Antonio Eduardo Santos

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2538491845961502
  • Última atualização do currículo em 22/11/2018


Possui graduação em Bacharelado em Instrumento - Piano pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1990), Licenciatura em História pela Universidade Católica de Santos (1982), mestrado em Artes pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1997) e doutorado em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2003). É coordenador do Curso de Licenciatura em Musica do Centro de Ciencias da Educação da Unversidade Catolica de Santos.Coordena o Grupo de Pesquisa Musica Nova e Educação Musical. É coordenador do sub projeto de musica do Pibid (PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA e do CURSO DE LICENCIATURA EM MUSICA).Coordena a Semana Som e Ritmo junto ao Curso de Licenciatura em Musica e a série Musica: texto e contexto , em que traz palestrantes e promove debates sobre Educação Musical . É Professor de Piano e Disciplinas Teórico Musicais na Escola Tecnica de Musica e Dança de Cubatão, atuando na coordenação de disciplinas teóricas.É consultor na AVK Éditeur, na Anted Collection, dedicada à divulgação de obras para piano de música contemporanea brasileira.Escreveu o Antropofagismo na obra pianistica de Gilberto Mendes . Foi Curador da Mostra da Musica Contemporanea, em 2010 e 2011, da Secretaria de Cultura de Santos. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Antonio Eduardo Santos
Nome em citações bibliográficas
SANTOS, A. E.;SANTOS, Antonio Eduardo


Formação acadêmica/titulação


1998 - 2003
Doutorado em Comunicação e Semiótica.
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
Título: Os Des-Caminhos do Festival Música Nova (FMN-um veículo de comunicação dos caminhos da música contemporânea), Ano de obtenção: 2003.
Orientador: Maria de Lourdes Sekeff Zampronha.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: Gesto sonoro.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
1992 - 1994
Mestrado em Artes.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: O Antropofagismo na Obra Pianística de Gilberto Mendes,Ano de Obtenção: 1995.
Orientador: Maria de Lourdes Sekeff Zampronha.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: Gesto sonoro; experimentação; trans-formação; formação.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música / Especialidade: Composição Musical.
1983 - 1984
Especialização em Santos: Cultura, História.
Universidade Católica de Santos, UNISANTOS, Brasil.
Título: A Ordem Carmelita na Vila de Santos.
Orientador: Wilma Therezinha Andrade.
2007 - 2008
Graduação em Licenciatura em Pedagogia.
Universidade Bandeirante de São Paulo, UNIBAN, Brasil.
1987 - 1990
Graduação em Bacharelado em Instrumento - Piano.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
1979 - 1982
Graduação em Licenciatura His´tória.
Universidade Católica de Santos, UNISANTOS, Brasil.


Pós-doutorado


2004 - 2005
Pós-Doutorado.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música.


Formação Complementar


2016
FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM CRISE?. (Carga horária: 36h).
Universidade Católica de Santos, UNISANTOS, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária.
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
1983 - 1984
Extensão universitária em Santos: Cultura, História.. (Carga horária: 180h).
Universidade Católica de Santos, UNISANTOS, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Católica de Santos, UNISANTOS, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: professor doutor, Carga horária: 6
Outras informações
professor do Curso de Licenciatura em Música Coordenador do Curso de Musica 2013 - atual Coordenador do Sub Projeto em Musica - Pibid- 2013- atual

Atividades

01/2014 - Atual
Direção e administração, Universidade Católica de Santos, .

Cargo ou função
COORDENADOR DE ÁREA DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA,..
01/2014 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Universidade Católica de Santos, .

03/2013 - Atual
Extensão universitária , Universidade Católica de Santos, .

Atividade de extensão realizada
Coordenador de Grupo de Pesquisa: Musica Nova e Educação Musical.
02/2011 - Atual
Ensino, Música, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Professor da disciplina Percepção Musical
Professor da Disciplina Teoria e Prática Instrumental
Professor de História da Musica

FACULDADES MOZARTEUM DE SÃO PAULO, FAMOSP, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: professor doutor, Carga horária: 6

Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Celetista, Carga horária: 4
Outras informações
Professor do Curso de Bacharelado em Música: Matéiras : História da Música Brasileira Professor do Curso de Licenciatura em Música Matérias: Percepção Musical 1 e 2 Linguagem e Estrutura Musical 1 e 2


Universidade de Ribeirão Preto, UNAERP, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2005
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Auxiliar


Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: professor pesquisador

Atividades

03/2004 - 02/2005
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Artes, .


Prefeitura Municipal de Guarujá, PMGUARUJÁ, Brasil.
Vínculo institucional

1984 - 2014
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor de Historia III, Carga horária: 40
Outras informações
Professor de Historia da Rede Publica Municipal de Educação, da Prefeitura Municipal de Guarujá

Atividades

03/1984 - 03/2014
Ensino,

Disciplinas ministradas
Historia

Secretaria de Educação de Cubatão, SEDUC, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor do Ensino Técnico de Musica, Carga horária: 20
Outras informações
Professor de Musica na Escola Técnica de Musica e Dança "Ivanildo Rebouças da Silva" Criador de Corpo de Musica de Camara: Duo A bec. Formação: Fernanda Lopes - flauta doce Antonio Eduardo- piano

Atividades

03/2011 - Atual
Ensino,

Disciplinas ministradas
Ensino de Piano para o Ensino Técnico de Musica
Musica de Camara para o Ensino Técnico de Musica
Piano Complementar para o Ensino Técnico de Musica
Teoria e Percepção Musical para o Ensino Técnico de Musica


Linhas de pesquisa


1.
Música Contemporânea Brasileira Pós-moderna - 03/2004
2.
Coordenador de Grupo de Pesquisa: Musica Nova e Educação Musical,
3.
Professor do Curso de Licenciatura em Musica , Carga Horária, 06 horas.


