Danival Vieira de Freitas

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4340702267632033
  • Última atualização do currículo em 03/02/2018


Danival Vieira de Freitas é graduado em Engenharia Florestal pela Universidade Federal de Viçosa (2003) - foi estudante de Iniciação Científica (1998 - 2002) no Instituto de Biotecnologia Aplicada e Agropecuária com ênfase na interação Molecular planta-patógeno. Mestre em Ciências de Florestas Tropicais pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (2005) e doutor em Biotecnologia na área de concentração agroflorestal pela Universidade Federal do Amazonas (2009). É professor da Universidade Federal de Goiás / Regional Jataí e Presidente da Comissão de Implantação e Estruturação do Parque Científico e Tecnológico de Jataí. Atualmente, coordena o Comitê de avaliação Técnica -AGROINDÚSTRIA E ALIMENTOS, no âmbito das atividades relacionadas à política de fomento à inovação tecnológica, da Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação, do MCTIC. Fundou a Biotech Amazonia ? empresa criada como spin-off acadêmico de base tecnológica - constituída em 2009, com o objetivo de pesquisar e desenvolver biomoléculas recombinantes e novas enzimas. Tem experiência em Biotecnologia aplicada ao agronegócio, prospecção tecnológica e gestão do conhecimento. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Danival Vieira de Freitas
Nome em citações bibliográficas
FREITAS, D. V.;Freitas, Danival Vieira de

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Goiás.
Br 364, Km 192, no. 3.800
Parque Industrial
75801-615 - Jatai, GO - Brasil
Telefone: (64) 36068246
URL da Homepage: http://www.jatai.ufg.br


Formação acadêmica/titulação


2006 - 2009
Doutorado em Biotecnologia.
Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
Título: Caracterização genômica e molecular do guaranazeiro (Paullinia cupana var. sorbilis), Ano de obtenção: 2009.
Orientador: Spartaco Astolfi Filho.
Palavras-chave: Genômica funcional; Citometria; Expressão gênica; Espécie florestal amazônica; Poliploidia.
Grande área: Ciências Agrárias
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Vegetal / Especialidade: Citometria de Fluxo.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular / Especialidade: Expressão gênica.
Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.
2003 - 2005
Mestrado em Ciências de Florestas Tropicais.
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
Título: CARACTERIZAÇAO GENÉTICA E PROPAGAÇÃO IN VITRO DE PAU-ROSA (Aniba rosaeodora Ducke),Ano de Obtenção: 2005.
Orientador: Luis Antônio Serrão Contim.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Citogenética; Citometria; conservação genética; propagação in vitro.
Grande área: Ciências Agrárias
Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Silvicultura / Especialidade: Genética e Melhoramento Florestal.
Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Silvicultura / Especialidade: Propagação in vitro de espécies florestais.
Setores de atividade: Produção Florestal; Pesquisa e desenvolvimento científico.
1998 - 2002
Graduação em Engenharia Florestal.
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Título: Testes realizados in vitro com fungicidas para controle de Rhizoctonia solani e Botrytis cinerea em viveiros florestais.
Orientador: Acelino Couto Alfenas.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.




Formação Complementar


2015 - 2015
Formação em Inovação. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2014 - 2014
Capacitação em gestão da inovação. (Carga horária: 40h).
Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras, ANPEI, Brasil.
2012 - 2012
Planejamento estratégico das IFEs da região CO. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2009 - 2009
Sequenciamento e análisa de fragmentos. (Carga horária: 40h).
Life Tecnologies, LIFE TEC, Brasil.
2007 - 2007
Propriedade Intelectual: Proteção &Comercialização. (Carga horária: 16h).
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
2006 - 2006
Expressão heteróloga de proteínas em células. (Carga horária: 45h).
Instituto Butantan, IBU, Brasil.
2005 - 2005
APLICAÇÕES DA CITOMETRIA DE FLUXO NO MELHORAMENTO. (Carga horária: 3h).
Sociedade Brasileira de Melhoramento de Plantas, SBMP, Brasil.
2003 - 2003
Empreendedorismo em negócios e desenvolvimento. (Carga horária: 60h).
Instituto internacional de Educação do Brasil, IIEB, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Atualmente exerce a função de: 1) vice-coordenador do curso de Engenharia Florestal e; 2) coordenador de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica da Instituição. Mentor do projeto Parque Científico e Tecnológico de Jataí, que está em fase de implantação, possibilitando a criação do Centro de Empreendedorismo e Incubação de Empresas, e do projeto "Jataí: cidade inteligente, humanizada, sustentável e conectada".

Atividades

10/2014 - Atual
Direção e administração, CAJ, .

Cargo ou função
Coordenador da Empresa Junior Forestalis.
06/2013 - Atual
Direção e administração, CAJ, .

Cargo ou função
Vice-coordenador do curso de engenharia florestal.
05/2012 - Atual
Direção e administração, CAJ, .

Cargo ou função
Coordenador de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica.
05/2010 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , CAJ, .


Centro Universitário Nilton Líns, UNI NILTON LÍNS, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2010
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

06/2009 - Atual
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Biologia Celular e Molecular I
Imunologia
04/2009 - Atual
Direção e administração, Centro Universitário Nilton Lins, .

Cargo ou função
Coordenador de Iniciação Científica.
01/2009 - Atual
Direção e administração, Centro Universitário Nilton Lins, .

Cargo ou função
Coordenador do Laboratório de Biotecnologia Vegetal.
01/2009 - Atual
Ensino, Biologia Urbana, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
BOTÂNICA APLICADA AO AMBIENTE URBANO
BIOTECNOLOGIA APLICADA AO AMBIENTE URBANO
06/2006 - Atual
Ensino, Biologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bioquímica
Genética Molecular
Genética & Embriologia
04/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro Universitário Nilton Lins, .

01/2008 - 12/2010
Direção e administração, Centro Universitário Nilton Lins, .

Cargo ou função
Comissão de Seleção do Mestrado (profissional) Biologia Urbana.
12/2009 - 12/2009
Ensino, Voz, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Biofísica
10/2009 - 10/2009
Ensino, Fisioterápia traumo-ortopédia e saúde pública, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Trabalho de conclusão de curso
10/2009 - 10/2009
Ensino, Saúde da Familia & Ensino superior, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Trabalho de Conclusão de Curso -TCC
09/2009 - 09/2009
Ensino, Audiologia, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Estudos genéticos na perda auditiva
06/2009 - 06/2009
Ensino, Fisioterápia neurofuncional e pneumofuncional, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Ética e Bioética
01/2008 - 12/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro Universitário Nilton Lins, .

