Julio Cesar Pimentel Pinto Filho

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5599667665069625
  • Última atualização do currículo em 06/11/2018


graduado em História (1985), mestre (1991), doutor (1995) e livre docente (2010) em História Social pela Universidade de São Paulo. Deu aula no Departamento de História da PUC-SP entre 1987 e 1998 e, desde 1999, é professor no Departamento de História da Universidade de São Paulo (USP). Pesquisa e estuda as relações entre história e ficção. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Julio Cesar Pimentel Pinto Filho
Nome em citações bibliográficas
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas.
Av. Prof. Lineu Prestes, 338
Cidade Universitária
05508-900 - Sao Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 30913786


Formação acadêmica/titulação


1992 - 1995
Doutorado em História Social.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Borges, uma memória do mundo. Ficção, memória e história em Jorge Luis Borges, Ano de obtenção: 1995.
Orientador: Maria Lígia Coelho Prado.
Palavras-chave: Jorge Luis Borges; Memória.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas / Especialidade: Literatura Hispano-Americana.
1987 - 1991
Mestrado em História Social.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: PARTICIPACAO POLITICA DOS MILITARES ARGENTINOS NOS ANOS 70 (IDENTIFICAO DE PROJETOS POLITICOS).,Ano de Obtenção: 1991.
Orientador: MARIA LIGIA COELHO PRADO.
Palavras-chave: Argentina; Militarismo; Projetos Politicos.
Grande área: Ciências Humanas
1982 - 1985
Graduação em História.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.


Livre-docência


2010
Livre-docência.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: A pista e a razão. Leituras da ficção policial na história, Ano de obtenção: 2010.
Palavras-chave: narrativa policial; Jorge Luis Borges; Adolfo Bioy Casares; Andrea Camilleri; Leonardo Sciascia; W. G. Sebald.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas / Especialidade: Literatura Hispano-Americana.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas / Especialidade: Literatura Italiana.


Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - Atual
Vínculo: Permanente - Efetivo, Enquadramento Funcional: Professor Doutor, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

02/1999 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Linhas de pesquisa
História da Cultura
02/1999 - Atual
Ensino, História Social, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Literatura e história na América Latina
Literatura e história no XX: itinerários do desassossego
02/1999 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Estudos Latino-Americanos: história e ficção
História da América Independente I (Século XIX)
História da América Independente II (Século XX)
História da Cultura I
História da Cultura II
História das Instituições
História para o Curso de Ciências Sociais
08/2000 - 07/2004
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas.

Atividade realizada
Membro do Conselho Editorial da Revista de História.
07/2002 - 06/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Coordenador da Área de História Contemporânea.
06/2002 - 06/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Graduação do Curso de História.

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
Vínculo institucional

1987 - 1999
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Assistente Doutor, Carga horária: 40

Atividades

05/1987 - 01/1999
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historiografia Brasileira
Tendências da Historiografia Contemporânea
História da América II (Estados Unidos Colonial)
História da América V (América Latina, Século XX)
História da América IV (América Latina, Século XIX)
05/1987 - 01/1999
Ensino, História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
História da Leitura, História e Leituras
Literatura, Memória e História
08/1993 - 08/1995
Direção e administração, Faculdade de Ciências Sociais da PUC/SP, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.


Linhas de pesquisa


1.
História da Cultura


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Memória, história e itinerários de leitura nos 'Diários de Emilio Renzi', de Ricardo Piglia
Descrição: Emilio Renzi é personagem constante na obra ficcional e crítica de Ricardo Piglia. É também ele que assina os diários que Piglia escreveu desde a juventude e que vieram a público em 2015. Los diarios de Emilio Renzi é dividido em três volumes ? Años de formación, Los años felices e Un día en la vida ? e mostra sua formação gradual como escritor e leitor. Piglia refere-se aos Diarios como ?o romance de uma vida?, e isso eles são: um gradual desvelamento das leituras e das experiências vividas, uma autobiografia produzida no dia-a-dia, um olhar vertiginoso sobre o passado. Essa pesquisa dispõe-se a refletir sobre os Diarios e seus mecanismos de construção da memória, sua problematização da figura do autor ? travestido em narrador e personagem ? e seu exercício crítico diante da ?prolixidade do real?..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2016
Investigação, metodologia e crítica social: simetrias e renovação da narrativa policial
Descrição: O projeto visa localizar e analisar similaridades entre as narrativas policiais de três autores: o argentino Ricardo Piglia (1941-) e os sicilianos Leonardo Sciascia (1921-1989) e Andrea Camilleri (1925-). Para estabelecer os vínculos, considera a historicidade do policial, a definição de uma matriz de gênero e as inúmeras variações por que ela passou desde sua invenção, normalmente atribuída a Edgar Allan Poe. Reconhece, ainda, a historicidade das interpretações sobre o gênero e as atuais possibilidades de compreensão que ele oferece. O objetivo geral da pesquisa, porém, é extrapolar as peculiaridades do policial e a dimensão ficcional. Não há, a princípio, nenhum vínculo direto que reúna Piglia, Sciascia e Camilleri; é a leitura posterior da obra dos três, à luz da história da narrativa policial, que permite identificar as distintas ? mas equivalentes ? estratégias a que recorreram para reformular as histórias de detetives, aproximando-as da crônica, conectando-as diretamente ao contexto social e cognitivo em que suas obras se inserem e articulando-as ao exercício crítico. Evidenciam-se, assim, os vínculos metodológicos das ?histórias de detetives? com o procedimento do historiador e o trabalho da história. A pesquisa busca identificar, também, três estratégias de leitura crítica por meio da narrativa policial: o empenho teórico de Ricardo Piglia, a denúncia política direta de Leonardo Sciascia, a experimentação da língua falada e a busca de um público leitor amplo, por Andrea Camilleri. A presença de Piglia é especialmente importante e decisiva: não apenas por meu histórico de estudos sobre ficção e história argentinas, mas também pelo recurso teórico que a ensaística e a ficção de Piglia oferecem para esta pesquisa e que lhe atribuem posição central na comparação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2013
Borges e Bioy: leitores e escritores de narrativas policiais
Descrição: Análise da obra em colaboração de Jorge Luis Borges e Adolfo Bioy Casares, escrita sob os pseudônimos de Honorio Bustos Domecq e B. Suárez Lynch. Estudo sistemático dos contos e caracterização da "subversão do policial" neles praticada..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2010
Entre a pista e a razão: literatura e desassossego
Descrição: Desenvolvimento de balanço analítico e crítico da narrativa policial, com o objetivo de produzir uam história fragmentária do gênero, identificando seu momento de origem e as variações profundas por que passou no decorrer do século XX..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2001 - 2005
A cidade ausente: perfis urbanos em Jorge Luis Borges
Descrição: Estudo sobre as representações urbanas na obra poética borgeana da década de 1920. Privilegia o cenário de metropolização vivido pela América Latina no início do século XX, mas não se restringe ao ?jovem Borges?, que, em seus vínculos vanguardistas, necessariamente dispôs-se a falar de cidades. Estabelece, portanto, diálogos dessa poética dos anos 1920 com outros tempos da obra de Borges..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2013 - Atual
Periódico: Revista de Historia (USP)
2011 - Atual
Periódico: Abehache - Revista da Associação Brasileira de Hispanistas
2011 - Atual
Periódico: Muitas Vozes
2009 - 2011
Periódico: Revista Brasileira de História (Impresso)
2006 - Atual
Periódico: Fragmentos (UFSC)
2001 - 2005
Periódico: Revista de Historia (USP)
2001 - 2005
Periódico: Revista de Historia (USP)
1998 - 2002
Periódico: Revista Brasileira de História (Impresso)
1991 - 1999
Periódico: Margem (PUCSP)


Revisor de periódico


1991 - 1999
Periódico: Margem (PUCSP)
1996 - Atual
Periódico: Projeto História (PUCSP)
2011 - Atual
Periódico: Remate de Males
2007 - Atual
Periódico: Fragmentos (UFSC)
2000 - Atual
Periódico: Travessia (UFSC)
1996 - Atual
Periódico: História Revista (UFG. Impresso)
2013 - Atual
Periódico: Klepsidra / Revista Virtual de História
1992 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de História (Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Varia Historia (UFMG. Impresso)
2012 - Atual
Periódico: Topoi (Rio de Janeiro)
2015 - Atual
Periódico: Dimensões: Revista de História da UFES
2008 - Atual
Periódico: Revista IEB
2012 - Atual
Periódico: Ponto-e-Vírgula (PUCSP)
2012 - Atual
Periódico: Muitas Vozes
2015 - Atual
Periódico: História Unisinos
2014 - Atual
Periódico: História da Historiografia
2014 - 2014
Periódico: História (UNESP. Impresso) (Cessou em 2004)
2012 - Atual
Periódico: Tempo e Argumento
2009 - Atual
Periódico: Estudos Historicos (Rio de Janeiro)
2012 - Atual
Periódico: Almanack
1996 - Atual
Periódico: Revista de Historia (USP)
1997 - Atual
Periódico: Variaciones Borges
2004 - Atual
Periódico: Diálogos (Maringá. Impresso)
2017 - Atual
Periódico: ANUÁRIO DE LITERATURA (UFSC)


Revisor de projeto de fomento


1996 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América/Especialidade: História Latino-Americana.
2.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas/Especialidade: Literatura Hispano-Americana.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América/Especialidade: História Latino-Americana.
5.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas/Especialidade: Literatura Hispano-Americana.
6.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Italiano
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
CHIARELLI, S.2017CHIARELLI, S. ; IEGELSKI, F. ; PINTO, Julio Pimentel . Apresentação da segunda parte do dossiê História e Literatura. Intelligere. Revista de História Intelectual, v. 3, p. 7-7, 2017.

2.
PINTO, JÚLIO PIMENTEL2017PINTO, JÚLIO PIMENTEL. Sobre fantasmas e homens. Passado e exílio em Onetti. VARIA HISTÓRIA (UFMG. IMPRESSO), v. 33, p. 363-386, 2017.

3.
PINTO, J?lio Pimentel2017PINTO, J?lio Pimentel. Crimes do texto, crimes verdadeiros:a m?fia na voz de Leonardo Sciascia. REVISTA BRASILEIRA DE HISTÓRIA (IMPRESSO), v. 37, p. 113-133, 2017.

4.
PINTO, Julio Pimentel2016PINTO, Julio Pimentel. Sousândrade e Martí: a América contra a 'America'. Remate de Males, v. 36, p. 15-30, 2016.

5.
PINTO, Julio Pimentel2016PINTO, Julio Pimentel. O que restou de tudo isso? Signos da arte e da memória em 'Cinzas do Norte'. Intelligere - Revista de História Intelectual, v. 2, p. 11-20, 2016.

6.
IEGELSKI, F.2016IEGELSKI, F. ; CHIARELLI, S. ; PINTO, Julio Pimentel . Entrevista com Milton Hatoum. Intelligere - Revista de História Intelectual, v. 2, p. 2-10, 2016.

7.
IEGELSKI, F.2016IEGELSKI, F. ; CHIARELLI, S. ; PINTO, Julio Pimentel . Apresentação do dossiê 'História e Literatura'. Intelligere - Revista de História Intelectual, v. 2, p. 1-1, 2016.

8.
PINTO, Julio Pimentel2015PINTO, Julio Pimentel. A mobilidade da escrita em Borges (ou: a história em busca de Borges). Variaciones Borges, v. 39, p. 199-210, 2015.

9.
PINTO, Julio Pimentel2013PINTO, Julio Pimentel. A ficção e suas luzes reveladoras. Caderno Globo Universidade, v. 3, p. 32-37, 2013.

10.
PINTO, Julio Pimentel2012PINTO, Julio Pimentel. A máscara da África. Muitas Vozes. Revista do Programa de Pós Graduação em Linguagem, Identidade e Subjetividade da UEPG, v. 1, p. 153-154, 2012.

11.
PINTO, Julio Pimentel2012PINTO, Julio Pimentel. O mistério da iniquidade. Almanack, v. 3, p. 157-159, 2012.

12.
PINTO, Julio Pimentel2012PINTO, Julio Pimentel. Nação e imaginação na Guerra do Pacífico. Abehache, v. 2, p. 283-286, 2012.

13.
PINTO, Julio Pimentel2011 PINTO, Julio Pimentel. Borges e Bioy, autores-leitores de policiais. Variaciones Borges, v. 31, p. 199-219, 2011.

14.
PINTO, Julio Pimentel2011 PINTO, Julio Pimentel. Borges, autor de policiais. Variaciones Borges, v. 32, p. 149-177, 2011.

15.
PINTO, Julio Pimentel2009PINTO, Julio Pimentel. Octavio Paz e o labirinto da América Latina. História Revista (UFG), v. 13, p. 411-424, 2009.

16.
PINTO, Julio Pimentel2007PINTO, Julio Pimentel. Em busca de um estilo: narrativas literárias brasileira e hispano-americana nos anos 1990. Projeto História (PUCSP), v. 32, p. 143-152, 2007.

17.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2006PINTO, Julio Pimentel. La ciudad vacía. Metapolítica, México, v. 10, n.47, p. 86-89, 2006.

18.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2006PINTO, Julio Pimentel. Borges, itinerários da crítica: irrealismo, leituras, história. Fragmentos (Florianópolis), Florianópolis, v. 28-29, p. 13-19, 2006.

19.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2005PINTO, Julio Pimentel. Montalbano, um policial de muitos olhares. Vigata.org - Andrea Camilleri, 2005.

20.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2005PINTO, Julio Pimentel; SOARES, G. P. . A América Latina no universo das publicações brasileiras. Diálogos (Maringá), Maringá, v. 8, n.2, p. 133-151, 2005.

21.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2005PINTO, Julio Pimentel. En busca del Sur. Variaciones Borges, Aarhus, v. 20, p. 191-196, 2005.

22.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2004PINTO, Julio Pimentel. Ruas de Borges e de seus contemporâneos. Scielo Proceedings - Congresso Brasileiro de Hispanistas, 2004.

23.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2003PINTO, Julio Pimentel. Lugares e memórias dos livros: bibliotecas reais e imaginárias. Projeto História (PUCSP), São Paulo, v. 26, p. 117-124, 2003.

24.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2003PINTO, Julio Pimentel. Ruas de Borges e de seus contemporâneos. História (São Paulo), São Paulo, v. 22-2, p. 121-132, 2003.

25.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2001PINTO, Julio Pimentel. O sabor da crítica. Margem (PUCSP), São Paulo, v. 12, p. 261-263, 2001.

26.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2000PINTO, Julio Pimentel. Borges y Buenos Aires. Río de La Plata, Paris, v. 20-21, p. 323-340, 2000.

27.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel2000PINTO, Julio Pimentel. A Invenção de Morel, do Tempo aos tempos. Sexta Feira (São Paulo), São Paulo, v. 5, p. 61-69, 2000.

28.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1999 PINTO, Julio Pimentel. Borges lee Buenos Aires. Un ejercicio crítico frente a la modernización de la ciudad.. Variaciones Borges, Aarhus, Dinamarca, v. 8-9, p. 82-93, 1999.

29.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1999PINTO, Julio Pimentel. Borges, um leitor à luz da história. Margem (PUCSP), São Paulo, v. 9, p. 299-301, 1999.

30.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1999PINTO, Julio Pimentel. Ruas como entranhas: o tema urbano em Borges. Estudos de História, Franca, São Paulo, v. 4, n.2, p. 79-92, 1999.

31.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1999PINTO, Julio Pimentel; BORELLI, S. H. S. . Ética e o futuro da cultura - apresentação. Margem (PUCSP), São Paulo, v. 9, p. 5-6, 1999.

