Maria Cristina de Oliveira Izar

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3734118596685936
  • Última atualização do currículo em 20/08/2014


Possui graduação em Medicina pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Prêto da Universidade de São Paulo (1981) e Doutorado em Medicina (Cardiologia) pela Universidade Federal de São Paulo (2001). Possui Título de Especialista em Cardiologia pelo MEC e AMB, além de ter curso de Administração Hospitalar. Foi Research Fellow do Mount Sinai School of Medicine, da New York University de 1995-1996. Concursada como Médico Assistente da Disciplina de Cardiologia da Universidade Federal de São Paulo, possui vínculo de 40 horas semanais na instituição. Atualmente é Livre Docente em Cardiologia pela Universidade Federal de São Paulo (2010), Professor Afiliado da Disciplina de Cardiologia da Universidade Federal de São Paulo e Pesquisador Nível 2 do CNPq. Coordena o Laboratório de Biologia Molecular do Setor de Lípides, Aterosclerose e Biologia Vascular da UNIFESP. Tem experiência na área de Lípides, Aterosclerose e Biologia Vascular, atuando principalmente nas seguintes áreas: aterosclerose, lípides, fatores de risco, diabetes e genética. Suas linhas de pesquisa incluem Inflamação na Aterosclerose, Metabolismo de Esteróis, Genômica, Nutrigenômica, Modelos experimentais em aterosclerose e diabetes. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Maria Cristina de Oliveira Izar
Nome em citações bibliográficas
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de São Paulo, Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.
Rua Pedro de Toledo, 276- Setor de Lípides, Aterosclerose e Biologia Vascular
Vila Clementino
04039030 - São Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 55499395
Fax: (11) 50848777
URL da Homepage: www.unifesp.br


Formação acadêmica/titulação


1999 - 2001
Doutorado em Medicina (Cardiologia).
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
Título: Fatores de risco, marcadores bioquímicos e polimorfismos genéticos na doença arterial coronariana prematura, Ano de obtenção: 2001.
Orientador: Nelson Kasinski.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: fatores de risco; lípides; genética; hemostasia; apolipoproteínas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos / Especialidade: Polimorfismos Genéticos.
Setores de atividade: Saúde Humana.
1982 - 1985
Especialização - Residência médica.
Faculdade de Medicina de Ribeirão Prêto da Universidade de São Paulo. Residência médica em: Clínica Médica e Cardiologia
Número do registro: .
Bolsista do(a): Fundação de Desenvolvimento Administrativo.
Palavras-chave: Clínica Médica; CARDIOLOGIA.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Clínica Geral.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Pneumologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
1995 - 1996
Especialização em Cardiologia Experimental. (Carga Horária: 40h).
New York University, NYU, Estados Unidos.
Título: Chronic endothelial dysfunction after coronary angioplasty in pigs.
Orientador: Juan Jose Badimon.
1988 - 1989
Especialização em Administração Hospitalar. (Carga Horária: 650h).
Instituto de Pesquisas Hospitalares.
1976 - 1981
Graduação em Medicina.
Faculdade de Medicina de Ribeirão Prêto da Universidade de São Paulo.


Livre-docência


2010
Livre-docência.
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
Título: Linhas de Pesquisa, Ano de obtenção: 2010.
Palavras-chave: aterosclerose; lípides; biologia molecular; biologia vascular.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.


Formação Complementar


2009 - 2009
Capacitação - Módulo Administração Pública. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
2009 - 2009
A pesquisa clínica no ambiente de trabalho. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
2009 - 2009
Reconstruindo a imagem do servidor público no aten. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
1984 - 1984
Estágio Em Cardiopatias Congênitas. (Carga horária: 240h).
Instituto do Coração.
1980 - 1981
Monitoria de Endocrinologia. (Carga horária: 300h).
Faculdade de Medicina de Ribeirão Prêto da Universidade de São Paulo.


Atuação Profissional



Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Professor Afiliado, Enquadramento Funcional: Professor Afiliado, Carga horária: 10

Vínculo institucional

2003 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Médico Assistente (Cardiologia), Carga horária: 40

Atividades

01/2008 - Atual
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
seminários para o 5º ano: síndromes coronárias agudas
07/2007 - Atual
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
iniciação científica
2/2005 - Atual
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Visitas à enfermaria com alunos do 5º ano médico
1/2004 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.

Atividade realizada
Coordenação das reuniões científicas do Setor de Lípides, Aterosclerose e Biologia Vascular.
3/2002 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.

Atividade realizada
Coordenador do Laboratório de Biologia Molecular da Disciplina de Cardiologia.
2/2002 - Atual
Treinamentos ministrados , Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.

Treinamentos ministrados
Treinamento laboratorial em polimorfismos genéticos
1999 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.

Atividade realizada
estudo de polimorfismos genéticos.
1999 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.

Atividade realizada
ensino junto à graduação.
1/1998 - Atual
Treinamentos ministrados , Disciplina de Cardiologia, Setor de Lípides Aterosclerose e Biologia Vascular.

Treinamentos ministrados
Treinamento com médicos estagiários e residentes nos ambulatórios de dislipidemias
08/1997 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Medicina, .

8/1997 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.

Atividade realizada
atividade assistencial nos ambulatórios da Disciplina de Cardiologia.
01/2007 - 12/2007
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminários de Cardiologia para o 5º ano: Síndromes coronarianas agudas
7/2006 - 7/2007
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
orientações de IC (2 alunas)
7/2005 - 6/2006
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
orientações de IC (2 alunas)
7/2004 - 6/2005
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Orientações de iniciação científica (2 alunas)
1/2004 - 12/2004
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
seminários para o 5º ano médico
1/2003 - 12/2004
Ensino, Nutrição, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Orientação de iniciação científica
2/2002 - 12/2004
Ensino, Biomedicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Orientações de Iniciação Científica
2004 - 2004
Ensino, Medicina (Cardiologia), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Curso de Inflamação - Coordenadora do módulo
2003 - 2003
Ensino, Medicina (Cardiologia), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Curso de Biologia Molecular - módulo sinalização celular: coordenadora do curso
2002 - 2003
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.

Atividade realizada
coordenação do curso anual de pós graduação em biologia molecular da cardiologia.
2/1998 - 2/2002
Treinamentos ministrados , Departamento de Medicina, Disciplina de Cardiologia.

Treinamentos ministrados
Treinamento em função endotelial in vitro
2002 - 2002
Ensino, Medicina (Cardiologia), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Curso de Biologia Molecular - Aula: digestão dos produtos de PCR
Curso de Biologia Molecular - coordenação do módulo
Dislipidemias de base genética
1998 - 2002
Outras atividades técnico-científicas Biofísica.

Atividade realizada
estudos de reatividade vascular em coelho aterosclerótico.
2001 - 2001
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Aulas para o 4º ano médico: Dislipidemias - diagnóstico e tratamento
Aulas para o 4º ano médico: Fatores de risco para DAC


Linhas de pesquisa


1.
Oxidação de lipoproteínas e inflamação
2.
Dislipidemias
3.
Biologia molecular aplicada à doença aterosclerótica
4.
Aterosclerose experimental
5.
Aterosclerose clínica


Projetos de pesquisa


2013 - Atual
Rastreamento de indivíduos quilombolas para pesquisa de hipercolesterolemia familiar: projeto piloto

Descrição: Trata-se de pesquisa de campo onde será examinada a população residente em quilombos localizados no Estado de São Paulo, no litoral e região do Vale do Ribeira, por equipe multidisciplinar, com screening do perfil lipídico e dados antropométricos, nutricionais e demográficos...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Valéria Arruda Machado - Integrante / Celma Muniz Martins - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Integrante / Waleria Toledo Fonzar - Integrante.
2010 - 2012
HIPERCOLESTEROLEMIA FAMILIAR: EFEITOS DA SUPLEMENTACAO DE FITOESTEROIS A TERAPIA HIPOLIPEMIANTE

Descrição: Fundamento e objetivos: A hipercolesterolemia familiar (HF) é uma das formas mais comuns de dislipidemia de base genética e caracteriza-se por defeitos no receptor de LDL (LDL-R). Como a célula não capta colesterol, há aumento de síntese, mas também são descritos aumentos na absorção intestinal do colesterol. Associa-se à aterosclerose prematura e o diagnóstico de certeza pode ser aprimorado por critérios clínicos e laboratoriais, auxiliando a correta estratificação do risco e orientando a terapêutica para o alcance de metas. Há necessidade do uso de estatinas efetivas ou da associação de fármacos e suplementos alimentares. Os fitosteróis, auxiliam na redução da colesterolemia, mas usados com estatinas efetivas podem ter sua absorção intestinal aumentada. Aumentos na fitosterolemia se associaram aos principais desfechos cardiovasculares e os principais efeitos de terapias hipolipemiantes avaliaram principalmente as modificações no perfil lipídico, sendo muito restrita a literatura em relação aos seus efeitos na fitosterolemia. Na HF, é menos explorado o papel dos fitosteróis associados ao tratamento com estatinas e inibidores da absorção do colesterol. O objetivo deste estudo é avaliar o impacto de mudanças do estilo de vida pela suplementação de fitoesteróis associado ao tratamento farmacológico hipolipemiante nos esteróis plasmáticos. Métodos: Serão avaliados prospectivamente 100 pacientes, de ambos os sexos, atendidos no ambulatório de dislipidemias genéticas, segundo critérios de HF (critérios laboratoriais e escore de HF). Os pacientes receberão orientação nutricional (NCEP ATPIII) e serão aleatorizados para receber por um período de três meses, sinvastatina 80 mg/dia, sinvastatina 80 mg/dia + suplementação de fitoesterol 2 g/dia, a associação sinvastatina 80 mg + ezetimiba 10 mg/ dia ou sinvastatina 80 mg + ezetimiba 10 mg/ dia + suplementação de fitosterol 2 g /dia. Parâmetros nutricionais e antropométricos, bioquímica, lípides, apolipoproteínas e PCR-us serã.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Integrante / Valéria Arruda Machado - Integrante / Celma Muniz Martins - Integrante / Henrique Tria Bianco - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.Número de orientações: 1
2010 - Atual
Preditores de eventos cardiovasculares em indivíduos diabéticos seguidos em longo prazo.

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / HELFENSTEIN, T - Integrante / Henrique Andrade Rodrigues da Fonseca - Integrante / Fonseca, FAH - Integrante / Bianco, Henrique T. - Integrante / Lívia Nascimento de Matos - Integrante / Edson LoTurco - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.Número de orientações: 1
2009 - 2011
Como o tratamento hipolipemiante modifica a expressão e níveis da proteína C reativa e possíveis implicações clínicas

Descrição: A aterosclerose é uma doença inflamatória associada ao acúmulo de lípides na parede vascular. Reações imunes atraem células inflamatórias para a íntima vascular e estas modificam a expressão de várias substâncias, determinando um contínuo processo inflamatório desde o início de formação das placas até suas complicações isquêmicas. Assim, a aterosclerose tem sido associada a aumentos de marcadores inflamatórios, sendo a proteína C reativa (PCR), o biomarcador mais utilizado, com determinação laboratorial e valor prognóstico para desfechos cardiovasculares, estabelecidos. As estatinas interferem no processo de isoprenilação de pequenas proteínas, entre as quais a proteína Rho, relacionada à transcrição da PCR, uma condição que pode estar associada à diminuição de seus níveis séricos. A ezetimiba, um inibidor da absorção de colesterol, embora isoladamente não modifique os níveis da PCR, em adição às estatinas promove expressiva redução adicional desta proteína por mecanismo desconhecido. De forma interessante, os níveis séricos de LDL-C apresentam baixa correlação com os níveis da PCR, após tratamento com estatinas. Objetivos: examinar os efeitos do tratamento com estatina e ezetimiba isolados ou combinados na expressão da PCR. Métodos: pacientes de ambos os sexos, em prevenção secundária da aterosclerose (n=180) e com níveis de PCR ≥ 2 mg/L serão aleatorizados para tratamento com atorvastatina (40 mg), ezetimiba (10 mg) ou a combinação desses fármacos, por um mês. Serão examinados os efeitos do tratamento na expressão da PCR e da proteína Rho em monócitos do sangue (RT-PCR), na síntese de colesterol (latosterol e desmosterol séricos) e em sua absorção (beta-sitosterol e campesterol séricos) determinados por cromatografia gasosa e espectrometria de massa no período basal e ao término do estudo, ao lado da quantificação sérica da PCR de alta sensibilidade (nefelometria) e do perfil lipídico. Assim, o estudo pretende elucidar mecanismos de redução da PCR pelo trata.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Integrante / Simone Pinto de Melo Barbosa - Integrante / Henrique Tria Bianco - Integrante / Henrique Andrade Rodrigues da Fonseca - Integrante / Livia Campos do Amaral Silvia Lins - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2009 - 2011
Contribuição de Variantes do Gene NPC1L1 na Farmacogenômica e Nutrigenômica de Estratégias Hipolipemiantes

Descrição: Aterosclerose é um processo inflamatório caracterizado pelo acúmulo de lesões ricas em lipídeos, as chamadas placas ateroscleróticas, nos vasos sangüíneos e pela atuação de monócitos ou macrófagos e linfócitos T nestas placas. A adesão de monócitos à parede dos vasos e a subseqüente diferenciação em macrófagos são eventos essenciais para o desenvolvimento de células espumosas derivadas de macrófagos nas placas ateroscleróticas.A combinação dos inibidores de HMG CoA redutase (estatinas) com ezetimiba (inibidor da absorção de esteróis) produz efeitos complementares na redução dos níveis plasmáticos de esteróis, por inibir tanto a síntese endógena hepática de colesterol (pela ação da estatina) quanto a absorção exógena de esteróis pelo transportador de colesterol - NPC1L1 (pela ação da ezetimiba). Recentemente, foram descritas variações genéticas relativamente freqüentes nos genes que codificam a NPC1L1, que desempenham importante papel nos níveis de esteróis plasmáticos e cuja inibição é o mecanismo de ação da ezetimiba. Alimentos funcionais enriquecidos com fitosteróis têm ganhado notável posição em estratégias para diminuir risco cardiovascular. Porém, alguns estudos têm observado a presença de aterosclerose prematura, ocasionada pelo aumento plasmático e tecidual de esteróis vegetais (fitosteróis), sugerindo que o aumento das concentrações séricas de fitosteróis também pode ser aterogênico. Este estudo procura avaliar a influência de polimorfismos do gene NPC1L1 nas respostas terapêuticas do hipolipemiante ezetimiba, além de identificar e caracterizar os diferentes polimorfismos na população brasileira. As análises deste estudo contribuirão para posteriores trabalhos que tratem de polimorfismos genéticos na população brasileira, a eficácia da ezetimiba em diferentes grupos étnicos e a ação da NPC1L1 no transporte de esteróis. Pois contemplam aspectos muito pouco explorados na literatura mundial. .
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Francisco A H Fonseca - Integrante / Sílvio Alves Barbosa - Integrante / Ismael Dalle Cotrim - Integrante / Daniela Melo Tegani - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
2009 - 2011
Quantificação de fitosteróis alimentares: criação de tabela e ferramentas de análise dietética

Descrição: Resumo Entre as doenças crônicas cerca de metade é atribuída às doenças cardiovasculares. A obesidade e o diabete melito também mostram tendências preocupantes, por afetarem grande parte da população e por seu início cada vez mais precoce. Mudanças no estilo de vida recomendadas pelo National Cholesterol Education Program (NCEP) e Adult Treatment Panel (ATP) III incentivam o consumo de alimentos vegetais, baixo consumo de colesterol e gorduras saturadas. É de grande importância a recomendação universal para maior aporte de fibras e vegetais na alimentação como uma maneira de se reduzir os níveis de LDL-colesterol (LDL-C). Estudos clínicos e experimentais demonstraram que a adição de fitosteróis à dieta reduz os níveis plasmáticos de colesterol, LDL-C e o risco de doenças cardiovasculares. Os alimentos de origem vegetal (frutas, legumes e verduras) são boas fontes de minerais e componentes bioativos, tais como os fitosteróis. Em estudo comparativo entre tabelas de alimentos fontes de fitosteróis de diferentes países da Europa notou-se que a quantidade de fitosterol (b-sitosterol, campesterol, estigmasterol) variava no mesmo alimento dependendo da região produzida. Apesar da recomendação para maior ingestão de fitosteróis, não é conhecida a sua composição e quantidade nos alimentos cultivados, produzidos e consumidos no Brasil. Em razão disso, as tabelas de composição de alimentos não permitem uma adequada avaliação nutricional. Objetivo: O presente estudo visa analisar e quantificar fontes comuns de fitosteróis em alimentos de origem vegetal, elaborar uma tabela de composição de alimentos que inclua a sua composição em fitosteróis e aplicar estas ferramentas estimando a ingestão dos fitosteróis na dieta habitual de pacientes ambulatoriais. Métodos: Serão analisados os alimentos mais comumente consumidos pelos brasileiros de acordo com a Pesquisa de Orçamento Familiar (POF) 2002-2003. Após o preparo da amostra a quantidade de fitosteróis será analisada por cromatograf.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Francisco Fonseca - Integrante / Valéria Arruda Machado - Integrante / Celma Muniz Martins - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2009 - 2010
Efeitos de Longo Prazo nas Lesões em Órgãos Alvo Induzidas pelo Diabetes e Hipercolesterolemia Experimental e Impacto do Uso do Inibidor da Renina em Coelhos Nova Zelândia

Descrição: O diabetes é uma das doenças mais prevalentes em países desenvolvidos e em desenvolvimento. Constitui a principal causa de doença renal em estágio final, de cegueira na vida adulta, sendo a doença cardiovascular a principal.causa de morte entre os diabéticos. Nosso grupo desenvolveu modelo experimental de indução de diabetes tipo 2 e aterosclerose por meio de dieta, em coelhos Nova Zelândia, e ainda demonstrou a presença de retinopatia pré-proliferativa com formação de microaneurismas já com 3 meses, acentuando-se aos 6 meses de indução. Neste modelo inédito, houve atenuação do grau de microaneurismas em animais que receberam inibidor de ECA ou bloqueadores AT1, parecendo ser o bloqueio do SRA efetivo também na microangiopatia diabética. No entanto, não existem modelos experimentais adequados para o estudo de lesões mais avançadas. Objetivos: Este estudo irá avaliar os efeitos de longo prazo da dieta para indução de diabetes e hipercolesterolemia em coelhos no desenvolvimento da aterosclerose e lesões em órgãos alvo, como rins, retinas e pâncreas, além de examinar as modificações na expressão de componentes do SRA (renina, angiotensina 1, angiotensina 2, angiotensina 1-7) induzidas pelo tratamento e correlações com os dados histológicos e funcionais. Métodos: Coelhos machos Nova Zelândia com 2 a 2,5 kg (n=40) receberão dieta acrescida de banha (10%), sacarose (40%) e colesterol (0,5% nos três primeiros meses, e 0,1% após) durante o protocolo do estudo. Os animais serão sorteados para receber esta dieta durante 6 ou 12 meses acrescida (G2 e G4) ou não (G1 e G3) de alisquireno (150 mg/dia), sendo sacrificados ao final desses respectivos períodos. Serão analisados lípides, albumina, creatinina, glicose e insulina basal, com cálculo do índice de HOMA-IR. No sacrifício serão feitas dosagens de insulina nos tempos 0, 2, 5 e 10 minutos após bolus de glicose. Dosagem de nitratos, proteína e creatinina na urina, como parâmetro de função renal..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Sílvia S M Ihara - Integrante / Francisco A H Fonseca - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Henrique Pott Júnior - Integrante / Lucas Colombo Godoy - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 1
2008 - 2012
Perfil de risco cardiovascular em corredores de elite. Efeitos da terapia com estatinas: Benefícios, segurança e desempenho físico

Descrição: Na prevenção da doença cardiovascular, a orientação de atividade física regular tem sido universalmente recomendada. Entretanto, além de doenças valvares, miocardiopatias e arritmias cardíacas, a aterosclerose também ocorre em atletas, associada a fatores de risco como hipercolesterolemia de base genética. Avanços na prevenção do desenvolvimento e das complicações da aterosclerose vêm sendo obtido com o uso de estatinas, entretanto sua segurança não foi avaliada neste grupo populacional, especialmente em maratonistas, atletas que podem apresentar substancial elevação de creatinofosfoquinase em decorrência da intensa atividade física. As estatinas diferem em suas propriedades farmacocinéticas, entre as quais a lipofilicidade, aspecto que pode ser relevante para estes atletas. Além disso, ao lado do gasto energético incomum, estes indivíduos possuem dieta diferenciada, com alto consumo de carboidratos simples, proteínas e colesterol. Assim, iremos examinar em atletas de alto desempenho, o perfil de risco cardiovascular, a presença de aterosclerose subclínica, mecanismos de aterosclerose (oxidação de lipoproteínas, função endotelial, mobilização de células progenitoras endoteliais e micropartículas), além de exame ergoespirométrico. Os pacientes com hipercolesterolemia e indicação de terapia hipolipemiante receberão terapia com atorvastatina 20 mg/dia ou rosuvastatina 10 mg/dia, estatinas com similar efetividade na redução de LDL-C nestas doses, mas com diferenças farmacocinéticas, como a menor lipofilicidade da rosuvastatina. As contribuições esperadas pelo estudo serão a descrição do perfil de risco coronariano, de mecanismos relacionados à aterosclerose e a efetividade e segurança do tratamento hipolipemiante, não apenas em relação a enzimas musculares, mas no desempenho destes atletas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (2) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Carolina Nunes França - Integrante / Célia Regina Bittencourt - Integrante / Henrique Andrade Rodrigues da Fonseca - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2008 - 2011
Efeitos do tratamento com estatinas ou inibidor da absorção de esteróis na fitosterolemia: efeitos pleiotrópicos, na mobilização de células progenitoras, no efluxo de colesterol e influência de polimorfismos dos genes ABC G5/G8 e NPC1L

Descrição: Serão avaliados os efeitos do tratamento por um ano com rosuvastatina 40 mg, sinvastatina/ezetimiba 10/40 mg, no controle do perfil lipídico, na absorção de colesterol e fitosteróis, na síntese de colesterol endógena, na mobilização de células progenitoras e no efluxo de colesterol em 300 indivíduos portadore de dislipidemia de alto, médio ou baixo risco (NCEP III), diabéticos ou com aterosclerose manifesta após intervenção nutricional durante um ano. Serão avaliados efeitos pleiotrópicos na aterosclerose, como a dilatação mediada pelo fluxo e o espessamento médio intimal de carótidas. Além disso, serão avaliadas as influências dos polimorfismos dos genes ABC G5/G8 e NPC1L sobre as respostas analisadas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Antonio Figueiredo - Integrante / Magnus Gidlund - Integrante / Carolina Nunes França - Integrante / Soraia Hani Kasmas - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2008 - 2011
Efeito de hipolipemiantes na fitosterolemia e implicações terapêuticas

Descrição: O Aumento moderado na fitosterolemia está associado com aumento de risco de desfechos coronarianos principais. Alguns estudos também sugeriram um aumento na absorção intestinal de fitosteróis em pacientes sob terapia com estatinas. Objetivos: este projeto visa comparar os efeitos de um tratamento com rosuvastatina 40 mg ou a associação de sinvastatina 40 mg + ezetimiba 10 mg no grau de inibição da síntese endógena de colesterol e nos níveis séricos de fitosteróis. Métodos: serão incluídos 300 pacientes em prevenção primária ou secundária da doença coronariana, de acordo com as recomendações do NCEP/ATP III, tratados aleatoriamente com os medicamentos mencionados durante o período de 1 a 12 meses. Os níveis séricos de precursores da síntese de colesterol (desmosterol e latosterol) e de fitosteróis (sitosterol e campesterol) serão analisados e quantificados por cromatografia gasosa e espectrometria de massa, no período basal, 30, 45 e 90 dias e ao final do tratamento. O perfil lipídico e o recordatório alimentar serão obtidos nos mesmos períodos. Conclusões: o estudo irá comparar modificações na fitosterolemia, sua associação com a inibição da síntese de colesterol, em pacientes com níveis similares de LDL-C, na condição basal e ao longo do estudo. O estudo poderá revelar se uma menor redução (%) no LDL-C em relação à média esperada estaria associada com aumento na fitosterolemia, sugerindo que a associação com o inibidor de absorção intestinal seria mais adequada, neste caso, do que a titulação para doses mais elevadas da estatina. O aumento progressivo na fitosterolemia com o uso isolado da estatina poderá sugerir que a associação seria mais adequada ao tratamento de longo prazo. .
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Soraia Hani Kasmas - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2008 - 2011
Efeito da terapia hipolipemiante na migração de células progenitoras endoteliais e na liberação de micropartículas

Descrição: A disfunção endotelial está associada ao desenvolvimento e às complicações da aterosclerose. Embora a evidência experimental seja consistente, a informação decorrente de estudos clínicos de intervenção, sobretudo sobre mobilização de células progenitoras endoteliais (EPC) e alteração da função endotelial é bastante limitada. Estudos com estatinas têm mostrado que seus efeitos benéficos não parecem restritos à redução de LDL-C, mas incluem efeitos pleiotrópicos, como a melhora da função endotelial via migração de EPC e aumento de biodisponibilidade de óxido nítrico. Os efeitos têm sido associados a menor expressão de proteínas sinalizadores (Rho) e maior fosforilação da óxido nítrico sintase constitutiva (via Akt). A medula óssea é a principal fonte de EPC no adulto e a mobilização prejudicada destas células para a corrente sangüínea foi relacionada com desfechos clínicos relevantes, incluindo maior mortalidade cardiovascular. As EPC expressam diferentes marcadores de superfície, dependendo do seu estado de diferenciação. Quando imaturas expressam CD133, CD34 e KDR e quando maduras, passam a expressar CD31, além de outros marcadores típicos de células endoteliais, como vWF, VE-caderina, Tie-2, CD146 e E-selectina. Micropartículas são liberadas pelas células endoteliais (EMP) após ativação ou apoptose, através de vesículas de membrana medindo entre 0,1 a 1 m, constituindo uma nova condição de risco cardiovascular. Este estudo foi delineado para comparar a influência da rosuvastatina com a associação ezetimiba + sinvastatina na migração de EPC e na liberação de EMP por células endoteliais apoptóticas. Assim, duas estratégias hipolipemiantes de similar efetividade na redução do LDL-C serão examinadas. Os efeitos do tratamento serão avaliados em pacientes com síndromes coronarianas agudas e na fase crônica da doença coronária..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Simone C Matheus Fischer - Integrante / Luís Fernando Muniz Pinheiro - Integrante / Carolina Nunes França - Integrante / Simone Pinto de Melo Barbosa - Integrante / Luciano Monteiro de Camargo - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3
2008 - 2011
EFEITOS DA INGESTÃO DE FIBRAS NOS NÍVEIS DE ESTERÓIS PLASMÁTICOS EM INDIVÍDUOS SOB TERAPIA HIPOLIPEMIANTE

Descrição: Introdução: A ingestão de vegetais e fibras tem sido empregada para redução de colesterol plasmático. A terapia farmacológica com inibidores de HMG CoA redutase (estatinas) e inibidores da absorção de esteróis (ezetimiba), permite sinergismo na redução do colesterol, por inibir a síntese hepática de colesterol (estatinas) e absorção exógena de esteróis (ezetimiba), propiciando efetivas reduções do colesterol plasmático. Entretanto, se por um lado a adição de fibras à dieta também propicia redução da colesterolemia, seus efeitos na presença de estatinas de forma isolada ou combinada com a ezetimiba são menos descritos. Recentes estudos mostraram que estatinas efetivas aumentam a absorção intestinal de esteróis, incluindo fitosteróis, sendo a absorção e extrusão destes fitosteróis também influenciada pela ezetimiba, além de polimorfismos genéticos. Aumentos na fitosterolemia foram associados aos principais desfechos cardiovasculares e os principais efeitos de terapias hipolipemiantes com fibras, fitosteróis, estatinas ou ezetimiba avaliaram principalmente as modificações no perfil lipídico, sendo muito restrita a literatura em relação aos seus efeitos na fitosterolemia. São ainda menos explorados os efeitos de terapias conjuntas na absorção de esteróis (e nos níveis de fitosterois plasmáticos) e na síntese endógena de colesterol, embora façam parte das recomendações amplamente utilizadas para o tratamento das dislipidemias e prevenção da aterosclerose. Objetivo: Avaliar o efeito da ingestão de fibras da farinha da casca do maracujá nos níveis de esteróis plasmáticos em pacientes sob diferentes terapias hipolipemiantes. Métodos: Cento e quarenta pacientes serão selecionados após coleta de dados nutricionais, médicos e bioquímicos e aleatorizados para receber rosuvastatina 40 mg ou a associação ezetimiba 10 mg/ sinvastatina 40 mg (visando a obtenção de uma mesma redução dos lípides plasmáticos por mecanismos distintos), com ou sem a adição à dieta de 44 gramas de farinh.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Flávio Tocci Moreira - Integrante / Sílvia Cristina Ramos Gonsales - Integrante / Kasmas, Soraia H - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1
2008 - 2010
Avaliação da aterosclerose subclínica em pacientes infectados pelo HIV

Descrição: Após o advento da terapia anti-retroviral (TARV) no final da década de 90, a infecção pelo HIV/AIDS adquiriu um caráter de cronicidade e não mais letal. A TARV suprimiu marcadamente a atividade viral, melhorou a saúde e a longevidade nos pacientes com aids. Entretanto, uma variedade de alterações metabólicas relacionadas ao tratamento foi reconhecida logo após a introdução da TARV combinada. Nos pacientes infectados pelo HIV, principalmente naqueles em tratamento ocorrem uma série de mudanças na silhueta corpórea, distribuição de gordura e no metabolismo dos lípides. Atualmente, existe muita controvérsia na literatura sobre a real conseqüência destas mudanças, principalmente em relação ao risco cardiovascular. Acredita-se que não apenas os medicamentos, mas também o próprio vírus, por causar um estado de inflamação crônica possa ser responsável pela maior prevalência de aterosclerose e conseqüentemente maior risco cardiovascular nesta população. Independentemente do efeito potencialmente aterogênico da TARV, em particular dos inibidores da protease (IP), existem evidências, algumas bem recentes, os quais sugerem que a infecção pelo HIV-1, seja por si só ou através dos seus efeitos no sistema imune, também possa contribuir para a aceleração do processo de aterosclerose. Pela falta de dados nacionais e a crescente preocupação com a doença cardiovascular, a proposta deste estudo é de aferir o risco cardiovascular na população infectada pelo HIV por meio da Escala de Risco de Framingham (ERF) e da escala de PROCAM, a incidência de síndrome metabólica e caracterizar a aterosclerose subclínica através de exames de imagens como a medida do espessamento da artéria carótida. Além disso, avaliar novos marcadores biológicos relacionados com o risco de DCV (doença cardiovascular) como a dosagem da proteína C reativa e a contagem de células endoteliais progenitoras. Os resultados deste estudo irão contribuir para um diagnóstico precoce de aterosclerose.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (2) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco A H Fonseca - Coordenador / Carolina Nunes França - Integrante / Érika Ferrari Rafael da Silva - Integrante / David Salomão Lewi - Integrante / Luciano Monteiro de Camargo - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2008 - 2009
Efeito da inibição da renina na nefroproteção, preservação de células beta, progressão da retinopatia e aterosclerose em coelhos com Diabetes Melitus tipo 2 e hipercolesterolemia

Descrição: O uso de inibidores da enzima conversora da angiotensina e de bloqueadores do receptor AT1 demonstrou em estudos clínicos e experimentais benefícios na nefroproteção, redução de desfechos cardiovasculares além da redução pressórica, tornando-se evidente que estes medicamentos também reduzem o aparecimento de novos casos de diabetes mellitus. Nosso grupo desenvolveu modelo experimental de indução de diabetes tipo 2 e aterosclerose por meio de dieta em coelhos e avaliou o efeito do bloqueio do sistema renina-angiotensina na atenuação da preservação de células beta, proteção de órgãos-alvo e atenuação da aterosclerose. Entretanto, não foram testados os efeitos do inibidor direto da renina, alisquireno, no diabetes mellitus tipo 2 induzido experimentalmente. Objetivos: Estudo experimental irá avaliar os efeitos do inibidor da renina, o alisquireno, na aterosclerose, proteção renal, retiniana e pancreática no modelo de diabete tipo 2 e hipercolesterolemia induzidos pela dieta em coelhos, além de examinar as modificações na expressão de componentes do SRA (renina, angiotensina 1, angiotensina 2, angiotensina 1-7) induzidas pelo tratamento e correlações com os dados histológicos e funcionais. Métodos: Coelhos machos Nova Zelândia com 2 a 2,5 kg (n=20) receberão dieta acrescida de banha (10%), sacarose (40%) e colesterol (0,5% nos três primeiros meses, e 0,1% após) durante o protocolo do estudo. Os animais serão sorteados para receber esta dieta acrescida de alisquireno 150 mg (G2) ou não (G1), por 6 meses, quando serão sacrificados. Serão analisados lípides, glicose e insulina (em jejum e após sobrecarga com 75g de glicose, por gavagem), atividade da renina plasmática (IRMA), angiotensinas (I, II e 1-7, por HPLC), atividade da ECA no soro e tecidos (espectrofluorimetria), creatinina, albumina, nitratos urinários, histopatologia de aortas, pâncreas e rins, planimetria de aorta para mensuração de placas (Sudam III), imunohistoquímica para macrófagos, células musculares lis.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Integrante / Henrique Pott Júnior - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
2007 - 2011
Interação farmacocinética entre clopidogrel e hipolipemiantes

Descrição: As estatinas diferem entre si em várias propriedades farmacocinéticas, sendo, de potencial relevância clínica, sua biotransformação hepática. Enquanto a rosuvastatina possui pequena exposição microssomal pelas isoenzimas 2C9 e 2C19, a sinvastatina possui extensa metabolização 3A4. Vários medicamentos são metabolizados pelo CYP 3A4, entre eles o clopidogrel, antiplaquetário amplamente empregado em pacientes com síndromes coronarianas agudas, especialmente quando submetido à intervenção percutânea com utilização de stents. Objetivos: Este subprojeto irá comparar os efeitos farmacocinéticos da interação do clopidogrel com a rosuvastatina em comparação à associação ezetimiba / sinvastatina, ambas com similar redução de LDL-C. Métodos: serão incluídos pacientes com síndromes coronarianas agudas, com programação para intervenção percutânea, que irão receber 600 mg de clopidogrel (dose de ataque) e a seguir 75 mg diários. Os pacientes (n=60) receberão de maneira aleatória o tratamento com rosuvastatina 40 mg ou a associação ezetimiba 10 mg + sinvastatina 40 mg, com início antes da intervenção percutânea. O estudo terá o delineamento PROBE (Prospective Randomized Open-Label Blinded Endpoints), portanto com tratamento aberto e análise cega dos objetivos do estudo. Serão examinados os níveis séricos do clopidogrel, rosuvastatina e sinvastatina ao longo das primeiras 24 h de randomização, no quinto e 30º dias da intervenção percutânea. Será obtida a curva de concentração destes medicamentos por meio de cromatografia gasosa e espectrometria de massa. Além disso, serão comparadas as respostas no perfil lipídico (colesterol total, frações, triglicérides, apoB, apoA1), além de parâmetros de hemostasia (agregabilidade plaquetária, fibrinogênio, dímero-D, inibidor do ativador do plasminogênio e fator Von Willebrand). Este subprojeto irá avaliar se a escolha do agente hipolipemiante modifica as ações do antiplaquetário, por interferência em sua biotransformação, bem como na resposta.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Luís Fernando Muniz Pinheiro - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 5
2007 - 2009
Efeitos do Bloqueio do Sistema Renina-Angiotensina na Nefroproteção, Preservação de Células Beta e Aterosclerose em Coelhos com Diabete tipo 2 e Hipercolesterolemia

Descrição: Objetivos: Estudo experimental irá comparar os efeitos de um IECA, um BRA ou sua combinação na aterosclerose, proteção renal e pancreática no modelo de diabete tipo 2 e hipercolesterolemia induzidos pela dieta em coelhos. Métodos: Coelhos machos Nova Zelândia com 2 a 2,5 kg (n=40) receberão dieta acrescida de banha (10%), sacarose (40%) e colesterol (0,1%) durante o protocolo do estudo. Os animais serão sorteados para receber placebo, quinapril 30 mg, olmesartana 40 mg, ou a associação de ambos, acrescida à mesma dieta por 6 meses, quando serão sacrificados. Serão analisados lípides, glicose e insulina (em jejum e após sobrecarga com 75g de glicose, por gavagem), angiotensinas (I, II e 1-7, por HPLC), atividade da ECA no soro e tecidos (espectrofluorimetria), creatinina, albumina, nitritos e nitratos urinários, histopatologia de aortas, pâncreas e rins, planimetria de aorta para mensuração de placas (Sudam III), imunohistoquímica para macrófagos, células musculares lisas, ECA, ECA 2, colágeno I e III..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Integrante / Sílvia Saiuli Miki Ihara - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Daniel R Pomaro - Integrante / Dulce Elena Casarini - Integrante / Juliana Bottós - Integrante / Michel E. Farah - Integrante / Henrique Pott Júnior - Integrante / André Luiz Gonçalves Baptista - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Outra / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 15 / Número de orientações: 1
2007 - 2008
Custo Efetividade da Prevenção das Síndromes Coronarianas Agudas

Descrição: A doença isquêmica do coração define-se como uma situação clínica patológica, na qual o sistema arterial coronariano não tem a capacidade fisiológica de suprir adequadamente, aguda ou cronicamente, as necessidades miocárdicas de demanda de oxigênio e metabólitos (glicose). É um desbalanço entre oferta e consumo de oxigênio, sendo sua principal causa a doença aterosclerótica das artérias coronarianas do coração. A despeito do grande avanço no diagnóstico e tratamento da cardiopatia isquêmica, esta ainda permanece como a principal causa de morte e incapacidade no mundo ocidental, proporcionando os maiores custos econômicos para o sistema de saúde, mais do que qualquer outra doença. A doença coronariana resulta em substancial custo de tratamento na fase hospitalar devido a intervenções percutâneas, drogas antitrombóticas e cirurgias, bem como por uma série de procedimentos não invasivos destinados à detecção de complicações e avaliação terapêutica durante o seguimento de um paciente de alto risco para ocorrência e/ou recorrência de eventos. Em termos de morbidade e gastos, as DCV são a principal causa de hospitalização em nosso país, resultando em elevados custos ao sistema de saúde. Pelos dados do DATASUS de 2000, as DCV resultaram em 260.555 óbitos de um total de 946.392, sendo a doença coronariana responsável por 137.720. Neste mesmo ano as internações por DCV foram responsáveis por gastos no valor de R$ 821 milhões. Previsões atuais estimam que no ano 2020 as DCV, principalmente a aterosclerose, serão a principal causa global de carga total de doença, definida como os anos subtraídos de vida sadia por incapacitação ou morte prematura. Farmacoeconomia A farmacoeconomia é uma nova ciência, que se fundamenta na descrição, na análise e na comparação dos custos e das consequências das medidas terapêuticas para os pacientes, para os sistemas de saúde e para a sociedade, com o objetivo de identificar e comparar diversas estratégias de tratamento, além de determinar qua.
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Francisco A H Fonseca - Integrante / Sahana W Barros - Integrante / Matheus Brandão Vasco - Integrante / Érika Kiyomi Inowe - Integrante.
Financiador(es): Fundo de Apoio Ao Docente E Aluno Unifesp - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2006 - 2008
Relação entre os títulos de anticorpos anti LDLox e marcadores do risco cardiovascular

Descrição: Objetivos: As lipoproteínas oxidadas e os anticorpos anti-LDL oxidada (anti-LDLox) têm sido detectados no plasma e em lesões ateroscleróticas em humanos. No entanto, o possível efeito benéfico destes autoanticorpos na manutenção da saúde vascular e na patogênese das síndromes coronarianas agudas (SCA) permanece incerto. Nós examinamos a relação entre os títulos de IgG humana anti-LDLox com os fatores inflamatórios para a doença cardiovascular. Métodos: Títulos de autoanticorpos anti-LDLox foram mensurados em indivíduos portadores de hipertensão arterial em estágio 1 (n=94), sem outros fatores de risco, e em indivíduos com síndrome metabólica após recente síndrome coronariana aguda (n=116). Os autoanticorpos contra a LDL oxidada pelo cobre foram avaliados por ELISA. Foram avaliados os lípides, apolipoproteínas, glicose, TBARS e PCRas. Resultados: Os pacientes com hipertensão arterial apresentaram menor índice de massa corpórea e circunferência abdominal, maiores níveis de pressão arterial sistólica e diastólica quando comparados aos portadores de SCA (p<0,001). O HDL-C e a Apo A1 foram maiores, enquanto os triglicérides e a Apo B foram menores naqueles com hipertensão em estágio 1 (p<0,0001). Os títulos de anticorpos anti-LDLox foram maiores nos hipertensos comparados com aqueles com ACS, e os hipertensos apresentaram níveis de PCR menores do que na SCA (p<0,0001). Houve discreta, porém significante correlação inversa entre os marcadores inflamatórios PCR (r=-0,284), IMC (r=-0,256), circumferência abdominal (r=-0,368), apo B (r=-0,191), e glicemia (r=-0,303) e correlações positivas entre pressão arterial sistólica e diastólica (r=0,319 e r=0,167, respectivamente), HDL-C e Apo A1 (r=0,224 e r=0,257, respectivamente), com os títulos de anticorpos anti-LDLox (p<0,02). Regressão linear múltipla mostrou que a PCRas, glicemia e circunferência abdominal permaneceram independente e negativamente associados com os títulos de anticorpos anti-LDLox. Conclusões: Os nossos resu.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Integrante / Andreza O Santos - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Outra.
Número de produções C, T & A: 17
2005 - 2006
Estudo duplo cego randomizado para comparar a eficácia e segurança da pioglitazona com o tesaglitazar em diabéticos tipo II

Descrição: Estudo comparativo para avaliar segurança e eficácia da pioglitazona e tesaglitazar em DM2..
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Waldir Gabriel Miranda Relvas - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Andreza Oliveira Santos - Integrante.
Financiador(es): Astra Zeneca - Remuneração.
2004 - 2009
Efeitos da célula B1b na aterogênese experimental em coelhos

Descrição: Serão avaliados 42 coelhos machos, Nova Zelândia, aclimatados por uma semana em biotério próprio, com água ad libitum, ração padrão e pareados por peso. Estes animais serão divididos em cinco grupos: G1, G2, G3, G4. Os animais serão anestesiados com Ketalar-Rompum (4ml de cada por animal) e transportados do biotério em receptáculo próprio ao centro de radioterapia da EPM UNIFESP. Previamente à irradiação, o coelho será colocado em simulador radiológico onde sua imagem será documentada e neste será medido o quadrilátero exato onde a irradiação será aplicada, desde o esterno até o ilíaco. Esta simulação existe para equiparar a dose aplicada em cada coelho, independente da variabilidade de tamanho dos animais. Ao sair do simulador, o técnico do serviço transportará o animal para a sala de radioterapia, onde o processo será realizado em duas etapas: 450 cGy vindos de cima para baixo e vice versa, para que a dose de 900 cGy chegue homogênea no peritôneo. O animal será retirado, recolocado em receptáculo próprio e devolvido ao biotério. No momento anterior à irradiação, com o coelho sedado, o peritôneo será lavado com solução fisiológica 0,09% e este líquido será coletado e suspenso em meio para conservação celular (meio inerte); no momento em que se segue a irradiação, estes animais receberão uma re-infusão deste lavado, reconstituindo as células retiradas pela radioterapia. Em outro grupo a ser descrito a seguir, o lavado será armazenado para caracterização celular e quantificação de marcadores bioquímicos e o animal receberá a infusão de solução fisiológica + meio inerte. O meio a ser utilizado será o Viaspan (University of Wisconsin Solution) Os grupos G1 a G4 serão divididos de acordo com a re-infusão de células B1 do lavado peritoneal a ser realizado no dia em que o animal será irradiado. O procedimento será como segue: O grupo G1 receberá dose de 900 cGy no primeiro dia e em 45 dias com infusão de células; G2 receberá o mesmo regime de irradiação de G1, com in.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Waldir Gabriel Miranda Relvas - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Silvia Saiuli Miki Ihara - Integrante / José Daniel Lopes - Integrante / Mário Mariano - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 1
2004 - 2008
Efeitos do tratamento anti-hipertensivo na reatividade vascular estresse oxidativo e controle pressórico.

Descrição: Objetivos: comparar a reatividade vascular após tratamento da hipertensão arterial com dois diuréticos de efeitos metabólicos distintos e um inibidor da enzima conversora da angiotensina. O estudo ainda examinará o efeito da adição do inibidor da enzima conversora da angiotensina sobre o tratamento prévio com estes agentes, bem como seus efeitos no perfil lipídico, estresse oxidativo, inflamação, hemostasia e pressão arterial. Métodos: estudo prospectivo, randomizado e duplo-cego examinará as respostas vasculares dependentes e independentes do endotélio da artéria braquial por meio da velocidade da onda de pulso, em aparelho complior, e do ultra-som, em aparelho HP sonos 5500, por transdutor linear de alta resolução. A amostra será constituída por 180 indivíduos portadores de hipertensão arterial leve a moderada, de ambos os sexos, que serão distribuídos aleatoriamente em três grupos: GI (hidroclorotiazida 25 mg/dia); GII (indapamida 1,5 mg/dia) e GIII (perindopril 4 mg/dia). Após seis semanas serão adicionados, a cada grupo, o perindopril (4 mg/dia) ou seu placebo por igual período (seis semanas). Serão avaliados no período basal, após seis e 12 semanas de tratamento. Variáveis bioquímicas incluirão perfil lipídico, glicemia, insulinemia, proteína C reativa (ultra-sensível), a peroxidação lipídica será estimada pelas substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS) e oxidação pelo xilenol laranja (FOX) no plasma, hemostasia pela dosagem do fibrinogênio e fator VII (trombotimer), pressão arterial casual e pela MAPA. Conclusões: o estudo testará a hipótese de que a hidroclorotiazida embora efetiva na redução da pressão arterial pode apresentar efeitos metabólicos adversos, em alguns dos mecanismos da aterosclerose, em comparação com a indapamida e examinará os benefícios da associação com um inibidor da ECA para cada um dos tratamentos propostos a esta população de hipertensos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Fonseca - Coordenador / Sérgio Bueno Brandão - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Carlos Manoel Monteiro - Integrante / Tatiane Rodgério - Integrante / Simone C Matheus Fischer - Integrante / Renata Oliveira e Silva - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Laboratórios Servier - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 1
2004 - 2007
Efeito de hipolipemiantes nas síndromes coronarianas agudas, função endotelial em pacientes com síndrome metabólica

Descrição: Na sociedade moderna a síndrome metabólica constitui um dos principais mecanismos para eventos coronarianos. O benefício de fibratos foi demonstrado em pacientes com níveis plasmáticos reduzidos do HDL-c e aumentados de triglicérides (uma característica comum desses pacientes). Entretanto, as vastatinas mostraram-se eficazes na redução de eventos coronarianos, mesmo em pacientes com baixos níveis de HDL-c. As diretrizes atuais privilegiam a meta de LDL-c < 100 mg/dL em pacientes coronarianos, mas não existem estudos comparativos entre estas classes de fármacos, com LDL-c < 130 mg/dL, especialmente em pacientes diabéticos, ou com síndrome metabólica, que compartilhem baixos níveis de HDL-c. Propriedades pleiotrópicas, incluindo ações na inflamação, vasorreatividade, hemostasia e crescimento celular tem sido descritas para fibratos e vastatinas. O presente estudo objetva avaliar os efeitos precoces do fenofubrato e da atorvastatina, isolados ou combinados, nos principais mecanismos de passivação de placas, após uma síndrome isquêmica aguda..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Sérgio Bueno Brandão - Integrante / Andreza O Santos - Integrante / Carlos Manoel de Castro Monteiro - Integrante / Simone C Matheus Fischer - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Laboratórios Chiesi - Outra / Laboratórios Pfizer - Outra.
Número de produções C, T & A: 23 / Número de orientações: 1
2004 - 2005
Estudo aberto para avaliação da eficácia e segurança da atorvastatina 10, 20, 40 e 80 mg/dia em prevenção primária e secundária da dislipidemia

Descrição: Foram comparados os efeitos de atorvastatina 10, 20, 40 e 80 mg/dia em prevenção primária e secundária da dislipidemia. O estudo foi aberto, e o objetivo era avaliar a eficácia e segurança dos fármacos em pacientes portadores de dislipidemias primárias, e o cumprimento de metas do NCEP III..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Carlos Manoel de Castro Monteiro - Integrante / Maria Lisete Dabela - Integrante / Ana Maria M Cardoso - Integrante / Vania Sabino - Integrante.
Financiador(es): Laboratórios Pfizer - Remuneração.
2004 - 2005
Estimativa do risco coronariano pela medida não invasiva da velocidade da onda de pulso

Descrição: Estudo para avaliar se a VOP (velocidade de onda de pulso) um método de avaliar a função endotelial, é bom marcador de disfunção endotelial e se correlaciona com os escores de risco de Framingham..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Tatiana Helfenstein - Integrante / Maria Lisete Dabela - Integrante / Luciene Oliveira - Integrante / Tatiane Rodgério - Integrante / Vania Sanches Pereira - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 1
2003 - 2005
Determinantes genéticos da resposta à intervenção nutricional em pacientes com dislipidemia mista

Descrição: Pacientes em prevenção primária de doença arterial coronariana portadores de dislipidemia mista (colesterol total maior ou igual a 200 mg/dL e triglicérides maiores ou iguais a 150 mg/dl) submeter-se-ão a avaliação antropométrica e nutricional, com recordatório de 24 horas e inquérito alimentar e de frequência de alimentos, receberão orientação nutricional de acordo com o NCEP III e farão coleta de sangue antes e 4 semanas após a intervenção. Serão analisados o perfil lipídico completo e as apolipoproteínas E, AI e B, além de estudo genético para as variantes genéticas da apo E. Será avaliada a resposta à intervenção sobre o perfil lipídico e os indivíduos serão classificados em respondedores e não respondedores, com base nas reduções lipídicas obtidas. Estas respostas serão correlacionadas com os genótipos da apo E, basicamente, portadores do alelo E4 e não portadores desse alelo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Integrante / Ruth Teixeira - Integrante / Alberto Almeida LasCasas Jr - Integrante.

Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2002 - 2006
Efeitos do café filtrado e fervido ou coado no perfil lipídico, parâmetros antropométricos e estresse oxidativo em pacientes com dislipidemia primária

Descrição: Pacientes com dislipidemia e em prevenção primária da DAC foram randomizados para receber café filtrado ou fervido e coado. Foram comparados os efeitos sobre os lípides, estyresse oxidativo e parâmetros antropométricos. Independente do modo de preparo, não houve efeitos no perfil lipídico, glicemia, mas houve redução discreta dos indices antropométricos e da peroxidação lipídica com o café quer filtrado, quer fervido e coado..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Sílvia Saiuli Miki Ihara - Integrante / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Maria Cristina Elias - Integrante / Mileny Colovatti - Integrante / Andreza Oliveira Santos - Integrante / Rosana Perim Costa - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Mellitta do Brasil - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 1
2002 - 2005
Importância dos polimorfismos genéticos associados à hiper-homocisteinemia em pacientes diabéticos com infarto do miocárdio

Descrição: Pacientes diabéticos tipo 2 foram comparados aos não diabéticos, com e sem infarto prévio do miocárdio, analisados histórico alimentar, especialmente quanto ao conteúdo de vitaminas e anti-oxidantes da dieta, e após padronização da dieta foram submetidos a uma coleta de sangue para dosagens do perfil lipídico, risco trombótico, e polimorfismos da metionina sintetase, e MTHFR..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Francisco Fonseca - Integrante / Waldir Gabriel Miranda Relvas - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Maria Lisete Dabela - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 2
2001 - 2006
Influência dos polimorfismos em genes relacionados ao metabolismo lipídico na ocorrência de infarto do miocárdio em diabéticos

Descrição: Objective: To evaluate the prevalence of risk factors associated with myocardial infarction among diabetics. Methods: A case-control study, centrally coordinated, evaluated risk factors among type 2 diabetics with previous myocardial infarction (MI) (n=386) or without any evidence of atherosclerosis (n=604) in five regions of Brazil. A case report form, an electrocardiogram, and fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected and shipped to the central laboratory. Results: Diabetics with MI were older (62 0.5 vs. 59 0.4 y, p<0.001), predominantly of male sex (59 vs. 31%, p<0.001), had higher prevalence of current smoking (10 vs. 6%, p=0.030), left ventricle hypertrophy (35% vs. 20%, p<0.0001), had diabetes for a longer time (10.0 0.4 vs. 8.0 0.3 y, p=0.001), lower HDL-cholesterol (35 1 vs. 38 1 mg/dL, p<0.001), higher triglycerides (248 14 vs. 191 6 mg/dL, p<0.001), and had higher prevalence of metabolic syndrome (92 vs. 86 %, p=0.006). Multiple logistic regression found male sex, LVH, smoking, age, duration of diabetes, and HDL-C levels associated with MI, where male sex tripled, LVH doubled and smoking habit increased the risk by 1.8 times. Conclusion: Along with metabolic abnormalities, classic risk factors are implicated in the occurrence of myocardial infarction in diabetics. Hypertension, or obesity did not identify those at higher risk for coronary events. Key words: type 2 diabetes; myocardial infarction; risk factors; left ventricle hypertrophy; metabolic syndrome. auxílio viagem ao exterior CNPq-FADA em 2005, FAPESP-2006.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Sílvia Saiuli Miki Ihara - Integrante / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Sang Won Han - Integrante / Waldir Gabriel Miranda Relvas - Integrante / Ieda Edite Lanzarini Lopes - Integrante / Antonio Carlos Camargo Carvalho - Integrante / Marília Izar Helfenstein Fonseca - Integrante / Andreza Oliveira Santos - Integrante / Cinthia Frigo Salari - Integrante / Mileny E S Colovati - Integrante / Eder Brandão - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Outra / Sociedade Brasileira de Cardiologia - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 26 / Número de orientações: 1
2001 - 2006
Efeitos dos antagonistas de cálcio na aterosclerose experimental

Descrição: Coelhos com dieta aterogênica foram tratados com amlodipina, diltiazem ou nifedipina e estudadas as aortas para histomorfometria e imunohistoquímica, função endotelial em banho de órgãos após 12 semanas de tratamento. Os antagonistas de cálcio não modificaram a aterosclerose experimentalmente induzida, nem a função endotelial, in vitro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Terezinha Bandiera Paiva - Integrante / Valter Kuymjian - Integrante / Sérgio Tufik - Integrante / Daniel Roberto Pomaro - Integrante / Sílvia Saiuli Miki Ihra - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 1
2001 - 2003
Modificações no perfil lipídico e estresse oxidativo através da dieta com proteína de soja em adultos hipercolesterolêmicos.

Descrição: OBJECTIVE: This study was aimed to assess whether the consumption of soy milk could add significantly to the lipid profile and lipid peroxidation in comparison with nonfat milk. RESEARCH METHODS PROCEDURES: A double blind, randomized, crossover study was conducted on 60 outpatients with primary hypercholesterolemia under lipid lowering diet for at least six weeks. Lipid profile was obtained at baseline, 6 and 12 weeks with the patients randomly assigned to receive initially one liter per day of either soy milk or nonfat cow milk for six weeks. Lipid peroxidation was estimated by plasma TBARs (thiobarbituric reactive substances). Apolipoprotein E genotypes were examined by PCR-RFLP. RESULTS: The soy milk diet was associated with LDL-C reduction (baseline = 157 5; soy milk = 148 4; nonfat cow milk = 158 4 mg/dL; p < 0.05 soy milk vs. other treatments), and with HDL-C increase (baseline = 58 2; soy milk = 62 2; nonfat cow milk = 57 2 mg/dL; p < 0.05 soy milk vs. other treatments). In addition, plasma TBARs were reduced by the soy milk diet (baseline = 1.82 0.12; soy milk = 1.49 0.09; nonfat cow milk = 1.91 0.11 nmol/mL; p < 0.05 soy milk vs. nonfat cow milk). Changes in lipid profile were not influenced by APOE genotypes. CONCLUSIONS: These results indicate beneficial effects of soy milk in addition to lipid lowering diet improving lipid profile and reducing lipid peroxidation. KEY WORDS: soy milk, lipoproteins, lipid peroxidation .
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Angelo de Paola - Integrante / Nelson Kasinski - Integrante / Francisco Fonseca - Coordenador / Antonio Carlos Camargo Carvalho - Integrante / Marcelo Bertolami - Integrante / André Faludi - Integrante / Liliana Bricarello - Integrante / Mileni Colovati - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia - Cooperação / Unilever - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 10
2001 - 2003
Influências do polimorfismo Gly/Arg192 da paraoxonase no perfil lipídico e na ocorrência de infarto do miocárdio

Descrição: O polimorfismo Gly192Arg foi estudado em 219 pacientes com e sem DM ou IM. Os polimorfismos estudados não estavam em equilíbrio de Hardy-Weinberg e houve forte tendência de associação do alelo Gly ao infarto do miocárdio, bem como níveis de HDL-c maiores foram observados em presença de pelo menos um alelo Gly. O conhecimento destes polimorfismos poderá auxiliar na determinação precoce de indivíduos sob maior risco de IM nessa população. .
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Francisco Fonseca - Integrante / Marília Izar Helfenstein Fonseca - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Andreza O Santos - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa / Sociedade Brasileira de Cardiologia - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2000 - 2002
Efeitos de anti-hipertensivos na aterogênese experimental

Descrição: Projeto de tese de livre docência do Dr Francisco Fonseca. Coelhos com aterosclerose induzida experimentalmente receberam quinapril, ou hidroclorotiazida (HCTZ), ambas drogas, ou foram controles. Foram estudadas a reatividade vascular in vitro, histomorfometria, estresse oxidativo e eletrólitos. O emprego do quinapril associou-se a melhora dos parâmetros da aterosclerose na placa, menor estresse oxidativo, medido pelos TBARs, enquanto o diurético ou a associação não mostraram benefícios. O emprego simultâneo do quinapril e HCTZ acarretou a pior resposta, abolindo o benefício obtido com o quinapril isoladamente..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Fonseca - Coordenador / Sílvia Ihara - Integrante / Leonor Pinto - Integrante / Therezinha Bandiera Paiva - Integrante / Eliane P Silva - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Laboratórios Pfizer - Outra.
Número de produções C, T & A: 4
1999 - 2001
Efeitos crônicos da cerivastatina na aterosclerose experimental e função endotelial em coelhos com hipercolesterolemia

Descrição: Coelhos cronicamente tratados com dieta hipercolesterolêmica receberam cerivastatina ou placebo, sendo comparados os efeitos desse fármaco na função endotelial e aterosclerose experimental..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Sílvia Saiuli Miki Ihara - Integrante / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Nelson Kasinski - Integrante / Francisco Antonio HelfensteinFonseca - Coordenador / Ieda Edite Lanzarini Lopes - Integrante / Eliane P Silva - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Laboratórios Bayer - Cooperação.
1998 - 2003
Polimorfismos Msp I no gene apo AI, Sst I no gene Apo CIII, e Taq IB da CETP e sua associação com infarto do miocárdio e diabetes

Descrição: This study was aimed to examine cholesteryl ester transfer protein (CETP), apolipoprotein AI and CIII gene polymorphisms, and to verify whether these genetic determinants are associated with the prevalence of myocardial infarction (MI) or type 2 diabetes. The TaqIB restriction fragment length polymorphism (RFLP) in intron I of the CETP gene, the MspI in the third intron of the APOAI gene, and also SstI in the 3' untranslated region of the APOCIII gene were determined using standard methods. The prevalence of these polymorphisms was compared between diabetic (n = 119), and non-diabetic (n = 100) middle-aged individuals of both sexes. We found a higher prevalence of the B2B2 genotype of the CETP gene among diabetics than that observed in non-diabetics (P < 0.05), and a lower prevalence of this genotype among patients with previous MI (P < 0.02). The MspI polymorphisms of the APOAI gene showed that M1++ genotype was found mainly in diabetic patients (P < 0.04). Conversely, the SstI polymorphism of APOCIII gene was not significantly associated with either MI or diabetes. Therefore, among these genetic polymorphisms, TaqIB of CETP and MspI of apolipoprotein AI appeared to help significantly to identify diabetic individuals. In particular, the former may have an additional role in the primary prevention of coronary disease. .
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Sang Won Han - Integrante / Antonio Carlos de Camargo Carvalho - Integrante / Waldir Gabriel Miranda Relvas - Integrante / Marília Izar Helfenstein Fonseca - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Silvia Saiuli Miki Ihara - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Fundo de Apoio Ao Docente e Acadêmico - Outra.
Número de produções C, T & A: 12
1998 - 2001
Fatores de risco, marcadores bioquímicos e polimorfismos genéticos na doença arterial coronariana prematura

Descrição: Estudo caso e controle com 224 indivíduos com ou sem doença arterial coronariana prematura, onde foram avaliados os fatores de risco, lípides e apolipoproteínas AI, B, E e Lp(a), Marcadores da hemostasia, tais como, agregação plaquetária ao ADP, fibrinogênio, PAI-1, fator VII, fator de von Willebrand, dímero D e os polimorfismos da apo AI e CIII. Observou-se diferenças marcantes entre os fatores de risco, níveis lipídicos e hemostasia com um perfil lipídico e apolipoprotéico mais desfavorável, bem como, maior risco trombótico entre os portadores de DAC prematura..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Sílvia Saiuli Miki Ihara - Integrante / Antonio Carlos Carvalho - Integrante / Nelson Kasinski - Integrante / Ieda Lopes - Integrante / Sang Won Han - Integrante / Leonor Pinto - Integrante / Angelo Amato Vicenzo de Paola - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 9
1998 - 2000
Efeitos precoces do tratamento hipolipemiante com a pravastatina na atenuação da aterosclerose experimental

Descrição: Coelhos Nova Zelândia receberam dieta acrescida de 0,5% de colesterol ou dieta normal e após 3 meses receberam pravastatina 2 mg/Kg/dia na ração. Foram avaliados a função endotelial in vitro, histomorfometria e lipídios. Houve atenuação da aterosclerose apenas nos animais que receberam pravastatina, de forma independente da redução da colesterolemia..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Sílvia Saiuli Miki Ihara - Integrante / Ieda Lopes - Integrante / Francisco Fonseca - Coordenador / Leonor Pinto - Integrante / Antonio Carlos Camargo Carvalho - Integrante / Therezinha Bandiera Paiva - Integrante / Eliane P Silva - Integrante / Angelo Vicenzo de Paola - Integrante.
Financiador(es): Bristol Myers Squibb - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 9


Outros Projetos


2012 - Atual
Estudo MIPOMERSEN

Descrição: Estudo Randomizado, Duplo-Cego, Controlado por Placebo, Paralelo e Fase 3 para Avaliar a Segurança e Eficácia de Dois Regimes Diferentes de Mipomersen em Pacientes com Hipercolesterolemia Familiar e Colesterol da Lipoproteina de Baixa Densidade Controlado de Maneira Inadequada MIPO38.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Fonseca, F.A.H. - Integrante.
2012 - Atual
ACH-TRZ-03(06/11) LANCE

Descrição: Estudo multicêntrico nacional com rosuvastatina e ezetimiba no alcance de metas..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2012 - Atual
R727-CL-1110

Descrição: A Randomized, Double-Blind Study of the Efficacy and Safety of REGN727 Added-on to Atorvastatin versus Ezetimibe Added-on to Atorvastatin versus Atorvastatin Dose Increase versus Switch to Rosuvastatin in Patients Who are Not Controlled on Atorvastatin.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Coordenador / Fonseca, F.A.H. - Integrante.
2011 - Atual
Estudo CANTOS

Descrição: Estudo randomizado, duplo-cego, controlado por placebo, orientado por evento, da administração subcutânea trimestral de canaquinumabe na prevenção de eventos cardiovasculares recorrentes em pacientes estáveis pós-infarto do miocárdio com PCRus elevada - ACZ885M2301.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2010 - 2012
Estudo ROCHE

Descrição: Estudo de fase III, duplo cego, randomizado, controlado por placebo, para avaliar os efeitos de RO4607381 sobre o risco cardiovascular (CV) em pacientes com DCC estável, com Síndrome Coronariana Aguda (SCA) recentemente documentada . - NC20071 .
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2010 - 2011
Estudo INSPIRE ME

Descrição: Estudo Internacional de Previsão da Adiposidade Intra-Abdominal e suas Relações com o Risco Cardiometabólico/ Adiposidade Intra-Abdominal INSPIRE-ME. .
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2009 - 2011
Estudo 5A

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Francisco Antonio Helfenstein Fonseca em 15/12/2012.

