Mariana Trotta Dallalana Quintans

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4242484568301137
  • Última atualização do currículo em 17/12/2018


É professora Adjunta da Faculdade Nacional de Direito (FND/UFRJ). Professora do Programa de Pós-graduação em Políticas Públicas e Direitos Humanos da UFRJ. Doutora pelo Programa de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade, CPDA/UFRRJ. Fez doutorado sanduíche no Centro de Estudos Sociais da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (CES/FEUC) de janeiro a agosto de 2010. Possui graduação em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2002) e mestrado em Direito pela mesma instituição (2005). Atualmente, desenvolve pesquisa e extensão na área de sociologia jurídica, com enfoque na relação entre o Poder Judiciário, direitos e movimentos sociais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Mariana Trotta Dallalana Quintans
Nome em citações bibliográficas
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Rio de Janeiro, faculdade nacional de direito.
Rua Moncorvo Filho
Centro
20211340 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (21) 22211350


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2011
Doutorado em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade.
Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, UFRRJ, Brasil.
com período sanduíche em Centro de Estudos Sociais - U. Coimbra (Orientador: Maria Paula Meneses).
Título: Poder Judiciário e conflitos de terra: a experiência da vara agrária do sudeste paraense, Ano de obtenção: 2011.
Orientador: Leonilde Servolo de Medeiros.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2003 - 2005
Mestrado em Direito.
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Título: A magistratura fluminense: seu olhar sobre as ocupações do MST,Ano de Obtenção: 2005.
Orientador: Jose Maria Gomez.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
1998 - 2002
Graduação em Direito.
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Título: Por uma crítica marxista do direito.
Orientador: José Ricardo Cunha.




Formação Complementar


2012 - 2012
Extensão universitária em A construção do direito à cidade no Brasil. (Carga horária: 9h).
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
2005 - 2005
Extensão universitária em Direito e Processo Penal.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2002 - 2002
Spinosa, B..
Museu da República, MR, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: colaboradora

Atividades

07/2013 - Atual
Ensino, Direitos sociais no campo, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Estudos de caso em Assessoria Jurídica Popular
fundamentos de Assessoria Jurídica Popular

Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora Adjunta, Carga horária: 40
Outras informações
Professora da graduação da Faculdade de Direito e do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Direitos Humanos

Atividades

01/2016 - Atual
Extensão universitária , faculdade nacional de direito, .

Atividade de extensão realizada
vivências em assentamento da Reforma Agrária.
03/2015 - Atual
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminários de Pesquisa (Movimentos Sociais)
Sociologia Geral
02/2015 - Atual
Ensino, Pós-graduação em Políticas Públicas e Direitos Humanos, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Estado, Políticas Públicas e Direitos Humanos
04/2014 - Atual
Extensão universitária , Faculdade Nacional de Direito, .

Atividade de extensão realizada
Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária.
02/2014 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade Nacional de Direito, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Monografia.
01/2013 - Atual
Extensão universitária , Faculdade Nacional de Direito, .

Atividade de extensão realizada
núcleo de assessoria jurídica popular Luiza Mahin.
08/2014 - 12/2014
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos e Técnicas de Pesquisa sócio-jurídicas
Sociologia Geral
08/2013 - 12/2014
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
direito e sociedade
sociologia geral
Atenção psico, social e jurídica
10/2014 - 10/2014
Ensino, Pós-Graduação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
MÓDULO CULTURA, MOVIMENTOS SOCIAIS E SUBJETIVIDADE (Criminalização dos movimentos sociais)
03/2013 - 08/2013
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução ao Estudo do Direito I
Introdução ao Estudo do Direito II
Sociologia Jurídica I
11/2012 - 02/2013
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos especiais em Direito
SOCIOLOGIA JURÍDICA I
03/2012 - 11/2012
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
MONOGRAFIA JURÍDICA 1
SOCIOLOGIA JURÍDICA 1

Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2016
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professora Adjunta, Carga horária: 11

Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: estágio docente, Carga horária: 2


Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: contrato temporário, Carga horária: 20
Outras informações
disciplinas ministradas: direito administrativo, introdução ao estudo do direito, introdução à filosofia do direito, lógica e hermenêutica jurídica.


Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, UFRRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2011
Vínculo: temporário, Enquadramento Funcional: estudante de doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade do Grande Rio, UNIGRANRIO, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 10
Outras informações
disciplinas ministradas Direitos Humanos e Constitucional. Introdução ao estudo do Direito I e II e Ciência Política.


Centro Universitário de Barra Mansa, UBM, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professora horista, Carga horária: 20


Câmara Municipal de Niterói, CMN, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: advogada da Comissão de Constituição e Justiç, Carga horária: 20


centro universitário geraldo di biase, UGB, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: professora, Carga horária: 8
Outras informações
disciplinas ministradas: Direito Constitucional, Lógica e Hermenêutica Jurídica e Teoria do Estado.


Faculdade de Direito Evandro Lins e Silva, FELS, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Advogada do Centro de Assessoria Jurídica, Carga horária: 15
Outras informações
Advogada do Centro de Assessoria Jurídica, núcleo de Direito Penal.



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Movimentos sociais e a Assembleia Nacional Constituinte brasileira de 1987/88: direitos, reivindicações e ações coletivas
Descrição: Em 2018, a Constituição da República Federativa do Brasil (CRFB/1988) completa 30 anos. Passadas essas três década é necessário resgatar o processo social, político e econômico que propiciou o reconhecimento de diversos direitos fundamentais e políticas públicas no texto constitucional.A CRFB/1988 foi produzida em meio ao processo de redemocratização do Brasil e promoveu em seu texto a síntese dos interesses em conflitos naquele período. O objetivo da pesquisa é investigar a participação dos movimentos sociais no processo de elaboração do atual texto constitucional brasileiro..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (15) .
Integrantes: Mariana Trotta Dallalana Quintans - Coordenador.
2014 - 2016
Conflitos e repressão no campo no estado do Rio de Janeiro (1946-1988)
Descrição: Trta-se de uma pesquisa sobre as formas de repressão no campo no estado do Rio de Janeiro, no período entre 1946-1988, definido pela Comissão da Verdade, porém dando maior ênfase ao período referente ao regime civil-militar de 1964 (1964-1984). Embora o Rio de Janeiro seja bastante conhecido pelas ações de resistência ao regime militar, pouco se sabe sobre o que foi a repressão no seu meio rural, praticamente ignorada pelas pesquisas. No entanto, ao longo dos anos 1950 e 1960 encontravam-se em franco desenvolvimento diversas mobilizações, em especial de posseiros, que lutavam por permanecer na terra em que viviam, acuados que estavam pela especulação em torno das áreas que ocupavam. Também cresciam e se visibilizavam organizações que falavam em nome do campesinato organizado. O golpe civil-militar desorganizou essas entidades e reprimiu duramente as lutas no campo, atomizando-as. Lideranças mais reconhecidas foram presas, outras levadas ao silêncio pela repressão que se impôs. Nossa proposta de pesquisa volta-se para mapear e analisar diferentes situações de violência e desrespeito a direitos humanos ocorridas em todo esse processo de organização, na relativa desmobilização que o sucede, bem como, já no início dos anos 1980, de reorganização com o ressurgimento de ocupações de terra. ..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Sistema de Justiça e os conflitos sociais rurais no Rio de Janeiro
Descrição: O objetivo da pesquisa é analisar a atuação do MST, a luz das teorias sobre os movimentos sociais e, também investigar a atuação do judiciário fluminense sobre os conflitos pela posse da terra, identificando mudanças e continuidades nas interpretações e práticas dos juízes, e demais profissionais do campo jurídico..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Mariana Trotta Dallalana Quintans - Coordenador.
2013 - 2016
Poder Judiciário e Reforma Agrária no Rio de Janeiro
Descrição: O ano de 2012 apresentou os piores índices de desapropriações para fins de Reforma Agrária das últimas décadas. Esse qradro é ainda pior no estado do Rio de Janeiro, atulamente marcado pelo mito da ?morte do rural?. As análises sobre a redução das desapropriações e assentamentos para fins de Reforma Agrária, normalmente preocupam-se com a atuação do Poder Executivo Federal. Poucas pesquisas preocupam-se com a atuação do Poder Judiciário, apesar do papel fundamental desempenhado por esse órgão na política de Reforma Agrária, como estabelece o artigo 184 da Constituição Federal de 1988 e a Lei Complementar 76/93. Tais instrumentos normativos estabelecem que compete ao Poder Judiciário julgar as ações de desapropriação e decidir em última instância sobre a produtividade dos imóveis e a imissão prévia da união na posse do imóvel. Por esse motivo, é objetivo da pesquisa analisar, por meio da metodologia da sociologia jurídica, o papel do judiciário na (não) implementação política de Reforma Agrária no estado do Rio de Janeiro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Mariana Trotta Dallalana Quintans - Coordenador.
2011 - 2011
Os impactos sócio-jurídicos da Lei Maria da Penha na região sul fluminense
Descrição: O projeto tem por objetivo verificar os impactos da Lei Maria da Penha no campo social e jurídico, buscando verificar a aplicabilidade e a interpretação jurídica da mesma, bem como analisar as possibilidades de mudanças na sociedade e na construção de novos paradigmas comportamentais na região sul fluminense..
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Mariana Trotta Dallalana Quintans - Coordenador / vieira, fernanda maria da costa - Integrante.Financiador(es): centro universitário de barra mansa - Remuneração.
2007 - 2011
Poder Judiciário e conflitos de terra: a experiência das varas agrárias no Brasil
Descrição: O objetivo da pesquisa é promover um levantamento cartografico da situação da varas agrárias no Brasil. Apesar de previsto na Constituição Federal de 1988, apenas alguns Tribunais de Justiça instalaram estas varas especializadas, como Pará, Alagoas e Minas Gerais. A pesquisa busca refletir sobre as possibilidades exploradas por estas varas na democratização e na ampliação da participação dos trabalhadores rurais nos processos judiciais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2007
Um convite a interpretação judicial
Descrição: O objetivo do projeto é apresentar aos estudantes as teorias da interpretação judicial e verificar a utilização destas teses e métodos na prática cotidiana dos juízes. A observação será feita através de entrevistas semi-estruturadas com magistrados do sul fluminense e com a análise de jurisprudências..
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Mariana Trotta Dallalana Quintans - Coordenador.Financiador(es): Fundação Educacional Rosemar Pimentel - Remuneração.