Cargo ou função
Comissão de avaliação do Prêmio Amazônia e Cidadania - I Ed., Categoria Biologia Urbana.
06/2006 - 06/2008
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bases Biológicas em Saúde II
Genética e Embriologia
06/2006 - 06/2007
Ensino, Medicina veterinária, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Gestão de Agronegócio Sustentável

Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2009
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Bolsista Pesquisa, Carga horária: 20


Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2005
Vínculo: Bolsista Pós-Graduação, Enquadramento Funcional: Mestrado, Carga horária: 40


Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 2003
Vínculo: Bolsista PIBIC/CNPq, Enquadramento Funcional: Iniciação Cientifica, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsa PIBIC/CNPq de Iniciação Científica Departamento de Fitopatologia - Núcleo de Biotecnologia Aplicada a Agropecuária - Laboratório de Genética da Interação Planta-Patógeno



Linhas de pesquisa


1.
Genética & Melhoramento Florestal
2.
Conservação e uso de recursos genéticos florestais

Objetivo: Conservação e uso de recursos genéticos florestais.
3.
Biotecnologia de Plantas (Enfase espécies florestais)
4.
Biotecnologia Florestal
5.
Gestão do Conhecimento


Projetos de pesquisa


2008 - 2013
CARACTERIZAÇÃO MORFOLÓGICA E GENÉTICA DE MATRIZES DE ESPÉCIES NATIVAS DE OCORRÊNCIA NO BIOMA CERRADO
Descrição: Recursos genéticos representam o repositório de variabilidade genética potencial para os programas de melhoramento das espécies cultivadas. Por sua vez, a existência da variação é a condição precípua para que o melhoramento e a evolução das espécies possam ocorrer. Várias espécies de ocorrência no Bioma Cerrado apresentam pouco ou nenhum estudo relativo à sua variabilidade, conservação e propagação. Assim, o presente trabalho foca no estudo da variabilidade genética, conservação e propagação de espécies de ocorrência no Bioma Cerrado, sendo uma com potencial para uso na produção de biodiesel e as demais na produção de frutos, palmitos e/ou fins ornamentais. As espécies em estudo serão: Macaúba - Acrocomia aculeata (Jacq.) Lodd. (Família Arecaceae); Gueiroba - Syagrus oleracea Becc. (Família Arecaceae); Gabiroba - Campomanesia spp (Família Myrtaceae) e Cajuzinho-do-cerrado - Anacardium humile A. St.-Hil. (Família Anacardiaceae). Estudos com essas espécies são raros, em sendo realizados, possibilitará a obtenção de informações importantes para a manutenção da biodiversidade das mesmas e a possibilidade de utilização como fonte de renda em cultivo comercial, principalmente quando o foco for a agricultura familiar. Serão feitas coletas, multiplicação e implantação de um banco de recursos genéticos local com uma réplica na Universidade Federal de Viçosa. Esses materiais serão caracterizados morfo-agronomicamente e através de marcadores de DNA, sendo as informações processadas e estimada a diversidade genética. Espera-se, com a parceria e apoio do programa consolidado (Genética e Melhoramento da Universidade Federal de Viçosa), consolidar o grupo de pesquisa com plantas nativas no Campus Jataí e estruturar um banco de recursos genéticos para futuros trabalhos, além de formação de recursos humanos de qualidade e geração de conhecimento..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (3) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Integrante / Edesio Fialho dos Reis - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Embriogênse somática em Paullinia cupana (guaranazeiro): propagação massal clonal de genótipos elite e produção de compostos com potencial biotecnológico
Descrição: a) Indução de linhagens celulares embriogênicas de guaranazeiro; b) Estabalecimento de suspensões celulares; c) Maturação de embriões somáticos e regeneração de plântulas.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Integrante / Antônio Luis Serrão Contim - Integrante / André Luis Wendt dos Santos - Coordenador / Acilino do Carmo Canto - Integrante.Financiador(es): Banco da Amazônia - Belém - Auxílio financeiro.
2008 - 2009
Identificação de genes envolvidos na biossíntese de terpenos em pau-rosa: potenciais ferramentas biotecnológicas para engenharia metabólica da síntese de terpenos em plantas
Descrição: Muitas espécies pertencentes à família Lauraceae são aromáticas, dentre elas o pau-rosa (Aniba rosaeodora). O Óleo essencial de pau-rosa apresenta alta complexidade, rico em terpenos, principalmente o linalol. Os terpenos são o mais diverso conjunto de produtos naturais conhecidos e estão envolvidos em rotas de sinalização química e defesa contra patógenos e pragas, o que tem levado ao isolamento de enzimas envolvidas na sua biossíntese em diversas espécies para uso em engenharia metabólica em plantas. A biossíntese de terpenos ocorre a partir de metabólitos primários em pelo menos duas rotas distintas, a rota citoplasmática do ácido mevalônico e a rota biossintética plastídica. Considerando a alta eficiência do pau-rosa na biossíntese de terpenos, o presente projeto tem como objetivo principal identificar genes envolvidos nesta rota em pau-rosa, com a utilização de oligonucleotídeos degenerados. A identificação destes genes em pau-rosa deverá contribuir para o avanço da nossa compreensão sobre a biossíntese de terpenos e dos mecanismos de sinalização e defesa de plantas, auxiliando o desenvolvimento biotecnológico de estratégias sustentáveis para a proteção de plantas cultivadas contra patógenos e pragas...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.
2006 - Atual
Programa interinstitucional de conservação, melhoramento genético e biotecnologia de pau-rosa (Aniba rosaeodora, Ducke) e espécies relacionadas: Subsídios para o desenvolvimento sustentável e exploração racional da espécie
Descrição: Aprovado pelo Edital CT-AMAZONIA/MCT/CNPq nº 27/2005. Devido à exploração desordenada, as populações naturais de pau-rosa foram praticamente dizimadas, existindo um pequeno número de indivíduos remanescentes em reservas florestais, com conseqüente enfraquecimento de uma atividade econômica importante para a região. Entre as principais limitações para o desenvolvimento de uma tecnologia, que vise a conservação e a exploração da espécie em um modelo racional, podemos citar a escassez de informações sobre a variabilidade natural da espécie e a dificuldade para a produção de mudas. Propõe-se com este projeto estudar a variabilidade genética e química remanescente da espécie, os mecanismos de regulação gênica da rota de síntese de linalol, a montagem de uma coleção representativa da espécie, a seleção de progênies superiores quanto ao teor e qualidade de óleo, o desenvolvimento de uma tecnologia eficiente para a produção de mudas em larga escala e, a articulação para a aplicação das tecnologias geradas aos segmentos produtivos do óleo essencial de pau-rosa. A seleção de progênies superiores e a disponibilidade de material vegetal para plantios, além de fornecer matéria-prima superior ao setor produtivo, contribuindo com a qualidade do produto final, com conseqüente agregação de valor, contribui de forma ativa à redução da exploração e conservação das populações nativas.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Integrante / Charles Roland Clement - Integrante / Antônio Luis Serrão Contim - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2006 - Atual
Genômica funcional aplicada na produção de metabólitos de interesse em copaíba (Copaifera sp)
Descrição: O presente projeto visa identificar as seqüências gênicas envolvidas nas vias metabólicas que conduzem à biossíntese de muitos compostos de elevado interesse econômico em copaíba (Copaifera sp). Conseqüentemente determinar qualitativamente e quantitativamente os níveis destes transcritos, diferencialmente expressas, a fim de caracterizar, e compreender as suas funções metabólicas nos diferentes tecidos da planta jovem e adulta, e de suspensões celulares submetidas a diferentes elicitores (Subprojeto ?Cultivo in vitro e produção de metabólitos de interesse em copaíba (Copaifera sp)?). Os resultados no futuro podem auxiliar na condução da criação de novas ferramentas para a engenharia metabólica da espécie..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Coordenador / André Luis Wendt dos Santos - Integrante / Ana Paula Rodrigues Bastos - Integrante / Leonardo Carnevalli Dias - Integrante / Valdir Florêncio da Veiga Jr. - Integrante / Carlos Gustavo Nunes Silva - Integrante.Financiador(es): Centro Universitário Nilton Lins - Outra.
2004 - 2008
Genôma Funcional de Paullinia cupana (guaranazeiro)
Descrição: Projeto executado pela REALGENE - Rede da Amazônia Legal de Pesquisas Genômicas. O guaranazeiro é uma Dicotiledonae, pertencente à família Sapindaceae, que possui cerca de 120 gêneros e 2000 espécies de árvores, arbustos e cipós. O gênero Paullinia possui aproximadamente 147 espécies, distribuídas na América tropical e subtropical. Dentre as espécies americanas, nove ocorrem na Amazônia brasileira, incluindo a Paullinia cupana (guaranazeiro). Para o guaraná destacam-se as seguintes propriedades: estimulante; afrodisíaca; ação tônica vascular; desinfetante intestina; combate a cólicas, nevralgias e enxaqueca; ação diurética. Devido a essas propriedades a compreensão dos genes expressos pelos diferentes órgãos do guaranazeiro é de grande importância para um aumento da rentabilidade do seu cultivo. Nesse contexto o presente projeto tem como objetivo geral a geração e análise de um banco de ESTs, para diferentes órgãos das planta do guaranazeiro.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2005
Caracterização genética e estratégia de reintrodução de populações de Pau-rosa [Aniba rosaeodora Ducke (Ducke, 1938)] em comunidades ribeirinhas da Amazônia Central
Descrição: Caracterização genética de populações remanescentes de Pau-rosa (Aniba rosaeodora) e manutenção de germoplasma in vitro por cultura de tecidos.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2005 - 2010
Arranjo da Cadeia Produtiva da Madeira do Médio Amazonas
Descrição: Serão executados trabalhos na Reserva Extrativista de Jutaí. Estudos socio-econômicos. Levantamentos de produtos madeireiros e não madeireiros utilizados pelos comunitários. Inventário florestal, e implementar módulos operacionais para o manejo florestal..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.


