Julio Cesar Medeiros da Silva Pereira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0622330173835144
  • Última atualização do currículo em 26/10/2018


Possui graduação em História pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2004), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2006) e doutorado em História das Ciências pela Fundação Oswaldo Cruz (2011). Atualmente é diretor de estudos e pesquisa - Instituo de Pesquisa e Memória Pretos Novos, coordenador do núcleo de pesquisa histórica - Instituo de Pesquisa e Memória Pretos Novos e professor adjunto da Universidade Federal Fluminense. , atuando principalmente nos seguintes temas: escravidão, doenças, história social, tráfico escravo e morte. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Julio Cesar Medeiros da Silva Pereira
Nome em citações bibliográficas
PEREIRA, Julio. C. M. da S.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal Fluminense, Infes.
Rua João Jazbik S/N
Aeroporto
28470000 - Santo Antônio de Pádua, RJ - Brasil
Telefone: (22) 38510994


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2011
Doutorado em História das Ciências.
Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Título: Trabalho, folga e cuidados terapêuticos: a sociabilidade escrava na imperial fazenda santa cruz, na segunda metade do século XIX, Ano de obtenção: 2011.
Orientador: Lorelai Brilhante Kury.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: práticas terapêuticas; História da Ciência e da Saúde; Doenças; escravidão.
Grande área: Ciências Humanas
2004 - 2006
Mestrado em História Social.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: À flor da terra: O Cemitério dos Pretos Novos no Rio de Janeiro,Ano de Obtenção: 2006.
Orientador: Prof. Dr. José Murilo de Carvalho.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: escravidão; cultura; morte; religiosidade.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia das Populações Afro-Brasileiras.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Arqueologia.
2000 - 2004
Graduação em História.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: Os Pretos Novos que não chegaram a Velhos: Morte e sepultamento de escravos recém chegados de África, no Rio de Janeiro durante o século XIX.
Orientador: Prfª. Drª Cristiane Leidler.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.




Formação Complementar


2018 - 2018
Extensão universitária em Métodos Quantitativos. (Carga horária: 200h).
University of Amsterdam, UVA, Austrália.
2013 - 2014
Extensão universitária em A Brief History of Humankind. (Carga horária: 200h).
Hebrew University Of Jerusalem, U.JERUSALEM, Israel.
2013 - 2013
Formação Básica. (Carga horária: 80h).
Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, PM/RJ, Brasil.
2009 - 2009
História. (Carga horária: 5h).
Rede Pitágoras, PITÁGORAS, Brasil.
2009 - 2009
História. (Carga horária: 4h).
Rede Pitágoras, PITÁGORAS, Brasil.
2005 - 2008
Cultura Express. (Carga horária: 450h).
Sociedade Brasileira de Cultura Inglesa, CULTURA INGLESA, Brasil.
2007 - 2007
História e Memória da Ciência e da Saúde.
Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
2005 - 2005
Formação de Instrutores de Treinamento. (Carga horária: 36h).
Fundação Escola de Serviço Público (Rio de Janeiro), FESP, Brasil.
2002 - 2002
O negro e a conquista. (Carga horária: 3h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
2002 - 2002
A história dos agentes da pastoral do negro. (Carga horária: 3h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
2002 - 2002
A História do negro na contemporaneidade. (Carga horária: 12h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
2000 - 2000
História Antiga e Arqueologia.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

04/2016 - Atual
Ensino, Educação do Campo, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Instrodução às Ciências Sociais e Humanas
03/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto do Noroeste Fluminense de Educação Superior, .

03/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto do Noroeste Fluminense de Educação Superior, Educação no Campo.

03/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto do Noroeste Fluminense de Educação Superior, .

11/2015 - Atual
Ensino, Pedagogia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Desigualdade e Relações Etnico Raciais
História, Geografia, conteúdo e metódo
Oficina de Diretos Humanos e Cidadania
Educaão Patrimonial
03/2016 - 03/2017
Treinamentos ministrados , Pró-Reitoria de Extensão, .

