Alessandro Pinzani

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1D

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5498671040366171
  • Última atualização do currículo em 03/12/2018


Possui mestrado em Filosofia pela Universidade de Florença, Itália (1992) e doutorado em filosofia pela Universidade de Tübingen, Alemanha (1997). Fez pós-doutorado na Columbia University de New York (2001-2002, com bolsa da Alexander-von-Humboldt-Stiftung), na Humboldt-Universität zu Berlin (2010-2011 com bolsa Capes), bem como na Università degli Studi di Firenze e na Ruhr-Universität de Bochum (2015-2016 com bolsa Capes). Obteve a Habilitation (Livre-Docência) e a Venia Legendi em filosofia na Universität Tübingen (2004). Desde 2004 é professor de Ética e Filosofia Política da Universidade Federal de Santa Catarina. Foi professor visitante na PUC-RS (2001), na universidade de Dresden, Alemanha (2013) e na Ruhr-Universität Bochum, Alemanha (2016). É pesquisador do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico no nível 1D. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Filosofia Política, atuando principalmente nos seguintes temas: filosofia política moderna, Kant, Habermas, teorias da justiça, pobreza, Teoria Critica. Entre seus livros destacam-se: "An den Wurzeln moderner Demokratie" (Berlim, 2009), "Jürgen Habermas" (Munique, 2007) e "Vozes do Bolsa Família. Autonomia, dinheiro e cidadania" (em co-autoria com Walquíria Leão Rego, São Paulo, 2013). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Alessandro Pinzani
Nome em citações bibliográficas
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Filosofia do CFH.
UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina
Trindade
88040900 - Florianópolis, SC - Brasil
Telefone: (48) 37214499


Formação acadêmica/titulação


1993 - 1997
Doutorado em filosofia.
Universität Tübingen, UT, Alemanha.
Título: Habermas' Theorie der Rechte im Vergleich, Ano de obtenção: 1997.
Orientador: Otfried Höffe.
Bolsista do(a): Land Baden-Württemberg, LBW, Alemanha.
Palavras-chave: habermas; filosofia do direito; direitos humanos.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia política / Especialidade: Filosofia do direito.
1985 - 1992
Mestrado em Filosofia.
Università degli Studi - Firenze, UNIFI, Itália.
Título: La genesi del "Nuovo Pensiero" di Franz Rosenzweig,Ano de Obtenção: 1992.
Orientador: Maria Moneti Codignola.
Palavras-chave: rosenzweig.
Grande área: Ciências Humanas


Pós-doutorado e Livre-docência


2004
Livre-docência.
Universität Tübingen, UT, Alemanha.
Título: An den Wurzeln moderner Demokratie. Individuum und Staat in der Neuzeit: Ein Blick auf vier Grundmodelle, Ano de obtenção: 2004.
Palavras-chave: kant; liberalismo; republicanesimo; maquiavel; hobbes; rousseau.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Teoria Política / Especialidade: Teoria Política Moderna.
2016 - 2016
Pós-Doutorado.
Ruhr-Universität Bochum, RUB, Alemanha.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
2015 - 2016
Pós-Doutorado.
Università degli Studi di Firenze, UNIFI, Itália.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia contemporânea.
2010 - 2011
Pós-Doutorado.
HUMBOLDT-UNIVERSITÄT ZU BERLIN, HU, Alemanha.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Teoria Política.
2001 - 2002
Pós-Doutorado.
Columbia University, COLUMBIA, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Alexander-von-Humboldt-Stiftung, AVH, Alemanha.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.


Atuação Profissional



Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa, CFUL, Portugal.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Università degli Studi di Catania, UniCT, Itália.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Consejo Superior de Investigaciones Científicas, CSIC, Espanha.
Vínculo institucional

2014 - 2018
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

09/2017 - Atual
Direção e administração, Departamento de Filosofia do CFH, PPG Filosofia.

Cargo ou função
Membro do colegiado de pós-graduação.
08/2017 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos especiais em filosofia política: Teoria política feminista
Filosofia Politica III: Sofrimento social
3/2014 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia do Renascimento
Filosofia e economia
Filosofia moderna II
Filosofia Política I
Filosofia Política II
Tópicos de filosofia política do século XX
Seminário de interpretação de textos filosóficos I & II
08/2007 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Filosofia do CFH, Departamento de Filosofia do CFH.

Atividade realizada
Seminário dos orientandos.
08/2004 - Atual
Extensão universitária , Departamento de Filosofia do CFH, .

Atividade de extensão realizada
GEFID - Grupo de estudos em filosofia do direito.
07/2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Filosofia do CFH, NEFIPO.

03/2011 - 07/2017
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário avançado: Filosofia e economia
Seminário avançado: O debate contemporâneo sobre o igualitarismo
Seminário avançado: On Poverty
Seminário avançado: State, Market and Society in the Neoliberal Age
Tópicos especiais em filosofia política: A filosofia de Axel Honneth
Tópicos especiais em filosofia política: Teoria Crítica ontem e hoje
Tópicos especiais em filosofia política: Uma Teoria Crítica para o século XXI?
03/2013 - 07/2015
Direção e administração, Departamento de Filosofia do CFH, PPG Filosofia.

Cargo ou função
Coordenador do DINTER em Filosofia UFSC/UFT.
07/2004 - 02/2014
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
etica I e II
filosofia contemporânea II
filosofia moderna II
filosofia politica I, II e III
fundamentos filosóficos da justiça
Idealismo Alemão I e II
teorias da democracia
10/2011 - 09/2013
Direção e administração, Departamento de Filosofia do CFH, PPG Filosofia.

Cargo ou função
Coordenador de Programa.
10/2011 - 01/2013
Direção e administração, Conselho Universitário, .

Cargo ou função
Representante docente.
03/2011 - 09/2011
Direção e administração, Departamento de Filosofia do CFH, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
08/2006 - 01/2010
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Filosofia do CFH, Departamento de Filosofia do CFH.

Atividade realizada
Coordenador do Núcleo de Ética e Filosofia Política (NEFIPO) do CFH/UFSC.
03/2005 - 12/2009
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
filosofia política I: A Revolução Francese e o modo de pensar a política
Filosofia política I: Conceitos fundamentais da filosofia política moderna: Soberania popular
Filosofia Política I: O debate acerca da Constituição Norte-Americana de 1787
filosofia política I: política e paixões no pensamento político moderno
Filosofia Política I: Virtudes Cívicas
Seminário avançado sobre a Filosofia do Direito de Hegel
Seminário avançado sobre: The Parallax View de S.Zizek
Tópicos especiais em filosofia política: Schmitt e Kelsen sobre soberania e democracia
07/2005 - 03/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação.

Cargo ou função
Membro da Comissão de Ética no Uso de Animais.
03/2005 - 07/2006
Extensão universitária , Departamento de Filosofia do CFH, .

Atividade de extensão realizada
Grupo de leitura: Textos de filosofia política contemporânea.
08/2004 - 01/2006
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Filosofia do CFH, .


Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador 1D, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2006 - 2013
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Pesquisador II, Carga horária: 20


Universität Tübingen, UT, Alemanha.
Vínculo institucional

1997 - 2001
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: assistente, Carga horária: 20

Atividades

01/2003 - 06/2004
Pesquisa e desenvolvimento , Forschungsstelle für Politische Philosophie, .

08/1997 - 04/2001
Ensino, filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da filosofia
Filosofia política
Ética

Columbia University, COLUMBIA, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2001 - 2002
Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: visiting scholar, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

06/2001 - 12/2002
Pesquisa e desenvolvimento , Dept. of Philosophy, .

Linhas de pesquisa
Cidadania na idade moderna

PUC-RS, PUCRS, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2001
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: professor visitante

Atividades

03/2001 - 04/2001
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
filosofia política (Rousseau e Kant)

Ruhr-Universität Bochum, RUB, Alemanha.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor visitante

Atividades

04/2016 - 07/2016
Ensino, EELP - Ethics, Economics, Law and Politics, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminar On Poverty
Seminar: State, Market, and Society in the Neoliberal Age
Summer School on Social Suffering

Technische Universität Dresden, TUD, Alemanha.
Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor visitante

Atividades

06/2013 - 07/2013
Ensino, Masterstudiengang Politik und Verfassung, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminar "Das Spannungsverhältnis von Demokratie und Verfassung"


Linhas de pesquisa


1.
cidadania, democracia e globalização
2.
Cidadania na idade moderna
3.
Fundamentação da política e teorias da justiça
4.
teorias da democracia
5.
teorias da justiça


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Cosmopolitanism: justice, democracy and citizenship without borders
Descrição: This project brings together an international group of researchers from different disciplines (philosophy, psychology, sociology, political sciences, international relations, history, law, cultural studies, literature) who have for several years been conducting research on issues of cosmopolitanism in its personal, social, cultural, political and legal dimension.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2018 - Atual
Kant in South America
Descrição: The project is motivated by the circumstance that the scientific relevance of Southern American (henceforth SA) Kant scholarship is yet not fully acknowledged by European (henceforth EU) Kant scholars. Given this motivational background, the project has three general objectives (two of which strictly scientific and one of institutional nature): 1) It aims at making the results of SA Kantian research better known among the participants of the projects and available to a wider academic public in European institutions. 2) It also aims at strengthening the already existent, but not fully developed cooperation among SA and EU Kant scholars, which at present is limited to personal contacts among researchers in the absence of institutional ties. 3) It aims at producing new original research (in the forms of publishable papers), facilitated by secondments and prepared by teams of staff members grouped according to their subarea of specialization within Kant studies (theoretical, moral or political).
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Teoria Crítica e sofrimento social
Descrição: O presente projeto se propõe estabelecer quais critérios deveriam guiar uma teoria crítica da sociedade que possa enquadrar-se na tradição da Teoria Crítica, por um lado, e que represente um instrumento eficaz para realizar um diagnóstico social adequado da realidade brasileira, por outro. Por isso, o projeto não se limita a refletir sobre o que significa fazer Teoria Crítica hoje, mas pretende elaborar uma posição teórica original que tenha em seu centro o conceito de sofrimento social. A justificativa da relevância desta pesquisa se encontra no próximo item (?II. Justificativa?). Na primeira parte da pesquisa será realizado um levantamento das posições que os principais representantes atuais da Teoria Crítica defendem em relação à questão da natureza e do método de tal teoria. Pretendo organizar um volume com a tradução em português de algumas das contribuições mais interessantes. Na segunda parte da pesquisa, será esboçada uma teoria de crítica do sofrimento social..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Alessandro Pinzani - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 18 / Número de orientações: 6
2014 - 2018
Derechos humanos y justicia global en el contexto de las migraciones internacionales
Descrição: La investigación realizada a lo largo del período de ejecución del este proyecto ha servido para constatar hasta qué punto las migraciones se han convertido en uno de los macrofenómenos más definitorios de nuestro tiempo y simultáneamente en un complejo reto social y político. En los procesos migratorios se condensan gran parte de las tensiones y los desgarros de nuestro tiempo, sobre todo de aquellos generados precisamente por el desarrollo neoliberal de los procesos de globalización. Con la globalización se ha puesto en cuestión un supuesto central de la teoría política, como es la justificación moral de las fronteras territoriales, y también al menos una de sus principales implicaciones prácticas, como es el derecho de los Estados a controlar el tránsito de personas por ellas. Más allá de que el posible cierre completo de las fronteras sea una mera ilusión desmentida a diario por la realidad de la migración irregular masiva, la investigación realizada ha puesto de relieve el problemático estatus normativo de unos límites territoriales que con frecuencia son resultado de graves injusticias históricas. Si su origen puede ser cuestionable, igualmente lo son algunas de las funciones estructurales que se les asignan, entre las que tiene un lugar destacado la de marcar oportunidades espacialmente diferenciadas. Las injusticias globales, y en especial las profundas desigualdades económicas entre los Estados, determinan las perspectivas individuales de una buena vida. Se trata de factores nada irrelevantes y no imputables en general a los individuos perjudicados. Estas formas de injusticia se perpetúan por el hecho de que un considerable número de personas afectadas no tienen posibilidades legales y razonables de migración hacia países con una mejor calidad de vida. Si al final logran emigrar, lo hacen con no poca frecuencia en condiciones penosas, sin que resulte un hecho excepcional el sometimiento a abusos por parte de autoridades corruptas o de traficantes sin escrúpulos. Los procesos migratorios reciben respuestas cada vez más restrictivas por parte de gobiernos más preocupados por preservar el marco jurídico de su soberanía estatal que por respetar la legislación internacional sobre derechos humanos animada ? al menos, en su letra ? por una visión cosmopolita, humanitaria y solidaria. En este marco, la obsesión por la seguridad, la estabilidad y el mantenimiento del statu quo a nivel global resulta completamente insoportable para quienes se encuentran en situaciones de desventaja. La distribución justa de los recursos de la Tierra y de las innovaciones humanas no es una simple alternativa, es un imperativo en mor de la supervivencia pacífica de la especie. Y la búsqueda de modelos políticos, sociales y económicos más inclusivos y equitativos únicamente será factible a una escala global si se modifica sustancialmente el papel atribuido a las fronteras territoriales. Sólo desafiando las fronteras territoriales cabe redefinir las fronteras de la justicia a escala global..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (5) .
Integrantes: Alessandro Pinzani - Coordenador / Juan Carlos Velasco - Integrante / Marta Irurozqui Victoriano - Integrante / Esther Massó Guijarro - Integrante / María Isabel Turégano - Integrante / Federico Arcos - Integrante / Daniel Hans Loewe - Integrante / Maria Caterina La Barbera - Integrante / Francisco Blanco - Integrante / Raissa Wihby Ventura - Integrante.Financiador(es): Ministerio de Ciencia e Innovación - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 86 / Número de orientações: 11
2013 - 2017
A Metafísica dos Costumes como guia para um mundo moral e juridicamente complexo
Descrição: O projeto pretende examinar a possibilidade de uma leitura e interpretação contemporânea da Doutrina do direito e da Doutrina da virtude consideradas como uma obra única: a Metafísica dos costumes. A hipótese de partida é de que nesta obra Kant tentou aplicar à realidade os princípios morais abstratos desenvolvidos na sua filosofia moral ?pura? e de que é nossa tarefa fazer a mesma coisa em nosso mundo contemporâneo, em outras palavras: entender o ser humano como um ser fenomênico que enfrenta os desafios éticos e jurídicos contemporâneos. Deste ponto de vista, toda a Metafísica dos costumes pode ser vista como um guia relativo à melhor maneira de aplicar princípios morais à realidade fenomênica (para usar a terminologia kantiana). A tarefa do projeto é perguntar-se como fazer isso no mundo hodierno: como aplicar princípios morais gerais ao nosso mundo presente com seus problemas jurídicos e morais peculiares. Neste sentido, consideraremos a Metafísica dos costumes como um guia para construir uma boa teoria de ética aplicada. Pensamos que Kant nos ofereça um repertório de argumentos que podem ser usados na discussão de temas jurídicos e éticos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (2) .
Integrantes: Alessandro Pinzani - Coordenador / Maria de Lourdes Alves Borges - Integrante / Darlei Dall'Agnol - Integrante / Delamar Volpato Dutra - Integrante / Thomas Mertens - Integrante / Milene C. Tonetto - Integrante / Ronald Tinnevelt - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 25
2012 - 2016
Kant e Hobbes: coerência e incoerência obrigacional em face de um Estado tirânico ou injusto
Descrição: O objetivo do projeto é determinar o conceito de obrigação em Kant e Hobbes, com a finalidade de avaliar se as suas teorias são coerentes com os seus respectivos conceitos de obrigação. Um dos pomos de discórdia entre Hobbes e Kant, especificamente em relação ao texto Contra Hobbes, é aquele que diz respeito ao conceito de obrigação. Kant sustenta uma obrigação incondicional ancorada em uma determinação a priori da razão. Hobbes, por seu turno, muito embora conceda que a lei natural vincule interiormente, o conceito de obrigação que para ele realmente importa é aquele fundamentado no contrato, cuja base, como se sabe, reside na autopreservação, obrigação esta que Kant não tem dúvidas em classificá-la como hipotética, pois justamente dependente de um fim que se deve pressupor. É essa discordância que parece estar em questão justamente no primeiro parágrafo do texto Contra Hobbes. Com efeito, nele Kant afirma que o contrato social se distingue de todo outro contrato por ser um fim em si mesmo. Ora, uma finalidade em si mesma que é ditada pela razão prática pura fundamenta uma obrigação incondicional. O presente projeto pretende sustentar duas hipóteses. A primeira delas diz respeito aos conteúdos, à substância, dos direitos básicos em Kant e ao conteúdo da lei natural em Hobbes. Sustenta-se que a fundamentação estratégica das leis naturais por Hobbes não desqualifica o conteúdo das mesmas como sendo de estirpe moral. Sustenta-se uma equivalência entre os conteúdos da lei natural em Hobbes e os conteúdos ditados pelo princípio universal do direito formulado por Kant, mormente no que diz respeito à liberdade, à igualdade e ao cumprimento dos pactos. A segunda hipótese diz respeito à coerência de ambos os pensadores com seus respectivos fundamentos obrigacionais. Nesse particular, pretende-se defender que Hobbes é mais coerente do que Kant, ao menos no diz respeito à liberdade do súdito frente a um Estado injusto, haja vista este negar um direito no estado de necessidade.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (10) / Doutorado: (10) .
Integrantes: Alessandro Pinzani - Integrante / Maria de Lourdes Alves Borges - Integrante / Darlei Dall'Agnol - Integrante / Delamar Volpato Dutra - Coordenador / Selvino Assmann - Integrante / Aylton Barbieri Durão - Integrante / Milene C. Tonetto - Integrante.
2012 - 2015
Justiça social e carências humanas
Descrição: O presente projeto visa reintroduzir no debate sobre justiça social o tema das carências humanas. A intenção é recolocar estas últimas no centro da reflexão filosófica, identificando aquelas que podem ser objeto de políticas públicas e, portanto, de uma teoria da justiça social. Para tal fim, será necessário primeiramente definir o próprio conceito de carência; em seguida, mostrar sua conexão com uma noção de bem-estar que, por sua vez, será definida como conceito plural, isto é, ligado à existência de diferentes tipos (e diferentes níveis) de bem-estar correspondentes a diferentes aspectos da personalidade humana. Finalmente, mostrar-se-á a relação entre carência e bem-estar, por um lado, e política públicas, por outro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Alessandro Pinzani - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 40 / Número de orientações: 9
2009 - 2012
Espírito democrático e espírito cidadão. Uma análise teórica
Descrição: Objeto do presente projeto é a definição de um conceito ?denso? de cidadania, que não se limite à definição de critérios formais para o estabelecer quem é membro da comunidade política e em que sentido (direitos de cidadania como pertença), nem à questão da concreta participação nos processos decisórios (direitos de participação política), mas se estenda às condições que permitem a um indivíduo identificar-se e sentir-se como membro de uma comunidade política. Para tal finalidade são necessários dois passos. O primeiro consiste na definição do próprio conceito de comunidade política e remete à questão da identidade coletiva. O segundo diz respeito à definição do acima mencionado conceito de cidadania e à questão da identidade sociopolítica do indivíduo. A hipótese de trabalho da qual partiremos é a de que existe uma relação direta entre o idem sentire que é a condição necessária para a existência de uma identidade coletiva (portanto, de uma comunidade política propriamente dita: isso pressupõe obviamente uma concepção de identidade coletiva não substancial, mas relacional) e o reconhecimento recíproco dos seus membros como iguais não somente do ponto de vista político, mas também social e moral. Introduzimos, por isso, uma distinção entre espírito democrático (que diz respeito à dimensão estritamente política) e espírito cidadão (que compreende as outras duas dimensões: a social e a moral)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (6) .
Integrantes: Alessandro Pinzani - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 63 / Número de orientações: 12
2009 - 2010
Direito, política e moral em Kant
Descrição: A relação entre moral, política e direito em Kant é bastante complexa, como é inevitável no caso de uma relação formada por uma tria de elementos. A tornar tudo ainda mais complicado é a circunstância ulterior de que Kant se ocupa de tal relação em obras bastante diferentes entre si: escritos de filosofia da história como a Idéia de uma história universal com intenção cosmopolita, opúsculos políticos como a Paz perpétua e obras sistemáticas como a Doutrina do direito, sem mencionar escritos de ocasião como Sobre um suposto direito de mentir por amor à humanidade, redigido como resposta polêmica a Constant. Cada uma destas obras assume uma perspectiva diferente e isso cria dificuldades para os leitores, como é demonstrado por vários equívocos interpretativos que pretendem individuar em Kant uma submissão quase que absoluta da política e do direito à moral. O presente projeto se propõe esclarecer tais equívocos e chegar a uma melhor compreensão da relação triádica acima mencionada..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (5) .
Integrantes: Alessandro Pinzani - Coordenador / Maria de Lourdes Alves Borges - Integrante / Darlei Dall'Agnol - Integrante / Delamar Volpato Dutra - Integrante / Valério Rohden - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2006 - 2009
Democracia, constituição e ethos democrático: um debate entre passado e presente
Descrição: O objeto deste projeto é analisar a relação intercorrente entre democracia, constituição e ethos democrático. A presente pesquisa faz parte de uma pesquisa mais abrangente que se ocupa das complexas relações entre participação política individual, ação política coletiva e democracia, e pretende levar à formulação de uma teoria da democracia participativa. A perspectiva escolhida para as diversas fases da pesquisa é dupla. Por um lado, pretende-se analisar textos clássicos sobre as diversas questões objetos da pesquisa específica. Por outro lado, tenta-se uma discussão teórica com base em artigos e livros de autores contemporâneos, discussão que deveria levar à elaboração de uma posição autônoma. ..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (9) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Alessandro Pinzani - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 55 / Número de orientações: 18
2004 - 2006
Democracia, constituição e ethos democrático: um debate entre passado e presente
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2005 - Atual
GEFID - Grupo de Estudos em Filosofia do Direito
Descrição: Grupo de pesquisa aberto à comunidade que se reune regularmente para discutir textos de filosofia do direito ou de filosofia política.
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.