Descrição: mento da Adiposidade Abdominal como um marcador de risco Cardiometabolico 5A..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco A H Fonseca - Coordenador.
2009 - 2011
Estudo PRADO

Descrição: Estudo Pan-Europeu randomizado, de grupos paralelos, de dois braços, controlado por placebo, duplo-cego, multicêntrico de Rimonabanto 20mg uma vez ao dia no tratamento de pacientes com obesidade abdominal associado à glicose sangüínea em jejum alterada, com ou sem outras comorbidades. Protocolo R_00961 ..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2009 - 2010
Estudo MK0524B-022

Descrição: Estudo multicentrico, randomizado, duplo-cego, com desenho fatorial , para avaliar a eficácia e segurança de redução de lipídios do comprimido combinado MK-0524B administrado a pacientes com hipercolesterolemia primária ou hiperlipidemia mista. Protocolo 022, versão 5.0 de 04/11/05..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2009 - 2010
Estudo Protocolo NC20971

Descrição: Estudo Multicêntrico Internacional.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2009 - Atual
Estudo PRECISION

Descrição: A3191172- Estudo randomizado, duplo-cego, de grupos paralelos, sobre o efeito da segurança cardiovascular em pacientes com osteoartrite ou artrite reumatoide com alto risco para doença cardiovascular comparando celecoxibe a naproxeno e ibuprofeno Precision.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2008 - 2009
GRAVITY Gauging the lipid effects of RosuvAstatin plus ezetimibe Versus sImvastatin plus ezetimibe TherapY (Avaliando os efeitos lipídicos da terapia com rosuvastatina juntamente com ezetimiba versus sinvastatina com ezetimiba)

Descrição: Estudo de Fase IIIb de 12 semanas, Aberto, Randomizado, com Grupos Paralelos, Multicêntrico, para Comparar a Eficácia e Segurança de 10 mg e 20 mg de Rosuvastatina (CRESTOR ) em Combinação com 10 mg de Ezetimiba e 40 mg e 80 mg de Sinvastatina em Combinaç.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, FAH - Coordenador.
2008 - 2009
Estudo Gallant 14

Descrição: Estudo randomizado de 24 semanas, duplo cego, paralelo, multicêntrico, controlado por (metformina ou metformina cominada com fenofibrato), para avaliar os efeitos metabólicos sobre os lipidios, a segurança e a tolerabilidade de terapia com TESAGLITASAR em pacientes com DM II e HDL-c baixo sobre uma terapia fixa com a estatina .
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2008 - 2009
Estudo Gallant 6

Descrição: Estudo randomizado de 24 semanas, duplo cego, ativamente controlado (pioglitazona) avaliação da eficácia, segurança e a tolerabilidade de terapia com TESAGLITASAR administrado a pacientes com diabetes tipo II Gallant 6 .
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2008 - 2009
Estudo CADUET

Descrição: ESTUDO PÓS-MARKETING, ABERTO, NÃO-COMPARATIVO PARA AVALIAR A UTILIDADE CLÍNICA DO ANLODIPINO/ATORVASTATINA PARA MELHORAR OS FATORES DE RISCO CARDIOVASCULAR CONCOMITANTES DE HIPERTENSÃO E DISLIPIDEMIA EM PACIENTES DE RISCO CARDIOVASCULAR MODERADO E MODERADAMENTE ALTO. PROTOCOLO A3841041.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2008 - 2009
Estudo RIMON - R00961

Descrição: Estudo multicêntrico internacional com rimonabanto.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2007 - 2008
Estudo Fibraster

Descrição: Estudo aberto, randomizado para avaliação de eficiência e tolerabilidade da associação de beta-sitosterol, e fibra de beterraba (BST-0299) como auxiliar no tratamento de pacientes hipercolesterolemicos.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Fonseca, F.A.H. - Coordenador.
2005 - 2008
Estudo randomizado duplo-cego, controlado por placebo, multicêntrico, de Fase III, de rosuvastatina (CRESTOR) 20 mg na prevenção primária de eventos cardiovasculares entre indivíduos com baixos níveis de LDL-C e níveis elevados de proteína C reativa.

Descrição: Estudo comparativo com rosuvastatina e placebo para verificar a ocorrência de desfechos em pacientes sem dislipidemia e com PCR elevada..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Waldir Gabriel Miranda Relvas - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Andreza Oliveira Santos - Integrante / Paul Ridker - Integrante.
Financiador(es): Astra Zeneca - Remuneração.
2005 - 2006
Estudo randomizado de 24 semanas duplo-cego, paralelo, multicêntrico, controlado por metformina combinada com fenofibrato, para avaliar os efeitos metabólicos sobre o perfil lipídios, eficácia, segurança e tolerabilidade da terapia com tesaglitazar em pac

Descrição: Projeto com diabéticos tipo 2 e HDL-c baixo recebem metformina, fenofibrato e rosuvastatina, ou tesaglitazar para controle metabólico global..
Situação: Desativado; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Waldir Gabriel Miranda Relvas - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Andreza Oliveira Santos - Integrante / Simone C Matheus Fischer - Integrante.
Financiador(es): Astra Zeneca - Remuneração.
2003 - 2005
Estudo aberto, multinacional, randomizado, multicêntrico, fase IIIb de grupos paralelos para comparar a eficácia e a segurança da rosuvastatina 10 mg uma vez ao dia, atorvastatina 10 mg uma vez ao dia e indivíduos com hipercolesterolemia tipo IIa e IIb(D

Descrição: Pacientes com hipercolesterolemia que não estejam dentro da meta do NCEP III após dieta, receberam atorvastatina ou rosuvastatina 10 mg/d, sob monitoração de enzimas hepáticas, função renal e perfil lipídico..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Waldir Gabriel Miranda Relvas - Integrante / Tatiana Helfenstein - Integrante / Andreza Oliveira Santos - Integrante.
Financiador(es): Astrazeneca - Auxílio financeiro.
2002 - 2004
Estudo aberto,randomizado, multicêntrico, de grupos paralelos com substituição, para comparar a eficácia e a segurança dos agentes redutores de lípides atorvastatina e sinvastatina com rosuvastatina em pacientes de alto risco com hipercolesterolemia tipo

Descrição: Pacientes de alto risco para doença arterial coronariana, ou aqueles em prevenção secundária com hipercolesterolemia primária receberam atorvastatina, rosuvastatina ou sinvastatina de maneira cega. Foi comparada a eficácia e segurança das drogas..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Francisco Fonseca - Coordenador.
Financiador(es): Astra Zeneca - Auxílio financeiro.
2002 - 2003
Efeitos dos antagonistas dos receptores AT1 na pressão arterial casual e na MAPA

Descrição: Foram comparadas a eficácia e segurança da amlodipina e do valsartan no controle da pressão arterial e na MAPA em HAS leve a moderada..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Sílvia Saiuli Miki Ihara - Integrante / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Nelson Kasinski - Integrante / Francisco Antonio HelfensteinFonseca - Coordenador / José Paulo Novazzi - Integrante.
Financiador(es): Novartis - Remuneração.
1999 - 2001
Efeitos da adição de Raris 7 cereais à dieta em portadores de dislipidemia primária

Descrição: Os efeitos do arroz branco foram comparados aos do arroz enriquecido com fibras (Raris 7 cereais) no perfil lipídico em pacientes portadores de dislipidemia primária.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Nelson Kasinski - Integrante / Franscisco Antonio Helfenstein Fonseca - Coordenador / Liliana Bricarello - Integrante.
Financiador(es): Unilever - Auxílio financeiro.
1999 - 2000
Estudo multicêntrico aberto para avaliar 20, 40 e 80 mg de sinvastatina em pacientes com doença cardíaca coronariana.

Descrição: Pacientes de alto risco para DAC ou já em prevenção secundária foram tratados com sinvastatina titulando-se as doses (20, 40 ou 80 mg) para obter LDL-c < 100 mg/dL..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Francisco Fonseca - Coordenador.
Financiador(es): Merck Sharp Dohme - Auxílio financeiro.
1999 - 2000
Estudo multinacional, multicêntrico, randomizado, duplo-cego em grupos paralelos, comparativo de cerivastatina (0,4 e 0,8 mg uma vez ao dia) versus atorvastatina (10 e 20 mg/dia) em pacientes com hipercolesterolemia primária.

Descrição: Pacientes com hipercolesterolemia primária tiveram seus hipolipemiantes suspensos, após dieta fase II da AHA e após preencherem os critérios de inclusão para o estudo, receberam atorvastatina (10 e 20 mg/d) ou cerivastatina (0,4 e 0,8 mg/d)..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Maria Cristina de Oliveira Izar - Integrante / Leonor do Espírito Santo de Almeida Pinto - Integrante / Francisco Fonseca - Coordenador.
Financiador(es): Bayer Pharma - Remuneração.


Membro de corpo editorial


2006 - Atual
Periódico: International Journal of Atherosclerosis
2010 - 2010
Periódico: Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo


Revisor de periódico


2005 - Atual
Periódico: Clinica Chimica Acta
2005 - Atual
Periódico: Brazilian Journal of Medical and Biological Research
2006 - Atual
Periódico: The International Journal of Atherosclerosis
2008 - Atual
Periódico: Atherosclerosis (Amsterdam)
2010 - Atual
Periódico: Expert Review of Cardiovascular Therapy
2010 - Atual
Periódico: Archives of Medical Research
2010 - Atual
Periódico: Clinics (USP. Impresso)
2011 - Atual
Periódico: Journal of Clinical Lipidology
2012 - Atual
Periódico: BMC Public Health (Online)
2012 - Atual
Periódico: Metabolism
2012 - Atual
Periódico: Journal of Internal Medicine (Print)
2009 - Atual
Periódico: RAMB. Recent Advances in Manufacturing
2010 - Atual
Periódico: Pharmacological Research
2010 - Atual
Periódico: Molecular Genetics and Metabolism (Print)
2013 - Atual
Periódico: Journal of Human Hypertension
2013 - Atual
Periódico: Annals of Clinical Biochemistry
2013 - Atual
Periódico: Drug Design, Development and Therapy
2014 - Atual
Periódico: BMC Infectious Diseases (Online)


Revisor de projeto de fomento


2007 - Atual
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose/Especialidade: Lípides.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia / Subárea: Imunologia Aplicada.
4.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose/Especialidade: Endotélio.
5.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Biologia Vascular.
6.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica/Especialidade: Cardiologia.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2013
Sérgio Diogo Gianini, Departamento de Aterosclerose da Sociedade Braileira de Cardiologia.
2012
2º lugar prêmio Sérgio Diogo Gianini, Departamento de Aterosclerose da SBC.
2012
3º lugar prêmio Sérgio Diogo Gianini, Departamento de Aterosclerose da SBC.
2011
Finalista Prêmio Jovem Pesquisador José Fehér, SOCESP.
2010
Prêmio Jovem Pesquisador, Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo.
2010
Terceiro Lugar Prêmio Sérgio Diogo Giannini, Sociedade Brasileira de Cardiologia.
2009
prêmio melhor trabalho na categoria Ciência Básica , com o tema: "Efeitos da irradiação do peritônio na atenuação da aterosclerose experimental", SOCESP.
2009
Finalista do prêmio Young Investigators Award no XV International Society of Atherosclerosis (ISA 2009), em Boston, MA, EUA, com o trabalho "New experimental model of type 2 diabetes in rabbits prom, KOWA COMPANY, LTD. and PHARMACEUTICALS AMERICA, INC..
2009
Prêmio melhor trabalho na área Diabetes com o tema: Modelo experimental de indução de diabetes tipo 2 e aterosclerose através da dieta em coelhos, Departamento de Aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia.
2009
Professora Afiliada da Disciplina de Cardiologia da Universidade Federal de São Paulo, Universidade Federal de São Paulo.
2009
Prêmio Pereira Barreto em Segundo lugar com o tema: Modelo experimental de indução de diabetes tipo 2 e aterosclerose através da dieta em coelhos, CNPq.
2009
MELHOR TRABALHO DO VI CONGRESSO DE HIPERTENSÃO DA SBC/DHA COM O TEMA: Early increase in autoantibodies against human oxidized low-density lipoprotein in hypertensive patients after blood pressure cont, DEPARTAMENTO DE HIPERTENSÃO ARTERIAL DA SBC.
2008
Finalista do prêmio melhor trabalho Pesquisa Básica, com o tema: Novo modelo experimental de diabetes tipo 2 e hipercolesterolemia em coelhos Nova Zelândia promove microaneurismas na retina, Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo.
2008
Finalista do Prêmio Pereira Barreto (PIBIC) - Melhor Trabalho Medicina Aplicada, CNPq-FADA.
2008
Prêmio pelo trabalho Effects of angiotensin-converting enzyme inhibitor and angiotensin II receptor antagonist in diabetic rabbit retina , apresentado no pré-congresso do ARVO 2008 em Fort Lauderdale, ARVO 2008.
2007
1º lugar com o prêmio Bernardo Léo Wachenberg ao melhor trabalho apresentado no I Panamerican Congress of Atherosclerosis, na categoria "diabetes", Departamento de Aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia.
2006
CONCORRENTE AO PRÊMIO LUIZ TAVARES DA SILVA - CATEGORIA PESQUISA BÁSICA E EXPERIMENTAL, SOCIEDADE BRASILEIRA DE CARDIOLOGIA.
2005
Professor Sérgio Diogo Giannini - 2º lugar - Congresso Brasileiro de Aterosclerose 2005 em São Luís, Sociedade Brasileira de Cardiologia.
2004
Prêmio Melhor trabalho na categoria Pôster - Congresso PIBIC 2004., UNIFESP -PIBIC.
2004
Finalista Melhor tema livre do XXV Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo - Prêmio Luís V. Decourt, SOCESP - Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo.
2004
Primeiro lugar na categoria Medicina Aplicada - Professor orientador da aluna Ruth Teixeira, UNIFESP -PIBIC.
2003
1º Lugar - Prêmio Melhor trabalho do congresso COMASP 2003, PUC Campinas.
2003
Finalista do prêmio melhor trabalho na categoria Medicina Aplicada, UNIFESP - PIBIC.
2003
Título de Especialista em Cardiologia, Sociedade Brasileira de Cardiologia/ Associação Médica Brasileira.
2003
Segundo lugar categoria Medicina aplicada / experimental / poster - co-autora, XI Congresso de Iniciação Científica.
2003
Segundo lugar XXIV Congresso SOCESP - Nutrição - co-autora, SOCESP.
2002
Prêmio SBC Funcor-INCENTIVO À PESQUISA EM CARDIOLOGIA: 1º Lugar na Categoria Epidemiologia, SBC- FUNCOR.
2001
Doutor em Medicina, Universidade Federal de São Paulo.
2001
Segundo Lugar com o Prêmio Professor Sérgio Diogo Giannini- Congresso do Departamento de Aterosclerose em Natal, Sociedade Brasileira de Cardiologia.
1997
Finalista Melhor tema livre do XVIII Congresso da SOCESP - Prêmio Geral do Congresso, SOCESP.
1996
Fellow Research do Mount Sinai School of Medicine of New York University, Mount Sinai School of Medicine.
1985
Título de Especialista em Cardiologia, MEC.
1981
Professor Waldemar Barnsley Pessoa - aluna que mais se destacou em pediatria, Universidade de São Paulo.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:93
Total de citações:270
Fator H:10
Izar, Maria C  Data: 29/07/2014

SciELO
Total de trabalhos:5
Total de citações:48
Izar M.C.; Izar M; Izar M.C.O.  Data: 09/10/2012

SCOPUS
Total de trabalhos:29
Total de citações:216
Izar, M. C.; Izar, M. C O; Izar, M. C D O; Izar, Maria C.  Data: 09/10/2012

Artigos completos publicados em periódicos

1.
MOREIRA, FLAVIO TOCCI2014MOREIRA, FLAVIO TOCCI ; RAMOS, SILVIA CRISTINA ; MONTEIRO, ANDREIA MOREIRA ; HELFENSTEIN, Tatiana ; GIDLUND, MAGNUS AKE ; DAMASCENO, NAGILA RAQUEL TEIXEIRA ; FIGUEIREDO-NETO, ANTONIO MARTINS ; IZAR, MARIA CRISTINA ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Effects of two lipid lowering therapies on immune responses in hyperlipidemic subjects. Life Sciences (1973), v. 98, p. 83-87, 2014; Meio de divulgação: Digital. Homepage: ; Série: 2; ISSN/ISBN: 00243205.

2.
CAMARGO, L.M.2014CAMARGO, L.M. ; FRANÇA, C.N. ; Izar, M.C. ; BIANCO, H.T. ; LINS, L.S. ; BARBOSA, S.P. ; Pinheiro, L.F. ; Fonseca, F.A.H. . Effects of simvastatin/ezetimibe on microparticles, endothelial progenitor cells and platelet aggregation in subjects with coronary heart disease under antiplatelet therapy. Brazilian journal of medical and biological research, v. 00, p. 000-000, 2014; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.scielo.org; ISSN/ISBN: 1414431X.

3.
LINS, LÍVIA CAMPOS AMARAL2014LINS, LÍVIA CAMPOS AMARAL ; FRANÇA, CAROLINA NUNES ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; BARBOSA, SIMONE PINTO MELO ; MATOS, LÍVIA NASCIMENTO ; AGUIRRE, ANA CAROLINA ; Bianco, Henrique Tria ; DO AMARAL, JONATAS BUSSADOR ; IZAR, MARIA CRISTINA . Effects of Ezetimibe on Endothelial Progenitor Cells and Microparticles in High-Risk Patients. Cell Biochemistry and Biophysics, v. 70, p. 687-696, 2014; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; ISSN/ISBN: 10859195.

4.
BIANCO, H. T.2014BIANCO, H. T. ; Iza MCO ; Povoa, RM ; Bombig, MT . Left ventricular hypertrophy and QTc dispersion are predictors of long-term mortality in subjects with type 2 diabetes. International Journal of Cardiology (Print), v. S0167, p. 01461-01462, 2014; ISSN/ISBN: 01675273.

5.
Martins, Celma M2013Martins, Celma M ; FONSECA, Francisco A H ; Ballus, C ; Figueiredo Neto, AM ; Godoy, HT ; IZAR MC . Common sources and composition of phytosterols and their estimated intake by the population in the city of São Paulo, Brazil. Nutrition (Burbank, Los Angeles County, Calif.), v. 29, p. 1-7, 2013
Palavras-chave: Plant sterols; beta-sitosterol; campesterol; stigmasterol; plant foods; nutrition.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Epidemiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0899900713000063; ISSN/ISBN: 08999007
Objective: Phytosterols have been used alone, or combined with lipid-altering drugs, to reduce cholesterol levels and the burden of cardiovascular disease. Considerable variation in the composition of phytosterols exists and its consumption, in a regular diet, by the Brazilian population is still unknown. Thus, the aim of the present study was to determine the phytosterols content of the most consumed plant foods and to estimate the phytosterols intake by this population. Methods: Intake of plant foods of a representative population of the city of Sao Paulo (n ~ 1609), randomly selected on the basis of the Brazilian Institute for Geography and Statistics census data (2010), was obtained by a food frequency questionnaire (FFQ). Foods were chosen on the basis of the Consume Expenditure Survey (2002 2003) and from answers to the FFQ. Phytosterols composition of most consumed greens, legumes, cereals, and seeds, fruits, and vegetable oils was determined by gas chromatography (flame ionization detection). Daily phytosterols intake was estimated in terms of mg per 100 g (mg/100 g 1 ) of edible portion. Underreporters and overreporters were excluded. Results: Mean (SE) daily phytosterols intake in the diet of the study population was 100.6 (1.2) mg, with b-sitosterol as the largest sterol component (65.4%), followed by campesterol (23.2%), and stigmasterol (10%). No significant changes in daily phytosterols intake were observed after exclusion of underreporters and overreporters. Considerable variation was observed in phytosterols content among the most consumed plant foods. Conclusions: Analysis of phytosterols composition in most consumed plant foods has shown that phytosterols content varied among food groups. Dietary intake of phytosterols in a large population of the city of Sao Paulo is in the same range of some countries.. .

6.
Santos, RD2013Santos, RD ; Gagliardi, ACM ; Xavier, HT ; Magnoni, C.D. ; IZAR, MCO . I Diretriz sobre o consumo de Gorduras e Saúde Cardiovascular.. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), v. 100, p. 1-40, 2013
Palavras-chave: gorduras saturadas; gorduras monoinsaturadas; gorduras poliinsaturadas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782X.

7.
Barbosa, Simone P.2013Barbosa, Simone P. ; Lins, Livia CDAS ; Fonseca, F.A.H. ; Matos, LN ; Bianco, Henrique T. ; Amaral, JB ; França, Carolina N. ; Santana, JM ; Aguirre, ACC ; IZAR, MCO . Effects of Ezetimibe on Markers of Synthesis and Absorption of Cholesterol in High-risk Patients with Elevated C-Reactive Protein. Life Sciences (1973), v. 92, p. 845-851, 2013
Palavras-chave: C-reactive protein; inflammation; statins; Ezetimibe; endothelial progenitor cells; microparticles.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Vários; ISSN/ISBN: 00243205
AIMS: High-risk subjects with elevated C-reactive protein (CRP) are at high risk for cardiovascular events and frequently require potent statins or combined lipid-lowering therapy to achieve lipid targets and decrease inflammation. Our study aimed at evaluating the effects of three lipid-modifying therapies on LDL-cholesterol, CRP levels and markers of cholesterol absorption and synthesis. MAIN METHODS: A prospective intervention study was performed in high cardiovascular risk individuals receiving atorvastatin 10mg daily for four weeks. Those with CRP≥2.0mg/L were randomized to another four-week treatment period with atorvastatin 40mg, ezetimibe 10mg or the combination of atorvastatin 40mg / ezetimibe 10mg. Lipids, markers of cholesterol absorption (campesterol and β-sitosterol), and synthesis (desmosterol), as well as CRP were quantified at baseline and end of study. KEY FINDINGS: One hundred and twenty two individuals were included. Atorvastatin alone or combined with ezetimibe reduced both LDL-cholesterol and CRP (P<0.002 vs. baseline; Wilcoxon); ezetimibe did not modify CRP. Ezetimibe-based therapies reduced absorption markers and their ratios to cholesterol (P<0.0001 vs. baseline, for all; Wilcoxon), whereas atorvastatin alone increased campesterol/cholesterol and β-sitosterol/cholesterol ratios (P<0.05 vs. baseline; Wilcoxon). In addition, ezetimibe also increased desmosterol and desmosterol/cholesterol ratio (P<0.0001 vs. baseline; Wilcoxon). SIGNIFICANCE: These results contribute to understand the link between cellular cholesterol homeostasis, inflammation and lipid-modifying therapies. Our findings highlight the broader benefit of combined therapy with a potent statin and ezetimibe decreasing inflammation, and preventing increase in cholesterol biosynthesis, an effect not observed with ezetimibe alone. . .

8.
Fonseca, HAR2013Fonseca, HAR ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; Monteiro, Andrea M. ; Bianco, Henrique Tria ; BOSCHCOV, Paulo ; Brandão, Sergio Augusto Bueno ; Juliano, L ; GIDLUND, Magnus ; IZAR, MCO . Obesity Modulates the Immune Response to Oxidized LDL in Hypertensive Patients. Cell Biochemistry and Biophysics, v. 67, p. 1451-1460, 2013
Palavras-chave: antibodies anti-oxLDL; oxidized LDL; obesity; hypertension.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; ISSN/ISBN: 15590283
Obesity and hypertension have been recognized as inflammatory diseases capable of activating the immune system, thus contributing to an increased cardiovascular risk. However, the link between adaptive immunity, obesity, and hypertension is poorly understood. We investigated the relationship of the body mass index (BMI) on the inflammatory, vascular, and immune responses in patients with hypertension naïve of anti-hypertensive treatment. Hypertensive patients (N = 88) were divided into three groups: normal weight (NW), overweight (OW), and obese (OB) subjects. Anti-oxidized LDL autoantibodies (anti-oxLDL Abs), anti-ApoB-D peptide (anti-ApoB-D) Abs, interleukin (IL)-8 and IL-10, flow-mediated dilation (FMD) of the brachial artery, and 24-h ambulatory blood pressure monitoring (ABPM) were assessed. OB patients presented lower levels of anti-oxLDL Abs and IL-10, higher levels of IL-8, and impaired FMD, when compared to NW and OW (P < 0.05), without differences between groups regarding anti-ApoB-D Abs. After adjusting for age, systolic and diastolic blood pressure, anti-oxLDL Abs were inversely correlated with BMI and waist circumference (r = −0.24, P = 0.02 and r = −0.25, P = 0.02, respectively), whereas ApoB-D correlated with 24-h ABPM (r = 0.22, P = 0.05 for systolic, and r = 0.29, P = 0.01 for diastolic blood pressure). Regression analyses showed inverse associations of anti-oxLDL Abs with BMI (β = −0.05, P = 0.01) and waist circumference (β = −0.01, P = 0.02); anti-ApoB-D Abs were associated with systolic and diastolic 24-h ABPM (β = 0.96, P = 0.04; β = 1.02, P = 0.005, for systolic and diastolic 24-h ABPM, respectively). Among hypertensive patients, obesity modulates the immune and inflammatory milieu, determining an unfavorable balance of cytokines and reduction in titers of anti-oxLDL Abs. Twenty-four hour ABPM is associated with titers of anti-ApoB-D Abs.. .

9.
Caetano, MEN2013Caetano, MEN ; Costa, FA ; Toscano, PRP ; Cristino, SC ; Feio, Claudine A ; Capelini, LS ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; Povoa, Rui M. . Monitorização ambulatorial da pressão arterial em gestantes normotensas. Revista Brasileira de Hipertensão, v. 19, p. 95-98, 2013
Palavras-chave: PRESSÃO ARTERIAL; monitorização ambulatorial da pressão arterial; gravidez.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Impresso; Série: 4; ISSN/ISBN: 15197522.

10.
XAVIER, H. T.2013XAVIER, H. T. ; IZAR, M. C. ; FARIA NETO, J. R. ; ASSAD, M. H. ; ROCHA, V. Z. ; SPOSITO, A. C. ; FONSECA, F. A. ; SANTOS, J. E. DOS ; SANTOS, R. D. ; BERTOLAMI, M. C. ; FALUDI, A. A. ; MARTINEZ, T. L. R. ; DIAMENT, J. ; GUIMARÃES, A. ; FORTI, N. A. ; MORIGUCHI, E. ; CHAGAS, A. C. P. ; COELHO, O. R. ; RAMIRES, J. A. F. . V Diretriz Brasileira de Dislipidemias e Prevenção da Aterosclerose. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), v. 101, p. 01-22, 2013; Meio de divulgação: Digital. Homepage: ; Série: 4; ISSN/ISBN: 0066782X.

11.
FRANCA, C. N.2013FRANCA, C. N. ; IZAR, MCO ; J.B. do Amaral, JB do Amaral ; Fonseca, FAH . Micropartículas e Células Progenitoras: Novos Marcadores da Disfunção Endotelial. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo, v. 23, p. 33-39, 2013
Palavras-chave: CARDIOLOGIA; Células progenitoras endoteliais; cultura de células.; Meio de divulgação: Vários; ISSN/ISBN: 01038559.

12.
ALESSI, ALEXANDRE2013ALESSI, ALEXANDRE BONFIM, ALEXANDRE VIDAL BRANDÃO, ANDREA A. FEITOSA, AUDES AMODEO, CELSO ALVES, CLAUDIA RODRIGUES BRASIL, DAVID P. SOUZA, DILMA DO SM BARBOSA, EDUARDO CONSOLIM-COLOMBO, FERNANDA MARCIANO BORELLI, FLÁVIO Fonseca FA LOPES, HENO F. Chaves, Hilton BORTOLOTTO, LUIS APARECIDO MARTIN, LUIS C. SCALA, LUIZ CESAR NAZÁRIO MOTA-GOMES, MARCO ANTONIO Malachias, Marcus Vinícius Bolívar IZAR, MCO FONSECA, Marília Izar Helfenstein NEVES, MÁRIO FRITSCH TOROS MORAIS, NELSON SIQUEIRA PASSARELLI JR, OSWALDO JARDIM, PAULO CESAR VEIGA , et al.TOSCANO, PAULO ROBERTO MIRANDA, ROBERTO DISCHINGER MIRANDA FRANCO, ROBERTO BETTI, ROBERTO TADEU BARCELLOS PEDROSA, RODRIGO PINTO Povoa, Rui CARNEIRO, SÉRGIO BAIOCCHI JARDIM, THIAGO BARROSO, WEIMAR KUNZ SEBBA ; I Brazilian Position Statement on Arterial Hypertension and Diabetes Mellitus. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), v. 100, p. 491-501, 2013; Meio de divulgação: Digital; Série: 6; ISSN/ISBN: 0066782X.

13.
COSTA2013COSTA ; BURGOS, P. ; Bombig MTN ; Marui FRR ; Costa W ; Fonseca FH ; IZAR, MCO ; Souza D ; Schwerz VL ; Póvoa R . Impacto da sensação de distensão vesical na medida da pressão arterial. Revista Brasileira de Hipertensão, v. 20, p. 95-99, 2013; Meio de divulgação: Impresso; Série: 2; ISSN/ISBN: 15197522.

14.
SIMÃO, AF2013SIMÃO, AF PRECOMA, DB ANDRADE, JP CORREA FILHO, H SARAIVA, JFK OLIVEIRA, GMM MURRO, ALB CAMPOS, A Alessi, A AVEZUM JUNIOR, A Miguel, ACMG SOUSA, ACS LOTEMBERG, AMP LINS, AP FALUD, AA BRANDÃO, AA SANJULIANI, AF SBISSA, AS SANTOS FILHO, AC HERDY, AH POLANCZYK, CA LANTIERI, CJ MACHADO, CA SCHERR, C STOLL, C , et al.AMODEO, C ARAÚJO, CGS SARAIVA, D MORIGUCHI, EH MESQUITA, ET CESENA, FHY Fonseca, FAH CAMPOS, GP SOARES, GP FEITOSA, GS Xavier, HT CASTRO, I GIULIANO, ICB RIVERA, IV GUIMARAES, ICB ISSA, JS Souza, JRM Faria Neto, JR CUNHA, LBN PELLANDA, LC Bortolotto, LA BERTOLAMI, MC MINAME, MH GOMES, MAM TAMBASCIA, M MALACHIAS, MVB SILVA, MAM IZA, MCO MAGALHÃES, MEC BACELLAR, MSC MILANI, M WAJNGARTEN, M GHORAYEB, N Coelho, OR VILLELA, PB JARDIM, PCBV SANTOS FILHO, RD STEIN, R CASSANI, RSL D'AVILA, RL FERREIRA, RM BARBOSA, RB POVOA, RMS KAISER, SE ISMAEL, SC CARVALHO, T GIRALDEZ, VZR COUTINHO, W SOUZA, WKSB ; I Diretriz Brasileira de Prevenção Cardiovascular. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), v. 101, p. 1-63, 2013; Meio de divulgação: Digital. Homepage: ; Série: 6; ISSN/ISBN: 0066782X.

15.
Pinheiro, Luiz F.2012Pinheiro, Luiz F. ; França, Carolina N. ; Izar, Maria C. ; Barbosa, Simone P. ; Bianco, Henrique T. ; Kasmas, Soraia H. ; Mendes, Gustavo D. ; Povoa, Rui M. ; Fonseca, Francisco A.H. . Pharmacokinetic interactions between clopidogrel and rosuvastatin: Effects on vascular protection in subjects with coronary heart disease. International Journal of Cardiology (Print), v. 158, p. 125-129, 2012; ISSN/ISBN: 01675273.

16.
KASMAS, SH2012KASMAS, SH ; IZAR MC ; FRANCA, C. N. ; Gonsales, SCR ; Moreira, FT ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Borges, Ney C ; Moreno, Ronilson A ; FONSECA, F. A. . Differences in synthesis and absorption of cholesterol of two effective lipid-lowering therapies. Brazilian Journal of Medical and Biological Research on line, v. 1, p. 1, 2012
Palavras-chave: campesterol; beta-sitosterol; desmosterol; statin; Ezetimibe.; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 1414431X.

17.
da Fonseca, Henrique Andrade Rodrigues2012da Fonseca, Henrique Andrade Rodrigues ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; Monteiro, Andrea Moreira ; Farias, Nelson Carvalho ; Bianco, Henrique Tria ; Brandão, Sergio Augusto Bueno ; Póvoa, Rui Manoel dos Santos ; GIDLUND, Magnus ; Izar, Maria Cristina de Oliveira . Inflammatory environment and immune responses to oxidized LDL are linked to systolic and diastolic blood pressure levels in hypertensive subjects. International Journal of Cardiology (Print), v. 157, p. 131-133, 2012; ISSN/ISBN: 01675273.

18.
Feio, Claudine A2012Feio, Claudine A ; Izar, Maria C ; Ihara, Silvia S ; Kasmas, Soraia H ; Martins, Celma M ; Feio, Max N ; Maués, Luís A ; Borges, Ney C ; Moreno, Ronilson A ; Póvoa, Rui M ; Fonseca, Francisco A . Euterpe Oleracea (Açai) Modifies Sterol Metabolism and Attenuates Experimentally-Induced Atherosclerosis. Journal of Atherosclerosis and Thrombosis, v. 19, p. 237-245, 2012; Meio de divulgação: Digital. Homepage: ; ISSN/ISBN: 18803873
Aim: Euterpe Oleracea (açai) is a fruit from the Amazon region whose chemical composition may be beneficial for individuals with atherosclerosis. We hypothesized that consumption of Euterpe Oleracea would reduce atherosclerosis development by decreasing cholesterol absorption and synthesis.Methods: Male New Zealand rabbits were fed a cholesterol-enriched diet (0.5%) for 12 weeks, when they were randomized to receive Euterpe Oleracea extract (n = 15) or water (n = 12) plus a 0.05% cholesterol-enriched diet for an additional 12 weeks. Plasma phytosterols and desmosterol were determined by ultra-performance liquid chromatography and mass spectrometry. Atherosclerotic lesions were estimated by computerized planimetry and histomorphometry.Results: At sacrifice, animals treated with Euterpe Oleracea had lower levels of total cholesterol (p =0.03), non-HDL-cholesterol (p = 0.03) and triglycerides (p = 0.02) than controls. These animals had smaller atherosclerotic plaque area in their aortas (p = 0.001) and a smaller intima/media ratio (p = 0.002) than controls, without differences in plaque composition. At the end of the study, campesterol, β-sitosterol, and desmosterol plasma levels did not differ between groups; however, animals treated with Euterpe Oleracea showed lower desmosterol/campesterol (p = 0.026) and desmosterol/ β-sitosterol (p =0.006) ratios than controls.Conclusions: Consumption of Euterpe Oleracea extract markedly improved the lipid profile and attenuated atherosclerosis. These effects were related in part to a better balance in the synthesis and absorption of sterols.. .

19.
França, Carolina N.2012França, Carolina N. ; Pinheiro, Luiz F.M. ; Izar, Maria C.O. ; Brunialti, Milena K.C. ; Salomão, Reinaldo ; Bianco, Henrique T. ; Kasmas, Soraia H. ; Barbosa, Simone P. ; de Nucci, Gilberto ; Fonseca, Francisco A.H. . Endothelial Progenitor Cell Mobilization and Platelet Microparticle Release Are Influenced by Clopidogrel Plasma Levels in Stable Coronary Artery Disease. Circulation Journal, v. 76, p. 729-736, 2012; Meio de divulgação: Digital. Homepage: ; ISSN/ISBN: 13469843
Background: Increased numbers of endothelial (EMP) and platelet (PMP) microparticles have been related to cardiovascular risk factors and coronary artery disease. Little is known about the early effects of statins and clopidogrel on these new biomarkers of vascular homeostasis. The aim of the present study was to evaluate pharmacokinetic interactions between atorvastatin and clopidogrel and their effects, alone or combined, on EMP, PMP, and endothelial progenitor cells (EPC). Methods and Results: A prospective open-label study enrolled subjects with stable coronary disease (n=26). Drugs were given daily for 3 weeks (atorvastatin 80mg, visits 1-3; clopidogrel 75mg, visits 2-4). Counts of EPC (CD34+/CD133+/KDR+), EMP (CD51+) and PMP (CD42+/CD31+), and pharmacokinetic parameters over 24h were assessed at each visit. Atorvastatin plasma concentrations were increased by concomitant therapy with clopidogrel (maximum serum concentration [C(max)], P=0.002; area under the clopidogrel or atorvastatin plasma concentration vs. time curve from 0 to the last detectable concentration [AUC(last)], P=0.03). After atorvastatin withdrawal there was an increase in clopidogrel plasma concentrations (C(max), P=0.009; AUC(last), P=0.039). PMP were inversely correlated with clopidogrel C(max) on visit 3 (rho=-0.57, P=0.006) and on visit 4 (rho=-0.54, P=0.01), and with clopidogrel AUC(last) on visit 3 (rho=-0.44, P=0.04), and on visit 4 (rho=-0.57, P=0.005). In addition, clopidogrel C(max) was correlated with EPC (CD133+/KDR+) on visit 4 (rho=0.48, P=0.025). No correlations of atorvastatin and MP or EPC were found. Conclusions: The balance between platelet MP release and EPC mobilization seems influenced by clopidogrel plasma levels, suggesting a protective mechanism on coronary artery disease. (Circ J 2012; 76: 729-736).. .

20.
Izar, M.C.2012Izar, M.C. ; Fonseca, H. A. ; Pinheiro, L. F. ; Monteiro, C. M. ; Povoa, R. M. ; Monteiro, A. M. ; Figueiredo-Neto, A. M. ; Gidlund, M. A. ; FONSECA, F. A. . Adaptive immunity is related to coronary artery disease severity after acute coronary syndrome in subjects with metabolic syndrome. Diabetes & Vascular Disease Research, v. 15, p. 1-8, 2012
Palavras-chave: acute coronary syndromes; autoantibodies; metabolic syndrome; oxidized low-density lipoprotein.; ISSN/ISBN: 14791641
Metabolic syndrome (MetS) is an inflammatory state associated with high coronary disease risk. Inflammation and adaptive immunity modulate atherosclerosis and plaque instability. We examined early changes in anti-oxidized low-density lipoprotein (LDL) (anti-oxLDL) autoantibodies (Abs) in patients with MetS after an acute coronary syndrome (ACS). Patients of both genders (n=116) with MetS were prospectively included after an acute myocardial infarction (MI) or hospitalization due to unstable angina. Anti-oxLDL Abs (IgG class) were assayed at baseline, three and six weeks after ACS. The severity of coronary disease was evaluated by the Gensini score. We observed a decrease in anti-oxLDL Abs titers (p<0.002 vs. baseline), mainly in males (p=0.01), in those under 65 y (p=0.03), and in subjects with Gensini score above median (p=0.04). In conclusion, early decrease in circulating anti-oxLDL Abs is associated with coronary disease severity among subjects with MetS.. .

21.
IZAR, MCO2012IZAR, MCO ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein . TRATAMENTO FARMACOLÓGICO DAS DISLIPIDEMIAS PARA PREVENÇÃO DA DOENÇA CARDIOVASCULAR E PROMOÇÃO DA SAÚDE: FATOS VS. MITOS. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo, v. 22, p. 18-23, 2012
Palavras-chave: dislipidemias/prevenção e controle; doenças cardiovasculares; hipolipemiantes/administração &dosagem; promoção da saúde.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://WWW.SOCESP.ORG.BR; Série: 2; ISSN/ISBN: 01038559.

22.
Santos Fº, RDS2012Santos Fº, RDS ; Miguel, ACMG ; Xavier, Hermes Toros ; Casella Filho, A ; IZAR, MCO . I Diretriz Brasileira de Hipercolesterolemia Familiar. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), v. 99, p. 1-28, 2012
Palavras-chave: hipercolesterolemia familiar; receptor de LDL.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Impresso. Homepage: http://www.arquivosonline.com.br; ISSN/ISBN: 0066782X.

23.
HELFENSTEIN, Tatiana2011HELFENSTEIN, Tatiana ; Fonseca, Francisco A. ; Ihara, Sílvia S. ; Bottós, Juliana M. ; Moreira, Flávio T. ; Pott Jr, Henrique ; Farah, Michel E. ; Martins, Maria C. ; Izar, Maria C. . Impaired glucose tolerance plus hyperlipidaemia induced by diet promotes retina microaneurysms in New Zealand rabbits. International Journal of Experimental Pathology (Print), v. 92, p. 40-49, 2011
Palavras-chave: animal models of diabetes; diabetes complications; diet; insulin resistance; retinopathy; type 2 diabetes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose / Especialidade: Modelos animais.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: DISTÚRBIO METABÓLICOS E RISCO CARDIOVASCULAR.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 09599673
With the increasing prevalence of diabetes mellitus and metabolic syndrome worldwide, experimental models are required to better understand the pathophysiology and therapeutic approaches to preserve pancreatic beta cells, attenuate atherosclerosis and protect target organs. The aims of this study were to develop an experimental model of impaired glucose tolerance combined with hypercholesterolaemia induced by diet and assess metabolic alterations and target organ lesions. New Zealand male rabbits were fed high-fat/high-sucrose (10/40%) and cholesterol-enriched diet for 24 weeks, when they were sacrificed. Biochemistry, fundus photographs with fluorescein angiography and pathological analyses were performed. Cholesterol-fed and normal animals of same age were compared. Results: The animals with diet-induced impaired glucose tolerance combined with hypercholesterolaemia gained weight, increased blood glucose, total cholesterol, LDL-C and triglycerides and decreased HDL-C (P < 0.05 vs. baseline). Fructosamine levels and the homeostasis model assessment of insulin resistance (HOMA-IR) index were increased, while there was a reduction in the HOMA-β (P < 0.05 for all vs. baseline). Histomorphologic findings of this model were aortic atherosclerosis, hepatic steatofibrosis and glomerular macrophage infiltration. Early clinical features of diabetic retinopathy with hyperfluorescent dots consistent with presence of retina microaneurysms were seen since week 12, progressing up to the end of the experiment (P < 0.0005 vs. baseline and 12 weeks). Our model reproduced several metabolic characteristics of human diabetes mellitus and promoted early signs of retinopathy. This non-expensive model is suitable for studying mechanistic pathways and allowing novel strategic approaches.. .

24.
Costa, Francisco de Assis2011Costa, Francisco de Assis ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; de Lima, Valter Correia ; de Souza, Dilma ; Filho, Bráulio Luna ; Fonseca, Francisco Helfenstein ; Izar, Maria Cristina de Oliveira ; da Costa, William ; Riera, Andrés Ricardo Perez ; PÓVOA, Rui . Geometric patterns of left ventricular hypertrophy and electrocardiography. International Journal of Cardiology (Print), v. 151, p. 374-375, 2011
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 01675273.

25.
Izar, Maria C.2011Izar, Maria C. ; Tegani, Daniela M. ; Kasmas, Soraia H. ; Fonseca, Francisco A. . Phytosterols and phytosterolemia: gene diet interactions. Genes & Nutrition: a journal devoted to study of relationship between genetics & nutrition for improvement of human health, v. 6, p. 17-26, 2011; Meio de divulgação: Digital. Homepage: ; ISSN/ISBN: 15558932
Abstract Phytosterol intake is recommended as an adjunctive therapy for hypercholesterolemia, and plant sterols/stanols can reduce cholesterol absorption at the intestinal lumen through the Niemann-Pick C1 Like 1 (NPC1L1) transporter pathway by competitive solubilization in mixed micelles. Phytosterol absorption is of less magnitude than cholesterol and is preferably secreted in the intestinal lumen by ABCG5/G8 transporters. Therefore, plasma levels of plant sterols/stanols are negligible compared with cholesterol, under an ordinary diet. The mechanisms of cholesterol and plant sterols absorption and the whole-body pool of sterols are discussed in this chapter. There is controversy about treatment with statins inducing further increase in plasma non-cholesterol sterols raising concerns about the safety of supplementation of plant sterols to such drugs. In addition, increase in plant sterols has also been reported upon consumption of plant sterol-enriched foods, regardless of other treatments. Rare mutations on ABCG5/G8 transporters affecting cholesterol/non-cholesterol extrusion, causing sitosterolemia with xanthomas and premature atheroslerotic disease are now known, and cholesterol/plant sterols absorption inhibitor, ezetimibe, emerges as the drug that reduces phytosterolemia and promotes xanthoma regression. On the other hand, common polymorphisms affecting the NPC1L1 transporter can interfere with the action of ezetimibe. Gene-diet interactions participate in this intricate network modulating the expression of genetic variants on specific phenotypes and can also affect the individual response to the hypolipidemic treatment. These very interesting aspects promoted a great deal of research in the field.. .

26.
da Silva, Erika F.R.2011da Silva, Erika F.R. ; Fonseca, Francisco A.H. ; França, Carolina N. ; Ferreira, Paulo R.A. ; IZAR MC ; Salomão, Reinaldo ; Camargo, Luciano M. ; Tenore, Simone B. ; Lewi, David S. . Imbalance between endothelial progenitors cells and microparticles in HIV-infected patients naive for antiretroviral therapy. AIDS (London), v. 25, p. 1595-1601, 2011
Palavras-chave: endothelial progenitor cells; endothelial-derived microparticles; HIV infection; inflammation; platelet-derived microparticles.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: ; ISSN/ISBN: 02699370
Background: Cardiovascular events have been reported among HIV-infected patients following antiretroviral therapy. However, the role of HIV itself in determining vascular damage is less described. Chronic inflammatory state might impair some regulatory endothelium properties leading to its activation, apoptosis or erosion. Objectives: To evaluate the balance between endothelial progenitor cells and microparticles in HIV-infected antiretroviral drug-naive patients. Design: A case control study comparing HIV-infected patients (n = 35) with sex-matched and age-matched healthy controls (n = 33). Methods: Endothelial progenitor cells populations expressing CD34+, CD133+ and KDR+ were quantified by flow cytometry. Endothelial-derived microparticles, expressing CD51+, and platelet-derived microparticles, expressing CD31+/CD42+, were also measured. Endothelial function was estimated by flow-mediated dilation. Results: Lower percentages of endothelial progenitor cells (CD34+/KDR+) were observed in HIV-infected individuals compared with controls (0.02 vs. 0.09%, P = 0.045). In addition, endothelial microparticles concentration was higher in HIV-infected individuals (1963 vs. 436 microparticles/ l platelet-poor plasma, P = 0.003), with similar number of platelet-derived microparticles among groups. Furthermore, flow-mediated dilation was lower among HIV-infected individuals compared with controls [mean (SEM): 10 (1) and 16% (2), respectively; P = 0.03]. Conclusion: Our findings suggest an imbalance between endothelial progenitor cells mobilization and endothelial apoptosis. The alteration in the turnover of endothelial cells may contribute to cardiovascular events in HIV-infected patients.. .

27.
Ramos, Silvia C2011Ramos, Silvia C ; Fonseca, Francisco A ; Kasmas, Soraia H ; Moreira, Flavio T ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Borges, Ney C ; Moreno, Ronilson A ; Rezende, Vinicius M ; Silva, Fernanda C ; Izar, Maria C . The Role of Soluble Fiber Intake in Patients under Highly Effective Lipid-lowering Therapy. Nutrition Journal, v. 10, p. 80, 2011
Palavras-chave: fibers; statins; Ezetimibe; Plant sterols.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: ; ISSN/ISBN: 14752891
Background It has been demonstrated that statins can increase intestinal sterol absorption. Augments in phytosterolemia seems related to cardiovascular disease. Objective We examined the role of soluble fiber intake in endogenous cholesterol synthesis and in sterol absorption among subjects under highly effective lipid-lowering therapy. Design In an open label, randomized, parallel-design study with blinded endpoints, subjects with primary hypercholesterolemia (n=116) were assigned to receive during 12 weeks, a daily dose of 25 g of fiber (corresponding to 6 g of soluble fibers) plus rosuvastatin 40 mg (n=28), rosuvastatin 40 mg alone (n=30), sinvastatin 40 mg plus ezetimibe 10 mg plus 25 g of fiber (n=28), or sinvastatin 40 mg plus ezetimibe 10 mg (n=30) alone. Results The four assigned therapies produced similar changes in total cholesterol, LDL-cholesterol, and triglycerides (p<0.001 vs. baseline) and did not change HDL-cholesterol. Fiber intake decreased plasma campesterol (p<0.001 vs. baseline), particularly among those patients receiving ezetimibe (p<0.05 vs. other groups), and beta-sitosterol (p=0.03 vs. baseline), with a trend for lower levels in the group receiving fiber plus ezetimibe (p=0.07). Treatment with rosuvastatin alone or combined with soluble fiber was associated with decreased levels of desmosterol (p=0.003 vs. other groups). Compared to non-fiber supplemented individuals, those treated with fibers had weight loss (p=0.04), reduced body mass index (p=0.002) and blood glucose (p=0.047). Conclusion Among subjects treated with highly effective lipid-lowering therapy, the intake of 25 g of fibers added favorable effects, mainly by reducing phytosterolemia. Additional benefits include improvement in blood glucose and anthropometric parameters.. .

28.
Colossimo, AP2011Colossimo, AP ; Costa, FA ; Riera, ARP ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; Lima, VC ; FONSECA, F. A. H. ; Izar, M.C. ; Luna Filho, B ; Souza, D ; Póvoa, Rui M. . Electrocardiogram sensitivity in left ventricular hypertrophy according to gender and cardiac mass. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), v. 95, p. 15-20, 2011
Palavras-chave: Electrocardiography; left ventricle hypertrophy; hypertension; heart failure; gender identify.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Vários; ISSN/ISBN: 0066782X
BACKGROUND: Several factors are known to interfere with electrocardiogram (ECG) sensitivity when diagnosing Left Ventricular Hypertrophy (LVH), with gender and cardiac mass being two of the most important ones. OBJECTIVE: To evaluate the influence of gender on the sensitivity of some of the criteria used to detect LVH, according to the progression of ventricular hypertrophy degree. METHODS: According to gender and the degree of LVH at the echocardiogram, the patients were divided in three groups: mild, moderate and severe LVH. ECG sensitivity to detect LVH was assessed between men and women, according to the LVH degree. RESULTS: Of the 874 patients, 265 were males (30.3%) and 609, females (69.7%). The [(S + R) X QRS], Sokolow-Lyon, Romhilt-Estes, Perugia and strain criteria showed high discriminatory power in the diagnosis of LVH between men and women in the three groups with LVH, with a superior performance in the male population and highlighting the importance of the [(S + R) X QRS] and Perugia scores. CONCLUSION: The diagnostic sensitivity of the ECG increases with the cardiac mass, The examination is more sensitive in men. highlighting the importance of the [(S + R) X QRS] and Perugia scores.. .

29.
IZAR, MCO2011IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H . Como diagnosticar e tratar: Dislipidemias - Edição especial. RBM. Revista Brasileira de Medicina (Rio de Janeiro), v. 68, p. 42-60, 2011
Palavras-chave: dislipidemias; Diagnóstico e Tratamento.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Impresso; Série: 3; ISSN/ISBN: 00347264.

30.
IZAR, MCO2011IZAR, MCO ; FONSECA, Marília I H ; FONSECA, Francisco A H . Como diagnosticar e tratar Dislipidemias. RBM. Revista Brasileira de Medicina (Rio de Janeiro), v. 68, p. 59-73, 2011
Palavras-chave: dislipidemias; doenças cardiovasculares.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 00347264.

31.
RELVAS, Waldir G M2010RELVAS, Waldir G M ; Izar, Maria C O ; Segreto, Helena R C ; Giordani, Adelmo J ; Ihara, Silvia S M ; Mariano, Mario ; Lopes, Jose D ; Popi, Ana F ; HELFENSTEIN, Tatiana ; POMARO, Daniel ; Póvoa, Rui M S ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco A H . Resident Peritoneal Inflammatory Cells are Pivotal in the Development of Experimental Atherosclerosis. Journal of Atherosclerosis and Thrombosis, v. 17, p. 378-385, 2010
Palavras-chave: atherosclerosis; B-1 cells; inflammatory cells; extra-medullar reservoir; ionizing radiation.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://www.jstage; ISSN/ISBN: 18803873
Objective: Based on evidences that ionizing radiation can ameliorate the evolution of chronic and autoimmune diseases in man and in experimental animals, we investigated the effects of radiation on induction and development of experimental atherogenesis. Methods and results: New Zealand rabbits were divided in 5 groups and received an atherogenic diet for 90 days. Irradiation of the peritoneal and thoracic areas (900 cGy) of the animals was made in the 1st and 45th day for groups 1 and 2, in the 45th day for groups 3 and 4, and group 5 was not irradiated. Prior to irradiation, the peritoneal cavity of animals from groups 1 and 3 was washed with buffered saline. Cells collected by peritoneal washing were reinfused in the peritoneal cavity of the same animal after irradiation. Animals from group 2 and 4 were intraperitoneally injected with saline as control. Despite similar lipid profile among the experimental groups, the percentages of aortas covered by plaques were remarkably reduced (p<0.001) among animals submitted to irradiation (groups 2 and 4). These differences were completely abolished in irradiated animals reconstituted with their own peritoneal cells. Conclusion: These findings point to an important role of resident inflammatory peritoneal cells in experimental atherogenesis.. .

32.
Monteiro, C.M.C.2010Monteiro, C.M.C. ; Pinheiro, L.F. ; Izar, M.C. ; Barros, S.W. ; Vasco, M.B. ; Fischer, S.M. ; Povoa, R.M. ; Brandão, S.A. ; Santos, A.O. ; Oliveira, L. ; Carvalho, A.C. ; Fonseca, F.A.H. . Highly sensitive C-reactive protein and male gender are independently related to the severity of coronary disease in patients with metabolic syndrome and an acute coronary event. brazilian journal of medical and biological research -on line, v. 43, p. 297-302, 2010
Palavras-chave: C-reactive protein; acute coronary syndromes; metabolic syndrome; Gensini score.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://www.scielo.br; Série: 3; ISSN/ISBN: 16784510
Patients with metabolic syndrome are at high-risk for development of atherosclerosis and cardiovascular events. The objective of this study was to examine the major determinants of coronary disease severity, including those coronary risk factors associated with metabolic syndrome, during the early period after an acute coronary episode. We tested the hypothesis that inflammatory markers, especially highly sensitive C-reactive protein (hsCRP), are related to coronary atherosclerosis, in addition to traditional coronary risk factors. Subjects of both genders aged 30 to 75 years (N = 116) were prospectively included if they had suffered a recent acute coronary syndrome (acute myocardial infarction or unstable angina pectoris requiring hospitalization) and if they had metabolic syndrome diagnosed according to the National Cholesterol Education Program/Adult Treatment Panel III. Patients were submitted to a coronary angiography and the burden of atherosclerosis was estimated by the Gensini score. The severity of coronary disease was correlated (Spearman s or Pearson s coefficient) with gender (r = 0.291, P = 0.008), age (r = 0.218, P = 0.048), hsCRP (r = 0.256, P = 0.020), ApoB/ApoA ratio (r = 0.233, P = 0.041), and carotid intima-media thickness (r = 0.236, P = 0.041). After multiple linear regression, only male gender (P = 0.046) and hsCRP (P = 0.012) remained independently associated with the Gensini score. In this high-risk population, male gender and high levels of hsCRP, two variables that can be easily obtained, were associated with more extensive coronary disease, identifying patients with the highest potential of developing new coronary events.. .

33.
Marui, Fabiane Rosa Rezende H.2010Marui, Fabiane Rosa Rezende H. ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; Francisco, Yoná Afonso ; Thalenberg, José Marcos ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; Souza, Dilma de ; Costa, Francisco de Assis ; IZAR MC ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; PÓVOA, Rui . Avaliação da hipertensão arterial resistente pela monitorização residencial da pressão arterial. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), p. 1-8, 2010
Palavras-chave: hypertension; blood pressure monitoring; ambulatory; blood pressure/drug effects.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 0066782X
BACKGROUND: Ambulatory blood pressure monitoring (ABPM) is considered the gold standard for the diagnostic confirmation of resistant hypertension (RH). However, home blood pressure monitoring (HBPM) has been considered an option, because of its lower cost and greater comfort. OBJECTIVE: To compare the values obtained by HBPM with those obtained by ABPM in the identification of patients with resistant hypertension. METHODS: A total of 51 consecutive patients with resistant hypertension were selected. All were adults of both genders and were undergoing treatment in an outpatient referral clinic from January 2007 to September 2009. Casual office blood pressure (BP), 24-hour ABPM, and HBPM were performed according to current guidelines, with a maximum two-week interval between the methods. RESULTS: The comparison of ABPM (mean daytime) with HBPM showed a good correlation between them, both for systolic blood pressure (SBP) and for diastolic blood pressure (DBP): SBP r = 0.70, CI = 0.51-0.82, DBP r = 0.69, CI = 0.52-0.81. RH was confirmed by ABPM in 33 patients and by HBPM in 37, with no significant difference between the methods. CONCLUSION: According to the results obtained, we conclude that HBPM is a method that can be used as an alternative to ABPM for the diagnostic confirmation of RH. . .

34.
Fonseca, Henrique A. R.2010Fonseca, Henrique A. R. ; Izar, Maria C. ; Bianco, Henrique T. ; Fonseca, Francisco A. . Ezetimibe, Oxidized Low Density Lipoprotein, Lp (a), and Dyslipidemia. Journal of Atherosclerosis and Thrombosis, v. 17, p. 888-888, 2010
Palavras-chave: ezetiimibe; oxidized-LDL; Lipoprotein (a); dyslipidemia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Digital; Série: 8; ISSN/ISBN: 18803873
In the recent paper published by Nozue et al. (J Atheroscler Thromb, 2010;17(1):37-44)1) , the authors have investigated the effects of the intestinal cholesterol absorption inhibitor, ezetimibe, on lipids and other risk markers for atherosclerosis in subjects with hyperlipidemia. The effects of ezetimibe in different clinical scenarios of cardiovascular disease are not well known, and the effects beyond cholesterol reduction are yet less explored, when compared with those attributed to inhibition of cholesterol synthesis with statins. In the paper published by Nozue et al. the authors indicate that the administration of ezetimibe for 12 weeks can result in beneficial effects on biomarkers for atherosclerosis. Nozue et al. postulate that the two groups, one consisting of monotherapy with ezetimibe 10 mg, and the other associating ezetimibe 10 mg plus a statin, apparently promoted the same results after a follow-up of 12 weeks. However, there is no observation regarding the effect of statins alone, since these agents are capable of reducing low-density- lipoprotein cholesterol (LDL-C), C-reactive protein (hs-CRP), triglycerides, oxidized-LDL (oxLDL) 2,3); in addition, the particular potency of each drug as hypolipidemic agent could have been taken into account, as demonstrated in the Discovery study 4). These observations on lipid alterations and oxidative parameters could have been evaluated with the addition of another group of patients receiving statin alone in a dose equivalent to that of a statin combined with ezetimibe, of the same class or with similar hypolipidemic potency. We observed that in the group that received statins there were patients with type 2 diabetes and history of coronary artery disease, compared with a group that did not present those metabolic and inflammatory alterations. It is already known that in this patient population the response to hypolipidemic strategies may differ substantially, as diabetic patients have. .

35.
PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz2010PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; IZAR MC ; FRANCA, C. N. ; FISCHER, Simone C Matheus ; BARBOSA, SMP ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco A H . Effects of the Atorvastatin and Clopidogrel Combination Therapy on Statin Bioavailability and Platelet Function of Patients with Stable Coronary Disease. Revista Brasileira de Cardiologia Invasiva, v. 18, p. 00-00, 2010
Palavras-chave: adesão plaquetária; agregação plaquetária; clopidogrel; atorvastatin; farmacocinética; doença arterial coronariana.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Vários; Série: 2; ISSN/ISBN: 01041843.

36.
FONSECA, Francisco A H2010FONSECA, Francisco A H ; FRANCA, C. N. ; PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR MC . Statins and stroke: potential mechanisms for neurovascular protection. Revista de Neurología (Ed. Impresa), v. 51, p. 551-560, 2010
Palavras-chave: stroke; statins; hemostasis; inflammation; endothelial progenitor cells; blood pressure.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Vários; Série: 9; ISSN/ISBN: 02100010
As the average human lifespan is increasing worldwide, ischemic stroke became one of the most important causes of mortality and morbidity, particularly in emerging countries. Significant decrease in the rates of first and recurrent stroke using statins has been established in large clinical trials and in systematic reviews and meta-analyses. Interestingly, observational studies reported that cholesterol levels were only weakly associated with ischemic stroke, suggesting that other potential mechanisms for vascular protection should be implicated. Indeed, beyond lipid changes, some properties of these drugs, related to inflammation, hemostasis, endothelial function, plaque stabilization, and more recently, to the mobilization of endothelial cells, have been proposed. In addition, recent meta-analysis also revealed that statins decrease systolic and diastolic blood pressure. Taken together, all these benefits can contribute for stroke prevention by statins. . .

