Marcelo Henrique Leão-Santos

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5435380608181101
  • Última atualização do currículo em 17/09/2018


Graduação em Geologia pela Universidade de Brasília em 2003, Mestrado em Geologia pela Universidade de Brasília em 2006, com área de concentração em Geofísica Aplicada, e Doutorado sanduíche em Geologia/Geofísica pela Universidade de Brasília - Instituto de Geociências / Colorado School of Mines - Department of Geophysics, em 2014. Atualmente é Professor e Pesquisador do Curso de Geologia da Universidade Federal de Goiás. Ministrou aulas na Pós-Graduação em Geologia da Universidade de Brasília UnB, Instituto de Geociências - IG em 2017. Trabalhou como Pesquisador Visitante na Colorado School of Mines - Center for Gravity, Electrical and Magnetic Studies, de 2011 a 2012. Trabalhou com diversos projetos na área ambiental e é voluntário na ONG Berço das Águas desde 2001. Trabalha com Patrimônio Geológico. Trabalhou como coordenador geofísico de prospecção mineral da empresa Vale S.A. de 2012 a 2015. Trabalhou com prospecção mineral como geólogo e geofísico na empresa Vale S.A. de 2004 a 2012. Interesses de pesquisa incluem geologia e geofísica aplicadas ao mapeamento geológico, prospecção mineral, petrofísica, inversão de dados geofísicos, modelagem geologia-geofísica 2D-3D, patrimônio geológico, ambiental e hidrogeologia. Membro da SEG Society of Exploration Geophysicists. Membro e Conselheiro do Núcleo Centro-Oeste da SBGf Sociedade Brasileira de Geofísica. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Marcelo Henrique Leão-Santos
Nome em citações bibliográficas
LEÃO-SANTOS, MARCELO;SANTOS, MARCELO H.L. DOS

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Goiás, Faculdade de Ciências e Tecnologia FCT.
Rua Mucuri s/n, Área 03
Setor Conde dos Arcos
74968755 - Aparecida de Goiânia, GO - Brasil - Caixa-postal: 30112020
Telefone: (62) 32096550
URL da Homepage: https://www.ufg.br/


Formação acadêmica/titulação


2009 - 2014
Doutorado em Geologia.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
com período sanduíche em Colorado School of Mines (Orientador: YAOGUO LI, MISAC NABIGHIAN).
Título: INTERPRETAÇÃO, INVERSÃO 3D DE DADOS MAGNÉTICOS E MODELAGEM 3D DA SUSCEPTIBILIDADE MAGNÉTICA MEDIDA, APLICADAS À PROSPECÇÃO GEOFÍSICA DE DEPÓSITOS DE ÓXIDOS DE FERRO ? COBRE - OURO IOCG (IRON OXIDE-COPPER-GOLD) ? PROVÍNCIA MINERAL DE CARAJÁS, BRASIL, Ano de obtenção: 2014.
Orientador: ROBERTO ALEXANDRE VITÓRIA DE MORAES.
Coorientador: YAOGUO LI, MISAC NABIGHIAN.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Amplitude Magnética; Modelagem/Inversão 3D; Petrofísica; Susceptibilidade Magnética; Depósitos de Óxidos de Ferro - Cobre - Ouro IOCG; Província Mineral de Carajás.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geofísica / Especialidade: Propriedades Físicas das Rochas.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geofísica / Especialidade: Geomagnetismo.
Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico; Extração de Minerais Metálicos.
2003 - 2006
Mestrado em Geologia.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: PROCESSAMENTO, NIVELAMENTO E INTEGRAÇÃO DE LEVANTAMENTOS AEROGEOFÍSICOS MAGNETOMÉTRICOS NO ESTADO DE MINAS GERAIS E SUA CONTRIBUIÇÃO À GEOLOGIA DA PORÇÃO SUL DO CRÁTON SÃO FRANCISCO,Ano de Obtenção: 2006.
Orientador: AUGUSTO CÉSAR BITTENCOURT PIRES.
Coorientador: ROBERTO A. VITÓRIA DE MORAES, CLAUDINEI GOUVEIA DE OLIVEIRA.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Aerogeofísica; Magnetometria; Integração; Cráton São Francisco.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Setores de atividade: Extração de Minerais Metálicos; Extração de Minerais Não-Metálicos; Pesquisa e Desenvolvimento.
2004 - 2004
Aperfeiçoamento em Estágio Docente. (Carga Horária: 64h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Processamento e Interpretação de Dados Geofísicos Aéreos no Estado de Minas Gerais. Ano de finalização: 2004.
Orientador: Dr. Augusto C. Bittencourt Pires.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2002 - 2004
Aperfeiçoamento em Iniciação Científica.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Projetos de Pesquisa do Laboratório de Geofísica Aplicada - LGA. Ano de finalização: 2004.
Orientador: Dr. Augusto César Bittencourt Pires.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2003 - 2003
Aperfeiçoamento em Estágio Supervisionado. (Carga Horária: 64h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Processamento de Dados Geofísicos Aéreos para o mapeamento geológico, Projeto Santa Terezinha de Goiás. Ano de finalização: 2003.
Orientador: Dr. Roberto A. Vitória de Moraes.
2001 - 2002
Aperfeiçoamento em Iniciação Científica.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Projeto Sedex de Chumbo - Zinco nas Regiões de Paracatu e João Pinheiro, Minas Gerais ? COMIG / FUGRO / GSI / IG ? UnB,. Ano de finalização: 2002.
Orientador: Dr. Augusto César Bittencourt Pires.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
1998 - 2003
Graduação em Geologia.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Projeto Itaguaru - GO, Mapeamento Geológico (Geologia, Estrutural, Geofísica, Geocronologia).
Orientador: Dr. José Oswaldo de Araújo Filho.