Membro de corpo editorial


2015 - Atual
Periódico: Dissonância Revista de Teoria Crítica
2015 - Atual
Periódico: Con-textos Kantianos
2015 - Atual
Periódico: Marx-Engels-Gesamtausgabe (MEGA)
2014 - Atual
Periódico: Isegoría (Madrid)
2014 - Atual
Periódico: Desafios. Revista Interdisciplinar da UFT
2012 - Atual
Periódico: Estudos Kantianos
2011 - Atual
Periódico: Revista Latinoamericana de Filosofia Política
2007 - Atual
Periódico: Cadernos de Filosofia Alemã
2005 - Atual
Periódico: ethic@


Revisor de periódico


2004 - Atual
Periódico: Ethic@ (UFSC)
2013 - Atual
Periódico: Dois Pontos (UFPR)
2013 - Atual
Periódico: Agalia (A Corunha)
2013 - Atual
Periódico: Veritas (Porto Alegre. Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Civitas: Revista de Ciências Sociais (Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Kant-Studien
2015 - Atual
Periódico: Praxis Filosofica
2013 - Atual
Periódico: Educação (PUCRS. Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Ciência Política
2015 - Atual
Periódico: Con-Textos Kantianos
2015 - Atual
Periódico: Tempo Social (USP. Impresso)
2016 - Atual
Periódico: Zeitschrift für Praktische Philosophie


Revisor de projeto de fomento


2014 - Atual
Agência de fomento: Narodowe Centrum Nauki
2013 - Atual
Agência de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
2012 - Atual
Agência de fomento: Schweizerischer Nationalfonds zur Förderung der wissenschaften
2006 - Atual
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia política.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia política/Especialidade: Filosofia do direito.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.


Idiomas


Italiano
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Alemão
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Latim
Lê Bem.
Grego
Lê Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2016
Premio internazionale di filosofia Karl-Otto Apel, Università della Calabria (Itália).
2016
Prêmio Capes de Tese para o ano de 2015 (como Orientador), Capes.
2004
Fritz-Thyssen-Forschungsstipendium, Fritz-Thyssen-Stiftung (Alemanha).
2001
Feodor-Lynen-Stipendium, Alexander-von-Humboldt-Stiftung (Alemanha).


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:57
Total de citações:690
A Pinzani  Data: 14/05/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
PINZANI, A.2018PINZANI, A.. The new millenarianism: on the end of the world and of capitalism as we know them. Civitas (Porto Alegre), v. 18, p. 539-562, 2018.

2.
PINZANI, A.2017PINZANI, A.. TEORIAS POLÍTICAS TRADICIONAIS E TEORIA CRÍTICA. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, v. 102, p. 57-91, 2017.

3.
PINZANI, A.2017PINZANI, A.. Honra e honestidade na 'Metafísica dos Costumes'. ESTUDOS KANTIANOS, v. 5, p. 107-124, 2017.

4.
PINZANI, A.2017PINZANI, A.. Beati Possidentes? Kant on Inequality and Poverty. ETHIC@ (UFSC), v. 16, p. 475-492, 2017.

5.
PINZANI, A.2016PINZANI, A.. Direitos sociais e cidadania. Revista de Filosofia Aurora, v. 28, p. 119-134, 2016.

6.
PINZANI, A.2016PINZANI, A.. Farewell to Welfare: An End to Citizenship as We Know It. SocietàMutamentoPolitica, v. 7, p. 119-137, 2016.

7.
PINZANI, A.2016PINZANI, A.. Alegoria e política nos Capitoli de Maquiavel. PERI, v. 8, p. 37-65, 2016.

8.
PINZANI, A.2016PINZANI, A.; REGO, W. G.D. L. . Money, Autonomy, Citizenship. Effects of the Programa Bolsa Família on its Participants. Philosophy and Public Issues (New Series), v. 6, p. 115-159, 2016.

9.
PINZANI, A.2015PINZANI, A.. Zakladni potreby jako duvody vedouci k jednani. Filosoficky Casopis, v. 63, p. 57-76, 2015.

10.
DE OLIVEIRA, WESLEY FELIPE2015DE OLIVEIRA, WESLEY FELIPE ; Pinzani, Alessandro . O que o mercado não mata: uma análise da moralidade especista e a economia. INTERthesis (Florianópolis), v. 12, p. 01-15, 2015.

11.
PINZANI, A.2015PINZANI, A.. Estado laico e interferência religiosa. Ethic@ (UFSC), v. 14, p. 279-299, 2015.

12.
Pinzani, Alessandro2014Pinzani, Alessandro. (In)Justice and Morality. A Commentary on Christoph Horn-s Paper. Ethic@ (UFSC), v. 13, p. 18, 2014.

13.
PINZANI, A.2014PINZANI, A.. Etica e politica: una relazione tesa. Lessico di etica pubblica, v. 5/2, p. 1-18, 2014.

14.
Pinzani, Alessandro2014Pinzani, Alessandro. Alcances e limites de um CCT Program: quão justificadas são as críticas ao Bolsa Família?. Cadernos de Filosofia Alemã, v. 19, p. 149-163, 2014.

15.
PINZANI, A.2014PINZANI, A.; SILVA, M. R. . 'Vozes do bolsa família: autonomia, dinheiro e cidadania'. Entrevista realizada com Alessandro Pinzani. Revista Pedagógica (Unochapecó. Online), v. 16, p. 207-216, 2014.

16.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2014PINZANI, A.; REGO, W. G.D. L. . Money, Personal Autonomy, Citizenship. Effects of the Programa Bolsa Família on Its Participants. Gender, Rovné Prílezitosti, Výzkum, v. 15, p. 3-15, 2014.

17.
PINZANI, A.2013PINZANI, A.. Democracia versus tecnocracia: apatia e participação em sociedades complexas. Lua Nova (Impresso), p. 135-168, 2013.

18.
PINZANI, A.2013PINZANI, A.. El papel sistemático de las reglas pseudo-ulpianas en la doctrina del derecho de Kant. Revista Pensamiento Político, v. 4, p. 35-52, 2013.

19.
PINZANI, A.2013PINZANI, A.. In the beginning was the deed. On the origin of property and society in Rousseau and Kant. Estudos Kantianos, v. I/2, p. 11-24, 2013.

20.
PINZANI, A.2013PINZANI, A.; CONSANI, C. F. . Jefferson vs. Madison Revisited. Jahrbuch fur Recht und Ethik / Annual Review of Law and Ethics), v. 21, p. 111-132, 2013.

21.
REGO, W. G.D. L.2013REGO, W. G.D. L. ; PINZANI, A. . Liberdade, dinheiro e autonomia. O caso da Bolsa Família. Política & Trabalho (Online), v. 38, p. 21-42, 2013.

22.
PINZANI, A.2012PINZANI, A.. A Methodenlehre da segunda Crítica e suas possíveis consequências para uma ética cívica em Kant. Studia Kantiana (Rio de Janeiro), v. 12, p. 93-109, 2012.

23.
Pinzani, Alessandro2012Pinzani, Alessandro. De objeto de políticas a sujeitos da política: dar voz aos pobres. Ethic@ (UFSC), v. 10, p. 83-101, 2012.

24.
PINZANI, A.2012PINZANI, A.. Teoria crítica e justiça social. Civitas: Revista de Ciências Sociais, v. 12, p. 88-106, 2012.

25.
Pinzani, Alessandro2012Pinzani, Alessandro. Das Recht der Freiheit, de Honneth, Axel. Novos Estudos CEBRAP (Impresso), p. 207-237, 2012.

26.
PINZANI, A.2012PINZANI, A.. Maquiavello, la guerra y la paz. Erasmus, v. XIV, p. 171-189, 2012.

27.
Pinzani, Alessandro2012Pinzani, Alessandro. How much Schopenhauer is there really in Wagner?. Ethic@ (UFSC), v. 11, p. 211-226, 2012.

28.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2011PINZANI, A.. Alienados e culpados: os cidadãos no republicanismo contemporâneo
DOI:10.5007/1677-2954.2010v9n2p267. Ethic@ (UFSC), v. 9, p. 267-288, 2011.

29.
PINZANI, A.2011PINZANI, A.. Elogio de Cinderela: o papel da filosofia política hoje. Peri, v. 3, p. 1-13, 2011.

30.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2010PINZANI, A.. El debate sobre la inmigración como discurso ontológico-político. Arbor (Madrid. Internet), v. 186, p. 513-530, 2010.

31.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2010PINZANI, A.. Minimal Income as Basic Condition for Autonomy. Veritas (Porto Alegre), v. 55, p. 9-20, 2010.

32.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2010PINZANI, A.. Solidariedade e Autonomia Individual. Dois Pontos (UFPR), v. 7, p. 157-173, 2010.

33.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2009PINZANI, A.. O papel sistemático das regras pseudo-ulpianas na Doutrina do Direito de Kant. Studia Kantiana (Rio de Janeiro), v. 8, p. 94-120, 2009.

34.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2009PINZANI, A.. Reconhecimento e solidariedade. Ethic@ (UFSC), v. 8, p. 101-113, 2009.

35.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2009PINZANI, A.. Kant on Sovereignty. Kant e-Prints (Online), v. 3/2, p. 229-236, 2009.

36.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2009PINZANI, A.. Worum geht es bei einer universalistischen Moral?. Erwägen, Wissen, Ethik, v. 20, p. 454-456, 2009.

37.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2009PINZANI, A.. Democratic Constitutions and Education to Freedom. Civitas (Porto Alegre), v. 9, p. 472-495, 2009.

38.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2008PINZANI, A.. Habermas leitor de Kohlberg. Viver Mente e Cérebro Especial, v. 8, p. 32-39, 2008.

39.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2008PINZANI, A.. Representation in Kant's Political Theory. Jahrbuch fur Recht und Ethik / Annual Review of Law and Ethics), v. 16, p. 203-226, 2008.

40.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2007PINZANI, A.. Republicanismo(s), democracia, poder. Veritas (Porto Alegre), v. 52/1, p. 5-14, 2007.

41.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2007PINZANI, A.. Una ragione comunitaria? Alcune riflessioni a margine di Kant filosofo della comunità di Alberto Pirni. Fenomenologia e Società, v. XXX, p. 119-126, 2007.

42.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2006PINZANI, A.. Os demônios e as facções. Kant e Madison sobre paixões e instituições. Crítica (UEL), v. 11/33, p. 131-152, 2006.

43.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2006PINZANI, A.. A relação entre educação e política à luz do debate entre liberalismo e republicanismo. Conjectura (Caxias do Sul), v. 11, p. 9-27, 2006.

44.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2005 PINZANI, A.. Der systematische Stellenwert der pseudo-ulpianischen Regeln in Kants Rechtslehre. Zeitschrift für Philosophische Forschung, Frankfurt am Main, v. 59, n.1, p. 71-94, 2005.

45.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2005PINZANI, A.. O natural e o artificial. Argumentos morais e políticos contra a eugenia liberal seguindo Habermas e Foucault. Ethic@ (UFSC), Florianopolis, v. 4, n.3, p. 361-377, 2005.

46.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2005PINZANI, A.. Gobierno de las leyes y/o gobierno de los ciudadanos. Hay compatibilidad entre republicanismo y democracia liberal?. Isegoría (Madrid), Madrid, v. 33, p. 77-97, 2005.

47.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2004PINZANI, A.. Patrioti o diavoli? Identità collettiva, sovranità nazionale e ibertà individuali tra (neo-)repubblicanesimo e liberalismo. Fenomenologia e Società, Torino, v. XXVII, n.1, p. 68-100, 2004.

48.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2003PINZANI, A.. Il cittadino in Kant tra liberalismo e repubblicanesimo. Filosofia politica, v. XVII/1, n.1, p. 109-126, 2003.

49.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2003PINZANI, A.. L'equivoco della "governance". Iride (Bologna), Firenze, v. XVI, n.40, p. 555-566, 2003.

50.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2003PINZANI, A.. The Contrabassist and the CEO: Moral Judgement and Collective Identity. Ethic@ (UFSC), florianópolis, v. 2, n.2, p. 120-136, 2003.

51.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2003PINZANI, A.. Brauchen wir Bürgertugenden oder demokratischere Institutionen? Gegen einige Irrtüme des Republikanismus. Berliner Debatte - Initial, Berlin (Alemanha), v. 14, n.1, p. 34-44, 2003.

52.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2002PINZANI, A.. Patriotismo e responsabilidade na era da globalização. Civitas (Porto Alegre), Porto Alegre, v. 2, n.1, p. 211-228, 2002.

53.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2001PINZANI, A.. A teoria juridica de Jürgen Habermas entre funcionalismo e normativismo. Veritas (Porto Alegre), Porto Alegre, v. 46, n.1, p. 19-28, 2001.

54.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2000PINZANI, A.. Demokratisierung als Aufgabe. Läßt sich Globalisierung demokratisch gestalten?. Aus Politik und Zeitgeschichte, Bonn, v. 33-34, p. 32-38, 2000.

55.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro2000PINZANI, A.; MERLE, J. . Rechtfertigung und Modalitäten eines Rechts auf humanitäre Intervention. S+F Vierteljahresschrift für Sicherheit und Frieden, v. 18, n.1, p. 71-75, 2000.

56.
MERLE, Jean-Christophe2000MERLE, Jean-Christophe ; PINZANI, A. . Rechtfertigung und Modalitäten eines Rechts auf humanitäre Intervention. Sicherheit und Frieden, v. 18, p. 71-75, 2000.

57.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro1998PINZANI, A.. Un diritto a Internet? Il problema della creazione di un?opinione pubblica mondiale e di nuovi diritti umani per il XXI secolo. Iride (Bologna), v. XI, n.23, p. 1-13, 1998.

58.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro1996PINZANI, A.. Solidarietà e democrazia. Osservazioni su antropologia, diritto e legittimità nella teoria giuridica di Habermas. Iride (Bologna), v. IX, n.18, p. 473-482, 1996.

59.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro1996PINZANI, A.. Problemi di applicazione della teoria discorsiva della morale e del diritto. Ars Interpretandi, v. I, p. 55-75, 1996.

60.
PINZANI, A.;Pinzani, Alessandro1993PINZANI, A.. L?etica del discorso di fronte ad alcune obiezioni. Annali del Dipartimento di Filosofia dell?Università degli Studi di Firenze, v. IX, p. 197-220, 1993.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Money, Autonomy and Citizenship: The Experience of the Brazilian Bolsa Família. 1. ed. Basel: Springer Nature, 2018. v. 1. XXVI, 140p .

2.
PINZANI, A.; SCHMIDT, R. (Org.) . Um pensamento interdisciplinar. Ensaios sobre Habermas. 1. ed. Florianopolis: Nefipo, 2016. v. 1. 291p .

3.
PINZANI, A.; SANCHEZ MADRID, N. (Org.) ; FAGGION, A. (Org.) . Kant and Social Policies. 1. ed. London: Palgrave Macmillan, 2016. v. 1. XIII, 177p .

4.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Vozes do Bolsa Família. Autonomia, dinheiro e cidadania (edição revista e ampliada). 2. ed. São Paulo: Editora UNESP, 2014. v. 1. 250p .

5.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Vozes do Bolsa-Família: Autonomia, dinheiro e cidadania. 1. ed. São Paulo: Editora da UNESP, 2013. 248p .

6.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei (Org.) ; TONETTO, M. C. (Org.) . Investigações Kantianas I : um debate plural. 1. ed. Florianopolis: FUNJAB, 2012. v. 1. 254p .

7.
PINZANI, A.; TONETTO, M. C. (Org.) . Investigações kantianas II: novas vozes. 1. ed. Florianopolis: NEFIPO, 2012. v. 1. 218p .

8.
PINZANI, A.; TONETTO, M. C. (Org.) . Critical theory and social justice / Teoria crítica e justiça social. 1. ed. Florianopolis: NEFIPO, 2012. v. 1. 216p .

9.
PINZANI, A.. Filosofia Política III. 1. ed. Florianopolis: FILOSOFIA/EAD/UFSC, 2011. 178p .

10.
PINZANI, A.; ROHDEN, V. (Org.) . Crítica da razão tradutora. Sobre a dificuldade de traduzir Kant. 1. ed. Florianopolis: Nefipo, 2010. 176p .

11.
PINZANI, A.. An den Wurzeln moderner Demokratie. Bürger und Staat in der Neuzeit. 1. ed. Berlim: Akademie Verlag, 2009. 410p .

12.
PINZANI, A.. Filosofia Política II. Florianópolis: Filosofia/EAD/UFSC, 2009. 188p .

13.
PINZANI, A.. Habermas. 1. ed. Porto Alegre: Artmed, 2009. v. 1. 200p .

14.
DUTRA, Delamar Volpato (Org.) ; LIMA, C. M. (Org.) ; PINZANI, A. (Org.) . O pensamento vivo de Habermas. Uma visão interdisciplinar. Florianopolis: Nefipo, 2009. v. 1. 308p .

15.
PINZANI, A.. Jürgen Habermas. München: L. Beck, 2007. 232p .

16.
PINZANI, A.. Ghirlande di fiori e catene di ferro. Istituzioni e virtù politiche in Machiavelli, Hobbes, Rousseau e Kant. Firenze: Le Lettere, 2006. 352p .

17.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato (Org.) . Habermas em discussão. Anais do Colóquio Habermas realizado na UFSC (Florianópolis, 30 de março-1° de abril de 2005). Florianópolis: NEFIPO, 2005. 222p .

