Rafael Baioni do Nascimento

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3131471738123734
  • Última atualização do currículo em 20/05/2018


Doutor em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano pela USP, mestre pelo mesmo programa de pós-graduação, graduado como Bacharel em Psicologia e Psicólogo pelo Instituto de Psicologia da USP, especialista em Linguagens da Arte pelo Centro Mariantonia da USP. Atua principalmente nas áreas: psicologia da educação, gênero e diversidade, teoria crítica, formação do indivíduo, arte e educação, preconceito. É professor de Psicologia do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). É coordenador do (In)Serto - Núcleo pela diversidade sexual e de gênero, projeto ligado à Pró-reitoria de Extensão (Unimontes). Pesquisador membro do Grupo de Pesquisa Gênero e Violência (CNPq/Unimontes). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Rafael Baioni do Nascimento
Nome em citações bibliográficas
NASCIMENTO, R. B.;BAIONI, R.;NASCIMENTO, RAFAEL BAIONI DO


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2014
Doutorado em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Solidão e formação, solidão da formação: reflexões teóricas sobre a possibilidade desprezada pela Psicologia, Ano de obtenção: 2014.
Orientador: Iray Carone.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: formação do indivíduo; solidão; teoria crítica; romantismo.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia da Educação.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Papéis e Estruturas Sociais; Indivíduo.
2008 - 2011
Mestrado em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Cultura e Emancipação através de T. W. Adorno: Formação e Arte,Ano de Obtenção: 2011.
Orientador: Iray Carone.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: formação do indivíduo; teoria crítica; emancipação; arte e educação.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia do Ensino e da Aprendizagem / Especialidade: Ensino e Aprendizagem na Sala de Aula.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia Social / Especialidade: Papéis e Estruturas Sociais; Indivíduo.
Setores de atividade: Educação.
2010 - 2011
Especialização em Linguagens da Arte. (Carga Horária: 360h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Individualismo iluminista ou romântico: concepções de educadores sobre a importância do ensino de arte..
Orientador: Thiago Honório.
2002 - 2006
Graduação em Psicologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
1998 - 2000
Ensino Médio (2º grau).
Centro Federal de Educação Tecnológica de São Paulo, CEFET/SP, Brasil.




Formação Complementar


2006 - 2006
Extensão universitária em Adorno e Filosofia da Música. (Carga horária: 8h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2004 - 2004
Extensão universitária em Introdução à Esquizoanálise. (Carga horária: 11h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Estadual de Montes Claros, UNIMONTES, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor de Ensino Superior, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

10/2017 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Grupo de Estudos e Pesquisas de Educação e Saúde na Diversidade - GEPEDS, .

08/2017 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Grupo de Pesquisa e Estudos de Gênero e Violência, .

08/2017 - Atual
Ensino, Administração, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Psicologia aplicada à Administração
08/2017 - Atual
Ensino, Sistemas de Informação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Psicologia organizacional
08/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas (CCH), .

Cargo ou função
Membro do Colegiado do Curso de Pedagogia.
07/2017 - Atual
Extensão universitária , Pró-reitoria de Extensão, .

Atividade de extensão realizada
Coordenador de projeto - (In)Serto - Núcleo pela Diversidade Sexual e de Gênero.
08/2016 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Psicologia da Educação
08/2016 - Atual
Ensino, Geografia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Psicologia da Educação
08/2016 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas (CCH), .

Cargo ou função
Membro do Colegiado do Curso de História.
04/2016 - Atual
Ensino, Pedagogia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Psicologia da Aprendizagem
Psicologia do Desenvolvimento
Psicologia Geral

Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas, FMU, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor de Ensino Superior, Carga horária: 20


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 6
Outras informações
Pesquisador colaborador junto ao Laboratório de Estudos do Preconceito (Laep)

Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: temporário (bolsista), Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Iniciação Científica junto ao projeto de pesquisa:"Preconceito e atitutes em relação à educação inclusiva", coordenado pelo Prof. Dr. José Leon Crochík, pesquisa financiada pelo CNPq.

Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: temporário (bolsista), Enquadramento Funcional: monitor bolsista, Carga horária: 10
Outras informações
Monitor-Bolsista junto ao Departamento de Psicologia Social e do Trabalho, junto à disciplina PST-0391 - "Liderança e Comportamento Humano". Bolsa interrompida devido a aprovação em bolsa de Iniciação Científica (impossibilidade de concorrência de recebimento em ambas as bolsas).

Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: temporário (bolsista), Enquadramento Funcional: monitor bolsista, Carga horária: 10
Outras informações
Monitor-Bolsista junto ao Departamento de Psicologia da Aprendizagem, do Desenvolvimento e da Personalidade, junto à disciplina "Sujeito, Educação e Sociedade".

Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: temporário (bolsista), Enquadramento Funcional: monitor bolsista, Carga horária: 10
Outras informações
Monitor-Bolsista junto ao Departamento de Psicologia Social e do Trabalho, disciplina "Linguagem e Pensamento".

Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: temporário (bolsista), Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsista PIBIC, junto ao Departamento de Psicologia Experimental. Projeto: "Contingência e Contigüidade no responder de ratos brancos sob esquemas de razão e intervalo variáveis", orientador: Prof. Dr. Gerson Yukio Tomanari.

Vínculo institucional

2003 - 2003
Vínculo: temporário (bolsista), Enquadramento Funcional: monitor bolsista, Carga horária: 10
Outras informações
Monitor-Bolsista junto ao Departamento de Psicologia Experimental, junto à disciplina "Experimental I".

Atividades

01/2006 - 12/2006
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Psicologia, .

Cargo ou função
Representante Discente junto à Congregação.
08/2004 - 12/2006
Estágios , Instituto de Psicologia, .

Estágio realizado
Grupo de Passeio na Pré-Escola Terapêutica "Lugar de Vida".
01/2005 - 12/2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Psicologia, .

Cargo ou função
Representante Discente junto à Comissão de Graduação.
01/2004 - 12/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Psicologia, .

Cargo ou função
Representante Discente junto ao Conselho do Departamento de Psicologia Social e do Trabalho..


Linhas de pesquisa


1.
Políticas Públicas e Inclusão Social
2.
Gênero, cultura e poder
3.
Gênero, família e violência
4.
Gênero, literatura e história


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Perfil de licenciandos da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) e evasão nas licenciaturas: uma análise de mudanças ocorridas com a implantação do Sistema de Seleção Unificada para Acesso ao Ensino Superior (SISU).
Descrição: A pesquisa situa-se no campo de estudos sobre o Sistema de seleção unificada para acesso ao ensino superior (SISU), em que serão focalizados o perfil de licenciados e a evasão em cursos de licenciatura. O objetivo do estudo é analisar o perfil de estudantes de cursos de licenciatura na Unimontes bem como o fenômeno da evasão nesse contexto e a relação destes com a implantação do SISU nessa instituição. O estudo privilegiará uma abordagem qualitativa e será desenvolvido em cinco momentos. No primeiro momento será realizada uma revisão bibliográfica para levantar e contrastar as análises sobre a temática presentes na produção bibliográfica. No segundo momento será feito contato com a gestão da Universidade com vistas ao agendamento e realização de entrevistas com profissionais dos setores responsáveis pela implantação do SISU. O terceiro momento contemplará o levantamento de dados de matrícula e evasão na secretaria geral. No quarto momento serão aplicados questionários para licenciandos de cursos alocados no Centro de Ciências Humanas, unidade com maior representatividade no que tange à oferta de licenciaturas. Para cada licenciatura serão selecionadas duas turmas do campus sede: uma turma que ingressou na universidade pelo sistema se seleção unificada ? preferencialmente alunos do 1º período (ingressantes) ? e uma turma de alunos que ingressou pelo vestibular tradicional ? preferencialmente alunos do último ano. O quinto momento envolverá a seleção de turmas com maior número de evadidos e a aplicação de questionários eletrônicos para esses sujeitos. Trabalharemos com o conceito de evasão adotado pela secretaria da Unimontes, ou seja, a de não efetivação da matricula pelo estudante por 2 semestres consecutivos. Destacamos que a pesquisa ora proposta mostrase relevante no sentido de contribuir com a produção de conhecimentos sobre o ingresso e permanência no ensino superior, bem como com o debate local e nacional no que concerne às mudanças ocorridas com a implementação do SISU, suas manifestações no perfil dos estudantes, e sua relação com a evasão nas licenciaturas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Rafael Baioni do Nascimento - Integrante / AMORIM, MÔNICA MARIA TEIXEIRA - Coordenador / Maria Auxiliadora Amaral Silveira Gomes - Integrante / Emília Murta Moraes - Integrante / Maria Helena de Souza Ide - Integrante / Maria Railma Alves - Integrante / Maria Jacy Maia Veloso - Integrante / Mariléia de Souza - Integrante / Gilberto Januário dos Santos - Integrante.
