Sayonara de Amorim Goncalves Leal

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2262250933846288
  • Última atualização do currículo em 23/05/2018


Doutora em Sociologia pela Universidade de Brasília (2007). Fez pós doutoramento no Centro de Sociologia da Inovação na École des Mines de Paris (2013/2014). Mestrado em Mudança Social - Université de Lille I (2005); mestrado em Comunicação e Cultura pela Universidade de Brasília (2001). Graduada em Jornalismo pela Universidade Federal de Sergipe (1997). Professora adjunta do Departamento de Sociologia da UnB. Atua nas linhas de pesquisa Educação, Ciência e Tecnologia e Política, Valores e Sociedade. No que concerne à área de Educação, se interessa pelas inovações na prática de ensino de sociologia em escolas do Distrito Federal e formação instrucional e saberes docentes no curso de Licenciatura em Ciências Sociais. Em se tratando da área de C&T, atua na interface entre sociologia política e sociologia da tecnologia e da inovação, atuando em pesquisas sobre os impactos das tecnologias com orientação sociológica e observando a posição ética e regimes críticos e de moralidade envolvidos na construção e usos de tecnologias e, investigações sobre as conseqüências de tecnologias para a vida social a partir de métodos empíricos sobre aceitação, resistências e adaptação social a uma determinada inovação técnica. Os temas de interesse são: a participação de tecnologias da informação e da comunicação em processos da vida social e em regimes de praxiologia comunicativa, regimes de capacidades de atores sociais em disputas e controvérsias tecnocientíficas, novos formatos de participação pública em tempos de "democracia digital" (usos e construção de mídias sociais, aplicativos, plataformas tecnológicas). Membro do Grupo de Trabalho" Ciência e Sociedade" da CLACSO e do Laboratório de Antropologia da Ciência e da Tecnologia da UnB. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Sayonara de Amorim Goncalves Leal
Nome em citações bibliográficas
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal


Formação acadêmica/titulação


2003 - 2007
Doutorado em Sociologia.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
com período sanduíche em Université des Sciences et Technologies de Lille (Orientador: Hervé Glevarec).
Título: Rádio Comunitária, espaço público e democracia: estudos de casos na França e no Brasil, Ano de obtenção: 2007.
Orientador: Maria Francisca Pinheiro Coelho.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: espaço público; radios comunitarias; reconhecimento; direitos fundamentais; Cidadania; democracia.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação.
2004 - 2005
Mestrado em Mudança Social.
Université de Lille I, LILLE I, França.
Título: Les radios associatives en France: des espaces publics d'expression et de reconnaissance des différences socioculturelles?,Ano de Obtenção: 2005.
Orientador: Hervé Glevarec.
Palavras-chave: rádios associativas; reconhecimento; espaço público.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.
1999 - 2001
Mestrado em Comunicação.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: OS MECANISMOS DE CONTROLE-PÚBLICO/SOCIAL PRESENTES NO REGULAMENTO DO SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL:,Ano de Obtenção: 2003.
Orientador: Lavina Madeira Ribeiro.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: controle público, espaço público, Anatel.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.
1992 - 1997
Graduação em Jornalismo.
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
Título: Os movimentos pela quebra do monopólio estatal do Sistema de Telecomunicações no Brasil: dos anos 80 à Lei Geral de Telecomunicações.
Orientador: César Ricardo Siqueira Bolaño.


Pós-doutorado


2013 - 2014
Pós-Doutorado.
Centre de Sociologie de l'Innovation, CSI, França.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia da Inovação.


Atuação Profissional



Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Bolsista de Especialista, Enquadramento Funcional: pesquisador


Comunidade Ativa - Comunidade Solidária, CS, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2003
Vínculo: consultor da UNESCO, Enquadramento Funcional: Coordenadora de rede de comunicadores locais, Carga horária: 40

Atividades

07/2002 - 04/2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Casa Civil, .

Cargo ou função
Coordenadora da rede de comunicadores locais.

Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Tutora do Programa de Educação Tutorial, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2008 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Adjunta, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplinas ministradas no curso de ciências sociais: Estrutura de Classes e Estratificação social Sociologia Aplicada à Administração Grupo de Pesquisa LEGEN - Laboratório de Estudos em Genômica (SOL-UnB)

Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Bolsista da Fundação Ford
Outras informações
Atividades de ensino e pesquisa na área de políticas de Comunicação e novas tecnologias da infomação e da comunicação.

Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: professor substituto, Enquadramento Funcional: Professora substituta, Carga horária: 40

Atividades

08/2008 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Sociologia UnB, .

8/2008 - Atual
Ensino, Sociologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Metodologia das Ciências Sociais
Sociologia Aplicada à Administração
Estrutura de Classes e Estratificação Social
04/2006 - 02/2007
Ensino, Jornalismo, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à comunicação
Métodos e Técnicas de Pesquisa em Comunicação
Politicas de comunicacao
Teorias da Comunicação

Centro Universitário de Brasília, UniCEUB, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2008
Vínculo: Professor licenciado, Enquadramento Funcional: Professor licenciado, Carga horária: 0
Outras informações
Licenciada para doutorado

Vínculo institucional

1999 - 2004
Vínculo: professor horista, Enquadramento Funcional: pofessor contratado horista
Outras informações
Ministrei a disciplina Direitos Humanos e a Comunicação no Curso de Pós-Graduação em Direitos Humanos do Departamento de Direito do Uniceub. Carga horária de 20 horas, no total.

Atividades

08/1999 - 08/2008
Ensino, Jornalismo, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Jornalismo Contemporâneo
Pesquisa em Jornalismo
Sociologia da Comunicação
Teorias da Comunicação
Teorias do Jornalismo
05/2006 - 05/2006
Ensino, Direitos humanos, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Direitos humanos e a Comunicação

Ministério da Justiça, MJ, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Consultora assuntos academicos, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 20
Outras informações
Consultoria para assuntos academicos

Atividades

12/2005 - 8/2006
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Justiça, Classificação, Títulos e Qualificação, .

Linhas de pesquisa
Políticas de Comunicação

Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Professor assistente, Enquadramento Funcional: professor assistente de curso de formação
Outras informações
Atuei como professora assistente da professora Maria Francisca Coelho na disciplina Estado Contemporâneo e suas transformações, no Curso de Formação para a carreira de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental e para o Cargo de Analista de Planejamento e Orçamento.

Atividades

02/2007 - 02/2007
Ensino, Formação de Gestores Públicos, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Estado Contemporâneo e suas Transformações

Instituto de Ensino Superior de Brasília, IESB, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 0
Outras informações
Professora do Curso de especialização Assessoria de Imprensa e Comunicação Pública, carga horária de 16 horas, disciplina ministrada: Comunicação e Direitos Humanos

Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Professor contratado, Enquadramento Funcional: professor

Atividades

10/2005 - 12/2005
Ensino, Especialização em AI e Comunicação Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Comunicação e Direitos Humanos

Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 1997
Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Projeto de pesquisa: Economia das tecnologias de informação e da comunicação

Vínculo institucional

1994 - 1996
Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Projeto de pesquisa Observatório de Comunicação

Atividades

08/1996 - 12/1997
Extensão universitária , Centro de Educação de Ciências Humanas, Departamento de Letras.

Atividade de extensão realizada
Pesquisa de iniciação científica.

Associação Nacional de Entidades Promotoras de Tecnologias Avançadas, ANPROTEC, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2002
Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: assessora de comunicação, Carga horária: 20


Consejo Latino-Americano de Ciencias Sociales - Argentina, CLACSO, Argentina.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: pesquisador, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 0
Outras informações
Participação no Grupo de Trabalho da Clacso Ciencia y sociedad: los usos sociales del conocimiento en América Latina y la inclusión social



Linhas de pesquisa


1.
Política, Valores e Sociedade

Objetivo: Investiga as relações entre a cultura política, os valores sociais, as instituições e atores políticos visando compreender os padrões de legitimação das decisões políticas na sociedade..
Grande área: Ciências Humanas
Palavras-chave: Política, Estado, democracia, cidadania.
2.
Ciência, Tecnologia e Sociedade

Objetivo: A linha de pesquisa ?Educação, Ciência e Tecnologia? analisa as novas tendências nas políticas educacionais e de ciência, tecnologia, inovação como também acompanha e avalia políticas e programas sociais e suas relações com o processo de desenvolvimento nacional. Também investiga as condições e as novas práticas de produção do conhecimento científico e tecnológico, a partir do contexto da globalização e da democratização da sociedade, buscando avaliar seus impactos na sociedade brasileira no sentido da maior aplicabilidade, interdisciplinaridade e responsabilidade social do conhecimento. Discute a participação de diferentes atores sociais na elaboração das políticas: o Estado, o setor produtivo e a comunidade científica. Entre as questões educacionais emergentes, aborda-se a diversificação do ensino superior, a avaliação institucional e a formação de quadros profissionais e científicos. A linha envolve tanto estudos de aspectos teóricos sobre desenvolvimento , educação , ciência, tecnologia , inovação, como análise de suas diferentes políticas e práticas..
Grande área: Ciências Humanas
Palavras-chave: Sociologia, ciência, tecnologias.
3.
Políticas de Comunicação


