Ludgero Cardoso Galli Vieira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0385787852910227
  • Última atualização do currículo em 08/10/2018


Graduado em Ciências com Habilitação Plena em Biologia pela Universidade Estadual de Goiás (UEG), Mestre em Biologia com área de concentração em Ecologia pela Universidade Federal de Goiás (UFG), Doutor em Ciências Ambientais (UFG) e Pós-Doutor (PNPD-Capes/CNPq) em Ecologia com ênfase em Ambientes Aquáticos Continentais (UFG). Atualmente é Professor Associado da Universidade de Brasília (UnB), credenciado como professor permanente nos programas de pós-graduação (Mestrado e Doutorado) em (i) Ciências Ambientais (UnB/FUP) e (ii) Ecologia (UnB/IB), coordenador do Programa de Pós Graduação (Mestrado e Doutorado) em Ciências Ambientais da UnB/FUP (mandatos 2015-2017 e 2017-2019), Membro do Conselho Diretor da Universidade de Brasília, campus de Planaltina (UnB/FUP) e membro da Câmara de Assessoramento Técnico-Científico da FAPDF (Fundação de Apoio a Pesquisa do Distrito Federal). Foi Coordenador da Área de Ciências da Vida e da Terra (CVT) da UnB/FUP entre os anos de 2009 e 2011. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Ludgero Cardoso Galli Vieira
Nome em citações bibliográficas
VIEIRA, L. C. G.;Vieira, Ludgero C. G.;Vieira, Ludgero Cardoso Galli;Vieira, LCG.;Cardoso Galli Vieira, Ludgero;Vieira, Ludgero C.G.;Vieira, LCG;GALLI VIEIRA, LUDGERO C.;VIEIRA, L.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de Brasília, Campus Planaltina.
Área Universitária 1, Campus da UnB Planaltina, Planaltina-DF
Vila Nossa Senhora de Fátima
73345-010 - Brasilia, DF - Brasil
Telefone: (61) 31078002
URL da Homepage: http://vsites.unb.br/fup/index.htm


Formação acadêmica/titulação


2005 - 2008
Doutorado em Ciências Ambientais.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Título: Padrões ecológicos da comunidade zooplanctônica na planície de inundação do rio Araguaia, Ano de obtenção: 2008.
Orientador: Luis Mauricio Bini.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Estrutura de comunidades; Zooplâncton; Planície de inundação.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia do Zooplâncton.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Limnologia.
2003 - 2005
Mestrado em CIÊNCIAS BIOLÓGICAS.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Título: A influência da complexidade espacial na diversidade de organismos perifíticos,Ano de Obtenção: 2005.
Orientador: Luis Mauricio Bini.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Ambientes aquáticos; Plâncton; Perifíton; Complexidade espacial; Biodiversidade; Levantamento faunístico.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia do Zooplâncton.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Limnologia.
Setores de atividade: Educação Superior; Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado.
1998 - 2002
Graduação em Ciências Habilitação Em Biologia.
Universidade Estadual de Goiás, UEG, Brasil.


Pós-doutorado


2008 - 2009
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia do Zooplâncton.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Limnologia.


Atuação Profissional



Universidade Estadual de Goiás, UEG, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, EMBRAPA, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2011 - Atual
Ensino, MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Análise Estatística Multivariada
Introdução ao Programa R
01/2011 - Atual
Ensino, Ecologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Ecologia Aplicada: Práticas em Análises Multivariadas
08/2009 - Atual
Ensino, Gestão Ambiental, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Trabalho de Campo 1
Fundamentos em Ecologia de Populações e Comunidades
Metodologia de Pesquisa Científica e Elaboração de Projetos
Uso do Programa R com Aplicações Ambientais
06/2009 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Campus Planaltina, .

Linhas de pesquisa
Ecologia de comunidades
06/2009 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Campus Planaltina, .

01/2009 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Campus Planaltina, .


Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: Temporário, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 40

Atividades

03/2008 - 07/2008
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos Estatísticos em Ecologia e Evolução
03/2007 - 12/2007
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bioestatística
03/2007 - 07/2007
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Evolução, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos Estatísticos em Ecologia e Evolução
08/2006 - 12/2006
Ensino, Nutrição, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bioestatística
03/2006 - 12/2006
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bioestatística

Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40

Atividades

2/2004 - 8/2004
Estágios , Nupélia Núcleo de Pesquisas Em Limnologia Ictiologia e Aqüicultura, Laboratório de Zooplâncton.

Estágio realizado
Treinamento em: (i) técnicas de identificação e contagem de protozoários Testáceos, Rotíferos, Microcrustáceos (Cladóceros e Copépodas); (ii) Redação de trabalho científico..

Pontifícia Universidade Católica de Goiás, PUC GOIÁS, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2003
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 5

Vínculo institucional

1998 - 1999
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

Atividades

2/2002 - 1/2003
Estágios , Departamento de Biologia, Centro de Biologia Aquática.

Estágio realizado
Desenvolvimento de atividades de auxílio e acompanhamento nas seguintes linhas de trabalho: (i) Biologia e Ecologia de Peixes; (ii) Formatação, base de dados bibliográficos..
9/1998 - 3/1999
Estágios , Departamento de Biologia, Centro de Biologia Aquática.

Estágio realizado
Desenvolvimente de atividades de auxílio e acompanhamento em Ictiologia.

Secretaria da Educação e Cultura do Estado de Goiás, SECGO, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2000
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pró-Labore, Carga horária: 30