2017 - Atual
Diversidade étnico-racial, gênero, sexualidade e formação de professores: diálogos reflexivos para intervenção na escola básica.
Descrição: No contexto atual a diversidade étnico-racial, de gênero e de orientação sexual tem ganhado espaço no interior da universidade ? seja na produção científica, seja na organização de debates nas salas de aula e em eventos de natureza acadêmica. Constitui uma temática de extrema relevância para a construção de uma escola inclusiva e, portanto, de fundamental importância para os programas de formação de professores. Entendemos que é preciso oferecer aos docentes, em especial aqueles que atuam na educação básica, a possibilidade de conhecerem as discussões relativas aos estudos de gênero, sexualidade e raça/etnicidade. Não nos parece coerente exigir dos profissionais da educação uma sensibilidade relativa à diversidade étnico-racial, de gênero e de orientação sexual, ou que incorporem tais discussões em suas práticas escolares, se não lhes foram oferecidas oportunidades de conhecerem a produção acadêmica acerca do tema. Questionamos, contudo, como tem se dado o diálogo da universidade com a escola básica, em outras palavras, como tem se dado a apropriação, pelos profissionais professores da educação básica, do conhecimento que é produzido na universidade sobre gênero, sexualidade e diversidade étnico-racial. O presente trabalho objetiva analisar o processo de apropriação, pelos professores de Artes, História e Português/Literatura do ensino fundamental e médio, dos conhecimentos produzidos na universidade sobre gênero, sexualidade e diversidade étnico-racial. Trata-se de um estudo de natureza quantitativa e qualitativa que adotará como estratégias de coleta de dados o survey e os grupos focais. O estudo será realizado em escolas públicas estaduais localizadas na cidade de Montes Claros-MG, na jurisdição da 22ª Superintendência Regional de Ensino. A partir dos dados coletados tencionamos realizar seminário e oficinas de capacitação docente sobre gênero, sexualidade e diversidade étnico-racial para os professores das 61 escolas da rede pública estadual envolvidas no trabalho..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Experiência estética e preconceito: subsídios para a crítica do ensino de arte nas licenciaturas
Descrição: O objetivo principal da pesquisa é investigar as relações entre preconceito e experiência estética, partindo da hipótese de que uma sociedade que priva seus integrantes de possibilidades significativas de experiência estética produz indivíduos mais propensos ao preconceito. O campo de pesquisa enfocado será o ensino de arte nas escolas, pela via da formação de professores: opiniões e atitudes de estudantes de pedagogia, licenciatura em artes e letras português ? os quais se supõe, pelo conteúdo respectivo de suas disciplinas, terem maiores chances de em sua prática profissional futura, serem vetores da experiência estética. Para que o objetivo deste trabalho seja alçando, pretende-se seguir as seguintes etapas. A primeira delas é uma etapa de pesquisa teórica, de aprofundamento nos conceitos envolvidos (indivíduo, preconceito, experiência estética), nos trabalhos já produzidos por esta tradição de estudos e, em especial, nos instrumentos de pesquisa utilizados para pesquisa empírica e que precisarão ser adaptados. A segunda etapa é a pesquisa empírica, com a aplicação de escalas, questionários e entrevistas com o objetivo de mapear o nível do preconceito nos participantes estudados e avaliar a relação desses sujeitos com a experiência estética. Pesquisa de caráter exploratório, pois não pretende tomar uma amostra representativa da população em questão. Simultaneamente a essas etapas serão escritos artigos científicos possibilitando o compartilhamento do conhecimento produzido..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Rafael Baioni do Nascimento - Coordenador / Luiz Fernando de Prince Fukushiro - Integrante / Alexis Kevin Santos - Integrante / Renan de Souza Nascimento - Integrante.