Projetos de desenvolvimento


2012 - Atual
Implantação do Parque Científico e Tecnológico de Jataí - JATAÍTECH
Descrição: No atual estágio da economia mundial, a inovação e o conhecimento passaram a ser requisitos fundamentais da competição global, constituindo a base da competitividade dos indivíduos, empresas, regiões e nações. O dinamismo econômico neste novo ambiente baseia-se, cada vez mais, na procura por produtos e processos diferenciados, dependentes do desenvolvimento intensivo de novas tecnologias e novas formas de organização. Para enfrentar os desafios colocados nesta nova fase da economia mundial, o país busca construir ambientes propícios ao aprendizado, de novas maneiras de produzir e organizar a produção, como forma de promover a competitividade de suas empresas e, por consequência, seu desenvolvimento econômico. Deste modo é apresentada a proposta de implantação do Parque Tecnológico de Jataí - JATAÍTEC, tendo a Universidade Federal Goiás/Câmpus Jataí ? UFG/CAJ como mantenedora do projeto. A UFG cumpre um papel central na criação de um Parque Tecnológico na região Sudoeste do Estado, dada sua dimensão e qualidade na formação de alunos de graduação e pós-graduação e a capacidade de desenvolvimento científico e tecnológico. Um eventual Parque Tecnológico, na região do Sudoeste Goiano, não poderia prescindir da UFG, nem esta poderia se omitir em um arranjo institucional de criação de um parque. A proposta do JATAÍTEC tem sido amplamente discutida e apreciada nas diversas instâncias e por todos os setores envolvidos. Internamente, a proposta foi aprovada pelo Conselho Diretor da UFG ? Câmpus Jataí, e conta com o apoio de parceiros estratégicos deste empreendimento, como é o caso da Prefeitura Municipal de Jataí; a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de Goiás; o Serviço Brasileiro de Apoio à Pequena e Média Empresa (SEBRAE-GO); Serviço Social da Indústria (SESI); Serviço Nacional de Aprendizagem (SENAC); e demais entidades empresariais e instituições de ciência e tecnologia do estado (principalmente a Universidade Estadual de Goiás ? UFG e o Instituto Federal Goiano - IFG)..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
2010 - 2012
Produção de DNA polimerase de Pyrococcus furiosus em Bactéria Escherichia coli
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Integrante / Andrade, Edmar V. - Integrante / Carlos Gustavo Nunes Silva - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2010 - 2012
Desenvolvimento de um kit didático para demonstração de regulação da expressão gênica em Escherichia coli
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Integrante / Andrade, Edmar V. - Integrante / Carlos Gustavo Nunes Silva - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2009 - 2011
Caracterização molecular do gene de determinação de sexo em abelhas sem ferrão da Amazônia
Descrição: Alguns grupos de insetos sociais estão ameaçados pelo declínio de suas populações, motivando pesquisadores, conservacionistas e até mesmo o poder público a uma atenção mais direcionada a este tipo de fauna. O mecanismo de determinação sexual (sl-CSD) das abelhas nativas brasileiras influi diretamente a estabilidade das populações destes insetos. Com o isolamento e caracterização do gene, espera-se a sua ampla utilização na caracterização da estrutura genética de populações gerando dados para programas de conservação de populações naturais na Amazônia.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Integrante / Carlos Gustavo Nunes da Silva - Coordenador / Spartaco Astolfi Filho - Integrante / Gislene Almeida Carvalho Zilse - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2006 - Atual
Desenvolvimento de estratégias para resistência de mogno à Hypsipylla grandela
Descrição: Levantamentos recentes sobre genótipos de S. macrophylla em relação à resistência a H. grandela indicam a inexistência de material resistente e a necessidade urgente do desenvolvimento de plantas resistentes, como uma forma efetiva de controle da broca do ápice das meliáceas e estabelecimento de plantios. Este projeto visa o desenvolvimento de estratégias de resistência de plantas de mogno à broca utilizando ferramentas biotecnológicas pelo engenheiramento da rota biossintética de terpenos em mogno.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Integrante / Antônio Luis Serrão Contim - Coordenador.Financiador(es): Fundação Nilton Lins - Auxílio financeiro.
2006 - Atual
Embriogênese somática de pau-rosa (Aniba rosaeodora Ducke): propagação clonal e conservação ex-situ de genótipos elite
Descrição: EDITAL MCT/CNPq/FNDCT N º 19/2009 EIXO 1 (bolsa de mestrado)..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Danival Vieira de Freitas - Integrante / André Luis Wendt dos Santos - Coordenador / Renata Barros Ribeiro - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2004 - Atual
Avaliação, caracterizaçao e seleção de plantas de interesse fitoterápico, fitocosmético e nutricêutico da flora Amazônica, visando a obtenção de matéria-prima de qualidade requerida pela indústria farmacêutica e de cosméticos
Descrição: Este projeto visa a realização de propecção de espécie com potencial para a obtenção de matéria-prima de qualidade requerida pela indústria farmacêutica e de cosméticos. O projeto preve, ainda, a avaliação molecular, a caracterizaçao bioquimica de plantas de interesse da flora Amazônica..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
2002 - 2004
Ecofisiologia e melhoramento genético de espécies arbóreas da Amazônia: Uma abordagem acadêmica-científica
Descrição: O projeto tem como objetivo gerar e associar informações ecológicas e fisiológicas à informações genéticas sobre espécies arbóreas amazônicas, com uma abordagem multidisciplinar. O projeto será executado como instrumento de consolidação do Núcleo de Biotecnologia Aplicada à Agrossilvicultura.
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Silvicultura/Especialidade: Biotecnologia Florestal.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Administração / Subárea: Gestão do Conhecimento.