Formação Complementar


2017 - 2017
CURSO PATRIMÔNIO GEOLÓGICO, GEOPARQUES E GEOTURISMO E DE TRABALHO DE CAMPO. (Carga horária: 18h).
Universidad Internacional Menendez Pelayo, UIMP, Espanha.
2016 - 2016
Docência no Ensino Superior. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2016 - 2016
Magnetotelúrico Aplicação em Exploração Mineral. (Carga horária: 40h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2014 - 2014
FALCON Air Gravity Gradiometry Mineral Explorers. (Carga horária: 8h).
CGG do Brasil, CGG DO BRASIL, Brasil.
2014 - 2014
Processos Mineralizações Lateríticas. (Carga horária: 16h).
Vale, VALE, Brasil.
2014 - 2014
Sistema de Gestão de Exploração e Projetos Minerai. (Carga horária: 4h).
Vale, VALE, Brasil.
2014 - 2014
TOEFL ITP 567 pontos de 677.
TOEFL, TOEFL, Estados Unidos.
2013 - 2013
Gravimetria Gradiométrica. (Carga horária: 28h).
Intrepid Geophysics, INTREPID, Austrália.
2013 - 2013
Introdução gestão de exploração e projetos minerai. (Carga horária: 4h).
Vale, VALE, Brasil.
2011 - 2011
Exploration Geologist Training - A Global Program. (Carga horária: 72h).
Vale, VALE, Brasil.
2011 - 2011
Sistema Gocad Software Modelagem Geofísica. (Carga horária: 40h).
Mira Geoscience, MIRA, Canadá.
2011 - 2011
Sistema Gocad Software Modelagem Geologia. (Carga horária: 40h).
Mira Geoscience, MIRA, Canadá.
2010 - 2010
Oasis Montaj Target & Geochemistry. (Carga horária: 24h).
Geosoft, GEOSOFT, Canadá.
2010 - 2010
Exp2020-Tools and Techniques to Explore Undercover. (Carga horária: 16h).
Society of Economic Geologists, Inc., SEG, Estados Unidos.
2009 - 2009
Protem - Time Domain Electromagnetic System. (Carga horária: 40h).
Geonics Limited, GEONICS, Canadá.
2009 - 2009
Maxwell Electromagnetic Software. (Carga horária: 32h).
EMIT ElectroMagnetic Imaging Technology, EMIT, Austrália.
2009 - 2009
Carteira de Habilitação de Arrais Amador.
Ministério da Defesa - Comando da Marinha, MIN. DEFESA CM, Brasil.
2008 - 2008
Fundamentos Cominuição e Classificação de Minério. (Carga horária: 8h).
Centro de Tecnologia Mineral, CETEM, Brasil.
2008 - 2008
Oasis Montaj Advanced Geophysics & GM-SYS Software. (Carga horária: 32h).
Geosoft, GEOSOFT, Canadá.
2008 - 2008
Interpretation Geophysical Data Mineral Exploratio. (Carga horária: 16h).
Colorado School of Mines, MINES, Estados Unidos.
2008 - 2008
Introdução à Hidrometalurgia. (Carga horária: 8h).
Fundação Coordenação de Projetos, Pesquisas e Estudos Tecnológicos, COPPETEC, Brasil.
2008 - 2008
Fluidos no Planeta Terra. (Carga horária: 40h).
Virginia Tech, VIRGINIA TECH, Estados Unidos.
2008 - 2008
Princípios de Flotação. (Carga horária: 8h).
Centro de Tecnologia Mineral, CETEM, Brasil.
2008 - 2008
Processos Mineralizantes Associados a Vulcanismo. (Carga horária: 40h).
Laurentian University of Sudbury, LAURENTIAN, Canadá.
2008 - 2008
Geofísica com Ênfase em Sulfetos de Níquel. (Carga horária: 32h).
Vale S.A., VALE, Canadá.
2008 - 2008
Análise Técnico-Financeira de Projetos Minerais. (Carga horária: 32h).
Vale, VALE, Brasil.
2008 - 2008
Diamante Processos Formadores e Técnicas Explorato. (Carga horária: 8h).
Vale, VALE, Brasil.
2008 - 2008
Exploração Geoquímica: da Rocha ao Regolito. (Carga horária: 32h).
Vale S.A., VALE, Canadá.
2007 - 2008
Aperfeiçoamento em Processos Mineralizantes e Tecn. (Carga horária: 488h).
Vale, VALE, Brasil.
2007 - 2007
Formação Depósitos Minerais em Bacias Sedimentares. (Carga horária: 16h).
Petróleo Brasileiro - Rio de Janeiro - Matriz, PETROBRAS, Brasil.
2007 - 2007
Formação de Depós.Minerais em Processos Vulcânicos. (Carga horária: 8h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2007 - 2007
Informações Isotópicas Relevantes para DepMinerais. (Carga horária: 24h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2007 - 2007
Processos Hidrotermais Mineralizantes. (Carga horária: 40h).
Jeffrey Hedenquist Consultant, JEFFREY HEDENQUI, Canadá.
2007 - 2007
Processos Formadores Depósitos Níquel Laterítico. (Carga horária: 16h).
Vale S.A., VALE, Canadá.
2007 - 2007
Processos Supergênicos Relevantes para DepositosMn. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
2007 - 2007
Fluidos Geradores de Depósitos Minerais. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2007 - 2007
English Language Program. (Carga horária: 80h).
University of California - Santa Barbara, UCSB, Estados Unidos.
2007 - 2007
Oasis Montaj Target & Target for ArcGIS. (Carga horária: 24h).
Geosoft, GEOSOFT, Canadá.
2007 - 2007
Processos Supergênicos Relevantes Dep Minerais. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
2007 - 2007
Processos Mineralizantes Dep Minerais Sedimentares. (Carga horária: 32h).
École Polytechnique, ÉCOLE POLYTECHNI, Canadá.
2007 - 2007
Inclusões Fluidas e Isótopos Estáveis, DepMinerais. (Carga horária: 24h).
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
2007 - 2007
Depósitos Minerais Associados ao Magmatismo M-UM. (Carga horária: 8h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2007 - 2007
Processos Metamórficos e a Geração de Dep Minerais. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
2007 - 2007
Geologia Estrutural Aplicada a Depósitos Minerais. (Carga horária: 40h).
Vale S.A., VALE, Canadá.
2007 - 2007
Processos Sedimentares Formadores de Depósitos U. (Carga horária: 40h).
University Henri Poincaré, HENRI POINCARÉ, França.
2007 - 2007
Processos Magmáticos Mineralizantes. (Carga horária: 24h).
Vale S.A., VALE, Canadá.
2007 - 2007
Exploração de Au em Terrenos Lateríticos. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
2007 - 2007
Depósitos de Cobre Sedimentogênicos. (Carga horária: 23h).
Rod Kirkham Consultant, ROD KIRKHAM, Canadá.
2006 - 2006
Geofísica Terrestre na Exploração Mineral. (Carga horária: 40h).
Agência para o Desenvolvimento Tecnológico da Indústria Mineral Brasileira, ADIMB, Brasil.
2006 - 2006
Metalogenia do Ouro. (Carga horária: 16h).
Sociedade Brasileira de Geologia, SBGeo, Brasil.
2005 - 2005
Modelos Metalogenéticos. (Carga horária: 32h).
Vale, VALE, Brasil.
2005 - 2005
Oasis Montaj Surface Mapping & Target. (Carga horária: 24h).
Geosoft, GEOSOFT, Canadá.
2001 - 2001
Gestão de Recursos Hídricos e Subterrâneos. (Carga horária: 20h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
1999 - 1999
Projetos Ambientais. (Carga horária: 100h).
Ministério do Meio Ambiente e da Amazonia Legal, MMA, Brasil.
1999 - 1999
Curso Gestão Comunitária de Recursos Hídricos. (Carga horária: 40h).
Ministério do Meio Ambiente e da Amazonia Legal, MMA, Brasil.
1998 - 1998
Curso de Primeiros Socorros. (Carga horária: 200h).
Cruz Vermelha Brasileira, CV, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor efetivo, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor Efetivo do Curso de Geologia da Universidade Federal de Goiás - UFG, Faculdade de Ciências e Tecnologia - FCT. Áreas de pesquisa e Disciplinas ministradas: Geofísica, Tópicos em Geofísica, Hidrogeofísica, Geologia Básica, Geologia para Biologia, Instrumentação e Desenho Geológico, Mapeamento Geológico, Prospecção Mineral, Tópicos em Geoconservação, Patrimônio Geológico. 08/2017 a Atual - Conselheiro da Regional Centro-Oeste da Sociedade Brasileira de Geofisica SBGf. 2016 a Atual - Comissão de Monitoria do curso de Geologia-UFG. 09/2017 a 07/2018 - Comitê Interno da UFG do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação PIBITI - CNPq, Area Ciências Exatas e da Terra. 05/2016 a 05/2018 - Coordenador de Estágios da Geologia-UFG e participante do Conselho Diretor da FCT-UFG. 12/2017 - Lecionou na Pós-Graduação em Geologia da Universidade de Brasília UnB, Instituto de Geociências - IG. 2017 - Orientador Técnico Colaborador de Empresa Júnior CORÍNDON da UFG. 06 a 09/2016 - Vice-Coordenador do Curso de Geologia da FCT-UFG. 08/2016 - Coordenador do Curso de Geologia FCT-UFG.