Projetos de extensão


2017 - Atual
(In)Serto - Núcleo pela Diversidade Sexual e de Gênero
Descrição: Projeto cujo objetivo é ser um núcleo de referência regional para a promoção dos direitos humanos relativos à diversidade de orientação sexual e de identidade de gênero, especial nos ambientes educacionais. Realiza oficinas, minicursos, eventos e grupos de estudo em torno da temática. Tem como público alvo a comunidade acadêmica da Unimontes em seus diversos campi no Norte de Minas, assim como a população geral da cidade de Montes Claros, campus sede. Aprovado pela resolução no. 177 - CEPEx/2017 em 19/07/2017.Escolhemos o nome ?(In)serto?, que tem algumas letras (e portanto, parentesco poético) da palavra ?sertão?, como uma forma de identificação à cultura sertaneja, ao mesmo tempo em que criticamos a estereotipia dessa cultura, incluída aí, especialmente, a associação entre cultura sertaneja, heteronormatividade, machismo e conservadorismo religioso. O nome (In)serto também faz uma crítica à tipificação e à categorização dos indivíduos, pelo significado da palavra, ligada à ideia de incerteza, no que esta contém de liberdade, de não determinação obrigatória, de não submissão a um destino social, advogando assim a favor da multiplicidade possível da experiência e da fluidez das identidades. Por fim, a crítica à normalização e à padronização das subjetividades, já presente também na ideia de incerteza, é reforçada pela escrita gramaticalmente incorreta para a norma culta do adjetivo ?incerto?. A filosofia, a antropologia e outras ciências humanas já nos mostraram há muito tempo que aquilo que é considerado certo em uma determinada cultura é ?torto? em outra. E que a defesa de um único modo correto de existência é antiético e etnocêntrico..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (25) .
Integrantes: Rafael Baioni do Nascimento - Coordenador / Andrea Ruas da Cruz Nogueira - Integrante / Daliana Cristina de Lima Antônio - Integrante / André Ramos Carloni - Integrante / Telma Borges da Silva - Integrante / Ivete Batista da Silva Almeida - Integrante / Marcelo Brito - Integrante / Felipe Froes Couto - Integrante / Luiz Henrique Silva Nascimento - Integrante / Alexis Kevin Santos - Integrante / Júlia Gomes Zuba - Integrante / Laise Ferreira Silva - Integrante / Renan de Souza Nascimento - Integrante / Ailton Guia Gonçalves Júnior - Integrante / Alice Dourado Lacastagneratte - Integrante / Ana Flávia Gonçalves da Cruz - Integrante / Ana Maria Barbosa - Integrante / Anderson Alves de Souza - Integrante / Carlos Sérgio Rodrigues Cardoso Júnior - Integrante / Edson Carlos Ribeiro Silva - Integrante / Geslayny Ferreira - Integrante / Isabela Rosa Nogueira - Integrante / João Marcos Silva Moura - Integrante / João Victor da Silva Rodrigues - Integrante / João Victor Gonçalves Versiani - Integrante / Larissa Ramos dos Santos - Integrante / Ludmila da Cruz Pereira - Integrante / Luiz Fabio Pinheiro Lima - Integrante / Luiz Fernando da Rocha - Integrante / Mauricio Alves de Souza Pereira - Integrante / Max Alexandre Rodrigues Teixeira - Integrante / Pedro Victor Silveira Ferreira - Integrante / Rízia Moreira Dias Fonseca - Integrante.
2016 - Atual
Programa de Apoio Psicológico, Psicopedagógico e Orientacioanal - PAPPO
Descrição: O Programa de Apoio Psicológico, Psicopedagógico e Orientacional (PAPPO) é atualmente um programa de extensão vinculado ao Departamento de Educação e à Pró-reitoria de Extensão da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) que atua junto à comunidade acadêmica do campus sede oferecendo serviços de acolhimento e orientação psicológica, psicopedagógica e orientacional. O trabalho é realizado por meio de atendimento individual ou em grupo com número de sessões e tempo de duração limitados. O pressuposto que norteia o trabalho é o de que o processo de aprendizagem está intrinsecamente conectado com as relações sociais e afetivas dos sujeitos envolvidos. Por isso o PAPPO tem como objetivo criar oportunidades, com o auxílio de profissionais qualificados, para a comunidade acadêmica entrar em contato com seus próprios determinantes subjetivos, relacionais e afetivos que são, por vezes, ignorados nos ambientes educacionais, assim como também oferecer um primeiro acolhimento (no caso do apoio psicológico) a demandas variadas e, por vezes, ainda não clarificadas, dos indivíduos que procuram o serviço. Não se confundindo, portanto, com um serviço de atendimento psicoterápico. Além disso o serviço promove grupos de estudo, minicursos, encontros, palestras sobre temas de psicologia e psicopedagogia vinculados à educação, com especial enfoque na vivência acadêmica e nas relações interindividuais na universidade. ..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Rafael Baioni do Nascimento - Integrante / Andréa Lafetá de Melo Franco - Coordenador / Andrea Ruas da Cruz Nogueira - Integrante / Solange Ribeiro Prates - Integrante / Simone Monteiro Ribeiro - Integrante / Maria Helena Ferreira das Neves Peres - Integrante.


Outros Projetos


2016 - Atual
Nucleo de Sociedade Inclusiva - Nusi
Descrição: O Núcleo Sociedade Inclusiva (NUSI) é um núcleo de atendimento às pessoas com necessidades educativas especiais (NEE), ingressos pelo sistema de cotas, categoria deficientes, da Universidade Estadual de Montes Claros, vinculado ao Departamento de Educação e à Pró-reitoria de Ensino. Em seu projeto fundador (aprovado pela resolução no. 120 CAPEX/2005 em consonância com a Lei Estadual 15.529/2004 de reserva de vagas) o NUSI se coloca como objetivo principal promover estratégias de inserção bio-psico-social aos acadêmicos com necessidades educativas especiais a fim de implementar uma comunidade acadêmica inclusiva. Atua por meio de apoio didático e pedagógico direto aos estudantes, ações de formação continuada dirigida a educadores e outros profissionais da universidade e promovendo o debate e a reflexão transformadora sobre a educação inclusiva. Atuação que envolve também, dentre outras atividades: a reflexão e proposição de metodologias alternativas mediante orientação da investigação cientifica, capacitação para o trabalho, formação humana e qualificação dos docentes e servidores da Unimontes quanto à abordagem educacional inclusiva; diagnóstico e análise das dificuldades e necessidades especiais educacionais; orientações para redução e eliminação dessas dificuldades e necessidades; encaminhamento adequado às instâncias preliminares, quando necessário; definição das ações favoráveis ao processo ensino-aprendizagem e a estadia e/ou adaptação do académico cotista; orientação e acompanhamento técnico adequado na colação de grau; produção e distribuição continua de materiais pedagógicos e informativos; realização de minicursos, palestras e encontros..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Rafael Baioni do Nascimento - Integrante / Silvana Diamantino França - Coordenador / Andrea Ruas da Cruz Nogueira - Integrante / Zilmar Santos Cardoso - Integrante / Maria Cristina Freire Madureira Barbosa - Integrante / Carlos Alberto Alexandre - Integrante / Leonardo Tadeu Vieira - Integrante.


