Giovane Carreira Improta

Bolsista de Mestrado do CNPq

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6843850532407896
  • Última atualização do currículo em 14/12/2018


Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo (2018). Tem experiência na área de Fisiologia, com ênfase em Fisiologia Geral, atuando principalmente nos seguintes temas: fotoperiodismo, ritmos biológicos, cronobiologia. Atualmente é aluno de Mestrado em Ciências (Fisiologia Geral), desenvolvendo um projeto na área de Cronobiologia, sob orientação da profª Gisele Akemi Oda. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Giovane Carreira Improta
Nome em citações bibliográficas
IMPROTA, G. C.


Formação acadêmica/titulação


2018
Mestrado em andamento em Ciências (Fisiologia Geral).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Sincronização por fotoperíodos naturais e artificiais, de verão e de inverno, em roedores subterrâneos (Ctenomys aff. knighti).,Orientador: Gisele Akemi Oda.
Coorientador: Verónica Sandra Valentinuzzi.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: ritmos biológicos; fotoperiodismo; roedores subterrâneos.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.
2012 - 2018
Graduação em Ciências Biológicas.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2009 - 2011
Ensino Médio (2º grau).
Colégio Singular - Unidade São Caetano, SINGULARSCS, Brasil.




Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 6
Outras informações
Monitoria voluntária na disciplina BIF0304 - "Fisiologia, Animais e Ambientes"



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Sincronização por fotoperíodos naturais e artificiais, de verão e de inverno, em roedores subterrâneos (Ctenomys aff. knighti).
Descrição: Ritmos biológicos com períodos de 24h e de 365 dias são sincronizados por ciclos ambientais terrestres, como os de claro/escuro diário e de variação fotoperiódica (razão entre duração dia/noite) anual, respectivamente. Pouco se sabe sobre a existência de ritmicidade anual e de fotoperiodismo em organismos que vivem em ambientes fóticos extremos, como cavernas, túneis subterrâneos e regiões abissais. Nosso grupo tem realizado estudo cronobiológico em uma espécie de roedor subterrâneo endêmico da América do Sul (Ctenomys aff. knighti) conhecido como tuco-tuco. Eles apresentam ritmos diários de atividade locomotora e de temperatura corporal, sendo esses ritmos sincronizados por ciclos de claro/escuro, tanto em campo como em laboratório. Trabalhos preliminares do nosso grupo indicavam a existência de sazonalidade nos padrões diários dos ritmos de atividade em registros realizados em arenas semi-naturais, esses padrões foram verificados em minha iniciação científica e os dados sugerem que os animais apresentam diferentes durações de atividade entre o verão e o inverno, assim como uma diferença significativa no ressincronização subsequente à. O objetivo deste projeto é verificar os padrões de sincronização diária da atividade dos tuco-tucos sob diferentes fotoperíodos artificiais, em laboratório, além de caracterizar os pós-efeitos da sincronização natural em indivíduos capturados nas condições fotoperiódicas naturais de verão e de inverno..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Giovane Carreira Improta - Integrante / Gisele Akemi Oda - Coordenador / Verónica Sandra Valentinuzzi - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2017 - 2017
Estudo do fotoperiodismo em roedores subterrâneos (Ctenomys aff. knighti).
Descrição: Ritmos biológicos com períodos de 24h e de 365 dias são sincronizados por ciclos ambientais terrestres, como os de claro/escuro diário e de variação fotoperiódica (razão entre duração dia/noite) anual, respectivamente. Pouco se sabe sobre a existência de ritmicidade anual e de fotoperiodismo em organismos que vivem em ambientes fóticos extremos, como cavernas, túneis subterrâneos e regiões abissais. Nosso grupo tem realizado estudo cronobiológico em uma espécie de roedor subterrâneo endêmico da América do Sul (Ctenomys aff. knighti) conhecido como tuco-tuco. Eles apresentam ritmos diários de atividade locomotora e de temperatura corporal, sendo esses ritmos sincronizados por ciclos de claro/escuro, tanto em campo como em laboratório. Trabalhos preliminares de nosso grupo têm indicado a existência de sazonalidade nos padrões diários dos ritmos de atividade, em registros realizados em arenas semi-naturais. O objetivo deste projeto é verificar os padrões de sincronização diária da atividade dos tuco-tucos sob diferentes fotoperíodos artificiais, em laboratório, além de caracterizar os pós-efeitos da sincronização natural em indivíduos capturados nas condições fotoperiódicas de verão e de inverno..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Giovane Carreira Improta - Integrante / Gisele Akemi Oda - Coordenador / Verónica Sandra Valentinuzzi - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.
2013 - 2014
Expressão da proteína RH5 de Plasmodium falciparum para subsequente seleção de aptâmeros por eletroforese capilar
Descrição: Na infecção por Plasmodium falciparum, o parasita promove modificações na superfície dos eritrócitos de seus hospedeiros a fim de sobreviver. Dentre essas modificações ocorre a inserção de proteínas que permitem a citoaderência ou a absorção de nutrientes. Acredita-se que essas proteínas integradas participam da proliferação e sobrevivência do parasita dentro do eritrócito. Com base nesse pressuposto, propomos desenvolver aptâmeros, que são oligonucleotídeos identificados a partir de seleção in vitro, denominada SELEX, com alta afinidade e especificidade de ligação a proteínas secretadas pelo parasita para superfície do eritrócito. Escolhemos como alvo a proteína PfRH5 (P. falciparum reticulocyte binding like), que se mostrou ser essencial para crescimento celular em todas as cepas de P. falciparum, e portanto foi escolhido como candidata para desenvolvimento de vacina. Os passos desenvolvidos ao longo deste projeto serão a expressão e purificação da proteína recombinante seguido da padronização da eletroforese capilar (EC) para seleção de aptâmeros, seguido de dois ciclos de seleção in vitro e fracionamento de complexos aptâmeros- PfRH5 por EC. A confirmação da afinidade dos aptâmeros selecionados serve como prova de principio para desenvolvimento de aptâmeros contra proteínas de Plasmodium falciparum por EC. Este projeto é parte de uma rede colaborativa envolvendo cientistas brasileiros e alemães financiado pelas agências de fomento FAPESP e BMBF (Alemanha)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Giovane Carreira Improta - Integrante / Alexander Henning Ulrich - Coordenador / Carsten Wrenger - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Fisiologia / Subárea: Fisiologia Geral.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Resumos publicados em anais de congressos
1.
IMPROTA, G. C.; Valentinuzzi, V. S. ; ODA, G. A. . Padrões de sincronização da atividade em roda, sob diferentes fotoperíodos, em um roedor subterrâneo (Ctenomys aff. knighti). In: XV Simpósio Brasileiro de Cronobiologia, 2018, Tijucas do Sul, PR. XV Simpósio Brasileiro de Cronobiologia - Livro de resumos, 2018. p. 27-27.