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
centro de sonologia da unisantos
Descrição: Em um mundo cada vez mais informatizado e conectado, o domínio da tecnologia se impõe como um importante passo que viabiliza o compartilhamento da expressão individual e coletiva entre indivíduos de uma sociedade. As últimas décadas do Século XX e mais notadamente a primeira década deste Século, estão sendo marcadas por rápidas mudanças tecnológicas que atingem vários setores da sociedade. Para tanto, se faz necessário munir os agentes sociais não só da capacidade de abstração e conscientização de suas próprias narrativas, como também de conhecimentos técnicos que os capacitem a desenvolver formas de dar vazão à expressividade artística e cultural. Como sabemos o estado da tecnologia sempre influiu no desenvolvimento da música, e na era mais recente, a partir da metade do século XX, essa influência ultrapassou as fronteiras da música e produziu reflexos em outros aspectos da sociedade. O advento da música eletrônica, sobretudo após o fim da Segunda Guerra Mundial, propiciou dois fatos extremamente novos na produção musical: 1- A possibilidade do compositor determinar de modo muito mais exato a sonoridade de sua obra, uma vez que os métodos de gravação instantâneos, elimina a figura do intérprete e a sonoridade de individualizada de cada instrumento. 2- A possibilidade de criar e ouvir sons totalmente abstratos, gerados a partir de ideias e desconectados da matéria (Petraglia,2010. p.200) Como conceitua Pierre Levy, Cibercultura, através da Internet, juntamente com os formatos compactos de áudio digitalizado, tornaram-se elementos facilitadores para a criação musical possibilitando ao musico (amador ou profissional) produzir seu próprio trabalho em casa, e divulgá-lo para o mundo todo a um baixíssimo custo. O mundo moderno se modificou muito em pouco tempo, a partir dos anos 80, do século passado e o universo musical jamais será o mesmo por causa da facilidade que existe hoje com o advento de softwares, sintetizadores que acoplados às ferramentas e novas plataformas, proporcionam um veículo de comunicação instantâneo e uma produção artística condizente com o imediatismo destes novos tempos. Em qualquer organização, os processos de aglutinar informações são essenciais ao processo de tomada de decisão e, portanto, sua matéria-prima (conjunto de dados) tem que ser oportuna e confiável. O momento atual é definido como a ?era da informação?, em consequência do significativo desenvolvimento da tecnologia computacional. Cunhou-se, então, a denominação Tecnologia da Informação, para caracterizar tudo o que está associado a soluções sistematizadas, baseadas em recursos metodológicos, tecnologias de informática, de comunicação e de multimídia, incluindo a forma de processos envolvidos com a geração, o armazenamento, a veiculação, o processamento e a reprodução de dados e informações. Nosso Projeto Centro de Sonologia e Educação Musical (CESEM) objetiva, destarte, fornecer os conhecimentos técnicos necessários para que os alunos possam, a partir de suas vivências musicais e culturais, desenvolver seus próprios projetos, sejam eles de natureza criativa ou documental. Abarca a pesquisa reflexiva acerca dois processos interativos de produção, criação musical, de desenvolvimento tecnológico e a comunicação entre homens e máquinas. Sendo um local privilegiado, principalmente pela disponibilidade de recursos técnicos e tecnológicos, o CESEM representará, ademais, um espaço ideal para experimentações e aplicação prática dos conteúdos desenvolvido nas disciplinas de Música e Tecnologia, Percepção do curso de Licenciatura em Musica.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador / silas palermo - Integrante.
2018 - Atual
catedra gilberto mendes
Descrição: A criação da Cátedra Gilberto Mendes possui por objetivo a preservação da memória deste ilustre compositor, através da criação de um banco de dados e literatura sobre o compositor Estimulando a pesquisa acadêmica a partir de sua literatura busca-se a discussão em nível interdisciplinar com vieses na Educação e criação Musical. . Objetivos Específicos ● Com a criação da Cátedra Gilberto Mendes, propomos integrar ações com o Grupo de Pesquisa Musica Nova Educação Musical, formado por alunos e professores do Curso de Licenciatura em Música, da Unisantos, voltando-se para a pesquisa musicológica de nossa contemporaneidade musical e sua interface nos rumos da educação musical. ● Integrar as pesquisas dos Projetos de Iniciação Cientifica (IPECI) ressaltando uma atuação multidisciplinar, como elemento de vinculação a estratégias de educação musical. ● Ressaltar aqui a importância de Santos neste contexto, como o berço do Movimento Musica Nova, bem como a relevância de experiências inovadoras no campo da Educação Musical. ● Realização de reuniões periódicas com professores e alunos e participação em Encontros Científicos. ● Atuação em projetos propostos pelo curso de graduação, como o Projeto CESEM (Centro de Estudos de Sonologia e Educação Musical), em análise junto ao IPECI/UNISANTOS, a ser remetido à FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), que se pretende referencia aos processos de criação musical, bem como nas interfaces da música nos novos processos de criação e expressão. - Musica, Cultura e Sociedade: Buscar abordagens históricas, culturais, filosóficas, sociais em música e educação musical. ● Ressaltar aqui a importância de Santos neste contexto, como o berço do Movimento Musica Nova, bem como a relevância de experiências inovadoras no campo da Educação Musical. ● Realização de reuniões periódicas com professores e alunos e participação em Encontros Científicos. ● Atuação em projetos propostos pelo curso de graduação, como o Projeto CESEM (Centro de Estudos de Sonologia e Educação Musical), em análise junto ao IPECI/UNISANTOS, a ser remetido à FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), que se pretende referencia aos processos de criação musical, bem como nas interfaces da música nos novos processos de criação e expressão. - Musica, Cultura e Sociedade: Buscar abordagens históricas, culturais, filosóficas, sociais em música e educação musical ● Ressaltar aqui a importância de Santos neste contexto, como o berço do Movimento Musica Nova, bem como a relevância de experiências inovadoras no campo da Educação Musical. ● Realização de reuniões periódicas com professores e alunos e participação em Encontros Científicos. ●.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador.
2014 - Atual
MUSICA NOVA E EDUCAÇÃO MUSICAL
Descrição: A partir da criação deste Grupo de Pesquisa procederemos ao levantamento bibliografico de partituras, material fonográfico e análise das obras representativas do Festival Musica Nova de Santos, um painel representativo da renovação da linguagem musical no Brasil e sua atuação na discussões e liderança para novas perspectivas da Pedagogia Musical, através da atuação de vanguarda de Hans Joachim Koellreuter,Willy Correa de Oliveira, Olivier Toni, Maria de Loudes Sekeff Zampronha, Marisa Fonterrada,Carlos Kater e Gilberto Mendes. Objetivo Propor um grupo de pesquisa permanente, formado por alunos do Curso de Licenciatura em Musica, voltado para a pesquisa musicológica de nossa contemporaneidade musical e sua interface nos rumos da educação musical no Brasil. Atuar notadamente, nos Projetos de Iniciação Cientifica ressaltando uma atuação multidisciplinar, na pesquisa (oficio do musicólogo),na composição, na interpretação e na criação, como elemento de vinculação a estratégias de educação musical. Ressaltar aqui a importância de Santos neste contexto, como o berço do Movimento Musica Nova, a relevância da Escola Lavignac, como pioneira na formação de músicos, a partir de experiencias inovadoras no campo da Educação Musical, através da implantação dos métodos Kodaly e Orff, até hoje único exemplo em nossa região. Atividades Propostas Reuniões períodicas com os professores e alunos convidados. Participação em Encontros Cientificos . Atuação nos programas já propostos pelo curso de graduação, como o Projeto Licença Musical. Linhas de Pesquisas: - Musica e Tecnologa :referencia aos processos de criação musical, performance e composição musical, bem como as interfaces da música nos processos de criação e expressão. - Musica, Cultura e Sociedade: Buscar abordagens históricas, culturais, filosóficas, sociais em música e educação musical ..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador / Gil Nuno Vaz - Integrante / silas palermo - Integrante / CIBELE PALOPOLI - Integrante.