Prêmios e títulos


2002
1º Lugar do Centro de Ciências Agrárias: "Identificação de marcador SCAR (Sequence Characterized Amplied Region) ligado ao gene Ppr1 em Eucalyptus grandis". XI Simpósio de Iniciação Científica, 2002, Universidade Federal de Viçosa.
2001
Menção Honrosa (Melhor Trabalho Fitopatologia): "Ppr1 - O primeiro gene de resistência à ferrugem (Puccinia psidii) mapeado em Eucalytus grandis", apresentado no X Simpósio de Iniciação Científica, Universidade Federal de Viçosa, 04 a 06/12/2000. Viçosa/MG.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
FERREIRA, W. C.2013FERREIRA, W. C. ; OLIVEIRA, P. R. ; CORREA, R. S. ; FREITAS, D. V. ; SANTOS, R. C. . ANÁLISE DE UM FRAGMENTO DE CERRADO DEGRADADO NO MUN ICÍPIO DE JATAÍ, GO COMO BASE DO PROCESSO DE RECUPERAÇÃO. Enciclopédia Biosfera, v. 9, p. 132, 2013.

2.
FREITAS, D. V.2011FREITAS, D. V.. ESTABELECIMENTO IN VITRO DE PAU-ROSA (Aniba rosaeodora Ducke): EFEITO DO BENOMYL COMO REGULADOR DE CRESCIMENTO. Enciclopédia biosfera, v. 07, p. 1-5, 2011.

3.
FERREIRA, W. C.2011FERREIRA, W. C. ; FREITAS, D. V. . AVALIAÇÃO SILVICULTURAL DE ESPÉCIES ARBÓREAS NATIVAS REGENERANTES EM UM POVOAMENTO FLORESTAL. Enciclopédia biosfera, v. 07, p. 01-01, 2011.

4.
Silva PP2010Silva PP ; CONTIM, L. A. S. ; FREITAS, D. V. ; ARIDE, P. H. R. ; SANTOS, A. L. W. . ESTABELECIMENTO IN VITRO DE ÁPICES CAULINARES DE SUMAÚMA (Ceiba pentandra L. Gaertn).. Scientia Agraria (UFPR. Impresso), v. 11, p. 437-443, 2010.

5.
ARIDE, P. H. R.2010ARIDE, P. H. R. ; ARIDE, Paulo Henrique Rocha ; Ferreira, M. ; Miranda, A. ; DUARTE, R. M. ; FREITAS, D. V. ; Santos, A.L.W ; Nozawa, S.R. ; Val, Adalberto Luis . Ascorbic Acid (Vitamin C) and Iron Concentration in Tambaqui, Colossoma macropomum, Iron Absorption. Journal of the World Aquaculture Society, v. 41, p. 291-297, 2010.

6.
LOBO, IM2009LOBO, IM ; FREITAS, D. V. ; NUNES-SILVA, CG ; ASTOLFI-FILHO, S . Guaraná da Amazônia: desvendando os segredos genéticos da lendária planta. Ciência Hoje, v. 43, p. 30-35, 2009.

7.
FREITAS, D. V.;Freitas, Danival Vieira de2008FREITAS, D. V.; Carvalho, CR ; NASCIMENTO FILHO, F. J. ; ASTOLFI-FILHO, S. . Karyotype with 210 chromosomes in guaraná ( Paullinia cupana ?Sorbilis?). Journal of Plant Research, v. 120, p. 399-404, 2008.

8.
Ângelo, Paula C. S.2007Ângelo, Paula C. S. Nunes-Silva, Carlos G. Brígido, Marcelo M. Azevedo, Juliana S. N. Assunção, Enedina N. Sousa, Alexandra R. B. Patrício, Fernando J. B. Rego, Mailson M. Peixoto, Jean C. C. Oliveira, Waldesse P. Freitas, Danival V. Almeida, Elionor R. P. Viana, Andréya Márcya H. A. Souza, Ana Fabíola P. N. Andrade, Edmar V. Acosta, Pablo O. A. Batista, Jaqueline S. Walter, Maria E. M. T. Leomil, Luciana Anjos, Daniel A. S. Coimbra, Rodrigo C. M. Barbosa, Magda H. N. Honda, Eduardo Pereira, Soraya S. Silva, Artur , et al.Pereira, José O. Silva, Marcicleide L. Marins, Mozart Holanda, Francisca J. Abreu, Rusleyd M. M. Pando, Silvana C. Gonçalves, José F. C. Carvalho, Margarida L. Leal-Mesquita, Emygdia R. R. B. P. Silveira, Márcio A. Batista, Weber C. Atroch, André L. França, Suzelei C. Porto, Jorge I. R. Schneider, Maria Paula C. FREITAS, D. V. ; Guarana (Paullinia cupana var. sorbilis), an anciently consumed stimulant from the Amazon rain forest: the seeded-fruit transcriptome. Plant Cell Reports, v. 27, p. 117-124, 2007.

9.
Contim, Luis Antônio Serrão2005Contim, Luis Antônio Serrão ; Carvalho, Carlos Roberto de ; Martins, Franciele Alline ; FREITAS, D. V. . Nuclear DNA content and karyotype of Rosewood (Aniba rosaeodora). Genetics and Molecular Biology (Impresso), Brasil, v. 28, p. 454-457, 2005.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
RAZERA, A. (Org.) ; NOGUEIRA, E. M. (Org.) ; FREITAS, D. V. (Org.) ; GONCALVES, J. F. C. (Org.) ; LUIZAO, F. J. (Org.) . Políticas Públicas, Científicas & Perspectivas Tecnológicas. 1. ed. MANAUS: ARTE GRÁFICA, 2004. v. 1. 323p .

Capítulos de livros publicados
1.
Atroch, André L. ; NASCIMENTO FILHO, F. J. ; Ângelo, Paula C. S. ; FREITAS, D. V. ; SOUSA, N. R. ; CLEMENT, C. R. . Domestication and breeding of guarana. In: Aluizio Borém, Maria Teresa Lopes, Charles Roland Clement, Hiroshi Noda. (Org.). Domestication and breeding: Amazonian species. 1ed.Viçosa: UFV, 2012, v. , p. 333-360.

2.
RABELO, T. M. ; FREITAS, D. V. ; NOZAWA, M. S. . Identificação de micro-organismos no aterro sanitário de Manaus, Amazonas.. In: Sérgio Ricardo Nozawa, Andre Wendt dos Santos. (Org.). Impactos Urbanos sobre a Biologia do Ambiente Amazônico: Interações entre moléculas, organismos e ambientes. Curitiba: CRV, 2010, v. 1, p. 167-172.

3.
Atroch, André L. ; NASCIMENTO FILHO, F. J. ; Ângelo, Paula C. S. ; FREITAS, D. V. ; SOUSA, N. R. ; CLEMENT, C. R. . Domesticação e melhoramento do guaranazeiro. In: Borém, Aloízio; Gomes Lopes, Maria Teresa; Clement, Charles R. (Org.). Domesticação e melhoramento: espécies amazônicas. 1ed.Viçosa, MG: Editora da Universidade Federal de Viçosa, 2009, v. , p. 337-365.

4.
FREITAS, D. V.. Sorva (Couma utilis, Couma macrocarpa and Couma guianensis). In: Janick, Jules; Paull, Robert E.. (Org.). The Encyclopedia of Fruit and Nuts. 1ed.Wallingford, UK: CABI Publishing, 2008, v. , p. 72-73.

5.
FREITAS, D. V.. Genipapo (Genipa americana). In: Janick, Jules; Paull, Robert E.. (Org.). The Encyclopedia of Fruit and Nuts. 1ed.Wallingford, UK: CABI Publishing, 2008, v. , p. 762-764.