Projetos de extensão


2016 - Atual
promotoras legais populares
Descrição: O curso de formação de Promotoras Legais Populares (PLPs) tem como objetivo sensibilizar estudantes de direito na perspectiva de gênero, trocar conhecimento com os movimentos feministas e formar promotoras legais populares ampliando o acesso à justiça as mulheres. O público alvo do curso é composto por mulheres de favelas, de movimentos sociais e estudantes de direito..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) .
Integrantes: Mariana Trotta Dallalana Quintans - Coordenador / Brandão, Cristiane - Integrante / Mariana Assis Brasil - Integrante / Salo de Carvalho - Integrante.
2015 - Atual
Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária (JURA)
Descrição: A Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária na UFRJ tem como objetivo integrar as diferentes ações desenvolvidas na Universidade que dizem respeito ao tema da Reforma Agrária, por ocasião das jornadas de lutas de abril. Rememorando o Massacre de Eldorado dos Carajás, que em 2018 completa 22 anos, tem como foco a denúncia da violência e impunidade no campo e a defesa da Reforma Agrária como instrumento fundamental de superação da desigualdade social, econômica e política, e da violência e degradação ambiental..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (28) .
Integrantes: Mariana Trotta Dallalana Quintans - Coordenador / Renata Correa Soares - Integrante.
2014 - 2015
Repensando a política de regularização fundiária urbana no estado do Rio de Janeiro: acompanhamento, avaliação, fortalecimento e revisão das experiências em curso e informação da população-alvo
Descrição: Trata-se de projeto que tem por fim contribuir para o desenvolvimento de projetos de regularização fundiária em favelas e outros assentamentos urbanos de baixa renda, por meio do acompanhamento e avaliação das ações, do desenvolvimento de iniciativas de orientação e capacitação da população-alvo dos mesmos e do desenvolvimento de outras ações conjuntas com os órgãos públicos responsáveis pelos projetos, em comum acordo com seus responsáveis. O projeto busca contribuir para a renovação do conhecimento sobre o modo de operação dos projetos de regularização, especialmente no que tange aos instrumentos jurídicos empregados na fase de titulação, alguns deles introduzidos recentemente na legislação brasileira, aferindo seus efeitos e impactos sociais concretos, bem como os problemas ensejados por sua aplicação. Busca, ainda, contribuir para oferecer elementos para ajustes, revisões e correções que se façam necessárias quer na concepção dos projetos de regularização, bem como na legislação - nos três níveis - que dispõe sobre os marcos legais para a realização desses projetos. Destina-se, de um lado, à população-alvo dos projetos de regularização, na medida em que esta carece a todo momento de informações que lhe permitam compreender os projetos em questão e exercer o seu direito coletivo à participação e ao controle social sobre as ações do poder público, sobretudo aquelas que lhe afete diretamente. De outro lado, o presente projeto dirige-se também aos agentes públicos dos órgãos de regularização, na medida em que busca subsidiar-lhes de diversas maneiras, a fim de que os projetos de regularização venham ao encontro das necessidades da população-alvo, o que constitui, em última análise, o grande resultado almejado pelo projeto..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2013 - Atual
Direitos em Movimento: Territórios e comunidades
Descrição: Descrição: O projeto Direitos em movimento: territórios e comunidades foi criado em janeiro de 2013, no âmbito do Núcleo de Estudos Constitucionais do Departamento de Direito da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (NEC/PUC-Rio), sendo integrado por professores e alunos dos cursos de graduação e pós-graduação da referida unidade de ensino. A iniciativa tem como objetivo articular pesquisa e extensão através do acompanhamento jurídico de situações de ameaça, violação ou denegação de direitos fundamentais no contexto urbano e agrário. No primeiro caso, são privilegiados os territórios localizados próximos à Universidade, em especial as comunidades ou favelas, reforçando os vínculos entre estudantes e profissionais do ensino superior e a população do entorno. A metodologia de pesquisa orienta-se por uma perspectiva que alia investigação teórico-científica e intervenção técnico-jurídica, e seus contornos específicos para cada situação são definidos em diálogo com os interessados, através de reuniões de diagnóstico e reflexão realizadas no âmbito da instituição de ensino ou no próprio local de interação. Nos encontros promovidos, são definidos o campo e a linha de atuação dos pesquisadores, a partir de trocas de informações, saberes e práticas, com ênfase nas urgências diagnosticadas pelo próprio grupo social envolvido com o Projeto. Neste sentido, além de pesquisas bibliográficas, o projeto desenvolve atividades como: - mutirões de orientação e encaminhamento jurídicos, prestados por alunos da graduação e da pós, com supervisão dos professores, como o realizado na comunidade do Morro do Chapéu-Mangueira em 2013, com atendimento de cerca de setenta moradores em matéria de direitos do consumidor de energia elétrica; - produção, pela equipe docente-dicente, de levantamento das situações de campo tratadas nos mutirões, como o relatório técnico-jurídico concluído no início de 2014 sobre a situação dos moradores do Chapéu-Mangueira, que será utilizado como subsídio pelo Ministério Público do Estado do Rio; - elaboração, pela equipe docente-discente, de cartilhas para a defesa de direitos a partir dos atendimentos realizados nos mutirões, para distribuição gratuita e online para comunidades que enfrentam situações semelhantes, como a Cartilha do Consumidor de Energia Elétrica ora em fase de conclusão; - orientação jurídica prestada pela equipe docente-discente às comunidades do Horto e da Vila Autódromo em questões relativas a remoções; - realização do Projeto Vivências em 2012, 2013 e em novembro do corrente, através do qual alunos da graduação realizam oficinas sobre a configuração jurídica questão agrária no Brasil e no Estado do Rio e depois realizam uma imersão de três dias num assentamento rural para experimentar a rotina e os desafios da implantação de assentamentos, trocar saberes e assim se capacitar para melhor compreensão de questões que eventualmente enfrentarão em suas carreiras jurídicas. ..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2013 - Atual
Universidade e comunidade: compartilhando conhecimento e fortalecendo a luta pelo direito à moradia no Município do Rio de Janeiro.
Descrição: O projeto tem como objetivos principais a troca de saberes entre os estudantes e comunidades urbanas de baixa renda do Município do Rio de Janeiro, dentre elas especificamente a comunidade da Estradinha/Ladeira dos Tabajaras. Dessa forma, o projeto busca contribuir na formação de uma consciência cidadã que permita ao futuro profissional do direito atuar nos conflitos sócio-jurídicos contribuindo nas transformações relevantes para uma sociedade mais justa, assim como contribuir na efetivação das políticas públicas voltadas para essas comunidades. O presente projeto funda-se no princípio da indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão e propõe uma formação diferenciada do ensino tradicional dogmático-positivista ainda predominante nas faculdades de direito, proporcionando aos estudantes da graduação em direito, maior conhecimento dos conflitos sócio-jurídico do município do Rio de Janeiro, especialmente relativos ao direito fundamental à moradia. A equipe trabalhará com os métodos da pesquisa-ação e da educação popular contribuindo para a efetivação dos direitos da comunidade..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (20) .
Integrantes: Mariana Trotta Dallalana Quintans - Coordenador / Ana Claudia Diogo Tavares - Integrante.
2012 - Atual
Núcleo de Assessoria Jurídica Universitária Popular Luiza Mahin
Descrição: O projeto tem como objetivos principais a troca de saberes entre os estudantes e movimentos populares do estado do Rio de Janeiro. Dessa forma, o projeto busca contribuir na formação de uma consciência cidadã que permita ao futuro profissional do direito atuar nos conflitos sócio-jurídicos contribuindo nas transformações relevantes para uma sociedade mais justa, assim como contribuir na efetivação dos direitos e políticas públicas desses sujeitos coletivos. O presente projeto funda-se no princípio da indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão e na interdisciplinariedade e interprofissionalidade. O grupo trabalha com os princípios e a metodologia da assessoria jurídica popular utilizando referenciais da pesquisa participante (especialmente a pesquisa-ação) e da educação popular..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.


Revisor de periódico


2017 - Atual
Periódico: REVISTA DIREITO E PRÁXIS
2016 - Atual
Periódico: INSURGÊNCIA: REVISTA DE DIREITOS E MOVIMENTOS SOCIAIS
2018 - 2018
Periódico: REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS CRIMINAIS


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História.


Idiomas


Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2018
menção honrosa 8a SIAC, UFRJ.
2014
PREMIO EDER SADER, CLACSO.
2008
Prêmio CBCISS, Centro Brasileiro de Cooperação e Intercambio de Serviços Sociais.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
TAVARES, ANA CLAUDIA DIOGO2017TAVARES, ANA CLAUDIA DIOGO ; Quintans, Mariana Trotta Dalallana . O lugar do camponês e questão agrária na Revolução Russa de 1917. REVISTA DIREITO E PRÁXIS, v. 8, p. 2314-2349, 2017.

2.
VIEIRA, Fernanda2017VIEIRA, Fernanda ; TROTTA, MARIANA ; CARLET, FLÁVIA . Sob o rufar dos ng?oma : O judiciário em disputa pelos quilombolas / Under the ng?oma noise: the judiciary in dispute by the quilombolas struggles. REVISTA DIREITO E PRÁXIS, v. 8, p. 556-591, 2017.

3.
Wigg. David2016Wigg. David ; SOUZA, N. A. ; SILVA, N. R. ; LUSTONA, R. A. ; vieira, fernanda ; Quintans, Mariana Trotta Dalallana . Semeando novos tempos? Reforma Agrária e agroecologia um diálogo possível e necessário - análise a partir do estudo de caso do PDS Osvaldo Oliveira no Rio de Janeiro. Retratos de Assentamento, v. 19, p. 117-145, 2016.