32.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1999PINTO, Julio Pimentel; BORELLI, S. H. S. . Tecnologia, cultura - apresentação. Margem (PUCSP), São Paulo, v. 8, p. 6-7, 1999.

33.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1998PINTO, Julio Pimentel. Por uma história nas margens. Margem (PUCSP), São Paulo, v. 7, p. 127-134, 1998.

34.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1998PINTO, Julio Pimentel. Borges, uma poética da memória. Livro Aberto, São Paulo, v. 10, p. 9-11, 1998.

35.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1998PINTO, Julio Pimentel. Borges, uma poética da memória. Livro Aberto, São Paulo, v. 10, p. 9-11, 1998.

36.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1998PINTO, Julio Pimentel. Das folhas como princípio: Borges no periodismo das vanguardas. Travessia (UFSC), Florianópolis, Santa Catarina, v. 32, p. 87-93, 1998.

37.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1998PINTO, Julio Pimentel. Os muitos tempos da memória. Projeto História (PUCSP), São Paulo, v. 17, p. 203-212, 1998.

38.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1998PINTO, Julio Pimentel; BORELLI, S. H. S. . Humanidades e fim de século - apresentação. Margem (PUCSP), São Paulo, v. 7, p. 5-6, 1998.

39.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1997PINTO, Julio Pimentel. Memória e Textualidade: Alguns Itinerários Borgeanos. Projeto História. Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em História da PUC-SP, São Paulo, v. 14, n.-, p. 129-144, 1997.

40.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1994PINTO, Julio Pimentel. O Lugar da Imaginação Na História. Margem. Revista da Faculdade de Ciências Sociais da PUC-SP, São Paulo, v. 3, n.-, p. 195-200, 1994.

41.
PINTO, Julio Pimentel;PIMENTEL PINTO, Julio;PINTO, JÚLIO PIMENTEL;PINTO, J?lio Pimentel1991PINTO, Julio Pimentel. Borges: intervenção política ou intervenção poética?. Presença. Política e Cultura, São Paulo, v. 16, p. 109-120, 1991.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
CAMPOS, F. ; CLARO, R. ; PINTO, Julio Pimentel . Oficina da História. 1. ed. São Paulo: Leya, 2017. v. 3. 1176p .

2.
PINTO, Julio Pimentel; SCHWARTZ, J. . Borges Babilônico: uma enciclopédia. 1. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2017. v. 1. 371p .

3.
PINTO, Julio Pimentel; TURAZZI, M. I. . Ensino de História: diálogos com a literatura e a fotografia. 1. ed. São Paulo: moderna, 2013. v. 1. 176p .

4.
PINTO, Julio Pimentel. Artigas. 1. ed. São Paulo: Fundação Memorial da América Latina, 2009. v. 1. 100p .

5.
PINTO, Julio Pimentel. A leitura e seus lugares. São Paulo: Estação Liberdade, 2004. 184p .

6.
PINTO, Julio Pimentel. Aventuras da Liberdade. 1. ed. São Paulo: Minden - Pueri Domus Escolas Associadas, 2001. v. 1. 65p .

7.
PINTO, Julio Pimentel. Sinistras identidades. 1. ed. São Paulo: Minden - Pueri Domus Escolas Associadas, 2001. v. 1. 65p .

8.
PINTO, Julio Pimentel. Uma Memória do Mundo. Ficção, memória e história em Jorge Luis Borges. 1. ed. São Paulo: Estação Liberdade, 1998. 333p .

9.
PINTO, Julio Pimentel. O Caudilhismo.. SAO PAULO: BRASILIENSE, 1987. 00070p .

Capítulos de livros publicados
1.
PINTO, Julio Pimentel. Borges e Bioy, autores-leitores de policiais. In: Rosangela Patriota; Alcides Freire Ramos. (Org.). Escritas da história: circulação, leituras e recepção. 1ed.São Paulo: Hucitec, 2017, v. 1, p. 319-334.

2.
PINTO, Julio Pimentel. Poe, inventor de um gênero e de um leitor. In: Rosangela Patriota; Alcides Freire Ramos. (Org.). História cultural: produção e circulação do conhecimento. 1ed.São Paulo: Hucitec, 2017, v. 1, p. 157-174.

3.
PINTO, Julio Pimentel. 'Texto en una libreta': Cortázar, leitor de Poe. In: Embaixada da República Argentina no Brasil. (Org.). Os territórios de Cortázar no Brasil. 1ed.Brasília: Editora da UnB, 2015, v. 1, p. 133-143.

4.
PINTO, Julio Pimentel. História, memória, ficção: notícias da zona de sombra. In: Helmut Galle; Rainer Schmidt. (Org.). A memória e as ciências humanas: um conceito transdisciplinar em pesquisas atuais na Alemanha e no Brasil. 1ed.São Paulo: Humanitas, 2010, v. , p. 171-192.

5.
PINTO, Julio Pimentel. Crônica e crítica na ficção policial recente. In: Raphael Nunes Nicoletti Sebrian; Ricardo Alexandre Ferreira; Karina Anhezini; Ariel José Pires. (Org.). Leituras do passado. 1ed.Campinas: Pontes, 2009, v. , p. 83-91.

6.
PINTO, Julio Pimentel. De uma fabula a outra: Plata Quemada. In: Marcos Silva; Mauricio Cardoso; Julio Pimentel Pinto. (Org.). Metamorfoses das linguagens (Historias, cinemas, literaturas). 1ed.Sao Paulo: LCTE, 2009, v. , p. 187192-.

7.
PINTO, Julio Pimentel. Os passeios da história no bosque da ficção. In: Raphael Nunes Nicoletto Sebrian; Ariel José Pires; Edgar Ávila Gandra; Flamarion Laba da Costa. (Org.). Ofício de historiador. 1ed.Guarapuava (PR): Unicentro, 2008, v. , p. 81-86.

8.
PINTO, Julio Pimentel. Manifestos de Vanguarda. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 58-61.

9.
PINTO, Julio Pimentel. Textos vanguardistas. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 60-60.

10.
PINTO, Julio Pimentel. Jorge Luis Borges, um homem clássico. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 62-66.

11.
PINTO, Julio Pimentel. Leituras sobre Borges. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 65-65.

12.
PINTO, Julio Pimentel. Juan Carlos Onetti, mundos imaginários. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 67-67.

13.
PINTO, Julio Pimentel. O sonho de Linacero. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 66-66.

14.
PINTO, Julio Pimentel. Cesar Vallejo, autonomia lírica. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 68-68.

15.
PINTO, Julio Pimentel. Felisberto Hernández, as teclas da memória. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 69-69.

16.
PINTO, Julio Pimentel. Viciados em ficção. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 70-70.

17.
PINTO, Julio Pimentel. Roberto Arlt, um autor inclassificável. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 73-73.

18.
PINTO, Julio Pimentel. Lirismo engajado. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 72-72.

19.
PINTO, Julio Pimentel. O poeta no Pacaembu. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 74-74.

20.
PINTO, Julio Pimentel. Em busca do Sul. In: Plinio Martins Filho; Waldecy Tenório. (Org.). João Alexandre Barbosa: o leitor insone. 1ed.São Paulo: Edusp, 2007, v. , p. 389-396.

21.
PINTO, Julio Pimentel; NOVAES, A. C. . Prefácio: O cosmopolitismo radical (e atual) de 'Sur'. In: Adriana Carvalho Novaes. (Org.). O canto de Perséfone. O grupo Sur e a cultura de massa argentina (1956-1961). São Paulo: Annablume, 2006, v. , p. 17-19.

22.
PINTO, Julio Pimentel. A pista e a razão: notas sobre o gênero policial em Ricardo Piglia. In: Luiz Carlos Travaglia. (Org.). Encontro na linguagem. Estudos lingüísticos e literários. 1ed.Uberlândia: EDUFU, 2006, v. , p. 167-174.

23.
PINTO, Julio Pimentel. Ruas de Borges e de seus contemporâneos. In: Adrián P. Fanjul; Ana Cecilia Olmos; Mario M. González. (Org.). Hispanismo 2002. 1ed.São Paulo: Humanitas, 2004, v. 3, p. 232-239.

24.
PINTO, Julio Pimentel. Alle in der Erinnerung enststehenden Vergangenheiten. In: Sibylle Benninghoff-Lühl; Annette Leibing. (Org.). Brasilien - Land ohne Gedächtnis?. 1ed.Hamburgo: Universitätspublikationen, 2001, v. 1, p. 267-276.

25.
PINTO, Julio Pimentel. Borges, uma poética da memória. In: Jorge Schwartz. (Org.). Borges no Brasil. 1ed.São Paulo: Unesp, 2001, v. , p. 121-145.

26.
PINTO, Julio Pimentel. Todos os passados criados pela memória. In: Annette Leibing; Sibylle Benninghoff-Lühl. (Org.). Devorando o tempo - Brasil, o país sem memória. 1ed.São Paulo: Mandarim, 2001, v. 1, p. 293-300.

27.
PINTO, Julio Pimentel. Borges, una poética de la memória. In: William Rowe; Claudio Canaparo; Annick Louis. (Org.). Jorge Luis Borges. Intervenciones sobre pensamiento y literatura. 1ed.Buenos Aires: Paidós, 2000, v. , p. 155-164.

28.
PINTO, Julio Pimentel. Das folhas como princípio: Borges no periodismo das vanguardas. In: Marcelo Cid. (Org.). Borges Centenário. 1ed.São Paulo: Educ, 1999, v. , p. 59-70.

29.
PINTO, Julio Pimentel. Imagens do Moderno e do Nacional No Discurso dos Militares Argentinos. América Latina contemporânea: desafios e perspectivas. 1ed.Rio de Janeiro/São Paulo: Espaço e Tempo/Edusp, 1996, v. 4, p. -.

30.
PINTO, Julio Pimentel. Lezama Lima e A História Como Cinema. América Latina. Política, cultura e sociedade. 1a.ed.São Paulo: CNPq/ANPHLAC, 1994, v. -, p. -.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
PINTO, Julio Pimentel. Mulher no porão. Quatro Cinco Um - a revista dos livros, p. 30 - 30, 05 nov. 2018.

2.
PINTO, Julio Pimentel. A agulha do real. Lavoura, São Paulo, p. 40 - 41, 02 nov. 2018.

3.
PINTO, Julio Pimentel. A arte como norte. Quatro Cinco Um - a revista dos livros, São Paulo, p. 35 - 35, 04 set. 2018.

4.
PINTO, Julio Pimentel. Os dois mundos de V.S. Naipaul. Blog da Companhia das Letras, São Paulo, 16 ago. 2018.

5.
PINTO, Julio Pimentel. Garota marcada. Quatro Cinco Um, São Paulo, p. 17 - 17, 04 ago. 2018.

6.
PINTO, Julio Pimentel. Piglia e seus duplos. Quatro Cinco Um, São Paulo, p. 20 - 21, 07 nov. 2017.

7.
PINTO, Julio Pimentel. O Acre é logo ali. Quatro Cinco Um, São Paulo, p. 38 - 38, 02 out. 2017.

8.
PINTO, Julio Pimentel. Elogio da diferença. Folha de S. Paulo - Ilustríssima, São Paulo, p. I-6 - I-6, 07 set. 2014.

9.
PINTO, Julio Pimentel. Literatura assombrada. Rascunho, Curitiba, Paraná, p. 27 - 27, 02 abr. 2012.

10.
PINTO, Julio Pimentel. Capital da ficção. Folha de São Paulo - Ilustríssima, São Paulo, p. 6 - 6, 19 jun. 2011.

11.
PINTO, Julio Pimentel. Entre a história e a literatura. Gazeta do Povo, Curitiba, Paraná, p. 10 - 10, 26 mar. 2011.

12.
PINTO, Julio Pimentel. Maquinaria bem azeitada. A ficção policial, de Allan Poe a Máfia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 3 - 3, 18 jul. 2010.

13.
PINTO, Julio Pimentel. O inconformista. Três visões de Sérgio Buarque. Folha de São Paulo, São Paulo, p. Ilustríssima 8, 23 maio 2010.

14.
PINTO, Julio Pimentel. Reconhecimento tardio de um grande contista. Brasileiros, São Paulo, p. 32 - 32, 10 set. 2009.

15.
PINTO, Julio Pimentel. Órfãos do Eldorado. Vaia, Porto Alegre, p. 8, 31 ago. 2008.

16.
PINTO, Julio Pimentel. Relato de um desterro. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 32, p. 69 - 69, 19 dez. 2007.

17.
PINTO, Julio Pimentel. O melancólico riso de Proust. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 31, p. 69 - 70, 12 nov. 2007.

18.
PINTO, Julio Pimentel. Só não há esquecimento. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 30, p. 66 - 67, 03 out. 2007.

19.
PINTO, Julio Pimentel. Fronteiras porosas que determinam homens. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 28, p. 66 - 67, 30 jul. 2007.

20.
PINTO, Julio Pimentel. Amor que vive só de memória. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 27, p. 66 - 67, 28 jun. 2007.

21.
PINTO, Julio Pimentel. Contos que navegam entre dor e alegria. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 26, p. 66 - 67, 27 maio 2007.

22.
PINTO, Julio Pimentel. O silêncio da Sicília. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 25, p. 58 - 62, 02 maio 2007.

23.
PINTO, Julio Pimentel. A matemática incerta de um cotidiano à deriva. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 25, p. 64 - 66, 02 maio 2007.

24.
PINTO, Julio Pimentel. Afeto reinventado. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 24, p. 38 - 42, 11 abr. 2007.

25.
PINTO, Julio Pimentel. O sonho da razão produz monstros. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 23, p. 65 - 66, 02 mar. 2007.

26.
PINTO, Julio Pimentel. A rota das especiarias. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 22, p. 81, 02 fev. 2007.

27.
PINTO, Julio Pimentel. Auto-ajuda para obscenidade. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 21, p. 68 - 69, 04 jan. 2007.

28.
PINTO, Julio Pimentel. Tipos contemporâneos - Yaqub e Omar, gêmeos opostos. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 20, p. 70, 28 nov. 2006.

29.
PINTO, Julio Pimentel. Detetives - Mandrake, a sofisticação do policial. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, p. 74 - 75, 28 nov. 2006.

30.
PINTO, Julio Pimentel. Detetives - O tédio de Espinosa. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 20, p. 75, 28 nov. 2006.

31.
PINTO, Julio Pimentel. O universo fantástico (e racional) de Bioy Casares. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 18, p. 68 - 70, 05 out. 2006.

32.
PINTO, Julio Pimentel. Histórias de homens cansados e perdidos. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 17, p. 68 - 69, 05 set. 2006.

33.
PINTO, Julio Pimentel. Peru, apenas um retrato na parede. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 17, p. 40, 05 set. 2006.

34.
PINTO, Julio Pimentel. A literatura do desassossego. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 15, p. 62 - 65, 06 jul. 2006.

35.
PINTO, Julio Pimentel. Com Bioy, amizade literária. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 14, p. 36 - 36, 02 jun. 2006.

36.
PINTO, Julio Pimentel. Exímio autor de policiais. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 14, p. 42 - 42, 02 jun. 2006.

37.
PINTO, Julio Pimentel. À luz da história. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 14, p. 40 - 42, 02 jun. 2006.

38.
PINTO, Julio Pimentel. Brasil x Argentina. Quase um jogo de compadres. História Viva, São Paulo, , v. 32, p. 84 - 87, 02 jun. 2006.

