Ronei Clecio Mocellin

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3633355260210007
  • Última atualização do currículo em 25/01/2019


Possui graduação em Química pela Universidade Federal do Paraná (1997), mestrado em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Catarina (2003) e doutorado em Filosofia (Epistemologia, História das Ciências e das Técnicas) pela Universidade de Paris X (2009). Em 2013 fez pós-doutoramento no departamento de filosofia da Universidade de São Paulo no quadro do Projeto Temático da Fapesp "Gênese e significado da tecnociência". Atualmente é professor da cadeira de "Filosofia da ciência" do departamento de filosofia da Universidade Federal do Paraná. Líder do Grupo de Pesquisa "Núcleo de Estudos da Cultura Técnica e Científica" (NECTeC), cadastrado no CNPq e certificado na UFPR. Tem experiência na área de filosofia das ciências e das técnicas, com ênfase em filosofia e história do conhecimento químico. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Ronei Clecio Mocellin
Nome em citações bibliográficas
MOCELLIN, R. C.;MOCELLIN, Ronei Clécio

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas - Departamento de Filosofia.
Rua Doutor Faivre
Centro
80060140 - Curitiba, PR - Brasil
Telefone: (41) 33605098
URL da Homepage: http://www.filosofia.ufpr.br/


Formação acadêmica/titulação


2005 - 2009
Doutorado em Filosofia.
Université de Paris X, Nanterre, Paris X, França.
Título: Louis-Bernard Guyton de Morveau (1737-1816):Chimiste et Professeur au Siècle des Lumières., Ano de obtenção: 2009.
Orientador: Bernadette Bensaude-Vincent.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: História Epistemológica da Química; Revoluçao da quimica; Ensino da quimica; Académie des Sciences de Dijon; Revolução Francesa; Ecole Polytechnique.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Fundamentos da Educação / Especialidade: História da Educação.
Setores de atividade: Educação.
2001 - 2003
Mestrado em Filosofia.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Lavoisier e a longa revolução na química,Ano de Obtenção: 2003.
Orientador: Luiz Henrique de Araujo Dutra.
Palavras-chave: História Epistemológica da Química; Lavoisier; Epistemologia; Thomas Kuhn.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química.
Setores de atividade: Educação Superior.
1991 - 1997
Graduação em Quimica.
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.


Pós-doutorado


2012 - 2014
Pós-Doutorado.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Atuação Profissional



Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2018 - 12/2018
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Ciência II
02/2018 - 07/2018
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Ciência I
08/2017 - 12/2017
Ensino, Abi - Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da ciência V
02/2017 - 07/2017
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Ciência I
02/2017 - 05/2017
Direção e administração, Setor de Ciências Humanas - Departamento de Filosofia, .

Cargo ou função
Coordenador de Pós-Graduação.
03/2016 - 02/2017
Direção e administração, Setor de Ciências Humanas - Departamento de Filosofia, .

Cargo ou função
Vice Coordenador de Pós-Graduação.
8/2016 - 12/2016
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria do Conhecimento II
8/2016 - 12/2016
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da ciência IV
2/2016 - 6/2016
Ensino, Abi - Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Ciência I
07/2015 - 12/2015
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Ciência I
2/2015 - 12/2015
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da ciência I
8/2014 - 12/2014
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da ciência II (Filosofia da técnica)
02/2014 - 06/2014
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Ciência I


Projetos de pesquisa


2014 - Atual
Estilo de raciocínio e capilaridade tecnocultural da química
Descrição: O projeto tem por objetivo geral explicitar e descrever a originalidade filosófica e histórica de um estilo químico de raciocinar. A noção de estilo de pensamento ou de raciocínio científico tem sido empregada na descrição e análise de diferentes aspetos da prática científica (Fleck, Crombie, Hacking, Granger, Bueno, Bensaude-Vincent). Assumimos que o conhecimento químico é histórico e que seus conceitos e artefatos se capilarizam socioculturalmente. Nosso projeto enquadra-se, então, em uma área de investigação acadêmica que alicerça suas investigações filosóficas e históricas nos domínios da química, de seus produtos e de sua indústria. Na primeira etapa, o objetivo é descrever as razões gerais e específicas de adicionarmos mais um estilo nas listas de Crombie e de Hacking. Afinal, existe um estilo químico de raciocínio? Quais as especificidades de uma ciência inteiramente construída em laboratórios? Quais as noções de técnica e de tecnologia que poderíamos identificar na manipulação química dos materiais? Seria a química uma ciência originariamente tecnocientífica? Quais lições a tirar das transgressões realizada pelos químicos entre o natural e o artefato? Em linhas gerais, nosso objetivo é, em primeiro lugar, analisar o emprego de uma noção ampla de estilo químico, a fim de propor uma identidade histórico-cognitiva à química. E, em segundo, analisar o escopo de uma noção restrita de estilo químico, que teria como base o emergentismo relacional das propriedades químicas. Através do aprofundamento dessas análises consideramos possível oferecer respostas cada vez mais precisas às questões acima e a inúmeras outras que envolvem a presença social e intelectual da química..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Ronei Clecio Mocellin - Coordenador.