Atividades

3/2000 - 7/2000
Ensino,

Disciplinas ministradas
Ciências Físicas e Biológicas
Biologia


Linhas de pesquisa


1.
Ecologia de comunidades
2.
Ecologia do zooplâncton e Limnologia
3.
Monitoramento ambiental e saúde


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
PELD COFA: FUNCTIONAL CONNECTIVITY AND ANTHROPIC DISTURBS - A LONG-TERM ECOLOGICAL PROJECT
Descrição: The project addresses the effects of anthropic landscape modification and disturbs in biodiversity, ecosystem function and ecosystem services in one of the most important agribusiness regions of Brazil. The studied area comprises the Rio Vermelho basin, in the central area of the state of Goias, a core-area of the Brazillian Cerrado. The focal area includes a conservation unit (National Forest of Silvânia) and the district of Silvânia and its citizens in the town and countryside. The project will focus in the survey of the aquatic biodiversity (fishes, zooplankton and phytoplankton), invertebrate biodiversity (bees and termites), vertebrates (anuran fauna) and plants, and how this biodiversity is affected by anthropic landscape modification and use of agrochemical and fertilizers..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Projeto Monitora UnB/SEAD
Descrição: Cooperação técnico-científica e institucional entre a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), subordinada à Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAD) e a Fundação Universidade de Brasília - FUB, por meio do CENTRO DE GESTÃO E INOVAÇÃO NA AGRICULTURA FAMILIAR (CEGAFI) da Faculdade Planaltina, com vistas à coordenação, avaliação e monitoramento de políticas públicas integradas de assistência técnica e extensão rural (ATER), Comercialização, Fomento Produtivo Individual e Fomento Produtivo Coletivo no âmbito das ações da fase II do Projeto Dom Helder Câmara (PDHC ?II).
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Influência do uso e ocupação do solo e das zonas ripárias nos aspectos físicos, químicos e biológicos em uma planície de inundação neotropical
Descrição: A escala espacial dos distúrbios ambientais gerados pelas atividades humanas alcançaram proporções nunca antes vistas. Estima-se que a capacidade de resiliência dos ecossistemas foi ultrapassada em vários aspectos, corroborando com o sexto processo global de extinção em massa de espécies. Neste cenário, as ações antrópicas estão modificando as características físicas, químicas e biológicas tanto a nível local quanto em escalas regionais e globais. O projeto submetido enfoca um grande problema nacional relacionado ao aumento do impacto antrópico sobre os ambientes naturais em áreas agrícolas do Cerrado na planície de inundação do rio Araguaia. Com uma equipe multidisciplinar de pesquisadores, diferentes aspectos ambientais, biológicos e socioeconômicos serão abordados, visando o desenvolvimento de relações mais sustentáveis por meio da aproximação entre desenvolvimento rural, conservação ambiental e conservação da biodiversidade. Em resumo, este projeto pretende estudar a planície de inundação do Médio rio Araguaia e principais afluentes, relacionando suas características morfométricas e de conservação da zona ripária com os aspectos físicos, químicos e biológicos da água. A principal hipótese norteadora desse estudo pode ser assim formulada: o uso e a ocupação do solo no entorno dos corpos hídricos, juntamente com o estado de conservação das zonas ripárias, influenciam (i) as características físicas e químicas da água e (ii) a estrutura e padrões de diversidade das comunidades biológicas. Esperamos que em ambientes mais impactados estejam relacionados com menores diversidades de espécies, com maiores dominâncias de grupos biológicos específicos e com características ambientais específicas (maior turbidez da água, maior concentrações de nutrientes e estado trófico mais elevado). Este estudo será desenvolvido ao longo da planície de inundação do Médio rio Araguaia, entre os municípios de São Miguel do Araguaia - GO e Conceição do Araguaia - PA, compreendendo um trecho de aproximadamente 900 km de extensão via curso do rio. Ao longo desse trecho, diversos pontos de coleta serão obtidos, compreendendo lagoas e canais tanto do rio Araguaia quanto de seus afluentes, durante uma campanha de amostragem durante a estação chuvosa. Os resultados desse projeto subsidiarão informações necessárias para o desenvolvimento de teses de doutorado e dissertações de mestrado e demais estudos contemplando (i) os grupos biológicos (fitoplâncton e zooplâncton), (ii) a caracterização física e química dos corpos hídricos, (iii) o mapeamento da bacia hidrográfica e morfometria das zonas ripárias, (iv) o estudo, elaboração e, se ou quando possível, a implementação de medidas/propostas de recuperação das áreas degradadas, (v) a elaboração de propostas de políticas públicas e (vi) a elaboração de atividades de educação ambiental. Edital 04/2017 - SELEÇÃO PÚBLICA DE PROPOSTAS DE PESQUISA CIENTÍFICA, TECNOLÓGICA E INOVAÇÃO DEMANDA ESPONTÂNEA.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Ludgero Cardoso Galli Vieira - Coordenador / Velho, Luiz Felipe Machado - Integrante / José Vicente Elias Bernardi - Integrante / Antônio Felipe Couto Junior - Integrante / Eduardo Cyrino de Oliveira Filho - Integrante / NABOUT, JOÃO C. - Integrante / TERESA, FABRÍCIO BARRETO - Integrante / Tamiel Khan Baiocchi Jacobson - Integrante / Iris Roitman - Integrante / Luiz Felippe Salemi - Integrante.Financiador(es): Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal - Auxílio financeiro.
2017 - Atual
Biodiversidade de ecossistemas aquáticos: Ecologia e Sensoriamento Remoto integrados para conservação de ambientes aquáticos do Estado de Goiás
Descrição: O objetivo desse projeto é integrar duas áreas de pesquisa (sensoriamento remoto e ecologia) para avaliar como ecossistemas periféricos afetam a estrutura de diferentes comunidades aquáticas (algas, zooplâncton, macroinvertebrados e peixes), e investigar a concordância espacial entre as comunidades aquáticas. A integração proposta nesse projeto seguirá um modelo conceitual no qual aspectos da paisagem podem alterar diretamente ou indiretamente aspectos físico-químicos da água e morfologia de ambientes aquáticos e, consequentemente, alterar a comunidade aquática (composição de espécies ou traços funcionais). Especificamente objetiva-se i) Caracterizar a paisagem, limnologia e biodiversidade aquática de microbacias do Cerrado ii) Elaborar e testar um modelo que integra os efeitos da paisagem nas características da água e na comunidades biológicas iii) Avaliar a concordância espacial entre os grupos taxonômicos objetivando encontrar grupos substitutos para estudos de biomonitoramento. Projeto aprovado no Edital CH 07-2016 - Programa de Apoio a Núcleos Emergentes/ FAPEG, Valor R$ 143.000,00..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Seleção e aplicação de parâmetros regionais como subsidio para a gestão da qualidade das águas superficiais no Bioma Cerrado
Descrição: No Brasil, a Resolução CONAMA nº 357, é a normativa que dispõe sobre a classificação dos corpos hídricos, em função de seu enquadramento, definindo valores máximos de inúmeros parâmetros físicos, químicos e biológicos. No entanto, diante da multiplicidade de parâmetros, que torna inviável sua utilização nos programas de monitoramento, várias agências e órgãos estaduais utilizam os famosos índices de qualidade de água (IQA). O clássico IQA foi introduzido no Brasil pela CETESB-SP, e ainda vem sendo utilizado, algumas vezes com pequenos ajustes, por diversas entidades, na busca pela qualificação das águas. Todavia, os índices de qualidade de água propostos e utilizados em várias Unidades da Federação, também apresentam deficiências, sobreposições, redundâncias, ausências e falta de critérios regionais, o que deixa em aberto uma importante lacuna para a gestão da qualidade das águas no Brasil. Nesse contexto, o presente projeto pretende selecionar e aplicar parâmetros regionais para melhor enquadrar os corpos hídricos superficiais do Cerrado brasileiro, nas classes previstas na Resolução CONAMA nº 357/2005..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Regularização Ambiental e Diagnóstico dos Sistemas Agrários dos Assentamentos da Região Norte do Mato Grosso
Descrição: Realizar estudo para regularização ambiental de assentamentos de reforma agrária situados no norte do Estado do Mato Grosso, por meio da inscrição dos lotes e assentamentos no Cadastro Ambiental Rural (CAR), possibilitando o desenvolvimento de diagnóstico e de planos de recuperação das áreas de preservação permanentes degradadas. O Cadastro Ambiental Rural é o primeiro passo para a adesão aos Programas de Regularização Ambiental, a serem coordenados pelo governo federal e os estados, neste, o cálculo de quanto cada produtor deve em termos florestais, possibilita que os pequenos se tornem os maiores beneficiados. Enquanto imóveis com mais de quatro módulos fiscais devem recuperar Áreas de Preservação Permanente (APPs) desmatadas às margens de rios, em índices que variam entre 20 e 100 metros, conforme o tamanho do curso d'água, os pequenos devem recompor as matas ciliares em índices que vão de 5 a 15 metros, dependendo da extensão da propriedade e independentemente da largura do rio. Outra vantagem é que, para os pequenos proprietários com APPs convertidas em atividade agrícola até julho de 2008, está garantida uma trava na porcentagem de recuperação. Quer dizer, para imóveis com área de até dois módulos fiscais, a recomposição das APPs não ultrapassará 10% da propriedade. Em imóveis com área entre dois e quatro módulos fiscais, a recuperação não passará de 20%. Além dos problemas com APPs, pequenos produtores também vinham enfrentando dificuldades para cumprir os índices de Reserva Legal, que variam entre 20% e 80% da propriedade, conforme a região. Pelo novo código, em propriedades de até quatro módulos fiscais, a área de reserva é considerada regularizada se o imóvel possuía algum remanescente de vegetação nativa até julho de 2008, mesmo que em índices inferiores aos exigidos pela lei. Assim, pretende-se identificar os passivos ambientais em APPs de acordo com o novo código florestal, bom como identificar e avaliar a situação das reservas legais, a partir de imagens de sensoriamento remoto e coleta de dados em campo.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Indicadores biológicos e ambientais de impactos antrópicos em recursos hídricos urbanos e rurais no Distrito Federal
Descrição: Este projeto será desenvolvido em diversos corpos aquáticos localizados na região urbana e rural do Distrito Federal e tem como principal objetivo avaliar o efeito da ocupação humana sobre as características biogeoquímicas dos corpos aquáticos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2015
Impactos ambientais provocados pela agropecuária em recursos hídricos no Centro-Oeste brasileiro e utilização de bioindicadores ambientais
Descrição: Este projeto será desenvolvido em diversos corpos aquáticos localizados na região agrícola do Distrito Federal e do Estado de Goiás e tem como principais objetivos: (i) avaliar o efeito das atividades agrícolas sobre as características ambientais dos corpos aquáticos por meio de caracterização aniônica e catiônica dos elementos químicos dissolvidos; (ii) avaliar o impacto das atividades agrícolas na estrutura das comunidades aquáticas (fitoplâncton, zooplâncton e macroinvertebrados bentônicos); (iii) estimar o nível de concordância na estruturação espacial entre os três grupos biológicos considerados (fitoplâncton, zooplâncton e macroinvertebrados bentônicos); (iv) quantificar a influência relativa de processos locais (controle ambiental) e espaciais (e.g. decréscimo da similaridade faunística entre as unidades de amostragem com o aumento da distância geográfica) na estrutura das comunidades de fitoplâncton, zooplâncton e macroinvertebrados bentônicos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2015
Biodiversidade e ecologia de diferentes comunidades aquáticas em quatro importantes planícies de inundação brasileiras
Descrição: Uma das grandes preocupações da modernidade é a perda de biodiversidade causada pelas ações antropogênicas, como poluição (local, regional e global), agricultura, exploração de recursos naturais (como, por exemplo, aquela derivada da mineração e desflorestamento), entre outros. A necessidade de conservação da biodiversidade está relacionada com o valor intrínseco de cada espécie, o valor econômico potencial e atual das espécies. Desta forma, a quantificação da natureza, principalmente em relação às perdas decorrentes das diversas atividades humanas, é de grande importância. Planícies de inundação associadas às grandes rios são excelentes sistemas-modelo para investigar os potenciais organizadores da biodiversidade (mudança) para uma variedade de escalas espaciais. O sistema rio-planície incorpora vários sistemas fluviais; cada um deles tem uma variedade de tipos de hábitat, variando desde o próprio rio, conectado a canais, que estão ligados a lagoas abertas e, finalmente, lagoas fechadas. As flutuações dos níveis hidrométricos mantêm a sazonalidade de sistemas de planície de inundação, de forma que o regime de cheia se constitui na principal função de força que atua sobre as comunidades presentes nestes ecossistemas. Os estudos revelam que planícies de inundação apresentam elevada diversidade biológica e que lagoas de várzea têm importância fundamental na manutenção de populações de espécies. Deve-se considerar que, apesar do grande esforço para conhecer a biodiversidade desses ecossistemas, uma parte representativa da mesma permanece desconhecida, considerando a escassez de estudos sobre as comunidades planctônicas e de fauna fitófila. Desta forma, o objetivo deste projeto é ampliar o conhecimento sobre a biota, o papel funcional, uso e conservação da biodiversidade brasileira de quatro ecossistemas de planície de inundação (Pantanal Mato Grossense, rio Paraná, rio Amazonas e rio Araguaia), abrangendo as comunidades planctônicas, fauna fitófila e macrófitas aquátic.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2015
Dinâmica Hidrobiogeoquímica, Monitoramento da Qualidade da Água e exposição humana a agrotóxicos e metais na Zona Úmida de Veredas do Ribeirão Mestre D?Armas
Descrição: Edital 11/2009 ? COOPERAÇÃO CIENTÍFICA INTERINSTITUCIONAIS (PCCI) O crescimento das cidades nas últimas décadas tem sido responsável pelo aumento da pressão das atividades antrópicas sobre os recursos naturais. Como consequência destas atividades, tem-se observado uma expressiva queda da qualidade da água e perda de biodiversidade, em função da desestruturação do ambiente físico e químico. O objetivo deste estudo é analisar a qualidade da água e estudar a dinâmica dos elementos traço em diferentes compartimentos do ecossistema de interface de Veredas da sub-bacia do Ribeirão Mestre D?Armas, assim como examinar o risco de exposição humana aos poluentes investigados nos compartimentos biofísicos da região em estudo. Nesta sub-bacia encontra-se a cidade de Planaltina, e as principais fontes de contaminação reconhecidas na área são efluentes domésticos provenientes da cidade e dos assentamentos urbanos recentemente implantados, resíduos da adubação química e defensivos agrícolas, óleos e graxas provenientes de oficinas na área urbana e de manutenção de máquinas e equipamentos agrícolas. Espera-se com este estudo traçar um perfil do nível de conservação da qualidade da água bem como entender a dinâmica hidrobiogeoquímica dos elementos traço na região de Veredas, o potencial de bioacumulação e biomagnificação destes elementos na biota aquática assim como possível exposição humana a tais poluentes de potencial tóxico..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2012
Suficiência amostral de microcrustáceos, rotíferos e tecamebas em lagos de uma planície de inundação do Centro-Oeste brasileiro
Descrição: Edital MCT/CNPq Nº 14/2009 ? Universal Os principais objetivos em estudos de ecologia estão relacionados com a quantificação da biodiversidade e identificação de padrões de distribuição espacial e/ou temporal das espécies, principalmente diante do crescente processo de extinção atual. Sabemos que a diversidade e a estrutura das comunidades de vários grupos biológicos estão estruturadas espacialmente em micro-escala espacial (por exemplo, espécies zooplanctônicas preferem a região litorânea de ambientes aquáticos, pois esse locais são dominados por plantas aquáticas). Portanto, estudos ecológicos devem amostrar de maneira suficiente para representar a diversidade e a estrutura das comunidades, considerando em seus delineamentos a variabilidade espacial. Esse projeto possui três objetivos principais: (i) mensurar e estimar a diversidade biológica de organismos zooplanctônicos (rotíferos, copépodes, cladóceros e tecamebas); (ii) comparar a estrutura das comunidades nas regiões litorânea e pelágica (estruturação espacial); e (iii) verificar o esforço amostral necessário para estimar com eficiência a diversidade biológica dos organismos zooplanctônicos em lagos da planície de inundação. As seguintes questões serão abordadas: (a) a regiões litorâneas apresentam maior riqueza de espécies (uma vez que a heterogeneidade ambiental é maior na primeira)? (ii) quantas amostras são necessárias para avaliar a biodiversidade destes ambientes? Para tanto, amostras de zooplâncton e de variáveis ambientais serão coletadas em cerca de 20 pontos em dois lagos da planície de inundação do rio Araguaia (sendo um com banco de macrófitas bem estabelecido e outro sem banco de macrófitas), localizados no município de São Miguel do Araguaia, Goiás. Desta forma serão amostradas cerca de 40 unidades, divididas entre as regiões litorâneas e pelágicas de cada lago..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2011
Concordância espacial e temporal entre diferentes assembléias biológicas em um ambiente aquático continental
Descrição: UnB Inclusão de Novos Docentes na Pesquisa - 2009.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2011
Padrões de concordância na comunidade zooplanctônica em uma planície de inundação
Descrição: FINATEC Edital 04/2009 Auxílio Enxoval.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2013
Limnologia comparada de reservatórios do Estado de Goiás
Descrição: Edital MEC/CAPES/e MCT/FINEP/CNPq nº 034/2007; Programa Nacional de Pós-Doutorado ? PNPD 2007 Programas de monitoramento ambiental são umas das principais ferramentas para o sucesso de qualquer plano de desenvolvimento sustentável e a ausência destes estudos favorece o aumento da ação antrópica, acarretando em sérios prejuízos para os ecossistemas e para a saúde pública humana. Infelizmente, os programas de monitoramento ambiental sofrem dois importantes problemas atualmente: disponibilidade insuficiente de especialistas para cada grupo de organismos que deveria ser monitorado e baixos valores dos recursos financeiros destinados aos programas. Assim, padrões de variação de diferentes atributos das assembléias biológicas (e.g., riqueza, abundância e composição) encontrados, recorrentemente, para diferentes grupos de organismos (concordância entre assembléias) são aqueles que mais interessam aos programas de monitoramento ambiental (especificamente aos de recursos hídricos), pois possibilitariam aperfeiçoar estes programas compensando as carências de especialistas e recursos financeiros. Este projeto será desenvolvido em todos os 28 reservatórios no Estado de Goiás que possuem empreendimentos hidroelétricos em operação. Os objetivos principais são: (1) estimar o nível de concordância entre fitoplâncton, copépodas, cladóceros, rotíferos e tecamebas; (2) testar o efeito do controle ambiental sobre essas comunidades; (3) quantificar a influência relativa de processos locais (controle ambiental) e espaciais (e.g. decréscimo da similaridade faunística entre as unidades de amostragem com o aumento da distância geográfica) na estrutura das diferentes assembléias; (4) avaliar a importância das informações socioeconômicas e dos dados gerados por meio das técnicas de sensoriamento remoto na estruturação das comunidades planctônicas; (5) registrar a diversidade de espécies zooplanctônicas e fitoplanctônicas e suas distribuições nas áreas estudadas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
Parques Urbanos e Conservação de Anfíbios Anuros
Descrição: Edital MCT / CNPq 14/2008 ? Universal ? Faixa B, Número 475464/2008-7.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2008
Concordância das assembléias de rotíferos, tecamebas e microcrustáceos em amostras do plâncton em lagoas da planície de inundação do rio Araguaia
Descrição: a concordância entre assembléias de microcrustáceos (copépodos e cladóceros), rotíferos e tecamebas será quantificada com o objetivo principal de avaliar se essas assembléias respondem similarmente ou não aos gradientes ambientais observados espacialmente na planície de inundação do Médio rio Araguaia e aos conspícuos efeitos que a sazonalidade exerce sobre os ambientes aquáticos desta planície..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2016 - 2016
Noções de biologia e taxonomia de organismos planctônicos de águas continentais e sua utilização como ferramenta em estudos de monitoramento ambiental
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Revisor de periódico


