Maria Cândida Teixeira de Cerqueira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9957990608351500
  • Última atualização do currículo em 27/12/2018


Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2002) e mestrado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2009). Desde 2006 é concursada no cargo de Analista em Reforma Agrária e Desenvolvimento Agrário (habilitação: Arquitetura) do Instituto Nacional de Cidadania e Reforma Agrária (INCRA), com atuação no estado do Rio Grande do Norte (RN). Atualmente é doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo (PPGAU) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Desenvolve pesquisas dentro do campo disciplinar ?projeto e planejamento urbano e regional", na área de Concentração I - Urbanização, Projetos e Políticas físico-territoriais. É integrante do grupo de pesquisa ?Estudos Contemporâneo do Habitat? (ECOHABITAT), especificamente do ?Grupo de Estudo em Reforma Agrária e Habitat? (GERAH). Este desenvolve estudos sobre o parcelamento do solo, habitat e habitação nos projetos de ?reforma agrária? através da metodologia participante, exercendo atividades de ensino, pesquisa e extensão nessa temática. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Maria Cândida Teixeira de Cerqueira
Nome em citações bibliográficas
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Nacional de Colonização e Reforna Agrária, Instituto Nacional de Colonização e Reforna Agrária (RN).
Rua Potengi, 612
Potengi
59020030 - Natal, RN - Brasil
Telefone: (84) 40062165
URL da Homepage: www.incra.gov.br


Formação acadêmica/titulação


2006 - 2009
Mestrado em Arquitetura e Urbanismo.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Título: A Assistência Técnica nos habitats do MST e o papel do Arquiteto e Urbanista,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Amadja Henrique Borges.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Setores de atividade: Construção.
1998 - 2002
Graduação em Arquitetura e Urbanismo.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Título: ASSENTAMENTO MARGARIDA ALVES: contribuição para o processo de criação de uma metodologia para o desenho de habitats concentrados de assentamentos rurais do mst..
Orientador: Amadja Henrique Borges.
1994 - 1997
Curso técnico/profissionalizante.
Escola Técnica Federal do Rio Grande do Norte, ETFR, Brasil.




Atuação Profissional



Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora colaboradora


Intituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, INCRA, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Arquiteta e Urbanista, Carga horária: 40


Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, SEMURB, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2006
Vínculo: Cargo comissionado, Enquadramento Funcional: Chefe do SAR e do SUC, Carga horária: 40
Outras informações
Maio/2003 a janeiro/2004: estagiária; Janeiro/2004 a fevereiro/2005: Chefe do Setor de Unidades de Conservação (SUC); Junho/2005 a abril/2006: Chefe do Setor de Arborização (SAR)


Associação Estadual de Cooperação Agrícola do Rio Grande do Norte, AESCA, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2006
Vínculo: Assistente técnica, Enquadramento Funcional: Arquiteta e Urbanista, Carga horária: 20
Outras informações
Atividades exercidas: Promoção do desenvolvimento e planejamento dos habitats dos assentamentos rurais ligados à AESCA/MST-RN.


Projetarte - Arquitetos Associados, PROJETARTE, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2006
Vínculo: Arquiteta-sócia, Enquadramento Funcional: Arquiteta e Urbanista, Carga horária: 20
Outras informações
Atividade desenvolvida: Serviços voltados à arquitetura e urbanismo, tais como planejamento, elaboração e execução de projetos arquitetônicos, de interiores e similares, bem como assessoria e consultorias.