39.
PINTO, Julio Pimentel. A historiografia repensada. História Viva, São Paulo, , v. 30, p. 92, 08 abr. 2006.

40.
PINTO, Julio Pimentel. De história e de ficção. História Viva, São Paulo, , v. 29, p. 98, 08 mar. 2006.

41.
PINTO, Julio Pimentel. O melhor vinho do mundo. Prazeres da Mesa, São Paulo, p. 94 - 95, 08 fev. 2006.

42.
PINTO, Julio Pimentel. Tipos contemporâneos - José Costa, um espectro literário. Entrelivros (São Paulo), São Paulo, , v. 20, p. 72, 28 nov. 2003.

43.
PINTO, Julio Pimentel. Reescritura. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 5-8, 01 ago. 1999.

44.
PINTO, Julio Pimentel. América Latina em si mesma. Voz da Unidade, São Paulo, p. 11, 14 set. 1989.

45.
PINTO, Julio Pimentel. Estudo sobre escravidão tem orientação econômica. Folha de São Paulo, São Paulo, 12 abr. 1987.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
PINTO, Julio Pimentel. America Latina: A Construcao de Uma Identidade.. In: III SEMANA DA FAC. CIENCIAS SOCIAIS - PUC - SP, 1988. SAO PAULO. p. 0-0.

2.
PINTO, Julio Pimentel. Dilemas e Reflexoes Na Abordagem Teorica da Historia da America.. In: XIV SIMPOSIO NACIONAL DA ASS. NAC. PROF. UNIV. HISTORIA - ANPUH, 1987. BRASILIA. p. 0-0.

Apresentações de Trabalho
1.
PINTO, Julio Pimentel. Possibilidades e ambiguidades da atual gastronomia brasileira. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
PINTO, Julio Pimentel. Crônica & crítica na ficção policial recente. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Outras produções bibliográficas
1.
PINTO, Julio Pimentel; BAYCE, R. . A rivalidade Argentina-Brasil-Uruguai no futebol. São Paulo: Universidade de São Paulo, 2018. (Tradução/Artigo).

2.
PINTO, Julio Pimentel. A nova narrativa policial latino-americana. São Paulo, 2017. (Prefácio, Pósfacio/Introdução)>.

3.
PINTO, Julio Pimentel; DANTAS, E. F. . 9 Contos de Abril. São Paulo: Patuá, 2012 (Orelha).

4.
SANCHES Neto, Miguel ; PINTO, Julio Pimentel . Chove sobre minha infância. Rio de Janeiro: Record, 2012 (Orelha).

5.
PINTO, Julio Pimentel; PADURA, L. . A neblina do passado. São Paul0: Benvirá/Saraiva, 2012. (Tradução/Livro).

6.
PINTO, Julio Pimentel. Prefácio. Ponta Grossa, 2011. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

7.
PINTO, Julio Pimentel. Drummond na história. Bauru, 2011. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

8.
PINTO, Julio Pimentel. História abreviada da literatura portátil. São Paulo: Cosac & Naify, 2011. (Tradução/Livro).

9.
PINTO, Julio Pimentel; DOMINGUES, A. . O que é que Caymmi tem?. São Paulo, 2010. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

10.
PINTO, Julio Pimentel; SANCHES Neto, Miguel . Prefácio. São Paulo, 2010. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

11.
PINTO, Julio Pimentel. Um ensaio nas margens. São Paulo, 2010. (Prefácio, Pósfacio/Posfácio)>.

12.
PINTO, Julio Pimentel; PIGLIA, R. . Sarmiento, escritor. São Paulo: Cosac & Naify, 2010. (Tradução/Artigo).

13.
PINTO, Julio Pimentel. Modernidade periférica. Buenos Aires 1920 e 1930. São Paulo: Cosac & Naify, 2010. (Tradução/Livro).

14.
PINTO, Julio Pimentel. Prefácio. São Paulo, 2008. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

15.
PINTO, Julio Pimentel. Campos Sales e a arquitetura da Primeira República. São Paulo, 2007. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

16.
PINTO, Julio Pimentel. Umberto Eco, os anos 60 e os 'estudos culturais'. São Paulo: Educ, 1998. (Tradução/Artigo).

17.
PINTO, Julio Pimentel. Conversações com Umberto Eco. São Paulo: Educ, 1998. (Tradução/Artigo).

18.
PINTO, Julio Pimentel. Paul Ricoeur revoluciona a escrita da história. São Paulo: Educ, 1996. (Tradução/Artigo).

19.
PINTO, Julio Pimentel. Telenovelas Latino-americanas: deslocamentos na textualidade do gênero. São Paulo: Intercom, 1994. (Tradução/Artigo).

20.
PINTO, Julio Pimentel. A carta de identidade terrena. São Paulo: Educ, 1994. (Tradução/Artigo).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
PINTO, Julio Pimentel. Programa Institucional de Iniciação Científica e Tecnológica - UFG. 2013.

Trabalhos técnicos
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
PINTO, Julio Pimentel. Como eu escrevo. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
PINTO, Julio Pimentel. 25 anos do fim da URSS. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

3.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Ricardo Piglia. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

4.
PINTO, Julio Pimentel. Publicado ha 50 anos, 'Cem anos de solidão' fez de Macondo expressão simbólica da América Latina. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
PINTO, Julio Pimentel. História da América no ensino básico. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

6.
PINTO, Julio Pimentel. Borges, 30 anos de morte. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

7.
PINTO, Julio Pimentel. Como começar a ler Borges. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

8.
PINTO, Julio Pimentel; BALBO, A. . É inevitável ser borgeano no século XXI. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

9.
PINTO, Julio Pimentel. As ficções de Borges e os labirintos dos livros e do cotidiano. 2016.

10.
PINTO, Julio Pimentel. A República brasileira. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

11.
PINTO, Julio Pimentel. Borges: 30 anos da morte. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

12.
PINTO, Julio Pimentel. As eleições argentinas e o fim do Kirchnerismo. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

13.
PINTO, Julio Pimentel. As ficções de Borges e os labirintos dos livros e do cotidiano. 2015.

14.
PINTO, Julio Pimentel. A história do chocolate. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

15.
PINTO, Julio Pimentel. Chapeuzinho Vermelho e a origem dos contos de fadas. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

16.
PINTO, Julio Pimentel. Uma história dos cheiros. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

17.
PINTO, Julio Pimentel. Holocausto. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

18.
PINTO, Julio Pimentel. Napoleão Bonaparte. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

19.
PINTO, Julio Pimentel. Carlitos, um herói. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

20.
PINTO, Julio Pimentel. A expansão territorial dos Estados Unidos. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

21.
PINTO, Julio Pimentel. Os olmecas. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

22.
PINTO, Julio Pimentel. Modernidade: experiência e conceito. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

23.
PINTO, Julio Pimentel. Máscaras e mascaramentos. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

24.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra da Crimeia. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

25.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra do Pacífico. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

26.
PINTO, Julio Pimentel. 50 anos do Golpe de 1964. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

27.
PINTO, Julio Pimentel. Zapata e a Revolução Mexicana. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

28.
PINTO, Julio Pimentel. Jean Jaurès. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

29.
PINTO, Julio Pimentel. Onze de setembro, treze anos depois. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

30.
PINTO, Julio Pimentel. O silêncio de Havana. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

31.
PINTO, Julio Pimentel. Chávez, Bolívar e o futuro. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

32.
PINTO, Julio Pimentel. Wall-e. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

33.
PINTO, Julio Pimentel. Gripe espanhola. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

34.
PINTO, Julio Pimentel. José Martí, 160 anos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

35.
PINTO, Julio Pimentel. Carnaval de Veneza. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

36.
PINTO, Julio Pimentel. Pinturas rupestres. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

37.
PINTO, Julio Pimentel. João de Minas. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

38.
PINTO, Julio Pimentel. Raúl Castro e a renúncia prometida. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

39.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Hugo Chávez. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

40.
PINTO, Julio Pimentel. Plebiscito nas Malvinas. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

41.
PINTO, Julio Pimentel. Cristina Kirchner e o Papa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

42.
PINTO, Julio Pimentel. Golpe de 1964. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

43.
PINTO, Julio Pimentel. Animais domésticos na história. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

44.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Margareth Thatcher. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

45.
PINTO, Julio Pimentel. Atentados em Boston. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

46.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra da Coreia. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

47.
PINTO, Julio Pimentel. Zapata. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

48.
PINTO, Julio Pimentel. Maio de 1968. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

49.
PINTO, Julio Pimentel. Colonização da África. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

50.
PINTO, Julio Pimentel. Lei Áurea. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

51.
PINTO, Julio Pimentel. Dostoievski e Woody Allen. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

52.
PINTO, Julio Pimentel. As máquinas da Segunda Guerra. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

53.
PINTO, Julio Pimentel. 1978-2013: dois Brasis. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

54.
PINTO, Julio Pimentel. Traidores e heróis. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

55.
PINTO, Julio Pimentel. Protestos pelo Brasil. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

56.
PINTO, Julio Pimentel. 50 anos de 'O Jogo da Amarelinha'. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

57.
PINTO, Julio Pimentel. Soweto e Mandela. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

58.
PINTO, Julio Pimentel. Independência dos Estados Unidos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

59.
PINTO, Julio Pimentel. Nove de julho em São Paulo. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

60.
PINTO, Julio Pimentel. Mandela - trajetória política. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

61.
PINTO, Julio Pimentel. A fraternidade na Revolução Francesa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

62.
PINTO, Julio Pimentel. Bombas atômicas, 68 anos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

63.
PINTO, Julio Pimentel. Massacre da Candelária, 20 anos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

64.
PINTO, Julio Pimentel. Ferragosto, uma festa italiana. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

65.
PINTO, Julio Pimentel. Cinquenta anos de 'O Jogo da Amarelinha', de Julio Cortázar. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

66.
PINTO, Julio Pimentel. Ascensão do nazismo. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

67.
PINTO, Julio Pimentel. Independência do Brasil. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

68.
PINTO, Julio Pimentel. Golpe de 1973 no Chile. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

69.
PINTO, Julio Pimentel. Fausto: o mito e suas representações literárias. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

70.
PINTO, Julio Pimentel. Crônicas e cronistas do descobrimento. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

71.
PINTO, Julio Pimentel. Os primeiros americanos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

72.
PINTO, Julio Pimentel. Heróis discretos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

73.
PINTO, Julio Pimentel. Os radicais na Revolução Inglesa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

74.
PINTO, Julio Pimentel. A Revolução Industrial e o meio ambiente. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

75.
PINTO, Julio Pimentel. O Quixote e seus sonhos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

76.
PINTO, Julio Pimentel. Rebeldes sem causa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

77.
PINTO, Julio Pimentel. Eleições no Chile. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

78.
PINTO, Julio Pimentel. Assassinato de Kennedy. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

79.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Mandela. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

80.
PINTO, Julio Pimentel. A destruição de Pompeia. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

81.
PINTO, Julio Pimentel. As damas de branco cubanas. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

82.
PINTO, Julio Pimentel. As origens do panetone. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

83.
PINTO, Julio Pimentel. Crise de 1929. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

84.
PINTO, Julio Pimentel. Cuba, 53 anos depois. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

85.
PINTO, Julio Pimentel. Dia de Reis. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

86.
PINTO, Julio Pimentel. Veuve Clicquot. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

87.
PINTO, Julio Pimentel. Praia, território do vazio. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

88.
PINTO, Julio Pimentel. Tiradentes, a cidade. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

89.
PINTO, Julio Pimentel. História das Assembleias Legislativas. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

90.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra das Malvinas, 30 anos. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

91.
PINTO, Julio Pimentel. Mascaramentos de Carnaval. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

92.
PINTO, Julio Pimentel. Petróleo e outras fontes de energia. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

93.
PINTO, Julio Pimentel. Carta de Caminha. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

94.
PINTO, Julio Pimentel. O passado não passa. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

95.
PINTO, Julio Pimentel. Mortes no Afeganistão. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

96.
PINTO, Julio Pimentel. Primavera Negra, 9 anos. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

97.
PINTO, Julio Pimentel. Antonio Tabucchi morreu. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

98.
PINTO, Julio Pimentel. Golpe de 1964. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

99.
PINTO, Julio Pimentel. Sete de abril. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

100.
PINTO, Julio Pimentel. A invenção da guilhotina. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

101.
PINTO, Julio Pimentel. Abril, o mais cruel dos meses. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

102.
PINTO, Julio Pimentel. Os padeiros e a Revolução Francesa. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

103.
PINTO, Julio Pimentel. O dendê na Revolução Industrial. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

104.
PINTO, Julio Pimentel. Fim da Segunda Guerra Mundial. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

105.
PINTO, Julio Pimentel. Morte de Colombo. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

106.
PINTO, Julio Pimentel. A Pequena Irlanda de Manchester. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

107.
PINTO, Julio Pimentel. O colaboracionismo na Segunda Guerra. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

108.
PINTO, Julio Pimentel. Menocchio, um moleiro diante do Santo Ofício. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

109.
PINTO, Julio Pimentel. Road Hill e a nova polícia inglesa. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

110.
PINTO, Julio Pimentel. Iluminismo. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

111.
PINTO, Julio Pimentel. O impeachment de Fernando Lugo. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

112.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra do Paraguai. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

113.
PINTO, Julio Pimentel. Nove de Julho. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

114.
PINTO, Julio Pimentel. O PRI e as eleições mexicanas. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

115.
PINTO, Julio Pimentel. As Olimpíadas e a política. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

116.
PINTO, Julio Pimentel. Brasil e Argentina, rivais?. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

117.
PINTO, Julio Pimentel. A renúncia de Janio Quadros. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

118.
PINTO, Julio Pimentel. As bombas atômicas. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

119.
PINTO, Julio Pimentel. Borges, 113 anos. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

120.
PINTO, Julio Pimentel. Grito do Ipiranga. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

121.
PINTO, Julio Pimentel. Festas judaicas. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

122.
PINTO, Julio Pimentel. 11 de setembro. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

123.
PINTO, Julio Pimentel. A entrada do Brasil na Segunda Guerra Mundial. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

124.
PINTO, Julio Pimentel. Vinte anos do impeachment. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

125.
PINTO, Julio Pimentel. Eleições municipais de 2012. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

126.
PINTO, Julio Pimentel. 17 de outubro de 1945. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

127.
PINTO, Julio Pimentel. Antoni Dobrowolski. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

128.
PINTO, Julio Pimentel. Eleição de Alfonsín, 1983. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

129.
PINTO, Julio Pimentel. Dia dos mortos. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

130.
PINTO, Julio Pimentel. Reeleição de Obama. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

131.
PINTO, Julio Pimentel. República, quando virá?. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

132.
PINTO, Julio Pimentel. Ação de Graças. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

133.
PINTO, Julio Pimentel. Revolução Mexicana. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

134.
PINTO, Julio Pimentel. Proust. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

135.
PINTO, Julio Pimentel. A máquina de madeira. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

136.
PINTO, Julio Pimentel. Nova York, a grande ostra. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

137.
PINTO, Julio Pimentel. Arkwright. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

138.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra das Malvinas. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

139.
PINTO, Julio Pimentel. Cervantes e Shakespeare. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

140.
PINTO, Julio Pimentel. Dutra, o legalista. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

141.
PINTO, Julio Pimentel. Jânio Quadros e sua vassoura. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

142.
PINTO, Julio Pimentel. Jânio Quadros, prefeito. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

143.
PINTO, Julio Pimentel. Carlos Lacerda, "o corvo". 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

144.
PINTO, Julio Pimentel. Bill Bonanno e a vida na Máfia. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

145.
PINTO, Julio Pimentel. Chan Kai-shek, a China dividida. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

146.
PINTO, Julio Pimentel. Serge Gainsbourg, o poeta francês. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

147.
PINTO, Julio Pimentel. A Belle Époque argentina. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

148.
PINTO, Julio Pimentel. O punho e a renda: a diplomacia em tempos sombrios. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