4.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana2015QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; HAGINO, C. . O reconhecimento de povos tradicionais e os usos contra-hegemônicos do direito no Brasil: entre a violência e a emancipação social. Revista Direito e Práxis, v. v. 6, p. 598-644, 2015.

5.
MEDEIROS, L. S.2014MEDEIROS, L. S. ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana ; Zimerman, Silvia . Rural e urbano no Brasil: marcos legais e estratégias políticas. contemporãnea, v. 4, p. 1, 2014.

6.
LOPES, A. C.2013LOPES, A. C. ; Tavares, Ana Claudia ; vieira, fernanda ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana . Acesso à Justiça: Um caminho para o combate à violência institucional contra os trabalhadores informais. Debates Sociais, v. 71-72, p. 3, 2013.

7.
PINHEIRO, H.2011PINHEIRO, H. ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana . O Reconhecimento das populações remanescentes das comunidades de quilombos. Revista de Direito da Unigranrio, v. 1, p. 38-59, 2011.

8.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana2010 QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Lopes, Aline . Judiciário e Constituição Federal de 1988: interpretações sobre o direito à propriedade privada face à Reforma Agrária e ao direito ao território quilombola. Revista IDEAS, v. 4, p. 225-264, 2010.

9.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana2007 QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. O discurso da magistratura fluminense nos conflitos de terra no Rio de Janeiro. Reforma Agrária, v. 34, p. 217-228, 2007.

10.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana2007QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Discurso Jurídico e conflitos de terra no Rio de Janeiro: uma investigação das decisões da magistratura fluminense sobre as ocupações do MST. Revista Sociologia Jurídica, v. 4, p. 8, 2007.

11.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana2006QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Varas Agrárias:qual a potencialidade da proposta?. Lutas e Resistências, v. 1, p. 121-130, 2006.

12.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana2006QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. A repressão da ordem e a resistência do MST. Transdições (Rio de Janeiro), v. 1, p. 13-20, 2006.

13.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana2005QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. O movimento sem terra e a magistratura fluminense. Direito, Estado e Sociedade, v. 1, p. 160-172, 2005.

14.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana;TROTTA, MARIANA;Quintans, Mariana Trotta Dalallana2005QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. O MST E O DISCURSO JURÍDICO: DIREITO À VIDA DIGNA OU DIREITO À PROPRIEDADE?. Revista da Faculdade de Direito. Universidade Federal do Paraná, v. 1, p. 1-15, 2005.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
LERREH, D. ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana ; LOPES, A. C. ; vieira, fernanda ; Tavares, Ana Claudia . A questão agrária no judiciário brasileiro: estudo comparativo entre o reconhecimento de territórios quilombolas e as desapropriações de trras para fins de Reforma Agrária nas varas agrárias federais. 1a. ed. Belo Horizonte: Imprensa Universitária da UFMG, 2012. v. 1. 92p .

Capítulos de livros publicados
1.
CARLET, FLÁVIA ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana ; VIEIRA, Fernanda . Rompiendo las cercas legales: el reconocimiento del territorio quilombola como camino para descolonizar el Derecho. In: Roger Merino Areli Valencia. (Org.). DESCOLONIZAR EL DERECHO Pueblos índígenas, derechos humanos y Estado plurinacional. 1ed.Lima: Palestra Editores, 2018, v. 1, p. 287-320.

2.
LOPES, A. C. ; TAVARES, Ana Claudia ; VIEIRA, Fernanda ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana . Rompendo cercas, retirando morões para ver nascer o novo dia: o papel da assessoria jurídica popular na criação de novos direitos. Pelos caminhos da justiça e da solidariedade. 1ed.Florianópolis: Emporio Modara, 2018, v. 1, p. 23-42.

3.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. ensino jurídico e as contribuições da extensão universitária. In: André Del Negri. (Org.). Ensino Jurídico em desordem. 1ed.Belo Horizonte: D´Placido, 2018, v. 1, p. 325-354.

4.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; MEDEIROS, L. S. ; Zimerman, Silvia . Marcos jurídicos das noções de Rural e Urbano. In: Carlos Miranda. (Org.). Tipologia Regionalizada dos Espaços Rurais Brasileiros: implicações no marco jurídico e nas políticas públicas. 1aed.Brasília: IICA, 2017, v. 22, p. 239-338.

5.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; vieira, fernanda . A COLONIALIDADE DO DIREITO: COLONIALIDADE DOS DIREITOS HUMANOS? A LUTA CONTRA HEGEMÔNICA PELO RECONHECIMENTO DOS TERRITÓRIOS QUILOMBOLAS. In: Vanessa Batista Bernner. (Org.). teoria crítica, decolonialidade e Direitos Humanos. 1aed.Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 2016, v. 1, p. 48-70.

6.
Tavares, Ana Claudia ; VIEIRA, Fernanda ; Quintans, Mariana Trotta Dalallana . Estado de Exceção e as ações diretas em busca da democracia: Uma análise dos novos movimentos reivindicatórios diante dos megaeventos. In: Cesar Berreira. (Org.). Movimentos populares, democracia e participação social no Brasil. 1ed.Buenos Aires: CLACSO, 2016, v. 1, p. 23-80.

7.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Zimerman, Silvia . Marco jurídico do rural e do urbano no Brasil: entre a legislação e a realidade. In: Gisela Martins Guimarães. (Org.). O rural contemporâneo em debate : temas emergentes e novas institucionalidades. 1aed.Santa Maria: Editora Unijuí, 2015, v. 1, p. 21-46.

8.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação social nas ações de constitucionalidade sobre as políticas de ação afirmativa para negros no Brasil. In: MAILLART, Adriana; TAVARES NETO, José; BARBOSA, Claudia. (Org.). Acesso à Justiça II. 1ed.FLORINÓPOLIS: CONPEDI, 2014, v. 1, p. 1-.

9.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. A experiência da vara especializada agrária do Pará. In: Lucas Abreu Barroso. (Org.). A Lei Agrária Nova. 1aed.Curitiba: juruá, 2014, v. 4, p. 315-340.

10.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; GAY, A. . Movimento negro e a luta por direitos: a participação na ANC e as conquistas na Constituição federal brasilera.. sociologia, antropologia e cultura jurídica I. 1aed.Florianópolis: conpedi, 2014, v. 1a, p. 90-119.

11.
Tavares, Ana Claudia ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana . VI CONGRESSO NACIONAL DO MOVIMENTO DOS TRABALHADORES RURAIS SEM TERRA: PERCEPÇÕES E VIVÊNCIAS. In: eveline neri. (Org.). direito, gênero e movimento sociais II. 1aed.florianópolis: conpedi, 2014, v. 1, p. 509-536.

12.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Judiciário, advogados populares e movimentos sociais rurais no sudeste paraense. In: IPDMS. (Org.). II Seminário do IPDMS. 1aed.Goiais: IPDMS, 2013, v. 1, p. 1-.

13.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Lopes, Aline . PODER JUDICIÁRIO FLUMINENSE E A TEMÁTICA FUNDIÁRIA: APONTAMENTOS SOBRE OS PROCESSOS DE DESAPROPRIAÇÃO PARA FINS DE REFORMA AGRÁRIA E DE TITULAÇÃO DE TERRITÓRIOS QUILOMBOLAS.. In: Fábio Reis Mota; Luís Roberto Cardoso de Oliveira; Regina Lucia Teixeira Mendes. (Org.). PODER JUDICIÁRIO FLUMINENSE E A TEMÁTICA FUNDIÁRIA: APONTAMENTOS SOBRE OS PROCESSOS DE DESAPROPRIAÇÃO PARA FINS DE REFORMA AGRÁRIA E DE TITULAÇÃO DE TERRITÓRIOS QUILOMBOLAS.. 1ed.UFF: FUNJAB, 2012, v. 1, p. 103-131.

14.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; vieira, fernanda . Controvérsias constitucionais acerca da aplicabilidade da Lei Maria da Penha. In: CARVALHO, Flavia Martins e VIEIRA, José Ribas.. (Org.). Desafios da Constituição. Democracia e Estado no século XXI.. 1aed.Rio de Janeiro: FAPERJ/UFRJ, 2011, v. 1, p. 225-244.

15.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Constituição Cidadã! Direito à terra e conflito nas leituras da Carta-Magna. In: Motta, Marcia; Secreto, María Veronica. (Org.). O Direito às avessas: por uma história social da propriedade. 1ed.Niterói: Editora da UFF, 2011, v. 1, p. 457-479.

16.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; MIRANDA NETO, Mario . Direito Agrário. In: marcia motta. (Org.). dicionário da terra. 1aed.Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2005, v. 01, p. 172-175.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Tavares, Ana Claudia . Copa para quem? Os grandes eventos esportivos sob o olhar dos direitos humanos. revista da ADUFRJ, 07 maio 2015.

2.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; LOPES, A. C. ; Tavares, Ana Claudia ; vieira, fernanda . No meio do caminho tinha Pedrinhas, tinha Pedrinhas no meio do caminho. cadernos JDH, 07 jul. 2014.

3.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; vieira, fernanda ; Pinheiro, Francine ; Tavares, Ana Claudia ; Lopes, Aline . Desvendando o judiciário: Fórum pela Democratização do Judiciário. Boletim Informativo do Movimento dos Magistrados Fluminense pela Democracia, Rio de Janeiro, p. 3 - 3, 20 mar. 2007.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Os usos do direito pelos(as) advogados(as) de trabalhadores do campo durante a ditadura militar empresarial no estado do Rio de Janeiro. In: 18o Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia, 2017, Brasília. 18o Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia, 2017.

2.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. O diálogo de saberes e o reconhecimento constitucional dos direitos das comunidades quilombolas1. In: 30a Reunião da Associação Brasileira de Antropologia, 2016, João Pessoa. 30a Reunião da ABA, 2016.

3.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; NASCIMENTO, T. R. ; EVANGELISTA, M. ; DANDARA, M. ; SOARES, A. C. ; HENNING, C. ; GURGEL, T. . Assessoria Jurídica Universitária Popular no Acompanhamento da Ocupação das Escolas Estaduais no Estado do Rio de Janeiro. In: VI Anais do VI Seminário Direito, Pesquisa e Movimentos sociais, 2016, Vitória da Conquista. Anais do VI Seminário Direito, Pesquisa e Movimentos sociais, 2016.