18.
PINZANI, A.. Maquiavel e o Príncipe. 1. ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2004. v. 1. 70p .

19.
PINZANI, A.; MONETI, Maria . Diritto, politica e moralità in Kant. 1. ed. Milão: Bruno Mondadori, 2004. v. 1. 160p .

20.
PINZANI, A.. Diskurs und Menschenrechte. Hamburg: Dr. Kovac, 2000. v. 1. 194p .

21.
PINZANI, A.; KUSCHEL, K. (Org.) ; ZILLINGER, M. (Org.) . Ein Ethos für eine Welt? Globalisierung als ethische Herausforderung. Frankfurt a. M. / New York: Campus, 1999. v. 1. 406p .

Capítulos de livros publicados
1.
PINZANI, A.. Recht der Menschheit und Menschenrechte. In: Mosayebi, Reza. (Org.). Kant und Menschenrechte. 1ed.Berlin; New York: De Gruyter, 2018, v. 1, p. 217-238.

2.
PINZANI, A.. Há um dever se ser um deus? Sobre o imperativo moral de ter uma mente brilhante num corpo perfeito. In: R. Crisp; D. Dall?Agnol; J. Savulescu, M. Tonetto. (Org.). Ética aplicada e políticas públicas. 1ed.Florianopolis: Editora da UFSC, 2018, v. , p. 119-136.

3.
PINZANI, A.. Justificación normativa y justificación funcional de la necesidad del Estado en Kant. In: ORMEÑO, Juan; VATTER, Miguel. (Org.). Forzados a ser libres. La teoría republicana del derecho de Kant. 1ed.Santiago: Fondo de Cultura Económica, 2017, v. 1, p. 197-208.

4.
PINZANI, A.. Gibt es eine ethische Pflicht, äußerlich frei zu sein?. In: Bernd Dörflinger; Dieter Hüning; Günter Kruck. (Org.). Das Verhältnis von Recht und Ethik in Kants praktischer Philosophie. 1ed.Hildesheim, Zürich, New York: Olms - Weidmann, 2017, v. , p. 171-190.

5.
PINZANI, A.. Estado laico e intereferência religiosa. In: KLEIN, J. T.; NAHRA, C.; MENEZES, A. B. N. T.. (Org.). A religião em questão. Temas de ética e filosofia política. 1ed.Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2017, v. 1, p. 267-288.

6.
PINZANI, A.. "Vai trabalhar, vagabundo": retórica antipobre e aspectos normativos de uma teoria da pobreza. In: SILVA, H. A.. (Org.). Sob os olhos da crítica. Reflexões sobre democracia, capitalismo e movimentos sociais. 1ed.Macapá: UNIFAP, 2017, v. , p. 348-388.

7.
PINZANI, A.. Tenemos el deber de manipular genéticamente a nuestros hijos?. In: TRUCCONE, S.. (Org.). Justica intergeneracional. Ensayos desde el pensamiento de Lukas H. Meyer. 1ed.Córdoba: UNC, 2017, v. , p. 137-166.

8.
PINZANI, A.. Pobreza: sobre a dificuldade de definir um fenômeno social. In: CONSANI, C. F.; XAVIER, Y. M. A.; ROSARIO, J. O. R.; GUIMARAES, P. B. V.. (Org.). O Estado de Direito e a proteção das liberdades. 1ed.Curitiba: Editora Prismas, 2017, v. 1, p. 285-319.

9.
PINZANI, A.. Personale Gerechtigkeit. In: Goppel, Anna, Mieth, Corinna, Neuhäuser, Christian. (Org.). Handbuch Gerechtigkeit. 1ed.Stuttgart: Metzler, 2016, v. 1, p. 154-158.

10.
PINZANI, A.; MIETH, C. ; NEUHAUSER, C. . Grundpositionen der Gerechtigkeitstheorie in Neuzeit und Gegenwart. In: Goppel, Anna, Mieth, Corinna, Neuhäuser, Christian. (Org.). Handbuch Gerechtigkeit. 1ed.Stuttgart: Metzler, 2016, v. 1, p. 20-29.

11.
PINZANI, A.. Pobreza. In: Guillermo Lariguet, Oscar Pérez de la Fuente, René González de la Vega y Hugo Seleme.. (Org.). Democracia, perspectivas sociales y económicas. 1ed.Buenos Aires; Montevideo: Euros; B de F, 2016, v. 1, p. 55-122.

12.
PINZANI, A.; SANCHEZ MADRID, N. . The State Looks Down: Some Reassessments of Kant?s Appraisal of Citizenship. In: Alessandro Pinzani; Andrea Faggion; Nuria Sanchez Madrid. (Org.). Kant and Social Policies. 1ed.London: Palgrave Macmillan, 2016, v. , p. 25-47.

13.
PINZANI, A.. Uma vida boa é uma vida responsável: o neoliberalismo como doutrina ética. In: Rajobac, Raimundo; Bombassaro, Luiz Carlos; Goergen, Pedro. (Org.). Experiência formativa e reflexão. 1ed.Caxias do Sul: Educs, 2016, v. , p. 369-382.

14.
Pinzani, Alessandro; Werle, Denilson L. . 4. Die Vermögen der Bürger und ihre Darstellung (Vorlesung II). In: HÖFFE, O.. (Org.). John Rawls: Politischer Liberalismus. 1ed.Berlin: DE GRUYTER, 2015, v. , p. 63-78.

15.
PINZANI, A.. Minimal Income as Basic Condition for Autonomy. In: OLIVEIRA, N.; HRUBEC, M.; SOBOTTKA, E.; SAAVEDRA, G.. (Org.). Justice and Recognition. On Axel Honneth and Critical Theory. 1ed.Praga: Filosofia, 2015, v. 1, p. 223-238.

16.
PINZANI, A.. Por que indignar-se? Reflexões sobre alguns mal-entendidos concernentes à relação entre ética e política. In: BAVARESCO, A.; GUEDES DE LIMA, J.; ASSAI, J. H. S.. (Org.). Estudos de filosofia social e política. 1ed.Porto Alegre: Editora Fi, 2015, v. 1, p. 12-42.

17.
PINZANI, A.. Between the Natural and the Artificial. Habermas (and Kant) on Eugenics. In: DALL'AGNOL, D.; TONETTO, M. C.. (Org.). Morality and Life. Kantian Perspectives in Bioethics. 1ed.Pisa: ETS, 2015, v. 1, p. 147-164.

18.
PINZANI, A.. Kant e a Doutrina do Direito. In: GELAIN, I. L.. (Org.). Uma introdução à filosofia do direito. 1ed.Ijuí: Editora da Unijuí, 2015, v. , p. 159-187.

19.
PINZANI, A.. Alienados e culpados: os cidadãos no republicanismo contemporâneo. In: M. C. Longo Cardoso Dias; J. T. Klein. (Org.). O sujeito em questão. Temas de ética e filosofia política. 1ed.Natal: EDUFRN, 2015, v. , p. 75-103.

20.
PINZANI, A.. O colecionador de mariposas. Arte, morte, coleção. In: Patrícia Peterle; Andrea Santurbano; Maria Aparecida Barbosa. (Org.). Coleções literárias. 1ed.Rio de Janeiro: 7Letras, 2014, v. 1, p. 119-126.

21.
PINZANI, A.. 'Grido estremo sarà: Libertà!'. Notas sobre estética e política na ópera italiana do século XIX. In: BRAIDA, C.; DRUCKER, C.; BARBOZA, J.. (Org.). Café Filosófico. Estética e Filosofia da Arte. 1ed.Florianópolis: Editora da UFSC, 2014, v. , p. 139-151.

22.
PINZANI, A.. Zwischen Wut und Resignation. Politische Apathie, negativer Aktivismus und technokratischer Diskurs. In: Andre Brodocz; Dietrich Hermann; Rainer Schmidt; Daniel Schulz; Julia Schulze Wessel. (Org.). Die Verfassung des Politischen. 1ed.Wiesbaden: Springer VS Verlag für Sozialwissenschaften, 2014, v. , p. 133-156.

23.
PINZANI, A.. Por que é necessário um Estado laico. In: SPICA, M. A.; LUJÁN MARTINEZ, H.. (Org.). Religião em um mundo plural. Debates desde a filosofia. 1ed.Pelotas: Dissertatio, 2014, v. , p. 235-262.

24.
Pinzani, Alessandro. Habermas, la religión y la esfera pública. In: MICHELINI, D.; PEPPINO, S.. (Org.). Ética del discurso. Filosofia postmetafísica, teoría de la sociedad y del Estado de derecho. 1ed.Rio Cuarto: Ediciones del ICALA, 2014, v. , p. 58-73.

25.
PINZANI, A.. A ética do discurso. In: BRUM TORRES, J. C.. (Org.). Manual de ética. Questões de ética teórica e aplicada. 1ed.Petropolis; Caxias do Sul: Editora Vozes; EDUCS, 2014, v. , p. 306-323.

26.
PINZANI, A.. Politische Tugenden bei Hobbes. In: VORLÄNDER, Hans. (Org.). Demokratie und Transzendenz. Die Begründung politischer Ordnungen. 1ed.Bielefeld: transcript, 2013, v. , p. 215-243.

27.
PINZANI, A.. Teoria Crítica y Justicia Social. In: PEREIRA, Gustavo. (Org.). Perspectivas críticas de justicia social. 1ed.Porto Alegre: Evangraf, 2013, v. , p. 79-94.

28.
PINZANI, A.. Os paradoxos da liberdade. In: MELO, R.. (Org.). A teoria crítica de Axel Honneth. Reconhecimento, liberdade e justiça. 1ed.São Paulo: Saraiva, 2013, v. 1, p. 293-315.

29.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Liberdade, dinheiro e autonomia. O caso do Programa Bolsa Família. In: CAMPELLO, Tereza; NERI, Marcelo C.. (Org.). Programa Bolsa Família: uma década de inclusão e cidadania. 1ed.Brasília: IPEA, 2013, v. 1, p. 359-366.

30.
PINZANI, A.. Machiavelli und die Religion. In: Brantl, Dirk; Geiger, Rolf; Herzberg, Stephan. (Org.). Philosophie, Politik und Religion. Klassische Modelle von der Antike bis zur Gegenwart. 1ed.Berlin: Akademie Verlag, 2013, v. 1, p. 91-104.

31.
PINZANI, A.. O príncipe prudente. Uma comparação entre Maquiavel e Kant acerca do caráter do homem político. In: Adriana Veríssimo Serrão; Carla Meneses Simões; Elisabete M. de Sousa Filipa Afonso; Maria Luísa Ribeiro Ferreira; Pedro Calafate Simões; Ubirajara Rancan de Azevedo Marques. (Org.). Poética da razão. Homenagem a Leonel Ribeiro dos Santos. 1ed.Lisboa: Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa, 2013, v. 1, p. 51-60.

32.
Pinzani, Alessandro. Doch ein Republikaner? Ein Blick in die anderen politischen Werke. In: HÖFFE, Otfried. (Org.). Machiavelli: Der Fürst (Klassiker Auslegen). 1ed.Berlin: Akademie Verlag, 2012, v. , p. 161-178.

33.
PINZANI, A.. Sobre a terceira antinomia. In: KLEIN, Joel T.. (Org.). Comentários às obras de Kant: Crítica da Razão Pura. 1ed.Florianopolis: Nefipo, 2012, v. 1, p. 561-590.

34.
PINZANI, A.. Grundbedürfnisse als Handlungsgründe. In: Nida-Rümelin, Julian; Özmen, Elif. (Org.). Welt der Gründe. 1ed.Hamburg: Felix Meiner, 2012, v. 1, p. 633-651.

35.
PINZANI, A.. Licença para matar. In: Tonetto, Milene C.; Pinzani, Alessandro; Dall'Agnol, Darlei. (Org.). Investigações Kantianas I : um debate plural. 1ed.Florianopolis: FUNJAB, 2012, v. 1, p. 65-77.

36.
PINZANI, A.. Produção de massa, produção da massa. In: BARBOSA, M. A.; MARSAL M. H.; PETERLE, P.. (Org.). Literatura de vanguarda e política - o século revisitado. 1ed.Niterói: Comunità, 2012, v. 1, p. 147-166.

37.
PINZANI, A.. Justiça social e carências. In: PINZANI, A.; TONETTO, M. C.. (Org.). Critical theory and social justice / Teoria crítica e justiça social. 1ed.Florianopolis: NEFIPO, 2012, v. 1, p. 133-159.

38.
PINZANI, A.. Tugend. In: HARTMANN, Martin; OFFE, Claus. (Org.). Politische Theorie und Politische Philosophie. Ein Handbuch. 1ed.München: Beck, 2011, v. , p. 323-325.

39.
PINZANI, A.. Da pessoa ao indivíduo. O lugar sistemático do sujeito na seção. In: FLECK, Amaro; RAMOS, Diogo. (Org.). A racionalidade do real. Estudos sobre a filosofia hegeliana do direito. 1ed.Florianopolis: Nefipo, 2011, v. , p. 59-80.

40.
PINZANI, A.. Chi è il soggetto della Dottrina del diritto?. In: ROCCO LOZANO, Valério; SGARBI, Marco. (Org.). Diritto e storia in Kant e Hegel. 1ed.Trento: Verifiche, 2011, v. , p. 35-52.

41.
PINZANI, A.. Botanische Anthropologie und physikalische Staatslehre. Zum 5. und 6. Satz der Idee. In: HÖFFE, Otfried. (Org.). Immanuel Kant: Schriften zur Geschichtsphilosophie (Klassiker Auslegen). 1ed.Berlin: Akademie, 2011, v. , p. 63-78.

42.
PINZANI, A.. Rosenzweig e. In: ROSIN, Nilva; DOS SANTOS, Robinson. (Org.). Filosofia e Política em Franz Rosenzweig. 1ed.Passo Fundo: Editora IFIBE, 2010, v. , p. 23-43.

43.
PINZANI, A.. Democracia y exclusión. Ciudadanía y derechos políticos en la sociedad democrática. In: FORNARI, Aníbal; PEREZ ZAVALA, Carlos; WESTER, Jutta. (Org.). La razón en tiempos difíciles. Homenaje a Dorando J. Michelini. 1ed.Rio Cuarto: ICASA, 2010, v. , p. 181-196.

44.
PINZANI, A.. O potencial emancipatório da ética do discurso. In: GÓMEZ, Maria Nélida González de; LIMA, Clóvis Ricardo M. de. (Org.). Informação e democracia: a reflexão contemporânea da ética e da política. 1ed.Brasília: IBICT, 2010, v. , p. 35-53.

45.
PINZANI, A.. L'animale che ha bisogno di un padrone. Antropologia e politica nel Kant degli anni Ottanta e degli anni Novanta. In: SANTOS, L. R. dos; MARQUES, Ubirajara R. A.; PIAIA, Gregorio; SGARBI, Marco; POZZO, Riccardo. (Org.). Was ist der Mensch? / Que é o homem? Antropologia, estética e teleologia em Kant. 1ed.Lisboa: Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa, 2010, v. , p. 115-124.

46.
PINZANI, A.. Existem romances filosóficos? Sobre a relação entre filosofia e obra narrativa. In: BORGES, M. L.; O'SHEA, J. R.. (Org.). Filosofia e Literatura. 1ed.Florianopolis: Bernúncia, 2010, v. , p. 31-46.

47.
PINZANI, A.. A cara de Janus dos direitos humanos: os direitos humanos entre política e moral. In: LUNARDI, Giovanni; SECCO, Marcio. (Org.). Fundamentação filosófica dos direitos humanos. 1ed.Florianopolis: Editora da UFSC, 2010, v. , p. 25-48.

48.
PINZANI, A.. Fé e saber? Sobre alguns mal-entendidos relativos a Habermas e à religião. In: PINZANI, Alessandro; LIMA, Clóvis M. de; DUTRA, Delamar V.. (Org.). O pensamento vivo de Habermas. Uma visão interdisciplinar. 1ed.Florianopolis: Nefipo, 2009, v. , p. 211-227.

49.
HOFFE, O. ; PINZANI, A. . Von Max Weber zu Immanuel Kant. Habermas' Wiederentdeckung der Rechts- und Staatsphilosophie. In: SCHAAL, Gary S.. (Org.). Das Staatsverständnis von Jürgen Habermas. Baden-Baden: Nomos Verlag, 2009, v. , p. 43-58.

50.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato . Jürgen Habermas e a herança da teoria crítica. In: ALMEIDA, Jorge de; BADER, Wolfgang. (Org.). Pensamento alemão no século XX. São Paulo: Cosacnaify, 2009, v. 1, p. 237-256.

51.
PINZANI, A.. Despolitização e crítica social. Cinco teses. In: STORCK, A.; LISBOA, W. B.. (Org.). Norma, moralidade e interpretação: temas de filosofia política e do direito. 1ed.Porto Alegre: Linus Editores, 2009, v. , p. 145-166.

52.
PINZANI, A.. Verso una nuova ontologia politica? Soggettività e potere tra Luhmann e Foucault. In: De Simone, Antonio. (Org.). Diritto, Giustizia e Logiche del Dominio. Perugia: Morlacchi, 2007, v. , p. 311-340.

53.
PINZANI, A.. A origem da moral. Algumas considerações a partir de Tugendhat. In: Dall'Agnol, Darlei. (Org.). Verdade e Respeito. A filosofia de Ernst Tugendhat. Florianópolis: Editora da UFSC, 2007, v. , p. 215-236.

54.
PINZANI, A.. Os sonâmbulos do mal: Eichmann e o nazismo na ótica de Hannah Arendt. In: CESCON, Everaldo; NODARI, Paulo César. (Org.). O mistério do Mal. Caxias do Sul: EDUCS, 2006, v. , p. 57-76.

55.
PINZANI, A.. Repubblicanesimo e democrazia liberale: Un binomio inconciliabile?. Annali del Dipartimento di Filosofia dell'Università di Firenze 2003-2004. Firenze: Firenze University Press, 2005, v. , p. 299-315.

56.
PINZANI, A.. "It's the Power, Stupid!" On the Unmentioned Precondition of Social Justice. In: FOLLESDAL, Andreas; POGGE, Thomas. (Org.). Real World Justice. Grounds, Principles, Human Rights, and Social Institutions. Dordrecht: Springer, 2005, v. , p. 171-197.

57.
PINZANI, A.. Interesse und Identität. Zur Grundlegung einer nicht-realistischen Theorie internationaler Verhandlungen am Beispiel des israelisch-palästinensichen Konflikts. In: MERLE, Jean-Christophe. (Org.). Globale Gerechtigkeit / Global Justice. Stuttgart: Frommann-Holzboog, 2005, v. , p. 173-191.

58.
PINZANI, A.. Strukturwandel der Weltöffentlichkeit?. In: MERLE, Jean-Christophe. (Org.). Globale Gerechtigkeit / Global Justice. Stuttgart: Frommann-Holzboog, 2005, v. , p. 279-290.

59.
PINZANI, A.. Eine europäische Identität? Über die subjektive Dimension überstaatlicher Ordnungen. In: MERLE, Jean-Christophe. (Org.). Globale Gerechtigkeit / Global Justice. Stuttgart: Frommann-Holzboog, 2005, v. , p. 672-684.

60.
PINZANI, A.. Kant revolucionário?. In: BORGES, M. L.; HECK, J.. (Org.). Kant: Liberdade e natureza. Florianópolis: Editora da UFSC, 2005, v. , p. 37-49.

61.
PINZANI, A.. Selbstbestimmung und Sezessionsrecht. In: Stefan Gosepath; Jean-Christophe Merle. (Org.). Weltrepublik. Globalisierung und Demokratie. München: Beck, 2002, v. 1, p. 255-265.

62.
PINZANI, A.. Bürgertugenden und Demokratie. In: Klaus Beckmann; Thomas Mohrs; Martin Werding. (Org.). Individuum vs. Kollektiv. Der Kommunitarismus als. Frankfurt a. M./ New York: Peter Lang, 2000, v. 1, p. 97-129.