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Formas da crítica em controvérsias socioambientais e tecnocientíficas: entre justiça cognitiva e dispositivos de repação no caso do deslocamento do lixo da Estrutural para o aterro sanitário da Samambaia
Descrição: O presente projeto de pesquisa está circunstanciado no debate acerca das controvérsias que engendram concepção e implementação de projetos tecnológicas da envergadura do Aterro Sanitário Oeste, na cidade de Samambaia, no Distrito Federal, como solução para a política de tratamento de resíduos sólidos no caso do DF. Interessa-nos as dimensões ética e moral que interpelam o tratamento de problemas públicos gerados pela presença do lixo no espaço citadino, como falta de saneamento, infra-estrutura, estigmatizações, preconceitos, racismo ambiental e outras injustiças sociais experienciadas pelas populações concernidas. Temos também como foco a situação específica dos catadores de resíduos sólidos, agentes fundamentais da coleta seletiva no Distrito Federal, em relação a desativação do Lixão, uma vez que estas pessoas tiram boa parte de seu sustento material do trabalho ?sujo? realizado nesse lugar. Intencionamos entender a fenomenologia de ser catador e suas percepções acerca da desativação do Lixão da Estrutural em momento crítico de incertezas e inseguranças sobre sua subsistência. O estudo proposto abarca as implicações do deslocamento do lixo da área pública da cidade da Estrutural para o Aterro Sanitário, na Samambaia, em curso, levando em consideração a produção de sentidos, discursos e conhecimentos gerados a partir do debate público instaurado entre esfera governamental (política e tecnoburocrática), mídia e esfera civil (populações da Estrutural e da Samambaia) sobre as consequências para a vida social (trabalho, sociabilidades, risco e incertezas) das cidades envolvidas diretamente nesse processo. Contemplaremos as avaliações positivas ou negativas que cidadãos inseridos em um quadro específico de problemas sociais explicitam sobre propósitos de justiça social, justiça ambiental objetivados em iniciativas de saúde pública, proteção do meio ambiente e repação de danos materiais e morais voltadas para esses atores. Interrogamo-nos sobre o que os cidadãos e cidadãs, concernidos (as) no processo sociotécnico de construção e implementação do projeto tecnológico Aterro Sanitário da Samambaia, designam como justo e injusto em suas críticas sobre a forma como são concebidas as políticas e as tecnologias para atender suas necessidades existenciais. Neste sentido, nos apoiaremos em dados de pesquisa sobre experiências políticas, cognitivas e morais na vivência de problemas públicos causados pelo trinômio, lixo, pobreza e injustiças sociais. A categoria de controvérsia é relevante em nosso trabalho por apontar para uma dinâmica de produção de conhecimentos que se dá a partir de registros transepistêmicos. Assim, pretendemos a partir dos paradoxos que envolvem um problema socioambiental, o lixão da Estrutural e uma política de tratamento de resíduos sólidos, a ativação do Aterro Sanitário da Samambaia, discutir as formas críticas (BOLTANSKI; CHIAPELLO, 2009) acerca do deslocamento do lixo de um lugar para o outro, evocando três recortes distintos: 1) a controvérsia na qual está sediada a construção e implantação do aterro sanitário enquanto projeto tecnológico que incorpora diferentes interesses e lógicas de ação, destacando as expressão epistêmicas (justificativas) que tomaram parte da concepção do projeto a partir da noção de um certo bem comum; 2) os espaços associativos e comunitários atuantes no debate público acerca do deslocamneto do lixo da Estrutural para Samambaia, atentando para os dispositivos de reparação engendrados entre Estado e cidadãos para cumprimento de um programa de justiça social; 3) a circulação de rumores e incertezas expressos na comunicação de sentimentos morais por moradores da Samambaia e Estrutural acerca das consequencias da política de tratamento de resíduos sólidos que afeta as duas populações..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Coordenador / Ludmila Condé - Integrante / Lucas Aroucha - Integrante / Lucas Dias - Integrante.
2016 - Atual
Registros normativos em torno dos usos do dispositivo de inclusão digital Brasil 4D: experiências morais e cognitivas de usuários do Programa Bolsa Família no Distrito Federal
Descrição: O projeto de pesquisa deriva de resultados obtidos no quadro do projeto Interatividade cívica via TV digital como instrumento de justiça social: conexões entre políticas de inclusão digital e concepções e usos de aplicativos de benefícios sociais na experiência Brasil 4D no Distrito Federal, contemplado pelo Edital PROIC/UnB de 2015, ainda em fase de desenvolvimento. Propomos, assim, como desdobramento dessa investigação um trabalho que contemple registros normativos, ou seja, avaliações positivas ou negativas que cidadãos inseridos em um quadro específico de problemas sociais explicitam sobre propósitos de justiça social objetivados em iniciativas de inclusão digital voltadas esses atores. A noção de registros normativos adotada aqui se refere ao conceito de ?repertório normativo? de Dodier e Barbot (2014; 2015), quando os autores tratam da competência cognitiva de indivíduos ordinários capazes de realizar trabalhos normativos a partir de mediações pelas quais dispositivos e humanos interagem. A partir dessa formulação, interrogamo-nos sobre o que os usuários, concernidos no processo sociotécnico de construção de tecnologias, designam como justo e injusto em suas críticas sobre a forma como são concebidas as tecnologias para atender suas necessidades existenciais. Neste sentido, apoiamonos em dados de pesquisa sobre usos e experiências cognitivas e morais com aplicativos de benefícios sociais feitos por populações atendidas pelo Programa Bolsa Família, no Distrito Federal, no quadro do Brasil 4D. Trata-se de um ?aplicativo-base? que funciona no ambiente da TV digital brasileira e gera serviços de informação sobre empregos, saúde, direitos sociais, previdência para famílias beneficiadas pelo Programa. A partir de observações participantes e entrevistas estruturadas com usuários do Brasil 4D, pretendemos discutir, apoiados nas abordagens da sociologia da inovação e da sociologia pragmática e da crítica, no primeiro momento, os modos diferenciados de expressões críticas sobre o acesso às benesses da chamada sociedade da informação, tendo como referência empírica um dispositivo de inclusão digital. Em seguida, essa articulação teórica permite tratar a relação entre interatividade, cidadania tecnológica crítica e justiça social a partir do acesso ao aplicativo perpassada por interações e tensões entre sua invenção e seus usos, os quais resignificam sua concepção e finalidade diante das competências críticas de seus usuários..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2016 - Atual
Produção do conhecimento e estratégias de resistência na América Latina contemporânea
Descrição: Para o período 2016/2018 das atividades do PET/SOL buscar-se-á contemplar discussões que contribuam para a formação acadêmica e cidadã dos alunos tendo como foco o eixo temático ?Produção do conhecimento e estratégias de resistência na América Latina contemporânea? em uma perspectiva interdisciplinar. Em específico, tal eixo focalizará em questões teóricas que se desdobrarão nos tópicos: 1- Dispositivos de resistência 2- Identidades e constituição do espaço latinoamericano 3- Politicas de reconhecimento e visibilidades 4- Intervenções, ocupações e ativismos 5? Educação e resistência 6 ? Novos formatos de participação democrática na América Latina 7 ? Relação entre mídia, política e poder na AL 8 ? Conhecimento como processo de descolonização do pensamento Tais tópicos em conjunto abarcarão as dimensões indissociáveis exigidas para um andamento promissor das atividades do PET/SOL, a saber, ensino pesquisa e extensão. No caso do ensino, seminários serão realizados pelos alunos/alunas no sentido de propiciar aos e às discentes um ambiente de exposição e compartilhamento de conteúdos apreendidos e organizados em forma de apresentação, com a respectiva discussão crítica por parte de todo o grupo. No caso da pesquisa, pretende-se um programa que tenha como foco mecanismos de resistência produzidos por grupos sociais confrontados com o acirramento dos efeitos das políticas macroeconômicas de cunho neoliberal na América Latina, nos últimos cinco anos, com especial atenção aqueles surgidos no Brasil, entre 2013 e 2016, os quais ganham relevância no quadro de polarização direita/esquerda que assistimos hoje no país. Interessa-nos fazer um mapeamento de manifestações de resistência pública pautadas na crítica ao capitalismo financeiro contemporâneo, ao ataque aos direitos humanos e preservação das garantias democráticas institucionalizadas pela Constituição brasileira, no âmbito tanto da sociedade civil (não mercado) como dentro do Parlamento nacional, Câmara e Senado. Focar-se-á o ativismo de grupos de protesto (movimentos sociais, associações), em suas formas de pensar, que emergem da indignação e sentimentos morais de repúdio às variantes do chamado pensamento conservador, cujas formas de articulação e expressão se encontram predominantemente nas redes sociais da Internet, nas mídias sociais, e na produção intelectual oriunda da esfera acadêmica. Trata-se de uma cartografia de conhecimentos e seus vínculos epistêmicos cirscunstanciados no âmbito dos paradoxos da jovem democracia latinoamericana. No caso da extensão, o objetivo é construir oficinas que visem ao fornecimento de informações sobre a relação entre produção de conhecimento e estratégias de resistência na América Latina, discutindo como pensamento, discurso e ação são informados pelas perspectivas intelectuais que forjamos coletivamente cotidianamente em interações e trocas intersubjetivas em diferentes espaços epistêmicos (nas redes sociais, na esfera pública, nos espaços escolares, acadêmicos). Estas oficinas prepararão os estudantes para organizar um Observatório de resistências cidadãs pautados na linguagem dos direitos, na América Latina e no Brasil, entre 2011 e 2016. Objetiva-se assim, ao fim do processo, a criação de um Observatório-piloto envolvendo os estudantes e a sociedade civil para a discussão de um tema controverso envolvendo cidadania e direitos fundamentais. Dessa experiência, pretende-se elaborar um relatório-síntese com o resultado do Observatório..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (12) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Coordenador / Alane Beatriz da Nóbrega Martins - Integrante / Antônio Barboni - Integrante / Lucas Aroucha - Integrante / Larissa Vieira - Integrante / Danilo Farias - Integrante / Renata Queiroz - Integrante / Edilene Macedo - Integrante / Sofia Tochetto - Integrante / Júlia Gasparetto Azevedo - Integrante / Emerson Rocha - Integrante / Cesar Aspiazu - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
2015 - Atual
Interatividade cívica via TV digital como instrumento de justiça social: conexões entre políticas de inclusão digital e concepções e usos de aplicativos de benefícios sociais na experiência Brasil 4D, no Distrito Federal
Descrição: O Projeto de Pesquisa Interatividade cívica via TV digital como instrumento de justiça social: conexões entre políticas de inclusão digital e concepções e usos de aplicativos de benefícios sociais na experiência Brasil 4D no Distrito Federal tem como proposta discutir a participação de aplicativos sociais como dispositivos sócio-técnicos em processos da vida social tais como sociabilidades, gestão racional de atividades cotidianas, como também no âmbito do governo eletrônico, como forma contemporânea dos indivíduos se relacionarem com humanos e não-humanos (LATOUR, AKRICH, CALLON, 2006)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Coordenador / Ludmila Condé - Integrante / Heitor Zanini - Integrante / Alane Beatriz da Nóbrega Martins - Integrante.
2011 - 2013
Novos rumos para o Ensino de Sociologia nos Ensinos básico e médio: qualificação e inovação
Descrição: Este projeto dialoga com os propósitos do EDITAL PRODOCÊNCIA 028/2010, da Capes, sob orientação do Decanato de Ensino de Graduação. O objeto do Edital é a seleção de projetos institucionais que visem a contribuir para a elevação da qualidade dos cursos de licenciatura, na perspectiva de valorizar a formação e a relevância social dos profissionais do magistério. Cientes desse objetivo central do Edital e em função da reestruturação do curso de Licenciatura em Ciências Sociais da Universidade de Brasília, nossa proposta de projeto contempla uma experiência piloto a respeito do mapeamento dos recursos pedagógicos e atores envolvidos no processo de formação dos alunos, futuros professores dos ensinos básico e médio. Nesse sentido, propomos quatro ações: 1) identificação dos recursos pedagógicos colocados em prática pelos estudantes nas escolas onde fazem seus estágios de prática docente em Sociologia; 2) mapeamento de perfis desses estudantes; acompanhamento da avaliação feita pelos estudantes acerca da adequação dos instrumentos pedagógicos e conteúdos assimilados na universidade à realidade dos contextos escolares onde realizam seus estágios; 3) identificação das necessidades curriculares e conteudísticas para orientação da prática docente dos licenciandos e 4) proposição de um manual de Introdução à Sociologia afeito às necessidades da ponta, ou seja, dos estudantes dos ensinos básico e médio. É nosso propósito também analisar o grau de integração e inserção dos nossos licenciandos nos contextos escolares onde atuam, com o intuito de estimular uma maior aproximação entre universidade e escola, inclusive para a própria dinâmica da adequação dos recursos humanos e didáticos às necessidades cambiantes dos alunos, como adoção de tecnologias da informação e da comunicação na transmissão de conhecimentos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (11) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Coordenador / Tauvana Young - Integrante / Lygia Bitencourt - Integrante / Vanessa Jansen dos Santos - Integrante / Wevertton Felipe Brasil de Oliveira - Integrante / Ana Carolina Laureano Brandão - Integrante / Maria Laura Correa Brochado - Integrante / Vinícius Corbucci Campos - Integrante / Gabriela Cunha dos Santos - Integrante / Ana Cecília Dias Ferreira - Integrante / Fernanda Menezes Raposo - Integrante / SAMUEL ARAÚJO ALVES DOS SANTOS - Integrante / GUILHERME AUGUSTO FERREIRA BORGES - Integrante / Kendy Neris - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
2010 - 2011
Avaliação sócio-cognitiva da Formação GESAC de monitores para a inclusão digital no Brasil: desafios e perspectivas
Descrição: ? Coordeno o projeto Avaliação sócio-cognitiva da Formação GESAC de monitores para a inclusão digital no Brasil: desafios e perspectivas, como bolsista visitante do CNPq e financiamento do Ministério das Comunicações. A equipe é formada por oito pesquisadores em níveis de graduação e pós-graduação (incompletas). Este trabalho tem como objetivo avaliar a formação dos monitores de pontos GESAC (telecentros) dentro dos propósitos do projeto de inclusão digital do Ministério das Comunicações, com ênfase na dimensão sócio-cognitiva da formação durante o período do treinamento, assim como os impactos desse programa instrucional nas comunidades locais atendidas pelos telecentros do GESAC. Estão sendo analisadas as bases para a consolidação de uma política pública de Ciência e Tecnologia, que inclua o cidadão na chamada sociedade informacional, a partir não somente do acesso aos recursos materiais como o computador conectado à Internet, mas também à formação para estimular a capacidade cognitiva do cidadão usuário do ponto GESAC em lidar com novas ferramentas e linguagens próprias às TIC´s. As técnicas utilizadas são: análise documental, questionários eletrônicos, entrevistas semi-estruturadas e grupos focais. Palavras-Chave: TIC; inclusão digital; política pública; pontos Gesac..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Coordenador / ROOS, Carine - Integrante / BRANT, Sandra - Integrante / LORENZO, Tiago - Integrante / GOMES, Margarida - Integrante / JUNIOR, Helvio - Integrante / HADDAD, Ludmila - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2
2009 - 2010
Citoyenneté scientifique internationale et médiatisation radiophonique. Le cas des vaccins à controverse : BCG, ROR, papillomavirus.
Descrição: Les controverses scientifiques ne sont pas toujours maîtrisées par le grand public. En général, les gens se renseignent sur des sujets scientifiques à partir des médias généralistes ou spécialisés. Or, le questionnement actuel autour du vaccin anti-tuberculose semble circonscrit aux milieux spécialisés. Cette situation est-elle due à une posture qui consiste à considérer le grand public comme inapte à comprendre ? Cela tient-il au fait que la mise en place d?une stratégie de communication claire est compromise ? Cette question de la vaccination qui est peu médiatisée -car spécialisée et controversée - doit également être envisagée sous l?angle des rapports Nord/Sud, puisque les vaccins sont conçus au Nord puis vendus ou offerts au Sud, ce qui implique des stratégies contradictoires et des enjeux et intérêts antinomiques entre les firmes pharmacologiques qui vendent le vaccin et les ONG qui organisent des campagnes de vaccination humanitaire par exemple. Pourtant, les enjeux sont de taille. Selon l?OMS , « on compte dans le monde une nouvelle infection par le bacille tuberculeux chaque seconde », et « un tiers de la population mondiale est actuellement infecté » . Nous souhaitons mettre en évidence le rôle joué par les médias ? et plus particulièrement le média radio - dans la diffusion et la discussion de thématiques scientifiques et technologiques dans les milieux sociaux. Il est également utile de s?interroger sur les modes d´intervention et les rapports entre les différents acteurs de la production et de la médiatisation du débat public sur la connaissance de controverses scientifiques : ainsi, le discours entendu sur une station à propos de la tuberculose est-il multiple, pluriel, unique ou calé sur le discours dominant ? Les interlocuteurs sont-ils diversifiés ? Quelle est la formation des producteurs radiophoniques et par quels moyens ont-ils accès aux sources ? Notre objectif sera de montrer si et comment les médias, et en particulier la radio, s?empar.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (3) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Integrante / THIERRY, Lefebvre - Coordenador / Cécile Voisset - Integrante / Nathalie Antiope - Integrante / Béatrice Donzelle - Integrante / Anne-Caroline Fiévet - Integrante / Hamidou Traore - Integrante / Inci Cinarli - Integrante / Sirin Dili - Integrante / Solange Razafimbelo-Bruyeron - Integrante / Graziella Mello Viana - Integrante / Elvina Fesneau - Integrante.Financiador(es): Centre National de la Recherche Scientifique - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2008 - 2009
JUVENTUDE E POLÍTICAS PÚBLICAS: cidade, espaços e equipamentos públicos de uso coletivo
Descrição: O projeto é financiado pela FAP-DF. A proposta deste projeto contempla o estudo da relação entre cidade, espaços e equipamentos públicos de uso coletivo, Juventude e políticas públicas para o enfrentamento do problema referentes aos riscos sociais que submetem populações urbanas a fenômenos como insegurança, violência e marginalidade, sobretudo nas camadas mais jovens. No estudo também contempla a relação entre jovens, apropriação de tecnologias da informação e uso social do espaço público dos telecentros espalhados pelas regiões administrativas do DF..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2009
Estudo comparado de modelos institucionais, processos de Convergência tecnológica e regulatória e políticas de comunicação eletrônica em quatro países: Esp
Descrição: desenvolvo estudos sobre regulação, democracia, novas tecnologias da informação e da comunicação e sociedade do conhecimento..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2008
Convergência das comunicações: as lógicas dos atores sociais nas mudanças da televisão brasileira
Descrição: Este projeto de pesquisa pretende analisar as práticas constituintes do cenário nacional de convergência entre televisão, telecomunicações e informática. A intenção é concatenar os distintos atores sociais envolvidos aos momentos de integração e oposição em relação ao Estado e ao Mercado. Estas relações serão observadas através de duas lógicas de ação: a) a disputa de forças na formulação de políticas públicas para o setor; e, b) a acomodação dos atores na vida social brasileira. OBJETIVO GERAL Desenvolver um modelo teórico-metodológico para analisar o cenário das comunicações através da estruturação dos atores sociais e das práticas que se estabelecem na comunicação de massa brasileira. OBJETIVOS ESPECÍFICOS a) Definir, categorizar e interpretar os diferentes atores sociais e suas lógicas de inserção no campo da televisão brasileira; b) identificar e esquematizar os processos de formação, estruturação e consolidação das novas tecnologias relacionadas ao serviço de televisão no País; c) observar se e como ocorrem episódios de ruptura ou esgotamento nas estruturas nacional e internacional de comunicação eletrônica; d) analisar minuciosamente a distribuição de propriedade e acesso às comunicações nas diferentes regiões do País; e, e) desenvolver um método de análise dos usos sociais das comunicações que compreenda as especificidades do contexto nacional..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Integrante / Suzy Santos - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1