Treinamentos ministrados
Produção cafeeira e escravismo em Santo Antônio de Pádua de1833 a 1850

Fundação Educacional Duque de Caxias, FEUDUC, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Docente, Carga horária: 20

Atividades

01/2013 - 12/2013
Ensino, História da África, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
História da África Antiga

Instituo de Pesquisa e Memória Pretos Novos, IPN, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador
Outras informações
É também Coordenador do Núcleo de Pesquisa Histórica do IPN

Atividades

01/2010 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , IPN, .

05/2005 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , IPN, .

03/2005 - Atual
Direção e administração, IPN, .

Cargo ou função
Diretor de Estudos e Pesquisa.
03/2003 - 12/2004
Direção e administração, IPN, .

Cargo ou função
Coordenador do Núcleo de Pesquisa Histórica.

Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, PM/RJ, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2015
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor I, Carga horária: 40

Atividades

09/2008 - 08/2015
Ensino,

Disciplinas ministradas
História
01/2012 - 12/2012
Ensino,

Disciplinas ministradas
A história dos Pretos Novos
O hosptial de escravos da Fazenda Santa Cruz
Religiosidade Brasileira

Casa de Oswaldo Cruz - Fiorcruz, COC-FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2011
Vínculo: Discente, Enquadramento Funcional: Doutorando

Atividades

02/2007 - 12/2011
Pesquisa e desenvolvimento , Casa de Oswaldo Cruz - Fiorcruz, .


Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2006
Vínculo: Discente, Enquadramento Funcional: Mestrando

Atividades

02/2004 - 03/2006
Pesquisa e desenvolvimento , IFCS, .

Linhas de pesquisa
História e Sociedade

Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2004
Vínculo: Discente, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação científica

Atividades

01/2003 - 12/2003
Estágios , Centro de Educação e Humanidades, Faculdade de História.

Estágio realizado
Óbitos de escravos na freguesia de Inhaúma na segunda metade do século XIX.


Linhas de pesquisa


1.
Projeto de Revitalização do Instituto de Pesquisa Pretos Novos
2.
Elaboração de Pesquisas relacionadas à temática dos sepultamentos de escravos
3.
Relações raciais voltadas para os aspectos sócio - culturais e históricos dosafrodescendentes
4.
Relações raciais voltadas para os aspectos sócio - culturais e históricos dosafrodescendentes
5.
Relações raciais voltadas para os aspectos sócio-culturais e históricos dos afrodescendentes
6.
Saúde e Escravidão
7.
História da Medicina e das Doenças
8.
História e Sociedade