4.
LOPES, Aline ; Tavares, Ana Claudia ; VIEIRA, Fernanda ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana . Prisão: Para que e para quem?. In: XVII Congresso brasileiro de sociologia, 2015, Porto Alegre. XVII Congresso brasileiro de sociologia, 2015.

5.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Tavares, Ana Claudia ; VIEIRA, Fernanda . ESTADO DE EXCEÇÃO E AÇÕES DIRETAS: UMA ANÁLISE DAS JORNADAS DE JUNHO DE 2013 E OS DESAFIOS AOS NOVOS MOVIMENTOS SOCIAIS,. In: XVII Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia, 2015, Porto Alegre. Anais do XVII Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia, 2015.

6.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. a função social da propriedade e as interpretações judiciais na vara agrária do sudeste paraense. In: I Seminário Direito, pesquisa e movimentos sociais, 2015, São Paulo. ANAIS do I Seminário Direito, pesquisa e movimentos sociais, 2011.

7.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. CLASSE, RAÇA E GÊNERO NA LUTA POR DIREITOS DO MOVIMENTO NEGRO. In: IV Seminário Direito, Pesquisa e Movimentos sociais, 2015, Curitiba. Anais do IV Seminário Direito, Pesquisa e Movimentos sociais. Brasília: UnB, 2014.

8.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; PINHEIRO, R. M. S. . Museu da Maré - Ocupa e Resiste!. In: 3o encontro de pesquisadores dos programas de pós-graduação em artes do Estado do RJ, 2015, Rio de Janeiro. A cidade em obras - imaginar, ocupar e redesenhar, 2015.

9.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Acesso ao direito e a justiça nas lutas por terra e território no Brasil.. In: XI congresso Luso-Afro brasileiro de Ciências Sociais, 2011, Salvador. Anais do XI congresso Luso Afr brasileiro de Ciências Sociais, 2011.

10.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. judiciário e conflitos por terra na região norte do Brasil. In: VIII congreso letinoamericano de sociologia rural, 2010, Porto de Galinhas. VIII Congreso da ALASRU, 2010. v. 1.

11.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Constituição Federal de 1988 e a interpretação sobre o direito de propriedade. In: XIV Congresso Brasileiro de Sociologia, 2009, Rio de Janeiro. Anais do XV Congresso Brasileiro de Sociologia, realizado em Curitiba-PR, de 26 a 29 de julho de 2011, 2009.

12.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. O MST E O DIREITO: CONTRIBUIÇÕES PARA CRÍTICA DO POSITIVISMO JURÍDICO.. In: XVI Congresso do CONPEDI ? Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Direito, 2007, Belo Horizonte. Anais do XVI Congresso do CONPEDI, 2007. p. 3725-3740.

13.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. As varas agrárias e os conflitos sócio-ambientais do Pará. In: XIII Congresso Brasileiro de Sociologia, 2007, Recife. Anais do XV Congresso Brasileiro de Sociologia, realizado em Curitiba-PR, de 26 a 29 de julho de 2011, 2007.

14.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. O olhar da magistratura brasileira sobre as ocupações do MST. In: Encuentro de Derecho y Justiça, 2006, habana. Encuentro de Derecho y Justiça, 2006.

15.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. O MST e o Discurso Jurídico: Direito à Vida Digna ou Direito à Propriedade. In: I Encontro de Direito e Cultura Latino-Americanos: Diversidade, Identidade e Emancipação, 2005, Curitiba. no prelo, 2005.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
MEDEIROS, L. S. ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana ; Zimerman, Silvia . . Marcos jurídicos das noções de rural e urbano: reflexões a partir dos estudos de caso em Belterra (PA), Caxias do Sul (RS) e Nova Iguaçu (RJ). In: 37o Congresso da ANPOCS, 2013, Aguás de Lindoia. 37a Congresso da ANPOCS, 2013.

2.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; vieira, fernanda . controvérsias constitucionais da Lei Maria da Penha. In: III Fórum de grupos de pesquisa em Direito Constitucional e Teoria do Direito, 2011, Rio de Janeiro. Revista Digital do Instituto dos Advogados Brasileiros - IAB. Rio de Janeiro, 2011. v. 1. p. 198-204.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; MEDEIROS, L. S. . A experiência das varas agrárias do Pará: Judicialização dos conflitos de terra?. In: II Fórum de Pós-Graduação da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, 2007, Seropédica. Anais do II Fórum de Pós-Graduação da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, 2007.

2.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; vieira, fernanda . Ordem ou desordem pública? O estado penal no cotidiano do poder judiciário. In: Estratégias de redução de danos: sistema penal e drogas - II jornada de criminologia e subjetividade, 2005, rio de janeiro. Estratégias de redução de danos: sistema penal e drogas - II jornada de criminologia e subjetividade, 2005. v. 2.

Apresentações de Trabalho
1.
Quintans, Mariana Trotta Dalallana. Assessoria jurídica popular a movimentos sociais urbanos em uma cidade brasileira. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
Tavares, Ana Claudia ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana . Os usos do direito pelos(as) advogados(as) de trabalhadores do campo durante a ditadura militar empresarial no estado do Rio de Janeiro. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
Tavares, Ana Claudia ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana . Os camponeses e a questão agrária ao longo da Revolução Russa de 1917: inflexões e persistências no pensamento de Lenin. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. O diálogo de saberes e o reconhecimento constitucional dos direitos das comunidades quilombolas. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Luta pela terra no Brasil da ditadura ao século XXI. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

6.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Pesquisa participativa. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. A importância do movimento, da luta e da formação: um debate sobre o feminismo hoje. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

8.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. OS direitos dos povos tradicionais no Brasil. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

9.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. A judicialização das lutas por moradia: violações de direitos fundamentais na região metropolitana do Rio de Janeiro no início do século XXI. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Judicialização das lutas por moradia: violações de direitos fundamentais na região metropolitana do Rio de Janeiro no início do século XXI. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
LOPES, Aline ; TAVARES, Ana Claudia ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana ; vieira, fernanda . Prisão: para que e para quem?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. SEMINARIO CIDADANIA URBANA E ADVOCACIA POPULAR. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

13.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. ECOLOGIA POLÍTICA DAS CIDADES. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

14.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. CENÁRIO PÓS ELEITORAL, MOVIMENTOS SOCIAIS E ASSESSORIA JURÍDICA POPULAR. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. LOS GRANDES EVENTOS DEPORTIVOS, EL ESTADO Y LAS PROTESTAS SOCIALES EN LA CIUDAD DE REIO DE JANEIRO (2013). 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; GAY, A. . MOVIMENTO NEGRO E A LUTA POR DIREITOS: A PARTICIPAÇÃO NA ANC E AS CONQUISTAS NA CONSTITUIÇÃO FEDERAL BRASILEIRA. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

17.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Tavares, Ana Claudia . VI CONGRESSO NACIONAL DO MOVIMENTO DOS TRABALHADORES RURAIS SEM TERRA: PERCEPÇOES E VIVENCIAS. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

18.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. RAÇA, GENERO E CLASSE. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. direito e movimentos sociais: entre classe, raça e gênero. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. DEBATENDO DIREITOS HUMANOS E EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS NAS UNIVERSIDADE. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

21.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. viii FORUM INTERNACIONAL DE DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL: RURALIDADE, DIVERSIDADE E POLÍTICAS DIFERENCIADAS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. REFORMA AGRÁRIA E MOVIMENTOS SOCIAIS: QUESTÕES EMERGENTES. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. VII FORUM INTERNACIONAL DE DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL: DINAMICAS RURAIS CONTEMPORANEAS NO BRASIL E POLITICAS PUBLICAS. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Lopes, Aline . PODER JUDICIARIO FLUMINENSE E A TEMÁTICA FUNDIÁRIA: APONTAMENTOS SOBRE OS PROCESSOS DE DESAPROPRIAÇÃO PARA FINS DE REFORMA AGRÁRIA E DE TITULAÇÃO DE TERRITORIOS QUILOMBOLAS. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

25.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. A função social da propriedade e as interpretações judiciais na vara agrária do sudeste paraense. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

26.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. A vara agrária e os conflitos de terra no sudeste paraense. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

27.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Acesso ao direito e a justiça nas lutas por terra e território no Brasil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

28.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Democratização da Justiça e conflitos de terra: notas sobre a vara agrária do sudeste paraense. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

29.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. 17 de Abril: resistência e criminalização do MST. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

30.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Conflitos de terra e a mediação jurídica na vara agrária de Marabá (Pará). 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

31.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Cartografia da Justiça Agrária no Brasil. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

32.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Os conflitos de terra no judiciário na região norte do Brasil. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

33.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Judiciário, Direito e Reforma Agrária no Brasil no final do século XX a atualidade.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

34.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Constituição Federal de 1988 e a interpretação sobre o direito de propriedade.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

35.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. A Constituição Federal de 1988 e as interpretações judiciais: permanência ou mudança na interpretação sobre o direito de propriedade no Brasil?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

36.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. As varas agrárias e os conflitos socio-ambientais do Pará. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

37.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Judicialização e conflito de terra no Pará - reflexões a partir de um julgamento na Vara Agrária de Altamira. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

38.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. A experiência das varas agrárias do Pará: judicialização dos conflitos de terra?. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

39.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. MST e o direito: contribuições para crítica do positivismo juridico. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

40.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Notas sobre a judicialização dos conflitos por terra no Pará. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

41.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Varas Agrária e democratização do acesso à terra. 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).

42.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Poder Judiciário e conflitos de terra no estado do Rio de Janeiro: as permanências no discurso da magistratura fluminense sobre o direito de propriedade.. 2006. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

43.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Movimento Sem Terra e Magistratura Fluminense. 2004. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Mares, Carlos Frederico ; MOREIRA, E. M. . Dossiê Temático 'Povos e comunidades tradicionais, questão agrária e conflitos socioambientais'. Brasília: UnB, 2016 (Dossiê Temático para a revista Insurgência).

