bem como para o planejamento dos ciclos com antecedência e precisão. Para estas estimativas, modelos agrometeorológicos tem sido bem utilizados. Além disto, atualmente, devido ao grande território ocupado pela cultura, técnicas de sensoriamento remoto (SR) tem se tornado uma ferramenta importante quando aliado aos dados meterológicos, originando modelos agrometeorológicos-espectrais. O SR é uma ciência que visa à obtenção de dados da superfície terrestre por meio da detecção e medição quantitativa das respostas espectrais das interações da radiação eletromagnética com os alvos terrestres, sem haver contato entre o alvo e o sensor (Meneses et al., 2012). Dados de SR têm sido utilizados na modelagem de parâmetros biofísicos de culturas agrícolas, esses trabalhos envolvem o emprego de índices de vegetação, os quais se configuram como medidas radiométricas adimensionais, que indicam a abundância relativa e a atividade da vegetação verde, incluindo, sobretudo, índice de área foliar, porcentagem de cobertura verde, teor de clorofila, biomassa verde, radiação fotossinteticamente ativa absorvida (Jensen, 2009). Assim o objetivo geral deste projeto é de estimar a produtividade potencial e deplecionada da cana-de-açúcar a partir de dados edafoclimáticos e de imagens de satélite..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Dayanna Teodoro Quirino - Integrante / Derblai Casaroli - Coordenador / Jose Alves Júnior - Integrante / Adão Wagner Pego Evangelista - Integrante / Ieda Del Arco Sanches - Integrante / Rilner Alves Flores - Integrante / Marcio Mesquita - Integrante.
2014 - Atual
MODELAGEM DA MATURAÇÃO DA CANA-DE-AÇÚCAR A PARTIR DE VARIÁVEIS EDAFOCLIMÁTICAS

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Derblai Casaroli em 27/11/2017.
Descrição: A cultura da cana-de-açúcar contribui de forma significativa com o desenvolvimento agrícola nacional, sendo assim, verifica-se uma grande expansão territorial desta cultura no Brasil. Tendo em vista a grande demanda de produtos oriundos da cana (açúcar e álcool), há uma incessante busca de técnicas de previsão do ponto de maturação ótimo, de modo a garantir um melhor planejamento da colheita com uma menor perda de qualidade do produto. Desta forma, o objetivo deste estudo será de estimar o ponto de máxima maturação fisiológica da cana-de-açúcar a partir de variáveis edafoclimáticas. Para isto, serão realizadas correlações, ajustes de regressão e modelagem entre os dados referentes às plantas, capazes de detectar o ponto de maturação, das variáveis climáticas, vinculadas ao processo de desenvolvimento, sobretudo, na fase de maturação, e de teor de água no solo. Estas informações serão coletadas de forma concomitante em áreas de cultivo de cana-de-açúcar (usinas) e em lisímetro de pesagem, cultivado com cana. A partir das relações entre crescimento, desenvolvimento, teor de sacarose, consumo de água e condições atmosféricas locais e de teor de água no solo, espera-se obter um modelo matemático que estime o ponto de máxima maturação fisiológica, ou ponto ideal de colheita da cultura, para as condições edafoclimáticas do Cerrado Goiano, de modo a melhor o planejamento tanto da irrigação quanto de colheita..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Dayanna Teodoro Quirino - Integrante / Derblai Casaroli - Coordenador / Rodrigo Moura Pereira - Integrante / Jordana Moura Caetano - Integrante / Jose Alves Júnior - Integrante / Adão Wagner Pego Evangelista - Integrante / Barbara Vieira de Brito - Integrante / Lucas Melo Vellame - Integrante.


Revisor de periódico


2017 - 2017
Periódico: REVISTA FACULTAD NACIONAL DE AGRONOMIA


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Sensoriamento Remoto da Atmosfera.


Idiomas


Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
QUIRINO, DAYANNA TEODORO2017QUIRINO, DAYANNA TEODORO; CASAROLI, Derblai ; JUCÁ OLIVEIRA, RÔMULO AUGUSTO ; MESQUITA, MÁRCIO ; PEGO EVANGELISTA, ADÃO WAGNER ; ALVES JÚNIOR, JOSÉ . Evaluation of TRMM satellite rainfall estimates (algorithms 3B42 V7 & RT) over the Santo Antônio county (Goiás, Brazil). REVISTA FACULTAD NACIONAL DE AGRONOMIA, v. 70, p. 8251-8261, 2017.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
QUIRINO, D. T.; CASAROLI, Derblai ; SANTOS, B. M. ; CAETANO, J.M. ; REZENDE, A. K. G. ; RODRIGUES, L. A. ; PAIXAO, M. R. R. . Avaliação da influência da temperatura do dossel no crescimento, desenvolvimento e produtividade estimada por satélite na cultura de cana-de-açúcar. In: XVIII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto, 2017, Santos. Anais XVIII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto - SBSR, Santos-SP, Brasil, 28 a 31 de maio de 2017, INPE, 2017.