Projetos de pesquisa


2016 - 2017
Produção cafeeira e escravismo em Santo Antônio de Pádua de 1833 a 1850
Descrição: Este projeto consiste em verificar os vestígios da escravidão deixada pela produção cafeeeira em Santo Antônio de Padua, de 1833 a 1850, ainda presentes no cotidiano da Região Noroeste, verificadas na arquitetura, na cultura material e imaterial ainda presentes em nosso dia a dia, mas que ainda não foram observadas a partir de um olhar histórico culural que vise resgatar o passado para compreender o presente..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Julio Cesar Medeiros da Silva Pereira - Coordenador / JOVENTINA MARIA INES - Integrante / PATRICIA GERVAZIO DE MELO - Integrante / HIGOR DE LIMA MOREIRA - Integrante / Juliana Silva da Silva - Integrante / Oumuo Kalson - Integrante / Thuany Rezende - Integrante / Deodoro Bento - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal Fluminense - Outra.
2016 - Atual
Núcleo de Estudos e Pesquisa SANKOFA: Relações étnico raciais, memória, cidadania e Direitos Humanos
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Julio Cesar Medeiros da Silva Pereira - Coordenador / Claudio de Paula Honorato - Integrante / HIGOR DE LIMA MOREIRA - Integrante / Juliana Silva da Silva - Integrante / Justes Axel Samba Tomba - Integrante / Silvio Cezar de Souza Lima - Integrante / Reinaldo Dias da Silva - Integrante.
2016 - Atual
Escravidão e Memória na Região Noroeste, de 1833 a 1888.
Descrição: Esta pesquisa se propõe a investigar como viviam os escravizados, nossos antepassados e em quais situações se encontram os seus descendentes, nas diversas comunidades afro-descentes a partir de um viés histórico-critico e cultual. Cabe então ressaltar que, o que será valorizado será as experiências dos africanos e seus descendentes no Brasil nestes três últimos séculos e seus desdobramentos que culminam, nos dias de hoje, em uma sociedade extremamente desigual e excludente como a brasileira. A memória é chave fundamental para o resgate deste passado que, passará ser estudado a partir de cada região, onde poderá ser feito estudo. Espera-se que o trabalho desenvolvido possa ajudar a intervir no presente através de ações socioeducativas que visem promover os Direitos Humanos. Assim, poder-se-á de forma mais eficaz, e visível, contribuir não apenas para o resgate da memória dos povos escravizados como, de alguma forma, ajudar a pensar e propor ações eficazes no combate à discriminação e o preconceito.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Saúde e adoecimento de Populações remanescentes eafrodescendentes no Rio de Janeiro
Descrição: Esta pesquisa visa levantar dados relativos aos principais fatores de saúde e adoecimento das comunidades remanescentes de afrodescendentes no Rio de Janeiro, em seu perímetro urbano, a partir de um visão histórico-cultural capaz de demonstrar a situação de fragilidade social em que se encontram os remanescentes quilombolas, bem como suas estratégias de sobrevivência relacionada as suas práticas e saberes passados de geração a geração..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2011
Escravidão, Raça e Saúde
Descrição: O grupo reúne pesquisadores interessados no tema saúde, raça e escravidão, promovendo a interlocução entre os seus trabalhos. Também busca incentivar estudos de alunos de cursos de mestrado e doutorado e de nível de iniciação científica sobre o assunto. Inscrevendo-se na história social da cultura e das ciências, estabelece um diálogo estreito com as historiografias sobre escravidão e sobre saúde, contemplando um objeto pouco privilegiado por ambas. Entre as repercussões dos trabalhos dos pesquisadores envolvidos, destacam-se: desenvolvimento de projetos de pesquisa que contam com apoio do CNPq-Fiocruz; organização de simpósios em eventos científicos; elaboração de exposição sobre o tema; oferecimento de disciplina em Programa de Pós-graduação; e promoção de debates com pesquisadores da escravidão e da saúde..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2006
História do Brasil Império
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2003
Óbitos de escravos na freguesia de Inhaúma na segunda metade do século XIX. 2003
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de desenvolvimento


2005 - Atual
Projeto de Revitalização do Instituto de Pesquisa Pretos Novos
Descrição: A qualidade de nossa ação se fundamenta da necessidade de se resgatar as informações que podem ser obtidas através dos documentos relacionados ao CPN, enquanto testemunha de um passado que atualmente passa a ser valorizado, um exemplo claro disto é a lei federal de n. 10.639/03 que determina o estudo da história da África, dos africanos e da cultura negra no Brasil seja incluída nos currículos das escolas de ensino médio e fundamental. Alem disto, podemos verificar que existem inúmeras campanhas e projetos buscando desconstruir imagens distorcidas que existem a cerca da África e da cultura negra. Queremos ser mais um desses instrumentos difusores de informações de qualidade para um público cada vez maior, haja vista o número considerável de pessoas que nos visitam anualmente (...) Acreditamos que a informação é o único meio de criarmos cidadãos conscientes do seu papel na sociedade e reforçar a cultura plural que esteja vinculada à paz, ou seja, uma sociedade mais justa, livre para aceitar e conviver com as diferenças..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.