37.
FRANCA, C. N.2010FRANCA, C. N. ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR MC . Células endoteliais circulantes, progenitoras endoteliais e micropartículas. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, v. 20, p. 158-165, 2010
Palavras-chave: Fator de Crescimento do Endotélio Vascular; CARDIOLOGIA; Medula Óssea.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Vários; Série: 2; ISSN/ISBN: 01038559
A disfunção endotelial está associada ao desenvolvimento e às complicações da aterosclerose e pode ser um marcador do risco cardiovascular. Em situação fisiológica ocorre um balanço entre a erosão da monocamada de células endoteliais e a capacidade de reposição das mesmas para a manutenção da homeostase vascular, porém, quando a perda do endotélio, quer por erosão quer por apoptose, superar a capacidade de reposição celular, ou se as células endoteliais não preservarem suas propriedades características, ocorre disfunção endotelial. Biomarcadores de função endotelial compreendem características das células endoteliais que possam ser mensuradas. Entre os novos biomarcadores da função endotelial, um grupo de marcadores do turnover destas células tem sido proposto: células progenitoras endoteliais (CPE), células endoteliais circulantes (CEC) e micropartículas (MP) de diferentes populações celulares. Por serem mediadores do balanço homeostático endotelial, CPE, CEC e MP oferecem um meio não-invasivo para estimar a competência vascular. Níveis de CPE podem aumentar em eventos agudos, como no infarto do miocárdio ou quando existe dano vascular. Porém, fatores de risco cardiovasculares reduzem o número de CPE. MP são pequenos fragmentos liberados pelas células (endoteliais, plaquetárias, etc) após sua ativação ou apoptose, presentes tanto em indivíduos saudáveis quanto naqueles com doenças cardiovasculares. Plaquetas são as células que liberam maiores quantidades de MP no sangue, embora outras populações celulares também originem MP. Níveis elevados de micropartículas endoteliais (MPE) têm sido encontrados na síndrome coronariana aguda, doença arterial periférica e em indivíduos expostos a fatores de risco cardiovasculares. O cálculo da razão MPE/CPE tem sido proposto como um possível índice refletindo o desequilíbrio entre dano endotelial e capacidade de reparo. Esse índice poderá permitir uma avaliação prospectiva da competência vascular e das influências da terapêutica,. .

38.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein2010FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; Fonseca, HAR ; IZAR MC . Proteína C-reativa, fosfolipase A2, interleucinas e moléculas de adesão vascular. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, v. 20, p. 135-148, 2010
Palavras-chave: proteína C-reativa de alta sensibilidade; fosfolipase A2; interleucinas; moléculas de adesão vascular; acidente vascular cerebral; doença coronariana.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Vários; Série: 2; ISSN/ISBN: 01038559
A proteína C reativa de alta sensibilidade vem sendo proposta como um biomarcador de desfechos cardiovasculares desde a década passada, quando foram descritos os primeiros estudos observacionais sugerindo um promissor valor preditivo, tantos para desfechos coronarianos como para o acidente vascular cerebral isquêmico. Em paralelo, cresceram as evidências de que a aterosclerose, o substrato comum destas doenças cardiovasculares, seja um contínuo processo inflamatório vascular. Desta forma, a busca por biomarcadores inflamatórios tornou-se foco de grande interesse, determinando a realização de importantes estudos clínicos e experimentais. Nos dois últimos anos, o papel da proteína C reativa foi mais firmemente estabelecido com base no estudo JUPITER e em metanálise para desfechos cardiovasculares e mortalidade total. De fato, a utilização de uma estatina efetiva nestes pacientes com valores relativamente normais de LDL-C, mas com níveis elevados de proteína C reativa de alta sensibilidade, promoveu uma surpreendente redução de desfechos cardiovasculares. Vários outros biomarcadores também promissores estão em avaliação, sendo também promissora a fosfolipase A2 (PLA2). O envolvimento das PLA2 nos desfechos cardiovasculares pode estar relacionado à progressão da placa aterosclerótica, estando presente no interior de placas, havendo um envolvimento da enzima com susceptibilidade à ruptura. O papel dessa enzima na placa ainda é controverso, havendo evidências da presença tanto de Lp-PLA2 quanto PLA2 , com diferentes atividades catalíticas quando associadas ou não às lipoproteinas e atividades distintas entre as lipoproteínas de baixa (LDL) e alta (HDL) densidades. As interleucinas são citocinas e participam na fisiopatologia da aterosclerose com ações anti- / pró-inflamatórias, podendo assim, servir como auxiliares na estratificação do risco associadas a fatores de risco tradicionais, ou como possíveis marcadores independentes do risco cardiovascular. Já as moléculas de a. .

39.
IZAR MC2010IZAR MC . Biomarcadores. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, v. 20, p. 133-134, 2010
Palavras-chave: fator de risco; risco cardiovascular.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Vários; Série: 2; ISSN/ISBN: 01038559.

40.
IZAR, MCO2010IZAR, MCO ; FONSECA, F. A. . Como diagnosticar e tratar: Dislipidemias.. RBM. Revista Brasileira de Medicina (Rio de Janeiro), v. 67, p. 53-66, 2010
Palavras-chave: dislipidemia; aterosclerose.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 00347264.

41.
PÓVOA, Rui Manoel S2010PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR, MCO ; de Souza D . Importância da avaliação pré-operatória e análise crítica dos escores de risco. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, v. 20, p. 2-9, 2010; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; ISSN/ISBN: 01038559.

42.
IZAR, MCO2010IZAR, MCO ; MACHADO, VA ; Fonseca, Francisco A . Genetic screening for homozygous and heterozygous familial hypercholesterolemia. The Application of Clinical Genetics, v. 3, p. 147-157, 2010
Palavras-chave: familial hypercholesterolemia; familial defective Apo B; cholesterol; mutations; genetic screening.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Humana e Médica.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.dovepress.com/genetic-screening-for-homozygous-and-heterozygous-familial-hypercholes-peer-reviewed-article-TACG; ISSN/ISBN: 1178704X
Abstract: Familial hypercholesterolemia (FH) is a common inherited disorder that results in premature atherosclerosis. Diagnosis of FH is suspected on the basis of clinical criteria, but confirmation requires genetic testing. In the era of statins, early diagnosis and initiation of treatment can modify disease progression and outcomes. Therefore, cascade screening with a combination of lipid concentration measurements and DNA testing should be used to identify relatives of index cases with a clinical diagnosis of FH. Autosomal dominant FH is related to mutations in the low-density lipoprotein receptor (LDLR), apolipoprotein B-100 (APOB), or proprotein convertase subtilisin/kexin type 9 (PCSK9) genes. Genetic screening of the LDLR gene is challenging to achieve at a feasible cost, especially in people who do not have a founder effect. Nucleotide sequencing of all exons and flanking splicing regions in combination with multiplex ligation probe amplification to detect large insertions or deletions is considered the gold-standard approach to screen for LDLR mutations. Alternatively, the cDNA can be sequenced; however, this procedure is not suitable for use in large populations, because of the need of RNA extraction. Multiplex analysis can be appropriate for population with founder effects or a low number of different mutations. Finally, there are many techniques for a mutation scanning approach, which have some benefits over sequencing, and also with the potential for detecting known and novel mutations. Familial defective Apo B is amenable to genetic diagnosis by screening for a few mutations. Recently, gain-of-function mutations in PCSK9 gene have been demonstrated to cause FH phenotype. Strategies for population screening, cost-effectiveness of genetic screening, ethical aspects, and insurance policies are discussed and need implementation worldwide.. .

43.
Monteiro, Carlos M. C.2009Monteiro, Carlos M. C. ; OLIVEIRA, Luciene ; Izar, Maria C. O. ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Santos, Andreza O. ; Fischer, Simone M. ; Barros, Sahana W. ; Pinheiro, Luiz F. M. ; Carvalho, Antonio C. C. ; Fonseca, Francisco A. H. ; IZAR MC . Perfil glicometabólico inicial em pacientes com síndrome coronariana aguda e síndrome metabólica. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), v. 92, p. 89-99, 2009
Palavras-chave: acute coronary syndromes; metabolic syndrome; insulin resistance; type 2 diabetes; insulin secretor cells.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde Humana. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://www.arquivosonline.com.br; Série: 2; ISSN/ISBN: 0066782X
BACKGROUND: Patients with metabolic syndrome (MetS) are at high coronary risk and beta-cell dysfunction or insulin resistance might predict an additional risk for early cardiovascular events. OBJECTIVE: This study aimed to evaluate early glucometabolic alterations in patients with MetS, but without previously known type 2 diabetes, after acute coronary syndrome. METHODS: A total of 114 patients were submitted to an oral glucose tolerance test (OGTT) 1-3 days after hospital discharge due to myocardial infarction or unstable angina. Based on the OGTT, we defined three groups of patients: normal glucose tolerance (NGT; n=26), impaired glucose tolerance (IGT; n=39), or diabetes (DM; n=49). The homeostasis model assessment (HOMA-IR) was used to measure insulin resistance; beta-cell responsiveness was assessed by the insulinogenic index at 30 min (DeltaI30/DeltaG30). RESULTS: Based on the HOMA-IR, patients with DM were more insulin-resistant than those with NGT or IGT (p<0.001). According to the insulinogenic index, the beta-cell responsiveness was also impaired in subjects with DM (p<0.001 vs NGT or IGT). CONCLUSION: High rates of glucometabolic alterations were found after acute coronary syndrome in patients with MetS. As these abnormalities markedly increase the risk for adverse outcomes, early OGTT among MetS patients might be used to identify those at the highest coronary risk. . .

44.
SANTOS, Andreza O2009SANTOS, Andreza O ; FONSECA, F. A. H. ; FISCHER, Simone C Matheus ; MONTEIRO, Carlos M C ; BRANDÃO, Sérgio A B ; PÓVOA, Rui Manoel S ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; CARVALHO, A. C. ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; GIDLUND, Magnus ; Figueiredo Neto, AM ; IZAR, MCO . High circulating autoantibodies against human oxidized low-density lipoprotein are related to stable and lower titers to unstable clinical situation. Clinica Chimica Acta, v. 406, p. 113-118, 2009
Palavras-chave: oxidized LDL; autoantibodies; acute coronary syndromes; hypertension; C-reactive protein.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais. ; Meio de divulgação: Impresso. Homepage: http://www.elsevier.com/locate/clinchim; ISSN/ISBN: 00098981
Objectives: Oxidized lipoproteins and antibodies anti-oxidized LDL (anti-oxLDL) have been detected in human plasma and in atherosclerotic lesions. However, the role of these autoantibodies in the maintenance of vascular health or in the pathogenesis of acute vascular insults remains unclear. We examined the relationship of human IgG antibodies anti-ox LDL with cardiovascular disease risk markers in stable and after an acute coronary syndrome (ACS) patients. Methods: Titers of human anti-oxLDL were measured in hypertensive subjects in primary prevention (n=94), without other risk factors, and in individuals after a recent ACS event who also had metabolic syndrome (n=116). Autoantibodies against copper ion oxidized LDL were measured by ELISA. Results: Anti-oxLDL titers were higher in hypertensive patients and these subjects presented lower hs-CRP than those with ACS (p<0.0001). We found significant correlations between anti-ox LDL and hs-CRP (r=-0.284), BMI (r=-0.256), waist circumference (r=-0.368), apo B (r=-0.191), glycemia (r=-0.303), SBP (r=0.319), DBP (r=0.167), HDL-C (r=0.224) and Apo A1 (r=0.257) (p<0.02 for all). After multiple linear regression hs-CRP, fasting glycemia and waist circumference remained independently and inversely associated with anti-oxLDL. Conclusions: Our results suggest that acute inflammatory and metabolic conditions decrease titers of human antibodies of IgG class against oxLDL, and that circulating anti-oxLDL antibodies could be associated with a protective role in atherosclerosis. .

45.
Izar, Maria C.2009Izar, Maria C. ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Ihara, Silvia S. ; Relvas, Waldir G. ; Santos, Andreza O. ; Fischer, Simone C. ; Pinto, Leonor E. ; Lopes, Ieda E. ; Pomaro, Daniel R. ; Fonseca, Marilia I. . Association of lipoprotein lipase D9N polymorphism with myocardial infarction in type 2 diabetesThe genetics, outcomes, and lipids in type 2 diabetes (GOLD) study. Atherosclerosis (Amsterdam), v. 204, p. 165-170, 2009
Palavras-chave: diabetes; myocardial infarction; polymorphisms; genetics; lipids; apolipoproteins.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 00219150
Abstract The association of polymorphisms affecting lipid metabolism with the risk of myocardial infarction (MI) in type 2 diabetes mellitus was investigated. The Genetics, Outcomes and Lipids in type 2 Diabetes (GOLD) Study is a prospective, multicenter study, conducted on 990 patients presenting diabetes and MI (n=386), or diabetes without previous manifestation of stroke, peripheral or coronary arterial disease (n=604), recruited from 27 institutions in Brazil. APO A1 (A/G −75 and C/T +83) and APO C3 (C/G 3 UTR) non-coding sequences, CETP (Taq 1B), LPL (D9N), APO E (ɛ2, ɛ3, ɛ4,), PON-1 (Q192R), and two LCAT variants Arg147→Trp and Tyr171→Stop were tested by PCR-RFLP. There was a higher prevalence of LPL DN genotype (19% vs.12%, p=0.03) and a higher frequency of the N allele (11% vs. 7%) among subjects with MI when compared to controls, with an odds ratio of MI for carriers of 9N allele of 2.46 (95% CI=1.79 3.39, p<0.0001). This association was present in men and women, in non-smokers and in hypertensive patients. A logistic regression model including gender, duration of diabetes, systolic blood pressure, HDL-C, left ventricle hypertrophy and D9N polymorphism showed that the latter still remained significantly associated with MI (OR=1.50, 95% CI=1.02 2.25, p=0.049). These findings suggest that D9N polymorphism can be a useful risk marker for myocardial infarction and that further potential candidate genes should be screened for exploratory analysis and for future therapeutic intervention in diabetes. . .

46.
FONSECA, Francisco A H2009FONSECA, Francisco A H ; IZAR MC . Primary Prevention of Vascular Events in Patients with High levels of C-Reactive Protein: The JUPITER study. Expert Review of Cardiovascular Therapy, v. 7, p. 1041-1056, 2009
Palavras-chave: C-reactive protein; inflammation; primary prevention; coronary events.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.expert-reviews.com/doi/abs/10.1586/erc.09.93?url_ver=Z39.88-2003&rfr_id=ori:rid:crossref.org&rfr_dat=cr_pub%3dncbi.nlm.nih.gov; Série: 9; ISSN/ISBN: 14779072
The Justification for the Use of Statins in Primary Prevention: An Intervention Trial Evaluating Rosuvastatin (JUPITER) study was the first large-scale, prospective study to examine the benefits of statin therapy in subjects with elevated levels of high-sensitivity C-reactive protein but with low-to-normal LDL-cholesterol levels, who were not qualified for lipid-lowering treatment according to the current guidelines for primary prevention. The JUPITER study aimed to determine whether rosuvastatin 20 mg daily would reduce the rate of first major cardiovascular events, including cardiovascular death, nonfatal stroke, nonfatal myocardial infarction, hospitalization for unstable angina or arterial revascularization. Rosuvastatin reduced LDL-cholesterol levels by 50% and high-sensitivity C-reactive protein by 37%. Compared with placebo, the combined primary end point was reduced in 44% (p < 0.00001), and total mortality in 20% (p = 0.02). The trial confirmed the relationship between the rates of major cardiovascular events with both high-sensitivity C-reactive protein and LDL-cholesterol levels achieved after statin treatment. Interestingly, this was the first large, prospective statin trial to show benefit in the reduction of venous thromboembolism.. .

47.
Brandão, Sergio A.2009Brandão, Sergio A. ; Izar, Maria C ; Fischer, Simone M. ; Santos, Andreza O. ; Monteiro, Carlos M. ; Póvoa, Rui M. ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Carvalho, Antonio C. ; Monteiro, Andrea M. ; Ramos, Eduardo ; GIDLUND, Magnus ; Figueiredo Neto, Antonio M. ; Fonseca, Francisco A. . Early Increase in Autoantibodies Against Human Oxidized Low-Density Lipoprotein in Hypertensive Patients After Blood Pressure Control. American Journal of Hypertension, v. 23, p. 208-214, 2009
Palavras-chave: angiotensin-converting enzyme inhibitor; antibodies; blood pressure; diuretic; hypertension; oxidized LDL.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.nature.com/ajh/journal/v23/n2/pdf/ajh2009214a.pdf; ISSN/ISBN: 08957061
Background Oxidized lipoproteins and antioxidized low-density lipoprotein (anti-oxLDL) antibodies (Abs) have been detected in plasma in response to blood pressure (BP) elevation, suggesting the participation of the adaptive immune system. Therefore, treatment of hypertension may act on the immune response by decreasing oxidation stimuli. However, this issue has not been addressed. Thus, we have here analyzed anti-oxLDL Abs in untreated (naive) hypertensive patients shortly after initiation of antihypertensive therapeutic regimens. Methods Titers of anti-oxLDL Abs were measured in subjects with recently diagnosed hypertension on stage 1 (n = 94), in primary prevention of coronary disease, with no other risk factors, and naive of antihypertensive medication at entry. Subjects were randomly assigned to receive perindopril, hydrochlorothiazide (HCTZ), or indapamide (INDA) for 12 weeks, with additional perindopril if necessary to achieve BP control. Abs against copper-oxidized LDL were measured by enzyme-linked immunosorbent assay. Results Twelve-week antihypertensive treatment reduced both office-based and 24-h ambulatory BP measurements (P < 0.0005). The decrease in BP was accompanied by reduction in thiobarbituric acid-reactive substances (TBARS) (P < 0.05), increase in anti-oxLDL Ab titers (P < 0.005), and improvement in flow-mediated dilation (FMD) (P < 0.0005), independently of treatment. Although BP was reduced, we observed favorable changes in anti-oxLDL titers and FMD. Conclusions We observed that anti-oxLDL Ab titers increase after antihypertensive therapy in primary prevention when achieving BP targets. Our results are in agreement with the concept that propensity to oxidation is increased by essential hypertension and anti-oxLDL Abs may be protective and potential biomarkers for the follow-up of hypertension treatment. . .

48.
IZAR, MCO2008IZAR, MCO . Absence of evidence, evidence of absence, and new evidence. The International Journal of Atherosclerosis (Online), v. 3, p. 1-1, 2008
Palavras-chave: lipids; atherogenesis; lipid peroxidation.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.ijathero.com/2008/march/default.asp; Série: 1; ISSN/ISBN: 19800509
Hypertension, diabetes and cardiovascular disease are alarming entities from the epidemiologic and individual perspective. Evidence-based, aggressive treatment of risk factors has been the preferred approach of physicians in the last years. In spite of this assertion, our medical practice has been defied by the results of important but questionable clinical trials. We have witnessed the type 2 diabetes medication, rosiglitazone1,2 be scrutinized for possibly increasing the risk of cardiac disease and death. In a different way, but still generating great impact, the results of the combination therapy of a statin plus ezetimibe in the ENHANCE study forced some of us to question the basic lipid hypothesis of atherogenesis3,4. The media has created an undue panic in the general population on the basis of a study that offers little insight into the benefits or dangers of combination therapy with simvastatin and ezetimibe to atherosclerosis. In fact, no single study can possibly counter the extensive body of evidence that lowering of plasma cholesterol levels decreases the risk of coronary heart disease. Simply stated, the absence of evidence is not evidence of absence. However, whether the simple measurement of a vital sign, or a biomarker, such as systolic/diastolic blood pressure, glucose levels or LDLcholesterol do reflect the multifactorial, multistep nature of a complex disease seems far behind the real truth. Data from animal models and clinical research support that not only common biomarkers but other players participate in the intricate network of atherosclerosis. It is time to open our minds, search for new tools to address mechanisms of atherogenesis in cardiovascular disease. The integration of exact sciences in the biological field may provide new perspectives for the study of the phenomena using different optical lenses. This issue of the International Journal of Atherosclerosis is an example of how integrative the knowledge of atherosclerosis should be. .

49.
MONTEIRO, Carlos M C2008MONTEIRO, Carlos M C ; OLIVEIRA, Luciene ; IZAR, MCO ; SANTOS, Andreza O ; PÓVOA, Rui Manoel S ; FISCHER, Simone C Matheus ; Barros, SW ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, F. A. H. . Early effects of lipid lowering treatment in subjects with metabolic syndrome and acute coronary syndromes. The International Journal of Atherosclerosis (Online), v. 3, p. 93-99, 2008
Palavras-chave: metabolic syndrome; acute coronary syndromes; hemostasis; C-reactive protein.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais. ; Meio de divulgação: Vários; Série: 2; ISSN/ISBN: 19800509
Background: Patients with metabolic syndrome are at high-risk for cardiovascular events. This study compared early effects of usual lipid-lowering treatment on several metabolic parameters after an acute coronary syndrome. Methods and results: Patients (n=116) of both sexes with acute coronary syndrome and LDL-C <130 mg/dL on hospital admission with metabolic syndrome criteria (NCEP/ATP III) were randomly assigned to double blind 6-wk therapy with atorvastatin 10 mg/day, fenofibrate 200 mg/day, atorvastatin 10 mg/day plus fenofibrate 200 mg/day or placebo, in addition to nutritional counseling based on the therapeutic lifestyle changes. The active drug treatment promoted significant changes in lipid profile, however optimal targets for LDL-C, HDL-C, triglycerides, non-HDL-C and ApoB/ApoA1 ratio were achieved only in nearly half of these subjects. At the end of the study, we found lower serum levels of high-sensitivity C-reactive protein, fibrinogen, von Willebrand factor, D-Dimer, and thiobarbituric acid-reactive species, regardless of treatments. Conclusions: In these high-risk patients, partial improvement in several non-lipid risk factors was found to be part of the healing process after acute coronary syndromes, and a more aggressive lipid approach seems necessary for additional benefits and achievement of current lipid goals.. .

50.
Bianco, Henrique T2008Bianco, Henrique T ; IZAR MC ; FONSECA, Francisco A H . Podem as estatinas deter o agravamento das estenoses valvares aórticas?. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, v. 18, p. 33, 2008
Palavras-chave: estatinas; estenose da valva aórtica; calcificação.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.socesp.org.br/revistasocesp/edicoes/volume18/v18_n04.asp; Série: 4; ISSN/ISBN: 01038559
As estatinas são drogas que inibem a 3-hidroxi-3-metilglutaril coenzima A (HMG CoA) redutase. São, portanto, há muito utilizadas com o intuito principal de reduzir as taxas de colesterol de lipoproteína de baixa densidade. Entretanto, também possuem outros efeitos, ditos pleiotrópicos. Nesta revisão de dados recentes da literatura, os autores compilaram vários trabalhos publicados com a abordagem do uso desse fármaco em pacientes portadores de estenose valvar aórtica. . .

51.
Bianco, Henrique T2008Bianco, Henrique T ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H . Podem as estatinas deter o agravamento das estenoses valvares aórticas?. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, v. 18, p. 381-386, 2008; Meio de divulgação: Impresso; Série: 4; ISSN/ISBN: 01038559.

52.
Sposito, Andrei C.2007Sposito, Andrei C. CARAMELLI, Bruno Fonseca, Francisco A. H. BERTOLAMI, Marcelo C. Afiune Neto, Abrahão Souza, Aguinaldo David Lottenberg, Ana Maria Pitta Chacra, Ana Paula Faludi, André A. Loures-Vale, Andréia A. Carvalho, Antônio Carlos Duncan, Bruce Gelonese, Bruno Polanczyk, Carisi Rodrigues Sobrinho, Carlos Roberto M. Scherr, Carlos Karla, Cynthia Armaganijan, Dikran Moriguchi, Emílio Saraiva, Francisco Pichetti, Geraldo Xavier, Hermes Toros Chaves, Hilton Borges, Jairo Lins DIAMENT, Jayme , et al.Guimarães, Jorge Ilha Nicolau, José Carlos Santos, José Ernesto dos Lima, José Jayme Galvão de Vieira, José Luiz NOVAZZI, José Paulo Faria Neto, José Rocha Torres, Kerginaldo P. Pinto, Leonor de Almeida BRICARELLO, Liliana Bodanese, Luiz Carlos Introcaso, Luiz Malachias, Marcus Vinícius Bolívar Izar, Maria Cristina Magalhães, Maria Eliane C. IZAR MC ; IV Diretriz Brasileira sobre Dislipidemias e Prevenção da Aterosclerose: Departamento de Aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), São Paulo, v. 88, p. 2-19, 2007
Palavras-chave: aterosclerose; diabetes melito; dislipidemias; hipertensão arterial; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital; Série: 1; ISSN/ISBN: 0066782X.

53.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2007IZAR, MCO ; DABELA, Maria Lisete ; RELVAS, W. G. ; SANTOS, Andreza O ; HELFENSTEIN, Tatiana ; MONTEIRO, Carlos M C ; BRANDÃO, Sérgio A B ; GOMES, Walter José ; CARVALHO, Antonio Carlos C ; FONSECA, F. A. H. . Different impact of coronary risk factors on pulse wave velocity. The International Journal of Atherosclerosis (Online), v. 2, p. 75-81, 2007
Palavras-chave: pulse wave velocity; arterial stiffness; post-ischemic forearm hyperemia; hypertension; antihypertensive therapy; cardiovascular risk.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Enfermagem.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.ijathero.com; Série: 1; ISSN/ISBN: 19800509
This study was aimed to examine the impact of cardiovascular risk factors on the carotid-radial pulse wave velocity (crPWV) at baseline and during post-ischemic forearm hyperemia and its association with Framingham coronary risk. A total of 205 patients (100 males, mean age 60 1, and 105 females, mean age 59 1) were prospectively evaluated. Higher crPWV was found in high-risk patients at baseline (p=0.008 vs. low risk), as well as at post-hyperemic state (p=0.001 vs. low risk). Among risk factors, higher crPWV at baseline and post-hyperemia was found in males, in subjects with higher blood pressure, and older individuals. At baseline both low LDL-C (<100 mg/dL) and HDL-C (<40 mg/dL) were associated with higher crPWV (p<0.05), while former smokers presented higher crPWV in the post-hyperemic period (p<0.05 vs. non-smokers). Chronic diuretic therapy was associated with higher crPWV at baseline and on post hyperemic analysis (p<0.03). Multiple linear regression analysis showed association of baseline crPWV with age (coefficient 0.554 m/s) and with systolic blood pressure (SBP) ≥140 mm Hg (coefficient 0.982 m/s), and post-hyperemic crPWV with SBP ≥140 mm Hg (coefficient 1.194 m/s). Carotid-radial PWV can be useful to estimate the impact of coronary risk factors and therapeutics on arterial stiffness, and allow information related to the shear stress-induced vasodilator effect on vascular distensibility.. .

54.
SILVA, Renata Oliveira e2007SILVA, Renata Oliveira e ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza Oliveira ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; PÓVOA, Rui Manoel S ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Hypertension and erectile dysfunction. International journal of atherosclerosis (Online), v. 2, p. 1-3, 2007
Palavras-chave: hypertension; diuretics; ACE-inhibitors; endothelial function; erectile dysfunction.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde Humana; Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.ijathero.org; Série: 2; ISSN/ISBN: 19800509
Background: Erectile dysfunction is highly prevalent among hypertensive men, particularly those aged 50 or older. Endothelial dysfunction plays a role in this disease and treatment of hypertension may influence several vascular properties. Objectives: this study was aimed to verify the effects of three antihypertensive regimens on erectile dysfunction, and to compare their influences on metabolic parameters and endothelial-dependent vasoreactivity. Methods: thirty-six stage 1 or 2 hypertensive men, aged 50 to 75 years, were randomized to receive perindopril (ACE inhibitor group), hydrochlorothiazide or indapamide (Diuretic group) or these thiazides plus perindopril (Combined group) for 12 weeks. Endothelial function was assessed by flow-mediated dilation on brachial artery. Biochemical analyses included lipids, lipoproteins and parameters of glucose metabolism. Results: At baseline, the prevalence of erectile dysfunction was 74%. All the treatments reduced blood pressure (SBP 155 12 vs. 139 17 mm Hg, p < 0.0001; DBP 92 8 vs. 86 7, p < 0.0001). Lipids, apolipoproteins and fasting plasma glucose were not affected by treatments, but there was a significant improvement on endothelial function (FMD 6.7 2.6 vs. 8.2 3.3%, p<0.005) and in the international index of erectile dysfunction (17 5 vs. 19 5, p=0.05). Diuretic and Combined groups were associated with better FMD responses and more effective blood pressure reductions in comparison with ACE inhibitor group (p<0.05). Conclusions: erectile dysfunction was highly present among hypertensive men and can be attenuated by appropriate blood pressure control. Short-term improvement on endothelial function may have contributed for this beneficial effect.. .

55.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2007IZAR, MCO . Nutrigenomics and nutrigenetics. International journal of atherosclerosis (Online), v. 2, p. 203-206, 2007
Palavras-chave: nutrigenomics; nutrigenetics.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Nutrigenômica.
Setores de atividade: Saúde Humana. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.cardiol.br; Série: 3; ISSN/ISBN: 19800509
In summary, the concept of personalized medicine has been extended to nutrition. It is well accepted that nutrients (macro- and micronutrients) can alter DNA integrity, gene expression and protein metabolism, and these mechanisms are important for disease initiation, development and progression. Genetic variation can, in turn, influence how nutrients are assimilated, transported, metabolized, stored and excreted by the body. The omics tools have been used to evaluate one s response to environmental factors, such as diet interventions. In a near future, the goal of nutrigenomics and nutrigenetics, which is the personalized diet, will delay disease onset, promoting and maintaining the health status.. .

56.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2007IZAR, MCO ; DIRETRIZ, Membros da . IV Brazilian Guideline for Dyslipidemias and Prevention of Atherosclerosis. The International Journal of Atherosclerosis (Online), v. 2, p. 171-188, 2007
Palavras-chave: dyslipidemia; prevention; atherosclerosis.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana. ; Série: 3; ISSN/ISBN: 19800509.

57.
RODGÉRIO, Tatiane2007RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; BRANDÃO, Sérgio A B ; HELFENSTEIN, Tatiana ; MONTEIRO, Carlos M C ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; PÓVOA, Rui Manoel S ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; FONSECA, F. A. H. ; IZAR, MCO . Polymorphisms in the renin-angiotensin genes. Prevalence, differences in response to treatment and vascular stiffness in hypertensive patients. The International Journal of Artherosclerosis (Impresso), v. 2, p. 195-202, 2007
Palavras-chave: renin-angiotensin-aldosterone system; angiotensin-converting enzyme; anti-hypertensive treatment; Polymorphism; pulse-wave velocity.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Humana e Médica.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia / Especialidade: Avaliação Não Invasiva da Função Endotelial.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.ijathero.com; Série: 3; ISSN/ISBN: 18092942
Objectives: The renin-angiotensin-aldosterone system (RAAS) has been implicated in many vascular and non-vascular properties. Polymorphisms in genes regulating RAAS can influence blood pressure response to anti-hypertensive drugs and might affect arterial stiffness. The prevalence of ACE I/D, AT1R 1166AC, and CYP11B2 C-344T polymorphisms were evaluated in hypertension stages 1 and 2 (Hy) and compared with healthy normotensive individuals (NT). We also tested whether these variants could affect lipid peroxidation and pulse-wave velocity (PWV), as well as the response to 12-week treatment with ACE inhibitors or diuretics. Methods: We evaluated 94 Hy patients, 56 10 y, 51% men (baseline and 12 wk) and 30 NT, 37 9 y, 27% men. Carotid-radial PWV (m/s) was examined at rest and 5 min after arterial occlusion (PH). Casual systolic (SBP) and diastolic blood pressure (DBP), ABPM, TBARS and genotyping (PCR-RFLP) were performed. Results: Baseline blood pressure values were higher in Hy, without differences in TBARS or PWV both at rest and PH. Frequencies of hazardous genotypes in Hy and NT were, respectively 83 and 90%, p=0.05 for ACE-ID/DD, 44 and 29%, p=0.0002 for AT1R 1166AC/CC, and 71 and 90%, p=0.02 for CYP11B2-TC/CC. Treatment of hypertension was followed by a reduction in SBP and DBP, as well as in ABPM, with a trend to higher values for SBP by ABPM at sleep in presence of ACE D allele (p=0.069), casual SBP in -344C carriers (p=0.165) and in DBP in AT1R C carriers (p=0.122). TBARS were marginally reduced by treatment (p=0.054), with an effect of the ACE D allele on higher levels (p=0.039). PWV at rest tended to be reduced (p=0.103) after a 12-w treatment and was improved in PH (p=0.018), without effect of the studied polymorphisms. The effect of multiple rare alleles (D/C/C) did not affect any of the studied parameters. Conclusions: We demonstrated a higher prevalence of polymorphisms in RAS genes in Hy, with small effects of these variants on blood pressure responses, a. .

58.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2007IZAR, MCO . Como diagnosticar e tratar: Dislipidemias. RBM. Revista Brasileira de Medicina (Rio de Janeiro), v. 64, p. 140-160, 2007
Palavras-chave: dislipidemia; hipercolesterolemia; fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 00347264
Convidada para redigir o artigo. .

59.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein2006FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO ; PÓVOA, Rui ; CARVALHO, Antonio Carlos Camargo ; TORRES, Kerginaldo ; CHACRA, Antonio R ; NOVAZZI, José Paulo ; KASINSKI, Nelson ; AFIUNE, Abrahão ; INVESTIGATORS, Gold . Major Determinants of Myocardial Infarction among Diabetics:Baseline Characteristics of the Genetics and Outcomes on Lipids in Type 2 Diabetes (GOLD Study). International journal of atherosclerosis (Online), São Paulo, v. 1, n.3, p. 227-234, 2006
Palavras-chave: type 2 diabetes; myocardial infarction; risk factors; left ventricular hypertrophy; lipids.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.ijathero.com; Série: 3; ISSN/ISBN: 19800509
Objective: To identify risk factors and genetic polymorphisms associated with myocardial infarction (MI) among diabetics. Methods: A prospective study, centrally coordinated, evaluated risk factors among type 2 diabetics with previous MI (n=386) or without any evidence of atherosclerosis (n=604), consecutively enrolled in 27 centers of five regions of Brazil. Fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected and shipped to the central laboratory. Results: Diabetics with MI were predominantly older (62 0.5 vs. 59 0.4 y, p<0.001), of male sex (59 vs. 31%, p<0.001), were smokers (10 vs. 6%, p=0.030), with left ventricular hypertrophy (35% vs. 20%, p<0.0001), with diabetes history for a longer time (10.0 0.4 vs. 8.0 0.3 y, p=0.001), presenting lower HDL-cholesterol (35 1 vs. 38 1 mg/dL, p<0.001) and higher triglycerides (248 14 vs. 191 6 mg/dL, p<0.001). Multiple logistic regression found male sex (OR=3.17), LVH (OR=2.21), smoking (OR=1.81), age, duration of diabetes, and HDL-C levels associated with MI. Conclusion: Among type 2 diabetics living in a developing country, male sex tripled while LVH and smoking habit approximately doubled the risk of myocardial infarction. Key words: type 2 diabetes; myocardial infarction; risk factors; left ventricular hypertrophy, lipids.. .

60.
TEIXEIRA, Mônica2006TEIXEIRA, Mônica ; KASINSKI, Nelson ; Izar, Maria Cristina de Oliveira ; Barbosa, Luiz Alberto ; NOVAZZI, José Paulo ; Pinto, Leonor Almeida ; TUFIK, Sérgio ; Leite, Turíbio Ferreira ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR MC . Efeitos do exercício agudo na lipemia pós-prandial em homens sedentários. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), São Paulo, v. 87, n.1, p. 3-11, 2006
Palavras-chave: exercício agudo; triglicérides; lipemia pós-prandial.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782X
OBJECTIVE: To examine the effects of a single session of isometric physical exercise on postprandial triglyceridemia in sedentary male individuals with fasting triglycerides values < 150 mg/dl (NTG) or > " 150 mg/dl (TG ALT). METHODS: Twenty-seven individuals (10 NTG and 17 TG ALT), aged between 30-55 years were assessed in the study. Triglycerides were determined in the beginning, and at two, four and six hours after the oral ingestion of a solution with 50 g/m2 of fat in two occasions: at rest and after treadmill isometric exercise. RESULTS: Acute exercise did not affect the levels of postprandial triglycerides or the area under the curve (AUC) of triglycerides. However, the abnormal pattern of postprandial lipemia curve was associated with higher basal triglyceridemia with exercise (basal TG: 147 +/- 90 vs. 238 +/- 89 mg/dl, p = 0.02) and without exercise (basal TG: 168 +/- 93 vs. 265 +/- 140 mg/dl, p = 0.04). Analysis of the receiver operating characteristics (ROC) curves showed cut-off values for basal triglycerides with exercise of 166.5 mg/dl (sensitivity: 0.78; specificity: 0.72) and AUC of 0.772 [CI 95%: 0.588-0.955], and without exercise of 172 mg/dl (sensitivity: 0.78; specificity: 0.61) and AUC: 0.722 [CI 95%: 0.530-0.914]. CONCLUSION: Acute exercise did not affect postprandial triglyceridemia in sedentary male individuals, and basal triglyceride levels are predictors of an abnormal response of postprandial triglycerides. . .

61.
COSTA, Rosana Perim2006COSTA, Rosana Perim ; IZAR, MCO ; ELIAS, Maria Cristina ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; SANTOS, Andreza Oliveira ; PINTO, Leonor Espírito Santo de Almeida ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; CASAS JUNIOR, Alberto de Almeida Las ; TUFIK, Sergio ; HELFENSTEINFONSECA, Francisco Antonio . Moderate Consumption of Drip Paper-Filtered or Boiled and Cotton-Filtered Coffee does not Affect Lipid Profile, and Improves Lipid Peroxidation in Patients with Primary Hypercholesterolemia. The International Journal of Artherosclerosis (Impresso), São Paulo, v. 1, n.2, p. 149-155, 2006
Palavras-chave: coffee; caffeine; lipoproteins; lipid peroxidation.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.ijathero.com; Série: 2; ISSN/ISBN: 18092942
Background: Diterpenes present in coffee grounds can exert harmful effects in hypercholesterolemic patients, when the brew is not filtered. However, boiled and cotton-filtered coffee has not been investigated yet. Objective: This study assessed whether moderate consumption of drip-paper-filtered (PF) or boiled and cotton-filtered (CF) coffee could modify lipid profile and lipid peroxidation in hypercholesterolemic patients in primary prevention. Methods: A randomized crossover study was conducted on 60 outpatients with primary hypercholesterolemia under lipid lowering diet. Fasting lipid profile, glucose, liver enzymes and hydroperoxides were measured after diet period (D), at weeks 6 and 12 of active treatment, with the patients randomly assigned to receive 250 mL per day of either PF or CF coffee for each six-week periods. Apolipoprotein E responses on lipids were also tested. Results: There were no effects of PF or CF coffee preparations on lipid profile, blood glucose or liver enzymes. Lipid responses were not influenced by APOE genotypes. Moderate chronic consumption of both coffee preparations reduced lipid peroxidation (D=7.3 0.9, PF=2.9 0.6, CF=2.5 0.4 nmol/mL; p<0.005, D>PF=CF). In addition, there was a modest, but significant reduction in body weight, body mass index and waist circumference after either coffee preparation, in spite of similar diet components during treatment periods. Conclusions: Moderate consume of either paper-filtered or cotton-filtered coffee, exerted a protective effect on lipid peroxidation with no effects on serum lipids or liver enzymes. . .

62.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2006IZAR, MCO ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; KASINSKI, Nelson ; HAN, Sang Won ; LOPES, Ieda Edite Lanzarini ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . A Relação Apo-B/Apo-AI, mas não os Polimorfismos das Apolipoproteínas AI-CIII Associam-se à Doença Arterial Coronariana Prematura. Salud(i)Ciencia, Ciudad Autónoma de Buenos Aire, v. 2, p. 1-7, 2006
Palavras-chave: fatores de risco; lípides; apolipoproteínas; hemostasia; polimorfismos; genética.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://www.siicsalud.com/des/des049/06622001.htm; ISSN/ISBN: 16678982
Resumo: Este estudo avaliou associações entre fatores de risco clássicos e emergentes na doença arterial coronariana (DAC) prematura. Métodos: Estudo caso-controle incluiu 112 indivíduos com DAC prematura e 112 controles, pareados por sexo e idade. Lípides e apolipoproteínas (AI e B), marcadores da hemostasia (fibrinogênio, dímero-D, fator de von Willebrand, fator VII e inibidor do ativador do plasminogênio-1), e polimorfismos do cluster gênico AI-CIII foram examinados em jejum após intervenção nutricional (NCEP III). Resultados: A hipertensão arterial, o diabetes, o fumo pregresso e o antecedente familiar de DAC prematura foram mais prevalentes na DAC prematura (p<0,001), e esses pacientes apresentaram níveis maiores de colesterol total, LDL-C, triglicérides e de apo-B (p<0,01) e menores de HDL-C e apo-AI (p<0,001), além de maior relação apo-B/apo-AI. O fibrinogênio plasmático e o dímero-D (p<0,02) foram maiores na DAC prematura. Não se observaram associações entre os polimorfismos estudados e a DAC prematura. A chance da DAC prematura associou-se à relação desfavorável apo-B/apo-AI (OR=23,8), ao diabetes (OR=6,1), à hipertensão arterial (OR=3,9), ao fumo pregresso (OR=3,7) e ao antecedente familiar de DAC prematura (OR=2,5). Conclusão: Fatores de risco modificáveis associam-se à doença coronariana prematura e ações preventivas ambientais de impacto poderão reduzir os desfechos cardiovasculares nessas populações.. .

63.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2006IZAR, MCO ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; KASINSKI, Nelson ; HAN, Sang Won ; LOPES, Ieda Edite Lanzarini ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . A Relação Apo-B/Apo-AI, mas não os Polimorfismos das Apolipoproteínas AI-CIII Associam-se à Doença Arterial Coronariana Prematura. Salud y Ciência, Ciudad Autónoma de Buenos Aire, v. 6, p. 1-10, 2006
Palavras-chave: fatores de risco; lípides; apolipoproteínas; hemostasia; polimorfismos; genética.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. . Homepage: http://www.siicsalud.com/dato/dat049/06622001a.htm; ISSN/ISBN: 11368845
Resumo: Este estudo avaliou associações entre fatores de risco clássicos e emergentes na doença arterial coronariana (DAC) prematura. Métodos: Estudo caso-controle incluiu 112 indivíduos com DAC prematura e 112 controles, pareados por sexo e idade. Lípides e apolipoproteínas (AI e B), marcadores da hemostasia (fibrinogênio, dímero-D, fator de von Willebrand, fator VII e inibidor do ativador do plasminogênio-1), e polimorfismos do cluster gênico AI-CIII foram examinados em jejum após intervenção nutricional (NCEP III). Resultados: A hipertensão arterial, o diabetes, o fumo pregresso e o antecedente familiar de DAC prematura foram mais prevalentes na DAC prematura (p<0,001), e esses pacientes apresentaram níveis maiores de colesterol total, LDL-C, triglicérides e de apo-B (p<0,01) e menores de HDL-C e apo-AI (p<0,001), além de maior relação apo-B/apo-AI. O fibrinogênio plasmático e o dímero-D (p<0,02) foram maiores na DAC prematura. Não se observaram associações entre os polimorfismos estudados e a DAC prematura. A chance da DAC prematura associou-se à relação desfavorável apo-B/apo-AI (OR=23,8), ao diabetes (OR=6,1), à hipertensão arterial (OR=3,9), ao fumo pregresso (OR=3,7) e ao antecedente familiar de DAC prematura (OR=2,5). Conclusão: Fatores de risco modificáveis associam-se à doença coronariana prematura e ações preventivas ambientais de impacto poderão reduzir os desfechos cardiovasculares nessas populações.. .

64.
KUYMJIAN, Valter2006KUYMJIAN, Valter ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; PAIVA, Therezinha Bandiera ; POMARO, Daniel Roberto ; HELFENSTEIN, Tatiana ; TUFIK, Sérgio ; IZAR, MCO . COMPARABLE EFFECTS AMONG CALCIUM CHANNEL BLOCKERS IN EXPERIMENTALLY INDUCED ATHEROSCLEROSIS. International Journal of Artherosclerosis, São Paulo, v. 1, n.1, p. 55-61, 2006
Palavras-chave: Calcium channel blockers; atherosclerosis; endothelium; hypercholesterolemia; rabbits.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso. Homepage: http://www.ijathero.com; ISSN/ISBN: 18092942
Purpose: Hypertension is a major risk factor for coronary artery disease. Treatment of hypertension promotes consistent reduction in morbidity and mortality due to stroke, and only partial attenuation of the coronary risk. In addition, the role of some antihypertensive agents such as calcium channel blockers in atherosclerosis is controversial. We hypothesized that some drugs belonging to this antihypertensive class could have unfavorable effects on atherosclerosis. Methods: New Zealand rabbits were fed a 0.5% cholesterol-enriched diet for a 12-week period, followed by a regular chow for an equal period. During the last 12 week period, the animals were randomly assigned to four groups (G): GI was control; GII received amlodipine (6 mg.day-1); GIII diltiazem (180 mg.day-1); and GIV was treated with nifedipine (30 mg.day-1). Results: The treatments did not affect the lipid profile as well as serum electrolytes. In addition, endothelium-dependent and independent vasorelaxation in isolated aorta rings did not differ between the groups. Furthermore, therapy with all tested calcium channel blockers did not modify morphometric parameters in aortas and carotids (intima area, and intima/media ratio), and also cholesterol content of the aorta, liver or kidney. In conclusion, treatment with amlodipine, diltiazem, and nifedipine did not change the experimentally induced atherosclerosis in rabbits. . .

65.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein2006FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO ; SILVA, M A ; KARAPANOS, A ; SCHUSTER, Herbert ; SINGH, D . Rosuvastatin may be more effective than atorvastatin in African-Americans with hypercholesterolemia. Evidence-based Cardiovascular Medicine, New Zealand, v. 10, n.2, p. 96-100, 2006
Palavras-chave: statins; caucasians; African-Americans; hypolipidemic effect.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 13612611
In spite of a high prevalence of coronary heart disease among African-Americans, there are limited data about the safety and efficacy of statins in this population. Caveats: When interpreting the findings of this study there are several factors to bear in mind. This was a randomised open-label clinical trial with blinded laboratory analysis to assign treatments, but 52 people discontinued treatment (6.7%). This is a relatively high rate given the short duration of the study. Average reported discontinuation rates are usually 2% to 3% for these statins. In addition, the study population was predominantly middle-aged hypercholesterolemic and hypertensive women. Interestingly, 39.3% of participants had mild to moderate severe renal impairment at baseline. Most participants achieved the target ATP III LDL-cholesterol goal (66.4%). However, as noted by the authors, mean LDL-cholesterol reductions were smaller than those observed in trials with these statins in Caucasian populations. Low adherence to treatment was suggested as an explanation (data not shown). However, a less favorable lipid modification following statin treatment was recently observed in African-Americans compared to Caucasians. A six week trial of 40mg simvastatin, found that African-Americans had a lower low-density lipoprotein decrease (-3mg/dL) and HDL-cholesterol increase (-1mg/dL) than Caucasians, suggesting that these populations might be less responsive to HMG-CoA reductase inhibition. These findings need to be further investigated. Implications: This study suggests that more research is needed into the prevention and treatment of atherosclerosis among African-Americans. Lifestyle changes are associated with greater rates of cardiovascular morbidity and mortality, especially among some non-Caucasian groups.3 In fact, clustering of risk factors such as obesity, hypertension, diabetes and dyslipidemia has been reported among African-Americans. Differences in. .

66.
Mendes, Gislaine A.2006Mendes, Gislaine A. ; Martinez, Tania L. ; Izar, Maria C. ; AMANCIO, Olga M. ; NOVO, Neil F. ; Matheus, Simone C. ; BERTOLAMI, Marcelo C. ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Perfil lipídico e efeitos da orientação nutricional em adolescentes com história familiar de doença arterial coronariana prematura. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), São Paulo, v. 86, n.5, p. 361-365, 2006
Palavras-chave: adolescentes; dislipidemias; doença arterial coronariana prematura; apolipoproteínas; lípides.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://www.sciello.org; Série: 5; ISSN/ISBN: 0066782X
OBJECTIVE: To assess lipid profile and nutritional parameters from adolescents with family history of premature coronary artery disease (CAD) and assess the effects of nutritional counseling. METHODS: The study included 48 adolescents of both gender and with ages ranging from 10 and 19 years old (case group, n=18; control group, n=30). RESULTS: Offspring of young individuals with coronary artery disease showed higher values of total cholesterol (189 30 vs. 167 26 mg/dl, p < 0.01), LDL-C (144 20 vs. 100 27 mg/dl, p < 0.001) and apoB (80 15 vs. 61 18 mg/dl, p = 0.001) and lower values of HDL-C (45 9 vs. 51 13 mg/dl, p < 0.02) than control young individuals. Differences were not found for triglycerides and apoA-I. With a dietotherapeutic counseling, we obtained a reduction in alimentary consumption of saturated fatty acids (pre: 15.5 4.7% vs. post: 6.6 3.7%, p = 0.003) and an improvement in lipid profile: TC (-8%, p = 0.033), LDL-C (-18.2%, p = 0.001), TG (-53%, p = 0.002) rates in offspring of premature CAD patients who showed hyperlipidemia. CONCLUSION: The presence of dyslipidemia was more prevalent among offspring adolescents of premature CAD patients, but it was responsive to nutritional intervention. . .

67.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2006IZAR, MCO ; COMITÊ, Membros Do . I Guideline for Preventing Atherosclerosis in Childhood and Adolescence. International Journal of Artherosclerosis, São Paulo, v. 1, n.1, p. 1-30, 2006
Palavras-chave: atherosclerosis; childhood; adolescence.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso. Homepage: http://www.ijathero.com; ISSN/ISBN: 18092942.

68.
POMARO, Daniel2006POMARO, Daniel ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; GOMES, T S ; EBIHARA, Fabiana ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; CASARINI, Dulce Elena ; IZAR, MCO ; FRANCO, Marcelo F ; IHARA, Silvia Saiuli Miki . Quinapril promotes renal protection independently of glucose serum levels in hypercholesterolemic and diabetic rabbits. The International Journal of Atherosclerosis (Online), São Paulo, v. 1, n.2, p. 156-161, 2006
Palavras-chave: quinapril; diabetes; hyperlipidemia; nephropathy; ACE inhibitors.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Vários. Homepage: http://www.ijathero.com; Série: 2; ISSN/ISBN: 19800509
Abstract Background: End-stage renal disease is one of the commonest diabetic complications. Several studies have highlighted the clinical importance of renin-angiotensin-aldosterone system (RAAS) blockade to attenuate renal impairment. However, there is little information focusing on the benefits of kidney protection mediated by angiotensin-converting enzyme inhibitors (ACEI) in the presence of poor glucose control. Objectives: Our study aimed at verifying the effects of chronic ACEI quinapril treatment in hypercholesterolemic and diabetic rabbits examining the influence of glucose levels on kidney protection at the glomerular level. Methods: New Zealand male rabbits were fed a 0.5% cholesterol diet for 12 weeks and -cell injury was induced by a single dose of alloxan (100 mg IV). The animals were initially allocated to four groups according to the glucose levels (250 mg/dL or <250 mg/dL) and quinapril treatment (30 mg/d) or no ACEI treatment. An additional group of animals included those initially presenting glucose levels =250 mg/dL, but showing lower glucose levels at sacrifice. Results: Plasma ACE activity was lower in quinapril-treated animals (p<0.01 vs untreated groups). The atherogenic diet increased total cholesterol levels uniformly among groups (p<0.01 vs baseline). Animals kept under high glucose levels throughout the study presented higher percentage of renal tubular vacuolization and calcification (p<0.001 vs other groups). In addition, there was a significant reduction in the glomerular area occupied by macrophages in quinapril-treated animals (p<0.01 vs other groups) and a significant decrease of the albumin/creatinine ratio (p<0.05) in the quinapril-treated animals. Conclusions: Our results suggest an early benefit regarding renal protection achieved with the use of ACEI in hypercholesterolemic animals even in the presence of high glucose levels.. .

69.
FONSECA, F. A. H.2006FONSECA, F. A. H. ; IZAR, MCO . Como diagnosticar e tratar: Dislipidemias. RBM. Revista Brasileira de Medicina (Rio de Janeiro), v. 63, p. 98-107, 2006
Palavras-chave: fatores de risco; Hiperlipidemia; dislipidemia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana. ; Meio de divulgação: Impresso; Série: 12; ISSN/ISBN: 00347264
Artigo publicado em edição especial de dezembro de 2006.. .

70.
FONSECA, Francisco A H2006FONSECA, Francisco A H ; IZAR MC . Aspectos Cardiológicos da Síndrome Metabólica - Risco Cardiovascular. Seminários Brasileiros em Medicina, v. 3, p. 29-33, 2006
Palavras-chave: risco cardiovascular; estratificação de risco; escore de risco coronariano; agravantes de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 1809208X.

71.
RELVAS, W2005RELVAS, W ; IZAR, M ; HELFENSTEIN, T ; FONSECA, M ; COLOVATI, M ; OLIVEIRA, A ; IHARA, S ; HAN, S ; LASCASASJR, A ; FONSECA, F . Relationship between gene polymorphisms and prevalence of myocardial infarction among diabetic and non-diabetic subjects. Atherosclerosis (Amsterdam), Irlanda, v. 178, n.1, p. 101-105, 2005
Palavras-chave: polymorphisms; genetics; lipids; diabetes; myocardial infarction.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 00219150
This study was aimed to examine cholesteryl ester transfer protein (CETP), apolipoprotein AI and CIII gene polymorphisms, and to verify whether these genetic determinants are associated with the prevalence of myocardial infarction (MI) or type 2 diabetes. The TaqIB restriction fragment length polymorphism (RFLP) in intron I of the CETP gene, the MspI in the third intron of the APOAI gene, and also SstI in the 3' untranslated region of the APOCIII gene were determined using standard methods. The prevalence of these polymorphisms was compared between diabetic (n = 119), and non-diabetic (n = 100) middle-aged individuals of both sexes. We found a higher prevalence of the B2B2 genotype of the CETP gene among diabetics than that observed in non-diabetics (P < 0.05), and a lower prevalence of this genotype among patients with previous MI (P < 0.02). The MspI polymorphisms of the APOAI gene showed that M1++ genotype was found mainly in diabetic patients (P < 0.04). Conversely, the SstI polymorphism of APOCIII gene was not significantly associated with either MI or diabetes. Therefore, among these genetic polymorphisms, TaqIB of CETP and MspI of apolipoprotein AI appeared to help significantly to identify diabetic individuals. In particular, the former may have an additional role in the primary prevention of coronary disease. . .

72.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein2005FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IZAR, MCO . Effects of Renin-Angiotensin-Aldosterone System Blockade on Diabetic Patients. Current Enzyme Inhibition, Paquistão, v. 1, n.3, p. 239-248, 2005
Palavras-chave: Renin-Angiotensin-system; diabetes; angiotensin-converting enzyme blockade; angiotensin II blockade; renal disease; inflammation.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15734080.

73.
HELFENSTEIN, T2005HELFENSTEIN, T ; FONSECA, F ; RELVAS, W ; SANTOS, A ; DABELA, M ; MATHEUS, S ; DALMEIDA, V ; Tufik, S ; SOUZA, F ; RODRIGUES, P ; IZAR MC . Prevalence of myocardial infarction is related to hyperhomocysteinemia but not influenced by C677T methylenetetrahydrofolate reductase and A2756G methionine synthase polymorphisms in diabetic and non-diabetic subjects. Clinica Chimica Acta (Print), Irlanda, v. 355, n.1-2, p. 165-172, 2005
Palavras-chave: homocisteína; polimorfismos; diabetes; infarto do miocárdio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 00098981
BACKGROUND: Hyperhomocysteinemia has emerged as a novel risk factor for myocardial infarction (MI). Some mechanisms proposed to explain its relationship with coronary events are also shared by major coronary risk factors. We examined whether C677T methylenetetrahydrofolate reductase and A2756G methionine synthase polymorphisms could affect the relative risk for MI. METHODS: A sample of 196 individuals was divided into four groups (diabetics with MI, n=43; diabetics without MI, n=50; non-diabetics with MI, n=47; non-diabetics without MI, n=56) and compared regarding the prevalence of the polymorphisms, risk factors, and biochemical parameters. RESULTS: Higher prevalence of hyperhomocysteinemia was found in MI patients (p<0.05 vs. non-MI subjects), in males (p<0.001 vs. female) and in those > or = 65 years (p=0.01 vs. <65 years). Homocysteine was negatively associated with HDL-C (p<0.05) and glucose, although results did not reach significance (p=0.06). Similar distribution of studied polymorphisms was seen in all groups, which presented normal folate and vitamin B12 serum levels. CONCLUSIONS: Higher homocysteinemia was predominantly observed in men, presenting low HDL-C, and at advancing age. Methylenetetrahydrofolate reductase and methionine synthase polymorphisms did not contribute to risk assessment in diabetic and non-diabetic subjects presenting normal folate levels. . .

74.
POMARO, Daniel Roberto2005POMARO, Daniel Roberto ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; UEDA, Ivete ; CESARINI, Dulce e ; EBIHARA, Fabiana ; SANTOS, Andreza Oliveira ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . High glucose levels abolish antiatherosclerotic benefits of ACE inhibition in alloxan-induced diabetes in rabbits. Journal of Cardiovascular Pharmacology, Irlanda, v. 45, n.4, p. 295-300, 2005
Palavras-chave: diabetes; renin-angiotensin-aldosterone system; alloxan; rabbits; cholesterol.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01602446
Renin-angiotensin system activation is recognized to play an important role in atherosclerosis. This study aimed to verify the antiatherosclerotic effects of ACE inhibition on an experimental model of diabetes and hypercholesterolemia. Diabetes was induced in New Zealand male rabbits with a single dose of alloxan (100 mg/kg, i.v.), and, according to plasma glucose levels obtained after 1 week, the animals were divided into 2 groups (> or =250 mg/dL or <250 mg/dL). Each group was randomly assigned to receive or not quinapril (30 mg/d) added to a 0.5% cholesterol-enriched diet. Animals with high glucose levels at 1 week and that remained high after 12 weeks presented higher triglyceride levels (P < 0.02 versus basal). Those initially hyperglycemic but presenting <250 mg/dL glucose at the end of study formed an additional group. Plasma ACE activity was lower in quinapril-treated animals (P < 0.01 versus untreated groups). However, aorta intima/media ratio and intima area were lower only in the subgroups of quinapril-treated animals with low glucose levels (P < 0.05). Our results support the hypothesis that high plasma glucose may abolish the antiatherosclerotic effect of ACE inhibitors. . .

75.
IZAR MC2005IZAR MC . Tratamento hipolipemiante em situações especiais: pós-transplante e/ou terapia imunossupressora. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), v. 85, n.Supl 5, p. 50-57, 2005
Palavras-chave: lipids; transplantation; dyslipidemia; immunosuppressive treatment.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://www.sciello.org; ISSN/ISBN: 0066782X
There are limited data regarding the use of hypolipidemic agents concomitantly with immunosuppressive drugs. Best evidence is provided for the use of statins and cyclosporine. In terms of pharmacodynamics, these two drugs have different substrates. In respect to pharmacokinetics, statins usually do not modify serum concentrations of cyclosporine, however when combined with any statin a careful monitoring of cyclosporine levels is recommended, due to a narrow therapeutic window of the immunosuppressive agent. Conversely, cyclosporine does affect the area under the curve for many statins, by inhibiting the CYP450 3A4, thus increasing systemic exposure to statins. Pravastatin appears to be the safest compound, once it is glucuronized. The area under the curve for the other statins (simvastatin, lovastatin, atorvastatin, cerivastatin, and rosuvastatin) can be increased in variable degrees according to the site of metabolization, liver extraction by OATP-C transporter, biliary secretion, renal excretion, and drug extrusion by the MDR system. . .

76.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2005IZAR, MCO ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Perspectivas futuras. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, São Paulo, v. 15, n.6, p. 550-556, 2005
Palavras-chave: high-density lipoprotein; atherosclerosis; cholesteryl ester transfer protein; lecithin:cholesterol-acyltransferase; apolipoprotein AI.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso. Homepage: http://www.socesp.org.br; ISSN/ISBN: 01038559
Therapeutic strategies for dyslipidemia have been focused on LDL-cholesterol reduction by inhibiting cholesterol synthesis and the absorption of dietary choleste-rol and bile acids, thus getting more patients to LDL-cholesterol targets with new potent drugs, mainly when used in combination. Fibrates and nicotinic acid, prefe-rently acting on triglycerides and HDL-cholesterol have been proposed in associati-on with statins to optimize lipid profile. However, in spite of the great impact of HDL-cholesterol levels on cardiovascular risk, specific strategies to efficiently raise HDL-cholesterol levels are not currently available. Pre-clinical studies are ongoing to eva-luate a new class of drugs which inhibit the cholesteryl-ester transfer protein, torce-trapib, capable of promoting great elevations of HDL-cholesterol, especially in com-bination with statins. Biological therapies emerge as new possibilities and include the utilization of proteins, DNA, antibodies, or other substances derived or synthesi-zed from living tissues with therapeutical purposes. There are many biological thera-pies under investigation to prevent and treat atherosclerosis. The greatest advance in clinical studies occurred with the utilization of apolipoprotein mimetics, and these include the recombinant apolipoprotein-AI Milano associated to phospholipid com-plexes. Intravenous injections of these apolipoprotein mimetics have demonstrated to reduce atherosclerosis development in both animals and humans. Other strategi-es such as autoimmunization, to form antibodies that neutralize cholesteryl-ester transfer protein are under clinical investigation. Gene therapy to raise HDL-choleste-rol by overexpression of lecithin:cholesterol-acyltransferase is in perspective, howe-ver its ability to promote a long lasting effect on gene expression will require develo-pment of new vectors.. .