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Os Habitats de Reforma Agrária e de Comunidades Quilombolas e o papel da Assessoria em Arquitetura e Urbanismo
Descrição: Este projeto trata da atualização do método ?O desenho do Possível?, elaborado pelo Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat (GERAH), por sua vez vinculado ao Grupo de Pesquisa ECOHabitat do Departamento de Arquitetura da UFRN. Tem como objetivo desenvolver a metodologia ?o desenho do possível? - intervenção de arquitetos e urbanistas do GERAH em habitats do campo - a partir da avaliação de suas ações atuais de assessoria, formuladas enquanto o estudo do desenho do habitat dos assentamentos concebidos pelo INCRA e a assistência técnica à comunidade tradicional quilombola . Este método tem como principais referências o filósofo e sociólogo Henri Lefebvre e os educadores Carlos Brandão e Paulo Freire. Segue os princípios da pesquisa-ação, com a participação, investigação e ações educativas constituindo momentos de um mesmo processo, com ênfase na constante troca de conhecimentos entre os saberes técnico-científico e popular em perspectiva dialógica. Desse modo, as atividades desenvolvidas na área de concepção e execução do espaço físico dos habitats dos assentamentos rurais, bem como da melhoria e reforma das habitações existentes, são efetivadas a partir de uma construção coletiva e horizontal, onde a participação dos usuários acontece em todas as etapas. Pressupõe que a configuração espacial do habitat interfere na vida cotidiana de seus moradores, em suas relações familiares, de vizinhança, suas vinculações com o trabalho, seus acessos à infraestrutura social, suas condições de vida e seu envolvimento nas estruturas organizacionais do Movimento (BORGES, 2002). Dessa forma, são criados parâmetros para o desenho de assentamentos rurais, enquanto reflexo do vivido e das expectativas de organização do MST, através de um processo de planejamento participativo. Essa metodologia foi adaptada para sua utilização nos espaços e grupos quilombolas. Seus parâmetros serão utilizados na avaliação, também, da produção dos habitats, inclusive de suas unidades habitacionais, pelo INCRA até 2015, quando a responsabilidade das construções passa às entidades organizadoras com construtoras ou assessorias técnicas e sob o controle da Caixa Econômica Federal (CEF)...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Henri Lefebvre na Ótica da Arquitetura e do Urbanismo
Descrição: Este projeto é vinculado à disciplina A Produção do Espaço e o Habitar (PPGAU 0044) e tem como proposta fundamental a discussão, o aprofundamento e a socialização da obra do filósofo e sociólogo Henri Lefebvre, dada a importância do arcabouço teórico-conceitual e metodológico do autor e sua contribuição à área da Arquitetura e Urbanismo e outras áreas de conhecimento correlatos, como a Geografia, as Ciências Sociais, a Filosofia, a História, dentre outras. Articula a pesquisa, o processo ensino-aprendizagem e a reflexão teórico-prática acerca da relação rural-urbano, com ênfase na produção do espaço no mundo urbanizado, seja na cidade, no campo, nas águas ou na floresta, através do estudo e da análise interdisciplinar de problemáticas contemporâneas vinculadas a questão do Habitar, da Vida Cotidiana e da Produção do Espaço, temas debatidos ao longo das obras de Lefebvre, especialmente em La Production de l?Espace, Critique de la Vie Quotidienne (Tomo I, II e III) e Du Rural à l?Urbain. Nesse contexto, o Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat - GERAH e mais especificamente seu subgrupo GERAH-LEFEBVRE, tem como principais procedimentos de trabalho a leitura dirigida, a análise crítica e a tradução de diversas obras de referência do autor e de textos que as complementem, discutam e esclareçam. Isto acontece através da organização de encontros sistemáticos, aliados àqueles programados durante a disciplina A Produção do Espaço e o Habitar, com vistas à construção de um acervo traduzido da obra do autor que continuamente subsidiam os trabalhos relacionados ao grupo de pesquisa...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (4) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Sarah de Andrade e Andrade - Integrante / Cinthia Soares de Oliveira - Integrante / Andrea de Alburquerque Vianna - Integrante / Jose Clewton do Nascimento - Integrante / Silvana Ferracciú Mameri - Integrante / Ruth Maria da Costa Ataíde - Integrante / Márcia Silva de Oliveira - Integrante.
2013 - Atual
A PRODUÇÃO DO ESPAÇO E O HABITAT NA OBRA DE HENRI LEFEBVRE
Descrição: Este projeto, vinculado à disciplina A PRODUÇÃO DO ESPAÇO E O HABITAT (PPGAU 0044) tem como proposta fundamental a discussão e socialização do conhecimento aprofundado a partir da obra literária do filósofo e sociólogo Henri Lefebvre. Este tem grande importância teórica e prática, não somente no que se refere à área de arquitetura e urbanismo, mas também a outras áreas de conhecimentos correlatos: geografia, ciências sociais, filosofia, história, dentre outros. Articula a pesquisa, aprendizado e aplicação dos conteúdos relativos ao espaço do mundo urbanizado, seja na cidade, no campo,nas águas ou nas florestas. Esta proposta visa ampliar e articular os conhecimentos por meio dos debates teóricos e concretização de idéias sobre o tema. É também seu objetivo, incentivar o estudo sistemático de expoentes do conhecimento científicos interdisciplinares, aprofundando a reflexão sobre o habitar, a vida cotidiana e a produção do espaço. Dentre os principais procedimentos do grupo, destacam-se a leitura dirigida e análise crítica de diversas obras de referência e novas contribuições através de encontros sistemáticos...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (4) Doutorado: (5) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Cecília Marilaine Rego de Soares - Integrante / Sarah de Andrade e Andrade - Integrante / Cinthia Soares de Oliveira - Integrante / Andrea de Alburquerque Vianna - Integrante / Jose Clewton do Nascimento - Integrante / Silvana Ferracciú Mameri - Integrante / Ruth Maria da Costa Ataíde - Integrante / Márcia Silva de Oliveira - Integrante / Tatiana Francischini Brandão dos Reis - Integrante.
2011 - Atual
Habitação de Interesse Social em Movimento - Pesquisa (ação associada)