Outros Projetos


2016 - 2017
Produção cafeeira e escravismo em Santo Antônio de Pádua de1833 a 1850
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Revisor de periódico


2011 - 2011
Periódico: Ciência Hoje
2014 - 2014
Periódico: História, Ciências, Saúde-Manguinhos (Impresso)


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2013
Título de Sócio Honorífico, Instituto de Pesquisa e Memória Pretos Novos.
2008
Concurso público para Docente I - História, Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro.
2007
Prêmio Ori 2007, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro/Secretaria de Culturas.
2006
CONCURSO DE SELEÇÃO DE MONOGRAFIA ARQUIVO GERAL DA CIDADE DO RJ/Prêmio Afonso Carlos Marques dos Santos ? 2006, Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro. 1º Lugar com a dissertação de mestrado.
2006
Concurso público para Guarda Municipal, Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:1
Total de citações:1
Pretos novos  Data: 01/05/2012

Artigos completos publicados em periódicos

1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.2014PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Ainda à flor da terra: o cemitério dos pretos novos, no Rio de Janeiro. Estudos Afro-Asiáticos (UCAM. Impresso), v. 34, p. 5-25, 2014.

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.2014PEREIRA, Julio. C. M. da S.. As duas evidências: as implicações acerca da redescoberta do cemitério dos Pretos Novos. Revista do Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro, v. 8, p. 331-343, 2014.

3.
1PEREIRA, Julio. C. M. da S.2013PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Revisitando o Valongo: Mercado de Alams, Lazareto e Cemitério de Africanos no Portal do Atlânitico (A cidade do Rio de Janeiro no século XIX). Revista de História Comparada (UFRJ), v. 7, p. 218-243, 2013.

4.
4PEREIRA, Julio. C. M. da S.2009PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Práticas de saúde, doenças e sociabilidade escrava na Imperial Fazenda de Santa Cruz, da segunda metade do século XIX. Histórica (São Paulo. Online), v. 35, p. 01-16, 2009.

5.
3PEREIRA, Julio. C. M. da S.2008PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Uma reprodução simbólica do universo social: o sepultamento de escravos no cemitério dos Pretos Novos, no Rio de Janeiro dos séculos XVII a XIX. Sankofa (São Paulo), v. 1, p. 20-45, 2008.

6.
2PEREIRA, Julio. C. M. da S.2002PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Germinal. Morte e Sepultamento de Pretos Novos no Rio de Janeiro do século XIX.. Habitus, v. 10, p. 173-185, 2002.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Trabalho, folga e cuidados terapêuticos: A sociabildiade escrava na Imperial Fazenda de Santa Cruz, na segunda metade do século XIX. 1ª. ed. Curitiba: Editora Prismas, 2016. 299p .

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Kilane Kweza: um guerreiro muito capaz. 1. ed. Rio de Janeiro: Biblioteca Nacional / Universo dos Livros, 2014. 56p .

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. À flor da terra: o Cemitério dos Pretos Novos no Rio de Janeiro. 2ª edição. Rio de Janeiro: Garamond, 2014. 2ª. ed. Rio de Janeiro: Editora Garamond, 2014. 196p .

4.
ANJOS, Merced ; PEREIRA, Julio. C. M. da S. . A saga dos Pretos Novos. 4ª. ed. Rio de Janeiro: Governo do Rio de Janeiro/Cultura, 2011. v. 3000. 20p .

5.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. À Flor da terra: O Cemitério Dos Pretos Novos No Rio De Janeiro. 1ª. ed. Rio Janeiro: Prefeitura do Rio de Janeiro/Garamond, 2007. 204p .

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Escravos à flor da terra. Revista Isto É, p. 1, 14 mar. 2017.

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. 'Um drama africano no Rio'. O Globo, Rio de Janeiro, p. 1, 10 jul. 2007.

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Do navio negreiro à sepultura. Nossa História, Brasil, p. 74 - 77, 01 jun. 2006.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O céu por testemunha: Morte e sepultamento de escravos recém-chegados no Rio de Janeiro do século XIX. In: III Encontro da Associção Brasileira de Estudos Cemiteriais, 2008, Goânia-Goáis. III Encontro da Associação Brasileira de Estudos Cemiteriais, 2008.

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Práticas de curar e doenças na comunidade escrava da Imperial Fazenda de Santa Cruz, na segunda metade do século XIX. In: XXIII Encontro de história ANPUH-Rio Identidades, 2008, Rio de Janeiro. Identidades, 2008.

