Inácio Helfer

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5246255686057823
  • Última atualização do currículo em 14/02/2019


Estágio sênior em Filosofia na University of Chicago (2017-2018). Possui pós-doutorado em Filosofia na Université de Montréal (2009-2010), doutorado em Filosofia pela Université de Paris I / Panthéon-Sorbonne (1996), DEA em História da Filosofia pela Université de Paris I / Panthéon-Sorbonne (1992) e mestrado em Filosofia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1991). É professor titular de filosofia na Universidade do Vale do Rio dos Sinos, RS, e na Universidade de Santa Cruz do Sul, RS. É pesquisador do CNPq com bolsa Produtividade em Pesquisa. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Filosofia Social e Política, trabalhando principalmente com os temas e autores: Kant, Hegel, Dialética, Filosofia da história, Filosofia política e Teoria do direito. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Inácio Helfer
Nome em citações bibliográficas
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO

Endereço


Endereço Profissional
Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Centro de Ciências Humanas.
Av. Unisinos, 950
Universitário
93022000 - São Leopoldo, RS - Brasil
Telefone: (51) 35911128
Ramal: 7607
Fax: (51) 35908112
URL da Homepage: http://www.unisinos.br


Formação acadêmica/titulação


1993 - 1996
Doutorado em Filosofia.
Université Paris 1 Pantheon-Sorbonne, PARIS 1, França.
Título: La philosophie de l'histoire de Hegel: la fin de l'histoire, Ano de obtenção: 1996.
Orientador: Bernard Bourgeois.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Hegel; Filosofia da História; Fim da história; Kojève; Fukuyama.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
Setores de atividade: Educação.
1991 - 1992
Mestrado em D E A de Histoire de La Philosophie.
Université Paris 1 Pantheon-Sorbonne, PARIS 1, França.
Título: Histoire et liberté chez Hegel,Ano de Obtenção: 1992.
Orientador: Bernard Bourgeois.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Hegel; Filosofia da História; Epistemologia.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
Setores de atividade: Educação.
1984 - 1991
Mestrado em Filosofia.
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
Título: História e Liberdade em Hegel,Ano de Obtenção: 1991.
Orientador: Denis L Rosenfield.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Hegel; Filosofia da História; Contingência; Necessidade; Lógica hegeliana.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia / Especialidade: Filosofia da História.
Setores de atividade: Educação.
1980 - 1982
Graduação em Filosofia.
Faculdade de Filosofia Nossa Senhora da Imaculada Conceição, FAFISIC, Brasil.
Título: Ciência e técnica enquanto ideologia.
Orientador: Maria Sieczkowska Mascarello.


Pós-doutorado


2017 - 2018
Pós-Doutorado.
University of Chicago, UChicago, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
2009 - 2010
Pós-Doutorado.
Université de Montréal, UM, Canadá.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.


Formação Complementar


2009 - 2010
Centre de Recherche en Éthique de l'Univ. de Mont.
Université de Montreal, UdeM, Canadá.


Atuação Profissional



Sociedade Hegel Brasileira, SHB, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2017
Vínculo: Presidente, Enquadramento Funcional: Presidente

Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Vice presidente, Enquadramento Funcional: Vice presidente


Universidade do Vale do Rio dos Sinos, UNISINOS, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor titular II, Carga horária: 40

Vínculo institucional

1999 - 2001
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 20

Vínculo institucional

1999 - 2001
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 20

Atividades

03/2010 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Serminário Avançado
3/2003 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Humanas, .

Linhas de pesquisa
Filosofia social e política
3/2002 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário de Dissertação
Seminário sobre filosofia da história
Seminário sobre filosofia do direito
Seminario sobre teorias de justiça
8/1999 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da história
Filosofia da natureza
03/2008 - 06/2008
Ensino, Especializaçao em Filosofia e seu Ensino, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Filosofia social e política
1/2006 - 10/2007
Direção e administração, Centro de Ciências Humanas, Comissão de Coord. do PPG em Filosofia.

Cargo ou função
Coordenador de Programa - PPG Filosofia.
1/2002 - 12/2005
Direção e administração, Centro de Ciências Humanas, Comissão de Coord. do PPG em Filosofia.

Cargo ou função
Outra - Membro da Comissão de Coord. do PPG Filosofia.
1/2002 - 7/2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho Universitário, Câmara de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão.

Cargo ou função
Membro de conselho superior.
3/2003 - 2/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade do Vale do Rio dos Sinos, .

Cargo ou função
Presidente Comissão.
1/2002 - 1/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas, Conselho do Centro de Ciências Humanas.

Cargo ou função
Membro de conselho de centro.
12/2003 - 12/2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas, Comissão de Coord. do PPG em Filosofia.

Cargo ou função
Membro de Comissão de Seleção de Admissão de Docente.
6/2003 - 6/2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade do Vale do Rio dos Sinos, .

Cargo ou função
Membro de equipe de seleção de docente.
3/2000 - 12/2002
Ensino, Engenharia Civil, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ética Geral
7/1999 - 12/2000
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia Geral

Universidade de Santa Cruz do Sul, UNISC, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - Atual
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor titular

Vínculo institucional

2000 - 2001
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 40

Vínculo institucional

1986 - 2000
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 40

Atividades

03/2007 - Atual
Ensino, Direito, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria do direito
3/2001 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ética II
Teoria do Conhecimento
9/1996 - 2/2002
Conselhos, Comissões e Consultoria, Pro Reitoria de Pós Graduação Pesquisa e Extensão, Programa de Pós Graduação Em Desenvolvimento Regional Mestrado.

Cargo ou função
Membro de comissão permanente.
3/1986 - 5/2001
Ensino, Economia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História econômica geral
3/2000 - 8/2000
Direção e administração, Curso de Filosofia, Filosofia.

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
3/2000 - 6/2000
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Filosofia
10/1999 - 3/2000
Direção e administração, Programa de Pós Gradação Em Desenvolvimento Regional, Programa de Pós Graduação Em Desenvolvimento Regional.

Cargo ou função
Coordenador de Programa de Pós Graduação Stricto Sensu.
3/1998 - 2/2000
Direção e administração, Universidade de Santa Cruz do Sul, .

Cargo ou função
Sub-coordenador de curso.
12/1998 - 12/1998
Ensino, Especialização Em Metodologia do Ensino da Geograf, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos e Técnicas de Pesquisa
10/1998 - 12/1998
Ensino, Especialização Em Globalização Econômica e Estraté, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos e Técnicas de Pesquisa
11/1998 - 11/1998
Ensino, Especialização Em Gestão Financeira, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Metodologia da pesquisa
3/1998 - 3/1998
Ensino, Especialização Em Literatura, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Iniciação à Pesquisa Científica
12/1996 - 4/1997
Ensino, Especialização Em Direito Processual, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Metodologia da pesquisa em direito
12/1996 - 3/1997
Ensino, Especialização Em Informática Aplicada à Educação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos e técnicas de Pesquisa
4/1996 - 5/1996
Ensino, Especialização da Qualidade Total, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos e técnicas de pesquisa
8/1989 - 3/1992
Direção e administração, Universidade de Santa Cruz do Sul, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
7/1989 - 7/1991
Direção e administração, Universidade de Santa Cruz do Sul, .

Cargo ou função
Membro de colegiado superior.
2/1986 - 1991
Ensino, Pedagogia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia
Sociologia da Educação
História da Educação
Filosofia da Educação
Métodos e Técnicas de Pesquisa
Fundamentos filosóficos da educação moral
História da filosofia II
Métodos e técnicas de pesquisa pedagógica
Filosofia II
8/1987 - 8/1988
Direção e administração, Universidade de Santa Cruz do Sul, .

Cargo ou função
Membro de Conselho.

Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 1998
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 40

Atividades

3/1997 - 12/1998
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Filsofia da história
Filosofia da natureza
Filosofia da religião II
3/1997 - 12/1998
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Eletiva I
Seminário II
Temas de história da filosofia moderna e contemporânea
Metodologia da Pesquisa Filosófica

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor Ad-hoc


Sociedade Kant Brasileira, SKB, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - Atual
Vínculo: Membro, Enquadramento Funcional: Membro, Carga horária: 0


Université de Montreal, UdeM, Canadá.
Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador associado, Carga horária: 40
Outras informações
Chercheur Associée du Centre de Recherche en Éthique de l'Université de Montréal



Linhas de pesquisa


1.
Filosofia social e política

Objetivo: A linha de pesquisa se propõe a investigar a tensão que articula teoria e prática, nesta área, visando a construir referenciais teóricos para refletir sobre questões sociais e políticas relevantes. Pretende realizar um diálogo produtivo, emancipatório e transdisciplinar com outras áreas, como Ciências Sociais, Direito, História, Psicologia e Educação. Para tanto, enfatiza a pesquisa acerca dos desafios éticos, políticos e sociais da atualidade: a globalização da economia mundial e massificação unidirecionalidade da política mundial e da tecnobiocultura. Envolve, também, a reflexão sobre os conceitos de ideologia e de poder, Direitos Humanos, teorias da história e teorias da justiça..
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Teoria do Direito.
Setores de atividade: Outro; Educação.
Palavras-chave: Direito; Política; Filosofia.


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana a partir de Taylor (parte II)
Descrição: A pesquisa sobre a ?teoria da ação? em Hegel visa aprofundar conhecimentos relativos à teoria do agir no pensador de Berlim com destaque às noções da ação moral e política. Indo além da perspectiva que circunscreveu a análise e problematização da concepção peculiar de conhecimento e de prática corporal não reflexiva da primeira fase desta pesquisa, almeja pôr em evidência a polêmica em torno dos aspectos do sujeito intencional e de sua ação, seja no comportamento moral ou em corpos sociais e políticos. O ponto de partida da pesquisa permanece o mesmo: o reconhecimento de que Hegel apresenta significativas contribuições para a filosofia da ação. Como foi apresentado nos resultados da pesquisa que reconstituía o ponto de vista de Taylor (1983), o pensador de Berlim teria formulado uma concepção qualitativa da ação, se opondo claramente a uma visão causal. Mas, esta tese é polêmica, tendo originado uma longa e profícua trajetória, cujas repercussões atuais são de grande monta, especialmente em Speigth-2001, Knowles-2002, Laitinen-2004, Fischbach-2004, Pippin-2008, Mcdowell-2009, Klotz-2010, Helfer-2011, Yeomans-2012, Cargnello-2014 e Thibodeau-2014. Esses comentadores aceitam, contudo, que a filosofia de Hegel pode ser entendida como o pensamento sobre a atividade pura do espírito universal, como uma atividade que existe em seu manifestar por intermédio de formas determinadas. Enquanto um diferenciar-se de si, o espírito se expressaria pelas ações humanas, com uma distinção entre ato e ação, die Tat e die Handlung, bem como seria o manifestar universal, que conforma as ações humanas como instrumentos na história mundial. Até aqui há muitas concordâncias. Contudo, sobre a especificidade da ligação entre intenção e ação, diferenças emergem. De um lado, os que pensam semelhante a Taylor, como Robert Pippin e Allen Speight, que explicam a ação em Hegel sob o viés de uma concepção retrospectiva da intenção, que seria fundada sobre a unidade especulativa da interioridade e exterioridade e uma significação expressiva e política. De outro, a posição de Dudley Knowles, Arto Laitinen e Michael Quante, que defende em linhas gerais um Hegel que veicula uma teoria causal do agir, no sentido de que sempre uma dada ação é o efeito de uma intenção, que lhe é a causa, e que, portanto, esgota sua explicação nos estados mentais do sujeito que a promove. A condução da presente pesquisa visa reconstruir este debate, salientar as diferenças e semelhanças, bem como apontar soluções. Percorrendo os argumentos de Taylor, que em quatro pilares de análise expõem o tema, a saber, 1) a concepção peculiar de conhecimento do agente; 2) a concepção de que a ação é primordialmente uma prática corporal não reflexiva, que pode ser transformada ulteriormente em consciência reflexiva pela atividade do agente 3) a teoria da significação expressiva 4) e, finalmente, a teoria da sociedade e da história, que supõe a ideia de ações irredutivelmente comuns, visa a pesquisa apontar alternativas significativas para o embate. Os dois primeiros pilares foram explorados na investigação que se encerra. Sobre os dois últimos se espera tematizar agora na continuação. Assim, o propósito da pesquisa consiste em examinar o papel que Hegel dá à intenção na compreensão e avaliação do agir humano, moral e político, tendo como ponto de partida Taylor. Pôr em evidência o debate entre as posições qualitativa e causal, detectar e esclarecer possíveis erros, bem como apontar soluções, são as contribuições que se espera da pesquisa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (6) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (12) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador / Khelley Caxias Batista Barbosa - Integrante / Luciana Coletti - Integrante / Ubiratan Trindade - Integrante / Maicon Rodrigo Rossetto - Integrante / Odair Camati - Integrante / Sérgio Wollmann - Integrante / Michele Borges Heldt - Integrante / Fernanda Muller Correa - Integrante / Jezreel Mello - Integrante / Fabrício de Mello - Integrante / Lauro Rocha Reis - Integrante / Marcos Aurélio Melo - Integrante / Daniel de Souza Mota - Integrante / Jaison Matias Partchel - Integrante / Eduardo Tergolina Teixeira - Integrante / Jean Borba dos Reis - Integrante / Joel Decothé - Integrante / Wildemar Felix Assunção e Silva - Integrante / Kelvin Felipe Weschenfelder - Integrante / Kairo Henrique da Silva - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 16 / Número de orientações: 8
2014 - 2017
O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor
Descrição: O escrito Espírito e ação na filosofia de Hegel (1983) de Taylor apresenta contribuições valiosas para pensar uma filosofia da ação no pensador de Berlim. Sem desconsiderar o fato de que Hegel, de um modo específico, não abordou a teoria da ação, sugere que diferentes respostas e tratamentos mais genéricos foram formulados em sua obra. Como se sabe, uma teoria da ação propriamente dita, à rigor, nem sequer fora formulada nos séculos XVIII e XIX. Ela se revelou importante e foi sistematizada somente no século XX, com as teorias sobre o agir humano propostas por Donald Davidson e John Searle no campo da filosofia, bem como em outras áreas. Contudo, a tese principal de Taylor é a de que Hegel formulou uma concepção qualitativa da ação, se opondo claramente a uma visão causal. Segundo o seu ponto de vista, o espírito é entendido como pura atividade, mas uma atividade que existe em seu manifestar-se, por intermédio de formas determinadas de sua existência. Por isso, enquanto um diferenciar-se de si mesmo, o espírito é aquilo que as ações humanas fazem de si, bem como é a realidade que o próprio espírito alcança por intermédio das ações humanas. Tal leitura exige que se compreenda os homens como agentes que, na ação, em última análise, se reconheçam idênticos ao espírito. Os pilares de sustentação deste argumento, segundo Taylor, residem em quatro posições: 1) a concepção peculiar de conhecimento do agente; 2) a concepção de que a ação é primordialmente uma prática corporal não reflexiva, que pode ser transformada ulteriormente em consciência reflexiva pela atividade do agente 3) a teoria da significação expressiva e, finalmente, 4) a teoria da sociedade e da história, que supõe a ideia de ações irredutivelmente comuns. Através da sustentação do ponto de vista desta pesquisa de que a compreensão de mediações dialéticas se encontra na base da visão de agente em Hegel, a pesquisa visa analisar a coerência ou não dos quatro argumentos de Taylor. A investigação visa reconstituir aspectos do argumento da teoria ação na perspectiva qualitativa, segundo Taylor, e concluir com parcimônia sobre a relevância a ser dada à ação do agente como resultado primordial da dialética dos desejos. Neste sentido, a hipótese que se sustenta se alia à tese de Robert Pippin que, em torno da teoria da ação em Hegel, sobretudo em Hegel?s Practical Philosophy: Rational Agency as Ethical Life - 2008, assinala a propriedade do ponto de vista de que as intenções formuladas por indivíduos sejam condições necessárias para que alguma coisa possa valer como uma ação, pressupondo um campo temporal e social extensos, segundo mediações que se explicitam numa dimensão processual. A hipótese que se sugere também recebe reforço do argumento de Bernard Bourgeois que, no livro Hegel: os atos do espírito ? 2004, sustenta que a ação em Hegel deva ser tomada não somente sob a esfera do espírito objetivo, mas também do espírito absoluto. Reconstituir argumentos taylorianos sobre a teoria da ação em Hegel e debatê-los à luz da análise de comentadores como Pippin e Bourgeios, bem como dos textos de Hegel mesmo, tal é o escopo deste projeto de pesquisa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (8) / Doutorado: (4) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador / Odair Camati - Integrante / Michele Borges Heldt - Integrante / Leandro Silva Bertoncello - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 13 / Número de orientações: 8
2014 - Atual
A inclusão do outro: o agir humano segundo Taylor
Descrição: Pensar o tema da inclusão do outro pressupõe pensar o modo como o homem age para concluir sobre possibilidades de obrigação individual e coletiva para com aqueles que mais necessitam. Segundo este ponto de partida, são significativas para as abordagens sobre o agir humano entender o papel das intenções, das percepções, das motivações racionais ou sentimentais e etc. O certo é que o homem age segundo representações articuladas, de um lado, e não articuladas, de outro. Por exemplo, age segundo a representação mental do significado da prática de certas ações para fazer o bem. Ou, age segundo representações não refletidas, segundo o impulso, ou por causa de um movimento imitativo quando age conforme os outros. A teoria da ação é precisamente o campo de investigações que visa analisar os processos que causam os movimentos humanos voluntários. Charles Taylor se interessou significativamente sobre este tema no contexto da filosofia de Hegel. Neste particular, o escrito Espírito e ação na filosofia de Hegel (1983) apresenta contribuições valiosas. Sem desconsiderar o fato de que Hegel, de um modo específico, não abordou a teoria da ação, sugere que diferentes respostas e tratamentos mais genéricos foram formulados em sua obra. Como se sabe, uma teoria da ação propriamente dita nem sequer fora formulada nos séculos XVIII e XIX. Ela foi sistematizada somente no século XX, com as teorias sobre o agir humano propostas por Donald Davidson e John Searle no campo da filosofia, bem como em outras áreas. Contudo, a tese principal de Taylor é a de que Hegel formulou uma concepção qualitativa da ação, se opondo claramente a uma visão causal. Segundo o seu ponto de vista, o espírito é entendido como pura atividade que existe em seu manifestar-se por intermédio de formas determinadas de sua existência. Por isso, enquanto um diferenciar-se de si mesmo, o espírito é aquilo que as ações humanas fazem de si, bem como é a realidade que o próprio espírito alcança por intermédio das ações humanas. Tal leitura exige que se compreenda os homens como agentes que, na ação, em última análise, se reconheçam idênticos ao espírito. Através da sustentação do ponto de vista de que a compreensão de mediações dialéticas se encontra na base da visão de agente em Hegel, a pesquisa visa analisar a coerência ou não de aspectos destes argumentos de Taylor. Ao formular esclarecimentos sobre este tema, será possível compreender com maior profundidade como pensar e promover a inclusão do outro..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador / Ariane Simioni - Integrante / Cleide Calgaro - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1
2013 - 2016
O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor - parte I
Descrição: O escrito Espírito e ação na filosofia de Hegel (1983) de Taylor apresenta contribuições valiosas para pensar uma filosofia da ação no pensador de Berlim. Sem desconsiderar o fato de que Hegel, de um modo específico, não abordou a teoria da ação, sugere que diferentes respostas e tratamentos mais genéricos foram formulados em sua obra. Como se sabe, uma teoria da ação propriamente dita, à rigor, nem sequer fora formulada nos séculos XVIII e XIX. Ela se revelou importante e foi sistematizada somente no século XX, com as teorias sobre o agir humano propostas por Donald Davidson e John Searle no campo da filosofia, bem como em outras áreas. Contudo, a tese principal de Taylor é a de que Hegel formulou uma concepção qualitativa da ação, se opondo claramente a uma visão causal. Segundo o seu ponto de vista, o espírito é entendido como pura atividade, mas uma atividade que existe em seu manifestar-se, por intermédio de formas determinadas de sua existência. Por isso, enquanto um diferenciar-se de si mesmo, o espírito é aquilo que as ações humanas fazem de si, bem como é a realidade que o próprio espírito alcança por intermédio das ações humanas. Tal leitura exige que se compreenda os homens como agentes que, na ação, em última análise, se reconheçam idênticos ao espírito. Os pilares de sustentação deste argumento, segundo Taylor, residem em quatro posições: 1) a concepção peculiar de conhecimento do agente; 2) a concepção de que a ação é primordialmente uma prática corporal não reflexiva, que pode ser transformada ulteriormente em consciência reflexiva pela atividade do agente 3) a teoria da significação expressiva e, finalmente, 4) a teoria da sociedade e da história, que supõe a ideia de ações irredutivelmente comuns. Através da sustentação do ponto de vista desta pesquisa de que a compreensão de mediações dialéticas se encontra na base da visão de agente em Hegel, a pesquisa visa analisar a coerência ou não dos quatro argumentos de Taylor. A investigação visa reconstituir aspectos do argumento da teoria ação na perspectiva qualitativa, segundo Taylor, e concluir com parcimônia sobre a relevância a ser dada à ação do agente como resultado primordial da dialética dos desejos. Neste sentido, a hipótese que se sustenta se alia à tese de Robert Pippin que, em torno da teoria da ação em Hegel, sobretudo em Hegel?s Practical Philosophy: Rational Agency as Ethical Life - 2008, assinala a propriedade do ponto de vista de que as intenções formuladas por indivíduos sejam condições necessárias para que alguma coisa possa valer como uma ação, pressupondo um campo temporal e social extensos, segundo mediações que se explicitam numa dimensão processual. A hipótese que se sugere também recebe reforço do argumento de Bernard Bourgeois que, no livro Hegel: os atos do espírito ? 2004, sustenta que a ação em Hegel deva ser tomada não somente sob a esfera do espírito objetivo, mas também do espírito absoluto. Reconstituir argumentos taylorianos sobre a teoria da ação em Hegel e debatê-los à luz da análise de comentadores como Pippin e Bourgeios, bem como dos textos de Hegel mesmo, tal é o escopo deste projeto de pesquisa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (5) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador / Khelley Caxias Batista Barbosa - Integrante / Roberto Carlos Favero - Integrante / Luciana Coletti - Integrante / Matheus Pelegrino da Silva - Integrante / Ubiratan Trindade - Integrante / Maicon Rodrigo Rossetto - Integrante / Odair Camati - Integrante / Sérgio Wollmann - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Remuneração.
Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 6
2011 - 2013
A inclusão do outro: reflexões sobre a ética comunitarista
Descrição: O embasamento de uma concepção moral passa pelo tratamento do fundamento de todas as coisas, denominado em filosofia de ontologia. Tal embasamento diz relação a uma questão prática na moral, uma vez que a ética aborda o domínio da ação humana, e, por isso, é melhor explicitada pela ?ontologia social?. Sob este ponto de vista, duas concepções distintas se destacam: a visão atomista e a holista. No primeiro caso, é sustentado o ponto de vista de que todas as ações e motivações do agir humano são explicadas estritamente por propriedades constituintes individuais; no segundo, é admitida a influência, em menor ou maior escala, de componentes coletivos, difusos na cultura, nos preceitos morais, etc. Uma ética de inspiração comunitarista privilegia a perspectiva de uma ontologia social holista; uma ética de inspiração liberal privilegia a perspectiva contrária, a da ontologia social atomista. Na esteira do argumento de Charles Taylor, a investigação visa analisar como os diferentes modelos ontológicos, que embasam a maneira como vivemos juntos em sociedade, o atomista e o holista, explicitam-se em diferentes concepções à cerca da identidade do self e seu fundamento moral. Selfs ?libertos? tenderiam a fazer a apologia de uma moral individualista, como a do utilitarismo (John Stuart Mill, Peter Singer, etc). Selfs ?situados? tenderiam a defender a perspectiva de uma moral de fundo comunitário, como o da ética da alteridade (Levinas) ou das virtudes (Aristóteles, Alasdair MacIntyre). O que se espera nesta investigação é apresentar e analisar os argumentos de sustentação de uma ética holista, que fundamenta a moral comunitarista, e, conseqüentemente, a sua influência sobre a forma de conceber as instituições, o sistema jurídico e o Estado propriamente dito. Em suma, o que se visa é determinar o que é a ética comunitarista e qual a sua influência sobre a forma de conceber as instituições em geral..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador / Ariane Simioni - Integrante / Cleide Calgaro - Integrante.

Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 4
2008 - 2010
A inclusão do outro: questões éticas e jurídicas
Descrição: Concernente ao tema da fundamentação ética e jurídica de políticas de inclusão social, não há um consenso sobre a primazia da possibilidade de fundamentar um objetivo ?substancial? para os agentes sociais, como sustentam os comunitaristas. Por isso, segundo muitos intérpretes, a ação de dirigentes políticos, empresariais e sociais, em princípio, não precisaria dar conta de atos que impliquem uma avaliação ética. Este é o argumento dos liberais. Dando continuidade à distinção clássica feita por Kant entre uma doutrina moral e uma doutrina da felicidade, os liberais separam radicalmente o que tem haver com o justo daquilo que tem haver com o bem. O justo, tema da doutrina moral, tem haver somente com os princípios e normas de equïdade ou de imparcialidade, os únicos capazes de garantir a coexistência da pluralidade de concepções de bem, impossíveis de pretenderem legitimamente a um reconhecimento público universal; o bem, tema da doutrina da felicidade, diz respeito à definição dos valores e dos fins que determinam a identidade das pessoas e das comunidades, bem como de sua orientação no mundo. O justo é da ordem do universal; o bem, da ordem do particular. Em síntese, o bem, que tem haver com a ética, deveria ser subordinado à moral, que tem haver com a justiça. Por isso, para os liberais uma sociedade bem ordenada, precisaria, apenas, dar conta dos procedimentos utilizados para implantar tal ação pública ou tal iniciativa privada para obter sucesso, à luz de objetivos a serem alcançados. Por extensão, no contexto da fundamentação do conceito do direito, não haveria a possibilidade de um consenso sobre a adequação do binômio justiça-moral no sistema judiciário. Nesta esfera, a prática corrente do modelo judiciário brasileiro é um bom exemplo, pois, afastando-se a ordem ética para solucionar impasses judiciais, os operadores jurídicos devem se ater somente às prerrogativas da lei, promovendo, assim, a justiça (conforme a lei!). Com efeito, considerando estes aspectos.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Universidade de Santa Cruz do Sul - Remuneração.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 3
2006 - 2009
Direito e história em Hegel e Charles Taylor
Descrição: A pesquisa visa analisar as noções de direito e história segundo a recepção de Charles Taylor (1931) à filosofia de Hegel (1770-1831). O filósofo canadense apresenta uma pretensa atualidade do pensamento hegeliano sob o prisma da filosofia política. Formula um discurso de integração, no lugar da oposição, dos valores contraditórios que caracterizam a sociedade moderna que, de um lado, insiste nos direitos individuais próprios do liberalismo e, de outro, valoriza as aspirações coletivas que se encontram no coração de movimentos comunitários e nacionalistas. Fundamenta este discurso no pensamento de Hegel. A investigação visa, entre outros aspectos, esclarecer se Hegel estaria na base mesma do debate contemporâneo entre comunitaristas e liberais avaliando os argumentos apresentados por Charles Taylor concernente à matéria. Sendo verdadeira a assertiva taylordiana, pressuposto assumido pela presente investigação, visa esclarecer como a concepção de direito, principalmente as idéias de contrato liberal e constituição, e a concepção de história, com destaque para a idéia de "expressivismo", oriunda de Herder e que é assimilada por Hegel, auxiliam na compreensão deste assunto. Para o desdobramento da pesquisa bibliográfica serão privilegiadas as contribuições de Hegel concernentes ao tema do direito e da história e sua releitura, crítica e recepção atualizadas por Charles Taylor. De um modo geral, como resultado da pesquisa espera-se, de um lado, aprofundar a reconstituição e análise da estrutura da argumentação hegeliana sobre o direito e a história, situando as diferenças que estabelece com a tradição e, de outro, apresentar e analisar sua recepção e críticas por Charles Taylor..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador / João Roberto Barros II - Integrante / Marcelo Luis Militão - Integrante / Marinei Silva Carvalho - Integrante.
Financiador(es): Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Bolsa / Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Remuneração / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4
2003 - 2006
Direito e história a partir da matriz hegeliana de pensamento
Descrição: A pesquisa tem como objetivo principal analisar as noções de "direito" e "história" a partir da matriz hegeliana de pensamento, bem como aspectos relativos ao desdobramento deste assunto, sua recepção e crítica posteriores. Hegel (1770-1831) introduziu uma distinção nova no tratamento do "direito" ao pensar sua origem, constituição e papel. Sugeriu, fundamentalmente, que o "direito" é o reino da liberdade efetiva, na medida em que a vontade quer a vontade livre e traduz este querer em determinações normativas. Opondo-se ao ponto de vista jusnaturalista, salientou que a origem do "direito" encontra-se na vontade que se dá regras, padrões de conduta, totalmente independentes da influência de uma tendência ou "lei natural" presentes na natureza humana ou numa ordem transcendente de cunho religioso ou cósmico. Ele designou o "direito" como fazendo parte de uma "segunda natureza" para enfatizar a contingência do ato de normatizar e obedecer a leis e a perspectiva superior à derivação da noção de dever-ser de um hipotético "estado de natureza", salientando com isso o aspecto propriamente racional, pois oriundo da vontade livre. Hegel introduziu, igualmente, a importância de considerar a "história" como uma dimensão intrínseca de auto-posição do ser. A "razão", o "conceito" ou o "espírito" são históricos porque constituem-se no tempo. Assim, é na história que é possível pensar a ética, a estrutura política do estado ou o direito dos povos, porque eles somente são bem apreendidos quando tomados como resultados e partícipes de processos culturais mais amplos. Com efeito, Hegel introduziu a dimensão temporal no conceito e com ela a negatividade como aspecto primordial de sua determinação. Para o desdobramento da pesquisa (metodologia) serão privilegiadas as contribuições de Hegel concernentes ao tema do "direito" e da "história" e sua presença em outros pensadores, especialmente Jürgen Habermas e Charles Taylor, através de uma pesquisa bibliográfica. Espera-se alcançar como r.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador / Giovani Meinhardt - Integrante / Claudiomiro de Oliveira - Integrante / João Roberto Barros II - Integrante / André Luiz Olivier da Silva - Integrante.

Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 3
1999 - 2003
Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noção de fim da história
Descrição: A pesquisa investigou a noção de fim da história em Hegel a partir de Alexandre Kojève (1902-1968). Segundo uma interpretação corrente, Hegel (1770-1831) introduziu a possibilidade de refletir sobre o tema ao defender a noção de sistema filosófico (conceitual) fechado. As filosofias da lógica, da natureza e do espírito poderiam ser concebidas como formulações de um círculo sistemático de noções que se fecham em si, preservando apenas uma abertura interna para seus momentos. Kojève examinou o tema a partir dessa interpretação e sugeriu a presença em Hegel de uma teoria do fim da história. Assim, segundo resultados da pesquisa, o fim da história em Hegel poderia ser apresentado por intermédio de duas vias: primeiro, porque, como a filosofia hegeliana teve a pretensão de expor a verdade absoluta como Idéia Absoluta, superando as limitações impostas pela razão teórica kantiana, ao entender que era possível falar da "realidade efetiva", Wirklichkeit, esta verdade não poderia abarcar outra mais universal e completa. Ela seria a totalidade do discurso entendida como expressão da razão que fala do real em sua idealidade e da idealidade efetivada do real. Ora, nesse sentido, o movimento histórico da cultura expresso pelo "espírito objetivo", necessariamente deveria ter alcançado sua plena determinação. Conseqüentemente, a novidade do princípio do Estado revolucionário francês difundido por Napoleão exigiria, no contexto da história da cultura, o fim da história efetiva. Em segundo lugar, Kojève pressupôs que a prova histórica napoleônica, devido as dificuldades de implantação institucionais da época, fizeram com que Hegel fosse obrigado a antecipar o futuro histórico através do discurso sistemático. Tal antecipação de fechamento da história ocorreria no nível filosófico, através da exposição do sistema enciclopédico de seu pensamento. Assim, face às dificuldades de estruturação prático-políticas do princípio do Estado Moderno, a filosofia especulativa ocuparia tal lugar. Est.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Inácio Helfer - Coordenador / Marisa Monticelli Krindges - Integrante / Taís Raquel Knebelkamp - Integrante / Paulo Hahn - Integrante.

Número de produções C, T & A: 19 / Número de orientações: 5


Membro de corpo editorial


2005 - Atual
Periódico: Controvérsia
2000 - Atual
Periódico: Revista do Direito (UNISC. Impresso)


Membro de comitê de assessoramento


2013 - Atual
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico


Revisor de periódico


2005 - Atual
Periódico: Estudo & Debate (Lajeado)
2000 - Atual
Periódico: Filosofia Unisinos
1998 - 2005
Periódico: Redes (Santa Cruz do Sul)
1996 - Atual
Periódico: Redes (Santa Cruz do Sul)
2007 - Atual
Periódico: Controvérsia (UNISINOS)
1999 - Atual
Periódico: Revista do Direito (Santa Cruz do Sul)
2009 - Atual
Periódico: Princípios (UFRN. Impresso)
2006 - Atual
Periódico: Teoria e Sociedade
2015 - Atual
Periódico: Kínesis (Marília)
2017 - Atual
Periódico: TRANS/FORM/AÇÃO (UNESP. MARÍLIA. IMPRESSO)
2010 - Atual
Periódico: REVISTA DISSERTATIO DE FILOSOFIA
2015 - Atual
Periódico: Revista Eletrônica de Estudos Hegelianos


Revisor de projeto de fomento


2013 - Atual
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
1999 - Atual
Agência de fomento: Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos
1996 - Atual
Agência de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
1996 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética/Especialidade: Filosofia Social e Política.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Teoria do Direito.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia/Especialidade: História dos Sistemas de Pensamento Modernos.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política.


Idiomas


Alemão
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2017HELFER, I.; HELDT, M. B. . A reformulação do sentido da vida a partir do lluminismo segundo Charles Taylor. REVISTA DISSERTATIO DE FILOSOFIA, v. 44, p. 65-79, 2017.

2.
HELFER, INÁCIO2017HELFER, INÁCIO. L’Agent Humain: Aspects de la Théorie Hégélienne de l’action d’après Taylor. Hegel-Jahrbuch, v. 2017, p. 388-393, 2017.

3.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2016HELFER, I.; SIMIONI, Ariane . A ética discursiva aplicada na cultura mediatória. Direitos Culturais, v. 11, p. 143-145, 2016.

4.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2012 HELFER, I.. Os bens sociais são sempre bens convergentes?. Trans/Form/Ação (UNESP. Marília. Impresso), v. 35, p. 163-186, 2012.

5.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2011 HELFER, I.. Teoria da ação e mediações dialética em Hegel. Revista Eletrônica de Estudos Hegelianos, v. 1, p. 04-20, 2011.

6.
HELFER, I.2011HELFER, I.. La partialité pour le savoir de l'esprit absolu dans la connaissance de l'histoire universelle. Hegel-Jahrbuch, v. 2011, p. 85-89, 2011.

7.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2009HELFER, I.; Stein, Leandro Konzen . Kelsen e o trilema de Münchhausen. Sequência (UFSC), v. 29, p. 47-72, 2009.

8.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2006HELFER, I.; DALRI, Aline . Medidas socioeducativas em meio aberto: alternativas de inclusão social e formação pessoal. Revista do Direito (Santa Cruz do Sul), v. 25, p. 43, 2006.

9.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2003HELFER, I.; KRONBAUER, Luiz Gilberto . História do curso de Filosofia da UNISINOS. Filosofia Unisinos, São Leopoldo, v. 4, n.7, p. 49-66, 2003.

10.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2003HELFER, I.; SCHAEFER, Sérgio . Apoios teóricos e metodológicos em dissertações de mestrado II. Redes (Santa Cruz do Sul), Santa Cruz do Sul, v. 8, n.2, p. 155-177, 2003.

11.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2003HELFER, I.. A violência e o Estado em Hegel. Filosofia Politica (UFRGS), v. 5, p. 123-133, 2003.

12.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2002HELFER, I.. O pensamento político de Hegel (resenha). Filosofia Unisinos, São Leopoldo, v. 3, p. 201-203, 2002.

13.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2002HELFER, I.. A consciência moral em questão (resenha). Filosofia Unisinos, São Leopoldo, v. 3, n.5, p. 201-204, 2002.

14.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2002HELFER, I.. Antagonismo natural e história em Kant. Barbarói (UNISC. Impresso), Santa Cruz do Sul, v. 1, n.16, p. 33-55, 2002.

15.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2002HELFER, I.; SCHAEFER, Sérgio . Apoios teóricos e metodológicos em dissertações de mestrado I. Redes (Santa Cruz do Sul), Santa Cruz do Sul, v. 7, n.1, p. 77-101, 2002.

16.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2002HELFER, I.. Hegel e a luta pelo reconhecimento segundo Alexandre Kojève. Filosofia Unisinos, São Leopoldo, v. 3, n.5, p. 97-114, 2002.

17.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2001HELFER, I.; HAMMES, R. . Carnaval e movimentos sociais: a utopia da igualdade e da justiça social. Redes (Santa Cruz do Sul), Santa Cruz do Sul, v. 6, n.1, p. 137-147, 2001.

18.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2000 HELFER, I.. Kant, crítico de Herder. Studia Kantiana (Rio de Janeiro), São Paulo, v. 2, n.1, p. 71-85, 2000.

19.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO2000HELFER, I.. FILOSOFIA-UNISINOS: breve histórico dos periódicos que o antecederam. Filosofia Unisinos, São Leopoldo, v. 1, n.1, p. 7-22, 2000.

20.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO1999HELFER, I.. Considerações Sobre O Progresso Histórico Em Hegel. Redes (Santa Cruz do Sul), Santa Cruz do Sul, v. 4, p. 205-217, 1999.

21.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO1999HELFER, I.. O significado do método dialético em Marx: o ponto de vista de José Arthur Giannotti. Revista do Direito (UNISC. Impresso), Santa Cruz do Sul, v. 1, n.12, p. 67-75, 1999.

22.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO1998HELFER, I.. Considerações Sobre O Futuro da História Em Hegel. Veritas (Porto Alegre), Porto Alegre, v. 43, p. 1009-1019, 1998.

23.
HELFER, I.;HELFER, INÁCIO1997HELFER, I.. Do Procedimento Empírico Para Conhecer A História Universal Em Hegel. Filósofos, Goiânia, v. 2, p. 29-39, 1997.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
HELFER, I.. Lógica e metafísica em Hegel. 1. ed. São Leopoldo: Editora Unisinos, 2019. v. 1. 173p .

2.
HELFER, I.; BAVARESCO, Agemir (Org.) ; RAMALHO, J. S. (Org.) . Enciclopédia de Hegel 1817 ? 2017: duzentos anos de lógica - natureza - espírito. 1. ed. Porto Alegre: Editora Fi, 2017. v. 1. 301p .

3.
HELFER, I.; SCHMIDT, J. P. (Org.) ; BORBA, Ana Paula de Almeida de (Org.) . Comunidade & Comunitarismo. Temas em debate. 1. ed. Curitiba: Multideia, 2013. v. 1. 237p .

4.
AZAMBUJA, Celso Candido de (Org.) ; HELFER, I. (Org.) . Política e liberdade no século XXI. 1. ed. Nova Petrópolis: Nova Harmonia, 2011. v. 1. 144p .

5.
PIRES, Cecília Maria (Org.) ; HELFER, I. (Org.) ; Santos, Antonio Carlos dos (Org.) . Historia e barbarie. 1. ed. São Cristóvão: Editora da Universidade Federal de Sergipe, 2009. v. 1. 302p .

6.
HELFER, I.; LIMA, Carlos Cirne (Org.) ; ROHDEN, Luiz (Org.) . Dialética e natureza. 1. ed. Caxias do Sul: Educs, 2008. v. 1. 223p .

7.
HELFER, I.; LIMA, Carlos Cirne (Org.) ; ROHDEN, Luiz (Org.) . Dialética, caos e complexidade. 1. ed. São Leopoldo: Editora Unisinos, 2004. v. 1. 293p .

8.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz (Org.) ; SCHEID, Urbano (Org.) . O que é filosofia?. 1. ed. São Leopoldo: Editora UNISINOS, 2003. v. 1. 173p .

9.
HELFER, I.. Pensadores Alemães dos séculos XIX e XX. 1ª. ed. Santa Cruz do Sul/RS: EDUNISC, 2000. v. 1. 210p .

Capítulos de livros publicados
1.
HELFER, I.. A reflexão essencial no pensamento de Hegel. In: Inácio Helfer. (Org.). Lógica e metafísica em Hegel. 1ed.São Leopoldo: Editora Unisinos, 2019, v. 1, p. 34-53.

2.
HELFER, I.. Juízos de exatidão (Richtigkeit) e julgamento do conceito na história. In: Ricardo Tassinari; Agemir Bavaresco; Marcelo Marconato Magalhães. (Org.). Enciclopédia das ciências filosóficas: 200 anos. 1ed.Porto Alegre: Fi, 2018, v. 1, p. 113-136.

3.
HELFER, I.. O estatuto das determinações de reflexão como atividade e automovimento. In: Agemir Bavaresco; José Pinheiro Pertille; Jair Tauchen; Marloren Miranda. (Org.). Leituras da Lógica de Hegel: vol. 2. 1ed.Porto Alegre: Editora Fi, 2018, v. 1, p. 119-134.

4.
HELFER, I.. Hegel, ação e o homem. In: Luiz Rohden & Alvaro Valls. (Org.). Entre a Filosofia Dialética e a Gestão. Festschrift em homenagem ao Pe. Marcelo Fernandes de Aquino, S.J.. 1ed.São Leopoldo: Editora Unisinos, 2018, v. 1, p. 181-192.

5.
HELFER, I.. Ação histórica, imparcialidade e julgamento segundo a Enciclopédia das Ciências Filosóficas de Hegel. In: NEUMANN, Hardy; CUBO, Óscar; BAVARESCO, Agemir (Orgs.).. (Org.). Hegel y el proyecto de una Enciclopedia Filosófica: Comunicaciones del II Congreso Germano-Latinoamericano sobre la Filosofía de Hegel.. 1ed.Porto Alegre: Editora Fi, 2017, v. 1, p. 345-366.

6.
HELFER, I.; SIMIONI, Ariane . Direito e democracia: produto humano, cultural e ideológico. In: Clovis Gorczevski; Mônia Clarissa Hennig Leal. (Org.). Constitucionalismo Contemporâneo: concretizando direitos. 1ed.Curitiba: Multideia, 2013, v. 1, p. 89-106.

7.
HELFER, I.. Os bens sociais são sempre convergentes? Aspectos dos argumentos de Taylor.. In: HELFER, I.; SCHMIDT, J. P.; BORBA, Ana Paula de Almeida de. (Org.). Comunidade & Comunitarismo. Temas em debate.. 1ed.Curitiba: Multideia, 2013, v. 1, p. 55-77.

8.
HELFER, I.. Johann Gottfried von Herder. In: Maurício Parada. (Org.). Os historiadores: classicos da história. 1ed.Petrópolis: Editora Vozes; PUC-Rio, 2012, v. 1, p. 217-242.

9.
HELFER, I.; SPENGLER NETO, Theobaldo ; SIMIONI, Ariane . Como a ética discursiva pode ajudar na efetividade do processo civil. In: Clovis Gorczevski; Mônia Clarissa Heninng Leal. (Org.). Constitucionalismo contemporaneo: novos desafios. 1ed.Curitiba: Multideia, 2012, v. 1, p. 71-94.

10.
HELFER, I.; STURMER, M. C. M. . Tratados internacionais de direitos humanos: validação e aplicação no direito brasileiro. In: Clovis Gorczevski. (Org.). Direitos Humanos e participação política, vol III. 1ed.Porto Alegre: Imprensa Livre, 2012, v. III, p. 629-646.

11.
HELFER, I.. O jogo de futebol como uma contradição. In: Rohden, L.; Azevedo, M. A.; Azambuja, C. C.. (Org.). Filosofia e futebol: troca de passes. 1ed.Porto Alegre: Sulina, 2012, v. 1, p. 80-94.