77.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2005IZAR, MCO ; DIRETRIZ, Membros da . I Diretriz de prevenção da aterosclerose na infância e na adolescência. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, São Paulo, v. 85, n.Supl VI, p. 1-36, 2005
Palavras-chave: dislipidemia; criança; adolescente; fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso. Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782X.

78.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein2005FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO ; BRANDÃO, Sérgio A B ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro . Farmacocinética das vastatinas. Revista da Associação Médica Brasileira, São Paulo, v. 62, n.11, p. 501-505, 2005
Palavras-chave: farmacocinética; estatinas; metabolismo; segurança.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01044230
As estatinas constituem a mais efetiva classe de hipolipemiantes para a redução do LDL-C e desfechos cardiovasculares. Entretanto, possuem importantes diferenças farmacocinéticas, desde o grau de interação com o seu substrato até sua biotransformação e eliminação, que podem ser relevantes em certas situações clínicas como na interação com outros fármacos, na presença de alterações metabólicas ou de comorbidades. O conhecimento destes aspectos torna-se fundamental à boa prática clínica, propiciando segurança e efetividade no alcance das metas lipídicas.. .

79.
Bricarello, L2004Bricarello, L ; KASINSKI, Nelson ; BERTOLAMI, Marcelo Chiara ; FALUDI, Andre Arpad ; PINTO, L. E. S. A. ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IHARA, Sílvia S M ; IZAR MC ; TUFIK, Sergio ; FONSECA, Francisco A H . Comparison between the effects of soy milk and non-fat cow milk on lipid profile and lipid peroxidation in patients with primary hypercholesterolemia. Nutrition, Syracuse, v. 20, n.2, p. 200-204, 2004
Palavras-chave: soy milk; lipoproteins; lipid peroxidation.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas; Nutrição e Alimentação. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 08999007
OBJECTIVE: This study was aimed to assess whether the consumption of soy milk could add significantly to the lipid profile and lipid peroxidation in comparison with nonfat milk. RESEARCH METHODS PROCEDURES: A double blind, randomized, crossover study was conducted on 60 outpatients with primary hypercholesterolemia under lipid lowering diet for at least six weeks. Lipid profile was obtained at baseline, 6 and 12 weeks with the patients randomly assigned to receive initially one liter per day of either soy milk or nonfat cow milk for six weeks. Lipid peroxidation was estimated by plasma TBARs (thiobarbituric reactive substances). Apolipoprotein E genotypes were examined by PCR-RFLP. RESULTS: The soy milk diet was associated with LDL-C reduction (baseline = 157 5; soy milk = 148 4; nonfat cow milk = 158 4 mg/dL; p < 0.05 soy milk vs. other treatments), and with HDL-C increase (baseline = 58 2; soy milk = 62 2; nonfat cow milk = 57 2 mg/dL; p < 0.05 soy milk vs. other treatments). In addition, plasma TBARs were reduced by the soy milk diet (baseline = 1.82 0.12; soy milk = 1.49 0.09; nonfat cow milk = 1.91 0.11 nmol/mL; p < 0.05 soy milk vs. nonfat cow milk). Changes in lipid profile were not influenced by APOE genotypes. CONCLUSIONS: These results indicate beneficial effects of soy milk in addition to lipid lowering diet improving lipid profile and reducing lipid peroxidation.. .

80.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2004IZAR, MCO ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . A doença arterial coronariana sob o prisma da genética molecular. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, São Paulo, v. 14, n.3, p. 521-526, 2004
Palavras-chave: biologia molecular; genética; aterosclerose; polimorfismo genético; doença arterial coronariana.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038559.

81.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein2004FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR MC . Polimorfismos em genes relacionados ao sistema renina-angiotensina-aldosterona, associação com a doença arterial coronariana e suas características anatômicas. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), Rio de Janeiro, v. 83, n.5, p. 371-372, 2004
Palavras-chave: sistema renina-angiotensina-aldosterona; polimorfismos; genética.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://www.cardiol.br; Série: 5; ISSN/ISBN: 0066782X
A ativação do sistema renina-angiotensina-aldosterona (RAAS) constitui-se num fator de risco para eventos cardiovasculares. A angiotensina II age nos receptores AT1 e AT2. A estimulação dos receptores AT1 está associada à disfunção endotelial, principalmente, como conseqüência de um aumento na produção de espécies reativas de oxigênio, vasoconstrição, ativação plaquetária, maior liberação do fator inibidor da ativação do plasminogênio tipo 1 (PAI-1), além da ativação de certos genes, ditos immediate early genes, tais como o c-fos, c-jun, da hipertrofia miocárdica, formação de tecido conectivo, síntese de endotelina, e ativação de fatores de crescimento, como o PDGF(fator de crescimento derivado das plaquetas) e o TGF-beta 1 (fator de crescimento transformador beta 1). Já a estimulação dos receptores AT2 pode atenuar os efeitos proliferativos da estimulação dos receptores AT1. A contribuição desses efeitos tem sido estudada, com relação ao desenvolvimento e progressão da aterosclerose, na reestenose após a angioplastia e no remodelamento ventricular na insuficiência cardíaca1. Também os efeitos do bloqueio dos receptores AT1 da angiotensina II têm sido alvo de grande investigação. No campo da genética, o estudo de polimorfismos em genes relacionados ao sistema renina-angiotensina-aldosterona (SRAA) vem merecendo uma avaliação mais criteriosa, já que os resultados de diversas pesquisas têm sido díspares em apontar uma associação clara entre o risco de doença arterial coronariana, infarto do miocárdio, reestenose pós-angioplastia, ou mesmo de hipertrofia ventricular, com a presença desses polimorfismos genéticos. Os genes da ECA, do angiotensinogênio, do receptor tipo 1 da angiotensina II, e da aldosterona sintetase são os mais debatidos. Os níveis plasmáticos da enzima conversora da angiotensina (ECA) em humanos estão relacionados ao polimorfismo inserção (I) / deleção (D) no gene da ECA, situado no cromossomo 17: a deleção de uma seqüência de pares de base no. .

82.
Izar, Maria Cristina2003Izar, Maria Cristina ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; KASINSKI, Nelson ; Sang, Won Han ; LOPES, Ieda Edite Lanzarini ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; Lourenço, Daisy ; TUFIK, Sérgio ; Paola, Angelo Amato Vincenzo de ; CARVALHO, Antonio Carlos Camargo ; IZAR MC . Risk factors, biochemical markers, and genetic polymorphisms in early coronary artery disease. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), São Paulo, v. 80, n.4, p. 379-395, 2003
Palavras-chave: coronary artery disease; risk factors; genetic polymorphisms.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos / Especialidade: Polimorfismos Genéticos.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Populações Humanas. ; Meio de divulgação: Digital. Homepage: http://http//www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782X
OBJECTIVE: To assess the risk factors, lipid and apolipoprotein profile, hemostasis variables, and polymorphisms of the apolipoprotein AI-CIII gene in early coronary artery disease (CAD). METHODS: Case-control study with 112 patients in each group controlled by sex and age. After clinical evaluation and nutritional instruction, blood samples were collected for biochemical assays and genetic study. RESULTS: Familial history of early CAD (64 vs 39%), arterial hypertension (69 vs 36%), diabetes mellitus (25 vs 3%), and previous smoking (71 vs 46%) were more prevalent in the case group (p<0.001). Hypertension and diabetes were independent risk factors. Early CAD was characterized by higher serum levels of total cholesterol (235 +/-6 vs 209 +/- 4 mg/dL), of LDL-c (154 +/- 5 vs 135 +/- 4 mg/dL), triglycerides (205 +/- 12 vs 143 +/- 9 mg/dL), and apolipoprotein B (129 +/- 3 vs 105 +/- 3 mg/dL), and lower serum levels of HDL-c (40 +/- 1 vs 46 +/- 1 mg/dL) and apolipoprotein AI (134 +/- 2 vs 146 +/- 2mg/dL) [p<0.01], in addition to an elevation in fibrinogen and D-dimer (p<0.02). The simultaneous presence of the rare alleles of the APO AI-CIII genes in early CAD are associated with hypertriglyceridemia (p=0.03). CONCLUSION: Of the classical risk factors, hypertension and diabetes mellitus were independently associated with early CAD. In addition to an unfavorable lipid profile, an increase in the thrombotic risk was identified in this population. An additive effect of the APO AI-CIII genes was observed in triglyceride levels. . .

83.
Fonseca, FAH2003 Fonseca, FAH ; Ihara, SSM ; IZAR, MCO ; Silva, EP ; Kasinski, N ; Lopes, IEL ; Pinto, LESA ; Paiva, TB ; Tufik, S ; de Paola, AAV ; Carvalho, ACC . Hydrochlorothiazide abolishes the anti-atherosclerotic effect of quinapril. Clinical and Experimental Pharmacology & Physiology, Sidney, v. 30, p. 779-785, 2003
Palavras-chave: antihypertensive agents; atherosclerosis; endothelium; hypercholesterolemia; rabbits.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 03051870
Anti-hypertensive treatment has been demonstrated to result in persistent reductions in morbidity and mortality due to stroke, however, the coronary risk attributable to hypertension has only been attenuated. We hypothesized that diuretics could have unfavorable effects on atherosclerosis. New Zealand male rabbits were fed a 0.5% cholesterol diet for 12 wks followed by a 0.1% diet for another 12 wk period. Quinapril, hydroclorothiazide, or both drugs were added to the chow, leaving one group as control. Plaque characteristics, as well as endothelial function were significantly improved with quinapril. Conversely, diuretics alone or in combination with quinapril did not ameliorate these parameters. In conclusion, hydrochloro thiazide did not modify atherosclerosis, and when added to quinapril treatment, impaired the anti-atherosclerotic effect seen with quinapril alone.. .

84.
FEIO, Claudine Maria Alves2003FEIO, Claudine Maria Alves ; Fonseca, Francisco A. H. ; Rego, Simone S. ; Feio, Max N. B. ; Elias, Maria C. ; Costa, Eduardo A. S. ; Izar, Maria C. O. ; Paola, Ângelo A. V. ; Carvalho, Antonio C. C. ; IZAR MC . Lipid profile and cardiovascular risk in two Amazonian populations. Arquivos Brasileiros de Cardiologia (Impresso), São Paulo, v. 81, n.6, p. 596-599, 2003
Palavras-chave: lípides; fatores de risco; nutrição.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas. ; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 0066782X
Resumo Objetivo - Comparar o perfil lipídico e risco coronariano de uma população ribeirinha (Vigia) ao de uma população urbana (Belém). Métodos - Foram avaliados 50 indivíduos de cada região, controlados por idade e sexo examinando-se os principais fatores de risco para a doença coronariana. Resultados -Tendo como base o Programa Nacional de Educação sobre o Colesterol (NCEP III) e determinando-se o escore de Framingham, ambas as populações expressaram o mesmo risco absoluto de eventos (Vigia 5.4 1.0% vs. Belém 5.7 1.0%), a despeito da população de Vigia apresentar menor consumo de gordura saturada (p<0.0001) e maior de mono e poliinsaturada (p<0.03), além de menores valores do índice de massa corpórea (25.4 0.6 vs. 27.6 0.7 kg/m2, p<0.02), da prega biceptal (18.6 1.1 vs. 27.5 1.3 mm, p<0.0001) e triceptal (28.7 1.2 vs. 37.3 1.7 mm, p<0.002). Vigia ainda apresentou menores valores para o colesterol total (205 5 vs. 223 6 mg/dL, p< 0.03) e triglicérides (119 9 vs. 177 18 mg/dL, p<0.005), não diferindo no HDL-c (46 1 vs. 46 1 mg/dL), LDL-c (135 4 vs. 144 5 mg/dL) e pressão arterial (PAS 124 3 vs. 128 3 mm Hg; PAD 80 2 vs. 82 2 mm Hg). Conclusões - A população ribeirinha e urbana da Amazônia apresentaram risco cardiovascular semelhante. Entretanto, marcante diferença entre as variáveis estudadas sugere que diferentes estratégias de prevenção devam ser aplicadas. . .

85.
SILVA, E. P.2002 SILVA, E. P. ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; IZAR, MCO ; LOPES, Ieda ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; BADIMON, J. J. ; TUFFIK, Sérgio ; PAIVA, T. B. ; KASINSKI, Nelson ; PAOLA, Â. ; CARVALHO, A. C. . Early benefits with pravastatin in experimentally induced atherosclerosis. Journal of Cardiovascular Pharmacology, Irlanda, v. 39, n.3, p. 389-395, 2002
Palavras-chave: atherosclerosis; endothelium; experimental; lipids; pravastatin.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Outro. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01602446
Summary: There is little information regarding the time of hypolipidemic treatment of changes in atherosclerotic plaque, tissue cholesterol content, and also for the recovery of endothelial function. To assess the early effects of lipid-lowering treatment on these parameters, six groups of New Zealand male rabbits were studied. Animals in groups I and II were fed regular chow; groups III and IV received a 12-week 0.5% cholesterol diet followed by 12 weeks of 0.05% cholesterol diet. Finally, groups V and VI were fed a 12-week 0.5% cholesterol diet and were then shifted to a regular diet for 12 weeks. During the last four weeks, the rabbits in groups I, III, and V received low-dose pravastatin (2 mg/day), added to the diet. Group IV animals had the highest cholesterol plasma levels (vs. groups I, II, III, and V, p < 0.01) and presented atherosclerotic plaques in a more advanced stage. Nonatherogenic diet was insufficient to restore endothelial function in animals previously fed cholesterol-enriched diets (groups IV and VI). Conversely, pravastatin treatment promoted significant improvement in endothelial function and reduced the progression of atherosclerosis. Marked increase in cholesterol content was seen in aorta and liver in response to the atherogenic diet. However, neither treatment with pravastatin nor nonatherogenic diet was capable of modifying the tissue cholesterol content. Our study supports the hypothesis that the early use of statins can attenuate the progression of atherosclerosis and ameliorate endothelial function. In addition, significant changes in the tissue cholesterol pool probably need a longer period of treatment. . .

86.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2002IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda . A biologia molecular e os avanços na prevenção da ruptura da placa vulnerável.. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, São Paulo, v. 12, n.4, p. 680-693, 2002
Palavras-chave: aterosclerose; placa vulnerável; polimorfismos genéticos; terapia gênica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Populações Humanas. ; Meio de divulgação: Impresso. Homepage: http://www.revistasocesp.com.br; ISSN/ISBN: 01038559.

87.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein2002FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; KUYMJIAN, Valter ; IZAR, MCO ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki . Hipertensão e Dislipidemias. Hiperativo (SBC), São Paulo, v. 9, n.3, p. 268-272, 2002
Palavras-chave: hipertensão; dislipidemia; doença renal.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Populações Humanas. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01044893.

88.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein2001 FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO ; FUSTER, V. ; CHESEBRO, James ; FALLON, John ; SCHACHTER, e Neil ; PADUREAN, Adrian ; GALLO, Richard ; RIENZI, N. ; BADIMON, J. J. . Chronic endothelial dysfunction after oversized coronary balloon angioplasty in pigs: a 12-week follow-up of coronary vasoreactivity in vivo and in vitro.. Atherosclerosis (Amsterdam), Irlanda, v. 154, n.1, p. 61-69, 2001
Palavras-chave: endothelium; vasoreactivity; bradikynin; serotonin; angioplasty.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Outro. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 00219150
Previous studies have reported the development of vasoconstriction immediately after invasive coronary interventions. Other studies in animals have demonstrated that using oversized balloon angioplasty, vasospasm can be suppressed, even in the presence of endothelial denudation due to important structural alteration in vascular smooth muscle. The regenerated endothelium also appears to be impaired chronically by selective attenuation of in vitro endothelial dependent relaxation related to pertussis toxin-sensitive G proteins. The purpose of this investigation was to verify in vivo and in vitro vasoreactivity to bradykinin (BK) and serotonin (5-hydroxytryptamine; 5-HT) (endothelial dependent agonists) as well as to nitroglycerin (NTG) (exogenous nitric oxide donor) at different times after oversized balloon angioplasty intervention ranging from 1 h to 12 weeks, in normal porcine coronary arteries. BK-induced vasodilatation in vivo was impaired acutely, but it was restored after 4 weeks. Serotonin caused vasoconstriction in vivo that was significantly augmented after 12 weeks. Conversely, endothelium-dependent vasodilatation in vitro to BK and 5-HT remained attenuated during the whole period of follow-up. Finally, relaxation elicited by NTG was reduced in the in vivo experiment until the first week after the procedure. Histological analysis showed severe arterial injury, and complete recovery of endothelial coverage after 4 weeks. In conclusion, this experiment supports evidence for the occurrence of the acute attenuation of vasoresponsiveness and chronic endothelial dysfunction following overstretching coronary balloon angioplasty. Abnormal remodeling associated with the severity of injury may contribute to chronic endothelial dysfunction. Differences found between in vivo and in vitro studies also suggest that multiple endogenous influences present in the former can attenuate the greater endothelial dysfunction demonstrated by endothelial assessment in vitro. . .

89.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2001IZAR, MCO ; DIRETRIZ, Membros da . III Diretrizes sobre dislipidemias e Diretriz de prevenção da aterosclerose. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, São Paulo, v. 77, n.Supl 3, p. S4-S8, 2001
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina. ; Meio de divulgação: Impresso. Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782X.

90.
FONSECA, Francisco A H2001FONSECA, Francisco A H ; IZAR MC ; NOVAZZI, José Paulo . Como Prevenir os Novos Eventos Isquêmicos Miocárdicos. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, v. 11, p. 873-879, 2001
Palavras-chave: síndrome coronariana aguda; endotélio; estatinas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038559.

91.
IZAR, MCO;IZAR MC;IZAR M;IZAR, M;Izar, Maria C.;Izar, Maria C;Izar, Maria C O;Izar, M.C.;Izar, Maria Cristina de Oliveira;Izar, Maria C.O.;iZAR, MARIA CRISTINA DE OLIVEIRA;IZAR, MARIA CRISTINA;Izar M.C.;Maria C Izar;IZAR, M. C.;Iza MCO;IZA, MCO2000IZAR, MCO ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; RELVAS, V. G. M. . Preditores genéticos da aterosclerose coronária. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, São Paulo, v. 10, n.6, p. 761-768, 2000
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Populações Humanas. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567
Artigo de revisão mostra os principais polimorfismos genéticos associados à doença arterial coronariana, incluindo aqueles que afetam o metabolismo lipídico, a hemostasia, a função endotelial e a inflamação.. .

92.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein1998FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Mecanismos da reestenose vascular pós ATC e avanço na terapêutica clínica.. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, São Paulo, v. 8, n.2, p. 366-375, 1998
Palavras-chave: angioplastia; reestenose; endotélio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Populações Humanas. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

93.
FONSECA, Francisco A H1995FONSECA, Francisco A H ; Silva, EG ; IZAR MC ; KASINSKI, Nelson ; MARTINEZ, Eulógio Emílio . Hipertensão Arterial, Magnésio e Endotélio. Hiperativo (São Paulo), v. 2, p. 45-50, 1995
Palavras-chave: hipertensão arterial; magnésio; endotélio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais. ; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01044893.

Capítulos de livros publicados
1.
IZAR, MCO ; KASINSKI, Nelson ; FONSECA, Francisco A H . Dislipidemias. In: Durval Rosa Borges. (Org.). Atualização Terapêutica de Prado, Ramos e Valle. 24ed.São Paulo: Artes Médicas, 2012, v. 1, p. 85-101.
Palavras-chave: dislipidemias; estratificação de risco; tratamento.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 24; ISBN: 9788536701585.

2.
FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . Proteína C-reativa. In: Carlos Eduardo dos Santos Ferreira. (Org.). Biomarcadores em Cardiologia. 1ed.São Paulo: Sarvier, 2012, v. 1, p. 37-52.
Palavras-chave: proteína C-reativa; risco cardiovascular; inflamação.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788573782288.

3.
IZAR, MCO ; Fonseca, F.A.H. . Lipídios e lipoproteínas. Biomarcadores em Cardiologia. 1ed.São Paulo: Sarvier, 2012, v. 1, p. 53-61.
Palavras-chave: apolipoproteínas; lípides.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Número da revisão: 1; ISBN: 9788573782288.

4.
IZAR, MCO ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein . Manuseio de Hipolipemiantes na Insuficiência Renal. In: Francisco Antonio Helfenstein Fonseca. (Org.). Tratamento da Aterosclerose e Dislipidemias. 1ed.Rio de Janeiro: Editora Atheneu, 2012, v. 1, p. 87-90.
Palavras-chave: doença renal; hipolipemiantes; estatinas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788538802891.

5.
IZAR, MCO . CARACTERÍSTICAS FARMACOCINÉTICAS, APRESENTAÇÕES E EVENTOS ADVERSOS DOS HIPOLIPEMIANTES. In: Francisco Antonio Helfenstein Fonseca. (Org.). TRATAMENTO DA ATEROSCLEROSE E DISLIPIDEMIAS. 1ed.Rio de Janeiro: Editora Atheneu, 2012, v. 1, p. 119-128.
Palavras-chave: farmacocinética; hipolipemiantes/administração &dosagem.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788538802891.

6.
Bianco, Henrique T. ; IZAR, MCO ; Fonseca, F.A.H. . Fatores de risco clássicos e emergentes: o que é importante para a clínica?. In: Ari Timerman; Marcelo Bertolami; João Fernando Monteiro Ferreira. (Org.). Manual de Cardiologia. 1ed.Rio de Janeiro: Editora Atheneu, 2012, v. 1, p. 109-114.
Palavras-chave: fatores de risco; doenças cardiovasculares.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.manualdecardiologia.com.br; Número da revisão: 1; ISBN: 9788538802884.

7.
Fonseca, F.A.H. ; IZAR, MCO . Principais estudos clínicos e suas implicações. In: Ângelo A. V. de Paola; Márcia M. Barbosa; Jorge Ilha Guimarães. (Org.). Cardiologia: Livro texto da Sociedade Brasileira de Cardiologia. 1ed.Barueri: Editora Manole Ltda., 2012, v. 1, p. 674-678.
Palavras-chave: estatinas; fibratos; ezetimiba.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788520431900.

8.
Fonseca, F.A.H. ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; IZAR, MCO . Tratamento do diabetes mellitus: Manuseio clínico das hiperglicemias. In: Ângelo A. V. de Paola; Márcia M. Barbosa; Jorge Ilha Guimarães. (Org.). Cardiologia: Livro Texto da Sociedade BRasileira de Cardiologia. 1ed.Barueri: Editora Manole Ltda., 2012, v. 1, p. 698-703.
Palavras-chave: diabetes mellitus; hiperglicemia; tratamento.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: diabetes.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788520431900.

9.
Fonseca, F.A.H. ; IZAR, MCO . Diabetes mellitus e aterosclerose. In: Ângelo A. V. de Paola; Márcia M. Barbosa; Jorge Ilha Guimarães. (Org.). Cardiologia: Livro Texto da Sociedade BRasileira de Cardiologia. 1ed.Barueri: Editora Manole Ltda., 2012, v. 1, p. 690-693.
Palavras-chave: aterosclerose; diabetes mellitus.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: diabetes.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788520431900.

10.
IZAR, MCO ; Bianco, Henrique T. ; Fonseca, F.A.H. . Systolic Blood Pressure: Influences, Associations and Management. In: Nova Science Publishers, Inc. (Org.). Systolic hypettension. 1ed.Hauppauge: Nova Science Publishers, Inc, 2010, v. , p. 1-.
Palavras-chave: systolic hypertension; management; diagnosis.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Estados Unidos/Inglês; Meio de divulgação: Digital; Número da revisão: 1; ISBN: 123456789X.

11.
IZAR, MCO . Fatores de risco coronário: Hereditariedade. In: Ferreira C; Póvoa R. (Org.). Cardiologia Clínica. 2ed.São Paulo: Atheneu, 2009, v. 1, p. 305-310.
Palavras-chave: genética; hereditariedade; metanálise.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 2; ISBN: 9788538800385.

12.
IZAR, MCO ; FONSECA, F. A. H. ; HELFENSTEIN, T ; RELVAS, Waldir G M . Impacto dos polimorfismos genéticos nas doenças cardiovasculares. In: Antonio Carlos Lopes; Antonio Carlos Palandri Chagas; João Fernando Monteiro Ferreira. (Org.). Tratado de Clínica Médica. 2ed.São Paulo: Roca, 2009, v. 1, p. 731-738.
Palavras-chave: Polimorfismos (genética); lipoproteínas; doenças monogênicas; doenças complexas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Digital; Número da revisão: 2; ISBN: 9788572417808.

13.
FONSECA, Francisco ; IZAR, MCO . CRISE HIPERTENSIVA DECORRENTE DE SUSPENSÃO DE ANTI-HIPERTENSIVOS. In: Osvaldo Passarelli Junior; Rui Póvoa; José Fernando Vilela Martin; Fernanda M. C. Colombo. (Org.). EMERGÊNCIAS HIPERTENSIVAS NA PRÁTICA CLÍNICA. 1ed.São Paulo: Segmento Pharma, 2009, v. 1, p. 171-173.
Palavras-chave: hipertensão arterial; anti-hipertensivos; crise hipertensiva.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788598353944.

14.
Fonseca, FAH ; IZAR MC . Fatores de Risco Coronário: Dislipidemias. In: Ferreira C, Póvoa RMS. (Org.). Cardiologia Clínica. 1ed.São Paulo: Atheneu, 2009, v. 1, p. 305-310.
Palavras-chave: fator de risco; dislipidemia; risco cardiovascular; risco coronariano.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788538800.

15.
IZAR, MCO ; Abdalla, DSP ; Barros, MRAC . Como tratar: Hipercolesterolemia isolada. In: Serrano CV; Sobral fº; Bertolami MC; Nicolau JC. (Org.). Como tratar. 2aed.Barueri: Manole, 2008, v. 1, p. 3-23.
Palavras-chave: colesterol; hipercolesterolemia; hipercolesterolemia familiar; tratamento farmacológico.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 2a; ISBN: 9788520428221.
Autora do capítulo.

16.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir G M . Genética das Dislipidemias. In: Carlos V. Serrano, Ari Timerman e Edson Stefanini. (Org.). TRATADO DE CARDIOLOGIA SOCESP - 2a edição. 2aed.Barueri: Manole, 2008, v. 2, p. 2803-2815.
Palavras-chave: genética; polimorfimos; lipoproteínas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Humana e Médica.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 2a; ISBN: 9788520428023.

17.
IZAR, MCO ; KASINSKI, Nelson ; FONSECA, F. A. H. . Dislipidemias - Diagnóstico e Tratamento. In: Carlos V. Serrano, Ari Timerman e Edson Stefanini. (Org.). Tratado de Cardiologia da SOCESP - 2a edição. 2aed.Barueri: Manole, 2008, v. 1, p. 562-583.
Palavras-chave: lípides; dislipidemias; tratamento.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 2a; ISBN: 9788520428023.

18.
IZAR, MCO . Relação da hipertensão com diabetes mellitus. In: Oswaldo Passarelli Jr; Francisco A. H. Fonseca; Fernanda M. C. Colombo; Luiz César Nazário Scala; Rui Póvoa. (Org.). Hipertensão arterial de difícil controle. 1ed.São Paulo: Segmento Farma, 2008, v. 1, p. 23-32.
Palavras-chave: diabetes mellitus; hipertensão arterial; anti-hipertensivos; resistência à insulina; sistema renina-angiotensina-aldosterona.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 9788598353807.
Autora do capítulo..

19.
FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . Inflamação, dislipidemia e aterosclerose. In: Jairo Lins Borges. (Org.). Cilostazol e aterosclerose em múltiplos territórios. 1ed.São Paulo: BBS Editora, 2008, v. 1, p. 13-27.
Palavras-chave: aterosclerose; dislipidemias; inflamação; oxidação de lipoproteínas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1; ISBN: 9788599758105.
autora do capítulo em parceria com Dr. Francisco Fonseca.

20.
IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Hipertensão arterial e endotélio. In: Rui Manoel dos Santos Póvoa. (Org.). HIPERTENSÃO ARTERIAL NA PRÁTICA CLÍNICA. 1aed.São Paulo: Editora Atheneu, 2007, v. I, p. 73-87.
Palavras-chave: hipertensão arterial; endotélio; óxido nítrico.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1a; ISBN: 9788573798999.
O conhecimento da estrutura vascular baseou-se por longo tempo em uma visão estática do vaso, como sendo formado basicamente por uma camada média com células musculares lisas compactadas e a matriz extracelular. Atualmente, a camada endotelial e a adventícia têm sido vistas como importantes participantes dos processos fisiopatológicos envolvidos na regulação da estrutura e função vasculares, e das respostas adaptativas às agressões vasculares locais ou sistêmicas1. Embora o endotélio seja uma monocamada de células que reveste internamente a superfície dos vasos, separando fisicamente o meio fluido da parede vascular, o seu peso total é maior do que o de um fígado, com uma massa igual a vários corações, e quando estendido, ocuparia uma área superior a várias quadras de tênis1. Sua função é também muito ampla, com um papel crucial na homeostase vascular, que só foi reconhecido em 1980, quando Furchgott descreveu a produção de um fator de relaxamento derivado do endotélio (EDRF)2, e que esse fator era obrigatório para o relaxamento de anéis isolados expostos à acetilcolina. Ao final dessa década esse fator foi identificado como sendo um gás inorgânico, o óxido nítrico (NO), produzido a partir da L-arginina, que tem um papel importante como mensageiro intracelular3-5. O endotélio é também fonte de outros mediadores do tônus vascular, como o fator hiperpolarizante derivado do endotélio (EDHF), e potentes vasoconstritores, como a endotelina-1, o tromboxane A2 e prostaglandina H26-7. Pela situação estratégica dessa monocamada de células na parede vascular, recebe sinais hemodinâmicos e humorais, atuando como efetores de respostas adaptativas locais. Produz mediadores que atuam na sinalização autócrina, parácrina e endócrina, modulando o tônus e a permeabilidade vasculares, a hemostasia, proliferação e a resposta às agressões físicas e químicas8. O óxido nítrico é sintetizado a partir da L-arginina por uma família de enzimas chamadas óxido nítrico sintases (NOS)9. U.

21.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana . Suspensão e re-introdução de fármacos nas cirurgias: Hipolipemiantes. In: Francisco Antonio Helfenstein Fonseca. (Org.). Doenças Cardiovasculares Terapêutica Clínica. 1ed.São Paulo: Planmark, 2007, v. II, p. 607-610.
Palavras-chave: estatinas; efeitos pleiotrópicos; estratificação de risco; período peroperatório.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1; ISBN: 9788560566020.
Os inibidores da 3-hidroxi-3-metilglutaril coenzima A redutase (estatinas) bloqueiam a síntese do mevalonato, resultando em efeitos positivos nos parâmetros lipídicos, especialmente redução do LDL-colesterol (LDL-C). Trabalhos clássicos demonstraram redução marcada no risco de eventos coronarianos em pacientes em prevenção primária e secundária, sendo estes fármacos utilizados de forma ampla em uma série de situações clínicas. A redução de eventos é apenas parcialmente explicada pelos níveis alcançados de LDL-C, sendo os efeitos anti-inflamatórios locais e sistêmicos uma razoável justificativa para os benefícios obtidos com esses fármacos. A inflamação participa da progressão da aterosclerose e pacientes com angina instável apresentam níveis de proteína-C reativa maiores do que os portadores de angina estável. Estes fenômenos podem promover fissura de placas ou erosões e estarem envolvidos no desencadeamento das síndromes coronarianas agudas. As estatinas aumentam a liberação do óxido nítrico (NO) endotelial, independentemente dos níveis de colesterol. O NO, por sua vez, modifica a resposta inflamatória, agregação plaquetária, proliferação de células musculares lisas. Em animais, retirada das estatinas promoveu, em curto prazo, um fenômeno de rebote na biodisponibilidade do óxido nítrico. Na doença coronariana estável, houve um aumento de três vezes nos eventos trombóticos após a interrupção da sinvastatina, e re-introdução da fluvastatina. Um subestudo do PRISM investigou o efeito da retirada das estatinas durante uma síndrome coronariana aguda. O pré-tratamento com estatinas reduziu o risco de eventos cardiovasculares nos primeiros 30 dias após o início dos sintomas, enquanto a retirada precoce das estatinas após o início dos sintomas praticamente aboliu os seus benefícios. Em contraste, o início de uma estatina na fase hospitalar não foi capaz de promover melhoras significantes nos desfechos clínicos. Isto ocorreu sem modificações nos níveis de LDL-C nas p.

22.
IZAR, MCO ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno . Como eu faço: A combinação de hipolipemiantes. In: Francisco Antonio Helfenstein Fonseca. (Org.). Doenças Cardiovasculares - Terapêutica Clínica. 1ed.São Paulo: Planmark, 2007, v. II, p. 656-660.
Palavras-chave: estatinas; fibratos; segurança; eficácia; eventos adversos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1; ISBN: 9788560566020.
Com as novas metas propostas para os níveis lipídicos em pacientes em prevenção secundária da doença cardiovascular, em diabéticos e outras situações de alto ou muito alto risco, nas dislipidemias mistas e mesmo naquelas de origem genética, o tratamento com a combinação de dois ou mais fármacos hipolipemiantes surge como opção terapêutica. Alguns pacientes podem não ser candidatos a altas doses de estatinas isoladamente, por apresentarem eventos adversos intoleráveis, como miopatia e elevação de transaminases. Nesses casos, a combinação de fármacos pode ser cogitada. O racional para se combinar várias classes de fármacos é utilizar mecanismos sinergísticos ou complementares que permitam maiores reduções de LDL-C. No entanto, não há qualquer estudo do impacto dessas modificações no risco cardiovascular. A abordagem farmacológica envolvendo múltiplos mecanismos pode propiciar maiores reduções no LDL-C, além de promover melhoras nas outras frações lipídicas e nas apolipoproteínas. Estudos clínicos com combinação de fármacos são necessários para se estabelecer se essas estratégias se acompanham de reduções do risco cardiovascular. .

23.
IZAR, MCO ; Abdalla, DSP ; Barros, MRAC . Como tratar: hipercolesterolemia isolada. Como tratar doenças cardiovasculares. 1ed.Barueri: Manole, 2007, v. 1, p. 3-22.
Palavras-chave: colesterol; dislipidemias primárias; estatinas; aterosclerose; risco coronariano.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde Humana; Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1; ISBN: 9788520425909.
Os valores desejáveis de colesterol total para a população adulta são considerados aqueles inferiores a 200 mg/dL, quando obtidos em jejum de 12-14 horas. Níveis limítrofes são aqueles compreendidos entre 200 e 239 mg/dL, sendo a hipercolesterolemia isolada definida a partir de colesterol total ≥240 mg/dL1 (Tabela I). Para crianças, a I Diretriz Brasileira de Prevenção da Aterosclerose na Infância e Adolescência propôs valores de normalidade, limítrofes e elevados diferenciados (Tabela II)2. A doença cardiovascular é a principal causa de morte nas sociedades industrializadas e fatores de risco bem caracterizados, incluindo idade, hipertensão, dislipidemia, diabetes melito e fumo contribuem para o risco cardiovascular3,4 (Tabela III). A integração desses fatores de risco usando as estimativas de risco absoluto de eventos cardiovasculares em 10 anos pelo escore de Framingham têm sido utilizadas para guiar a terapêutica. A avaliação do risco global é particularmente importante no manuseio dos lípides, já que os níveis de LDL-colesterol (LDL-C) alvo são determinados pela categoria de risco5. O escore de risco de Framingham (ERF), adaptado pelo ATP III6, deve ser utilizado para estimar a probabilidade de ocorrer infarto do miocárdio ou morte por doença coronária no período de 10 anos em indivíduos sem diagnóstico prévio de aterosclerose clínica. Observa-se que a extrapolação do risco absoluto estimado varia nas populações onde é empregado, mesmo assim o ERF é capaz de selecionar os indivíduos de maior e menor risco. O primeiro passo na estratificação do risco é a identificação de manifestações clínicas de doença aterosclerótica ou de seus equivalentes, como a presença de diabete melito tipos 1 e 2 (Tabela IV)6. Para aqueles indivíduos sem doença aterosclerótica clínica ou equivalentes, é possível a partir do ERF, estratificar os pacientes nas faixas de risco baixo (probabilidade menor que 10% de infarto ou morte por doença coronária no período de 10 anos), q.

24.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana . Avaliação Laboratorial dos Fatores de Risco para a Aterosclerose - Variantes genéticas associadas à aterosclerose. In: Fonseca, FAH. (Org.). MANUAL DE APOIO AO DIAGNÓSTICO EM CARDIOLOGIA. 1aed.São Paulo: Planmark, 2007, v. 1, p. -.
Palavras-chave: biologia molecular; Polimorfismos (genética); risco coronariano; aterosclerose.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Número da revisão: 1a.
A biologia molecular vem evoluindo de forma vertiginosa e é considerada ferramenta indispensável na compreensão de patologias complexas e multifatoriais, como as doenças cardiovasculares. Tal estratégia gera uma nova forma de avaliação de doenças conhecidas e propicia a criação de novas técnicas, métodos diagnósticos e possíveis formas terapêuticas, interferindo diretamente no desfecho clínico final do paciente. Novas abordagens genômicas têm permitido a identificação de grupos de genes que determinam tanto a susceptibilidade como a resistência a um determinado fenótipo. O conhecimento do perfil dos polimorfismos genéticos poderá facilitar o rastreamento dos indivíduos susceptíveis e viabilizar abordagens terapêuticas que permitam um melhor prognóstico clínico. No âmbito da doença aterosclerótica, o número de publicações em genética cardiovascular aumentou cinco vezes nos últimos 20 anos e a descoberta de novos polimorfismos e mutações em genes que afetam o metabolismo lipídico, a hemostasia, a inflamação, a função endotelial, o sistema renina-angiotensina-aldosterona, a resistência à insulina e o estresse oxidativo, aparecem como novas perspectivas para genes candidatos. Com base em revisões sistemáticas de literatura já existem metanálises procurando identificar os genes que determinem maior impacto na manifestação das doenças cardiovasculares. Este capítulo irá abordar os principais avanços nesta área, identificando os polimorfismos mais comuns e sua relevância clínica segundo grandes ensaios e metanálises, bem como fazer um breve racional acerca do desenho atual dos ensaios clínicos em biologia molecular. .

25.
FONSECA, F. A. H. ; IZAR, MCO . Estatinas nas síndromes coronarianas agudas. In: Francisco Antonio Helfenstein Fonseca. (Org.). Doenças Cardiovasculares - Terapêutica clínica. 1aed.São Paulo: Planmark, 2007, v. II, p. 709-712.
Palavras-chave: lípides; estatinas; síndrome coronariana aguda.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1a; ISBN: 9788560566020.
As estatinas podem ter um papel crucial na evolução clínica de pacientes com síndromes coronarianas agudas. Embora a médio e longo prazo a manutenção de níveis baixos de colesterol, preferencialmente níveis ótimos de LDL-colesterol ao lado de níveis adequados de colesterol não-HDL, HDL-colesterol e de triglicérides, determine uma sobrevida com menor ocorrência de novos eventos coronarianos e de outras complicações da doença aterotrombótica, efeitos além da redução lipídica parecem importantes para uma precoce estabilização clínica..

26.
IZAR, MCO ; FISCHER, Simone Cristina Matheus . Avaliação da Velocidade da Onda de Pulso. In: Francisco Antonio Helfenstein Fonseca. (Org.). MANUAL DE APOIO AO DIAGNÓSTICO EM CARDIOLOGIA. 1ed.São Paulo: Planmark, 2007, v. 1, p. -.
Palavras-chave: complacência vascular; velocidade da onda de pulso.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1.
A contração do ventrículo esquerdo e subseqüente ejeção do sangue na aorta ascendente, dilatam a parede aórtica e geram uma onda de pulso, que se propaga pela árvore arterial com uma velocidade finita. Esta pressão de pulso gerada tem sua velocidade determinada pelas propriedades geométricas e elásticas da parede arterial e pelas características do fluido (sangue), assim, o diâmetro luminal e o espessamento da parede vascular constituem os principais determinantes da velocidade de propagação da onda de pulso. A rigidez arterial é um termo genérico utilizado para definir o endurecimento das artérias e que muitas vezes é empregado como sinônimo de complacência, distensibilidade e elasticidade vascular. Estes parâmetros declinam com a idade, em presença de fatores de risco para as doenças cardiovasculares e de distúrbios metabólicos. Embora ligados conceitualmente, estes termos não são sinônimos. Complacência é definida como a mudança no volume para uma determinada mudança de pressão (V/P), e na circulação arterial está relacionada a mudanças no diâmetro do vaso após a ejeção ventricular esquerda. Distensibilidade é usada para expressar a complacência relativa ao volume inicial ou diâmetro de um vaso. A perda da elasticidade arterial leva a complacência e distensibilidade diminuídas, as quais decrescem de forma não linear com o aumento da pressão, isto é, a curva pressão-volume não é linear. Isto é conseqüência das propriedades físicas da camada média vascular, a qual contém células musculares lisas, colágeno e elastina. As fibras de elastina assumem uma tensão a baixas pressões, enquanto sob pressões maiores, a tensão é absorvida pelas fibras de colágeno, mais rígidas, e consequentemente, há um decréscimo da complacência. Mudanças na complacência vascular, de acordo com estudos de intervenção, são em geral ajustadas às mudanças na pressão arterial. .

27.
FONSECA, F. A. H. ; KASINSKI, Nelson ; IZAR, MCO . Dislipidemias: Diagnóstico e Tratamento . In: Prado FC, Ramos JA, Valle JR, Borges DR, Rothschild HA. (Org.). ATUALIZAÇÃO TERAPÊUTICA 2007. 23aed.São Paulo: Editora Artes Médicas Ltda, 2007, v. 1, p. 65-78.
Palavras-chave: dislipidemia; colesterol; estatinas; fibratos; fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.atualizacaoterapeutica.com.br; Número da revisão: 23a; ISBN: 9788536700661.
studos observacionais demonstraram forte associação entre dislipidemias e doença arterial coronariana (DAC), embora a maioria dos eventos coronarianos tenha ocorrido em indivíduos com níveis de colesterol comparáveis aos da população sadia. Nestes casos, fatores de risco, mesmo com níveis limítrofes de colesterol, estão em geral presentes. Na prevenção secundária e nos pacientes em prevenção primária da DAC com fatores de risco asso ciados, a redução do LDL-C associou-se a importantes benefícios na diminuição de eventos cardiovasculares, na melhor qualidade de vida ou mesmo na redução da mortalidade global. Por outro lado, o aumento nos níveis de HDL-C acompanhou-se de menor ocorrência de eventos cardiovasculares na prevenção secundária da DAC e os níveis reduzidos de HDL-C foram associados ao infarto do miocár dio, especialmente entre os idosos. A melhora na função endotelial, a redução no estresse oxidativo e a diminuição no risco trombótico e na inflamação, além da mobilização de células progenitoras endoteliais estão entre os mecanismos propostos para a estabi lização de placas ateromatosas e pela redução de desfechos clínicos pelo uso de hipolipemiantes, como as estatinas, drogas que ao reduzirem a síntese de colesterol endóge no também diminuem a formação de isoprenóides, substâncias re lacionadas à menor formação de óxido nítrico e à maior expressão de fatores pró-coagulantes e inflamatórios. O uso desses fármacos também propiciou a redução da progressão e mesmo regressão do volume do ateroma coronariano, em estudos utilizando altas doses de estatinas. Como principal causa de morte no mundo industrializado, a prevenção da DAC recebeu a atenção de especialistas de todo o mundo que sugeriram diretrizes para a detecção de dislipidemias e seu tratamento. Assim, homens e mulheres a partir dos 20 anos de idade devem ter seu perfil lipídico determinado (colesterol to tal, frações e triglicerídeos). Para as crianças e adolescentes, a de terminaçã.

28.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Impacto do Polimorfismo Genético nas Doenças Cardiovasculares. In: Antonio Carlos Lopes; Vicente Amato Neto. (Org.). Tratado de Clínica Médica. 1ed.São Paulo: Editora Roca Ltda, 2006, v. I, p. 794-801.
Palavras-chave: biologia molecular; polimorfismo genético; aterosclerose; lipoproteínas; inflamação; hemostasia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 857241598X.
A biologia molecular vem evoluindo de forma vertiginosa e é considerada ferramenta indispensável na compreensão de patologias complexas e multifatoriais, como as doenças cardiovasculares. Tal estratégia gera uma nova forma de avaliação de doenças conhecidas e propicia a criação de novas técnicas, métodos diagnósticos e possíveis formas terapêuticas, interferindo diretamente no desfecho clínico final do paciente. Novas abordagens genômicas têm permitido a identificação de grupos de genes que determinam tanto a susceptibilidade como a resistência a um determinado fenótipo. O conhecimento do perfil dos polimorfismos genéticos poderá facilitar o rastreamento dos indivíduos susceptíveis e viabilizar abordagens terapêuticas que permitam um melhor prognóstico clínico. No âmbito da doença aterosclerótica, o número de publicações em genética cardiovascular aumentou cinco vezes nos últimos 20 anos e a descoberta de novos polimorfismos e mutações em genes que afetam o metabolismo lipídico, a hemostasia, a inflamação, a função endotelial, o sistema renina-angiotensina-aldosterona, a resistência à insulina e o estresse oxidativo, aparecem como novas perspectivas para genes candidatos. Com base em revisões sistemáticas de literatura já existem metanálises procurando identificar os genes que determinem maior impacto na manifestação das doenças cardiovasculares. Este capítulo irá abordar os principais avanços nesta área, identificando os polimorfismos mais comuns e sua relevância clínica segundo grandes ensaios e metanálises, bem como fazer um breve racional acerca do desenho atual dos ensaios clínicos em biologia molecular. .

29.
IZAR, MCO . Hipertensão e Dislipidemias. In: Luiz Bodanese. (Org.). Hipertensão arterial. : , 2006, v. , p. -.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso.

30.
RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Dislipidemia diabética: da etiologia ao tratamento. In: Ruy Lira; Ney Cavalcanti. (Org.). Diabetes mellitus. 1aed.Rio de Janeiro: Diagraphic Editora Ltda, 2006, v. 1, p. 587-594.
Palavras-chave: dislipidemia; diabetes; etiopatogenia; tratamento; estatinas; fibratos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.diagraphic.com.br; Número da revisão: 1a; ISBN: 8589718182.
Neste capítulo são abordados dados epidemiológicos, alterações metabólicas presentes no diabetes mellitus, a dislipidemia diabética per se, os benefícios com o uso das estatinas na dislipidemia associada ao diabetes, os benefícios dos derivados do ácido fíbrico, da niacina, da ezetimiba e dos ácidos graxos ômega-3 em portadores de dislipidemia diabética..

31.
IZAR, MCO ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz . Doença Cerebrovascular na Mulher. In: Hermes Toros Xavier. (Org.). Risco cardiovascular na mulher. 1ed.São Paulo: BBS Editora, 2006, v. 1, p. 123-141.
Palavras-chave: acidente vascular cerebral; mulheres; prevenção; tratamento; epidemiologia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 05-9031.
As doenças cardiovasculares são as principais causas de morte em todos os países do mundo, tanto nos homens, como nas mulheres. O envelhecimento das populações e a alta prevalência de fatores de risco entre mulheres jovens e de meia idade sugerem que estas perspectivas continuem no futuro1. Os dados relativos à doença vascular aterosclerótica não coronariana são bem mais escassos do que os disponíveis para a doença arterial coronariana. Estudos acerca do processo aterosclerótico subjacente a um acidente vascular cerebral contêm vieses pelos diferentes mecanismos que levam ao acidente vascular cerebral, incluindo aterosclerose de grandes artérias com oclusão de vasos e embolização distal e doenças de pequenas artérias com infartos lacunares. Existe um considerável número de AVCs cujo mecanismo subjacente é desconhecido, e o infarto de causa indeterminada. Estudos epidemiológicos, fisiopatológicos e de intervenção terapêutica na doença vascular aterosclerótica não coronariana tendem a se concentrar no território vascular ao invés de abordá-la como doença sistêmica. O AVC é um problema de saúde mundial em ambos os sexos, com uma incidência de 600.000 casos novos ou recorrentes ao ano. O AVC responde por uma em cada 14 mortes nos Estados Unidos da América (AHA 2002), sendo a terceira causa de morte após as doenças cardíacas e todas as formas de câncer 2. Cerca de 85% dos AVCs são isquêmicos, sendo que 60% destes se atribuem à doença aterotrombótica. Menos de 20% devem-se à doença carotídea. Embora tenha havido um declínio na mortalidade por AVC nos Estados Unidos da América, o número de mortes atribuíveis ao AVC tende a se elevar por um desnível entre o declínio da mortalidade por AVC e o envelhecimento da população3. No Brasil, dados do DATASUS revelam que o AVC ... Um dos grandes problemas que limitam a prevenção e o controle das doenças cardiovasculares nas mulheres é a ineqüidade no acesso ao cuidado à saúde. O infarto do miocárdio e o acidente vascular ....

32.
IZAR, MCO ; KASINSKI, Nelson ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Dislipidemias: Diagnóstico e Tratamento. In: Carlos Vicente Serrano; Fernando Nobre. (Org.). Tratado de Cardiologia da SOCESP. 2ed.São Paulo: Editora Manole, 2006, v. 1, p. 354-368.
Palavras-chave: lípides; dislipidemias; diagnóstico; tratamento.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde Humana; Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 2.
Trata-se de revisão da edição de 2005..

33.
IZAR, MCO ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda . Indicações para a terapia farmacológica nas dislipidemias: Inibidores da absorção intestinal de colesterol. In: Francisco Antonio Helfenstein Fonseca. (Org.). Doenças Cardiovasculares - Terapêutica Clínica. 1ed.São Paulo: Planmark, 2006, v. 1, p. 83-86.
Palavras-chave: inibidores da absorção de colesterol; ezetimiba; proteína NPC1L1; lípides; efeitos pleiotrópicos; farmacocinética.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1; ISBN: 8560566015.
Ezetimiba é o primeiro fármaco de uma nova classe de inibidores seletivos da absorção do colesterol, podendo representar uma nova opção no tratamento farmacológico das dislipidemias. A ezetimiba pertence a uma classe denominada azetedinonas, identificadas como parte de uma série de compostos que atuam no intestino com ação específica no bloqueio da absorção do colesterol intestinal. A identificação desse fármaco levou à caracterização de um receptor putativo do colesterol intestinal, a proteína NPC1L1, que é homóloga à proteína causadora da doença de Niemann-Pick C. É ativa em concentrações micromolares, sendo expressa apenas em células das vilosidades intestinais restritas ao intestino delgado. A absorção de colesterol intestinal é apresentada na figura 1. Após a ingestão, o fármaco sofre glucuronidação e o metabólito é aparentemente mais ativo no bloqueio da absorção do colesterol. A ezetimiba e seu metabolito glucuronidado são absorvidos, recirculam e são excretados por via hepatobiliar. Não há evidências de acúmulo em nenhum órgão, nem de efeitos biológicos diretos, exceto no intestino, sendo considerados fármacos não sistêmicos. A meia-vida estimada da ezetimiba é de cerca de 22 horas, sendo administrada uma vez ao dia, podendo ser tomada à noite, antes de dormir. A ezetimiba bloqueia a absorção intestinal de colesterol em mais de 50% tanto em animais como em humanos, sem efeitos sobre a absorção dos triglicérides da dieta, vitaminas lipossolúveis ou de outros fármacos. Embora esse composto bloqueie a absorção intestinal de colesterol e aumente a excreção de esteróis neutros é descrito em animais um aumento compensatório da síntese hepática de colesterol pela perda biliar. Em estudos em humanos, a biodisponibilidade e cinética de fármacos comumente utilizados não foi afetada pela co-administração da ezetimiba, já que esta não interage ou é metabolizada pela via do citocromo P450. A co-administração de fármacos que sofram glucuronidação pode levar a maior.

34.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; IZAR, MCO . Efeitos pleiotrópicos dos hipolipemiantes. In: Francisco Antonio Helfenstein Fonseca. (Org.). Doenças Cardiovasculares - Terapêutica Clínica. 1ed.São Paulo: Planmark, 2006, v. 1, p. 97-100.
Palavras-chave: hipolipemiantes; efeitos pleiotrópicos; estatinas; ezetimiba.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1; ISBN: 9788560500013.
Ácidos Graxos Ômega-3 Os benefícios dos ácidos graxos ômega-3 de origem marinha na mortalidade cardiovascular foram reconhecidos há duas décadas. De fato, os ácidos graxos eicosapentaenóico (EPA) e docosahexaenóico (DHA) parecem possuir várias propriedades atenuantes da doença aterotrombótica, com efeitos favoráveis na hemostasia, isquemia, arritmias e proliferação celular. Tem sido descrito que várias das ações antiateroscleróticas destes ácidos graxos marinhos derivam de benefícios sobre a função endotelial. De fato, a suplementação com óleo de peixe aumenta a produção do óxido nítrico, melhorando a vasorreatividade dependente do endotélio. Esta melhora da função endotelial pode explicar a redução da pressão arterial observada em pacientes que consomem estes ácidos graxos poliinsaturados. Como o EPA e o DHA atual constituem substratos alternativos para a ciclooxigenase e a lipooxigenase, estas moléculas também reduzem a formação de tromboxane A2 como também de prostaglandinas inflamatórias. Assim, estas substâncias podem exercer efeitos favoráveis na hemostasia e inflamação. Por atuar em canais iônicos, estes ácidos graxos também exercem algumas ações antiarrítmicas, influenciando canais de cálcio voltagem-dependentes, bem como canais de sódio, com redução de arritmias experimentalmente induzidas por vários estímulos. Em conclusão: estes ácidos graxos ômega-3 exercem efeitos pleiotrópicos por meio de múltiplas ações: - Ações anti-trombóticas: redução de agregabilidade plaquetária, viscosidade sanguínea e influenciando a expressão de outros fatores da hemostasia. - Ações anti-aterogênicas: redução de triglicérides, inibição de migração e proliferação de células musculares lisas, redução de citocinas e moléculas de adesão. - Ações anti-arrítmicas: influência sobre canais iônicos, aumento no limiar para fibrilação ventricular, fluidez de membrana e redução de dano isquêmico. - Ações vasoprotetoras: melhora da função endotelial, modulação da interaç.

35.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IZAR MC . Interações Farmacológicas. In: Fonseca FAH. (Org.). Doenças Cardiovasculares - Terapêutica Clínica. 17ed.São Paulo: Editora PlanMark Ltda, 2006, v. 1, p. -14.
Palavras-chave: estatinas; inibidores da absorção de colesterol; fibratos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 17; ISBN: 8560566015.

36.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IZAR, MCO . Perspectivas Futuras. In: José Mendes Aldrighi; André Farpad Faludi; Antonio de Pádua Mansur. (Org.). Doença Cardiovascular na Mulher. 1ed.São Paulo: Editora Atheneu, 2005, v. 1, p. 277-282.
Palavras-chave: Climatério; doenças cardiovasculares; menopausa.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Populações Humanas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1; ISBN: 8573797150.

37.
IZAR, MCO ; KASINSKI, Nelson ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Dislipidemias: Diagnóstico e Tratamento. In: Fernando Nobre; Carlos V. Serrano Jr. (Org.). Tratato de Cardiologia da SOCESP. 1ªed.São Paulo: Editora Manole Ltda., 2005, v. 1, p. 354-368.
Palavras-chave: dislipidemias; Diagnóstico e Tratamento.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Populações Humanas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1ª; ISBN: 8520423639.

38.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda . Estratégias para estabilização e regressão da placa aterosclerótica: inflamação, transporte reverso de colesterol, ou ambos?. In: Dikran Armaganijan; Iran Castro; Antonio Felipe Simão; Dario C Sobral Filho. (Org.). PROCARDIOL- Programa de atualização em cardiologia. Porto Alegre: , 2005, v. , p. 11-34.
Palavras-chave: aterosclerose; regressão; inflamação; estatinas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso.

39.
MORENO JÚNIOR, Heitor ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Conceitos e condutas: mecanismos fisiopatológicos. In: Oswaldo Passarelli Júnior; Andréa Araujo Brandão; Flávio Danni Fuchs. (Org.). Pocket book: Síndrome Metabólica. 1ed.Rio de Janeiro: Diagraphic Editora, 2004, v. 1, p. 9-14.
Palavras-chave: diabetes mellitus; hipertensão arterial; Distúrbios do metabolismo; resistência à insulina.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1; ISBN: 8589718115.

40.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Impacto do tratamento das dislipidemias na doença cardiovascular - Revendo os estudos clínicos e vislumbrando o futuro. In: Hermes T. Xavier. (Org.). Manual de dislipidemias e cardiometabolismo. 1ed.São Paulo: , 2004, v. 1, p. 173-181.
Palavras-chave: aterosclerose; Doenças cardiovasculares - Fatores de risco; Hiperlipidemia; Sistemas Cardiovascular - Metabolismo.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1.

41.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; KUYMJIAN, Valter ; IZAR, MCO . Lípides e endotélio. In: Protásio Lemos da Luz; Francisco Rafael Martins Laurindo; Antonio Carlos Palandri Chagas. (Org.). Endotélio e doenças cardiovasculares. 1aed.São Paulo: Editora Atheneu, 2003, v. , p. 181-191.
Palavras-chave: endotélio; colesterol; dislipidemias; óxido nítrico.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1a; ISBN: 8573796022.
A hipercolesterolemia e outras desordens lipídicas que levam à aterosclerose estão associadas a uma redução da atividade do óxido nítrico (NO). Esta redução pode ser decorrente de diminuição na sua síntese ou de aumento na sua degradação. Desta forma , a menor atividade de do NO favorece a vasoconstrição, adesão e agregação plaquetárias, aderência de monócitos, proliferação celular e geração de ânion superóxido, por via dependente ou independente da GMPc. O aumento na atividade pode representar hoje uma nova estratégia na prevenção da aterosclerose e suas complicações..

42.
IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; LOPES, Ieda Edite Lanzarini ; IZAR, MCO ; SALGADO FILHO, Wilson ; MARTINEZ, Tânia Leme da Rocha . Aterogênese. In: Tânia Leme da Rocha Martinez. (Org.). Manual de condutas clínicas em dislipidemias. 1aed.Rio de janeiro: MedLine, 2003, v. , p. 35-51.
Palavras-chave: aterogênese; inflamação; lípides; vias de sinalização.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1a; ISBN: 8589896013.
A aterosclerose é considerada modernamente doença inflamatória, onde participam células inflamatórias, citocinas, lípides oxidados, que se acumulam na camada subendotelial, passível de ruptura e exposição de seu conteúdo trombogênico, favorecendo assim os eventos agudos. Mecanismos de sinalização envolvendo os microdomínios da membrana plasmática associam-se ao processo aterogênico, onde em presença de hipercolesterolemia, há uma menor biodisponibilidade de óxido nítrico, levando à perda do tono vasodilatador, oxidação, inflamação e apoptose. As LDL oxidadas por múltiplas vias de sinalização parecem atuar ativando fatores de transcrição para a proliferação de células participantes do processo de aterogênese. O NF-kB também participa desse processo num desbalanço de atividades protetoras-aterogênicas..

43.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Inter-relação entre aterosclerose e trombose nas síndromes coronárias agudas.. In: Ari Timerman; Gilson Soares Feitosa. (Org.). \Síndromes coronárias agudas.. 1aed.São Paulo: Editora Atheneu, 2003, v. 1, p. 13-20.
Palavras-chave: endotélio; trombose; lípides; aterosclerose.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Número da revisão: 1a.
A aterosclerose considerada até algumas décadas como um processo de envelhecimento dos vasos, é hoje uma moléstia passível de modificações na sua história natural com base em novos conhecimentos fisiopatológicos e possibilidades de intervenção. Além da hipótese lipídica, validada no estudo dos sete países, com a redução do teor de gorduras saturadas e de colesterol na dieta associando-se `a redução de eventos cardiovasculares, da teoria de resposta à injúria, e da inflamação, sabe-se hoje que estes processos em conjunto associam-se a uma maior trombogenicidade. Esta ocorre em decorrência de perda de propriedades antitrombóticas e fibrinolíticas por parte do endotélio disfuncionante, por maior expressão de fator tecidual no subendotélio vascular, por dislipidemia, especialmente pelo aumento de partículas ricas em triglicérides, capazes de ativar o fator VII e o XII, mas também pelos níveis elevados de LDL, favorecendo a ativação plaquetária, ou pela deficiência de HDL-c, que pobre em apo E ou apo AI não mais é capaz de inibir esse processo..

44.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Dislipidemias. In: Celso Ferreira; Rui Póvoa. (Org.). Cardiologia para o clínico geral. 1aed.São Paulo: Editora Atheneu, 1999, v. 1, p. 165-175.
Palavras-chave: lípides; endotélio; aterosclerose.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Série: 1; Número da revisão: 1a.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
IZAR, MCO . Stents por um fio?. Isto é Gente, São Paulo, 12 abr. 2007.
Palavras-chave: angioplastia coronária; angina estável; estatinas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Data de publicação: 12/04/2007.
Estudo mostrou que o tratamento clínico optimizado é equivalente ao emprego da angioplastia coronária associada ao tratamento clínico optimizado em pacientes com angina estável com respeito à mortalidade, infarto do miocárdio..

2.
IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Aterosclerose e Síndrome Metabólica. Congresses Update - XXV Congress Anual - SOCESP, Campos do Jordão - São Paulo, p. 12 - 12, 13 maio 2004.
Palavras-chave: aterosclerose; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Data de publicação: 13/05/2004.

3.
IZAR, MCO . HDL baixo: Devemos tratar?. Jornal da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, São Paulo.
Palavras-chave: HDL-colesterol; estatinas; fibratos; niacina; apo-miméticos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.br.
Parecer do especialista sobre tema de interesse do público médico cardiologista..