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Assim na terra como no céu:morte e desigualdade social no Rio de Janeiro do séc. XIX. In: XII encontro Regional de História; Usos do passado, 2006, Rio de Janeiro. Usos do Passado, 2006.

4.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O Cemittério dos Presto Novos. In: I Encontro sobre Cemitérios Brasileiros, 2004, São Paulo. I encontro sobre Cemitérios Brasileiros, 2004.

5.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O Cemitério dos Pretos Novos. In: I Encontro sobre Cemitérios Brasileiros, 2004, São Paulo. História: Guerra e Paz. Londrina: Editorial Mídia, 2004. p. 274.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Jesuítas, saúde e escravidão na Fazenda Santa Cruz: tradições, esperanças e sociabilidade escrava. In: XXV Simpósio Nacional de História (ANPUH) História e Ética, 2009. XXV Simpósio Nacional de História - História e Ética. Fortaleza: Fortaleza, Editora, 2009. v. Vol I. p. 394-394.

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Os Pretos novos que não chegaram a velhos: morte e sepultamento de escravos recém-cehgados, no Rio de Janeiro da primeira metade do sec. XIX. In: XXIII Simpósio Nacional de História (ANPUH) - História: Guerra e paz, 2005, Londrina - Paraná. XXIII Simpósio Nacional de História, 2005.

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Tráfico Transatlantico e População Escrava do Rio de Janeiro. In: 12ª Semana de Inbiciação Científica, 2003, Rio de Janeiro. Semana de Iniciação Cietífica. Rio dfe Janeiro: NAPE/DEPEXT/SR-3/UERJ, 2003.

4.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Tráfico Transatlantico e população escrava no Rio de Janeiro durante o se. XIX. In: 12ª Semana de Iniciação Cientifica (UERJ), 2003, Rio de janeiro. 12ª Semana de iniciação científica, 2003.

Apresentações de Trabalho
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Era Vargas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Vida e morte da Diáspora: os Pretos Novos na Gamboa. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O Hospital de Escravos da Imperial Fazenda Santa Cruz. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Escravidão, África e Brasil: a morte em uma perspectiva biocultural. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. À flor da Terra: Morte e sepultamento de escravos recém-chegados no Cemitério dos Pretos Novos, no Rio de Janeiro do século XIX. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. A importância do Cemitério dos Pretos Novos para a manutenção da memória dos Afro-descendentes no Brasil. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Parecer para artigo submetido na CLIO: Revista de Pesquisa Histórica. 2017.

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. 'Saúde, doenças e óbitos: as experiências dos africanos livres e escravos...'. 2014.

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. 'Cemitério dos Pretos Novos: questões da escravidão revisitadas'. 2011.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
PEREIRA, J. C. M. S. ; CUNHA, W. D. S. ; MORAES, D. P. Y. ; PINHEIRO, M. L. ; PEREIRA, Julio. C. M. da S. . Tráfico Negreiro, Resistências e Apropriações. 2014. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Tráfico Negreiro, Resistências e Apropriações. 2014. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Miriam Leitão visita sítio arqueológico onde eram enterrados os 'pretos novos', no tempo da escravidão. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Um doloroso enigma de 200 anos. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O Rio ganhou dois presentes da história. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

6.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Pesquisadores tentam descobrir a origem dos escravos mortos ao chegar ao Brasil. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

7.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. DNA Revela a origem dos escravos. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

8.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.; HONORATO, C. P. ; TAVARES, R. B. . O Cemitério dos Pretos Novos. 2010. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

9.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. À flor da terra: o cemitério dos pretos novos no Rio de Janeiro. 2007. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

10.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Escravos à flor da terra. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O Hospital de escravos da Imperial Fazenda Santa Cruz. 2011. .

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. História dos Pretos Novos. 2010. .

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O Rio de Janeiro se fez Moderno 1860/1930. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O Cemitério dos Pretos Novos. 2006 (DVD do Instituto de Pesquisa e Memória Pretos Novos).