Descrição: Este projeto, Habitação de Interesse Social em movimento , dá continuidade às ações desenvolvidas pelo Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat-GERAH. Elas partem da prática do Grupo que, desde sua criação, em 1994, através do ensino, insere a pesquisa e a extensão como atividades indissociáveis. Quanto à pesquisa, dará continuidade à avaliação e desenvolvimento da metodologia que, iniciada em 1994, hoje norteia ações de universidades, governamentais, como do INCRA (na Direção de Desenvolvimento dos Assentamentos e na sua superintendência do RN, com participações, parcerias e orientações) e da aplicabilidade nesses universos de princípios e métodos de Henri Léfèbvre. No ensino, desenvolverá, em 2011.01, a disciplina da Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo-PPGAU, sobre a Política e Projetos de Habitação Social II , que trata da história da política desenvolvida no País para a habitação social no campo e da metodologia desenvolvida pelo GERAH para essa forma de habitat e o Seminário Temático sobre o Espaço do habitat na obra de Henri Léfèbvre , em 2011.02, dando continuidade ao grupo de estudo existente. Na graduação, destaca-se o Módulo Assistência Técnica a Habitação de Interesse Social criado e ministrado em 2009.01, logo após a publicação da Lei de Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social em dezembro do ano anterior - de preparação dos alunos para a assessoria técnica aos movimentos populares, através da avaliação crítica de sua práxis utilização de seus métodos e técnicas nas assessorias desenvolvidas no RN, em experiências financiadas pelo INCRA e/ ou INCRA/CEF. Sua principal contribuição é portanto, contribuir com a formação de profissionais, pesquisadores, inovações tecnológicas e metodologias voltadas para o habitat e a habitação de interesse social, sobretudo no campo e de interesse dos movimentos sociais, integrando, ultrapassando as barreiras entre o rural e o urbano, entre o saber científico e o popular, entre os..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Irene Alves de Paiva - Integrante / MANOEL LUCAS FILHO - Integrante / Kleiton Cassimiro do Nascimento - Integrante / Dinarte Aeda da Silva - Integrante / Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco - Integrante.
2011 - Atual
A POLÍTICA DO HABITAT DO CAMPO: PERSPECTIVAS E DESAFIOS
Descrição: A análise da política habitacional de interesse social para os assentamentos humanos no campo e na floresta é uma temática ainda pouco explorada no País. Tem como principais recortes os assentamentos chamados de reforma agrária e os pequenos proprietários rurais. Como principais órgãos responsáveis ou envolvidos, destaca-se o Ministério das Cidades/CEF e o de desenvolvimento Agrário/INCRA, cujas políticas, programas e projetos traçam o perfil das difíceis condições de vida dos trabalhadores dessas áreas. Este trabalho parte da pesquisa de dois grupos de estudo da temática, o Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat da UFRN e o HABIS, da USP-São Carlos, sobre as dificuldades e lacunas das ações governamentais voltadas para esta temática, organizando-se através de uma rede formada a partir dos I e II colóquios Habitat e Cidadania no Campo (coordenados em 2006 pelos GERAH-UFRN/MST e, em 2011, pelo Habis-USP São Carlos, em parceria com o GERAH-UFRN e a USINA (ONG de São Paulo). Esta pesquisa, de cunho científico visa aprofundar as questões promovidos nos debates entre parceiros, sobretudo quanto às políticas governamentais destinadas à temática; às especificidades da mesma, bem como as possibilidades inovadoras e não convencionais que podem ser inseridas no âmbito do habitat do campo...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - Atual
Assistência Técnica a Habitação de Interesse Social no Campo
Descrição: O Projeto Assistência Técnica a Habitação de Interesse Social no Campo tem como principal objetivo desenvolver metodologia de intervenção em assentamentos rurais, numa perspectiva dialógica entre o saber popular e o saber técnico-científico, em pesquisa-ação coordenada pelo Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat-GERAH do DARQ-CT. Tendo como método o regressivo-progressivo, desenvolvido pelo filósofo e sociólogo marxista Henri Léfèbvre, considera o encadeamento dos conflitos como a transdução para a transformação, ou pelo menos, rupturas entre a ordem estabelecida. Assim sendo, engloba os projetos de pesquisa PVG3474-2009 -Assistência técnica a habitação de interesse social no campo - possibilidades e limitações da metodologia de autogestão da construção dos assentamentos coordenados pelo MST e PVG3555-2009 - Henri Léfèbvre, os possíveis - impossíveis na construção do habitar. Nos momentos de extensão, haverá a continuidade das assessorias do planejamento, projetos, cursos de capacitação para mutirantes e o acompanhamento, passo a passo, do processo de autogestão assistida dos mutirões do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra-MST, em parceria com este movimento e o INCRA . Neles também poderão ser trabalhadas propostas de normativos quanto à questão do habitat do campo, através de consultorias esporádicas ao referido órgão. Considerando a recém aprovada lei federal 1.888, de dezembro de 2008, da assistência técnica gratuita a habitação de interesse social-HIS, o trabalho do GERAH visa, também, a complementação dos estudantes de arquitetura e urbanismo, na graduação e pós-graduação, com a continuídade das disciplinas já criadas e ministrada pela coordenadora deste projeto, com esta finalidade. Sobre Léfèbvre(ARQ0267 - TOPICOS ESPECIAIS EM ARQUITETURA E URBANISMO 03 - Turma: 01 (2009.2); ARQ0007 - ESTAGIO DOCENCIA EM ARQUITETURA E URBANISMO IV - Turma: 01 (2009.2); e ARQ2022 - SEMINARIO TEMATICO IV - Turma: 02 (2009.2)) e o Módulo Assistência Técnica a Habitação de Interesse Social - Turma:01 (2009-1)...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Cecília Marilaine Rego de Soares - Integrante / Irene Alves de Paiva - Integrante / MANOEL LUCAS FILHO - Integrante / Kleiton Cassimiro do Nascimento - Integrante / Dinarte Aeda da Silva - Integrante / Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco - Integrante / Cinthia Soares de Oliveira - Integrante / Pascal Machado - Integrante / Lincon Morais de Souza - Integrante.
2009 - Atual
A casa dos sonhos do MST: mudança nos sonhos, desejos e expectativas das famílias do campo nos projetos de assentamentos rurais vinculados ao MST a partir da assistência técnica do GERAH.