149.
PINTO, Julio Pimentel. Tecnologia no princípio do século XX. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

150.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra de Canudos. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

151.
PINTO, Julio Pimentel. A história das praias. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

152.
PINTO, Julio Pimentel. A fundação de São Paulo. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

153.
PINTO, Julio Pimentel. Roger Casement, traidor e herói. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

154.
PINTO, Julio Pimentel. Dia de Reis. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

155.
PINTO, Julio Pimentel. Quantas mulheres governaram o Brasil?. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

156.
PINTO, Julio Pimentel. Brasil e Argentina, uma longa história. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

157.
PINTO, Julio Pimentel. Doenças na Idade Média. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

158.
PINTO, Julio Pimentel. Cólera. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

159.
PINTO, Julio Pimentel. Campos Sales. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

160.
PINTO, Julio Pimentel. A rainha inglesa na Irlanda. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

161.
PINTO, Julio Pimentel. Vargas, 1945-50. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

162.
PINTO, Julio Pimentel. Dante Alighieri. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

163.
PINTO, Julio Pimentel. África, passado e presente - I. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

164.
PINTO, Julio Pimentel. África, passado e presente - II. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

165.
PINTO, Julio Pimentel. Machado de Assis, 172 anos. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

166.
PINTO, Julio Pimentel. Levante de Soweto. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

167.
PINTO, Julio Pimentel. Independência dos Estados Unidos. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

168.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra do Paraguai. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

169.
PINTO, Julio Pimentel. Tomada da Bastilha. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

170.
PINTO, Julio Pimentel. Meia-noite em Paris. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

171.
PINTO, Julio Pimentel. Moby Dick. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

172.
PINTO, Julio Pimentel. Nacionalismos. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

173.
PINTO, Julio Pimentel. Protestos em Londres. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

174.
PINTO, Julio Pimentel. Crime e anti-máfia italiana. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

175.
PINTO, Julio Pimentel. Jânio renuncia. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

176.
PINTO, Julio Pimentel. Vargas morto. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

177.
PINTO, Julio Pimentel. Bandeirantismo. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

178.
PINTO, Julio Pimentel. Independência do Brasil. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

179.
PINTO, Julio Pimentel. Salvador Allende. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

180.
PINTO, Julio Pimentel. Onze de setembro. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

181.
PINTO, Julio Pimentel. Onze de setembro, vinte anos depois. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

182.
PINTO, Julio Pimentel. Roma antiga. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

183.
PINTO, Julio Pimentel. Drummond, 109 anos. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

184.
PINTO, Julio Pimentel. Shaná Tová. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

185.
PINTO, Julio Pimentel. Descoberta da América. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

186.
PINTO, Julio Pimentel. Kirchner e a censura. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

187.
PINTO, Julio Pimentel. Expansionismo dos Estados Unidos. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

188.
PINTO, Julio Pimentel. Finados e Halloween. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

189.
PINTO, Julio Pimentel. Poe, precursor. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

190.
PINTO, Julio Pimentel. A domesticação de animais. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

191.
PINTO, Julio Pimentel. Revolução no Irã. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

192.
PINTO, Julio Pimentel. Marcel Proust. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

193.
PINTO, Julio Pimentel. A história (e a lenda) do panetone. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

194.
PINTO, Julio Pimentel. Mito e história. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

195.
PINTO, Julio Pimentel. AI-5. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

196.
PINTO, Julio Pimentel. Morre Kim Jong-il. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

197.
PINTO, Julio Pimentel. Família real no Brasil. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

198.
PINTO, Julio Pimentel. Copas do Mundo no passado e no presente. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

199.
PINTO, Julio Pimentel. Eleicoes no passado e no presente. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

200.
PINTO, Julio Pimentel. Eleicoes presidenciais de 1955. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

201.
PINTO, Julio Pimentel. Dashiell Hammet e o policial duro. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

202.
PINTO, Julio Pimentel. Tomas Eloy Martinez morreu. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

203.
PINTO, Julio Pimentel. Carnaval de Veneza. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

204.
PINTO, Julio Pimentel. Haiti - colônia e independência. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

205.
PINTO, Julio Pimentel. Haiti no século XX. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

206.
PINTO, Julio Pimentel. Joana d'Arc, heroína, santa & mulher. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

207.
PINTO, Julio Pimentel. Damas de branco cubanas. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

208.
PINTO, Julio Pimentel. Arkwright e a Revolução Industrial. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

209.
PINTO, Julio Pimentel. O golpe de 1964, 46 anos depois. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

210.
PINTO, Julio Pimentel. Revolução industrial e questões ambientais. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

211.
PINTO, Julio Pimentel. Canções do exílio, variações em torno de um tema. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

212.
PINTO, Julio Pimentel. O chocolate e sua história. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

213.
PINTO, Julio Pimentel. Emiliano Zapata. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

214.
PINTO, Julio Pimentel. Leopoldo II e o Congo. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

215.
PINTO, Julio Pimentel. Crise de 1929, crise de 2008. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

216.
PINTO, Julio Pimentel. Cândido Portinari e o Estado Novo. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

217.
PINTO, Julio Pimentel. O Chile de Salvador Allende. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

218.
PINTO, Julio Pimentel. Bicentenário da independência argentina. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

219.
PINTO, Julio Pimentel. Simón Bolívar & Hugo Chávez. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

220.
PINTO, Julio Pimentel. Corrida do ouro no Brasil colonial. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

221.
PINTO, Julio Pimentel. Brasília, 50 anos. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

222.
PINTO, Julio Pimentel. Comidas na América pré-colombiana. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

223.
PINTO, Julio Pimentel. Resistência no regime militar. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

224.
PINTO, Julio Pimentel. São Francisco de Assis. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

225.
PINTO, Julio Pimentel. Espanha, de Franco à Copa de 2010. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

226.
PINTO, Julio Pimentel. Uruguai, da colônia à Copa. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

227.
PINTO, Julio Pimentel. Festas na Idade Média. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

228.
PINTO, Julio Pimentel. Televisão na Guerra Fria. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

229.
PINTO, Julio Pimentel. Maquiavel, conselheiro político. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

230.
PINTO, Julio Pimentel. Elvis Presley em seu tempo. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

231.
PINTO, Julio Pimentel. O período regencial, esse desconhecido. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

232.
PINTO, Julio Pimentel. Grito do Ipiranga. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

233.
PINTO, Julio Pimentel. Cuba e a safra dos dez milhões. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

234.
PINTO, Julio Pimentel. Bicentenário da independência do México. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

235.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra do Contestado. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

236.
PINTO, Julio Pimentel. Facundo, de Sarmiento. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

237.
PINTO, Julio Pimentel. Nobel de Literatura para Mario Vargas Llosa. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

238.
PINTO, Julio Pimentel. Mitos mexicanos. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

239.
PINTO, Julio Pimentel. Os Kirchner e a imprensa. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

240.
PINTO, Julio Pimentel. Dia dos Mortos no México. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

241.
PINTO, Julio Pimentel. Nunca antes na história desse país.... 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

242.
PINTO, Julio Pimentel. 121 anos de República. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

243.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra da Coreia. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

244.
PINTO, Julio Pimentel. Rio, da reurbanização à guerra atual. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

245.
PINTO, Julio Pimentel. Israelenses e palestinos. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

246.
PINTO, Julio Pimentel. Wall-E e o nosso futuro. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

247.
PINTO, Julio Pimentel. Literatura e heroísmo. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

248.
PINTO, Julio Pimentel. Barack Obama toma posse I. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

249.
PINTO, Julio Pimentel. Barack Obama toma posse II. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

250.
PINTO, Julio Pimentel. Quem foram os piratas do Caribe?. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

251.
PINTO, Julio Pimentel. O caso Cesare Battisti. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

252.
PINTO, Julio Pimentel. Fausto: ontem e hoje. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

253.
PINTO, Julio Pimentel. Rebeldes sem causa. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

254.
PINTO, Julio Pimentel. Burocracia e corrupção na América colonial. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

255.
PINTO, Julio Pimentel. Expurgos políticos em Cuba. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

256.
PINTO, Julio Pimentel. Um novo mapa da América do Sul. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

257.
PINTO, Julio Pimentel. Informalidade e patriarcalismo no Brasil. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

258.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Raúl Alfonsín. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

259.
PINTO, Julio Pimentel. Teddy Roosevelt e a política norte-americana para a América Latina. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

260.
PINTO, Julio Pimentel. Áquila e Pompéia. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

261.
PINTO, Julio Pimentel. Evo Morales faz greve de fome. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

262.
PINTO, Julio Pimentel. Ahmadinejad e o Holocausto. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

263.
PINTO, Julio Pimentel. A gripe espanhola e outras gripes. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

264.
PINTO, Julio Pimentel. Racismo, hoje. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

265.
PINTO, Julio Pimentel. Bento XVI em Israel. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

266.
PINTO, Julio Pimentel. Livro ou filme?. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

267.
PINTO, Julio Pimentel. 1974-2009. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

268.
PINTO, Julio Pimentel. Cuba na OEA. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

269.
PINTO, Julio Pimentel. Borges, 110 anos. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

270.
PINTO, Julio Pimentel. Um sinistro jornal. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

271.
PINTO, Julio Pimentel. Duas revoluções no Irã. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

272.
PINTO, Julio Pimentel. Golpe em Honduras. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

273.
PINTO, Julio Pimentel. Marcel Proust. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

274.
PINTO, Julio Pimentel. A Revolução Francesa e a fraternidade. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

275.
PINTO, Julio Pimentel. Mito e descrença na história. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

276.
PINTO, Julio Pimentel. Nova York, a grande ostra. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

277.
PINTO, Julio Pimentel. Agosto de 1954. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

278.
PINTO, Julio Pimentel. Bombas atômicas, 55 anos depois. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

279.
PINTO, Julio Pimentel. Nossos políticos e seus currículos mentirosos. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

280.
PINTO, Julio Pimentel. A vida política de Getúlio Vargas. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

281.
PINTO, Julio Pimentel. A Segunda Guerra começou hoje. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

282.
PINTO, Julio Pimentel. Petróleo e política. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

283.
PINTO, Julio Pimentel. Terrorismo nos anos 1970. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

284.
PINTO, Julio Pimentel. Edgar Allan Poe e o início da narrativa policial. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

285.
PINTO, Julio Pimentel. Freud faz aniversário. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

286.
PINTO, Julio Pimentel. A conquista da América. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

287.
PIMENTEL PINTO, Julio. Mercedes Sosa, os anos 1960 e hoje. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

288.
PINTO, Julio Pimentel. Argentina e Uruguai, um longo conflito. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

289.
PINTO, Julio Pimentel. Baudelaire e as metrópoles do século XIX. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

290.
PINTO, Julio Pimentel. O crime de Road Hill. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

291.
PINTO, Julio Pimentel. O muro de Berlim e outros muros. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

292.
PINTO, Julio Pimentel. Apagão, apagões. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

293.
PINTO, Julio Pimentel. A Guerra do Pacífico. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

294.
PINTO, Julio Pimentel. Argentina militar, triste lembrança. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

295.
PINTO, Julio Pimentel. Origens da mafia siciliana. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

296.
PINTO, Julio Pimentel. As origens do panetone. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

297.
PINTO, Julio Pimentel. Berlusconi e seus opositores. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

298.
PINTO, Julio Pimentel. Controle das informações na Argentina. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

299.
PINTO, Julio Pimentel. O mito norte-americano da fronteira. 2009. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

300.
PINTO, Julio Pimentel. Cuba após a renúncia de Fidel Castro. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

301.
PINTO, Julio Pimentel. Cuba após a renúncia de Fidel Castro. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

302.
PINTO, Julio Pimentel. Cuba após a renúncia de Fidel Castro. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

303.
PINTO, Julio Pimentel. Cuba após a renúncia de Fidel Castro. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

304.
PINTO, Julio Pimentel. Rumos da América Latina. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

305.
PINTO, Julio Pimentel. Os contos de fada e as mudanças históricas. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

306.
PINTO, Julio Pimentel. O Golpe de 1964: lembranças e esquecimentos. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

307.
PINTO, Julio Pimentel. Hugo Chávez e a recuperação da figura de Simón Bolívar. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

308.
PINTO, Julio Pimentel. O mito da rivalidade entre Brasil e Argentina. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

309.
PINTO, Julio Pimentel. Crônicas do descobrimento. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

310.
PINTO, Julio Pimentel. A família real portuguesa no Brasil. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

311.
PINTO, Julio Pimentel. Dante, a Comédia e o homem medieval. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

312.
PINTO, Julio Pimentel. Machado de Assis e a abolição da escravidão. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

313.
PINTO, Julio Pimentel. Brasília: planejamento e mudanças. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

314.
PINTO, Julio Pimentel. A Guerra do Paraguai e alguns mitos historiográficos. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

315.
PINTO, Julio Pimentel. Passagem do tempo & modernidade. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

316.
PINTO, Julio Pimentel. Maio de 1968: 40 anos depois. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

317.
PINTO, Julio Pimentel. Crime e castigo. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

318.
PINTO, Julio Pimentel. A Segunda Guerra Mundial e sua tecnologia. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

319.
PINTO, Julio Pimentel. Cervantes e o Quixote. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

320.
PINTO, Julio Pimentel. Ingrid Betancourt, livre. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

321.
PINTO, Julio Pimentel. As metrópoles do século XIX. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

322.
PINTO, Julio Pimentel. Moby Dick e a história de nossas leituras. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

323.
PINTO, Julio Pimentel. O lado obscuro dos humanos. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

324.
PINTO, Julio Pimentel. A história dos cheiros. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

325.
PINTO, Julio Pimentel. A ascensão do Nazismo. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

326.
PINTO, Julio Pimentel. Cuba, hoje. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

327.
PINTO, Julio Pimentel. 54 anos do suicídio de Getúlio Vargas. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

328.
PINTO, Julio Pimentel. A renúncia de Jânio Quadros, 47 anos depois. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

329.
PINTO, Julio Pimentel. Eleições americanas de 2008 - Barack Obama. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

330.
PINTO, Julio Pimentel. Sarah Palin, a vice que veio do frio. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

331.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra Fria. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

332.
PINTO, Julio Pimentel. A crise de 1929. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

333.
PINTO, Julio Pimentel. Os primeiros americanos. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

334.
PINTO, Julio Pimentel. As eleições de 1954 e seu folclore. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

335.
PINTO, Julio Pimentel. Festas judaicas. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

336.
PINTO, Julio Pimentel. Prêmio Nobel 2008. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

337.
PINTO, Julio Pimentel. Bandeirantismo. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

338.
PINTO, Julio Pimentel. Mitos & Mitologia. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

339.
PINTO, Julio Pimentel. Dia de Ação de Graças. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

340.
PINTO, Julio Pimentel. Barack Obama, presidente. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

341.
PINTO, Julio Pimentel. Pinturas rupestres. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

342.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra das Malvinas. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

343.
PINTO, Julio Pimentel. Cavaleiros medievais. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

344.
PINTO, Julio Pimentel. Passado e futuro do petróleo. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

345.
PINTO, Julio Pimentel. A volta da Máfia ao noticiário. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

346.
PINTO, Julio Pimentel. 50 anos da Revolução Cubana. 2008. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

347.
PINTO, Julio Pimentel. A doença de Fidel e os rumos de Cuba. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
PINTO, Julio Pimentel. Paisagens da Crítica. 2005; Tema: Resenhas de livros e estímulo à leitura. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
PINTO, Julio Pimentel. A ficção e a memória de Ricardo Piglia em 'Los diarios de Emilio Renzi'. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
PINTO, Julio Pimentel. Qual é o lugar de Borges?. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
PINTO, Julio Pimentel; SCHWARTZ, J. . Borges Babilônico: uma enciclopédia. 2017. (Revisão Técnica de livro).