6.
FREITAS, D. V.. Pitomba (Talisia esculenta and Talisia olivaeformis). In: Janick, Jules; Paull, Robert E. (Org.). The Encyclopedia of Fruit and Nuts. 1ed.Wallingford, UK: CABI Publishing, 2008, v. , p. 820-822.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
FREITAS, D. V.. Parque Científico e Tecnológico de Jataí: instrumento de desenvolvimento sustentável, inovador e sistêmico. Jornal UFG, UFG, p. 6 - 6, 21 ago. 2014.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ESTEVAO, C. I. M. ; Reis, EF ; PINTO, J. F. N. ; FREITAS, D. V. . Influência do tamanho da semente na adaptação de gueroba Syagrus oleraceae, espécie nativa do cerrado. In: 7o Congresso Brasileiro de melhoramento de Plantas, 2013, Uberlândia. Anais do 7o Congresso Brasileiro de melhoramento de Plantas, 2013.

2.
SILVA, E. M. ; Reis, EF ; PINTO, J. F. N. ; FREITAS, D. V. . Seleção Assistida por Marcadores Morfológicos e Moleculares para a Produção Precoce de Palmito de Guariroba. In: 7o Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2013, Uberlândia. Anais do 7o Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2013. v. 1. p. 3273-3277.

3.
FREITAS, D. V.; DIAS, D. P. ; SANTA-RITA, R. . RELAÇÃO ENTRE A NOTA DE CORTE NOS VESTIBULARES DE 2009-2010 E O DESEMPENHO ACADÊMICO NO PRIMEIRO SEMESTRE DE CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UFG-CAJ: UM E STUDO PRELIMINAR. In: XXVI CONGRESSO DE EDUCAÇÃO DO SUDOESTE GOIANO, 2011, Jataí. RESUMOS XXVI CONGRESSO DE EDUCAÇÃO DO SUDOESTE GOIANO, 2012. v. 1. p. 1-1.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
FREITAS, D. V.; DIAS, D. P. ; Nunes-Silva, C. G. ; ASTOLFI-FILHO, S ; Ângelo, Paula C. S. . PERFIL QUANTITATIVO DA EXPRESSÃO DE GENES ENVOLVIDOS NA PROTEÇÃO CONTRA MORTE CELULAR DO GUARANAZEIRO E DE ESPÉCIES AFINS. In: 63o Reunião Anual da SBPC, 2011, Goiânia. Resumos de Comunicações Livres, 2011. v. 1. p. 6736-6736.

2.
DIAS, D. P. ; FREITAS, D. V. ; Paulino, H . DESEMPENHO DE QUATRO ÍNDICES DE PERIGO DE INCÊNDIO NA ÉPOCA SECA DE 2010 EM JATAÍ - GO. In: 63o Reunião Anual da SBPC, 2011, Goiânia. Resumos 63o Reunião Anual da SBPC, 2011. v. 1. p. 1-1.

3.
Benzaquem, D. C. ; BARBOSA, P. T. S. ; CONTIM, A. L. S. ; FREITAS, D. V. . Avaliação do polimorfismo do DNA em espécies do gênero Aniba, utilizando o marcador molecular ISSR. In: III Encontro de Genética do Norte, 2009, Santarem. Anais do III Encontro de Genética do Norte, 2009. v. 1. p. 1-1.

4.
Cabral, M. S. ; FREITAS, D. V. ; CONTIM, A. L. S. ; SANTOS, A. L. W. . Estabelecimento de um protocolo para assépsia e cultivo invitro de explantes foliares de Pullinia cupana (guaranazeiro). In: 61o Reunião Anual da SBPC, 2009, Manaus. Anais da 61o Reunião Anual da SBPC, 2009. v. 1. p. 1-1.

5.
FREITAS, D. V.; CONTIM, L. A. S. . CONSERVAÇÃO GENÉTICA DE ESPÉCIES FLORESTAIS AMEAÇADAS DE EXTINÇÃO. In: 3º SIMPÓSIO BRASILEIRO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA FLORESTAL E 1º ENCONTRO AMAZÔNICO DE CIÊNCIAS FLORESTAIS, 2004, MANAUS - AM. POLÍTICAS PÚBLICAS, CIENTÍFICAS E PERSPECTIVAS TECNOLÓGICAS. MANAUS - AM: ARTE GRÁFICA, 2004. v. 1. p. 68-69.

6.
FREITAS, D. V.; CONTIM, L. A. S. . ESTABELECIMENTO EM CULTURA DE TECIDOS E PROPAGAÇÃO IN VITRO DE PAU-ROSA (Aniba rosaeodora Ducke). In: 7º CONGRESSO E EXPOSIÇÃO INTERNACIONAL SOBRE FLORESTAS, 2004, BRASÍLIA. CONHEÇA O CERRADO, PATRIMÔNIO NATURAL CLASSIFICADO COMO RESERVA DA BIOSFERA. RIO DE JANEIRO: IT IS Design, 2004. v. 1. p. 65-66.

7.
FREITAS, D. V.; CONTIM, L. A. S. ; Carvalho, CR ; MARTINS, F. A. . KARYOTIPE AND NUCLEAR DNA CONTENT OF ROSEWOOD (Aniba rosaeodora Ducke). In: 7º Congresso e ExposiçãoInternacional sobre Florestas, 2004, BRASÍLIA. CONHEÇA O CERRADO, PATRIMÔNIO NATURAL CLASSIFICADO COMO RESERVA DA BIOSFERA. RIO DE JANEIRO: IT IS Design, 2004. v. 1. p. 90-91.

8.
CONTIM, L. A. S. ; FREITAS, D. V. . Espécies Florestais Ameaçadas de Extinção: Diversidade e Conservação. In: Reunião Regional da SBPC-AM, 2004, Manaus. Livro de Resumos da Reunião Regional da SBPC-AM, 2004. v. x. p. x-x.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
GUILHERME, F. A. G. ; FERREIRA, W. C. ; FREITAS, D. V. ; FREITAS, A. P. ; SOUZA, L. R. ; VILELA, P. H. M. . Patterns of surviving and growth of woody species on the reservoir banks, Goiás state, Brazil. In: IV Congreso Iberoamericano y del Caribe de Restauración Ecológica - SIACRE 2015, 2015, Buenos Aires. Resumenes IV Congreso Iberoamericano y del Caribe de Restauración Ecológica, 2015. v. 1. p. 1-1.

2.
FREITAS, D. V.. Caracterização genética de matrizes de Campomanesia spp visando seleção para precocidade e produção de frutos. In: II Workshop e mostra de trabalhos do Programa de Pós-graduação em Agronomia UFG - Regional Jataí, 2014, Jataí. Anais do II Workshop e mostra de trabalhos do Programa de Pós-graduação em Agronomia UFG - Regional Jataí, 2014. v. 1. p. 1-1.

3.
NUNES-SILVA, CG ; FREITAS, D. V. ; ASTOLFI-FILHO, S . N-metiltransferase do guaranazeiro (Paullinia cupana var. sorbilis) envolvida na biossíntese da cafeín. In: Congresso Brasileiro de Biotecnologia, 2012, Guaruja. Congresso Brasileiro de Biotecnologia, 2012. v. 1. p. 1-1.

4.
FREITAS, D. V.. FLUXO GÊNICO DE Butia purpurescenses Glassman (Arecaceae): ESPÉCIE ENDÊMICA AMEAÇADA DE EXTINÇÃO. In: 63º Congresso Nacional de Botânica, 2012, Joinville SC. 63º Congresso Nacional de Botânica, 2012. v. 1. p. 1-1.

5.
ESTEVAO, C. I. M. ; COSTA, D. A. M. ; SALES, T. D. ; GUILHERME, F. A. G. ; FREITAS, D. V. . Polimorfismo genético de Butia purpurescenses (Arecaceae): espécie endêmica ameaçada de extinção. In: 4o Congresso Florestal Paranaense, 2012, Curitiba. Anais do 4o Congresso Florestal Paranaense, 2012.