12.
HELFER, I.. La partialité pour le savoir de l?esprit absolu dans la connaissance de l?histoire universelle. In: ARNDT, Andreas; CRUYSBERGHS, Paul; PRZYLEBSKI Andrzej(Hrsg.). (Org.). Hegel-Jahrbuch 2011 - Geist Zweiter Teil. 1ed.Berlim: Akademie Verlag, 2011, v. 2, p. 85-89.

13.
HELFER, I.. A fundamentação de éticas atomistas e holistas. In: LEAL, Rogério Gesta; REIS, Jorge. (Org.). (Org.). Direitos Sociais e Políticas públicas: desafios contemporâneos.. 1ed.Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2011, v. 11, p. 49-59.

14.
HELFER, I.. Da possibilidade de bens irredutivelmente sociais: o agente singular e o agente coletivo. In: AZAMBUJA, Celso Cândido de; HELFER, Inácio. (Org.). Política e liberdade no século XXI. 1ed.Nova Petrópolis: Nova Harmonia, 2011, v. 1, p. 48-59.

15.
HELFER, I.. Charles Taylor. In: Vicente de Paulo Barretto; Alfredo Culleton. (Org.). Dicionário de Filosofia Política. 1ed.Sao Leopoldo: Editora Unisinos, 2010, v. 1, p. 504-507.

16.
HELFER, I.. Hegel. In: Vicente de Paulo Barretto; Alfredo Culleton. (Org.). Dicionário de Filosofia Política. 1ed.Sao Leopoldo: Editora Unisinos, 2010, v. 1, p. 254-260.

17.
HELFER, I.. A ética na esfera jurídica. In: LEAL, Rogério Gesta; REIS, Jorge. (Org.). Direitos Sociais e Políticas públicas: desafios contemporâneos. 1ed.Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2010, v. 10, p. 3086-3095.

18.
HELFER, I.. Herder e a visao fragmentaria da historia. In: SANTOS, Antônio Carlos dos (Org.) ; HELFER, Inácio (Org.) ; PIRES, Cecília (Org.). (Org.). Historia e barbarie. 1ed.Sao Cristovao: Editora da Universidade Federal de Sergipe, 2009, v. 1, p. 147-166.

19.
HELFER, I.. Sobre o começo do sistema filosófico em Hegel e a crítica de Carlos Cirne-Lima. In: BRITO, Adriano Naves de. (Org.). Depois de Hegel: objeções e respostas. 1ed.Sao Leopoldo: Editora Unisinos, 2009, v. 1, p. 101-116.

20.
HELFER, I.. A questão da felicidade: um tema menor na obra magistral de G.W.F. Hegel. In: Suzana Guerra Albornoz. (Org.). A filosofia e a felicidade. 1ed.Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2009, v. 1, p. 109-126.

21.
HELFER, I.. O tempo do conceito em Hegel. In: Carlos Cirne-Lima; Inácio Helfer; Luiz Rohden. (Org.). Dialética e natureza. 1ed.Caxias do Sul: Educs, 2008, v. 1, p. 79-89.

22.
HELFER, I.. Hegel. In: Rossano Pecoraro. (Org.). Clássicos da Filosofia.. 1ed.Rio de Janeiro; Petrópolis: Editora PUC-Rio; Vozes, 2008, v. 2, p. 57-82.

23.
HELFER, I.. Inclusão social segundo liberais e comunitaristas. In: Jorge Renato dos Reis; Rogério Gesta Leal. (Org.). Direitos Sociais e Políticas públicas: desafios contemporâneos. 1ed.Santa Cruz do Sul: Edunisc, 2008, v. 8, p. 2564-2575.

24.
HELFER, I.. O Estado racional em Hegel: o particular e o universal mediatizados. In: REIS, Jorge Renato dos; LEAL, Rogério Gesta. (Org.). Direitos sociais & Políticas públicas: desafios contemporâneos.. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2007, v. 7, p. 2214-2224.

25.
HELFER, I.. La fin de l?humanité (Humanität) selon Herder. In: CATTIN, Emmanuel. FISCHBACH, Franck.. (Org.). L?héritage de la raison. Hommage à Bernard Bourgeois. 1ed.Paris: Editions Ellipses, 2007, v. 1, p. 129-144.

26.
HELFER, I.. Inclusão do outro, dever moral e direito segundo Habermas. In: Jorge Renato dos Reis; Rogério Gesta Leal. (Org.). Direitos Sociais e Políticas públicas: desafios contemporâneos. 1ed.Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2006, v. 6, p. 1621-1642.

27.
HELFER, I.. A atividade política na história segundo Hegel. In: Antônio Carlos dos Santos. (Org.). História, pensamento e ação. 1ed.São Cristóvão: Editora da Universidade Federal de Sergipe, 2006, v. 1, p. 335-350.

28.
HELFER, I.. La vie de l'esprit et l'histoire chez Hegel. In: Andreas Arndt; Paul Cruyberghs; Andrzej Przylebski; Franck Fischbach. (Org.). Hegel-Jahrbuch 2006 Das leben denken. 1ed.Berlim: Akademie Verlang, 2006, v. 1, p. 378-384.

29.
HELFER, I.. O caos em Kant. In: Inácio Helfer; Carlos Cirne Lima; Luiz Rohden. (Org.). Dialética, caos e complexidade. 1ed.São Leopoldo: Editora Unisinos, 2004, v. 1, p. 177-207.

30.
HELFER, I.. A questão da felicidade: um tema menor na obra magistral de G.W.F. Hegel. In: Suzana Guerra Albornoz. (Org.). A filosofia e a felicidade: o que os filósofos têm pensado sobre a felicidade humana. 1ed.Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2004, v. 1, p. 109-126.

31.
HELFER, I.. À propos de la circularité du savoir et de l histoire chez Hegel. In: Andreas Arndt; Karol Bal; Henning Ottmann. (Org.). Hegel Jahrbuch. 1ed.Berlim: Akademie Verlag, 2004, v. 2, p. 303-309.

32.
HELFER, I.. Eric Weil e a noção de fim da história. In: Edmilson Menezes; Marisa Donatelli. (Org.). Modernidade e a Idéia de História. 1ed.Ilhéus: Editora da Universidade Estadual de Santa Cruz, 2003, v. , p. 347-372.

33.
HELFER, I.. Autocausação e auto-organização em Hegel. In: Carlos Cirne-Lima; Luiz Rohden. (Org.). Dialética e auto-organização. 1ed.São Leopoldo: Editora UNISINOS, 2003, v. , p. 109-121.

34.
HELFER, I.. Curso de Filosofia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). In: Agemir Bavaresco. (Org.). História dos Cursos de Filosofia do Rio Grande do Sul. 1ed.Pelotas: Editora da Universidade Católica de Pelotas, 2002, v. 1, p. 77-88.

35.
HELFER, I.. A violência segundo Hegel. In: Draiton Gonzaga de Souza. (Org.). Amor scientiae: festschrift em homenagem a Reinholdo Aloysio Ullmann. 1ed.Porto Alegre: EDUPUCRS, 2002, v. , p. 347-360.

36.
HELFER, I.. La lutte pour la reconnaissance et la fin de l'histoire: la lecture de Kojève. In: Anfreas Arndt; Karol Bal; Henning Rodin. (Org.). Hegel-Jahrbuch 2002. 1ed.Berlim: Akademie Verlag, 2002, v. 2, p. 183-194.

37.
HELFER, I.. As perspectivas atuais da Filosofia do Direito. In: Rogério Gesta Leal; Luiz Ernani Bonesso de Araujo. (Org.). Direitos Sociais & Políticas Públicas: desafios contemporâneos. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2001, v. , p. 243-266.

38.
HELFER, I.. O progresso social em Herbert Marcuse. In: Inácio Helfer. (Org.). Pensadores alemães dos séculos XIX e XX. 1ªed.Santa Cruz do Sul/RS: EDUNISC, 2000, v. 1, p. 191-210.

39.
HELFER, I.. La fin de l'histoire et de l'art chez Hegel. In: Andreas Arndt; Karol Bal; Henning Ottmann. (Org.). Hegel-Jahrbuch 2000. 1ed.Berlim: Akademie Verlag, 2000, v. 2, p. 92-98.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
HELFER, I.. O saber que se revela na travessia em direção ao outro. IHU on-line, São Leopoldo, p. 37 - 39, 04 abr. 2016.

2.
HELFER, I.. Sociedade industrial e sua ideologia. Integração, Santa Cruz do Sul, p. 7 - 7, 02 set. 1989.

3.
HELFER, I.; SCHMIDT, J. P. . Filosofia e Democracia. Gazeta do Sul, Santa Cruz do Sul, p. 4 - 4, 31 mar. 1989.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
HELFER, I.. L?action, l?impartialité et le jugement dans l?histoire. In: 32nd International Hegel Congress of the International Hegel-Society June 5?8, 2018, 2018, Tampere. 32. Internationaler Hegel Kongress (Tampere, Finnland) Abstracts. Tampere: Tampere, 2018. v. 1. p. 28-29.

2.
HELFER, I.. O agente moral como expressão da ação (Handlung) livre. In: II Congreso Germano Latinoamericano sobre la Filosofía de Hegel - Hegel y el proyecto de una enciclopedia filosófica, 2017, Valparaíso. II Congreso Germano Latinoamericano sobre la Filosofía de Hegel - Hegel y el proyecto de una enciclopedia filosófica. Valparaíso: n/c, 2017. v. 1. p. 35-35.

3.
HELFER, I.. Ação história, imparcialidade e julgamento segundo a Enciclopédia de Hegel. In: IX Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira - Enciclopédia das Ciências Filosóficas - 200 anos., 2017, Marília. IX Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira - Enciclopédia das Ciências Filosóficas - 200 anos. Programa Oficial. Maríla: Editora da Unesp, 2017. v. 1. p. 21-22.

4.
HELFER, I.. Hegel, action et l'homme. In: 31. Internationaler Hegel-Kongress der Internationalen Hegel-Gesellschaft, 2016, Bochum. Abstractas - Erkenne dich selbst - Anthropologische Perspektiven. Bochum, 2016. v. 0. p. 40-40.

5.
HELFER, I.. O idealismo alemão de Hegel no contexto do sujeito de ação moral. In: XVII Semana de Filosofia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, 2016, São Paulo. Caderno de Resumos - XVII Semana de Filosofia da Universidade Presbiteriana Mackenzie. São Paulo: Editora Mackenzie, 2016. v. 1. p. 8-8.

6.
HELFER, I.. Contradição e liberdade na lógica hegeliana. In: VIII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira, 2015, São Leopoldo. Caderno de Resumos do VIII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. São Leopoldo: Unisinos, 2015. v. 1. p. 18-18.

7.
HELFER, I.. A concepção hegeliana de ética. In: VI Colóquio Internacional de ética: intencionalidade e responsabilidade moral, 2014, Santa Maria. Caderno de Resumos.VI Colóquio Internacional de ética: intencionalidade e responsabilidade moral. Santa Maria: Santa Maria, 2014. v. 1. p. 35-35.

8.
HELFER, I.. L'agent humain: aspects de la théorie hégélienne de l'action d'après Taylor. In: 30. Kongress der Internationalen Hegel-Gesellschaft - Hegels antwort auf Kant, 2014, Wien. Abstracts.30. Kongress der Internationalen Hegel-Gesellschaft - Hegels antwort auf Kant. Wien: Wissenschaftliche Organisation, 2014. v. 1. p. 72-72.

9.
HELFER, I.. A concepção de agente humano na dialética do reconhecimento de Hegel. In: XVII Congresso Interamericano de Filosofia, 2013, Salvador. XVII Congresso Interamericano de Filosofia: livro de resumos. Salvador: Quarteto Editora, 2013. v. 1. p. 240-241.

10.
HELFER, I.. Tempo, conceito e religião. In: VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira, 2013, São Leopoldo. Caderno de Resumos: VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira; a filosofia da história de Hegel. São Leopoldo: xxx, 2013. v. 1. p. 23-23.

11.
HELFER, I.. Ação do agente e mediações dialéticas em Hegel. In: XV Encontro Nacional ANPOF, 2012, Curitiba. Caderno de Resumos - XV Encontro nacional ANPOF. Curitiba, 2012. v. 1. p. 342-342.

12.
HELFER, I.. A importância de Herder na origem da linguagem. In: Simpósio Margens da Palavra: veredas filosófico-literárias no Brasil, 2011, Sao Leopoldo. Caderno de Resumos. Porto Alegre: Editorial Philosophia, 2011. v. 1. p. 21-21.

13.
HELFER, I.. Variedade e individualidade na formaçao da identidade dos povos: Herder lido por Taylor. In: VI Colóquio Nacional de Filosofia da História: história e ilustraçao, 2011, Curitiba. Cadernos e resumos do VI Colóquio Nacional de Filosofia da História: história e ilustraçao. Curitiba: UTP, 2011. v. 1. p. 29-30.

14.
HELFER, I.. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. In: XIV Encontro Nacional de Pós-Graduaçao em Filosofia, 2010, Águas de Lindóia. Atas do XIV Encontro Nacional de Filosofia. Rio de Janeiro: Imos Gráfica, 2010. v. 1. p. 246-246.

15.
HELFER, I.. La partialité pour le savoir de l'esprit absolu dans la connaissance de l'histoire universelle. In: XXVII Internationaler Hegel-Kongress, 2008, Leuven. XXVII. Internationaler Hegel-Kongress der Internationalen Hegel-Gesellschaft e.V.. Leuven: Peeters Publishers, 2008. v. 1. p. 65-65.

16.
HELFER, I.; KUNZLER, I. J. . Dever fundamental de pagar impostos. In: XIV Seminário de Iniciação Científica e XIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unisc, 2008, Santa Cruz do Sul. XIV Seminário de Iniciação Científica e XIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unisc. Santa Cruz do Sul: Edunisc, 2008. v. 1. p. 1-1.

17.
HELFER, I.. Epistemologia e política em C. Taylor. In: XIII Encontro Nacional de Filosofia, 2008, Canela. Atas do XIII Encontro Nacional de Filosofia (ANPOF). São Leopoldo: Editora Unisinos, 2008. v. 1. p. 306-307.

18.
HELFER, I.. O fim da humanidade segundo Herder. In: IV Colóquio Nacional de Filosofia da História e X Colóquio de Filosofia Unisinos, 2007, São Leopoldo. Caderno de Resumos do IV Colóquio Nacional de Filosofia da História e X Colóquio de Filosofia Unisinos, 2007. p. 55-56.

19.
HELFER, I.; WEBER, R. O. . A luta pela inclusão social e o direito: uma abordagem a partir da política do reconhecimento de Charles Taylor. In: XIII Seminário de iniciação científica e XII Jornada de ensino, pesquisa e extensão Unisc, 2007, Santa Cruz do Sul. XIII Seminário de iniciação científica e XII Jornada de ensino, pesquisa e extensão Unisc. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2007. v. 1. p. 1-1.

20.
HELFER, I.. Relatório de participação em Reunião da área de filosofia. In: Reunião dos Coordenadores de Pós-Graduação em Filosofia com o Representante de área, 2007, Brasilia. Relatório de participação em Reunião da área de filosofia, 2007. v. 1. p. 1-1.

21.
HELFER, I.. A luta pelo reconhecimento e o direito. In: XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2006, Salvador. Atas do XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Salvador: Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia, 2006. v. 1. p. 240-240.

22.
HELFER, I.. Relatório de participação em Reunião de Área da Filosofia. In: Reunião dos Coordenadores de Pós-Graduação em Filosofia com representante de área, 2006, Brasilia. Relatório de participação em Reunião de Área da Filosofia, 2006. v. 1. p. 1-1.

23.
HELFER, I.. A luta pelo reconhecimento segundo Habermas. In: IX Simpósio Internacional da Associação Ibero-Americana de Filosofia Política e VIII Colóquio de Filosofia - Unisinos, 2005, São Leopoldo. IX Simpósio Internacional da Associação Ibero-Americana de Filosofia Política e VIII Colóquio de Filosofia - Unisinos. São Leopoldo, 2005.

24.
HELFER, I.. A atividade política na história segundo Hegel. In: III Colóquio Nacional de Filosofia da História, 2005, São Cristóvão. Caderno de Resumos do III Colóquio Nacional de Filosofia da História. São Cristóvão, 2005. p. 5-5.

25.
HELFER, I.. O caos em Kant. In: XI Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2004, Salvador. Atas do XI Encontro Nacional de Filosofia - ANPOF. Salvador: EDUFBA, 2004. v. 1. p. 202-202.

26.
HELFER, I.; BERNARDES, Cristiano Escobar Carvalho ; SILVA, Mozart Linhares da . Desenvolvimento regional: um projeto possível dentro de sua impossibilidade. In: X Seminário de Iniciação Científica e IX Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2004, Santa Cruz do Sul. Água: recurso inesgotável? X Seminário de Iniciação Científica e IX Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão. Santa Cruz do Sul: Edunisc, 2004. v. 1. p. 1-1.

27.
HELFER, I.. O conceito e o tempo em Hegel. In: II Colóquio Nacional de Filosofia da História - tempo e história, 2003, Uberlândia. Cadernos de resumos do II Colóquio Nacional de Filosofia da História. Ilhéus: Editus, 2003. p. 18-18.

28.
HELFER, I.; ELY, Ana Paula . Processos de inclusão e exclusão social no desenvolvimento regional do Vale do Rio Pardo (RS). In: IX Seminário de Iniciação Científica e VIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2003, Santa Cruz do Sul. IX Seminário de Iniciação Científica e VIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2003.

29.
HELFER, I.; BERNARDES, Cristiano Escobar Carvalho . Edificação de Identidades Regionais: avanço ou retrocesso na construção da alteridade. In: IX Seminário de Iniciação Científica e VIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2003, Santa Cruz do Sul. IX Seminário de Iniciação Científica e VIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2003.

30.
HELFER, I.; DALRI, Aline . Acesso à Justiça: o exercício da cidadania como condição do desenvolvimento regional. In: IX Seminário de Iniciação Científica e VIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2003, Santa Cruz do Sul. IX Seminário de Iniciação Científica e VIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2003.

31.
HELFER, I.. Auto-organização e autocausação em Hegel. In: X Encontro Nacional de Filosofia - ANPOF, 2002, São Paulo. Atas do X Encontro Nacional de Filosofia. São Paulo: R Vieira Gráfica e Editora Ltda, 2002. v. 1. p. 50-51.

32.
HELFER, I.. À propos de la circularité du savoir et de l'histoire chez Hegel. In: 24. Kongress der Internationalen Hegel-Gesellschaft, 2002, Iena. Glauben und Wissen - Abstracts. Iena, 2002. v. 1. p. 48-48.

33.
HELFER, I.; BORBA, M. F. ; SIEDENBERG, Dieter R . Organizações que aprendem: liderança, aprendizagem coletiva e desenvolvimento organizacional. In: VIII Seminário de Iniciação Científica e VII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2002, Santa Cruz do Sul. VIII Seminário de Iniciação Científica e VII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão.. Santa Cruz do Sul: UNISC, 2002. v. 1. p. 1-1.

34.
HELFER, I.; SORDI, L. C. . Atuação dos alunos e egressos da educação de jovens e adultos (EJA) nas organizações comunitárias. In: VIII Seminário de Iniciação Científica e VII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2002, Santa Cruz do Sul. VIII Seminário de Iniciação Científica e VII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão. Santa Cruz do Sul: UNISC, 2002. v. 1. p. 1-1.

35.
HELFER, I.; HAMMES, R. ; SCHAEFER, Sérgio . Os movimentos sociais a serviço da vida na região de Santa Cruz do Sul. In: VII Seminário de Iniciação Científica e VI Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2001, Santa Cruz do Sul. Anais do VII Seminário de Iniciação Científica e VI Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul, 2001.

36.
HELFER, I.; ZENI, M. F. ; SCHAEFER, Sérgio . Análise dos apoios teóricos e metodológicos presentes nas dissertações defendidas no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional/Mestrado da UNISC /1996-1999. In: VII Seminário de Iniciação Científica e VI Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2001, Santa Cruz do Sul. Anais do VII Seminário de Iniciação Científica e VI Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul, 2001.

37.
HELFER, I.; SORDI, L. C. . A educação popular enquanto projeto e metodologia para qualificação dos dirigentes na gestão das organizações comunitárias para o desenvolvimento sustentável.. In: VII Seminário de Iniciação Científica e VI Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2001, Santa Cruz do Sul. Anais do VII Seminário de Iniciação Científica e VI Jornada de Ensino, pesquisa e extensão.. Santa Cruz do Sul, 2001.

38.
HELFER, I.. Eric Weil e a noção de fim da história. In: I Colóquio Nacional de Filosofia da história: modernidade e a idéia de história, 2001, Ilhéus/Bahia. Resumos do I Colóquio Nacional de Filosofia da história: modernidade e a idéia de história. Ilhéus: Editora Univ. de Santa Cruz, 2001. p. 34-34.

39.
HELFER, I.. Progresso histórico em Hegel. In: IX Encontro Nacional de Filosofia, 2000, Poços de Caldas. Atas do IX Encontro Nacional de Filosofia. Campinas: R. Vieira Grafica, 2000. v. 1. p. 25-26.

40.
HELFER, I.. O significado do método dialético em Marx: o ponto de vista de José Arthur Giannotti. In: VI Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2000, Santa Cruz do Sul. VI Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2000.

41.
HELFER, I.; PUNTEL, J. A. . Concepção de liberdade em Hobbes. In: Vi Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2000, Santa Cruz do Sul. VI Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão. Santa Cruz do Sul: CD-Rom, 2000.

42.
HELFER, I.; SCHNEIDER, F. R. . Estudo Comparativo de dois Grupos de Convivência de Idosos de Santa Cruz do Sul. In: VI Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2000, Santa Cruz do Sul. VI Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul: CD-Rom, 2000.

43.
HELFER, I.; HAMMES, R. ; SCHAEFFER, S. . Os movimentos Sociais na Região de Santa Cruz do Sul, RS. In: VI Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 2000, Santa Cruz do Sul. VI Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul: CD-Rom, 2000.