2.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; HOSHINO, C. A. P. ; MESZAROS, G. . Aulas dos movimentos sociais do Brasil sobre Estado de Direito e políticas de Reforma Agrária. Brasília: Unb, 2015 (entrevista publicada em revista acadêmica).


Demais tipos de produção técnica
1.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Projeto Polígono Móvel Flutuante. 2008. (Ofinica de Direito humanos e Ambiental em Comunidade Ribeirinha).

Demais trabalhos
1.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Jalil, Laeticia ; vieira, fernanda . O V Congresso Nacional do MST: fortalecendo a identidade coletiva. 2007 (Mostra imagens em movimento no 2º Encontro da Rede de Estudos Rurai) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
BOITEUX, L.; vieira, fernanda; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Natalia Sant'anna de Figueiredo. Uma análise crítico feminista da tipificação da violência sexual no direito brasileiro: a construção da mulher no discurso jurídico. 2018. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
BOITEUX, L.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; PIRES, T.. Participação em banca de Raquel Alves Rosa da Silva. Gênero e tráfico de drogas: uma análise sócio-jurídica da aplicação da pena às mulheres encarceradas no Norte Fluminense do estado do Rio de Janeiro. 2018. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
CUNHA, P. C. C. B.; MARTINS, I. L.; INOUE, M. F. M.; Quintans, Mariana Trotta Dalallana. Participação em banca de Charles Vieira de Araújo. Os desafios da população LGBT frente ao retrocesso da laicidade do Estado brasileiro promovido pela bancada BBB. 2017. Dissertação (Mestrado em Políticas Públicas em Direitos humanos) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
SILVA, S. G. C. L.; GARCIA, I.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Clarissa Biasotto Kropotoff Trotta. Trabalho pós cárcere: um estudo sobre as condições sócio-jurídicas para a inserção do egresso do sistema prisional no precário mercado laboral brasileiro. 2017. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
MENDES, S. R.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; BOITEUX, L.. Participação em banca de Aline Cruvello Pancieri. Traficantes grávidas no banco dos réus: um estudo feminista crítico sobre o controle penal de mulheres em situação de maternidade no Rio de Janeiro. 2017. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
SOUZA, T. L. S. E.; FALBO, R. N.; LINS, L. C.; BELLO, E.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Ana Cecilia Faro Bonan. Camelôs Rebeldes: a dimensão sócio-espacial do Direito na Cidade em disputa. 2017. Dissertação (Mestrado em Direito Constitucional) - Universidade Federal Fluminense.

7.
OLIVEIRA, V. L.; COMERFORD, J. C.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Maira de Souza Moreira. Do Direito à Política Pública: a produção social da política quilombola no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária do estado do Rio de Janeiro. 2017. Dissertação (Mestrado em Sociologia e Direito) - Universidade Federal Fluminense.

8.
MAGALHAES, A.; BRUM, M.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; OSORIO, M.. Participação em banca de Taiana de Castro Sobrinho. O novo ciclo de remoções nas favelas da cidade do Rio de Janeiro: que legado é esse?. 2017. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
BOITEUX, L.; BERNER, V. B.; MAGALHAES, J. N.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Raul Alan Soares Filo creão. Direitos Humanos na trilha do Rap: a expressão de realidade das periferias do Rio de Janeiro e instrumento de luta social. 2016. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

10.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; COSTA, A. B.. Participação em banca de Rafael de Acypreste Monteiro. Ações de Reintegração de posse contra o Movimentos dos Trabalhadores Sem Teto: dicotomia entre propriedade e Direito à Moradia. 2016. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília.

11.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; MEDEIROS, L. S.; OLIVEIRA, V. L.. Participação em banca de Maria José Andrade de Souza. Terras rodeada de leis e as disputas no campo: processos judiciais e conflitos agrários envolvendo comunidades de fundos de pasto de Jabuticaba. 2015. Dissertação (Mestrado em Sociologia e Direito) - Universidade Federal Fluminense.

12.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; MEDEIROS, L. S.; GERMANI, G. I.. Participação em banca de MIRNA SILVA OLIVEIRA. nA TRINCHEIRA DOS DIREITOS: A LUTA DAS COMUNIDADES DE FECHO E FUNDO DE PASTO DE SALOBRO E JACURUTU PELA DEFESA DE SEUS MODOS DE VIDA FRENTE À GRILAGEM DE TERRAS DEVOLUTAS NO OESTE DA BAHIA. 2014. Dissertação (Mestrado em cpda) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Teses de doutorado
1.
SCHMITT, C.; KATO, K.; LEITE, S.; ALENTEJANO, P.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Fernanda do Socorro Ferreira Senra Antelo. Regularização fundiária: uma análise das políticas de ordenamento fundiário para a Amazônia a partir da abordagem cognitiva de políticas públicas. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduaçao em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

2.
Castilho, Ela Wiecko; Oliveira, Roberto Carlodo; Souza Junior, Jose Geraldo; Mares, Carlos Frederico; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Erika Macedo Moreira. Onhemoiro: o judiciário frente aos Direitos Indígenas. 2014. Tese (Doutorado em Direito) - Universidade de Brasília.

3.
Acselrad, H.; Vaines, Carlos; Magalhaes, Alex; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Sinhoretto, jacqueline. Participação em banca de Rodrigo Nunez Viegas. Os descaminhos da "resolução negociada". o Termo de Ajustamento de conduta (TAC) como forma de tratamento dos conflitos ambientais. 2013. Tese (Doutorado em Planejamento Urbano e Regional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Qualificações de Mestrado
1.
BICALHO, P. P.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; SIMAO, M. P.; BARBOSA, R. P. B.. Participação em banca de Luana Almeida de Carvalho Fernandes. O meu lugar: potencialidades e resistências dos jovens moradores da Rocinha com o seu território. 2018.

2.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; KATTO, K.; MENEZES, T. C. C.. Participação em banca de Meri Tochetto Cardoso. Da reforma agrária a regularização fundiária: um estudo sobre agroestratégias para construção de segurança jurídica e garantias ao direito de propriedade na fronteira agrícola. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

3.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; BOITEUX, L.; VIEIRA, Fernanda. Participação em banca de Igor Soares netto de oliveira. Disputas políticos-pedagógicas e jurídicas na Educação brasileira: o movimento Escola sem partido com obstáculo à Democracia e aos Direitos Humanos. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
Tavares, Ana Claudia; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; BOITEUX, L.. Participação em banca de Raquel Alves Rosa da Silva. Gênero e tráfico: um estudo sócio jurídico sobre a aplicação da pena às mulheres encarceradas no norte fluminense do Estado do Rio de Janeiro. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
Tavares, Ana Claudia; BOITEUX, L.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Larissa Leilane Fontes. Toda nudez será castigada: uma análise sobre o crime de ato obsceno a partir de uma perspectiva de gênero. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
OLIVEIRA, V. L.; COMERFORD, J. C.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Maira de Souza Moreira. Do Direito à Política Pública: a produção social da política quilombola no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária do estado do Rio de Janeiro. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia e Direito) - Universidade Federal Fluminense.

7.
SILVA, S. G. C. L.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; FIGUEIRA, L. E.; CARELLI, R.. Participação em banca de Clarissa Biasotto Kropotoff Trotta. Trabalho pós cárcere: um estudo sobre as condições sócio-jurídicas para a inserção do egresso do sistema prisional no precário mercado laboral brasileiro. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em CRIAÇÃO E PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS DIGITAIS) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

8.
MEDEIROS, L. S.; Acselrad, H.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Romano, Jorge. Participação em banca de Aline Borghoff Maia. Ministério Público e conflitos socioambientais no Rio de Janeiro dos megaempreendimentos. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
BOITEUX, L.; BRANDAO, C.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Mariana Ozório Cerqueira.A atuação do ministério público na Lei Maria da Penha: um estudo de caso dos inqueritos policiais da 37a DP do Rio de Janeiro. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
BOITEUX, L.; PANCIERI, A. C.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Bruna Banchik Mota.Encarceiramento feminino, tráfico de drogas e maternidade: o impacto da política de guerra as drogas contra as mulheres. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; XAVIER, J. R.. Participação em banca de Guilherme Abramovitch May.Perspectivas abolicionistas para além do paradigma crime e pena. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Bruno Ribeiro.O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto e seu reconhecimento e atuação enquanto ator político perante o poder judiciário: decisões. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
BOITEUX, L.; BARLETTA, J.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Isabella de Souza Silva.Maternidade enclausurada: um estudo sobre a maternidade nas condições do cárcere. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
MAGALHAES, A.; NUNES, J.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Fernanda Paes Mangolim.A atuação do ITERJ na regularização fundiária do Estado do Rio de Janeiro. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

7.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; SANTOS, C.. Participação em banca de Juliana Puga de Aquino.migração e serviço social: entre o conservadorismo e a consolidação dos direitos democráticos. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

8.
BARLETTA, J.; BOITEUX, L.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Lucas Felipe Muinos Barbosa.O controle penal sobre o usuário de drogas na legislação brasileira: uma análise histórica. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; PIRES, T.. Participação em banca de ELISIANE SOARES GOMES.CONSIDERAÇÕES ACERCA DA TITULARIDADE DE TERRAS QUILOMBOLAS E O CASO DO QUILOMBO DA SACOPA. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

10.
BERMAN, J. G.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; CAVALLAZZI, R.. Participação em banca de Camila Tur Navarro dos Guaranys.O financiamento de obras públicas: um estudo de caso da operação de revitalização da região do porto do Rio de Janeiro. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

11.
Cavalazzi, Rosangela; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de GABRIEL GUIMARAES BARRETO.PARCERIA PUBLICO-PRIVADA COMO FERRAMENTA PARA A CONSTRUÇÃO DA CIDADE - O CASO PORTO MARAVILHA. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

12.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Vestena, Carolina; SABADELL, Ana Lucia.. Participação em banca de Fatima Gabriela Soares de Azevedo.O Iluminismo jurídico-político e a questão da mulher: os limites do pensamento revolucionário. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

13.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; MAGALHAES, A.; COTTA, T.. Participação em banca de Pedro Teixeira Pinos Greco.Usucapião administrativa: instrumento para a desjudicialização da regularização fundiária?. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