Atividades

02/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Ciências e Tecnologia FCT, .


ONG Berço das Águas, BERÇO DAS ÁGUAS, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - Atual
Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Geólogo
Outras informações
Atuou em diversos trabalhos da área ambiental: planejamento e gestão ambiental, técnico-científica, geoecoturismo, recursos hídricos, planos de manejo, caracterização do meio físico (geologia, geomorfologia, solos e recursos hídricos), geoprocessamento e sistemas de informações geográficas - SIG. Atuou como fundador, Diretor Vice-Presidente e Geólogo da Organização Não Governamental BERÇO DAS ÁGUAS. Atualmente atua como voluntário na ONG. Berço das Águas, organização social civil, sem fins lucrativos, de caráter técnico-científico. Fundada em 19/09/2001, vem atuando nas áreas de políticas públicas relacionadas ao planejamento e gestão ambiental urbana e rural, agroecologia e recursos florestais, geologia, turismo, gerenciamento de recursos hídricos e ensino por meio da extensão universitária.


Vale, VALE, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2015
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Geofísico / Geólogo Master, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Departamento de Prospecção e Projetos Minerais 2012 a 2015: Coordenador Geofísico da Gerência de Prospecção Brasil e Carajás, 2006 a 2011: Geofísico/Geólogo da Gerência de Prospecção Brasil e Carajás, 2005 a 2006: Geólogo Coordenador do Projeto Cobre-Ouro Brasil, Alvo Nordeste, 2004: Geólogo Projeto Cobre-Ouro Brasil. Atuou em Geologia e Geofísica aplicada a diversos projetos de prospecção mineral em todo o Brasil e na região da Província Mineral de Carajás. Atuação como geólogo de Prospecção. O trabalho consistiu desde a seleção regional de áreas e alvos, mapeamento geológico, locação e descrição de furos de sondagem, até levantamentos geoquímicos e geofísicos. Atuação como coordenador de Projetos de Prospecção Mineral. O trabalho consistiu em liderança e gerenciamento da equipe na pesquisa mineral de diversos projetos e alvos. Atuação como Geofísico/Geólogo de Prospecção. Trabalho realizado em alvos e áreas por todo o Brasil. O trabalho consistiu no uso da Geofísica, aplicada como ferramenta para a integração com dados dos diversos temas geocientíficos, como geologia, geoquímica, estrutural, entre outros, com foco na prospecção mineral. Foram trabalhados vários levantamentos geofísicos aéreos e terrestres em diversas áreas do conhecimento, entre eles posso citar: Magnetometria, Gravimetria e Gravimetria Gradiométrica, Gamaespectrometria, Eletromagnetometria, Polarização Induzida, Imageamento Elétrico, Propriedades físicas das rochas, Petrofísica, e Magnetotelúrico. Trabalhou na pesquisa de diversos bens minerais: Cobre, Ouro, Níquel, Ferro, Manganês, Elemento do Grupo da Platina, Fosfato, Potássio, Diamante e Elementos Terras Raras. Atuação como coordenador da Equipe de Prospecção Geofísica no Brasil. O trabalho consistiu na liderança e gerenciamento da equipe e nas atividades de prospecção geofísica, principalmente no uso de novas tecnologias, pesquisa & desenvolvimento e interpretação com o uso de técnicas de inversão e modelagem em 2 e 3 dimensões


Colorado School of Mines, MINES, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Pesquisador Visitante, Enquadramento Funcional: Visiting Scholar, Carga horária: 40
Outras informações
Atuação como Pesquisador Visitante na Colorado School of Mines CSM, Department of Geophysics, Center for Gravity, Electrical and Magnetic Studies CGEM. Projeto: Application of 3D magnetic amplitude inversion to iron oxide-copper-gold deposits at low magnetic latitudes.