44.
HELFER, I.; KELLER, M. R. . Santa Cruz do Sul e sua arquitetura. In: VI Seminário de Iniciação Científica e V Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2000, Santa Cruz do Sul, 2000.

45.
HELFER, I.. A violência e a origem dos estados segundo Hegel. In: 51ª Reunião Anual da SBPC, 1999, Porto Alegre. 51ª Reunião Anual da SBPC, 1999.

46.
HELFER, I.; SANTOS, L. B. D. . A idéia de Progresso em Kant. In: V Seminário de Iniciação Científica, IV Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unisc, 1999, Santa Cruz do Sul. V Seminário de Iniciação Científica, IV Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unisc. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 1999. p. 282-282.

47.
HELFER, I.; CERVI, M. ; PG NETO, O. ; DIAS, C. S. ; CASTRO, P. . A Ética Hoje. In: V Seminário de Iniciação Científica IV Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 1999, Santa Cruz do Sul. V Seminário de Iniciação Científica IV jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unisc. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 1999. p. 280-280.

48.
HELFER, I.. O Futuro da história da América segundo Hegel.. In: V Seminário de Iniciação Científica IV Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 1999, Santa Cruz do Sul. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 1999. p. 281-281.

49.
HELFER, I.; PORTO, A. . Democracia Virtual. In: V Seminário de Iniciação Científica IV Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 1999, Santa Cruz do Sul. V Seminário de Iniciação Científica IV Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 1999. p. 265-265.

50.
HELFER, I.; MÜLLER, A. . Avaliação Institucional da Gestão Escolar na Escola Pública: A Democracia no Processo Decisório. In: V Seminário de Iniciação Científica IV Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC, 1999, Santa Cruz do Sul. V Seminário de Iniciação Científica IV Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNISC. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 1999. p. 345-345.

51.
HELFER, I.. Progresso Histórico em Hegel. In: 51ª reunião anual da SBPC, 1999, Porto Alegre. 51ª reunião anual da SBPC, 1999.

52.
HELFER, I.; SANTOS, C. ; CERVI, M. ; LAMPERTI, N. ; OSWALDO NETO, . Tempo, Espaço e Filosofia. In: IV Seminário de Iniciação científica e III Jornada de Ensino, Pesquisa e extensão da Unisc, 1998. IV Seminário de Iniciação científica e III Jornada de Ensino, Pesquisa e extensão da Unisc. UNISC. p. 201-201.

53.
HELFER, I.. A Guerra na Filosofia Política de Hegel. In: ENCONTRO NACIONAL DE FILOSOFIA DA ANPOF,8, 1998, Caxambu. VIII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF - Livro de Resumos. CAXAMBU, 1998. v. 1. p. 123-123.

54.
HELFER, I.; NADIR, E. H. ; ORIENTADOR, H. I. . Concepções de Mundo Presentes No Ensino de História, de 5ª A 8ª Séries, Em Escolas Estaduais da Área de Abrangência da 6ª de (1961-1990).. In: IV Seminário de Iniciação Científica e III Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unisc., 1998. Concepções de mundo presentes no ensino de história, de 5ª a 8ª séries, em escolas estaduais da área de abrangência da 6ª DE (1961-1990).. Santa Cruz do Sul. p. 186-186.

55.
HELFER, I.. A Guerra Na Filosofia de Hegel. In: IV Seminário de Iniciação Científica e III Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unisc, 1998. Documentos nº 11 Seminário de Iniciação científica. Santa Cruz do Sul. p. 202-202.

56.
HELFER, I.. O conhecimento empírico e a história universal em Hegel. In: VII Encontro Nacional de Filosofia, 1996, Águas de Lindóia. Livro de Resumos do VII Encontro Nacional de Filosofia - ANPOF, 1996. p. 70-70.

Artigos aceitos para publicação
1.
HELFER, INÁCIO. L?action, l?impartialité et le jugement dans l?histoire. Hegel-Jahrbuch, 2020.

2.
HELFER, I.. Hegel, l'action et l'homme. Hegel-Jahrbuch, 2019.

3.
HELFER, I.; TIDRE, Polyana . De Honneth a Hegel: da liberdade à corporação. Revista Transformação, 2019.

Apresentações de Trabalho
1.
HELFER, I.. O estatuto das determinações de reflexão no pensamento hegeliano. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
HELFER, I.. L?action, l?impartialité et le jugement dans l?histoire. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
HELFER, I.. L?action, l?impartialité et le jugement de l?histoire. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
HELFER, I.. O estatuto das determinações de reflexão no pensamento hegeliano II. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
HELFER, INÁCIO; TIDRE, Polyana . Entre Honneth e Hegel: da liberdade à eticidade em O direito da liberdade. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
HELFER, I.. Ação histórica, imparcialidade e julgamento segundo a Ciência da Lógica. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
HELFER, I.. A consideração pragmática e filosófica da história em Hegel. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
HELFER, I.. O agente moral como expressão da ação (Handlung) livre. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
HELFER, I.. O direito da liberdade: a normatividade contemporânea segundo Honneth. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
HELFER, I.. Ação histórica, imparcialidade e julgamento segundo a Enciclopédia de Hegel. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
HELFER, I.. Hegel, action et l'homme. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
HELFER, I.. O idealismo alemão de Hegel no contexto do sujeito de ação moral. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
HELFER, I.. Intenção e vontade moral: uma reflexão a partir do pensamento de G.W.F. Hegel. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
HELFER, I.. Bioética, melhoramento humano e direitos à saúde. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
HELFER, I.. Contradição e liberdade na lógica hegeliana. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
HELFER, I.. A concepção hegeliana de ética. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
HELFER, I.. L'agent humain: aspects de la théorie hégélienne de l'action d'après Taylor. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
HELFER, I.. A concepção de agente humano na dialética do reconhecimento de Hegel. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
HELFER, I.. A crítica de Hegel ao contratualismo. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

20.
HELFER, I.. A crítica de Hegel ao contratualismo. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

21.
HELFER, I.. A concepção de agente humano na dialética do reconhecimento de Hegel. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
HELFER, I.. A concepção de agente humano na dialética do reconhecimento de Hegel. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
HELFER, I.. Dialética entre Gadamer e Hegel. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
HELFER, I.. Tempo, conceito e religião. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

25.
HELFER, I.; SIMIONI, Ariane . A Ética Discursiva aplicada na Cultura Mediatória. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

26.
HELFER, I.. Haverá uma dimensao ética na análise hegeliana da luta pelo reconhecimento. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

27.
HELFER, I.; SIMIONI, Ariane ; SPENGLER NETO, Theobaldo . Como a ética discursiva pode ajudar na efetividade do processo civil. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

28.
HELFER, I.. Ação do agente e mediações dialéticas em Hegel. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
HELFER, I.. A Lógica no contexto da Arte, da Dialética e da História. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
HELFER, I.. Ser refugiado: discriminação, sofrimento e política. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

31.
HELFER, I.. A importância de Herder na origem da linguagem. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

32.
HELFER, I.. Variedade e individualidade na formaçao da identidade dos povos: Herder lido por Taylor. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

33.
HELFER, I.. Teoria da ação e mediações dialéticas em Hegel. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

34.
HELFER, I.. Estética, subjetividade e objetividade. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
HELFER, I.. O político diante dos impasses da democracia contemporânea. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

36.
HELFER, I.. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

37.
HELFER, I.. A mediação entre o universal e o particular em filosofia política: uma abordagem hegeliana. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
HELFER, I.. Sobre a noção de "sistema filosófico" em Hegel. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

39.
HELFER, I.. La partialité pour le savoir de l'esprit absolu dans la connaissance de l'histoire universelle. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

40.
KUNZLER, I. J. ; HELFER, I. . Dever fundamental de pagar impostos. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
HELFER, I.. Epistemologia e política em C. Taylor. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

42.
HELFER, I.. Filosofia e direito. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

43.
HELFER, I.. O fim da humanidade segundo Herder. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

44.
HELFER, I.. O princípio do Estado moderno segundo Hegel. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

45.
HELFER, I.. O Estado como efetividade da razão em Hegel. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

46.
HELFER, I.. O sujeito e sua criação histórica. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

47.
HELFER, I.. L?Etat rationnel chez Hegel. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

48.
HELFER, I.. A luta pelo reconhecimento e o direito. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

49.
HELFER, I.; WITTMANN, Milton Luiz ; FILIPPIM, Eliane Salete ; FEGER, José Elmar ; KOTHE, Patrícia . Redes interorganizacionais em espaços regionais: uma análise preliminar a partir da teoria dos sistemas complexos. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

50.
HELFER, I.. A atividade política na história segundo Hegel. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

51.
HELFER, I.. O tempo do conceito em Hegel. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

52.
HELFER, I.. O tempo e a natureza em Hegel. Na mesa redonda 1 : Natureza e teoria dos sistemas. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

53.
HELFER, I.. O Estado: um conceito em crise. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

54.
HELFER, I.; BERNARDES, Cristiano Escobar Carvalho . Desenvolvimento Regional: um projeto possível dentro da sua impossibilidade. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

55.
HELFER, I.; BRUXEL, Rafael . A inclusão do outro em Habermas. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

56.
HELFER, I.. La vie de l'Esprit et l'histoire chez Hegel. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

57.
HELFER, I.. O conceito e o tempo em Hegel. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

58.
HELFER, I.. A temporalidade em Hegel. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

59.
HELFER, I.. Sistema e história em Kant. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

60.
HELFER, I.. Sistema e história na filosofia kantiana. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

61.
HELFER, I.; BERNARDES, Cristiano Escobar Carvalho . Edificação de identidades regionais: avanço ou retrocesso na construção da alteridade. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

62.
HELFER, I.; ELY, Ana Paula . Processos de inclusão e exclusão social no desenvolvimento regional do Vale do Rio Pardo (RS). 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

63.
HELFER, I.. A concepção determinista de sistema em Kant. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

64.
HELFER, I.. Como pesquisar em Filosofia. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

65.
HELFER, I.; KRONBAUER, Luiz Gilberto . Relato histórico do Curso de Filosofia- UNISINOS. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

66.
HELFER, I.. Circularidade do saber e da história. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

67.
HELFER, I.. A história do mundo segundo a Filosofia do Direito de Hegel ( 341-354). 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

68.
HELFER, I.. Auto-organização e autocausação em Hegel. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

69.
HELFER, I.. Autocausação em Hegel. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

70.
HELFER, I.. À propos de la circularité du savoir et de l'histoire chez Hegel. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

71.
HELFER, I.. A violência na filosofia da história de Hegel. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

72.
HELFER, I.. Autocausação e sistema em Hegel. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

73.
HELFER, I.. O sistema hegeliano. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

74.
HELFER, I.. A luta pelo reconhecimento e o fim da história: a leitura de Kojève. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

75.
HELFER, I.. A violência e o Estado em Hegel. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

76.
HELFER, I.. Eric Weil e a noção de fim da história. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

77.
HELFER, I.. Idéia de Progresso em Kant. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

78.
HELFER, I.. Progresso histórico em Hegel. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

79.
HELFER, I.. A Filosofia do Direito de Hegel e o tema da violência. 2000. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

80.
HELFER, I.. La lutte pour la reconnaissance et la fin de l histoire: la lecture de Kojève. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

81.
HELFER, I.. O significado do método dialético em Marx: o ponto de vista de José Arthur Giannotti.. 2000. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

82.
HELFER, I.. Determinismo Natural e Autonomia da Vontade em Kant. 2000. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

83.
HELFER, I.; KELLER, M. R. . Santa Cruz do Sul e sua arquitetura eclética. 2000. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

84.
HELFER, I.. A história do mundo segundo a Filosofia do Direito de Hegel ( 341-354. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

85.
HELFER, I.. O futuro da América segundo Hegel. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

86.
HELFER, I.. A Violência e a Origem dos Estados segundo Hegel. 1999. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

87.
HELFER, I.. Progresso histórico em Hegel. 1999. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

88.
HELFER, I.. Pensadores Alemães dos Séculos XIX e XX da UNISC. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

89.
HELFER, I.. A Ética Hoje. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

90.
HELFER, I.; SANTOS, L. B. D. . A Idéia de Progresso em Kant. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

91.
HELFER, I.. O Progresso Histórico em Hegel. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

92.
HELFER, I.. Democracia Virtual. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

93.
HELFER, I.. Avaliação Institucional da Gestão Escolar Pública: A Democracia no Processo Decisório. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

94.
HELFER, I.. O Futuro da história da América segundo Hegel. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

95.
HELFER, I.. O Progreso Social em Herbert Marcuse. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

96.
HELFER, I.. Concepções de Mundo Presentes no Ensino de História, de 5ª a 8ª Séries, nas Escolas Estaduais da 6ª DE - RS (1961-1990). 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

97.
HELFER, I.. La fin de l'histoire et de l'art chez Hegel. 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

98.
HELFER, I.. A idéia de Progresso no Pensamento de Hegel. 1998. (Apresentação de Trabalho/Outra).

99.
HELFER, I.. A Experiência Catarinense em Desenvolvimento Regional e A Experiência do Fórum dos Conselhos Regionais de Desenvolvimento do Rio Grande do Sul. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

100.
HELFER, I.. Tempo, Espaço e Filosofia. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

101.
HELFER, I.. Caracterização dos Grupos de Convivência da Terceira Idade de Santa Cruz do Sul. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

102.
HELFER, I.. A Guerra na Filosofia de Hegel. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

103.
HELFER, I.. Consideração sobre o futuro da história em Hegel. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

104.
HELFER, I.. A guerra na filosofia política de Hegel. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

105.
HELFER, I.. Critérios de Avaliação de Trabalhos. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

106.
HELFER, I.. Kant, crítico de Herder. 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

107.
HELFER, I.. O conhecimento empírico e a história universal em Hegel. 1996. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

108.
HELFER, I.. Experiencias Regionais sobre Desenvolvimento Sustentável e Relato das atividades voltadas so Desenvolvimento Sustentável. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

109.
HELFER, I.. Idealismo. 1989. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

110.
HELFER, I.. Epistemologia das Ciências e a Educação Científica. 1989. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

111.
HELFER, I.. Importância da Filosofia. 1989. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
HELFER, I.. Apresentação do livro Lógica e metafísica em Hegel. São Leopoldo, 2019. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

2.
HELFER, I.; KUSSLER, Leonardo Marques . Apresentação do v.14, n.1 (2018) da Revista Controvérsia. São Leopoldo, 2018. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

3.
HELFER, I.. Políticas públicas, cooperação e comunidades. Curitiba, 2018. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

4.
HELFER, I.; KUSSLER, Leonardo Marques . Apresentação da Revista Controvérsia v 14, n.2 2018. São Leopoldo, 2018. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

5.
HELFER, I.; DECOTHE, Joel . Apresentação da Revista Controvérsia v.14, n.3 (2018). São leopoldo, 2018. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

6.
HELFER, I.; BAVARESCO, Agemir ; RAMALHO, J. S. . Enciclopédia de Hegel 1817 ? 2017: duzentos anos de lógica - natureza - espírito. Porto Alegre, 2017. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

7.
HELFER, I.; KUSSLER, Leonardo Marques . Apresentação Revista Controvérsia n.3 2017. São Leopoldo, 2017. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

8.
HELFER, I.. Apresentação da Revista Eletrônica Estudos Hegelianos v. 14, n. 23 (2017). Rio de Janeiro, 2017. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

9.
HELFER, I.; KUSSLER, Leonardo Marques ; PEREIRA, V.S. . Caderno de Resumos do VIII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. São Leopoldo 2015 (Caderno de Resumos - Organização).

10.
HELFER, I.. Caderno de Resumos do VIII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. São Leopoldo, 2015. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

11.
HELFER, I.; PERTILLE, J. P. ; KUSSLER, Leonardo Marques . Caderno de Resumos do VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. São Leopoldo: xxx, 2013 (Caderno de Resumos - Organização).

12.
HELFER, I.; SCHMIDT, J. P. ; BORBA, Ana Paula de Almeida de . Comunidade & Comunitarismo. Temas em debate. Curitiba, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

13.
HELFER, I.; GONCALVES, M. C. F. ; Silva, M. Z. A. da ; ROHDEN, Luiz . Caderno de Resumos do VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. São Leopoldo, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

14.
AZAMBUJA, Celso Candido de ; HELFER, I. . Qual estado pensar em um regime hipermoderno?. Nova Petrópolis: Nova Harmonia, 2011. (Tradução/Artigo).

15.
HELFER, I.; PIRES, Cecília Maria Pinto ; AZAMBUJA, Celso Candido de ; KUSSLER, Leonardo Marques . Caderno de Resumos do XIII Colóquio de Filosofia : política e liberdade no século XXI. Porto Alegre: Editorial Philosophia, 2010 (Caderno de Resumos - Organização).

16.
HELFER, I.. Caderno de Resumos do XIII Colóquio de Filosofia : política e liberdade no século XXI. Porto Alegre, 2010. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

17.
HELFER, I.. Historia e barbarie. Sao Cristovao, 2009. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

18.
PIRES, Cecília Maria Pinto ; HELFER, I. ; Santos, Antonio Carlos dos . Uma nova barbarie?Reflexoes sobre a historia em regime hipermoderno. Sao Cristovao: Editora da Universidade Federal de Sergipe, 2009. (Tradução/Artigo).

19.
HELFER, I.. Ética, política e direito: inflexões filosóficas. São Leopoldo, 2008. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

20.
HELFER, I.. Caderno de resumos do IV Colóquio Nacional de Filosofia da História e X Colóquio de Filosofia Unisinos. São Leopoldo, 2007. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

21.
HELFER, I.. História dos Cursos de Filosofia do Rio Grande do Sul. Pelotas: Educat, 2006 (Apresentação de livro (orelhas)).

22.
HELFER, I.. Pilares para a fundamentação dos direitos humanos. Santa Cruz do Sul, 2006. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

23.
HELFER, I.; BAVARESCO, Argemir . Hegel. Atos do espírito. São Leopoldo: Unisinos, 2004 (Revisão técnica da tradução).

24.
HELFER, I.. Igreja Católica, Sindicatos e Movimentos Sociais. Santa Cruz do Sul, 2003. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

25.
HELFER, I.. O pensamento político de Hegel. Sao Leopoldo: Editora Unisinos, 2000 (Revisão técnica da tradução).

26.
HELFER, I.. O pensamento político de Hegel. São Leopoldo, 2000. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

27.
HELFER, I.. Pensadores alemães dos séculos XIX e XX. Santa Cruz do Sul, 2000. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
HELFER, I.. Membro da Comissão de Reelaboração do Projeto Pedagógico do Curso de Filosofia- Licenciatura da UNISC. 2014.

2.
HELFER, I.. Membro do Comitê de Ética em Pesquisa da Unisinos. 2011.

Processos ou técnicas
1.
HELFER, I.. Parecer ad doc CNPq -Bolsas no País - Pós-doutorado Júnior - PDJ. 2017.

Trabalhos técnicos
1.
HELFER, I.. Moderador de mesa no Hegel?s Encyclopaedic System and its Legacy 32nd International Hegel Congress of the International Hegel-Society at the University of Tampere. 2018.

2.
HELFER, I.. Parecer sobre artigo na Revista Eletrônica Estudos Hegelianos. 2018.

3.
HELFER, I.. Membro de Comissão Científica do IX Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira: Enciclopédia das Ciências Filosóficas - 200 anos!. 2017.

4.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no País - Pós-doutorado Júnior - PDJ. 2017.

5.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no Exterior - Doutorado Sanduíche - SWE. 2017.

6.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no Exterior - Doutorado Sanduíche - SWE. 2017.

7.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no Exterior - Doutorado Sanduíche - SWE. 2017.

8.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no Exterior - Doutorado Sanduíche - SWE. 2017.

9.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no País - Chamada CNPq N º 12/2017 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa - PQ. 2017.

10.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no País - Chamada CNPq N º 12/2017 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa - PQ. 2017.

11.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no País - Chamada CNPq N º 12/2017 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa - PQ. 2017.

12.
HELFER, I.. Parecer ad doc Cnpq - Bolsas no País - Chamada CNPq N º 12/2017 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa - PQ. 2017.

13.
HELFER, I.. Parecer ad doc para a Revista Controvérsia. 2016.

14.
HELFER, I.. Parecer para a Comissão Científica do XVII Semana de Filosofia da Universidade Presbiteriana Mackenzie. 2016.

15.
HELFER, I.. Parecerista ad doc da revista Ideias - UNICAMP. 2016.

16.
HELFER, I.. Parecer ad doc pós-doturoado no exterior CNPq. 2016.

17.
HELFER, I.. Parecer ad doc Projeto de Pesquisa - Universal 01/2016 - Faixa B - até R$ 60.000,00. 2016.

18.
HELFER, I.. Parecer ad doc Apoio a Projetos de Pesquisa - Universal 01/2016 - Faixa A. 2016.

19.
HELFER, I.. Parecer ad doc Apoio a Projetos de Pesquisa - Universal 01/2016 - Faixa A. 2016.

20.
HELFER, I.. Parecer Ad Doc Apoio a Projetos de Pesquisa - Universal 01/2016 - Faixa A. 2016.

21.
HELFER, I.. Parecer ad doc Bolsas no País - Chamada CNPq N º 12/2016 - Bolsas de Produtividade em Pesquisa - PQ. 2016.

22.
HELFER, I.. Parecer ad doc para a Revista Filosofia Unisinos. 2016.

23.
HELFER, I.. Parecer ad doc para a Revista Trans/form/ação. 2016.

24.
HELFER, I.. Parecer ad doc para a revista eletrônica de estudos hegelianos. 2016.

25.
HELFER, I.. Parecer ad doc Paep CAPES. 2016.

26.
HELFER, I.. Parecer ad doc Paep CAPES. 2016.

27.
HELFER, I.. Parecer ad doc Revista Kinesis. 2016.

28.
HELFER, I.. Apoio à participação em Evento Científicos no Exterior. 2014.

29.
HELFER, I.. Debatedor no III Simpósio de Filosofia e Literatura: recados do Dito e do Não-dito. 2014.

30.
HELFER, I.. Membro da Comissão Científica no I Seminário de Ética e Filosofia Política Contemporânea: o neocontratualismo em questão. 2014.

31.
HELFER, I.. Debatedor de Mesa no I Seminário de Ética e Filosofia Política Contemporânea: O neocontratualismo em questão. 2014.