Descrição: O Projeto A casa dos sonhos do MST: mudança nos sonhos, desejos e expectativas das famílias do campo nos projetos de assentamentos rurais vinculados ao MST a partir da assistência técnica do Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat GERAH dá continuidade às análises que o Grupo, do Departamento de Arquitetura, vem desenvolvendo a partir da assessoria que presta ao MST e ao INCRA desde 1994. Ele é um desdobramento do projeto Habitats em Movimento: Possibilidades e limitações da metodologia de autogestão da construção dos assentamentos coordenados pelo MST e na melhoria de suas habitações que analisa sua assessoria enquanto mentor das metodologias e coordenador técnico dos assentamentos em construção ou em reforma, de acordo com os programas de financiamento do INCRA, da CAIXA e, a partir de 2009, da inserção do Governo do Estado do RN. Atualmente, as atuais iniciativas do Governo Federal resvala entre a recém aprovada Lei 1.888/2008, Assistência técnica à Habitação de Interesse Social, de iniciativa do Deputado Federal Zezel do seu partido (PT, também oriundo do movimento sindical dos arquitetos), que prioriza o direito das populações de menor poder aquisitivo à moradia de qualidade, com prioridade para os mutirões assistido, ao mesmo tempo que lança um programa Nossa casa nossa vida , que trata da construção por construtoras de 1.000.000 habitações, em um ano. Portanto, este projeto visa contribuir com novas possibilidades das ações do Estado e dos movimentos sociais, a partir da análise dos programas que atuam na área, frente aos sonhos, desejos e expectativas das famílias assentadas em projetos coordenados ou vinculados ao MST nos últimos 10 anos. Para compreendê-los, faz-se necessário conhecer a realidade do vivido e do presente desse segmento, que referencia, em parte, suas escolhas. Sua desvinculação do outro projeto (citado anteriormente) se deve ao fato de suas especificidades, diante do amplo leque de objetivos do mesmo.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Irene Alves de Paiva - Integrante / Kleiton Cassimiro do Nascimento - Integrante / Cinthia Soares de Oliveira - Integrante / Edja Bezerra Faria Trigueiro - Integrante.
2009 - Atual
Assistência técnica a habitação de interesse social no campo: possibilidades e limitações da metodologia de autogestão da construção dos assentamentos coordenados pelo MST
Descrição: O Projeto Habitats em Movimento: Possibilidades e limitações da metodologia de autogestão da construção dos assentamentos coordenados pelo MST e na melhoria de suas habitações dá continuidade às ações do Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat GERAH do Departamento de Arquitetura, em parceria com o MST, o INCRA e, recentemente, a CAIXA e a colaboração de vários professores de outros departamentos da UFRN. Ele tem como objetivo coordenar a construção ou a melhoria de habitações dos assentamentos dirigidos pelo MST no Nordeste, de acordo com os programas de financiamento da CAIXA. Considerando as tímidas iniciativas do Governo Federal em resolver os problemas causados pela inadequação dos programas que atuam na área, a análise da inserção desta complementa os reduzidos recursos para habitação nos assentamentos e poderá remeter a uma nova política, desde que inclua a compreensão das necessidades reais da construção de uma moradia rural num habitat coletivo. É, também, um novo desafio na continuidade da metodologia de intervenção físico-territorial do GERAH/MST, consolidando a metodologia de organização do processo de autogestão nos assentamentos, enquanto instrumento de fortalecimento e aprendizagem de gestão e planejamento por parte dos assentados e o processo de autonomia do MST..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Cecília Marilaine Rego de Soares - Integrante / Irene Alves de Paiva - Integrante / MANOEL LUCAS FILHO - Integrante / Kleiton Cassimiro do Nascimento - Integrante / Dinarte Aeda da Silva - Integrante / Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco - Integrante / Pascal Machado - Integrante.
2008 - 2009
Habitats em Movimento: Possibilidades e limitações da metodologia de autogestão da construção dos assentamentos coordenados pelo MST na melhoria de suas habitações
Descrição: O Projeto Habitats em Movimento: Possibilidades e limitações da metodologia de autogestão da construção dos assentamentos coordenados pelo MST e na melhoria de suas habitações dá continuidade às ações do Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat GERAH do Departamento de Arquitetura, em parceria com o MST, o INCRA e, recentemente, a CAIXA e a colaboração de vários professores de outros departamentos da UFRN. Ele tem como objetivo coordenar a construção ou a melhoria de habitações dos assentamentos dirigidos pelo MST no Nordeste, de acordo com os programas de financiamento da CAIXA. Considerando as tímidas iniciativas do Governo Federal em resolver os problemas causados pela inadequação dos programas que atuam na área, a análise da inserção desta complementa os reduzidos recursos para habitação nos assentamentos e poderá remeter a uma nova política, desde que inclua a compreensão das necessidades reais da construção de uma moradia rural num habitat coletivo. É, também, um novo desafio na continuidade da metodologia de intervenção físico-territorial do GERAH/MST, consolidando a metodologia de organização do processo de autogestão nos assentamentos, enquanto instrumento de fortalecimento e aprendizagem de gestão e planejamento por parte dos assentados e o processo de autonomia do MST..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Cecília Marilaine Rego de Soares - Integrante / Vivianne Glaysse Mafra Medeiros - Integrante / Irene Alves de Paiva - Integrante / MANOEL LUCAS FILHO - Integrante / Raissa Salviano - Integrante / Kleiton Cassimiro do Nascimento - Integrante / Dinarte Aeda da Silva - Integrante / Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco - Integrante / Sarah de Andrade e Andrade - Integrante.
2002 - 2003
A universidade e o MST: Resgate das ações do curso e do departamento de Arquitetura da UFRN
Descrição: Muitos foram os procedimentos desenvolvidos desde 1994, quando iniciamos nossa ação junto ao MST. Desde então, foram realizados projetos de três habitats concentrados no RN, palestras, artigos e inserção de alunos dentro e fora da sala de aula. Em 1996 decidimos parar para refletir sobre temática, comparando os conhecimentos adquiridos com as experiências no RN com a realidade de outros locais do Brasil. Em 1997 iniciamos o nosso doutorado que teve como tese MST: Habitats em Movimento que analiza as tipologias concentradas, dispersas e mistas nos assentamentos do MST em SP e no RN. Atualmente reiniciamos nossas atividades docentes, com a inserção de novos professores e alunos -em sala de aula, estagiários da pesquisa e da extensão e de Trabalho final de graduação - que desenvolvem, sob nossa coordenação, novos objetos de estudo sobre a temática.Consideramos, portanto, importante avaliar os caminhos já percorridos, para que possamos otimizar nossos esforços na continuidade de nossas ações, objeto deste projeto. Neste início de milênio, a economia rural, a agronomia, a engenharia e as ciências genéticas, dispuseram-se a vencer os desafios com a acelerada urbanização e a necessidade do aumento da produção alimentar e a redução do número de indivíduos no campo..
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (2) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Mariana Brito de Lima - Integrante / Dorisbel Gomes Toscano - Integrante.