Projetos de desenvolvimento


2000 - 2002
Desenvolvimento de mecanismos de divulgação do desempenho de incubadoras brasileiras
Descrição: Acompanhar a performance das empresas geridas em incubadoras no âmbito de universidades e parques tecnológicos e aquelas mantidas por entidades públicas e privadas; Destacar casos de sucesso de empresas de incubadoras; Acompanhar imprensa e literatura científica específica sobre inovações tecnológicas, ciência e tecnologia; Elaborar material de divulgação das ações da ANPROTEC e das Incubadoras e parques tecnológicos; Produzir jornais, revistas, livros..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos (DF) - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2


Outros Projetos


2016 - Atual
Projeto PET- Produção do conhecimento e estratégias de resistência na América Latina contemporânea
Descrição: No caso da pesquisa, pretende-se um programa que tenha como foco mecanismos de resistência produzidos por grupos sociais confrontados com o acirramento dos efeitos das políticas macroeconômicas de cunho neoliberal na América Latina, nos últimos cinco anos, com especial atenção aqueles surgidos no Brasil, entre 2013 e 2016, os quais ganham relevância no quadro de polarização direita/esquerda que assistimos hoje no país. Interessa-nos fazer um mapeamento de manifestações de resistência pública pautadas na crítica ao capitalismo financeiro contemporâneo, ao ataque aos direitos humanos e preservação das garantias democráticas institucionalizadas pela Constituição brasileira, no âmbito tanto da sociedade civil (não mercado) como dentro do Parlamento nacional, Câmara e Senado. Focar-se-á o ativismo de grupos de protesto (movimentos sociais, associações), em suas formas de pensar, que emergem da indignação e sentimentos morais de repúdio às variantes do chamado pensamento conservador, cujas formas de articulação e expressão se encontram predominantemente nas redes sociais da Internet, nas mídias sociais, e na produção intelectual oriunda da esfera acadêmica. Trata-se de uma cartografia de conhecimentos e seus vínculos epistêmicos cirscunstanciados no âmbito dos paradoxos da jovem democracia latinoamericana..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (13) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Sayonara de Amorim Goncalves Leal - Coordenador / Alane Beatriz da Nóbrega Martins - Integrante / Antônio Barboni - Integrante / Lucas Aroucha - Integrante / Larissa Vieira - Integrante / Danilo Farias - Integrante / Renata Queiroz - Integrante / Edilene Macedo - Integrante / Sofia Tochetto - Integrante / Júlia Gasparetto Azevedo - Integrante / Emerson Rocha - Integrante / Cesar Aspiazu - Integrante / Flávio Borges Faria - Integrante / Mariana Taccolini - Integrante / Andresa Pereira Sena - Integrante.
Cidadania científica, democracia técnica e controvérsias científicas em imunizações: os casos da vacina BCG contra tuberculose e da vacina contra a Influenza Pandêmica A (H1N1) no Brasil
Situação: Desativado; Natureza: Outra.


Membro de corpo editorial


2015 - Atual
Periódico: Emerald Studies in Media and Communication


Revisor de periódico


2008 - Atual
Periódico: Revista ECO-PÓS
2009 - Atual
Periódico: Sociedade e Estado (UnB. Impresso)
2011 - Atual
Periódico: REVISTA NUEVA ANTROPOLOGIA
2012 - Atual
Periódico: Pós - Revista Brasiliense de Pós-Graduação em Ciências Sociais
2011 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Políticas de Comunicação
2014 - 2014
Periódico: Eptic (UFS)
2014 - 2014
Periódico: Interseções (UERJ)
2014 - Atual
Periódico: Educacao e Realidade
2013 - Atual
Periódico: Educação & Sociedade (Impresso)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: Políticas de Comunicação.


Idiomas


Espanhol
Compreende RazoavelmenteLê Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


1998
Prêmio O Capital de melhor vídeo, Funcaju.
1998
lugar na categoria de Rádio e Televisão do Prêmio Intercom, Intercom.
1997
Primeiro lugar no Prêmio do IV EXPOCOM, Intercom.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
LEAL, S. A. G.2017LEAL, S. A. G.. Diversidade cultural e reconhecimento no quadro de políticas de comunicação e cultura no Brasil: desafios e perspectivas para concretização da Convenção da Unesco de 2005. Revista Política e Sociedade, v. 16, p. 94-131, 2017.

2.
LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES2017LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES. DISPOSITIVOS DE NORMATIZAÇÃO DO ENSINO DE SOCIOLOGIA NA ESCOLA: FORMAÇÃO E SABERES DOCENTES DE LICENCIANDOS EM CIÊNCIAS SOCIAIS NO DISTRITO FEDERAL. Educação & Sociedade (Impresso), v. 39, p. 1-25, 2017.

3.
FARIAS, Edson2017FARIAS, Edson ; Amorim, Sayonara Leal ; ALBORNOZ, LUÍS . Apresentação dossiê diversidade cultural e comunicação. POLÍTICA & SOCIEDADE (IMPRESSO), v. 16, p. 7-16, 2017.

4.
LEAL, S. A. G.2016LEAL, S. A. G.. Normas e reflexividade no lócus da produção do conhecimento Interfaces entre o social e o científico na pesquisa e no jornalismo. Sur le journalisme, v. 5, p. 64-77, 2016.

5.
LEAL, S. A. G.2015LEAL, S. A. G.. A TV digital interativa brasileira como ferramenta de política pública para inclusão digital: o middleware Ginga à provação da justiça social. Crítica y Emancipación, v. VII, p. 223-242, 2015.

6.
LEAL, SAYONARA2015LEAL, SAYONARA; YUNG, TAUVANA . Por uma sociologia do ensino de sociologia nas escolas: da finalidade atribuída à disciplina à experiência social do alunato. Estudos de caso no Distrito Federal. Sociedade e Estado (UnB. Impresso), v. 30, p. 773-796, 2015.

7.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2014LEAL, S. A. G.; VARGAS, Eduardo Raupp de . Entre associativismo e regimes de engamento: reflexões acerca do conceito de inovação social para pensar políticas públicas de inovação. Estudos de Sociologia, v. 19, p. 349-369-369, 2014.

8.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2013LEAL, S. A. G.; VIANNA, G. . Divulgação pública de controvérsias científicas: o caso da vacina BCG contra tuberculose no Brasil.. Controversias y Concurrencias Lationamericanas, v. 5, p. 67-96, 2013.

9.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2012LEAL, S. A. G.; BRANT, Sandra . Políticas de inclusão digital no Brasil: a experiência da formação dos monitores dos telecentros GESAC. Liinc em Revista, v. 8, p. 88-108, 2012.

10.
VARGAS, Eduardo Raupp de2011VARGAS, Eduardo Raupp de ; LEAL, S. A. G. . Démocratie technique et innovation dans les services: une analyse sociotechnique de la définition de la norme de la télévision numérique au Brésil. Economies et Sociétés (Paris), v. 1, p. 561-583, 2011.

11.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2011LEAL, S. A. G.; VARGAS, Eduardo Raupp de . Democracia técnica e lógicas de ação: uma análise sociotécnica da controvérsia em torno da definição do Sistema Brasileiro de Televisão Digital - SBTVD. Sociedade e Estado (UnB. Impresso), v. 26, p. 239-276, 2011.

12.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2009LEAL, S. A. G.. Diversidade cultural, cidadania e esfera pública: um olhar sobre as rádios comunitárias no Brasil. Eptic On-Line (UFS), v. XI, p. 1-17, 2009.

13.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2009LEAL, S. A. G.. Community radio broadcasting in Brazil: action rationales and public space. The Radio Journal: International Studies in Broadcast and Audio Media, v. 7, p. 155-170, 2009.

14.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2008LEAL, S. A. G.. Regard sur les radios communautaires au Brésil. MédiaMorphoses (Bry-sur-Marne), v. 23, p. 88-92, 2008.

15.
HAJE, L.2008HAJE, L. ; LEAL, S. A. G. ; PAULINO, F. . Políticas de comunicação e sociedade civil: movimentos pela democratização das Comunicações no Brasil em 2007-2008. Revista de Direito de Informática e Telecomunicações, v. 1, p. 121-140, 2008.

16.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2007LEAL, S. A. G.; RIBEIRO, L. M. . MÍDIAS ALTERNATIVAS E ESFERA PÚBLICA: democracia e reconhecimento nas rádios comunitárias na França e no Brasil. Estudos de Sociologia (São Paulo), v. 23, p. 65-96, 2007.

17.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2006LEAL, S. A. G.. Communication public policies for community radios in Brazil: Discrepancy between Rights and reality. Redes.com (Sevilla), v. 3, p. 275-289, 2006.

18.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2004LEAL, S. A. G.. O papel das agências reguladoras no Brasil: osparadoxos da atuação da agência nacional de telecomunicações - Anatel. Revista Universitas. Comunicação (UNICEUB), Brasìlia - DF, v. 2, p. 137-160, 2004.

19.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2002LEAL, S. A. G.; RIBEIRO, L. M. . A imaginação de um controle público a partir do regulamento do Setor de Telecomunicações no Brasil: a utilização dos aparatos regulatórios da Agência Nacional de Telecomunicações pelo usuário-cidadão. Revista de Economía Política de las Tecnologías de la Información y Comunicación, São Cristovão - SE, v. IV, p. 71-94, 2002.

20.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2000LEAL, S. A. G.. Algumas considerações sobre o modelo de regulação do mercado brasileiro de telecomunicações: os mecanismos de controle público presentes na regulamentação do setor e o papel da Agência Nacional de Telecomunicações - Anatel. Eptic On-Line (UFS), http://www.eptic.com.br, v. 2, p. 57-75, 2000.

21.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal1999LEAL, S. A. G.. O sistema de telecomunicações no Brasil: as alterações no modelo de monopólio público de Sarney a Fernando Henrique Cardoso.. Eptic On-Line (UFS), São Cristovão-SE, v. I, p. 70-89, 1999.

22.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal1998LEAL, S. A. G.. Canudos 100 anos de História: a trajetória de um vídeo experimental. Cadernos de História (UFU), Aracaju, v. V, 1998.

23.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal1997LEAL, S. A. G.. Telecomunicações no Brasil: o movimento em torno da quebra do monopólio nos anos 80 e 90. Cambiassú (São Luis), São Luís, v. VII, p. 86-101, 1997.

24.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal1996LEAL, S. A. G.. Sistema de Telecomunicações Brasileiras anos 80 aos 90: os movimentos em torno da quebra do monopólio estatal- O processo global das privatizações em escala mundia. Cadernos de Comunicação/Universidade Federal de Sergipe, Aracaju, p. 75-86, 1996.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
LEAL, S. A. G.. Rádios comunitárias no Brasil e na França: democracia e esfera pública. 1. ed. Aracaju: Editora UFS, 2008. v. 1. 436p .

2.
LEAL, S. A. G.; PIRES, S. (Org.) ; MIRANDA, Erika (Org.) . Empresas de sucesso criadas em incubadoras. 1. ed. Brasília: ANPROTEC, 2006. 174p .

3.
LEAL, S. A. G.; PIRES, S. (Org.) ; NERI, Carlos (Org.) . As incubadoras de empresas pelos seus gerentes. 1. ed. Brasília: ANPROTEC, 2006. 154p .

4.
Chagas, C.M.F. (Org.) ; Romão, J. E. E. (Org.) ; LEAL, S. A. G. (Org.) . Classificação Indicativa no Brasil desafios e perspectivas. 1. ed. Brasilia: Ministerio da Justiça, 2006. 318p .

Capítulos de livros publicados
1.
LEAL, S. A. G.. A TV Digital Interativa Brasileira como dispositivo sociotécnico para inclusão digital: o middleware Ginga à provação da justiça social. In: Christiana Soares de Freitas. (Org.). Inovação, Governança Digital e Políticas Públicas. 1ed.Belo Horizonte: Arraes Editora, 2016, v. , p. 46-57.