32.
HELFER, I.. Avaliador na XXI Mostra de Iniciação Científica e Tecnológica e I mostra de popularização da ciência 2014. 2014.

33.
HELFER, I.. Debatedor de Mesa no VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira . A filosofia da História de Hegel. 2013.

34.
HELFER, I.. Avaliador de Banca na XX Mostra de Iniciação Científica. 2013.

35.
HELFER, I.. Coordenador de Banca no XX Mostra Unisinos de Iniciação Científica 2013. 2013.

36.
HELFER, I.. Coordenador de Mesa no XV Colóquio de Filosofia Unisinos: 1812-2012 - Ciência da Lógica de Hegel. 2012.

37.
HELFER, I.. Debatedor no XV Colóquio de Filosofia Unisinos: 1812-2012 - Ciência da Lógica de Hegel. 2012.

38.
HELFER, I.. Debatedor no I Simpósio Cátedra Sérgio Vieira de Mello - Unisinos. 2012.

39.
HELFER, I.. Parecerista da Revista de Filosofia Unisinos. 2011.

40.
HELFER, I.. Coordenador de Sessão no Simpósio Margens da Palavra: Veredas Filosófico-literárias no Brasil. 2011.

41.
HELFER, I.. Avaliador Mostra Unisinos de Iniciaçao Cientítica. 2011.

42.
HELFER, I.. Debatedor XIV Colóquio de Filosofia da Unisinos: objetivo e subjetivo: novas tendências em epistemologia e filosofia da moral. 2011.

43.
HELFER, I.. Mediador no XIII Colóquio de Filosofia Unisinos: Política e Liberdade no Século XXI. 2010.

44.
HELFER, I.. Avaliador de sessao na Mostra Unisinos de Iniciaçao Científica. 2010.

45.
HELFER, I.. Membro do Comitê Científico no Workshop Ensino e aprendizado de Filosofia. 2010.

46.
HELFER, I.. Parecerista da Revista de Filosofia Unisinos. 2009.

47.
HELFER, I.. Moderador da Sessão GT Dialética do XIII Encontro Nacional de Pós-Graduação em Filosofia. 2008.

48.
HELFER, I.. Avaliador de Mostra Unisinos de Iniciação Científica. 2008.

49.
HELFER, I.. Coordenador de Mesa do Simpósio Internacional - O futuro da autonomia. Uma sociedade de indivíduos?. 2007.

50.
HELFER, I.. Avaliador de Mostra Unisinos de Iniciação Científica. 2007.

51.
HELFER, I.. Membro da Comissão Técnico- Científica do Simpósio Internacional - O futuro da autonomia. Uma sociedade de indivíduos?. 2007.

52.
HELFER, I.. Membro do Comitê Científico do IV Colóquio Nacional de Filosofia da História e X Colóquio de Filosofia Unisinos - História e Barbárie. 2007.

53.
HELFER, I.. Debatedor da palestra Epistemologia e Filosofia da Ciência: racionalidade e ética; os desafios da ciência contemporânea. 2007.

54.
HELFER, I.. Parecerista de artigos da Revista Estudo e Debate. 2007.

55.
HELFER, I.. Parecer sobre a avaliação do processo de definição da concessão de bolsa PDEE para 2006. 2006.

56.
HELFER, I.. Parecer sobre o artigo A democracia em questão. 2006.

57.
HELFER, I.. Avaliação do processo de definição da concessão de bolsa PDEE para 2005 - PUCRS. 2005.

58.
HELFER, I.. Participação no Conselho Editorial da Coleção de Filosofia da Editora UNIJUÍ.. 2005.

59.
HELFER, I.. Relatório técnico apresentado à CAPES referente auxílio realização do Congresso DIA05 - Dialética e Natureza. 2005.

60.
HELFER, I.. Parecer sobre artigo na revista Estudo e Debate v. 12 , nº 1, 2005. 2005.

61.
HELFER, I.. Parecer sobre artigo na revista Estudo e Debate v. 12 , nº 2, 2005. 2005.

62.
HELFER, I.. Participação no Conselho Editoral da Coleção de Filosofia da Editora UNIJUI. 2004.

63.
HELFER, I.. Avaliador de Mostra de Iniciação Científica. 2004.

64.
HELFER, I.. Participação no Conselho Editorial da Coleção de Filosofia da Editora UNIJUI. 2003.

65.
HELFER, I.. Participação no Conselho Editorial da Coleção de Filosofia da Editora UNIJUI. 2002.

66.
HELFER, I.. IV Colóquio de Filosofia - A tensão (irre)solúvel entre ética e política.. 2001.

67.
HELFER, I.; LAWISCH, A. ; STÜLP, V. J. ; ETGES, V. E. . Elaboração de Projeto de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional-mestrado e doutorado. 1999.

68.
HELFER, I.. IV Seminário Nacional sobre Desenvolvimento Regional - Pensadores alemães dos séculos XIX e XX. 1999.

69.
HELFER, I.. IV Seminário Nacional sobre Desenvolvimento Regional - Pensadores Alemães dos séculos XIX e XX.. 1999.

70.
HELFER, I.. La fin de l`histoire et de l`art chez Hegel.. 1998.

71.
HELFER, I.. La fin de l`histoire et de l`art chez Hegel.. 1998.


Demais tipos de produção técnica
1.
HELFER, INÁCIO. Prestação de contas Projeto AVG. 2019. (Relatório de pesquisa).

2.
HELFER, I.; KUSSLER, Leonardo Marques . Revista Controvérsia. 2018. (Editoração/Periódico).

3.
HELFER, I.. Relatório de pesquisa do Projeto Edital Universal 2014. 2018. (Relatório de pesquisa).

4.
HELFER, I.. Filosofia: os clássicos e suas obras - Tópicos de Filosofia antiga - Ética a Nicômacos de Aristóteles. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

5.
HELFER, I.. Editorial da revista Eletrônica Estudos Hegelianos. 2017. (Editoração/Periódico).

6.
HELFER, I.; KUSSLER, Leonardo Marques . Revista Controvérsia (Philosophy Journal) n. 3 2017. 2017. (Editoração/Periódico).

7.
HELFER, I.. Relatório de pesquisa do Projeto de Produtividade em Pesquisa - Pq CNPq 2013-16. 2016. (Relatório de pesquisa).

8.
HELFER, I.. O agente humano nos impasses da elaboração da identidade moral moderna segundo Taylor. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

9.
HELFER, I.. O agente humano nos impasses da elaboração da identidade moral moderna segundo Taylor. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

10.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz ; BAVARESCO, Agemir ; LUFT, Eduardo ; PERTILLE, J. P. . VIII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira - Lógica e Metafísica em Hegel. 2015. (Relatório de pesquisa).

11.
MEZZANOTTI, Gabriela ; WAPECHOWSKI, Karin ; HELFER, I. . Fluxos migratórios e o Brasil: os debates de Cartagena+30 e a proteção dos refugiados. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

12.
HELFER, I.. Crítica ao Contratualismo: o agir humano na esfera jurídica segundo Hegel. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

13.
HELFER, I.. Crítica ao Contratualismo: o agir humano na esfera jurídica segundo Hegel. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

14.
HELFER, I.. Apresentaçao de trabalhos acadêmicos. 2011. .

15.
HELFER, I.. Teorias do Sujeito. 2011. .

16.
HELFER, I.; Filosofia, Programa de Pós-Graduação . Teorias do Sujeito. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

17.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago ; BRAGATO, Fernanda Frizzo . Variaçoes Filosóficas no Conceito de Justiça. 2011. (Examinador de banca de qualificaçao de projeto de dissertaçao de Mestrado).

18.
HELFER, I.. Relatório final de pesquisa do pós-doutorado em filosofia na Université de Montréal. 2010. (Relatório de pesquisa).

19.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de ; VALLS, Alvaro . Ética e felicidade na filosofia moral de Kant. 2010. (Examinador de banca de qualificaçao de projeto de dissertaçao de Mestrado).

20.
HELFER, I.. Relatório da pesquisa: Direito e História em Hegel e Charles Taylor. 2009. (Relatório de pesquisa).

21.
HELFER, I.. Membro da Comissão de Editores da Revista Redes. 2007. (Editoração/Periódico).

22.
HELFER, I.; PIRES, Cecília Maria Pinto . Caderno de Resumos do IV Colóquio Nacional de Filosofia da História e X Colóquio de Filosofia Unisinos. 2007. (Editoração/Anais).

23.
HELFER, I.. Membro da Comissão de Editores da Revista Redes. 2006. (Editoração/Periódico).

24.
HELFER, I.. Parecer ad hoc de artigo Revista Teoria e Sociedade. 2006. (Editoração/Periódico).

25.
HELFER, I.. Membro da Comissão de Editores da Revista Redes. 2005. (Editoração/Periódico).

26.
HELFER, I.. IX Simpósio Internacional da Associação Ibero-Americana de Filosofia Política e VIII Colóquio de Filosofia - Unisinos. 2005. (Coordenador de Mesa).

27.
HELFER, I.. Participação no Conselho Editorial da Coleção de Filosofia da Editora UNIJUI. 2004. (Editoração/Livro).

28.
HELFER, I.; FERREIRA, Marcos Artêmio Fischborn ; CORREA, Silvio Marcos de Souza ; ETGES, Virgínia Elisabeta . Membro da Comissão de Editores da Revista Redes. 2004. (Editoração/Periódico).

29.
HELFER, I.. Membro da Comissão de Editores da Revista Redes. 2002. (Editoração/Periódico).

30.
HELFER, I.. Membro da Comissão de Editores da Revista Redes. 2001. (Editoração/Periódico).

31.
HELFER, I.. Membro da Comissão de Editores da Revista Redes. 2000. (Editoração/Periódico).

32.
HELFER, I.. Métodos e Técnicas de Pesquisa nas Ciênias Jurídicas. 1997. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

33.
HELFER, I.. Apresentação de Relatórios Finais de Pesquisa. 1997. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

34.
HELFER, I.. A Construção do Projeto de Pesquisa. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

35.
HELFER, I.. A filosofia do Direito em Hegel. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

36.
HELFER, I.; FOCHEZATTO, A. ; MORAES, J. L. B. . Participação na Comissão provisória de Coordenação do Centro de Estudos e Pesquisas em Desenvolvimento Regional. 1996. (Participação em Comissão provisória).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
HELFER, I.. Sobre Filosofia e História. 2006 (Fala sobre filosofia da história).

Demais trabalhos
1.
HELFER, I.. La Fin de L'Histoire Et de L'Art Chez Hegel/ Palestra Apresentada Na Holanda, No Xxii Internationalen Hegel-Kongress; Apoio Capes e Fapergs.. 1998 (PALESTRA APRESENTADA NO XXII INTERNATIONALEN HEGEL-KONGRESS, HEGELS STHETIK - UTRECHT, HOLANDA.) .

2.
HELFER, I.. Orientação de leituras de filosofia ao grupo PET do Curso de Graduação em Direito. 1987 (Orientação de leituras de filosofia ao grupo PET do Curso de Graduação em Direito) .

3.
HELFER, I.. Orientação de leituras de filosofia ao grupo PET do Curso de Graduação em Direito. 1986 (Orientação de leituras de filosofia ao grupo PET do Curso de Graduação em Direito) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho; NAPOLI, R. B.. Participação em banca de Daniel de Souza Mota. A paz perpétua à luz da compreensão moral de Kant. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

2.
STEIN, S. I. A.; VALEIRÃO, K; HELFER, INÁCIO. Participação em banca de Vanilda Barroso de Oliveira. Linguagem e comportamento humano na neuropsicologia de Vygotsky. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

3.
LEIVAS, CLaudio R. C.; RUIZ, Castor Bartolomé; HELFER, I.. Participação em banca de Jezreeel Antonio Mello. Os limites da soberania em Jean Bodin. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

4.
HELFER, I.; CASTRO, Fabio Caprio de; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Fernanda Müller Correa. Identidade e reconhecimento em Charles Taylor: a questão mullticultural na sociedade liberal-democrática. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

5.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; PICH, R. H.. Participação em banca de Juliana Conceição Moreira. A filosofia como exercício para viver bem no diálogo Fédon de Platão. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

6.
HELFER, I.; BAVARESCO, Agemir; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Fabrício Mateus de Mello. O indivíduo em Charles Taylor. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

7.
CULLETON, Alfredo Santiago; HELFER, I.. Participação em banca de Henrique Joner. A filosofia da economia e monopólio na segunda escolástica. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

8.
HELFER, I.; RIBEIRO, Elton V.; GUDES FILHO, Édil Carvalho. Participação em banca de Caroline Ferreira Fernandes. A estrutura hermenêutica da razão prática na ontologia moral de Charles Taylor. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

9.
HELFER, I.; DUARTE, Andre de Macedo; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de Ricardo Pietrowski Ferreira. Os direitos humanos à luz do pensamento de Hannah Arendt: perspectivas político-filosóficas. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

10.
Nodari, Paulo César; CESCON, Everaldo; HELFER, I.. Participação em banca de Odair Camati. Autenticidade e Reconhecimento em CHARLES TAYLOR. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de Caxias do Sul.

11.
HELFER, I.; LUFT, Eduardo; OLIVEIRA JR, Nythamar H F de. Participação em banca de Adriano Bueno Kurle. O conceito de "Eu" na filosofia crítica teórica de Kant. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

12.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; AZAMBUJA, Celso Candido de. Participação em banca de Pércio Davies Schmitz. Banca de qualificaçao - A questao da justiça no âmago do debate liberal-comunitário: uma revisao das idéias de John Rawls e Charles Taylor. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

13.
HELFER, I.; GIACOMOLLI, Nereu José; MACHADO, Raimar. Participação em banca de Simbard Jones Ferreira Lima. O "Poder Sumular": de fonte mediata e informativa do direito ao protagonismo vinculante. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

14.
HELFER, I.; AZAMBUJA, Celso Candido de; WEBER. Participação em banca de Pércio Davies Schmitz. A questao do indivíduo e da sociedade em John Rawls. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

15.
PERTILLE, J. P.; WEBER, T.; BOEIRA, N. F.; HELFER, I.; HELFER, I.. Participação em banca de Rafael Ramos Cioquetta. O problema da filosofia da história: a fundamentaçao sistemática da concepçao de história universal para G.W.F. Hegel. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

16.
HELFER, I.; LEAL, Rogério Gesta; RUARO, R. L.. Participação em banca de Andressa Fracaro Cavalheiro. O direito à saúde no Brasil: a estratégia saúde da família como possível mecanismo densificador. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

17.
HELFER, I.; LEAL, Mônia Clarissa Hennig. Participação em banca de Leon Rivail Faller. A normatização jurídica e a (in)efetividade das polìticas públicas de destinação final de embalagens de agrotóxicos no Estado do Rio Grande do Sul. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

18.
HELFER, I.; GORCZEVSKI, Clóvis; PEREIRA, Agostinho Oli Koppe. Participação em banca de Mauro Cesar Maggio Sturmer. Os tratados internacionais de direitos humanos como paradigma de validação das demais normas no sistema jurídico brasileiro. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

19.
HELFER, I.; RODRIGUES, Hugo Thamir; PEREIRA, Agostinho Oli Koppe. Participação em banca de Rosana Izara Luchese Willig. Os serviços de saneamento básico como instrumento de desenvolvimento sustentável: possibilidades e perspectivas a partir de políticas públicas tributárias de inclusão social. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

20.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago; COSTA, Paulo Sérgio Weyl Albuquerque. Participação em banca de Rodrigo Toaldo Cappelari. Thomas Hobbes e a lei natural de John Finnis: fundamentos filosóficos para uma crítica ao positivismo. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

21.
HELFER, I.; CUSTÓDIO, André Viana; LUZ, Vladimir de Carvalho. Participação em banca de Roberto Carlos Gradin. Direitos fundamentais indígenas e meio ambiente: uma análise sobre o caso da usina hidrelétrica de Belo Monte no rio Xingu no Pará. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

22.
HELFER, I.; CUSTÓDIO, André Viana; HAHN, P.. Participação em banca de Carlos Roberto Pacheco de Melo. Poder e políticas públicas: o poder de polícia e o controle de armas no Brasil. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

23.
HELFER, I.; HERMANY, R.; SANTIN, J. R.. Participação em banca de Cristiano da Silva Sielichow. Serviço público, atividade econômica e formas de exploraçao dos bens públicos na ordem constitucional brasileira. 2010. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

24.
HELFER, I.; OLIVEIRA JUNIOR, J. A.; RECK, Janriê. Participação em banca de Ivo José Kunzler. O conceito de justiça em Aristóteles e sua contribuiçao para a análise da tributaçao no Estado contemporâneo brasileiro. 2010. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

25.
HELFER, I.; GORCZEVSKI, Clóvis; Engelmann, Wilson. Participação em banca de Roberto Oliveira Weber. A teoria política do reconhecimento e o Estado democrático de direito: uma abordagem a partir do pensamento de Charles Taylor. 2009. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

26.
HELFER, I.; LEAL, Rogério Gesta; OLIVEIRA JUNIOR, J. A.. Participação em banca de Luciana Blazejuk Saldanha. Estudo da teoria dos direitos fundamentais de Alexy e sua aplicação em casos concretos. 2008. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

27.
HELFER, I.; GARCIA, Cláudio; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Nei Jairo Fonseca dos Santos Jr.. Arendt: ação, história e educação. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

28.
HELFER, I.; BARZOTTO, Luiz Fernando; NEDEL, José. Participação em banca de Ubiratan Trindade. Justiça distributiva: uma leitura da obra de John Rawls. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

29.
HELFER, I.; BARZOTTO, Luiz Fernando; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de Ricardo Moacir Hoss. Elementos fundamentais do direito internacional em Francisco Suárez (1548-1617). 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

30.
HELFER, I.; GANDIN, L. A.; VIEGAS, M. F.. Participação em banca de Lisielle Zanella. O Projeto Político Pedagógico e o desenvolvimento da comunidade local. 2007. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

31.
HELFER, I.; FERREIRA, Marcos Artêmio Fischborn; LUCAS, J. I. P.. Participação em banca de Rosane Schena. Participação política, atitudes e valores na vida de estudantes de três escolas públicas de ensino médio de Santa Cruz do Sul - RS. 2007. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

32.
HELFER, I.; BAVARESCO, Agemir; ROSENFIELD, D. L.; PERTILLE, J. P.. Participação em banca de Paulo Roberto Konzen. O conceito de Estado e de Liberdade de Imprensa na Filosofia do Direito de G.W.F. Hegel. 2007. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

33.
HELFER, I.; RIEDL, Mário; LEMOS, L. A.. Participação em banca de Ana Cristina da Motta Bianchi. Atividade turística na Quarta Colônia, RS, Brasil: uma perspectiva para o desenvolvimento integrado em pequenos municípios. 2007. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

34.
HELFER, I.; LEAL, Rogério Gesta; BACELLAR FILHO, Romeu Felipe. Participação em banca de Janriê Rodrigues Reck. A construção da gestão compartida: o uso da proposição habermasiana da ação comunicativa na definição e execução compartilhada do interesse público. 2006. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

35.
HELFER, I.; PIRES, Cecília Maria Pinto; GARCIA, Cláudio. Participação em banca de Iltomar Siviero. A reconsideração da vita activa na crítica ao esquecimento da política em Hannah Arendt. 2006. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

36.
HELFER, I.; GALLINA, Albertinho Luiz; KRASSUSKI, Jair Antônio. Participação em banca de Cecília Noemi Rearte Terrosa. Imaginação e síntese na Crítica da razão pura de Kant. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Maria.

37.
Rohden, Valerio; HELFER, I.; AQUINO, M. F.. Participação em banca de Giovani Meinhardt. Autonomia e Solipsismo. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

38.
HAMM, C.; AQUINO, M. F.; HELFER, I.. Participação em banca de Joao Roberto Barros II. Progresso moral na filosofia da história de Kant entre 1781 e 1788. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

39.
HELFER, I.; OLIVEIRA, Renato de; VIAL, Sandra Regina Martini; BEDIN, Gilmar Antonio. Participação em banca de Jeferson Marin. A orientação sexual numa sociedade funcionalmente diferenciada: gênero, identidade e democratização do afeto.. 2005. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

40.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; STORCK, Alfredo. Participação em banca de Marisa Eliane Monticelli Krindges. Centralidade da Vida no Projeto Político de Hobbes. 2005. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

41.
HELFER, I.; REIS, Jorge Renato dos; GIACOMOLLI, Nereu José. Participação em banca de Pedro Jardel da Silva Coppeti. A materialização da função política e a efetividade da fórmula constitucional no âmbito do ministério público do Estado do Rio Grande do Sul. 2005. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

42.
HELFER, I.; SOUZA, Ricardo Timm de; PELLANDA, Nize Maria Campos; SILVA, Mozart Linhares da. Participação em banca de Cristiano Escobar Carvalho Bernardes. Pós-Modernidade, Hibridismo e Velocidade: Condições de Impossibilidade do Desenvolvimento Regional. 2005. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

43.
HELFER, I.; SIEDENBERG, Dieter R; SPAREMBERGER, Raquel Fabiana Lopes. Participação em banca de Aline Langner Dal Ri'. A efetividade das medidas Socioeducativas em Meio Aberto e o Desenvolvimento Regional. 2005. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

44.
HELFER, I.; ROSSATO, Noeli; PIRES, Cecília Maria. Participação em banca de Janete Maria Bonfanti. Revolta e Revolução: a práxis que separa Albert Camus e Jean-Paul Sartre. 2004. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

45.
HELFER, I.; SPAREMBERGER, Raquel Fabiana Lopes; CORRÊA, Darcisio. Participação em banca de Fernanda Serrer. Espaço público e desenvolvimento: possibilidades e limites. 2004. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento) - Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul.