63.
PINZANI, A.. Sind Menschenrechte ein 'blanker Unsinn'? Über die Möglichkeit einer philosophischen Begründung der Menschenrechte. In: B. von Behr et al.. (Org.). Perspektiven der Menschenrechte. Beiträge zum 50. Jubiläum der UN-Erklärung. Frankfurt a. M. / New York: Peter Lang, 1999, v. 1, p. 1-25.

64.
PINZANI, A.. Das Völkerrecht (§§ 53-61). In: Otfried Höffe. (Org.). I. Kant, Metaphysische Anfangsgründe der Rechtslehre, Reihe Klassiker Auslegen. Berlin: Akademie Verlag, 1999, v. , p. 235-255.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
PINZANI, A.. Maquiavel e as instituições estáveis como objetivo da ação política. Revista IHU Online, São Leopoldo, 17 set. 2013.

2.
PINZANI, A.. Os rumos do republicanismo. Entrevista especial com Alessandro Pinzani. IHU-Online, São Leopoldo (RS), 05 dez. 2006.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
PINZANI, A.. Identidade coletiva, culturas e secessão. In: V Simpósio Internacional Principia, 2009, Florianopolis. Anais do V Simpósio Internacional Principia. Florianopolis: NEL, 2007. p. 240-258.

2.
PINZANI, A.. Like Trees in a Forest or Like Flowers in a Garden? How Individuals Are Forced to Be Free in Kant?s Political Theory. In: X International Kant Congress, 2008, São Paulo. Recht und Frieden in der Philosophie Kants. Akten des X. Internationalen Kant-Kongresses. Berlim: DeGruyter, 2008. v. 5. p. 643-652.

3.
PINZANI, A.. O conceito de poder em Habermas. Uma comparação com Arendt e Luhmann. In: Colóquio Habermas, 2005, Florianópolis. Habermas em discussão. Anais do Colóquio Habermas realizado na UFSC (Florianópolis, 30 de março - 1° de abril de 2005). Florianópolis: NEFIPO, 2005. p. 176-183.

4.
PINZANI, A.. Wenn der Löwe sprechen könnte, hätte er Menschenrechte?. In: XIX International Wittgenstein Congress, 1996, Kirchberg am Wechsel. Aktuelle Probleme der politischen Philosophie. Beiträge des 19. Internationales Wittgenstein-Symposiums. Kirchberg am Wechsel: Internationale Wittgenstein-Gesellschaft, 1996. p. 281-286.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
PINZANI, A.. Um Estado tudo seu. Identidade e direitos coletivos vs. identidade e direitos individuais: uma abordagem crítica à luz da questão da secessão. In: V Simpósio Internacional Principia, 2007, Florianópolis. V Simpósio Internacional Principia - Resumos. Florianópolis: NEL/UFSC, 2007. p. 18-19.

2.
PINZANI, A.. Republicanismo ou republicanismos?. In: XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2006, Salvador (BA). XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF - Livro de Atas. Salvador: ANPOF, 2006. p. 33-34.

Artigos aceitos para publicação
1.
PINZANI, A.. Critique of Forms of Life or Critique of Pervasive Doctrines?. CRITICAL HORIZONS, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
PINZANI, A.. Migraciones y sufrimiento social. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
PINZANI, A.. The New Millenarianism. On the End of the World and of Capitalism as We Know Them. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
PINZANI, A.. Justice in First Book of Plato's Republic. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
PINZANI, A.. Aristotle's Influence on Marx. 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
PINZANI, A.. Sofrimento sistémico e doutrinas totalizantes. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
PINZANI, A.. Dinero e autonomia: o programa Bolsa Familia. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
PINZANI, A.. Pobreza y sufrimiento sistémico. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
PINZANI, A.. Ética nas relações acadêmicas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
PINZANI, A.. Precisamos de uma metafísica dos costumes?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
PINZANI, A.. Política públicas de combate à pobreza no Brasil: O Programa Bolsa-Família e as políticas de combate à pobreza no campo. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
PINZANI, A.. Human Rights and Pervasive Doctrines. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
PINZANI, A.. A função do estado em Habermas: da perspectiva marxista às críticas de Streeck. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
PINZANI, A.; ALI, N. . How Much Inequality is Acceptable from a Kantian Point of View?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
PINZANI, A.. Who Needs Needs? Remarks on a Neglected Concept. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
PINZANI, A.. Sofrimento sistémico e diagnóstico social. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
PINZANI, A.. Redistribution, Misrecognition, Reification. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
PINZANI, A.. Frankenstein e a 'vanguarda moral'. Do império do direito ao domínio do judiciário. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

18.
PINZANI, A.. Migration and Social Suffering. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
PINZANI, A.. I limiti del discorso: Habermas e le difficoltà della comunicazione interculturale. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
PINZANI, A.. Social Suffering and Forms of Life. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

21.
PINZANI, A.. Arte e sofrimento social. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
PINZANI, A.. Vozes do Bolsa Família: autonomia, dinheiro, cidadania. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
PINZANI, A.. Is There a Duty to Be a God? On the Moral Imperative of Having a Brilliant Mind in a Perfect Body. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
PINZANI, A.. A discussão contemporânea sobre a teoria da democracia. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

25.
PINZANI, A.. Sofrimento social e doutrinas totalizantes. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

26.
PINZANI, A.. Intergenerational Justice: Towards a More Political Approach. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

27.
PINZANI, A.. Beati Possidentes: Kant on Inequality and Poverty. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

28.
PINZANI, A.. Qual é a intenção cosmopolita? Progresso jurídico e emancipação política como fim último da história em Kant. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

29.
PINZANI, A.. Tra Welfare e Workfare: Il tramonto dei diritti sociali nell'era delle prestazioni. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
PINZANI, A.. Social policies against poverty: the Brazilian Bolsa Familia Program. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
PINZANI, A.. Il Bolsa Família: effetti politici e morali di un programma sociale di lotta alla povertà in Brasile. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
PINZANI, A.. The Phantom of Freedom. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

33.
PINZANI, A.. Liberté, inégalité, égoïsme. Sfiducia e mancanza di solidarietà come minacce alla democrazia contemporanea.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

34.
PINZANI, A.. 'Sie sind halt dumm!' Arme Schulkinder zwischen Vorurteilen und sozialen Programmen. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
PINZANI, A.. Farewell to Welfare: An End to Citizenship as We Know It. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

36.
PINZANI, A.. A Factual Concept of Legitimacy? Commentary on Winfried Hinsch's Paper. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

37.
PINZANI, A.. Ein Kapitalismus mit menschlichem Antlitz?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

38.
PINZANI, A.. Das Gespenst der Freiheit. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

39.
PINZANI, A.. Socially avoidable suffering and societal perfectionism. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

40.
PINZANI, A.; SILVA, R. V. ; BIROLI, F. ; KOERNER, A. ; KRITSCH, R. . Caminhos da teoria política: normatividade, institucionalidade, empiria e história em debate. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

41.
PINZANI, A.. Das schwierige Verhältnis von Rechts- und Tugendpflichten. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

42.
PINZANI, A.. Comment on Book II of Kant's Religionsschrift. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

43.
PINZANI, A.. 'That's how democracy ends / not with a bang, but with a whimper'. Sobre o fim da democracia como a conhecemos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

44.
PINZANI, A.. Social Programs as a Source of Individual Autonomy. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

45.
PINZANI, A.. As dificuldades de fazer crítica social. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

46.
PINZANI, A.. Estado laico, interferência religiosa e democracia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

47.
PINZANI, A.. Ist wohllüstige Selbstschändung ein Verbrechen? Das schwierige Verhältnis von Rechts- und Tugendpflichten in der Metaphysik der Sitten. 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

48.
PINZANI, A.; MERTENS, T. . Was Kant a Liberal Thinker?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

49.
PINZANI, A.. A Critical View from Nowhere. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

50.
PINZANI, A.. Societal Perfectionism?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

51.
PINZANI, A.. La filosofia del diritto di Hegel. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

52.
PINZANI, A.. Money, Personal Autonomy, Citizenship. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

53.
PINZANI, A.; SPINI, D. ; RINALDI, M. D. ; GIUSEPPE, F. . The Politics and Economics of Poverty. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

54.
PINZANI, A.. Welfare Politics, Personal Autonomy and Citizenship: Effects of the Programa Bolsa Família on Its Participants. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

55.
PINZANI, A.. Money, personal autonomy, and citizenship. The case of the Programa Bolsa Família. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

56.
PINZANI, A.. Direitos Humanos e educação. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

57.
PINZANI, A.. Living Honestly and Killing for Honor. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

58.
PINZANI, A.. Ehre and ehrlich in Kant's Doctrine of Law. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

59.
PINZANI, A.. Wie kann äußere Freiheit ein angeborenes Recht sein?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

60.
PINZANI, A.; MADRID, N. S. . Some difficulties with Kant's appraisal of citizenship. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

61.
PINZANI, A.. As novas democracias. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

62.
Pinzani, Alessandro. Direitos sociais e cidadania. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

63.
PINZANI, A.. Crise da democracia?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

64.
PINZANI, A.. Massa, indivíduo, poder. Comentário a 'Um dia muito especial' de E. Scola. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

65.
PINZANI, A.. Gibt es eine moralische Pflicht, äusserlich frei zu sein?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

66.
PINZANI, A.. Money, Personal Autonomy, and Citizenship. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

67.
PINZANI, A.. Das Bedürfnis nach sozialer Gerechtigkeit. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

68.
PINZANI, A.. Who needs needs? Oder: Welche Rolle kann der Begriff Bedürfnis für eine Theorie sozialer Gerechtigkeit noch spielen?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

69.
PINZANI, A.. Uma Teoria Crítica para o século XXI?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

70.
PINZANI, A.; WERLE, D. L. . Die Vermögen der Bürger und ihre Darstellung. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

71.
Pinzani, Alessandro. Etica e politica: una relazione tesa. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

72.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Liberdade, dinheiro e autonomia. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

73.
PINZANI, A.. In the Beginning Was the Deed. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

74.
PINZANI, A.. A ética do discurso. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

75.
PINZANI, A.. O colecionador de mariposas. Arte, morte, coleção. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

76.
PINZANI, A.. Introduction to the Doctrine of Virtue: Part I. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

77.
PINZANI, A.. Rousseau l'antipolitico. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

78.
PINZANI, A.. (In)Justice and Morality. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

79.
PINZANI, A.. A filosofia como crítica ou como interpretação?. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

80.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Liberdade, dinheiro e autonomia. O caso do Bolsa Família. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

81.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Discutindo o livro 'Vozes do Bolsa-Família' com os autores. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

82.
PINZANI, A.. Decent Life, Decent Society, Decent Persons. How Responsible are Individuals for Social Injustice in Their Society?. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

83.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Autonomia, dinheiro e cidadania. O caso do Bolsa Família. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

84.
PINZANI, A.. Habermas, la religión y la esfera pública. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

85.
PINZANI, A.. Doch ein Republikaner? Ein Blick in die anderen Werken Machiavellis. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

86.
PINZANI, A.. Adeus à teoria discursiva?. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

87.
PINZANI, A.. O surgimento da massa. Arte e crítica social. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

88.
PINZANI, A.. A license to kill. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

89.
PINZANI, A.. Habermas e a constituição da Europa. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

90.
Pinzani, Alessandro. Viver honestamente e matar por honra. Ehre, Ehrbarkeit e ehrlich na Doutrina do Direito. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

91.
PINZANI, A.. Em princípio foi o ato. Sobre o surgimento da propriedade e da sociedade em Rousseau e Kant. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

92.
Pinzani, Alessandro. Die Produktion des technokratischen Diskurses. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

93.
Pinzani, Alessandro. As teorias da justiça e a questão da 'natureza humana'. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

94.
Pinzani, Alessandro. O conceito de reconstrução em Honneth. Um comentário a Marcos Nobre. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

95.
Pinzani, Alessandro. Teoria crítica e pesquisa empírica sobre a pobreza: o caso do Bolsa Família. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

96.
Pinzani, Alessandro. Movimentos sociais e políticas alternativas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

97.
Pinzani, Alessandro. Maquiavel e a religião. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

98.
PINZANI, A.. Botanische Anthropologie und physikalische Staatslehre. Zum 5. und 6. Satz der Idee. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

99.
PINZANI, A.. O animal que tem necessidade de um senhor. Antropologia e política em Kant. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

100.
PINZANI, A.. Produção de massa, produção da massa. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

101.
PINZANI, A.. Teoria Crítica e Justiça Social. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

102.
PINZANI, A.. Introdução à filosofia política de Kant. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

103.
PINZANI, A.. Entre naturalismo e culturalismo: o lugar teórica da crítica social. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

104.
PINZANI, A.. A Methodenlehre da segunda Crítica e suas conseqüências para uma ética cívica em Kant. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

105.
PINZANI, A.. Grundbedürfnisse als Handlungsgründe. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

106.
PINZANI, A.. Society and Needs. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

107.
PINZANI, A.. O pensamento de Maquiavel. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

108.
PINZANI, A.. O que há de schopenhaueriano em Wagner?. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

109.
PINZANI, A.. May I Be Your Advocate? Or: Should We Give Voice to the Voiceless or Let Them Speak Directly?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

110.
PINZANI, A.; MERTENS, T. . Kant and the Right to Life. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

111.
PINZANI, A.. Kant und ein Recht auf Leben. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

112.
PINZANI, A.. On Fighting Poverty and Creating Citizenship. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

113.
PINZANI, A.. Poverty and Political Participation. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

114.
PINZANI, A.. Kant on Killing. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

115.
PINZANI, A.. De objeto de políticas a sujeto da política: os pobres e sua voz. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

116.
PINZANI, A.. Chi è il soggetto giuridico nella Dottrina del Diritto di Kant?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

117.
PINZANI, A.. The Need for Social Justice. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

118.
PINZANI, A.. Why Social Justice?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

119.
PINZANI, A.. Sozialgerechtigkeit als Grundbedürfnis. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

120.
PINZANI, A.. "Das Andere der Gerechtigkeit" oder eine andere Gerechtigkeit?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

121.
PINZANI, A.. Kants Praktische Philosophie. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

122.
PINZANI, A.. Human Needs and Well-Being. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

123.
PINZANI, A.. Teufelsrepublik und Moralisierung der Menschengattung. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

124.
PINZANI, A.. Justificación normativa y justificación funcional de la necesidad del Estado en Kant. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

125.
PINZANI, A.. Solidariedade e autonomia individual. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

126.
PINZANI, A.. O potencial emancipatório da ética do discurso. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

127.
PINZANI, A.. Das Tier, das einen Herrn nötig hat. Antropologia e politica nell'Idea. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

128.
PINZANI, A.. O mito em Wagner. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

129.
PINZANI, A.. Recognition, Individual Autonomy, and Basic Income. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

130.
PINZANI, A.. O animal que precisa de um senhor. Antropologia e política na "Idéia de uma história universal do ponto de vista cosmopolita". 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

131.
PINZANI, A.. Aus Gedanken die Tat Meinecke, Broch e as razões da dupla catástrofe alemã. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

132.
PINZANI, A.. ?Só quero uma coisa: o fim? Wotan e Tristão como figuras schopenhauerianas?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

133.
PINZANI, A.. Despolitização e crítica social. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

134.
PINZANI, A.. O animal que precisa de um senhor. Antropologia e política na Idéia kantiana. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

135.
PINZANI, A.. Kant on Sovereignty. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

136.
PINZANI, A.. Democracia y exclusión. La identidad colectiva en las sociedades de inmigración. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

137.
PINZANI, A.. Kollekive Identität, Kultur und Sezession. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

138.
PINZANI, A.. O Bolsa Família entre justiça e cidadania. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

139.
PINZANI, A.. The Prudent Prince. A Comparison between Machiavelli and Kant on the Statesman's Character. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

140.
PINZANI, A.. Ética e política em Maquiavel. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

141.
PINZANI, A.. Rosenzweig sobre Hegel e o Estado. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

142.
PINZANI, A.. Anerkennung und Solidarität. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

143.
PINZANI, A.. Os dilemas do reconhecimento. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

144.
PINZANI, A.. Fé e saber. Sobre alguns mal-entendidos relativos a Habermas e a religião. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

145.
PINZANI, A.. Reconhecimento e solidariedade. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

146.
PINZANI, A.. Existem romances filosóficos?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

147.
PINZANI, A.. A leitura moral da constituição em Freedom's Law. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

148.
PINZANI, A.. Sobre a fundamentação dos direitos sociais. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

149.
PINZANI, A.. Madison's Politics of Passions. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

150.
PINZANI, A.. Representation in Kant's Political Theory. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

151.
PINZANI, A.. Ein Recht auf Selbsbestimmung für kulturelle Gruppen?. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

152.
PINZANI, A.. Um Estado tudo seu. Identidade e direitos coletivos vs. identidade e direitos individuais: uma abordagem crítica à luz da questão da secessão. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

153.
PINZANI, A.. Republicanismo e crise da democracia. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

154.
PINZANI, A.. Machiavelli umanista. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

155.
PINZANI, A.. Participação democrática como educação à liberdade. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

156.
PINZANI, A.. Multiculturalismo e patriotismo constitucional. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

157.
PINZANI, A.. Liberdade o bem comum. O republicanismo contemporâneo e a democracia constitucional. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

158.
PINZANI, A.. Machiavelli and republicanism. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

159.
PINZANI, A.. A origem da moral. Algumas considerações a partir de Tugendhat. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

160.
PINZANI, A.. Justiça e democracia em tempos de globalização. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

161.
PINZANI, A.. O nazismo e o mal. Uma leitura a partir de Hannah Arendt. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

162.
PINZANI, A.. Há incompatibilidade entre constituição e democracia?. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

163.
PINZANI, A.. Republicanismo ou republicanismos?. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

164.
PINZANI, A.. Os sonâmbulos do mal. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

165.
PINZANI, A.. Cidadania e autonomia moral. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

166.
PINZANI, A.. Perspectivismo democrático. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

167.
PINZANI, A.. Bios e zoé. Dalla vita buona alla nuda vita. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

168.
PINZANI, A.. A cara de Janus dos direitos humanos. Os direitos humanos entre política e moral. 2005. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

169.
PINZANI, A.. Pensar o poder. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

170.
PINZANI, A.. Os demônios e as facções. Kant e Madison sobre paixões e instituições. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

171.
PINZANI, A.. O conceito de poder em Habermas. Uma comparação com Arendt e Luhmann. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

172.
PINZANI, A.. A política como controle das paixões. Madison sobre a essência da democracia. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

173.
PINZANI, A.. Like Trees in a Forest or like Flowers in a Garden. How Individuals Are Forced to Be Free in Kant?s Political Theory. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

174.
PINZANI, A.. Tra naturale e artificiale. Argomenti morali e politici contro l?eugenetica positiva seguendo Habermas e Foucault. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

175.
PINZANI, A.. A relação entre educação e política à luz do debate entre liberalismo e republicanismo. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

176.
PINZANI, A.. Cidadania e soberania na União Européia. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

177.
PINZANI, A.. Eichmann, das Böse und die Frage der moralischen Verantwortung. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

178.
PINZANI, A.. Kant revolucionário?. 2004. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

179.
PINZANI, A.. Republicanismo y democracia: un binomio incompatible?. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

180.
PINZANI, A.. Repubblicanesimo e democrazia liberale: un binomio inconciliabile?. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

181.
PINZANI, A.. A teoria política e os desafios da globalização. Precisamos de novos coinceitos para pensar a política?. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

182.
PINZANI, A.. What does it mean to be an European? National sovereignty and European identity. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

183.
PINZANI, A.. Il cittadino in Kant tra liberalismo e repubblicanesimo. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

184.
PINZANI, A.. Patriotismo e responsabilidade na era da globalização. 2002. (Apresentação de Trabalho/Outra).

185.
PINZANI, A.. A filosofia política de Jean-Jacques Rousseau: Uma proposta interpretativa. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

186.
PINZANI, A.. Eine europäische Identität? Über die subjektive Dimension überstaatlicher Ordnungen. 2001. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

187.
PINZANI, A.. Globalização e democracia. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

188.
PINZANI, A.. Individuo, natureza e historia em Kant. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

189.
PINZANI, A.. Strukturwandel der Weltöffentlichkeit?. 2001. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

190.
PINZANI, A.. Selbstbestimmung und Sezessionsrecht. 2001. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

191.
PINZANI, A.. Legittimazione del diritto e diritti individuali nella teoria giuridica di Habermas. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

192.
PINZANI, A.. Interesse und Identität. Zur Grundlegung einer nicht-realistischen Theorie internationaler Verhandlungen am Beispiel des israelisch-palästinensichen Konflikts. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

193.
PINZANI, A.. A liberdade em Kant e Rousseau antes e depois do contrato social. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

194.
PINZANI, A.. A teoria juridica de Jürgen Habermas entre funcionalismo e normativismo. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

195.
PINZANI, A.. Bürgertugenden und Demokratie. 1999. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

196.
PINZANI, A.. Die Herrschaftskritik bei der Frankfurter Schule. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

197.
PINZANI, A.. Sind Menschenrechte ein ?blanker Unsinn?? Über die Möglichkeit einer philosophischen Begründung der Menschenrechte. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

198.
PINZANI, A.. Historische und philosophische Bedeutung der Menschenrechte. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

199.
PINZANI, A.. Menschenrechte für die heutige Welt. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

200.
PINZANI, A.. Kants Völkerrecht. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

201.
PINZANI, A.. Die Menschenrechte als interkulturelle Aufgabe. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

202.
PINZANI, A.. Wenn der Löwe sprechen könnte, hätte er Menschenrechte?. 1996. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
PINZANI, A.. Review of: Stefan MÜLLER-DOOHM, Habermas: A Biography.. Sankt Gallen: Dialéctica, 2018 (Resenha).