Projetos de extensão


2015 - Atual
Semana Som e Ritmo
Descrição: Atividade de caráter interdisciplinar do Curso de Licenciatura em Musica, da Católica de Santos, coordenada por este professor e atual coordenador do referido curso, com o objetivo de integrar prática de ensino e performance musical ao sentido de uma Educação Musical ampla , vinculada com a contemporaneidade..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (70) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (5) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador.
2014 - Atual
Pibid - Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência
Descrição: O programa oferece bolsas de iniciação à docência aos alunos de cursos presenciais que se dediquem ao estágio nas escolas públicas e que, quando graduados, se comprometam com o exercício do magistério na rede pública. O objetivo é antecipar o vínculo entre os futuros mestres e as salas de aula da rede pública. Com essa iniciativa, o Pibid faz uma articulação entre a educação superior (por meio das licenciaturas), a escola e os sistemas estaduais e municipais. A unisantos, conta com o subprojeto de Musica desde 2014, sob coordenação do Prof. Dr. Antonio Eduardo Santos.
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (15) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador.
2011 - Atual
Projeto Musical Um Canto que Toca
Descrição: Formar entre os alunos Formações Musicais de diversos instrumentos, visando trabalhar repertório musical diverso, com finalidade de apresenta-lo nos diversos Campi da Universidade Catolica de Santos, buscando integrar, através da musica, os diversos cursos da Instituição e assim socializar o acesso à cultura musical..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (30) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador / Gil Nuno Vaz - Integrante.


Projetos de ensino


2014 - Atual
Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid)
Descrição: O programa oferece bolsas de iniciação à docência aos alunos de cursos presenciais que se dediquem ao estágio nas escolas públicas e que, quando graduados, se comprometam com o exercício do magistério na rede pública. O objetivo é antecipar o vínculo entre os futuros mestres e as salas de aula da rede pública. Com essa iniciativa, o Pibid faz uma articulação entre a educação superior (por meio das licenciaturas), a escola e os sistemas estaduais e municipais. A intenção do programa é unir as secretarias estaduais e municipais de educação e as universidades públicas, a favor da melhoria do ensino nas escolas públicas em que o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) esteja abaixo da média nacional, de 4,4. Entre as propostas do Pibid está o incentivo à carreira do magistério nas áreas da educação básica com maior carência de professores com formação específica. A partir de 2014, a Universidade Católica de Santos, teve aprovado o sub projeto de Musica, que passou a atuar junto às Escola da Rede Municipal de Ensino, supervisionadas pela Secretaria de Ensino de Santos (SEDUC).
Situação: Em andamento;
É um projeto em cooperação com: Instituição de Ensino.
Em relação a temática: Formação inicial ou continuada de professores, Integração social(escola, familia, comunidade), Ação inclusiva, Ensino e aprendizagem, Projetos de curso, Inserção de tecnologias no ensino.
Natureza: Ensino.
Objetivos e metas: O subprojeto Música atuoua aprtir de 2014 , nas UME's da Secretaria de Ensino da cidade de Santos nos 5º e 9º anos, contando com 14 bolsistas de Iniciação à Docência e 1 bolsista-supervisor, objetivando cerca de 250 atendimentos. Objetivo: Discutir o conjunto de subsídios para envolver os bolsistas nas atividades dos professores da UME e os elementos que definem a atividade docente. Realização de análise dos projetos propostos pelo professor de Artes (Musica), para identificar as possíveis áreas e recortes nas unidades significativas. Os alunos bolsistas trabalharam o Projeto Didático e buscando retornar suas propostas aos alunos das unidades de ensino, prevendo um cronograma e ações aplicadas, como as que foram propostas, a seguir: Ações: Projeto Didático - Música na escola (Som e Corpo) Desenvolvimento de projeto para apresentações musicais, escuta e pesquisa dos diversos estilos do continente sul americano do projeto cultural da Universidade Católica de Santos junto as UMEs participantes do programa Pibid, com participação do Projeto Cultural Unisantos, através da Orquestra Jovem da Unisantos. Projeto Didático - Canto que Toca. O presente projeto objetiva entender os benefícios das práticas musicais no desenvolvimento humano e, também, compreender como os resultados dessas transformações se destaca no aprimoramento de outros componente curriculares, inclusive no aprendizado escolar do aluno da UME. Serão promovidas oficinas nos laboratórios da IES para professores e alunos da UME. Estas atividades foram desenvolvidas na Semana Som e Ritmo. Projeto Didático - Manifestações da cultura popular O projeto trabalhará as manifestações folclóricas: jogos, canções, brincadeiras, parlendas, trava-línguas, danças e principais folguedos. O objetivo principal é a formação de repertório musical nos alunos e desenvolvimento de atividades interdisciplinares com os demais componentes curriculares da UME..
Alunos envolvidos: Ensino fundamental: (14) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador.


Outros Projetos


2016 - Atual
JORNADA: MUSICA TEXTO E CONTEXTO
Descrição: Mesas redondas e Palestras com convidados para ministrarem palestras e promover debates acerca de temas vinculados ao Curso de Licenciatura em Musica.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (70) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador.
2016 - Atual
Música para o fim de semestre
Descrição: Apresentação de diversos grupos do Curso de Licenciatura em Musica , como prática de conjunto..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (30) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Integrante / Ricardo Cardim Cerqueira - Coordenador.
2014 - 2014
Banca Musical
Descrição: Apresentação pública de Trabalhos de Conclusão do Curso de Licenciatura em Musica.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (25) .
Integrantes: Antonio Eduardo Santos - Coordenador.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Moderna e Contemporânea.
5.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Educação Artística.
6.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música/Especialidade: Composição Musical.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


1998
Prêmio APCA, Associação Paulista dos Críticos de Artes do Estado de São Paulo.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:3
Total de citações:18
https://scholar.google.com.br/citations?hl=pt-BR&imq=author:%22antonio+eduardo+santos%22&authorid=8262359246552936051&view_op=new_articles&authuser=1&gmla=AJsN-F7GOj4KUY6K-wzZmggtR8RXbf83FVFtQ40-JasO7ZPM4VMsuTApa6xC1VGZYJhP7BEk5BKAWVITRxpiC2nTef_P32WuEmKK4BK0aTln0NfYFeYD_rF44mOdGFTVA8ONJshcNNmV  Data: 26/07/2016

Artigos completos publicados em periódicos

1.
SANTOS, Antonio Eduardo2015SANTOS, Antonio Eduardo. Veios de uma Trans-modernidade. glosas, v. 13, p. 10-13, 2015.

2.
SANTOS, Antonio Eduardo2015SANTOS, Antonio Eduardo. Um outro gesto sonoro: O Teatro Musical de Gilberto Mendes. Glosas, v. 13, p. 14-17, 2015.