Projetos de extensão


2015 - Atual
DESVENDANDO O HABITAT DOS ASSENTAMENTOS DE REFORMA AGRÁRIA DO RIO GRANDE DO NORTE
Descrição: Iniciado suas atividades de assessoria prestada ao MST em 1994 ? referente ao sobre o parcelamento do solo e habitação nos projetos de reforma agrária do estado do Rio Grande do Norte, com ênfase ao planejamento e projetos para assentamentos novos e análise da situação dos demais ? o GERAH/ECOhabitat do DARQ da UFRN vem dando continuidade às ações da Universidade por meio de ações que congregam o ensino, a pesquisa e a extensão. São mais de 20 anos de produção intelectual, resultando em trabalhos científicos, artigos, projetos, inventários, trabalhos finais de graduação, dissertações de mestrado, dentre outros, acerca da temática voltada aos assentamentos de reforma agrária, sobretudo em relação ao espaço físico do seu local de moradia (habitat). Contudo, existe a necessidade de seleção, organização, catalogação e/ou digitalização dessa documentação produzida, com a intensão de facilitar o entendimento de todo esse conhecimento produzido, bem como para auxiliar a outros pesquisadores ou ao público em geral. A intensão é incrementar e aglutinar um banco de dados com informações sobre a temática, contribuindo para facilitar a produção intelectual nessa temática do conhecimento humano.
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Cecília Marilaine Rego de Soares - Integrante.
2012 - 2013
A ASSESSORIA TÉCNICA DE ARQUITETOS E ENGENHEIROS EM HABITAÇÕES DE INTERESSE SOCIAL NO CAMPO: AMPLIAÇÃO, RE-USO DE ÁGUAS RESIDUAIS E O PLANEJAMENTO DAS ÁREAS LIVRES EM ASSENTAMENTOS COORDENADOS PELO MST
Descrição: Tendo iniciado suas atividades de assessoria prestada ao MST desde 1994 - referente ao planejamento e projetos para assentamentos novos e analise da situação dos demais - o GERAH vem dando continuidade as atividades da UFRN por meio de ações que congregam o ensino, a pesquisa e a extensão. No final de 2011, espera-se que os dois assentamentos assessorados, Bernardo Marin e Roseli Nunes, já estejam com habitabilidade concedida pela CEF. Portanto, para 2012 objetiva-se complementar as construções de doze das 45 unidades do 1º e das 40 do segundo. As demais atividades do Grupo será o acompanhamento da etapa de planejamento e execução dos projetos de seus espaços livres, objetos de arte e paisagismo do segundo, através de pesquisação e orientação técnica, coordenando a equipe técnica e articulando-a com a de outros projetos e parceiros, concretizando a autogestão assistida na busca de contribuir com a autonomia e o crescimento dos movimentos sociais..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Cecília Marilaine Rego de Soares - Integrante / Irene Alves de Paiva - Integrante / MANOEL LUCAS FILHO - Integrante / Dinarte Aeda da Silva - Integrante / Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco - Integrante / Marcela Albino do Nascimento - Integrante / JOÃO GOMES MAFRA NETO - Integrante / ADRIANA DE ARAÚJO RODRIGUES DA CUNHA - Integrante / REBECA GRILO DE SOUSA - Integrante / FILIPE IDALINO ALMEIDA DE MOURA - Integrante / INALDO FARIAS JÚNIOR - Integrante / POLLYANA KARENINE CAMPOS DE ANDRADE - Integrante / VANY PATRICK CORTEZ MORENO - Integrante / Maria Cristina de Morais - Integrante / Andrea de Alburquerque Vianna - Integrante / Jose Clewton do Nascimento - Integrante.
2011 - 2012
HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL EM MOVIMENTO - Extensão (Ação Associada)
Descrição: Este projeto, Habitação de Interesse Social em movimento , dá continuidade às ações desenvolvidas pelo Grupo de Estudos em Reforma Agrária e Habitat-GERAH. Elas partem da prática do Grupo que, desde sua criação, em 1994, através do ensino, insere a pesquisa e a extensão como atividades indissociáveis. Quanto à pesquisa, dará continuidade à avaliação e desenvolvimento da metodologia que, iniciada em 1994, hoje norteia ações de universidades, governamentais, como do INCRA (na Direção de Desenvolvimento dos Assentamentos e na sua superintendência do RN, com participações, parcerias e orientações) e da aplicabilidade nesses universos de princípios e métodos de Henri Léfèbvre. No ensino, desenvolverá, em 2011.01, a disciplina da Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo-PPGAU, sobre a Política e Projetos de Habitação Social II , que trata da história da política desenvolvida no País para a habitação social no campo e da metodologia desenvolvida pelo GERAH para essa forma de habitat e o Seminário Temático sobre o Espaço do habitat na obra de Henri Léfèbvre , em 2011.02, dando continuidade ao grupo de estudo existente. Na graduação, destaca-se o Módulo Assistência Técnica a Habitação