2.
PINZANI, A.. Uma fundamentação kantiana dos direitos humanos?. Marília: Estudos Kantianos, 2018 (Resenha).

3.
PINZANI, A.. Resenha de 'Die Idee des Sozialismus' de Axel Honneth. Florianopolis: ethic@, 2016 (Resenha).

4.
PINZANI, A.. O otimismo pessimista da razão histórica. São Paulo, 2016. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

5.
Pinzani, Alessandro. Review of: Luigi Caranti, La pace fraintesa (Kant-Studien 106/2). Berlin: de Gruyter, 2015 (Resenha).

6.
PINZANI, A.. Azorín, o 'inatual'?. Florianopolis, 2015. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

7.
PINZANI, A.. Crise da democracia ou crise de representatividade?. Rio de Janeiro, 2014. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

8.
PINZANI, A.. Schmitt, Arendt e a crise do político. São Paulo, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

9.
PINZANI, A.. Apresentação à edição brasileira. São Paulo, 2012. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

10.
PINZANI, A.. M. Tonetto: Direitos Humanos em Kant e Habermas [In: ethic@, 10/1, jun. 2011, 179-184]. Florianopolis: Nefipo, 2011 (Resenha).

11.
PINZANI, A.. Os dilemas da sociedade pluralista. São Paulo, 2011. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

12.
PINZANI, A.. Welche Zukunft für die Demokratie? Welche Demokratie für die Zukunft? Zu: HÖFFE, Otfried. Ist die Demokratie zukunftsfähig?. München: Beck, 2009. [In: ethic@, 9/1, jun. 2010, 149-155]. Florianopolis: ethic@, 2010 (Resenha).

13.
PINZANI, A.. Il II colloquio kantiano italo-luso-brasiliano (Lisbona, 15-18 settembre 2009). Pisa: Studi Kantiani, 2010 (Relato de evento).

14.
PINZANI, A.. Nadia Urbinati: Representative Democracy [In: ethic@, 6/2, dez. 2007, 271-276]. Florianópolis: Nefipo, 2007 (Resenha).

15.
PINZANI, A.. Alberto Pirni: Il ?regno dei fini? in Kant [In: Zeitschrift für philosophische Forschung, 1/2002]. Frankfurt a. M.: Klostermann, 2002 (Resenha).

16.
PINZANI, A.. Maurizio Viroli: Machiavelli [In: Zeitschrift für philosophische Forschung, 3/2000, 153-156]. Frankfurt a. M.: Klostermann, 2000 (Resenha).

17.
PINZANI, A.. Heiner Bielefeldt: Philosophie der Menschenrechte [In: Theologische Literaturzeitung, 125/4, 2000, 426-428] 2000 (Resenha).

18.
TUGEHDHAT, Ernst ; PINZANI, A. . Autocoscienza e autodeterminazione. Firenze: La Nuova Italia, 1997. (Tradução/Livro).

19.
PINZANI, A.. Robert Alexy: Recht, Vernunft, Diskurs [In: Kritische Justiz, 28/4, 1995, 526-532]. Baden-Baden: Nomos Verlag, 1995 (Resenha).

20.
PINZANI, A.. Otfried Höffe: Giustizia politica [In: Iride, VIII/16, 1995, 777-779]. Bologna: Il Mulino, 1995 (Resenha).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
PINZANI, A.. 2 pareceres ad hoc - Capes. 2018.

2.
PINZANI, A.. 1 parecer ad hoc - Fondecyt (Chile). 2018.

3.
PINZANI, A.. 2 pareceres ad hoc - CNPq. 2018.

4.
PINZANI, A.. 15 pareceres ad hoc CNPq. 2017.

5.
PINZANI, A.. 5 pareceres - Narodowi Centrum Nauki. 2016.

6.
Pinzani, Alessandro. 1 parecer ad hoc Capes. 2016.

7.
PINZANI, A.. 7 pareceres ad hoc - CNPq. 2016.

8.
PINZANI, A.. 2 Pareceres ad hoc - Narodowe Centrum Nauki. 2015.

9.
PINZANI, A.. 7 Pareceres ad hoc - XII International Kant Congress. 2015.

10.
PINZANI, A.. 17 Pareceres ad hoc - CNPq. 2015.

11.
PINZANI, A.. 1 Parecer ad hoc - Schweizerischer Nationalfonds zur Förderung der wissenschaftlichen Forschung. 2015.

12.
PINZANI, A.. 1 parecer ad hoc - Capes. 2015.

13.
PINZANI, A.. 9 Pareceres ad hoc - CNPq. 2014.

14.
PINZANI, A.. 1 Parecer ad hoc - CAPES. 2014.

15.
PINZANI, A.. 1 Parecer ad hoc - Narodowe Centrum Nauki (Polônia). 2014.

16.
PINZANI, A.. 2 Pareceres ad Hoc - AvH-Stiftung. 2014.

17.
PINZANI, A.. 3 Pareceres ad hoc - edital CAPES/DAAD. 2013.

18.
PINZANI, A.. 5 Pareceres ad hoc CNPq. 2013.

19.
PINZANI, A.. 2 pareceres ad hoc - Capes. 2013.

20.
PINZANI, A.. 10 Pareceres ad hoc - CNPq. 2012.

21.
PINZANI, A.. 2 Pareceres ad hoc - Edital CNPq-CAPES/DAAD. 2012.

22.
PINZANI, A.. 1 Parecer ad hoc - Schweizerischer Nationalfonds zur Förderung der wissenschaftlichen Forschung. 2012.

23.
PINZANI, A.. 1 Parecer ad hoc - Volkswagen-Stiftung. 2012.

24.
PINZANI, A.. 7 Pareceres ad hoc CNPq. 2011.

25.
PINZANI, A.. 1 Parecer ad hoc - Edital CNPq-CAPES/DAAD. 2011.

26.
PINZANI, A.. 2 Pareceres ad hoc - Edital CNPq-CAPES. 2011.

27.
PINZANI, A.. 7 Pareceres ad hoc - CNPq. 2010.

28.
PINZANI, A.. 2 Pareceres ad hoc - MCT / CNPq. 2010.

29.
PINZANI, A.. 2 Pareceres ad hoc - MCT / CNPq / MEC. 2010.

30.
PINZANI, A.. 8 Pareceres ad hoc - XI International Kant Congress. 2010.

31.
PINZANI, A.. 9 Pareceres ad hoc - CNPq. 2009.

32.
PINZANI, A.. 1 Parecer ad hoc - MCT / CNPq. 2009.

33.
PINZANI, A.. 2 Pareceres ad hoc - MCT / CNPq. 2008.

34.
PINZANI, A.. 3 Pareceres ad hoc - CNPq. 2008.

35.
PINZANI, A.. 4 Pareceres ad hoc - CNPq. 2007.

36.
PINZANI, A.. 3 Pareceres ad hoc - MCT / CNPq. 2007.

37.
PINZANI, A.. 4 Pareceres ad hoc CNPq. 2006.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
PINZANI, A.. The women of Itinga: Bolsa Família and political empowerment. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).


Demais tipos de produção técnica
1.
PINZANI, A.. Sobre pobreza. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
PINZANI, A.. A ética neoliberal. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
PINZANI, A.; HONNETH, A. ; JAEGGI, R. ; ALLEN, A. ; BERNSTEIN, J. ; PINKARD, T. ; BRUNKHORST, H. . Critical Theory Summer School: Progress, Regression and Social Change. 2017. .

4.
PINZANI, A.. O pensamento de Jürgen Habermas. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Pobreza e Cidadania. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Modulo para EaD).

6.
PINZANI, A.. Das Spannungsverhältnis von Demokratie und Verfassung. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
PINZANI, A.. Introdução ao pensamento de Jürgen Habermas. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

8.
PINZANI, A.. Maquiavel e Hobbes. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; PETRONI, L. C.. Participação em banca de Júlio Tomé. Rawls e a desobediência civil. 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; MARIN, S. R.. Participação em banca de Tiago Mendonça dos Santos. Capabilities e democracia no pensamento de Amartya Sen: uma proposta de functionings básicos. 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
PINZANI, A.; Werle, Denilson L.; DUTRA, Delamar Volpato; ROMANELLI, S.. Participação em banca de Eduardo de Borba. Sobre a meritocracia: uma investigação. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
Pinzani, Alessandro; Werle, Denilson L.; BORGES, Maria de Lourdes Alves; SILVEIRA, D. C.. Participação em banca de Raquel Bavaresco Cipriani Xavier. Um estudo sobre os argumentos em favor da estabilidade em "Uma teoria da justiça". 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; VERDI, M. I. M.. Participação em banca de Izauria Zardo. Participação e deliberação nos conselhos de saúde. Uma análise sob a perspectiva habermasiana. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.; AZEVEDO, M. O.. Participação em banca de Laís Sirtoli de Sousa. Sobre a permissão moral das técnicas de melhoramento humano na seleção de embriões. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; WERLE, D. L.; MELO, R. S.. Participação em banca de Jorge Armindo Sell. John Rawls e Amartya Sen em busca da justiça. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; TONETTO, M. C.; PIMENTA, P. P. G.. Participação em banca de Germano Gimenez Mendes. Os mecanismos do poder e a consciência moral. Razão e história em Locke. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

9.
PINZANI, A.; MULLER-GRANZOTTO, M. J.; CAPELLA, C. E.; ANDRADE, A. L. B. C.. Participação em banca de Louisy de Limas. La petite mort: transgressão e gozo erótico. 2014. Dissertação (Mestrado em Literatura) - Universidade Federal de Santa Catarina.

10.
PINZANI, A.; STAUDT, L. A.; BARBOZA, J.; RODRIGUES JR., R. C.. Participação em banca de Luan Corrêa da Silva. A filosofia da música como filosofia primeira: o sentido metafísico da música em Schopenhauer. 2013. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

11.
PINZANI, A.; STAUDT, L. A.; PETRY, F. B.; FELDHAUS, C.. Participação em banca de Nadson Silva dos Santos. Conceito de razão em Horkheimer. 2013. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

12.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; SILVA, M. M.; LUPI, J. B. P.. Participação em banca de Gilberto de Melo Caldat. A religião na "Fenomenologia do Espírito" de Hegel. 2013. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

13.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; NUNES, N.; BACELAR, K.. Participação em banca de Fernanda Santos Bastos Ribeiro. Verdade e coragem: uma leitura crítica da parrhesia socrática e cínica em Michel Foucault. 2013. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

14.
PINZANI, A.; VITA, A.; DUARTE, R. A. V.. Participação em banca de Raissa Wihby Ventura. O imigrante nas fronteiras da cidadania: uma análise dos limites normativos do ideal nacional. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

15.
PINZANI, A.; RAMOS, C. A.; WERLE, D. L.; TONETTO, M. C.. Participação em banca de Marcel Schneider Dietzold. Teoria do reconhecimento. A proposta hegeliana para uma ética social. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

16.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; ASSMANN, Selvino; LIMA, E. C.. Participação em banca de Evânia Elizete Reich. O reconhecimento em Hegel. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

17.
PINZANI, A.; TONETTO, M. C.; WERLE, D. L.; MELO, R. S.. Participação em banca de André Luiz Souza Coelho. A gênese lógica do sistema dos direitos fundamentais em Habermas. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

18.
PINZANI, A.; SANTOS, R.; ARALDI, C. L.. Participação em banca de Mateus Weizenmann. A constituição objetiva do sujeito moderno no diagnóstico de Michel Foucault: uma digressão entre poder e saber no discurso da arque-genealogia. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Pelotas.

19.
Pinzani, Alessandro; WERLE, D. L.; MELO, R. S.; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de José Marcos Monteiro de Souza. Liberdade, igualdade e eficiência: os princípios da justiça em Rawls. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

20.
PINZANI, A.; NOBRE, M.; FRATESCHI, Y.. Participação em banca de Leonardo Jorge da Hora Pereira. A noção de capitalismo tardio na obra de Jürgen Habermas: em torno da tensão entre capitalismo e democracia. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

21.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.; BRUM TORRES, J. C.. Participação em banca de Jordan Michel Muniz. Representação política em Althusius e Hobbes. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

22.
PINZANI, A.; VAZ, A. F.; WERLE, D. L.; GRESPAN, J. L.. Participação em banca de Amaro de Oliveira Fleck. A Crítica da Economia Política em "O Capital" de Karl Marx. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

23.
PINZANI, A.; BORGES, Maria de Lourdes Alves; DURAO, A. B.; HECK, J. N.. Participação em banca de Rafael Padilha dos Santos. Moral e Justiça em Immanuel Kant. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

24.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; DRUCKER, C.; CORREIA, A.. Participação em banca de Daiane Eccel. O abismo entre filosofia e política e suas relações com o dois-em-um socrático no pensamento de Hannah Arendt. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

25.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; NODARI, P. C.; STAUDT, L. A.. Participação em banca de André Luiz da Silva. A relação entre ética e direito na filosofia de Kant. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

26.
PINZANI, A.; FELIPE, Sônia; CARVALHO, M. C. M.. Participação em banca de Rosane Mota. Desafios da filosofia moral contemporânea: A questão do valor no desenvolvimento de uma teoria ética ambiental. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

27.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; SAHD, L. F. N. A. E. S.. Participação em banca de Nelson N. Frizon. A fundamentação da desobediência civil em "Uma teoria da justiça" de John Rawls. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

28.
PINZANI, A.; VAZ, A. F.; LEÃO REGO, W. G. D.. Participação em banca de Diogo Ramos. A ação contra o trabalho. Uma avaliação da crítica de Hannah Arendt a Karl Marx. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

29.
PINZANI, A.; NAHRA, C.; FELLINI, J.. Participação em banca de Rogério Emiliano Guedes Alcoforado. Uma (re)leitura teleológica da filosofia moral em Kant. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

30.
DUTRA, Delamar Volpato; PINZANI, A.; SOUZA, D. G.. Participação em banca de Carmelita Schulze. A moralidade vinculada à ação comunicativa e ao direito em Habermas. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

31.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; CENCI, Elve. Participação em banca de Alberto Paulo Neto. A analise de Jürgen Habermas sobre a tensão entre direitos humanos e soberania popular na teoria do direito de Immanuel Kant. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

32.
PINZANI, A.; HAMM, C. V.; KLOTZ, H. C.. Participação em banca de Joel Thiago Klein. O problema da fundamentaçaõ de uma história universal no sistema crítico-transcendental de Kant. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Maria.

33.
PINZANI, A.; RAMOS, C. A.; ASSMANN, Selvino. Participação em banca de Elizabete Olinda Guerra. O espaço do político no pensamento de Hannah Arendt e Carl Schmitt. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

34.
PINZANI, A.; HEBECHE, L. A.; AMES, J. L.. Participação em banca de Idete Teles. Poder, paixão e corrupção no Estado. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

35.
PINZANI, A.; MAROJA, A.; KLATAU FILHO, P. T. D.. Participação em banca de Davi José de Souza da Silva. Os rumos da paz perpétua: Entre Kant e Habermas, as possibilidades de uma resposta normativa na busca da paz. 2008. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal do Pará.

36.
PINZANI, A.; MAROJA, A.; VAZ, C. A. C.. Participação em banca de Klelton Mamed de Farias. Ação e Lei: Estudo preliminar sobre os direitos humanos em Hannah Arendt. 2008. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal do Pará.

37.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; FIGUEREIDO, V. B. de. Participação em banca de Leandro Cisneiros. O juízo reflexionante estético: uma das vias necessárias para atingir a liberdade política. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

38.
PINZANI, A.; FELIPE, Sônia; STAUDT, L. A.. Participação em banca de Rodrigo Cândido Rodrigues. Pluralismo e não-razoabilidade no liberalismo de Rawls. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

39.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; OLIVEIRA JUNIOR, J. A.. Participação em banca de Magnus Dagios. A democracia na teoria política de Norberto Bobbio: Entre a ciência e a filosofia. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

40.
PINZANI, A.; TIBURI, M.; VAZ, A. F.. Participação em banca de Franciele Bete Petry. Indústria cultural, subjetividade e formação danificadas na "Dialética do Esclarecimento" e nas "Minima moralia". 2007. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Santa Catarina.

41.
ASSMANN, Selvino; PELBART, P. P.; PINZANI, A.. Participação em banca de Leon Farhi Neto. Biopolitíca em Foucault. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

42.
DALL'AGNOL, Darlei; PINZANI, A.; PIZZI, J.. Participação em banca de Andrei Luiz Lodéa. Os fundamentos da ética contemporânea nas perspectivas de Habermas e Tugendhat. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

43.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; ASSMANN, Selvino. Participação em banca de Fernada da Silva Gomes. Rousseau - Democracia e representação. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

44.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; DURAO, A. B.. Participação em banca de Vanderlei Lemos Antunes. O conceito de soberania em Jean-Jacques Rousseau. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

45.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; NOGUEIRA, M. A.. Participação em banca de Valdenésio Aduci Mendes. Alcances e limites do conceito de sociedade civil em Antonio Gramsci. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

46.
PINZANI, A.; CABALLERO, C.; RAMOS, C. A.. Participação em banca de Roosevelt Arraes. A idéia e o ideal de sociedade bem-ordenada no liberalismo político de John Rawls. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná.

47.
PHILIPPI, J. N.; SILVEIRA, C. M. T.; PINZANI, A.. Participação em banca de Caroline Ferri. A interface entre direito e moral segundo a perspectiva de Robert Alexy. 2006. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

48.
ORTEGA, F. J. G.; ASSMANN, Selvino; PINZANI, A.. Participação em banca de Gabriela Dias de Oliveira. Exercício da ontologia do presente. Para um pensamento da política a partir de Michel Foucault. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

49.
PINZANI, A.; SOUZA, V. K. B.; ARRIGONI, M. T.. Participação em banca de Célio Antonio Sardagna. Leitura do purgatório da "Divina Comédia": O cenário, uma mulher e a procissão do Paraíso Terrestre. 2006. Dissertação (Mestrado em Literatura) - Universidade Federal de Santa Catarina.