6.
Benzaquem, D. C. ; FREITAS, D. V. ; CONTIM, L. A. S. ; BARBOSA, P. T. S. . Seleção de primers ISSR para análise genético-populacional em espécies do gênero Aniba. In: 61o Reunião Anual da SBPC, 2009, Manaus. Anais da 61o Reunião Anual da SBPC, 2009. v. 1. p. 1-1.

7.
FREITAS, D. V.; BARBOSA, P. T. S. ; CHAAR, J. . VARIAÇÃO QUANTITATIVA DO ÓLEO ESSENCIAL (LINALOL) EM MATRIZES DE PAU-ROSA (Aniba rosaeodora Ducke): POSSIBILIDADE DE SELEÇÃO DE GENÓTIPOS. In: 3º CONGRESSO BRASILEIRO DE MELHORAMENTO DE PLANTAS, 2005, GRAMADO. 3º CONGRESSO BRASILEIRO DE MELHORAMENTO DE PLANTAS, 2005. v. 1. p. 1-1.

8.
CONTIM, L. A. S. ; FREITAS, D. V. ; NAGAO, E. O. ; ARIDE, P. H. R. . Induçção de calos friáveis e obtenção de embriões somáticos de pau-rosa (Aniba rosaeodora Ducke) a partir de explantes cultivados in vitro.. In: 51º Congresso Brasileiro de Genética, 2005, Aguas de Lindoia. 51º Congresso Brasileiro de Genética, 2005. v. x. p. x-x.

9.
FREITAS, D. V.; CONTIM, L. A. S. ; CLEMENT, C. R. . ?FILOGENETIC ANALYSIS OF THREE PUTATIVE LANDRACES AND A WILD POPULATION OF PEACH PALM (BACTRIS GASIPAES KUNTH) BASED ON MESOCARP PROTEIN ELECTROPHORETIC PATTERNS?.. In: REUNIÃO ANUAL DA SBBQ, 2004, Caxambú. XXXIII REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE BIOQUÍMICA E BIOLOGIA MOLECULAR, 2004. v. 1. p. 1-1.

10.
CONTIM, L. A. S. ; Carvalho, CR ; FREITAS, D. V. ; GONCALVES, J. F. C. ; BARBOSA, P. T. S. . CITOGENÉTICA DE PAU-ROSA (Aniba rosaedora Ducke - Lauraceae): CARARIOGRAMA E CARACTERIZAÇÃO DOS CROMOSSOMOS. In: 4º ENCONTRO DE GENÉTICA DO AMAZONAS/ 1º ENCONTRO DE GENÉTICA DA REGIÃO NORTE, 2003, MANAUS. A AMAZÔNIA NA ERA GENÔMICA E PÓS-GENÔMICA, 2003. p. 65-65.

11.
MOURA, D. F. ; ALFENAS, A. C. ; FREITAS, D. V. ; ALONSO, S. K. ; CRUZ, C. D. . GENETIC MAPPING OF RUST RESISTANCE (Puccinia psidii) IN Eucalyptus grandis BY RAPD MARKERS. In: XXXVI CONGRESSO BRASILEIRO DE FITOPATOLOGIA, 2003, UBERLÂNDIA. FITOPATOLOGIA BRASILEIRA/SOCIEDADE BRASILEIRA DE FITOPATOLOGIA, 2003. v. 1. p. S275-S275.

12.
FREITAS, D. V.; CONTIM, L. A. S. ; GONCALVES, J. F. C. ; FERNANDES, A. V. ; Carvalho, CR ; CLEMENT, C. R. . ANÁLISE FILOGENÉTICA BASEADA NO PADRÃO ELETROFORÉTICO DE PROTEÍNAS DO MESOCARP DE FRUTOS DE QUATRO RAÇAS DE PUPUNHA (Bactris gasipae)). In: 49º CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA, 2003, ÁGUAS DE LINDÓIA. A DUPLA HÉLICE DO DNA, 2003. v. 1. p. GP296-GP296.

13.
FREITAS, D. V.; ALFENAS, A. C. ; LAIA, M. L. ; MOURA, D. F. ; GRAÇA, R. N. ; BROMMONSCHENKEL, S. H. ; MELO, E. J. ; ODA, S. ; DIAS, D. P. ; RODRIGUES, R. A. . SEGREGAÇÃO DO MARCADOR AT9 917, LIGADO AO GENE pPR1 QUE CONFERE RESISTÊNCIA À FERRUGEM, EM FAMÍLIAS DE Eucalyptus grandis. In: XI Simposio de Iniciação Científica, 2002, Viçosa. Resumos do XI Símposio de Iniciação Científica, 2002.

14.
GRAÇA, R. N. ; ALFENAS, A. C. ; VALVERDE, E. ; FREITAS, D. V. ; MOURA, D. F. . SUSCETIBILIDADE À FERRUGEM EM DIVERSAS ESPECIES DE MYRTACEAE DE ORIGEM AUSTRALIANA. In: XI Simposio de Iniciação Científica, 2002, Viçosa, 2002.

15.
FREITAS, D. V.; ALFENAS, A. C. ; LAIA, M. L. ; MOURA, D. F. ; BROMMONSCHENKEL, S. H. ; GRAÇA, R. N. ; RODRIGUES, R. A. ; MELO, E. J. ; ODA, S. . IDENTIFICAÇÃO DE MARCADOR SCAR (SEQUENCE CHARACTERIZED AMPLIFIED REGION) LIGADO AO GENE Ppr1 EM Eucalyptus grandis. In: XI Simposio de Iniciação Científica, 2002, Viçosa. XISÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV, 2002.

16.
ALFENAS, A. C. ; R.G. MAFIA ; S. TAKAHASHI ; FREITAS, D. V. ; VALVERDE, E. . Cylindrocladium floridanum COMO AGENTE ETIOLOGICO DO ANELAMENTO DE HASTE E MANCHAS FOLIARES DE EUCALIPTO.. In: XXXV CONGRESSO BRASILEIRO DE FITOPATOLOGIA, 2002, RECIFE. FITOPATOLOGIA BRASILEIRA, 2002. v. 27. p. S74-S75.

17.
MOURA, D. F. ; ALFENAS, A. C. ; LAIA, M. L. ; FREITAS, D. V. ; GRAÇA, R. N. ; BROMMONSCHENKEL, S. H. ; MELO, E. J. ; ODA, S. ; RODRIGUES, R. A. . CLONAGEM E CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DE ANÁLAGOS DE GENES DE RESISTÊNCIA (RGA's) EM Eucalyptus grandis. In: XI SÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV, 2002, viçosa. XI SÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV. VIÇOSA-MG: IMPRENSA UNIVERSITÁRIA, 2002.

18.
MOURA, D. F. ; ALFENAS, A. C. ; LAIA, M. L. ; FREITAS, D. V. ; GRAÇA, R. N. ; RODRIGUES, R. A. ; MOSCA, Y. . DIFERENCIAÇÃO GENÉTICA E ANALISE DE PARENTESCO ENTRE CLONES DE Eucalyptus grandis. In: XISÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV, 2002, VIÇOSA. XI SÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV, 2002.

19.
GRAÇA, R. N. ; ALFENAS, A. C. ; LAIA, M. L. ; FREITAS, D. V. ; MOURA, D. F. ; RODRIGUES, R. A. ; MELO, E. J. ; ODA, S. . HERANÇA DA RESISTÊNCIA GENÉTICA À FERRUGEM ENTRE DUAS PROGÊNIES DE Eucalyptus grandis ENVOLVENDO A MATRIZ G21. In: XI SÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV, 2002, VIÇOSA. XI SÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV, 2002.