2.
LEAL, S. A. G.; MENEZES, F. ; NERIS, Kendy ; JANSEN, V. . Saberes docentes para o ensino de sociologia nas escolas do Distrito Federal: reflexões sobre a formação de licenciandos em Ciências Sociais da Universidade de Brasília. In: Anita Handfas; Julia Maçaira; Alexandre Barbosa Fraga. (Org.). Conhecimento escolas e ensino de sociologia: instituições, práticas e percepções. 1ed.Rio de Janeiro: 7 Letras, 2015, v. 0, p. 49-66.

3.
LEAL, S. A. G.. México no plural: política, mercado e comunicações. In: Sayonara Leal; Murilo César Ramos; Lara Haje; Elen Geraldes. (Org.). Políticas de Comunicações Um estudo comparado: Brasil, Espanha, Estados Unidos, México e Venezuela. 1ed.Salamanca: Comunicación Social Ediciones y Publicaciones, 2013, v. 1, p. 11-253.

4.
LEAL, S. A. G.. The Interface between digital democracy and public policy: the challenges of digital inclusion in Brazil. In: Benjamín Tejerina and Ignacia Perugorría. (Org.). Global movements, national grievances: mobilizing for "real democracy" and social justice. 1ed.Bilbao: Universidad del País Vasco ? Euskal Herriko Unibertsitatea, Servicio Editorial = a rgitalpen Zerbitz, 2012, v. 1, p. 309-329.

5.
LEAL, S. A. G.. Diversidad y adversidad de las esferas públicas contemporáneas: lo social y lo político en las radios comunitarias de Brasil. In: César Bolaño, Sônia Meire de Jesus e Verlane Aragão Santos. (Org.). Comunicación, educación e movimientos sociales em América Latina. 1ed.Brasília: Casa das Musas, 2010, v. 1, p. 71-94.

6.
LEAL, S. A. G.; HAJE, L. . Políticas de comunicación, digitalización y convergencia tecnológica- el debate público sobre la consolidación de la nueva ley de TV por suscripción en el Congreso Nacional Brasileño.. In: Instituto de Estudios sobre Comunicación ? Radio y Televisión Argentina. (Org.). Pensar los medios en la era digital, iberoamérica frente al desafío de la convergencia. 1ed.Buenos Aires: La Crujia, 2010, v. 1, p. 1-19.

7.
LEAL, S. A. G.. Rádio Municipal. In: MELO, José Marques (org). (Org.). Enciclopédia INTERCOM de Comunicação. Ied.São Paulo: Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação, 2010, v. I, p. 1017-1018.

8.
LEAL, S. A. G.; RAMOS, M. C. . Estado y Balance de la Cooperación. In: ALBORNOZ, Luis A.. (Org.). Cultura y Comunicación- Estado y prospectiva de la cooperación espanola con el resto de Iberoamérica, 1997-2007. 1ed.Madrid: Fundación Alternativas, 2009, v. 1, p. 173-182.

9.
LEAL, S. A. G.; RAMOS, M. C. . Brasil- Estrategias de cooperación bilateral con Espana. In: ALBORNOZ, Luis A.. (Org.). Cultura y Comunicación- Estado y prospectiva de la cooperación espanola con el resto de Iberoamérica, 1997-2007. 1ed.Madrid: Fundación Alternativas, 2009, v. 1, p. 69-80.

10.
LEAL, S. A. G.. Radiodifusão comunitária no Brasil: desafios e perspectivas para as políticas públicas. In: Murilo César Ramos; Suzy dos Santos. (Org.). Políticas de Comunicação: buscas teóricas e práticas. São Paulo: Paulus, 2007, v. , p. 6-408.

11.
LEAL, S. A. G.; Romão, J. E. E. ; Chagas, C.M.F. . Introdução. In: Sayonara Leal, Claudia Chagas, Eduardo Elias Romão. (Org.). Classificação Indicativa no Brasil: desafios e perspectivas. 1ed.Brasília: Ministério da Justiça, 2006, v. , p. 5-318.

12.
LEAL, S. A. G.. Os Mecanismos de Controle-Público/Social Presentes no Regulamento do Setor de Telecomunicações no Brasil: A Lei Geral de Telecomunicações e o Regimento Interno da Agência Nacional de Telecomunicações.. In: JAMBEIRO, Othon; BRITTOS, Valério (Org.).. (Org.). Comunicação, informação e cultura: dinâmicas globais e estruturas de poder. 1ed.Salvador-BA: Edufba, 2004, v. V.1, p. 01-195.

13.
LEAL, S. A. G.. Do universo onírico ao campo do real: as descobertas de um pesquisador de Comunicação. In: José Marques de Melo; Jorge Duarte. (Org.). Memórias das Ciências da Comunicação: Os grupos do Centro-Oeste. 1ed.Brasília: UniCEUB, 2001, v. 1, p. 113-122.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
LEAL, S. A. G.. O sector de radiodifusão não comercial francês: radios livres, ou nem tanto.... Media XXIRevista da Comunicação e Sociedade da Informação, Lisboa, p. 90 - 91, 30 jun. 2005.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
LEAL, S. A. G.; MARTINS, A. B. N. ; CONDE, L. . A ?colocada em tecnologia? de problemas sociais: aplicativo Brasil 4D à provação da justiça social e da justiça cognitiva. In: Associação Latino-Americana de Sociologia ALAS, 2017, Uruguai. Las encrucijadas abiertas de América Latina. La sociología en tiempos de cambio. Buenos Aires: ALAS, 2017. v. 23. p. 1-23.

2.
LEAL, S. A. G.. A normatização da inovação Ginga como dispositivo sociotécnico: a controversia acerca da arquitetura final do middleware da TV digital brasileira. In: Anpocs, 2014, Caxambu. Anais do 38º Encontro Anual da Anpocs, de 27 a 31 de outubro de 2014, em Caxambu - MG. São Paulo: Anpocs, 2014.

3.
LEAL, S. A. G.. Política pública de inclusão digital no brasil: desafios para o acesso às tecnologias da informação e da comunicação e o combate às desigualdades sociais no país. In: III Congreso Nacional de Ciencias Sociales, 2012, Cidade do México. III Congreso Nacional de Ciencias Sociales. Cidade do México: Universidade Autônoma do México, 2012. p. 1-23.

4.
LEAL, S. A. G.; NERIS, Kendy ; SANTOS, Vanessa. ; MENEZES, F. ; BRANDAO, C. . Formação e saberes docentes para o Ensino de Sociologia nas escolas: reflexões. In: 3o. Encontro Estadual de Ensino de Sociologia do Rio de Janeiro, 2012, Rio de Janeiro. 3o. Encontro Estadual de Ensino de Sociologia do Rio de Janeiro: A Sociologia na Escola: políticas públicas, ensino e formação. Rio de Janeiro: Labes/UFRJ, 2012. p. 1-15.

5.
LEAL, S. A. G.; VIANA, Graziella Mello . Divulgação pública de controvérsias científicas: o caso da vacina BCG contra tuberculose no Brasil. In: Congresso Internacional da Associação Latino-Americana de Sociologia, 2011, Recife. ?Fronteiras Abertas da América Latina?. São Paulo: Kairós Edições, 2011.

6.
LEAL, S. A. G.; HAJE, L. . Controvérsias sobre a regulamentação da convergência tecnológica no Parlamento brasileiro: democracia técnica e lógicas de ação. In: XXVII Congresso da Associação Latinoamericana de Sociologia, 2009, Buenos Aires. Memorias Congreso ALAS. Buenos Aires: Universidade de Buenos Aires, 2009. v. 1. p. 1-13.

7.
LEAL, S. A. G.; HAJE, L. . O debate acerca da Convergência Tecnológica no Congresso Nacional Brasileiro: os movimentos pela consolidação da Lei de TV a cabo. In: Encontro Anual da Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Comunicação, 2008, São Paulo. Compós- 17 EEncontro Anual da Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Comunicação. São Paulo: Compós, 2008. v. 17.

8.
LEAL, S. A. G.. Diversidade e adversidade das esferas públicas contemporâneas: o social e o político nas rádios comunitárias no Brasil. In: IV Coloquio Internacional Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento, 2008, Aracaju. Convergência Tecnológica, Políticas Públicas e Movimentos Sociais na América Latina. Aracaju: Editora da Universidade Federal de Sergipe, 2008.

9.
LEAL, S. A. G.; HAJE, L. ; PAULINO, F. O. . POLÍTICAS DE COMUNICAÇÃO E SOCIEDADE CIVIL: movimentos pela democratização das comunicações no Brasil em 2007/2008.. In: Intercom ? Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação, 2008, Natal. XXXI Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação: Midia, ecologia e sociedade. São Paulo: Intercom, 2008. p. 1-17.

10.
LEAL, S. A. G.; HAJE, L. . Projetos de convergência tecnológica para as comunicações no Brasil: descompasso entre interesse público e interesse privado. In: XXX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2007, Santos. Mercado e Comunicação na Sociedade Digital. São Paulo: Intercom, 2007.

11.
LEAL, S. A. G.. repensando a radio comunitária no Brasil: desafios e perspectivas para políticas públicas. In: XXIX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2006, Brasilia. Anais do XXIX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. São Paulo: Intercom, 2006. p. 1-16.

12.
LEAL, S. A. G.. Políticas Públicas de comunicação e a luta pelo reconhecimento: o caso das rádios associativas na França. In: V Encontro Latino Americano de Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura, 2005, Salvador-BA. V Encontro Latino Americano de Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura, 2005.

13.
LEAL, S. A. G.. Communication public policies for community radios in Brazil: discrepancy between rights and reality. In: International Association of Media and Communication Research, 2004, Porto Alegre. Comunicação e Democracia: Perspectivas para um novo MundoPOLITICAL ECONOMY - Program Abstract. Porto Alegre, 2004.

14.
LEAL, S. A. G.. O PAPEL DAS AGÊNCIAS REGULADORAS NO BRASIL: OS PARADOXOS DA ATUAÇÃO DA AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES ? ANATEL. In: XXVI Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2003, Belo Horizonte. Mídia, ética e sociedade. São Paulo: Intercom, 2003.

15.
LEAL, S. A. G.. A imaginação de um controle público a partir do Regulamento do Setor de Telecomunicações no Brasil: a utilização dos aparatos regulatórios da Agência Nacional de Telecomunicações pelo usuário-cidadão. In: Colóquio Panamericano Indústrias Culturais e Diálogo de civilização nas Américas, 2002, Montreal. INDUSTRIES CULTURELLES ET DIALOGUE DES CIVILISATIONS DANS LES AMÉRIQUES. Montreal: UQÀM, 2002.

16.
LEAL, S. A. G.. Os movimentos pela privatização do Sistema de Telecomunicações no Brasil. In: II Encontro Lusófono de Ciências da Comunicação, 1998, Aracaju. Observatório Luso Brasileiro de Comunicação. Aracaju: Edufs, 1998.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
LEAL, S. A. G.. Registros normativos em torno dos usos do dispositivo de inclusão digital Brasil 4D: experiências morais e cognitivas de usuários do Programa Bolsa Família. In: 40o. Encontro Anual da ANPOCS, 2016, Caxambú-MG. 40o. Encontro Anual da ANPOCS. São Paulo: ANPOCS, 2016.

2.
LEAL, S. A. G.; BRANT, Sandra . Políticas de inclusão digital no Brasil: a experiência da formação dos monitores dos Pontos GESAC. In: XV Congresso Brasileiro de Sociologia, 2011, CURITIBA. Anais do XV Congresso Brasileiro de Sociologia, realizado em Curitiba-PR, de 26 a 29 de julho de 2011. CURITIBA: SOCIEDADE BRASILEIRA DE SOCIOLOGIA, 2011.

3.
LEAL, S. A. G.; VARGAS, Eduardo Raupp de . Reflexões sobre o conceito de inovação social e suas implicações para as políticas de inovação no Brasil. In: 35o. Encontro Anual ANPOCS - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais, 2011, Caxambú. PROGRAMAÇÃO 35º ENCONTRO ANUAL DA ANPOCS. São Paulo, 2011.

4.
LEAL, S. A. G.. O movimento das rádios comunitárias no Brasil. In: V Congreso International de radios y televisiones locales públicas y alternativas, 2005, Sevilha. V Congreso International de radios y televisiones locales públicas y alternativas, 2005. v. V.

5.
LEAL, S. A. G.. O Controle Público no macro-setor das Comunicações no Brasil: uma breve abordagem da participação social nos processos decisórios referentes ao Setor de Telecomunicações Brasileiro. In: I Encontro do Mercosul de Economia Política da Comunicação, 2001, Buenos Aires. Sociedade da Informação. Buenos Aires: Universidad de Buenos Aires, 2001.

6.
LEAL, S. A. G.; RIBEIRO, L. M. . A imaginação de um controle público a partir do Regulamento do Setor de Telecomunicações no Brasil: a utilização dos aparatos regulatórios da Agência Nacional de Telecomunicações pelo usuário-cidadão. In: Encontro de Comunicação Social, 2001, Montevideo. El Mercosur en la era punto com: conocimento, acción e integración. Montevideo: Universidad Católica, 2001.

7.
LEAL, S. A. G.. O modelo de regulação do mercado brasileiro de telecomunicações: os mecanismos de controle público presentes na regulamentação do setor e o papel do Estado junto à Agência Nacional de Telecomunicações -(Anatel). In: XXIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicaçaõ, 2000, Manaus. Comunicação e Multiculturalismo. São Paulo: Intercom, 2000.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
LEAL, S. A. G.. Le cours de sociologie dans les écoles de Brasilia: l´i´nadéquation entre la formation des étudiants consacrée à la citoyenneté et le contexte scolaire.. In: Projet, associations et réussite scolaire, 2013, Amiens/Picardie. Projet, associations et réussite scolaire. Amiens: Université Jules Verne, 2013.