2007 - Atual
Periódico: Biota Neotropica (Ed. Portuguesa)
2008 - Atual
Periódico: Pan-American Journal of Aquatic Sciences
2009 - 2009
Periódico: Brazilian Journal of Biology
2010 - Atual
Periódico: Hydrobiologia (The Hague. Print)
2010 - Atual
Periódico: Boletim do Instituto de Pesca (Online)
2010 - Atual
Periódico: Check List (São Paulo. Online)
2011 - Atual
Periódico: Iheringia. Série Zoologia (Impresso)
2011 - Atual
Periódico: Microbial Ecology (Online)
2013 - Atual
Periódico: Acta Amazonica (Impresso)
2013 - Atual
Periódico: Papéis Avulsos de Zoologia (USP.Museu de Zoologia. Impresso)
2013 - Atual
Periódico: Revista de Biologia Neotropical
2014 - Atual
Periódico: Zoologia (Curitiba): an international journal for zoology
2018 - 2018
Periódico: ECOLOGICAL INDICATORS
2018 - 2018
Periódico: Zoologia
2018 - 2018
Periódico: ACTA SCIENTIARUM. BIOLOGICAL SCIENCES (ONLINE)
2017 - 2017
Periódico: ACTA LIMNOLÓGICA BRASILIENSIA
2018 - Atual
Periódico: Revista Ambiente e Agua


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Comunidades.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Comunidade zooplanctônica e Limnologia.
3.
Grande área: Outros / Área: Ciências Ambientais / Subárea: Monitoramento ambiental e saúde.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:25
Total de citações:274
Fator H:10
Vieira, Ludgero  Data: 23/03/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
RODRIGUES, LUZIA CLEIDE2018RODRIGUES, LUZIA CLEIDE ; PIVATO, BIANCA MATHIAS ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; BOVO-SCOMPARIN, VÂNIA MARA ; BORTOLINI, JASCIELI CARLA ; PINEDA, ALFONSO ; Train, Sueli . Use of phytoplankton functional groups as a model of spatial and temporal patterns in reservoirs: a case study in a reservoir of central Brazil. HYDROBIOLOGIA, v. 805, p. 147-161, 2018.

2.
ROITMAN, I.2018ROITMAN, I. ; VIEIRA, L. C. G. ; JACOBSON, T. K. B. ; BUSTAMANTE, M. M. C. ; MARCONDES, N. ; CURY, K. ; ESTEVAM, L. ; RIBEIRO, R. J. C. ; RIBEIRO, V. ; STABILE, M. C. C. ; MIRANDA FILHO, R. J. ; AVILA, M. L. . Rural Environmental Registry: An innovative model for land-use and environmental policies. LAND USE POLICY, v. 76, p. 95-102, 2018.

3.
MIRANDA, R.2018MIRANDA, R. ; AVILA, M. ; VIEIRA, L. ; RIBEIRO, R. ; JACOBSON, T. ; OLIVEIRA, L. G. . Removal of vegetation in the state of Mato Grosso: a perspective based on the actions of IBAMA between 1998 and 2016. INTERNATIONAL JOURNAL OF ADVANCED ENGINEERING RESEARCH AND SCIENCE, v. 5, p. 84-90, 2018.

4.
OTANASIO, P. N.2018OTANASIO, P. N. ; Vieira, LCG ; ROQUE-SPECHT, V. F. ; PAULA-MORAES, S. V. ; LUZ, P. M. C. ; SPECHT, A. . Comparison of two artificial diets to rear Elaphria agrotina. CIÊNCIA RURAL, v. 48, p. e20170375, 2018.

5.
ALMEIDA, A. N.2017ALMEIDA, A. N. ; XAVIER, E. M. ; COUTO JUNIOR, A. F. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli . Efetividade da Compensação Ambiental Monetária no Brasil. FLORAM, v. 24, p. e20150116, 2017.

6.
MISSIAS, A. C. A.2017MISSIAS, A. C. A. ; GOMES, L. F. ; PEREIRA, H. R. ; SILVA, L. C. F. ; Angelini R. ; VIEIRA, L. C. G. . Is it possible to simplify environmental monitoring? Approaches with zooplankton in a hydroelectric reservoir. ACTA LIMNOLOGICA BRASILIENSIA (ONLINE), v. 29, p. 1, 2017.

7.
VIEIRA, L. C. G.2017VIEIRA, L. C. G.; VITAL, M. V. C. ; FERNANDES, A. P. C. ; Bonecker, Claudia C. ; NABOUT, JOÃO C. ; KRAUS, C. N. ; Bernardi, JVE ; Velho, LFM. ; BINI, Luis Mauricio . Sampling sufficiency for estimating zooplankton diversity in neotropical floodplain lakes. Lakes and Reservoirs, v. 22, p. 190-196, 2017.

8.
VIEIRA, M. C.2017VIEIRA, M. C. ; Bini, Luis M. ; Velho, LFM. ; GOMES, LEONARDO FERNANDES ; NABOUT, JOÃO C. ; Vieira, Ludgero C. G. . Biodiversity shortcuts in biomonitoring of novel ecosystems. ECOLOGICAL INDICATORS, v. 82, p. 505-512, 2017.

9.
NUNES, D. C.2017NUNES, D. C. ; JACOBSON, T. K. B. ; RIBEIRO, R. J. C. ; ROITMAN, I. ; Vieira, Ludgero C. G. ; AVILA, M. L. . Impacto da Lei de Proteção da Vegetação Nativa na Conservação de Recursos Hídricos em um Assentamento Rural em Nova Venécia - Espírito Santo. Fronteiras: Journal of Social, Technological and Environmental Science, v. 6, p. 167, 2017.

10.
DE OLIVEIRA MARCIONILIO, SUZANA MARIA LOURES2016DE OLIVEIRA MARCIONILIO, SUZANA MARIA LOURES ; MACHADO, KARINE BORGES ; CARNEIRO, FERNANDA MELO ; FERREIRA, MANUEL EDUARDO ; Carvalho, Priscilla ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; DE MORAES HUSZAR, VERA LÚCIA ; NABOUT, JOÃO CARLOS . Environmental factors affecting chlorophyll-a concentration in tropical floodplain lakes, Central Brazil. Environmental Monitoring and Assessment (Print), v. 188, p. 611, 2016.

11.
MACHADO, KARINE BORGES2016MACHADO, KARINE BORGES ; TERESA, FABRÍCIO BARRETO ; VIEIRA, L. C. G. ; HUSZAR, VERA LÚCIA DE MORAES ; NABOUT, J. C. . Comparing the effects of landscape and local environmental variables on taxonomic and functional composition of phytoplankton communities. Journal of Plankton Research, v. 38, p. 1334-1346, 2016.

12.
MACHADO, KARINE BORGES2015MACHADO, KARINE BORGES ; BORGES, PEDRO PAULINO ; CARNEIRO, FERNANDA MELO ; DE SANTANA, JULIANA FERREIRA ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; DE MORAES HUSZAR, VERA LÚCIA ; NABOUT, JOÃO CARLOS . Using lower taxonomic resolution and ecological approaches as a surrogate for plankton species. Hydrobiologia (The Hague. Print), v. 743, p. 255-267, 2015.

13.
BUOSI, P. R. B.2015BUOSI, P. R. B. ; CABRAL, A. F. ; UTZ, L. R. P. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; Velho, Luiz Felipe M. . Effects of Seasonality and Dispersal on the Ciliate Community Inhabiting Bromeliad Phytotelmata in Riparian Vegetation of a Large Tropical River. The Journal of Eukaryotic Microbiology, p. n/a-n/a, 2015.