46.
HELFER, I.; OLIVEIRA JR, Nythamar H F de; LUFT, Eduardo. Participação em banca de Thiago Suman Santoro. Pensamento e autoconsciência: um estudo fichteano nos limites da filosofia. 2004. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

47.
HELFER, I.; FERREIRA, Marcos Artêmio Fischborn; NARDI, Henrique Caetano. Participação em banca de Luciane de Almeida Pujol. A história da loucura em Santa Cruz do Sul - um estudo arqueológico (1849-1960). 2004. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

48.
HELFER, I.; BAVARESCO, Agemir; NEDEL, José. Participação em banca de Marciano Schaeffer. Direito e política: uma leitura a partir de Aristóteles e Hegel. 2004. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

49.
HELFER, I.; RIEDL, Mário; FRÖHLICH, Egon Roque. Participação em banca de Arlete Eli Kunz da Costa. Estudo sobre a problemática da sexualidade nos grupos de convivência da terceira idade da região do Vale do Taquari/RS. 2003. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

50.
HELFER, I.; PAVIANI, Jayme; BONI, Luiz Alberto de. Participação em banca de Sandra Adriana Fasolo. A questão do não-ser no Sofista de Platão. 2003. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

51.
HELFER, I.; SOUZA, Draiton Gonzaga de; VALLS, Alvaro. Participação em banca de Paulo Hahn. A emancipação da consciência e essência genérica humana: uma reflexão a partir da análise crítica da religião em Ludwig Feuerbach. 2003. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

52.
RIBEIRO, A. A.; HELFER, I.; ALMEIDA, C.; PAVIANI, Jayme. Participação em banca de André Antônio Ribeiro. O problema da opinião falsa no diálogo Teeteto de Platão. 2002. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

53.
HELFER, I.; STEIN, E.; PIVATTO, P.. Participação em banca de Gelson Leonardo Rech. O conceito de espírito na obra O lugar do homem no cosmos de Max Scheler. 2002. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

54.
HELFER, I.; LUFT, Eduardo; FLICKINGER, Hans Georg. Participação em banca de Elói Pedro Fabian. A crítica da sociedade como núcleo temático do jovem Marx - uma leitura das obras de 1839 a 1844. 2002. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

55.
MAGALHÃES, E. S.; HELFER, I.. Participação em banca de Elpídio Santos Magalhães. O espaço local como instrumento do Desenvolvimento Regional: aspectos jurídico-políticos. 2001. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

56.
MARCONATO, S. R.; HELFER, I.. Participação em banca de Simone Ribas Marconato. A função social como elemento garantidor da propriedade rural brasileira. 2001. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

57.
LORENZINI, S.; HELFER, I.. Participação em banca de Silvia Lorenzini. O exercício físico e a melhoria da qualidade de vida dos sujeitos diabéticos do tipo 2. 2001. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

58.
KELLER, M. R.; HELFER, I.. Participação em banca de Milton Roberto Keller. Santa Cruz do Sul e sua Arquitetura Eclética. 2001. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

59.
SILVEIRA, S. J. P.; HELFER, I.; LIMA, Carlos Cirne; HAMM, C.. Participação em banca de Sara Juliana Pozzer da Silveira. O papel da irracionalidade na filosofia da história de Hegel. 2000. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Maria.

60.
SILVA, A. L. G.; HELFER, I.. Participação em banca de Andréia Lúcia Gonçalves da Silva. Estudo sobre o sistema respiratório dos trabalhadores das indústrias de Santa Cruz do Sul. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

61.
KRUG, S. B. F.; HELFER, I.. Participação em banca de Suzane Beatriz Frantz Krug. A condição do acidentado grave do trabalho no município de Santa Cruz do Sul/RS: um estudo das trajetórias de vida após o evento.. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

62.
PIRES, S. G. F. S.; HELFER, I.. Participação em banca de Simone Grohs Freire Simões Pires. Ato infracional e medida sócio-educativa de liberdade assistida: refletindo sobre suas implicações legais no contexto social. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

63.
GARCIA, J. G.; HELFER, I.. Participação em banca de Jaime Gross Garcia. Business Inteligence: um recurso que os decisores proativos utilizam nos processos de gestão e tomadas de decisão (um estudo de caso).. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

64.
CAZAROTTO, R. T.; HELFER, I.. Participação em banca de Rosmari Terezinha Cazarotto. Desenvolvimento Sustentável: o Paradigma Territorial. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

65.
SCHNEIDER, F. R.; HELFER, I.. Participação em banca de Fridolino Roberto Schneider. Estudos de convivencia da terceita idade de Santa Cruz do Sul. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

66.
FREITAS, A. R.; HELFER, I.. Participação em banca de Adilson da Rosa Freitas. O Estudo do Perfil dos Associados de Cooperativas de Trabalho da Região do Vale do Rio Pardo-RS. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

67.
PIOVEZANA, L.; HELFER, I.. Participação em banca de Leonel Piovezana. Educação e cultura na terra indígena Xapecó. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

68.
MAYER, S. M.; HELFER, I.. Participação em banca de Sandra Mara Mayer. Comportamento agressivo em escolares de lª a 8ª série do Ensino Fundamental de Santa Cruz do Sul; uma abordagem através da Teoria dos Sistemas Ecológicos.. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

69.
JUCÁ, R. B.; HELFER, I.. Participação em banca de Renata Becker Jucá. Gravidez da adolescente em Santa Cruz do Sul: um estudo baseado na Teoria dos Sistemas Ecológicos.. 2000. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

70.
RODRIGUES, S. P.; HELFER, I.. Participação em banca de Sara Piovezana Rodrigues. Irracionalidade na filosofia da história de Hegel.. 2000. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Maria.

71.
CORRÊA, J. T.; HELFER, I.. Participação em banca de José Theodoro Corrêa. Justiça e inclusão social: uma construção conflitiva. 2000. Dissertação (Mestrado em Educação Nas Ciências) - Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul.

72.
HELFER, I.; LUFT, Eduardo; FLICKINGER, H.. Participação em banca de Elói Pedro Fabian. A crítica da sociedade como núcleo temático do jovem Marx - uma leitura das obras de 1839 a 1844. 2000. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

73.
BERNARDI, F.; HELFER, I.. Participação em banca de Félix Bernardi. A Virtude da Justiça na Ética de Aristóteles.. 1999. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

74.
MÜLLER, A.; HELFER, I.. Participação em banca de Ademir Müller. Avaliação institucional da gestão escolar na escola pública: a democracia no processo decisório.. 1999. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

75.
COSTA, L. C.; HELFER, I.. Participação em banca de Luiz Cláudio Costa. Engenharia de Produção na Universidade de Santa Cruz do Sul: Um projeto de Melhoria da Qualidade, com Foco no Cliente.. 1999. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) - Universidade Federal de Santa Maria.

76.
ROOS, N. P.; HELFER, I.. Participação em banca de Nestor Pedro Roos. O estudo do perfil do portador de Diabete Mellitus do Grupo de Saúde Preventiva SIS. 1999. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

77.
ZACHARIAS, D. G.; HELFER, I.. Participação em banca de Dulce Grasel Zacharias. Percepção do adolescente de 12 a 18 anos das escolas urbanas de Santa Cruz do Sul em relação 'as drogas psicotrópicas.. 1999. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

78.
NUNES, R.; HELFER, I.. Participação em banca de Renato Nunes. Platão: Estado e Utopia do rei-filósofo. 1998. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

79.
HELFER, N. E.; HELFER, I.. Participação em banca de Nadir Emma Helfer. Concepção de mundo presente no ensino de história, de quinta a oitava séries em escolas estaduais da área de abrangência da sexta DE.. 1998. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

80.
MORAES, S.; HELFER, I.. Participação em banca de Solange de Moraes. O problema da Universalização na Ética Kantiana.. 1998. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Maria.

81.
SPENGLER, F. M.; HELFER, I.. Participação em banca de Fabiana Marion Spengler.. Assistência judiciária da Unisc como meio de acesso à justiça da comarca de Santa Cruz do Sul.. 1998. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

82.
PAULI, L. S.; HELFER, I.. Participação em banca de Liane Schuh Pauli. Uma história do binômio Saúde/ Doença em Santa Cruz do Sul. 1998. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

83.
CUNHA, A. Z. S.; HELFER, I.. Participação em banca de Ana Zoé Schilling Cunha.. Hanseníase: história de um problema de saúde pública.. 1997. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

Teses de doutorado
1.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago; SILVEIRA, Denis Coitinho; RIBEIRO, Elton V.; ARAUJO, L. B. L.. Participação em banca de Odair Camati. Multiculturalismo e o problema da universalidade: uma análise das teorias de Charles Taylor e Will Kymlicka. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

2.
ROHDEN, Luiz; RUIZ, Castor Bartolomé; CASTRO, Fabio Caprio de; CARNEIRO, J. V.; HELFER, I.. Participação em banca de Valdinei Vicente de Jesus. O uso poético-metafórico do imperativo kantiano sob a perspectiva do respeito e do reconhecimento na aplicação da ética em Paul Ricoeur. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

3.
HELFER, I.; SILVA, Adriano Correa; LEIVAS, Cláudio Roberto; AGUIAR, Odilio Alves. Participação em banca de Lincoln Sales Serejo. Responsabilidade moral e política em Hannah Arendt. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

4.
HELFER, I.; BIENENSTOCK, M.; KERVEGAN, JK; BUETTGEN, P. Participação em banca de Mariana D?Acri Soares. Les premiers pas de la raison chez Hegel. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Université Paris 1 Pantheon-Sorbonne.

5.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; BARBOSA, Evandro; SILVEIRA, Matheus de Mesquita; FEILER, Adilson Felício. Participação em banca de ANDERSON VIEIRA DE LIMA WEBBER. RECONHECIMENTO SOCIAL E COMPORTAMENTO MORAL: Estudo em moral naturalizada. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

6.
LUFT, Eduardo; BAVARESCO, Agemir; UTTEICH, Luciano; ORSINI, Federico; HELFER, INÁCIO. Participação em banca de Rosana Pizzatto. Liberdade ou intersubjetividade: um dilema no pensamento de Hegel. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduaçao em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

7.
HELFER, INÁCIO; ROHDEN, Luiz; VIEIRA, Leonardo Alves; PICH, R. H.; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Leonardo Marques Kussler. A filosofia como mudança de morada: ΜΕΤΟΊΚΗΣΙΣ = METOÍKĒSIS. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

8.
HELFER, I.; PERTILLE, J. P.; ROSENFIELD, D. L.; SILVA, Felipe Gonçalves; PICH, R. H.; ROSENFIELD, Kathrin Lerrer. Participação em banca de Gonzalo Humberto Tinajeros Arce. Guerra e colisão trágica na ideia de patriotismo, em Hegel. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

9.
HELFER, I.; SILVA, Adriano Correa; ALVES, Odílio Aguiar; SILVEIRA, Denis Coitinho; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Kherlley Caxias Batista Barbosa. A concepção de liberdade na filosofia política de Hannah Arendt. 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

10.
HELFER, I.; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de; FEDOZZI, L.; ARAUJO, M.; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de José Carlos de Castro Dantas. O recurso político da democracia deliberativa. 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

11.
HELFER, I.; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de; FEDOZZI, L.; ARAUJO, M.; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de José Carlos de Castro Dantas. O recurso político da democracia deliberativa. 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

12.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; PINZANI, A.; HAMM, C.; VALLS, Alvaro. Participação em banca de Adriano Perin. Método e sistema da razão em Kant: uma investigação sobre a estrutura e a legitimidade do pensamento crítico-transcendental. 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

13.
HELFER, I.; TASSINARI, Ricardo Pereira; BAIONI, José Eduardo Marques; BORDIGNON, Michela; Silva, M. Z. A. da. Participação em banca de Lincoln Menezes de França. Hegel intérprete de Aristóteles: a questão teleológica na Filosofia da História hegeliana. 2017. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas) - Universidade Federal de São Carlos.

14.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho; WERLE, Denilson Luis; LEIVAS, CLaudio R. C.; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de Edward Pereira Rodrigues Junior. A influência de Rousseau na concepção de sociedade bem ordenada de Rawls?. 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

15.
HELFER, I.; GIACOIA JUNIOR, Oswaldo; STEIN, S. I. A.; BRITO, Adriano Naves de; NASCIMENTO, Luís F. M.. Participação em banca de Edgard Charles Stuber. Resolução de problemas complexos: da aleatoriedade biológica à intencionalidade cultural. 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

16.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; BRAIDA, Celso Reni; OLIVEIRA JR, Nythamar H F de. Participação em banca de Felipe Silveira de Araujo. Por uma filosofia da tolerância, diferença, pluralidade, diálogo. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

17.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; PIRES, Cecília Maria Pinto; SILVA, Adriano Correa; AGUIAR, Odilio Alves. Participação em banca de Iltomar Siviero. Política e filosofia no pensamento de Hannah Arendt: aproximações críticas desde a memória dos acontecimentos políticos. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

18.
HELFER, I.; REIS, Helena Esser dos; GARCIA, Cláudio; RUIZ, Castor Bartolomé; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Maicon Rodrigo Rossetto. Liberdade igualdade e participação como garantia da democracia direta em Jean-Jacques Rousseau. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

19.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; SILVEIRA, Denis Coitinho; MONTEAGUDO, Ricardo; TORRES, João Carlos Brum. Participação em banca de Luciana Coletti. Os "Homens como eles são" e a "arte aperfeiçoada" da política: contradição e o conflito entre vontade particular e vontade geral em Jean-Jacques Rousseau. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

20.
SILVA, Franklin Leopoldo e; DUTRA, Noeli Rossatto; PIRES, Cecília Maria Pinto; CULLETON, Alfredo Santiago; HELFER, I.. Participação em banca de Roberto Carlos Favero. Perspectivas éticas a partir de O Ser e o Nada em Sartre. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

21.
HELFER, I.; SOLON, Ari Marcelo; MATOS, Andityas Soares de Moura Costa; BRITO, Adriano Naves de; Rocha, L.. Participação em banca de Matheus Pelegrino da Silva. Democracia e significação da liberdade no pensamento de Hans Kelsen. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

22.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; ABRÃO, Paulo; PANSARELLI, Daniel; VIOLA, Solon. Participação em banca de Paulo César Carbonari. A potencialidade da vítima para ser sujeito ético. Construção de uma proposta de ética a partir da condição da vítima. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

23.
HELFER, I.; BAVARESCO, Agemir; WEBER, Tadeu; BORGES, Maria de Lourdes Alves; Müller, Rudinei. Participação em banca de Mateus Salvadori. Para além da justiça formal - Hegel e o formalismo kantiano. 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

24.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; ROHDEN, Luiz; LUDUENA, Fabian Javier; BORISONIK, Hernán Gabriel. Participação em banca de João Roberto Barros II. O cuidado de si e a filosofia crítica - A construçao da subjetividade autônoma em Michel Foucault. 2012. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

25.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; ROSSATO, Noeli; GENTIL, Hélio Salles; RUIZ, C. M. M. B.. Participação em banca de Roberto Roque Lauxen. O si narrativo, o si ético-moral e a promessa em "Soi-même comme un autre" de Paul Ricoeur. 2012. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

26.
HELFER, I.; VALLS, Alvaro; RUIZ, Castor Bartolomé; SOUZA, Ricardo Timm de; ALMEIDA, Jorge Miranda. Participação em banca de Sandro de Souza Ferreira. Temer, tremer, decidir sobre a justiça da justiça em constante referência a Kierkegaard e a Derrida. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

27.
PERTILLE, J. P.; BAVARESCO, Agemir; WEBER; ROSENFIELD, D. L.; HELFER, I.. Participação em banca de Paulo Roberto Konzen. O conceito de Liberdade de Imprensa ou de Liberdade de Comunicação Pública na Filosofia do Direito de G.W.F. Hegel. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

28.
HELFER, I.; RUIZ, C. M. M. B.; ROHDEN, Luiz. Participação em banca de João Roberto Barros II. Cuidado de Si e Estética da existência em Foucault - pelo reestabelecimento do oikos para a prática ética. 2011. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

29.
WEBER, Tadeu; PERTILLE, J. P.; LUFT, Eduardo; BAVARESCO, Agemir; HELFER, I.. Participação em banca de Rudinei Müller. A crítica de Hegel ao formalismo kantiano. 2011. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduaçao em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

30.
HELFER, I.; CAMPOS, Heleniza Ávila; FERREIRA, Marcos Artêmio Fischborn; FREITAS, Valter de Almeida; CORREA, Silvio Marcos de Souza. Participação em banca de Grazielle Betina Brandt. Les jeunes acteurs du développement: étude comparative sur la migration des jeunes adultes dans les métropoles de Montréal (QC- Canadá) et Porto Alegre (RS- Brésil. 2011. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

31.
HELFER, I.; LUFT, Eduardo; BAVARESCO, Agemir; OLIVEIRA JR, Nythamar H F de; Birck, Bruno Odélio. Participação em banca de Joao Miguel Back. O problema do começo da lógica em Hegel. 2010. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

32.
HELFER, I.; PICH, R. H.; OLIVEIRA JR, Nythamar H F de; KLOZT, Hans Christian; LUFT, Eduardo. Participação em banca de Thiago Suman Santoro. Sobre a fundamentaçao do conhecimento: Fichte e a intuição intelectual. 2009. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

33.
AQUINO, M. F.; HELFER, I.; LUFT, Eduardo; BAVARESCO, Agemir; HECK, J. N.. Participação em banca de Pedro Adalberto Gomes de Oliveira Neto. Totalidade ontológica em Hegel: o problema da metafísica na Phänomenologie des Geistes. 2008. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

34.
HELFER, I.; LUFT, Eduardo; BORGES, Maria de Lourdes Alves; WEBER; BAVARESCO, Agemir. Participação em banca de João Alberto Wohlfart. Sistema hegeliano como uma Filosofia da História. 2008. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

35.
HELFER, I.; LUFT, Eduardo; OLIVEIRA JR, Nythamar H F de; WEBER; LOTZ, Cristhian. Participação em banca de Luciano Carlos Utteich. A exigência da fundamentação do sistema da filosofia transcendental sob o princípio absoluto do "Ich Bin" em J. G. Fichte. 2007. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

36.
HELFER, I.; LUFT, Eduardo; SOUZA, Ricardo Timm de; PAVIANI, Jayme; ULLMANN, Reinholdo Aloysio. Participação em banca de André Antônio Ribeiro. A filosofia da linguagem em Platão. 2006. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

37.
HELFER, I.; SOUZA, Draiton Gonzaga de; SOUZA, Ricardo Timm de. Participação em banca de Jair Antônio Krassuski. Crítica da religião e sistema em Kant: Um modelo de reconstrução racional do cristianismo. 2004. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

38.
NAPOLI, R. B.; HELFER, I.; STEIN, Ernildo Jacob. Participação em banca de Ricardo Bins de Napoli. Ética e compreensão do outro. Uma interpretação da ética de W. Dilthey. 1999. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

Qualificações de Doutorado
1.
SILVEIRA, Denis Coitinho; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de; HELFER, INÁCIO. Participação em banca de Sergio Wollmann. A natureza humana no Leviatã de Hobbes. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

2.
HELFER, INÁCIO; BRITO, Adriano Naves de; STEIN, S. I. A.. Participação em banca de Viviane Zarembski Braga. A racionalidade e a formação da identidade: uma perspectiva naturalizada. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

3.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; VALLS, Alvaro. Participação em banca de Anderson Vieira de Lima Webber. Ética naturalizada: ação e valor na moralidade. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

4.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; ROHDEN, Luiz; GUBERT, Paulo. Participação em banca de Valdinei Vicente de Jesus. Respeito e reconhecimento na aplicação da ética em Paul Ricoeur. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

5.
HELFER, I.; LUFT, Eduardo; ROHDEN, Luiz. Participação em banca de Michele Borges Heldt. O conceito de contradição em Hegel segundo Hösle. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

6.
HELFER, I.; STEIN, S. I. A.; BRITO, Adriano Naves de. Participação em banca de Ana Paula Monteiro dos Reis Emmendorfer. Representações Humanas e Símbolos Linguísticos. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

7.
BRITO, Adriano Naves de; VALLS, Alvaro; HELFER, I.. Participação em banca de Adriano Perin. Método e sistema da razão em Kant. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

8.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; JUNGES, José Roque. Participação em banca de Daniel Nery da Cruz. Implicações da vida humana na filosofia política de H. Arendt e G. Agamben. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

9.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Leonardo Marques Kussler. A filosofia como mudança de morada - metoikesis. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

10.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; VALLS, Alvaro. Participação em banca de Anderson Vieira de Lima Webber. ÉTICA NATURALIZADA: AÇÃO E VALOR NA MORALIDADE. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

11.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho; RUIZ, C. M. M. B.. Participação em banca de Lincoln Sales Serejo. Responsabilidade Moral e Política em Hannah Arendt. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

12.
HELFER, I.; RUIZ, C. M. M. B.; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Maicon Rodrigo Rossetto. Liberdade, igualdade e participação como garantia da democracia direta em Jean-Jacques Rousseau. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

13.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de Edward Pereira Rodrigues Júnior. Investigação sobre a sociedade bem-ordenada: liberdade e comunidade política em Rousseau e Rawls. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

14.
HELFER, I.; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de José Carlos de Castro Dantas. O recurso político da democracia deliberativa. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

15.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de Ubiratan Trindade. Conceito de pessoa em John Rawls: críticas e perspectivas. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

16.
HELFER, I.; PIRES, Cecília Maria Pinto; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Paulo César Carbonari. A vítima: sujeito ético. Construção crítica de uma proposta ética. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

17.
HELFER, I.; RUIZ, C. M. M. B.; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Luciana Coletti. O conflito entre vontade particular e vontade geral e a contradição entre indivíduo e cidadão.. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

18.
ROHDEN, Luiz; RUIZ, C. M. M. B.; HELFER, I.. Participação em banca de Filipe Silveira de Araújo. Diálogo, pluralidade, diferença: ou por uma filosofia da tolerância. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

19.
Rocha, L.; BRITO, Adriano Naves de; HELFER, I.. Participação em banca de Matheus Pelegrino da Silva. Democracia e o compromisso com a liberdade. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

20.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Roberto Carlos Favero. Perspectivas éticas a partir de o ser e o nada em Sartre. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

21.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago; SIDEKUM, Antonio. Participação em banca de Rogerio Baptistella. A filosofia da realidade histórica como horizonte político humanizador. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

22.
CULLETON, Alfredo Santiago; SIDEKUM, Antonio; HELFER, I.. Participação em banca de Rogério Batistella. A filosofia da realidade histórica como horizonte político humanizador. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