50.
PINZANI, A.; CABALLERO, C.; BARBOSA, C. M.. Participação em banca de Vanessa Aparecida Lenhard. Judicialização da política e divisão dos poderes no estado democrático de direito: A jurisdição constitucional como quarto poder. 2006. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

51.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; PINTO, P. M.. Participação em banca de Janyne Sattler. A tarefa ético-pedaógica da filosofia no Tractatus Logico-philosophicus. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

52.
PINZANI, A.; ASSY, B.; CABALLERO, C.. Participação em banca de Cristina Foroni Consani. O republicanismo como forma de (re)construição da esfera pública e possibilidade de ação: limites e possibilidades. 2005. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

53.
PINZANI, A.; BORGES, Maria de Lourdes Alves; ROHDEN, V.. Participação em banca de Everson Deon. Conflito e paz perpétua em Kant. 2005. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

54.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; OLIVEIRA, N. F.. Participação em banca de Milene C. Tonetto. O papel dos direitos humanos na filosofia prática de Habermas. 2005. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

55.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; CENCI, Elve. Participação em banca de Mauro Farias de Araujo. O problema da origem e do fundamento do mal em Kant. 2004. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Teses de doutorado
1.
PINZANI, A.; COSTA, M. R. A. N.; VACCARI, U. R.; WERLE, D. L.. Participação em banca de Gabriel Guedes Rossatti. Hannah Arendt e o romantismo como problema filosófico-político. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; MELO, R. S.; CARANTI, L.. Participação em banca de Nunzio Alì. Economic Inequality and Proportionality. How Rich Should the 1% Be?. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
PINZANI, A.; OLIVEIRA, N. F.; GONCALVES, F.; SOBOTTKA, E.; WEBER, T.. Participação em banca de José Henrique Sousa Assai. Pesquisa crítico-normativa e argumento ontológico-social: uma leitura filosófico-social do orçamento participativo. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

4.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; MELO, R. S.; FRATESCHI, Y.; VITA, A.. Participação em banca de Raissa Wihby Ventura. O outro nas fronteiras. Para uma teoria política da migração. 2018. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

5.
PINZANI, A.; COSTA, M. R. A. N.; WERLE, D. L.; PETRY, F. B.. Participação em banca de Jordan Michel-Muniz. Democracia apresentativa e o apartheid sociel brasileiro. Crítica da igualdade política. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; TONETTO, M. C.; DUTRA, Delamar Volpato; NAHRA, C.; BONELLA, A. E.. Participação em banca de Bruno Aislã Gonçalves dos Santos. Utilitarismo e direitos morais básicos. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; OLIVEIRA, N. F.; GUNTHER, K.; GOLDMANN, M.; HEDRICK, T.. Participação em banca de André Luiz Souza Coelho. A Critical Discursive Theory of the Judicial Procedure. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; TONETTO, M. C.; SATTLER, J.; BONELLA, A. E.; KUHNEN, T. A.. Participação em banca de Wesley Felipe de Oliveira. O princípio da igual consideração das capacidades. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

9.
PINZANI, A.; HAMM, C. V.; BRITO, A. N.; VALLS, A. L. M.. Participação em banca de Adriano Perin. Método e sistema da razão em Kant: Uma investigação sobre a estrutura e a legitimidade do pensmento crítico-transendental. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

10.
PINZANI, A.; Werle, Denilson L.; DUTRA, Delamar Volpato; ARAUJO, L. B. L.; CABALLERO, C.; CONSANI, C. F.. Participação em banca de Evânia Elizete Reich. Uma aporia das democracias liberais contemporâneas: a tensão entre exigências religiosas e direitos liberais igualitários. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

11.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; BORGES, Maria de Lourdes Alves; FELDHAUS, C.; BRITO, E. O.; MATOS, J. C. M.. Participação em banca de Silvério Becker. Sobre o conceito de obrigação moral em Kant. 2016. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

12.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; STAUDT, L. A.; HEBECHE, L. A.; PANCERA, C. G. K.; MARTINS, J. A.. Participação em banca de Evandro Marcos Leonardi. Conflito civil e liberdade no pensamento republicano de Maquiavel. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

13.
PINZANI, A.; OLIVEIRA, N. F.; SINNER, R. V.; BOPSIN, O.; ZWETSCH, R.. Participação em banca de Eneida Jacobsen. Teologia e teoria política: aproximações críticas entre correntes da teologia contemporânea e o pensamento político de Jürgen Habemas. 2015. Tese (Doutorado em Teologia) - Faculdade EST.

14.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; FRATESCHI, Y.; CORREIA, A.; VAZ, A. F.; COSTA, M. R. A. N.. Participação em banca de Diogo Ramos. Gênese e estrutura de Origens do Totalitarismo. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

15.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.; ASSMANN, Selvino; LEIVAS, C. R. C.; BALZI, C. E.. Participação em banca de Márcio Secco. A ética como ciência em Thomas Hobbes. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

16.
PINZANI, A.; VAZ, A. F.; Werle, Denilson L.; COSTA, M. R. A. N.; GAMBAROTTA, E. M.; SILVA, E. N.. Participação em banca de Amaro de Oliveira Fleck. Theodor W. Adorno: Um crítico na era dourada do capitalismo. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

17.
PINZANI, A.; TIMMERMANN, J.; TANG, K.C.; VANDEVELDE, T.. Participação em banca de Eric M. Boot. Human Duties and the Limits of Human Rights Discourses. 2015. Tese (Doutorado em Direito) - Radboud University Nijmegen.

18.
PINZANI, A.; NAHRA, C.; KLEIN, J. T.; AZEVEDO, M. O.; LUCIO, P. S. M.. Participação em banca de Sônia Soares. Ética da alimentação: porque devemos, segundo Kant, escolher uma alimentação adequada e saudável. 2015. Tese (Doutorado em Programa integrado de doutorado em filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

19.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; DUTRA, Delamar Volpato; OLIVEIRA, N. F.; TROMBETTA, G. L.; FAVERO, A. A.. Participação em banca de Edison Alencar Casagranda. O poder constituinte em Hannah Arendt e Jürgen Habermas. 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

20.
PINZANI, A.; MERTENS, T.; PAULSON, S.; SCHUTGENS, R. J. B.; BRUGMANS, E. H. L.; TINNEVELT, R.. Participação em banca de Robert Jan Witpaard. The Construction of Law; Hans Kelsen's Pure Theory of Law between Construction and Description. 2014. Tese (Doutorado em Direito) - Radboud University Nijmegen.

21.
PINZANI, A.; REPA, L.; WEIZBORT, L.; GENTIL, H. S.; MASSELLA, A. B.. Participação em banca de Ernesto Mora Forero. A imaginação reconstructiva. Paul Ricoeur e Jürgen Habermas: sobre o discurso narrativo na modernidade. 2014. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de São Paulo.

22.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; DUTRA, Delamar Volpato; TONETTO, M. C.; BRITO, A. N.; BONET, J. V.. Participação em banca de Andrei Luiz Lodéa. A evolução da moral autônoma de Tugendhat: Sobre contratualismo simétrico e a justificação dos direitos humanos. 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

23.
PINZANI, A.; DRUCKER, C.; ASSMANN, Selvino; PHILIPPI, J. N.; SCHIO, S. M.; MAGALHAES, T. C.. Participação em banca de Elizabete O. Guerra. O fenômeno da vontade em Hannah Arendt. 2013. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

24.
PINZANI, A.; BRAIDA, C. R.; WERLE, D. L.; DRUCKER, C.; OLIVEIRA, N. F.; CORREIA, A.. Participação em banca de Patrícia Rosa. O problema da igualdade e da singularidade nos fundamentos da ética e da política. 2013. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

25.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.; ASSMANN, Selvino; BERCOVICI, G.; LISBOA, W. B.. Participação em banca de Cristina Foroni Consani. O Paradoxo da democracia constitucional e a tensão entre o Direito e a Política na Filosofia Política Contemporânea. 2013. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

26.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.; DALL'AGNOL, Darlei; SILVEIRA, D. C.; OLIVEIRA, N. A.. Participação em banca de Nelsi Kistemacher Welter. O problema da estabilidade na justiça como equidade: da teoria moral à defesa de uma concepção política. 2013. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

27.
PINZANI, A.; SILVA, F. L.; BRAGA, S.; SOUZA, P.; BONINI, A.; MALISKA, M. E.. Participação em banca de Atílio Butturi Junior. A passividade e o fantasma: O discurso monossexual no Brasil. 2012. Tese (Doutorado em Lingüística) - Universidade Federal de Santa Catarina.

28.
PINZANI, A.; VAZ, A. F.; WERLE, D. L.; GLEIZER, M.; MARTINS, A.; CAPONI, S.. Participação em banca de Leon Fahri Neto. Espiridualidade política: A partir de Foucault e Spinoza. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

29.
Pinzani, Alessandro; BORGES, Maria de Lourdes Alves; HAMM, C. V.; WERLE, D. L.; PERES, D. T.; EULER, W.. Participação em banca de Joel Thiago Klein. Kant e a ideia de uma história universal nos limites da razão. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

30.
Pinzani, Alessandro; SOUKI, N.; VILLANOVA, M. G.; SILVA, R. V.; ASSMANN, Selvino; WERLE, D. L.. Participação em banca de Idete Teles. O contrato social de Thomas Hobbes: alcances e limites. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

31.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; DUTRA, Delamar Volpato; FRANCIOTTI, M. A.; FRATESCHI, Y.; LIMONGI, M. I.. Participação em banca de Clóvis Brondani. Ética e política em Thomas Hobbes. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

32.
PINZANI, A.; VITA, A.; ARAUJO, C. R. R.; ALMEIDA, M. M. M.; LAVALLE, A. G.. Participação em banca de San Romanelli Assumpção. Justiça e gênero sob uma perspectiva cosmopolitana. 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

33.
PINZANI, A.; ALMEIDA, Nazareno; MINELLA, A. C.; PRADO, E. F. S.; TIERNO, P.; REIS, A.. Participação em banca de Alexandre Lima. Economia política em Aristóteles e a perspectiva de Marx. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

34.
PINZANI, A.; FIGUEREIDO, V. B. de; TERRA, R. R.; KEINERT, M.; CACCIOLLA, M. L.. Participação em banca de Bruno Nadai. Progresso e moral na filosofia da história de Kant. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

35.
PINZANI, A.; STAUDT, L. A.; VAZ, A. F.; WERLE, D. L.; MUSSE, R.; ALMEIDA, Jorge de. Participação em banca de Franciele Bete Petry. Além de uma crítica à razão instrumental. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

36.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; TONETTO, M. C.; WERLE, D. L.; NODARI, P. C.; CIOTTA, T.. Participação em banca de Lurdes de Vargas Silveira Schio. Cognitiviso ético: A fundamentação dos conceitos morais em Locke. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

37.
PINZANI, A.; ARAUJO, L. B. L.; DALL'AGNOL, Darlei; DUTRA, Delamar Volpato; HECK, J. N.. Participação em banca de Charles Feldhaus. Natureza, Liberdade e Justiça: um exame crítico da posição habermasiana acerca da biotécnica. 2009. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

38.
PINZANI, A.; NOBRE, M.; ARAUJO, L. B. L.; REPA, L.; SILVA, J. P.. Participação em banca de Clodomiro José Bannwart Júnior. Estruturas normativas da teoria da evolução social de Habermas. 2008. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

39.
PINZANI, A.; CABALLERO, C.; OLIVEIRA, O. M. B. A.; CHUEIRI, V. K.; MORAIS, J. L. B.. Participação em banca de Roberta Camineiro Baggio. Justiça ambiental entre redistribuição e reconhecimento: a necessária democratização da proteção da natureza. 2008. Tese (Doutorado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

40.
PINZANI, A.; OLIVEIRA, N. F.; BOEIRA, N.; VITA, A.; COHN, G.. Participação em banca de Helio Ricardo de Couto Alves. Obrigação política e cooperação. 2007. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
PINZANI, A.; SATTLER, J.; TONETTO, M. C.. Participação em banca de Daniela Rosendo. MULTICULTURALISMO E JUSTIÇA: ANÁLISE A PARTIR DA LÓGICA DA DOMINAÇÃO. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
PINZANI, A.; SILVA, R. V.; LOSSO, T.. Participação em banca de Marcone Costa Cerqueira. Teoria da ação política em Maquiavel: uma perspective ético-política. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; VAZ, A. F.. Participação em banca de Franco Migliarini Rodriguez. Elementos normativos na teoria marxiana: teoria da expropriação do mais-valor e a resposta crítica do materialismo histórico. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; COSTA, M. R. A. N.. Participação em banca de Jordan Michel-Muniz. Democracia apresentativa. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de Nunzio Alì. Injustice, Economic Inequality, and Proportionality. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.. Participação em banca de Gabriel Guedes Rossatti. Hannah Arendt e o romantismo como problema filosófico-político. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
PINZANI, A.; PHILIPPI, J. N.; PICH, S.; LEMA, S. R.; SOUZA, M. S.. Participação em banca de Macell Cunha Leitão. Entre Forma-Direito e Forma-de-vida: ambiguidade da luta pelo direito a partir de Franz Neumann e Giorgio Agamben. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
PINZANI, A.; BORGES, Maria de Lourdes Alves; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Silvério Becker. Sobre o conceito de obrigação moral em Kant. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

9.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; Werle, Denilson L.. Participação em banca de Evânia Elizete Reich. Uma aporia das democracias liberais contemporâneas: a tensa͂o entre exigências religiosas e direitos liberais igualitários. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

10.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Jorge Armindo Sell. Justiça distributiva, razão e poder: A justiça como realização democrática. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

11.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; VAZ, A. F.. Participação em banca de Amaro de Oliveira Fleck. Theodor W. Adorno: Um crítico na era dourada do capitalismo. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

12.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de Andrei L. Lodéa. A evolução da moral autônoma de Tugendhat: Sobre contratualismo simétrico e a justificação dos direitos humanos. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

13.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; VAZ, A. F.. Participação em banca de Diogo Ramos. Gênese e estrutura de Origens do Totalitarismo. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

14.
PINZANI, A.; CAPONI, S.; ASSMANN, Selvino; MULLER-GRANZOTTO, M. J.. Participação em banca de Adriano Rodrigues Mansanera. O saber, o poder e a ética ha história da loucora em Michel Foucault. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

15.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de Márcio Secco. A ética como ciência em Thomas Hobbes. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

16.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; DURAO, A. B.. Participação em banca de Edison Alencar Casagranda. Política e direito: a teoria habermasiana do poder constituinte. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

17.
PINZANI, A.; DURAO, A. B.; WERLE, D. L.. Participação em banca de Idete Teles dos Santos. A nulidade dos contratos e a impossibilidade da desobediência do súdito em Hobbes. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

18.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; DURAO, A. B.; SEELAENDER, A. L. C. L.. Participação em banca de Cristina Foroni Consani. O paradoxo da democracia e a tensão entre direito e política na filosofia política contemporânea. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

19.
PINZANI, A.; FRATESCHI, Y.; MONTEAGUDO, R.. Participação em banca de Hélio Alexandre de Silva. Teoria Crítica, modernidade e iluminismo: ressonâncias de um dialógo necessário. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

20.
Pinzani, Alessandro; DRUCKER, C.; ASSMANN, Selvino. Participação em banca de Elizabete Olinda Guerra. O fenômeno da vontade em Hannah Arendt. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

21.
PINZANI, A.; DRUCKER, C.; BRAIDA, C. R.. Participação em banca de Patrícia Rosa. O problema da igualdade e da singularidade nos fundamentos da ética e da política. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

22.
PINZANI, A.; ANTELO, R.; SCRAMIN, S. C.. Participação em banca de Alexandre Nodari. Censura: ensaio sobre a 'lei secreta do vocabulário'. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Literatura) - Universidade Federal de Santa Catarina.

23.
PINZANI, A.; MINELLA, A. C.; ALMEIDA, Nazareno. Participação em banca de Alexandre Lima. A economia política em Aristoteles ante a perspectiva de Marx. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

24.
PINZANI, A.; VAZ, A. F.; WERLE, D. L.. Participação em banca de Franciele Bete Petry. Além de uma crítica à razão instrumental. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

25.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; FRANCIOTTI, M. A.. Participação em banca de Clóvis Brondani. Ética e política em Thomas Hobbes. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

26.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; WERLE, D. L.. Participação em banca de Lurdes Schio. O fundamento da ética em Locke. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

27.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; BORGES, Maria de Lourdes Alves. Participação em banca de Joel Thiago Klein. Kant e a Ideia de uma história universal nos limites da razão. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

28.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; SAMPAIO, S.. Participação em banca de Leon Farhi Neto. Espiridualidade política em Foucault e Spinoza. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

29.
PINZANI, A.; ROHDEN, V.; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Adriano Perin. Método e sistema da razão em Kant. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

30.
DUTRA, Delamar Volpato; PINZANI, A.; ROHDEN, V.. Participação em banca de Milene Consenso Tonetto. O direito humano à liberdade e a fundamentação do direito em Kant. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

31.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de Charles Feldhaus. Natureza, liberdade e justiça: Um exame crítico da posição habermasiana acerca da biotecnologia moderna. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

32.
ASSMANN, Selvino; VAZ, A. F.; PINZANI, A.. Participação em banca de Jaison José Bassani. Corpo, educação e reificação: Theodor W. Adorno e a crítica romântica da cultura e da técnica. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Educação) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Qualificações de Mestrado
1.
PINZANI, A.; PHILIPPI, J. N.; HEINEN, L. R.. Participação em banca de Ana Catarina de Alencar. Descobrindo a legalidade neoliberal: a reconfiguração do estado de direito na era do neoliberalismo. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
PINZANI, A.; Werle, Denilson L.; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Felipe de Moraes. A teoria crítica de Alexis de Tocqueville. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de Alessandra Martins Formiga. Paul Wilkinson e Michael Walzer: uma breve reflexão sobre o terrorismo político contemporâneo. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
PINZANI, A.; BRUM TORRES, J. C.; STEFANI, J.. Participação em banca de Wallace da Silva Carvalho. Caráter na ética artistotélica: Implicações sobre os problemas do determinismo e da responsabilidade moral. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de Caxias do Sul.

5.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; LUZ, A. M.. Participação em banca de Julio Tomé. Rawls e a desobediência civil. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
PINZANI, A.; BORGES, Maria de Lourdes Alves; VACCARI, U. R.. Participação em banca de Messias Silva Manarim. O conceito de trabalho na Fenomenologia do Espírito de Hegel. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
PINZANI, A.; PETRY, F. B.; WERLE, D. L.. Participação em banca de Edegar Fronza Junior. Tolerar é ofender? O conceito de tolerância no pensamento político de Rainer Forst. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
PINZANI, A.; Werle, Denilson L.; DURAO, A. B.. Participação em banca de Henrique Morita. Kant e os direitos humanos: uma relação problemática. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

9.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.. Participação em banca de Diana Piroli. Humilhação Institucional: Rawls, Margalit, Nussbaum. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

10.
PINZANI, A.; BORGES, Maria de Lourdes Alves; WERLE, D. L.. Participação em banca de Raquel Bavaresco Cipriani Xavier. Um estudo sobre os argumentos em favor da estabilidade em Uma Teoria da Justiça. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

11.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; CONTE, J.. Participação em banca de Eduardo de Borba. Contra a meritocracia: Uma crítica a partir da justiça como equidade ralwsiana. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

12.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; Werle, Denilson L.. Participação em banca de Izauria Zardo. Democracia deliberativa e as bases sociais da política em Habermas. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

13.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Cinthia Berwanger Pereira. O uso da doutrina da ponderação aplicado ao principialismo. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

14.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.. Participação em banca de Raquel Bavaresco Cipriani. O que a justiça requer de nós. Um estudo sobre os argumentos em favor da estabilidade em Uma teoria da justiça. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

15.
PINZANI, A.; MINELLA, A. C.; BURGOS, R.. Participação em banca de Marcel Mangili Laurindo. "O sistema financeiro não disputa a eleição, mas governa". Será mesmo? Um estudo a respeito da aplicabilidade dos juros reais de 12% ao ano na Constituição Federal de 1988. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Sociologia Política) - Universidade Federal de Santa Catarina.