INTERGEO - Informação em Geociências, INTERGEO, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: Trabalhador Autônomo, Enquadramento Funcional: Geofísico / Geólogo, Carga horária: 20
Outras informações
Processamento e interpretação de dados geofísicos dos projetos: Convênio Geofísico Brasil Alemanha CGBA (Minas Gerais), Projeto Geofísico Brasil Canadá PGBC (Goiás, Tocantins e Pará), Projeto Sedex de Chumbo Zinco nas Regiões de Paracatu e João Pinheiro (Minas Gerais), Projeto Rio das Velhas (Minas Gerais), Projeto Gemas de Minas Gerais (Faixa Itabira Ferros), Programa Levantamento Aerogeofísico de Minas Gerais (PLAMG), Área 2 Pitangui, São João del Rei, Ipatinga e Área 3 Morro do Pilar, Serro, Guanhães.

Vínculo institucional

2002 - 2003
Vínculo: Estágio Profissional, Enquadramento Funcional: Estagiário em Geologia, Carga horária: 20
Outras informações
Geoprocessamento de dados; sistemas de informações geográficas; processamento, interpretação de dados geofísicos, geoquímicos e geológicos; arte gráfica computacional.


Fundação Hospitalar do Distrito Federal, FHDF, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - 1999
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Agente de Saúde, Carga horária: 40
Outras informações
Contrato Temporário. Vigilância Epidemiológica e Controle Entomológico da Dengue, Febre Amarela e Zoonozes. Brasília, DF.


Companhia Vale do Rio Doce, CVRD, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Estágio Profissional, Enquadramento Funcional: Estagiário em Geologia, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Companhia Vale do Rio Doce ? CVRD / Geocret LTDA Projeto Platina. Mapeamento geológico, exploração mineral, e prospecção de elementos do Grupo da Platina, Província Mineral de Carajás, Pará.

Vínculo institucional

2001 - 2001
Vínculo: Estágio Profissional, Enquadramento Funcional: Estagiário em Geologia, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Mina de Ouro Igarapé Bahia. Exploração mineral, mapeamento geológico, acompanhamento de sondagem, descrição de testemunhos de furo de sondas, mapeamento da frente de lavra, projetos de recuperação ambiental e geoprocessamento. Província Mineral de Carajás, Pará.


Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Co-Orientador e Professor, Enquadramento Funcional: Professor Pós-Graduação, Carga horária: 4
Outras informações
Professor e Co-orientador da Pós-Graduação em Geologia do Instituto de Geociências da Universidade de Brasília.



Linhas de pesquisa


1.
Geofísica
2.
Patrimônio Geológico
3.
Prospecção Mineral
4.
Inversão de dados geofísicos
5.
Modelagem Geologia-Geofísica 2D-3D