4.
PINTO, Julio Pimentel. Literatura policial: criação e difusão. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
PINTO, Julio Pimentel. Para ler os clássicos. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
PINTO, Julio Pimentel. Ficção e História: diálogos e contaminações. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

7.
PINTO, Julio Pimentel. Octavio Paz e os labirintos da América Latina - curso: Literatura e cultura na América Latina. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

8.
PINTO, Julio Pimentel. Nos labirintos de Borges. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

9.
PINTO, Julio Pimentel. Ficções: imaginação e história em Borges. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

10.
PINTO, Julio Pimentel. Literatura e História no século XX. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

11.
PINTO, Julio Pimentel. XX: um século de guerras e revoluções. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

12.
PINTO, Julio Pimentel. Ficção, Memória e História em Jorge Luis Borges: uma introdução. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
PINTO, Julio Pimentel. Memoria Fotografica da Revolucao Mexicana.. 1984 (PARTICIPACAO EM EXPOSICAO OU APRESENTACAO ARTISTICA).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
NASCIMENTO, E. B.; VASCONCELOS, J. A.; RAGO, L. M.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Raphael de Abreu Meciano. Formação e diferença: o problema da relação entre os discursos de formação nacional e antropofagia na crítica brasileira. 2018. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

2.
WERNECK, M.; DARIN, L.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Caroline Sartorello Spinola. A Índia de Octavio Paz: uma leitura de 'Vislumbres da Índia' a partir da otredad, da narrativa de viagem e da tradução cultural. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

3.
VILARDAGA, S. M. F. S.; FOGLI. G. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Fernanda Palo Prado. Desbravando o Arrabal: representações identitárias no romance 'El arraial del mundo, de Pedro Orgambide. 2017. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

4.
VILARDAGA, S. M. F. S.; CUNHA, C. A.; TORRAO FILHO, A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Patricia Aparecida Guimarães de Souza. Entre cartas e poemas: as relações de gênero na obra de Álvares de Azevedo. 2017. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

5.
BRESCIANI, M. S. M.; MARSON, I. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Ana Carolina Silva. Robert Louis Stevenson e a arte de narrar: sociedade e cultura britânica no final do século XIX. 2017. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

6.
VASCONCELOS, J. A.; MEIHY, M. S. B.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Mariane Soares Gennari. O exílio palestino em 'Homens ao Sol' (1963): diálogos entre história e literatura. 2016. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

7.
GARATE, M. V.; PRADO, M. L. C.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Ailton Luiz Camargo. O horror em Horacio Quiroga. 2015. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

8.
HOSSIASON, L. J.; ARCURI, S. I. C.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Márcio de Pinho Botelho. Representações do intelectual e do cânone em 'La Ciudad Ausente', de Ricardo Piglia. 2014. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

9.
PINTO, Julio Pimentel; PRADO, M. L. C.; SÁ, M. E. N.. Participação em banca de Fernanda da Silva Rodrigues Rossi. Planejando Estados, construindo nações: os projetos políticos de Francisco de Miranda, Bernardo Monteagudo e José Bonifácio. 2013. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

10.
PINTO, Julio Pimentel; FLORENZANO, M.; ROCHA, E. S.. Participação em banca de Leonardo José de Mattos Guerra. Viagens de Gulliver: recepção (história) e interpretação (crítica). 2012. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

11.
PINTO, Julio Pimentel; Rios, K. S.; Ramos, F. R. L.. Participação em banca de José Dércio Braúna. Kyumba-Kaya: a delicada escrevência da nação moçambicana na obra de Mia Couto. 2011. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal do Ceará.

12.
PINTO, Julio Pimentel; Barbosa, C. A. S.; NATALI, M. P.. Participação em banca de Paulo Ferraz de Oliveira Camargo. As representações temporais na obra de Juan Rulfo. 2011. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

13.
PINTO, Julio Pimentel; Silva, S. V.; VOLOBUEF, K.. Participação em banca de Paula Cristina Piva. Cheirar bem pode fazer mal. 2010. Dissertação (Mestrado em Estudos Literários) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

14.
PINTO, Julio Pimentel; HOSSIASON, L. J.; Gasparini, Pablo. Participação em banca de Rui Gerbi Veiga. Yo el Supremo. O confinamento da escrita e o ditador cinzento. 2008. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

15.
PINTO, Julio Pimentel; OLMOS, A. C. A.; SCHAPOCHNIK, N.. Participação em banca de Renato Brighenti Prelorentzou. À sombra de um livro. História e ficção na leitura de Amphitryon, de Ignacio Padilla. 2008. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

16.
PINTO, Julio Pimentel; MONTEIRO, R. C.; MORAES, J. G. V.. Participação em banca de André dos Santos Domingues. Caymmi sem folclore. 2008. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

17.
PINTO, Julio Pimentel; GOMES JUNIOR, G. S.; SANTANNA, D. B.. Participação em banca de Ana Paula Meyer Velloso. Bibliotecas particulares e dispositivos de leitura. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

18.
SILVA, M. A.; GROSSMANN, m.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Desirée Ramos Tozi. Primavera de Estações. O Programa Monumenta e as políticas de preservação do patrimônio cultural na região do bairro da Luz/São Paulo. 2007. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

19.
PINTO, Julio Pimentel; Baggio, K. G.; Starling, H.. Participação em banca de Breno Anderson Souza de Miranda. As rosas de R(R)osas. Exílio, utopia e imaginação urbana nas "margens". Facundo e Borges. 2007. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Minas Gerais.

20.
CAPELATO, M. H. R.; PATRIOTA, R.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Maria Antonia Dias Martins. Literatura Portuguesa de resistência: a mulher, a guerra e o intelectual como armas de luta contra o salazarismo. 2006. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

21.
SILVA, M. A.; FERREIRA, J. P.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Fernando Braga Franco Talarico. HIstória e poesia: texto e contexto em 'A rosa do povo' (1943-1945), de Carlos Drummond de Andrade. 2006. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

22.
GARATE, M.; AMOROSO, M. B.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Livia Grotto. Disfarces do invisível, duplicações da história em Ricardo Piglia. 2006. Dissertação (Mestrado em Teoria e História Literária) - Universidade Estadual de Campinas.

23.
Samara, E. M.; GOMES JUNIOR, G. S.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Mirtes Timpanaro. A morte como memória. Imigrantes nos cemitérios da Consolação e do Brás. 2006. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

24.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Joana de Fátima Rodrigues. Literatura e jornalismo em García Márquez: uma leitura de crônicas. 2005. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

25.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Percy da Silva. A incrível história do homem que ouviu a música que o outro não tocou. 2005. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

26.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Vera Maria Pereira Theodozio. Movimentos da história em Corpo de Baile. 2005. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

27.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Patrícia Silva Mueller Dinamarco. Trabalhadores da CSN: relatos e memórias da primeira geração. 2004. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

28.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Fernando Aparecido de Oliveira Meyer. A Guerra das Malvinas de 1982 na imprensa escrita brasileira. 2004. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

29.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Bruno Giacommetti. Imigração italiana: memória entre textos e fotos. 2004. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua e Literatura Italiana)) - Universidade de São Paulo.

30.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Virginia Perez Ferrés Gonçalves. Rivalidade, tensão, integração. Análise da política externa argentino-brasileira no contexto da Bacia do Prata (1974-1979). 2004. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

31.
PINTO, Julio Pimentel; MARCO, V.; OLMOS, A. C. A.. Participação em banca de Jung Ho Kan. Novela, testimonio y memoria. Apuntes sobre 'Recuerdo de la muerte' de Miguel Bonasso. 2003. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

32.
PINTO, Julio Pimentel; CHAIA, M. W.; TOTORA, S.. Participação em banca de Petrônio Pereira de Souza. O teatro como experiência pedagógica. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

33.
PINTO, Julio Pimentel; NATALI, M. P.; BRITES, O.. Participação em banca de Maria Beatriz Castrucci di Moisè. 'El laberinto de la soledad' e a questão da identidade do mexicano. 2003. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

34.
PINTO, Julio Pimentel; SILVA, M. A.. Participação em banca de Ricardo Sequeira Bechelli. Nacionalismos anti-racistas: Manoel Bomfim e Manoel González Prada (Brasil e Peru na passagem para o século XX). 2002. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

35.
PINTO, Julio Pimentel; MOTTER, M. L.. Participação em banca de Adriana Carvalho Novaes. Cosmopolitismo e indústria cultural: a revista Sur e a consolidação da cultura de massa na sociedade argentina (1956-1961). 2002. Dissertação (Mestrado em Ciências da Comunicação) - Universidade de São Paulo.

36.
PINTO, Julio Pimentel; SCHWARTZ, J.. Participação em banca de Paulo César Thomaz. El entenado: a práxis poético-narrativa de Juan José Saer. A corrosão das formas do discurso. 2002. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

37.
PINTO, Julio Pimentel; SCHWARTZ, J.; KULIKOWSKI, M. Z.. Participação em banca de José Martín Núñez Ticerán. El personaje militar y el personaje militarizado en. 2001. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

38.
PINTO, Julio Pimentel; DIAS, M. O. L. S.; GOMES JUNIOR, G. S.. Participação em banca de Jacqueline Kéthere Rocha. Leituras e leitoras de Santa Teresa D?Ávila. 2001. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

39.
PINTO, Julio Pimentel; SANTANNA, D. B.; CAPELATO, M. H. R.. Participação em banca de Marisa Alicia Montrucchio. Peronismo en "Primera Plana": uma história do peronismo numa revista argentina dos anos 60. 2000. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

40.
PINTO, Julio Pimentel; MOTA, L. T.; COSTA, R.. Participação em banca de Susana Alicia González. Cartografia da leitura: a percepção e a representação da alteridade em "El entenado", de Juan José Saer. 2000. Dissertação (Mestrado em Comunicação e Semiótica) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

41.
PINTO, Julio Pimentel; SANTANNA, D. B.. Participação em banca de Roger Andrade Dutra. "Metropolis": cinema, cultura e tecnologia na República de Weimar. 1999. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

42.
PINTO, Julio Pimentel; CHAIA, M. W.. Participação em banca de Beatriz Wey. O "Granma" e a imaginação nacional. 1998. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

43.
PINTO, Julio Pimentel; LONDONO, F. T.; PRADO, M. L. C.. Participação em banca de Carlos Alberto Sampaio Barbosa. Morte e vida da Revolução Mexicana: "Los de Abajo", de Mariano Azuela. 1996. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
RIBEIRO, P. C. A.; SANTOS, S. R. C.; TELESI, S. F. S.; FLORY, A. V.; CATALAO, L. O. N.; PINTO, JÚLIO PIMENTEL. Participação em banca de Paula Chagas Autran Ribeiro. O pensamento dramatúrgico de Augusto Boal: as lições de dramaturgia na Escola de Arte Dramática (EAD). 2018. Tese (Doutorado em Artes Cenicas) - Universidade de São Paulo.

2.
HOSSIASON, L. J.; GUTIERREZ, Horacio; PINTO, Julio Pimentel; IEGELSKI, F.; ARAYA, M. A. C.. Participação em banca de Jáder Vanderlei Muniz de Souza. Roberto Bolaño e a utopia de Arturo Belano. 2018. Tese (Doutorado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

3.
SILVA, M. A.; CARDOSO, M.; MARINGONI, G.; RAMOS, A.F.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Fernando Braga Franco Talarico. Padre que amaça moça que amava Carlos que amava Joaquim que amava. Dimensões histórico-críticas do diálogo entre o longa-metragem O padre e a moça e o poema O padre, a moça. 2016. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

4.
PEREIRA, N. G.; PULIDO, B.; PERUS, F.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Nuno Gonçalves Pereira. Las crónicas de la realidad maravillosa: la estética de la historia en las narrativas de Alejo Carpentier. 2015. Tese (Doutorado em Estudios Latinoamericanos) - Universidad Nacional Autónoma de Mexico.

5.
PINTO, Julio Pimentel; NATALI, M. P.; KLINGER, D. I.; DANGELO, B.; PINO, C. C. A.. Participação em banca de Renato Brighenti Prelorentzou. Futuro do pretérito: tempo e narrativa na história, no romance, na tese. 2015. Tese (Doutorado em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada)) - Universidade de São Paulo.

6.
BORELLI, S. H. S.; MORAES, J. G. V.; ALAMBERT, F.; SILVEIRA JUNIOR, W. G.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de André Domingues dos Santos. Cinco cantos de vanguarda: populares e eruditos em luta pela brasilidade modernista. 2014. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

7.
MAFFIA, E. A. S.; ROQUE, A. S. S.; HOSSNE, A. S.; BARNI, R.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Erica Aparecida Salatini Maffia. Entre a incerteza do sentido e os equívocos da experiência: uma leitura dos contos de Antonio Tabucchi. 2014. Tese (Doutorado em Letras (Língua e Literatura Italiana)) - Universidade de São Paulo.

8.
RUBIO, E.F.; NATALI, M. P.; FOGLI. G. A.; OLMOS, A. C. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Eduardo Fava Rubio. O crime e as transgressões da letra: o gênero policial em Juan José Saer e Ricardo Piglia. 2014. Tese (Doutorado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

9.
SALIBA, E. T.; WISSENBACH, M. C. C.; JANOVITCH, P. E.; SCHAPOCHNIK, N.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Lenadro Antonio de Almeida. As mil faces de João de Minas: a construção do escritor e a repercussão de seus livros no campo literário brasileiro (1927-1989). 2013. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

10.
PRADO, M. L. C.; OLMOS, A. C. A.; MOTTA, M. A.; COSTA, A. A. V.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Eduardo Ferraz Felippe. A resignação de Sísifo: tradição, cultura política e história na obra do moderno vetusto Alejo Carpentier (1928-1980). 2013. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

11.
MOTTA, M. A.; MORICONI, I.; VICTORIO FILHO, A.; RIBEIRO, G. B.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Marcelo Lins de Magalhães. Presságios literários e herança plástica : Emerson e Thireau; Richard Serra, Waltercio Caldas e outros. 2013. Tese (Doutorado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

12.
MORAES, M. A.; ROCHA, J. C. de C.; MARQUES, I. F.; SECCHIN, A. C.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Ana Lucia Guimarães Richa Lourega de Menezes. Amizade "carteadeira": o diálogo epistolar de Mário de Andrade com o Grupo Verde de Cataguases. 2013. Tese (Doutorado em Literatura Brasileira) - Universidade de São Paulo.

13.
PINTO, Julio Pimentel; PICCOLI, J. C.; LIMA, S. S.; CARDOSO, M.; SILVA, M. A.. Participação em banca de Francielle Maria Modesto Mendes. Coronel de Barranco: a literatura no imaginário social da Amazônia no primeiro ciclo da borracha. 2013. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

14.
ROBYN, I.; SALGADO, C.; LINDSTROM, N.; RONCADOR, S.; ARROYO MARTÍNEZ, J.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Ingrid Robyn. Rostros del Reverso: José Lezama Lima en la encrucijada vanguardista. 2012. Tese (Doutorado em Doutorado) - University of Texas at Austin.