2.
LEAL, S. A. G.; VARGAS, Eduardo Raupp de . Democracia técnica e lógicas de ação: as controvérsias sobre o padrão da TV Digital no Brasil. In: XIV Congresso Brasileiro de Sociologia, 2009, Rio de Janeiro. Sociologia: consensos e controvérsias. Rio de Janeiro: UFRJ, 2009. p. 395-395.

3.
LEAL, S. A. G.; RIBEIRO, L. M. . Mídias alternativas e esfera pública: o espaço do debate político nas rádios comunitárias no Brasil e na França. In: 30º Encontro Anual da ANPOCS, 2006, Caxambú-MG. 30º ANPOCS 2006. São Paulo: Editora Assistente, 2006. p. 63-63.

4.
LEAL, S. A. G.. Algumas considerações sobre o modelo de regulação do mercado brasileiro de telecomunicações: os mecanismos de controle público presentes na regulamentação do setor e o papel da Agência Nacional de Telecomunicações -(Anatel). In: VI ALAIC - Associação Latino-americana de Informação e Comunicação, 2000, Santiago. Sociedad de la Información: Convergencias y diversidades. Santiago: Fundación Diego Portales, 2000.

5.
LEAL, S. A. G.. O modelo de regulação do sistema brasileiro de telecomunicações: o estudo da atuação da Agência Nacional de Telecomunicações. In: XXI Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 1999, Rio de Janeiro. Informatização, Mídia e Sociedade: paradoxos das comunicações no mundo globalizado. Rio de Janeiro: Intercom, 1999.

6.
LEAL, S. A. G.. Os movimentos pela quebra do monopólio estatal no sistema de telecomunicações do Brasil: do governo José Sarney ao de Fernando Henrique Cardoso. In: V ALAIC - Associação Latino-americana de Informação e Comunicação, 1998, Recife. Ciências da Comunicação: identidades e fronteiras. São Paulo: Intercom, 1998.

7.
LEAL, S. A. G.. Os movimentos pela quebra do monopólio estatal no setor das telecomunicações no Brasil: a evolução do setor dos anos 80 ao PASTE. In: XX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 1997, Santos/SP. Vinte anos de Ciências da Comunicação: avaliação e perspectivas. São Paulo: Intercom, 1997.

8.
LEAL, S. A. G.. Sistema de Telecomunicações Brasileiras Anos 80 e 90: O movimento em torno da quebra do monopólio estatal. In: XIX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 1996, Londrina- PR. Comunicação no Mercosul. Londrina-PR: Intercom, 1996.

9.
LEAL, S. A. G.. A problemática das telecomunicações no Brasil e na América Latina: dos anos 80 aos 90. In: XX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 1995, Aracaju. Globalização e regionalização da Comunicação. São Paulo: Intercom, 1995. p. 26-26.

Apresentações de Trabalho
1.
LEAL, S. A. G.. O lugar da justiça cognitiva na pesquisa sobre dispositivos de inclusão social: repertório normativo de beneficiários do Programa Bolsa Família no DF. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
LEAL, S. A. G.. Regimes de capacidade no pragmatismo e em Amartya Sen: questões para discutir Justiça e inclusão social. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
LEAL, S. A. G.. Tecnologia como forma da crítica: imbricamentos entre 'racionalização democrática' e justiça social. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
LEAL, S. A. G.; MARTINS, A. B. N. ; CONDE, L. . A ?colocada em tecnologia? de problemas sociais: aplicativo Brasil 4D à provação da justiça social e cognitiva. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
LEAL, S. A. G.. A ?colocada em tecnologia? de problemas sociais: imbricamentos entre justiça social e justiça cognitiva. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

6.
LEAL, S. A. G.. Registros normativos em torno dos usos do dispositivo de inclusão digital Brasil 4D: experiências morais e cognitivas de usuários do Programa Bolsa Família. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
LEAL, S. A. G.. Normas, reflexividade e discurso no locus da produção do conhecimento: disputas epistemológicas em tempos de controvérsia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

8.
LEAL, S. A. G.. no locus da produção do conhecimento: disputas epistemológicas em tempos de controvérsia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

9.
LEAL, S. A. G.. The test of Ginga in the Brazilian digital inclusion policy. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
LEAL, S. A. G.. Inovação Tecnológica como política pública para inclusão social: o caso do middleware Ginga para interatividade na TV digital do Brasil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

11.
LEAL, S. A. G.. A normatização da inovação Ginga como dispositivo sociotécnico: a controversia acerca da arquitetura final do middleware da TV digital brasileira. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
LEAL, S. A. G.. Diversidad cultural y reconocimiento en la política de radiodifusión brasileña: desafíos y perspectivas. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

13.
LEAL, S. A. G.. Le cours de sociologie dans les écoles de Brasilia: l´i´nadéquation entre la formation des étudiants consacrée à la citoyenneté et le contexte scolaire. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
LEAL, S. A. G.. Política pública de inclusión digital en Brasil: los desafíos para el acceso a las tecnologías de la información y la comunicación y la lucha contra las desigualdades sociales. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
LEAL, Sayonara de A. G. ; JANSEN, V. ; NERIS, K. ; MENEZES, F. ; BRANDAO, C. ; LEAL, S. A. G. . Formação e saberes docentes para o Ensino de Sociologia nas escolas: reflexões sobre a licenciatura em Ciências Sociais da Universidade de Brasília ? UnB. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

16.
LEAL, S. A. G.; BRANT, Sandra . Políticas de inclusão digital no Brasil: a experiência da formação dos monitores dos Pontos GESAC. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
LEAL, S. A. G.. Movimentos da Sociedade Civil em torno da I Conferência Nacional de Comunicação: política e democracia participativa. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

18.
LEAL, S. A. G.; VIANA, Graziella Mello . Divulgação pública de controvérsias científicas: o caso da vacina BCG contra tuberculose no Brasil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

19.
LEAL, S. A. G.; BRANT, Sandra . A dimensão sócio-cognitiva da Inclusão Digital no Brasil: a experiência da formação dos monitores dos Pontos GESAC. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

20.
LEAL, S. A. G.; VIANA, Graziella Mello . Cidadania científica e esfera pública: controvérsias tecnocientíficas no caso da vacina BCG contra tuberculose no Brasil. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
bRITTOS, Valério Cruz ; BOLANO, C. R. S. ; LEAL, S. A. G. ; HAJE, L. . O governo Lula e o debate em torno das políticas para o audiovisual no Brasil no biênio 2007-2008. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

22.
LEAL, S. A. G.; VARGAS, Eduardo Raupp de . Democracia técnica e lógicas de ação: as controvérsias sobre o padrão da TV Digital no Brasil. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

23.
LEAL, S. A. G.; VARGAS, Eduardo Raupp de . Démocratie technologique et innovation dans les services : une analyse sociotechnique de la définition de la norme de la télévision numérique au Brésil. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

24.
COELHO, Maria Francisca Pinheiro ; LEAL, S. A. G. . PENSAMENTO E TENDÊNCIAS DA DEMOCRACIA NA AMÉRICA LATINA: ENTRE AS VIAS CONSENSUAL E POPULISTA. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

25.
LEAL, S. A. G.; HAJE, L. . O debate acerca da convergência tecnológica no Congresso Nacional Brasileiro: os movimentos pela consolidação da nova lei de TV por assinatura. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

26.
LEAL, S. A. G.. Rádio comunitária, lógicas de ação e esfera pública: uma reflexão a partir da Sociologia das Convenções. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

27.
LEAL, S. A. G.. Diversidade cultural, cidadania e espaço público: um olhar sobre as rádios comunitárias no Brasil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

28.
LEAL, S. A. G.; HAJE, L. ; PAULINO, F. . POLÍTICAS DE COMUNICAÇÃO E SOCIEDADE CIVIL: movimentos pela democratização das comunicações no Brasil em 2007/2008. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

29.
LEAL, S. A. G.; HAJE, L. . POLÍTICAS DE COMUNICAÇÃO, DIGITALIZAÇÃO E CONVERGÊNCIA TECNOLÓGICA:o debate público no Congresso Nacional brasileiro sobre a consolidação da nova lei de TV por assinatura. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

30.
LEAL, S. A. G.. Diversidade e adversidade das esferas públicas contemporâneas: o social e o político nas rádios comunitárias no Brasil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
LEAL, S. A. G.. Community radio broadcasting in Brazil and France: action rationales and public space. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

32.
LEAL, S. A. G.. Projetos de convergência tecnológica pra as Comunicações no Brasil: descompasso entre interesse público e interesse privado. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

33.
LEAL, S. A. G.. Repensando a rádio comunitária no Brasil: desafios e perspectivas para as políticas públicas. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

34.
LEAL, S. A. G.; RIBEIRO, L. M. . Mídias alternativas e esfera pública: o espaço do debate político nas rádios comunitárias no brasil e na França. 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).

35.
LEAL, S. A. G.. Paisagem das rádios comunitárias no Brasil. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

36.
LEAL, S. A. G.. Políticas públicas de comunicação e a luta pelo reconhecimento: o caso das rádios associativas na França. 2005. (Apresentação de Trabalho/Outra).

37.
LEAL, S. A. G.. Communication public policies for community radios in Brazil: Discrepancy between Rights and reality. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

38.
LEAL, S. A. G.. O papel das agências reguladoras no Brasil: os paradoxos da atuação da Agência Nacional de Telecomunicações. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

39.
LEAL, S. A. G.. A imaginaçào de controle público a partir do Regulamento do Setor de Telecomunicações do Brasil: a utilização dos aparatos regulatórios da Anatel. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

40.
LEAL, S. A. G.. A imaginaçào de controle público a partir do Regulamento do Setor de Telecomunicações do Brasil. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

41.
LEAL, S. A. G.. O controle público no macro-setor das Comunicações no Brasil. 2001. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

42.
LEAL, S. A. G.. La polémica sobre la reglamentation de las telecomunicaciones en Brasil. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

43.
LEAL, S. A. G.. Os movimentos pela privatização do Sistema de Telecomunicações no Brasil. 1998. (Apresentação de Trabalho/Outra).

44.
LEAL, S. A. G.. Os movimentos pela quebra do monopólio estatal das Telecomunicações no Brasil: a evolução do setor dos anos 80 ao PASTE. 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
LEAL, S. A. G.. Economia dos Serviços e Inovação Tecnológica. Aracaju: Epitic On line, 2009 (Entrevista).

2.
LEAL, S. A. G.. La version ?participative? de la construction de connaissance pour l?action: la pertinence du dialogue entre praticiens et techniciens. São Cristovão: EPTIC, 2008 (resenha).

3.
LEAL, S. A. G.. Barbara Freitag: as margens da vida e obra. Brasilia: Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília, 2006 (resenha).

4.
LEAL, S. A. G.. La raison sociale de la philanthrpie: entre la faiblesse de l'état providence, le don e l'argent. Aracaju-Se: Eptic, 2006 (resenha).

5.
LEAL, S. A. G.. Política e meios na Argentina: a origem da televisão privada. Brasília: Editora da UnB, 2001. (Tradução/Artigo).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
LEAL, S. A. G.; KLEIN, S. ; CORREA, D. ; MOSSI, T. . CRITICA E PRAGMATISMO NAS CIÊNCIAS SOCIAIS: DESAFIOS TEORICOS E METODOLOGICOS PARA A PESQUISA,. 2017. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

2.
LEAL, Laurindo. ; LEAL, S. A. G. ; CALDAS, Ricardo ; COUTO, Katia . Ver TV analisa programas para a classe C. 2012. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

3.
PIRES, D. ; SANTANA, M. ; LEAL, S. A. G. . Ver TV - Mudanças na Classificação Indicativa. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
Romão, J. E. E. ; ASSIS, R. ; LEAL, S. A. G. . VER TV debate a classificação indicativa. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
LEAL, S. A. G.; FORNAZIN, M. . Mini curso Mapeamento de Controvérsias Tecnocientíficas. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
LEAL, S. A. G.. Curso de Especialização em Gestão Pública. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

3.
LEAL, S. A. G.; BRANT, Sandra ; ROOS, Carine . Avaliação sócio-cognitiva da Formação GESAC de monitores para a inclusão digital no Brasil: desafios e perspectivas. 2011. (Relatório de pesquisa).

4.
LEAL, S. A. G.; PINHEIRO, M. F. C. . Curso de Especialização em Gestão de Programas e Projetos Educacionais (FNDE). 2008. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

5.
PINHEIRO, M. F. C. ; LEAL, S. A. G. . Formação de Gestores Públicos. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

6.
LEAL, S. A. G.. Cursos de Formação para os candidatos ao cargo de Especialista em Regulação de Atividade Cinematográfica Audiovisual. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

7.
LEAL, S. A. G.. Direitos Humanos. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

8.
LEAL, S. A. G.. Comunicação pública e assessoria de imprensa. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
LEAL, Laurindo. ; LEAL, S. A. G. . Classificação Indicativa no Brasil. 2011.

2.
LEAL, Laurindo. ; LEAL, S. A. G. ; BITTAR, Jorge. ; BORGES, André. . TV por Assinatura no Brasil. 2008.

3.
LEAL, Laurindo. ; LEAL, S. A. G. ; Romão, J. E. E. ; ASSIS, Regina de. . Classificação indicativa. 2007.

4.
LEAL, S. A. G.. Canudos: cem anos de história. 1997 (Vídeo científico).

5.
LEAL, S. A. G.. Feliz natal às crianças do Campus. 1997 (Evento cultural).

6.
LEAL, S. A. G.. Feliz natal às crianças do Campus. 1996 (Evento cultural).

7.
LEAL, S. A. G.. Feliz natal às crianças do Campus. 1995 (Evento cultural).

8.
LEAL, S. A. G.. ACISO. 1994 (Ação social).

Demais trabalhos
1.
LEAL, S. A. G.. Intercâmbio-INTERCAMPUS da Coordenação Geral de Comunicação da Universidade Federal de Sergipe. 1997 (Atividades de pesquisa e extensão) .