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
DETALHAMENTO E SUB-COMPARTIMENTACAO DA ESTRUTURACAO TECTONICA DA FAIXA BRASILIA
Descrição: A partir uso de sensoriamento remoto para o mapeamento de lineamentos estruturais de primeira a quinta ordem e compartimentos tectônicos, deve-se eleger áreas-chave de mapeamento de ultra-detalhe em campo afim de caracterizar as estruturas mais significativas que constituem o arcabouço estrutural da Faixa de Dobramentos e Cavalgamentos Brasília. Os resultados do trabalho serão publicados em mapas geológicoestruturais e/ou apenas estruturais, além de artigos científicos acerca da evolução tectono-estrutural da Faixa Brasília..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Marcelo Henrique Leão-Santos - Coordenador / JOANA PAULA SANCHEZ - Integrante / MARCO ANTONIO CACADOR MARTINS FERREIRA - Integrante / HERY HENRIQUE BACETO - Integrante.
2018 - Atual
DETALHAMENTO GEOLÓGICO DA FAIXA BRASÍLIA
Descrição: presente projeto tem como objeto a execução de mapeamento geológico e produção conjunta de mapas geológicos em áreas de projetos da CPRM, nos estados de Goiás e Tocantins, que necessitem de detalhamento geológico em escala de trabalho igual ou maior que 1:100.000, além de ampliar a geração de conhecimento geocientífico, no âmbito da linha de atuação Geologia e Recursos Minerais da CPRM, conforme estabelecido no Plano de Trabalho anexo. O projeto faz parte de disciplinas obrigatórias do curso de Geologia da FCT. Trata-se do detalhamento geológico estrutural do Estado de Goiás e Tocantins conforme forem necessários..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2018 - Atual
GEOFÍSICA APLICADA AO PATRIMÔNIO GEOLÓGICO
Descrição: Métodos geofísicos são comumente aplicados para diversos usos na sociedade: mapeamento geológico, indústria mineral, indústria do petróleo e gás, hidrogeologia, engenharia, meio ambiente, arqueologia, forense, artefatos de artilharia não explodidos (UXO), dentre outros. Técnicas geofísicas têm se mostrado eficientes ferramentas para a investigação em superfície e subsuperfície. Entretanto, estes métodos e técnicas não são utilizados para a caracterização e quantificação do patrimônio geológico. A interpretação de métodos geofísicos pode ser extremamente útil para a associação de geossítios com as propriedades físicas presentes nas rochas e materiais. Com isso, utilizamos o termo Patrimônio Geofísico para definir elementos que tenham propriedades físicas e respostas de anomalias geofísicas, que compõem a geodiversidade, como afloramentos de rochas, ocorrência de minerais e estruturas geológicas e as paisagens que tenham um significado didático, científico, cultural ou turístico. Diversas aplicações geofísicas podem contribuir diretamente para a geodiversidade e patrimônio geológico: mapeamento geológico-geofísico; geoconservação de geossítios com relevante interesse geofísico; valorizar e quantificar o patrimônio geológico intrínseco as propriedades físicas; geoconservação de afloramentos associados a propriedades físicas; estudos paleomagnéticos e de remanência; pesquisas magnéticas, gravimétricas; e métodos elétricos e eletromagnéticos. A geofísica também pode contribuir no ensino de geociências para elucidar e divulgar o conhecimento dos campos potenciais e fontes geofísicas como essenciais para a evolução da vida e existência dos seres humanos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Marcelo Henrique Leão-Santos - Coordenador / Yaoguo Li - Integrante / JOANA PAULA SANCHEZ - Integrante / Elisa Soares Rocha Barbosa - Integrante / Gustavo Xavier Vilarinho - Integrante.
2017 - Atual
MAGNETIC SUSCEPTIBILITY SIGNATURES AND 3D MODEL OF AN IRON OXIDE-COPPER-GOLD (IOCG) MINERALIZATION FROM CARAJÁS MINERAL PROVINCE, BRAZIL
Descrição: Petrophysical measurements were performed along drill cores from the Furnas Southeast deposit, which is located in the Carajás Mineral Province, Brazil. Magnetic susceptibilities will be incorporated into a three dimensional (3D) model and used to define the magnetic signatures of the various hydrothermal alteration types associated with the iron oxide-copper-gold (IOCG) mineralization. The disseminated copper and gold mineralization is associated with a calcic-sodic-potassic hydrothermal alteration (dominated by biotite-garnet-amphibole-magnetite alteration minerals) and followed by intense iron metasomatism with massive magnetite. The copper (chalcopyrite and bornite) and gold mineralization are usually associated with magnetite. The magnetic characterization related to the different hydrothermal alteration types and their host rocks association of high-grade mineralization with magnetite will be investigated. Measurements were performed using different equipment and measurement protocols will be assessed to determine the appropriate methodology needed to efficiently, and effectively, characterize the magnetic signature of the host rocks and ore deposit. The hydrothermal alteration is controlled by breccias, dilational structures, and several bodies with sigmoidal shape that open and close the ore zones. The alteration types have large variations along the deposit. The geological knowledge followed qualitative criteria that can be subjective in the definition of lithotypes because of the great complexity in hydrothermal alteration types. This study will show how the detailed characterization of physical properties in the IOCG system and three-dimensional modeling can be used to define magnetic susceptibility signatures and describe hydrothermal alteration zones with quantitative criteria to improve mineral exploration and the evaluation of deposits..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Marcelo Henrique Leão-Santos - Coordenador / Yaoguo Li - Integrante / Roberto Alexandre Vitória de Moraes - Integrante / Maria Irene Bartolomeu Raposo - Integrante.
2016 - Atual
INVENTÁRIO DO PATRIMÔNIO GEOLÓGICO DA MICRO REGIÃO DA CHAPADA DOS VEADEIROS-GO
Descrição: Os objetivos do projeto são realizar o inventário do patrimônio geológico do PNCV e seu entorno, determinar os lugares de interesse geológico de maior importância e propor a conservação destes lugares, o uso e a divulgação..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Marcelo Henrique Leão-Santos - Integrante / JOANA PAULA SANCHEZ - Coordenador / Ánchel Belmonte Ribas - Integrante / Luis Carcavilla Urqui - Integrante / Carlos Eduardo Ganade Araújo - Integrante.
2016 - Atual
EVOLUÇÃO GEODINÂMICA DE GRANULÍTICOS NOS DOMÍNIOS CEARÁ CENTRAL E MÉDIO COREAÚ, PROVÍNCIA BORBOREMA
Descrição: evolução metamórfica em terrenos granulíticos tem sido alvo de intensa pesquisa nas últimas décadas visto que tais terrenos, em sua grande maioria, representam segmentos da crosta continental inferior e média. Na porção setentrional da Província Borborema (PB) (Almeida et al., 1977), no âmbito dos Domínios Medio Coreaú (DMC) e Ceará Central (DCC), ocorrem alguns cinturões granulíticos, sobre os quais existem maior ou menor conhecimento em função dos estudos até então desenvolvidos. Neste sentido os seguintes terrenos serão alvo do projeto em apreço: i ? Complexo Granja (Unidade Granulítica) (DMC); ii ? Faixa Granulítica de Cariré (DCC); iii ? Corpos Granulíticos da Serra do Macaco (Granulito Macaco) (DCC); e iv ? Faixa Granulítica de Chorozinho (DCC). As principais contribuições cientificas pretendidas correspondem a: i - elaborar um modelo petrogenetico coerente para explicar os processos metamórficos que afetaram os segmentos crustais granulíticos do DCC e DMC; ii - estabelecer em primeira aproximação, a petrogenese e relação de filiação entre granulitos, migmatitos e corpos magmáticos existentes nas proximidades dos respectivos cinturões granulíticos; iii - estabelecer limites temporais para a sequência de acontecimentos geológicos que ocorreram nas áreas estudadas durante a orogenia brasiliana / pan-africana; e iv - enquadrar os vários aspectos abordados na evolução geodinâmica do orógeno brasiliano. Para que sejam alcançadas tais metas, serão efetuadas atividades de campo (40 dias efetivos), seguido de atividades laboratoriais de preparação de amostras para estudos petrográficos, análises químicas minerais, litogeoquímica e Geocronologia..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Marcelo Henrique Leão-Santos - Integrante / José Araújo Nogueira Neto - Coordenador / Christiano Magini - Integrante / Marta Noelia Lima - Integrante / Tiago Alves Cordeiro - Integrante / Joyce Brenda Ferreira de Souza - Integrante / Antonio Leal Neto - Integrante / Agnaldo Francisco de Freitas Filho - Integrante / Francisco Diones Oliveira Silva - Integrante / Irani Clezar Matos - Integrante / César Ulisses Vieira Verissimo - Integrante / Wollker Cunha Soares - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2011 - 2012
Application of 3D magnetic amplitude inversion to iron oxide-copper-gold deposits at low magnetic latitudes: A case study from Carajás Mineral Province, Brazil
Descrição: Strong hydrothermal alteration modifies rock physical properties in iron oxide-copper-gold deposits (IOCG) and may result in characteristic signatures detectable in geophysical surveys. Magnetic data are commonly used in characterizing orebodies and 3D inversions are often employed to assist in interpretations. In areas with strong remanence and self-demagnetization, the total magnetization can have directions different from the inducing field direction. This deviation precludes the use of traditional inversion methods. Magnetic amplitude inversion offers one solution to this challenge since the amplitude data are weakly dependent on the magnetization direction. In addition, low magnetic latitude also imposes difficulty to amplitude data calculation due to the instability in the component conversion in the wavenumber domain. To formulate a practical approach, we present a case study on applying the magnetic amplitude inversion to the Furnas Southeast iron oxide-copper-gold deposit at low magnetic latitude in Carajás Mineral Province, Brazil, and demonstrate that the approach can reliably recover an interpretable distribution of effective magnetic susceptibility and identify massive magnetite from hydrothermal alterations associated with the high-grade ore..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Marcelo Henrique Leão-Santos - Integrante / Yaoguo Li - Coordenador / Roberto Alexandre Vitória de Moraes - Integrante / Misac Nabighian - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1