3.
SANTOS, A. E.2006SANTOS, A. E.. O Piano na Obra de Gilberto Mendes. Brasiliana (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 02-07, 2006.

4.
SANTOS, A. E.2002SANTOS, A. E.; SEKEFF, M. L. . Os des-caminhos do Festival Música Nova. Anais - V Encontro de Musicologia Histórica, Juiz de Fora, v. 5, p. 267-279, 2002.

5.
SANTOS, A. E.2001SANTOS, A. E.. O Sentido da Trans-Formação na Obra de Gilberto Mendes.. Ângulo (Lorena), Lorena, São Paulo, n.88, p. 05-10, 2001.

6.
SANTOS, A. E.2001SANTOS, A. E.. Um outro olhar em torno do Gesto Sonoro. Anais - IV Encontro de Musicologia Histórica, Juiz de Fora, v. 4, n.1, p. 307-311, 2001.

7.
SANTOS, A. E.2000SANTOS, A. E.. O Piano na Obra de Gilberto Mendes. Leopoldianum (UNISANTOS), Santos - SP, n.72, p. 221-227, 2000.

8.
SANTOS, A. E.2000 SANTOS, A. E.. ?Os Caminhos de uma Odisséia Musical. Revista Multi :Revista de Pós-Graduandos em Ciências Humanas)? São Paulo., PUC/SP, v. 1, n.2, p. 15-19, 2000.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
SANTOS, Antonio Eduardo; MONFREDINI, I. (Org.) . A Universidade como espaço de formação de sujeitos. 1. ed. Santos: Editora Leopoldianum, 2016. v. 1. 120p .

2.
SANTOS, A. E.. ?O antropofagismo na obra pianística de Giberto Mendes?.. São Paulo: Annablume, 1997. v. 01. 135p .

Capítulos de livros publicados
1.
SANTOS, A. E.. Madrigal Ars Viva, um laboratório musical em Santos. In: Heloísa de Araújo Duarte Valente. (Org.). Madrigal Ars Viva 50 Anos: Ensaios e Memórias.. 1ed.: , 2011, v. 01, p. 47-52.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
SANTOS, A. E.. O PORTO DE VISTA D'OUTROS TRÓPICOS. www.artefatocultural.com.br, www.artefatocultural.com.br, 06 jan. 2012.

2.
SANTOS, A. E.. Numa certa transmodernidade... uma conseqüência. www.artefatocultural.com.br, ARTEFATO CULTURAL, 25 dez. 2011.

3.
SANTOS, A. E.; Barnich . Entrevista com Alain Van Kerckhoven, editor e fundador do selo ?New Consonant Music?. www.artefatocultural.com.br, 15 jun. 2010.

4.
SANTOS, A. E.. Novos círculos que irão influenciar.... www.artefatocultural.com.br, 19 abr. 2010.

5.
SANTOS, A. E.. Um som que ressuscitou em Berlim. www.artefatocultural.com.br, 22 mar. 2010.

6.
SANTOS, A. E.. Século XX: Música Nova, Novo Tempo. www.artefatocultural.com.br, 09 mar. 2010.

7.
SANTOS, A. E.. Um bicentenário vivo. www.artefatocultural.com.br, 01 mar. 2010.

8.
SANTOS, A. E.. Veios de uma transmodernidade. Revista Artefato Cultural, www.artefatocultural.com.br, 03 jan. 2009.

9.
SANTOS, A. E.; CARAMEZ, R. . Antes do Alfabeto, a escrita musical. Jornal Digital Trppe da Terra, 23 dez. 2005.

10.
SANTOS, A. E.. O Piano na Obra de Gilberto Mendes. Jornal Eletrônico Novo Milênio, 27 dez. 2004.

11.
SANTOS, A. E.. Autour de Nouvelles Bossas.. Niewe Vlaamse Musik Revue, 01 abr. 2004.

12.
SANTOS, A. E.; CRIVELLARO, D. . Movimento Cultural: Desafios Musicais. Pesquisa- Ciência e Tecnologia no Brasil (Fapesp), 93, p. 91, 01 maio 2003.

13.
SANTOS, A. E.. Borges em Tradução ? O escritor e seus arquétipos. Jornal Opção, Caderno Opção Cultural, 19 dez. 1999.

14.
SANTOS, A. E.. Arte nas Empresas. Cat Inform ? Boletim Informativo de Saúde Ocupacional, Santos, 01 nov. 1999.

15.
SANTOS, A. E.. Le piano dans l'oeuvre de Gilberto Mendes - un essai. THE NEW CONSONANT MUSIC RESOURCES.

16.
SANTOS, A. E.. MEMÓRIAS ?BRUXELOISES? - Cronografias Belgas. Artefato Cultural.

17.
SANTOS, A. E.. O Martelo Russo. Artefato Cultural, www.artefatocultural.com.br.

18.
SANTOS, A. E.. Novos cânones - velhas discussões de uma vanguarda exaurida. artefato cultural, www.artefatocultural.com.br.

19.
SANTOS, A. E.. Vanguarda musical russa reprimida. artefato cultural.

20.
SANTOS, A. E.. A vanguarda esquecida. artefato cultural, www.artefatocultural.com.br.

21.
SANTOS, A. E.. Festival Nova Consonância veio para ficar. artefato cultural.

22.
SANTOS, A. E.. Celestial Almeida. artefato cultural, www.artefatocultural.com.br.

23.
SANTOS, A. E.. Uma tradição que rompe com ela mesma - MuC 2011. Artefato Culutral.

24.
SANTOS, A. E.. Almeida Prado: um passeio sonoro nas areias do Monte Serrat. Artefato Cultural.

25.
SANTOS, A. E.. Madrigal Ars Viva: Laboratório musical em Santos. www.artefatocultural.com.br.

26.
SANTOS, A. E.. Nem tudo!!!. artefato cultural.

27.
SANTOS, A. E.. O Velho mar azul e a utopia das vanguardas. http://www.artefatocultural.com.br.

28.
SANTOS, A. E.. Um outro gesto ?sonoro?. artefato cultural.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, A. E.. Serie Bossa Nova :novas leituras... novas bossas. In: VI Congreso de la Rama de la Música Popular (IASPM-AL), 2005, Buenos Aires. Serie Bossa Nova :novas leituras... novas bossas, 2005.

2.
SANTOS, A. E.. Festival Musica Nova: os sons de um laboratório musical. In: I I ENCONTRO DE MUSICOLOGIA, 2005, RIBEIRÃO PRETO. ENCONTROS DE MUSICOLOGIA DE RIBEIRÃO PRETO. ribeirão preto: funpec-editora, 2005. v. 01. p. 145-157.

3.
SANTOS, A. E.. FESTIVAL MÚSICA NOVA e MADRIGAL ARS VIVA: os sons de um laboratório musical .. In: VI ENCONTRO DE MUSICOLOGIA HISTÓRICA, 2004, Juiz de Fora. VI ENCONTRO DE MUSICOLOGIA HISTÓRICA, 2004.