de Interesse Social criado e ministrado em 2009.01, logo após a publicação da Lei de Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social em dezembro do ano anterior - de preparação dos alunos para a assessoria técnica aos movimentos populares, através da avaliação crítica de sua práxis utilização de seus métodos e técnicas nas assessorias desenvolvidas no RN, em experiências financiadas pelo INCRA e/ ou INCRA/CEF. Sua principal contribuição é portanto, contribuir com a formação de profissionais, pesquisadores, inovações tecnológicas e metodologias voltadas para o habitat e a habitação de interesse social, sobretudo no campo e de interesse dos movimentos sociais, integrando, ultrapassando as barreiras entre o rural e o urbano, entre o saber científico e o popular, entre os interesses dos conhecimentos e das políticas habitacionais e agrários...
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Cecília Marilaine Rego de Soares - Integrante / Irene Alves de Paiva - Integrante / MANOEL LUCAS FILHO - Integrante / Dinarte Aeda da Silva - Integrante / Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco - Integrante / Cinthia Soares de Oliveira - Integrante / Pascal Machado - Integrante / Luis Carlos da Silva Junior - Integrante / NDREA DE ALBUQUERQUE VIANNA - Integrante / Marcela Albino do Nascimento - Integrante / JOÃO GOMES MAFRA NETO - Integrante / BARTIRA FREITAS CALADO - Integrante / JÉSSICA BITTENCOURT BEZERRA - Integrante / ADRIANA DE ARAÚJO RODRIGUES DA CUNHA - Integrante / FERNANDA KAROLLINE DE MEDEIROS - Integrante / REBECA GRILO DE SOUSA - Integrante.
2011 - 2011
A ASSESSORIA TÉCNICA DE ARQUITETOS E ENGENHEIROS EM HABITAÇÕES DE INTERESSE SOCIAL NO CAMPO
Descrição: Tendo iniciado suas atividades de assessoria prestada ao MST desde 1994 - referente ao planejamento e projetos para assentamentos novos e analise da situação dos demais - o GERAH vem dando continuidade as atividades da UFRN por meio de ações que congregam o ensino, a pesquisa e a extensão. Em 2011 dará continuidade à coordenação do processo construtivo de dois assentamentos (Bernardo Marim e Roseli Nunes), ambos em fase de finalização da construção. Este projeto está dividido em quatro etapas: 1ª. Planejamento; 2ª. Projetos de arquitetura e urbanismo; 3ª. Organização da construção, compreendendo a formação de equipes, cursos para os construtores, adequação aos órgãos financiadores, participando de reuniões entre parceiros e os mesmos, orientação para a procura de melhores preços e gestão da construção, entre outras estratégias; e 4ª. Acompanhamento da construção, coordenando a equipe técnica e articulando-a às demais, concretizando a autogestão assistida na busca de contribuir com a autonomia e o crescimento dos movimentos sociais...
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Maria Cândida Teixeira de Cerqueira - Integrante / Amadja Henrique Borges - Coordenador / Cecília Marilaine Rego de Soares - Integrante / Irene Alves de Paiva - Integrante / MANOEL LUCAS FILHO - Integrante / Dinarte Aeda da Silva - Integrante / Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco - Integrante / Pascal Machado - Integrante / Luis Carlos da Silva Junior - Integrante / Marcela Albino do Nascimento - Integrante / JOÃO GOMES MAFRA NETO - Integrante / ADRIANA DE ARAÚJO RODRIGUES DA CUNHA - Integrante / FILIPE IDALINO ALMEIDA DE MOURA - Integrante / JANYFFER CAVALCANTE DE MORAIS - Integrante / INALDO FARIAS JÚNIOR - Integrante / POLLYANA KARENINE CAMPOS DE ANDRADE - Integrante / VANY PATRICK CORTEZ MORENO - Integrante.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2003
medalha de mérito estudantil, Universidade Federal do Rio Grande do Norte.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
ANDRAFE, Sarah de Andrade2016ANDRAFE, Sarah de Andrade ; BORGES, Amadja Henrique ; SOARES, Cecília Marilaine Rego ; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de . Espaços livres públicos em assentamentos rurais: a experiência do Rosário. P@ranoá (UnB), v. 1, p. NI, 2016.

2.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de2016CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. Projeto de Assentamento Maisa: conflito entre os saberes técnico e popular no processo de planejamento físico-espacial do seu habitat. P@ranoá (UnB), v. 1, p. NI, 2016.

Capítulos de livros publicados
1.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de; BORGES, Amadja Henrique ; SOARES, Cecília Marilaine Rego . EXPERIÊNCIA EM ASSISTÊNCIA TÉCNICA PARA HABITATS DE REFORMA AGRÁRIA: UNIVERSIDADE, ESTADO E MOVIMENTO SOCIAL. In: Jeanine Mafra Migliorini. (Org.). O essencial da arquitetura e urbanismo. 1ed.Ponta Grossa: Atena, 2018, v. 1, p. 82-97.