Membro de corpo editorial


2017 - Atual
Periódico: EDUCAÇÃO, ESCOLA E SOCIEDADE


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia Social/Especialidade: Papéis e Estruturas Sociais; Indivíduo.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
AMORIM, MÔNICA MARIA TEIXEIRA2018AMORIM, MÔNICA MARIA TEIXEIRA ; NASCIMENTO, R. B. . O ensino da diversidade étnico-racial na escola básica: um relato de experiência vivida no Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid). CRIAR EDUCAÇÃO REVISTA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO UNESC, v. 7, p. s/p-s/p, 2018.

2.
VELOSO, GEISA MAGELA2017 VELOSO, GEISA MAGELA ; NASCIMENTO, RAFAEL BAIONI DO ; AMORIM, MÔNICA MARIA TEIXEIRA . AUTORIDADE, DISCIPLINA E APLICAÇÃO DE CASTIGOS NAS REPRESENTAÇÕES DE PROFESSORES (1910-1930). HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO, v. 21, p. 250-273, 2017.

3.
LELIS, U. A.2017 LELIS, U. A. ; NASCIMENTO, RAFAEL BAIONI DO ; GOMES, M. A. A. S. . CURRÍCULO E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: ?CAPTURA? E (RE)FORMAÇÃO DE SUBJETIVIDADES DOS SUJEITOS DO CAMPO. PRÁXIS EDUCACIONAL (ONLINE), v. 13, p. 32-54, 2017.

4.
CROCHÍK, JOSÉ LEON2013 CROCHÍK, JOSÉ LEON ; FRELLER, CINTIA C. ; DIAS, MARIAN ÁVILA DE LIMA E ; FEFFERMANN, MARISA ; NASCIMENTO, RAFAEL BAIONI DO ; CASCO, RICARDO . Educação inclusiva: escolha e rejeição entre alunos. Psicologia & Sociedade (Online), v. 25, p. 174-184, 2013.

5.
CROCHIK, J. L.2009 CROCHIK, J. L. ; FRELLER, C. C. ; FERRARI, M. D. ; FEFFERMANN, M. ; NASCIMENTO, R. B. ; CASCO, R. . Atitudes de professores em relação à educação inclusiva. Psicologia: Ciência e Profissão (Impresso), v. 29, p. 40-59, 2009.

6.
CROCHIK, J. L.2006 CROCHIK, J. L. ; FERRARI, M. D. ; HRYNIEWICZ, R. R. ; BARROS, O. N. ; NASCIMENTO, R. B. . Preconceito e Atitudes em Relação à Educação Inclusiva. Psicologia Argumento, v. 24, p. 55-70, 2006.

Capítulos de livros publicados
1.
CROCHÍK, JOSÉ LEON ; MENESES, B. M. ; FRELLER, C. C. ; PEDROSSIAN, D. R. S. ; MORAIS, J. P. P. ; FERREIRA, K. D. M. ; SPEDO, L. ; DIAS, MARIAN ÁVILA DE LIMA E ; FEFFERMANN, MARISA ; CROCHIK, N. ; SILVA, P. F. ; NASCIMENTO, R. B. ; ALMEIDA, R. C. T. ; CASCO, R. ; COSTA, T. L. E. ; SAMPER, T. Q. ; SUPERTI, T. ; OLIVEIRA, T. M. ; CUSTODIO, T. O. . Atitudes de Professores em Relação à Educação Inclusiva. In: José Leon Crochík. (Org.). Preconceito e Educação Inclusiva. 1ed.Brasília: Secretaria de Direitos Humanos/PR, 2011, v. 1, p. 193-217.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
NASCIMENTO, R. B.. Oficinas sobre gênero e sexualidade e extensão universitária. In: I Encontro Norte Mineiro de Serviço Social, 2018, MONTES CLAROS. Anais do I Econtro Norte Mineiro de Serviço Social. Revista Serviço Social em Perspectiva: Revista do Curso de Serviço Social da Unimontes. Montes Claros, 2018. v. 2. p. 549-562.

2.
NASCIMENTO, R. B.; FUKUSHIRO, L. F. P. . Preconceito e experiência estética musical em T. W. Adorno. In: Encontro Internacional de Música e Mídia. Com som. Sem som: Liberdades políticas; liberdades poéticas, 2014, São Paulo. Anais do 10o. Encontro Internacional de Música e Mídia, 2014. p. 388-399.