4.
SANTOS, A. E.. Un Sens Semiologique pour Le Festival Música Nova. In: EIGHTH INTERNATIONAL CONGRESS ON MUSICAL SIGNIFICATION (Icms8), 2004, Paris. Un Sens Semiologique pour Le Festival Música Nova, 2004.

5.
SANTOS, A. E.. Festival Música Nova: caminhos de um veículo cultural?. In: I Simpósio Internacional de Ciências Integradas, 2004, Guarujá. Festival Música Nova: caminhos de um veículo cultural?, 2004.

6.
SANTOS, A. E.. ?O Teatro Musical na obra de Gilberto Mendes?.. In: · 1º Encontro de Musicologia de Ribeirão Preto Linguagem Musical, 2003, Ribeirão Preto. · 1º Encontro de Musicologia de Ribeirão Preto Linguagem Musical - Linguagens da Música, 2003.

7.
SANTOS, A. E.. O teatro musical: um outro gesto musical na obra de Gilberto Mendes. In: I Encontro de Musicologia de Ribeirão Preto, 2003, Ribeirão Preto. Linguagem & Linguagens. Ribeirão Pretyo: FUNPEC- EDITORA, 2003. v. 01. p. 70-77.

8.
SANTOS, A. E.. OS Descaminhos do Festival Música Nova. In: V ENCONTRO DE MUSICOLOGIA HISTÓRICA, 2002, Juiz de Fora. OS Descaminhos do Festival Música Nova, 2002.

9.
SANTOS, A. E.. Os des-caminhos do Festival Música Nova. In: V Encontro de Musicologia Histórica, 2002, Jiz de Fora. Musicologia Histórica Brasileira (integração e sistematização. Juiz de Fora - MG: Centro Cultural Pró Musica, 2002. v. 01. p. 267-279.

10.
SANTOS, A. E.. : Le Sens de la Trans-Formation chez Gilberto Mendes. In: 24TH NATIONAL CONFERENCE OF THE MUSICOLOGICAL SOCIETY OF AUSTRALIA, 2001, Melbourne. 24TH NATIONAL CONFERENCE OF THE MUSICOLOGICAL SOCIETY OF AUSTRALIA, 2001.

11.
SANTOS, A. E.. ANOS 70 : A intertextualidade presente no Festival Música Nova.. In: X FAFIANA da UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS, 2001, Santos. X FAFIANA da UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS, 2001.

12.
SANTOS, A. E.. Um outro Olhar em torno do Gesto ?Sonoro?. In: Encontro de Musicologia Histórica da Universidade Federal de Juiz de Fora(MG), 2000, Juiz de Fora(MG). IV ENCONTRO DE MUSICOLOGIA HISTÓRICA. Juiz de Fora (MG): Centro de Estudos Murilo Mendes, 2000. v. Único. p. 307-311.

13.
SANTOS, A. E.. Os Caminhos de uma ?Odisséia Musical? ? ?Uma apreciação da Gênese composicional de Gilberto Mendes ?. In: · I Seminário Nacional de Pesquisa em Performance Musica, 2000, Belo Horizonte. Os Caminhos de uma ?Odisséia Musical? ? ?Uma apreciação da Gênese composicional de Gilberto Mendes ?. Belo Horizonte: Edit. da UFMG, 2000.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, A. E.; SEKEFF, M. L. . O sentido da trans-formação na obra de Gilberto Mendes. In: II Congresso Internacional da ABES, 2005, São Paulo. ABES Brasil Identidade a Alteridade. São Paulo: PUC/SP, 2005. p. 35-36.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, A. E.. OS SONS DO FESTIVAL MÚSICA NOVA:JORGE PEIXINHO/GILBERTO MENDES. In: II Encontro de Musicologia de Ribeirão Preto - ECA/USP, 2005, Ribierão Preto. Anais do II Encontro de Musicologia de Ribeirão Preto, 2005.

2.
SANTOS, A. E.. ?Los camiños de la música nueva: un panorama de la música contemporánea en Brasil a través del Festival de Música Nova?. In: · III COLOQUIO Internacional de Musicologia - CASA DE LAS AMÉRICAS, 2003, Havana. ·III COLOQUIO Internacional de Musicologia -, 2003.

3.
SANTOS, A. E.. :"The Mirror and TheTrans-Formation Sense in Gilberto Mendes. In: :"The Mirror and TheTrans-Formation Sense in Gilberto Mendes, 2001, Melbourne. 24th National Conference of the Musicological Society of Austrália, 2001.

Resumos publicados em anais de congressos (artigos)
1.
SANTOS, A. E.2005SANTOS, A. E.; SEKEFF, M. L. . O Sentido da Trans-Formação na Obra de Gilberto Mendes.. Anais do II Congresso Internacional da ABES(Associação Brasileira de Estudos Semióticos), PUC- São Paulo, p. 35-36, 2005.

Apresentações de Trabalho
1.
SANTOS, A. E.. Um estudo sobre a genese composicional de Gilberto Mendes. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
SANTOS, Antonio Eduardo. UMA NOVA MUSICA PARA O SECULO XX. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
SANTOS, A. E.. A RELAÇÃO ENTRE ARTE E FORMAÇÃO. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
SANTOS, A. E.. RELATOS DE EXPERIENCIA PIBID. 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
SANTOS, Antonio Eduardo. Master Class de Piano: Musica Contemporanea Brasileira. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
SANTOS, A. E.. III ENCONTRO DE GRUPOS DE PESQUISA DA CATOLICA DE SANTOS. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
SANTOS, A. E.. Paisagem Sonora - Um Festival e a identidade com Santos. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
Barnich ; SANTOS, A. E. . Entrevista com Alain Van Kerckhoven, editor e fundador do selo ?New Consonant Music?, 2010. (Tradução/Artigo).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
SANTOS, A. E.. ANPPOM. 2012.

2.
SANTOS, A. E.. ANPPOM. 2011.

3.
SANTOS, A. E.. ANPPOM. 2010.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
lopes, Fernanda ; SANTOS, Antonio Eduardo . Programa Urbanidades epsodio. 114. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
SANTOS, Antonio Eduardo. Programa Urbanidades. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
SIMONIAN, J. ; SANTOS, Antonio Eduardo . Programa Urbanidades. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
SANTOS, A. E.. RELATORIO FINAL POS DOC. 2018. (Relatório de pesquisa).

2.
SANTOS, A. E.. PIBID-UNISANTOS: SUB PROJETO EM MUSICA. 2017. (Relatório de pesquisa).


Produção artística/cultural
Música
1.
PALERMO, S. ; SANTOS, Antonio Eduardo . Danças litoraneas. 2016. Composição (estréia).