Demais trabalhos
1.
VALENTTE, L. ; PEREIRA, Julio. C. M. da S. . "Um drama africano no Rio", entrevista dada a Leonardo Valente, jornal O Globo. 2007 (Entrevista) .

2.
MENDES, D. ; PEREIRA, Julio. C. M. da S. . "Escravos à flor da terra", entrevista dada a Daniela Mendes, Revista ISTO É. 2007 (Entrevista) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
QUINTANA, E.; LIMA, S. C. S.; PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Participação em banca de JOSIANI VENTURA DA SILVA RODRIGUES. HISTÓRIA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA SOB A PERSPECTIVA DE UM PLANEJAMENTO INTERDISCIPLINAR. 2018. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Pedagogia) - Universidade Federal Fluminense / INFES.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Participação em banca de Andréa Salgueiro da Costa.Mercado de Escravos. Cemitério dos Pretos Novos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Educacional Duque de Caxias.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Professor titular
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.; OLIVEIRA, Marques; SOUZA, R.. Concurso para Professor Titular. Ciências Sociais. 2014. Instituto do Noroeste Fluminense de Educação Superior da UFF.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Agenda Acadêmica UFF.Grandes Fazendas e Escravarias no Noroeste Fluminense. 2017. (Outra).

2.
Seminário Escravidão e Ações de Liberdade- Acervo e Reflexões.Saúde Pública. 2017. (Seminário).

3.
V Semana de Desenvolvimento Acadêmico.Grandes fazendas e escravarias: vestígios do sistema escravista em Santo Antonio de Pádua, 1833 a 1850. 2017. (Outra).

4.
II Seminário de Educação do Campo.As contribuições do 'Fazer-se' em E. P. Thompson à Educação do Campo. 2015. (Seminário).

5.
I Novembro Negro.O debate acerca da maior penal. 2015. (Outra).

6.
Workshop Saúde e Escravidão.Grandes Escravarias da Região Centro Norte Fluminense: saúde e fatores de adoecimento. 2015. (Outra).

7.
XII Encontro de História: Sankofa, ressignificando a história da África.Escravidão África e Brasil: a morte em uma perspectiva biocultural. 2010. (Simpósio).

8.
XI Semana da História e Geografia: Espaço e Tempo na construção da sociedade: um olhar sobre a Zona Oeste.A saúde escrava na Imperial Fazenda Santa Cruz. 2009. (Simpósio).

9.
XI Semana de História.A saúde escrava na Imperial Fazenda Santa Cruz,. 2009. (Outra).

10.
XXV Simpósio Nacional de História (ANPUH) História e Ética.Jesuítas, saúde e escravidão na Fazenda Santa Cruz: tradições, esperanças e sociabilidade escrava. 2009. (Simpósio).

11.
III Encontro Nacional da Associação Brasileira de Estudos Cemitériais (ABEC).O céu por testemunha: morte e sepultamento de escravos recém-chegados no Rio de Janeiro. 2008. (Encontro).

12.
Palestra na aula inaugural do curos de história da faculdade Moacir Sereder Bastos.Considerações sobre um cemitério à flor da terra. 2008. (Outra).

13.
XXIII Encontro de História ANPUH-Rio Identidades.Praticas de curar e mobilidade social na Imperial Fazenda de Santa Cruz, na segunda metade do século XIX. 2008. (Simpósio).

14.
Quartas no Arquivo.À flor da terra: Morte e sepultamento de escravos recém-chegados no Cemitério dos Pretos Novos, no Rio de Janeiro do seculo XIX. 2006. (Outra).

15.
A importâmcia do Cemitério dos Pretos Novos para a preservação da memória dos afro-brasileiros.tributos aos Pretos Novos. 2005. (Outra).

16.
I Jornada de Estudos históricos do Programa de Pós-Graduação em História Social.À flor da terra: Morte e sepultamento de escravos recém-chegados, no Cemitério dos Pretos Novos. 2005. (Outra).