Revisor de periódico


2012 - Atual
Periódico: Química Nova (Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Scientiae Studia (USP)
2014 - Atual
Periódico: História, Ciências, Saúde-Manguinhos (Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Dois Pontos (UFPR)
2014 - Atual
Periódico: História da Ciência e Ensino: construindo interfaces
2015 - Atual
Periódico: Cahiers François Viète (Université de Nantes)
2015 - Atual
Periódico: Revista Princípios
2016 - Atual
Periódico: Educação e Filosofia (UFU. Impresso)
2016 - Atual
Periódico: International Studies in the Philosophy of Science
2017 - Atual
Periódico: PRINCIPIA (UFSC)
2017 - Atual
Periódico: Ciência e Educação (UNESP)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia das Ciências e da Técnica.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia da Química.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia das Luzes.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Epistemologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2009
Award Scheme, Society for the History of Alchemy and Chemistry (AMBIX).


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
MOCELLIN, R. C.2018MOCELLIN, R. C.. Conceitos nômades: filosofia química na Ilustração. DOIS PONTOS (UFPR) DIGITAL, v. 15, p. 183-197, 2018.

2.
MOCELLIN, R. C.2016 MOCELLIN, R. C.. Guyton de Morveau, « le premier chimiste de France » : divergences, convergences et consensus dans la Révolution Chimique. Annales Historiques de la Révolution Française, v. 383, p. 61-80, 2016.

3.
MOCELLIN, R. C.2015MOCELLIN, R. C.; RAMOS, M. C. . Natureza e artefato: laboratório como teatro de operações e manipulações materiais. Dois Pontos (UFPR) digital, v. 12, p. 11, 2015.

4.
MOCELLIN, R. C.2015MOCELLIN, R. C.. Química e Modernidade. Cadernos PET-Filosofia (UFPR), v. 16, p. 9-26, 2015.

5.
MOCELLIN, R. C.2015 MOCELLIN, R. C.. Estilo de raciocínio e capilaridade técnico-cultural na química do século XVIII. Scientiae Studia (USP), v. 13, p. 759-780, 2015.

6.
MOCELLIN, Ronei Clécio2012 MOCELLIN, Ronei Clécio. Louis-Bernard Guyton de Morveau e a revolução química das Luzes. SCIENTIAE STUDIA (USP), v. 10, p. 733-758, 2012.

7.
MOCELLIN, Ronei Clécio2012MOCELLIN, Ronei Clécio. Artificializar a natureza, naturalizar a sociedade: a química a serviço da filosofia. Cadernos de Ética e Filosofia Política (USP), v. 21, p. 89-97, 2012.

8.
MOCELLIN, R. C.2011MOCELLIN, R. C.. O 'sonho newtoniano' de Guyton de Morveau. Circumscribere (PUCSP), v. 10, p. 22-39, 2011.

9.
MOCELLIN, R. C.2006MOCELLIN, R. C.. A Quimica Newtoniana. Química Nova (Impresso), v. 29, p. 388-396, 2006.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
MOCELLIN, R. C.. Louis-Bernard Guyton de Morveau: Chimiste et Professeur au Siècle des Lumières. Sarrebruck: Editions Universitaires Européennes, 2011. 407p .