2.
BORGES, Amadja Henrique ; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de ; MACHADO, Pascal ; SOARES, Cecília Marilaine Rego . A moradia enquanto instrumento de aproximação entre as bandeiras de luta dos movimentos do campo e da cidade. In: Suely Leal; Norma Lacerda. (Org.). Novos Padrões de Acumulação Urbana na Produção do Habitat: Olhares Cruzados Brasil-França. 01ed.Recife: Editora Universitária da UFPE, 2010, v. 01, p. 415-434.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BORGES, Amadja Henrique ; SOARES, Cecília Marilaine Rego ; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de ; ANDRAFE, Sarah de Andrade . A assistência técnica de arquitetura e urbanismo para além do espaço urbano: reforma e melhoria de habitações em assentamentos do MST e quilombola. In: 7º Seminário Mato-grossense de Habitação de Interesse Social, 2017, Barra do Bugres. Sétimo Seminário Mato-Grossense de habitação de interesse social : habitação e cidade : construindo consensos,. Carceres: Editora da UNEMAT, 2017. v. 01. p. 269-280.

2.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de; BORGES, Amadja Henrique ; SOARES, Cecília Marilaine Rego . Experiência em assistência técnica para habitats de reforma agrária: universidade, estado e movimento social. In: Encontro Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação, 2016, Porto Alegre. Anais do IV ENANPARQ, Estado da Arte. Porto Alegre: PROPAR/UFGRS, 2016. p. 1-23.

3.
BORGES, Amadja Henrique ; SOARES, Cecília Marilaine Rego ; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de . Ninho Vazio. In: VII Encontro da Rede de Estudos Rurais, 2016, Natal. Anais do VII Encontro da Rede de Estudos Rurais. Natal: DDP/UFRN, 2016. p. 1-11.

4.
BORGES, Amadja Henrique ; SOARES, Cecília Marilaine Rego ; OLIVEIRA, L. A. ; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de . Autogestão e o ninho vazio. In: III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas, 2015, Brasília. Anais III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas. Brasilia: UNB, 2015.

5.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. Projeto de Assentamento Maisa: conflito entre os saberes técnico e popular no processo de planejamento físico-espacial do seu habitat. In: III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas, 2015, Brasília. Anais III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas. Brasília: UNB, 2015.

6.
ANDRAFE, Sarah de Andrade ; BORGES, Amadja Henrique ; SOARES, Cecília Marilaine Rego ; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de . O verso do reverso na construção do habitat do campo: gênero, participação e cidadania. In: III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas, 2015, Brasília. Anais III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas. Brasília: UNB, 2015.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de; BORGES, Amadja Henrique . O CAMPO NO BRASIL URBANO: INSTRUMENTOS JURÍDICOS DO ESTADO PARA A HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL NOS ASSENTAMENTOS DE REFORMA AGRÁRIA. In: IX Congresso Brasileiro de Direito Urbanístico, 2017, Florianópolis. Anais do IX Congresso Brasileiro de Direito Urbanístico, 2017.

2.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. Reconstruindo o desenho do habitat de reforma agrária: novas possibilidades para o poder público - premissas básicas. In: 4o Simpósio de Pesquisa do PPGAU-UFRN, Doutorado, mestrado e mestrado profissional, 2016, Natal. Anais 4o Simpósio de Pesquiss do PPGAU-UFRN. Natal: PPGAU/UFRN, 2016. p. 1-6.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BORGES, Amadja Henrique ; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de ; MEDEIROS, V. G. M. ; SOARES, Cecília Marilaine Rego . O possível entre a tradição e o novo, o individual e o coletivo. In: VIII Congresso Ibero-americano de Extensão Universitária, 2005, Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Extensão Universitária, 2005. v. 3.

Apresentações de Trabalho
1.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de; BORGES, Amadja Henrique . O CAMPO NO BRASIL URBANO: INSTRUMENTOS JURÍDICOS DO ESTADO PARA A HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL NOS ASSENTAMENTOS DE REFORMA AGRÁRIA. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
BORGES, Amadja Henrique ; SOARES, Cecília Marilaine Rego ; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de ; ANDRAFE, Sarah de Andrade . A assistência técnica de arquitetura e urbanismo para além do espaço urbano: reforma e melhoria de habitações em assentamentos do MST e quilombola. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. Universidade e Movimentos Sociais: Assessoria Técnica ao MST na construção de assentamentos rurais no RN. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. Universidade e Movimentos Sociais: Assessoria Técnica ao MST na construção de assentamentos rurais no RN. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. O HABITAT NA REFORMA AGRÁRIA. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

6.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. Experiência em assistência técnica para planejamento físico-ambiental de assentamentos rurais coordenados pelo MST. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. As experiências do arquiteto e urbanista nos assentamentos rurais. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Demais trabalhos
1.
CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. Leitura e Interpretação de Projetos. 2006 (Aula em curso técnico) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
ANDRAFE, Sarah de Andrade; MONTEIRO, F. F.; CERQUEIRA, Maria Cândida Teixeira de. Participação em banca de Alexsandra da Silva Araújo.Um mais um: a praça é minha, é sua é nossa. Projeto de requalificação da Praça Central de Neópolis. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Arquitetura e Urbanismo) - Centro Universitário UNIFACEX.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
5° SIMPÓSIO DE PESQUISA DO PPGAU-UFRN ? DOUTORADO, MESTRADO ACADÊMICO e MESTRADO PROFISSIONAL.O habitat na Reforma Agrária. 2017. (Simpósio).