2.
SANTOS, Antonio Eduardo. Sopro Contemporaneo. 2016. Interpretação.

3.
ANTUNES, J. ; SANTOS, Antonio Eduardo . Lançamento do CD- Meus Pianistas. 2016. Registro Fonográfico.

4.
SANTOS, Antonio Eduardo; LYSIGHT, M. . Enigma. 2016. Apresentação de Obra (para compositores).

5.
SANTOS, A. E.. AMOR ANTIGO. 2015. Registro Fonográfico.

6.
SANTOS, A. E.. NOITE CULTURAL. 2015. Interpretação.

7.
SANTOS, A. E.. 48º FESTIVAL MUSICA NOVA (GILBERTO MENDES). 2014. Apresentação de Obra (para compositores).

8.
ALMEIDA PRADO, ; SANTOS, Antonio Eduardo . Serie Musical RITORNELLE. 2013. Interpretação.

9.
LYSIGHT, M. ; BERG, S. M. P. C. ; MENDES, G. ; MARTINS, R. ; ALMEIDA PRADO, ; SANTOS, Antonio Eduardo ; PALOPOLI, C. . III ENCONTRO INTERNACIONAL DE MUSICA. 2012. Interpretação.

10.
SANTOS, A. E.. vanguarda esquecida. 2010. Interpretação.

11.
SANTOS, A. E.. PORTO E OUTROS PORTOS. 2010. Registro Fonográfico.

12.
SANTOS, A. E.. Bossa Nova Serie. 2003. Interpretação.

13.
SANTOS, A. E.. MOVIMENTO RITMO E SOM (UNESP). 2001. Interpretação.

14.
SANTOS, A. E.. Piano a 4 mãos - MEGA Duo. 2001. Interpretação.

15.
SANTOS, A. E.. Recital a 4 mãos - MEGA Duo. 2001. Interpretação.

16.
SANTOS, A. E.. IV Zuid-Amerikaans Kamermuziek Festival. 2000. Apresentação de Obra (para compositores).

17.
SANTOS, A. E.. RECITAL DIDÁTICO sobre Música Contemporânea Brasileira. 2000. Interpretação.

18.
SANTOS, A. E.. XXXVI FESTIVAL MÚSICA NOVA. 2000. Interpretação.

19.
SANTOS, A. E.. IV FÓRUM CLM ? PUC/SP. 2000. Interpretação.

20.
SANTOS, A. E.. Obras para piano da Nova Consonância editadas na Bélgica pela Editora Alain Kerckhoven Éditeurs.. 1999. Interpretação.

Outras produções artísticas/culturais
1.
SANTOS, A. E.. O Porto e outros Trópicos. 2011 (Fonográfica).

2.
SANTOS, A. E.. da areia também se ve o mar. 2007 (Fonográfica).

3.
SANTOS, A. E.. Bossa Nova Serie, live. Festival Música Nova 2003. 2004 (Fonográfica).

4.
SANTOS, A. E.. Vele Groetjes et Até Logo. 2002 (Fonográfica).

5.
SANTOS, A. E.. Amor Humor e outros Portos. 1997 (Fonográfica).

Demais trabalhos
1.
SANTOS, A. E.. Antonio Eduardo Collection. 2006 (EDITORIAL) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
SANTOS, A. E.; Reis, Roseli; Silva , Cristiane. Participação em banca de ELIANE SELMA DO VALLE BLANCO. PERCEPÇÃO DA VOZ EM PROFESSORAS: NARRATIVAS DE VIDA ENTRE OS ESPAÇOS DO TRABALHO E DO CORO CENICO. 2017. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de São Paulo.

2.
BERG, S. M. P. C.; GARCIA, D. H. L.; SANTOS, Antonio Eduardo. Participação em banca de Fernando de Oliveira Magre. A Musica Teatro de Gilberto Mendes e seus processos composicionais. 2017. Dissertação (Mestrado em Escola de Comunicação e Artes) - Universidade de São Paulo.

3.
SANTOS, Antonio Eduardo; SOUZA, R. C.; PEREIRA, F. S.. Participação em banca de Rafael Fajioli de Oliveira. Análise da estrutura atonal da Primeira Sinfonia para duas orquestras de cordas de Claudio Santoro. 2017. Dissertação (Mestrado em Escola de Comunicação e Artes) - Universidade de São Paulo.

4.
SANTOS, Antonio Eduardo; ALMEIRA, J. M. P.; AMBROGI, I. H.. Participação em banca de Wilson Roberto Avilla. Musica do Espaço Exterior. 2016. Dissertação (Mestrado em Educação, Arte e História da Cultura) - Universidade Presbiteriana Mackenzie.

5.
SALZANO, E. A. F.; GIORA, R. C. F. A.; SANTOS, Antonio Eduardo. Participação em banca de Silas da Luz Palermo Filho. Gilberto Mendes: Homem Novo, Musica Nova. Da percepção a (Re)Significação. 2016. Dissertação (Mestrado em Educação, Arte e História da Cultura) - Universidade Presbiteriana Mackenzie.

6.
PRADA, T.; SANTOS, Antonio Eduardo. Participação em banca de ELINA PADILHA FERNANDES. A PE´TICA POLITICA E A MILITÂNCIA ARTÍSTICA DE JORGE ANTUNES. 2015. Dissertação (Mestrado em Estudos de Cultura Contemporânea) - Universidade Federal de Mato Grosso.

7.
SANTOS, Antonio Eduardo; PRADA, T.. Participação em banca de ANA LIA RODRIGUES DA SILVA. ARTE DO TEMPO NO ESPAÇO: SOM E INSTALAÇÕES. 2015. Dissertação (Mestrado em Estudos de Cultura Contemporânea) - Universidade Federal de Mato Grosso.

8.
SANTOS, Antonio Eduardo; COELHO, H.; JANK, H.. Participação em banca de Adriana Xavier de almeida. Modinhas no Brasil Imperial: Ornamentação sob a influencia dos castrati. 2014. Dissertação (Mestrado em Música) - Universidade Estadual de Campinas.

9.
CASTRO, M. C.; BERG, S. M. P. C.; SANTOS, Antonio Eduardo. Participação em banca de Rafael Alexandre da Silva. A Obra Coral de Gilberto Mendes e a Poesia Concreta do Grupo Noigandres: Uma análise multimidiática. 2014. Dissertação (Mestrado em Artes) - Universidade de São Paulo.

10.
SANTOS, A. E.; PRADA, T.. Participação em banca de ELINA PADILHA FERNANDES. JORGE ANTUNES: SUA POÉTICA POLÍTICA E MILITÂNCIA ARTÍSTICA. 2014.

11.
SANTOS, Antonio Eduardo; ALMEIDA, J. M. P.; GIMENEZ, C. G.. Participação em banca de Wilson Roberto Avilla. A História Recente da Descoberta das "Sonoridades do Espaço Exterior". 2014.