20.
GRAÇA, R. N. ; ALFENAS, A. C. ; AMARAL, D. ; MAFFIA, L. A. ; ROMEIRO, R. S. ; FREITAS, D. V. ; MOURA, D. F. ; VALVERDE, E. ; RODRIGUES, R. A. . INDUÇÃO DE RESISTÊNCIA À FERRUGEM EM EUCALYPTUS MEDIADO POR RHIZOBACTERIAS. In: XISÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV, 2002, VIÇOSA-MG. XI SÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV, 2002.

21.
FREITAS, D. V.. MÉTODO SIMPLES PARA PRODUÇÃO DE MICÉLIO DE Quambalaria eucalyptii PARA EXTRAÇÃO DE DNA. In: XII SIMPÓSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2002, VIÇOSA. DESAFIO BRASIL: PRIORIDADE NA PESQUISA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL. VIÇOSA: GRÁFICA UNIVERSITARIA UFV, 2002. v. 1.

22.
FREITAS, D. V.; ALFENAS, A. C. ; LAIA, M. L. ; BROMMONSCHENKEL, S. H. ; MELO, E. J. ; ODA, S. . Ppr1- O Primeiro Gene de Resistência à Ferrugem Mapeado em Eucalyptus grandis. In: X Simposio de Iniciação Científica, 2001, Viçosa. Resumos do X Simposio de iniciação cientifica. Viçosa: imprensa universitaria UFV, 2001.

23.
LAIA, M. L. ; ALFENAS, A. C. ; PICOLI, E. ; FREITAS, D. V. . UTILIZAÇÃO DE MARCADORES MOLECULARES RAPD NA GENOTIPAGEM DE CLONES DE Eucalyptus. In: QRADAGÉSIMO SEXTO CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA, 2000, áGUAS DE LINDOIA. GENETCS AND MOLECULAR BIOLOGY, 2000.

24.
FREITAS, D. V.; ALFENAS, A. C. ; LAIA, M. L. ; EDGARD . GENOTIPAGEM DE CLONES ELITES DE Eucalyptus POR MEIO DE MARCADORES MOLECULARES RAPD. In: SEXTO CONGRESSO E EXPOSIÇÃO INTERNACIONAL SOBRE FLORESTAS - FOREST 2000, 2000, Porto Seguro. Anais do sexto congresso e exposição internacional sobre florestas, 2000.

25.
FREITAS, D. V.; ALFENAS, A. C. ; JUNGHANS, D. T. ; BROMMONSCHENKEL, S. H. ; MELO, E. J. ; ODA, S. . HERANÇA DA RESISTÊNCIA À FERRUGEM EM Eucalyptus grandis. In: "A CIÊNCIA E A REALIDADE NACIONAL", 1999, VIÇOSA-MG. IX SÍMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UFV. VIÇOSA: IMPRENSA UNIVERSITARIA, 1999. p. 205-205.

Apresentações de Trabalho
1.
FREITAS, D. V.. Propriedade Intelectual em Biotecnologia. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
FREITAS, D. V.. Vida Universitária. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
FREITAS, D. V.. Vida Universitária. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
FREITAS, D. V.. DNA: montando o quebra cabeça da vida. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
FREITAS, D. V.. Biodiversidade, conhecimentos tradicionais e biotecnologia. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
FREITAS, D. V.. Vida Universitária. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
FREITAS, D. V.. Ciotgenética e Citometria do guaranazeiro. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
FREITAS, D. V.. Biodiversidade, Conhecimento Tradicional e Biotecnologia. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
FREITAS, D. V.. CULTURA DE TECIDOS. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
FREITAS, D. V.. "AS FLORESTAS EM NOSSAS VIDAS". 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
FREITAS, D. V.; ALFENAS, A. C. ; PICOLI, E. ; MOURA, D. F. . DIVERSIDADE GENÉTICA DE CLONES DA EMPRESA LWARCEL. 2001.

2.
FREITAS, D. V.; ALFENAS, A. C. ; MOURA, D. F. ; LAIA, M. L. . GENOTIPAGEM DE CLONES SUZANO BAHIA SUL CELULOSE. 2000.


Demais tipos de produção técnica
1.
FREITAS, D. V.. Extração de ácidos núcleicos de organismos amazônicos. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
FREITAS, D. V.. Extração de DNA e RNA de plantas amazônicas. 2009. .

3.
FREITAS, D. V.; Prado, M. ; Nozawa, S. R. . extração de RNA. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
FREITAS, D. V.. Micropropagação de espécies arbóreas. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
RAZERA, A. ; NOGUEIRA, E. M. ; FREITAS, D. V. ; LUIZAO, F. J. ; GONCALVES, J. F. C. . "POLÍTICAS PÚBLICAS, CIENTÍFICAS E PERSPECTIVAS TECNOLÓGICAS. 2004. (Editoração/Anais).

6.
ALFENAS, A. C. ; FREITAS, D. V. . "CLONAGEM DE EUCALYPTUS, TÉCNICAS DE CLONAGEM, IDENTIFICAÇÃO E CONTROLE DE DOENÇAS ASSOCIADAS À PROPAGAÇÃO CLONAL". 2002. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
FREITAS, D. V.. Biodiversidade, conhecimento tradicional e Biotecnologia. 2008 (Vídeo).



Patentes e registros



Patente

A Confirmação do status de um pedido de patentes poderá ser solicitada à Diretoria de Patentes (DIRPA) por meio de uma Certidão de atos relativos aos processos
1.
 ASSUNCAO, E. N. ; Nunes-Silva, C. G. ; ANDRADE, E. V. ; FREITAS, D. V. ; CARVALHO-ZILSE, G. A. ; ASTOLFI-FILHO, S. . Regulação da Expressão Genica Utilizando o gene amilase como gene reporter. 2012, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: PI0000057, título: "Regulação da Expressão Genica Utilizando o gene amilase como gene reporter" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 28/12/2012



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
FREITAS, D. V.; Reis, EF. Participação em banca de Poliana Carloni Di Prado. Parâmetros genéticos e ganhos de seleção em pimenta de bode (Capsicum chinense Jacq). 2013. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Produção Vegetal)) - Universidade Federal de Goiás.

2.
FREITAS, D. V.; Reis, EF; CONTIM, L. A. S.. Participação em banca de Valúcia Teodoro Pereira. Desempenho agronômico e diversidade genética de genótipos de pimenta morfotipo bode (Capsicum chinense Jacq.) coletados no Sudoeste Goiano. 2012. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Produção Vegetal)) - Universidade Federal de Goiás.

3.
Naveca, G. F.; FREITAS, D. V.; ARIDE, P. H. R.. Participação em banca de Leidiane Amorim Soares Galvão. Análise da estrtura gênica e a diversidade alélica de isolados de Plasmodium vivas, circulante no entorno de Manaus, baseando-se em três sequências gênicas correspondente aos blocos polimórficos2,6 e 10 do gene MSP1. 2010. Dissertação (Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas.

Teses de doutorado
1.
FREITAS, D. V.; NUNES-SILVA, CG; ASTOLFI-FILHO, S. Participação em banca de Ana Paula Menezes Rodrigues-Bastos. Análise cromatográfica, morfologica e molecular do oleoresina em planta jovem Copaifera multijuga Hayne (Fabacea - Caesalpinioidae). 2011. Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

2.
FREITAS, D. V.. Participação em banca de Luciana Nogueira Londe. Caracterização Molecular e citogenética do fruto de pequiseiro (Caryocar brasiliense Cambess) com e sem espinho. 2010. Tese (Doutorado em Genética e Bioquímica) - Universidade Federal de Uberlândia.