16.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de Jorge A. Sell. John Rawls e Amartya Sen em busca da justiça. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

17.
PINZANI, A.; TONETTO, M. C.; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Germano Gimenez Mendes. Os mecanismos do poder e a consciência humana: Razão e história em Locke. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

18.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de José Marcos Monteiro de Souza. Liberdade, igualdade e eficiência: os princípios da justiça em Rawls. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

19.
Pinzani, Alessandro; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.. Participação em banca de Jordan Michel Muniz. Representação política em Althusius e Hobbes. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

20.
PINZANI, A.; PETRY, F. B.; STAUDT, L. A.. Participação em banca de Nadson Silva dos Santos. O conceito de razão em Horkheimer. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; ARAUJO, M.. Participação em banca de José Fernando Rosa Ribeiro.The Bioethics of Pharmacological Cognitive Enhancements. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
Pinzani, Alessandro; ASSMANN, Selvino; VAZ, A. F.. Participação em banca de Michelle Gonçalves Carrerão.Infância e totalitarismo. Uma leitura de "O livro do riso e do esquecimento" de Milan Kunder a partir da filosofia política de Hannah Arendt. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; MIRANDA, P. A. S.. Participação em banca de Marco Aurélio Oliveira Neto.Discricionariedade nas decisões judiciais em casos difíceis. Aspectos do debate entre H.L.A. Hart e R. Dworkin. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
PINZANI, A.; DRUCKER, C.; MEDEIROS, F. B.. Participação em banca de Fernando Mujica.Representacionalismo na música. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
PINZANI, A.; SEELAENDER, A. L. C. L.; PILATI, J. I.; MADEIRA, H. M. F.. Participação em banca de Márlio Aguiar.Do Pórtico à Urbe. A filosofia estoica e o direito romano nas Institutiones de Gaio. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
PINZANI, A.; SIMONI, K.; VARGAS, J. E.. Participação em banca de Fernando Coelho.A tradução do imperfeito como condicional português nas traduções italianas do romance O cortiço de Aluísio Azevedo e do livro de contos A bagagem do viajante de José Saramago. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Letras - Italiano) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; MUNIZ, J. M.. Participação em banca de Diana Piroli.O conceito de humilhação institucional em The Decent Society. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
Pinzani, Alessandro; DRUCKER, C.; GUERRA, E.. Participação em banca de Tâniara de Souza Aguiar.Arendt e a fenomenologia da liberdade. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

9.
PINZANI, A.; DURAO, A. B.; BUNCHHAFT, M. E.. Participação em banca de Oscar José Zanardi.A relação da moral e do direito com o mundo vivido na filosofia de Jürgen Habermas. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

10.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Leandro Neitzhe.Desejo, reconhecimento e vida social na ?Fenomenologia do Espírito?. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

11.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; WERLE, D. L.. Participação em banca de Rodrigo André Hummes.Consenso sobreposto e razão pública em John Rawls. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

12.
DUTRA, Delamar Volpato; ASSMANN, Selvino; PINZANI, A.. Participação em banca de Lionar Lavratti.O conceito de alienação em Marx. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

13.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; HEBECHE, L. A.. Participação em banca de Marcelo V. Cordeiro.Maquiavel republicano. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

14.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; CONSANI, C. F.. Participação em banca de Jordan Michel Muniz.A destilação da vertude. Efetividade das minorias parlamentares em Madison. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

15.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; CABALLERO, C.. Participação em banca de Joel Forteski.Os princípios de justiça de John Rawls: gênese, revisão e defesa. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

16.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; ASSMANN, Selvino. Participação em banca de Carmelita Schulze.A moralidade e a integração social nos sistemas jurídicos de Habermas e Alexy. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

17.
PINZANI, A.; CABALLERO, C.; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Marcel S. Dietzold.A degradação da esfera pública como conseqüência do processo de racionalização. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

18.
DUTRA, Delamar Volpato; FELIPE, Sônia; PINZANI, A.. Participação em banca de Marcos Rohling.O senso de justiça e a sujeição à lei na teoria de John Rawls. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

19.
BORGES, Maria de Lourdes Alves; DUTRA, Delamar Volpato; PINZANI, A.. Participação em banca de Silvânia Gollnick.Marx crítico de Hegel. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

20.
ASSMANN, Selvino; MINELLA, A. C.; PINZANI, A.. Participação em banca de Chalin Zanon Severo.A filosofia do dinheiro de Georg Simmel. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

21.
ASSMANN, Selvino; MINELLA, A. C.; PINZANI, A.. Participação em banca de Amaro de Oliveira Fleck.Um estudo sobre os conceitos de ideologia e fetichismo em Karl Marx. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

22.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; DRUCKER, C.. Participação em banca de Elizabete Olinda Guerra.Esfera pública e agir político em Hannah Arendt. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

23.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; FELIPE, Sônia. Participação em banca de Cláudia Kautzmann.O princípio de igual consideração de interesses semelhantes: a ética de Peter Singer. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

24.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; STAUDT, L. A.. Participação em banca de Pedro José de Medeiros.Ética da amizade: uma proposta de Foucault à modernidade. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

25.
DUTRA, Delamar Volpato; PINZANI, A.; STAUDT, L. A.. Participação em banca de Elcione Antunes Pinto.As liberdades de Berlin comparadas às de Constant. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

26.
FELIPE, Sônia; DUTRA, Delamar Volpato; PINZANI, A.. Participação em banca de Cleyton Murilo Ribas.Justiça distributiva em debate na teoria da igualdade de recursos e na teoria da justiça como eqüidade. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

27.
PINZANI, A.; ASSMANN, Selvino; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Idete Teles.O poder e as paixões em Maquiavel. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

28.
PINZANI, A.; BORGES, Maria de Lourdes Alves; DALL'AGNOL, Darlei. Participação em banca de Sofia Helena Gollnick Ferreira.Os conceitos de virtude e caráter moral na ética de Immanuel Kant. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

29.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; BORGES, Maria de Lourdes Alves; DUTRA, Delamar Volpato. Participação em banca de Janyne Sattler.A tarefa da filosofia no Tractatus Logico-Philosophicus. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

30.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; ASSMANN, Selvino. Participação em banca de Franciele Bete Petry.O principialismo na bioética. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

31.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; BORGES, Maria de Lourdes Alves. Participação em banca de Eleonora Vieira da Silva Fonseca Neves.Os deveres do homem para consigo mesmo segundo Kant. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

32.
PINZANI, A.; DALL'AGNOL, Darlei; FELIPE, Sônia. Participação em banca de Tânia Aparecida Kuhnen.Do valor intrínseco e da sua aplicabilidade às questões da ética prática. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.

33.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; BORGES, Maria de Lourdes Alves. Participação em banca de Júlia Aschermann Mendes de Almeida.Uma reconstrução argumentativa da Fundamentação da Metafísica dos Costumes. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
PINZANI, A.; FRATESCHI, Y.; STORCK, A.. Concurso para professor adjunto A na area de Ética e Filosofia Política. 2017. Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

2.
PINZANI, A.; WERLE, D. L.; REPA, L.; FRATESCHI, Y.; CAMPILONGO, C. F.. Concurso público para Professor Doutor MS-3.1. 2016. Universidade Estadual de Campinas.

3.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; CARVALHO, M. C. M.. Concurso para professor adjunto I em Ética. 2009. Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
PINZANI, A.; ARAUJO, L. B. L.; DUTRA, Delamar Volpato. Concurso para professor adjunto I em Filosofia Política. 2009. Universidade Federal de Santa Catarina.

Livre docência
1.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato; TERRA, R. R.; COHN, G.; FIGUEREIDO, V. B. de. Concurso para obtenção do título de livre-docência do departamento de filosofia, área de Teoria das Ciências Humanas. 2018. Universidade de São Paulo.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
A teoria crítica de Axel Honneth. Redistribution, Misrecognition, Reification. 2018. (Congresso).

2.
Colloquium on Philosophy and Global Affairs.The New Millenarianism. On the End of the World and of Capitalism as We Know Them. 2018. (Outra).

3.
Humboldt-Kolleg: 70 Years of the UDHR / 8th International Symposium on Justice:Globalization, Multiculturalism and Human Rights. Human Rights and Pervasive Doctrines. 2018. (Congresso).

4.
I Colóquio Direito e Política: Judicialização da política e politização do judiciário. Frankenstein e a "vanguarda moral". Do império do direito ao domínio do judiciário. 2018. (Congresso).

5.
III Conferência Internacional ASAP - Brasil. Política públicas de combate à pobreza no Brasil: O Programa Bolsa-Família e as políticas de combate à pobreza no campo. 2018. (Congresso).

6.
Key Concepts in Legal Philosophy.Justice in the First Book of Plato's Republic. 2018. (Seminário).

7.
Simposio Internacional.Migraciones y sufrimiento social. 2018. (Simpósio).

8.
VI Congresso da Sociedade Kant Brasileira. Precisamos de uma metafísica dos costumes?. 2018. (Congresso).

9.
VIII Multilateral Kant Congress. How Much Inequality is Acceptable from a Kantian Point of View?. 2018. (Congresso).

10.
XIV Colóquio Habermas.A função do estado em Habermas: da perspectiva marxista às críticas de Streeck. 2018. (Simpósio).

11.
Colóquio Ètica e Democraci.A discussão contemporânea sobre a teoria da democracia. 2017. (Simpósio).

12.
Colóquo Arte e Estética. Arte e sofrimento social. 2017. (Congresso).

13.
Cosmos: Science, Politics, Arts. Qual é a intenção cosmopolita?. 2017. (Congresso).

14.
Ética aplicada e políticas públicas.Is There a Duty to Be a God?. 2017. (Simpósio).

15.
Forms of Life and Capitalism. A Workshop with Rahel Jaeggi.Social Suffering and Forms of Life. 2017. (Simpósio).

16.
Intergenerational Justice and Climate Change: Juridical, Moral and Political Aspects. Intergenerational Justice: Towards a More Political Approach. 2017. (Congresso).

17.
Kant and Global Poverty. Beati Possidentes: Kant on Inequality and Poverty. 2017. (Congresso).

18.
X Colóquio Principia. Sofrimento social e doutrinas totalizantes. 2017. (Congresso).

19.
10º Encontro da ABCP. Caminhos da teoria política: normatividade, institucionalidade, empiria e história em debate. 2016. (Congresso).

20.
Colóquio Justiça e Democracia. "That's how democracy ends / not with a bang, but with a whimper". Sobre o fim da democracia como a conhecemos. 2016. (Congresso).

21.
International Conference Philosophy and Social Sciences. Farewell to Welfare: An End to Citizenship as We Know It. 2016. (Congresso).

22.
Justice and Legitimate Expectations.A Factual Concept of Legitimacy? A Commentary on Winfried Hinsch's Paper. 2016. (Seminário).

23.
Kant als Tugendethiker?.Das schwierige Verhältnis von Rechts- und Tugendpflichten. 2016. (Seminário).

24.
Kant and World Poverty. The Phantom of Freedom. 2016. (Congresso).

25.
Scuola di Alta Formazione di Acqui Terme.Liberté, inégalité, égoïsme. Sfiducia e mancanza di solidarietà come minacce alla democrazia contemporanea.. 2016. (Outra).

26.
Workshop on Kant's.Comment on Book II of Kant's Religionsschrift. 2016. (Simpósio).

27.
Workshop on Poverty.Social Programs as a Source of Individual Autonomy. 2016. (Simpósio).

28.
Workshop über Axel Honneths.Ein Kapitalismus mit menschlichem Antlitz?. 2016. (Simpósio).

29.
II Colóquio de Ética e Filosofia Política: A religião em questão. Estado laico, interferência religiosa e democracia. 2015. (Congresso).

30.
The Future of Critique and Emancipatory Practice.A Critical View from Nowhere. 2015. (Seminário).

31.
Workshop: Kants Tugendlehre im Lichte der Rechtlehre.Ist wohllüstige Selbstschändung ein Verbrechen? Das schwierige Verhältnis von Rechts- und Tugendpflichten in der Metaphysik der Sitten. 2015. (Oficina).

32.
Workshop: Moral Duties and the Problem of Poverty.Societal Perfectionism?. 2015. (Oficina).

33.
XII International Kant Congress. Was Kant a Liberal Thinker?. 2015. (Congresso).

34.
Das Verhältnis von Recht und Moral in Kants praktischer Philosophie.Gibt es eine moralische Pflicht, äusserlich frei zu sein?. 2014. (Simpósio).

35.
II Congresso Internacional do Centro Celso Furtado. As novas democracias. 2014. (Congresso).

36.
Internationales Symposium zu John Rawls, Politischer Liberalismus.Die Vermögen der Bürger und ihre Darstellung. 2014. (Simpósio).

37.
La Pietra Dialogues.The Politics and Economics of Poverty. 2014. (Outra).

38.
Semana da Filosofia.Uma Teoria Crítica para o século XXI?. 2014. (Seminário).

39.
V Encontro internacional do CIK. Some difficulties with Kant's appraisal of citizenship. 2014. (Congresso).

40.
Workshop: Kants Rechtslehre.Wie kann äußere Freiheit ein angeborenes Recht sein?. 2014. (Simpósio).

41.
Workshop on Kant's Doctrine of Law.Ehre and ehrlich in Kant's Doctrine of Law. 2014. (Oficina).

42.
XII Congresso de Filosofia Contemporânea I Congresso Internacional de Direitos Humanos da PUCPR. Direitos sociais e cidadania. 2014. (Congresso).

43.
6th International Symposium on Justice.(In)Justice and Morality. 2013. (Simpósio).

44.
As mulheres e o programa Bolsa Família.Liberdade, diheiro e autonomia. 2013. (Seminário).

45.
Coleções Literárias: Textos/Imagens. O colecionador de mariposas. Arte, morte, coleção. 2013. (Congresso).

46.
Colloquium on Philosophy and Global Affairs.Rousseau l'antipolitico. 2013. (Seminário).

47.
Fazendo Gênero 10: Desafios atuais do feminismo. Liberdade, dinheiro e autonomia: o caso do Bolsa Família. 2013. (Congresso).

48.
Humboldt-Kolloquium: Filosofía posmetafísica, teoría de la sociedad y del estado de derecho.Habermas, la religión y la esfera pública. 2013. (Simpósio).

49.
I Colóquio de Ética e Filosofia Política.Autonomia, dinheiro e cidadania. O caso do Bolsa Família. 2013. (Simpósio).

50.
Questões gerais de ética filosófica e de ética aplicada.A ética do discurso. 2013. (Encontro).

51.
Seminário Permanente.A filosofia como crítica ou como interpretação?. 2013. (Seminário).

52.
V Congresso Nacional da Sociedade Kant Brasileira. In the Beginning was the Deed. 2013. (Congresso).

53.
Workshop on Kant's Doctrine of Virtue.Introduction to the Doctrine of Virtue: Part I. 2013. (Simpósio).

54.
XIV Edizione della Scuola di Alta Formazione.Etica e politica: una relazione tesa. 2013. (Oficina).

55.
XVII Congresso Interamericano de Filosofia. Decent Life, Decent Society, Decent Persons.. 2013. (Congresso).

56.
Humboldt-Kolleg: Religião e política.Maquiavel e a religião. 2012. (Encontro).

57.
Internationales Symposion: Niccolò Machiavelli - Der Fürst.Doch ein Republikaner? Ein Blick in die anderen Weken Machiavellis. 2012. (Simpósio).

58.
IV Evento do CIK.A license to kill. 2012. (Simpósio).

59.
IX SEPECH.O surgimento da massa. Arte e crítica social. 2012. (Seminário).

60.
Summer School "Politische Theorie".Die Produktion des technokratischen Diskurses. 2012. (Oficina).

61.
VII Colóquio Kant de Marília. Em princípio foi o ato. Sobre o surgimento da propriedade e da sociedade em Rousseau e Kant. 2012. (Congresso).

62.
VIII Colóquio Habermas. Adeus à teoria discursiva?. 2012. (Congresso).

63.
Workshop über Axel Honneths "Das Recht der Freiheit". 2012. (Oficina).

64.
XIV Colóquio Kant da UNICAMP. Viver honestamente e matar por honra. Ehre, Ehrbarkeit e ehrlich na Doutrina do Direito. 2012. (Congresso).

65.
XV Encontro nacional da ANPOF.O conceito de reconstrução em Honneth. Um comentário a Marcos Nobre. 2012. (Encontro).

66.
XVII Simpósio de filosofia moderna e contemporânea.As teorias da justiça e a questão da "natureza humana". 2012. (Simpósio).

67.
Colóquio de Literatura de Vanguarde e Política: O século rivisitado. Produção de massa, produção da massa. 2011. (Congresso).

68.
I Colóquio de Ética e Filosofia Política da UFFS. Teoria crítica e justiça social. 2011. (Congresso).

69.
Kants Geschichtsphilosophie.Botanische Anthropologie und physikalische Staatslehre. Zum 5. und 6. Satz der Idee. 2011. (Simpósio).

70.
V Colóquio Internacional Schopenhauer. O que há de schopenhaueriano em Wagner?. 2011. (Congresso).

71.
VI Colóquio Kant Marília: As Críticas e suas Methodenlehren. A Methodenlehre da segunda Crítica e suas conseqüências para uma ética cívica em Kant. 2011. (Congresso).

72.
VII Colóquio Internacional Princípia. Entre naturalismo e culturalismo: o lugar teórico da crítica social. 2011. (Congresso).

73.
V Simpósio Internacional sobre Justiça: Teoria Crítica e Justiça Global.Society and Needs. 2011. (Simpósio).

74.
XXII. Deutscher Kongress für Philosophie. Grundbedürfnisse als Handlungsgründe. 2011. (Congresso).

75.
Authority and Authoritarianism. The Need for Social Justice. 2010. (Congresso).

76.
International Kant Conference. Kant on Killing. 2010. (Congresso).

77.
Justice Global.Human Needs and Well-Being. 2010. (Seminário).

78.
Kelsen - Schmitt - Arendt: (The) Poverty and / of International Law.Poverty and Political Participation. 2010. (Oficina).

79.
La filosofia del diritto fra rivoluzione e restaurazione. Chi è il soggetto giuridico nella Dottrina del Diritto di Kant?. 2010. (Congresso).

80.
Les Modernités Multiples.'Das Andere der Gerechtigkeit' oder eine andere Gerechtigkeit?. 2010. (Seminário).

81.
Philosophy and Social Sciences. May I Be Your Advocate? Or: Should We Give Voice to the Voiceless or Let Them Speak Directly?. 2010. (Congresso).

82.
XI Internationaler Kant Kongress. Kant and the Right to Life. 2010. (Congresso).

83.
XIV Encontro Nacional da Anpof. De objetos de políticas a sujetos da política: os pobres e sua voz. 2010. (Congresso).

84.
4th International Symposium on Justice: Justice and Recognition. In Honor of Axel Honneth. Recognition, Individual Autonomy, and Basic Income. 2009. (Congresso).

85.
90 Anos da constituição de Weimar. A efetivação dos debates constitucionais. Aus Gedanken die Tat Meinecke, Broch e as razões da dupla catástrofe alemã. 2009. (Congresso).