4.
IZAR, MCO . Cada sequência, uma sentença. DNA São Luiz, São Paulo, p. 1 - 5.
Palavras-chave: genética; nutrigenética; nutrigenômica; fitosteróis; fitosterolemia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Brasil/Português; Meio de divulgação: Impresso.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
Matos, LN ; MACHADO, VA ; BARBOSA, Sílvio Alves ; FONSECA, Marília I H ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; Borges, Ney C ; IZAR, MCO . Effects of Phytosterol Supplementation to the Maximum Lipid-lowering Therapy in Familial Hypercholesterolemia. In: American College of Cardiology's 62nd Annual Scientific Session po, 2013, San Francisco. Journal of the American College of Cardiology (Print). Amsterdan: Elsevier, 2013. v. 61. p. A361-A361.
Palavras-chave: desmosterol; campesterol; beta-sitosterol; familial hypercholesterolemia; statins; ezetiimibe.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; ISSN/ISBN: 07351097.
Background Objectives: Familial hypercholesterolemia (FH) is a severe form of inherited dyslipidemia, whose treatment requires lipid-lowering therapy in high doses or associations. Phytosterol supplementation may improve achieving goals, but the effect of these therapies on absorption and synthesis of sterols is not well described. We aimed at evaluating the effects of the addition of phytosterols to lipid-lowering therapy, alone or combined, on lipids, markers of sterol synthesis and absorption. Methods: A prospective randomized open label with blinded analysis of results included 42 individuals of both sexes with clinical (Dutch MedPed, Simon Broome) and / or genetic diagnosis of FH. After discontinuation of prior lipid-lowering therapy, and under diet orientation according to NCEP / ATPIII guidelines, patients were randomized to receive 12 weeks (s) of simvastatin 80 mg (S) or simvastatin 80 mg / ezetimibe 10 mg (SE). In the next phase we associated 2 g / day of free phytosterol (Vegapure) encapsulated to prior treatments for another 12s. Lipids, apolipoproteins, absorption markers (campesterol and beta-sitosterol) and endogenous cholesterol synthesis (desmosterol), all by UPLC / MS / MS were evaluated at baseline, 12 and 24s. Control/Tracking Number: 13-A-12248-ACC Results: The groups were comparable at baseline. In the first phase, both therapies reduced TC, LDL-C, triglycerides and Apo B (p <0.001 vs. Baseline), but the changes were greater with SE (p <0.05 vs. S). The addition of 2g of phytosterols further reduced TC, LDL-C and ApoB only in the group SE (p <0.05). S alone or associated with FS did not change the sterols, but the relations of markers absorption / cholesterol levels increased in group S alone (p <0.05). SE reduced campesterol and beta-sitosterol in two phases (p <0.001). Levels of beta-sitosterol and campesterol were lower in group SE (p <0.001 vs. S), with no differences between groups in the values ​​obtained for desmosterol..

2.
KASMAS, SH ; IZAR, MCO ; FRANCA, C. N. ; Ramos, Silvia C ; Moreira, FT ; HELFENSTEIN, T ; Povoa, R. M. ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; Fonseca, FAH . Comparison between two highly effective lipid-lowering therapies on markers of cholesterol synthesis and absorption. In: World Congress of Cardiology 2012, 2012, Dubai. Circulation (New York, N.Y.). PHILADELPHIA: LIPPINCOTT WILLIAMS & WILKINS, 2012. v. 25. p. E708-E708.
Palavras-chave: cholesterol; Plant sterols; lipid-lowering treatment.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.worldcardiocongress.org; ISSN/ISBN: 00097322.
Introduction: Highly effective statin therapy is related to marked reduction on cardiovascular events. However, the impact of similar LDL-cholesterol levels achieved by combined lipid-lowering therapy on cardiovascular disease remains controversial. Objectives: Our study aimed to compare the effects of two equally effective lipid-lowering strategies on markers of cholesterol synthesis and absorption. Methods: A prospective, open-label, randomized, parallel design study, with blinded endpoints, included 116 subjects. The effects of rosuvastatin 40 mg or the combination of simvastatin 40 mg with ezetimibe 10 mg, given daily for 12 weeks were compared on two markers of cholesterol absorption (campesterol and β-sitosterol) and one marker of endogenous cholesterol synthesis (desmosterol). Results: Both therapies similarly decreased total cholesterol, LDL-cholesterol, triglycerides and apolipoprotein B (p<0.0001 vs. baseline), increased apolipoprotein A1 (p=0.02 vs. baseline), and did not modify HDL-cholesterol. However, treatment with simvastatin plus ezetimibe increased desmosterol (p=0.01 vs. baseline), and decreased campesterol and β-sitosterol plasma levels (p<0.0001 for both vs. baseline). When compared with rosuvastatin, those subjects treated with simvastatin plus ezetimibe also presented higher levels of desmosterol (p=0.007) and lower levels for campesterol and β-sitosterol (p<0.0001 for both). Simvastatin plus ezetimibe decreased campesterol/desmosterol and β-sitosterol/desmosterol ratios at the end of study (p<0.0001 vs. baseline for both), and these ratios were not modified by treatment with rosuvastatin. Conclusion: When combined with ezetimibe, simvastatin was insufficient to avert the increase in endogenous cholesterol synthesis. Differences in cholesterol homeostasis between these strategies may account for some unexpected results of the combined therapy on cardiovascular disease prevention..

3.
Feio, Claudine A ; IZAR, MCO ; Ihara, Silvia S. ; KASMAS, SH ; Martins, Celma M ; Feio, Max N ; Maués, Luís A ; Fonseca, Francisco A . Euterpe oleracea (açai) modifies sterol metabolism and attenuates experimentally-induced atherosclerosis. In: World Congress of Cardiology 2012, 2012, Dubai. Circulation (New York, N.Y.). PHILADELPHIA: LIPPINCOTT WILLIAMS & WILKINS, 2012. v. 125. p. E924-E924.
Palavras-chave: Euterpe oleracea; Plant sterols; atherosclerosis.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.worldcardiocongress.org; ISSN/ISBN: 00097322.
Introduction: Euterpe oleracea (açaí) is a fruit from the Amazon region, largely consumed in Brazil and exported to many countries, whose chemical composition may be beneficial for individuals with atherosclerosis. Euterpe oleracea is rich in anthocyanic compounds and several polyphenols; the oil from Euterpe oleracea is composed of monounsaturated fatty acids (60%), 13% polyunsaturated, fibers, vitamin E. There are reports of lipid-lowering effets in hypercholesterolemic rats. However, properties on atherosclerosis are poorly understood. Objectives: We hypothesized that consumption of Euterpe oleracea would reduce atherosclerosis development by a decrease in cholesterol absorption and synthesis. Methods: Male New Zealand rabbits were fed a cholesterol-enriched diet (0.5%) for 12 weeks, when they were randomized to receive Euterpe oleracea extract or water plus a 0.05% cholesterol-enriched diet for additional 12 weeks. Plasma phytosterols and desmosterol were determined by ultra performance liquid chromatography and mass spectrometry. Atherosclerotic lesions were estimated by computerized planimetry. I/M ratios and plaque composition were also assessed. Results: At sacrifice, animals treated with Euterpe oleracea had lower levels of total cholesterol (p=0.03) and non-HDL-cholesterol (p=0.03) as compared to controls. These animals had smaller atherosclerotic plaque area in their aortas (p=0.001) and a smaller intima/media ratio (p=0.002) in comparison with controls. At the end of the study, campesterol, β-sitosterol, and desmosterol plasma levels did not differ between groups. However, animals treated with Euterpe oleracea showed lower values for the desmosterol/campesterol (p=0.026) and desmosterol/β- sitosterol (p=0.006) ratios as compared to controls. Conclusion: Consumption of Euterpe oleracea extract markedly improved the lipid profile and attenuated atherosclerosis. These effects were related in part to a better balance in the synthesis and absorp.

4.
Pomaro, Daniel R. ; Fonseca, FAH ; IZAR, MCO ; CASARINI, Dulce Elena ; Nader, HB ; Ribeiro, D ; HELFENSTEIN, T ; Sakai, P ; Carlin, V ; Ihara, Silvia S . Effect of angiotensin-converting enzyme inhibitor on DNA damage and inflammatory molecules expression in rabbit aortic endothelial cells cultured in vitro in hypercholesterolemic and hyperglycemic conditions. In: World Congress of Cardiology 2012, 2012, Dubai. Circulation (New York, N.Y.). PHILADELPHIA: LIPPINCOTT WILLIAMS & WILKINS, 2012. v. 125. p. E922-E922.
Palavras-chave: angioten-converting enzyme; rabbits; hypercholesterolemia; hyperglycemia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Emirados Árabes/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.worldcardiocongress.org; ISSN/ISBN: 00097322.
Introduction: Diabetes mellitus is a major risk factor for vascular diseases such asatherosclerosis. The inhibitionof the renin-angiotensin system may exert a protective effect on the development of atherosclerosis. Objectives: The current study aimed to verify the action of an ACEI in endothelial cells that were cultured in vitro under hypercholesterolemic and hyperglycemic conditions. Methods: Rabbit aortic endothelial cellswere cultured in medium with ox-LDL (30 μg) and22.2 mMor 5.5 mMof glucose in the presence or absence of an ACEI (1 mM quinapril). The expression profiles of the inflammatory markers ICAM-1 and MCP-1 were analyzed using immunocytochemistry and quantified using image analysis software. In addition, DNA damage was analyzed using the comet assay. Results: We observed a reduction in ICAM-1expression in endothelial cells that were treated with ACEI and cultured in medium containing a low concentration of glucose. The expression of MCP-1 was reduced in cells that were cultured with a low concentration of glucose in an ACEI-independent manner. No differences were observed in the percentage of DNA damage among the groups. Conclusion: Using an in vitro model, we observed that ACEI reduced the expression of inflammatory proteins in endothelial cells, and this protective effect depended onthe glycemic control..

5.
TEGANI, DM ; KASMAS, SH ; Fonseca, FAH ; Povoa, R. M. ; BARBOSA, Sílvio Alves ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; IZAR, MCO . Impact of plant sterol supplementation on sterols metabolism in patients under different lipid-lowering therapies. In: World Congress of Cardiology, 2012, Dubai. Circulation (New York, N.Y.). PHILADELPHIA: LIPPINCOTT WILLIAMS & WILKINS, 2012. v. 125. p. E910-E910.
Palavras-chave: Plant sterols; lipid-lowering treatment; sterols metabolism.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.worldcardiocongress.org; ISSN/ISBN: 00097322.
Introduction: Dietary ingestion of phytosterols is considered a healthy choice, for it promotes reduction in cholesterol absorption. However, phytosterol intake can augment its plasma levels, and phytosterolemia is a marker of cardiovascular disease. There are controversial data on phytosterol supplementation either as functional foods or encapsulated. Objectives: We hypothesized that phytosterol supplementation could affect the balance between cholesterol absorption and synthesis, in subjects taking lipid-lowering strategies with different mechanisms of action. Methods: In a prospective, randomized, open label study, patients of both genders, 30 to 75 years, in primary or secondary prevention of coronary heart disease, with an indication for lipid-lowering therapy were selected. After a 4-wk run-in period with atorvastatin 10 mg, they were randomized to atorvastatin 40 mg (GI), ezetimibe 10 mg (GII) or combination of atorvastatin 40 mg plus ezetimibe 10 mg (GIII) per day for another 4-wk period (phase I). On phase II, in addition to the previous lipid-lowering therapies, the patients received 2.0 mg of encapsulated β-sitosterol. Lipids, markers of cholesterol absorption (β-sitosterol and campesterol) and synthesis (desmosterol) were measured at each time point. Results: Baseline characteristics were similar among groups. Atorvastatin and the combined therapy decreased total and LDL-C, triglycerides and Apo B (p<0.001 vs. baseline, GLM-repeated measures), whereas ezetimibe did not change these parameters after run-in period with atorvastatin. Campesterol and β-sitosterol were reduced in ezetimibe or combined therapy groups, whereas atorvastatin increased these absorption markers (p<0.01 vs baseline, GLM-repeated measures). On the other hand, ezetimibe alone doubled cholesterol synthesis. and associated with phytosterol supplementation supplementation, tripled desmosterol (p=0.017 vs. other groups). Campesterol/desmosterol and β-sitosterol/desm.

6.
França, Carolina N. ; IZAR, MCO ; PINHEIRO, Luís Fernando Muniz ; BARBOSA, SMP ; Fonseca, FAH . Inverse relationship between clopidogrel serum levels and endothelial and platelet microparticles in subjects with coronary heart disease. In: World Congress of Cardiology 2012, 2012, Dubai. Circulation (New York, N.Y.). PHILADELPHIA: LIPPINCOTT WILLIAMS & WILKINS, 2012. v. 125. p. E923-E924.
Palavras-chave: clopidogrel; estatinas; interação farmacocinética.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Emirados Árabes/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.worldcardiocongress.org; ISSN/ISBN: 00097322.
Introduction: Increased number of endothelial and platelet microparticles have been related to cardiovascular risk factors and coronary heart disease. Little is known regarding the early effects of statins and clopidogrel, drugs commonly prescribed for these patients. Objectives: Our study aimed at evaluating the effects of atorvastatin and clopidogrel, alone or combined on endothelial and platelet microparticles, and endothelial progenitor cells. Methods: A prospective open-label study enrolled subjects with stable coronary disease (n=26). Atorvastatin 80 mg was given daily for 3-wk (visits 1-3), and clopidogrel 75 mg daily for 3-wk (visits 2-4). Counts of endothelial progenitor cells (CD34+/CD133+/KDR+, %), endothelial microparticles (CD51+) and platelet microparticles (CD42+/CD31+) were assayed by flow cytometry. Pharmacokinetic parameters were estimated over 24h on each visit by HPLC and mass spectrometry. Correlations were tested by Spearman test. Results: For platelet microparticles, we found negative correlation with clopidogrel CMax on visit 3 (rho=-0.57, p=0.006), and visit 4 (rho=-0.54, p=0.01), as well as for the clopidogrel AUC on visit 2 (rho=-0.43, p=0.049), visit 3 (rho=-0.44, p=0.04), and visit 4 (rho=-0.57, p=0.005). For endothelial microparticles, a negative correlation with clopidogrel AUC was found on visit 2 (rho=-0.43, p=0.04). In addition, clopidogrel CMax was correlated with endothelial progenitor cell (CD133+/KDR+) on visit 4 (rho=0.48, p=0.02). No correlations for microparticles or endothelial progenitor cells were found with atorvastatin. Conclusion: The balance between microparticles release and endothelial progenitor cells mobilization seems importantly affected by the clopidogrel serum levels, suggesting a new protective mechanism on coronary heart disease..

7.
BITTENCOURT, CR ; IZAR, MCO ; França, Carolina N. ; Camargo, LM ; Kasmas, Soraia H. ; Fonseca, FAH . Exercício de alto desempenho promove mobilização de células progenitoras endoteliais e ótimo peril bioquímico. In: XXXIII Congresso da SOCESP, 2012, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2012. v. 22. p. 101-101.
Palavras-chave: atletas; células endoteliais progenitoras; exercício físico.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Fisiologia / Subárea: Fisiologia de Órgãos e Sistemas / Especialidade: Fisiologia Cardiovascular.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

8.
Ferreira, CE ; IZAR, MCO ; França, Carolina N. ; Melchior, R ; Fonseca, FAH . Aumento dos níveis de mieloperoxidase em duas estratégias hipolipemiantes. In: XXXIII Congresso de Cardiologia da SOCESP, 2012, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2012. v. 22. p. 102-102.
Palavras-chave: mieloperoxidase; hipolipemiantes/administração &dosagem.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: biomarcadores.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

9.
Pinheiro, Luiz F. M. ; IZAR, MCO ; França, Carolina N. ; Kasmas, Soraia H ; Barbosa, Simone P. ; Bianco, Henrique T. ; Povoa, Rui M. ; Fonseca, FAH . Interações farmacocinéticas entre clopidogrel e rosuvastatina: proteção vascular na doença coronária. In: XXXIII Congresso de Cardiologia da SOCESP, 2012, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2012. v. 22. p. 119-119.
Palavras-chave: farmacocinética; estatinas; clopidogrel.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: doença arterial coronária.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

10.
Bianco, Henrique T. ; IZAR, MCO ; Fonseca, Henrique A. R. ; Fischer, Simone C. ; Ferreira, CE ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Povoa, Rui M. ; Xavier, Hermes Toros ; Fonseca, FAH . Preditores de desfechos cardiovasculares em longo prazo em pacientes com diabetes mellitus. In: XXXIII Congresso de Cardiologia da SOCESP, 2012, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2012. v. 22. p. 142-142.
Palavras-chave: hipertrofia ventricular esquerda; taxa de filtração glomerular; infarto do miocárdio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

11.
Tegani, Daniela M. ; Kasmas, Soraia H ; BARBOSA, Sílvio Alves ; Fonseca, FAH ; IZAR, MCO . Impacto da suplementação de fitosteróis no metabolismo do colesterol em pacientes sob diferentes regimes hipolipemiantes. In: XXXIII COngresso de Cardiologia da SOCESP, 2012, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2012. v. 22. p. 199-199.
Palavras-chave: fitosteróis; estatinas; inibidores da absorção de colesterol.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

12.
MACHADO, VA ; Martins, Celma M ; Fonseca, FAH ; Bianco, Henrique T. ; BARBOSA, Sílvio Alves ; IZAR, MCO . Hipercolesterolemia familiar: efeitos da suplementação de fitosteróis à terapia hipolipemiante. In: XXXIII Congresso de Cardiologia da SOCESP, 2012, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2012. v. 22. p. 200-200.
Palavras-chave: hipercolesterolemia familiar; fitosteróis; dislipidemia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

13.
Martins, Celma M ; MACHADO, VA ; Fonseca, FAH ; Godoy, HT ; IZAR, MCO . Quantificação de fitosteróis alimentares e estimativa de seu consumo na população da cidade de São Paulo. In: XXXIII Congresso de Cardiologia da SOCESP, 2012, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2012. v. 22. p. 251-251.
Palavras-chave: fitosteróis; beta-sitosterol; campesterol; stigmasterol.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

14.
IZAR, MCO ; França, Carolina N. ; Pinheiro, L. F. ; Bianco, Henrique T. ; Kasmas, Soraia H ; Povoa, R. M. ; BARBOSA, SMP ; Fonseca, FAH . ENDOTHELIAL PROGENITOR CELLS MOBILIZATION AND PLATELET MICROPARTICLES RELEASE ARE INFLUENCED BY CLOPIDOGREL PLASMA LEVELS IN STABLE CORONARY HEART DISEASE. In: 61st Annual Scientific Session and Expo of the American-College-of-Cardiology (ACC) Location, 2012, Chicago. Journal of the American College of Cardiology (Print). NEW YORK: ELSEVIER SCIENCE INC, 2012. v. 59. p. E1542-E1542.
Palavras-chave: Pharmacokinetics; clopidogrel; statins.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose / Especialidade: Endotélio.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 07351097.
Background Increased number of endothelial (EMP) and platelet (PMP) microparticles has been related to cardiovascular risk factors and coronary heart disease. Little is known regarding early effects of statins and clopidogrel on these new biomarkers of vascular homeostasis. Our study evaluated pharmacokinetic interactions between atorvastatin and clopidogrel and their effects, alone or combined, on EMP, PMP, and endothelial progenitor cells (EPC). Methods A prospective open-label study enrolled subjects with stable coronary disease (n=26). Drugs were given daily for 3 weeks (atorvastatin 80 mg, visit 1-3; clopidogrel 75 mg, visit 2-4). Counts of EPC (CD34+/CD133+/KDR+), EMP (CD51+) and PMP (CD42+/CD31+), and pharmacokinetic parameters over 24h were assessed at each visit. Results Atorvastatin plasma concentrations were increased by concomitant therapy with clopidogrel (Cmax, p=0.002; AUClast, p=0.03). After atorvastatin withdrawal there was an increase in clopidogrel plasma concentrations (Cmax, p=0.009; AUClast, p=0.039). PMP were inversely correlated with clopidogrel Cmax on visit 3 (rho=-0.57, p=0.006) and visit 4 (rho=-0.54, p=0.01), and with clopidogrel AUClast on visit 3 (rho=-0.44, p=0.04), and visit 4 (rho=-0.57, p=0.005). In addition, clopidogrel Cmax was correlated with EPC (CD133+/KDR+) on visit 4 (rho=0.48, p=0.025). No correlations of atorvastatin and MP or EPC were found. Conclusions The balance between platelet MP release and EPC mobilization seems influenced by clopidogrel plasma levels, suggesting a protective mechanism on coronary heart disease. .

15.
IZAR, MCO ; Pinheiro, L. F. ; França, Carolina N. ; BARBOSA, SMP ; Kasmas, Soraia H. ; Bianco, Henrique T. ; Povoa, R. M. ; Fonseca, F.A.H. . PHARMACOKINETIC INTERACTIONS BETWEEN CLOPIDOGREL AND ROSUVASTATIN: EFFECTS ON VASCULAR PROTECTION IN SUBJECTS WITH CORONARY HEART DISEASE. In: 61st Annual Scientific Session and Expo of the American-College-of-Cardiology (ACC), 2012, Chicago. Journal of the American College of Cardiology (Print). NEW YORK: ELSEVIER SCIENCE INC, 2012. v. 59. p. E1538-E1538.
Palavras-chave: clopidogrel; Pharmacokinetics; statins.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: doença arterial coronária.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 07351097.
Background Genetic polymorphisms in the hepatic cytochrome P450 (CYP2C19) affect the antiplatelet effects of clopidogrel. Rosuvastatin is partially metabolized by the same cytochrome. We hypothesized that pharmacokinetic interactions between these drugs might affect their individual responses on vascular protection. Methods Patients with stable coronary heart disease (N=20) were submitted to four consecutive 1-wk therapeutic regimens: aspirin, rosuvastatin, rosuvastatin plus clopidogrel, or clopidogrel alone. Results Clopidogrel loading dose (300 mg) increased the area under the curve from 0-to the last detectable concentration (AUClast, p<0.001) and the maximal concentration (Cmax, p=0.011) of rosuvastatin, but there was modest interaction with clopidogrel 75 mg. Clopidogrel concentrations were not affected by rosuvastatin. Rosuvastatin did not reduce the effectiveness of in vitro platelet aggregation inhibition by clopidogrel. However, the amount of plasma platelet microparticles increased after withdrawal of rosuvastatin, despite continuous clopidogrel therapy. Remarkable improvement in the flow-mediated dilation was observed 24 h after rosuvastatin initiation, and it was not affected by concomitant clopidogrel therapy or related to the circulating endothelial progenitor cells. Conclusions This study shows beneficial pharmacokinetic interaction between clopidogrel and rosuvastatin that seems to extend the vascular protection provided by each drug, highlighting the importance of the combined therapy for subjects with coronary heart disease..

16.
Matos, LN ; MACHADO, VA ; FONSECA, Francisco A H ; Martins, Celma M ; Fonseca, HAR ; Bianco, Henrique T. ; Schaefer, E ; IZAR, MCO . Distribuição das subfrações de colesterol HDL na Doença de Dercum. In: 67º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2012, Recife. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: SBC - Núcleo Interno de Design, 2012. v. 99. p. 110-110.
Palavras-chave: Doença de Dercum; HDL; subfrações.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

17.
Bianco, Henrique T. ; IZAR, MCO ; Xavier, Hermes Toros ; Povoa, R. M. ; Fischer, Simone C. ; Barbosa, Simone P. ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SARAIVA, José Francisco Kerr ; Cerci, MSJ ; FONSECA, Francisco A H . Preditores de desfechos de cardiovasculares em longo prazo em pacientes com diabetes mellitus tipo 2. In: 67º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2012, Recife. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: SBC - Núcleo Interno de Design, 2012. v. 99. p. 33-33.
Palavras-chave: Diabete melito tipo 2; valor preditivo.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

18.
BITTENCOURT, CR ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO ; FRANCA, C. N. ; KASMAS, SH ; Camargo, LM ; Schwerz, V . Exercício de alto desempenho promove mobilização de células progenitoras endoteliais e ótimo perfi bioquímico. In: 67º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2012, Recife. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: SBC - Núcleo Interno de Design, 2012. v. 99. p. 33-33.
Palavras-chave: células endoteliais progenitoras; micropartículas; exercício físico.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biofísica / Subárea: Biofísica Celular / Especialidade: Biologia Vascular.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Educação Física / Subárea: fisiologia do exercício.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

19.
MACHADO, VA ; Martins, Celma M ; FONSECA, Francisco A H ; Bianco, Henrique T. ; BARBOSA, Sílvio Alves ; IZAR, MCO . Hipercolesterolemia familiar: efeitos da suplementação de fitosteróis à terapia hipolipemiante. In: 67º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2012, Recife. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: SBC - Núcleo Interno de Design, 2012. v. 99. p. 101.
Palavras-chave: hipercolesterolemia familiar; fitosteróis; hipolipemiantes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.

20.
Martins, Celma M ; MACHADO, VA ; FONSECA, Francisco A H ; Godoy, HT ; IZAR, MCO . Quantificação de fitosteróis alimentares e estimativa de seu consumo na população da cidade de São Paulo. In: 67º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2012, Recife. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: SBC - Núcleo Interno de Design, 2012. v. 99. p. 112-112.
Palavras-chave: fitosteróis; consumo.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

21.
Pinheiro, L. F. ; IZAR, MCO ; França, Carolina N. ; Barbosa, Simone P. ; Bianco, Henrique T. ; Kasmas, Soraia H ; Povoa, R. M. ; Fonseca, FAH . Pharmacokinetic interactions between clopidogrel and rosuvastatin: effects on vascular protection in subjects with coronary heart disease. In: ESC Congress 2012, 2012, Munique. European Heart Journal Supplements, 2012.
Palavras-chave: farmacocinética; estatinas; clopidogrel.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Alemanha/ Inglês; Meio de divulgação: Digital.
Background/Objectives: Genetic polymorphisms in the hepatic cytochrome P450 (CYP2C19) affect the antiplatelet effects of clopidogrel. Rosuvastatin is partially metabolized by the same cytochrome. We hypothesized that pharmacokinetic interactions between these drugs might affect their individual responses on vascular protection. Methods: Patients with stable coronary heart disease (N=20) were submitted to four consecutive 1-wk therapeutic regimens: aspirin, rosuvastatin 40 mg, rosuvastatin 40 mg plus clopidogrel 75 mg, or clopidogrel 75 mg alone. A loading dose of 300 mg clopidogrel was given in the first day. Biochemistry, platelet function (multiplatelet analyzer), flow-mediated dilation (ultrasound of the brachial artery), endothelial progenitor cells, and microparticles (flow-citometry) were assessed at all visits. Pharmacokinetics of clopidogrel and rosuvastatin were assessed by liquid chromatography and mass spectrometry (LC/MS/MS). Results: Remarkable changes on LDL-cholesterol levels after 1-wk of statin therapy (-39%) as well as after 1-wk of its withdrawal (+61%) were observed. Clopidogrel loading dose (300 mg) increased the area under the curve from 0-to the last detectable concentration (AUClast, p<0.001) and the maximal concentration (Cmax, p=0.011) of rosuvastatin, but there was modest interaction with clopidogrel 75 mg. Clopidogrel concentrations were not affected by rosuvastatin. Rosuvastatin did not reduce the effectiveness of in vitro platelet aggregation inhibition by clopidogrel. However, the amount of plasma platelet microparticles increased after withdrawal of rosuvastatin, despite continuous clopidogrel therapy. Remarkable improvement in the flow-mediated dilation was observed 24 h after rosuvastatin initiation, and it was not affected by concomitant clopidogrel therapy or related to the circulating endothelial progenitor cells. Conclusions: This study shows beneficial pharmacokinetic interaction between clopidogrel and rosuvastatin that seems.

22.
Bianco, Henrique T. ; IZAR, MCO ; Fonseca, Henrique A. R. ; Fonseca, F.A.H. . Predictors of long-term cardiovascular outcomes in patients with type 2 diabetes mellitus. In: ESC Congress 2012, 2012, Munique. European Heart Journal Supplements, 2012.
Palavras-chave: Diabete melito tipo 2; PREDITORES.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Alemanha/ Inglês; Meio de divulgação: Digital.

23.
Fonseca, H. A. ; Fonseca, FAH ; Monteiro AM ; Bianco, Henrique T. ; Povoa, R. M. ; Brandão, Sergio A. ; gidlund, Magnus ; IZAR, MCO . Inflammatory Environment and Immune Responses to Oxidized LDL are Linked to Systolic and Diastolic Blood Pressure Levels in Hypertensive Subjects. In: 80th EAS Congress, 2012, Milão. Atherosclerosis Supplements, 2012.
Palavras-chave: oxidized LDL; autoantibodies; inflammation; hypertension.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Holanda/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://eas.ekonnect.co/EAS_279/poster_30311/program.aspx.
Introduction: Hypertension has been considered an inflammatory disease. We hypothesized that part of the beneficial effect of blood pressure (BP) lowering on cardiovascular disease may be related to changes in the adaptive immunity and inflammatory environment. Objectives: To evaluate the relationship between blood pressure levels and titers of autoantibodies (abs) against oxidized LDL (oxLDL), and inflammatory cytokines. Methods: Consecutive hypertensive subjects (n=58) were included in this cross-sectional study. Patients were divided among those with better or poorer BP control, based on the 50th percentile of BP. The anti-oxLDL abs, autoantibodies against the apoB-D peptide anti-apoB-D abs), and interleukins were quantified by ELISA. Results: Compared with poorer BP control, better BP control was associated with lower titers of IL-8 (P=0.02) and higher titers of IL-10 (P < 0.001). They also presented lower titers for anti-apoB-D abs (P=0.002) and higher anti-oxLDL abs levels (P< 0.001). We observed inverse correlations between anti-oxLDL abs and both systolic (rho=-0.38, P=0.004) and diastolic (rho=-0.43, P=0.002) BP, and positive correlations between apoB-D abs and both systolic (rho=0.56, P< 0.001) and diastolic (rho=0.33, P=0.01) BP. IL-10 was positively associated with anti-oxLDL abs and inversely with anti-ApoB-D abs (P< 0.05). Conclusions: Our results suggest that blood pressure levels are correlated with the inflammatory and immune milieu..

24.
Pinheiro, L.F. ; França, Carolina N. ; IZAR, MCO ; Barbosa, Simone P. ; Bianco, Henrique T. ; Kasmas, Soraia H ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; Povoa, R.M. ; Fonseca, F.A.H. . Pharmacokinetic interactions between clopidogrel and rosuvastatin: Effects on vascular protection in subjects with coronary heart disease. In: 80th EAS Congress, 2012, Milão. Atherosclerosis Supplements, 2012.
Palavras-chave: farmacocinética; clopidogrel; estatinas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Holanda/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://eas.ekonnect.co/EAS_279/poster_30944/program.aspx.
Introduction: Genetic polymorphisms in the hepatic cytochrome P450 (CYP2C19) affect the antiplatelet effects of clopidogrel. Rosuvastatin is partially metabolized by the same cytochrome. Objectives: We hypothesized that pharmacokinetic interactions between these drugs might affect their individual responses on vascular protection. Methods: Patients with stable coronary heart disease (N=20) were submitted to four consecutive 1-wk therapeutic regimens: aspirin, rosuvastatin, rosuvastatin plus clopidogrel, or clopidogrel alone. Results: Clopidogrel loading dose (300 mg) increased the area under the curve from 0-to the last detectable concentration (AUClast, p< 0.001) and the maximal concentration (Cmax, p=0.011) of rosuvastatin, but there was modest interaction with clopidogrel 75 mg. Clopidogrel concentrations were not affected by rosuvastatin. Rosuvastatin did not reduce the effectiveness of in vitro platelet aggregation inhibition by clopidogrel. However, the amount of plasma platelet microparticles increased after withdrawal of rosuvastatin, despite continuous clopidogrel therapy. Remarkable improvement in the flow-mediated dilation was observed 24 h after rosuvastatin initiation, and it was not affected by concomitant clopidogrel therapy or related to the circulating endothelial progenitor cells. Conclusions: This study shows beneficial pharmacokinetic interaction between clopidogrel and rosuvastatin that seems to extend the vascular protection provided by each drug, highlighting the importance of the combined therapy for subjects with coronary heart disease..

25.
KASMAS, SH ; IZAR, MCO ; FRANCA, C. N. ; Gonsales, SC ; Moreira, FT ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Moreno, Ronilson A ; Borges, Ney C ; FONSECA, Francisco A H . Efeitos de terapias hipolipemiantes muito efetivas na síntese e absorção de esteróis. In: 66º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2011, Porto Alegre. Arq Bras Cardiol, 2011. v. 97. p. 91-91.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

26.
Bianco, Henrique T ; IZAR, MCO ; Fonseca, HAR ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, S. S. M. ; Ferreira, CE ; FONSECA, Francisco A H . Biomarcadores associados aos desfechos cardiovasculares de longo prazo em diabéticos tipo 2. In: 66º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2011, Porto Alegre. Arq Bras Cardiol. São Paulo: SBC Núcleo Interno de Publicações, 2011. v. 97. p. 71-71.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

27.
POMARO, Daniel Roberto ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Nader, HB ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H ; IHARA, S. S. M. . Ação da inibição da enzima conversora da angiotensina em célula endotelial de aorta de coelho, em condições de hipercolesterolemia e hiperglicemia, em modelo in vivo e in vitro. In: 66º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2011, Porto Alegre. Arq Bras Cardiol. São Paulo: SBC Núcleo de Publicações, 2011. v. 97. p. 38-38.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

28.
BITTENCOURT, CR ; FRANCA, C. N. ; IZAR, MCO ; Fonseca, HAR ; FONSECA, Francisco A H . Maior mobilização de células progenitoras endoteliais em corredores de elite. In: 66º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2011, Porto Alegre. Arq Bras Cardiol. São Paulo: SBC Núcleo de Publicações, 2011. v. 97. p. 16-16.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

29.
Bianco, Henrique T. ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Fonseca, HAR ; Fischer, Simone C. ; Ferreira, CE ; BARBOSA, SMP ; Povoa, R. M. ; Fonseca, F.A.H. . BIOMARKERS ASSOCIATED WITH LONG TERM CARDIOVASCULAR EVENTS IN PATIENTS WITH TYPE 2 DIABETES MELLITUS. In: 79th Congress of the European-Atherosclerosis-Society (EAS), 2011, Gothenburg. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). EAST PARK SHANNON: ELSEVIER IRELAND LTD, 2011. v. 12. p. 109-109.
Palavras-chave: diabetes; predictors; left ventricle hypertrophy; myocardial infarction.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 15675688.

30.
Fonseca, Henrique A. R. ; Monteiro, C. M. ; Pinheiro, L.F. ; Fonseca, F.A.H. ; Brandão, Sergio A. ; Fischer, Simone C. ; SANTOS, Andreza O ; Gidlund, M. A. ; Monteiro, Andrea M. ; Figueiredo-Neto, A. M. ; IZAR, MCO . DECREASED TITERS OF ANTI-OXLDL ANTIBODIES AFTER ACUTE CORONARY SYNDROME IN PATIENTS WITH METABOLIC SYNDROME ARE ASSOCIATED WITH SEVERITY OF ATHEROSCLEROSIS. In: 79th Congress of the European-Atherosclerosis-Society (EAS), 2011, Gothenburg. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). EAST PARK SHANNON: ELSEVIER IRELAND LTD, 2011. v. 12. p. 91-91.
Palavras-chave: oxidized LDL; antibodies; acute coronary syndromes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 15675688.

31.
IZAR, MCO ; BITTENCOURT, CR ; França, Carolina N. ; Fonseca, H. A. ; Bianco, Henrique T. ; Schwerz, V ; Fonseca, F.A.H. . ENDOTHELIAL PROGENITOR CELL MOBILIZATION IS ENHANCED IN HIGH PREFORMANCE ATHLETES. In: 79th Congress of the European-Atherosclerosis-Society (EAS), 2011, Gothenburg. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). EAST PARK SHANNON: ELSEVIER IRELAND LTD, 2011. v. 12. p. 104-104.
Palavras-chave: high-performance athletes; endothelial progenitor cells; microparticles.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 15675688.

32.
IZAR, MCO ; BITTENCOURT, CR ; França, Carolina N. ; Fonseca, HAR ; SILVA, EFR ; Bianco, Henrique T. ; Ferreira, EV ; Fonseca, FAH . ENDOTHELIAL PROGENITOR CELLS MOBILIZATION IS INCREASED AMONG HIGH-PERFORMANCE ATHLETES. In: 60th Annual Scientific Session and Expo of the American-College-of-Cardiology, 2011, New Orleans. Journal of the American College of Cardiology (Print). NEW YORK: ELSEVIER SCIENCE INC, 2011. v. 57. p. E1544-E1544.
Palavras-chave: high-performance athletes; endothelial progenitor cells; endothelial-derived microparticles.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 07351097.
Background: Physical exercise is recommended to prevent cardiovascular disease. Exercise stimulates the release of endothelial progenitor cells (EPC) from the bone marrow, improving the turnover of the endothelium. However, high-performance runners (HPR) have been less studied. We aimed to quantify the number of EPC and microparticles (MP) in HPR and compared with a control group. Methods: HPR subjects (n=16), defined on basis of time to perform a 10-km race, were compared with sedentary controls (n=40), matched for age and gender. Quantification of EPC (CD34+/CD133+/KDR+), counts of endothelial-derived (E) MP (CD31+/CD51+) and platelet-derived (P) MP (CD31+/CD42+) per mL of plasma were performed by flow-citometry. Flow-mediated dilation and carotid intima media thickness (cIMT) were evaluated. Results: Mean time for performing 10-km race was 31 min and 40 sec for men and 37 min and 37 sec for women in the HPR group, and they ran an average of 132 km/week. HPR presented higher HDL-C (p<0.0001), lower values for body mass index (p<0.0001), LDL-C (p=0.0001), triglycerides, apo B (p<0.0001), and high-sensitivity C-reactive protein (p=0.025). We observed a trend to higher number of EMP in HPR (p=0.088), without differences in PMP. There was an increase in all subpopulations of EPC in HPR (Table 1). FMD (SD) was increased in HPR [30 (12)% vs. 16 (10)%, p<0.0001], without differences in cIMT. Table 1. Distribution of EPC subpopulations in HPR and controls Group HPR SD CONT SD p-value CD34+/KDR+ 0.42 0.34 0.08 0.03 0.05 CD34+/CD133+ 0.07 0.02 0.01 0.01 0.002 KDR+/CD133+ 0.29 0.06 0.05 0.01 <0.0001 Conclusions: High-performance exercise is related to increased EPC mobilization and to vascular health..

33.
França, Carolina N. ; Pinheiro, L.F. ; IZAR, MCO ; Fonseca, F.A.H. . ROLE OF ROSUVASTATIN AND CLOPIDOGREL ALONE AND COMBINED IN ENDOTHELIAL PROGENITOR CELLS AND ENDOTHELIAL MICROPARTICLES. In: 79th Congress of the European-Atherosclerosis-Society (EAS), 2011, Gothenburg. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). EAST PARK SHANNON: ELSEVIER IRELAND LTD, 2011. v. 12. p. 84-85.
Palavras-chave: rosuvastatina; clopidogrel; endothelial progenitor cells; microparticles.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 15675688.

34.
Ramos, Silvia C ; Fonseca, F.A.H. ; Kasmas, Soraia H ; Moreira, Flavio T ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Borges, Ney C ; Moreno, Ronilson A ; Rezende, Vinicius M ; Silva, Fernanda C ; IZAR, MCO . THE ROLE OF SOLUBLE FIBER INTAKE IN PATIENTS UNDER HIGHLY EFFECTIVE LPID-LOWERING THERAPY. In: 79th Congress of the European-Atherosclerosis-Society (EAS), 2011, Gothenburg. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). EAST PARK SHANNON: ELSEVIER IRELAND LTD, 2011. v. 12. p. 137-137.
Palavras-chave: fibers; Plant sterols; lipids.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 15675688.

35.
Fonseca, HAR ; Brandão, S.A. ; FONSECA, F ; Monteiro AM ; Gidlund, M. A. ; IZAR, MCO . Pacientes obesos possuem títulos de autoanticorpos anti-oxLDL e dilatação mediada pelo fluxo reduzidos em associação a elevação de marcadores de inflamação. In: XIII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2011, Florianópolis. Anais do congresso, 2011.
Palavras-chave: anticorpo monoclonal; LDL oxidada; obesidade; inflamação.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.

36.
Fonseca, HAR ; Monteiro, Andrea M. ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FONSECA, Francisco A H ; Gidlund, M. A. ; IZAR, MCO . Anticorpos IgG anti-oxLDL elevados estão associados a menores valores de pressão arterial e títulos reduzidos de anticorpos anti-apoB-D. In: XIII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2011, Florianópolis. Anais do Congresso, 2011.
Palavras-chave: auto-anticorpos; LDL oxidada; apoB-D.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.

37.
Gonsales, SC ; Moreira, FT ; HELFENSTEIN, Tatiana ; KASMAS, SH ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . Suplementação de fibras reduz fitosterolemia em indivíduos sob terapia hipolipemiante. In: XXXII Congresso da SOCESP, 2011, São Paulo. Revista da Soc Cardiol Estado São Paulo, 2011.
Palavras-chave: fitosteróis; fibras; hipolipemiantes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.

38.
Gonsales, SC ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Moreira, FT ; FONSECA, Francisco A H ; KASMAS, SH ; IZAR, MCO . Efeitos da suplementação da farinha da casca de maracujá no peso corporal de indivíduos dislipidêmicos. In: XXXII Congresso da SOCESP, 2011, São Paulo. Rev Soc Cardiol Estado São Paulo, 2011.
Palavras-chave: fibras; peso corporal; dislipidemia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.

39.
IZAR MC ; Brandão, Sergio A. ; Fischer, Simone C. ; Póvoa, Rui M. ; Monteiro, Carlos M. ; Monteiro, Andrea M. ; GIDLUND, Magnus ; Figueiredo Neto, AM ; Carvalho, Antonio C. ; Fonseca, Francisco A. . Early Increase in Circulating Autoantibodies against Human Oxidized Low-density Lipoprotein in Hypertensive Patients after Blood Pressure Control. In: ACC.10/i2 Summit 10, 2010, Atlanta. Journal of the American College of Cardiology (Print). New York: Elsevier, 2010. v. 55. p. A61.E580-A61.E580.
Palavras-chave: anti-hypertensive treatment; hypertension; antibodies; oxidized-LDL.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.onlinejacc.org; ISSN/ISBN: 07351097.
Background: Hypertension has been considered an inflammatory disease. Oxidized lipoproteins and anti-oxidized LDL (anti-oxLDL) antibodies (Abs) have been detected in plasma in response to blood pressure (BP) elevation, suggesting the participation of the adaptive immune system. Treatment of hypertension may act on the immune response by decreasing oxidation stimuli. However, this issue has not been fully addressed. Thus, we have here analyzed anti-ox LDL Abs in untreated (naïve) hypertensive patients shortly after initiation of anti-hypertensive therapeutic regimens. Methods: Titers of anti-oxLDL Abs were measured in subjects with recently-diagnosed hypertension on stage 1 (n=94), in primary prevention of coronary disease, with no other risk factors, and naïve of anti-hypertensive medication at entry. The study was randomized, double-blind, with subjects assigned to receive perindopril, hydrochlorothiazide or indapamide for 12 weeks, with additional perindopril if necessary to achieve BP control (open-label). Investigators were unaware of treatment assignment. Abs against copper-oxidized LDL were measured by ELISA, with results expressed in IR (index of reactivity). TBARS, hs-CRP and vasoreactivity (FMD) were also assessed. GLM-repeated measures evaluated treatment effects within and between groups. Results: Twelve-week anti-hypertensive treatment reduced both office-based and 24-h ambulatory BP measurements (P<0.0005). The decrease in BP was accompanied by reduction in thiobarbituric acid-reactive substances (P<0.05), increase in anti-oxLDL Ab titers (P<0.005), and improvement in flow-mediated dilation (FMD) (P<0.0005), independently of treatment arm. While BP and lipid peroxidation were reduced, favorable changes in anti-oxLDL titers and FMD were seen. Conclusions: We observed that anti-oxLDL antibody titers increase after anti-hypertensive therapy in primary prevention when achieving BP targets. Our results are in agreement with the concept that pr.

40.
HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Francisco A H ; IHARA, Sílvia S M ; Bottós J ; Moreira, FT ; POMARO, Daniel R ; Júnior, HP ; Godoy, LC ; IZAR MC . MODELO EXPERIMENTAL DE DIABETES TIPO 2 COMBINADO COM HIPERCOLESTEROLEMIA INDUZIDO POR DIETA PROMOVE ALTERAÇÕES METABÓLICAS E LESÕES EM ÓRGÃOS-ALVO. In: XXXI CONGRESSO DA SOCESP, 2010, SÃO PAULO. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2010. v. 20. p. 74-74.
Palavras-chave: coelhos; diabetes experimental; dieta; lesões em órgãos alvo.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.
Introdução: Com a crescente prevalência de diabetes mellitus, modelos experimentais são necessários para melhor compreensão da fisiopatologia e estratégias terapêuticas visando a preservação das células beta-pancreáticas, proteção de órgão-alvo e atenuação da aterosclerose. Os objetivos desse estudo foram desenvolver um modelo experimental de diabetes mellitus combinado com hipercolesterolemia induzido por dieta, para avaliar alterações glucometabólicas e lesões em órgãos-alvo. Métodos: Coelhos machos Nova Zelândia receberam dieta rica em banha de porco, sacarose (10/40%) e colesterol durante 24 semanas, quando foram sacrificados. Foram realizados exames bioquímicos, retinografia, angiofluoresceinografia, análises histopatológicas e imunohistoquímicas para avaliar o perfil metabólico e o acometimento de órgãos alvo. Resultados: Os animais ganharam peso, aumentaram os níveis de glicose, colesterol total, LDL-C e triglicérides, e reduziram o HDL-C (p<0.05 vs. basal). Os níveis de frutosamina e o homeostasis model assessment of insulin resistance (HOMA-IR) se elevaram, enquanto houve redução do HOMA-β (p<0.05 vs. basal), sugerindo uma combinação de deficit de secreção e menor sensibilidade à insulina nesse modelo. Manifestações precoces de retinopatia incluindo pontos hiperfluorescentes consistentes com microaneurismas na retina foram observados a partir da semana 12 e progrediram até o final do estudo (p<0.0005). Estes achados foram precoces e precederam a hiperglicemia franca. Aterosclerose na aorta, esteatofibrose hepática, infiltrado glomerular de macrófagos e focos de fibrose intersticial foram os principais achados histopatológicos do modelo experimental. A literatura mostra que as lesões microangiopáticas do diabetes relacionam-se ao estresse oxidativo e inflamação e, recentemente, a esteatofibrose foi associada à microangiopatia diabética. Conclusões: Nosso modelo reproduziu várias alterações glucometabólicas do diabetes tipo 2 humanóide e promoveu les.

41.
SILVA, EFR ; FONSECA, Francisco A H ; FRANCA, C. N. ; Abrão, PR ; MONTEIRO, Carlos M C ; Camargo, LM ; IZAR MC ; Tenore, SB ; LEWI, DS . Quantificação de células progenitoras endoteliais e micropartículas em indivíduos HIV +. In: XXXI CONGRESSO DA SOCESP, 2010, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2010. v. 20. p. 60-60.
Palavras-chave: células progenitoras; micropartículas; imunodeficiência humana; células endoteliais.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.org; ISSN/ISBN: 01038567.
Introdução: A infecção pelo HIV é considerada uma doença inflamatória crônica associada à disfunção endotelial, como resultado da ativação leucocitária, produção de citocinas e aumento de biomarcadores. A identificação de células progenitoras endoteliais (EPC) e liberação de micropartículas (MP) por tais células têm sido avaliadas em pacientes com doença arterial coronariana (DAC). Métodos: Foram identificadas e quantificadas por citometria de fluxo EPC e MP em pacientes infectados pelo HIV virgens de tratamento antirretroviral e comparados a controles saudáveis pareados por sexo e idade. EPC foram identificadas pelas proteínas de superfície CD34+, KDR+ e CD133+, enquanto microparticulas foram reconhecidas através da expressão de CD51+ (micropartículas endoteliais - EMP), CD31+ e CD42 (micropartículas plaquetárias PMP). Análises laboratoriais incluíram perfil lipídico, glicemia, proteína C-reativa e apolipoproteína B. Resultados: Foram incluídos cinqüenta e dois pacientes, vinte e seis em cada grupo, sendo 76,9% do sexo masculino com idade média de 33 anos. As dosagens lipídicas diferiram apenas para a fração HDL-c (p=0,016) entre os grupos. Nos pacientes infectados pelo HIV foi encontrado 0,01% de CD34+/KDR+. Neste grupo também foi observada maior liberação de EMP e PMP comparado ao grupo controle. Conclusões: Os resultados sugerem uma possível relação inversa entre quantificação de EPC e liberação de MP (tanto endoteliais quanto plaquetárias). Estes achados em indivíduos HIV+ podem estar associados com o aumento do risco cardiovascular que pode ser agravado após a introdução da terapia antirretroviral..

42.
PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; KASMAS, SH ; BARBOSA, SMP ; FRANCA, C. N. ; FISCHER, Simone C Matheus ; IZAR MC ; FONSECA, Francisco A H . Efeitos da terapia combinada clopidogrel e atorvastatina em coronarianos. In: XXXI CONGRESSO DA SOCESP, 2010, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2010. v. 20. p. 39.
Palavras-chave: hipolipemiante; anti-plaquetário; lípides.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.org; Série: 39; ISSN/ISBN: 01038567.
Introdução: A dose de 80 mg de atorvastatina (ATV) tem sido recomendada para pacientes coronarianos para redução de desfechos cardiovasculares. Entretanto, persiste controvérsia sobre possível interação farmacocinética da estatina nesta dose máxima com o clopidogrel (CLO), tienopiridínico de amplo uso em coronarianos que compartilha mesma via de metabolização hepática. Objetivos: Examinar os efeitos da interação do CLO com a ATV na ativação plaquetária. Métodos: Foram incluídos coronarianos estáveis com LDL-C < 100 mg/dL sob terapia crônica com estatinas. A estatina em uso foi suspensa por 1 sem, permanecendo os pacientes sob uso de aspirina 100 mg/d apenas nesta primeira semana. Os pacientes foram internados para quantificação dos níveis séricos dos fármacos envolvidos (cromatografia gasosa e espectrometria de massa), obtenção do perfil lipídico e estudos de ativação plaquetária (técnica do cone e placa) nas visitas V1 (basal), V2 (ATV), V3 (ATV+CLO) e V4 (CLO). A ATV 80 mg foi iniciada na V1 e mantida até V3; CLO iniciado na V2 e mantido até V4. Resultados: Os valores obtidos para o Tmax (V1=2,28; V2=1,50; e V3=1,28 h) e Cmax (microgramos/mL) da ATV (V1=82,6; V2= 164,2; e V3 = 145,8) não diferiram entre as visitas de tratamento ativo. Não foram observadas alterações na adesão/agregação plaquetárias entre as visitas (V1 a V4). Conclusões: o uso de CLO em pacientes sob terapia com ATV 80 mg não determinou elevação das concentrações séricas da estatina ou redução da efetividade antiplaquetária do tienopiridínico..

43.
FRANCA, C. N. ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; IZAR MC ; Brunialti, MKC ; Salomão, R ; FONSECA, Francisco A H . Efeitos da atorvastatina associada ou não ao clopidogrel nos níveis de células progenitoras endoteliais e micropartículas em coronarianos. In: XXXI CONGRESSO DA SOCESP, 2010, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2010. v. 20. p. 30.
Palavras-chave: células endoteliais progenitoras; micropartículas; estatinas; anti-plaquetário; doença arterial coronariana.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.org; Série: 30; ISSN/ISBN: 01038567.
Introdução: A disfunção endotelial está associada à liberação de micropartículas por células endoteliais. Estudos com estatinas têm mostrado que seus efeitos benéficos não são restritos à redução do LDL-C, mas incluem o recrutamento de células progenitoras endoteliais (EPC). Tais células e micropartículas podem ser identificadas e quantificadas pela expressão de diferentes proteínas de superfície. A atorvastatina é um fármaco que sofre biotransformação pelo CYP3A4, sendo passível de interação com o antiplaquetário clopidogrel que compartilha a mesma via de metabolização. Objetivos: Avaliar os efeitos da atorvastatina 80 mg associada ou não ao clopidogrel 75 mg no recrutamento de EPC e liberação de micropartículas endoteliais (EMP) e plaquetárias (PMP) em indivíduos com DAC estável. Métodos: pacientes de ambos os sexos, com idade média (DP) de 62.2 (9.1) anos, foram incluídos se LDL-C < 100 mg/dL sob dose estável de estatina, que foi interrompida por 1 sem para a obtenção de níveis basais de EPC, EMP e PMP, quantificadas por citometria de fluxo. Neste dia, atorvastatina 80 mg/d foi iniciada. Após 1 sem foram realizadas novas análises e iniciado o clopidogrel 75 mg/d. Após 2 sem de tratamento combinado, foram realizados novos testes e foi suspensa a atorvastatina para avaliação dos efeitos do clopidogrel isolado. Resultados: as médias (EP) EMP CD51+ no plasma (micropartículas/ L) foram: 748 (263) no basal; 1251 (321) após 1 sem de atorvastatina; 2107 (637) 2 semanas após o uso combinado dos fármacos; e 703 (330) com a terapia isolada de clopidogrel. Houve diferenças entre a primeira e a terceira dosagens (p=0,024) e entre a primeira e a quarta dosagens (p=0,007). Não observamos diferenças na quantificação de EPC e PMP. Conclusão: o aumento no número de EMP após associação da atorvastatina com clopidogrel sugere interação entre os fármacos..

44.
Brandão, Sergio A. ; IZAR MC ; Fischer, Simone M. ; Póvoa, Rui M. ; MONTEIRO, Carlos M C ; CARVALHO, A. C. ; Monteiro, Andrea M. ; Figueiredo Neto, AM ; GIDLUND, Magnus ; FONSECA, Francisco A H . Early increase in circulating autoantibodies against human oxidized low-density lipoprotein. In: WORLD CONGRESS OF CARDIOLOGY SCIENTIFIC SESSIONS 2010, 2010, BEIJING. Journal of the American College of Cardiology, 2010. p. 1-1.
Palavras-chave: hypertension; anti-hypertensive treatment; antibodies; oxidized LDL.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; China/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://D:\WCC2010.html.
Objectives: Hypertension has been considered an inflammatory disease. Oxidized lipoproteins and antioxidized LDL (anti-oxLDL) antibodies (Abs) have been detected in plasma in response to blood pressure (BP) elevation, suggesting the participation of the adaptive immune system. Treatment of hypertension may act on the immune response by decreasing oxidation stimuli. However, this issue has not been fully addressed. Thus, we have here analyzed anti-ox LDL Abs in untreated (naïve) hypertensive patients shortly after initiation of anti-hypertensive therapeutic regimens. Methods: Titers of anti-oxLDL Abs were measured in subjects with recently-diagnosed hypertension on stage 1 (n=94), in primary prevention of coronary disease, with no other risk factors, and naïve of anti-hypertensive medication at entry. The study was randomized, double-blind, with subjects assigned to receive perindopril, hydrochlorothiazide or indapamide for 12 weeks, with additional perindopril if necessary to achieve BP control (in open-label fashion). Investigators were unaware of treatment assignment. Abs against copper-oxidized LDL were measured by ELISA, with results expressed in IR (index of reactivity). Results: Twelve-week antihypertensive treatment reduced both office-based and 24-h ambulatory BP measurements (P<0.0005). The decrease in BP was accompanied by reduction in thiobarbituric acid-reactive substances (P<0.05), increase in anti-oxLDL Ab titers (P<0.005), and improvement in flow-mediated dilation (FMD) (P<0.0005), independently of treatment arm. While BP and lipid peroxidation were reduced, we observed favorable changes in anti-oxLDL titers and FMD. Conclusions: We observed that anti-oxLDL antibody titers increase after anti-hypertensive therapy in primary prevention when achieving BP targets. Our results are in agreement with the concept that propensity to oxidation is increased by essential hypertension and antioxLDL Abs may be protective and potential biomarkers for the follow-.

45.
FRANCA, C. N. ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; IZAR MC ; Brunialti, MKC ; Salomão, R ; FONSECA, Francisco A H . Changes in circulating endothelial progenitor cells and in platelet and endothelial-derived microparticles following atorvastatin and clopidogrel therapy. In: WORLD CONGRESS OF CARDIOLOGY SCIENTIFIC SESSIONS 2010, 2010, Beijing. Circulation (New York, N.Y.). PHILADELPHIA: LIPPINCOTT WILLIAMS & WILKINS, 2010. v. 122. p. E315-E315.
Palavras-chave: estatina; clopidogrel; células endoteliais progenitoras; micropartículas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://D:\WCC2010.html; ISSN/ISBN: 00097322.
Introduction: Atherothrombosis is common clinical condition associated with endothelial apoptosis leading to the formation of endothelial microparticles (EMP) or its erosion (seen as mature circulating endothelial cells), especially when not replaced by endothelial progenitor cells (EPC). Improvement of endothelial function and its antithrombotic properties has been reported statins, which also includes its ability to mobilize EPCs. Clopidogrel is an antiplatelet agent that shares with atorvastatin, at least in part, the same pathway for metabolism. The bone marrow is the main source of endothelial cells for replacement of injured endothelium. These EPCs can be characterized by surface proteins, such as CD34+ plus KDR+ , or CD34+ or KDR + plus CD133+, while microparticles can be identified by flow cytometry by CD51+, CD31+ and CD42- (EMP) or CD 31+ plus CD 42+ for platelet derived microparticles (PMP). Recently, the imbalance between EPCs and EMPs has been suggested as vascular incompetence, a condition associated with traditional risk factors and for increased cardiovascular risk. This study aimed to evaluate the effects of atorvastatin 80 mg (alone or combined with clopidogrel 75 mg) on the quantification of circulating EPCs, EMPs and PMPs, in subjects with stable coronary artery disease (CAD). Methods: Subjects with stable coronary artery disease (men 71%) with mean (SD) age of 62,9 (9,27) years were included if they also had LDL-C < 100 mg/dL, under a stable dose of statin. The protocol included 4 assessments in order to evaluate the effect of each drug isolated or combined. Statin therapy was stopped for 1-wk to obtain baseline levels of EPCs, EMPs, and PMPs, which were quantified by flow cytometry, with all patients under aspirin use at this time point. Then, aspirin was stopped and atorvastatin 80 mg/d was initiated. After 1-wk we repeated the same laboratory tests and started clopidogrel 75 mg/d. After 2- wk of combined treatment, and having achieved the.

46.
HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Francisco A H ; IHARA, S. S. M. ; Bottós J ; Farah, ME ; Moreira, FT ; POMARO, Daniel ; Júnior, HP ; Godoy, LC ; PÓVOA, Rui ; CARVALHO, A. C. ; IZAR MC . MODEL OF TYPE 2 DIABETES COMBINED WITH HYPERCHOLESTEROLEMIA INDUCED BY DIET PROMOTES TARGET ORGAN LESIONS IN NEW ZEALAND RABBITS. In: The 78th Congress of the European Atherosclerosis Society, 2010, Hambrg. Atherosclerosis Suplement, 2010. p. 163-163.
Palavras-chave: experimental model; diabetes; diet-induced; rabbits.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Alemanha/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://E:\Abstracts\Authors-I.htm.
Objectives: The aims of this study were to develop an experimental model of type 2 diabetes mellitus combined with hypercholesterolemia induced by diet and to assess glucometabolic alterations and target organ lesions. Methods: New Zealand male rabbits were fed high-fat/high-sucrose (10/40%) and cholesterolenriched diet for 24 weeks, when they were sacrificed. Biochemistry, fundus photographs with fluorescein angiography, and pathological analyses were performed. Results: The animals gained weight, increased blood glucose, total cholesterol, LDL-C and triglycerides, and decreased HDL-C (p< 0.05 vs. baseline). Fructosamine levels and the homeostasis model assessment of insulin resistance (HOMA-IR) were increased, while there was a reduction in the HOMA-β (p< 0.05 vs. baseline). Early clinical features of diabetic retinopathy, with hyperfluorescent dots consistent with presence of retina microaneurysms were seen since week 12, progressing up to the end of the experiment (p< 0.0005). Aortic atherosclerosis, hepatic steatofibrosis, glomerular macrophage infiltration and foci of interstitial fibrosis in the kidneys were the main histomorphologic findings of this study. Conclusions: Our model reproduced several glucometabolic characteristics of humanoid type 2 diabetes and promoted target organ lesions and atherosclerosis. This non-expensive model is suitable for studying mechanistic pathways and allowing novel strategic approaches.

47.
FRANCA, C. N. ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; IZAR MC ; Brunialti, MKC ; Salomão, R ; FONSECA, Francisco A H . EARLY EFFECTS OF ATORVASTATIN AND CLOPIDOGREL ALONE OR COMBINED ON ENDOTHELIAL PROGENITOR CELLS AND MICROPARTICLES IN SUBJECTS WITH CORONARY DISEASE. In: The 78th Congress of the European Atherosclerosis Society, 2010, Hamburg. Atherosclerosis Supplements. EAST PARK SHANNON: ELSEVIER IRELAND LTD, 2010. v. 11. p. 105-106.
Palavras-chave: células endoteliais progenitoras; micropartículas; estatina; clopidogrel.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://E:\Abstracts\PDF\488.pdf.
Introduction: Atherosclerosis is an inflammatory disease complicated with thrombotic events related to endothelial dysfunction or apoptosis. Recently, the turnover of endothelial cells has been better understood with a crucial role of endothelial progenitor cells (EPC). In addition, increased amount of microparticles derived from endothelial apoptotic cells (EMP) has been reported in patients with uncontrolled risk factors. We aimed to examine early effects of statin and clopidogrel therapy in subjects with stable coronary heart disease on EPC, EMP and platelet derived microparticles (PMP) and possible pharmacokinetic interaction between these widespread used therapies. Methods: Patients of both sexes, with mean (SD) age of 62.2 (9.11) years were included if they also had LDL-C < 100 mg/dL, under a stable dose of statin, that was stopped for 1-wk to obtain baseline levels of EPC, EMP, and PMP, quantified by flow cytometry. At this time point, atorvastatin 80 mg/d was initiated. After 1-wk we repeated the same tests and started clopidogrel 75 mg/d. After new measurements 2-wk after the combined treatment, atorvastatin was discontinuated to evaluate the effects of clopidogrel alone 1-wk later. Results: The mean (SEM) EMP CD51+ plasma levels (microparticles/μL) were: 748 (263) at baseline; 1251 (321) 1-wk after atorvastatin; 2107 (637) 2-wk after atorvastatin+clopidogrel; and 703 (330) with clopidogrel alone. There were differences between the first and third (p=0,024) and among the third and fourth time points (p=0,007). No changes were seen for EPC or PMP. Conclusion: The increased number of EMP with the combined treatment suggests an interaction between drugs..