3.
Azevedo LA; Pereira, JO; FREITAS, D. V.; NUNES-SILVA, CG; Pereira, José O.. Participação em banca de Lívio Carvalho de Figueiredo. Participação em banca de Lívio Carvalho de Figueiredo. Bioinformática aplicada ao transcriptoma do guaranazeiro: reanotação, mineração de dados e caracterização de genes. 2010. Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
3 º CONGRESSO BRASILEIRO DE MELHORAMENTO DE PLANTAS. 3 º CONGRESSO BRASILEIRO DE MELHORAMENTO DE PLANTAS. 2005. (Congresso).

2.
3º Simpósio Brasileiro de Pós-Graduação em Engenharia Florestal.POLÍTICAS PÚBLICAS, CIENTÍFICAS E PERSPECTIVAS TECNOLÓGICAS. 2004. (Simpósio).

3.
7 º congresso e exposição internacional sobre florestas. 7 º congresso e exposição internacional sobre florestas. 2004. (Congresso).

4.
III AMBIENTAL - FÓRUN AMAZÔNICO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO HUMANO."AMAZÔNIA: MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO HUMANO. 2004. (Outra).

5.
.III CURSO DE EMPREENDEDORISMO EM NEGOCIOS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. 2003. (Outra).

6.
.PCR E RT-PCR EM TEMPO REAL, CLONAGEM E EXPRESSÃO. 2003. (Outra).

7.
SEMINÁRIO BRASIL-JAPÃO.ESTUDOS SILVICULTURAIS E ECOLÓGICOS PARA RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS NA AMAZÔNIA BRASILEIRA. 2003. (Seminário).

8.
LIV REUNIÃO ANUAL DA SBPC. LIV REUNIÃO ANUAL DA SBPC. 2002. (Congresso).

9.
SEMENA FLORESTAL 2002.AS FLORESTAS EM NOSSAS VIDAS. 2002. (Outra).

10.
XI SIMPOSIO DE INICIACAO CIENTIFICA.DESAFIO BRASIL: PRIORIDADE NA PESQUISA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL. 2002. (Simpósio).

11.
XI SIMPÓSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA.A CIÊNCIA: UM PROJETO PARA O BRASIL. 2002. (Simpósio).

12.
XIII SEMINÁRIO DE POLÍTICAS ECONÔMICAS.'NEGOCIAÇÕES INTERNACIONAIS E PROPRIEDADE INTELECTUAL NO AGRONEGÓCIO. 2001. (Seminário).

13.
PRIMEIRO SEMINÁRIO DE FERRUGEM DO EUCALIPTO.PRIMEIRO SEMINÁRIO DE FERRUGEM DO EUCALIPTO. 2000. (Seminário).

14.
SEXTO CONGRESSO E EXPOSIÇÃO INTERNACIONAL SOBRE FLORESTAS. FOREST 2000. 2000. (Congresso).

15.
WORKSHOP INCÊNDIOS FLORESTAIS.WORKSHOP INCÊNDIOS FLORESTAIS - AÇÕES DA INICIATIVA PRIVADA E DO SETOR PÚBLICO. 2000. (Encontro).

16.
X SIMPOSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA.A CIÊNCIA E O DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO NACIONAL. 2000. (Simpósio).

17.
IX SIMPOSIO DE INICIAÇÀO CIENTIFICA.A CIÊNCIA E A REALIDADE NACIONAL. 1999. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SANTOS, A. L. W. ; FREITAS, D. V. . III Encontro Regional de Biologia Urbana - Impactos Urbanos sobre a Biologia do Ambiente Amazônico. 2007. (Outro).

2.
FREITAS, D. V.. "POLÍTICAS PÚBLICAS, CIENTÍFICAS E TECNOLÓGICAS". 2004. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Cristiane Iracema Monteiro estevão. Caracterização genética de matrizes de Campomanesia spp visando seleção para precocidade e produção de frutos. Início: 2013. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Produção Vegetal)) - Universidade Federal de Goiás, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Goiás. (Coorientador).

Iniciação científica
1.
Diego Aguirre Müller Costa. Domesticação de espécies florestais não convencionais do cerrado. Início: 2015. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).

2.
Reidner Carlos Costa Pereira. Conservação e uso de espécies florestais nativas do cerrado. Início: 2015. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Denise Corrêa Benzaquem. Avaliação do polimorfismo genético interespecífico do gênero Aniba (Lauraceae) utilizando marcadores ISSRS. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Biotecnologia e Recursos Naturais) - Universidade Estadual do Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Coorientador: Danival Vieira de Freitas.

2.
Waldir Gonçalves Barros. Análise florística estrutural e genética do componente arbustivo-arbóreo de fragmentos urbanos, ao longo do igarapé do Mindú, em Manaus/AM. 2009. Dissertação (Mestrado em Biologia Urbana) - Universidade Nilton Lins, . Coorientador: Danival Vieira de Freitas.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Casley Borges de Queiroz. Padronização de MP13 PCR fingerprinting em Mycosphaerella fijiensis agente causal da sigatoca-negra. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Centro Universitário Nilton Lins. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

2.
Lincoln de Brito Ribeiro. Propescção tecnológica de pau-rosa (Aniba rosaedora). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Centro Universitário Nilton Lins. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

3.
Lana Colares Leite. Embriogenese somática de mogno (Swetenia macrophylla). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Centro Universitário Nilton Lins. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

4.
Gabriel Gazzana Barros. Estabelecimento e conservação in vitro de pau-rosa (Aniba rosaeodora Ducke). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Centro Universitário Nilton Lins. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

Iniciação científica
1.
Lais de Moraes Teixeira. Estrutura genética em populações naturais de Campomanesia pubecens na região Centro Oeste, Brasil. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

2.
Eder Marcos da Silva. Estrutura da variabilidade genética de Syagrus oleracea no Estado de Goiás utilizando marcadores ISSR. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

3.
Lais de Moraes Teixeira. Caracterização da estrutura do genoma de espécies do gênero Campomanesia. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

4.
Cristiane Iracema monteiro Estevão. Produção de celulases bioprospectadas em microrganismos para produção de combustíveis de segunda geração. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

5.
Maxwell Santos Cabral. Desenvolvimento de protocolo para obtenção de calos maduros de Paullinia cupana (guaranazeiro). 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Farmacia) - Universidade Nilton Lins, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

6.
Grace Rodrigues de Araújo. Construção de uma biblioteca de cDNA de Apice caulinar de mogno (Swetenia macrophylla). 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Farmacia) - Centro Universitário Nilton Lins, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

7.
Maiara Magri Pereira. Construção de uma biblioteca de cDNA de folhas jovens de pau-rosa (Aniba rosaeodora). 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Farmacia) - Centro Universitário Nilton Lins. Orientador: Danival Vieira de Freitas.

8.
Lana Colares Leite. Embriogenese somática de mogno (Swietenia macrophylla). 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Biologia) - Universidade Nilton Lins, Centro Universitário Nilton Lins. Orientador: Danival Vieira de Freitas.



Inovação



Projeto de desenvolvimento tecnológico


Outras informações relevantes


VISITA TÉCNICA REALIZADA AOS VIVEIROS DAS EMPRESAS PLANTAR S/A E CENIBRA, NO ESTADO DE MINAS GERAIS NOS DIAS 04/10/2004 A 08/10/2004. O OBJETIVO DAS VISITAS: TREINAMENTO, INVAÇÃO TECNOLOGICA, PRÁTICAS SILVICULTURAIS



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/12/2018 às 12:15:37