2.
QUIRINO, D. T.; CLEMENTINO, N. F. ; CASAROLI, Derblai . Análise exploratória-espacial do município de Santo Antônio de Goiás - Go. In: XVIII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto, 2017, Santos. Anais XVIII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto - SBSR, Santos-SP, Brasil, 28 a 31 de maio de 2017, INPE, 2017.

3.
QUIRINO, D. T.; ALVES JUNIOR, J. ; CASAROLI, Derblai ; SOUZA, J. M. F. ; MESQUITA, M. ; EVANGELISTA, A. W. P. . Balanço hídrico climatológico da cultura da cana-de-açúcar via sensoriamento remoto em Santo Antônio de Goiás-Go. In: XVIII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto, 2017, Santos. Anais XVIII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto - SBSR, Santos-SP, Brasil, 28 a 31 de maio de 2017, INPE, 2017.

4.
QUIRINO, D. T.; CASAROLI, Derblai ; PEREIRA, R. M. ; OLIVEIRA, R. A. J. ; ALMEIDA, R.T.S. . Avaliação das estimativas de precipitação do satélite TRMM (algoritmo 3B42 Versão 7 e Real Time) utilizadas no balanço hídrico climatológico no Estado de Goiás. In: XVII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto, 2015, Joao Pessoa - PB. Anais XVII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto - SBSR, João Pessoa-PB, Brasil, 25 a 29 de abril de 2015, INPE, 2015.

5.
PEREIRA, R. M. ; CASAROLI, Derblai ; QUIRINO, D. T. ; CAETANO, J.M. ; VELLAME, L.M. . Estimativa do índice de área foliar da cana-de-açúcar a partir de imagens do satélite Landsat-8 (OLI). In: XVII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto, 2015, Joao Pessoa - PB. Anais XVII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto - SBSR, João Pessoa-PB, Brasil, 25 a 29 de abril de 2015, INPE, 2015.

6.
QUIRINO, D. T.; PAULA NETO, H. M. ; OLIVEIRA, R. A. J. . Estimativa de Precipitação por Sensoriamento Remoto. In: SIMPOSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 2013, FOZ DO IGUACU. XVI SIMPOSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 2013. v. XVI.

7.
QUIRINO, D. T.; PAULA NETO, H. M. ; OLIVEIRA, R. A. J. . Avaliação das estimativas de precipitação do satélite TRMM (algoritmo 3B42 V7) sobre o estado de Goiás. In: SIMPOSIO BRASILEIRO DE RECURSOS HIDRICOS, 2013, BENTO GONCALVES. XX SIMPOSIO BRASILEIRO DE RECURSOS HIDRICOS, 2013.

8.
QUIRINO, D. T.; SALES, L. F. P. ; SILVA, O. F. . Aplicação do sensoriamento remoto para analise temporal em agricultura irrigadas por pivo central no municipio de Cristalina-GO. In: SIMPOSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 2011, CURITIBA. XV SIMPOSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 2011. v. XV.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
MAQUETE, R. M. ; CASAROLI, Derblai ; QUIRINO, D. T. ; ALVES JUNIOR, J. ; EVANGELISTA, A. W. P. . ESTIMATIVA DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO DA CANA-DE-AÇÚCAR E DETECÇÃO DE NÍVEIS DE ESTRESSE HÍDRICO PELO MODELO SAFER. In: Congresso de Ensino, Pesquisa e extensão da UFG CONPEEX, 2017, Goiânia. Anais do Congresso de Ensino, Pesquisa e extensão da UFG, 2017.

2.
REZENDE, A. K. G. ; CASAROLI, Derblai ; QUIRINO, D. T. ; ALVES JUNIOR, J. ; MESQUITA, M. . RELAÇÕES ENTRE O ÍNDICE DE ÁREA FOLIAR E A PRODUTIVIDADE DA CANA-DE-AÇÚCAR. In: Congresso de Ensino, Pesquisa e extensão da UFG, 2017, Goiânia. Anais do Congresso de Ensino, Pesquisa e extensão da UFG, 2017.

3.
GUIMARAES, A. E. X. ; FLORES, R. A. ; CASAROLI, Derblai ; QUIRINO, D. T. ; SILVA, N. M. ; SILVA, H. A. ; ALVES, A. R. ; EVANGELISTA, A. W. P. . Biometria da cana-soca submetida a adubação potássica. In: I Simpósio sobre Nutrição de Plantas Cultivadas na Região do Cerrado, 2016, Goiânia. Anais do I Simpósio sobre Nutrição de Plantas Cultivadas na Região do Cerrado, 2016.