Projetos de extensão


2016 - Atual
ENSINO DE CIÊNCIAS DA TERRA E PROCESSOS GEOLÓGICOS DE FORMAÇÃO DA REGIÃO DA CHAPADA DOS VEADEIROS, GOIÁS, BRASIL
Descrição: Os objetivos do projeto são: - Capacitar condutores de visitantes, equipe técnica do ICMBio e professores das localidades que fazem parte da microrregião da Chapada dos Veadeiros em conceitos de geologia básica, como mineralogia, tipos de rochas e geotectônica; - Realizar cursos para condutores de visitantes e equipe técnica do ICMBio sobre a geologia da Chapada dos Veadeiros, com atividades práticas em campo, como a observação de elementos naturais (minerais, rochas, estruturas, paisagem, etc.) em roteiros com atrativos de alta relevância geológica; - Capacitar professores para ensinarem geologia básica para os estudantes, e noções da geologia da Chapada dos Veadeiros; - Elaborar, confeccionar e imprimir painéis explicativos sobre a geologia da Chapada, para a consolidação da geoconservação do PARNA Chapada dos Veadeiros e arredores..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Marcelo Henrique Leão-Santos - Integrante / JOANA PAULA SANCHEZ - Coordenador / Elisa Soares Rocha Barbosa - Integrante / Ánchel Belmonte Ribas - Integrante.


Outros Projetos


2004 - 2006
Plano de Manejo do Parque Natural Municipal Lavapés - Cavalcante (GO)
Descrição: Caracterização do meio físico: Geologia, Pedologia, Geomorfologia, Clima, Hidrologia, Análise geoquímica. Elaboração do Zoneamento e Plano de Uso Público do parque. Compensação Ambiental estabelecida pelo IBAMA da Transmissora Sudeste Nordeste ? TSN. Foi desenvolvido por meio de contrato firmado em 11/2004 junto a TSN, com a Secretaria Municipal de Turismo e Meio Ambiente ? SECTURMA de Cavalcante como interveniente..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
2002 - 2005
Desenvolvimento do Agroturismo e do Ecoturismo na RA de Brazlândia DF
Descrição: O projeto teve como objetivo a elaboração de um sistema de informações geográficas para o desenvolvimento do agroturismo e do ecoturismo na Região Administrativa de Brazlândia DF. Associação Olhos D?Água de Proteção Ambiental (AOPA), Programa de Pequenos Projetos (PPP), do Fundo para o Meio Ambiente Mundial (GEF) / Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD)..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
2002 - 2005
Caminhos do Cerrado Chapada dos Veadeiros (CCCV)
Descrição: O projeto promoveu a inclusão social e o desenvolvimento sustentável na região. O projeto visou cooperar para o desenvolvimento do turismo regional na Reserva da Biosfera do Cerrado (Resbio Goyaz). Ações estratégicas: inventário e diagnóstico dos caminhos percorridos, desenvolvimento de Sistema de Informações Geográficas SIG, incentivo ao fortalecimento das instituições parceiras, diretrizes para uma trilha de travessia intermunicipal. Inspirado na idéia original do Caminho do Paraíso, do Fórum de Desenvolvimento Local (DLIS-Comunidade Ativa) de Alto Paraíso (GO) e da Agência Regional de Desenvolvimento Sustentável dos Municípios Integrantes da Chapada dos Veadeiros (ACORDO CERRADO)..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Membro de comitê de assessoramento


2017 - 2018
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico


Revisor de periódico


2018 - 2018
Periódico: GEOPHYSICS
2016 - 2016
Periódico: GEOPHYSICS
2018 - 2018
Periódico: Brazilian Journal of Geophysics


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geofísica.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia/Especialidade: Prospecção Mineral.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Ambiental.
4.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Mapeamento Geológico.
5.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Modelagem e Inversão Geologia-Geofísica 2D-3D.
6.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Patrimônio Geológico.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SOUZA, JOÃO PAULO2016 SOUZA, JOÃO PAULO ; SANTOS, MARCELO H.L. DOS ; FREITAS, CANTIDIANO O. . Applicability of Standard Euler Deconvolution, Modeling and Amplitude Magnetic Data Inversion in Greenfield Programs: The Leite Target Case Study - Carajás Mineral Province - Brazil. ASEG Extended Abstracts, v. 2016, p. 1, 2016.

2.
LEÃO-SANTOS, MARCELO2015 LEÃO-SANTOS, MARCELO; LI, Y. ; MORAES, R. A. V. . Application of 3D magnetic amplitude inversion to iron oxide-copper-gold deposits at low magnetic latitudes: A case study from Carajás Mineral Province, Brazil. GEOPHYSICS, v. 80, p. B13-B22, 2015.

3.
SOUZA, J. P. G.2015 SOUZA, J. P. G. ; LEÃO-SANTOS, MARCELO ; FREITAS, C. O. ; MATOS, F. M. V. ; CARVALHO, D. L. O. . Applicability of standard Euler deconvolution, modeling, and amplitude magnetic data inversion in Greenfield programs: The Leite target case study, Carajás Mineral Province, Brazil. Interpretation-A Journal of Subsurface Characterization, v. 3, p. T131-T143, 2015.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; BRAKE, D. ; SOUZA, J. P. G. ; FREITAS, C. O. ; MATOS, F. M. V. . Ground and borehole time domain electromagnetic response at disseminated iron oxide?copper?gold deposits, Carajás Mineral Province, Brazil. In: Society of Exploration Geophysicists SEG, Near Surface Asia Pacific Conference, 2015, Waikoloa, HI. Technical Program Extended Abstract, 2015.

2.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; LI, Y. ; MORAES, R. A. V. . Application of 3D magnetic amplitude inversion to Fe oxide?Cu?Au deposits at low magnetic latitudes: A case study from Carajás Mineral Province, Brazil. In: SEG Society of Exploration Geophysicists, Annual Meeting, 2012, Las Vegas. Technical Program Expanded Abstracts, 2012.

3.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; PIRES, A. C. B. ; MORAES, R. A. V. ; OLIVEIRA, C. G. . Imagens magnetométricas e sua aplicação na definição do arcabouço magnético-estrutural da porção sul do Cráton São Francisco ? Minas Gerais. In: 10th International Congress of the Brazilian Geophysical Society, 2007, Rio de Janeiro. 10th International Congress of the Brazilian Geophysical Society, 2007. v. 1.