15.
PINTO, Julio Pimentel; SCHAPOCHNIK, N.; SALIBA, E. T.; MORAES, M. A.; Prates, D. M.. Participação em banca de Vera Maria Pereira Theodozio. Autor & edição: três sub-séries da correspondência de João Guimarães Rosa (1957-1967). 2011. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

16.
CARVALHO, Y.; MAGALHAES, A. P.; WERNECK, M.; FERREIRA, J. P.; DIAS, M. O. L. S.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Yone de Carvalho. Teias de tempos e sentidos - os textos da legenda anglo-normanda de Tristan no século XII. 2010. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

17.
PINTO, Julio Pimentel; TOTA, A. P.; ARANTES, R.B.; OLIVEIRA, H. A.. Participação em banca de Carlos Eduardo Riberi Lobo. Internacionalização e americanização dos corpos de bombeiros e da defesa civil entre 1972 e 2008. Uma análise comparativa entre os corpos de bombeiros brasileiros e os corpos de bombeiros do Cone Sul. 2009. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

18.
SILVA, M. A.; LONDONO, F. T.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Mariza Romero. Inuteis e perigosos. O 'Dieario da Noite' e a representaao das classes populares. Sao Paulo. 1950-1960. 2009. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

19.
PINTO, Julio Pimentel; GASPARINI, P. F.; GARATE, M. V.; KANZEPOLSKY, A.; OLMOS, A. C. A.. Participação em banca de Fiorina Matilde Macedo Torres. Civilização vs. Barbárie em Andrés Rivera: uma singular (re)elaboração literária. 2008. Tese (Doutorado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

20.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Graciela Foglia. Rehacer y resistir: el proceso de escritura de Operación Masacre de Rodolfo Walsh. 2005. Tese (Doutorado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

21.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Marisa Alicia Montrucchio. Palabras que se abren en territorios: dimensiones del tiempoespacio en la poetica de Julio Cortázar. 2005. Tese (Doutorado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

22.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Stella Maris Scatena Franco. Peregrinas de outrora: viajantes latino-americanas no século XIX. 2005. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

23.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Valdeci Rezende Borges. Histórias românticas na Corte Imperial: o romance urbano de José de Alencar. 2004. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

24.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Daisy Perelmutter. Intérpretes do Desassossego. Memórias e marcas sensíveis de artistas brasileiros de ascendência judaica. 2004. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

25.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Simone Luci Pereira. Escutas da memória: os ouvintes das canções da Bossa Nova (Rio de Janeiro, décadas de 1950 e 1960). 2004. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

26.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Susana Inés González. Piglia y el secreto. 2004. Tese (Doutorado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

27.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Eduardo Scheidt. Representações de nação por periodistas italianos na Região Platina (1827-1860). 2004. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

28.
PINTO, Julio Pimentel; PRADO, M. L. C.; CAPELATO, M. H. R.. Participação em banca de Gabriela Pellegrino Soares. A semear horizontes: leituras literárias na formação da infância, Argentina e Brasil (1915-1956). 2003. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

29.
PINTO, Julio Pimentel; PELBART, P. P.; DIAS, M. O. L. S.; SANTANNA, D. B.; KUNZ, M. S.. Participação em banca de Kênia Souza Rios. Engenhos da memória: narrativas da seca no Ceará. 2003. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

30.
PINTO, Julio Pimentel; SANTANNA, D. B.; DIAS, M. O. L. S.; DALESSIO, M. M.; BETTI, M. S.. Participação em banca de Luiz Humberto Martins Arantes. Do passado ao presente: história, textos e cenas no teatro de Jorge Andrade. 2003. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

31.
PINTO, Julio Pimentel; SCHWARTZ, J.; OLMOS, A. C. A.; HOSSIASON, L. J.. Participação em banca de Ronaldo Assunção. Jorge Luis Borges e Mario de Andrade: poesia e imaginário urbano. 2002. Tese (Doutorado em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

32.
PINTO, Julio Pimentel; MOTTA, C. G.; CAPELATO, M. H. R.; ANDRADE, A. M. O.; ALAMBERT, F.. Participação em banca de Simone Mattos de Alcântara Pinto. A Escola Municipal de Bailado: silêncio e movimento (1940-1992). 2002. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

33.
PINTO, Julio Pimentel; MORICONI, I.; GIUCCI, G.; TUCHERMAN, I.; SCHOLLHAMMER, K. E.. Participação em banca de Marici do Nascimento Passini. Hamlet, uma teoria da reescritura. 2000. Tese (Doutorado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

34.
PINTO, Julio Pimentel; PEDRO, A.; VASCONCELOS, G. F.. Participação em banca de Celeste Maria Pacheco de Andrade. Bahia, cidade-síntese da nação brasileira. Uma leitura de Jorge Amado. 1999. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

35.
PINTO, Julio Pimentel; PRADO, M. L. C.; CAPELATO, M. H. R.; NEVES, M. S.; SADER, R.. Participação em banca de Mary Anne Junqueira. Ao Sul do Rio Grande. Imaginando a América Latina em "Seleções": Oeste, 'wilderness' e fronteira (1942-1970). 1999. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
LONGMAN, G. S.; TITAN JR., S.; ALMEIDA, J.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Gabriela S. Longman. Macumba na Salle Gaveau: a vida e a obra de Elsie Houston. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada)) - Universidade de São Paulo.

2.
NUNES, S. R. C.; VASCONCELOS, J. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Fabricio Leal de Souza. Dalton Trevisan e a revista Joaquim. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

3.
SCHAPOCHNIK, N.; VILARDAGA, S. M. F. S.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Andreya Susane Seiffert. O amanhã do ontem: The Futurais e a ficção científica americana na década de 1940. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

4.
WERNECK, M.; DARIN, L.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Caroline Sartorello Spinola. Octavio Paz, otredad e a condição humana: uma leitura de Vislumbres da Índia. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

5.
OLMOS, A. C. A.; MORAES, M. A.; PINTO, JÚLIO PIMENTEL. Participação em banca de Josélia Bastos de Aguiar. Cravo y clavel: Jorge Amado e seus diálogos literários e políticos com escritores hispano-americanos. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

6.
SCHAPOCHNIK, N.; FELIPPE, E. F.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Michelly Cristina da Silva. Meu lugar escuro: o novo noir e a visão de história no 'Quarteto de Los Angeles', de James Ellroy. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

7.
PRADO, M. L. C.; VILARDAGA, S. M. F. S.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Patricia Guimarães de Souza. Álvares de Azevedo e a questão de gêneros. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

8.
SILVA, M. R. B.; HADDAD, T.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Renato Pignatari Pereira. Jeronymo Monteiro e a ficção científica brasileira. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

9.
GIRALDO, R. E. G.; HOSSIASON, L. J.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Jader Vanderlei Muniz de Souza. Bolaño e sua escritura. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

10.
PINTO, Julio Pimentel; SILVA, M. A.; SALIBA, E. T.. Participação em banca de Francielle Maria Modesto Mendes. Coronel de Barranco: a literatura no imaginário social da Amazônia no primeiro ciclo da borracha. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

11.
NATALI, M. P.; OLMOS, A. C. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Eduardo Fava Rubio. Sobre os gêneros literários na obra de Ricardo Piglia e Juan José Saer. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

12.
PULIDO, B.; PERUS, F.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Nuno Gonçalves Pereira. Las crónicas de la realidade maravillosa: la estetica de la historia en las novelas de Alejo Carpentier. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Estudios Latinoamericanos) - Universidad Nacional Autónoma de Mexico.

13.
ALVES, F.A.N.; GARATE, M. V.; BIRMAN, D.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Fernanda Andrade do Nascimento Alves. Entre sicários e pistoleiros: configurações da violência em clave melodramática e policial. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Teoria e História Literária) - Universidade Estadual de Campinas.

14.
TALARICO, F.B.F.; SILVA, M. A.; CARDOSO, M.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Fernando Braga Franco Talarico. De "O Padre, a Moça" a 'O Padre e a Moça': diálogos entre as poéticas de dois Andrades (Carlos Drummond e Joaquim Pedro). 2013. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

15.
MORAES, M. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Ana Lúcia Guimarães Richa Lourega de Menezes. Amizade "carteadeira' - O diálogo de Mário de Andrade com o Grupo Verde de Cataguases. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em Literatura Brasileira - Universidade de São Paulo) - Universidade de São Paulo.

16.
PINTO, Julio Pimentel; ALAMBERT, F.; MORAES, J. G. V.. Participação em banca de André Domingues dos Santos. Vanguardas na Música Popular Brasileira. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

17.
PINTO, Julio Pimentel; BARNI, R.; KLEIN, A. I.. Participação em banca de Erica Aparecida Salatini. Entre a incerteza do sentido e os equívocos da experiência: temas e procedimentos pós-modernos nos contos de Antonio Tabucchi. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Língua e Literatura Italiana)) - Universidade de São Paulo.

18.
PINTO, Julio Pimentel; SALIBA, E. T.; SCHAPOCHNIK, N.; Almeida, L.. Participação em banca de Leandro Almeida. João de Minas, autor esquecido. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

19.
ALVES, M. M.; NITRINI, S. M.; RIBEIRO, E. M.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Márcio Miranda Alves. A imprensa em 'O tempo e o vento': o jornal, a revista e o almanaque como representação da história. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada)) - Universidade de São Paulo.

20.
PINTO, Julio Pimentel; GUTIERREZ, Horacio; PUNTONI, Pedro. Participação em banca de Mariana Moreno Castilho. O olhar de José Veríssimo sobre o indígena. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

21.
CARVALHO, Y.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Yone de Carvalho. Teias de tempos e sentidos. As obras anglonormandas da Legenda de Tristan do século XII. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

22.
PINTO, Julio Pimentel; SILVA, F. L. e; Gentil, H. S.. Participação em banca de Thana Mara de Souza. Da estética à ética: uma análise compreensiva das obras literárias de Malraux e Sartre. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

23.
PINTO, Julio Pimentel; LONDONO, F. T.; CRUZ, H. F.. Participação em banca de Mariza Romero. O jornal 'Diário da Noite" e as notícias populares. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

24.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Fiorina Matilde Macedo Torres. Civilização vs. Barbárie: singularidades e aproximações das poéticas de Jorge Luis Borges, Andrés Rivera e Ricardo Piglia. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

25.
PINTO, Julio Pimentel; CHIAPPINI, L.. Participação em banca de Marisa Balthasar Soares. Tempo de Avalovara. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Teoria Literária e Literatura Comparada)) - Universidade de São Paulo.

26.
MARCO, V.; OLMOS, A. C. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Silvia Beatriz Adoue. Rodolfo Walsh, o criptógrafo. Relações entre escrita e ação política na obra de Rodolfo Walsh. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

27.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Alexandre Pianelli Godoy. Nelson Rodrigues: o fracasso do moderno no Brasil 1940-1970. 2004. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

28.
PINTO, Julio Pimentel; OLMOS, A. C. A.; SANTANNA, D. B.. Participação em banca de Marisa Alicia Montrucchio. Las palabras se abren en territorios. Lo fantástico, lo híbrido y lo político en la obra de Julio Cortázar. 2003. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

29.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Graciela Foglia. Tensión entre ficción y realidad en Operación Masacre. 2003. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

30.
PINTO, Julio Pimentel; DALESSIO, M. M.; DIAS, M. O. L. S.. Participação em banca de Luiz Humberto Martins Arantes. Teatro de Jorge Andrade (1951-1969): dilemas entre memória, história e nacionalidade. 2002. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

31.
PINTO, Julio Pimentel; SCHWARTZ, J.; OLMOS, A. C. A.. Participação em banca de Susana González. Ficção, história e crítica em Ricardo Piglia. 2002. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

32.
PINTO, Julio Pimentel; MATTOS, M. I. S.; AVELINO, Y. D.. Participação em banca de Valdeci Rezende Borges. A visão de mundo romântica na obra urbana de José de Alencar. 2002. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

33.
PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Ronaldo Assunção. Jorge Luis Borges e Mario de Andrade: poesia e imaginário urbano. 2001. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

34.
PINTO, Julio Pimentel; SANTANNA, D. B.; PELBART, P. P.. Participação em banca de Kênia Souza Rios. Relatos do Ceará. 2001. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

35.
PINTO, Julio Pimentel; SANTANNA, D. B.; DIAS, M. O. L. S.. Participação em banca de Almir Leal de Oliveira. O Instituto Histórico, Geográfico e Antropológico do Ceará - Memória, representações e pensamento social (1887-1930). 2000. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

36.
PINTO, Julio Pimentel; VASCONCELOS, G. F.; PEDRO, A.. Participação em banca de Celeste Maria Pacheco de Andrade. Bahia, cidade-síntese da nação brasileira. Uma leitura de Jorge Amado. 1998. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Qualificações de Mestrado
1.
PINTO, Julio Pimentel; PURDY, R. S.; CARNEIRO, H.. Participação em banca de Thomas Willian Pacheco. A Lei Seca na ficção de Dashiell Hammett. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

2.
MILTON, J.; NAGAE, N. H.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Gabriel de Oliveira Fernandes. A fórmula da ficção policial japonesa: a obra de Edogawa Rampo como contraponto de sua influência ocidental. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Letras (Língua Literatura e Cultura Japonesa)) - Universidade de São Paulo.

3.
POMA, P.; CANDIDO, G.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Rafaela Favarin Somera. O Sebastianismo em Fernando Pessoa. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Letras (Literatura Portuguesa)) - Universidade de São Paulo.

4.
GASPARINI, P. F.; OLMOS, A. C. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Marcio Gregório Sá da Silva. O duelo em Guimarães Rosa e Borges. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Letras (Língua Espanhola e Lit. Espanhola e Hispano-Americ.)) - Universidade de São Paulo.

5.
SALIBA, E. T.; POMA, P.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Carolina Borges da Silva Luiz. O desassossego em Fernando Pessoa e José Saramago. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

6.
PARRON, T.; PIMENTA, J. P. G.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Sheila Virginia Rocha de Oliveira Castro. Representações da independência na literatura brasileira - séculos XIX-XXI. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

7.
LONGHI, C.R; SANTANNA, D. B.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Vitor da Matta Vivolo. Gastão Cruls e a auscultação da sociedade brasileira. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

8.
OLMOS, A. C. A.; MONTRUCCHIO, M. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Rafael Vaz de Souza. Representações urbanas em Julio Cortázar. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

9.
OLMOS, A. C. A.; MONTRUCCHIO, M. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Rafael Vaz de Souza. Metrópoles em um caleidoscópio: representação da cidade de Buenos Aires e construção imagética do território urbano na obra de Julio Cortázar. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

10.
BRESCIANI, M. S. M.; MARSON, I. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Ana Carolina Silva. Stevenson e a arte de narrar. 2016.

11.
VASCONCELOS, J. A.; PINTO, Julio Pimentel. Participação em banca de Mariane Soares Gennari. O exílio palestino em 'Homens ao Sol'. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SCHAPOCHNIK, N.; LOURENCO, E.; PINTO, Julio Pimentel. Concurso Público para provimento de cargo de professor na disciplina Metodologia da História. 2016. Universidade de São Paulo.

2.
PINTO, Julio Pimentel; LONDONO, F. T.; CRUZ, H. F.. Credenciamento do Programa de Estudos Pós-Graduados em História. 2011. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

3.
PINTO, Julio Pimentel. Concurso Público para provimento de cargo de Professor-Doutor, disciplina História da América Independente com ênfase em Estados Unidos. 2006. Universidade de São Paulo.

4.
SARTI, C.; ARAUJO, H. R.; MARQUEZ, L.; FREITAS NETO, José Alves; BAUMGARTEN, J.; PINTO, Julio Pimentel. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Doutor - História Moderna. 2006. Universidade Federal de São Paulo.

5.
PINTO, Julio Pimentel; PEDRO, A.; ANTONACCI, M. A.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor de História Contemporânea. 2005. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

6.
PINTO, Julio Pimentel. Concurso Público para provimento de cargo efetivo de Professor Assistente Doutor, disciplina ?História da América Independente?. 2004. Universidade de São Paulo.

7.
PINTO, Julio Pimentel. Concurso Público para provimento de cargo efetivo de Professor Assistente Doutor, disciplina ?Literatura Hispano-Americana ? século XIX. 2003. Universidade de São Paulo.