2.
MOCELLIN, R. C.. Uma Breve História da Ciência. 1. ed. Curitiba: Nova Didática, 2000. v. único. 63p .

Capítulos de livros publicados
1.
MOCELLIN, R. C.. Existe um estilo de raciocínio químico?. In: Silvio Seno Chibeni; Luciana Zaterka; José Ahumada; Diego Letzen; Cibele Celestino Silva; Lilian Al-Chueyr Pereira Martins; Ana Paula Oliveira Pereira de Morais Brito. (Org.). Filosofia e historia de la ciencia en el cono sur. 1ed.Córdoba: AFHIC, 2018, v. , p. 46-55.

2.
ZATERKA, L. ; MOCELLIN, R. C. . O 'programa baconiano', a química e a interpretação da natureza. In: Silvio Seno Chibeni; Luciana Zaterka; José Ahumada; Diego Letzen; Cibele Celestino Silva; Lilian Al-Chueyr Pereira Martins; Ana Paula Oliveira Pereira de Morais Brito. (Org.). Filosofia e historia de la ciencia en el cono sur. 1ed.Córdoba: AFHIC, 2018, v. , p. 326-336.

3.
MOCELLIN, R. C.. Química e filosofias experimentais no século XVIII. In: Evaldo Becker, Marcelo de Sant?Anna Alves Primo, Saulo Henrique Souza Silva. (Org.). Moral, ciência e história no pensamento moderno. 1ed.São Cristóvão: Editora UFS, 2018, v. , p. 291-316.

4.
ZATERKA, L. ; MOCELLIN, R. C. . Natural History, Chemistry, and Teaching in Modern Scientific Culture.. In: Maria Elice de Brzezinski PrestesCibelle Celestino Silva. (Org.). Teaching Science with Context Historical, Philosophical, and Sociological Approaches.. 1ed.Cham: Springer, 2018, v. , p. 235-249.

5.
MOCELLIN, R. C.. Metzger e Koyré: diálogos e escolhas. In: Mauro Lúcio Leitão Condé ; Marlon Salomon. (Org.). Alexandre Koyré: História e Filosofia das Ciências. 1ed.Belo Horizonte: Fino Traço, 2015, v. , p. 163-186.

6.
MOCELLIN, R. C.. Um estilo químico de pensar e a noção de progresso. In: Marcelo Carvalho ; Claudemir Roque Tossato ; Fátima R. Évora ; Oswaldo Pessoa Jr.. (Org.). Filosofia da ciência e da natureza. 1ed.São Paulo: Coleção ANPOF, 2015, v. , p. 533-541.

7.
MOCELLIN, R. C.. Afinidades químicas ou a parte da química 'mais suscetível de tornar-se uma ciência exata': Guyton de Morveau em português. In: Carlos A. L. Filgueiras. (Org.). Vicente Coelho de Seabra: o primeiro químico moderno brasileiro. 1ed.Belo Horizonte: SBQ/MG, 2015, v. , p. 57-74.

8.
MOCELLIN, R. C.. Filosofia da química: uma novidade aparente. In: Evaldo Becker ; Marcos Balieiro ; Oliver Tolle. (Org.). Filosofia no ensino médio: filosofia da ciência. 1ed.São Cristovão: Editora UFS, 2013, v. , p. 48-70.

9.
MOCELLIN, R. C.. A revolução química na Estrutura. In: Mauro Lúcio Leitão Condé ; Marcelo do Amaral Pena-Forte. (Org.). Thomas Kuhn : a estrutura das revoluções científicas (50 depois). 1ed.Belo Horizonte: Fino Traço, 2013, v. , p. 101-120.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MOCELLIN, R. C.. Lemco: Un coloso de la industria cárnica en Fray Bentos, Uruguay. Revista Humanidades, p. 139 - 141, 31 ago. 2018.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
MOCELLIN, R. C.. Natural x Artificial: transgressões da química. In: IV Simpósio Nacional de Tecnologia e Sociedade, 2011, Curitiba. IV Simpósio Nacional de Tecnologia e Sociedade, 2011.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BARRA, E. S. O. ; MOCELLIN, R. C. . Por que forças repulsivas são essenciais? As bases químicas da mecânica kantiana. In: XIII Colóquio Kant da UNICAMP: Kant e a ciência de seu tempo, 2011, Campinas. Kant e a ciência de seu tempo, 2011.