4.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; PIRES, A. C. B. ; MORAES, R. A. V. ; OLIVEIRA, C. G. . Processamento, nivelamento e integração de levantamentos aerogeofísicos magnetométricos na porção sul do Cráton São Francisco ? Minas Gerais. In: 10th International Congress of the Brazilian Geophysical Society, 2007, Rio de Janeiro. 10th International Congress of the Brazilian Geophysical Society, 2007. v. 1.

5.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; PIRES, A. C. B. ; MORAES, R. A. V. . Processamento de dados geofísicos aéreos gamaespectrométricos no Estado de Minas Gerais. In: XLIII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG, 2006, Aracaju - SE. XLIII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG, 2006. v. 1. p. 116-116.

6.
LAZARIN, F. A. ; LEÃO-SANTOS, MARCELO ; CAMPOS, J. E. G. . Caracterização geológica e hidrogeológica da região de Itapuranga, Heitoraí e Uruana - Goiás. In: XLII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG, 2004, Araxá MG. XLII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG, 2004. v. 1.

7.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; PIRES, A. C. B. ; MORAES, R. A. V. ; OLIVEIRA, C. G. . Tratamento e processamento de dados geofísicos aéreos magnéticos no Estado de Minas Gerais. In: XLII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG, 2004, Araxá MG. XLII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG, 2004. v. 1.

8.
LEÃO-SANTOS, MARCELO. Aplicação de dados aerogeofísicos no mapeamento geológico das rochas arqueanas e proterozóicas da região de Itaguaru-Itapuranga, Goiás. In: 8th International Congress of the Brazilian Geophysical Society, 2003, Rio de Janeiro. 8th International Congress of the Brazilian Geophysical Society, 2003. v. 1.

Apresentações de Trabalho
1.
LEÃO-SANTOS, MARCELO. Novas Ferramentas Geofísicas na Prospecção. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
LEÃO-SANTOS, MARCELO. Geologia, Paisagem e sua contribuição para análise de riscos na Chapada dos Veadeiros. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).


Demais tipos de produção técnica
1.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; SANCHEZ, J. P. ; BARBOSA, E. S. R. . CURSO DE GEOLOGIA BÁSICA PARA CONDUTORES DA CHAPADA DOS VEADEIROS. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
LEÃO-SANTOS, MARCELO. Curso de Princípios de Geologia e Geomorfologia. 2004. .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
VIDOTTI, R. M.; LEÃO-SANTOS, MARCELO; FUCK, R. A.. Participação em banca de Luciane Katiuscia Oliveira dos Reis. ARCABOUÇO TECTÔNICO DA PORÇÃO CENTRO-NORTE DA FAIXA BRASÍLIA COM BASE EM DADOS MAGNÉTICOS E GRAVIMÉTRICOS. 2016. Dissertação (Mestrado em Geociências Aplicadas) - Universidade de Brasília.

Teses de doutorado
1.
BRANCO, R. M. G. C.; MAGINI, C.; NOGUEIRA NETO, J. A.; ALENCAR NETO, M. F.; LEÃO-SANTOS, MARCELO. Participação em banca de Jackson Alves Martins. Estudo Geológico, Geofísico e Morfológico da Estrutura Circular de São Miguel do Tapuio, Piauí, Brasil. 2016. Tese (Doutorado em Geologia) - Universidade Federal do Ceará.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
BARBOSA, E. S. R.; LEÃO-SANTOS, MARCELO; MOMOLI, R. S.. Professor da Carreira do Magistério Superior, Classe A, Doutorado. 2017. Universidade Federal de Goiás.

2.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; NOGUEIRA NETO, J. A.; BROD, J. A.. Professor da Carreira do Magistério Superior, Classe A, Doutorado. 2017. Universidade Federal de Goiás.

3.
BROD, J. A.; LEÃO-SANTOS, MARCELO; NOGUEIRA NETO, J. A.. Professor da Carreira do Magistério Superior, Classe A, Doutorado. 2016. Universidade Federal de Goiás.

4.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; SILVA, J. P. S.; CARVALHO, W. L.. Professor da Carreira do Magistério Superior, Classe A, Doutorado. 2016. Universidade Federal de Goiás.

5.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; BELCHIOR, F. N.; ALMEIDA, C. F.. Recurso de Concurso para Professor da Carreira do Magistério Superior, Classe A, Doutorado. 2016. Universidade Federal de Goiás.

6.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; BROD, T. C. J.; FUCK, R. A.. Professor da Carreira do Magistério Superior, Classe A, Doutorado. 2016. Universidade Federal de Goiás.

7.
LEÃO-SANTOS, MARCELO; ZANCOPE, M. H. C.; NASCIMENTO JUNIOR, D. R.. Professor da Carreira do Magistério Superior, Classe A, Doutorado. 2016. Universidade Federal de Goiás.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Exploration 17 Conference and Field trip. 2017. (Congresso).

2.
I Simpósio de Geodiversidade e Geoconservação do Estado de Goiás.Georrota das Corredeiras do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros-Goiás-Brasil. 2017. (Simpósio).

3.
IV Simpósio Brasileiro de Patrimônio Geológico, II Encontro Luso-Brasileiro de Patrimônio Geomorfológico e Geoconservação.GEOCONSERVAÇÃO, USO E DIVULGAÇÃO DO GEOSSÍTIO VALE DA LUA, CHAPADA DOS VEADEIROS - GOIÁS - BRASIL. 2017. (Simpósio).

4.
V Encontro de Pesquisadores da Chapada dos Veadeiros.Geologia, Paisagem e sua contribuição para análise de riscos na Chapada dos Veadeiros. 2017. (Encontro).

5.
Society of Exploration Geophysicists SEG, Near Surface Asia Pacific Conference. Ground and borehole time domain electromagnetic response at disseminated iron oxide?copper?gold deposits, Carajás Mineral Province, Brazil. 2015. (Congresso).

6.
VI SIMEXMIN - Simpósio Brasileiro de Exploração Mineral. 2014. (Simpósio).

7.
SBGf - Congresso Internacional da Sociedade Brasileira de Geofísica. 2013. (Congresso).

8.
SEG Society of Exploration Geophysicists, Annual Meeting. Application of 3D magnetic amplitude inversion to Fe oxide?Cu?Au deposits at low magnetic latitudes: A case study from Carajás Mineral Province, Brazil. 2012. (Congresso).