48.
Sakae, P ; Pomaro, Daniel R. ; HELFENSTEIN, T ; Lanzoni, V ; CASARINI, Dulce Elena ; IZAR, MCO ; Fonseca, F.A.H. ; Ihara, Silvia S . Angiotensin-converting enzyme inhibitor reduces hepatic fibrosis in diabetic and hypercholesterolemic rabbits. In: 28th International Congress of the International-Academy-of-Pathology, 2010, São Paulo. Histopathology (Oxford. Print). MALDEN: WILEY-BLACKWELL, 2010. v. 57. p. 166-166.
Palavras-chave: rabbits; angioten-converting enzyme; diabetes; hepatic fibrosis.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Metabolismo e Bioenergética / Especialidade: Aterosclerose.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; ISSN/ISBN: 03090167.

49.
Fonseca, H. A. ; Monteiro AM ; Pinheiro, L. F. ; Brandão, Sergio A. ; Fischer, Simone C. ; Barbosa, Simone P. ; MONTEIRO, Carlos M C ; Gidlund, M. A. ; Theotonio, L ; Fonseca, F.A.H. ; IZAR, MCO . Modificações precoces nos títulos de anticorpos anti-LDL oxidada após uma síndrome coronariana aguda. In: Workshop de aterosclerose e biologia vascular, 2010, São Paulo. Anais do evento, 2010.
Palavras-chave: auto-anticorpos; LDL oxidada; síndrome coronariana aguda.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.

50.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Francisco A H ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; Bottós J ; POMARO, Daniel R ; RELVAS, W. G. ; Farah, ME ; CARVALHO, A. C. . Atenuação da Retinopatia Diabética pelo Bloqueio do Sistema Renina-angiotensina. In: XXX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2009, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2009. v. 19. p. 65-65.
Palavras-chave: retinopatia; diabetes tipo 2; coelhos; bloqueio do sistema renina-angiotensina; dieta.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.com.br; ISSN/ISBN: 01038567.

51.
RELVAS, W. G. ; IZAR, MCO ; IHARA, Sílvia S M ; Segreto, HRC ; HELFENSTEIN, Tatiana ; POMARO, Daniel R ; LOPES, José Daniel ; MARIANO, Mário ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H . Papel chave das células inflamatórias extra-medulares no desenvolvimento da aterosclerose experimental. In: XXX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2009, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2009. v. 19. p. 26-26.
Palavras-chave: aterosclerose experimental; célula B1b; colesterol; células inflamatórias; irradiação peritoneal.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.com.br; ISSN/ISBN: 01038567.
Trabalho ganhador do Prêmio Melhor Pesquisa básica "Cantídio de Moura Campos Filho".

52.
SANTOS, Andreza O ; FONSECA, Francisco A H ; FISCHER, Simone C Matheus ; Monteiro AM ; Figueiredo Neto, AM ; PÓVOA, Rui Manoel S ; MONTEIRO, Carlos M C ; BRANDÃO, Sérgio A B ; GIDLUND, Magnus ; IZAR, MCO . Relação entre os títulos de anticorpos anti-LDLoxidada e risco cardiovascular. In: XXX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2009, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2009. v. 19. p. 30-30.
Palavras-chave: auto-anticorpos; LDL oxidada; síndrome coronariana aguda; síndrome metabólica; hipertensão arterial.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.com.br; ISSN/ISBN: 01038567.

53.
MONTEIRO, Carlos M C ; FISCHER, Simone C Matheus ; IZAR, MCO ; SANTOS, Andreza O ; OLIVEIRA, Luciene ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; BRANDÃO, Sérgio A B ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H . Proteína C-reativa e escore de risco de Framingham estão independentemente associados à gravidade da doença coronariana em pacientes com síndrome metabólica. In: XXX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2009, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2009. v. 19. p. 76-76.
Palavras-chave: proteína C-reativa; escore de Framingham; Escore de Gensini; síndrome coronariana aguda; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.com.br; ISSN/ISBN: 01038567.
Introdução: pacientes com síndrome metabólica (SMet) são de alto risco para aterosclerose e eventos cardiovasculares, mas diferenças entre os sexos têm sido relatadas. Este estudo avaliou parâmetros bioquímicos com a severidade da doença cardíaca coronariana em pacientes com SMet, após recente síndrome coronariana aguda (SCA). Objetivos: 1)avaliar a extensão e gravidade da doença arterial coronária pelo escore de Gensini em portadores de SMet e examinar os fatores clínicos e bioquímicos associados com a extensão da doença coronariana. 2)Identificar as principais diferenças nos aspectos clínicos, metabólicos e anatômicos entre o gênero masculino e feminino. Métodos e resultados: foram avaliados 116 pacientes de ambos os sexos, com SCA e SMet de acordo com os critérios do NCEP/ATPIII. O infarto agudo do miocárdio foi mais prevalente nos homens (p=0,022vs.mulheres), estes apresentam maior gravidade da doença coronariana avaliado pelo escore de Gensini (p=0,023vs. mulheres). Os homens apresentam maior número de componentes da SMet (p=0,001vs.mulheres). Foram encontrados níveis mais elevados entre os homens, em comparação às mulheres, para a proteína C reativa de alta sensibilidade (PCR-as,p=0,049) e atividade do inibidor do ativador do plasminogênio tecidual (PAI-1,p=0,033), diminuíção da ApoA1(p=0,0001vs.mulheres) e aumento da relação apoB/apoA1 (p=0,0001vs. mulheres), tendência para menor dilatação mediada pelo fluxo (p=0,098 vs. mulheres). Análise de regressão múltipla mostrou que o escore de Framingham e a PCR-as apresentam associação independente com o escore de Gensini. Conclusão:a)a extensão e gravidade da doença arterial coronariana estão associadas independentemente com o aumento da proteína C reativa e ao escore de risco de Framingham;b)o número de componentes da SMet e a extensão da doença arterial coronariana são mais frequentes em homens..

54.
Andrade, TA ; FRANCISCO, Yoná A ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; IZAR, MCO ; Schwerz, V ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; PÓVOA, Rui Manoel S . Associação do polimorfismo da aldosterona sintetase e a hipertrofia do ventrículo esquerdo em hipertensos afro e não afrodescendentes. In: XXX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2009, São Paulo. Suplemento da Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de Sao Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2009. v. 19. p. 46-46.
Palavras-chave: aldosterona sintetase; polimorfismo; genética; hipertensão arterial; afrodescendentes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

55.
Júnior, HP ; IZAR, MCO . Modelo experimental de indução de diabetes tipo 2 e aterosclerose através da dieta e coelhos. In: XVII Congresso de Iniciação Científica - PIBIC 2009, 2009, São Paulo. Anais do XVII Congresso de Iniciação Científica - PIBIC 2009, 2009.
Palavras-chave: coelhos; dieta; hipercolesterolemia; diabetes melito tipo 2; lesões em órgãos alvo.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.unifesp.br.
Fundamento: O diabetes mellitus é altamente prevalente nos países desenvolvidos e vem crescendo também entre os países em desenvolvimento. Complicações macro- e microvasculares são as principais causas de morbidade e mortalidade em pacientes com diabetes mellitus tipo 2 (DM2). O entendimento da fisiopatologia do diabetes e das complicações baseia-se em grande parte no estudo de modelos experimentais utilizando murinos, os quais não desenvolvem aterosclerose, ou suínos, cujo manejo é mais dispendioso. O coelho é um animal de pequeno porte, de fácil manejo, baixo custo e responsivo às intervenções nutricionais e terapêuticas, sendo considerado um bom modelo para estudo da aterosclerose. No entanto, o coelho é resistente à indução de diabetes por estreptozotoxina, e injeção de aloxana no subcutâneo causa toxicidade para as células -pancreáticas, levando a um diabetes tipo 1. Nesse animal não existiam modelos para estudo do diabetes tipo 2 e para avaliar lesões em órgão alvo, como retina, rins, coração, pâncreas e aorta. Objetivo: Testar um novo modelo experimental de indução de DM2 e aterosclerose por meio de dieta em coelhos e avaliar seus efeitos sobre os parâmetros laboratoriais, placa aterosclerótica e lesões em órgãos alvo. Métodos: Coelhos Nova Zelândia, machos (n=13), com 3 meses, pesando entre 2,0-2,5 kg receberam uma dieta padrão de laboratório (Nuvital) acrescida de banha de porco 10% (Sadia), sacarose (40%) e colesterol (0,5% nos três primeiros meses, e 0,1% até o término do estudo) (Sigma), durante 6 meses. Amostras de sangue para lípides, glicemia e bioquímica, retinografia e fluoresceinografia angiográfica foram realizadas no período basal, com 12 e 24 semanas. Os animais foram sacrificados com 24 semanas por excesso de anestésico e os olhos, pâncreas, fígado e rins foram retirados para análise histopatológica e as aortas abertas longitudinalmente e coradas com Sudan III, sendo as placas quantificadas por planimetria computadorizada. Imunohistoquí.

56.
Santos, Andreza O. ; FONSECA, Francisco A H ; FISCHER, Simone C Matheus ; MONTEIRO, Carlos M C ; BRANDÃO, Sérgio A B ; CARVALHO, A. C. ; GIDLUND, Magnus ; Figueiredo Neto, AM ; IZAR, MCO . CIRCULATING AUTOANTIBODIES AGAINST HUMAN OXIDIZED LDL ARE RELATED TO VASCULAR HEALTH. In: XV International Symposium on Atherosclerosis, 2009, Boston. Atherosclerosis Supplement, 2009. v. 10.
Palavras-chave: antibodies anti-oxLDL; autoantibodies; acute coronary syndromes; hypertension; metabolic syndrome.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.isa2009.org/.
Objectives: Oxidized lipoproteins and antibodies anti-oxidized LDL (anti-oxLDL) have been detected in human plasma and in atherosclerotic lesions. However, the role of these autoantibodies in the maintenance of health or in the pathogenesis of acute coronary syndromes (ACS) remains unclear. We examined the relationship of human IgG anti-ox LDL antibodies with cardiovascular disease risk markers. Methods: Autoantibodies against copper ion oxidized LDL were measured by ELISA in hypertensive subjects in primary prevention (n=94) without other risk factors, and in individuals with metabolic syndrome after recent acute coronary syndrome (n=116). Results: Anti-oxLDL titers were higher in hypertensive patients and these subjects presented lower hs- CRP than those with ACS (p<0.0001). We found significant correlations between anti-ox LDL titers and hs-CRP (r=-0.284), BMI (r=-0.256), waist circumference (r=-0.368), apo B (r= -0.191), glycemia (r=- 0.303), SBP (r=0.319), DBP (r=0.167), HDL-C (r=0.224) and Apo A1 (r=0.257) (p<0.02 for all). After multiple linear regression, hs-CRP, fasting glycemia and waist circunference remained independently associated with anti-oxLDL. Conclusions: Our results suggest that acute inflammatory and metabolic conditions decrease titers of anti-oxLDL, and that circulating anti-oxLDL antibodies may be associated with a protective role in atherosclerosis..

57.
MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR, MCO ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; Barros, SW ; Santos, Andreza O. ; Vasco, MB ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H . HIGHLY SENSITIVE C-REACTIVE PROTEIN AND THE FRAMINGHAM RISK SCORE ARE ASSOCIATED WITH CORONARY DISEASE SEVERITY IN PATIENTS WITH METABOLIC SYNDROME. In: XV International Symposium on Atherosclerosis, 2009, Boston. Atherosclerosis Supplement, 2009. v. 10.
Palavras-chave: acute coronary syndromes; metabolic syndrome; C-reactive protein; inflammation; framingham risk score.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.isa2009.org/.
We investigated the relationship between carotid intima media thickness (IMT), the Framingham Risk Score (FRS), and several related biochemical markers, and the severity of coronary heart disease (CHD) in subjects with MetS (NCEP ATP III), after acute coronary syndrome. Methods: Subjects of both sexes were enrolled 1-3 days after hostipal discharge due to an ACS (n=116). Fasting samples, IMT, coronary angiography and calculation of FRS were obtained. Results: Myocardial infarction was more prevalent in males (p=0.022 vs. female) and they also presented more severe CHD as estimated by the Gensini score (p=0.023 vs. female), whereas the IMT did not differ. Males had more components of the MetS (p=0.001), higher FRS (p=0.03), highly sensitive C-reactive protein (hsCRP) (p=0.049), PAI-1 activity (p=0.033), apoB/apoA1 ratio (p=0.0001), lower apo A1 (p=0.0001), and a trend for a lower brachial artery flow-mediated dilation (p=0.098). Significant correlations were observed for the Gensini score and hs-CRP, FRS, HOMA-IR, and apo A1. Of those, only FRS and hsCRP remained independently associated with disease severity. Conclusions: In this high-risk population, components of the MetS were more prevalent in male subjects, who also had more diseased coronary arteries and more signs of inflammation. The FRS and hsCRP levels were independently related to the severity of CHD in MetS and their evaluation might have long-term relevance..

58.
HELFENSTEIN, T ; Bottós J ; IHARA, Sílvia S M ; POMARO, Daniel R ; RELVAS, Waldir G M ; Farah, ME ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . NEW EXPERIMENTAL MODEL OF TYPE 2 DIABETES IN RABBITS PROMOTES RETINA MICROANEURISMS, WHICH ARE ATTENUATED BY RENIN-ANGIOTENSIN BLOCKADE. In: XV International Symposium on Atherosclerosis, 2009, Boston. Atherosclerosis Supplement 2009, 2009. v. 10.
Palavras-chave: rabbits; type 2 diabetes; hypercholesterolemia; renin-angiotensin-aldosterone system; diabetic retinopathy.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.isa2009.org/.
We present a new animal model for the study of retina effects of experimental type 2 diabetes and to verify if renin-angiotensin (RA) blockade can attenuate this process. Methods: New Zealand male rabbits fed high-fat/high-sucrose (10/40%) and cholesterol-enriched diet (0.5% for 12 wk followed by 0.1% up to 24 wk) were randomized to receive diet alone (G2, n=10), quinapril 30mg (G3, n=8), olmesartan 5 mg (G4, n=8) added to the diet during the study protocol. G1 (n=4) were controls. Fundus photographs and fluorescein angiography were performed at baseline, 12 and 24 wk. Microaneurisms (An) were determined on standard photographs and graded into 4 levels (I<10; II 11-30; III 31-40; IV>40 An). Results: TC and LDL-C increased at wk12, but hyperglycemia appeared 6 mo after induction (p<0.05 vs. baseline). Early clinical features of retinopathy, including hyperfluorescent dots consistent with An were seen at wk 12, with progression observed at wk 24. The degree of retinopathy was attenuated by RA blockade (G1: level I; G2: III; G3 and G4: II; p<0.05; G2 >G1, G3 and G4>G1). Conclusions: This is the first description of an experimental model of diet-induced diabetes with features of humanoid retinopathy in rabbits. We demonstrated retinal protection by RA blockade. This model provides the opportunity to assess target organ lesion and for therapeutic studies..

59.
RELVAS, Waldir G M ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, T ; LOPES, José Daniel ; MARIANO, Mário ; Segretto, H ; IHARA, Sílvia Saiuli M ; Pomaro, Daniel R. ; FONSECA, Francisco A H . RESIDENT PERITONEAL INFLAMMATORY CELLS ARE PIVOTAL IN THE DEVELOPMENT OF EXPERIMENTAL ATHEROSCLEROSIS. In: XV International Symposium on Atherosclerosis, 2009, Boston. Atherosclerosis Supplement 2009, 2009. v. 10.
Palavras-chave: inflammatory cells; inflammation; atherosclerosis; experimental; rabbits.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.isa2009.org/.
Objective: Based on evidences from the literature that ionizing radiation can ameliorate the evolution of chronic and autoimmune diseases in man and in experimental animals, we investigated the effect of radiation on the induction and development of experimental atherogenesis. Methods: New Zealand rabbits were divided in 5 groups (G) and received an atherogenic diet for 90 days. Irradiation of the peritoneal and thoracic areas (900 cGy) of the animals was made in the 1st and 45th day for G1 and 2, in the 45th day for G3 and 4, and G5 was not irradiated. Prior to irradiation, the peritoneal cavity of animals from G1 and 3 was washed with buffered saline. Cells collected by peritoneal washing were reinfused in the peritoneal cavity of the same animal after irradiation. Animals from G2 and 4 were intraperitoneally injected with saline as a control. Despite similar lipid profile among the experimental groups, the percentages of aortas covered by plaques were remarkably reduced among animals submitted to irradiation of G2 and 4 (G1=70.7 7.3; G2=23.5 7.5; G3=43.8 10.5; G4=8.4 1.3 and G5=64.3 8.8, p<0.001). However , these differences were completely abolished in irradiated animals reconstituted with their own peritoneal cells. Conclusion: These findings point to an important role of resident inflammatory peritoneal cells in experimental atherogenesis..

60.
SANTOS, Andreza O ; FONSECA, Francisco A H ; FISCHER, Simone C Matheus ; MONTEIRO, Carlos M C ; BRANDÃO, Sérgio A B ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; GIDLUND, Magnus ; Figueiredo Neto, AM ; CARVALHO, A. C. ; IZAR, MCO . High circulating autoantibodies against human oxidized LDL are related to stable and lower titers to unstable clinical situation. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 28-28.
Palavras-chave: oxidized LDL; autoantibodies; acute coronary syndromes; hypertension.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Oxidized lipoproteins and antibodies anti-oxidized LDL (anti-oxLDL) have been detected in human plasma and in atherosclerotic lesions. However, the role of these autoantibodies in the maintenance of vascular health or in the pathogenesis of acute vascular insults remains unclear. We examined the relationship of human IgG antibodies anti-oxLDL with cardiovascular disease risk markers in stable subjects and in patients after an acute coronary syndrome (ACS). Methods: Titers of human anti-oxLDL were measured in hypertensive subjects in primary prevention (n=94), without other risk factors, and in individuals after a recent ACS event who also had metabolic syndrome (n=116). Autoantibodies against copper ion oxidized LDL were measured by ELISA. Results: Anti-oxLDL titers were higher in hypertensive patients and these subjects presented lower hs-CRP than those with ACS (p<0.0001). We found significant correlations between anti-oxLDL and hs-CRP (r=-0.284), BMI (r=-0.256), waist circumference (r=- 0.368), apo B (r=-0.191), glycemia (r=-0.303), SBP (r=0.319), DBP (r=0.167), HDL-C (r=0.224) and Apo A1 (r=0.257) (p<0.02 for all). After multiple linear regression hs-CRP, fasting glycemia and waist circumference remained independently and inversely associated with anti-oxLDL. Conclusions: Our results suggest that acute inflammatory and metabolic conditions decrease titers of human antibodies of IgG class against oxLDL, and that circulating anti-oxLDL antibodies could be associated with a protective role in atherosclerosis. .

61.
RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, S. S. M. ; POMARO, Daniel R ; FRANCA, C. N. ; LOPES, José Daniel ; MARIANO, Mário ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H . RESIDENT PERITONEAL INFLAMMATORY CELLS ARE PIVOTAL IN THE DEVELOPMENT OF EXPERIMENTAL ATHEROSCLEROSIS. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 28-28.
Palavras-chave: peritoneal cells; irradiation; atherosclerosis; rabbits.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.
Objective: Based on evidences from the literature that ionizing radiation can ameliorate the evolution of chronic and autoimmune diseases in man and in experimental animals, we investigated the effect of radiation on the induction and development of experimental atherogenesis. Methods: New Zealand rabbits were divided in 5 groups (G) and received an atherogenic diet for 90 days. Irradiation of the peritoneal and thoracic areas (900 cGy) of the animals was made in the 1st and 45th day for G1 and 2, in the 45th day for G3 and 4, and G5 was not irradiated. Prior to irradiation, the peritoneal cavity of animals from G1 and 3 was washed with buffered saline. Cells collected by peritoneal washing were reinfused in the peritoneal cavity of the same animal after irradiation. Animals from G2 and 4 were intraperitoneally injected with saline as a control. Despite similar lipid profile among the experimental groups, the percentages of aortas covered by plaques were remarkably reduced among animals submitted to irradiation of G2 and 4 (G1=70.7+/- 7.3; G2=23.5+/-7.5; G3=43.8+/-10.5; G4=8.4+/-1.3 and G5=64.3+/-8.8, p<0.001). However , these differences were completely abolished in irradiated animals reconstituted with their own peritoneal cells. Analysis of the peritoneal wash revealed cells with lympho-myeloid morphology. Flow citometry evaluated the size and complexity of these cells, showing that after irradiation there was a decrease in 79% in the number of cells characterized as lymphocytes. Conclusion: These findings point to an important role of resident inflammatory peritoneal cells in experimental atherogenesis..

62.
MONTEIRO, Carlos M C ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; IZAR, MCO ; FISCHER, Simone C Matheus ; PÓVOA, Rui Manoel S ; BRANDÃO, Sérgio A B ; SANTOS, Andreza O ; OLIVEIRA, Luciene ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H . Highly sensitive C-reactive protein and male gender are independently associated with coronary disease severity in patients with metabolic syndrome and recent acute coronary syndrome. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 5-5.
Palavras-chave: C-reactive protein; acute coronary syndromes; Gensini score; metabolic syndrome.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Patients with metabolic syndrome are at high risk for developing atherosclerosis and coronary events. This study was designed to investigate the main determinants of the severity of coronary disease including those coronary risk factors associated with the metabolic syndrome in the acute phase after an acute ischemic coronary event. We tested the hypothesis that inflammatory markers, especially high-sensitivity C-reactive protein (hs-CRP) were associated with the extension and severity of coronary atherosclerosis, beyond traditional risk factors. Methods: Patients of both genders with metabolic syndrome, according to NCEP/ATP III criteria (n=116) were enrolled 1-3 days after hospital discharge due to an ACS (n=116). Fasting samples, IMT, coronary angiography and calculation of FRS were obtained. Coronary atherosclerotic burden was evaluated by the Gensini score. Results: The extent of coronary disease was positively associated with male gender, (p=0.008), age (p=0.048), hs-CRP (p=0.020), with ApoB:A1 ratio (p=0.041) and c-IMT (p=0.041). After multiple linear regression only male gender and (p=0.046) and hs-CRP (p=0.012) remained independently associated with Gensini score. Conclusions: In this high-risk population male gender and higher levels of hs-CRP are associated with the extension and severity of coronary artery disease, identifying patients with the highes potential to develop new coronary events. variable Ajusted coefficients p-value 95% CI constant -52.833 0.031 -100.7 a -4.9 age 0.178 0.110 -0.12 a 1.14 sex 0.220 0.046 0.21 a 22.68 cIMT 0.184 0.094 -6.53 a 80.67 Hs-CRP 0.274 0.012 0.07 a 0.60 .

63.
MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR, MCO ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; BRANDÃO, Sérgio A B ; OLIVEIRA, Luciene ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; PAOLA, Angelo A V ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H . Highly sensitive C-reactive protein and the Framingham risk score are independently related to the severity of coronary disease in patients with metabolic syndrome. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 5-5.
Palavras-chave: C-reactive protein; framingham risk score; acute coronary syndromes; metabolic syndrome.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.

64.
MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR, MCO ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; OLIVEIRA, Luciene ; SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; PAOLA, Angelo A V ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H . Early effects of lipid lowering treatment in subjects with metabolic syndrome and acute coronary syndromes. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 6-6.
Palavras-chave: lipids; lipid-lowering treatment; acute coronary syndromes; metabolic syndrome.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.

65.
HELFENSTEIN, Tatiana ; Bottós J ; IHARA, Sílvia S M ; RELVAS, Waldir G M ; POMARO, Daniel R ; Farah, ME ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . New Experimental Model of Type 2 Diabetes in Rabbits Promotes Retina Microaneurisms, which are attenuated by Renin-angiotensin Blockade. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 13-13.
Palavras-chave: type 2 diabetes; experimental model; retina; microaneurisms; rabbits; renin-angiotensin-aldosterone system.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.
OBJETIVOS: We present a new model for the study of the effects of diet-induced type 2 diabetes on target organ, such as vessels, kidneys, retina, pancreas, and to evaluate if renin-angiotensin (RA) blockade can attenuate this process. Methods: New Zealand male rabbits fed high-fat/high-sucrose (10/40%) and cholesterol-enriched diet (0.5% for 12 wk followed by 0.1% up to 24 wk) were randomized to receive diet alone (G2, n=10), quinapril 30mg (G3, n=8), olmesartan 5 mg (G4, n=8) added to the diet during the study protocol. G1 (n=4) were controls. Fundus photographs and fluorescein angiography were performed at baseline, 12 and 24 wk. Microaneurisms (An) were determined on standard photographs and graded into 4 levels (I<10; II 11-30; III 31-40; IV>40 An). Results: TC and LDL-C increased at wk12, but hyperglycemia appeared 6 mo after induction (p<0.05 vs. baseline). Early clinical features of retinopathy, including hyperfluorescent dots consistent with An were seen at wk 12, with progression observed at wk 24. The degree of retinopathy was attenuated by RA blockade (G1: level I; G2: III; G3 and G4: II; p<0.05; G2 >G1, G3 and G4>G1). Conclusions: This is the first description of an experimental model of diet-induced diabetes with features of humanoid retinopathy in rabbits. We demonstrated retinal protection by RA blockade. This model provides the opportunity to assess target organ lesion and for therapeutic studies..

66.
Júnior, HP ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Francisco A H ; IHARA, Sílvia S M ; Bottós J ; Farah, ME ; POMARO, Daniel R ; CARVALHO, A. C. ; IZAR, MCO . Experimental model of diet-induced type 2 diabetes and atherosclerosis in rabbits. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 13-13.
Palavras-chave: diet-induced; type 2 diabetes; atherosclerosis; rabbits.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: To test a new experimental model for induction of type 2 diabetes and atherosclerosis by diet in rabbits and to evaluate its effects on laboratory parameters, atherosclerotic plaque, and other target organ lesion. Methods: New Zealand male white rabbits (n=13), ageing 3 months and weighing 2.0-2.5 kg received a standard laboratory chow (Purina) with addition of lard (10%), sucrose (40%) and cholesterol (0.5% in the first three months, followed by 0.1% up to the end of study), during 6 months. Blood samples for lipids, glucose, and biochemistry, retinography and fluorescein angiography (FA) were performed at baseline, 3 and 6 months. Histopathologic studies of the eyes, pancreas, liver, and kidneys were performed. The aortas were opened longitudinally and stained by Sudan III, and the plaque amount was quantified by computed planimetry. Immunohistochemical analysis for macrophages, collagen, smooth muscle cells, and basement membrane of retinas (with anti-perlecan and anti-agrin antibodies) were assessed. Results: The animals had the same weight gain in 12 and 24 weeks. There was increase in serum cholesterol from week 12 (45.0 15.00 vs. 905.6 551.9 vs. 392.0 344.7; p<0.0001), however, glucose levels presented a gradual increase reaching the peak at week 24 (87.4 3.10 vs. 112.7 10.6 vs. 306.3 137.8; p<0.0001). There was increase in the HOMA-IR (5.14 2.32 vs. 5.54 0.52 vs. 15.58 7.05; p<0.0001), changes in creatinine, albumin, triglycerides, HDL-cholesterol and LDL-cholesterol induced by the diet. (p<0.05). The As FAs showed hyperfluorescent dots consistent with microaneurisms (51 3 microaneurisms), and the degree of retinopathy was classified as level IV. Immunohistochemistry showed retinal basement membrane thickening. The aortas presented atherosclerotic plaques, mainly in the arch and abdominal aorta, with the intima/media ratio (I/M) of the aortic arch 0.80 0.33, thoracic aorta 0.33 0.33, and abdominal aorta 0.64 0.83, and total I/M ratio 0.59 0.53.

67.
POMARO, Daniel R ; Andrade L ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO ; PINTO, L. E. S. A. ; CASARINI, Dulce Elena ; IHARA, Sílvia S M . ACE inhibitor protects aorta, liver and kidney of hypercholesterolemic and diabetic rabbits. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 14-14.
Palavras-chave: ACE inhibitors; rabbits; aloxan; renin-angiotensin-aldosterone system; target organ lesion.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.

68.
MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR, MCO ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; BRANDÃO, Sérgio A B ; OLIVEIRA, Luciene ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; CARVALHO, A. C. ; PAOLA, Angelo A V ; FONSECA, Francisco A H . Early glucometabolic profile in patients with acute coronary syndromes and metabolic syndrome. In: XII Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2009, Campinas. Atherosclerosis. Supplement (Amsterdam). Rio de Janeiro: Elsevier, 2009. v. 10. p. 31-31.
Palavras-chave: glucose metabolism; lipids; acute coronary syndromes; metabolic syndrome.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.sciencedirect.com; ISSN/ISBN: 15675688.

69.
SANTOS, Andreza O ; FONSECA, Francisco A H ; FISCHER, Simone C Matheus ; MONTEIRO, Carlos M C ; BRANDÃO, Sérgio A B ; CARVALHO, A. C. ; GIDLUND, Magnus ; Figueiredo Neto, AM ; IZAR, MCO . High circulating autoantibodies against human oxidized LDL are related to stable and lower titers to unstable clinical situation. In: ESC Congress 2009, 2009, Barcelona. European Heart Journal (Abstract Supplement), 2009. v. 30. p. 642-642.
Palavras-chave: autoantibodies; oxidized LDL; acute coronary syndromes; hypertension.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Espanha/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.escardio.org.
Objectives: Oxidized lipoproteins and antibodies anti-oxidized LDL (anti-oxLDL) have been detected in human plasma and in atherosclerotic lesions. However, the role of these autoantibodies in the maintenance of health or in the pathogenesis of acute coronary syndromes (ACS) remains unclear. We examined the relationship of human IgG anti-ox LDL antibodies with cardiovascular disease risk markers. Methods: Autoantibodies against copper ion oxidized LDL were measured by ELISA in hypertensive subjects in primary prevention (n=94) without other risk factors, and in individuals with metabolic syndrome after recent acute coronary syndrome (n=116). Results: Anti-oxLDL titers were higher in hypertensive patients and these subjects presented lower hs-CRP than those with ACS (p<0.0001). We found significant correlations between anti-ox LDL titers and hs-CRP (r=-0.284), BMI (r=-0.256), waist circumference (r=-0.368), apo B (r= -0.191), glycemia (r=-0.303), SBP (r=0.319), DBP (r=0.167), HDL-C (r=0.224) and Apo A1 (r=0.257) (p<0.02 for all). After multiple linear regression, hs-CRP, fasting glycemia and waist circunference remained independently associated with anti-oxLDL. Conclusions: Our results suggest that acute inflammatory and metabolic conditions decrease titers of anti-oxLDL, and that circulating anti-oxLDL antibodies may be associated with a protective role in atherosclerosis. .

70.
HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; Bottós J ; POMARO, Daniel R ; RELVAS, Waldir G M ; Farah, ME ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . New experimental model of type 2 diabetes in rabbits promotes retina microaneurisms, which are attenuated by renin-angiotensin blockade. In: ESC Congress 2009, 2009, Barcelona. European Heart Journal (Abstract Supplement), 2009. v. 30. p. 760-760.
Palavras-chave: type 2 diabetes; atherosclerosis; rabbits; microaneurysms; renin-angiotensin-aldosterone system.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Espanha/ Inglês; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.escardio.org.
We present a new animal model for the study of retina effects of experimental type 2 diabetes and to verify if renin-angiotensin (RA) blockade can attenuate this process. Methods: New Zealand male rabbits fed high-fat/high-sucrose (10/40%) and cholesterol-enriched diet (0.5% for 12 wk followed by 0.1% up to 24 wk) were randomized to receive diet alone (G2, n=10), quinapril 30mg (G3, n=8), olmesartan 5 mg (G4, n=8) added to the diet during the study protocol. G1 (n=4) were controls. Fundus photographs and fluorescein angiography were performed at baseline, 12 and 24 wk. Microaneurisms (An) were determined on standard photographs and graded into 4 levels (I<10; II 11-30; III 31-40; IV>40 An). Results: TC and LDL-C increased at wk12, but hyperglycemia appeared 6 mo after induction (p<0.05 vs. baseline). Early clinical features of retinopathy, including hyperfluorescent dots consistent with An were seen at wk 12, with progression observed at wk 24. The degree of retinopathy was attenuated by RA blockade (G1: level I; G2: III; G3 and G4: II; p<0.05; G2 >G1, G3 and G4>G1). Conclusions: This is the first description of an experimental model of diet-induced diabetes with features of humanoid retinopathy in rabbits. We demonstrated retinal protection by RA blockade. This model provides the opportunity to assess target organ lesion and for therapeutic studies..

71.
HELFENSTEIN, Tatiana ; Bottós J ; IHARA, Sílvia Saiuli M ; POMARO, Daniel R ; RELVAS, Waldir G M ; Júnior, HP ; Farah, ME ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR MC . Inibição da ECA e bloqueio do receptor AT1 atenuam retinopatia diabética em modelo experimental em coelhos. In: 64º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2009, Salvador. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2009. v. 93. p. 81-81.
Palavras-chave: retinopatia; diabetes experimental; coelho; sistema renina-angiotensina-aldosterona.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.cardiol.br; Série: 1; ISSN/ISBN: 0066782.

72.
SANTOS, Andreza O ; FONSECA, Francisco A H ; FISCHER, Simone C Matheus ; MONTEIRO, Carlos M C ; BRANDÃO, Sérgio A B ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; GIDLUND, Magnus ; Figueiredo Neto, AM ; CARVALHO, A. C. ; IZAR MC . Títulos maiores de anticorpos anti-LDL oxidada associam-se a doença estável, enquanto títulos baixos relacionam-se a situações clínicas instáveis. In: 64º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2009, Salvador. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2009. v. 93. p. 1-1.
Palavras-chave: auto-anticorpos; LDL oxidada; síndromes coronarianas agudas; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.cardiol.br; Série: 1; ISSN/ISBN: 0066782.

73.
RELVAS, Waldir G M ; IZAR MC ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; Pomaro, Daniel R. ; FRANCA, C. N. ; LOPES, José Daniel ; MARIANO, Mário ; CARVALHO, A. C. ; FONSECA, Francisco A H . Células inflamatórias residentes no peritôneo são cruciais no desenvolvimento da aterosclerose experimental. In: 64º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2009, Salvador. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2009. v. 93. p. 1-1.
Palavras-chave: células inflamatórias; aterosclerose experimental; célula B1b; irradiação peritoneal.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.cardiol.br; Série: 1; ISSN/ISBN: 0066782.

74.
MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR MC ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; BRANDÃO, Sérgio A B ; OLIVEIRA, Luciene ; FISCHER, Simone C Matheus ; Santos, Andreza O. ; CARVALHO, A. C. ; PAOLA, Angelo A V ; FONSECA, Francisco A H . Proteína C reativa e escore de risco de Framingham estão independentemente associados à gravidade da doença coronariana em pacientes com síndrome metabólica. In: 64º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2009, Salvador. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2009. v. 93. p. 62-62.
Palavras-chave: proteína C-reativa; escore de risco coronariano; síndrome metabólica; síndromes coronarianas agudas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.cardiol.br; Série: 1; ISSN/ISBN: 0066782.

75.
Brandão, Sergio A. ; Monteiro, Carlos M. ; IZAR, MCO . Early increase in autoantibodies against human oxidized low-density lipoprotein in hypertensive patients after blood pressure contro. In: VI Congresso de Hipertensão da SBC/DHA, 2009, Florianópolis. Anais do VI Congresso de Hipertensão da SBC/DHA, 2009.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.

76.
ALVES, S. I. ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H ; SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; MONTEIRO, Carlos M C ; GIDLUND, Magnus ; FIGUEIREDO, Antonio . Nonlinear optical properties of Low-Density (LDL) and High-Density (HDL) human Lipoproteins, lyotropic-like aggregates, in water. In: International Liquid Crystal Conference, 2008. Molecular engines of creation, 2008.
Palavras-chave: lipoproteins; HDL-colesterol; LDL-oxidada; Z-Scan.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Física / Subárea: Física dos Fluídos, Física de Plasmas e Descargas Elétricas.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Coréia do Sul/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.ilcc2008.org/intro1.asp.
Low-Density (LDL) and High-Density (HDL) Lipoproteins are the main carriers of cholesterol in the living systems, playing a critical role in the human cholesterol metabolism. These lipoproteins in native state are almost spherical lyotropic-type aggregates, with typical diameters of about 27 nm (LDL) and 10 nm (HDL). They are composed by a hydrophobic core made mainly of cholesterol esters and triglycerides, an outer shell of phospholipids and copies of the apoproteins (apoB in the LDL and mainly apoA in the HDL). Their structure and composition resembles that of micellar aggregates which form lyotropic liquid crystals. It is known that several pathological conditions (e.g., atherosclerosis) are associated with oxidative modifications of the lipoproteins. The physical state of the lipoproteins can be modified by several factors (temperature, presence of bacteria in the blood and immune response of the body), which change their shape-anisotropy and, as a consequence, their function in the living system. Differentiate the native from the modified (usually oxidized) state of the lipoproteins is an important task from the biomedical point of view. In a previous work we have shown that lyotropic liquid crystals, present nonlinear optical properties that depend on the structure and local ordering of the amphiphilic aggregates [1]. Moreover, the bigger the micellar ordering, the larger the nonlinear refractive index of the sample. Recently, Gómez and co-workers, by using the Z-Scan (ZS) technique, showed that the thermal-lens (nonlinear) responses of the native and Cu-oxidized LDL (oxLDL) are different [2], proposing a method to quantify the oxLDL concentration in the blood. In the present study we report on the thermal nonlinear optical response of LDL and HDL from normolipidemic blood donor volunteers by using the Z-Scan technique (ZS). Transmission electron microscopy pictures of native and oxidized lipoproteins reveal that native LDL and HDL do not show any ordering bu.

77.
FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; OLIVEIRA, Luciene ; BRANDÃO, Sérgio A B ; MONTEIRO, Carlos M C ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IZAR, MCO ; GIDLUND, Magnus ; FONSECA, F. A. H. . ACE-INHIBITORS AND DIURETICS REDUCE TITERS OF ANTIBODIES ANTI-OXLDL IN HYPERTENSIVE PATIENTS. In: 77th EAS CONGRESS, 2008, ISTAMBUL. Atherosclerosis Supplements. IRLANDA: Elsevier, 2008. v. 9. p. 190-191.
Palavras-chave: ACE-inhibitors; diuretics; oxidized-LDL.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Hypertension can increase LDL oxidation, however the role of autoantibodies anti-oxidized LDL (anti-oxLDL) following antihypertensive treatment is unknown. Objectives: We evaluated the effects of 12-wk treatment of hypertension on lipid peroxidation, hs-CRP, anti-oxLDL IgG titers in hypertensive patients. Methods: In a prospective, double-blind study 94 stage 1 or 2 hypertensive individuals of both sexes (56 10y), without other risk factors were randomly assigned to receive perindopril 4-8 mg (ACEI group), hydrochlorothiazide 25 mg or indapamide 1.5 mg (diuretic group) or these thiazides plus perindopril 4 mg (combined group) for 12 weeks. Endothelial function (FMD,%), hs-CRP (nephelometry, mg/L), TBARs (MDA, nM) and titers of anti-oxLDL IgG (ELISA, OD) were assessed at baseline (B) and end of study. Results: The groups were comparable at entry. All treatments reduced blood pressure (SBP 154 12 vs. 137 16 mmHg, p<0.0001; DBP 92 7 vs. 84 8 mmHg, p<0.0001), ameliorated FMD (7.6 3.2 vs. 9.5 3.8, p<0.0001), w/o differences between drug regimens. A decrease in plasma peroxidation by TBARs (1.55 0.81 vs. 1.34 0.60, p=0.032) and an increase in anti-oxLDL IgG titers after treatment were observed (1.9 1 vs. 2.1 1, p=0.003), w/o differences between treatment assignment, whereas hs-CRP remained unchanged. Conclusions: Blood pressure reduction is accompanied by increase in titers of autoantibodies anti-oxidized LDL. This finding coupled with the decrease in TBARs levels and improvement on endothelial function suggest that treatment of hypertension can influence adaptive immune responses, and may have a protective role in atherogenesis. .

78.
HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Sílvia Saiuli M ; SANTOS, Andreza O ; RELVAS, Waldir G M ; FISCHER, Simone C Matheus ; FONSECA, Marília I H ; HAN, Sang W ; PINTO, L. E. S. A. ; IZAR, MCO ; FONSECA, F. A. H. . CAN GENETIC MARKERS PREDICT CORONARY RISK IN TYPE 2 DIABETES OVER AND ABOVE CLASSIC RISK FACTORS?. In: 77th EAS Congress, 2008, Istambul. Atherosclerosis Supplements. IRLANDA: Elsevier, 2008. v. 9. p. 108-108.
Palavras-chave: polymorphisms; genetics; type 2 diabetes; myocardial infarction; lipoprotein lipase.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Polymorphisms affecting lipoprotein metabolism can increase risk of atherosclerosis, however if they add information over and above conventional risk factors is unclear. Methods: A prospective, multicenter study enrolled 982 patients with DM2 of both sexes, ageing 35-80y with or w/o prior MI. Demography, EKG, blood samples for lipids and genetics were obtained. Apo-AI-CIII (Msp I, SstI), CETP-Taq1B, PON1-Q192R, Apo-E, LPL-D9N, R147W- and Y171X-LCAT polymorphisms were tested by PCR-RFLP. Deviations from Hardy-Weinberg equilibrium were tested by chi-square. Multiple logistic regression was used, p-value set <0.05. Results: Patients with DM2 and MI were older (62 0.5 vs 59 0.4 y), predominantly males (59 vs. 31%), current smokers (10 vs. 6%), had left ventricle hypertrophy (35% vs 20%), longer duration of diabetes (10.0 0.4 vs 8.0 0.3 y), lower HDL-cholesterol (35 1 vs 38 1 mg/dL), higher triglycerides (248 14 vs 191 6 mg/dL), and higher prevalence of metabolic syndrome (92 vs 86%) (all p<0.05). MI was associated with LPL-D9N polymorphism, OR for the N allele=1.62 (95%CI=1.14-2.30), whereas Apo C3 S1 allele was protective (OR=0.69, 95%CI=0.49-0.96), without differences for other polymorphisms. Logistic regression with risk factors showed that male sex tripled, LVH doubled and smoking habit increased the risk of MI 1.8 times, whereas age, duration of diabetes, lower HDL-C and systolic blood pressure were also associated (p<0.05). Using a model that included LPL-D9N, the OR for MI was 1.78, p=0.012, 95%CI=1.22-2.61. Conclusion: LPL genetic variation is a modulator of the risk of MI in patients with DM2, at the same scale or larger than classic risk factors..

79.
SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; MONTEIRO, Carlos M C ; HELFENSTEIN, Tatiana ; GIDLUND, Magnus ; BRANDÃO, Sérgio A B ; OLIVEIRA, Luciene ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . LOW TITERS OF HUMAN ANTI-OXLDL AUTOANTIBODIES ARE ASSOCIATED WITH UNSTABLE CORONARY DISEASE. In: 77th EAS CONGRESS, 2008, Istambul. Atherosclerosis Supplements. IRLANDA: Elsevier, 2008. v. 9. p. 118-119.
Palavras-chave: autoantibodies; oxidized-LDL; unstable coronary syndromes; metabolic syndrome.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Human antibodies antioxidized low density lipoproteins (anti-oxLDL) might play a role in the pathogenesis of acute coronary syndromes (ACS). However, the effects of hypolipidemic drugs on the adaptive immune responses to ox-LDL in this clinical setting is unknown. Titers of anti-oxLDL IgG were evaluated in patients with metabolic syndrome (MS) after an ACS who received short-term hypolipidemic treatments. Methods: A prospective randomized, double-blind study enrolled 116 patients, 56 9 y, 65% men with ACS+MS, LDL-C<130 and HDL<40 mg/dL at entry. Atorvastatin (A, 10 mg), fenofibrate (F, 200 mg), both drugs (A+F) or placebo (P) were initiated up to the third day after hospital discharge. Hypertensive patients stage 1 or 2 (n=92) were used for IgG titer comparisons. Human LDL was obtained from a healthy donor, oxidized by copper, anti-oxLDL measured by ELISA in oxLDL sensitized plates. TBARS (MDA, nM), hs-CRP (nephelometry, mg/L), and oxLDL were obtained at baseline (B), 3 and 6-wk. We used GLM-repeated measures and p<0.05. Results: The groups with ACS were comparable at baseline regarding TBARS, hs-CRP and titers of anti-oxLDL. There was a significant decrease in anti-oxLDL, TBARs and hs-CRP at 6-wk w/o differences regarding treatment regimens. Hypertensive patients presented anti-oxLDL titers higher than those with ACS (1.87 0.95 vs. 0.85 0.43 OD; p<0.0001). Conclusions: Adaptive immune responses may play a role in plaque instabilization. Short-term treatment with statins or fibrates did not modify antibody titers. Low titers of serum anti-oxLDL can be markers of unstable coronary disease. .

80.
MONTEIRO, Carlos M C ; OLIVEIRA, Luciene ; IZAR, MCO ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; BRANDÃO, Sérgio A B ; HELFENSTEIN, Tatiana ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . EARLY EFFECTS OF LIPID-LOWERING TREATMENT IN PATIENTS WITH METABOLIC SYNDROME AFTER ACUTE CORONARY SYNDROMES. In: 77th EAS Congress, 2008, Istambul. Atherosclerosis Supplements. IRLANDA: Elsevier, 2008. v. 9. p. 133-133.
Palavras-chave: statins; fibrates; acute coronary syndromes; metabolic syndrome.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
This study aimed to compare early benefits of lipid-lowering treatment in subjects with metabolic syndrome (MS) after acute coronary syndromes (ACS). We evaluated 116 consecutive ACS patients with MS according to NCEP/ATPIII criteria, also exhibiting on hospital admission serum LDL-C levels < 130 mg/dL. One to three days after hospital discharge, eligible patients were randomized to be treated for six weeks with atorvastatin 10 mg/day, fenofibrate 200 mg/day, atorvastatin 10 mg/day plus fenofibrate 200 mg/day or double-placebo. All patients received ATP III Therapeutic Lifestyle Changes counseling. After treatment, total cholesterol, LDL-C, triglycerides and non HDL-C were reduced by atorvastatin alone or combined with fenofibrate (p=0.001 vs. baseline), and by fenofibrate alone (p< 0.004 vs. baseline), but these parameters were not modified in patients receiving placebo. HDL-C was increased by fenofibrate alone or combined with atorvastatin (p=0.001 vs. baseline). Apo B and apoB/apoA1 ratio were also reduced by all hypolipidemic drug regimens (p=0.001 vs. baseline), but in the placebo group. All treatments were associated with lower serum fibrinogen, vWF, D-Dimer, and TBARS levels after 6-wk treatment (p<0.001 vs. baseline). There was a trend for Factor VII reduction after treatment (p=0.07 vs. baseline) while serum PAI-1 was not modified. Serum hsCRP levels were lower after 6 weeks (p=0.001 vs. baseline) but remained up high. Our results emphasize the need of early hypolipidemic drug treatment for this high-risk population, and that starting doses of fenofibrate or atorvastatin, alone or combined impact similarly on several metabolic parameters in spite of differences on lipid profile..

81.
OLIVEIRA, Luciene ; MONTEIRO, Carlos M C ; Gonsales, SC ; HELFENSTEIN, Tatiana ; CARDOSO, Ana Maria M ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H . EFFECTS OF DIETARY RECOMMENDATIONS IN PATIENTS WITH METABOLIC SYNDROME AFTER AN ACUTE CORONARY SYNDROME. In: 77th EAS Congress, 2008, Istambul. Atherosclerosis Supplements. IRLANDA: Elsevier, 2008. v. 9. p. 134-134.
Palavras-chave: metabolic syndrome; acute coronary syndromes; dietary intervention.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: DISTÚRBIO METABÓLICOS E RISCO CARDIOVASCULAR.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: To evaluate the effects of dietary orientations regarding biochemical and anthropometric parameters of patients with Metabolic Syndrome (MS) after Acute Coronary Syndrome (ACS). Methods: Twenty-five patients (40 to 73 years) hospitalized after ACS, with 3 or more criteria for MS, were randomized in a placebo group of a double-blind study with drugs. One to three days after hospital discharge, laboratory tests (lipid profile, glycemia, insulinemia, microalbuminuria, C-reactive protein, fibrinogen, Factor VII, D-dimer and vascular reactivity) were performed. Results: Comparing the baseline results and those obtained after 6-wk of ATP III Therapeutic Lifestyle Changes, a significant reduction (p<0.05) in waist circumference, fasting glycemia, HOMA-IR, hsCRP and D-dimer were observed. However, no significant changes in the lipid profile (TC, LDL-C, TG, Non-HDL-C and apolipoproteins B and A-1) were found, in spite of a significant reduction (p<0.05) in calorie consumption, macronutrients, cholesterol and sodium. Conclusion: Dietary counselling could improve several metabolic alterations in these patients including fasting glycemia, insulin resistance, inflammatory response and hemostasis. However, it seems insufficient to achieve current lipid goals. .

82.
BRANDÃO, Sérgio A B ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; MONTEIRO, Carlos M C ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; PÓVOA, Rui Manoel S ; PEREIRA, Vania Sanches ; RODGÉRIO, Tatiane ; FONSECA, Francisco A H . METABOLIC EFFECTS OF ANTYHYPERTENSIVE AGENTS IN NORMOGLYCEMIC, NORMOLIPIDEMIC HYPERTENSIVE PATIENTS. In: 77th EAS Congress, 2008, ISTAMBUL. Atherosclerosis Supplements. IRLANDA: Elsevier, 2008. v. 9. p. 191-191.
Palavras-chave: antihypertensive therapy; metabolism; glucose metabolism; ACE-inhibitors; diuretics.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Irlanda/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Diuretics can impair lipid and glucose metabolism, specially when combined with betablockers. The effects of association of ACE inhibitors (ACEI) and different thiazide diuretics are less reported. We tested three antihypertensive regimens on lipid and glucose parameters. Methods: A prospective, double-blind study examined 94 stage 1 or 2 hypertensive patients randomly assigned to receive a 12-wk treatment with perindopril 4-8 mg (ACE-inhibitor group, G1), hydrochlorothiazide 25 mg or indapamide 1.5 mg (diuretic group, G2) or these thiazides plus perindopril 4 mg (combined group, G3). Lipids, apolipoproteins, glucose and insulin curves, HOMA-IR and plasma peroxidation by TBARs (nmol MDA/mL plasma) were obtained at baseline (b) and at 12-wk. GLM-repeated measures was used with a p value < 0.05. Results: There was a reduction in both systolic and diastolic blood pressure w/o differences in regard of treatment arms. In spite of creatinine reduction, there was a decrease in potassium in diuretic group (p=0.001) after 12 wk. Apo B, glucose and insulin increased after treatments whereas lipids were unchanged. Reduction of blood pressure promoted a decrease in plasma peroxidation, regardless of treatment assignment. Conclusions: Even in normolipidemic, normoglycemic individuals treatment of hypertension with ACEI, diuretics or both can promote small but significant metabolic changes. These findings coupled with the need for lifetime therapy may account for future cardiovascular events. .

83.
HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Sílvia S M ; POMARO, Daniel R ; RELVAS, Waldir G M ; Bottós J ; Farah, ME ; Moreira, FT ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . INIBIDORES DA ECA E BLOQUEADORES DO RECEPTOR AT1 ATENUAM O DESENVOLVIMENTO DE MICROANEURISMAS NA RETINA EM DIABETES TIPO 2 INDUZIDO EM COELHO. In: XXIX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2008, SÃO PAULO. Rev Soc Cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2008. v. 18. p. 40-40.
Palavras-chave: diabetes tipo 2; hipercolesterolemia; coelhos; retinopatia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

84.
HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Sílvia S M ; FONSECA, Francisco A H ; Bottós J ; POMARO, Daniel R ; Farah, ME ; Moreira, FT ; RELVAS, Waldir G M ; IZAR, MCO . Novo modelo experimental de diabetes tipo 2 e hipercolesterolemia em coelhos Nova Zelândia promove microaneurismas na retina. In: XXIX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2008, São Paulo. Rev Soc Cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2008. v. 18. p. 54-54.
Palavras-chave: diabetes; coelhos; hipercolesterolemia; retinopatia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

85.
SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; MONTEIRO, Carlos M C ; Monteiro AM ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BRANDÃO, Sérgio A B ; GIDLUND, Magnus ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . Títulos baixos de autoanticorpos anti-LDLox humana associam-se com doença coronáriana instável. In: XXIX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2008, São Paulo. Rev Soc cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2008. v. 18. p. 84-84.
Palavras-chave: auto-anticorpos; LDL-oxidada; síndromes coronarianas agudas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

86.
Vasco, MB ; Xavier, BM ; Barros, SW ; HELFENSTEIN, Tatiana ; MONTEIRO, Carlos M C ; OLIVEIRA, Luciene ; IZAR, MCO ; FISCHER, Simone C Matheus ; FONSECA, Francisco A H . O escore de Framingham apresenta boa correlação com a extensão da doença coronariana em portadores de síndrome metabólica?. In: XXIX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São paulo, 2008, São Paulo. Rev Soc cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2008. v. 18. p. 84-84.
Palavras-chave: escore de risco coronariano; síndrome metabólica; síndromes coronarianas agudas; Escore de Gensini.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

87.
Barros, SW ; Xavier, BM ; Inowe, E ; Vasco, MB ; HELFENSTEIN, Tatiana ; MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR, MCO ; OLIVEIRA, Luciene ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco A H . Correlação entre o espessamento médio intimal de carótidas e a extensão da doença coronariana em pacientes com síndrome metabólica. In: XXIX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2008, São Paulo. Rev Soc Cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2008. v. 18. p. 56-56.
Palavras-chave: espessamento médio intimal; doença arterial coronariana; síndrome metabólica; Escore de Gensini.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

88.
BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; GIDLUND, Magnus ; PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H . Efeitos do tratamento com anti-hipertensivos nos autoanticorpos anti-LDL oxidada. In: XXIX Congresso da Sociedade de cardiologia do Estado de São Paulo, 2008, São Paulo. Rev Soc Cardiolk Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2008. v. 18. p. 36-36.
Palavras-chave: anti-hipertensivos; auto-anticorpos; LDL-oxidada; hipertensão arterial.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

89.
Andrade, TO ; FRANCISCO, Yoná A ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; Hardt FCC ; BROLLO, Luigi ; PÓVOA, Rui Manoel S . Frequência dos polimorfismos genéticos do sistema renina-angiotensina-aldosterona em hipertensos afro-descendentes em tratamento. In: XXIX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2008, São Paulo. Rev Soc Cardiol estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2008. v. 18. p. 50-50.
Palavras-chave: polimorfismos; genética; hipertensão arterial; afrodescendentes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

90.
MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR, MCO ; BRANDÃO, Sérgio A B ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PAOLA, Angelo A V ; OLIVEIRA, Luciene ; SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco A H . Alterações do metabolismo de carboidratos em pacientes com síndrome metabólica e recente síndrome coronariana aguda. In: XXIX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2008, São Paulo. Rev Soc Cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2008. v. 18. p. 58-56.
Palavras-chave: metabolismo glicídico; infarto do miocárdio; diabetes; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.

91.
Bottós J ; V. LIMA ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Sílvia ; FONSECA, Francisco ; IZAR, MCO ; Orsi T ; M. Maia ; Rodrigues, EB ; Farah, ME . Effects of Angiotensin-Converting Enzyme Inhibitor and Angiotensin II Receptor Antagonist in Diabetic Rabbit Retina. In: ARVO 2008 Annual Meeting, 2008, Fort Lauderdale. Annals of the Congress, 2008. v. 1. p. 1339-1339.
Palavras-chave: diabetic retinopathy; retina; diabetes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Oftalmologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.abstractsonline.com/viewer/searchresults.asp.
Purpose: 1. To verify the effects of the angiotensin converting enzyme inhibitor (ACEI) quinapril and the angiotensin II receptor antagonist (ARA) olmesartan on retina of hypercholesterolemic and diet-induced diabetic rabbits. 2. To present a new animal model for diabetic retinopathy in rabbit eyes. Methods: Diabetes and hypercholesterolemia were induced in New Zealand white male rabbits by a diabetogenic and cholesterol-rich diet with high-fat/high-sucrose diet, maintained for 6 months. After 12 and 24 week period, the efficacy of diet to inducing diabetes and hypercholesterolemia was examined by plasma glucose levels, total cholesterol, high-density lipoprotein, cholesterol and triglyceride. The rabbits were divided into four groups. Groups II, III and IV received the high-fat/high-sucrose diet. Animals from group I (n=10) formed the control group, and from group II (n=10) formed the untreated group. Animals from group III (n=10) received the quinapril, and from group IV (n=10) received the olmesartan orally, added to the chow. Fundus photographs and fluorescein angiography were performed at the third and sixth month. The prevalence of retinopathy was determined based on the presence of microaneurysms on standard photographs. An area of radius equivalent to the diameter of average optic disc, within 1500 micrometers of the border of optic disc, was evaluated. The number of microaneurysms was counted and retinopathy was graduated into 4 levels on the amount of microaneurysms: I - 40. Results: All the animals induced by diet were diabetics at 6 months after induction (glycemia 316Â 127.21 mg/dl). No differences between groups II, III and IV were observed regarding glucose levels. The control group (I) had a mean glycemia of 104Â 5.3 mg/dl. Clinical study of all diabetic groups (II, III and IV) by 12 weeks revealed the early clinical features of diabetic retinopathy included hyperfluorescent dots consistent with microaneurysms. Group II developed microaneurysms at.

92.
Bottós J ; V. LIMA ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Sílvia ; FONSECA, Francisco ; IZAR, MCO ; Orsi T ; M. Maia ; Rodrigues, EB ; Farah, ME . Effects of Angiotensin-Converting Enzyme Inhibitor and Angiotensin II Receptor Antagonist in Diabetic Rabbit Retina. In: VII Annual Meeting - Pan-American Research Day, 2008, Fort Lauderdale. ARVO EYES ON INNOVATION ANNALS, 2008.
Palavras-chave: diabetic retinopathy; retina; diabetes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Oftalmologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso.
Purpose: 1. To verify the effects of the angiotensin converting enzyme inhibitor (ACEI) quinapril and the angiotensin II receptor antagonist (ARA) olmesartan on retina of hypercholesterolemic and diet-induced diabetic rabbits. 2. To present a new animal model for diabetic retinopathy in rabbit eyes. Methods: Diabetes and hypercholesterolemia were induced in New Zealand white male rabbits by a diabetogenic and cholesterol-rich diet with high-fat/high-sucrose diet, maintained for 6 months. After 12 and 24 week period, the efficacy of diet to inducing diabetes and hypercholesterolemia was examined by plasma glucose levels, total cholesterol, high-density lipoprotein, cholesterol and triglyceride. The rabbits were divided into four groups. Groups II, III and IV received the high-fat/high-sucrose diet. Animals from group I (n=10) formed the control group, and from group II (n=10) formed the untreated group. Animals from group III (n=10) received the quinapril, and from group IV (n=10) received the olmesartan orally, added to the chow. Fundus photographs and fluorescein angiography were performed at the third and sixth month. The prevalence of retinopathy was determined based on the presence of microaneurysms on standard photographs. An area of radius equivalent to the diameter of average optic disc, within 1500 micrometers of the border of optic disc, was evaluated. The number of microaneurysms was counted and retinopathy was graduated into 4 levels on the amount of microaneurysms: I - 40. Results: All the animals induced by diet were diabetics at 6 months after induction (glycemia 316Â 127.21 mg/dl). No differences between groups II, III and IV were observed regarding glucose levels. The control group (I) had a mean glycemia of 104Â 5.3 mg/dl. Clinical study of all diabetic groups (II, III and IV) by 12 weeks revealed the early clinical features of diabetic retinopathy included hyperfluorescent dots consistent with microaneurysms. Group II developed microaneurysms at.

93.
Inowe, E ; IZAR, MCO . Farmacoeconomia das Síndromes Coronarianas Agudas. In: XVI Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP 2008, 2008, São Paulo. Anais do Congresso. São Paulo, 2008.
Palavras-chave: custo-efetividade; estatinas; síndromes coronarianas agudas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários.
Título: Farmacoeconomia das Síndromes Coronarianas Agudas Autores: Izar, M.C.O.; Inowe, E.K. Bolsista: Erica Kiyomi Inowe - UNIFESP Orientador: Maria Cristina de Oliveira Izar - Medicina / Cardiologia Resumo: Introdução: A cardiopatia isquêmica é a principal causa de morte e incapacidade no mundo ocidental, determinando maiores custos econômicos que qualquer outra doença. Nesse sentido, a farmacoeconomia é uma ciência desenvolvida cujos conceitos permitem analisar o tratamento médico como um todo, comparar estratégias terapêuticas para obter resultados com maior efetividade, menor custo e maior porcentagem de sucesso. Objetivos: Este trabalho teve como objetivos analisar o tratamento de uma síndrome coronariana aguda (SCA), detalhando os pacientes em termos de idade, sexo, etnia, fatores de risco e escore de risco coronário (Framingham), traçando o perfil de entrada dos pacientes com relação ao quadro clínico, exame físico, eletrocardiograma e exames laboratoriais. Toda a estratégia utilizada, exames e intervenções médicas foram computadas para melhor avaliação de vantagens e desvantagens do tratamento, características desta população, em relação ao sucesso e desfechos como morte e principais eventos cardiovasculares. O estudo permitiu estimar o custo atual de tratamento de uma SCA, atendendo as diretrizes propostas atualmente para esta doença. Métodos: Acompanharam-se 100 pacientes, de ambos os sexos que deram entrada no HSP com diagnóstico de SCA, com base nos dados clínicos, eletrocardiográficos, laboratoriais e evolutivos. Analisou-se retrospectivamente o quadro clínico de entrada do paciente, o seu exame físico, os exames realizados e a terapêutica inicial. Ao final, obtivemos o desfecho de cada paciente com seu perfil na alta hospitalar, suas complicações, seqüelas e sua estratificação de risco. Com essas informações e de posse do custo real de cada procedimento, obtivemos o custo farmacoeconômico real de cada paciente internado no HSP com uma SCA. Result.

94.
Fonseca, ASH ; PÓVOA, Rui Manoel S ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; SARAIVA, José Francisco Kerr ; IZAR, MCO ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; ARROYO, José Bocanegra . Associação da sobrecarga ventricular esquerda com infarto do miocárdio em pacientes com diabetes mellitus tipo 2. In: 13 Congresso Brasileiro Multidisciplinar multiprofissional em diabetes, 2008, São Paulo. Anais do congresso, 2008.
Palavras-chave: diabetes tipo 2; infarto do miocárdio; sobrecarga ventricular esquerda; fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: DISTÚRBIO METABÓLICOS E RISCO CARDIOVASCULAR.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.
Co-autora do trabalho..