Apresentações de Trabalho
1.
LABARCA, M. ; MOCELLIN, R. C. . De qué hablamos cuando hablamos de elemento químico?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
MOCELLIN, R. C.. A química e as origens da medicina social. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MOCELLIN, R. C.. Racionalidade química e a temporalidade dos 'objetos químicos'. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MOCELLIN, R. C.. Química, arte e filosofia. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
BECKER, E. ; MOCELLIN, R. C. . O Tratado dos Animais à luz da ética e da epistemologia. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
ZATERKA, L. ; MOCELLIN, R. C. . História, matéria e operacionalidade: o 'programa baconiano' e a gênese histórico-conceitual da química moderna. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
MOCELLIN, R. C.. Estilo químico e temporalidades: artefatos químicos como objetos técnicos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
MOCELLIN, R. C.. Estilo químico de raciocinar. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
MOCELLIN, R. C.. Estilo de raciocínio e capilaridade tecnocultural da química das Luzes.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

10.
MOCELLIN, R. C.. Afinidades químicas ou a parte da química 'mais suscetível de tornar-se uma ciência exata': Guyton de Morveau em português. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

11.
MOCELLIN, R. C.. Hélène Metzger, Alexandre Koyré e a Epistemologia Histórica Francesa. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

12.
MOCELLIN, R. C.. Um estilo químico de raciocinar e a noção de progresso. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
MOCELLIN, R. C.. Estilo químico de raciocinar. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
MOCELLIN, Ronei Clécio. Guyton de Morveau e a Cultura Química do Século das Luzes. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
MOCELLIN, Ronei Clécio. Guyton de Morveau and the chemical culture of the age of enlightenment. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

16.
MOCELLIN, Ronei Clécio. Estilo de raciocínio e capilaridade tecnocultural do conhecimento químico. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
MOCELLIN, R. C.. Transgressões da química e o primado da epistemologia. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
MOCELLIN, R. C.. Filosofia da química: uma novidade aparente. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

19.
BARRA, E. S. O. ; MOCELLIN, R. C. . Verso e reverso da mecância kantiana: forças essenciais e o dinamismo químico. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

20.
MOCELLIN, R. C.. Filosofia da química & Ensino de química. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
MOCELLIN, R. C.. A teoria do flogistico e a estrutura lexical da quimica do século XVIII. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
MOCELLIN, R. C.; BARRA, E.S.O. . Uma introdução à metafísica da natureza: Representação, realismo e leis científicas. Curitiba: Editora UFPR, 2013. (Tradução/Livro).


Demais tipos de produção técnica
1.
MOCELLIN, R. C.. História e Filosofia da Química. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
KIOURANIS, N. M. M.; NEVES, M. C. D.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Mateus Carneiro Guimarães dos Santos. Carlo Mateucci e as leis da eletrólise. 2019. Dissertação (Mestrado em Educação Para a Ciência e o Ensino de Matemática) - Universidade Estadual de Maringá.

2.
FREITAS, M. S. T.; PROCOPIAK, L. K.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Juliana Dissenha Burer Rengel. Uma nova perspectiva no ensino de botânica: a fenomenologia de Goethe aplicada ao ensino de ciências. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Formação Científica) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

3.
MIQUELIN, A. F.; AGATHA, J.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Fábio Clavisso Fernandes. As engrenagens de Manhattan: utilizando Watchmen para o ensino de física com enfoque CTS. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Formação Científica) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

4.
KOSLOWSKI, A. A.; PIAUI, W. S.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Ilmário de Souza Pinheiro. A função das virtudes pragmáticas na aceitação das teorias científicas no empirismo construtivo de Bas van Fraassen.. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Sergipe.

5.
FREITAS, M. S. T.; FLORCZAK, M. A.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Tania Lucia Correia Valente. O ensino-aprendizagem da língua portuguesa e ciências da natureza numa abordagem semiótica, na educação de jovens e adultos, com alunos em privação de liberdade. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Formação Científica) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

6.
MIQUELIN, A. F.; FLOCZAK, M. A.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Júlio César Muchenski. Gênero de pensamento de laboratório no ensino de física: especulação complexa de tipos da física no manuseio de atividades experimentais artesanais e tecnológicas. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Formação Científica) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

7.
BARRA, E. S. O.; ROQUE, T. M.; MOCELLIN, Ronei Clécio. Participação em banca de Luiz Felipe Sigwalt de Miranda. O erro de Newton à luz da polêmica sobre o cálculo. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná.