14.
MAGALHAES, A.; COTTA, T.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Raíssa Santiago da Costa Silva.A garantia da justa indenização na desapropriação por utilidade pública. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

15.
MAGALHAES, A.; COTTA, T.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Mariana Várea Ribeiro Pereira.Usucapião especial urbana coletiva: avanços e dificuldades. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

16.
LIMMER, F. C.; CAVALLAZZI, R.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Leonardo Vitor de Paiva Freire.O aproveitamento hidrlétrico em terras indígenas no Brasil: a consulta aos povos indígnas afetados. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

17.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Bernandes, Marcia Nina; Canto, Vanessa dos Santos. Participação em banca de Carolina Câmara Pires dos Santos.A raça do gênero? As guerreiras da Estradinha e a luta pelo direito à moradia adequada. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

18.
Mendes, Alexandre; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Cavalazzi, Rosangela. Participação em banca de Leo Fontes Paes de Carvalho.Direito à verdade e à memória no processo de remoções de favelas da cidade do Rio de Janeiro. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

19.
Maia, Roberta mauro Medina; Brandão, Ana Carolina; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Rachel Milman Alcantara.Usucapião, concessão de uso para fins de moradia e a questão da dignidade humana na propriedade - um estudo sobre os institutos e seus desdobramentos na prática. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

20.
Mendes, Alexandre; Renteria, Pablo; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Matteo Louis Raul Meirelles Theubet.Da propriedade aos Bens Comuns. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

21.
BATISTA, V. O.; LOPES, A. C.; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Marília Paula Macedo.O caso "Pinheirinho": um confronto do direito à moradia com a propriedade privada. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

22.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; LAGE, T.; ALEXIM, J.. Participação em banca de Ivanuze Gomes da Silva.Efetividade do Direito Social à moradia. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

23.
Guerra, Sidney; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Raphaela Rodrigues Costa.Estudo da proteção dos Direitos humanos na Corte Interamericana. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade do Grande Rio.

24.
vieira, fernanda; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Jefferson Davis de Souza Nogueira.Legitimidade do Ministério Público na investigação de crimes. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Centro Universitário de Barra Mansa.

25.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; vieira, fernanda. Participação em banca de Camila de fátima Chrispim.Testemunha sem rosto: validade e eficácia.. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Centro Universitário de Barra Mansa.

26.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; vieira, fernanda. Participação em banca de Conceição Aparecida Gomes Elias dos Santos.Violência Psicológica contra mulher Lei n. 11.340 de 2006. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Centro Universitário de Barra Mansa.

27.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Felipe Capeto Lara.O divórcio e a descentralização do Poder Público, sob o enfoque da Lei n. 11.441/07. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Centro Universitário de Barra Mansa.

28.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de Cristiano Gutemberg Lellis Villanova.A presunção legal Iuris Tantun da paternidade no Código Civil. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Centro Universitário de Barra Mansa.

29.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Participação em banca de daniel souza silva.O conceito de luta de classes na relação entre estado, direito e sociedade. 2006 - centro universitário de barra mansa.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; XAVIER, J. R.. comissão julgadora de seleção de monitores. 2018. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. avaliadora da JICJUR. 2017. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. avaliador (a) da edição 2017-2 do EDITAL Nº 442/2016 - Registro Único de Ações de Extensão - RUA 2017/2. 2017. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; XAVIER, J. R.. comissão julgadora do processo seletivo para monitor. 2016. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. banca de seleção de professor substituto de Teoria do Direito. 2013. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. banca de seleção de monitoria de sociologia geral. 2013. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

7.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. banca de seleção de monitoria de sociologia jurídica II. 2013. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

8.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. banca de seleção de monitoria de sociologia jurídica I. 2013. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. banca de seleção de monitoria de introdução ao estudo do direito II. 2013. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

10.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Tecnológica, Artística e Cultural (JICTAC). 2012. Universidade Federal do Rio de Janeiro.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Curso de capacitação sobre garantias legais em territórios instáveis.Monitoramento da intervenção e o papel das organizações da sociedade civil. 2018. (Outra).

2.
curso de extensão "formação política e agroecologia".regulamentação da terra. 2018. (Oficina).

3.
III Seminário Internacional Pós-colonialismo, pensamento descolonial e Direitos humanos na América Latina al o.Práticas de Assessoria Jurídica Popular em Direitos Humanos. 2018. (Seminário).

4.
Latin America Studies in a globalized world (LASA). Assessoria jurídica popular a movimentos sociais urbanos em uma cidade brasileira. 2018. (Congresso).

5.
Semana Jurídica do CACO.Reforma Agrária, Lei de Terras e o processo constituinte. 2018. (Outra).

6.
VII seminário direito, pesquisa e movimentos sociais.ED 4 - Povos Tradicionais, questão agrária e conflitos sócio-ambientais. 2018. (Seminário).

7.
18o Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia. Os usos do direito pelos(as) advogados(as) de trabalhadores do campo durante a ditadura militar empresarial no estado do Rio de Janeiro. 2017. (Congresso).

8.
curso de viagem da Universidade de Michigan.direito à cidade. 2017. (Outra).

9.
Seminário "Direito e Revolução: 100 anos da revolução que transformou o mundo e sua atualidade.Os camponeses e a questão agrária ao longo da Revolução Russa de 1917: inflexões e persistências no pensamento de Lenin. 2017. (Seminário).

10.
30a Reunião da Associação Brasileira de Antropologia. O diálogo de saberes e o reconhecimento constitucional dos direitos das comunidades quilombolas. 2016. (Congresso).

11.
3a Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária.luta pela terra no Brasil da ditadura ao século XXI. 2016. (Simpósio).

12.
6o seminário do IPDMS.GT 10 "Povos e comunidades tradicionais, questão agrária e conflitos sócio-ambientais". 2016. (Seminário).

13.
Cinejustiça: direitos em cena.palestra sobre direito à moradia. 2016. (Outra).

14.
disciplina Desenvolvimento de Comunidade - PUC-Rio. Regularização fundiária no Brasil. 2016. (Exposição).

15.
III Encontro Nacional de Professores Universitários - MST. 2016. (Encontro).

16.
Semana de Integração do PPGD.Pesquisa participativa. 2016. (Outra).

17.
Terceira semana biblioteconomia - UFRJ.A importância do movimento, da luta e da formação: um debate sobre o feminismo hoje. 2016. (Oficina).

18.
V Simpósio sobre o direito das minorias: uma homenagem aos 90 anos de Roberto Lyra Filho.OS direitos dos povos tradicionais no Brasil. 2016. (Simpósio).

19.
3o encontro de pesquisadores dos programas de pós-graduação em artes do Estado do RJ.Museu da Maré - Ocupa e Resiste!. 2015. (Encontro).

20.
Encontro estadual dos educadores da Reforma Agrária.JURA. 2015. (Encontro).

21.
XII Congresso Luso-Afro- Brasileiro. GT 38 - A era dos (não) direitos? Governação neoliberal e o papel dos movimentos sociais e o(s) uso (s) dos direitos humanos como produção de experiências contra-hegemônicas. 2015. (Congresso).

22.
XVI ENANPUR.A judicialização das lutas por moradia: violações de direitos fundamentais na região metropolitana do Rio de Janeiro no início do século XXI. 2015. (Encontro).

23.
XVII congresso Brasileiro de sociologia. ESTADO DE EXCEÇÃO E AÇÕES DIRETAS: UMA ANÁLISE DAS JORNADAS DE JUNHO DE 2013 E OS DESAFIOS AOS NOVOS MOVIMENTOS SOCIAIS,. 2015. (Congresso).

24.
XVII Congresso brasileiro de sociologia. Prisão: para que e para quem?. 2015. (Congresso).

25.
4o seminário Direito, Pesquisa e Movimentos Sociais.palestrante na mesa Direito e movimentos sociais: entre classe, raça e gênero. 2014. (Seminário).

26.
Congresso Internacional Interdisciplinar em Sociais e Humanidades. Ação direta e democracia: a copa do mundo e os novos movimentos reivindicatórios. 2014. (Congresso).

27.
Encontro Estadual dos Estudantes de Direito (ERED).Reforma de Base de 1964. 2014. (Encontro).

28.
III Seminário de Orientação da Pós-Graduação em Direitos Sociais do campo. 2014. (Seminário).

29.
IV SEMINARIO NACIONAL PESQUISA, DIREITOS E MOVIMENTOS SOCIAIS.Espado de discussão 10 - "Povos e comunidades tradicionais, questão agrária e conflitos sócio-ambientais". 2014. (Seminário).

30.
XXIII Encontro Nacional do CONPEDI.Participação social nas ações de constitucionalidade sobre as políticas de ação afirmativa para negros no Brasil. 2014. (Encontro).

31.
3o seminário do IPDMS.GT 10 "Povos e comunidades tradicionais, questão agrária e conflitos sócio-ambientais". 2013. (Seminário).

32.
Ciclo 25 Anos da Constituição Democrática.Propriedade Agrária e Propriedade Urbana. 2013. (Simpósio).

33.
Roda de conversa: A regularização fundiária de territórios quilombolas.A regularização fundiária de territórios quilombolas. 2013. (Outra).

34.
VIII Fórum internacional de Desenvolvimento Territorial.. Marcos jurídicos das noções de rural e urbano: reflexões a partir dos estudos de caso em Belterra (PA), Caxias do Sul (RS) e Nova Iguaçu (RJ). 2013. (Simpósio).

35.
VI jornada de estudos em assentamentos rurais.Reforma Agrária e Movimentos Sociais: questões emergentes. 2013. (Simpósio).

36.
2o Seminário do IPDMS.GT 10 "Povos e comunidades tradicionais, questão agrária e conflitos sócio-ambientais". 2012. (Seminário).

37.
II Seminário interdisciplinar em sociologia e direito.coordenação do GT "pesquisa, direito e movimentos sociais". 2012. (Seminário).

38.
I Seminário Internacional de teoria das instituições e Diálogod Indtitucionais e Legitimidade.Coordenadora científica de seção de apresentação de trabalhos. 2012. (Seminário).