14.
Vieira, Ludgero C. G.2015Vieira, Ludgero C. G.; Padial, André A. ; Velho, LFM. ; Bini, Luis M. . Concordance among zooplankton groups in a near-pristine floodplain system. Ecological Indicators, v. 58, p. 374-381, 2015.

15.
Mendonça, D. S.2015Mendonça, D. S. ; Gomes, M. A. A. ; VIEIRA, L. C. G. ; Angelini, Ronaldo . Local spatial factors influences birds and fishes communities in the Cerrado biome. Pan-American Journal of Aquatic Sciences, v. 10, p. 155-167, 2015.

16.
GOMES, LEONARDO FERNANDES2015GOMES, LEONARDO FERNANDES ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; BONNET, MARIE PAULE . Two practical approaches to monitoring the zooplanktonic community at Lago Grande do Curuai, Pará, Brazil. Revista Acta Amazonica, v. 45, p. 293-298, 2015.

17.
Bernardi, JVE2015Bernardi, JVE ; NEIRA, M. P. ; MANZATTO, A. G. ; HOLANDA, I. B. B. ; ALMEIDA, R. ; BASTOS, W. R. ; DOREA, J. G. ; LANDIM, P. M. B. ; VIEIRA, L. C. G. . Aplicação da Análise Geoestatística para Modelagem Espacial do Mercúrio e Matéria Orgânica em Solos Florestais na Amazônia Ocidental. Fronteiras: Journal of Social, Technological and Environmental Science, v. 4, p. 31, 2015.

18.
Vieira, Ludgero C.G.2014Vieira, Ludgero C.G.; RIBEIRO, H. R. ; Vital, Marcos Vinicius Carneiro ; Silva, Leo Caetano Fernandes da ; SOUZA, A. C. B. ; PINHEIRO, R. C. D. ; Bini, Luis M. . Concordance among aquatic communities in a tropical irrigation system. Natureza & Conservação, v. 12, p. 36-41, 2014.

19.
ALARCAO, A. G.2014ALARCAO, A. G. ; SOUZA, J. P. S. ; MACIEL, B. L. O. ; SOUZA, C. A. ; KISAKA, T. B. ; SANTANA, J. F. ; GOMES, L. F. ; BERNARDI, J. V. E. ; Vieira, Ludgero C. G. . A relevância de múltiplos grupos zooplanctônicos para o monitoramento ambiental no Cerrado: estudo da Estação Ecológica Águas Emendadas. Espaço e Geografia (UnB), v. 17, p. 1-21, 2014.

20.
LOPES, P. M.2014LOPES, P. M. ; Bini, Luis M. ; DECLERCK, S. A. J. ; FARJALLA, V. F. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; Bonecker, Claudia C. ; Lansac-Tôha, Fabio A. ; ESTEVES, F. A. ; BOZELLI, R. L. . Correlates of Zooplankton Beta Diversity in Tropical Lake Systems. Plos One, v. 9, p. e109581, 2014.

21.
CARNEIRO, FERNANDA M.2014CARNEIRO, FERNANDA M. ; NABOUT, JOÃO C. ; Vieira, Ludgero C. G. ; ROLAND, FÁBIO ; Bini, Luis M. . Determinants of chlorophyll-a concentration in tropical reservoirs. Hydrobiologia (The Hague. Print), v. 740, p. 89-99, 2014.

22.
JUEN, LEANDRO2013JUEN, LEANDRO ; NOGUEIRA, DENIS S. ; SHIMANO, YULIE ; GALLI VIEIRA, LUDGERO C. ; CABETTE, HELENA S. R. . Concordance between Ephemeroptera and Trichoptera assemblage in streams from Cerrado - Amazonia transition. Annales de Limnologie, v. 49, p. 129-138, 2013.

23.
Carneiro, F.M.2013Carneiro, F.M. ; NABOUT, J. C. ; Vieira, LCG. ; Lodi, Sara ; Bini, l. M. . Higher Taxa Predict Plankton Beta-diversity Patterns Across an Eutrophication Gradient. Natureza & Conservação, v. 11, p. 43-47, 2013.

24.
Laranjeiras, Thiago Orsi2012Laranjeiras, Thiago Orsi ; de Moura, Nárgila Gomes ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; Angelini, Ronaldo ; Carvalho, Adriana Rosa . Bird communities in different phytophysiognomies of the cerrado biome. Studies on Neotropical Fauna and Environment, p. 1-11, 2012.

25.
Padial, André A.2012Padial, André A. ; Siqueira, Tadeu ; Heino, Jani ; Vieira, Ludgero C.G. ; Bonecker, Cláudia C. ; Lansac-Tôha, Fabio A. ; Rodrigues, Luzia C. ; Takeda, Alice M. ; Train, Sueli ; Velho, Luiz F.M. ; Bini, Luis M. . Relationships between multiple biological groups and classification schemes in a Neotropical floodplain. Ecological Indicators, v. 13, p. 55-65, 2012.

26.
CAMARGO, J. C.2012CAMARGO, J. C. ; Vieira, LCG. ; VELHO, L. F. M. . The role of limnological variables and habitat complexity in impacted tropical streams as regulatory factors on the flagellate protozoa community. ACTA LIMNOLÓGICA BRASILIENSIA, v. 24, p. 193-206, 2012.

27.
BUSTAMANTE, MMC2012BUSTAMANTE, MMC ; NARDOTO, GB ; PINTO, AS ; RESENDE, JCF ; TAKAHASHI, FSC ; Vieira, LCG . Potential impacts of climate change on biogeochemical functioning of Cerrado ecosystems. Brazilian Journal of Biology (Impresso), v. 72, p. 655-671, 2012.

28.
Bessa, Gisele Fernandes2011Bessa, Gisele Fernandes ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; BINI, Luis Mauricio ; Reis, Deusiano Florêncio dos ; Morais, Paula Benevides de . Concordance patterns in zooplankton assemblages in the UHE - Luís Eduardo Magalhães reservoir in the Mid-Tocantins river, Tocantins State, Brazil. Acta Scientiarum. Biological Sciences (Online), v. 33, p. 179-184, 2011.

29.
Lodi, Sara2011Lodi, Sara ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; Velho, Luiz Felipe Machado ; Bonecker, Cláudia Costa ; Carvalho, Priscilla de ; BINI, Luis Mauricio . Zooplankton Community Metrics as Indicators of Eutrophication in Urban Lakes. Natureza & Conservação, v. 9, p. 87-92, 2011.

30.
Gubiani, Éder A.2011Gubiani, Éder A. ; Angelini, Ronaldo ; Vieira, Ludgero C.G. ; Gomes, Luiz C. ; Agostinho, Angelo A. . Trophic models in Neotropical reservoirs: Testing hypotheses on the relationship between aging and maturity. Ecological Modelling, v. 222, p. 3838-3848, 2011.

31.
Heino, Jani2010Heino, Jani ; BINI, Luis Mauricio ; Karjalainen, Satu Maaria ; Mykrä, Heikki ; Soininen, Janne ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; Diniz-Filho, José Alexandre Felizola . Geographical patterns of micro-organismal community structure: are diatoms ubiquitously distributed across boreal streams?. Oikos (Kobenhavn), v. 119, p. 129-137, 2010.

32.
Diniz-Filho, José Alexandre Felizola2010Diniz-Filho, José Alexandre Felizola ; Terribile, Levi Carina ; Da Cruz, Mary Joice Ribeiro ; VIEIRA, L. C. G. . Hidden patterns of phylogenetic non-stationarity overwhelm comparative analyses of niche conservatism and divergence. Global Ecology and Biogeography (Print), v. 19, p. 916-926, 2010.

33.
Andrian Padial, André2010Andrian Padial, André ; Mauricio Bini, Luis ; Alexandre Felizola Diniz-Filho, José ; Pereira Resende de Souza, Nayara ; Cardoso Galli Vieira, Ludgero . Predicting Patterns of Beta Diversity in Terrestrial Vertebrates Using Physiographic Classifications in the Brazilian Cerrado. Natureza & Conservação, v. 08, p. 127-132, 2010.

34.
Costa, Diogo Andrade2010Costa, Diogo Andrade ; VIEIRA, L. C. G. ; Silva, Leo Caetano Fernandes da ; Carvalho, Rodrigo Assis de ; Vital, Marcos Vinicius Carneiro ; Lima Filho, Guilherme Ferreira de ; Silveira, Allan Valle Toledo da ; SANTOS, B. B. . Métodos para Comparação de Comunidades: um estudo da fauna de invertebrados de duas áreas da região metropolitana de Goiânia. Estudos (Goiânia. Online), v. 37, p. 369-379, 2010.

35.
HIGUTI, J.2009HIGUTI, J. ; Lansac-Tôha, FA. ; Velho, LFM. ; Pinto, RL. ; Vieira, LCG. ; MARTENS, K. . Composition and distribution of Darwinulidae (Crustacea, Ostracoda) in the alluvial valley of the upper Paraná River, Brazil. Brazilian Journal of Biology, v. 69, p. 253-262, 2009.

36.
Diniz-Filho, José Alexandre Felizola2009Diniz-Filho, José Alexandre Felizola ; BINI, Luis Mauricio ; Oliveira, Guilherme ; Barreto, Bruno de Souza ; Silva, Marcel Müller Fernandes Pereira ; Terrible, Levi Carina ; Rangel, Thiago Fernando L V B ; Pinto, Miriam Plaza ; Sousa, Nayara Pereira Rezende ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; Melo, Adriano S ; de Marco Júnior, Paulo ; Vieira, Cleiber Marques ; Balmires, Daniel ; Bastos, Rogério P ; Carvalho, Priscilla ; Ferreira, Laerte G ; Telles, Mariana Pires de Campos ; Rodrigues, Flávia Melo ; Silva, Daniela Melo ; Silva Júnior, Nelson Jorge ; Soares, Thannya Nascimento . Macroecologia, biogeografia e áreas prioritárias para conservação no cerrado. Oecologia Brasiliensis (Impresso), v. 13, p. 470-497, 2009.

37.
FULONE, L. J.2008FULONE, L. J. ; VIEIRA, L. C. G. ; VELHO, Luis Felipe Machado ; LIMA, A. F. . Influence of depth and rainfall on testate amoebae (Protozoa - Rhizopoda) composition from two streams in northwestern São Paulo State. Acta Limnologica Brasiliensia, v. 20, p. 29-34, 2008.

38.
Lansac-Tôha, Fábio A.2008Lansac-Tôha, Fábio A. ; Bini, Luis M. ; Velho, Luiz Felipe M. ; Bonecker, Claudia C. ; Takahashi, Erica M. ; VIEIRA, L. C. G. . Temporal coherence of zooplankton abundance in a tropical reservoir. Hydrobiologia (The Hague), p. 9526-6, 2008.