8.
BARRA, E.S.O.; MOCELLIN, R. C.; Custódio, M. A. D.. Participação em banca de Lisiane Basso. O papel dos indivisiveis para a explicação da velocidade nos 'Discorsi' de Galileu. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná.

9.
BARRA, E.S.O.; CUPANI, A.O.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Daniel Laskozki Tozzini. Objetividade e racionalidade na filosofia de Thomas Kuhn. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná.

Teses de doutorado
1.
BARRA, E. S. O.; GUICCIARDINI, N.; BUENO, O.; VASQUEZ, J. C. C.; MIQUELIN, A.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Luiz Felipe Sigwalt de Miranda. Há um estilo para a matemática? Um estudo a partir do problema da braquistócrona. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná.

2.
BARRA, E.S.O.; MIQUELIN, A. F.; CALAZANS, A.; SZCZEPANIK, G. E.; MOCELLIN, R. C.. Participação em banca de Maurício Fernando Bozatski. Por que a tecnologia importa? As porssibilidades e as consequências das tecnologias nos contextos científicos e sociais. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SILVA, K. F.; MOOSBURGER, U. B.; PINHEIRO, C. M.; MOCELLIN, R. C.; COSTESKI, E.. Filosofia da Educação. 2017. Universidade Federal do Paraná.

2.
DEINA, W.; KOMINEK, A. M. V.; BARRA, E. S. O.; MOCELLIN, R. C.. Filosofia da Ciência e da Técnica. 2014. Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

3.
FRICK, L. T.; MOCELLIN, R. C.; RABONI, P. C. A.; BATTISTI, C. A.; BASSANI, D. A.. Epistemologia das Ciências. 2014. Universidade Federal do Paraná.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Escola Paranaense de História e Filosofia da Ciência. Existe um estilo químico de raciocinar?. 2017. (Congresso).

2.
I Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Século XVIII - "As Luzes e o Brasil". Pensar com as mãos. 2017. (Congresso).

3.
Programas de Pós-Graduação em Filosofia da Região Metropolitana de Curitiba.Programa de Mestrado e Doutorado da Universidade Federal do Paraná. 2017. (Encontro).

4.
Filosofia, Tecnologia e Sociedade.Estilo químico e temporalidades: artefatos químicos como objetos técnicos. 2016. (Encontro).

5.
X Encontro de filosofia e história da ciência do Cone Sul. Existe um estilo químico de raciocinar?. 2016. (Congresso).

6.
I Semana Acadêmica de Informática.Artefatos: História e Filosofia dos Materiais. 2015. (Encontro).

7.
Colóquio Alexandre Koyré.Hélène Metzger, Alexandre Koyré e a Epistemologia Histórica Francesa. 2014. (Simpósio).

8.
Simpósio comemorativo dos 250 anos de Vicente Coelho de Seabra.Afinidades químicas ou a parte da química "mais suscetível de tornar-se uma ciência exata": Guyton de Morveau em português. 2014. (Simpósio).

9.
VII Encontro de Pesquisa em Filosofia.Estilo químico de raciocinar. 2014. (Encontro).

10.
VI Seminário de História e Filosofia da Ciência.Estilo de raciocínio e capilaridade tecnocultural da química das Luzes. 2014. (Seminário).

11.
XVI Encontro Nacional da ANPOF.Um estilo químico de raciocinar e a noção de progresso. 2014. (Encontro).

12.
Ciclo de Conferências do PRODEMA/UFS.O dinamismo na química das Luzes e as Origens da Tecnociência. 2012. (Seminário).

13.
II Seminário Filosofia no Ensino Médio PIBID - Filosofia da Ciência.História e Filosofia da Ciência na Filosofia do Ensino Médio. 2012. (Seminário).

14.
Iluminismo em Questão.As bases químicas do materialismo das Luzes. 2012. (Outra).

15.
V Seminário de História e Filosofia da Ciência.Verso e reverso da mecância kantiana: forças essenciais e o dinamismo químico. 2012. (Seminário).