86.
Arte e Filosofia.O mito em Wagner. 2009. (Outra).

87.
Colóquio Schopenhauer. ?Só quero uma coisa: o fim? Wotan e Tristão como figuras schopenhauerianas?. 2009. (Congresso).

88.
Filosofia política e direito.Despolitização e crítica social. 2009. (Simpósio).

89.
Forzados a ser libres. Kant y la teoria republicana del derecho. Justificación normativa y justificación funcional de la necesidad del Estado en Kant. 2009. (Congresso).

90.
II Colóquio Justiça, VIrtude e Democracia. Solidariedade e autonomia individual. 2009. (Congresso).

91.
Informação e democracia.O potencial emancipatório da ética do discurso. 2009. (Seminário).

92.
Was ist der Mensch? - Antropologia, estética e teleologia em Kant. Das Tier, das einen Herrn nötig hat. Antropologia e politica nell'Idea. 2009. (Congresso).

93.
Curso de Ética.Ética e política em Maquiavel. 2008. (Oficina).

94.
Em defesa do Bolsa Família: Solidariedade cidadã e justiça distributiva.O Bolsa Família entre justiça e cidadania. 2008. (Seminário).

95.
Filosofia e política em Franz Rosenzweig.Rosenzweig sobre Hegel e o Estado. 2008. (Seminário).

96.
II Seminário de Educação em Direitos Humanos.Sobre a fundamentação dos direitos sociais. 2008. (Seminário).

97.
IV Congresso da Sociedade Kant Brasileira. The Prudent Prince. A Comparison between Machiavelli and Kant on the Statesman's Character. 2008. (Congresso).

98.
Kant Today. Kant on Sovereignty. 2008. (Congresso).

99.
Kolloquium zu Ehre von Otfried Höffe.Anerkennung und Solidarität. 2008. (Simpósio).

100.
Políticas migratórias, justicia y ciudadanía.Democracia y exclusión. La identidad colectiva en las sociedades de inmigración. 2008. (Seminário).

101.
Seminário de Ética e Filosofia Política.Reconhecimento e solidariedade. 2008. (Seminário).

102.
Seminário sobre Dworkin.A leitura moral da constituição em Freedom's Law. 2008. (Seminário).

103.
V Colóquio Habermas. Fé e saber. Sobre alguns mal-entendidos relativos a Habermas e a religião. 2008. (Congresso).

104.
XIII Encontro Nacional da Anpof.Os dilemas do reconhecimento. 2008. (Encontro).

105.
10° Seminário Anual do Grupo Interdisciplinar de Pesquisa em Direito: Patriotismo constitucional: lealdade cívica nas sociedades contemporâneas.Multiculturalismo e patriotismo constitucional. 2007. (Seminário).

106.
Encontro Nacional de Filosofia Política e Direito Constitucional.Participação democrática como educação à liberdade. 2007. (Encontro).

107.
Kants Metaphysik der Sitten im Kontext der Naturrechtslehre des 18. Jahrhunderts. Representation in Kant's Political Theory. 2007. (Congresso).

108.
O direito da filosofia no direito. Republicanismo e crise da democracia. 2007. (Congresso).

109.
V Simpósio Internacional Principia.Um Estado tudo seu. Identidade e direitos coletivos vs. identidade e direitos individuais: uma abordagem crítica à luz da questão da secessão. 2007. (Simpósio).

110.
Colóquio Verdade e Respeito. Homenagem aos 75 anos de Ernst Tugendhat.A origem da moral. Algumas considerações a partir de Tugendhat. 2006. (Simpósio).

111.
Eclipse da Política. IV Congresso de Filosofia Política e Jurídica. Perspectivismo democrático. 2006. (Congresso).

112.
Justiça e democracia em tempos de globalização.Globalização e democracia. 2006. (Seminário).

113.
O mistério do Mal. O nazismo e o mal. Uma leitura a partir de Hannah Arendt. 2006. (Congresso).

114.
V Ciclo de Palestras: Democracia em Crise.Há incompatibilidade entre constituição e democracia?. 2006. (Simpósio).

115.
XII Encontro Nacional da ANPOF.Republicanismo ou republicanismos?. 2006. (Encontro).

116.
III Congresso Internacional de Filosofia Política e Jurídica. Os demônios e as facções. Kant e Madison sobre paixões e instituições. 2005. (Congresso).

117.
II Jornadas Bolivariánas.Pensar o poder. 2005. (Encontro).

118.
I Simpósio Nacional ?Ética, Justiça e Direitos Humanos?.A cara de Janus dos direitos humanos. Os direitos humanos entre política e moral. 2005. (Simpósio).

119.
IV Colóquio Habermas. O conceito de poder em Habermas, Arendt e Luhmann. 2005. (Congresso).

120.
IV Colóquio Habermas.Eugenia em Habermas. 2005. (Simpósio).

121.
IV Simpósio Internacional Principia. A política como controle das paixões. Madison sobre a essência da democracia. 2005. (Congresso).

122.
Master em bioética da Universidade de Florença.Tra naturale e artificiale. Argomenti morali e politici contro l'eugenia positiva seguendo Habermas e Foucault. 2005. (Outra).

123.
X. International Kant Congress. Like Trees in a Forest or Like Flowers in a Garden? How Individuals Are Forced to Be Free in Kant's Political Theory. 2005. (Congresso).

124.
300 anos sem John Locke.A relação entre educação e política à luz do debate entre liberalismo e republicanismo. 2004. (Simpósio).

125.
Guerra e Paz (III).Cidadania e soberania na União Européia. 2004. (Outra).

126.
IV Encontro Catarinense de Filosofia.Kant revolucionário?. 2004. (Encontro).

127.
International Congress: Real World Justice. Achieving Global Justice. 2003. (Congresso).

128.
Convegno Nazionale di studio su ?L?unità della filosofia pratica fra morale, politica e diritto?. Il cittadino in Kant tra liberalismo e repubblicanesimo. 2002. (Congresso).

129.
Observatorio Social da PUCRS, em ocasião do segundo Fórum Social Mundial.Patriotismo e responsabilidade na era da globalização. 2002. (Outra).

130.
Euro-Conference ?Globalization of the Public Sphere??. Strukturwandel der Weltöffentlichkeit?. 2001. (Congresso).

131.
Euro-Conference ?Subsidiarity, Federalism and Democracy". Eine europäische Identität? Über die subjektive Dimension überstaatlicher Ordnungen. 2001. (Congresso).

132.
Simpósio internacional sobre o livro ?Demokratie im Zeitalter der Globalisierung? de O. Höffe.Selbstbestimmung und Sezessionsrecht. 2001. (Simpósio).

133.
2. simpósio internacional sobre a justiça.A teoria juridica de Jürgen Habermas entre funcionalismo e normativismo. 2000. (Simpósio).

134.
Euro-Conference ?Normative Requirements for International Agreements?. Interesse und Identität. Zur Grundlegung einer nicht-realistischen Theorie internationaler Verhandlungen am Beispiel des israelisch-palästinensichen Konflikts. 2000. (Congresso).

135.
Individuum vs. Kollektiv. Der Kommunitarismus als Zauberformel.Bürgertugenden und Demokratie. 1999. (Simpósio).

136.
2. International Symposium on Kant's Rechtslehre.Kants Völkerrecht. 1998. (Simpósio).

137.
Ciclo de conferências na Universidade de Tübingen em celebração dos 50 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.Sind Menschenrechte ein 'blanker Unsinn'? Über die Möglichkeit einer philosophischen Begründung der Menschenrechte. 1998. (Outra).

138.
XIX International Wittgenstein Congress. Wenn der Löwe sprechen könnte, hätte er Menschenrechte?. 1996. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PINZANI, A.; OLIVEIRA, N. F. ; SOUZA, D. G. . Humboldt-Kolleg: 70 Years of the UDHR / 8th International Symposium on Justice:Globalization, Multiculturalism and Human Rights. 2018. (Congresso).

2.
PINZANI, A.; MIETH, C. . International workshop On Poverty. 2016. (Congresso).

3.
PINZANI, A.; MERTENS, T. . International Workshop on Kant's Die Religion innerhalb der Grenzen der blossen Vernunft. 2016. (Congresso).

4.
PINZANI, A.; TONETTO, M. C. . V Encontro Internacional do CIK. 2014. (Congresso).

5.
PINZANI, A.. Humboldt-Kolleg: Entre indignação e apatia: Os cidadãos nas democracias contemporâneas. 2014. (Congresso).

6.
PINZANI, A.; TONETTO, M. C. ; DUTRA, Delamar Volpato ; DALL'AGNOL, Darlei . V Congresso Nacional da Sociedade Kant Brasileira. 2013. (Congresso).

7.
TONETTO, M. C. ; PINZANI, A. . IV Evento do CIK. 2012. (Congresso).

8.
PINZANI, A.; TONETTO, M. C. ; OLIVEIRA, N. F. . V Simpósio Internacional sobre Justiça: Teoria Crítica e justiça global. 2011. (Congresso).

9.
PINZANI, A.; ROHDEN, V. ; DUTRA, Delamar Volpato . A tradução dos textos kantianos e seus problemas. 2009. (Congresso).

10.
PINZANI, A.; CABALLERO, C. ; DUTRA, Delamar Volpato ; LIMA, C. M. . V Colóquio Habermas. 2008. (Congresso).

11.
PHILIPPI, J. N. ; PINZANI, A. ; CABALLERO, C. ; DUTRA, Delamar Volpato . O direito da filosofia no direito. 2007. (Congresso).

12.
PINZANI, A.; DURAO, A. B. ; CENCI, Elve ; DUTRA, Delamar Volpato ; ROUANET, L. P. . Eclipse da Política. IV Congresso de Filosofia Política e Jurídica. 2006. (Congresso).

13.
PINZANI, A.; DUTRA, Delamar Volpato . IV Colóquio Habermas. 2005. (Congresso).

14.
PINZANI, A.; BORGES, Maria de Lourdes Alves . Guerra e Paz III. 2005. (Congresso).

15.
PINZANI, A.; MERLE, J. . Globalization of the Public Sphere?. 2001. (Congresso).

16.
PINZANI, A.; MERLE, J. . Federalism and Subsidiarity. 2001. (Congresso).

17.
PINZANI, A.; MERLE, J. . Ethics of International Agreements and Negotiations. 2000. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Rafael José de Lemos. O antiteologismo como fundamento de uma filosofia política antiestatista em Mikhail Bakunin. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

2.
Pedro Paulo Scremis Martins. Reconhecimento versus Redistribuição e a Luta de Classes. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

3.
Alessandra Martins Formiga. Guerra Justa e Terrorismo. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Tiago Mendonça dos Santos. Liberdade na abordagem das capabilities de Sen e no republicanismo neorromano: possibilidades de integração. Início: 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

2.
Bárbara Buril Lins. Os ideais normativos de boa vida no capitalismo e suas patologias sociais. Início: 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

3.
Nayara Barros de Sousa. ?O pensamento democrático de Nancy Fraser a partir do seu feminismo. Início: 2016. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

4.
Marcone Costa Cerqueira. Intencionalidade e materialidade da ação política em Maquiavel: uma perspectiva ético-política. Início: 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

5.
Franco Maximiliano Rodríguez Migliarini. Tensões normativas em Karl Marx: o conceito de justiça na obra marxiana. Início: 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

Supervisão de pós-doutorado
1.
Ilze Zirbel. Início: 2018. Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
Evânia Elizete Reich. Início: 2018. Universidade Federal de Santa Catarina.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Alvaro Alexandre Junior. Política e liberdade em Hannah Arendt. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Samuel Heidermann. A função do Estado em Habermas e Streeck. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Thiago Zandoná Chaves. Sofrimento Social, exclusão e ideologia. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Tiago Mendonça dos Santos. Capabilities e democracia no pensamento de Amartya Sen: uma proposta de functionings básicos. 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

2.
Diana Piroli. Notas sobre humilhação institucional: Rawls, Margalit, Nussbaum. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

3.
Marcel Schneider Dietzold. Teoria do reconhecimento. A proposta hegeliana para uma ética social. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

4.
Evânia Elizete Reich. O reconhecimento em Hegel. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

5.
Jordan Michel Muniz. Representação política em Althusius e Hobbes. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

6.
Amaro de Oliveira Fleck. A Crítica da Economia Política em "O Capital" de Karl Marx. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

7.
Diogo Ramos. A ação contra o trabalho. Uma avaliação da crítica de Hannah Arendt a Karl Marx. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

8.
Alberto Paulo Neto. A analise de Jürgen Habermas sobre a tensão entre direitos humanos e soberania popular na teoria do direito de Immanuel Kant. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

9.
Idete Teles. Poder, paixão e corrupção no Estado. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

10.
Elizabete Olinda Guerra. O espaço do político na modernidade segundo Carl Schmitt e Hannah Arendt. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

11.
Andrei Luiz Lodéa. Os fundamentos da ética contemporânea nas perspectivas de Habermas e Tugendhat. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

12.
Leandro Cisneiros. O juízo reflexionante estético: uma das vias necessárias para atingir a liberdade política. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Coorientador: Alessandro Pinzani.

Tese de doutorado
1.
Jordan Michel Muniz. Democracia apresentativa e o apartheid sociel brasileiro. Crítica da igualdade política. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

2.
Nunzio Alì. Economic Inequality and Proportionality. How Rich Should the 1% be?. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

3.
Davi José de Souza da Silva. GUERRA JUSTA NO DIREITO DOS POVOS DE JOHN RAWLS. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

4.
Evânia E. Reich. Uma aporia das democracias liberais contemporâneas: a tensão entre exigências religiosas e direitos liberais igualitários. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

5.
Amaro de Oliveira Fleck. Theodor W. Adorno: Um crítico na era dourada do capitalismo. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

6.
Patrícia Rosa. O problema da igualdade e da singularidade nos fundamentos da ética e da política. 2013. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Alessandro Pinzani.

7.
Cristina Foroni Consani. O Paradoxo da democracia constitucional e a tensão entre o Direito e a Política na Filosofia Política Contemporânea. 2013. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Alessandro Pinzani.

8.
Leon Farhi Neto. Espiritualidade política: a partir de Foucault e Spinoza. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

9.
Idete Teles. O contrato social de Thomas Hobbes: alcances e limites. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

10.
Alexandre Lima. Economia política em Aristoteles e a perspectiva de Marx. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

11.
Franciele Bete Petry. Além de uma crítica à razão instrumental. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Olavo Calábria. 2014. Universidade Federal de Santa Catarina, . Alessandro Pinzani.

2.
Luiz Bernardo Leite Araujo. 2013. Universidade Federal de Santa Catarina, . Alessandro Pinzani.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Rodrigo Woitila Ferreira. Um estudo do papel da religião no pensamento político de Nicolau Maquiavel. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

2.
Sádia Soares. A soberania e o sistema jurídico na política de Thomas Hobbes. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

3.
Janete Alda de Miranda. Soberania popular em Johannes Althusius e em Jean-Jacques Rousseau. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Michelle Carreirão Gonçalves. Infância e totalitarismo. Uma leitura de "O livro do riso e do esquecimento" de Milan Kunder a partir da filosofia política de Hannah Arendt. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

2.
Fernando Mujica. Representacionalismo na música. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

3.
Fernando Coelho. A tradução do imperfeito como condicional português nas traduções italianas do romance O cortiço de Aluísio Azevedo e do livro de contos A bagagem do viajante de José Saramago. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Italiano) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

4.
Diana Piroli. O conceito de humilhação institucional em The Decent Society. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

5.
Lionar Lavratti. O conceito de alienação em Marx. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

6.
Leandro Neitzhe. Desejo, reconhecimento e vida social na ?Fenomenologia do Espírito?. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

7.
Rodrigo André Hummes. Consenso sobreposto e razão pública em John Rawls. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

8.
Marcelo V. Cordeiro. Maquiavel republicano. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

9.
Jordan Michel Muniz. A destilação da vertude. Efetividade das minorias parlamentares em Madison. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

10.
Joel Forteski. Os princípios de justiça de John Rawls: gênese, revisão e defesa. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

11.
Marcel S. Dietzold. A degradação da esfera pública como conseqüência do processo de racionalização. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

12.
Amaro de Oliveira Fleck. Um estudo sobre os conceitos de ideologia e fetichismo em Karl Marx. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

13.
Silvânia Gollnick. Marx crítico de Hegel. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

14.
Elizabete Olinda Guerra. Esfera pública e agir político em Hannah Arendt. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

15.
Elcione Antunes Pinto. As liberdades de Berlin comparadas às de Constant. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

16.
Pedro José de Medeiros. Ética da amizade: uma proposta de Foucault à modernidade. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

17.
Idete Teles. Poder e paixões em Maquiavel. 2005. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

18.
Kelly Cristina Scherer. A transição das disciplinas ao bio-poder em Michel Foucault. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Alessandro Pinzani.

Iniciação científica
1.
Fabiano Wolfart. Humilhação, sociedade decente e carências humanas. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

2.
Diana Piroli. As bases materiais do respeito de si. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

3.
Joel Forteski. Tocqueville sobre a constituição norte-americana. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

4.
Amaro de Oliveira Fleck. Paixões anuladas. A justificação moral do capitalismo antes de seu triunfo. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alessandro Pinzani.

5.
Bruno J. Florenciano. Paixões anuladas. A justificação moral do capitalismo antes de seu triunfo. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

6.
Gustavo R. De Mello. Espírito democrático e solidariade entre cidadãos. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

7.
Evânia Reich. O reconhecimento em Paul Ricoeur. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

8.
Pedro José de Medeiros. Soberania e governamentalidade em Foucault. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

9.
Daniel Brizzolara. Poder e biopoder em Foucault. 2005. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.

10.
Idete Teles dos Santos. Montesquieu: a constituição e as paixões. 2005. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alessandro Pinzani.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
PINZANI, A.2016PINZANI, A.; REGO, W. G.D. L. . Money, Autonomy, Citizenship. Effects of the Programa Bolsa Família on its Participants. Philosophy and Public Issues (New Series), v. 6, p. 115-159, 2016.


Livros e capítulos
1.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Vozes do Bolsa-Família: Autonomia, dinheiro e cidadania. 1. ed. São Paulo: Editora da UNESP, 2013. 248p .

2.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Money, Autonomy and Citizenship: The Experience of the Brazilian Bolsa Família. 1. ed. Basel: Springer Nature, 2018. v. 1. XXVI, 140p .

1.
PINZANI, A.. A ética do discurso. In: BRUM TORRES, J. C.. (Org.). Manual de ética. Questões de ética teórica e aplicada. 1ed.Petropolis; Caxias do Sul: Editora Vozes; EDUCS, 2014, v. , p. 306-323.

2.
PINZANI, A.. Pobreza. In: Guillermo Lariguet, Oscar Pérez de la Fuente, René González de la Vega y Hugo Seleme.. (Org.). Democracia, perspectivas sociales y económicas. 1ed.Buenos Aires; Montevideo: Euros; B de F, 2016, v. 1, p. 55-122.


Apresentações de Trabalho
1.
PINZANI, A.. Money, Personal Autonomy, Citizenship. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
PINZANI, A.; SPINI, D. ; RINALDI, M. D. ; GIUSEPPE, F. . The Politics and Economics of Poverty. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
PINZANI, A.. Welfare Politics, Personal Autonomy and Citizenship: Effects of the Programa Bolsa Família on Its Participants. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
PINZANI, A.; WERLE, D. L. . Die Vermögen der Bürger und ihre Darstellung. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).


Desenvolvimento de material didático ou instrucional
1.
PINZANI, A.; LEÃO REGO, W. G. D. . Pobreza e Cidadania. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Modulo para EaD).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PINZANI, A.; TONETTO, M. C. ; DUTRA, Delamar Volpato ; DALL'AGNOL, Darlei . V Congresso Nacional da Sociedade Kant Brasileira. 2013. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 13/12/2018 às 16:43:12