2.
LEAL, S. A. G.. Intercâmbio-INTERCAMPUS da Coordenação Geral de Comunicação da Universidade Federal de Sergipe. 1996 (Atividades de pesquisa e extensão) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
FORMIGA SOBRINHO, A. B.; GOMES, V. M. L. R.; SILVA, L. M. A.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Daniela Rocha Magalhães. Trabalho infantil: uma análise sobre a construção de sentidos a partir de campanhas de mobilização social. 2017. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade Católica de Brasília.

2.
BIROLLI, F.; GUAZINA, L.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Andre Luis Soares Fontenelle. Pesquisas eleitorais e colunismo político na cobertura das eleições presidenciais do Brasil (2014) e Argentina (2015). 2017. Dissertação (Mestrado em sociologia) - Universidade de Brasília.

3.
FARIAS, E.; LEAL, S. A. G.; NERY, M. S. S.. Participação em banca de Matheus da Costa Lavinscky. A trajetória e sentidos da Cerveja: das origens à formação do Brasil moderno. 2017. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

4.
LEAL, S. A. G.; PAULINO, F. O.; GERALDES, E.. Participação em banca de Ana Cristina Gonçalves dos Santos. Financiamento para mídia alternativa: a sustentabilidade dos meios sem fins de lucro a partir da lei de meios na Argentina. 2016. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade de Brasília.

5.
SOBRAL, F.; NEVES, F.; GALINDO, L.; PEIXOTO, L.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Mauro Callai da Silva. A seleção dos coordenadores da Capes: processos de escolha e critérios implícitos na coordenação de astronomia/física (2007-2013). 2016. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

6.
JOO, C. U. S.; BEZERRA, H. D.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Rodrigo de Oliveira Sobreira. Anonimato, redes e política: uma cartografia do ativismo Cypherpunks no Brasil. 2015. Dissertação (Mestrado em Faculdade de Ciências Sociais) - Universidade Federal de Goiás.

7.
FARIAS, E.; LEAL, S. A. G.; NERY, M. S. S.. Participação em banca de Tiago Mendes Rodrigues dos Santos. Aqueles dias em dias de Modess: o advento da mulher espontânea na expansão urbana no Brasil. 2015. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

8.
LEAL, S. A. G.; Sofiati, Flávio Munhoz; Signates, Luiz Antonio. Participação em banca de Denize Daudt dos Santos. Territorialidade compartilhada: comunicação e cidadania. 2012. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade Federal de Goiás.

9.
SA, G. J. S. E.; LEAL, S. A. G.; ROSA, Marcelo Carvalho. Participação em banca de Conrado Henrique Volnei Costa Moreira. Meio Ambiente na Universidade de Brasília: uma composição acerca das entidades que atuam em prol da sustentabilidade dos campi. 2012. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

10.
FARIAS, Edson; NERY, Maria Salete de Souza; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Saulo Nepomuceno Furtado de Araújo. Entre garotos e suas equipes: consumo tecnocultural e dinamicidade na cena Black brasiliense. 2012. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

11.
ROSA, Marcelo Carvalho; TAMAIO, I.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Sarita Gonçalves Coelho. O modo de produção agroecológico e a agricultura familiar no Brasil: estudos de casos nos assentamentos Jibóia e Paraíso em Unaí-MG. 2011. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

12.
LEAL, S. A. G.; BOLANO, C. R. S.; PAULINO, F.. Participação em banca de Danielle Azevedo Souza. Os canais comunitários na lógica do mercado da TV a cabo no Brasil. 2011. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade de Brasília.

Teses de doutorado
1.
CICERO, P. H. M.; TAVOLARO, L. G.; LEAL, S. A. G.; NEGRI, C.. Participação em banca de Arquimedes Belo Paiva. A emergência da política de fomento interdisciplinar em ciências sociais na América Latina: as experiências do Brasil (CNPq/CAPES) e do México (CONACYT). 2018. Tese (Doutorado em Estudos Comparados Sobre As Américas) - Universidade de Brasília.

2.
LEAL, S. A. G.; CASTIONI, R.; WELLER, W. J.; ZARDO, S. P.; VIEIRA, M. C.. Participação em banca de Kattia de Jesus Amin Athayde Figueiredo. PROEMI o que revelam as intenções de melhoria do ensino médio no Brasil, o caso do Distrito Federal. 2015. Tese (Doutorado em educação) - Universidade de Brasília.

3.
FARIAS, Edson; TOTARO, P.; NEVES, F.; BRITTOS, C. C.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Thaís Alves Marinho. Subjetividade, identidade e as redes de consumo Kalunga. 2013. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

4.
LEAL, S. A. G.; SOUZA, Nair Heloíza Bicalho de.; CASTRO, Vanessa Maria de.; CORRÊA, Elizabeth Nicolau Saad.; VAZ, José Carlos.. Participação em banca de Cristina Kiomi Mori. Políticas públicas de inclusão digital: aspectos institucionais da efetividade de iniciativas federais de disseminação de telecentros no período de 2000-2010. 2011. Tese (Doutorado em Serviço Social) - Universidade de Brasília.

5.
LEAL, S. A. G.; FARIAS, Edson; NERY, Maria Salete de Souza; JAYME, Juliana Gonzaga; BATISTA, Analia Laura Soria. Participação em banca de Fernando de Jesus. Economia simbólica da excitação: sobre os circuitos musicais populares nas periferias e o Sentido erótico-dançante no tecnobrega e no pagode baiano.. 2011. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

6.
LEAL, S. A. G.; MORAES, Dênis Roberto Villas Boas de; NEUTZLING, Inácio; MALDONADO, Alberto Efendy; bRITTOS, Valério Cruz. Participação em banca de João Miguel. Mídia política e mercado na sociedade moçambicana: o setor televisivo aberto. 2008. Tese (Doutorado em Curso de pós Graduação Stricto Sensu - Doutorado - da UNISINOS) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

Qualificações de Doutorado
1.
TAVOLARO, L. G.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de ARQUIMEDES BELO PAIVA. INTERDISCIPLINARIDADE EM CIÊNCIAS SOCIAIS NAS AGÊNCIAS DE FOMENTO À CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO NA AMÉRICA LATINA: BRASIL, MÉXICO E ARGENTINA. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTUDOS COMPARADOS SOBRE AS AMÉRICAS) - Universidade de Brasília.

2.
WELLER, W. J.; CASTRO, E. G.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Leonardo Rauta Martins. Dessa história nós somos o sujeito, lutamos pela vida pelo que é de direito": juventude rural e permanência no campo a partir da experiência das Escolas Família Agrícola no estado do Espírito Santo (Brasil). 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

3.
CASTIONI, R.; WELLER, W. J.; SILVA, M. R.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Kattia de Jesus Amin Athayde Figueiredo. PROEMI o que revelam as intenções de melhoria do ensino médio no Brasil, o caso do Distrito Federal. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

4.
ADHIRNI, Z. L.; PEREIRA, F. H.; RAMALHO, A. J.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Renata Giraldi Dias. A construção geomidiática do Brasil nos países do Cone Sul (Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai). 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Comunicação) - Universidade de Brasília.

5.
LEAL, S. A. G.; RAMOS, M. C.; PAULINO, F.; BOLANO, C. R. S.; Geraldes, Elen. Participação em banca de Mariana Martins de Carvalho. Comunicação governamental/institucional: limites e possibilidades. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Comunicação) - Universidade de Brasília.

6.
PORTO, S. D.; FAUSTO NETO, T. Q.; MOTTA, L. G. F.; FRANCA, V. R. V.; LEAL, Sayonara de A. G.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Kátia Maria Belisário. Jornalismo Emergente: a voz e vez dos Batalhadores Brasileiras. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Comunicação) - Universidade de Brasília.

7.
SOUZA, L. E. P. F.; SILVA, E. N.; CORREIA, J. B.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Antonia de Jesus Ângulo Tuesta. Análise dos impactos das pesquisas em saúde materna e neonatal financiadas pelo Ministério da Saúde em 2004. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

8.
LEAL, S. A. G.; MORAES, Raquel de Almeida; SOUSA, José Vieira de. Participação em banca de Willany Palhares Leal. Educação a Distância Políticas Públicas de formação de Professores: Desafios e Inovações na Direção de uma Prática Social Transformadora.. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

Qualificações de Mestrado
1.
LEAL, S. A. G.; SOBRAL, F.. Participação em banca de Mauro Callai da Silva. O processo de seleção dos coordenadores da Capes: conflitos e legitimidade na coordenação de asrtonomia/física 2007-2013. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

2.
SOUSA, J. K. L.; PAULINO, F. O.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Ana Cristina Gonçalves dos Santos. Financiamento para mídia alternativa: a sustentabilidade dos meios som fins de lucro a partir da lei de meios na Argentina. 2015.

3.
FARIAS, E.; KLEIN, S. F.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Maurício Piatti Lages. A formação do consumo Gourmet no Brasil contemporâneo: o caso da proliferação de cafés de alta qualidade das cafeterias especializadas e dos corpos que a acompanha,. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

4.
WELLER, W. J.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Daniel Luiz de Carvalho Mota. Atrás do quadro negro: a violência em uma escola pública em Ceilândia. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

5.
LEAL, S. A. G.; KLEIN, S.; FARIAS, Edson. Participação em banca de Tiago Mendes Rodriques. Aqueles dias em dias de modess: a formação de sensibilidade femininas na modernização do Brasil. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Sociais) - Universidade de Brasília.

6.
LEAL, S. A. G.; SOBRAL, Fernanda Antônia Fonseca; FREITAS, Christiana. Participação em banca de Janete Araújo da Silva. O uso das tecnologias da informação e da comunicação no ensino de sociologia nas escolas públicas do Distrito Federal: inclusão digital e capital tecnológico-informacional. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

7.
LEAL, S. A. G.; GUSMAO, L. A. S.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Diogo Ramos Torres. Exegese de Ciência em Ação e pesquisa comparativa com cientistas. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

8.
LEAL, S. A. G.; COELHO, M. F. P.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Cleyton Domingues de Moura. O Programa Bolsa Família e o campo das políticas públicas. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

9.
LEAL, S. A. G.; PATRIOTA, C.; FARIAS, E.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Carolina Vicente Ferreira Lima. Diferenciação social em Brasília: sensibilidade estética, consumo e estratégias de distinção. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

10.
TAVOLARO, L. G.; PINTO, S. R.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Jehyra Marie Asencio Yace. Organizaciones comunitarias en Puerto Rico: comunicación, poder y ciudadania. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Sociais) - Universidade de Brasília.

11.
FARIAS, Edson; GONCALVES, M. A. B.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Marcos Henrique Silva Amaral. A simplicidade de um rei: trânsito de Roberto Carlos em meio à cultura popular. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

12.
FARIAS, Edson; NERY, M. S. S.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Saulo Nepomuceno Furtado de Araújo. Entre garotos e suas equipes: consumo tecnocultural e dinamicidade na cena Black brasiliense. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

13.
SA, G. J. S. E.; ROSA, Marcelo Carvalho; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Conrado Henrique Volnei Costa Moreira. Sustentação como rede sociotecnica: seguindo a articulação sustentabilidade na UnB. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

14.
ADHIRNI, Z. L.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Rafael Silva de Araújo. A identidade do jornalista no debate sobre o blog da Petrobrás. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

15.
ESCH, C. E. M. C.; GERALDES, E. C.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Luana Spinillo Poroca. Controle social na comunicação pública no Brasil: a experiência da participação social na empresa Brasil de Comunicação. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Comunicação) - Universidade de Brasília.

16.
BALESTRO, M. V.; ROSA, Marcelo Carvalho; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Sarita Gonçalves Coelho. O modo de produção agroecológico e a agricultura familiar no Brasil: estudos de casos nos assentamentos Jibóia e Paraíso em Unaí-MG. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

17.
ROSA, Marcelo Carvalho; MESSEMBERG, Debora.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Jaciane Pimentel Milanezi Reinehr. Responsabilidade social das empresas e a ação do empresariado paulista: representações e práticas. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

18.
ROSA, Marcelo Carvalho; MADEIRA, M. A. B. G.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Gustavo Paulo Santos. Marcas da percepção: um estudo sobre o uso dos produtos falsificados. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

19.
BOLANO, C. R. S.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Danielle Azevedo Souza. Os canais comunitários na lógica de mercado da TV a cabo no Brasil. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia) - Universidade de Brasília.

20.
SILVA, L. M.; LEAL, S. A. G.; PAULINO, F.. Participação em banca de Dioclécio Ferreira da Luz. Radiojornalismo comunitário: conceitos e práticas. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Comunicação) - Universidade de Brasília.

21.
DRAVET, F. M.; CURVELLO, J. J. A.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Danilo Borges Dias. Mídia, Imigração e identidades: as rádios bolivianas de São Paulo. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Comunicação) - Universidade de Brasília.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
MESSEMBERG, Debora.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Leonardo Guedes. Conflito entre o trabalho policial prescrito e o real: o caso dos agentes de Polícia Civil do DF. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Sociologia) - Universidade de Brasília.

2.
MESSEMBERG, Debora.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Paula Fernanda de Souza Lima. Manuais de avaliação física como dispositivo de docilização dos corpos: caso da Polícia Militar do DF. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Sociologia) - Universidade de Brasília.