16.
XV Encontro ANPOF. Transgressões da química e o primado da epistemologia. 2012. (Congresso).

17.
XVI Encontro Nacional de Ensino de Química.Filosofia da química & Ensino de química. 2012. (Encontro).

18.
XVI Encontro Nacional de Ensino de Química.Historiografia e história da química. 2012. (Encontro).

19.
31° Encontro de Debates sobre o Ensino de Química.História e Epistemologia da Química na Sala de Aula. 2011. (Encontro).

20.
Escola Paranaense de História e Filosofia da Ciência.História e Filosofia da Química: Instrumentos para o Ensino de Química. 2011. (Oficina).

21.
IV Simpósio Nacional de Tecnologia e Sociedade.Natural x Artificial: transgressões da química. 2011. (Simpósio).

22.
V Coloquio Nacional Jean-Jacques Rousseau. Artificializar a natureza, naturalizar a sociedade: a quimica a serviço da filosofia. 2011. (Congresso).

23.
VI Colóquio Nacional de Filosofia da História. D'Alembert, Macquer e a História da Ciência no Século das Luzes. 2011. (Congresso).

24.
XIII Colóquio Kant.Por que forças repulsivas são essenciais? As bases químicas da mecânica kantiana. 2011. (Encontro).

25.
1° Encontro de Epistemologia do Instituto Federal do Parana (IFPR).Filosofia da Quimica: emergência de uma disciplina. 2010. (Encontro).

26.
A emergência do newtonianismo na filosofia e na ciência do século das luzes.Newton, Kant e a Quimica do século XVIII. 2010. (Encontro).

27.
Regards sur la chimie aux XVII et XVIIIe siècles.Guyton de Morveau : le phlogistique comme être de méthode. 2009. (Seminário).

28.
Science, Technique et Politique.Le rapport entre Guyton de Morveau et Lavoisier: conversion ou convergence?. 2009. (Seminário).

29.
Langage, Science et Politique au XVIIIe siècle.Chimie et Philosophie dans la deuxième moitie du XVIIIe siècle. 2006. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MOCELLIN, R. C.; MENON JR., W. ; ZATERKA, L. ; FAUSTO, J. ; CASTRO, C. ; CALAZANS, V. F. B. ; CARDIM, L. ; BRANDAO, R. ; MIQUELIN, A. F. ; AYMORE, D. S. R. . 3 Ciclo de Conferências do NECTeC - Frankenstein 200 anos: literatura-fantástica como terreno de reflexões filosóficas, científicas e políticas.. 2018. (Outro).

2.
LACEY, H. ; ZATERKA, L. ; VIEIRA NETO, P. ; DUTRA, L. H. A. ; MOCELLIN, R. C. . 2° Ciclo de Conferências do Núcleo de Estudos da Cultura Técnica e Científica - NECTeC. 2017. (Outro).

3.
MOCELLIN, R. C.; MENON JR., W. ; EVA, L. A. ; BECKER, E. ; BRANDAO, R. ; VIEIRA NETO, P. ; BARRA, E. S. O. ; CALAZANS, V. F. B. ; CALAZANS, A. . 1° Ciclo de conferências do Núcleo de Estudos da Cultura Técnica e Científica - NECTeC. 2016. (Outro).

4.
LEWOWICZ, L. ; IRVING, K. ; KREMER, C. ; KREMER, E. ; PANDOLFI, E. ; SEOANE, G. ; ARAUJO NETO, W. ; BEJARANO, N. ; LOMBARDI, O. ; MOCELLIN, R. C. ; RESTREPO, G. . Summer Symposium. 2013. (Congresso).

5.
BARRA, E. S. O. ; MIQUELIN, A. ; CACHEL, A. ; MOCELLIN, R. C. ; MIRANDA, Felipe ; AIRES, Joanez Aparecida ; TOZZINI, Daniel ; BRZOWSKI, Marcos ; CALAZANS, Verônica Calazans ; CALAZANS, Alex ; TEIXEIRA, Sandro Juarez ; COUSO, D. ; SANTOS, R. ; BASSO, Lisiane ; PEREIRA, Flávia . Escola Paranaense de História e Filosofia da Ciência. 2013. (Outro).