23.
HELFER, I.; CUSTÓDIO, André Viana; REIS, Jorge Renato dos; COSTA, Marli M. da; LEAL, Mônia Clarissa Hennig; GORCZEVSKI, Clóvis; RECK, Janriê; HERMANY, R.; MACHADO, Raimar; SPENGLER, F. M.. Participação em banca de Luciana Turatti. Águas subterrâneas transfronteiriças: a construção de um regime internacional de gestão a partir do entendimento de que a água é um recurso natural compartilhado.. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

24.
HELFER, I.; CUSTÓDIO, André Viana; REIS, Jorge Renato dos; COSTA, Marli M. da; LEAL, Mônia Clarissa Hennig; GORCZEVSKI, Clóvis; RECK, Janriê; HERMANY, R.; MACHADO, Raimar; SPENGLER, F. M.. Participação em banca de Henrique M. Koppe Pereira. Aplicação do princípio da subsidiariedade para a promoção da saúde urbana: observação sistêmica das políticas públicas locais e da administração do meio ambiente urbano. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

25.
HELFER, I.; CUSTÓDIO, André Viana; REIS, Jorge Renato dos; COSTA, Marli M. da; LEAL, Mônia Clarissa Hennig; GORCZEVSKI, Clóvis; RECK, Janriê; HERMANY, R.; MACHADO, Raimar; SPENGLER, F. M.. Participação em banca de Everton José Helfer de Borba. Natureza jurídica sui gerenis do ato cooperativo solidário. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

26.
HELFER, I.; SPENGLER, F. M.; CUSTÓDIO, André Viana; REIS, Jorge Renato dos; COSTA, Marli M. da; LEAL, Mônia Clarissa Hennig; LEAL, Rogério Gesta; GORCZEVSKI, Clóvis; RECK, Janriê; HERMANY, R.; MACHADO, Raimar. Participação em banca de Claudia Taís Siqueira Cagliari. O bullying e a prática dos círculos restaurativos como política pública de efetivação dos direitos fundamentais nas escolas: uma análise a partir da lei 13.474/2010 (RS) e da sua implantação pelas coordenadorias regionais de educação do vale do Rio Pardo e Taquari - RS. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

27.
HELFER, I.; SPENGLER, F. M.; CUSTÓDIO, André Viana; REIS, Jorge Renato dos; COSTA, Marli M. da; LEAL, Mônia Clarissa Hennig; LEAL, Rogério Gesta; GORCZEVSKI, Clóvis; RECK, Janriê; HERMANY, R.; MACHADO, Raimar. Participação em banca de Caroline Muller Bittencourt. O controle jurisdicional de políticas públicas: os limites e possibilidades a partir de um modelo discursivo baseado na dogmática e na realidade brasileira. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

28.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Roberto Roque Lauxen. O alcance ético-moral da identidade e da narrativa em Paul Ricoeur. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

29.
HELFER, I.; RUIZ, C. M. M. B.; ROHDEN, Luiz. Participação em banca de Joao Roberto Barros II. Biopoder e Pastorado Cristão. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

Qualificações de Mestrado
1.
FEILER, Adilson Felício; CULLETON, Alfredo Santiago; HELFER, I.. Participação em banca de Pablo Soares da Silva. O conceito de alienação em Karl Marx. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

2.
HELFER, INÁCIO; RUIZ, Castor Bartolomé; JUNGES, José Roque. Participação em banca de Renato Carvalho de Oliveira. O poder pastoral em Michel Foucault. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

3.
HELFER, INÁCIO; VALLS, Alvaro; ROHDEN, Luiz. Participação em banca de Luciane Luisa Lindenmeyer. Consciência imaginativa e intuição eidética como componentes filosóficos da estética fenomenológica. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

4.
HELFER, INÁCIO; SILVEIRA, Denis Coitinho; STEIN, S. I. A.. Participação em banca de Patrícia Ribolli Fachin. O problema do livre-arbítrio: o argumento incompatibilista de Peter van Inwagen. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

5.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago; PINTO, G. N.. Participação em banca de Leandro da Silva Bertoncello. Consciência religiosa e secularismo em John Finnis. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

6.
HELFER, I.. Participação em banca de Danielle Lima de Paula. Pressupostos para uma teoria penal na filosofia do direito de Hegel. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal do Espírito Santo.

7.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Jezreel Antonio Mello. A ideia de soberania em Jean Bodin. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

8.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Fernanda Müller Corrêa. Para além dos direitos individuais: multiculturalismo e reconhecimento em Charles Taylor. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

9.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Eliane Soares Vidigal. Capabilidade e desenvolvimento em Amartya Sen. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

10.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Roberto Lister Gomes Maia. A importância da música na formação humana. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

11.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de. Participação em banca de Rouger dos Santos. A concepção rawlsiana de estado e pessoa e suas diferenças face o utilistarismo de Mill. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

12.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de Marco Aurélio da Silva Melo. As políticas de redistribuição da renda segundo John Rawls e Amartya Sen. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

13.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Lauro Rocha Reis. O antagonismo entre a vontade geral e a vontade particular no contrato social de Jean-Jacques Rousseau. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

14.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Daniel de Souza Mota. Argumentos de sustentação da Paz Perpétua à luz da compreensão moral da ética do dever em Kant. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

15.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago; ROHDEN, Luiz. Participação em banca de Fabrício Mateus de Mello. O Self isolado em Charles Taylor. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

16.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; BRITO, Adriano Naves de. Participação em banca de Mônica Gonçalves Leite. A liberdade nos limites da condição humana. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

17.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Paulo Vinicius Borges Santos. O crime e a punição sob o prisma do consequencialismo e da ética das virtudes. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

18.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; RUIZ, C. M. M. B.. Participação em banca de Jonivan Martins de Sa. Por uma hermenêutica das ciências naturais a partir de Bachelard. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

19.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; VALLS, Alvaro. Participação em banca de Danton Guilherme Oestreich. A crítica de Gadamer a autonomia do belo a partir da arte musical. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

20.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de William de Jesus Costa Freitas. Os instrumentos para a preservação do poder e do Estado em Maquiavel. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

21.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago. Participação em banca de Ricardo Pietrowski Ferreira. Repensar os Direitos Humanos à luz do pensamento de Hannah Arendt. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

22.
HELFER, I.; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Daniel Nery da Cruz. Lipovetsky e a pós-modernidade: dilemas e perspectivas para a moderna noção de sujeito e a ética. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

23.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de. Participação em banca de Luca Nogueira Igansi. Normatividade e valor no naturalismo moral. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

24.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz; RUIZ, Castor Bartolomé. Participação em banca de Leonardo Marques Kussler. Existência e[m] diaética: a filosofia em consonância com seu discurso. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

25.
HELFER, I.; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de; BRITO, Adriano Naves de. Participação em banca de Rejane Cecília Barbosa de Almeida. Simpatia como caminho ao amor à humanidade. 2012.

26.
BRITO, Adriano Naves de; VALLS, Alvaro; HELFER, I.. Participação em banca de Fabiano Clevis Boff. Ética e felicidade na filosofia moral de Kant. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

27.
HELFER, I.; REIS, Jorge Renato dos; GORCZEVSKI, Clóvis. Participação em banca de Carlos Roberto de Melo. Exercício do poder de polícia: limites e controles na gestão de Políticas Públicas. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

28.
HELFER, I.; REIS, Jorge Renato dos; GORCZEVSKI, Clóvis. Participação em banca de Simbard Jones Ferreira Lima. O poder sumular: uma revisitação ao positivismo jurídico. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
HELFER, I.; NOVELLI, P.G.A.; TASSINARI, Ricardo Pereira. Participação em banca de Iago Orlandi Gazola.O papel da figura de Cristo na Filosofia da História de Hegel. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Filosofia) - Universidade Estadual Paulista.

2.
HELFER, I.; SCHAEFER, Sérgio; TRINDADE, Ubiratan. Participação em banca de Carmen Luciana Silva Queiroz.Conceito de belo na perspectiva de Platão. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

3.
HELFER, I.; SCHAEFFER, S.; MOLINA, Jorge. Participação em banca de Joice Terezinha Dias.A relação ética e política em Nicolau Maquiavel. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

4.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho. Participação em banca de Adão Malessa.Autointeresse e Estado em Thomas Hobbes. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

5.
HELFER, I.; SCHAEFER, Sérgio. Participação em banca de Sérgio Hauth Júnior.Crítica da razão hegeliana a partir da teoria crítica de Frankfurt: a transição de Adorno e Horkheimer e a reabilitação de Habermas. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

6.
HELFER, I.; MOLINA, Jorge. Participação em banca de Luiza Flores Gasparetto.O problema do homem na filosofia de Sartre. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

7.
HELFER, I.. Participação em banca de Simone Elisângela Roehrs.Responsabilidade social: o papel da secretária executiva como agente ativo no processo de transformação do ambiente corporativo. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Secretariado Executivo Bilíngue - português-inglês) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

8.
HELFER, I.; MOLINA, Jorge; HOFFMANN, Edgar. Participação em banca de Pedro Nunes de Castro.Determinismo e probabilidade: algumas observações. 2002. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

9.
HELFER, I.. Participação em banca de Márcio André Bartz.A essência do homem no trabalho produtivo segundo Marx. 2002. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

10.
HELFER, I.. Participação em banca de Maciel Pinton.Ética e política no pensamento de Maquiavel. 2002. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

11.
HELFER, I.. Participação em banca de Cleitoir Pinheiro Munhoz.A filosofia no ensino médio como parte integrante da formação discente. 2002. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

12.
STEIN, R.; HELFER, I.; ALBORNOZ, S.; HOFFMANN, Edgar. Participação em banca de Rafael Stein.A religião em Hegel. 2001. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.

13.
CASTRO, P. N.; HELFER, I.; HOFFMANN, Edgar; MOLINA, Jorge. Participação em banca de Pedro Nunes de Castro.Determinismo e probabilidade: algumas observações. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
HELFER, I.; AZAMBUJA, Celso Candido de; VALLS, Alvaro; ROHDEN, Luiz; BRITO, Adriano Naves de. Comissao de seleçao do PPG Filosofia Unisinos. 2010. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

2.
HELFER, I.; RUIZ, Castor Bartolomé; PIRES, Cecília Maria Pinto. Equipe de seleção de docentes para o Quadro Permanente de Professores da UNISINOS. 2003. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

3.
HELFER, I.. Participação em comissão examinadora (presidente) de concurso público para professor assistente na disciplina de métodos e técnicas de pesquisa.. 1999. Universidade de Santa Cruz do Sul.

4.
HELFER, I.. Participação em Comissão Examinadora da Prova Prática da disciplina de Educação e Epistemologia do Concurso para Docentes do curso de Pedagogia.. 1998. Universidade de Santa Cruz do Sul.

5.
HELFER, I.. Participação em Comissão Examinadora de Concurso Público para Professor Assistente na Área de Filosofia da Ciencia.. 1998. Universidade Federal de Santa Maria.

6.
HELFER, I.. Participação em Comissão Examinadora de Concurso Público para Docente da Área de Filosofia do Departamento de Filosofia.. 1997. Universidade de Santa Cruz do Sul.

7.
HELFER, I.. Participação em Comissão Examinadora de Concurso Público para Professor Adjunto na Área de Ética contemporânea.. 1997. Universidade Federal de Santa Maria.

8.
HELFER, I.. Participação em Comissão Examinadora de Seleção para Professor Substituto na Área de Filosofia Contemporânea.. 1997. Universidade de Santa Cruz do Sul.

9.
HELFER, I.. Participação em Comissão Examinadora do Concurso Público para Docentes do Departamento de Letras e Comunicação Social da UNISC.. 1996. Universidade de Santa Cruz do Sul.

Outras participações
1.
HELFER, I.. Coordenador de Banca no XXII Mostra Unisinos de Iniciação Científica 2013. 2015. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

2.
HELFER, I.. Coordenador de Banca na XX Mostra Unisinos de Iniciação Científica 2013. 2013. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

3.
HELFER, I.. Avaliador de Banca na XX Mostra Unisinos de Iniciação Científica 2013. 2013. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

4.
HELFER, I.; GOES, César Hamilton de Brito; HAUTH JR, Sérgio; RODRIGUES, Jovana de Lourdes. Comitê Eleitoral responsável pela escolha de Coordenador e Subcoordenador de Curso de Filosofia. 2013. Universidade de Santa Cruz do Sul.

5.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; RUIZ, C. M. M. B.; AZEVEDO, Marco Antonio Oliveira de. Comissao do Processo Seletivo do PPG Filosofia. 2012. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

6.
HELFER, I.. Membro da Comissão do Processo Seletivo do PPG Filosofia 2012/1. 2011. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

7.
HELFER, I.. Avaliador de sessao na Mostra Unisinos de Iniciaçao Científica. 2010. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

8.
HELFER, I.. Examinador de Mostra Unisinos de Iniciação Científica. 2009. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

9.
HELFER, I.; LIMA, Carlos Cirne; VALLS, Alvaro; REGNER, Anna Carolina. Comissão de Seleção Docente do PPG Filo. 2008. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

10.
HELFER, I.. Comissão de Seleção e Acompanhamento de Bolsas de Estudo do PROSUP/UNISINOS. 2007. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

11.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; SANTOS JR, Nei Fonseca dos. Comissão de Seleção e Acompanhamento de Bolsas de Estudo do PROSUP/UNISINOS. 2006. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

12.
HELFER, I.. Avaliador na Mostra Unisinos de Iniciação Científica. 2006. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

13.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; STEFANI, Jaqueline. Comissão de Seleção e Acompanhamento de Bolsas de Estudo do PROSUP/UNISINOS. 2005. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

14.
HELFER, I.; BRITO, Adriano Naves de; STEFANI, Jaqueline. Comissão de Seleção e Acompanhamento de Bolsas de Estudo do PROSUP/UNISINOS. 2004. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

15.
VALLS, Alvaro; FLEIG, M.; HELFER, I.. Comissao de seleçao do PPG Filosofia Unisinos. 2003. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

16.
HELFER, I.; TIBURI, M.. Examinador na Monstra de Iniciação Científica. 2002. Universidade do Vale do Rio dos Sinos.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
32nd International Hegel Congress of the International Hegel-Society at the University of Tampere. Moderador da mesa 13/III. Philosophy of History/Philosophie der Geschichte, no Hegel?s Encyclopaedic System and its Legacy. 2019. (Congresso).

2.
32er Internationaler Hegel-Kongress der Internationalen Hegel-Gesellschaft. L?action, l?impartialité et le jugement dans l?histoire. 2018. (Congresso).

3.
II Encontro Nacional sobre a Ciência da Lógica de Hegel.O estatuto das determinações de reflexão no pensamento hegeliano. 2018. (Encontro).

4.
Jornada de Estudos Axel Honneth.Entre Honneth e Hegel: da liberdade à eticidade em O direito da liberdade. 2018. (Outra).

5.
XVIII Encontro Nacional da ANPOF.O estatuto das determinações de reflexão no pensamento hegeliano. 2018. (Encontro).

6.
XXIV World Congress of Philosophy. L?action, l?impartialité et le jugement de l?histoire. 2018. (Congresso).

7.
II Congreso Germano Latinoamericano sobre la Filosofía de Hegel - Hegel y el proyecto de una enciclopedia filosófica. O agente moral como expressão da ação (Handlung) livre. 2017. (Congresso).

8.
IX Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. Ação histórica, imparcialidade e julgamento segundo a Enciclopédia de Hegel. 2017. (Congresso).

9.
Simpósio Justiça, Sociedade e Direitos Humanos.Simpósio Justiça, Sociedade e Direitos Humanos. 2017. (Simpósio).

10.
VIII Jornadas Internacionales de Teoría y Filosofía de la Historia: la utilitad de la historiat. A consideração pragmática e filosófica da história em Hegel. 2017. (Congresso).

11.
31. Internationaler Hegel-Kongress der Internationalen Hegel-Geselschaft. Hegel, action et l'homme. 2016. (Congresso).

12.
XVII Encontro Nacional da ANPOF.Intenção e vontade moral: uma reflexão a partir do pensamento de G.W.F. Hegel. 2016. (Encontro).

13.
XVII Semana de Filosofia da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Idealismo Alemão: antecedentes e desdobramentos.O idealismo alemão de Hegel no contexto do sujeito de ação moral. 2016. (Outra).

14.
Colóquio Hegel: Ação e Pensamento.A concepção de agente humano na dialética do reconhecimento de Hegel. 2014. (Outra).

15.
III Simpósio de Filosofia e Literatura: recados do Dito e do não-ditodito.Conferência I: O universo concentrado: narração e reflexão em Campo Geral. 2014. (Simpósio).

16.
Mobilidade docente/discente entre Brasil e Portugal. 2014. (Exposição).

17.
VI Colóquio Internacional de Ética: intencionalidade e responsabilidade moral.A concepção hegeliana de ética. 2014. (Simpósio).

18.
VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. A filosofia da história de Hegel. Tempo, conceito e religião. 2014. (Congresso).

19.
XVI Encontro Nacional da ANPOF.A concepção de agente humano na dialética do reconhecimento de Hegel. 2014. (Encontro).

20.
XXX Congres da Internationalen HegelGeseltschaf. L?agent humain: aspects de la théorie hégélienne de l'action d?après Taylor ?. 2014. (Congresso).

21.
Sociedade, Religiões, Secularização - Ciclo de Debates com Charles Taulor.Teses comunitaristas de fundamentação de organização de sociedades. 2013. (Seminário).

22.
XVII Congresso Interamericano de Filosofia. A concepção de agente humano na dialética do reconhecimento de Hegel. 2013. (Congresso).

23.
Encontro de pesquisadores dos Programas de Pós-Graduaçao em Filosofia do Rio Grande do Sul - Problemas de Ética teórica e aplicada.Haverá uma dimensao ética na análise hegeliana da luta pelo reconhecimento. 2012. (Encontro).

24.
IX Seminário Internacional de demandas sociais e políticas públicas na sociedade contemporânea.Como a ética discursiva pode ajudar na efetividade do processo civil. 2012. (Seminário).

25.
XV Encontro Nacional da ANPOF.Ação do agente e mediações dialéticas em Hegel. 2012. (Encontro).

26.
Simpósio Margens da Palavra: veredas filosófico-literárias no Brasil.A importância de Herder na origem da linguagem. 2011. (Simpósio).

27.
VI Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. Teoria da ação e mediações dialéticas em Hegel. 2011. (Congresso).

28.
VIII Simposio de Dialógica: Metafísica de la libertad y teoría de la sociedad. Nuevas exploraciones en torno al concepto de eticidad en Hegel..Teoria da açao em Hegel segundo Taylor. 2011. (Simpósio).

29.
XIV Colóquio de Filosofia da Unisinos: objetivo e sujetivo: novas tendências em epistemologia e filosofia da moral - Objective and subjective: new trends in epistemology and moral philosophy. Estética, subjetividade e objetividade. 2011. (Congresso).

30.
Capacitaçao para o uso do EAD, Módulo I. 2010. (Oficina).

31.
I Encontro Interno de Avaliaçao do Programa de Pós-Graduaçao em Direito - Mestrado e Doutorado. 2010. (Encontro).

32.
II Encontro de Programas de Pós-Graduaçao Stricto Sensu em Direito do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. 2010. (Encontro).

33.
Programa de formaçao continuada 2010/1. 2010. (Outra).

34.
Programa de Pedagogia Universitária - 2010/02. 2010. (Oficina).

35.
XIV Encontro Nacional de Pós-Graduaçao em Filosofia.O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. 2010. (Encontro).

36.
Colóquio: Depois de Hegel.Sobre a noção de "sistema filosófico" em Hegel. 2008. (Outra).

37.
Curso de formação docente para a EAD: planejamento e orientação do processo educativo online. 2008. (Outra).

38.
XIII Encontro Nacional de Filosofia.Epistemologia e política em C. Taylor. 2008. (Encontro).

39.
XIV Seminário de Iniciação Científica e na XIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unisc.Dever fundamental de pagar impostos. 2008. (Seminário).

40.
XXVII Internationaler Hegel-Kongress. La partialité pour le savoir de l'esprit absolu dans la connaissance de l'histoire universelle. 2008. (Congresso).

41.
IV Congresso Internacional da Sociedaqde Hegel Brasileira. O Estado como efetividade da razão em Hegel. 2007. (Congresso).

42.
Jornada sobre Dialética - 2007.O Estado racional em Hegel. 2007. (Outra).

43.
Oficina Técnica I de Instrumentalização para o uso do Ambienta Virtual de Aprendizagem EAD. 2007. (Oficina).

44.
Reunião dos Coordenadores de Pós-Graduação em Filosofia com o Representante de área.O PPG Filosofia da Unisinos. 2007. (Encontro).

45.
Encontro do Comitê de área do direito da CAPES com os Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direito do Rio Grande do Sul : avaliação - A Pós-Graduação Stricto Sensu em Direito no Brasil.A filosofia e o direito. 2006. (Encontro).

46.
Reunião dos Coordenadores de Pós-Graduação em Filosofia com representante de área.Reunião dos Coordenadores de Pós-Graduação em Filosofia com representante de área. 2006. (Encontro).

47.
XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF.A luta pelo reconhecimento e o direito. 2006. (Encontro).

48.
XV Encontro do Grupo de Pesquisas Integradas GPI-Dialética - Identidade dialética.Tempo, espaço e natureza. 2005. (Encontro).

49.
25 Congrès international Hegel: Penser la vie. 25 Congrès international Hegel : Penser la vie. 2004. (Congresso).

50.
Teleconferência DIA/2004.Teleconferência DIA/2004. 2004. (Simpósio).

51.
DIA/2001 - dialética e Hermenêutica. DIA/2001 - Dialética e Hermenêutica. 2001. (Congresso).

52.
VII Encontro do Grupo de Pesquisas Integradas GPI-Dialética.Circularidade na Lógica da Essência em Hegel. 2001. (Encontro).

53.
VIII Encontro do Grupo de Pesquisas Integradas GPI-Dialética.A Wechselwirkung em Hegel e a auto-organização. 2001. (Encontro).

54.
V Encontro do Grupo de Pesquisas Integradas GPI-Dialética.Dialética na Filosofia da História de Hegel. 2000. (Encontro).