2.
IMPROTA, G. C.; Valentinuzzi, V. S. ; ODA, G. A. . Approaching photoperiodism in subterranean rodents (Ctenomys aff. knighti). In: Organism-environment interactions: timing, plasticity and metabolic adjustments, 2018, São Paulo. Organism-environment interactions: timing, plasticity and metabolic adjustments [Abstract book], 2018. p. 26-26.

Apresentações de Trabalho
1.
IMPROTA, G. C.; Valentinuzzi, V. S. ; ODA, G. A. . Padrões de sincronização da atividade em roda, sob diferentes fotoperíodos, em um roedor subterrâneo (Ctenomys aff. knighti). 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
IMPROTA, G. C.; Valentinuzzi, V. S. ; ODA, G. A. . Photoperiodism in tuco-tuco (Ctenomys aff. knighti), a subterranean rodent. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
IMPROTA, G. C.; Valentinuzzi, V. S. ; ODA, G. A. . Photoperiodism in tuco-tuco (Ctenomys aff. knighti), a subterranean rodent. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

4.
IMPROTA, G. C.; ODA, G. A. . PHOTOPERIODISM IN SUBTERRANEAN RODENTS (Ctenomys aff. knighti). 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Organism-environment interactions: timing, plasticity and metabolic adjustments.Approaching photoperiodism in subterranean rodents (Ctenomys aff. knighti). 2018. (Oficina).

2.
Organism-environment interactions: timing, plasticity and metabolic adjustments.Approaching photoperiodism in subterranean rodents (Ctenomys aff. knighti). 2018. (Oficina).

3.
25º SIICUSP IB-USP Stage.Photoperiodism in tuco-tuco (Ctenomys aff. knighti), a subterranean rodent. 2017. (Simpósio).

4.
25º SIICUSP Intenational Stage.Photoperiodism in tuco-tuco (Ctenomys aff. knighti), a subterranean rodent. 2017. (Simpósio).

5.
Exposição Acadêmica 20ª STBio - USP. PHOTOPERIODISM IN SUBTERRANEAN RODENTS (Ctenomys aff. knighti). 2017. (Exposição).

6.
Redes de Colaborações em Ciências Biológicas. 2016. (Oficina).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/02/2019 às 4:19:59