39.
BINI, Luis Mauricio2007BINI, Luis Mauricio ; VIEIRA, L. C. G. ; Machado, Juliana ; Machado Velho, Luiz Felipe . Concordance of Species Composition Patterns among Microcrustaceans, Rotifers and Testate Amoebae in a Shallow Pond. International Review of Hydrobiology, v. 92, p. 9-22, 2007.

40.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli2007Vieira, Ludgero Cardoso Galli; BINI, Luis Mauricio ; Velho, Luiz Felipe Machado ; Mazão, Gustavo Rincon . Influence of spatial complexity on the density and diversity of periphytic rotifers, microcrustaceans and testate amoebae. Fundamental and Applied Limnology, v. 170, p. 77-85, 2007.

41.
CARVALHO, R. A.2007CARVALHO, R. A. ; VITAL, M. V. C. ; COSTA, D. A. ; SILVA, L. C. F. ; VIEIRA, L. C. G. ; SILVEIRA, A. V. T. ; LIMA FILHO, G. F. . Competição, facilitação ou teoria neutra? Um estudo das interações e de sua importância na estrutura de uma comuni¬dade vegetal em regeneração. Revista de Biologia Neotropical, v. 4, p. 117-123, 2007.

42.
Silva, R. J.2006Silva, R. J. ; VIEIRA, L. C. G. ; Pinto, M. P. ; Oliveira, G. ; Barreto, B. S. . Malha rodoviária e conflitos de conservação no cerrado: um estudo para a preservação de anfíbios. Acta Scientiarum. Biological Sciences (Impresso), v. 28, p. 373-378, 2006.

43.
DINIZ-FILHO, J. A. F.2005DINIZ-FILHO, J. A. F. ; Bini, l. M. ; BASTOS, R. P. ; VIEIRA, C. M. ; VIEIRA, L. C. G. . Priority areas for anuran conservation using biogeographical data: a comparison of greedy, rarity, and simulated annealing algorithms to define reserve networks in Cerrado. Brazilian Journal of Biology, v. 65, p. 251-261, 2005.

44.
SILVA, L. C. F.2005SILVA, L. C. F. ; VIEIRA, L. C. G. ; COSTA, D. A. ; LIMA FILHO, G. F. ; VITAL, M. V. C. ; CARVALHO, R. A. ; SILVEIRA, A. V. T. ; OLIVEIRA, L. G. . Qualitative and quantitative benthic macroinvertebrates samplers in Cerrado streams: a comparative approach. Acta Limnologica Brasiliensia, v. 17, n.2, p. 123-128, 2005.

45.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli2005Vieira, Ludgero Cardoso Galli; MARQUES, Gleibiane Sousa ; BINI, Luis Mauricio . Estabilidade e persistência de assembléias zooplanctônicas em um pequeno lago tropical. Acta Scientiarum. Biological Sciences (Online), Maringá - PR, v. 27, p. 323-328, 2005.

46.
Vital, Marcos Vinicius Carneiro2004Vital, Marcos Vinicius Carneiro ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli ; Carvalho, Rodrigo Assis de ; Costa, Diogo Andrade ; Silva, Leo Caetano Fernandes da ; Silveira, Allan Valle Toledo da ; Lima Filho, Guilherme Ferreira de . Insetos em experimentos de ecologia de populações: um exemplo de abordagem didática. Acta Scientiarum. Biological Sciences (Online), Maringá, v. 26, n.3, p. 287-290, 2004.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
Carneiro, F.M. ; NABOUT, J. C. ; VIEIRA, L. C. G. ; ROLAND, F. ; Bini, Luis M. . Determinants of phytoplankton biomass in tropical reservoirs. In: 11th INTECOL Congress, Ecology: Into the next 100 years, 2013. Anais do 11th INTECOL Congress, Ecology: Into the next 100 years, 2013.

2.
SOUZA, C. A. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli . O ambiente e o espaço predizem a estrutura da comunidade zooplanctônica em uma planície de inundação?. In: XIV Congresso Brasileiro de Limnologia, 2013, Bonito. Anais do XIV Congresso Brasileiro de Limnologia, 2013.

3.
SANTANA, J. F. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli . Uso de grupos substitutos (surrogates) e menores resoluções numéricas e taxonômicas na comunidade zooplanctônica em uma planície de inundação. In: XIV Congresso Brasileiro de Limnologia, 2013, Bonito. Anais do XIV Congresso Brasileiro de Limnologia, 2013.

4.
MACHADO, K. B. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli . Uso de menores resoluções taxonômicas e abordagem ecológica como substitutos para espécies fitoplanctônicas em uma planície de inundação. In: XIV Congresso Brasileiro de Limnologia, 2013, Bonito. Anais XIV Congresso Brasileiro de Limnologia, 2013.

5.
BORGES, P. P. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli . Diversidade Alfa, beta e gama de ambientes aquáticos continentais. In: III Congresso Acadêmico-Científico ' Educação, Tecnologia e Interdisciplinaridade', 2013, Porangatu. Anais do III Congresso Acadêmico-Científico " Educação, Tecnologia e Interdisciplinaridade", 2013.

6.
BORGES, P. P. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli . Diversidade de espécies e padrão espacial da comunidade fitoplanctônica em lagoas de inundação no Brasil central. In: XIV Congresso Brasileiro de Limnologia, 2013, Bonito. Anais do XIV Congresso Brasileiro de Limnologia, 2013.

7.
Vieira, LCG.; NABOUT, J. C. ; Velho, LFM. ; Bini, Luis M. . Metacomunidade zooplanctônica: integrando processos ambientais e espaciais em uma planície de inundação. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

8.
Souza, JPS ; Alarcão, AG ; Maciel, BLO ; Souza, CA ; Bonecker, Claudia C. ; Fernandes, APC ; Bernardi, JVE ; Vieira, LCG. . Distribuição conjunta entre grupos zooplanctônicos em lagos de uma planície de inundação. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

9.
Santana, JF ; Alarcão, AG ; Souza, JPS ; Bernardi, JVE ; Vieira, LCG. . Concordância na comunidade zooplanctônica em um ambiente lacustre. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

10.
Otanásio, PN ; Souza, JPS ; Alarcão, AG ; Bonecker, Claudia C. ; Fernandes, APC ; VIEIRA, L. C. G. . Efeitos da resolução taxonômica e numérica sobre o padrão espacial da comunidade zooplanctônica na planície do rio Araguaia. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

11.
Carvalhedo, TD ; Alarcão, AG ; Souza, JPS ; Bernardi, JVE ; Vieira, LCG. . Efeitos de diferentes escalas na caracterização espacial da comunidade zooplanctônica na Lagoa Bonita ? DF. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

12.
Missias, ACA ; Souza, JPS ; Alarcão, AG ; Bonecker, Cláudia C. ; Fernandes, APC ; Vieira, LCG. . Heterogeneidade espacial da comunidade zooplanctônica em lagos da planície do rio Araguaia. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

13.
Alarcão, AG ; Souza, JPS ; Maciel, BLO ; Souza, CA ; Bernardi, JVE ; Vieira, LCG. . A utilização do zooplâncton como ferramenta de monitoramento ambiental em uma sub-bacia intensamente urbanizada. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

14.
Gomes, LF ; NABOUT, J. C. ; Vieira, LCG. . Tendências temporais nos estudos sobre biomonitoramento: ambientes aquáticos versus terrestres. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

15.
Miranda, ECAO ; Bonnet, MP ; Boaventura, GR ; Seyler, P ; Ibañez, MSR ; Vieira, LCG. ; Kraus, CN ; Nogueira, IS ; Alves, CPP . Resposta do Fitoplâncton à Hidrologia da Planície de Inundação do Lago Janauacá (Amazonas, Brasil). In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

16.
Ervilha, JCC ; Bernardi, JVE ; Souza, JR ; Vieira, LCG. . Monitoramento da qualidade da água da sub-bacia do Ribeirão Mestre D'Armas. In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

17.
Kisaka, TB ; Bernardi, JVE ; Souza, JR ; Vieira, LCG. . Hidrobiogeoquímica dos metais níquel, cobre e ferro em plânton e macrófita na Lagoa Bonita (Brasília-DF). In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

18.
Oliveira, AS ; Vieira, LCG. ; Souza, JR ; Bernardi, JVE . Estudo dos elementos-traço em macrófitas aquáticas em região de Veredas, Lagoa Bonita-DF (Brasília). In: XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011, Natal. Anais do XIII Congresso Brasileiro de Limnologia, 2011.

19.
ANDRADE, M. B. ; VIEIRA, L. C. G. . Avaliação da concordância e resolução numérica em diferentes grupos taxonômicos. In: XI Congresso Brasileiro de Limnologia, 2007, Macaé. XI Congresso Brasileiro de Limnologia, 2007.

20.
CARVALHO, S. L. ; VIEIRA, L. C. G. ; CARVALHO, P. . Efeito do pulso de inundação sobre as variáveis limnológicas na planície de inundação do rio Araguaia. In: XI Congresso Brasileiro de Limnologia, 2007, Macaé. XI Congresso Brasileiro de Limnologia, 2007.

21.
SOUZA, A. C. B. ; VIEIRA, L. C. G. . Efeito da distância sobre a similaridade na comunidade zooplanctônica. In: XI Congresso Brasileiro de Limnologia, 2007, Macaé. XI Congresso Brasileiro de Limnologia, 2007.

22.
VIEIRA, L. C. G.. Relações Entre a Comunidade Zooplanctônica em Ecossistemas Lacustres. In: IV Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão - IV CONPEEX, 2007, Goiânia. Anais do IV Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão, 2007.

23.
HIGUTI, J. ; LANSAC-TOHA, F. A. ; VELHO, Luis Felipe Machado ; PINTO, R. L. ; VIEIRA, L. C. G. ; MARTENS, K. . Darwinulidae (Ostracoda) do sistema rio-planície de inundação do alto Rio Paraná: ocorrência e abundância. In: IV Congresso Brasileiro sobre Crustáceos, 2006, Guarapari. Anais do IV Congresso Brasileiro sobre Crustáceos, 2006.

24.
VIEIRA, L. C. G.; BINI, Luis Mauricio ; VELHO, Luis Felipe Machado . Macrófitas aquáticas com padrões foliares mais complexos influenciam a fauna perifítica?. In: X Congresso Brasileiro de Limnologia, 2005, Ilhéus, 2005.

25.
VIEIRA, L. C. G.; BINI, Luis Mauricio ; VELHO, Luis Felipe Machado . Comparação entre as faunas das regiões planctônica e pelágica na Lago Samambaia - Goiânia - Goiás. In: X Congresso Brasileiro de Limnologia, 2005, Ilhéus, 2005.

26.
VIEIRA, L. C. G.; Bini, Luis M. ; Velho, Luiz Felipe M. . Concordância das assembléias de rotíferos, tecamebase microcrustáceos em amostras do plâncton na planície de inundação do rio Araguaia. In: I Semana de Ciências Ambientais, 2005, Goiânia. Anais do II Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão - II CONPEEX, 2005.