55.
VI Encontro do Grupo de Pesquisas Integradas GPI-Dialética.Dialética como método na Filosofia da História de Hegel. 2000. (Encontro).

56.
Congresso Internacional: Dialética e Liberdade. Congresso: Dialética em Porto Alegre. 1999. (Congresso).

57.
Introdução às Investigações Filosóficas de Wittgenstein.Mnicurso de extensão. 1999. (Outra).

58.
IV Seminário Nacional Sobre Desenvolvimento Regional - Pensadores Alemães dos Séculos XIX e XX - Alusivo Aos 150 Anos da Colonização Alemã em Santa Catarina.IV Seminário Nacional Sobre Desenvolvimento Regional - Pensadores Alemães. 1999. (Seminário).

59.
Congresso Internacional Dialética em Porto Alegre. Dialética em Porto Alegre. 1998. (Congresso).

60.
seminário Internacional A Criação Histórica.Criação Histórica. 1991. (Seminário).

61.
VI Seminário Estadual "LICENCIATURAS".Seminário - Licenciaturas. 1989. (Seminário).

62.
Seminário Regional de Avaliação.Seminário Regional de Avaliação. 1988. (Seminário).

63.
Filosofia e Educação.Filosofia e Educação. 1982. (Outra).

64.
Fé e Educação Política.Curso: Fé e Educação Política. 1981. (Outra).

65.
A Filosofia no rio Grande do Sul.Filosofia no Rio Grande do Sul. 1980. (Outra).

66.
Filosofia e Educação.Curso de Extensão Universitária. 1980. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
HELFER, INÁCIO; TIDRE, Polyana . Jornada de Estudos Axel Honneth. 2018. (Outro).

2.
HELFER, I.. VIII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. 2015. (Congresso).

3.
HELFER, I.; SILVEIRA, Denis Coitinho . Membro da Comissão Científica no I Seminário de Ética e Filosofia Política Contemporânea: o neocontratualismo em questão. 2014. (Congresso).

4.
HELFER, I.. Coordenador de Mesa no I Seminário de Ética e Filosofia Política Contemporânea: o neocontratualismo em questão. 2014. (Congresso).

5.
HELFER, I.. Membro da Comissão Científica do VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. A filosofia da história de Hegel. 2014. (Congresso).

6.
HELFER, I.. Coordenador do Seminário Modernidade e Soberania: Bodin, Hobbes e Locke. 2014. (Outro).

7.
HELFER, I.; Andreatta, C. M. ; Neutzling, Inácio . Coordenador do Ciclo de debates sobre Sociedade, Religiões, Secularização - Ciclo de debates com Charles Taylor. 2013. (Congresso).

8.
HELFER, I.. Coordenador de mesa do Ciclo de debates Sociedade, Religiões, Secularização - Ciclo de debates com Charles Taylor. 2013. (Congresso).

9.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz ; KUSSLER, Leonardo Marques . Coordenador do XVI Colóquio de Filosofia Unisinos - Dialética e Hermenêutica: Entre Platão e Gadamer. 2013. (Congresso).

10.
HELFER, I.. Coordenador de Mesa no VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. A filosofia da história de Hegel. 2013. (Congresso).

11.
HELFER, I.. Coordenador do Eventos VII Congresso Internacional da Sociedade Hegel Brasileira. A filosofia da história de Hegel. 2013. (Congresso).

12.
HELFER, I.. Coordenação do Grupo de Trabalho Dialética no XV Encontro Nacional da Anpof. 2012. (Outro).

13.
HELFER, I.. Coordenador do Evento XV Colóquio de Filosofia Unisinos- 1812-2012, Ciência da Lógica de Hegel. 2012. (Congresso).

14.
HELFER, I.. Coordenador do I Simpósio Cátedra Sérgio Vieira de Mello (CSVM). 2012. (Outro).

15.
HELFER, I.. Coordenador de sessao de apresentaçao de trabalhos. Simpósio Margens da Palavra: veredas Filosófico-Literárias no Brasil. 2011. (Outro).

16.
HELFER, I.. Coordenador do Curso Teorias do Sujeito. 2011. (Outro).

17.
HELFER, I.; PIRES, Cecília Maria Pinto ; AZAMBUJA, Celso Candido de . Coordenador do XIII Colóquio de Filosofia Unisinos: Política e liberdade no século XXII. 2010. (Congresso).

18.
HELFER, I.; AZAMBUJA, Celso Candido de . Lançamento e conferência da obra Depois de Hegel, de Carlos Roberto Cirne Lima. 2007. (Outro).

19.
HELFER, I.. IV Colóquio Nacional de Filosofia da História e X Colóquio de Filosofia Unisinos - História e Barbárie. 2007. (Congresso).

20.
HELFER, I.. Jornada sobre Dialética - 2007. 2007. (Outro).

21.
HELFER, I.. Palestra sobre ?Antropologia Filosófica? com Prof. Dr. Ernst Tugendhat. 2006. (Outro).

22.
HELFER, I.; AZAMBUJA, Celso Candido de . Aula Inaugural Curso Graduação em Filosofia ?Considerações sobre Bio-Política e Modernidade? com Prof. Dr. Oswaldo Giacóia Jr. (UNICAMP). 2006. (Outro).

23.
HELFER, I.. Aula Inaugural ?Implicações éticas da cosmologia platônica. Uma leitura do mito do Político? com Prof. Dr. Marcelo Perine (PUCSP). 2006. (Outro).

24.
HELFER, I.. Lançamento do CD-ROM ?Dialética para Todos? com Prof. Dr. Carlos Cirne Lima. 2006. (Outro).

25.
HELFER, I.. Ciclo de estudos em Filosofia ?Sujeito, história e ação: as interfaces da práxis. Uma reflexão a partir de A Condição Humana, de Hannah Arendt? com Profa. Dr. Cecília Pires. 2006. (Outro).

26.
HELFER, I.. Ciclo de Estudos em Filosofia: O Argumento e as armadilhas do Ser em Paul Feyerabend com Profa. Dra. Anna Carolina Regner. 2006. (Outro).

27.
HELFER, I.. Ciclo de Estudos em Filosofia: Wagner e Nietzsche ? sobre o cristianismo com Prof. Dr. Álvaro Valls. 2006. (Outro).

28.
HELFER, I.; CULLETON, Alfredo Santiago ; RUIZ, Castor Bartolomé ; PIRES, Cecília Maria Pinto ; AZAMBUJA, Celso Candido de ; GONZALEZ, Francisco Colom . IX Simpósio Internacional da Associação Ibero-Americana de Filosofia Política e VIII Colóquio de Filosofia - Unisinos. 2005. (Congresso).

29.
HELFER, I.; ROHDEN, Luiz ; LIMA, Carlos Cirne . Congresso Nacional DIA/2005- Dialética, tempo e natureza. 2005. (Congresso).

30.
HELFER, I.; LIMA, Carlos Cirne ; ROHDEN, Luiz . Congresso Nacional Dia/2003- Dialética, Caos e Complexidade. 2003. (Congresso).

31.
HELFER, I.; TIBURI, Marcia Angelita ; ROHDEN, Luiz ; CULLETON, Alfredo Santiago ; SCHEID, Urbano ; AZAMBUJA, Celso Candido de ; KRONBAUER, Luiz Gilberto . Comemoração dos 50 anos do Curso de Filosofia da UNISINOS. 2003. (Outro).

32.
HELFER, I.. Coordenador de Trabalho no DIA/2002 - Dialética e auto-organização. 2002. (Congresso).

33.
HELFER, I.; PIRES, Cecília Maria Pinto ; AZAMBUJA, Celso Candido de . V Colóquio de Filosofia I Seminário Internacional de Ética e Contemporaneidade. 2002. (Outro).

34.
HELFER, I.; RUIZ, C. M. M. B. ; KRONBAUER, Luiz Gilberto . IV Colóquio de Filosofia: a tensão (irre)solúvel entre ética e política. 2001. (Congresso).

35.
HELFER, I.. Coordenador de Mesa no VI Seminário Nacional sobre Desenvolvimento Regional - Interdisciplinaridade na Pós-Graduação. 2001. (Congresso).

36.
HELFER, I.. Coordenador de apresentação de trabalhos no DIA/2001 - Dialética e Hermenêutica. 2001. (Congresso).

37.
HELFER, I.. Coordenação de mesa redonda no V Seminário Nacional sobre Desenvolvimento Regional - Desenvolvimento Rural: Potencialidades em Questão. Promoção do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional- Mestrado.. 2000. (Outro).

38.
HELFER, I.. Sessão de Pôsteres das áreas de Filosofia e Geografia Física. 1999. (Congresso).

39.
HELFER, I.. IV Seminário Nacional sobre Desenvolvimento Regional - Pensadores Alemães dos Séculos XIX e XX. 1999. (Congresso).

40.
HELFER, I.. A filosofia do Direito de Hegel. 1997. (Congresso).

41.
HELFER, I.. Seminário Nacional sobre Desenvolvimento Sustentável - Organização de Evento. 1996. (Congresso).

42.
HELFER, I.. A filosofia do Direito em Hegel. Organização de curso de extensão. 1996. (Outro).

43.
HELFER, I.. I Seminário Regional sobre Direitos Humanos na Escola. 1990. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Pablo Soares. A teoria da alienação em Marx. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação Milton Valente. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Aline Cristina Alves. Cosmopolitismo e hospitalidade universal kantiana: bases para pensar o refúgio. Início: 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos. (Orientador).

2.
Wildemar Felix Assunção e Silva. Elementos fundacionais da teoria da justiça normativa: a proprosta de Honneth. Início: 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos. (Orientador).

3.
Leandro de Mello Schmitt. A ética social na fundamentação da tributação: para além da moralidade e da normatividade. Início: 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos. (Orientador).

4.
Joel Francisco Decoté Junior. A natureza do agir político das religiões na esfera pública (pós) secular segundo Jürgen Habermas e Charles Taylor. Início: 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

5.
Sergio Wollmann. O conceito de pessoa política em Hobbes e o reconhecimento. Início: 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos. (Orientador).

6.
Michele Borges Heldt. O ser-necessário em Hegel. Início: 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Supervisão de pós-doutorado
1.
Polyana Tidre. Início: 2018. Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

Iniciação científica
1.
Kairo Henrique da Silva. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana a partir de Taylor. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Kelvin Felipe Weschenfelder. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Daniel de Souza Mota. Concepção moral e destino da humanidade no pensamento de Kant e Hegel. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

2.
Jezreel Mello. Os limites da soberania em Jean Bodin. 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

3.
Fernanda Müller Corrêa. Identidade e reconhecimento em Charles Taylor: a questão multicultural na sociedade liberal-democrática. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação Milton Valente - Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

4.
Fabrício Mateus de Mello. O indivíduo em Charles Taylor. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

5.
Lauro Rocha Reis. Antagonismo entre a vontade geral e particular em Rousseau. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

6.
Ricardo Pietrowski Ferreira. Direitos humanos à luz de Hannah Arendt. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação Milton Valente - Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

7.
Percio Davies Schmitz. A questao do indivíduo e da sociedade em John Rawls. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

8.
Simbard Jones Ferreira Lima. O ?Poder Sumular?: de fonte mediata e informativa do direito ao protagonismo vinculante. 2012. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

9.
Léon Rivail Faller. A normatização jurídica e a (in)efetividade das políticas públicas de destinação final de embalagens de agrotóxicos no Estado do Rio Grande do Sul. 2011. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

10.
Mauro Cesar Maggio Stürmer. Os tratados internacionais de direitos humanos como paradigma de validação das demais normas no sistema jurídico brasileiro. 2011. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

11.
Carlos Roberto Pacheco de Melo. Poder e políticas públicas: o poder de polícia e o controle de armas no Brasil. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

12.
Ivo José Kunzler. O conceito de justiça em Aristóteles e sua contribuiçao para a análise da tributaçao no estado concemporâneo. 2010. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

13.
Roberto Oliveira Weber. A teoria política do reconhecimento e o Estado democrático de direito: uma abordagem a partir do pensamento de Charles Taylor. 2009. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

14.
Ubiratan Trindade. Justiça Distributiva: uma leitura da obra de John Rawls. 2008. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação Milton Valente - Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

15.
Rosane Schena. Participação política, atitudes e valores na vida de estudantes de três escolas públicas de Ensino Médio de Santa Cruz do Sul, RS. 2007. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

16.
Lisielle Zanella. O projeto político pedagógico e o desenvolvimento da comunidade local. 2007. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

17.
Giovani Meinhardt. Autonomia e Solipsismo. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

18.
João Roberto Barros II. Progresso moral na filosofia da história de Kant entre 1781 e 1788.. 2006. 0 f. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

19.
Cristiano Escobar Carvalho Bernardes. Pós-Modernidade, Hibridismo e Velocidade: Condições de Impossibilidade do Desenvolvimento Regional. 2005. 148 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

20.
Pedro Jardel da Silva Copetti. A materialização da função política e a efetividade da fórmula constitucional no âmbito do ministério público do Estado do Rio Grande do Sul. 2005. 189 f. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

21.
Aline Dalri. A efetividade das medidas Socioeducativas em Meio Aberto e o Desenvolvimento Regional. 2005. 145 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

22.
Marciano Schaeffer. Direito e política: uma leitura a partir de Aristóteles e Hegel. 2004. 157 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

23.
Maribel Fátima de Borba. Organizações que aprendem - a aprendizagem coletiva alavancando o desenvolvimento organizacional e regional: o modelo de uma empresa santa-cruzense. 2004. 140 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Inácio Helfer.

24.
Luiz Carlos Sordi. Atuação dos alunos e egressos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) nas organizações comunitárias do município de Chapecó/SC. 2003. 143 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

25.
Paulo Hahn. Emancipação da consciência e essência genérica humana: uma reflexão a partir da análise crítica da religião em Ludwig Feuerbach. 2003. 136 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

26.
Roque Hammes. As relações da Igreja Católica da Diocese de Santa Cruz do Sul com os sindicatos e os movimentos sociais na defesa e promoção da vida. 2002. 176 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

27.
Milton Roberto Keller. Santa Cruz do Sul e sua Arquitetura Eclética. 2001. 261 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

28.
Leonel Piovezana. Educação e cultura na terra indígena Xapecó. 2000. 0 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

29.
Sara Juliana Pozzer da Silveira. O papel da Irracionalidade na Filosofia da História de Hegel. 2000. 0 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Maria, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Inácio Helfer.

30.
Simone Grohs Freire Simões Pires. Ato Infracional e medida sócio-educativa de liberdade assistida: refletindo sobre suas implicações legais no contexto social. 2000. 0 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

31.
Fridolino Roberto Schneider. Estudos de convivência da terceira idade de Santa Cruz do Sul. 2000. 0 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

32.
ZACHARIAS, Dulce Grasel. Percepção do Adolescente de 12 A 18 Anos das Escolas Urbanas de Santa Cruz do Sul Em Relação Às Drogas Psicotrópicas. 1999. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

33.
Ademir Müller. Avaliação institucional da gestão escolar na escola pública: a democracia no processo decisório. 1999. 0 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

34.
HELFER, Nadir Emma. Concepções de Mundo Presentes No Ensino de História, de 5ª A 8ª Séries, Em Escolas Estaduais da Área de Abrangência da 6ª De. 1998. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

35.
CUNHA, Ana Zoé Schilling. Hanseníase: História de Um Problema de Saúde Pública. 1997. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) - Universidade de Santa Cruz do Sul, . Orientador: Inácio Helfer.

Tese de doutorado
1.
Odair Camati. Multiculturalismo e direitos universais. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

2.
Kherlley Caxias Batista Barbosa. A concepção de liberdade na filosofia política de Hannah Arendt. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

3.
Luciana Coletti. Interesse e Conflito na República Democrática de Rousseau. 2016. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

4.
Ubiratan Trindade. Bases morais da política e a construção de uma sociedade bem ordenada na Teoria da Justição de John Rawls: críticas e perspectivas. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação Milton Valente - Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

5.
Maicon Rodrigo Rossetto. Liberdade e igualdade como pressupostos para a garantia da democracia direta: estudo sobre Jean-Jaques Rousseau. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

6.
Roberto Carlos Favero. Perspectivas éticas a partir de O Ser e o Nada em Sartre. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, . Orientador: Inácio Helfer.

7.
João Roberto Barros II. O cuidado de si e a filosofia crítica - A construçao da subjetividade autônoma em Michel Foucault. 2012. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

8.
Matheus Pelegrino da Silva. Democracia e o compromisso com a liberdade. 2011. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Inácio Helfer.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Horácio Wanderlei Rodrigues. 2009. Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Inácio Helfer.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Ivete Teresinha de Freitas Schwingel. A formação de professores para o uso pedagógico do computador.. 2003. 80 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

2.
Lizete Dorz. Apropriação da cultura da informática pelas famílias da área rural envolvidas no desenvolvimento da psicultura na Associação dos Criadores de Peixes de Linha Brasileira, Sobradinho, RS - BRASPEIXE. 2003. 80 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

3.
Elimar de Barros. Possibilidades e aplicações da informática educativa no estudo da história. 2002. 92 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

4.
Elis Regina Titello Orlandi. O município de progresso: ontem e hoje. 2000. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Metodologia do Ensino da Geograf) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

5.
Ivana Rostirolla. As novas tecnologias como um elemento significativo no desenvolvimento do trabalho de produção de textos nas aulas de língua portuguesa. 1998. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

6.
Maribel Gassen. Análise do uso do computador como ferramenta de alfabetização em turmas de 2ª Séries do ensino fundamental. 1998. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

7.
Edson Luiz do Moraes. Pesquisa de Levantamento de dados sobre o Conhecimento de Informática dos Docentes do SENAI - RS. 1997. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

8.
Suzéte da Silva Reis. A Informática nos cursos de formação de professores-ensino médio. 1997. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

9.
Bianca Roselí Rosso. Um hi8pertexto sobre a história do município de Santa Cruz do Sul. 1997. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

10.
Ângela Maria Staub Cano. Informática e a produção do conhecimento nas séries inicias do 1º Grau. 1997. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

11.
Ana Cristina Kipper. O uso do computador na escola. 1997. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Informática Aplicada à Educação) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

12.
Martim Klemm. Atuação do Sebrae. 1996. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Gestão da Qualidade Total) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Tania Mara Ondere. Hannah Arendt, o mal banal e a capacidade de julgar. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Orientador: Inácio Helfer.

2.
Suzane Lehdermann Silveira. Ação e discurso em Hannah Arendt. 2005. 56 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Orientador: Inácio Helfer.

3.
Claudiomiro de Oliveira. Hegel e a odisséia do espírito na história. 2004. 73 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Orientador: Inácio Helfer.

4.
Cleitoir Pinheiro Monhoz. A filosofia no ensino médio como parte integrante da formação discente. 2002. 50 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

5.
Rafael Stein. A religião em Hegel. 2001. 45 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

6.
Jovani Augusto Puntel. Concepção de liberdade em Hobbes. 2000. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

Iniciação científica
1.
Jaison Matias Partchel. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana a partir de Taylor. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Inácio Helfer.

2.
Jean Borba dos Reis. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana a partir de Taylor. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

3.
Joseane Fontoura Alves. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Inácio Helfer.

4.
Leo Henrique. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Inácio Helfer.

5.
Douglas Cupatti. O agente humano: aspectos da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Inácio Helfer.

6.
Matheus Carniel. Análise da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Inácio Helfer.

7.
Victória Sartori. Análise da teoria da ação hegeliana segundo Taylor. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Inácio Helfer.

8.
Marinei Silva Carvalho. Direito e História em Charles Taylor. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

9.
Marcelo Luis Militão. Direito e história em Hegel e Charles Taylor. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

10.
Daniel Mittmannn. Direito e história a partir da matriz hegeliana de pensamento. 2005. 12 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

11.
Claudiomiro de Oliveira. Direito e História a partir da matriz hegeliana de pensamento. 2004. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

12.
André Luiz Olivier da Silva. Direito e história a partir da matriz hegeliana de pensamento. 2004. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Inácio Helfer.

13.
Rafael Bruxel. Processos de inclusão e exclusão social no desenvolvimento regional do Vale do Rio Pardo (RS). 2004. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Santa Cruz do Sul, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

14.
Vera Elenita da Silva Faleiro. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noção de fim da história. 2003. 50 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

15.
Ana Paula Ely. Processos de Inclusão e exclusão social no desenvolvimento regional do Vale do Rio Pardo (RS). 2003. 12 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

16.
André Luiz Olivier da Silva. Direito e História a partir da matriz hegeliana de pensamento. 2003. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

17.
Marisa Monticelli Krindges. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noção de fim da história.. 2002. 20 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

18.
Suziane Maristela Schmitt. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noção de fim da história.. 2002. 20 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

19.
Taís Raquel Knebelkamp. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noção de fim da história.. 2002. 3 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

20.
Claudiomiro de Oliveira. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noçao de fim da história. 2002. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

21.
Wlademir Barreiro do Carmo. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noção de fim da história.. 2001. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul. Orientador: Inácio Helfer.

22.
George Roberto Mileski. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noção de fim da história.. 2001. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

23.
Marisa Eliane Monticelli Krindges. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noçao de fim da história. 2001. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

24.
Giovani Ferreira Vargas. Giovani Ferreira Vargas. 2000. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

25.
George Roberto Afonso Mileski. Leituras de Kojève sobre a filosofia da história em Hegel: a noçao de fim da história. 2000. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos, Bolsas de Iniciação Científica da Unisinos. Orientador: Inácio Helfer.

26.
Leila Borges Dias Santos. A Idéia de Progresso em Kant. 1999. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de Santa Cruz do Sul, Programa Unisc de Iniciação Científica. Orientador: Inácio Helfer.



Inovação



Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Textos em jornais de notícias/revistas
1.
HELFER, I.. O saber que se revela na travessia em direção ao outro. IHU on-line, São Leopoldo, p. 37 - 39, 04 abr. 2016.


Apresentações de Trabalho
1.
HELFER, I.. A crítica de Hegel ao contratualismo. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
HELFER, I.. Bioética, melhoramento humano e direitos à saúde. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
MEZZANOTTI, Gabriela ; WAPECHOWSKI, Karin ; HELFER, I. . Fluxos migratórios e o Brasil: os debates de Cartagena+30 e a proteção dos refugiados. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/02/2019 às 20:21:45