9.
SEG 2011 - Society of Exploration Geophysicists. 2011. (Congresso).

10.
IV SimBGf - Simpósio Brasileiro de Geofísica. 2010. (Simpósio).

11.
IV SIMEXMIN - Simpósio Brasileiro de Exploração Mineral. 2010. (Simpósio).

12.
SEG 2010, Society of Economic Geologists Conference. 2010. (Congresso).

13.
11° Congresso Internacional da Sociedade Brasileira de Geofísica. 2009. (Congresso).

14.
44º Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG. 2008. (Congresso).

15.
III SIMEXMIN - Simpósio Brasileiro de Exploração Mineral. 2008. (Simpósio).

16.
10th International Congress of the Brazilian Geophysical Society. Imagens magnetométricas e sua aplicação na definição do arcabouço magnético-estrutural da porção sul do Cráton São Francisco. 2007. (Congresso).

17.
10th International Congress of the Brazilian Geophysical Society. Processamento, nivelamento e integração de levantamentos aerogeofísicos magnetométricos na porção sul do Cráton São Francisco ? Minas Gerais. 2007. (Congresso).

18.
Exploration 07. 2007. (Congresso).

19.
XLIII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG. Processamento de dados geofísicos aéreos gamaespectrométricos no Estado de Minas Gerais. 2006. (Congresso).

20.
Simpósio Brasileiro de Metalogenia. 2005. (Simpósio).

21.
XXI Simpósio de Geologia do Nordeste. 2005. (Simpósio).

22.
I SIMEXMIN - Simpósio Brasileiro de Exploração Mineral. 2004. (Simpósio).

23.
XLII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG. Tratamento e processamento de dados geofísicos aéreos magnéticos no Estado de Minas Gerais. 2004. (Congresso).

24.
XLII Congresso Brasileiro de Geologia ? SBG. Caracterização geológica e hidrogeológica da região de Itapuranga, Heitoraí e Uruana - Goiás. 2004. (Congresso).

25.
8th International Congress of the Brazilian Geophysical Society. Aplicação de dados aerogeofísicos no mapeamento geológico das rochas arqueanas e proterozóicas da região de Itaguaru-Itapuranga, Goiás. 2003. (Congresso).

26.
7th International Congress of the Brazilian Geophysical Society. 2001. (Congresso).

27.
Speleo Brazil 2001, 13° Congresso Internacional de Espeleologia. 2001. (Congresso).

28.
31 International Geological Congress. Voluntário, tradutor de inglês na seção pôster. 2000. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LEÃO-SANTOS, MARCELO. XV Simpósio de Geologia do Centro-Oeste. 2017. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Éderson Ribeiro da Silva. GERAÇÃO DE MODELOS PROSPECTIVOS PARA COBRE E OURO NO ARCO MAGMÁTICO DE ARENOPÓLIS. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Geologia) - Universidade de Brasília. (Coorientador).

Iniciação científica
1.
Pedro Guilherme do Carmo Gonçalves de Aguiar. ANÁLISE ESTATÍSTICA DA SUSCEPTIBILIDADE MAGNÉTICA MEDIDA EM MINERALIZAÇÃO DE ÓXIDOS DE FERRO-COBRE-OURO (IOCG), CARAJÁS, BRASIL. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).

2.
Gustavo Xavier Vilarinho. Modelagem virtual 3D de estruturas geológicas aplicadas ao Inventário do Patrimônio Geológico da região de Cavalcante ? Goiás (Mirante Nova Aurora). Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).

3.
LETICIA GONCALVES DE OLIVEIRA. INVENTÁRIO DO PATRIMÔNIO GEOLÓGICO DA MICRO REGIÃO DA CHAPADA DOS VEADEIROS-GO. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).

4.
GABRIEL VELOSO MARTINELI. INVENTÁRIO DO PATRIMÔNIO GEOLÓGICO DA MICRO REGIÃO DA CHAPADA DOS VEADEIROS-GO. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).

Orientações de outra natureza
1.
BRUNO FAGUNDES SILVA. DNPM DEPARTAMENTO NACIONAL DE PRODUÇÃO MINERAL. Início: 2017. Orientação de outra natureza. Universidade Federal de Goiás. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Iniciação científica
1.
Lavoisier Matias dos Santos. INVENTÁRIO DO PATRIMÔNIO GEOLÓGICO DA MICRO REGIÃO DA CHAPADA DOS VEADEIROS-GO. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Marcelo Henrique Leão-Santos.

2.
Gustavo Xavier Vilarinho. SENSORIAMENTO REMOTO APLICADO AO INVENTÁRIO DO PATRIMÔNIO GEOLÓGICO DA REGIÃO DE CAVALCANTE - GOIÁS. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Marcelo Henrique Leão-Santos.

3.
Ícaro Souza Silva. Litoteca da UFG. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Marcelo Henrique Leão-Santos.

4.
NICOLE LIMA MAGNY. Litoteca da UFG. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Marcelo Henrique Leão-Santos.

5.
AMANDA PEREIRA ALVARES. Litoteca da UFG. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Marcelo Henrique Leão-Santos.

6.
MARCO TULIO GUIMARÃES. Litoteca da UFG. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Marcelo Henrique Leão-Santos.

Orientações de outra natureza
1.
CORÍNDON CONSULTORIA GEOLÓGICA JR. Orientador Técnico Colaborador de Empresa Júnior CORÍNDON. 2017. Orientação de outra natureza. (Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Marcelo Henrique Leão-Santos.



Inovação



Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Cursos de curta duração ministrados
1.
LEÃO-SANTOS, MARCELO. Curso de Princípios de Geologia e Geomorfologia. 2004. .



Outras informações relevantes


Aprovado nos concursos para Professor de Magistério Superior:
2014 Universidade de Brasília UnB - Instituto de Geociências IG - Curso Geofísica
2015 Universidade de Goiás UFG - Faculdade de Ciências e Tecnologias - Curso Geologia
2015 Universidade de Brasília UnB - Faculdade de Planaltina - Área Geociências

08/2017 a Atual - Conselheiro da Regional Centro-Oeste da Sociedade Brasileira de Geofisica SBGf.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/11/2018 às 16:47:32