12.
SANTOS, Antonio Eduardo; FIORINI, C. F.; MARIN, M. M.. Participação em banca de Luiz Guilherme Pozzi. Harry Crowl : marinas para piano - aspectos da construção da performance nas peças Guaratuba e Antonina , Cabo da Roca e Piran e Portoroz. 2010. Dissertação (Mestrado em Música) - Universidade Estadual de Campinas.

Qualificações de Mestrado
1.
SANTOS, Antonio Eduardo; Jank, HelenaK, H.; PERSONE, Pedro Aurelio; FERNANDES, A. J.. Participação em banca de Adriana Xavier de Almeida. A Influencia dos castrati na ornamentação de Modinhas dos séculos XVII e XIX. 2013.

2.
SANTOS, Antonio Eduardo; BERG, S. M. P. C.; RICCIARDI, R. R.; CASTRO, M. C.. Participação em banca de Rafael Alexandre da Silva. A obra coral de Gilberto Mendes e a Poesia Concreta do grupo Noigandres: uma análise multimidiática. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Escola de Comunicação e Artes) - Universidade de São Paulo.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
SANTOS, A. E.; CERQUEIRA, R. C.. Participação em banca de Pixinguinha: o Choro e a Criança.Pixinguinha: o choro e a criança. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Música) - Universidade Católica de Santos.

2.
SANTOS, A. E.; CERQUEIRA, R. C.. Participação em banca de Talita Vidal dos Santos.O Ensino de arco em Santos: destaques e perspectivas. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Música) - Universidade Católica de Santos.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SANTOS, Antonio Eduardo. banca examinadora do processo seletiva para docente. 2016. Universidade Católica de Santos.

Outras participações
1.
SANTOS, A. E.. O Cinema e o Ensino da Ética no Jornalismo. 2004. Universidade Católica de Santos.

2.
SANTOS, A. E.. XIII CONCURSO RITMO E SOM, na modalidade INTERPRETAÇÃO. 2001. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Conferencia Internacional sobre Representaciones Sociales. Criação e Recriação na Educação Musical: Um Estudo sobre Representações Sociais. 2018. (Congresso).

2.
IV SEMANA SOM E RITMO - UNISANTOS.O experimentalismo musical em Gilberto Mendes : ASHTMATOUR. 2018. (Encontro).

3.
IX JORNADA PEDAGOGICA PARA MUSICOS DE BANDA.Mesa Temática : Educação e as Artes(Musica, Teatro e Dança). 2018. (Simpósio).

4.
I Congresso da Associação Brasileira de Musicologia. PARTICIPANTE. 2016. (Congresso).

5.
III JORNADA DA EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO.MEMBRO DA ORGANIZAÇÃO DO EVENTO. 2016. (Encontro).

6.
1º ENCONTRO PIBID DO ESTADO DE SÃO PAULO.IMPACTO DO PIBID NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR E NA COMUNIDADE. 2015. (Encontro).

7.
CURSO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES EM FILOSOFIA SUZUKY.PARTICIPANTE. 2015. (Seminário).

8.
FESTIVAL DE MUSICA CONTEMPORANEA BRASILEIRA. UM SENTIDO DA TRANSFORMAÇÃO NA OBRA DE GILBERTO MENDES. 2015. (Congresso).

9.
VI Simpósio de Musicologia da UFRJ.Música Nova e Gilberto Mendes: um sentido transformador. 2015. (Simpósio).

10.
semonariode praticas de ensino de musica.master class :" musica contemporanea brasileira: uma interpretação". 2014. (Seminário).

11.
semonariode praticas de ensino de musica.master class :" musica contemporanea brasileira: uma interpretação". 2014. (Seminário).

12.
Colóquio Madrigal Ars Viva: 50 anos de Arte e Cultura de Santos para o mundo.Madrigal ?Ars Viva?: um balanço dos 50 anos de atividade. 2011. (Seminário).

13.
I Encontro Internacional de Educadores em Música.Estudos para piano -novos sentidos-. 2011. (Encontro).

14.
II Encontro de JovensPesquisadoresnoDepartamentodeMúsica deRibeirão PretoECA/RP-USP.Gilberto Mendes e o Sentido da Trans-Formação. 2010. (Encontro).

15.
III FORUM DE COMPOSIÇÃO MUSICAL CONTEMPORANEA.Recital com obras de compositores brasileiros contemporaneos. 2010. (Encontro).

16.
I Simpósio Internacional para a Pedagogia da História da Música.FESTIVAL MÚSICA NOVA: OS SONS DE UM LABORATÓRIO MUSICAL. 2010. (Simpósio).

17.
X Festival Internacional de Musica Contemporanea (UChile). A música contemporanea no Brasil. 2010. (Congresso).

18.
· VI Festival Internacional de Música Contemporânea.Cânon y Experiências Musicales em América Latina.Departamento de Música da Universidade do Chile. 2006. (Oficina).

19.
· 2º Encontro de Musicologia de Ribeirão Preto Linguagem Musical - Linguagens da Música.Os sons do festival música nova:Jorge Peixinho/Gilberto Mendes. 2005. (Encontro).

20.
· II Congresso Internacional da ABES/VII Congresso Brasileiro de Semiótica. O Sentido da Trans-Formação na Obra de Gilberto Mendes. 2005. (Congresso).

21.
1o. Encontro de Música e Midia.As Múltiplas Vozes da Cidade. 2005. (Encontro).

22.
XII Semana Fafiana.Espaços do Profissional de História. 2005. (Simpósio).

23.
EIGHTH INTERNATIONAL CONGRESS ON MUSICAL SIGNIFICATION (Icms8). Un Sens Semiologique pour Le Festival Música Nova.. 2004. (Congresso).

24.
I simpósio internacional de ciências integradas.FESTIVAL MÚSICA NOVA: Caminhos de um veículo cultural. 2004. (Simpósio).

25.
VI ENCONTRO DE MUSICOLOGIA HISTÓRICA.FESTIVAL MÚSICA NOVA: OS SONS DE UM LABORATÓRIO MUSICAL. 2004. (Encontro).

26.
1º Encontro de Musicologia de Ribeirão Preto Linguagem Musical - Linguagens da Música ..?O Teatro Musical na obra de Gilberto Mendes?.. 2003. (Encontro).

27.
- III COLOQUIO Internacional de Musicologia - CASA DE LAS AMÉRICAS.Los camiños de la música nueva: un panorama de la música contemporánea en Brasil a traves del Festival de Música Nova. 2003. (Encontro).

28.
? I ENCONTRO NACIONAL DA ABET.100 Anos do disco no Brasil: Músicos, Públicos, Pesquisadores e Registros Fonográficos. 2002. (Encontro).

29.
II Seminário Nacional de Pesquisa em Performance Musica.O Sentido Pomo em Boudweijn Buckinx. 2002. (Seminário).

30.
V ENCONTRO DE MUSICOLOGIA HISTÓRICA.OS Descaminhos do Festival Música Nova. 2002. (Encontro).

31.
24th National Conference of the Musicological Society of Austrália. :"The Mirror and TheTrans-Formation Sense in Gilberto Mendes". 2001. (Congresso).