8.
PINTO, Julio Pimentel. Concurso Público para provimento de cargo efetivo de Professor Assistente Doutor, disciplina ?Literatura Hispano-Americana ? século XX. 2003. Universidade de São Paulo.

9.
PINTO, Julio Pimentel; CORREA, A. M. M.. Seleção para Professor Assistente Doutor. 2001. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

10.
PINTO, Julio Pimentel; CARVALHO, E. A.; SALIBA, E. T.; MINDLIN, B.; CHAIA, M. W.. Seleção para Professor Assistente Doutor. 1996. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

11.
PINTO, Julio Pimentel; DECCA, E.; ANTONACCI, M. A.. Seleção para professor de História Contemporânea. 1995. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

12.
PINTO, Julio Pimentel; SALIBA, E. T.; RODRIGUES, A. J.. Seleção para professor de Historiografia Brasileira. 1991. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Livre docência
1.
SCHWARTZ, J.; GARATE, M. V.; MIRANDA, W.M.; GONZÁLEZ, E.C.P.; PINTO, Julio Pimentel. Concurso Público de Livre-Docência do Departamento de Letras Modernas, Área de Língua Espanhola e Literaturas Espanhola e Hispano-Americana - candidata: Ana Cecilia Arias Olmos. 2016. Universidade de São Paulo.

Outras participações
1.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora da Primeira Fase do Prêmio Literário Portugal Telecom. 2012. Portugal Telecom.

2.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora do Prêmio Jabuti. 2012. Câmara Brasileira do Livro.

3.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora do Prêmio Jabuti. 2012. Câmara Brasileira do Livro.

4.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora da Primeira Fase do Prêmio Literário Portugal Telecom. 2011. Portugal Telecom.

5.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora do Prêmio Jabuti. 2011. Câmara Brasileira do Livro.

6.
PINTO, Julio Pimentel. Conselho Curador do Prêmio São Paulo de Litertura. 2010. Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.

7.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora do Prêmio Jabuti. 2010. Câmara Brasileira do Livro.

8.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora da Primeira Fase do Prêmio Literário Portugal Telecom. 2010. Portugal Telecom.

9.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora da Primeira Fase do Prêmio Literário Portugal Telecom. 2009. Portugal Telecom.

10.
PINTO, Julio Pimentel. Conselho Curador do Prêmio São Paulo de Literatura. 2009. Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.

11.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora da Primeira Fase do Prêmio Literário Portugal Telecom. 2008. Portugal Telecom.

12.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora da Primeira Fase do Prêmio São Paulo de Literatura. 2008. Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo.

13.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora do Prêmio Jabuti. 2008. Câmara Brasileira do Livro.

14.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora da Primeira Fase do Prêmio Literário Portugal Telecom. 2007. Portugal Telecom.

15.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora do Prêmio Jabuti. 2007. Câmara Brasileira do Livro.

16.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão Julgadora do Prêmio Jabuti. 2006. Câmara Brasileira do Livro.

17.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão externa CNPq para avaliação do PIBIC. 2005. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

18.
PINTO, Julio Pimentel. Comissão julgadora do Prêmio Jabuti. 2002. Câmara Brasileira do Livro.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
América Latina entre os anos 60 e 70: novos olhares.A memória de Piglia nos Diários de Renzi. 2018. (Simpósio).

2.
Ciclo de Estudos da Escola Móbile.História e ficção: diálogos e conexões. 2018. (Outra).

3.
Evento Profissional da Escola da Vila.Os cursos de História nas universidades públicas. 2018. (Outra).

4.
XIII Encontro Internacional da ANPHLAC.As leituras norte-americanas de Ricardo Pigia nos Diários de Emilio Renzi. 2018. (Encontro).

5.
Apresentação de 'Os diários de Emilio Renzi', de Ricardo Piglia.Todos os duplos de Ricardo Piglia. 2017. (Encontro).

6.
Conversas com professores do Colégio São Domingos I.A investigação nas histórias policiais. 2017. (Outra).

7.
Conversas com professores do colégio São Domingos II.Do romance policial à sala de aula: como investigar?. 2017. (Outra).

8.
Encontros no Instituto Cervantes.Borges y la narrativa policial. 2017. (Outra).

9.
Escritas da História - Literatura e História.Sobre fantasmas e homens. Passado e exílio em Onetti. 2017. (Simpósio).

10.
Literatura em campo expandido.Borges em diálogo. 2017. (Outra).

11.
O papel das universidades públicas na nossa sociedade.Optar por uma universidade pública. 2017. (Encontro).

12.
Trabalhos da memória - Encontro da Diretoria de Ensino de Osasco.Cinema, memória e história. 2017. (Oficina).

13.
Charlas de Cineclub.'Plata Quemada', do livro ao filme. 2016. (Encontro).

14.
Ciclo de Conversas sobre Cultura Árabe.Ficção, Memória e História - diálogo com Milton Hatoum. 2016. (Encontro).

15.
Encontro com Profissionais - Escola Móbile.Para que serve um historiador?. 2016. (Encontro).

16.
Seminários do LEHA-USP.Do fingimento à imaginação moral: diálogos entre ficção e história. 2016. (Seminário).

17.
19 Festival de Arte Contemporânea VideoBrasil. Terras imaginárias, territórios imaginados: alguns roteiros de fuga. 2015. (Exposição).

18.
Café Filosófico CPFL - O clássico e o cotidiano.Borges e o labirinto dos clássicos e do cotidiano. 2015. (Outra).

19.
Diálogos entre História e Literatura com Milton Hatoum.Duas ou três perguntas para Milton Hatoum. 2015. (Encontro).

20.
Aula Inaugural do Mestrado em Integração Latino-Americana.América Hispânica e Brasil, de 2014 a 1884: diálogos incompletos. 2014. (Outra).

21.
Territórios de Cortázar - Seminário Internacional de Literatura.Cortázar, leitor de Poe. 2014. (Seminário).

22.
VII Simpósio Nacional de História Cultural: Escritas, Circulação, Leituras e Recepções.Borges e Bioy: autores-leitores de policiais. 2014. (Simpósio).

23.
VII Simpósio Nacional de História Cultural: Escritas, Circulação, Leituras e Recepções.Poe, inventor de um gênero e de um leitor. 2014. (Simpósio).

24.
XXII Encontro Estadual de História Anpuh.Notas sobre o mistério e o horror: a narrativa policial na história. 2014. (Encontro).

25.
O Mercado. Crítica e crítica gastronômica. 2013. (Feira).

26.
XXX Semana de História da Unesp-Assis.O labutador e o monstro: Borges lê o peronismo. 2013. (Encontro).

27.
Clube da Leitura Cosac & Naify.Adolfo Bioy Casares e o Diário da Guerra do Porco. 2012. (Outra).

28.
Eu vi o sol brilhar em toda a sua glória.Borges, seus leitores e seus espectadores. 2012. (Outra).

29.
Jorge Luis Borges, um escritor em seu labirinto.Jorge Luis Borges, poeta apaixonado e bibliotecário valente. 2012. (Outra).

30.
Mestres do Conto Latino-Americano - Biblioteca Mário de Andrade.Sobre fantasmas e homens: passado e presente em Juan Carlos Onetti. 2012. (Outra).

31.
Instituto de Estudos da Linguagem - Palestras.Ricardo Piglia e a zona indeterminada do real. 2011. (Outra).

32.
50 anos do Colégio São Domingos.Plasticidade da memória e os lugares da tradição. 2010. (Outra).

33.
Conversas com alunos da Escola Carlitos - Haiti.Haiti: história e presente. 2010. (Outra).

34.
Conversas com alunos da Escola Carlitos - Questões Latino-Americanas.A identidade latino-americana. 2010. (Outra).

35.
Jalla 2010 - Jornadas Andinas de Literatura Latino-Americana. A zona indeterminada do real. Ricardo Piglia, o policial duro e a crítica social. 2010. (Congresso).

36.
A literatura portuguesa convida a pensar no conto sobre o seculo XX.Borges e a narrativa policial de "A morte e a bussola". 2009. (Seminário).

37.
Debate Borges - Instituto Cervantes e Club Social Argentino.Borges e a crítica. 2009. (Encontro).

38.
Recepção da Casa das Rosas a Horacio González.O Brasil que lê a Argentina. 2009. (Outra).

39.
Semana Literária da Escola Carlitos.Ficção policial e história. 2009. (Encontro).

40.
Inauguração da exposição de fotos de Jorge Luis Borges por Sara Facio.Borges, as bibliotecas & a crítica. 2008. (Outra).

41.
Memória do Mundo I.Itinerários de leituras borgeanas. 2008. (Outra).

42.
Memória do Mundo II.Borges, no teatro e na literatura. 2008. (Outra).

43.
Para saber mais - ciclo de palestras da Escola Castanheiras.A família real portuguesa no Brasil. 2008. (Encontro).

44.
Semana Literária da Escola Carlitos.O que há nos labirintos de Borges?. 2008. (Encontro).

45.
XI Congresso Internacional Abralic (Associação Brasileira de Literatura Comparada). Crônica & crítica na ficção policial recente. 2008. (Congresso).

46.
Anna O e outros ensaios, de Ricardo Lísias - debate de lançamento.Anna O e outros ensaios, de Ricardo Lísias - debate de lançamento. 2007. (Outra).

47.
Caminhos do romance no século XIX - simpósio.Caminhos do romance no século XIX. 2007. (Encontro).

48.
Cultura e Resistência nas Américas.Cuba: Arte Oficial e Exilada. 2007. (Encontro).

49.
Dois anos de EntreLivros - conversa com Milton Hatoum.Conversa com Milton Hatoum. 2007. (Outra).

50.
Jornadas de Pesquisa da FFLCH-USP.Trajetórias e práticas de formação do docente-pesquisador. 2007. (Outra).

51.
Seminário Memória Paulista. Novos temas e novas perspectivas da história de São Paulo e do Brasil.Campos Sales e a arquitetura da Primeira República. 2007. (Seminário).

52.
XV Semana do Historiador - Unicentro.Os passeios da história pelos bosques da ficção. 2007. (Simpósio).

53.
Clássicos da Modernidade.Por que ler clássicos hoje?. 2006. (Outra).

54.
IX Encontro Regional ANPUH-GO.Borges, o conto policial e a história. 2006. (Encontro).

55.
Latin America 2006 - Esomar World Research Conference. Latin America: identity and history. 2006. (Congresso).

56.
Rumos da História.Docência e pesquisa em História Latino-Americana nos anos 1980 e 1990. 2004. (Simpósio).

57.
Sexto Encontro da ANPHLAC ? Associação Nacional de Pesquisadores de História Latino-americana e Caribenha. Em busca de um estilo: narrativas literárias brasileira e hispano-americana nos anos 1990. 2004. (Congresso).

58.
X Simpósio Nacional de Letras e Lingüística.A pista e a razão: notas sobre o gênero policial em Ricardo Piglia. 2004. (Simpósio).

59.
Debates Literários da LIBRE.A poesia da 'geração 90' da literatura brasileira. 2003. (Encontro).

60.
Libertango. Brasil-Argentina: aproximações.Em busca do Sul. 2003. (Simpósio).

61.
II Congresso da Associação Brasileira de Hispanistas. Ruas de Borges e de seus contemporâneos. 2002. (Congresso).

62.
II Congresso da Associação Brasileira de Hispanistas. A Invenção de Morel, entre o Tempo e os tempos. 2002. (Congresso).

63.
V Encontro da ANPHLAC - Associação Nacional de Pesquisadores de História Latino-Americana e Caribenha.Limites da modernidade na América Latina. 2002. (Encontro).

64.
V Encontro da ANPHLAC - Associação Nacional de Pesquisadores de História Latino-Americana e Caribenha.Ruas de Borges e de seus contemporâneos. 2002. (Encontro).

65.
Brasa V. Das bibliotecas às cidades imaginárias: literatura e história na aventura das vanguardas. 2000. (Congresso).

66.
Borges - Brasil - Encontro do Centenário de Borges.Borges, uma poética da memória. 1999. (Encontro).

67.
Borges Centenário.Noções de clássico em Borges. 1999. (Encontro).

68.
Borges Centenary Conference. Borges, una poética de la memória. 1999. (Congresso).

69.
Debate com James Woodall.Biografias de Borges. 1999. (Outra).

70.
Encontros com escritores - nos caminhos de Borges.Borges, a crítica e a história. 1999. (Encontro).

71.
Encontro da ANPHLAC.Borges contra Perón: a literatura em tempos sombrios. 1998. (Encontro).

72.
Semana Hispano-Americana de História.Borges e Buenos Aires: encontros e desencontros. 1998. (Encontro).

73.
VI Congreso Internacional del CELCIRP. Borges lee Buenos Aires: un ejercicio crítico frente a la modernización de la ciudad. 1998. (Congresso).

74.
XIV Encontro Regional da ANPUH-SP.Alguns dilemas na história. 1998. (Encontro).

75.
Colóquio Internacional do NELIC-UFSC.Das folhas como princípio: Borges no periodismo literário das vanguardas. 1997. (Simpósio).

76.
Critérios de avaliação de livros didáticos.A narrativa histórica no livro didático. 1997. (Encontro).

77.
Seminário de História da FIEO.Memória e textualidade: diálogos e tensões. 1997. (Seminário).

78.
Semana de História da UNESP/Franca.Ruas como entranhas: o tema urbano em Borges. 1996. (Encontro).

79.
V Congreso Internacional del CELCIRP. En busca del cristal: la poética de la memória em Borges. 1996. (Congresso).

80.
VIII Semana de Ciências Sociais.A poética da memória em Borges. 1996. (Encontro).

81.
III Congresso Luso-Afro-Brasileiro de Ciências Sociais. Memória e pluritextualidade: a literatura como lugar e memória. 1994. (Congresso).

82.
VII Semana de Ciências Sociais.Borges: itinerários de um "flâneur" livresco. 1994. (Encontro).

83.
I Encontro da ANPHLAC.Panorama da pesquisa em história latino-americana. 1993. (Encontro).

84.
III Semana de História da UMC.Métodos, tendências e perspectivas na historiografia contemporânea. 1993. (Encontro).

85.
XIII Congreso Internacional de Ciencias Antropológicas y Etnológicas. América, território de imágenes. 1993. (Congresso).

86.
América 92 - Raízes e trajetórias. Tempo e estética no "cristal da memória"de Borges. 1992. (Congresso).

87.
América 92 - Raízes e trajetórias. Imagens do nacional nas falas dos militares argentinos. 1992. (Congresso).

88.
IV Congreso Internacional del CELCIRP. Tiempo y estética en el "cristal de la memoria" de Borges. 1992. (Congresso).

89.
Semana de Debates do NEM-PUC."Camila": a Argentina no tempo de Rosas. 1992. (Encontro).

90.
VI Encontro de História da PUC-SP.América, território de imagens. 1992. (Encontro).

91.
X Semana de Humanidades da UMC.América, território de imagens. 1992. (Encontro).

92.
VI Semana de Ciências Sociais.América, 500 anos: transição e integração. 1991. (Encontro).

93.
VI Semana de Ciências Sociais.Borges: intervenção política ou intervenção poética?. 1991. (Encontro).

94.
XVIII Congreso de la ALAS. Registros nacionalistas nas falas dos militares argentinos. 1991. (Congresso).

95.
XVI Simpósio Nacional da ANPUH.A questão nacional nas falas dos militares argentinos. 1991. (Simpósio).

96.
42a. Reunião Anual da SBPC. Borges: intervenção política ou intervenção poética?. 1990. (Congresso).