2.
7º Seminário Mato-grossense de Habitação de Interesse Social.A assistência técnica de arquitetura e urbanismo para além do espaço urbano: reforma e melhoria de habitações em assentamentos do MST e quilombola. 2017. (Seminário).

3.
IX Congresso Brasileiro de Direito Urbanístico. O CAMPO NO BRASIL URBANO: INSTRUMENTOS JURÍDICOS DO ESTADO PARA A HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL NOS ASSENTAMENTOS DE REFORMA AGRÁRIA. 2017. (Congresso).

4.
VIII Projetar ? La experimentación proyectual. O desenho do possível e o projeto do habitat de reforma agrária. 2017. (Congresso).

5.
4o Simpósio de Pesquisa do PPGAU-UFRN, Doutorado, mestrado e mestrado profissional.Reconstruindo o desenho do habitat de reforma agrária: novas possibilidades para o poder público - premissas básicas. 2016. (Simpósio).

6.
Encontro Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação. Experiência em assistência técnica para habitats de reforma agrária: universidade, estado e movimento social. 2016. (Congresso).

7.
VII Encontro da Rede de Estudos Rurais. Ninho Vazio. 2016. (Congresso).

8.
3o Simpósio de Pesquisa do PPGAU-UFRN - Doutorado, mestrado e mestrado academico. 2015. (Seminário).

9.
III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas. O verso do reverso na construção do habitat do campo: gênero, participação e cidadania. 2015. (Congresso).

10.
III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas. A auto gestão e o Ninho vazio. 2015. (Congresso).

11.
III Coloquio Habitat e Cidadania: habitação no campo, nas águas. Projeto de Assentamento Maisa: conflito entre os saberes técnico e popular no processo de planejamento físico-espacial do seu habitat. 2015. (Congresso).

12.
VII Seminário Projetar - 2015. 2015. (Seminário).

13.
Curso de Arte Floral. 2011. (Outra).

14.
I Colóquio O Espaço do Habitat na Obra de Henri Lefebvre: Do Rural ao Urbano. 2011. (Outra).

15.
II Colóquio Habitat e Cidadania: habitação social no Campo.Bloco 01 de Experiênicas. 2011. (Outra).

16.
XIV Encontro Nacional da ANPUR - Quem planeja o território? Atores, arenas e estratégias. 2011. (Encontro).

17.
Congresso Internacional Sustentabilidade e Habitação de Interesse Social. Redesenhando com o MST o habitat da reforma agrária. 2010. (Congresso).

18.
Curso Avançado de Paisagismo. 2010. (Outra).

19.
Curso de Microstation V8 2D. 2010. (Outra).

20.
Curso de Sketchup Básico. 2010. (Outra).

21.
Oficina Nacional de Trabalhos dos Técnicos que Desenvolvem Atividades na Área de Obras dede Engenharia do Incra.PA Maria da Paz: uma referência em planejamento físico espacial de assentamentos rurais do RN. 2008. (Oficina).

22.
II Seminário Iberoamericano de Ciencia y Tecnologia para el Habitat Popular.?Assentamento Margarida Alves: contribuição para o processo de criação de uma metodologia para o desenho de habitats concentrados de assentamentos rurais do MST?. 2007. (Seminário).

23.
Colóquio Habitat e Cidadania: habitação de Interesse Social no Campo.EXPERIÊNCIA EM ASSISTÊNCIA TÉCNICA PARA PLANEJAMENTO FÍSICO-AMBIENTAL DE ASSENTAMENTOS RURAIS LIGADOS AO MST. 2006. (Outra).

24.
Colóquio Habitat e Cidadania: Habitação de Interesse Social no Campo.AGROVILA RENASCER: UM ESPAÇO DE MORADIA ESTRUTURADO PELOS SEUS MORADORES. 2006. (Outra).

25.
Colóquio Habitat e Cidadania: Habitação de Interesse Social no Campo.ASSENTAMENTO MARGARIDA ALVES: CONTRIBUIÇÃO PARA O PROCESSO DE CRIAÇÃO DE UMA METODOLOGIA PARA O DESENHO DE HABITATS CONCENTRADOS DE ASSENTAMENTOS RURAIS DO MST. 2006. (Outra).

26.
Colóquio Habitat e Cidadania: Habitação de Interesse Social no Campo.EXPERIÊNCIA EM ASSISTÊNCIA TÉCNICA PARA O PLANEJAMENTO FÍSICO-AMBIENTAL DE ASSENTAMENTOS RURAIS LIGADOS AO MST NO RIO GRANDE DO NORTE. 2006. (Outra).

27.
Seminário Nacional dos Novos Servidores do INCRA. 2006. (Seminário).

28.
VIII Congresso Ibero Americano de Extensão Universitária - Navegar é preciso. O desenho do possível: a UFRN e o MST na construção de um projeto-referência de reforma agrária. 2005. (Congresso).

29.
II Congresso Nacional de Iniciação Científica em Arquitetura e Urbanismo - CICAU. ?Agrovila Renascer: um espaço de moradia estruturado pelos seus moradores?.. 2002. (Congresso).

30.
VI Encontro Nacional de Ensino de Paisagismo em Escolas de Arquitetura e Urbanismo (ENEPEA). 2002. (Encontro).

31.
Congresso de Iniciação Científica da UFRN. ET. 185 Tirol e Petrópolis: da Hermes às dunas. O processo de ocupação e os parâmetros urbanísticos. 2000. (Congresso).

32.
VI Seminário de História da Cidade e Urbanismo: Cinco séculos de cidade no Brasil. 2000. (Seminário).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/01/2019 às 23:10:36