32.
I Seminário Nacional de Pesquisa em Performance Musical.: ?Uma apreciação da Gênese composicional de Gilberto Mendes ?. 2000. (Seminário).

33.
IV Encontro de Musicologia Histórica.?Um outro Olhar em torno do Gesto ?Sonoro?.. 2000. (Encontro).

34.
IV Fórum CLM ? PUC/ SP.Os Caminhos de uma Odisséia Musical. 2000. (Seminário).

35.
XII Encontro Nacional da ANPPOM.? Os Caminhos do Movimento Música Nova.?. 2000. (Encontro).

36.
XVIII Semana de História."Santos: uma Vocação em Destaque. Patrimônio, Turismo e Cultura".. 1999. (Seminário).

37.
11.º Encontro Anual da ANPPOM ? Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Música..O Piano na Obra de Gilberto Mendes.. 1998. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SANTOS, Antonio Eduardo. III Jornada de Educação e Comunicação. 2016. (Congresso).

2.
LOPES, M. R. B. ; SANTOS, Antonio Eduardo . Concerto Solo e Solistas. 2016. (Concerto).

3.
SANTOS, Antonio Eduardo. II Jornada de Educação e Comunicação. 2015. (Congresso).

4.
SANTOS, A. E.; Matos, Alexandra Linda Herbst . Musica no Anfiteatro Ferreira Sampaio. 2013. (Concerto).

5.
Matos, Alexandra Linda Herbst ; mariangela duarte ; SANTOS, A. E. . FESTA DA MUSICA. 2013. (Concerto).

6.
SANTOS, A. E.; Marli Nunes . MuC 2011 - Mostra da Música Contemporanea. 2011. (Festival).

7.
SANTOS, A. E.; MENDES, G. . Música Erudita Contemporanea: A Vanguarda Esquecida. 2010. (Concerto).

8.
SANTOS, A. E.. A Nova Consonancia do Século XXI. 2010. (Concerto).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Iniciação científica
1.
Talita dos Santos Vidal. O ensino coletivo de cordas. Santos: destaques e perspectivas. Início: 2013. Iniciação científica (Graduando em Música) - Universidade Católica de Santos. (Orientador).

2.
Bruna Marinho de Almeida. Educação Musical ? Música Contemporânea. Início: 2013. Iniciação científica (Graduando em Música) - Universidade Católica de Santos. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
O ENSINO COLETIVO DE INSTRUMENTOS DE ARCO EM SANTOS. O ENSINO COLETIVO DE INSTRUMENTOS DE ARCO EM SANTOS. 2013. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Santos: Cultura, História) - Universidade Católica de Santos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Antonio Eduardo Santos.

Iniciação científica
1.
Daniel Silva de Moraes. Hip Hop Um Sentido De Engajamento Artistico. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em licenciatura em musica) - Universidade Católica de Santos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Antonio Eduardo Santos.

2.
Bianca Ribeiro. 55 Anos Do Manifesto Musica Nova: Ação E Transformação Na Arte E Na Educação. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em licenciatura em musica) - Universidade Católica de Santos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Antonio Eduardo Santos.

3.
Rogério Vieira de Castro Santos. ● Projeto: Em cada conto um canto: histórias e música no processo de aprendizagem. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em licenciatura em musica) - Universidade Católica de Santos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Antonio Eduardo Santos.

4.
Nathan Furlan Valente. Choro: Uma porta aberta na Universidade. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Música) - Universidade Católica de Santos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Eduardo Santos.

5.
Talita Henis Gomes Maia. Corpo e Música: Aprendizagem instrumental com aluno inclusivo. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Música) - Universidade Católica de Santos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Antonio Eduardo Santos.

6.
Fabiana Fonseca Vieira. A Importancia da Musicalização na Educação Infantil e seus Processos de Desenvolviento. 2010. Iniciação Científica - FACULDADES MOZARTEUM DE SÃO PAULO. Orientador: Antonio Eduardo Santos.

7.
Josias Pereira. Ensino da Flauta Doce nas Escolas Primárias. 2010. Iniciação Científica - FACULDADES MOZARTEUM DE SÃO PAULO. Orientador: Antonio Eduardo Santos.

8.
Igor Thomas Pereira. A Iniciação Musical através da Flauta Doce. 2010. Iniciação Científica - FACULDADES MOZARTEUM DE SÃO PAULO. Orientador: Antonio Eduardo Santos.



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
lopes, Fernanda ; SANTOS, Antonio Eduardo . Programa Urbanidades epsodio. 114. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
SIMONIAN, J. ; SANTOS, Antonio Eduardo . Programa Urbanidades. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Musica
1.
SANTOS, A. E.. 48º FESTIVAL MUSICA NOVA (GILBERTO MENDES). 2014. Apresentação de Obra (para compositores).

1.
SANTOS, A. E.. NOITE CULTURAL. 2015. Interpretação.



Outras informações relevantes


Atividades Profissionais (Docentes ou outras ligadas à área da pesquisa)

.03 SEMINÁRIOS para o programa de GRADUAÇÃO (Música) da UNESP ? Bacharelado em Música, Habilitação em Composição e Regência : Gilberto Mendes e o Festival Música Nova de Santos Coordenação: Prof.ª Dr.ª Maria de Lourdes Sekeff Local: Instituto de Artes ? UNESP -1999/agosto

.Participação como Palestrante dentro do programa DE PÓS- GRADUAÇÃO em Arte da UNESP no Curso : Arte e Cultura.Tema: Gilberto Mendes e o Sentido da Trans-Formação.
Coordenação: Prof.ª Dr.ª Maria de Lourdes Sekeff Local: Instituto de Artes ? UNESP - 1999/novembro 

.02 SEMINÁRIOS para o programa de GRADUAÇÃO (Música) da UNESP ? Habilitação Composição e Regência :
1.?Gilberto Mendes e o Festival Música Nova de Santos?
2.?A Música POMO de Boudweijn BuckinxCoordenação: Prof.ª Dr.ª Maria de Lourdes Sekeff 
Local: Instituto de Artes ? UNESP -2000/Abril

. Coordenador da Antonio Eduardo Collection , de música brasileira da Editora AVK Editeurs. Bruxelas - Bélgica

. Professor capacitador no Projeto "Teia do Saber", da Secretaria de Estado da Educação do Estado de São Paulo, em setembro de 2004.
Tema do Módulo: "Ler frases, temas e motivos da música erudita". Realizado na Unaerp- Campus Guarujá.

. Professor de História de Ensino Fundamental e Médio da Rêde Municipal de Ensino de Guarujá. Desde 1984.
. Professor da Escola Tecnica de Musica e Dança da Prefeitura Municipal de Cubatão.
. Membro do Conselho Editorial da AVK Éditeurs Belgica.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/01/2019 às 22:19:58