3.
LEAL, S. A. G.; MESSEMBERG, Debora.. Participação em banca de Gisele da Mata Santos. O exercício do Poder de Polícia na Ação Policial Militar. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Sociologia) - Universidade de Brasília.

4.
MESSEMBERG, Debora.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de AMANDA MOURA BADARANE. AVALIAÇÃO DO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM DO PROGRAMA DE JOVENS E ADULTOS NA PERSPECTIVA DOS DOCENTES E DISCENTES DO INSTITUTO FEDERAL DO ACRE, CAMPUS CRUZEIRO DO SUL. 2012. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Gestão Pública) - Universidade de Brasília.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
MESSEMBERG, D. G.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Vinólia Maria Costa de Oliveira Curvina.Programa de olho na Qualidade MEMV: a denúncia pública de beneficiários da política pública de habitação como instrumento de controle público-social. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em sociologia) - Universidade de Brasília.

2.
COLLARES, A. C. M.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Lucas Moura Barros.A inserção da Nova Sociologia da Educação na Sociologia: considerações sobre a dialética macro/micro. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

3.
MESSEMBERG, Debora.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Jéssica Ferraz Araújo Soares.Mídia e política: a televisão como formadora de opinião, a cobertura do Jornal Nacional nas eleições presidenciais de 2014 e o horário de propaganda eleitoral gratuita. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

4.
LEAL, S. A. G.; GUSMAO, L. A. S.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de André de Holanda Padilha Vieira.Escola? Não, obrigada: um retrato de homeschooling no Brasil. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

5.
TAVOLARO, S. B. F.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Pedro Piccolo Contesini.PREFEITURAS COMUNITÁRIAS DO RIACHO FUNDO II: contradições e insuficiências da participação popular em busca do desenvolvimento local e do fortalecimento da sociedade civil. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

6.
LEAL, S. A. G.; FARIAS, Edson. Participação em banca de Felipe dos Santos Tartas.Carros, muito além da necessidade e do prestígio: a trama relacional na composição de carros e seus apreciadores. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

7.
LEAL, S. A. G.; FARIAS, Edson. Participação em banca de Luiz Fellipe Gonçalves de Carvalho.Happy Slapping: a estética do escândalo,o lúdico e o violento na Internet. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade Católica de Brasília.

8.
LEAL, S. A. G.; MESSEMBERG, Debora.. Participação em banca de Patrícia Almeida Gusmão.Internet e participação política- uma revisão da literatura. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

9.
ROOS, Carine; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Carine Gomes Roos.Capital social nas redes sociais Twitter: uma análise das interações dos usuários no episódio das eleições para Governador do DF, 2010. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

10.
FARIAS, Edson; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Gabriela Almeida de LIma.Do fetiche à mercadoria: uma análise de ciência e natureza objetivadas nas embalagens da linha EKOS da Natura. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

11.
COELHO, C.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Lucas Brasil Pereira.Representações sociais de Brasília. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília.

12.
MESSEMBERG, Debora.; LEAL, S. A. G.. Participação em banca de Isabella B. N. Biato.Populismo e Democracia Uma discussão do governo Lula e seus críticos. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

13.
LEAL, S. A. G.; MESSEMBERG, Debora.. Participação em banca de Felipe de Assis Cardoso.Representação na Câmara Legislativa do Distrito Federal e Ordenamento Territorial no DF. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

14.
LEAL, S. A. G.; FARIAS, Edson. Participação em banca de Carolina Lima.CasaPark: o bom gosto mora aqui?. Práticas de distinção em Brasília.. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

15.
LEAL, S. A. G.; FARIAS, Edson. Participação em banca de André Rodrigues Pereira.Na polícia, nas ruas e no jornal: os limites da reificação em um noticiário policial. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

16.
LEAL, S. A. G.; TRIGUEIRO. Michelangelo Giotto Santoro. Participação em banca de Ana Beatriz Esteves.Formação de professores no ensino médio fundamental público brasileiro. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

17.
LEAL, S. A. G.; MESSEMBERG, Debora.. Participação em banca de Sabrina de Carvalho Ribeiro.A reprodução de características patrimonialistas no Legislativo Municipal brasileiro: continuidades sob nova roupagem. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

18.
LEAL, S. A. G.; FARIAS, Edson. Participação em banca de Daniel Jorge Teixeira César.Ensaio sobre o complexo de vira-lata. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

19.
LEAL, S. A. G.; MILHOMEM, Luciano. Participação em banca de Marias Moraes Luz.Rádio Comunitária e Participação: A Comunidade FM em Pauta. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Jornalismo) - Centro Universitário de Brasília.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
LEAL, S. A. G.; COELHO, Christiane; BENEDITO, Carlos; BERLINDES, ASTRID KUCHEMANN.. Processo de Seleção para ingresso de candidatos às vagas do Programa de Pós-Graduação em Sociologia para o curso de Mestrado. 2011. Universidade de Brasília.

2.
LEAL, S. A. G.; SIQUEIRA, Tânia. Processo de Seleção para ingresso de candidatos às vagas do Programa de Pós-Graduação em Sociologia para o curso de Doutorado. 2008. Universidade de Brasília.

3.
LEAL, S. A. G.. concurso para professor assistente na área de Ciências Sociais. 2008. Universidade Federal da Bahia.

Outras participações
1.
COELHO, M. F. P.; MESSEMBERG, Debora.; FARIAS, E.; KLEIN, S.; LEAL, S. A. G.. Seleção de Doutorado. 2015. Universidade de Brasília.

2.
CURSINO, E. A. G.; COSTA, J. B.; COELHO, C. M.; LEAL, S. A. G.. Processos de aproveitamento de estudos de reintegração ao curso de Sociologia. 2014. Universidade de Brasília.

3.
NUNES, Brasilmar Ferreira; MESSEMBERG, Debora.; LEAL, S. A. G.. Avaliação de Estágio Probatório Parcial 18 meses. 2014. Universidade de Brasília.

4.
LEAL, S. A. G.. Edital MCT/CNPq n. 49/2010 - REID/CASA BRASIL. 2010. Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
18 Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia (SBS). O lugar da justiça cognitiva na pesquisa sobre dispositivos de inclusão social: repertório normativo de beneficiários do Programa Bolsa Família no DF. 2017. (Congresso).

2.
41 ANPOCS - Coloquio - As ciências na sociedade: entre a construção de conhecimentos e a desconstrução de crenças,. Tecnologia como forma da crítica: imbricamentos entre. 2017. (Congresso).

3.
XXXI Congreso de la Asociación Latinoamericana de Sociología. A ?colocada em tecnologia? de problemas sociais: aplicativo Brasil 4D à provação da justiça social e cognitiva. 2017. (Congresso).

4.
40o. Encontro Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais (Anpocs).Registros normativos em torno dos usos do dispositivo de inclusão digital Brasil 4D: experiências morais e cognitivas de usuários do Programa Bolsa Família. 2016. (Encontro).

5.
4S/EASST. Application Brasil 4D tested by the social and cognitive justice. 2016. (Congresso).

6.
III Colloque Internacional Les silences du journalisme.7ème journée Regards croisés sur les enjeux contemporains du journalisme (REJ) Réinterroger nos normes de chercheurs. 2015. (Outra).

7.
4S Esocite 2014. The test of Ginga in the Brazilian digital inclusion policy. 2014. (Congresso).

8.
Anpocs. A normatização da inovação Ginga como dispositivo sociotécnico: a controversia acerca da arquitetura final do middleware da TV digital brasileira. 2014. (Congresso).

9.
seminario internacional El sector audiovisual en la era digital: políticas y estrategias para la diversidad".Diversidad cultural y reconocimiento en la política de radiodifusión brasileña: desafíos y perspectivas. 2014. (Seminário).

10.
3º Encontro Estadual de Ensino de Sociologia - 3º ENSOC.Formação e saberes docentes para o Ensino de Sociologia nas escolas: reflexões sobre a licenciatura em Ciências Sociais da Universidade de Brasília ? UnB. 2012. (Encontro).

11.
II Forum of sociology Social Justice & Democratization.The interface between digital democracy and public policy: the challenges of digital inclusion in Brazil. 2012. (Outra).

12.
Tercer Congreso Nacional de Ciencias Sociales. Política pública de inclusión digital en Brasil: los desafíos para el acceso a las tecnologías de la información y la comunicación y la lucha contra las desigualdades sociales. 2012. (Congresso).

13.
35o. Encontro Anual ANPOCS - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais.Reflexões sobre o conceito de inovação social e suas implicações para as políticas de inovação no Brasil. 2011. (Encontro).

14.
Congresso Internacional da Associação Latino-Americana de Sociologia. A dimensão sócio-cognitiva da Inclusão Digital no Brasil: a experiência da formação dos monitores dos Pontos GESAC. 2011. (Congresso).

15.
Congresso Internacional da Associação Latino-Americana de Sociologia. Comunicacion y Ciencias Sociales: un dialogo latino-americano. 2011. (Congresso).

16.
Congresso Internacional da Associação Latino-Americana de Sociologia. Divulgação pública de controvérsias científicas: o caso da vacina BCG contra tuberculose no Brasil. 2011. (Congresso).

17.
III Reunião de Antropologia da Ciência e da Tecnologia.Tecnociências e novas políticas da vida. 2011. (Encontro).

18.
Seminário Internacional de Sociologia: 50 anos de Brasília e 40 anos do Programa de Pós-Graduação em Sociologia/UnB.Sociologia da Ciência e da Tecnologia. 2010. (Seminário).

19.
VIII Jornada de Estudios Sociales de la Ciencia y la Tecnología (ESOCITE).Cidadania científica e esfera pública: controvérsias tecnocientíficas no caso da vacina BCG contra tuberculose no Brasil. 2010. (Outra).

20.
II Seminario Internacional de análisis Iberoamérica un espacio para la cooperacion en cultura-comunicacion.Cine y cooperacion iberamericana. 2009. (Seminário).

21.
XIX International Conference of Reser. Démocratie technologique et innovation dans les services : une analyse sociotechnique de la définition de la norme de la télévision numérique au Brésil. 2009. (Congresso).

22.
XXVII Congresso da Associação Latinoamericana de Sociologia. Controvérsias sobre a regulamentação da convergência tecnológica no Parlamento brasileiro: democracia técnica e lógicas de ação. 2009. (Congresso).

23.
XXVII Congresso da Associação Latinoamericana de Sociologia. Estudios sobre la sociedad de la información y el conocimiento en los ultimos diez anos en America Latina. 2009. (Congresso).

24.
II Encontro Ulepicc - Digitalização e sociedade.Rádio comunitária, lógicas de ação e esfera pública: uma reflexão a partir da Sociologia das Convenções. 2008. (Encontro).

25.
Políticas de (Tele)comunicações. 2008. (Seminário).

26.
Colóquios Multitemáticos em Comunicação - XXX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação.Repensando a rádio comunitária no Brasil: desafios e perspectivas para as políticas públicas. 2007. (Outra).

27.
International Association for Media and Communication Research. Community radio broadcasting in Brazil: action rationales and public space. 2007. (Congresso).

28.
International Association for Media and Communication Research - Workshop Radio et diversité culturelle.Community radio broadcasting in Brazil: action rationales and public space. 2007. (Oficina).

29.
Wireless Opportunities and Solutions: A regulatory perspectiveLIRNE Expert Meeting and International Workshop. 2007. (Encontro).

30.
XXX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Projetos de convergência tecnológica pra as Comunicações no Brasil: descompasso entre interesse público e interesse privado. 2007. (Congresso).

31.
30º Encontro Anual da Associação Nacional de Pós-graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS.Mídias alternativas e esfera pública: o espaço do debate político nas rádios comunitárias no Brasil e na França. 2006. (Encontro).

32.
XXIX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Repensando a rádio comunitária no Brasil: desafios e perspectivas para as políticas públicas. 2006. (Congresso).

33.
V Congreso Internacional de Radios y Televisiones Locales Públicas y Alternativas. A paisagem das rádios comunitárias no Brasil: desafios e perspectivas. 2005. (Congresso).

34.
V Encontro Latino de Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura.Políticas públicas de comunicação e a luta pelo reconhecimento: o caso das rádios associativas na França. 2005. (Encontro).

35.
Acteur, risque et prise de risque à l'épreuve des sciences sociales. 2004. (Outra).

36.
International Association for Media and Communication Research. Communication public policies for community radios in Brazil: Discrepancy between Rights and reality. 2004. (Congresso).

37.
XXVI Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. O papel das agências reguladoras no Brasil: os paradoxos da atuação da Agência Nacional de Telecomunicações. 2003. (Congresso).

38.
Coloquio panamericano industrias culturales y dialogo de civilizaciones en las Américas.A imaginaçào de controle público a partir do Regulamento do Setor de Telecomunicações no Brasil. 2002. (Outra).

39.
XXV Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. A imaginaçào de controle público a partir do Regulamento do Setor de Telecomunicações do Brasil: a utilização dos aparatos regulatórios da Anatel pelo usuario cidadao. 2002. (Congresso).

40.
Encuentro de Economia Política de la Comunicacion des Mercosur. 2001. (Encontro).

41.
V Congreso Latinoamericano de Ciencias de la Comunicacion. 2000. (Congresso).

42.
XX III Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. 2000. (Congresso).

43.
Conferência Nacional O Brasil que queremos no século XXI: democracia, cidadania e sustentabilidade. 1998. (Outra).

44.
II Lusocom. 1998. (Encontro).

45.
XXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. 1998. (Congresso).

46.
XVII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. 1997. (Congresso).

47.
VIII Encontro Estadual dos jornalistas. 1996. (Encontro).

48.
Seminário Internet & Educação. 1995. (Seminário).

49.
XVIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. 1995. (Congresso).

50.
I Bienal Sergipana de Comunicação. 1994. (Outra).

51.
XVII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. 1994. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
NEVES, F. ; SA, G. J. S. E. ; LEAL, S. A. G. ; DUARTE, T. ; MARQUES, I. C. ; SOBRAL, F. . VII ESOCITE.BR ∕ tecsoc. 2017. (Congresso).