27.
COUTO, J. M. ; BINI, Luis Mauricio ; VELHO, Luis Felipe Machado ; VIEIRA, L. C. G. . Sazonalidade e concordância das assembléias zooplanctônicas em uma lagoa tropical. In: X Congresso Brasileiro de Limnologia, 2005, Ilhéus, 2005.

28.
FULONE, L. J. ; VIEIRA, L. C. G. ; VELHO, Luis Felipe Machado ; LIMA, A. F. . Variação temporal de assembléias de Testacea (Protozoa-Rhizopoda) no plâncton de dois córregos localizados no noroeste paulista. In: VI Encontro Maringaense de Biologia - XIX Semana de Biologia, 2004, Maringá. Anais do VI Encontro Maringaense de Biologia - XIX Semana de Biologia, 2004.

29.
VIEIRA, L. C. G.; MATTIELLO ; PINTO, Mirian Plaza ; MARENDA ; BENASSI ; BINI, Luis Mauricio . Implicações da Sincronia Espacial em Monitoramentos Limnológicos. In: IX Congresso Brasileiro de Limnologia, 2003, Juiz de Fora. Caderno de resumos do XI Congresso Brasileiro de Limnologia, 2003.

30.
ALVES, Sueli M Freitas ; VELOSO, Cristiano M ; GUIMARÃES, Ana Paula R C ; GARCIA, Robertha A V ; VIEIRA, L. C. G. . Perfil da Automedicação entre os Estudantes do Campus da UEG. In: II Jornada Farmacêutica e I Encontro Regional de Farmacêuticos, 2002, Anápolis. Anais da II Jornada Farmacêutica e I Encontro Regional de Farmacêuticos, 2002.

Artigos aceitos para publicação
1.
Souza, CA ; GOMES, LEONARDO FERNANDES ; NABOUT, JOÃO C. ; Velho, LFM. ; Vieira, Ludgero Cardoso Galli . Temporal Trends of Scientific Literature About Zooplankton Community. NEOTROPICAL BIOLOGY AND CONSERVATION, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
Vieira, Ludgero C. G.. Biodiversidade no Cerrado, Amazônia e Mata Atlântica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Interdisciplinaridade nos estudos sobre Recursos Hídricos. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Interdisciplinaridade nos estudos sobre Recursos Hídricos. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
Vieira, Ludgero C. G.. Avaliação de projetos relacionados ao Edital nº 06/2016 - Bolsas de Pós-Doutorado. 2016.

2.
VIEIRA, L. C. G.. Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Mato Grosso do Sul. 2008.

Trabalhos técnicos

Demais tipos de produção técnica
1.
Vieira, LCG.. Análises Multidimensionais. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
Vieira, LCG.. Análises Multidimensionais. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
VIEIRA, L. C. G.. Análise Multivariada. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
Vieira, LCG.. Bioestatística na Prática. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
Vieira, LCG.. Egressos do Curso de Biologia da UEG. 2009. (Palestra).

6.
VIEIRA, L. C. G.; NABOUT, J. C. . Ecologia do Plâncton - Fitoplâncton e Zooplâncton. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
VIEIRA, L. C. G.. Egressos UEG. 2007. (Work-Shop).

8.
VIEIRA, L. C. G.. Zooplâncton como indicador da qualidade da água em ambientes dulcícolas. 2006. (Palestra).

9.
VIEIRA, L. C. G.. Levantamento Faunístico de Zooplâncton. 2005. (Aula).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
GALLI VIEIRA, LUDGERO C.. Participação em banca de Newton Cesar Feltrim Aquotti. Revitalização de nascentes voltada à melhoria da qualidade da água destinada ao abastecimento e consumo em região de microbacia do rio Pirapó, no município de Maringá-PR. 2018. Dissertação (Mestrado em Tecnologias Limpas) - Centro de Ensino Superior de Maringá.

2.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Bruno Michael da Silva Pereira. Reef Macrobenthic Diversity: Independence and Sampling Effort. 2017. Dissertação (Mestrado em Diversidade Biológica e Conservação Nos Trópicos) - Universidade Federal de Alagoas.

3.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Barbbara da Silva Rocha. O papel do ambiente, espaço e uso de solo sobre a estruturação da composição funcional e taxonômica de comunidades fitoplanctônicas e zooplanctônicas em reservatórios tropicais. 2016. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

4.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Tiago Borges Kisaka. Integridade ecológica em córregos de floresta de galeria do bioma Cerrado. 2015. Dissertação (Mestrado em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília.

5.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Nathan de Castro Soares Simplício. Ecotoxicidade de fertilizantes: Uma análise comparativa entre produtos a base de nitrogênio, fósforo e potássio e seus ingredientes ativos isoladamente. 2015. Dissertação (Mestrado em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília.

6.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Laís de Souza Lima. Variação sazonal na composição química de detritos foliares em zonas ripárias do Cerrado. 2015. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

7.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Meirielle Euripa Pádua de Moura. Impacto das mudanças climáticas na produtividade primária de ambientes aquáticos tropicais: um estudo em microcosmo. 2015. Dissertação (Mestrado em Recursos Naturais do Cerrado (Renac)) - Universidade Estadual de Goiás.

8.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Diogo Castanho Amaral. Efeito das variáveis ambientais influentes em espécies de copépodes (Crustacea: Copepoda) de planícies de inundação neotropicais. 2014. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

9.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Darlan Quinta de Brito. Avaliação ecotoxicológica das cinzas de queimadas do Cerrado em ambientes aquáticos. 2014. Dissertação (Mestrado em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília.

10.
Vieira, LCG.; Bonecker, Cláudia C.. Participação em banca de Danilo Rezende Lopes Filho. Padrões de co-ocorrência da assembléia de copépodes (Crustacea) em distintos ambientes da planície de inundação do alto rio Paraná. 2013. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

11.
VIEIRA, L. C. G.; MEDEIROS, A.. Participação em banca de Valéria Prota Salomão. Efeitos antrópicos do represamento de um riacho do Cerrado na decomposição foliar. 2013. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

12.
Vieira, Ludgero C.G.. Participação em banca de Ana Paula de Souza. Avaliação da utilização de índices de integridade biótica do fitoplâncton como ferramenta para estimativa de qualidade da água nos lagos Paranoá e Descoberto, no Distrito Federal. 2013. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos) - Universidade de Brasília.

13.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Francisco Diogo Rocha Sousa. Diversidade da fauna de Cladocera (Crustacea, Branchiopoda) associada à macrófitas em áreas úmidas do Cerrado do Brasil Central. 2012. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

14.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Elisa Araújo Cunha Carvalho Alvim. Influência da qualidade do detrito foliar no processo de decomposição em um córrego de altitude da Serra do Cipó, MG. 2012. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

15.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Naraiana Loureiro Benone. Efeitos do espaço e do ambiente sobre assembleias de peixes de igarapés da Amazônia Oriental. 2012. Dissertação (Mestrado em Zoologia) - Universidade Federal do Pará.

16.
Cardoso Galli Vieira, Ludgero. Participação em banca de Nataly Almeida de Castro. Padrões distribucionais das espécies da família Leucosiidae Samouelle (1919) (Crustacea: Decapoda: Brachyura) no Atlântico Ocidental baseados na Distribuição Potencial e Análise de Parcimônia de Endemismo. 2012. Dissertação (Mestrado em Diversidade Biológica e Conservação Nos Trópicos) - Universidade Federal de Alagoas.

17.
Vieira, Ludgero C.G.. Participação em banca de Tiago Octavio Begot Ruffeil. A ictiofauna de poças rochosas de maré: padrões de distribuição associados ao espaço e ambiente. 2012. Dissertação (Mestrado em Zoologia) - Universidade Federal do Pará.

18.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Deise de Morais Costa. O material em suspensão prediz a estrutura da comunidade de amebas testáceas no plâncton de diferentes ambientes de uma planície de inundação?. 2012. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

19.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Elizângela de Jesus Lima. Composição e distribuição de comunidades de plantas aquáticas em duas lagoas no pantanal goiano, Flores de Goiás, Brasil. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) - Universidade de Brasília.

20.
Vieira, LCG.. Participação em banca de Simone Kuster Mitre. Decomposição de detritos foliares alóctones e dinâmica de nutrientes em sistema lótico no Cerrado. 2011. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

21.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Paulo Roberto Bressan Buosi. Estrutura e dinâmica da comunidade de ciliados (Protozoa, ciliophora) associados aos fitotelmos da bromélia Aechmea distichantha Lem.. 2011. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

22.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Gisele Silva Costa. Abundância da comunidade de protozoários flagelados presentes em fitotelmos de Bromeliaceae da planície de inundação do alto rio Paraná. 2011. Dissertação (Mestrado em Biologia Comparada) - Universidade Estadual de Maringá.

23.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Manoela Woitovicz Cardoso. Comunicação em Hypsiboas bischoffi (BOULENGER, 1887) (ANURA, HYLIDAE). 2009. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

24.
VIEIRA, L. C. G.; Velho, Luiz Felipe Machado; Bonecker, Claudia C.. Participação em banca de Janielly Carvalho Camargo. Estrutura e dinâmica da comunidade de protozoários flagelados em riachos tropicais sob influência de atividades humanas. 2009. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

Teses de doutorado
1.
GALLI VIEIRA, LUDGERO C.. Participação em banca de Jaques Everton Zanon. Sincronia espacial e interespecífica de microalgas em ambientes aquáticos. 2018. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

2.
GALLI VIEIRA, LUDGERO C.. Participação em banca de Bianca Ramos de Meira. Ecologia alimentar de distintos estágios de desenvolvimento de larvas de Astyanax altiparanae (Teleostei, Characidae) e seus efeitos nas teias alimentares planctônicas. 2018. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

3.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de NATASHA BRIANEZ RODRIGUES. Efeitos do solo, geografia, demografia e uso e manejo da terra na diversidade e estrutura genética e estratégia reprodutiva de populações naturais de Caryocar brasiliense e Dipteryx alata. 2017. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

4.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Elisa Araújo Cunha Carvalho Alvim. variações sazonais e espaciais das concentrações elementares em compartimentos biogeoquímicos (macrófitas aquáticas, perifíton e sedimento) de lagoas naturais rasas do cerrado e suas influências no funcionamento ecossistêmico. 2017. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

5.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Alan Mosele Tonin. Controles multiescalares bióticos e abióticos da dinâmica e decomposição de detritos foliares em riachos. 2017. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

6.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Giovana Bottura. A convenção sobre diversidade biológica e o planejamento sistemático para conservação no Brasil. 2016. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

7.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Patrícia Pereira Gomes. Influência da química do detrito foliar e da água sobre a comunidade de hifomicetos aquáticos. 2015. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

8.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Vanessa Guimarães Lopes. Preponderância da dinâmica hidrológica sobre a sincronia e padrões de diversidade beta de comunidades zooplanctônicas. 2015. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

9.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Juliana Fernandes Ribeiro. Uso de hábitat em diferentes escalas, distribuição da diversidade e nicho isotópico de comunidades de pequenos mamíferos do Cerrado central. 2015. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