95.
SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; MONTEIRO, Carlos M C ; HELFENSTEIN, Tatiana ; GIDLUND, Magnus ; BRANDÃO, Sérgio A B ; OLIVEIRA, Luciene ; Figueiredo Neto, AM ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . Títulos Baixos de Anticorpos Anti-LDLox podem ser marcadores na síndrome coronariana aguda. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: Prol Editora gráfica, 2008. v. 91. p. 2-2.
Palavras-chave: auto-anticorpos; LDL oxidada; síndromes coronarianas agudas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora e orientadora do projeto..

96.
IZAR, MCO ; MONTEIRO, Carlos M C ; SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; Alves SIPMN ; GIDLUND, Magnus ; Figueiredo Neto, AM ; FONSECA, Francisco A H . Caracterização das lipoproteínas nativas e oxidadas pelo Z-Scan em pacientes com síndrome metabólica após uma síndrome coronária aguda. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arq Bras cardiol. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2008. v. 91. p. 3-3.
Palavras-chave: varredura Z; lipoproteínas; oxidação de lipoproteínas; síndrome coronariana aguda.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
autora e apresentadora do trabalho..

97.
Andrade, TO ; FRANCISCO, Yoná A ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; IZAR, MCO ; BRANDÃO, Sérgio A B ; BROLLO, Luigi ; FONSECA, Francisco A H ; PÓVOA, Rui Manoel S . Frequência dos polimorfismos genéticos do sistema renina-angiotensina-aldosterona em hipertensos afro-descendentes em tratamento. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Aeq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: Prol editora gráfica, 2008. v. 91. p. 26-26.
Palavras-chave: polimorfismos; genética; afrodescendentes; hipertensão arterial.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora do trabalho..

98.
FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; BRANDÃO, Sérgio A B ; Monteiro AM ; MONTEIRO, Carlos M C ; Sanches EMR ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira ; GIDLUND, Magnus ; PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H . Modificações da resposta oxidativa e imune adaptativa pelo tratamento anti-hipertensivo. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2008. v. 91. p. 26-26.
Palavras-chave: auto-anticorpos; LDL oxidada; hipertensão arterial; tratamento farmacológico.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora do trabalho..

99.
HELFENSTEIN, Tatiana ; Bottós J ; IHARA, Sílvia S M ; RELVAS, Waldir G M ; Farah, ME ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . O bloqueio do sistema renina angiotensina atenua o desenvolvimento de micoaneurismas na retina de coelhos com diabetes tipo 2 induzido por dieta. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arq Bras cardiol. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2008. v. 91. p. 83-83.
Palavras-chave: diabetes tipo 2; dieta; coelhos; microaneurismas; retina.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
Autora e apresentadora do trabalho..

100.
HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Sílvia S M ; RELVAS, Waldir G M ; Bottós J ; Farah, ME ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Novo modelo experimental de diabetes tipo 2 e hipercolesterolemia em coelhos Nova Zelândia promove microaneurismas na retina. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arq Bras cardiol. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2008. v. 91. p. 83-83.
Palavras-chave: modelo experimental; retina; microaneurismas; diabetes tipo 2; aterosclerose experimental; coelhos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
autora e apresentadora do trabalho..

101.
MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; BRANDÃO, Sérgio A B ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Alterações precoces no metabolismo da glicose em pacientes com síndrome metabólica e recente síndrome coronariana aguda. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2008. v. 91. p. 124-124.
Palavras-chave: síndrome metabólica; síndrome coronariana aguda; metabolismo glicídico; tratamento farmacológico.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora do trabalho..

102.
MONTEIRO, Carlos M C ; OLIVEIRA, Luciene ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; BRANDÃO, Sérgio A B ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco A H . Efeitos precoces do tratamento hipolipemiante sobre os fatores de risco lipídicos e não-lipídicos em pacientes com síndrome metabólica e recente síndrome coronariana aguda. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2008. v. 91. p. 49-49.
Palavras-chave: metabolismo glicídico; lípides; síndrome metabólica; síndrome coronariana aguda.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora do trabalho..

103.
BRANDÃO, Sérgio A B ; IZAR, MCO ; RODGÉRIO, Tatiane ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PEREIRA, Vania Sanches ; MONTEIRO, Carlos M C ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; PÓVOA, Rui Manoel S ; FONSECA, Francisco A H . Efeitos metabólicos dos agentes anti-hipertensivos em pacientes hipertensos, normoglicêmicos, normolipidêmicos. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arq Bras Cardiol. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2008. v. 91. p. 72-72.
Palavras-chave: hipertensão arterial; anti-hipertensivos; metabolismo glicídico; metabolismo lipídico.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora do trabalho..

104.
OLIVEIRA, Luciene ; MONTEIRO, Carlos M C ; CARDOSO, Ana Maria M ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza O ; FISCHER, Simone C Matheus ; IZAR, MCO ; FONSECA, F. A. H. . Efeitos das orientações dietéticas em pacientes com síndrome metabólica após síndrome coronariana aguda. In: 63 Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2008, Curitiba. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Prol Editora Gráfica, 2008. v. 91. p. 228-228.
Palavras-chave: dietoterapia; síndrome coronariana aguda; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora do trabalho..

105.
HELFENSTEIN, Tatiana ; Bottós J ; IHARA, Sílvia S M ; POMARO, Daniel R ; RELVAS, Waldir G M ; Farah, ME ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . New Experimental Model of Type 2 Diabetes in Rabbits Promotes Retina Microaneurisms, wich are attenuated by Renin-angiotensin Blockade. In: American Heart Association Scientific Sessions 2008, 2008, New Orleans. Circulation Supplements, 2008.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Vários.
Purpose: Type 2 diabetes is responsible for macro and microvascvular complications, including cardiovascular disease, nephropathy and retinopathy. We present a new animal model for the study of retina effects of experimental type 2 diabetes and to verify if rennin-angiotensin (RA) blockade can attenuate this process. Methods: Diabetes and hypercholesterolemia were induced in New Zealand white male rabbits by a high-fat/sucrose (10/40%) and cholesterol-enriched diet (0.5% for 12 weeks followed by 0.1% up to the end of the study), maintained for 24 weeks. Animals were randomized to receive diet alone (GII, n=10), quinapril 30mg (GIII, n=8), olmesartan5 mg (GIV, n=8) added to the diet during the study protocol. GI (n=4) were normal controls. Fasting lipids and plasma glucose were examined at baseline, 12 and 24 weeks. Fundus photographs and fluorescein angiography were performed at 12 and 24 weeks, with microaneurism (An) determined on standard photographs, with radius equivalent to the diameter of the average optic disc, considering the area within 1500 micra of the border of the optic disc. The number of An was analyzed and the animals were graded into 4 levels: I < 10; II 11-30; III 31-40; IV >40 An. Results: In this animal model we observed similar body weight gain. TC and LDL-C were markedly increased from the first month on (p<0.01), whereas hyperglycemia appeared 6 months after induction (316.3+/-127.2mg/dL, p<0.05 vs. baseline), w/o differences regarding treatment assignment. At week 12, diabetic rabbits exhibited early clinical features of retinopathy, including hyperfluorescent dots consistent with An. The degree of retinopathy was attenuated with RA blockade (GI=level I; GII=level III; GIII and GIV =level II; p<0.05; GII >GI, GIII and GIV>GI). At week 24 GII, GIII and GIV evolved to a higher grade, but the difference favoring treated animals persisted. Conclusions: This is the first description of an experimental model of diet- induced type 2 diabetes.

106.
FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; BRANDÃO, Sérgio A B ; HELFENSTEIN, Tatiana ; GIDLUND, Magnus ; IZAR, MCO ; FONSECA, F. A. H. . ACE-inhibitors and diuretics reduce titers of antibodies anti-oxLDL in hypertensive patients. In: 20th International Congress of Clinical Chemistry and Laboratory Medicine, XXXV Brazilian Congress of Clinical Analysis and VIII Brazilian Congress of Clinical Cytology, 2008, Fortaleza. Anais do Congresso, 2008.
Palavras-chave: ACE-inhibitors; antibodies anti-oxLDL; hypertension.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde e Serviços Sociais.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso.

107.
MONTEIRO, Carlos M C ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza Oliveira ; RELVAS, Waldir G M ; CARDOSO, Ana Maria M ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; PAOLA, Angelo A V de ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Uso de hipolipemiantes nos portadores de síndromes coronarianas agudas e síndrome metabólica: segurança e efeitos metabólicos. In: 62º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2007, São Paulo. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. São Paulo: Ipú Gráfica e Editora, 2007. v. 89. p. 88-88.
Palavras-chave: endotélio; hipolipemiantes; síndromes coronarianas agudas; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782.
Introdução: A disfunção endotelial é marcador de desfechos coronarianos e muito prevalente em portadores de síndrome metabólica (SM). Objetivos: Examinar os efeitos precoces do tratamento hipolipemiante nos lípides e na função endotelial. Métodos: avaliamos os efeitos da atorvastatina (A, 10 mg) e do fenofibrato (F, 200 mg), isolados ou combinados (A+F), ou placebo (P) sobre a dilatação mediada pelo fluxo em pacientes portadores de SM (NCEP III) após uma síndrome coronariana aguda (SCA), com níveis basais de LDL-C < 130 mg/dL. O estudo prospectivo, duplo cego, randomizado examinou 100 pacientes (57 1 anos, 64% homens) com SM e SCA sob orientação nutricional (TLC-ATPIII) durante 6 semanas, sendo o início do tratamento até 3 dias da alta hospitalar. Os dados clínicos e a vasorreatividade dependente (DMF) e independente (DEI) do endotélio em resposta ao nitrato sublingual foram avaliados no período basal (b) e ao final (f) do tratamento. Utilizou-se GLM com medidas repetidas, p<0,05. Resultados: Na SCA predominou a angina instável (55%) e 39% dos pacientes submeteram-se a angioplastia primária. Um quarto eram diabéticos, 66% hipertensos e 29% tabagistas. A DMF (%) b (P=12 7, A=14 10, A+F=15 9, F=15 9; p=ns) mostrou intensa resposta endotélio-dependente na SCA, a despeito da presença de fatores de risco e da situação clínica desses pacientes. Apesar da redução lipídica (b < f, p<0,0001), não houve diferença na função endotelial entre as visitas, ou entre os tratamentos (DMF (%) f: P=11 6, A=14 8, A+F=12 5, F=13 8; p=ns). A DEI foi semelhante entre os grupos e visitas. Conclusões: O tratamento hipolipemiante não modificou a função endotelial em pacientes com SCA e SM. A intensa vasodilatação nas fases iniciais após a SCA, por possíveis mecanismos envolvendo a NO sintase indutível, fatores inflamatórios e metabólicos podem ter atenuado os efeitos vasculares da redução lipídica..

108.
MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BRANDÃO, Sérgio A B ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . SEGURANÇA E EFEITOS METABÓLICOS DE HIPOLIPEMIANTES ADMINISTRADOS NA SÍNDROME CORONARIANA AGUDA EM PORTADORES DE SÍNDROME METABÓLICA. In: XXVIII Congresso da Sociedade de Cardiologia do estado de São Paulo, 2007, São Paulo. Rev. Soc. Crdiol. Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2007. v. 17. p. 46-46.
Palavras-chave: metabolismo glicídico; lípides; hipolipemiantes; síndromes coronarianas agudas; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.socesp.br; ISSN/ISBN: 01038559.

109.
MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; NOVAZZI, José Paulo ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . EFEITOS VASCULARES DOS HIPOLIPEMIANTES NA SÍNDROME CORONARIANA AGUDA EM PACIENTES COM SÍNDROME METABÓLICA. In: XXVIII Congresso da Sociedade de Cardiologia do estado de São Paulo, 2007, São Paulo. Rev. Soc Cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2007. v. 17. p. 75-75.
Palavras-chave: endotélio; síndrome coronariana aguda; síndrome metabólica.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.socesp.br; ISSN/ISBN: 01038567.

110.
BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; CARDOSO, Ana Maria M ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SILVA, Renata Oliveira e ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . EFEITOS DO TRATAMENTO ANTI-HIPERTENSIVO NO METABOLISMO LIPÍDICO E GLICÍDICO. In: XXVIII Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2007, São Paulo. Rev Soc Cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2007. v. 17. p. 49-49.
Palavras-chave: glicose; resistência à insulina; anti-hipertensivos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.socesp.br; ISSN/ISBN: 01038567.
Objetivos: este estudo foi delineado para verificar os efeitos da administração de dois tipos de diuréticos [indapamida (IDP) ou hidroclorotiazida (HCT)] e perindopril (PDP), isolados ou combinados ao PDP sobre o metabolismo lipídico e glicídico em hipertensos. Métodos: 94 pacientes foram aleatoriamente alocados para tratamento por seis semanas com IDP 1,5 mg ou HCT 25 mg ou PDP 4 mg seguido de igual período com associação de PDP ou placebo (PBO) ao medicamento prévio. O estudo foi duplo-cego e foram examinados lípides e apolipoproteínas, insulina, glicemia e HOMA-IR basal e após sobrecarga oral de glicose, no basal (b) após 6 e 12 semanas (s) de tratamento. Foi utilizada análise de variâncias com medidas repetidas. Resultados: os grupos eram comparáveis quanto às características demográficas e antropométricas. As variáveis que deferiram entre as visitas e/ou grupos estão descritas na tabela. .

111.
BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; IZAR, MCO ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; CARDOSO, Ana Maria M ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; SILVA, Renata Oliveira e ; SANTOS, Andreza Oliveira ; PÓVOA, Rui Manoel S ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . MODIFICAÇÕES NA HEMOSTASIA, ESTRESSE OXIDATIVO E INFLAMAÇÃO ASSOCIADAS COM O TRATAMENTO ANTI-HIPERTENSIVO. In: XXVIII CONGRESSO DA SOCEIDADE DE CARDIOLOGIA DO ESTADO DE SÃO PAULO, 2007, SÃO PAULO. Rev Soc Cardiol Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2007. v. 17. p. 49-49.
Palavras-chave: hemostasia; inflamação; anti-hipertensivos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.socesp.br; ISSN/ISBN: 01038559.
Introdução: complicações aterotrombóticas são prevalentes na hipertensão arterial. Objetivos: comparamos em hipertensos (n=94) os efeitos do tratamento na hemostasia, estresse oxidativo e inflamação. Métodos: estudo duplo-cego, randomizado e controlado comparou os efeitos da hidroclorotiazida (25 mg), indapamida (1,5 mg) ou perindopril (4 mg) em monoterapia após 6 sem e associados ao placebo ou ao perindopril (4 mg) após igual período. Foram mensurados Fator VII e fibrinogênio, TBARS, microalbuminúria (urina 24 h) e proteína C-reativa ultra-sensível. O tratamento estatistico foi o GLM (General Linear Model) Resultados: os 6 grupos formados não diferiram na condição basal em relação à idade, sexo, índice de massa corpórea, perfil lipídico e pressão arterial sistólica ou diastólica. O tratamento da hipertensão foi igualmente efetivo entre os grupos e não diferiu em relação aos parâmetros da hemostasia ou da inflamação analisados, mas foi observada redução da microalbuminúria já a partir da visita de 6 sem, sem diferenças entre os tratamentos instituídos (visita: 0,002 e grupos:0,485). A peroxidação lipídica estimada com base nos TBARS foi diminuída somente ao final do tratamento, com tendência a valores maiores para o uso dos diuréticos (visita: 0,002 e grupos: 0,087). Observou-se redução na pressão arterial comparando-se a visita inicial com a de 6 sem e também de maneira ainda mais expressiva após 12 sem. A adição do IECA nas 6 sem seguintes, embora tenha contribuído para a redução pressórica não influenciou a diminuição da microalbuminúria. Conclusão: o tratamento da hipertensão arterial melhorou alguns marcadores de risco da aterosclerose, mas não apresentou diferença marcante pela escolha dos agentes anti-hipertensivos analisados..

112.
PEREIRA, Vania Sanches ; RODGÉRIO, Tatiane ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; PINTO, L. E. S. A. ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PÓVOA, Rui Manoel S ; NOVAZZI, José Paulo ; FISCHER, Vera L M ; KASINSKI, Nelson ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . IMPACT OF METABOLIC SYNDROME AND MYOCARDIAL INFARCTION ON CARDIOVASCULAR OUTCOMES IN PATIENTS WITH TYPE 2 DIABETES. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 1-1.
Palavras-chave: diabetes; síndrome metabólica; eventos cardiovasculares.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Type 2 diabetes mellitus (DM2) and cardiovascular disease are increasing in emerging countries. Metabolic factors are good markers for atherosclerosis and predict outcomes in DM2. We aimed to evaluate the impact of metabolic syndrome (MS) for cardiovascular events in a cohort of DM2 with and w/o myocardial infarction (MI). Methods: A prospective, multicentre study enrolled 982 patients with DM2, of both sexes, aged 35-80y selected from 27 medical centers at 12 states in Brazil. This study refers to the 4-y follow-up of 83 patients enrolled in the centers located at the Federal University of São Paulo, participating of the initial visit. Primary outcomes were defined as death, fatal and non-fatal MI, or cardiovascular death. Secondary outcomes were stroke, angina and need for hospitalization for CHD. Events were compared in 10-y Framingham risk score categories (FRS) and according to the presence of MS (NCEP III, modified) and MI. Kaplan-Meier survival curves with Log Rank or Breslow post-hoc tests were performed, with a p<0.05. Results: There were 14 (16.9%) primary and 20 (24.1%) secondary outcomes in an average of 4.43 0.51y follow-up. Primary outcomes were more prevalent in MI patients (25% vs. 8%, p=0.043) all occurring among those with MS. No differences were seen in the distribution of events according to FRS < or 20% (29.2 vs. 11.9%, p=0.102). Secondary events were more frequent in MI patients (34.1 vs. 12.8%, p =0.038) w/o differences regarding presence of MS or FRS. Conclusions: These results reinforce the adequacy of current guidelines that emphasize MI and DM2 as high risk categories independent of other components of FRS, and recognizes MS as an aggravating condition. prim events surv. time SE CI 95% LOG RANK p MI 5.024 0.12 4.8-5.2 3.95 0.047 10Y-FRS 4.900 0.17 4.6-5.2 3.08 0.079 MS 5.155 0.08 5.0-5.3 0.50 0.48 .

113.
HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; SANTOS, Andreza Oliveira ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; Souza DRS ; Scartezini M ; HAN, Sang Won ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; PINTO, L. E. S. A. ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . CAN GENETIC MARKERS PREDICT CORONARY RISK IN TYPE 2 DIABETES OVER AND ABOVE CLASSIC RISK FACTORS?. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 1-1.
Palavras-chave: Polimorfismos (genética); diabetes melito tipo 2; fatores de risco; Doenças cardiovasculares - Fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Polymorphisms affecting lipoprotein metabolism can increase risk of atherosclerosis, however if they add information "over and above" conventional risk factors is not clear. Nine polymorphisms were evaluated in patients with type 2 diabetes (DM2). Methods: A prospective, multicenter study enrolled 982 patients with DM2 of both sexes, ageing 35-80y with or w/o prior MI. Demography, EKG, blood samples for lipids and genetic studies were obtained. Apo-AI (M1, M2 alleles), Apo-CIII (Sst I), CETP-Taq1B, PON1-Gln192Arg, Apo-E, LPL-D9N, and both LCAT R147W and Y171X polymorphisms were tested by PCR-RFLP. Categorical variables and deviations from Hardy-Weinberg equilibrium were tested by chi-square. Multiple logistic regression was used, with p<0.05. Results: Patients with DM2 and MI were older (62 0.5 vs 59 0.4 y, p<0.001), predominantly males (59 vs. 31%, p<0.001), current smokers (10 vs. 6%, p=0.030), had left ventricle hypertrophy (35% vs 20%, p<0.0001), longer duration of diabetes (10.0 0.4 vs 8.0 0.3 y, p=0.001), lower HDL-cholesterol (35 1 vs 38 1 mg/dL, p<0.001), higher triglycerides (248 14 vs 191 6 mg/dL, p<0.001), and higher prevalence of metabolic syndrome (92 vs 86 %, p=0.006). MI was associated with LPL-D9N polymorphism, the N allele conferring an OR of 1.62 (95%CI=1.14-2.30), whereas Apo C3 S1 allele was protective (OR=0.69, 95%CI=0.49-0.96), w/o differences for other polymorphisms. When multiple logistic regression included classic risk factors male sex tripled, LVH doubled and smoking habit increased the risk of MI 1.8 times, whereas age, duration of diabetes, lower HDL-C and systolic blood pressure were modestly associated (p<0.05). Using a model that included LPL-D9N, the OR for MI was 1.78, p=0.012, 95%CI=1.22-2.61. Conclusion: This study shows that LPL genetic variation is a modulator of the risk of MI in patients with DM2, at the same scale or larger than the influence of classic risk factors. 9Asn heterozygotes and homozygotes combined sho.

114.
BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; SILVA, Renata Oliveira e ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . HYPERTENSION AND ERECTILE DYSFUNCTION. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 5-5.
Palavras-chave: erectile dysfunction; hypertension; antihypertensive agents.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Background: Erectile dysfunction is highly prevalent among hypertensive men, particularly in those aged 50 or older. Endothelial dysfunction plays a role in this disease and treatment of hypertension may influence several vascular properties. Objectives: this study was aimed at evaluating the effects of three antihypertensive regimens on erectile dysfunction, and to compare their influences on metabolic parameters and endothelial-dependent vasoreactivity. Methods: in this double-blind study, thirty-six stage 1 or 2 hypertensive men, aged 50 to 75 years, were randomly assigned to receive perindopril 4-8 mg (ACE-inhibitor group), hydrochlorothiazide 25 mg or indapamide 1.5 mg (diuretic group) or these thiazides plus perindopril 4 mg (combined group) for 12 weeks. Endothelial function was assessed by flow-mediated dilation on brachial artery. Biochemical analyses included lipids, lipoproteins and parameters of glucose metabolism. Results: At baseline, the prevalence of erectile dysfunction was 74%. All treatments reduced blood pressure (SBP 155 12 vs. 139 17 mmHg, p<0.0001; DBP 92 8 vs. 86 7, p<0.0001). Lipids, apolipoproteins and fasting glucose were not affected by treatments, but there was a significant improvement on endothelial function (FMD 6.7 2.6 vs. 8.2 3.3, p<0.005) whereas the International Index of Erectile Dysfunction (IIED) was marginally ameliorated (17 5 vs. 19 5, p=0.05). Diuretic and combined groups were associated with better FMD responses and more effective blood pressure reductions in comparison with ACE-inhibitor group (p<0.05). Conclusions: erectile dysfunction was highly present among hypertensive men and can be attenuated by appropriate blood pressure control. Short-term improvement on endothelial function may have contributed to this beneficial effect. .

115.
FISCHER, Simone Cristina Matheus ; SANTOS, Andreza Oliveira ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; Sanches EMR ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; HELFENSTEIN, Tatiana ; Monteiro AM ; GIDLUND, Magnus ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . ACE-INHIBITORS AND DIURETICS REDUCE TITERS OF ANTIBODIES ANTI-OXLDL IN HYPERTENSIVE PATIENTS. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 7-7.
Palavras-chave: lipids; lipid peroxidation; antibodies anti-oxLDL.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Hypertension can increase LDL oxidation, however the role of autoantibodies anti-oxidized LDL (anti-oxLDL) following antihypertensive treatment is unknown. Objectives: We evaluated the effects of 12-wk treatment of hypertension on lipid peroxidation, hs-CRP, anti-oxLDL IgG titers in hypertensive patients. Methods: In a prospective, double-blind study 94 stage 1 or 2 hypertensive individuals of both sexes (56 10y), without other risk factors were randomly assigned to receive perindopril 4-8 mg (ACEI group), hydrochlorothiazide 25 mg or indapamide 1.5 mg (diuretic group) or these thiazides plus perindopril 4 mg (combined group) for 12 weeks. Endothelial function (FMD,%), hs-CRP (nephelometry, mg/L), TBARs (MDA, nM) and titers of anti-oxLDL IgG (ELISA, OD) were assessed at baseline (B) and end of study. Results: The groups were comparable at entry. All treatments reduced blood pressure (SBP 154 12 vs. 137 16 mmHg, p<0.0001; DBP 92 7 vs. 84 8 mmHg, p<0.0001), ameliorated FMD (7.6 3.2 vs. 9.5 3.8, p<0.0001), w/o differences between drug regimens. A decrease in plasma peroxidation by TBARs (1.55 0.81 vs. 1.34 0.60, p=0.032) and an increase in anti-oxLDL IgG titers after treatment were observed (1.9 1 vs. 2.1 1, p=0.003), w/o differences between treatment assignment, whereas hs-CRP remained unchanged. Conclusions: Blood pressure reduction is accompanied by increase in titers of autoantibodies anti-oxidized LDL. This finding coupled with the decrease in TBARs levels and improvement on endothelial function suggest that treatment of hypertension can influence adaptive immune responses, and may have a protective role in atherogenesis. variable p x time p x group differences anti-oxLDL 0.003 0.564 12 wk > B hs-CRP 0.926 0.186 ns TBARs 0.032 0.089 12 wk < B .

116.
RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; SANTOS, Andreza Oliveira ; PÓVOA, Rui Manoel S ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . BLOOD PRESSURE CONTROL AND VASCULAR DISTENSIBILITY ARE NOT INFLUENCED BY POLYMORPHISMS IN GENES RELATED TO RENIN-ANGIOTENSIN SYSTEM IN HYPERTENSIVE PATIENTS. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 7-7.
Palavras-chave: hypertension; vascular distensibility; genetic polymorphisms.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Polymorphisms in genes regulating renin-angiotensin system (RAS) can influence blood pressure response to antyhypertensive drugs and might affect arterial stiffness. The prevalence of ACE I/D, AT1R A1166C and CYP11B2 C-344T polymorphisms were evaluated in hypertension stage 1 and 2 (Hy) and compared with healthy normotensive individuals (NT). We also tested whether these variants could affect lipid peroxidation and pulse-wave velocity (PWV), as well as the response to ACE-I or diuretics. Methods: We evaluated 94 Hy patients, 56 10, 51% men (baseline and 12 wk) and 30 NT, 37 9 y, 27% men. Carotid-radial PWV (m/s) was examined with Complior (321-RO3) at rest and 5 minutes after arterial occlusion (RHy). Casual systolic (SBP) and diastolic blood pressure (DBP), ABPM, TBARs and genotyping (PCR-RFLP) were performed. Gene and allele frequencies, and deviations from Hardy-Weinberg equilibrium were tested by chi-square or Fisher's exact test; correlation coefficients and Student's t-test were used. Results: There was a reduction in SBP and DBP, as well as in ABPM which were not influenced by polymorphisms. No differences were found for resting and RHy PWV at baseline and after treatment, w/o effects of studied polymorphisms. TBARs were marginally reduced by treatment (p=0.054). Lower PWV after arterial occlusion suggests increase in vascular compliance in response to increased shear stress. Frequencies of hazardous genotypes are in the table. Conclusions: In spite of different prevalences of polymorphisms in RAS genes among HY and NT, blood pressure responses, arterial stiffness or oxidative stress were not influenced by these variants. Gene-environment interactions may account for these results. polymorphism Hy(%) NT(%) p ACE ID/DD 83 90 0.05 AT1R AC/CC 44 29 0.0002 CYP TC/CC 71 90 0.02 .

117.
BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; IZAR, MCO ; RODGÉRIO, Tatiane ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; SANTOS, Andreza Oliveira ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PEREIRA, Vania Sanches ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; PÓVOA, Rui Manoel S ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . METABOLIC EFFECTS OF ANTYHYPERTENSIVE AGENTS IN NORMOGLYCEMIC, NORMOLIPIDEMIC HYPERTENSIVE PATIENTS. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 7-8.
Palavras-chave: antihypertensive therapy; hypertension; lipids.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Diuretics can impair lipid and glucose metabolism, specially when combined with betablockers. The effects of association of ACE inhibitors (ACEI) and different thiazide diuretics are less reported. We tested three antihypertensive regimens on lipid and glucose parameters. Methods: A prospective, double-blind study examined 94 stage 1 or 2 hypertensive patients randomly assigned to receive a 12-wk treatment with perindopril 4-8 mg (ACE-inhibitor group, G1), hydrochlorothiazide 25 mg or indapamide 1.5 mg (diuretic group, G2) or these thiazides plus perindopril 4 mg (combined group, G3). Lipids, apolipoproteins, glucose and insulin curves, HOMA-IR and plasma peroxidation by TBARs (nmol MDA/mL plasma) were obtained at baseline (b) and at 12-wk. GLM-repeated measures was used with a p value < 0.05. Results: There was a reduction in both systolic and diastolic blood pressure w/o differences in regard of treatment arms. In spite of creatinine reduction, there was a decrease in potassium in diuretic group (p=0.001) after 12 wk. Apo B, glucose and insulin increased after treatments whereas lipids were unchanged. Reduction of blood pressure promoted a decrease in plasma peroxidation, regardless of treatment assignment. Conclusions: Even in normolipidemic, normoglycemic individuals treatment of hypertension with ACEI, diuretics or both can promote small but significant metabolic changes. These findings coupled with the need for lifetime therapy may account for future cardiovascular events. variable p x time p x group differences creatinine 0.026 0.644 12wk < b potassium 0.001 0.015 12wk < b;G2 glucose 120` 0.014 0.167 12wk > b insulin 120` 0.001 0.541 12wk > b Apo B 0.016 0.175 12wk > b TBARs 0.032 0.089 12wk < b .

118.
MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . EARLY METABOLIC AND VASCULAR EFFECTS FOLLOWING LIPID LOWERING TREATMENT AFTER ACUTE CORONARY SYNDROMES IN PATIENTS WITH METABOLIC SYNDROME. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 18-18.
Palavras-chave: acute coronary syndromes; endothelium; vasorreactivity; statins; fibrates.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
The choice of hypolipidemic drugs in patients with metabolic syndrome (MS) and acute coronary syndromes (ACS) is under debate. Early effects of atorvastatin (A, 10 mg), fenofibrate (F, 200 mg), both (A+F), or placebo (P) on mechanisms of plaque stabilization were tested at a 6-wk period of treatment in individuals with LDL-C<130 mg/dL. Methods: A prospective, double-blind study enrolled 116 patients with MS ageing 56 9 y, 65% men. All patients received TLC/NCEP III counseling, with hypolipidemic agents initiated up to 3 days after hospital discharge. Lipids, apolipoproteins, hs-CRP, flow-mediated dilation (FMD%), TBARs, glycemic and safety parameters were compared at baseline and after 6 wk. GLM-repeated measures, and p<0.05 were used. Results: In spite of changes in lipid profile, short-term lipid therapy did not account for differences on other parameters, including FMD. LDL-C<70 mg/dL achievement was 0% (P), 53% (A), 37% (A+F) and 28% of (F) group. Conclusions: Initial doses of statins or fibrates alone or combined in MS and ACS had modest effects on atherosclerosis parameters, even with mildly increased LDL-C. Other parameters were uniformly improved at follow-up. Variable p x time p x group Differences T Cholesterol 0.001 0.007 A,A+F,F < P LDL-C 0.001 0.009 A,A+F,F < P;A < F HDL-C 0.001 0.006 F > P Triglycerides 0.001 0.026 F,A+F < P AUC Glucose 0.035 0.665 ns AUC Insulin 0.001 0.286 ns HOMA-IR 0.035 0.239 ns hs-CRP 0.001 0.887 ns TBARs 0.001 0.645 ns .

119.
SANTOS, Andreza Oliveira ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; Monteiro AM ; Sanches EMR ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; GIDLUND, Magnus ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . LOW TITERS OF HUMAN ANTIOXIDIZED LDL AUTOANTIBODIES ARE ASSOCIATED WITH UNSTABLE CORONARY DISEASE. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 20-21.
Palavras-chave: acute coronary syndromes; lipid peroxidation; antibodies anti-oxLDL.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Human antibodies antioxidized low density lipoproteins (anti-oxLDL) might play a role in the pathogenesis of acute coronary syndromes (ACS). However, the effects of hypolipidemic drugs on the adaptive immune responses to ox-LDL in this clinical setting is unknown. Titers of anti-oxLDL IgG were evaluated in patients with metabolic syndrome (MS) after an ACS who received short-term hypolipidemic treatments. Methods: A prospective randomized, double-blind study enrolled 116 patients, 56 9 y, 65% men with ACS+MS, LDL-C<130 and HDL<40 mg/dL at entry. Atorvastatin (A, 10 mg), fenofibrate (F, 200 mg), both drugs (A+F) or placebo (P) were initiated up to the third day after hospital discharge. Hypertensive patients stage 1 or 2 (n=92) were used for IgG titer comparisons. Human LDL was obtained from a healthy donor, oxidized by copper, anti-oxLDL measured by ELISA in oxLDL sensitized plates. TBARs (MDA, nM), hs-CRP (nephelometry, mg/L), and oxLDL were obtained at baseline (B), 3 and 6-wk. We used GLM-repeated measures and p<0.05. Results: The groups with ACS were comparable at baseline regarding TBARs, hs-CRP and titers of anti-oxLDL. There was a significant decrease in anti-oxLDL, TBARs and hs-CRP at 6-wk w/o differences regarding treatment regimens. Hypertensive patients presented anti-oxLDL titers higher than those with ACS (1.87 0.95 vs. 0.85 0.43 OD; p<0.0001). Conclusions: Adaptive immune responses may play a role in plaque instabilization. Short-term treatment with statins or fibrates did not modify antibody titers. Low titers of serum anti-oxLDL can be markers of unstable coronary disease. variable p x time p x group differences TBARs 0.001 0.645 B > 6 wk hs-CRP 0.001 0.887 B > 6 wk anti-oxLDL 0.001 0.111 B > 3;B > 6 .

120.
IZAR, MCO ; PINTO, L. E. S. A. ; LOPES, I. E. L. ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; KASINSKI, Nelson ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . APOBXLDL-C/APOA1XHDL-C: A NEW PREDICTOR OF CORONARY RISK. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 23-23.
Palavras-chave: apolipoproteins; coronary artery disease; coronary risk; predictive value.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: Apo-B/Apo-A1 ratio is considered a good predictor for coronary events in prospective and case-control studies. However, the ratio between plasma apolipoproteins corrected by cholesterol levels may provide a better index of number of atherogenic/antiatherogenic particles than the cholesterol concentration itself, particularly at extreme values. We propose a new index Apo-B x LDL-C/ Apo-A1 x HDL-C and test its predictive value with other atherogenic indexes in premature CHD. Methods: A case-control study included 112 individuals with early stable CHD and 112 controls, paired by age and sex. Fasting lipids and apolipoproteins (AI and B, nephelometry), were assayed. TC/HDL, LDL/HDL, Apo-B/Apo-A1 and Apo-B x LDL/ Apo-A1 x HDL were calculated and the predictive value compared by the area under the ROC curves. We stablished a p-value p<0.05. Results: All indexes were good predictors of CHD, except TC/HDL. However, Apo-B/Apo-A1 and Apo-BxLDL/Apo-A1xHDL presented a better sensibility and specificity to discriminate early CHD. Areas under the ROC curves and respective 95% CI, cut-off values, sensitivity and 1-specificity are presented in the Table. Conclusions: Apo-B/Apo-A1 and the new index are equivalent markers of atherogenic risk. Values of Apo-B/Apo-A1 0.75 and for Apo-BxLDL-C/Apo-A1xHDL-C 2.14 can be markers of atherogenic risk in early stable coronary disease. Studies including a larger population presenting extreme values of lipid parameters are needed to validate this new marker. variable ROC AUC p cut-off sens. 1-spec TC/HDL 0.442 0.160 1.55 0.408 0.459 LDL/HDL 0.708 <0.0001 2.90 0.806 0.480 APOB/A1 0.768 <0.0001 0.75 0.837 0.398 New Index 0.761 <0.0001 2.14 0.806 0.480 .

121.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; Alves SIPMN ; GIDLUND, Magnus ; FIGUEIREDO, Antonio ; IZAR, MCO . CHARACTERIZATION OF OXIDIZED LDL BY THE Z-SCAN TECHNIQUE IN PATIENTS WITH METABOLIC SYNDROME AFTER AN ACUTE CORONARY EVENT. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 30-31.
Palavras-chave: oxidized LDL; Z-Scan; acute coronary syndromes; metabolic syndrome.
Grande área: Ciências da Saúde
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objectives: The nonlinear optical response of human LDL particles was investigated by the Z-scan technique. Methods: We evaluated 18 patients, with metabolic syndrome (MS) 6 weeks after an acute coronary event (ACE). Fasting blood was obtained, HDL and LDL were separated by ultracentrifugation. The principle of Z-scan assumes that light beam illuminates an absorbing medium, radiationless process, with characteristic time of ms, converts the absorbed light into heat. Increment in temperature induces a change in the refraction index where the parameter is the thermo-optical coefficient. Results: Z-scan plots showed that for LDL particle the nonlinear optical signal is:tetha-LDL=0.057 0.01, whereas in HDL the signal obtained was 0.061+/-0.01. No correlations were observed for LDL-C, or tetha-LDL, HDL-C and tetha-HDL. TBARs were inversely correlated with auto-antibodies anti-oxLDL (r=-0.760, p=0.001). Conclusions: Z-scan signals increase linearly with LDL-particles, in a broad range of concentrations. The oxidized LDL particles do not show nonlinear optical response. On the other hand, normal LDL increases its nonlinear optical response as a function of temperature. These behaviors can be attributed to an absorbing element that is modified by the oxidative process. Conversely, changes in the physical state of the cores and conformation of the ApoB100 protein due to an increase in temperature enhance their nonlinear optical properties. The main contribution to the nonlinear optical response of normal LDL particles comes from the phospholipid fraction of the particles. variable mean SEM HDL-C 40.6 8.9 LDL-C 79.7 31.5 OX-LDL 0.70 0.38 TBARs 1.16 0.38 HDL 0.06 0.04 LDL 0.06 0.06 .

122.
PEREIRA, Vania Sanches ; RODGÉRIO, Tatiane ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PINTO, Leonor Espirito Santo de Almeida ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Valor Preditivo do escore de Framingham e dos Critérios de Síndrome Metabólica em Diabéticos. In: XV Congresso de Iniciação Científica - PIBIC 2007, 2007, São Paulo. Anais do Congresso, 2007.
Palavras-chave: síndrome metabólica; escore de Framingham; diabetes mellitus.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.unifesp.br.
O diabetes melito (DM) é um dos principais problemas de saúde dos países em desenvolvimento, com alterações metabólicas que incluem dislipidemia, desequilíbrio na hemostasia, inflamação e disfunção endotelial, todos associados ao desenvolvimento da aterosclerose. Além disso, sabe-se que a aterosclerose é uma das doenças mais prevalentes na sociedade moderna sendo a sua forma mais comum de apresentação a doença arterial coronariana (DAC). Estima-se que a metade das mortes por doenças cardiovasculares, cerca de 10 a 40 milhões anuais em países em desenvolvimento, seja devida à DAC. Os diabéticos freqüentemente apresentam múltiplos fatores de risco, entre eles a hipertensão arterial e dislipidemia. De fato, as principais alterações lipídicas encontradas no DM compreendem redução de HDL-C, aumento dos triglicérides e uma predominância de partículas de LDL de padrão B, as chamadas LDL pequenas e densas. Estas anormalidades são conhecidas como a tríade lipídica e caracterizam não apenas o diabetes como também a Síndrome Metabólica (SM). A presença de critérios de SM parece preditora de pior prognóstico também entre os diabéticos. Dados do NHANES III e da American Diabetes Association mostram que a presença de síndrome metabólica aumenta em 50% a chance de DAC em não diabéticos e duplica a sua ocorrência nos portadores de DM tipo 2. Além disso, dados da literatura mostram que a presença de SM foi um fator de risco para a morte cardiovascular, coronariana ou por qualquer causa.. A análise dos fatores de risco para a estratificação do risco cardiovascular e a avaliação da presença de critérios de SM são procedimentos de baixo custo, de simples obtenção e podem acrescentar informações preditivas ao risco coronariano, também em diabéticos. Estudos observacionais, como os de Framingham, mostraram a importância dos fatores de risco, seu sinergismo e permitiram a elaboração de um escore para a obtenção do risco absoluto (RA) de eventos coronarianos. Pacientes diabéticos com in.

123.
RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; CARDOSO, Ana Maria M ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . POLIMORFISMOS EM GENES RELACIONADOS AO SISTEMA RENINA-ANGIOTENSINA-ALDOSTERONA EM HIPERTENSOS E SUAS CORRELAÇÕES COM A REATIVIDADE VASCULAR E COM A RESPOSTA PRESSÓRICA. In: XV Congresso de Iniciação Científica - PIBIC 2007, 2007, São Paulo. Anais do Congresso, 2007.
Palavras-chave: hipertensão arterial; polimorfismos genéticos; sistema-renina-angiotensina-aldosterona.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.unifesp.br.
Introdução: A disfunção endotelial tem sido considerada um marcador precoce da aterosclerose, predizendo eventos coronarianos. Lesões vasculares ateroscleróticas causadas ao longo do tempo por fatores de risco, como a hipertensão arterial (HA), alteram o mecanismo de relaxamento mediado pelo óxido nítrico, que está diretamente ligado à resistência vascular periférica. A medida da reatividade vascular é um valioso instrumento para a mensuração da função endotelial. Um outro método permite a avaliação da distensibilidade vascular, sendo uma estimativa indireta da função endotelial, de maneira não invasiva, automatizada, de fácil mensuração e baixo custo. Esse método consiste na medida da velocidade da onda de pulso (VOP). A contração do ventrículo esquerdo e a ejeção na raiz da aorta geram uma onda de pulso, que se propaga pela rede arterial a uma velocidade finita. A velocidade de propagação dessas ondas de um ponto para outro é a VOP, e tem como principais determinantes, as propriedades elásticas da parede arterial (espessura da parede, lúmen arterial) e as características do fluido (densidade do sangue). As ondas de pulso podem ser detectadas em vários pontos da rede arterial. A VOP está bem estabelecida em condições basais, mas não há estudos após hiperemia reativa. Não se sabe se polimorfismos em genes que regulam a expressão de proteínas do sistema renina-angiotensina-aldosterona (SRAA) podem afetar a distensibilidade vascular. Objetivos: Determinar a influência de alguns polimorfismos em genes do SRAA na distensibilidade vascular e na dilatação mediada pelo fluxo em pacientes sadios e portadores de hipertensão arterial leve a moderada. Avaliar a influência dos polimorfismos estudados na resposta pressórica e na VOP pré e pós intervenção farmacológica. Resultados: Não houveram diferenças nos valores obtidos na VOP basal e após hiperemia reativa antes e após o tratamento, nem influências dos polimorfismos estudados. Os valores significantemente menores na visit.

124.
Andrade, TA ; FRANCISCO, Yoná A ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; Hardt FCC ; IZAR, MCO ; BROLLO, Luigi ; Cavalcante, MA ; FONSECA, F. A. H. ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig . The frequency of renin-angiotensin-aldosterone system polymorphism in hypertensive African Brazilians under treatment. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplement. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8. p. 9-9.
Palavras-chave: hypertension; ACE-inhibitors; genetic polymorphisms; angiotensin II type 1 receptor; ACE; aldosterone synthase.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde Humana; Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Trabalho selecionado entre os finalistas..

125.
MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; SANTOS, Andreza O ; NOVAZZI, José Paulo ; RELVAS, Waldir G M ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; CARDOSO, Ana Maria M ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; FONSECA, F. A. H. . Efeitos pleiotrópicos dos hipolipemiantes nas síndromes coronarianas agudas em pacientes com síndrome metabólica. In: 62º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2007, São Paulo. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ipsis Gráfica e Editora Ltda., 2007. v. 89. p. 141S-141S.
Palavras-chave: síndrome coronariana aguda; síndrome metabólica; hipolipemiantes.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Populações Humanas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782.

126.
BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; IZAR, MCO ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; CARDOSO, Ana Maria M ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; SILVA, Renata Oliveira e ; SANTOS, Andreza O ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; PÓVOA, Rui Manoel S ; FONSECA, F. A. H. . Influências do tratamento da hipertensão arterial na hemostasia, inflamação e estresse oxidativo. In: 62º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2007, São Paulo. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ipsis Gráfica e Editora Ltda., 2007. v. 89. p. 93 Supl I-93 Supl I.
Palavras-chave: hipertensão arterial; estresse oxidativo; hemostasia; inflamação.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782.

127.
Andrade, TO ; FRANCISCO, Yoná A ; BRANDÃO, S. B. ; FISCHER, Simone C Matheus ; Hardt FCC ; IZAR, MCO ; BROLLO, Luigi ; FONSECA, F. A. H. ; PÓVOA, Rui ; BOMBIG, Maria Teresa Nogueira . Freqüência dos polimorfismos do sistema renina angiotensina em brasileiros hipertensos afrodescendentes em tratamento. In: XI Encontro Paulista de Nefrologia, 2007, Campos de Jordão. Anais do Congresso, 2007.
Palavras-chave: hipertensão arterial; Polimorfismos (genética); sistema renina-angiotensina-aldosterona; afrodescendentes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Cardiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.
Co-autor do trabalho..

128.
OLIVEIRA, Luciene ; MONTEIRO, Carlos M C ; CARDOSO, Ana Maria M ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza O ; FONSECA, F. A. H. ; IZAR, MCO . EFFECTS OF DIETARY ORIENTATIONS IN PATIENTS WITH METABOLIC SYNDROME AFTER ACUTE CORONARY SYNDROME. In: I Panamerican Congress of Atherosclerosis, 2007, Campos de Jordão. Atherosclerosis Supplements. São Paulo: Elsevier, 2007. v. 8.
Palavras-chave: dietary intervention; acute coronary syndromes; metabolic syndrome; lipids; inflammation.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Brasil/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
co-autora do trabalho..

129.
IZAR, MCO ; MONTEIRO, Carlos M C ; HELFENSTEIN, Tatiana ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; CARVALHO, Antonio C C ; FONSECA, Francisco A H . SEGURANÇA E EFEITOS METABÓLICOS DE HIPOLIPEMIANTES ADMINISTRADOS NA SÍNDROME CORONARIANA AGUDA EM PORTADORES DE SÍNDROME METABÓLICA. In: XXVII Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2007, São Paulo. Rev Soc Cardiol Estado São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2007. v. 16. p. 46-46.
Palavras-chave: síndromes coronarianas agudas; síndrome metabólica; hipolipemiantes; segurança.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.org; ISSN/ISBN: 01038567.
co-autora do trabalho.

130.
RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; CARDOSO, Ana Maria M ; SANTOS, Andreza O ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . POLIMORFISMOS EM GENES RELACIONADOS AO SISTEMA RENINA-ANGIOTENSINA-ALDOSTERONA EM HIPERTENSOS E SUAS CORRELAÇÕES COM A REATIVIDADE VASCULAR E COM A RESPOSTA PRESSÓRICA. In: XV Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2007, São paulo. CD-ROM, 2007.
Palavras-chave: hipertensão arterial; polimorfismos; sistema renina-angiotensina-aldosterona.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Vários; Homepage: http://www.unifesp.br.
orientadora do projeto de iniciação científica..

131.
Andrade, TA ; FRANCISCO, Yoná A ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; Hardt FCC ; IZAR, MCO ; BROLLO, Luigi ; FONSECA, Francisco A H ; PÓVOA, Rui Manoel S ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig . Freqüência dos polimorfismos do sistema renina angiotensina em brasileiros hipertensos afrodescendentes em tratamento. In: XV Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2007, São Paulo. CD-ROM, 2007.
Palavras-chave: polimorfismos; genética; sistema renina-angiotensina-aldosterona.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.unifesp.br.
co-autora do trabalho..

132.
PEREIRA, Vania Sanches ; RODGÉRIO, Tatiane ; RELVAS, Waldir G M ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PINTO, L. E. S. A. ; IHARA, Sílvia S M ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . Valor preditivo do escore e dos critérios de síndrome metabólica em diabéticos. In: XV Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2007, São Paulo. CD-ROM, 2007.
Palavras-chave: síndrome metabólica; escore de Framingham; fatores de risco; diabetes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.unifesp.br.
orientadora e co-autora do trabalho..

133.
BRANDÃO, Sérgio A B ; IZAR, MCO ; MONTEIRO, Carlos M C ; CARDOSO, Ana Maria M ; FISCHER, Simone C Matheus ; SILVA, Renata de Oliveira ; SANTOS, Andreza O ; PÓVOA, Rui Manoel S ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Francisco A H . MODIFICAÇÕES NA HEMOSTASIA, ESTRESSE OXIDATIVO E INFLAMAÇÃO ASSOCIADAS COM O TRATAMENTO ANTI-HIPERTENSIVO. In: XXVIII Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, 2007. Rev Soc Cardiol Estado São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2007. v. 17. p. 49-49.
Palavras-chave: hipertensão arterial; anti-hipertensivos; inflamação; estresse oxidativo; hemostasia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.
co-autora do trabalho.

134.
COSTA, Rosana Perim ; SANTOS, Andreza O ; FONSECA, Francisco A H ; ELIAS, Maria C ; IZAR, MCO ; RELVAS, Waldir G M . Efeitos do café filtrado e do café fervido e coado nos parâmetros antropométricos e peroxidação lipídica na hipercolesterolemia primária. In: XVII Congresso Brasileiro de Nutrição Parenteral e Enteral e V Congresso Brasileiro de Nutrição Clínica, 2007, Florianópolis. Anais do Congresso, 2007.
Palavras-chave: café; cafeína; peroxidação lipídica; lípides.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.

135.
COSTA, Rosana Perim ; ELIAS, Maria Cristina ; IZAR, MCO ; SANTOS, Andreza Oliveira ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; CASAS JUNIOR, Alberto de Almeida Las ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Drip Paper-Filtered and Boiled and Cotton-Filtered Coffee Reduce Lipid Peroxidation and Anthropometric Parameters in Primary Hypercholesterolemia. In: XIV International Symposium on Atherosclerosis, 2006, Roma. Atherosclerosis. Amsterdã: Elsevier, 2006. v. 7. p. 435-435.
Palavras-chave: coffee; caffeine; lipid peroxidation; hyperlipidemia; anthropometric parameters.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Itália/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Background: Diterpenes present in coffee grounds can exert harmful effects in hypercholesterolemic patients, when the brew is not filtered. However, boiled and cotton-filtered coffee has not been investigated yet. Objective: This study assessed whether moderate consumption of drip-paper-filtered (PF) or boiled and cotton-filtered (CF) coffee could modify lipid profile and lipid peroxidation in hypercholesterolemic patients in primary prevention. Methods: A randomized crossover study was conducted on 60 outpatients with primary hypercholesterolemia under lipid lowering diet. Fasting lipid profile, glucose, liver enzymes and hydroperoxides were measured after diet period (D), at weeks 6 and 12 of active treatment, with the patients randomly assigned to receive 250 mL per day of either PF or CF coffee for each six-week periods. Apolipoprotein E responses on lipids were also tested. Results: There were no effects of PF or CF coffee preparations on lipid profile, blood glucose or liver enzymes. Lipid responses were not influenced by APOE genotypes. Moderate chronic consumption of both coffee preparations reduced lipid peroxidation (D=7.3 0.9, PF=2.9 0.6, CF=2.5 0.4 nmol/mL; p<0.005, D>PF=CF). In addition, there was a modest, but significant reduction in body weight, body mass index and waist circumference after either coffee preparation, in spite of similar diet components during treatment periods. Conclusions: Moderate consume of either paper-filtered or cotton-filtered coffee, exerted a protective effect on lipid peroxidation with no effects on serum lipids or liver enz..

136.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza Oliveira ; CARVALHO, Antonio Carlos Camargo ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; GOLD, Investigadores Do . The D9N Polymorphism Is a Marker of Myocardial Infarction among Diabetics.. In: XIV International Symposium on Atherosclerosis, 2006, Roma. Atherosclerosis. Amsterdã: Elsevier, 2006. v. 7. p. 349-349.
Palavras-chave: genetics; polymorphisms; diabetes; lipoprotein lipase; myocardial infarction.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Itália/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Abstract Aims/hypothesis: Although type 2 diabetes mellitus has been regarded as a risk equivalent for coronary artery disease, some circumstances, such as genetic factors and the presence of metabolic disturbances may add to the risk profile of diabetic patients. Our purpose was to investigate the risk profile and effect of polymorphisms of genes participating in lipid metabolism in the risk of myocardial infarction in diabetic patients. Methods: A case-control study was conducted on a sample of 990 patients recruited from 27 institutions in Brazil. Demographic data and risk factor profile were evaluated and fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected. Polymorphisms of APO AI (Msp I), APO C3 (Sst I), APO E (Hha I), CETP (Taq I), Paraoxonase 1 (Gly192Arg), LPL (D9N), and Mwo I and Avr II of LCAT were studied. Results: All studied polymorphisms were in Hardy-Weinberg equilibrium, with the exception of CETP-Taq I B (p< 0.05) in diabetics groups with and without MI. There was a higher prevalence of the 9N/9N genotype, as well as the 9N allele among those patients who had a myocardial infarction. Among diabetic patients, there was a trend for association of myocardial infarction and the common allele S1. Apo AI M2 + allele exhibited a trend for association with MI, with protection conferred by the rare allele M2- (p=0.07). Lipid profile in patients statin-naïve did not show correlation with the polymorphism with the exception of M2 allele, where M2- carriers had higher HDL-C levels compared to non-carriers, thus contributing to the effect on relative risk of MI in these subset of patients.A multiple logistic regression model which included clinical variables, biochemical markers and LPL-D9N as independent variables showed that the rare 9N allele was independently associated with MI (OR=1,78, p=0,002). Conclusions: the search for genetic markers can be a reasonable approach for diabetic patients under risk of myocardial infarction..

137.
IZAR, MCO ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; PÓVOA, Rui Manoel S ; KASINSKI, Nelson ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza Oliveira ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; HELFENSTEINFONSECA, Francisco Antonio ; GOLD, Investigadores Do . Genetics and Outcomes on Lipids in type 2 Diabetes - Baseline Characteristics of a Prospective Study of Myocardial Infarction in Diabetics. In: XIV International Symposium on Atherosclerosis, 2006, Roma. Atherosclerosis. Amsterdã: Elsevier, 2006. v. 7. p. 348-348.
Palavras-chave: diabetes; risk factors; myocardial infarction; left ventricle hypertrophy; hypertension; smoking habit.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Itália/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Objective: To evaluate the prevalence of risk factors associated with myocardial infarction among diabetics. Methods: A case-control study, centrally coordinated, evaluated risk factors among type 2 diabetics with previous myocardial infarction (MI) (n=386) or without any evidence of atherosclerosis (n=604) in five regions of Brazil. A case report form, an electrocardiogram, and fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected and shipped to the central laboratory. Results: Diabetics with MI were older (62 0.5 vs. 59 0.4 y, p<0.001), predominantly of male sex (59 vs. 31%, p<0.001), had higher prevalence of current smoking (10 vs. 6%, p=0.030), left ventricle hypertrophy (35% vs. 20%, p<0.0001), had diabetes for a longer time (10.0 0.4 vs. 8.0 0.3 y, p=0.001), lower HDL-cholesterol (35 1 vs. 38 1 mg/dL, p<0.001), higher triglycerides (248 14 vs. 191 6 mg/dL, p<0.001), and had higher prevalence of metabolic syndrome (92 vs. 86 %, p=0.006). Multiple logistic regression found male sex, LVH, smoking, age, duration of diabetes, and HDL-C levels associated with MI, where male sex tripled, LVH doubled and smoking habit increased the risk by 1.8 times. Conclusion: Along with metabolic abnormalities, classic risk factors are implicated in the occurrence of myocardial infarction in diabetics. Hypertension, or obesity did not identify those at higher risk for coronary events. Key words: type 2 diabetes; myocardial infarction; risk factors; left ventricle hypertrophy; metabolic syndrome .

138.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO ; DABELA, Maria Lisete ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SANTOS, Andreza Oliveira ; HELFENSTEIN, Tatiana ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; GOMES, Walter José ; CARVALHO, Antonio Carlos Camargo . Coronary risk assessment by carotid-radial pulse wave velocity. In: XIV International Symposium on Atherosclerosis, 2006, Roma. Atherosclerosis. Amsterdã: Elsevier, 2006. v. 7. p. 263-263.
Palavras-chave: pulse wave velocity; vascular compliance; risk factors; endothelium; coronary risk.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Itália/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
OBJECTIVE: To evaluate pulse wave velocity (PWV) at baseline and at peak hyperemia and its associations with Framingham risk categories and coronary risk factors. METHODS: Prospective study on 205 enrolled patients of both sexes, aged 40-74 years in whom carotid-radial PWV was determined at baseline and at peak hyperemia (after 5 min of arterial occlusion). RESULTS: Post-hyperemic PWV was lower than that obtained at baseline (p<0.001). Lower baseline PWV was found in patients presenting lower coronary risk when compared with those at high coronary risk (p=0.006). In addition, post-hyperemic PWV allowed for identification of all three coronary risk groups (low, intermediate and high, p<0.001). Higher baseline PWV values were associated with the risk factor age (p=0.026), male gender (p<0.001), SBP ? 140 mm Hg (p<0.001), DBP ? 90 mm Hg (p=0.024), LDL-C< 100 mg/dL (p=0.001), HDL-C< 40 mg/dL (p=0.047) and in those under diuretic therapy for hypertension (p=0.015). Higher post-hyperemic PWV was observed among males (p<0.0001), patients with age as risk factor (p=0.05), in those presenting SBP ? 140 mm Hg (p<0.001), DBP ? 90 mm Hg (p=0.003), tobacco use (p=0.042) and under treatment with diuretics (p=0.026). Diabetes did not affect PWV. Linear multiple regression analysis showed associations of baseline PWV with age (as a risk factor, coefficient 0.554 m/s) and with SBP ? 140 mm Hg (coefficient 0.982 m/s); post-hyperemic PWV was associated with SBP ? 140 mm Hg (coefficient 1.194 m/s). CONCLUSIONS: Higher values of PWV were associated with higher Framingham coronary risk. Systolic hypertension and age were the major determinants of PWV increase..

139.
IZAR, MCO ; GOLD, Investigadores Do ; FONSECA, Francisco Antonio Hlfenstein ; CARVALHO, Antonio Carlos Camargo ; KASINSKI, Nelson ; PEREIRA, Vania Sanches ; NOVAZZI, José Paulo ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; PÓVOA, Rui Manoel S ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda . GENETICS AND OUTCOMES ON LIPIDS IN TYPE 2 DIABETES (GOLD): DADOS DEMOGRÁFICOS DO ESTUDO PROSPECTIVO DE INFARTO DO MIOCÁRDIO EM DIABÉTICOS NO BRASIL. In: XXVIII Congresso da SOCESP, 2006, Campos de Jordão. Rev Soc Cardiol Estado São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2006. v. 16. p. 34-34.
Palavras-chave: diabetes; infarto do miocárdio; fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.
Objective: To evaluate the prevalence of risk factors associated with myocardial infarction among diabetics. Methods: A case-control study, centrally coordinated, evaluated risk factors among type 2 diabetics with previous myocardial infarction (MI) (n=386) or without any evidence of atherosclerosis (n=604) in five regions of Brazil. A case report form, an electrocardiogram, and fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected and shipped to the central laboratory. Results: Diabetics with MI were older (62 0.5 vs. 59 0.4 y, p<0.001), predominantly of male sex (59 vs. 31%, p<0.001), had higher prevalence of current smoking (10 vs. 6%, p=0.030), left ventricle hypertrophy (35% vs. 20%, p<0.0001), had diabetes for a longer time (10.0 0.4 vs. 8.0 0.3 y, p=0.001), lower HDL-cholesterol (35 1 vs. 38 1 mg/dL, p<0.001), higher triglycerides (248 14 vs. 191 6 mg/dL, p<0.001), and had higher prevalence of metabolic syndrome (92 vs. 86 %, p=0.006). Multiple logistic regression found male sex, LVH, smoking, age, duration of diabetes, and HDL-C levels associated with MI, where male sex tripled, LVH doubled and smoking habit increased the risk by 1.8 times. Conclusion: Along with metabolic abnormalities, classic risk factors are implicated in the occurrence of myocardial infarction in diabetics. Hypertension, or obesity did not identify those at higher risk for coronary events..

140.
FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; CARVALHO, Antonio Carlos Camargo ; CARDOSO, Ana Maria ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; RODRIGUES, Paula ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; GOMES, Walter José ; IZAR, MCO ; DABELA, Maria Lisete . DIFERENTE IMPACTO DOS FATORES DE RISCO DA DOENÇA CORONÁRIA NA VELOCIDADE DA ONDA DE PULSO. In: XXVIII Congresso da SOCESP, 2006, Campos de Jordão. Rev Soc Cardiol Estado São paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2006. v. 16. p. 68-68.
Palavras-chave: velocidade da onda de pulso; fatores de risco; complacência vascular; endotélio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.
OBJECTIVE: To evaluate pulse wave velocity (PWV) at baseline and at peak hyperemia and its associations with Framingham risk categories and coronary risk factors. METHODS: Prospective study on 205 enrolled patients of both sexes, aged 40-74 years in whom carotid-radial PWV was determined at baseline and at peak hyperemia (after 5 min of arterial occlusion). RESULTS: Post-hyperemic PWV was lower than that obtained at baseline (p<0.001). Lower baseline PWV was found in patients presenting lower coronary risk when compared with those at high coronary risk (p=0.006). In addition, post-hyperemic PWV allowed for identification of all three coronary risk groups (low, intermediate and high, p<0.001). Higher baseline PWV values were associated with the risk factor age (p=0.026), male gender (p<0.001), SBP ? 140 mm Hg (p<0.001), DBP ? 90 mm Hg (p=0.024), LDL-C< 100 mg/dL (p=0.001), HDL-C< 40 mg/dL (p=0.047) and in those under diuretic therapy for hypertension (p=0.015). Higher post-hyperemic PWV was observed among males (p<0.0001), patients with age as risk factor (p=0.05), in those presenting SBP ? 140 mm Hg (p<0.001), DBP ? 90 mm Hg (p=0.003), tobacco use (p=0.042) and under treatment with diuretics (p=0.026). Diabetes did not affect PWV. Linear multiple regression analysis showed associations of baseline PWV with age (as a risk factor, coefficient 0.554 m/s) and with SBP ? 140 mm Hg (coefficient 0.982 m/s); post-hyperemic PWV was associated with SBP ? 140 mm Hg (coefficient 1.194 m/s). CONCLUSIONS: Higher values of PWV were associated with higher Framingham coronary risk. Systolic hypertension and age were the major determinants of PWV increase..