17.
XXIII Simpósio Nacional de História (ANPUH) - História: Guerra e paz.Os Pretos novos que não chegaram a velhos: morte e sepultamento de escravos recém-cehgados, no Rio de Janeiro da primeira metade do sec. XIX. 2005. (Seminário).

18.
I Encontro sobre Cemitérios Brasileiros.O cemitério dos Pretos Novos. 2004. (Encontro).

19.
12ª Semana de Iniciação Cientifica (UERJ).Tráfico Transatlantico e população escrava no Rio de Janeiro durante o se. XIX. 2003. (Outra).

20.
Semana de História.Os Pretos Novos que não chegaram a Velhos. 2003. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Mini-curso: Raça, imigração e Eugênia no Brasil, de 1870 a 1940. 2013. (Outro).

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Mini-curso: O discurso Racial e sua aplicação no Brasil durante o sec. XIX. 2012. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Juliana Silva da Silva. A educação popular na Imperial Fazenda de Santa Cruz, na segunda metade dos século XIX. Início: 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Instituto do Noroeste Fluminense de Educação Superior da UFF. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Paulo Vitor de Souza Pinto. A Igreja Católica na HIstória da Educação Popular do Campo no Brasil (1960-1980). 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Licenciatura Interdisciplinar em Educação do Campo) - Insitituto do Noroeste Fluminense de Educação Superior. Orientador: Julio Cesar Medeiros da Silva Pereira.

2.
Maria Domenique Lourenço Fortes. Brincadeiras populares como metodologia para o ensino e consolidação da Educação em e para os Direitos Humanos. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Pedagogia) - Universidade Federal Fluminense / INFES. Orientador: Julio Cesar Medeiros da Silva Pereira.



Educação e Popularização de C & T



Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Pesquisadores tentam descobrir a origem dos escravos mortos ao chegar ao Brasil. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. DNA Revela a origem dos escravos. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

3.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Miriam Leitão visita sítio arqueológico onde eram enterrados os 'pretos novos', no tempo da escravidão. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. À flor da terra: o cemitério dos pretos novos no Rio de Janeiro. 2007. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

5.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Um doloroso enigma de 200 anos. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

6.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. O Rio ganhou dois presentes da história. 2011. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

7.
PEREIRA, Julio. C. M. da S.. Escravos à flor da terra. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).



Outras informações relevantes


Eu colei grau no curso de história da Faculdade de Formação de Professores da Universidade Estadual do Rio de Janeiro em São Gonçalo (FFP-UERJ). A minha dissertação versava sobre o então recém-descoberto: Cemitério dos Pretos Novos, o que me fez aproximar cada vez mais da temática da escravidão sob a ótica da história cultural. 
A continuidade deste tema no Mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, sob orientação do prof. Dr. José Murilo de Carvalho, e defendida em mesa composta pelo Prof. Dr. Manolo Florentino e a Prof.ª Dr.ª Claudia Rodrigues me rendeu como prêmio a publicação da dissertação, em forma de livro intitulado ?À flor da terra: O Cemitério dos Pretos Novos no Rio de Janeiro? publicado em 2007 pela Prefeitura do Rio de Janeiro em parceira com a editora Garamond. 
No mesmo ano, ingressei no Doutorado em História da Ciência e da Medicina na Fiocruz, onde, primeiro orientado pela prof.ª Dr.ª Ângela Porto e,depois por motivo da aposentadoria desta, pela Prof.ª Lorelai Kury, desenvolvo o tema relacionado à saúde dos escravos da Imperial Fazenda de Santa Cruz. 
Em 2006 publiquei um artigo intitulado ?Do navio à sepultura? na Revista Nossa História da Biblioteca Nacional?. Recentemente tive a oportunidade de publicar um artigo, sobre o tráfico negreiro e mortalidade escrava nesta tão conceituada revista. Alem disto, tenho coordenado o departamento de pesquisa do Instituto de Pesquisa Pretos Novos fundado em 1996, no local onde o cemitério foi redescoberto.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/12/2018 às 11:02:12