2.
LEAL, S. A. G.; CORREA, D. ; CANTU, R. ; CHARTAIN, L. . I Colóquio Crítica e Pragmatismo na Sociologia: diálogos entre Brasil e França. 2016. (Outro).

3.
FARIAS, Edson ; LEAL, S. A. G. . Seminário Internacional de Sociologia: 50 anos de Brasília e 40 anos do Programa de Pós-Graduação em Sociologia/UnB. 2010. (Outro).

4.
LEAL, S. A. G.; FREITAS, Christiana . Fórum Ciência e Tecnologia II. 2009. (Outro).

5.
LEAL, S. A. G.; Romão, J. E. E. . I Coloquio sobre Classificação Indicativa no Brasil. 2006. (Outro).

6.
LEAL, S. A. G.; Socrates, T. ; Romão, J. E. E. . Seminario Nacional sobre Classificação Indicativa. 2006. (Outro).

7.
LEAL, S. A. G.. Politicas de comunicaçao para mídias alternativas: tensoes entre público e privado. 2006. (Outro).

8.
LEAL, S. A. G.; POSSA, Viviane . XI Seminário Nacional de Parques Tecnológicos e Incubadoras de Empresas. 2001. (Outro).

9.
LEAL, S. A. G.; POSSA, Viviane . X Seminário Nacional de Parques Tecnológicos e Incubadoras de Empresas. 2000. (Outro).

10.
LEAL, S. A. G.. II Lusocom-Encontro Lusófono de Ciências da Comunicação. 1998. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Nilza Maria. PERCEPÇÃO E PRÁTICAS SOCIAIS DOS ESTUDANTES DE ENSINO MÉDIO DO DISTRITO FEDERAL EM CONTATO COM A SOCIOLOGIA QUE VAI À ESCOLA. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília. (Orientador).

2.
Kelly Nobre. Publicização e ação coletiva em torno de um problema socioambiental: uma análise da controvérsia sobre o reassentamento de uma comunidade impactada pela mineração no Maranhão.. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília. (Orientador).

3.
Danilo Mourão dos Santos. A construção intersubjetiva do ser quilombola nas comunidades África e Laranjituba no Pará: entre lutas por reconhecimento e conflitos identitários. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Leonardo Rauta Martins. "Dessa história nós somos o sujeito, lutamos pela vida pelo que é de direito": juventude rural e permanência no campo a partir da experiência das Escolas Família Agrícola no estado do Espírito Santo (Brasil). Início: 2016. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de Brasília. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
David Castro Almeida. Estudo de trajetórias e projetos de vida de catadoras de materiais recicláveis no contexto do pós-encerramento do Lixão da Estrutural (DF). Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília. (Orientador).

Iniciação científica
1.
lucas Dias. Rumores de sanitarização: a desativação do Lixão da Estrutural e a percepção dos catadores de resíduos sólidos acerca de incertezas e novos problemas públicos. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília. (Orientador).

2.
Lucas Aroucha. Impactos da transferência do lixo da Estrutural ao Aterro Sanitário da Samambaia: dispositivos de reparação, participação e justiça social. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília. (Orientador).

3.
Ludmila Condé.. Controvérsias acerca do projeto tecnológico Aterro Sanitário da Samambaia/DF: entre justiça social e justiça ambiental. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Janete Araújo da Silva. AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO E O ENSINO DE SOCIOLOGIA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DO DISTRITO FEDERAL: Inclusão Digital e capital tecnológico-informacional. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Universidade de Brasília, . Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

2.
Sarita Gonçalves Coelho. TRANSIÇÃO AGROECOLÓGICA E REFORMA AGRÁRIA NO BRASIL: ESTUDOS DE CASOS NOS ASSENTAMENTOS JIBÓIA E PARAÍSO EM UNAÍ - MINAS GERAIS. 2011. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília, . Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Paula Fernanda de Souza Lima. Manuais de avaliação física como dispositivo de docilização dos corpos: caso da polícia militar do DF. 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão em segurança pública) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

2.
Leonardo Guedes. Conflito entre trabalho policial prescrito e o real: o caso dos agentes de polícia civil do DF. 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em gestão em segurança pública) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

3.
Waldemiro Saraiva de Medeiros. QUALIDADE DA GESTÃO NO ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DA UNIDADE DE PRONTO ATENDIMENTO ? UPA ? DO SEGUNDO DISTRITO NO MUNICÍPIO DE RIO BRANCO ? ACRE. 2012. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Gestão Pública) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

4.
CRISTINA MARIA BATISTA DE LACERDA. CONSELHO GESTOR DA ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL (APA) LAGO DO AMAPÁ, RIO BRANCO/ACRE: PARTICIPAÇÃO E REPRESENTATIVIDADE NO PROCESSO DE GESTÃO. 2012. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Gestão Pública) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

5.
NEZI HEVERTON CAMPOS DE OLIVEIRA. POLÍTICAS PÚBLICAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: Canal Saúde e o programa ?Ligado em Saúde?. 2012. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Gestão Pública) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

6.
MARGARETE CÁSSIA DA COSTA. ARTICULAÇÃO ENTRE ATORES SOCIAIS LOCAIS NA CONSTRUÇÃO DA REDE DE TURISMO DE BASE COMUNITÁRIA EM GUARULHOS/SP: A EXPERIÊNCIA DA APA CABUÇU-TANQUE GRANDE. 2012. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Gestão Pública) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

7.
Carina Roos. Capital social na rede social Twitter: uma análise das interações dos usuários no episódio das eleições para Governador do DF, 2010. 2011. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Sociologia) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

8.
Gabriela Almeida de Lima. Do fetiche à mercadoria: uma análise de ciência e natureza objetivas nas embalagens da linha Ekos da Natura. 2011. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Sociologia) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

9.
Aureli Oliveira Jurumenha Turra. DEMOCRACIA E PARTICIPAÇÃO: CONTROLE SOCIAL DO FUNDEB : ESTUDO DE CASOS NO MARANHÃO E PIAUÍ. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão de Programas e Projetos Educacionais) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

10.
Auseni França Millions. DEMOCRACIA, PARTICIPAÇAO E COMUNICAÇÃO: UMA ANÁLISE DO PROCESSO DE ESCOLHA DOS LIVROS DIDÁTICOS PELOS PROFESSORES DAS ESCOLAS PÚBLICAS DO DISTRITO FEDERAL. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão de Programas e Projetos Educacionais) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Vinólia Maria Costa de Oliveira Curvina. Programa de olho na Qualidade MEMV: a denúncia pública de beneficiários da política pública de habitação como instrumento de controle público-social. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em sociologia) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

2.
Caio Eduardo Oliveira Leastro. Ingresso no ensino superior e acúmulo de capital cultural como vetores para a mobilidade social de estudantes negros cotistas da UnB e suas expectativas de inserção no mercado de trabalho. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

3.
Pedro Piccolo Contesini. PREFEITURAS COMUNITÁRIAS DO RIACHO FUNDO II: contradições e insuficiências da participação popular em busca do desenvolvimento local e do fortalecimento da sociedade civil. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Sociologia) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

4.
Thaís Margalho. O Jornal da Fonte A construção do diálogo entre mídia e políticos para a formação da opinião pública no caso da Reforma Política entre 2003 e 2007. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Jornalismo) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

5.
Anna Thereza Reis Sá. Política pública de Ciência e Tecnologia no Brasil: mecanismo para inclusão do cidadão na sociedade da informação; estudo de caso de Telecentros no DF. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Publicidade) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

6.
Juliano Ferreira da Silva. Movimentos pela implantaçào do Sistema Brasileiro de TV Digital: descompasso entre interesses público e privados. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Audiovisual e publicidade) - Faculdade de Comunicação da UnB. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

7.
João Campos. Estado, Política e Comunicação Comunitária na Venezuela. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Jornalismo) - Faculdade de Comunicação da UnB. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

Iniciação científica
1.
Alane Beatriz da Nóbrega Martins. A televisão digital interativa como aparato sócio-técnico para construção de aplicativos de benefícios sociais no Brasil: o middleware Ginga como política de inclusão digital. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

2.
Heitor Zanini. Usos de aplicativos de benefícios sociais e interatividade cívica: inclusão digital no âmbito da experiência Brasil 4D, no Distrito Federal. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

3.
Ludmila Condé.. A tecnologia como ferramenta de justiça social: lógicas e experiências sociais de apropriação de aplicativos de benefício social no Distrito Federal.. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

4.
Heitor Zanini. Usos de aplicativos de benefícios sociais e interatividade cívica: inclusão digital no âmbito da experiência Brasil 4D, no Distrito Federal. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

5.
Ludmila Condé. A tecnologia como ferramenta de justiça social: lógicas e experiências sociais de apropriação de aplicativos de benefício social no Distrito Federal. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

6.
Alane Beatriz da Nóbrega Martins. A televisão digital interativa como aparato sócio-técnico para construção de aplicativos de benefícios sociais no Brasil: o middleware Ginga como política de inclusão digital. 2015. Iniciação Científica - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

7.
Bruno Moreira Borges de Castro. Por uma sociologia do ensino de sociologia: representações sociais de uma nova disciplina. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

8.
Ayla Viçosa. O ensino de Sociologia em contextos diversos: saberes docentes e inovação social em escolas privadas do Distrito Federal. 2013. Iniciação Científica - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

9.
Juliana Vargas Carvalho. Políticas de C&T para Inclusão Digital no Brasil: uma análise do Programa GESAC. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

10.
Juliana Vargas Carvalho. Cidadania científica e democracia técnica: controvérsias tecnocientíficas no caso da vacina BCG contra tuberculose no Brasil. 2011. Iniciação Científica - Universidade de Brasília. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

11.
Gregório Zambon Diniz. Cidadania científica e democracia técnica: a presença do Estado e da sociedade civil nas controvérsias tecnocientíficas no caso da vacina BCG contra tuberculose e da vacina contra Influenza A no Brasil. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

12.
Natália Peres Kornijezuk. Cidadania científica e democracia técnica: controvérsia tecnocientífica no caso da vacina contra Influenza A (H1N1) no Brasil. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

13.
André Luiz Trigueiro Santoro. A participação pública na controvérsia sobre a vacina BCG no Brasil: estudo da relação entre Estado, sociedade civil e cientistas.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.

14.
Isabela Maria Lisboa Blumm. Estratégias discursivas de atores envolvidos na controvérsia acerca da vacina BCG contra tuberculose no Brasil: publicização na rádio pública brasileira. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Sociologia) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sayonara de Amorim Goncalves Leal.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
LEAL, S. A. G.;LEAL, SAYONARA;LEAL, SAYONARA DE AMORIM GONÇALVES;Amorim, Sayonara Leal2014LEAL, S. A. G.; VARGAS, Eduardo Raupp de . Entre associativismo e regimes de engamento: reflexões acerca do conceito de inovação social para pensar políticas públicas de inovação. Estudos de Sociologia, v. 19, p. 349-369-369, 2014.


Livros e capítulos
1.
LEAL, S. A. G.; MENEZES, F. ; NERIS, Kendy ; JANSEN, V. . Saberes docentes para o ensino de sociologia nas escolas do Distrito Federal: reflexões sobre a formação de licenciandos em Ciências Sociais da Universidade de Brasília. In: Anita Handfas; Julia Maçaira; Alexandre Barbosa Fraga. (Org.). Conhecimento escolas e ensino de sociologia: instituições, práticas e percepções. 1ed.Rio de Janeiro: 7 Letras, 2015, v. 0, p. 49-66.

2.
LEAL, S. A. G.. The Interface between digital democracy and public policy: the challenges of digital inclusion in Brazil. In: Benjamín Tejerina and Ignacia Perugorría. (Org.). Global movements, national grievances: mobilizing for "real democracy" and social justice. 1ed.Bilbao: Universidad del País Vasco ? Euskal Herriko Unibertsitatea, Servicio Editorial = a rgitalpen Zerbitz, 2012, v. 1, p. 309-329.


Apresentações de Trabalho
1.
LEAL, Sayonara de A. G. ; JANSEN, V. ; NERIS, K. ; MENEZES, F. ; BRANDAO, C. ; LEAL, S. A. G. . Formação e saberes docentes para o Ensino de Sociologia nas escolas: reflexões sobre a licenciatura em Ciências Sociais da Universidade de Brasília ? UnB. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

2.
LEAL, S. A. G.. The test of Ginga in the Brazilian digital inclusion policy. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
LEAL, S. A. G.. Inovação Tecnológica como política pública para inclusão social: o caso do middleware Ginga para interatividade na TV digital do Brasil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

4.
LEAL, S. A. G.. Diversidad cultural y reconocimiento en la política de radiodifusión brasileña: desafíos y perspectivas. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
LEAL, S. A. G.. no locus da produção do conhecimento: disputas epistemológicas em tempos de controvérsia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
LEAL, S. A. G.; FORNAZIN, M. . Mini curso Mapeamento de Controvérsias Tecnocientíficas. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LEAL, S. A. G.; CORREA, D. ; CANTU, R. ; CHARTAIN, L. . I Colóquio Crítica e Pragmatismo na Sociologia: diálogos entre Brasil e França. 2016. (Outro).



Outras informações relevantes


Membro da Intercom e da Diretoria da União Latina de Economia Política da Informação, da Comunicação e da Cultura - ULEPICC.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/11/2018 às 14:02:50