Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5517850224634709
  • Última atualização do currículo em 10/12/2018


Possui graduação em Economia pela FEA/USP, doutorado direto em Saúde Pública pela FSP/USP e pós-doutorado na Universidade de Harvard. É Professor Livre Docente do Departamento de Epidemiologia da FSP/USP na área de estatísticas de saúde, orientador dos programas de pós-graduação em Saúde Pública e Saúde Global da USP e coordenador de cursos sobre o uso do R para a análise de dados e sobre machine learning em saúde. Atuou como professor convidado (2016) e pesquisador visitante (2017) na Universidade de Harvard. Atualmente é o Pesquisador Principal de pesquisas financiadas pela FAPESP, CNPq e Fundação Lemann. Em 2015-2016 foi responsável pelo curso online Big Data em Saúde no Brasil da parceria USP-Coursera, que teve mais de 8.500 alunos matriculados e representantes de todos os Estados brasileiros. É o diretor do Laboratório de Big Data e Análise Preditiva em Saúde (Labdaps) da FSP/USP. Tem experiência em pesquisas na área de saúde pública, com ênfase em estatísticas de saúde. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho
Nome em citações bibliográficas
Chiavegatto Filho, A.D.P.;CHIAVEGATTO FILHO, A. D. P.;Chiavegatto Filho, Alexandre Dias Porto;Filho, Alexandre Dias Porto Chiavegatto;PORTO CHIAVEGATTO FILHO, ALEXANDRE DIAS;Chiavegatto Filho, Alexandre DP;Chiavegatto, Alexandre Dias Porto;Chiavegatto Filho, Alexandre;Filho, Alexandre Chiavegatto;CHIAVEGATTO FILHO, ALEXANDRE D P;CHIAVEGATTO FILHO, A D P

Endereço


Endereço Profissional
Faculdade de Saúde Pública.
Av. Dr. Arnaldo, 715
Cerqueira César
01246904 - São Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 30617914
URL da Homepage: http://www.fsp.usp.br/alexandre


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2010
Doutorado em Saúde Pública.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
com período sanduíche em Harvard School of Public Health (Orientador: Ichiro Kawachi).
Título: Efeito da desigualdade de renda na mortalidade do Município de São Paulo., Ano de obtenção: 2010.
Orientador: Sabina Léa Davidson Gotlieb.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: desigualdade de renda; epidemiologia; mortalidade; São Paulo.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública.
2008 - 2014
Graduação em Economia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2002 - 2006
Graduação em Nutrição.
Faculdade de Saúde Pública, FSP, Brasil.


Pós-doutorado e Livre-docência


2018
Livre-docência.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Machine learning em estatísticas de saúde: desafios e mudanças estruturais, Ano de obtenção: 2018.
2011 - 2012
Pós-Doutorado.
Harvard University, HARVARD, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva.


Formação Complementar


2012 - 2012
Frontiers in the Analysis of Causal Mechanisms. (Carga horária: 15h).
Harvard School of Public Health, HSPH, Estados Unidos.
2012 - 2012
Comparative Effectiveness Research. (Carga horária: 10h).
Harvard School of Public Health, HSPH, Estados Unidos.
2012 - 2012
Multilevel Statistical Methods. (Carga horária: 64h).
Harvard School of Public Health, HSPH, Estados Unidos.
2009 - 2009
Society and Health. (Carga horária: 64h).
Harvard School of Public Health, HSPH, Estados Unidos.


Atuação Profissional



Faculdade de Saúde Pública da USP, FSP - USP, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Doutor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2018 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comissão de Pesquisa, .

Cargo ou função
Representante docente da Comissão de Pesquisa da FSP/USP.
07/2014 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho do Departamento de Epidemiologia, .

Cargo ou função
Representante docente.
03/2014 - Atual
Ensino, Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Estatísticas de Saúde
08/2018 - 09/2018
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0153 - Sistemas de Informação em Saúde
06/2018 - 07/2018
Ensino, Epidemiologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
EPI5713 - Introdução ao R para a Análise de Dados
03/2018 - 07/2018
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0145 - Epidemiologia Descritiva
03/2018 - 06/2018
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0170 - Estatísticas de Saúde
03/2018 - 05/2018
Ensino, Estatística, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0140 - Estatísticas de Saúde
03/2018 - 05/2018
Ensino, Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
PSP5108 - Estatísticas de Saúde
12/2013 - 02/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Congregação, .