Artigos aceitos para publicação
1.
NASCIMENTO, R. B.; AMORIM, MÔNICA MARIA TEIXEIRA . O ENSINO DA DIVERSIDADE ÉTNICO-RACIAL NA ESCOLABÁSICA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA VIVIDA NO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID). CRIAR EDUCAÇÃO REVISTA DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO UNESC, 2017.

Apresentações de Trabalho
1.
NASCIMENTO, R. B.. Oficinas sobre gênero e sexualidade e extensão universitária. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
NASCIMENTO, R. B.. Sexualidade Humana: determinismo biológico vs contexto socioantropológico. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
NASCIMENTO, R. B.; JESUS, J. G. ; TORRES, M. A. ; BORGES, L. A. ; MAYORGA, C. . Educação e Democracia - Gênero e Sexualidade. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
NASCIMENTO, R. B.. Políticas identitárias e pós-identitárias de gênero e sexualidade na educação: uma falsa dicotomia.'. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
NASCIMENTO, R. B.; BRITO, G. R. G. ; SALIBA, B. ; SOUZA, J. A. . A solidão e o não lugar na sociedade contemporânea. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
NASCIMENTO, R. B.; AMORIM, MÔNICA MARIA TEIXEIRA . Formação de professores e a educação étnico-racial na escola básica: um relato de experiência vivida no programa institucional de bolsa de iniciação à docência (PIBID). 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
NASCIMENTO, R. B.. A solidão e a pesquisa. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
NASCIMENTO, R. B.; SILVA, M. F. ; FREITAS, N. V. . 'Baleia Azul e Série 13 Reasons Why - Reflexões acerca da subjetividade humana'.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
NASCIMENTO, R. B.. O papel da Indústria Cultura e sua produção sistemática de estereótipos na formação de indivíduos preconceituosos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

10.
NASCIMENTO, R. B.; ANTONIO, D. C. L. . A linguagem e a diversidade de definições para as sexualidades e identidades LGBTTIQ. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
NASCIMENTO, R. B.. 'Equidade e enfrentamento à violência'. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
FRANCO, A. L. M. ; NOGUEIRA, A. R. C. ; NASCIMENTO, R. B. ; PERES, M. H. F. N. ; RIBEIRO, S. M. . As oficinas de dinâmica de grupo do PAPPO: breve histórico e caracterização. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
BAIONI, R.; FUKUSHIRO, L. F. P. . História/Historicidade/Temporalidade: Música, mídia e política. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
NASCIMENTO, RAFAEL BAIONI DO. O preconceito e o ensino de arte na Escola pela perspectiva de T. W. Adorno. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
NASCIMENTO, R. B.. Educação emancipátoria, arte e formação do indivíduo: reflexões a partir da estética de Adorno. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

16.
NASCIMENTO, R. B.; FONSECA, C. M. . Contingência e contiguidade no responder de ratos sob esquemas de razão e intervalo variáveis. 2004. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
NASCIMENTO, R. B.. Revista de Psicologa da UFC (ISSN 2179-1740). 2016.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
NASCIMENTO, R. B.; BRITO, G. R. G. . Novas tecnologias e sentimento de solidão. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
NASCIMENTO, R. B.; BRITO, M. ; SANTOS, A. K. ; NASCIMENTO, R. S. . Transexualidade e despatologização: aspectos do julgamento da ADI 4275 pelo STF. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
NASCIMENTO, R. B.. Gênero e sexualidade na Educação. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
NASCIMENTO, R. B.; NASCIMENTO, L. H. S. . Identidade, Sexo e Expressão: atendimento humanizado à população LGBT. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
NASCIMENTO, R. B.. Curso de Introdução a Concepção de Carl Rogers. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
NASCIMENTO, R. B.. Curso de Introdução a Concepção de Carl Rogers. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
VELOSO, GEISA MAGELA; CARDOSO, Z. S.; NASCIMENTO, R. B.; MORAES, E. M.. Participação em banca de Marina Rodrigues Amaral.Letramento emergente na educação infantil: uma relação indissociável com o sucesso na apropriação da leitura e escrita.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros.

2.
VELOSO, GEISA MAGELA; NASCIMENTO, R. B.. Participação em banca de Dinikelle Rodrigues dos Santos.Mudanças pedagógicas produzidas nas práticas alfabetizadoras propostas pelo PNAIC. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros.

3.
VELOSO, GEISA MAGELA; NASCIMENTO, R. B.. Participação em banca de Glayce Kelly Costa de Sá.O desenho infantil como representação. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros.

4.
VELOSO, GEISA MAGELA; NASCIMENTO, R. B.. Participação em banca de Ludmila Amaral Costa.A leitura de deleite como prática formativa no âmbito do PNAIC. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros.