4.
ALVES, A. R. ; FLORES, R. A. ; CASAROLI, Derblai ; GUIMARAES, A. E. X. ; SILVA, N. M. ; SILVA, H. A. ; ALVES JUNIOR, J. ; QUIRINO, D. T. . Desenvolvimento inicial da soqueira de cana-de-açúcar em função da adubação potássica cultivada na região do Cerrado Goiano. In: I Simpósio sobre Nutrição de Plantas Cultivadas na Região do Cerrado, 2016, Goiânia. Anais do I Simpósio sobre Nutrição de Plantas Cultivadas na Região do Cerrado, 2016.

5.
SILVA, N. M. ; FLORES, R. A. ; CASAROLI, Derblai ; QUIRINO, D. T. ; SILVA, H. A. ; ALVES, A. R. ; GUIMARAES, A. E. X. ; MESQUITA, M. . - Índice relativo de clorofila em cana-soca em função da adubação potássica. In: I Simpósio sobre Nutrição de Plantas Cultivadas na Região do Cerrado, 2016, Goiânia. Anais do I Simpósio sobre Nutrição de Plantas Cultivadas na Região do Cerrado, 2016.

6.
PAIXAO, M. R. R. ; QUIRINO, D. T. ; ALVES JUNIOR, J. ; EVANGELISTA, A. W. P. ; CASAROLI, Derblai . Resposta da cana-de-açúcar às variáveis climáticas e ao balanço de água no solo. In: 13º CONPEEX Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão, 2016, Goiânia. ANAIS DO XIII CONPEEX, 2016.

7.
SANTOS, B. M. ; CASAROLI, Derblai ; QUIRINO, D. T. ; ALVES JUNIOR, J. ; EVANGELISTA, A. W. P. . Correlação entre a produtividade e a temperatura foliar da cana-de-açúcar utilizando imagens de satélite. In: CONPEEX, 2015, Goiânia. Anais do Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão- CONPEEX (2015), 2015.

Apresentações de Trabalho
1.
QUIRINO, D. T.; CASAROLI, Derblai ; SANTOS, B. M. ; CAETANO, J.M. ; REZENDE, A. K. G. ; RODRIGUES, L. A. ; PAIXAO, M. R. R. . Avaliação da influência da temperatura do dossel no crescimento, desenvolvimento e produtividade estimada por satélite na cultura de cana-de-açúcar. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
QUIRINO, D. T.; ALVES JUNIOR, J. ; CASAROLI, Derblai ; SOUZA, J. M. F. ; MESQUITA, M. ; EVANGELISTA, A. W. P. . Balanço hídrico climatológico da cultura da cana-de-açúcar via sensoriamento remoto em Santo Antônio de Goiás-Go. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
QUIRINO, D. T.; CLEMENTINO, N. F. ; CASAROLI, Derblai . Análise exploratória-espacial do município de Santo Antônio de Goiás - Go. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

4.
QUIRINO, D. T.; PAULA NETO, H. M. ; OLIVEIRA, R. A. J. ; SILVA, M. C. . Estimativa de precipitação por sensoriamento remoto. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
QUIRINO, D. T.; PAULA NETO, H. M. ; OLIVEIRA, R. A. J. . Estimativa de precipitação do satélite TRMM (algoritmo 3B42 V7) sobre o estado de Goiás. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

6.
QUIRINO, D. T.; SALES, L. F. P. ; SILVA, O. F. . Aplicação do sensoriamento remoto para analise temporal em agricultura irrigadas por pivo central no municipio de Cristalina-GO. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
GRIEBELER, N. P.; HEINEMANN, A. B.; QUIRINO, D. T.. Participação em banca de Brunna Emily Santos Silva.Tendência e projeção da temperatura do ar para o estado de Goiás. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Goiás.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Palestra de Previsão de safra e suas aplicações na formulação da política de preço mínimo. 2016. (Outra).

2.
XI CONPEEX. 2014. (Congresso).

3.
SIMPOSIO BRASILEIRO DE RECURSOS HIDRICOS.Avaliação das estimativas de precipitação do satélite TRMM (algoritmo 3B42 V7) sobre o estado de Goiás. 2013. (Simpósio).

4.
SIMPOSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO.Estimativa de Precipitação por Sensoriamento Remoto. 2013. (Simpósio).

5.
SIMPOSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO.Aplicação do sensoriamento remoto para analise temporal em agricultura irrigadas por pivo central no municipio de Cristalina-GO. 2011. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
QUIRINO, D. T.. I Simpósio sobre Nutrição de Plantas Cultivadas na Região do Cerrado. 2016. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 22/01/2019 às 16:57:18