10.
Vieira, Ludgero C.G.. Participação em banca de Bianca Trevizan Segovia da Silva. Estrutura e dinâmica das comunidades microbianas (bactérias e protozoários) no plâncton de ambientes tropicais de água doce: padrões espaciais, temporais e fatores intervenientes. 2015. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

11.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Thallita Oliveira de Grande. Modelagem da conectividade funcional e de funções ecossistêmicas no Cerrado antropizado. 2015. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

12.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Adelina Maria Kühl. Avaliação dos efeitos de agrotóxicos de diferentes classes de uso sobre Daphnia similis (Crustacea, Cladocera): perspectivas de um cenário real e ensaios laboratoriais. 2014. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

13.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Fabiana Palazzo. Avaliação de uma espécie invasora zooplanctônica em uma planície neotropical: um estudo de longa duração. 2014. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

14.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Fernanda Keley Silva Pereira Navarro. Avaliação experimental do efeito do controle Top-down e Bottom-up sobre a cadeia de detritos em ambiente aquático. 2014. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

15.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Aurea Luiza Lemes da Silva. Avaliação dos efeitos temporais no processamento da matéria orgânica alóctone em riachos tropicais. 2014. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

16.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Heury Sousa Ferreira. Modelo matemático para dinâmica de range sob uma ótica não linear. 2013. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

17.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Davi Lima Pantoja Leite. As Faunas de Serpentes da América do Sul e Austrália: Ecologia, Biogeografia e Evolução. 2013. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

18.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Olívia Penatti Pinese. Macroecologia do zooplâncton continental: padrões latitudinais e componentes locais e regionais na determinação da diversidade global. 2012. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

19.
Cardoso Galli Vieira, Ludgero. Participação em banca de Fernanda Melo Carneiro. Determinantes da estrutura de comunidades do fitoplâncton em diferentes escalas espaciais. 2012. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

20.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Ana Karina Moreyra Salcedo. Riqueza e densidade de macroinvertebrados aquáticos associadas as macrófitas nos lagos de várzea Janaucá (AM) e grande de Curuai (PA) da Amazonia central brasileira. 2011. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade de Brasília.

21.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Geziele Mucio Alves. Amebas testáceas (Arcellinida e Euglyphida) de diferentes biótopos de uma lagoa da planície de inundação do alto rio Paraná. 2010. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

22.
VIEIRA, L. C. G.; Velho, Luiz Felipe Machado; Lansac-Tôha, FA.; Bonecker, Claudia C.; WIELOCH, A. H.. Participação em banca de Gustavo Mayer Pauleto. Ciliados planctônicos da planície de inundação do alto rio Paraná: Estrutura e dinâmica da comunidade. 2009. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

23.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de João Carlos Nabout. Macroecologia do Gênero Uca (Crustacea, Decapoda): Padrões de Diversidade, Distribuição e Respostas às Mudanças Climáticas Globais. 2009. Tese (Doutorado em Ciências Ambientais) - Universidade Federal de Goiás.

24.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Érica Mayumi Takahashi. Efeitos do represamento sobre a estrutura e dinâmica da comunidade zooplanctônica. 2008. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

Qualificações de Doutorado
1.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Gislaine Maria Silveira Disconzi. Distribuição, habitat e conservação do pato-mergulhão (Mergus octosetaceus) na APA de Pouso Alto, Chapada dos Veadeiros (GO). 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília.

2.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Glauber das Neves. Distribuição espacial do δ13C na savana neotropical brasileira. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília.

3.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Fábio Luís de Souza Santos. Variação espacial do carbono e nitrogênio no solo ao longo de um gradiente edafo-climático no Brasil: Pantanal-Cerrado-Caatinga. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

4.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Camila Alda Campos. Desenvolvimento de ferramentas de avaliação da integridade ecológica voltadas para gestão de bacias hidrográficas no Distrito Federal (DF) ? Brasil. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

5.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Silvia Regina Starling Assad. Causalidade entre desmatamento e assentamentos: a questão ambiental no norte do Mato Grosso. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília.

6.
Cardoso Galli Vieira, Ludgero. Participação em banca de Fábio José Viana Costa. Potencial de aplicação de marcadores intrínsecos no combate ao tráfico de aves silvestres no Brasil. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília.

7.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Vicente Arcela. Diversidade funcional do estrato arbustivo-arbóreo do Cerrado Rupestre no Brasil Central. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

8.
Cardoso Galli Vieira, Ludgero. Participação em banca de Eudes de Oliveira Bomfim. Sistema de Indicadores de Avaliação da Sustentabilidade (SIAS) dos Recursos Naturais no Lago Grande Curuaí, Bacia Amazônica, Brasil. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Geociências Aplicadas) - Universidade de Brasília.

9.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Carla Roberta Gonçalves Reis. Dinâmica de nitrogênio em manguezais conservados e sujeitos à fertilização antrópica no Sistema Estuarino-Lagunar de Cananéia-Iguape, São Paulo, Brasil. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

10.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Elisa Araújo Cunha Carvalho Alvim. Biogeoquímica e diversidade funcional de lagoas rasas no Cerrado. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

11.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Washington Luis Oliveira. Resposta do componente arbóreo em campinaranas e florestas aos efeitos do ambiente, espaço e antropismo, em escala de paisagem sobre influência de hidrelétrica, na bacia do médio Rio Madeira-RO. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

12.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Daniella Frensel de Moraes Borges. Distribuição de espécies nos gradientes altitudinais: diversidade beta, estrutura de metacomunidades e um olhar sobre espécies endêmicas, invasoras e ameaçadas. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

13.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Fernanda Keley Silva Pereira Navarro. Efeito do controle ascendente e descendente sobre a cadeia de detritos foliares em ambiente aquático. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

14.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Patrícia Pereira Gomes. Efeito do enriquecimento de nutrientes na decomposição dos detritos foliares de diferentes espécies em córregos de Cerrado. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

15.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Elizabeth Cristina Arantes de Oliveira Miranda. A comunidade fitoplanctônica e os processos geoquímicos no Lago de Janauacá em resposta ao pulso de inundação do rio Solimões. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Geociências Aplicadas) - Universidade de Brasília.

16.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Leo Caetano Fernandes da Silva. Potencial de evolução induzida pela pesca em tucunarés azuis (Cichla piquiti) no reservatório de Serra da Mesa, GO. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

17.
Vieira, LCG.. Participação em banca de Aurea Luiza Lemes da Silva. Avaliação dos efeitos sazonais sobre o fluxo de matéria orgânica e decomposição em riachos de baixa ordem. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade de Brasília.

18.
VIEIRA, L. C. G.; Bini, Luis M.; NABOUT, J. C.. Participação em banca de Fernanda Melo Carneiro. Generalidade de gradientes longitudinais em reservatórios tropicais. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

Qualificações de Mestrado
1.
GALLI VIEIRA, LUDGERO C.. Participação em banca de Pedro Ribeiro Martins. Análise do relevo e variáveis biofísicas da cobertura da terra na bacia do rio Araguaia. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIAS AMBIENTAIS) - Universidade de Brasília.

2.
GALLI VIEIRA, LUDGERO C.. Participação em banca de Galgane Patricia Luiz. Avaliação da sazonalidade da cobertura da terra em função do relevo na região do Médio Araguaia. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIAS AMBIENTAIS) - Universidade de Brasília.

3.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Ana Clara Alves de Melo. A cobertura da terra dentro do contexto das unidades de relevo em três bacias da ecorregião do Planalto Central. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Ambientais (53001010108P9)) - Universidade de Brasília.

4.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Natália Lopes Rodovalho. Efeito do capim-gordura (melinis minutiflora) sobre a dinâmica de nitrogênio em fragmento de Cerrado sentido restrito circundado por matriz agrícola. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília.

5.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Nathan de Castro Soares Simplício. Ecotoxicidade dos fertilizantes: Uma análise comparativa entre produtos a base de nitrogênio, fósforo e potássio e seus ingredientes ativos isoladamente. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília.

6.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Tiago Borges Kisaka. Variação isotópica do δ13C e δ15Nem zonas ripárias da região de Cerrado do Brasil Central. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília.

7.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Darlan Quinta de Brito. Efeitos ecotoxicológicos das cinzas de queimadas do Cerrado sobre organismos aquáticos. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Karina Vieira Gonçalves.Comparação da situação e dos instrumentos de política pública florestal entre Brasil e Canadá. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília.

2.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Maharishe de Souza Lima.Determinantes da situação do egresso de Gestão Ambiental da Faculdade UnB de Planaltina. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília.

3.
Vieira, Ludgero C. G.. Participação em banca de Nathália Barbosa de Oliveira.Principais Deficiências dos Estudos de Impacto Ambiental - EIA/RIMA. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília.

4.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Vander Célio de Matos Claudino.Plusíineos (lepidoptera: noctuidae: plusiinae) ocorrentes em Planaltina-DF: identificação, épocas de ocorrência e plantas hospedeiras. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília.

5.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Participação em banca de Emily Mendes Xavier.Efetividade da compensação ambiental no Brasil. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília.

6.
Vieira, LCG. Participação em banca de Stephanie Kelmyane Maia Freitas.Uso de isótopos estáveis como ferramenta de monitoramento ambiental em riachos tropicais. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília.

7.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Wagner Batista Xavier.Caracterização Limnológica do reservatório da PCH Mosquitão, períodos de enchimento e pós enchimento, Iporá Goiás, Brasil. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biologia) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás.

8.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Igor Rafael M. Alcântara.Sincronia de variáveis limnológicas do lago Paranoá. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Estadual de Goiás.

9.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Juliana Gonçalves dos Santos.Verificação do conhecimento e conscientização em relação à água dos alunos do 5º ano do ensino fundamental de instituições de ensino público e privado na cidade de Ipameri, Goiás - Brasil. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biologia) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás.

10.
VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Queula Machado.Caracterização limnológica do ribeirão Vai e Vem que abastece o município de Ipameri, Goiás, Brasil. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biologia) - Pontifícia Universidade Católica de Goiás.

11.
Jesus, JDN; VIEIRA, L. C. G.. Participação em banca de Jhonathan Diego Nascimento de Jesus.Análise de variáveis Limnológicas da estação de tratamento de esgoto do DAIA (Distrito Agroindustrial de Anápolis) Goiás, Brasil. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Habilitação Em Biologia) - Universidade Estadual de Goiás.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
Vieira, Ludgero C. G.. Seleção pública simplificada para professor substituto em Estatística. 2017. Universidade de Brasília.

2.
Vieira, Ludgero C. G.. Seleção do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais - 1/2015. 2015. Universidade de Brasília.

3.
Vieira, Ludgero C. G.. Professor Adjunto de Zoologia - Concurso Público Docente N. 82, DE 31/03/2015.. 2015. Universidade de Brasília.

4.
Vieira, Ludgero C. G.. Seleção do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais - 2/2015. 2015. Universidade de Brasília.