5.
VELOSO, GEISA MAGELA; NASCIMENTO, R. B.. Participação em banca de Ariadne Barbosa Passos.Ensinar com afeto: contribuições das relações afetivas no processo ensino-aprendizagem. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Encontro Norte Mineiro de Serviço Social.Oficinas sobre gênero e sexualidade e extensão universitária. 2018. (Encontro).

2.
11o. Fórum de Ensino, Pesquisa, Extensão e Gestão da Universidade Estadual de Montes Claros (11o. FEPEG-UNIMONTES): Universidade, Sociedade e Políticas Públicas.. Gênero não é ideologia: ciência, educação e movimentos sociais na luta por Direitos Humanos para todos. 2017. (Congresso).

3.
11o. Fórum de Ensino, Pesquisa, Extensão e Gestão da Universidade Estadual de Montes Claros (11o. FEPEG-UNIMONTES): Universidade, Sociedade e Políticas Públicas.. Direitos Humanos LGBTTQI no brasil: histórico, situação e perspectivas. 2017. (Congresso).

4.
Amostra Inserto.O papel da Indústria Cultura e sua produção sistemática de estereótipos na formação de indivíduos preconceituosos. 2017. (Outra).

5.
Amostra Inserto. 2017. (Outra).

6.
Amostra Inserto.A linguagem e a diversidade de definições para as sexualidades e identidades LGBTTIQ. 2017. (Outra).

7.
Amostra Inserto.Comunicação e artes: abordagens diversas. 2017. (Outra).

8.
III Colóquio Foucault.Questões de método e questões de gênero: genealogia e dialética negativa. 2017. (Simpósio).

9.
IX Congresso Norte Mineiro de Pesquisa em Educação - Currículo: desafios e implicações político-pedagógicas. Políticas identitárias e pós-identitárias de gênero e sexualidade na educação: uma falsa dicotomia.. 2017. (Congresso).

10.
IX Congresso Norte Mineiro de Pesquisa em Educação - Currículo: desafios e implicações político-pedagógicas. sessão de comunicação. 2017. (Congresso).

11.
IX Congresso Norte Mineiro de Pesquisa em Educação - Currículo: desafios e implicações político-pedagógicas. 2017. (Congresso).

12.
Projeto Encontros e Debates.A solidão e o não lugar na sociedade contemporânea. 2017. (Outra).

13.
Saúde Mental, Luta Antimanicomial e Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes.Baleia Azul e Série 13 Reason Why - Reflexões acerca da subjetividade humana. 2017. (Outra).

14.
SBPC Educação da 69ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). 2017. (Encontro).

15.
SBPC Educação da 69ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).Educação e Democracia ? Gênero e Sexualidade. 2017. (Encontro).

16.
Seminário "Cura Gay": O que realmente adoece?."Cura Gay": O que realmente adoece?. 2017. (Seminário).

17.
Seminário de Pesquisa em Educação (Curso de Pedagogia - Unimontes) U.A solidão e a pesquisa. 2017. (Seminário).

18.
Seminário de Pesquisa em Educação - Curso de Pedagogia (Unimontes).Pôsteres. 2017. (Seminário).

19.
VI Encontro Nacional de História/X Encontro de estudantes de História: Conservadorismos e expressões de poder pela violência: esferas (extra) institucionais e privadas. Métodos e Ensino na Educação. 2017. (Congresso).

20.
VI Encontro Nacional de História/X Encontro de estudantes de História: Conservadorismos e expressões de poder pela violência: esferas (extra) institucionais e privadas. FORMAÇÃO DE PROFESSORES E A EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL NA ESCOLA BÁSICA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA VIVIDA NO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID). 2017. (Congresso).

21.
10º FÓRUM DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E GESTÃO.AS OFICINAS DE DINÂMICA DE GRUPO DO PAPPO: BREVE HISTÓRICO E CARACTERIZAÇÃO. 2016. (Outra).

22.
10 Encontro Internacional de Música e Mídia: Com som. Sem som: Liberdades políticas; liberdades poéticas.História/Historicidade/Temporalidade: Música, mídia e política. 2014. (Encontro).

23.
1a. Jornada Singularidades.O preconceito e o ensino de arte na Escola pela perspectiva de T. W. Adorno. 2014. (Outra).

24.
III Congresso Brasileiro Psicologia: Ciência e Profissão. Educação emancipatória, arte e formação do indivíduo: reflexões a partir da estética de Adorno. 2010. (Congresso).

25.
I Congresso Internacional, II Congresso Ibero-americano, I Congresso Brasileiro de Acompanhamento Terapêutico. Sobre a mediação no laço social: um relato de caso em um grupo de passeio. 2006. (Congresso).

26.
I Jornada Plantão Psicológico em Aconselhamento Psicológico.Palestrante da Mesa Redonda: Experiências de Plantão Psicológico e formação do aluno em foco. 2006. (Outra).