97.
IV Semana de Ciências Sociais.Participação política dos militares argentinos nos anos 1970. 1989. (Encontro).

98.
III Semana de Ciências Sociais.América Latina: a construção de uma identidade (ilustrada pela noção de pós-modernidade). 1988. (Encontro).

99.
XIV Simpósio Nacional de História da ANPUH.Caudilhismo. 1987. (Simpósio).

100.
II Encontro Nacional de Prática de Ensino.Memória fotográfica da Revolução Mexicana. 1985. (Encontro).

101.
II Encontro Regional de História.Memória fotográfica da Revolução Mexicana. 1985. (Encontro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Carolina Borges da Silva Luiz. O desassossego de Fernando Pessoa e José Saramago: a investigação de um sentimento através da literatura. Início: 2015. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Rafael Vaz de Souza. Metrópoles em um caleidoscópio: representação da cidade de Buenos Aires e construção imagética do território urbano na obra de Julio Cortázar. Início: 2015. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

3.
Fernanda Palo Prado. Metáforas de um país: as representações do ser argentino através da trilogia da memória de Pedro Orgambide. Início: 2014. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Michelly Cristina da Silva. Em torno do conceito de história em 'Quarteto', de James Ellroy. Início: 2015. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Josélia Bastos de Aguiar. Guayaberas: laços literários e políticos de Jorge Amado com escritores da esquerda da América Latina, Portugal e Espanha: 1930-1990. Início: 2015. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

3.
Andreya Susane Seiffert. 'The Futurians' e a ficção científica na década de 1940. Início: 2015. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. (Orientador).

4.
Breno Anderson Souza de MIranda. Prolo(n)gar comunidades críticas em Borges: sobre realismos historiográficos, horror da autoria e paixões revolucionárias no contemporâneo. Início: 2012. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Ailton Luiz Camargo. O horror em Horacio Quiroga. 2015. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

2.
Fernanda da Silva Rodrigues Rossi. Planejando Estados, construindo nações: os projetos políticos de Francisco de Miranda, Bernardo Monteagudo e José Bonifácio. 2013. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

3.
Paulo Ferraz de Oliveira Camargo. As representações temporais na obra de Juan Rulfo. 2011. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

4.
Amina Maria Figueroa Vergara. A United Fruit Company e a Guatemala de Miguel Ángel Asturias. 2010. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

5.
Julia Teixeira Bussius. E o que resta não destroi a memória: história, memória e ficção em W. G. Sebald. 2010. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

6.
André Domingues dos Santos. Caymmi sem folclore. 2008. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

7.
Renato Brighenti Prelorentzou. À sombra de um livro. História e ficção na leitura de Amphitryon, de Ignacio Padilla. 2008. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

8.
Desirée Ramos Tozi. Primavera de estações. O Programa Monumenta e as políticas de preservação do patrimônio cultural na região do bairro da Luz/São Paulo. 2007. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

9.
Mirtes Timpanaro. A morte como memória. Imigrantes nos cemitérios da Consolação e do Brás. 2006. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

10.
Percy da Silva. A incrível história do homem que ouviu a música que o outro não tocou. 2005. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

11.
Vera Maria Pereira Theodozio. Movimentos da história em Corpo de Baile. 2005. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

12.
Patrícia Silva Mueller Dinamarco. Trabalhadores da CSN: lembranças e relatos da primeira geração. 2004. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

13.
Fernando Aparecido de Oliveira Meyer. A guerra das Malvinas de 1982 na imprensa escrita brasileira. 2004. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

14.
Maria Beatriz Castrucci di Moisè. 'El laberinto de la sociedad' e a questão da identidade do mexicano. 2003. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

15.
Marisa Alicia Montrucchio. Peronismo en Primera Plana. Uma história do peronismo numa revista argentina dos anos 60. 2000. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

Tese de doutorado
1.
Nuno Gonçalves Pereira. Las crónicas de la realidad maravillosa: la estética de la historia en las narrativas de Alejo Carpentier. 2015. Tese (Doutorado em Estudios Latinoamericanos) - Universidad Nacional Autónoma de Mexico, . Coorientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

2.
André dos Santos Domingues. Cinco cantos de vanguarda: populares e eruditos em luta pela brasilidade modernista. 2014. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

3.
Francielle Maria Modesto Mendes. Coronel de Barranco: a literatura no imaginário social da Amazônia no primeiro ciclo da borracha. 2013. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

4.
Eduardo Ferraz Felippe. A resignação de Sísifo: tradição, cultura política e história na obra do moderno vetusto Alejo Carpentier (1928-1980). 2013. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

5.
Vera Maria Pereira Theodozio. Autor & edição: três sub-séries da correspondência de João Guimarães Rosa (1957-1967). 2011. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

6.
Ednilson Aparecido Quarenta. A celebração do IV Centenário e a construção do mito de Achieta. 2009. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Eduardo Ferraz Felippe. 2015. Universidade de São Paulo, . Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.

Iniciação científica
1.
Ligia Rissato Garófalo. A busca por uma casa. Identidade e cultura em ?Uma casa para o sr. Biswas?, de V. S. Naipaul. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade de São Paulo. Orientador: Julio Cesar Pimentel Pinto Filho.



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
PINTO, Julio Pimentel; TURAZZI, M. I. . Ensino de História: diálogos com a literatura e a fotografia. 1. ed. São Paulo: moderna, 2013. v. 1. 176p .

2.
CAMPOS, F. ; CLARO, R. ; PINTO, Julio Pimentel . Oficina da História. 1. ed. São Paulo: Leya, 2017. v. 3. 1176p .

1.
PINTO, Julio Pimentel. Manifestos de Vanguarda. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 58-61.

2.
PINTO, Julio Pimentel. Textos vanguardistas. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 60-60.

3.
PINTO, Julio Pimentel. Jorge Luis Borges, um homem clássico. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 62-66.

4.
PINTO, Julio Pimentel. Leituras sobre Borges. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 65-65.

5.
PINTO, Julio Pimentel. Juan Carlos Onetti, mundos imaginários. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 67-67.

6.
PINTO, Julio Pimentel. O sonho de Linacero. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 66-66.

7.
PINTO, Julio Pimentel. Cesar Vallejo, autonomia lírica. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 68-68.

8.
PINTO, Julio Pimentel. Felisberto Hernández, as teclas da memória. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 69-69.

9.
PINTO, Julio Pimentel. Roberto Arlt, um autor inclassificável. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 73-73.

10.
PINTO, Julio Pimentel. Lirismo engajado. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 72-72.

11.
PINTO, Julio Pimentel. O poeta no Pacaembu. In: Heitor Ferraz. (Org.). Cadernos Entrelivros - Panorama da Literatura Latino-Americana. 1ed.São Paulo: Duetto Editorial, 2008, v. 7, p. 74-74.


Textos em jornais de notícias/revistas
1.
PINTO, Julio Pimentel. O inconformista. Três visões de Sérgio Buarque. Folha de São Paulo, São Paulo, p. Ilustríssima 8, 23 maio 2010.

2.
PINTO, Julio Pimentel. Maquinaria bem azeitada. A ficção policial, de Allan Poe a Máfia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 3 - 3, 18 jul. 2010.

3.
PINTO, Julio Pimentel. Entre a história e a literatura. Gazeta do Povo, Curitiba, Paraná, p. 10 - 10, 26 mar. 2011.

4.
PINTO, Julio Pimentel. Capital da ficção. Folha de São Paulo - Ilustríssima, São Paulo, p. 6 - 6, 19 jun. 2011.

5.
PINTO, Julio Pimentel. Literatura assombrada. Rascunho, Curitiba, Paraná, p. 27 - 27, 02 abr. 2012.

6.
PINTO, Julio Pimentel. Elogio da diferença. Folha de S. Paulo - Ilustríssima, São Paulo, p. I-6 - I-6, 07 set. 2014.


Apresentações de Trabalho
1.
PINTO, Julio Pimentel. Possibilidades e ambiguidades da atual gastronomia brasileira. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
PINTO, Julio Pimentel. Road Hill e a nova polícia inglesa. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

2.
PINTO, Julio Pimentel. Iluminismo. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

3.
PINTO, Julio Pimentel. O impeachment de Fernando Lugo. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

4.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra do Paraguai. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

5.
PINTO, Julio Pimentel. Nove de Julho. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

6.
PINTO, Julio Pimentel. O PRI e as eleições mexicanas. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

7.
PINTO, Julio Pimentel. As Olimpíadas e a política. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

8.
PINTO, Julio Pimentel. Brasil e Argentina, rivais?. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

9.
PINTO, Julio Pimentel. As bombas atômicas. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

10.
PINTO, Julio Pimentel. Borges, 113 anos. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

11.
PINTO, Julio Pimentel. Grito do Ipiranga. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

12.
PINTO, Julio Pimentel. Festas judaicas. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

13.
PINTO, Julio Pimentel. 11 de setembro. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

14.
PINTO, Julio Pimentel. A entrada do Brasil na Segunda Guerra Mundial. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

15.
PINTO, Julio Pimentel. Vinte anos do impeachment. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

16.
PINTO, Julio Pimentel. Eleições municipais de 2012. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

17.
PINTO, Julio Pimentel. 17 de outubro de 1945. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

18.
PINTO, Julio Pimentel. Antoni Dobrowolski. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

19.
PINTO, Julio Pimentel. Eleição de Alfonsín, 1983. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

20.
PINTO, Julio Pimentel. Dia dos mortos. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

21.
PINTO, Julio Pimentel. Reeleição de Obama. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

22.
PINTO, Julio Pimentel. República, quando virá?. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

23.
PINTO, Julio Pimentel. Ação de Graças. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

24.
PINTO, Julio Pimentel. Revolução Mexicana. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

25.
PINTO, Julio Pimentel. Proust. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

26.
PINTO, Julio Pimentel. A máquina de madeira. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

27.
PINTO, Julio Pimentel. Nova York, a grande ostra. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

28.
PINTO, Julio Pimentel. Arkwright. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

29.
PINTO, Julio Pimentel. O silêncio de Havana. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

30.
PINTO, Julio Pimentel. Chávez, Bolívar e o futuro. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

31.
PINTO, Julio Pimentel. Wall-e. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

32.
PINTO, Julio Pimentel. Gripe espanhola. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

33.
PINTO, Julio Pimentel. José Martí, 160 anos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

34.
PINTO, Julio Pimentel. Carnaval de Veneza. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

35.
PINTO, Julio Pimentel. Pinturas rupestres. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

36.
PINTO, Julio Pimentel. João de Minas. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

37.
PINTO, Julio Pimentel. Raúl Castro e a renúncia prometida. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

38.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Hugo Chávez. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

39.
PINTO, Julio Pimentel. Plebiscito nas Malvinas. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

40.
PINTO, Julio Pimentel. Cristina Kirchner e o Papa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

41.
PINTO, Julio Pimentel. Golpe de 1964. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

42.
PINTO, Julio Pimentel. Animais domésticos na história. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

43.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Margareth Thatcher. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

44.
PINTO, Julio Pimentel. Atentados em Boston. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

45.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra da Coreia. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

46.
PINTO, Julio Pimentel. Zapata. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

47.
PINTO, Julio Pimentel. Maio de 1968. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

48.
PINTO, Julio Pimentel. Colonização da África. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

49.
PINTO, Julio Pimentel. Lei Áurea. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

50.
PINTO, Julio Pimentel. Dostoievski e Woody Allen. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

51.
PINTO, Julio Pimentel. As máquinas da Segunda Guerra. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

52.
PINTO, Julio Pimentel. 1978-2013: dois Brasis. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

53.
PINTO, Julio Pimentel. Traidores e heróis. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

54.
PINTO, Julio Pimentel. Protestos pelo Brasil. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

55.
PINTO, Julio Pimentel. 50 anos de 'O Jogo da Amarelinha'. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

56.
PINTO, Julio Pimentel. Soweto e Mandela. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

57.
PINTO, Julio Pimentel. Independência dos Estados Unidos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

58.
PINTO, Julio Pimentel. Nove de julho em São Paulo. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

59.
PINTO, Julio Pimentel. Mandela - trajetória política. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

60.
PINTO, Julio Pimentel. A fraternidade na Revolução Francesa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

61.
PINTO, Julio Pimentel. Bombas atômicas, 68 anos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

62.
PINTO, Julio Pimentel. Massacre da Candelária, 20 anos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

63.
PINTO, Julio Pimentel. Ferragosto, uma festa italiana. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

64.
PINTO, Julio Pimentel. Cinquenta anos de 'O Jogo da Amarelinha', de Julio Cortázar. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

65.
PINTO, Julio Pimentel. Ascensão do nazismo. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

66.
PINTO, Julio Pimentel. Independência do Brasil. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

67.
PINTO, Julio Pimentel. Golpe de 1973 no Chile. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

68.
PINTO, Julio Pimentel. Fausto: o mito e suas representações literárias. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

69.
PINTO, Julio Pimentel. Crônicas e cronistas do descobrimento. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

70.
PINTO, Julio Pimentel. Os primeiros americanos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

71.
PINTO, Julio Pimentel. Heróis discretos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

72.
PINTO, Julio Pimentel. Os radicais na Revolução Inglesa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

73.
PINTO, Julio Pimentel. A Revolução Industrial e o meio ambiente. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

74.
PINTO, Julio Pimentel. O Quixote e seus sonhos. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

75.
PINTO, Julio Pimentel. Rebeldes sem causa. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

76.
PINTO, Julio Pimentel. Eleições no Chile. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

77.
PINTO, Julio Pimentel. Assassinato de Kennedy. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

78.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Mandela. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

79.
PINTO, Julio Pimentel. A destruição de Pompeia. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

80.
PINTO, Julio Pimentel. As damas de branco cubanas. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

81.
PINTO, Julio Pimentel. As origens do panetone. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

82.
PINTO, Julio Pimentel. A história do chocolate. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

83.
PINTO, Julio Pimentel. Chapeuzinho Vermelho e a origem dos contos de fadas. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

84.
PINTO, Julio Pimentel. Uma história dos cheiros. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

85.
PINTO, Julio Pimentel. Holocausto. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

86.
PINTO, Julio Pimentel. Napoleão Bonaparte. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

87.
PINTO, Julio Pimentel. Carlitos, um herói. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

88.
PINTO, Julio Pimentel. A expansão territorial dos Estados Unidos. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

89.
PINTO, Julio Pimentel. Os olmecas. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

90.
PINTO, Julio Pimentel. Modernidade: experiência e conceito. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

91.
PINTO, Julio Pimentel. Máscaras e mascaramentos. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

92.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra da Crimeia. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

93.
PINTO, Julio Pimentel. Guerra do Pacífico. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

94.
PINTO, Julio Pimentel. 50 anos do Golpe de 1964. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

95.
PINTO, Julio Pimentel. Zapata e a Revolução Mexicana. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

96.
PINTO, Julio Pimentel. Onze de setembro, treze anos depois. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

97.
PINTO, Julio Pimentel. As eleições argentinas e o fim do Kirchnerismo. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

98.
PINTO, Julio Pimentel. A República brasileira. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

99.
PINTO, Julio Pimentel. Borges: 30 anos da morte. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

100.
PINTO, Julio Pimentel. 25 anos do fim da URSS. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

101.
PINTO, Julio Pimentel. Morreu Ricardo Piglia. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

102.
PINTO, Julio Pimentel. Publicado ha 50 anos, 'Cem anos de solidão' fez de Macondo expressão simbólica da América Latina. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

103.
PINTO, Julio Pimentel. Crise de 1929. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).


Redes sociais, websites e blogs
1.
PINTO, Julio Pimentel. Paisagens da Crítica. 2005; Tema: Resenhas de livros e estímulo à leitura. (Blog).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/11/2018 às 6:13:34