5.
Vieira, Ludgero C. G.. Seleção de candidatos para as vagas do mestrado em Ecologia - UnB/IB. 2015. Universidade de Brasília.

6.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Docente do Ensino Superior. 2014. Universidade Estadual de Goiás.

7.
VIEIRA, L. C. G.. Seleção de candidatos para as vagas do mestrado em Ecologia - UnB/IB. 2013. Universidade de Brasília.

8.
VIEIRA, L. C. G.. Concurso Público para Professor da Universidade de Brasília (UnB). 2009. Universidade de Brasília.

Outras participações
1.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Processo seletivo de bolsas PIBIC/CNPq e PIBITI/CNPq da UCB. 2018. Universidade Católica de Brasília.

2.
VIEIRA, L. C. G.. Progressão Automática para o Doutorado. 2013. Universidade de Brasília.

3.
VIEIRA, L. C. G.. Comissão de seleção de candidatos para as vagas do mestrado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural - UnB/FUP. 2012. Universidade de Brasília.

4.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. XIII EPGPEA ? Encontro De Pós-Graduandos Em Ecologia De Ambientes Aquáticos Continentais. 2010. Universidade Estadual de Maringá.

5.
VIEIRA, L. C. G.. XII EPGPEA ? Encontro De Pós-Graduandos Em Ecologia De Ambientes Aquáticos Continentais. 2009. Universidade Estadual de Maringá.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Simpósio Brasileiro de Biologia da Conservação. 2011. (Simpósio).

2.
Simpósio de Ecologia: 35 anos de Pós-Graduação em Ecologia na UnB. 2011. (Simpósio).

3.
3ª Semana de Ciências Ambientais. 2008. (Congresso).

4.
Descobrindo a Árvore da Vida e Infinitas Formas. 2008. (Seminário).

5.
IV Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão - IV CONPEEX. 2007. (Congresso).

6.
II Semana de Ciências Ambientais. 2006. (Congresso).

7.
Seminário de Biomonitoramento como Ferramenta de Avaliação e Gestão Ambiental.Seminário de Biomonitoramento como Ferramenta de Avaliação e Gestão Ambiental. 2006. (Seminário).

8.
I Semana de Ciências Ambientais. 2005. (Simpósio).

9.
X Congresso Brasileiro de Limnologia. X Congresso Brasileiro de Limnologia. 2005. (Congresso).

10.
IX Congresso Brasileiro de Limnologia. IX Congresso Brasileiro de Limnologia. 2003. (Congresso).

11.
II Jornada Farmacêutica e I Encontro Regional de Farmacêuticos. 2002. (Encontro).

12.
IV Semana Nacional e V Semana Internacional de Biologia. 2002. (Encontro).

13.
II Simpósio de Biologia Molecular Aplicada à Medicina. 2001. (Simpósio).

14.
IX ENBIO-Encontro de Biologia. 2001. (Encontro).

15.
Simpósio Fé, Ciência, Meio Ambiente e Tecnologia para o novo milênio. 2001. (Simpósio).

16.
VIII ENBIO-Encontro de Biologia. 2000. (Encontro).

17.
Workshop-A Fauna do AHE Serra da Mesa. 1999. (Simpósio).

18.
XXIII Congresso Brasileiro de Zoológicos. 1999. (Congresso).

19.
II Semana de Biologia e I Semana Internacional de Biologia. 1998. (Encontro).

20.
VI ENBIO-Encontro de Biologia. 1998. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VIEIRA, L. C. G.. 3° Semana de Ciências Ambientais. 2007. (Congresso).

2.
VIEIRA, L. C. G.. 1° Semana de Ciências Ambientais. 2005. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Leonardo Beserra da Silva. Padrões de diversidade fitoplanctônica em recursos hídricos urbanos e rurais no Distrito Federal. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS AMBIENTAIS) - Universidade de Brasília. (Orientador).

2.
Gustavo Fernandes Granjeiro. Influência do uso e ocupação do solo e das zonas ripárias na biodiversidade zooplanctônica. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS AMBIENTAIS) - Universidade de Brasília. (Orientador).

3.
João Paulo Alves Motta. Uso de macroinvertebrados bentônicos como bioindicadores em riachos na bacia hidrográfica do Rio Preto, Distrito Federal. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

4.
Ana Caroline de Alcântara Missias. Influência ambiental sobre a comunidade zooplanctônica em riachos de assentamentos no norte do Estado do Mato Grosso. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais (53001010108P9)) - Universidade de Brasília. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Maisa Carvalho Vieira. Estruturação e composição da metacomunidade zooplanctônica de pequenos reservatórios. Início: 2018. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).

2.
Kátia Cristina Cruz Santos. O direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado: um estudo sobre o desenvolvimento sustentável e o manejo do pirarucu na RDS de Mamirauá/AM. Início: 2016. Tese (Doutorado em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília. (Coorientador).

3.
Hasley Rodrigo Pereira. Impactos dos reservatórios sobre a diversidade taxonômica, funcional e filogenética da ictiofauna em bacias hidrográficas brasileiras. Início: 2016. Tese (Doutorado em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

4.
Leonardo Fernandes Gomes. Estruturação espacial e temporal da comunidade zooplanctônica do Lago Grande do Curuai, Pará, Brasil. Início: 2016. Tese (Doutorado em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

5.
Hugo de Oliveira Barbosa. Relações ecológicas entre comunidades aquáticas (peixes, macroinvertebrados bentônicos e zooplâncton) e fatores ambientais em múltiplas escalas em riachos do Cerrado, bacia do Alto rio Tocantins. Início: 2016. Tese (Doutorado em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília. (Orientador).

6.
Cleber Nunes Kraus. Vulnerabilidade de várzeas amazônicas a blooms de cianobactérias frente as mudanças antrópicas, ambientais e climáticas. Início: 2015. Tese (Doutorado em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

7.
Carla Albuquerque de Souza. Impactos da barragem fluvial sobre a diversidade planctônica e implicações para o monitoramento. Início: 2015. Tese (Doutorado em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Thallia Santana Silva. Padrões de diversidade de macroinvertebrados aquáticos em riachos na bacia hidrográfica do Rio Preto, Distrito Federal. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Maisa Carvalho Vieira. Padrões espaço-temporais do zooplâncton em um reservatório hidrelétrico tropical. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

2.
Pollyanna Nunes de Otanásio. Parâmetros biológicos da mariposa Elaphria agrotina (Guenée 1852) (Lepidoptera: Noctuidae) e sua distribuição espaço temporal no Brasil. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais (53001010108P9)) - Universidade de Brasília, . Coorientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

3.
Sarah Sampaio Py-Daniel. Padrões ecológicos da comunidade zooplanctônica antes e após a construção de um reservatório hidrelétrico tropical. 2017. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

4.
Bruno Araujo Friderichs. Uso de surrogates dentro da comunidade fitoplanctônica em várzeas amazônicas. 2016. Dissertação (Mestrado em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília, . Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

5.
Moisés Seixas Nunes. Um estudo sobre a piscicultura em igarapés na Amazônia. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais (53001010108P9)) - Universidade de Brasília, . Coorientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

6.
Leonardo Fernandes Gomes. Variação espaço-temporal do zooplâncton e utilização em biomonitoramento no Lago Grande do Curuai, Pará, Brasil. 2015. Dissertação (Mestrado em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

7.
Cleber Nunes Kraus. Avaliação da estrutura da comunidade fitoplanctônica em várzeas amazônicas frente às variações hidrológicas, ambientais e espaciais. 2015. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

8.
Carla Albuquerque de Souza. Qualidade ambiental de recursos hídricos associados a pivôs-centrais de irrigação no Distrito Federal. 2014. Dissertação (Mestrado em MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO RURAL) - Universidade de Brasília, . Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

Tese de doutorado
1.
Janielly Carvalho Camargo. Padrões ecológicos da comunidade de protozoários flagelados em um sistema rio-planície de inundação tropical. 2013. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá, . Coorientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Murillo Rodrigues de Souza. Influências ambientais e biológicas sobre organismos zooplanctônicos e sua utilização como bioindicadores. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Naturais) - Universidade de Brasília, Universidade de Brasília. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

2.
Gabrielly Freire Rolim. Teste do Thiram como sensibilizador dérmico em ?Cavia porcellus?. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Naturais) - Universidade de Brasília. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

3.
Heitor Rasmussem Ribeiro (co-orientador). Concordância entre Comunidades de Zooplâncton, Zoobentos e Macrófitas Aquáticas em um sistema de Irrigação. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

4.
Ricardo Victor Maciel (co-orientador). Estudo Sobre a Concordância das Comunidades Limnológicas do Rio Corrente no Sudoeste do Estado de Goiás. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

5.
Gleibiane de Sousa Marques (co-orientador). Estabilidade e persistência da assembléias zooplanctônicas em um pequeno lago tropical. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

Iniciação científica
1.
Fellipe Manoel de Sousa França. Alternativas para o biomonitoramento ambiental no córrego Sarandi, Distrito Federal, Brasil. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

2.
Isabela Pereira da Conceição. Suficiência Amostral e Estrutura da Comunidade de Cladóceros em Lagos Amazônico, Brasil. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

3.
Júlia Curraladas Barbosa. Influências Ambientais e Espaciais Sobre a Comunidade Zooplanctônica em Riachos do Cerrado. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

4.
Leonardo Beserra da Silva. Fatores estruturantes da comunidade de rotíferos no Lago Grande do Curuai, Pará, Brasil. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

5.
Adriana Gomes Alarcão. A relevância do monitoramento de múltiplos grupos zooplanctônicos em um pequeno lago tropical. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília, Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

6.
Ana Caroline de Alcântara Missias. Distribuição espacial e temporal da comunidade zooplanctônica no reservatório hidrelétrico da Serra da Mesa, Goiás, Brasil. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília, Universidade de Brasília. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

7.
Juliana Ferreira de Santana. Uso de grupos substitutos (surrogates) e menores resoluções numéricas e taxonômicas na comunidade zooplanctônica da planície de inundação do rio Araguaia. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Gestão Ambiental) - Universidade de Brasília, Universidade de Brasília. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

8.
Anna Carolina Braga de Souza (co-orientador). Diversidade de organismos zooplanctônicos em uma lagoa Neotropical. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Biologia) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

9.
Sara Lodi de Carvalho (co-orientador). Reações da comunidade zooplânctonica aos efeitos da eutrofização. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Biologia) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.

Orientações de outra natureza
1.
Leonardo Fernandes Gomes. Biomonitoramento de áreas degradadas utilizando Chironomidae. 2012. Orientação de outra natureza. (Gestão de Agronegócios) - Universidade de Brasília, Universidade de Brasília. Orientador: Ludgero Cardoso Galli Vieira.



Inovação



Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Interdisciplinaridade nos estudos sobre Recursos Hídricos. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
Vieira, Ludgero Cardoso Galli. Interdisciplinaridade nos estudos sobre Recursos Hídricos. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
Vieira, Ludgero C. G.. Biodiversidade no Cerrado, Amazônia e Mata Atlântica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/10/2018 às 4:28:13