27.
Perpectivas Teóricas Sobre o Preconceito. 2005. (Seminário).

28.
12o. SIICUSP."Contingência e Contiqüidade no Responder de Ratos Brancos sob Esquemas de Razão e Intervalos Variáveis". 2004. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
NASCIMENTO, R. B.. IX Congresso Norte Mineiro de Pesquisa em Educação. 2017. (Congresso).

2.
SANTOS, A. K. ; CRUZ, A. F. G. ; CRUZ, C. S. R. C. ; RODRIGUES, J. V. S. ; ZUBA, J. G. ; NETO, J. C. S. ; SILVA, L. F. ; NASCIMENTO, L. H. S. ; NASCIMENTO, R. B. ; NASCIMENTO, R. S. ; ALMEIDA, S. P. F. ; SILVA, T. B. . Amostra Inserto. 2017. (Outro).

3.
FRANCO, A. L. M. ; NOGUEIRA, A. R. C. ; NASCIMENTO, R. B. ; PRATES, S. R. ; RIBEIRO, S. M. . VI Diálogos Universitários: vivências acadêmicas e sofrimento psicológico.. 2017. (Outro).

4.
NASCIMENTO, R. B.; MARTINS, A. P. J. ; ANTONIO, D. C. L. ; LEITE, F. O. ; SILVA, T. B. . Amostra Inserto. 2017. (Outro).

5.
NASCIMENTO, R. B.; BRITO, M. . Transexualidade: aspectos jurídicos e médicos da despatologização. 2017. (Outro).

6.
NASCIMENTO, R. B.. III Congresso de Ciências Humanas: licenciaturas em movimento. 2017. (Congresso).

7.
NASCIMENTO, R. B.. VIII Congresso Norte Mineiro de Pesquisa em Eduação. 2016. (Congresso).

8.
CROCHIK, J. L. ; IMBRIZZI, J. ; CASCO, R. ; FERRARI, M. D. ; HRYNIEWICZ, R. R. ; NASCIMENTO, R. B. . Perspectivas teóricas sobre o preconceito. 2005. (Outro).

9.
NASCIMENTO, R. B.; GARCIA, C. V. ; HELCIA, C. V. ; VILHANUEVA, M. . X Semana de Psicologa: Formação em Psicologia e Desigualdade Social. 2004. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Alexis Kevin Santos. Velour: Drag para além dos binários Análise da performance de drags na primeira edição da revista Velour: The drag magazine. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual de Montes Claros. (Orientador).

2.
Paula Caroline Nunes Oliveira. Homossexuais na ditadura brasileira Pesquisa no jornal Lampião da Esquina. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual de Montes Claros. (Orientador).

3.
Renan de Souza Nascimento. A inversão dos sexos: discursos médicos sobre a homossexualidade: 1930 Analisa as obras de Estácio de Lima e Afrãnio Peixoto acerca da homossexualidade. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual de Montes Claros. (Orientador).

4.
Deborah Dantas Moura Soares. Indisciplina Escolar: Diferentes Olhares entre Autoridade e Autoritarismo. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros. (Orientador).

5.
Rhaissa Catleen Melo. Indisciplina escolar nos anos iniciais: a família e a escola.. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros. (Orientador).

6.
Ana Flávia Gonçalves Cruz. Movimentos à esquerda: a participação dos homossexuais nos partidos políticos 1960-1980 Investiga como ocorreu a integração dos homossexuais nos partidos políticos. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual de Montes Claros. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Renan de Souza Nascimento. Experiência estética e preconceito: subsídios para a crítica do ensino de arte nas licenciaturas (subprojeto 2). Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em História) - Universidade Estadual de Montes Claros. (Orientador).

2.
Alexis Kevin Santos. Experiência estética e preconceito: subsídios para a crítica do ensino de arte nas licenciaturas (subprojeto 2). Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em História) - Universidade Estadual de Montes Claros. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Patrícia de Jesus Oliva. A educação como fator de mobilidade socioeconômica e cultural: trajetórias atípicas de duas professoras universitárias. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros. Orientador: Rafael Baioni do Nascimento.

2.
Maria Rachel Soares. A perspectiva dos pais e educadores sobre as contribuições do programa Mais Educação. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros. Orientador: Rafael Baioni do Nascimento.

3.
Nágela Diacuy Ferreira da Silva. Questionamentos sobre a educação infantil de tempo integral a partir da análise de uma escola municipal de Januária. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Pedagogia) - Universidade Estadual de Montes Claros. Orientador: Rafael Baioni do Nascimento.



Educação e Popularização de C & T



Cursos de curta duração ministrados
1.
NASCIMENTO, R. B.. Curso de Introdução a Concepção de Carl Rogers. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
NASCIMENTO, R. B.. Curso de Introdução a Concepção de Carl Rogers. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/11/2018 às 21:04:05