39.
Movimentos sociais e remoções: aspectos gerais e jurídicos.movimentos sociais e remoções: aspectos gerais e jurídicos. 2012. (Simpósio).

40.
VII Fórum Internacional de Desenvolvimento Territorial.Marcos jurídicos da definição de urbano e rural no Brasil. 2012. (Outra).

41.
XV Encontro Nacional da Rede Nacional de Advogados e Advogadas Populares.Advocacia popular e o sistema de justiça no Brasil. 2012. (Encontro).

42.
1o Seminário: direito, pesquisa e Movimentos Sociais. 2011. (Congresso).

43.
Massacre de Eldorado dos Carajás: 15 anos de violência e impunidade.Massacre de Eldorado dos Carajás: 15 anos de violência e impunidade. 2011. (Outra).

44.
Semana Jurídica da Unigranrio.Mobilização Jurídica na Comissão Interramerica de Direitos Humans (CIDH/OEA). 2011. (Outra).

45.
Seminário "Direito à Moradia".Direito à moradia e a questão quilombola. 2011. (Seminário).

46.
técnicas pedagógicas para avaliação da aprendizagem. 2011. (Outra).

47.
XI Congresso Luso-Afro-Brasileiro de Ciências Sociais. 2011. (Congresso).

48.
XV Congresso Brasileiro de Sociologia. 2011. (Congresso).

49.
Advocacia Popular: práticas no uso contra-hegemônico do direito. 2010. (Seminário).

50.
África: colonialismo, descolonização e pós-colonialismo. 2010. (Outra).

51.
Arcana Imperii e o desvendar do oculto: o caso da guerrilha rural e dos arquivos secretos da ditadura militar brasileira?. 2010. (Seminário).

52.
Constitucionalismo Europeu sem Constituição Europeia. 2010. (Seminário).

53.
Direito a território e cultura: o caso do povo Mapuche (sul da Argentina). 2010. (Seminário).

54.
Educação Popular e movimentos sociais: a invenção de outras pedagogias. 2010. (Seminário).

55.
Estratégias de monitoramento do judiciário e participação social organizado pela Terra de Direitos. 2010. (Outra).

56.
Globalizações alternativas e a reinvenção da emancipação social. 2010. (Seminário).

57.
II Encontro do Forúm de Assuntos Fundiários do Conselho Nacional de Justiça. 2010. (Encontro).

58.
Magistrados e jornalistas: representações acerca da mediatização da justiça. 2010. (Simpósio).

59.
Movimentos sociais transnacionais, risco e espaço público. 2010. (Seminário).

60.
O Direito, o trabalho e as lutas pela terra no Brasil e no México. 2010. (Seminário).

61.
O processo de construção da identidade social no Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST). 2010. (Seminário).

62.
Política de cidadania LGBT: desafios aos direitos humanos na relação entre Estado e sociedade civil. 2010. (Seminário).

63.
Tribunal Permanente dos Povos. 2010. (Outra).

64.
University of Florida Levin College of Law's 9th Annual Conference on Legal and Policy Issues in the Americas. Poder Judiciário e conflitos de terra. 2008. (Congresso).

65.
direito para o terceiro setor.prática jurídica e defesa do MST. 2006. (Oficina).

66.
aspectos jurídicos da reforma agrária. 2005. (Seminário).

67.
Curso de Direito Social da UERJ.Direito à Terra. 2005. (Oficina).

68.
Encontro Regional dos Estudantes de Direito.Liberdade. 2005. (Oficina).

69.
forum de política criminal alternativa. 2005. (Outra).

70.
pratica jurídica na defesa dos direitos humanos.pratica jurídica na defesa dos direitos humanos. 2005. (Seminário).

71.
pratica jurídica na defesa dos direitos humanos.a pratica da advocacia popular. 2005. (Outra).

72.
trabalho escravo contemporâneo.trabalho escravo contemporâneo. 2005. (Seminário).

73.
A Defensoria Pública e as Comunidades Negras Rurais e Quilombolas do estado do Rio de Janeiro. 2004. (Seminário).

74.
Congresso Estadual de Direitos Humanos. 2004. (Congresso).

75.
Curso de Formação de Advogados e Advogadas Populares. 2004. (Outra).

76.
II Seminário Sobre Trabalho Escravo no Norte Fluminense. 2004. (Seminário).

77.
Núcleo de Assessoria Jurídica Popular - NAJUP.A prática da advocacia popular, os Movimentos Sociais e o Poder Judiciário. 2004. (Oficina).

78.
Semana dos Calouros da Faculdade de Direito da Uiversidade Federal Fluminense.Assessoria Jurídica Popular. 2004. (Oficina).

79.
Seminário Estadual: Educação e Diversidade no Campo. 2004. (Seminário).

80.
Simpósio Multidisciplinar sobre Trabalho Escravo. 2004. (Simpósio).

81.
Curso de Formação de Advogados e Advogadas Populares. 2003. (Outra).

82.
Curso de Formação de Advogados e Advogadas Populares. 2003. (Outra).

83.
Semana Jurídica da Universidade Federal Fluminense.A Prática da Advocacia e os Movimentos Sociais. 2003. (Oficina).

84.
Seminário de Erradicação do Trabalho escravo e degradante do Norte e Noroeste Fluminense. 2003. (Seminário).

85.
Encontro Nacional de Estudantes de Direito. 2002. (Encontro).

86.
grupo de estudo sobre Karl Marx. 2002. (Oficina).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. V Jornada Universitária em defesa da Reforma Agrária. 2018. (Outro).

2.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. VII Seminário Direito, Pesquisa e Movimentos Sociais. 2018. (Congresso).

3.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. IV Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária. 2017. (Outro).

4.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. IV Seminário do NAJUP Luiza Mahin. 2017. (Congresso).

5.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. III Seminário do NAJUP Luiza Mahin. 2016. (Outro).

6.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. III Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária. 2016. (Outro).

7.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. II Seminário do NAJUP Luiza Mahin. 2014. (Congresso).

8.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Regularização Fundiária de Territórios Quilombolas. 2014. (Congresso).

9.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Seminário Universidade e Comunidade: Compartilhando conhecimento e fortalecendo a luta pelo direito à moradia no Município do Rio de Janeiro. 2013. (Congresso).

10.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. Os desafios da regularização fundiária de territórios quilombolas. 2013. (Congresso).

11.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana. vivência acampamento Roseli Nunes -PIraí. 2012. (Outro).

12.
Lopes, Aline ; QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana ; Tavares, Ana Claudia ; vieira, fernanda . Workshop:Os desafios e perspectiva da advocacia de direito público no Brasil. 2011. (Outro).

13.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Meneses, Maria Paula ; vieira, fernanda ; Aragón, Orlando Andrada . Poderá o direito ser emancipatório? Análises de continuidades e mudanças nas justiças criminal, agrária e indígena a partir do Brasil e do México. 2010. (Congresso).

14.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Zimerman, Silvia ; Picoloto, Everton ; Jalil, Laeticia ; Novaes, Roberta . IV Semana Acadêmica do CPDA/UFRRJ: Transformações Sociais na América Latina. 2007. (Congresso).

15.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Diversos . Rompendo Cercas por um novo direito. 2004. (Congresso).

16.
QUINTANS, Mariana Trotta Dallalana; Diversos . A Realidade do Sistema Penitenciário Brasileiro. 2000. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Maria Eugenia Silveira de Mello Oliveira. Projeto criança cidadã. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Políticas Públicas e Direitos Humanos) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).

2.
Cristiane Gonçalves de Oliveira. Mulheres, cerveja e autogestão. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Políticas Públicas e Direitos Humanos) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).

3.
Iara Amora dos Santos. "O filho não é só da mãe" - Políticas de creches públicas como instrumento de promoção de autonomia economia das mulheres e igualdade de gênero no mundo do trabalho. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Políticas Públicas e Direitos Humanos) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Mahara Vieira. Movimentos sociais e ANC de 1987/88. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

Orientações de outra natureza
1.
Natane da Silva Santos. orientação acadêmica designada pela COAA. Início: 2014. Orientação de outra natureza. Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Paola Bettamio Mendes. Meninas perigosas: os estigmas das jovens internas no sistema socioeducativo do Rio de Janeiro. 2017. Dissertação (Mestrado em PPDH) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, . Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

2.
Charles Vieira de Araújo. Os direitos da população LGBT frente ao retrocesso da laicidade do Estado brasileiro promovido pela bancada BBB. 2017. Dissertação (Mestrado em PPDH) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, . Coorientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Thais Magalhães Marucco. Alteração do Registro Civil para pessoas trans no Brasil. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

2.
Ludmila Coelho de Souza. A agricultura familiar como instrumento de luta contra o avanço do agronegócio no estado do Pará. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

3.
Bárbara Bertolini Perpétuo. A questão urbana e marcos jurídicos da usucapião para fins de moradia. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

4.
Cainã Vieira e Silva. Lei Maria da Penha: uma análise sobre gênero, cultura patriarcal e demandas das mulheres nos juizados de violência doméstica e familiar da capital do Rio de Janeiro. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

5.
Kaique Soares Bento. O reconhecimento da identidade de gênero das pessoas transexuais pelo STF: alcances e efeitos legais e sociais. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

6.
Isabela Trivino Ribeiro. Racismo estrutural: um olhar sobre a justiça criminal e as políticas de drogas pós abolição. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

7.
Mariana Gomes da Rocha. Colonialismo, colonialidade e direito - uma breve análise sobre a usurpação do Tekoha Kaiowa e Guarani ao longo da história: o caso da Terra indígena Panambizinho em Mato Grosso do Sul. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

8.
Carolina Azevedo Movilla. mulher, natureza, sul global e o contrato social: um olhar ecofeminista sobre o direito. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

9.
Thiza Marry Jacomé Gurgel. A luta pelo direito à cidade na comunidade da Estradinha: da resistência dos moradores à formação de uma rede. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

10.
Mariana Aimée Ribeiro Gomez. O direito da mulher transexual ao cárcere nas penitenciárias e alas femininas no Brasil. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