6.
BARRA, E.S.O. ; MOCELLIN, R. C. ; CALAZANS, Verônica Calazans ; CALAZANS, Alex ; TOZZINI, Daniel ; TEIXEIRA, Sandro Juarez ; BASSO, Lisiane ; PEREIRA, Flávia ; BRZOWSKI, Marcos ; MEDEIROS, Luana ; MIRANDA, Felipe ; HAHN, Alexssandro ; AIRES, Joanez Aparecida ; PEGORARO, Edson ; LIMA FILHO, Domingos Leite . Escola Paranaense de História e Filosofia da Ciência. 2011. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Patrícia Weffort. A filosofia no ensino médio: a dinâmica comunicativa através do aplicativo WHATSAPP. Início: 2018. Dissertação (Mestrado profissional em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná. (Orientador).

2.
Marcelo Nedbajluk. Materialismo, ciência e ideologia: entre fé e objetividade na epistemologia leniniana. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná. (Orientador).

3.
Kelly Pereira. O papel da fala feminina nas aulas de filosofia. Início: 2017. Dissertação (Mestrado profissional em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Daniel Laskowski Tozzini. Programa Forte e Teoria Ator-Rede: a disputa dentro dos estudos científicos e suas consequências. Início: 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Ricardo Balen. A filosofia dos artefatos técnicos. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná. (Orientador).

2.
Cristiano Machado. A epistemologia anarquista de Feyerabend. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná. (Orientador).

3.
Reinaldo de Oliveira. Breve analogia sobre as afinidades e divergências entre o materialismo de Lucrécio e Holbach. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Pedro Mateo Báez Kritiski. Sinais e sistemas: ciência, técnica e cultura na tese complementar de Gilbert Simondon. 2019. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ronei Clecio Mocellin.

2.
Heley de Sá Teixeira. Lakatos: sobre a relação entre a história e a filosofia da ciência. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ronei Clecio Mocellin.

Orientações de outra natureza
1.
Reinaldo de Oliveira. Breve analogia sobre as afinidades e divergências entre o materialismo de Lucrécio e Holbach. 2018. Orientação de outra natureza. (Abi - Filosofia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Ronei Clecio Mocellin.



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
MOCELLIN, R. C.. Filosofia da química: uma novidade aparente. In: Evaldo Becker ; Marcos Balieiro ; Oliver Tolle. (Org.). Filosofia no ensino médio: filosofia da ciência. 1ed.São Cristovão: Editora UFS, 2013, v. , p. 48-70.


Apresentações de Trabalho
1.
MOCELLIN, R. C.. Filosofia da química: uma novidade aparente. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
MOCELLIN, Ronei Clécio. Guyton de Morveau e a Cultura Química do Século das Luzes. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MOCELLIN, Ronei Clécio. Estilo de raciocínio e capilaridade tecnocultural do conhecimento químico. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MOCELLIN, R. C.. Estilo de raciocínio e capilaridade tecnocultural da química das Luzes.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
MOCELLIN, R. C.. A química e as origens da medicina social. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
MOCELLIN, R. C.. História e Filosofia da Química. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LEWOWICZ, L. ; IRVING, K. ; KREMER, C. ; KREMER, E. ; PANDOLFI, E. ; SEOANE, G. ; ARAUJO NETO, W. ; BEJARANO, N. ; LOMBARDI, O. ; MOCELLIN, R. C. ; RESTREPO, G. . Summer Symposium. 2013. (Congresso).

2.
BARRA, E. S. O. ; MIQUELIN, A. ; CACHEL, A. ; MOCELLIN, R. C. ; MIRANDA, Felipe ; AIRES, Joanez Aparecida ; TOZZINI, Daniel ; BRZOWSKI, Marcos ; CALAZANS, Verônica Calazans ; CALAZANS, Alex ; TEIXEIRA, Sandro Juarez ; COUSO, D. ; SANTOS, R. ; BASSO, Lisiane ; PEREIRA, Flávia . Escola Paranaense de História e Filosofia da Ciência. 2013. (Outro).

3.
LACEY, H. ; ZATERKA, L. ; VIEIRA NETO, P. ; DUTRA, L. H. A. ; MOCELLIN, R. C. . 2° Ciclo de Conferências do Núcleo de Estudos da Cultura Técnica e Científica - NECTeC. 2017. (Outro).



Outras informações relevantes


Coordenador do Núcleo de Estudos da Cultura Técnica e Científica - NECTeC
(Grupo de pesquisa certificado pelo CNPq)



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/02/2019 às 8:03:46