141.
BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; CARDOSO, Ana Maria M ; FISCHER, Simone C Matheus ; PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR, MCO ; SANTOS, Andreza O ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SILVA, Renata de Oliveira . Disfunção erétil e hipertensão arterial. In: XXVII Congresso da SOCESP, 2006, Campos de Jordão. Rev Soc Cardiol Estado São paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2006. v. 16. p. 85-85.
Palavras-chave: disfunção erétil; endotélio; vasorreatividade; hipertensão arterial.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.org; ISSN/ISBN: 01038567.
A disfunção erétil (DE) atinge homens preferencialmente após os 50 anos e tem maior prevalência entre os hipertensos. A disfeunção endotelial tem sido associada à DE e pode ser agravada pela terapia anti-hipertensiva. Objetivo: determinar a prevalência de DE em hipertensos antes e após terapia anti-hipertensiva e verificar a associação com a disfunção endotelial. Métodos: estudo prospectivo, randomizado e duplo-cego, examinou a DE por meio de questionário validado de 5 ítens SHIM (Sexual Health Inventory for Men), do International Index of Erectile function e a disfunção endotelial no período basal e após tratamentos anti-hipertensivos distintos (hidroclorotiazida 25 mg/dia, indapamida 1,5 mg/dia, perindopril 4 mg/dia) por seis semanas seguidos da adição de perindopril 4 mg ou placebo por seis semanas ao tratamento anti-hipertensivo alocado previamente, em homens hipertensos. A função endotelial foi avaliada por meio da dilatação mediada pelo fluxo (DMF) em aparelho HP Sonos 5500 com transdutor linear de 12 MHz, sendo considerados como portadores de disfunção endotelial os pacientes com DMF<8% em relação ao basal. Resultados: A idade (média +/- DP) da população foi 61 +/- 7 anos. O tratamento reduziu a pressão arterial sistólica e diastólica (PA basal=155+/-12/92+/-8 mmHg; PA6s=149+/-15/89+/-8 mmHg; PA12s=138+/- 10/86+/-8 mmHg, p <0.01). A DE foi presente em 3/4 dos pacientes na visita basal, mas não foi modificada pelo tratamento anti-hipertensivo. A prevalência de disfunção endotelial obtida no período basal, 6s e 12s foi de 73,9%, 69,6% e de 47,8%, respectivamente, mas esta redução não foi significante. Conclusões: A DE foi altamente prevalente nesta amostra de hipertensos e não foi modificada a despeito de um adequado controle pressórico. O estudo sugere que o tratamento adequado da pressão arterial por 12 semanas possa ser insuficiente para restauração da DE ou da função endotelial..

142.
PECANHA, Andrea dos Santos ; PÓVOA, Rui Manoel S ; TUFIK, Sérgio ; DABELA, Maria Lisete ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; BROLLO, Luigi ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; FRANCISCO, Yona Afonso ; TOGEIRO, Sonia M . Aumento da velocidade de onda de pulso em pacientes hipertensos com apnéia do sono.. In: XXVII Congresso da SOCESP, 2006, Campos de Jordão. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações da SOCESP, 2006. v. 16. p. 85-85.
Palavras-chave: apnéia do sono; hipertensão arterial; complacência vascular; velocidade de onda de pulso.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.
A hipertensão arterial (HA) está relacionada com alterações da complacência arterial que pode ser quantificada de maneira não invasiva por meio da velocidade da onda de pulso (VOP). A associação entre a hipertensão e a apnéia obstrutiva do sono (AOS) já está bem estabelecida. Métodos: Foram avaliados 14 hipertensos provenientes do Ambulatório de Cardiopatia Hipertensiva, submetidos à avaliação clínica, polissonográfica (PSG) e VOP. Foi aplicado o modelo de regressão linear para análise dos dados. Resultados: A idade média do grupo foi de 56,3 anos. O valor da pressão arterial sistólica (PAS) 161,0 +/- 27,7 mmHg, e da diastólica (PAD) 98,0 +/- 17 mmHg, o tempo médio pré-isquemia foi de 2,55 ms +/-1,97 e velocidade 0,30 +/- 0,28. Os dados mostraram correlação entre a VOP e a AOS....

143.
BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza Oliveira ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; FISCHER, Simone C Matheus ; CARDOSO, Ana Maria M ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Efeitos pleiotrópicos associados ao tratamento anti-hipertensivo efetivo. In: 61º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2006, Recife. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, 2006. v. 87. p. 64-64.
Palavras-chave: anti-hipertensivos; hipertensão arterial; endotélio; resistência à insulina.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
ID: 5701 Efeitos pleiotrópicos associados ao tratamento anti-hipertensivo efetivo S A B BRANDÃO, T HELFENSTEIN, A O SANTOS, C M C MONTEIRO, S C P M FISCHER, A M M CARDOSO, M T N B MANZOLI, R M S PÓVOA, M C O IZAR e F A H FONSECA. Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, SP, BRASIL. Objetivos: O tratamento da hipertensão arterial reduz drasticamente os desfechos cerebrovasculares, mas apenas parcialmente a doença cardiovascular. Existe considerável controvérsia no tratamento da hipertensão arterial em relação a benefícios na aterosclerose além do adequado controle pressórico (efeitos pleiotrópicos). Métodos: Estudo prospectivo avaliou em 90 hipertensos de ambos os sexos, em prevenção primária, com idade 56 10 anos, os efeitos de 12 semanas com tratamento anti-hipertensivo efetivo (hidroclorotiazida 25 mg, indapamida 1,5 mg ou perindopril 4-8 mg) no perfil lipídico (mg/dL), índice de HOMA, PCRas (mg/L) e TBARs (nM). Resultados: O tratamento anti-hipertensivo reduziu as pressões sistólicas e diastólicas casuais e as obtidas pela MAPA (total, vigília e sono). Houve uma tendência a um menor índice de HOMA com o tratamento (p=0,073), sem influências nos lípides, PCRas e TBARs. parâmet basal final p PAScas 154 12 138 17 <0,0001 PADcas 93 8 85 8 <0,0001 PCR 0,4 0,3 0,4 0,2 0,302 TBARs 1,7 1,8 1,7 2,4 0,899 HOMA 2,2 1,5 1,8 2,0 0,073 CT 197 33 202 35 0,279 HDL-C 49 13 49 12 0,651 LDL-C 121 31 118 39 0,431 TG 136 78 136 78 1,000 Conclusões: O tratamento anti-hipertensivo efetivo per se foi insuficiente para modificar parâmetros metabólicos comumente associados à hipertensão arterial. .

144.
BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza Oliveira ; SILVA, Renata de Oliveira ; FISCHER, Simone C Matheus ; RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; CARDOSO, Ana Maria M ; PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Impacto do tratamento anti-hipertensivo na função endotelial e complacência vascular. In: 61º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2006, Recife. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, 2006. v. 87. p. 165-165.
Palavras-chave: endotélio; hipertensão arterial; complacência vascular; dilatação mediada pelo fluxo.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
ID: 5811 Impacto do tratamento anti-hipertensivo na função endotelial e complacência vascular S A B BRANDÃO, C M C MONTEIRO, T HELFENSTEIN, A O SANTOS, R O E SILVA, S C P M FISCHER, T RODGÉRIO, V S PEREIRA, A M M CARDOSO, R M S PÓVOA, M C O IZAR e F A H FONSECA. Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, SP, BRASIL. Objetivos: O tratamento anti-hipertensivo reduz eventos coronarianos e cerebrovasculares, no entanto, seus efeitos na distensibilidade vascular e função endotelial podem ter importância em desfechos da aterosclerose. Métodos: Este estudo examinou os efeitos de 12 semanas de tratamento anti-hipertensivo em portadores de hipertensão arterial leve a moderada sobre a velocidade de onda de pulso (VOP, m/s) basal (B), e após hiperemia reativa (HR) e a dilatação mediada pelo fluxo (DMF, %). Foram excluídos os portadores de dislipidemia grave, diabetes e os tabagistas atuais. Noventa pacientes de ambos os sexos, com idades entre 28 e 75 anos receberam tratamento anti-hipertensivo efetivo durante 12 semanas, sendo avaliado o efeito do controle pressórico nas respostas vasculares. Resultados: As pressões casuais e as obtidas pela MAPA (mm Hg) foram significantemente reduzidas com o tratamento. Houve acentuada melhora da função endotelial (p<0,0001), além de diminuição da VOP após HR (p<0,03). Variável Basal Final p PAScas 154 11 138 17 <0,0001 PADcas 93 8 85 8 <0,0001 PAS MAPA 130 14 124 13 <0,0001 PAD MAPA 81 10 77 10 <0,0001 DMF 7,8 3,3 9,8 3,8 <0,0001 VOP-B 9,6 1,3 9,2 1,7 0,073 VOP-HR 9,1 1,6 8,6 1,8 <0,03 Conclusões: O tratamento efetivo da hipertensão arterial melhorou acentuadamente as respostas vasculares, principalmente por promover benefícios na vasorreatividade dependente do endotélio. Alterações na complacência vascular podem depender de maior duração da terapia ou da escolha do fármaco. .

145.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SANTOS, Andreza Oliveira ; PINHEIRO, Luiz Fernando Muniz ; KASINSKI, Nelson ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . A relação apo B/ apo A-I, mas não os polimorfismos das apolipoproteínas AI-CIII associam-se à doença arterial coronariana prematura. In: 61º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2006, Recife. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, 2006. v. 87. p. 132-132.
Palavras-chave: apolipoproteínas; doença da artéria coronária; lípides; genética; polimorfismos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
Objetivos: Este estudo avaliou associações entre fatores de risco clássicos e emergentes na doença arterial coronariana (DAC) prematura. Métodos: Estudo caso-controle incluiu 112 indivíduos com DAC prematura (NCEP III, DA-SBC 2001) confirmada por angiografia e 112 controles, pareados por sexo e idade. Fatores de risco, lípides e apolipoproteínas AI, B e Lp(a) (nefelometria), e os polimorfismos do cluster gênico AI-CIII (PCR-RFLP) foram examinados em jejum após intervenção nutricional (NCEP III) e suspensão de hipolipemiantes. Setenta e seis % dos pacientes com DAC tiveram infarto do miocárdio, 11% angina instável e 13% angina estável. Trinta e cinco % eram uni-arteriais, 31% bi-arteriais e 23% tri-arteriais. Utilizou-se quiquadrado de Pearson, teste t de Student e regressão logística múltipla. Resultados: A hipertensão arterial, o diabetes, o fumo pregresso e o antecedente familiar de DAC prematura foram mais prevalentes no grupo caso (p<0,001), e esses pacientes apresentaram níveis maiores de colesterol total (235 6 vs. 209 4 mg/dl), LDL-C (154 5 vs. 135 4 mg/dL), triglicérides (205 12 vs.143 9 mg/dL) e de apo-B (129 3 vs. 105 3 mg/dL) (p<0,01) e menores de HDL-C (40 1 vs. 46 1 mg/dL) e apo-AI (134 2 vs. 146 2 mg/dL) (p<0,001), além de maior relação apo-B/apo-AI (0,96 0,25 vs. 0,73 0,22, p<0,0001). Não se observaram associações entre os polimorfismos estudados e a DAC prematura. A análise dos haplótipos M1/M2/S do grupamento gênico AI-CIII não mostrou diferenças na sua distribuição entre os grupos, sendo os haplótipos mais freqüentes M1+M2+S1 (57 vs. 55%), M1+M2+S2 (12 vs. 14%) e M1+M2-S1 (17 vs. 15%, em casos e controles, respectivamente). Em regressão logística múltipla, foram preditores independentes de DAC prematura a relação apo-B/apo-AI (OR=23,8), o diabetes (OR=6,1), a hipertensão arterial (OR=3,9) e o fumo pregresso (OR=3,7). Conclusão: Fatores de risco modificáveis associam-se à doença coronariana prematura e ações preventivas ambientais de impacto poder.

146.
IZAR, MCO ; FISCHER, Simone C Matheus ; RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza Oliveira ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; PÓVOA, Rui Manoel S ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Influência dos polimorfismos do sistema renina-angiotensina-alfosterona no controle pressórico e função endotelial na hipertensão arterial. In: 61º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2006, Recife. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, 2006. v. 87. p. 206-206.
Palavras-chave: hipertensão arterial; sistema renina-angiotensina-aldosterona; polimorfismos; genética.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
ID: 6177 Influência dos polimorfismos do sistema renina-angiotensina-aldosterona no controle pressórico e função endotelial na hipertensão arterial M C O IZAR, S C P M FISCHER, T RODGÉRIO, V S PEREIRA, T HELFENSTEIN, A O SANTOS, S A B BRANDÃO, C M C MONTEIRO, R M S PÓVOA, W G M RELVAS e F A H FONSECA. Universidade Federal de São aulo, São Paulo, SP, BRASIL. Objetivos: A efetividade do tratamento anti-hipertensivo pode ser influenciada por polimorfismos em genes que regulam o sistema renina-angiotensina-aldosterona (SRAA). Métodos: Estudo prospectivo com 90 hipertensos com idades entre 28 e 75 anos, recebendo 12 semanas de tratamento anti-hipertensivo efetivo, avaliou a influência dos polimorfismos I/D da ECA, A1166C do receptor da angiotensina (AT1R) e C-134T da aldosterona sintase (CYP11B2) (PCR-RFLP) na pressão arterial (casual e pela MAPA), velocidade da onda de pulso (VOP, m/s) basal e após hiperemia reativa (HR), e na dilatação mediada pelo fluxo (DMF, %). Resultados: Os genótipos (G) são apresentados na Tabela e estão em equilíbrio de Hardy-Weinberg. Gene G Freq Gen. Freq. Alel ECA II 18% I: 0,4 ECA ID 49% - ECA DD 33% D: 0,6 AT1R AA 55% A: 0,6 AT1R AC 16% - AT1R CC 29% C: 0,4 CYP11B2 TT 29% T: 0,6 CYP11B2 TC 62% - CYP11B2 CC 9% C: 0,4 Não houve efeito do tratamento na resposta pressórica casual e pela MAPA, VOP e DMF, de acordo com os genótipos estudados. A homozigose (DD) para a ECA associou-se a menor de pressão sistólica basal na MAPA (p<0,03); houve maior DMF final (p=0,04) e tendência a menor VOP final pós HR (0,07) nos AA do gene AT1R. Conclusões: Polimorfismos do SRAA podem influenciar parâmetros vasculares sem diferenças na resposta pressórica. .

147.
POMARO, Daniel Roberto ; FRANCO, Marcello Fabiano de ; GOMES, Thiago Simões ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki . Coelhos diabéticos e hipercolesterolêmicos tratados com inibidor de ECA: proteção renal vs. aterosclerose em aorta. In: 61º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2006, Recife. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Rio de Janeiro: Ipsis Gráfica e Editora, 2006. v. 87. p. 6-6.
Palavras-chave: quinapril; coelhos; diabetes; aloxan; hipercolesterolemia.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
Trabalho concorrente ao Prêmio Geral do Congresso - Luiz Tavares da Silva Background: End-stage renal disease is one of the commonest diabetic complications. Several studies have highlighted the clinical importance of renin-angiotensin-aldosterone system (RAAS) blockade to attenuate renal impairment. However, there is little information focusing on the benefits of kidney protection mediated by angiotensin-converting enzyme inhibitors (ACEI) in the presence of poor glucose control. Objectives: Our study aimed at verifying the effects of chronic ACEI quinapril treatment in hypercholesterolemic and diabetic rabbits examining the influence of glucose levels on kidney protection at the glomerular level. Methods: New Zealand male rabbits were fed a 0.5% cho-lesterol diet for 12 weeks and -cell injury was induced by a single dose of alloxan (100 mg IV). The animals were initially allocated to four groups according to the glucose levels (250 mg/dL or <250 mg/dL) and quinapril treatment (30 mg/d) or no ACEI treatment. An additional group of animals included those initially presenting glucose levels =250 mg/dL, but showing lower glucose levels at sacrifice. Results: Plasma ACE activity was lower in quinapril-treated animals (p<0.01 vs untreated groups). The atherogenic diet increased total cholesterol levels uniformly among groups (p<0.01 vs baseline). Animals kept under high glucose levels throughout the study presented higher percentage of renal tubular vacuolization and calcification (p<0.001 vs other groups). In addition, there was a sig-nificant reduction in the glomerular area occupied by macrophages in quinapril-treated animals (p<0.01 vs other groups) and a significant decrease of the albumin/creatinine ratio (p<0.05) in the quinapril-treated animals. Conclusions: Our results suggest an early benefit regarding renal protec-tion achieved with the use of ACEI in hypercholesterolemic animals even in the presence of high glu-cose levels..

148.
RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; FISCHER, Simone Cristina Matheus ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; CARDOSO, Ana Maria M ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; SANTOS, Andreza Oliveira ; IZAR, MCO . Influência dos polimorfismos em genes relacionados ao sistema renina-angiotensina-aldosterona na função endotelial em hipertensos. In: XIV Congresso de Iniciação Científica - PIBIC 2006, 2006, São Paulo. Anais do Congresso, 2006.
Palavras-chave: polimorfismo genético; sistema-renina-angiotensina-aldosterona; PREDITORES.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.unifesp.br.
Objetivos: A disfunção endotelial tem sido considerada um marcador precoce da aterosclerose, predizendo eventos coronarianos. Lesões vasculares ateroscleróticas causadas ao longo do tempo por fatores de risco, como a hipertensão arterial, alteram o mecanismo de relaxamento mediado pelo óxido nítrico, que está diretamente ligado à resistência vascular periférica. A medida da reatividade vascular é um valioso instrumento para a mensuração da função endotelial. Um outro método permite a avaliação da distensibilidade vascular, sendo uma estimativa indireta da função endotelial, de maneira não invasiva, automatizada, de fácil mensuração e baixo custo. Esse método consiste na medida da velocidade da onda de pulso (VOP). A contração do ventrículo esquerdo e a ejeção na raiz da aorta geram uma onda de pulso, que se propaga pela rede arterial a uma velocidade finita. A velocidade de propagação dessas ondas de um ponto para outro é a VOP, e tem como principais determinantes, as propriedades elásticas da parede arterial (espessura da parede, lúmen arterial) e as características do fluido (densidade do sangue). As ondas de pulso podem ser detectadas em vários pontos da rede arterial. A VOP está bem estabelecida em condições basais, mas não há estudos após hiperemia reativa. Não se sabe se polimorfismos em genes que regulam a expressão de proteínas do sistema renina-angiotensina-aldosterona (SRAA) podem afetar a distensibilidade vascular. O objetivo desse estudo foi o de determinar a influência de alguns polimorfismos em genes do SRAA na distensibilidade vascular e na dilatação mediada pelo fluxo em hipertensos não fumantes e normolipêmicosResultados: A frequência dos alelos raros foi de 0,44, 0,33 e 0,40, para os genes da ECA, AT1R e CYP11B2, respectivamente. Os alelos deleção (D) do gene da ECA, o C1166 do receptor AT1 e o alelo T da aldosterona sintase não influenciaram a função endotelial, bem como a medida basal da pressão arterial. Parâmetros lipídicos, proteína-C reativa.

149.
BRANDÃO, Sérgio A B ; MONTEIRO, Carlos M C ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza O ; SILVA, Renata de Oliveira ; FISCHER, Simone C Matheus ; RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; CARDOSO, Ana Maria M ; PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H . IMPACTO DO TRATAMENTO ANTI-HIPERTENSIVO NA FUNÇÃO ENDOTELIAL E COMPLACÊNCIA VASCULAR. In: 61º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2006, Recife. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ipsis g´rafica e Editora Ltda, 2006. v. 87. p. 165-165.
Palavras-chave: endotélio; fatores de risco; hipertensão arterial; anti-hipertensivos; complacência vascular.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora do trabalho.

150.
BRANDÃO, Sérgio A B ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza O ; MONTEIRO, Carlos M C ; FISCHER, Simone C Matheus ; CARDOSO, Ana Maria M ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; PÓVOA, Rui Manoel S ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H . EFEITOS PLEIOTRÓPICOS ASSOCIADOS AO TRATAMENTO ANTI-HIPERTENSIVO EFETIVO. In: 61º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2006, Recife. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ipsis gráfica e editora Ltda, 2006. v. 87. p. 64-64.
Palavras-chave: hipertensão arterial; anti-hipertensivos; efeitos pleiotrópicos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autor do trabalho.

151.
POMARO, Daniel R ; FRANCO, Marcello Fabiano de ; GOMES, Thiago Simões ; IZAR, MCO ; FONSECA, Francisco A H ; IHARA, Sílvia S M . Coelhos diabéticos e hipercolesterolêmicos tratados com IECA: proteção renal vs. aterosclerose em aorta.. In: 61º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2006, Recife. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ipsis gráfica e Editora Ltda, 2006. v. 87. p. 6-6.
Palavras-chave: coelhos; diabetes; hipercolesterolemia; inibidor de ECA; nefroproteção; aterosclerose.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Lípides.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782.
co-autora de trabalho concorrente ao prêmio "melhor trabalho"..

152.
IZAR, MCO ; FISCHER, Simone C Matheus ; RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza O ; BRANDÃO, Sérgio A B ; MONTEIRO, Carlos M C ; PÓVOA, Rui Manoel S ; RELVAS, Waldir G M ; FONSECA, Francisco A H . Influência dos polimorfismos do sistema renina-angiotensina-aldosterona no controle pressórico e função endotelial na hipertensão arterial. In: 61º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2006, Recife. Arq Bras cardiol. São Paulo: Ipsis Gráfica e Editora Ltda, 2006. v. 87. p. 206-206.
Palavras-chave: polimorfismos; genética; hipertensão arterial; endotélio; sistema renina-angiotensina-aldosterona.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782.
autora do trabalho..

153.
IZAR, MCO ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; IHARA, Sílvia S M ; PINTO, L. E. S. A. ; MONTEIRO, Carlos M C ; BRANDÃO, Sérgio A B ; RELVAS, Waldir G M ; SANTOS, Andreza O ; KASINSKI, Nelson ; FONSECA, Francisco A H . A RELAÇÃO APO B/APO AI, MAS NÃO OS POLIMORFISMOS DAS APOLIPOPROTEÍNAS AI-CIII ASSOCIAM-SE À DOENÇA ARTERIAL CORONARIANA PREMATURA. In: 61º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2006, Recife. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ipsis Gráfica e Editora Ltda, 2006. v. 87. p. 132-132.
Palavras-chave: lípides; polimorfismos; genética; aterosclerose; CARDIOLOGIA.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 0066782.
autora e apresentadora do trabalho.

154.
FONSECA, Francisco A H ; CARVALHO, Antonio C C ; CARDOSO, Ana Maria M ; MONTEIRO, Carlos M C ; RODRIGUES, Paula R ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir G M ; GOMES, Walter José ; IZAR, MCO ; DABELA, Maria Lisete . Diferente impacto dos fatores de risco da doença coronariana na velocidade da onda de pulso. In: XXVII Congresso da SOCESP, 2006, Campos de Jordão. Rev Soc Cardiol Estado São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2006. v. 16. p. 68-68.
Palavras-chave: fatores de risco; doença arterial coronariana; velocidade da onda de pulso; complacência vascular.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Biologia Vascular.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.socesp.org; ISSN/ISBN: 01038567.
co-autora do trabalho..

155.
IZAR, MCO ; GOLD, Investigadores Do ; FONSECA, Francisco A H ; CARVALHO, Antonio C C ; KASINSKI, Nelson ; PEREIRA, Vania Sanches ; NOVAZZI, José Paulo ; MANZOLI, Maria Teresa Nogueira Bombig ; PÓVOA, Rui Manoel S ; RELVAS, Waldir G M . Genetics and Outcomes on Lipids in Type 2 Diabetes (GOLD): Dados demográficos do estudo prospectivo de infarto do miocárdio em diabéticos no Brasil. In: XXVII Congresso da SOCESP, 2006, Campos de Jordão. Rev Soc cardiol Estado São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2006. v. 16. p. 34-34.
Palavras-chave: polimorfismos; genética; fatores de risco; diabetes; infarto do miocárdio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; Homepage: http://www.cardiol.br; ISSN/ISBN: 01038567.
autor do trabalho..

156.
PEREIRA, Vania Sanches ; RODGÉRIO, Tatiane ; RELVAS, Waldir G M ; HELFENSTEIN, Tatiana ; PINTO, L. E. S. A. ; IHARA, Sílvia S M ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . Valor Preditivo do escore de Framingham e dos Critérios de Síndrome Metabólica em Diabéticos. In: XIV Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2006, São Paulo. CD-ROM, 2006.
Palavras-chave: síndrome metabólica; escore de Framingham; diabetes; fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.unifesp.br.
orientadora e co-autora do trabalho..

157.
RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; BRANDÃO, Sérgio A B ; FISCHER, Simone C Matheus ; CARDOSO, Ana Maria M ; SANTOS, Andreza O ; FONSECA, Francisco A H ; IZAR, MCO . POLIMORFISMOS EM GENES RELACIONADOS AO SISTEMA RENINA-ANGIOTENSINA-ALDOSTERONA EM HIPERTENSOS E SUAS CORRELAÇÕES COM A REATIVIDADE VASCULAR E COM A RESPOSTA PRESSÓRICA. In: XIV Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2006, São Paulo. CD-ROM, 2006.
Palavras-chave: genética; polimorfismos; hipertensão arterial; anti-hipertensivos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Aterosclerose.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética.
Setores de atividade: Saúde Humana.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital; Homepage: http://www.unifesp.br.
co-autora e orientadora do tabalho..

158.
COSTA, Rosana Perim ; IZAR, MCO ; SANTOS, Andreza O ; PINTO, Leonor Espirito Santo de Almeida ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; CASAS JUNIOR, Alberto A Las ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Drip Paper-Filtered and Boiled and Cotton-Filtered Coffee Preparations Reduce Lipid Peroxidation and Anthropometric Parameters in Primary Hypercholesterolemia. In: 54th Annual Scientific Session, 2005, Orlando. Journal of the American College of Cardiology, 2005. v. 45. p. 372A-372A.
Palavras-chave: hypercholesterolemia; Lipid; coffee.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 07351097.
Background: Diterpenes present in coffee grounds can exert harmful effects in hypercholesterolemic patients, when the brew is not filtered. However, boiled and cotton-filtered coffee has not been investigated yet. Objective: This study assessed whether moderate consumption of drip-paper-filtered (PF) or boiled and cotton-filtered (CF) coffee could modify lipid profile and lipid peroxidation in hypercholesterolemic patients in primary prevention. Methods: A randomized crossover study was conducted on 60 outpatients with primary hypercholesterolemia under lipid lowering diet. Fasting lipid profile, glucose, liver enzymes and hydroperoxides were measured after diet period (D), at weeks 6 and 12 of active treatment, with the patients randomly assigned to receive 250 mL per day of either PF or CF coffee for each six-week periods. Apolipoprotein E responses on lipids were also tested. Results: There were no effects of PF or CF coffee preparations on lipid profile, blood glucose or liver enzymes. Lipid responses were not influenced by APOE genotypes. Moderate chronic consumption of both coffee preparations reduced lipid peroxidation (D=7.3 0.9, PF=2.9 0.6, CF=2.5 0.4 nmol/mL; p<0.005, D>PF=CF). In addition, there was a modest, but significant reduction in body weight, body mass index and waist circumference after either coffee preparation, in spite of similar diet components during treatment periods. Conclusions: Moderate consume of either paper-filtered or cotton-filtered coffee, exerted a protective effect on lipid peroxidation with no effects on serum lipids or liver enz..

159.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SANTOS, Andreza O ; MATHEUS, Simone C ; FONSECA, Marilia I ; QUEIROZ, Licia ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; HAN, Sang W ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; INVESTIGATORS, Gold . The D9N Polymorphism of Lipoprotein Lipase Gene Is a Marker for Myocardial Infarction in Diabetics. In: 54th Annual Scientific Session, 2005, Orlando. Journal of the American College of Cardiology, 2005. v. 45. p. 416A-417A.
Palavras-chave: Polymorphism; Lipoprotein; Diabetics.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Estados Unidos/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 07351097.
Abstract Aims/hypothesis: Although type 2 diabetes mellitus has been regarded as a risk equivalent for coronary artery disease, some circumstances, such as genetic factors and the presence of metabolic disturbances may add to the risk profile of diabetic patients. Our purpose was to investigate the risk profile and effect of polymorphisms of genes participating in lipid metabolism in the risk of myocardial infarction in diabetic patients. Methods: A case-control study was conducted on a sample of 990 patients recruited from 27 institutions in Brazil. Demographic data and risk factor profile were evaluated and fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected. Polymorphisms of APO AI (Msp I), APO C3 (Sst I), APO E (Hha I), CETP (Taq I), Paraoxonase 1 (Gly192Arg), LPL (D9N), and Mwo I and Avr II of LCAT were studied. Results: All studied polymorphisms were in Hardy-Weinberg equilibrium, with the exception of CETP-Taq I B (p< 0.05) in diabetics groups with and without MI. There was a higher prevalence of the 9N/9N genotype, as well as the 9N allele among those patients who had a myocardial infarction. Among diabetic patients, there was a trend for association of myocardial infarction and the common allele S1. Apo AI M2 + allele exhibited a trend for association with MI, with protection conferred by the rare allele M2- (p=0.07). Lipid profile in patients statin-naïve did not show correlation with the polymorphism with the exception of M2 allele, where M2- carriers had higher HDL-C levels compared to non-carriers, thus contributing to the effect on relative risk of MI in these subset of patients.A multiple logistic regression model which included clinical variables, biochemical markers and LPL-D9N as independent variables showed that the rare 9N allele was independently associated with MI (OR=1,78, p=0,002). Conclusions: the search for genetic markers can be a reasonable approach for diabetic patients under risk of myocardial infarction..

160.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; COLOVATI, Mileny e S ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; SANTOS, Andreza Oliveira ; QUEIROZ, Lícia ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; INVESTIGATORS, Gold . The D9N Polymorphism of Lipoprotein Lipase Gene Is a Marker for Myocardial Infarction in Diabetics. In: 75º Congress of the European Society of Atherosclerosis, 2005, Praga. Atherosclerosis. New York: Elsevier, 2005. v. 6. p. 136-136.
Palavras-chave: polymorphisms; diabetes; myocardial infarction.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; República Tcheca/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Abstract Aims/hypothesis: Although type 2 diabetes mellitus has been regarded as a risk equivalent for coronary artery disease, some circumstances, such as genetic factors and the presence of metabolic disturbances may add to the risk profile of diabetic patients. Our purpose was to investigate the risk profile and effect of polymorphisms of genes participating in lipid metabolism in the risk of myocardial infarction in diabetic patients. Methods: A case-control study was conducted on a sample of 990 patients recruited from 27 institutions in Brazil. Demographic data and risk factor profile were evaluated and fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected. Polymorphisms of APO AI (Msp I), APO C3 (Sst I), APO E (Hha I), CETP (Taq I), Paraoxonase 1 (Gly192Arg), LPL (D9N), and Mwo I and Avr II of LCAT were studied. Results: All studied polymorphisms were in Hardy-Weinberg equilibrium, with the exception of CETP-Taq I B (p< 0.05) in diabetics groups with and without MI. There was a higher prevalence of the 9N/9N genotype, as well as the 9N allele among those patients who had a myocardial infarction. Among diabetic patients, there was a trend for association of myocardial infarction and the common allele S1. Apo AI M2 + allele exhibited a trend for association with MI, with protection conferred by the rare allele M2- (p=0.07). Lipid profile in patients statin-naïve did not show correlation with the polymorphism with the exception of M2 allele, where M2- carriers had higher HDL-C levels compared to non-carriers, thus contributing to the effect on relative risk of MI in these subset of patients.A multiple logistic regression model which included clinical variables, biochemical markers and LPL-D9N as independent variables showed that the rare 9N allele was independently associated with MI (OR=1,78, p=0,002). Conclusions: the search for genetic markers can be a reasonable approach for diabetic patients under risk of myocardial infarction..

161.
COSTA, Rosana Perim ; IZAR, MCO ; SANTOS, Andreza Oliveira ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; CASAS JUNIOR, Alberto de Almeida Las ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; DABELA, Maria Lisete ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Drip Paper-Filtered and Boiled and Cotton-Filtered Coffee Reduce Lipid Peroxidation and Anthropometric Parameters in Primary Hypercholesterolemia. In: 75º Congress of the European Society of Atherosclerosis, 2005, Praga. Atherosclerosis. New York: Elsevier, 2005. v. 6. p. 146-147.
Palavras-chave: café; peroxidação lipídica; lípides.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Dietética / Especialidade: Dislipidemias.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; República Tcheca/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Background: Diterpenes present in coffee grounds can exert harmful effects in hypercholesterolemic patients, when the brew is not filtered. However, boiled and cotton-filtered coffee has not been investigated yet. Objective: This study assessed whether moderate consumption of drip-paper-filtered (PF) or boiled and cotton-filtered (CF) coffee could modify lipid profile and lipid peroxidation in hypercholesterolemic patients in primary prevention. Methods: A randomized crossover study was conducted on 60 outpatients with primary hypercholesterolemia under lipid lowering diet. Fasting lipid profile, glucose, liver enzymes and hydroperoxides were measured after diet period (D), at weeks 6 and 12 of active treatment, with the patients randomly assigned to receive 250 mL per day of either PF or CF coffee for each six-week periods. Apolipoprotein E responses on lipids were also tested. Results: There were no effects of PF or CF coffee preparations on lipid profile, blood glucose or liver enzymes. Lipid responses were not influenced by APOE genotypes. Moderate chronic consumption of both coffee preparations reduced lipid peroxidation (D=7.3 0.9, PF=2.9 0.6, CF=2.5 0.4 nmol/mL; p<0.005, D>PF=CF). In addition, there was a modest, but significant reduction in body weight, body mass index and waist circumference after either coffee preparation, in spite of similar diet components during treatment periods. Conclusions: Moderate consume of either paper-filtered or cotton-filtered coffee, exerted a protective effect on lipid peroxidation with no effects on serum lipids or liver enz..

162.
HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SANTOS, Andreza Oliveira ; D'ALMEIDA, Vânia ; SOUZA, Fernanda G ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; RODRIGUES, Paula R ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Hyperhomocysteinemia and low HDL-C levels are associated with increased risk of myocardial infarction, particularly in elderly men. In: 75º Congress of the European Society of Atherosclerosis, 2005, Praga. Atherosclerosis. New York: Elsevier, 2005. v. 6. p. 156-156.
Palavras-chave: homocisteína; infarto do miocárdio; mellitus.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; República Tcheca/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
BACKGROUND: Hyperhomocysteinemia has emerged as a novel risk factor for myocardial infarction (MI). Some mechanisms proposed to explain its relationship with coronary events are also shared by major coronary risk factors. We examined whether C677T methylenetetrahydrofolate reductase and A2756G methionine synthase polymorphisms could affect the relative risk for MI. METHODS: A sample of 196 individuals was divided into four groups (diabetics with MI, n=43; diabetics without MI, n=50; non-diabetics with MI, n=47; non-diabetics without MI, n=56) and compared regarding the prevalence of the polymorphisms, risk factors, and biochemical parameters. RESULTS: Higher prevalence of hyperhomocysteinemia was found in MI patients (p<0.05 vs. non-MI subjects), in males (p<0.001 vs. female) and in those > or = 65 years (p=0.01 vs. <65 years). Homocysteine was negatively associated with HDL-C (p<0.05) and glucose, although results did not reach significance (p=0.06). Similar distribution of studied polymorphisms was seen in all groups, which presented normal folate and vitamin B12 serum levels. CONCLUSIONS: Higher homocysteinemia was predominantly observed in men, presenting low HDL-C, and at advancing age. Methylenetetrahydrofolate reductase and methionine synthase polymorphisms did not contribute to risk assessment in diabetic and non-diabetic subjects presenting normal folate levels. .

163.
POMARO, Daniel Roberto ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; UMEDA, Ivete ; CESARINI, Dulce e ; SANTOS, Andreza Oliveira ; EBIHARA, Fabiana ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . High glucose levels abolish antiatherosclerotic benefits of ACE inhibition in alloxan-induced diabetes in rabbits. In: 75º Congress of the European Society of Atherosclerosis, 2005, Praga. Atherosclerosis. New York: Elsevier, 2005. v. 6. p. 43-44.
Palavras-chave: diabetes; aterosclerose; coelhos; sistema renina-angiotensina-aldosterona; aloxan.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; República Tcheca/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675688.
Renin-angiotensin system activation is recognized to play an important role in atherosclerosis. This study aimed to verify the antiatherosclerotic effects of ACE inhibition on an experimental model of diabetes and hypercholesterolemia. Diabetes was induced in New Zealand male rabbits with a single dose of alloxan (100 mg/kg, i.v.), and, according to plasma glucose levels obtained after 1 week, the animals were divided into 2 groups (> or =250 mg/dL or <250 mg/dL). Each group was randomly assigned to receive or not quinapril (30 mg/d) added to a 0.5% cholesterol-enriched diet. Animals with high glucose levels at 1 week and that remained high after 12 weeks presented higher triglyceride levels (P < 0.02 versus basal). Those initially hyperglycemic but presenting <250 mg/dL glucose at the end of study formed an additional group. Plasma ACE activity was lower in quinapril-treated animals (P < 0.01 versus untreated groups). However, aorta intima/media ratio and intima area were lower only in the subgroups of quinapril-treated animals with low glucose levels (P < 0.05). Our results support the hypothesis that high plasma glucose may abolish the antiatherosclerotic effect of ACE inhibitors..

164.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SANTOS, Andreza Oliveira ; MATHEUS, Simone C ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; QUEIROZ, Lícia ; HAN, Sang Won ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; GOLD, Investigadores Do . O POLIMORFISMO D9N DO GENE LPL É UM MARCADOR PARA INFARTO DO MIOCÁRDIO EM DIABÉTICOS. In: XXVI CONGRESSO DA SOCESP, 2005, CAMPOS DE JORDÃO. Rev Soc Cardiol Estado São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2005. v. 15. p. 38 Supl B-38 Supl B.
Palavras-chave: diabetes; infarto do miocárdio; polimorfismos; lipoproteínas.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.
Abstract Aims/hypothesis: Although type 2 diabetes mellitus has been regarded as a risk equivalent for coronary artery disease, some circumstances, such as genetic factors and the presence of metabolic disturbances may add to the risk profile of diabetic patients. Our purpose was to investigate the risk profile and effect of polymorphisms of genes participating in lipid metabolism in the risk of myocardial infarction in diabetic patients. Methods: A case-control study was conducted on a sample of 990 patients recruited from 27 institutions in Brazil. Demographic data and risk factor profile were evaluated and fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected. Polymorphisms of APO AI (Msp I), APO C3 (Sst I), APO E (Hha I), CETP (Taq I), Paraoxonase 1 (Gly192Arg), LPL (D9N), and Mwo I and Avr II of LCAT were studied. Results: All studied polymorphisms were in Hardy-Weinberg equilibrium, with the exception of CETP-Taq I B (p< 0.05) in diabetics groups with and without MI. There was a higher prevalence of the 9N/9N genotype, as well as the 9N allele among those patients who had a myocardial infarction. Among diabetic patients, there was a trend for association of myocardial infarction and the common allele S1. Apo AI M2 + allele exhibited a trend for association with MI, with protection conferred by the rare allele M2- (p=0.07). Lipid profile in patients statin-naïve did not show correlation with the polymorphism with the exception of M2 allele, where M2- carriers had higher HDL-C levels compared to non-carriers, thus contributing to the effect on relative risk of MI in these subset of patients.A multiple logistic regression model which included clinical variables, biochemical markers and LPL-D9N as independent variables showed that the rare 9N allele was independently associated with MI (OR=1,78, p=0,002). Conclusions: the search for genetic markers can be a reasonable approach for diabetic patients under risk of myocardial infarction..

165.
HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SANTOS, Andreza Oliveira ; RODRIGUES, Paula R ; D'ALMEIDA, Vânia ; OLIVEIRA, Luciene ; MATSUMOTO, Ruth Teixeira ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Hiperhomocisteinemia está associada a HDL-c e à idade em pacientes infartados. In: XXVI CONGRESSO DA SOCESP, 2005, Campos de Jordão. Rev Soc Cardiol Estado São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2005. v. 15. p. 36 Supl B-36 Supl B.
Palavras-chave: homocisteína; HDL colesterol; infarto do miocárdio; polimorfismos genéticos.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.
BACKGROUND: Hyperhomocysteinemia has emerged as a novel risk factor for myocardial infarction (MI). Some mechanisms proposed to explain its relationship with coronary events are also shared by major coronary risk factors. We examined whether C677T methylenetetrahydrofolate reductase and A2756G methionine synthase polymorphisms could affect the relative risk for MI. METHODS: A sample of 196 individuals was divided into four groups (diabetics with MI, n=43; diabetics without MI, n=50; non-diabetics with MI, n=47; non-diabetics without MI, n=56) and compared regarding the prevalence of the polymorphisms, risk factors, and biochemical parameters. RESULTS: Higher prevalence of hyperhomocysteinemia was found in MI patients (p<0.05 vs. non-MI subjects), in males (p<0.001 vs. female) and in those > or = 65 years (p=0.01 vs. <65 years). Homocysteine was negatively associated with HDL-C (p<0.05) and glucose, although results did not reach significance (p=0.06). Similar distribution of studied polymorphisms was seen in all groups, which presented normal folate and vitamin B12 serum levels. CONCLUSIONS: Higher homocysteinemia was predominantly observed in men, presenting low HDL-C, and at advancing age. Methylenetetrahydrofolate reductase and methionine synthase polymorphisms did not contribute to risk assessment in diabetic and non-diabetic subjects presenting normal folate levels. .

166.
DABELA, Maria Lisete ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RODRIGUES, Paula R ; CARDOSO, Ana Maria M ; IZAR, MCO ; FONSECA, Rodrigo Santoro Helfenstein ; CARVALHO, Antonio Carlos Camargo ; PAOLA, Ângelo Amato Vincenzo de ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Correlações entre o risco coronariano e a VOP. In: XXVI CONGRESSO DA SOCESP, 2005, Campos de Jordão. Rev Soc Cardiol Estado São Paulo. São Paulo: Diretoria de Publicações SOCESP, 2005. v. 15. p. 74-74.
Palavras-chave: velocidade de onda de pulso; distensibilidade arterial; risco cardiovascular.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Regional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 01038567.
Summary OBJECTIVE: To evaluate pulse wave velocity (PWV) at baseline and at peak hyperemia and its associations with Framingham risk categories and coronary risk factors. METHODS: Prospective study on 205 enrolled patients of both sexes, aged 40-74 years in whom carotid-radial PWV was determined at baseline and at peak hyperemia (after 5 min of arterial occlusion). RESULTS: Post-hyperemic PWV was lower than that obtained at baseline (p<0.001). Lower baseline PWV was found in patients presenting lower coronary risk when compared with those at high coronary risk (p=0.006). In addition, post-hyperemic PWV allowed for identification of all three coronary risk groups (low, intermediate and high, p<0.001). Higher baseline PWV values were associated with the risk factor age (p=0.026), male gender (p<0.001), SBP ? 140 mm Hg (p<0.001), DBP ? 90 mm Hg (p=0.024), LDL-C< 100 mg/dL (p=0.001), HDL-C< 40 mg/dL (p=0.047) and in those under diuretic therapy for hypertension (p=0.015). Higher post-hyperemic PWV was observed among males (p<0.0001), patients with age as risk factor (p=0.05), in those presenting SBP ? 140 mm Hg (p<0.001), DBP ? 90 mm Hg (p=0.003), tobacco use (p=0.042) and under treatment with diuretics (p=0.026). Diabetes did not affect PWV. Linear multiple regression analysis showed associations of baseline PWV with age (as a risk factor, coefficient 0.554 m/s) and with SBP ? 140 mm Hg (coefficient 0.982 m/s); post-hyperemic PWV was associated with SBP ? 140 mm Hg (coefficient 1.194 m/s). CONCLUSIONS: Higher values of PWV were associated with higher Framingham coronary risk. Systolic hypertension and age were the major determinants of PWV increase. .

167.
PEREIRA, Vania Sanches ; RODGÉRIO, Tatiane ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Aplicação dos critérios de Framingham e de síndrome metabólica para a avaliação do risco coronariano numa população de diabéticos. In: XIII Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2005, São Paulo. CD-Rom do Congresso, 2005.
Palavras-chave: escore de Framingham; síndrome metabólica; fatores de risco; diabetes.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital.
Resumo: O diabetes melito (DM) é um dos principais problemas de saúde dos países em desenvolvimento, com alterações metabólicas que incluem dislipidemia, desequilíbrio na hemostasia, inflamação e disfunção endotelial, todos associados ao desenvolvimento da aterosclerose. Além disso, sabe-se que a aterosclerose é uma das doenças mais prevalentes na sociedade moderna sendo a sua forma mais comum de apresentação a doença arterial coronariana (DAC). Estima-se que a metade das mortes por doenças cardiovasculares, cerca de 10 a 40 milhões anuais em países em desenvolvimento, seja devida à DAC. Os diabéticos freqüentemente apresentam múltiplos fatores de risco, entre eles a hipertensão arterial e os baixos níveis de HDL-C. De fato, as principais alterações lipídicas encontradas no DM compreendem redução de HDL-C, aumento dos triglicérides e uma predominância de partículas de LDL de padrão B, as chamadas LDLs pequenas e densas. Estas anormalidades são conhecidas como a tríade lipídica e caracterizam não apenas o diabetes como também a Síndrome Metabólica (SM). A presença de critérios de SM parece preditora de pior prognóstico também entre os diabéticos. A análise dos fatores de risco para a estratificação do risco cardiovascular e a avaliação da presença de critérios de SM são procedimentos de baixo custo, simples de realizar e que podem acrescentar informações preditivas ao risco coronariano, também em diabéticos. Estudos observacionais, como os de Framingham, mostraram a importância dos fatores de risco, seu sinergismo e permitiram a elaboração de um escore para a obtenção do risco absoluto (RA) de eventos coronarianos. Pacientes diabéticos com infarto prévio parecem estar relacionados com um maior RA do que os diabéticos não infartados. O objetivo deste trabalho foi o de avaliar o risco coronariano em portadores de diabetes com e sem infarto do miocárdio na população brasileira além de comparar a prevalência e o número de componentes da SM entre os grupos..

168.
RODGÉRIO, Tatiane ; PEREIRA, Vania Sanches ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; SANTOS, Andreza Oliveira ; CARDOSO, Ana Maria M ; FISCHER, Simone C Matheus ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO . Associação da velocidade de onda de pulso (VOP) com fatores de risco clássicos.. In: XIII Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2005, São Paulo. CD Rom do Congresso (Resumos), 2005.
Palavras-chave: velocidade de onda de pulso; complacência vascular; hipertensão arterial; fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Digital.
Resumo: A disfunção endotelial tem sido considerada um marcador precoce da aterosclerose, predizendo eventos coronarianos. Lesões vasculares ateroscleróticas causadas ao longo do tempo por fatores de risco, como a hipertensão arterial, alteram o mecanismo de relaxamento mediado pelo óxido nítrico, que está diretamente ligado à resistência vascular periférica. A medida da reatividade vascular é um valioso instrumento para a mensuração da função endotelial, entretanto, requer técnica e equipamentos sofisticados, inviabilizando sua utilização rotineira. Um outro método permite a avaliação da distensibilidade vascular, sendo uma estimativa indireta da função endotelial, de maneira não invasiva, automatizada, de fácil mensuração e baixo custo. Esse método consiste na medida da velocidade da onda de pulso (VOP). A contração do ventrículo esquerdo e a ejeção na raiz da aorta geram uma onda de pulso, que se propaga pela rede arterial a uma velocidade finita. A velocidade de propagação dessas ondas de um ponto para outro é a VOP, e tem como principais determinantes, as propriedades elásticas da parede arterial (espessura da parede, lumen arterial) e as características do fluido (densidade do sangue). As ondas de pulso podem ser detectadas em vários pontos da rede arterial. A VOP está bem estabelecida em condições basais, mas não há estudos após hiperemia reativa. Objetivos: Avaliar a presença de disfunção endotelial medida pela VOP em pacientes sadios e portadores de hipertensão arterial leve a moderada e correlacioná-la com os fatores de risco para doença arterial coronariana. Métodos: O estudo constou de uma visita clínica, com coleta de sangue em jejum para exames bioquímicos e realização da VOP. Foram avaliados 50 pacientes (41 com HAS, 9 controles) consecutivos, de ambos os sexos (16 homens, 34 mulheres), com idades entre 18 e 75 anos. Para o estudo da VOP foram colocados transdutores em carótida D (proximal) e artéria radial D (distal), acoplados a um ap.

169.
RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; HAN, Sang Won ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Gene polymorphisms influencing the prevalence of myocardial infarction among diabetic and non-diabebetic subjects. In: ESC Congress 2005, 2005, Estocolmo. Eur Heart J. Amsterdã: Elsevier, 2005. v. 26. p. 226-226.
Palavras-chave: genetics; polymorphisms; diabetes; myocardial infarction.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Suécia/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 15675699.
This study was aimed to examine cholesteryl ester transfer protein (CETP), apolipoprotein AI and CIII gene polymorphisms, and to verify whether these genetic determinants are associated with the prevalence of myocardial infarction (MI) or type 2 diabetes. The TaqIB restriction fragment length polymorphism (RFLP) in intron I of the CETP gene, the MspI in the third intron of the APOAI gene, and also SstI in the 3' untranslated region of the APOCIII gene were determined using standard methods. The prevalence of these polymorphisms was compared between diabetic (n = 119), and non-diabetic (n = 100) middle-aged individuals of both sexes. We found a higher prevalence of the B2B2 genotype of the CETP gene among diabetics than that observed in non-diabetics (P < 0.05), and a lower prevalence of this genotype among patients with previous MI (P < 0.02). The MspI polymorphisms of the APOAI gene showed that M1++ genotype was found mainly in diabetic patients (P < 0.04). Conversely, the SstI polymorphism of APOCIII gene was not significantly associated with either MI or diabetes. Therefore, among these genetic polymorphisms, TaqIB of CETP and MspI of apolipoprotein AI appeared to help significantly to identify diabetic individuals. In particular, the former may have an additional role in the primary prevention of coronary disease. .

170.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; HAN, Sang Won ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; INVESTIGATORS, Gold . The LPL-D9N polymorphism is a marker for myocardial infarction in type 2 diabetes. In: ESC Congress 2005, 2005, Estocolmo. Eur Heart J. Amsterdã: Elsevier, 2005. v. 26. p. 295-295.
Palavras-chave: genetics; polymorphisms; lipids; diabetes; lipoprotein lipase; myocardial infarction.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Internacional; Suécia/ Inglês; Meio de divulgação: Impresso.
Objectives:Although type 2 diabetes mellitus has been regarded as a risk equivalent for coronary artery disease, genetic factors and metabolic disturbances may add to the risk profile of diabetics. Our purpose was to investigate the effect of polymorphisms of genes participating in lipid metabolism in the risk of myocardial infarction in diabetic patients. Methods: A case-control study was conducted on a sample of 990 type 2 diabetic patients recruited from 27 institutions in Brazil. Demographic data, risk factors and fasting blood samples were collected. Selected polymorphisms [APO AI (Msp I), APO C3 (Sst I), APO E (Hha I), CETP (Taq I), PON 1 (Gly192Arg), LPL (D9N), and both Mwo I and Avr II of LCAT] were studied by PCR-RFLP. Results: Among diabetics there was an increased risk of MI in those carrying the 9N allele (OR=1.62, p=0,008), with protection conferred by the S1 allele (OR=0.69; p=0.02) and the rare allele M2- (OR=0.97; p=0.07). A multiple logistic regression model which included clinical and genetic variables, as independent variables showed that the rare 9N allele was associated with increased risk of MI (OR=1,78, p=0,002). In conclusion, the search for genetic markers can be a reasonable approach for diabetic patients under risk of myocardial infarction. .

171.
HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SANTOS, Andreza Oliveira ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; IZAR, MCO ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; PAOLA, Angelo Amato Vicenzo de . Idade e HDL-C baixo estão associados à hiperhomocisteinemia e maior risco de infarto do miocárdio.. In: 60º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2005, Porto Alegre. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ípsis Gráfica e Editora Ltda, 2005. v. 85. p. T401-T401.
Palavras-chave: HDL-colesterol; homocisteína; infarto do miocárdio; fatores de risco.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
BACKGROUND: Hyperhomocysteinemia has emerged as a novel risk factor for myocardial infarction (MI). Some mechanisms proposed to explain its relationship with coronary events are also shared by major coronary risk factors. We examined whether C677T methylenetetrahydrofolate reductase and A2756G methionine synthase polymorphisms could affect the relative risk for MI. METHODS: A sample of 196 individuals was divided into four groups (diabetics with MI, n=43; diabetics without MI, n=50; non-diabetics with MI, n=47; non-diabetics without MI, n=56) and compared regarding the prevalence of the polymorphisms, risk factors, and biochemical parameters. RESULTS: Higher prevalence of hyperhomocysteinemia was found in MI patients (p<0.05 vs. non-MI subjects), in males (p<0.001 vs. female) and in those > or = 65 years (p=0.01 vs. <65 years). Homocysteine was negatively associated with HDL-C (p<0.05) and glucose, although results did not reach significance (p=0.06). Similar distribution of studied polymorphisms was seen in all groups, which presented normal folate and vitamin B12 serum levels. CONCLUSIONS: Higher homocysteinemia was predominantly observed in men, presenting low HDL-C, and at advancing age. Methylenetetrahydrofolate reductase and methionine synthase polymorphisms did not contribute to risk assessment in diabetic and non-diabetic subjects presenting normal folate levels. .

172.
TANAKA, Eduardo Y ; IHARA, Sílvia Saiuli Miki ; POMARO, Daniel Roberto ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; UEDA, Ivete ; KUYMJIAN, Valter ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IZAR, MCO ; PAOLA, Angelo Amato Vicenzo de ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Indução de diabetes tipo 1 e tipo 2 em coelhos como modelo experimental para o estudo da aterosclerose.. In: 60º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2005, Porto Alegre. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ípsis Gráfica e Editora Ltda, 2005. v. 85. p. T405-T405.
Palavras-chave: diabetes tipo 1; diabetes tipo 2; aterosclerose; coelhos; experimental.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.

173.
SILVA, Renata de Oliveira ; BRANDÃO, Sérgio Augusto Bueno ; SANTOS, Andreza Oliveira ; IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; CARDOSO, Ana Maria M ; FISCHER, Simone C Matheus ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Efeitos do tratamento anti-hipertensivo na disfunção erétil.. In: XIII Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2005, Saõ Paulo. CD-Rom do Congresso (Resumos), 2005.
Palavras-chave: disfunção erétil; anti-hipertensivos; velocidade da onda de pulso; endotélio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.
Resumo: Introdução: A disfunção erétil tem sido descrita em pacientes com hipertensão arterial, diabetes melito e outras condições clínicas associadas com a disfunção endotelial. Em nosso meio, a hipertensão arterial é altamente prevalente, com aumento progressivo com a idade, atingindo até 75% da população de idosos. Por outro lado, a disfunção erétil incide principalmente a partir dos 50 anos. Alguns fármacos utilizados em larga escala para o tratamento da hipertensão arterial como betabloqueadores e diuréticos parecem agravar a disfunção endotelial, principalmente por maior ativação do sistema renina-angiotensina-aldosterona, maior tono simpático ou por induzir alterações metabólicas como a resistência à insulina e elevação da glicemia. O efeito destes fármacos tem sido pobremente analisado nesta população de pacientes, sobretudo entre aqueles que já apresentem disfunção erétil. Métodos não invasivos de avaliação da função endotelial ganharam maior importância nos últimos anos, sendo a dilatação mediada pelo fluxo analisada pelo ultra-som e estudos da velocidade da onda de pulso os mais frequentemente utilizados, embora este último avalie principalmente a complacência vascular. Objetivos: o presente estudo teve como objetivo primário verificar a prevalência da disfunção erétil em homens hipertensos com idade compreendida entre 50 e 75 anos e sem uso de medicação anti-hipertensiva e os efeitos iniciais do tratamento anti-hipertensivo. Como objetivo secundário buscou-se verificar a associação da disfunção erétil com a velocidade da onda de pulso (VOP)e dilatação mediada pelo fluxo (DMF). Métodos: fizeram parte da amostra 12 homens hipertensos (idade entre 52 e 75 anos, mediana 62 anos). Foram excluídos pacientes com diabetes mellitus, dislipidemia em tratamento com hipolipemiantes, além dos fumantes. Foi aplicado o questionário SHIM (Sexual Health Inventory for Men) para avaliação da disfunção erétil. A VOP foi obtida por meio de aparelho Complior a.

174.
PEGNEAU FILHO, Jorge Delamar ; MONTEIRO, Carlos Manoel de Castro ; HELFENSTEIN, Tatiana ; IZAR, MCO ; SANTOS, Andreza Oliveira ; PINHEIRO, Luís Fernando Muniz ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Síndrome metabólica e doença coronariana aguda. In: XIII Congresso de Iniciação Científica da UNIFESP, 2005, São Paulo. CD-Rom do Congresso (Resumos), 2005.
Palavras-chave: síndrome metabólica; síndrome coronariana aguda; infarto do miocárdio; angina instável; lípides.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Local; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso.
Resumo: O diabetes melito (DM) é um dos principais problemas de saúde dos países em desenvolvimento, com alterações metabólicas que incluem dislipidemia, desequilíbrio na hemostasia, inflamação e disfunção endotelial, todos associados ao desenvolvimento da aterosclerose. Além disso, sabe-se que a aterosclerose é uma das doenças mais prevalentes na sociedade moderna sendo a sua forma mais comum de apresentação a doença arterial coronariana (DAC). Estima-se que a metade das mortes por doenças cardiovasculares, cerca de 10 a 40 milhões anuais em países em desenvolvimento, seja devida à DAC. Os diabéticos freqüentemente apresentam múltiplos fatores de risco, entre eles a hipertensão arterial e os baixos níveis de HDL-C. De fato, as principais alterações lipídicas encontradas no DM compreendem redução de HDL-C, aumento dos triglicérides e uma predominância de partículas de LDL de padrão B, as chamadas LDLs pequenas e densas. Estas anormalidades são conhecidas como a tríade lipídica e caracterizam não apenas o diabetes como também a Síndrome Metabólica (SM). A presença de critérios de SM parece preditora de pior prognóstico também entre os diabéticos. A análise dos fatores de risco para a estratificação do risco cardiovascular e a avaliação da presença de critérios de SM são procedimentos de baixo custo, simples de realizar e que podem acrescentar informações preditivas ao risco coronariano, também em diabéticos. Estudos observacionais, como os de Framingham, mostraram a importância dos fatores de risco, seu sinergismo e permitiram a elaboração de um escore para a obtenção do risco absoluto (RA) de eventos coronarianos. Pacientes diabéticos com infarto prévio parecem estar relacionados com um maior RA do que os diabéticos não infartados. O objetivo deste trabalho foi o de avaliar o risco coronariano em portadores de diabetes com e sem infarto do miocárdio na população brasileira além de comparar a prevalência e o número de componentes da SM entre os grupos..

175.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; HAN, Sang Won ; KASINSKI, Nelson ; NOVAZZI, José Paulo ; PÓVOA, Rui Manoel S ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein ; GOLD, Investigadores Do . O polimorfismo D9N do gene LPL é um marcador para infarto do miocárdio em diabéticos. In: 60º Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 2005, Porto Alegre. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ípsis Gráfica e Editora Ltda, 2005. v. 85. p. T521-T521.
Palavras-chave: polimorfismos; genética; lipoproteína lipase; diabetes; infarto do miocárdio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas.
Referências adicionais: Classificação do evento: Nacional; Brasil/ Português; Meio de divulgação: Impresso; ISSN/ISBN: 0066782.
Abstract Aims/hypothesis: Although type 2 diabetes mellitus has been regarded as a risk equivalent for coronary artery disease, some circumstances, such as genetic factors and the presence of metabolic disturbances may add to the risk profile of diabetic patients. Our purpose was to investigate the risk profile and effect of polymorphisms of genes participating in lipid metabolism in the risk of myocardial infarction in diabetic patients. Methods: A case-control study was conducted on a sample of 990 patients recruited from 27 institutions in Brazil. Demographic data and risk factor profile were evaluated and fasting blood samples for lipids and genetic studies were collected. Polymorphisms of APO AI (Msp I), APO C3 (Sst I), APO E (Hha I), CETP (Taq I), Paraoxonase 1 (Gly192Arg), LPL (D9N), and Mwo I and Avr II of LCAT were studied. Results: All studied polymorphisms were in Hardy-Weinberg equilibrium, with the exception of CETP-Taq I B (p< 0.05) in diabetics groups with and without MI. There was a higher prevalence of the 9N/9N genotype, as well as the 9N allele among those patients who had a myocardial infarction. Among diabetic patients, there was a trend for association of myocardial infarction and the common allele S1. Apo AI M2 + allele exhibited a trend for association with MI, with protection conferred by the rare allele M2- (p=0.07). Lipid profile in patients statin-naïve did not show correlation with the polymorphism with the exception of M2 allele, where M2- carriers had higher HDL-C levels compared to non-carriers, thus contributing to the effect on relative risk of MI in these subset of patients.A multiple logistic regression model which included clinical variables, biochemical markers and LPL-D9N as independent variables showed that the rare 9N allele was independently associated with MI (OR=1,78, p=0,002). Conclusions: the search for genetic markers can be a reasonable approach for diabetic patients under risk of myocardial infarction..

176.
IZAR, MCO ; HELFENSTEIN, Tatiana ; RELVAS, Waldir Gabriel Miranda ; IHARA, Silvia Saiuli Miki ; COLOVATI, Mileny e S ; PINTO, Leonor Do Espírito Santo de Almeida ; FISCHER, Simone C Matheus ; SANTOS, Andreza Oliveira ; FONSECA, Marília Izar Helfenstein ; LOPES, Ieda Edite Lanzarini ; CARVALHO, Antonio Carlos de Camargo ; FONSECA, Francisco Antonio Helfenstein . Polimorfismos genéticos podem auxiliar na estratificação do risco de infarto do miocárdio em diabéticos. In: XI Congresso Brasileiro de Aterosclerose, 2005, São Luís. Arq Bras Cardiol. São Paulo: Ípsis Gráfica e Editora Ltda, 2005.
Palavras-chave: polimorfismos; genética; diabetes; infarto do miocárdio.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das