11.
Luiza Gabriela Veloso Gusmão. Judiciário e Reforma Agrária no Rio de Janeiro: Estudo de Caso sobre o Assentamento Irmã Dorothy. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

12.
Vinicius Lima da Silva. O direito e a crítica marxista: as distintas noções de direito nas obras de E.P. Thompson e Althusser. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

13.
Isaque Freitas Mota. Linchamentos no Brasil: uma análise a partir do caso "cleidenilson pereira da silva" no Maranhão. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

14.
Guilherme Teixeira Azeredo. Impactos do Porto Maravilha sob a perspectiva da produção do espaço urbano na cidade do Rio de Janeiro. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

15.
Anna Carolina de Souza Soares. A importância da extensão universitária popular na graduação em direito: a experiência do núcleo de assessoria jurídica popular Luiza Mahin. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

16.
Beatriz real de Andrade Faria. A regulamentação da prostituição feminina sob a ótica do movimento feminista. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

17.
Thayná Patrício Delarue de Queiroz Borges. gênero, patrarcalismo e as mulheres nas carreiras jurídicas. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

18.
Igor Soares netto de oliveira. escola sem partido: doutrinação silenciosa. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

19.
Gustavo augusto Freitas Deppe da Costa. Caso Ximenes Lopes vs Brasil e suas repercussões nas políticas de saúde do país. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

20.
Lucas Camargo Silva Machado. Análise do discuso contra a livre sexualidade na assembleia nacional constituinte e no congresso nacional. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

21.
Ana Clara Marques Goll. O movimento feminista e sua influência na Constituinte de 1987/88. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

22.
Jordana Almeida. A restrição do direito à cidade em áreas de UPP. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

23.
Bruna Vieira Barbosa. O MTST e a assessoria jurídica popular na luta pelo direito à moradia. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

24.
Alberto Torres Chemp Junior. A luta em defesa dos direitos humanos em tempos de neoliberalismo, fascismos e punitivismo: a possibilidade revolucionária de uma práxis social violenta e legítima na processo de aprofundamento democrático. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

25.
Antonia Perreira Gay. Do luta à luta: a busca por reconhecimento e direitos da comunidade quilombola Caiana dos Crioulos Paraibano. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

26.
Nicole Midori Korus. Perspectivas da questões da identidade de gênero nas teorias do reconhecimento. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

27.
Larissa Mayumi Okada Bernardi. direitos indígenas no novo constitucionalismo latino americano: uma análise do pluralismo jurídico e do direito à autogestão na Bolívia. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

28.
MARIANA LAVINAS DUARTE. AS JORNADAS DE JUNHO DE 2013 E AS INSTITUIÇÕES JURIDICO-POLITICAS NO BRASIL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

29.
PRISCILLA LESSA DE MELLO. A CRIMINALIZAÇÃO DOS MOVIMENTOS SOCIAIS E OS PROJETOS DE LEI ANTITERRORISMO NO BRASIL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

30.
Isabela Blanco. O movimento feminista e as medidas protetivas de urgência na Lei Maria da Penha. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

31.
Ana Emily Poly Alt. Adoção por pares homoafetivos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

32.
CLARISSA BIASOTTO KROPOTOFF TROTTA. OS ENCARCERADOS E O TRABALHO: uma abordagem sócio-jurídica do trabalho carcerário. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

33.
JULIANA JENIFER LOPES DE MOURA. A REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL: UMA ANÁLISE SOBRE SUA NECESSIDADE E CONVENIÊNCIA. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

34.
Fabricia Machado Coelho de Andrade Ramos. A desjudicialização da usucapião no contexto fundiário do Brasil urbano: novas possibilidades para garantir o direito à moradia. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

35.
Felipe Reis Pompeu de Moraes. Reforma Agrária de 1961 a 1993. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

36.
Sidnéia Santos Rocha. A inconstitucionalidade da prisão civil do devedor de alimentos: por violação ao princípio fundamental do dignidade da pessoa humana. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade do Grande Rio. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

37.
Débora Lúcia Jesus Bueno. Aplicação dos direitos humanos no sistema prisional. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Centro Universitário de Barra Mansa. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

38.
Francisco Guilherme Saviolo Ramos. Crimes Virtuais. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Centro Universitário de Barra Mansa. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

Iniciação científica
1.
Iana Gonçalves Soares. O movimento homossexual na constituinte de 87/88: atores (in) visíveis. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

2.
Luiza Mello. movimentos indígenas na Assembleia Nacional Constituinte de 88. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Desenho Industrial) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

3.
marina Evangelista. Mulheres na constituinte: uma luta por representatividade. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

4.
Thuane Rodrigues do Nascimento. A reforma agrária no judiciário fluminense. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

5.
Jordana Almeida. Poder Judiciário e Reforma Agrária no RJ. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

6.
JORDANA ALMEIDA. Poder Judiciário e Reforma Agrária no RJ. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

7.
JULIANA CAREPA MONTEIRO. PODER JUDICIAIRO E CONFLITOS DE TERRA NO RIO DE JANEIRO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

Orientações de outra natureza
1.
Thuane Rodrigues Nascimento. O uso das técnicas de teatro do oprimido pelo núcleo de assessoria jurídica popular Luiza Mahin. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

2.
Thuane Rodrigues do Nascimento. Formação de Promotoras Legais Populares. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

3.
Viviane Carnevale Hellmann. Assessoria Jurídica Universitária Popular à comunidade da Estradinha. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

4.
Luma Mota. orientação de bolsista de extensão. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

5.
Thuane Rodrigues. orientação de bolsista de monitoria. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

6.
Viviane Carnevalle. orientação de bolsista de extensão. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

7.
Lucas Justino. bolsista de extensão. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

8.
Thalia Martins. orientação de bolsista de extensão. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

9.
Thuane Rodrigues Nascimento. A IV Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária na FND: um diálogo entre o NAJUP Luiza Mahin e o MST. 2017. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

10.
Ellen Dutra. orientação de bolsista de monitoria. 2016. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

11.
Carolina Hennig. orientação de bolsista de extensão. 2016. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

12.
Anna Carolina de Souza Soares. orientação de bolsista de extensão. 2016. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

13.
Marina Evangelista. orientação de bolsista de extensão. 2016. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

14.
Anna Carolina de Souza Soares. bolsista de extensão. 2015. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

15.
Gabriel Barbosa Aquino da Silva. bolsista de extensão. 2015. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

16.
Andrey Nicolas Pires. bolsista de extensão. 2015. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

17.
Carolina Henning. bolsista de monitoria. 2015. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

18.
Luiza Fablicio. História das Favelas no Município do Rio de Janeiro, Estradinha e a negação do direito à moradia: aspectos políticos-jurídicos quanto ao tema. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

19.
Luiza Gabriela Gusmão. Mudança histórica do direito indígena e a Constituição de 1988. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

20.
Julia Meneses de Aguiar. monitoria de sociologia geral. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

21.
Marina de Paula. monitora da disciplina de Técnicas e métodos de pesquisa sócio-jurídica. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

22.
Andrey Nicolas Pires. bolsista de extensão. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

23.
Anna Carolina de Souza Soares. bolsa de extensão. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

24.
Natane Da Silva Santos. bolsista de extensão. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

25.
Amanda Barbosa Ibiapina, Andrey Nicolas Pires etc.. Assessoria Jurídica Universitária Popular e a efetivação do direito à moradia na comunidade da Estradinha. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

26.
Anna Carolina Soares, Julia Menezes e Maria Dandara. O PAPEL DA MULHER NA LUTA PELA TERRA: O PROTAGONISMO DAS MULHERES NA RESISTÊNCIA E PERMANÊNCIA NA ESTRADINHA E NA VILA AUTÓDROMO. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

27.
Bruna Vieira, Gabriel Aquino e Natane Santos. gestão Militarizada do espaço urbano e seus reflexões no cotidiano da comunidade da Estradinha. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

28.
Andrey Nicolas Pires. Projeto mega-barragem no Rio Guapiaçu - a luta dos moradores do município de Cachoeira de Macacu. 2014. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

29.
Antonia Gay. monitoria de sociologia jurídica I. 2013. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

30.
Marcelo Lessa. monitoria de Introdução ao Estudo do Direito II. 2013. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

31.
Priscilla de Lessa Mello. bolsista de extensão. 2013. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

32.
Alberto Torres Chemp Junior. bolsista de extensão. 2013. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

33.
Julia de Meneses Aguiar. bolsista de extensão. 2013. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

34.
Gabriel Aquino, Alberto Torres, Luiza Araujo, Julia Aguiar,. O Direito à moradia no município do Rio de Janeiro: notas sobre a pesquisa participante na comunidade da Estradinha. 2013. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

35.
Alberto Torres. As metodologias de pesquisa na extensão universitária popular das faculdades de direito. 2013. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.

36.
Rodrigo Elmas. monitoria da disciplina de sociologia jurídica I. 2012. Orientação de outra natureza. (Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Mariana Trotta Dallalana Quintans.



Outras informações relevantes


Membro da Equipe de elaboração do PDI da FND/UFRJ 2018
Membro do Conselho de monografia da FND/UFRJ de junho de 2013 até a presente data. 
Membro do conselho de representantes da Seção Sindical dos Docentes da Universidade Federal do Rio de Janeiro do Sindicato Nacional dos 
Docentes das Instituições de Ensino Superior ? Adufrj-Ssind ? durante o biênio 2013-2015.
Diretora regional do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (ANDES) - durante o biênio 2016-2018 
Foi coordenadora do Grupo de trabalho ?Povos e comunidade tradicionais, questão agrária e conflitos sócio-ambientais? do Instituto de Pesquisa, Direito e movimentos sociais (IPDMS) de 2012 a 2017.
Foi avaliadora ad hoc das propostas de ações de extensão do Edital Rua 2017.1 (10 horas) e do Edital Profaex 2017 (7 horas) 
Participou como de Comissão de Processo Administrativo Disciplina (PAD) na Faculdade de Odontologia em 2016.
Elaboração de parecer para a revista DADOS de Ciências Sociais, IESP/UERJ, n. 56 (4). 
Elaboração de parecer para a revista de Sociologia e Política da UFSC, 2015.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/01/2019 às 8:47:59