Cargo ou função
Representante docente.
08/2017 - 08/2017
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0153 - Sistemas de Informação em Saúde
05/2017 - 07/2017
Ensino, Epidemiologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
EPI5713 - Introdução ao R para a Análise de Dados
03/2017 - 07/2017
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0170 - Estatísticas de Saúde
03/2017 - 06/2017
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0145 - Epidemiologia Descritiva
03/2017 - 05/2017
Ensino, Estatística, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0140 - Estatísticas de Saúde
03/2017 - 05/2017
Ensino, Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
PSP5108 - Estatísticas de Saúde
02/2017 - 02/2017
Extensão universitária , Curso de Verão da FSP-USP, .

Atividade de extensão realizada
Introdução a Big Data em Saúde Pública.
10/2016 - 12/2016
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0153 - Sistemas de Informação em Saúde
08/2016 - 09/2016
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0172 - Introdução à Demografia
03/2016 - 06/2016
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0145 - Epidemiologia Descritiva
02/2016 - 06/2016
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0170 - Estatísticas de Saúde
03/2016 - 05/2016
Ensino, Estatística, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0140 - Estatísticas de Saúde
03/2016 - 05/2016
Ensino, Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
PSP5108 - Estatísticas de Saúde
02/2016 - 02/2016
Extensão universitária , Curso de Verão da FSP-USP, .

Atividade de extensão realizada
Introdução a Big Data em Saúde Pública.
10/2015 - 12/2015
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0153 - Sistemas de Informação em Saúde
08/2015 - 10/2015
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP0172 - Introdução à Demografia
03/2015 - 06/2015
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Epidemiologia Descritiva
03/2015 - 06/2015
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
HEP 0170 - Estatísticas de Saúde
03/2015 - 05/2015
Ensino, Estatística, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Estatísticas de Saúde
03/2015 - 05/2015
Ensino, Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
HEP5760 - Estatísticas de Saúde
01/2015 - 02/2015
Extensão universitária , Curso de Verão da FSP-USP, .

Atividade de extensão realizada
Introdução a Big Data em Saúde.
03/2014 - 01/2015
Ensino, Fisioterapia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Saúde Pública
08/2014 - 12/2014
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bioestatística II
08/2014 - 11/2014
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Informática II
03/2014 - 07/2014
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Epidemiologia Descritiva
03/2014 - 06/2014
Ensino, Estatística, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Estatísticas de Saúde
03/2014 - 06/2014
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Estatísticas de Saúde
03/2014 - 05/2014
Ensino, Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
HEP5760 - Estatísticas de Saúde
08/2013 - 12/2013
Ensino, Saúde Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bioestatística II

Fundação Faculdade de Medicina, FFM, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 5
Outras informações
Pesquisador do estudo São Paulo Megacity - Pesquisa Sobre Saúde, Bem-estar e Estresse, no Núcleo da Epidemiologia Psiquiátrica do Instituto de Psiquiatria da FMUSP.


Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Título da pesquisa: Desigualdade de renda e saúde dos idosos: análise longitudinal multinível de uma amostra do Município de São Paulo. (Processo: 12/09717-2.)

Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto Temático: Mortes de mulheres em idade fértil (10 a 49 anos) por causas obstétricas no período puerperal ampliado.


Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: Auxílio ao orientador, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsa de auxílio ao pesquisador (1A) Ruy Laurenti


Centro Colaborador da OMS para a Família de Classificações de Doenças, CBCD, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 40


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Representante Discente, Enquadramento Funcional: Membro do Conselho de Epidemiologia, Carga horária: 1

Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno PAE, Carga horária: 8
Outras informações
Aluno PAE da disciplina HEP 136 Epidemiologia.

Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Monitor, Enquadramento Funcional: Bioestatística I (HEP 5732), Carga horária: 20

Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Monitor, Enquadramento Funcional: Bioestatística II (HEP 5750), Carga horária: 20

Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Representante Discente, Enquadramento Funcional: Membro do CTA da FSP-USP, Carga horária: 1


Harvard University, HARVARD, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor Visitante, Carga horária: 6
Outras informações
Ministrou o nanocurso "How to Measure Racial Inequalities in a Multiracial World: Challenges from Brazil" na Harvard School of Public Health.

Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Postdoctoral Research Fellow, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Visiting Scientist, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade Federal do Acre, UFAC, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Prefessor Visitante (DINTER), Carga horária: 40
Outras informações
Professor visitante do Doutorado Interinstitucional (Dinter), disciplina Estatísticas de Saúde (40h).


Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor visitante, Carga horária: 2
Outras informações
Professor do curso de especialização de Ciência de Dados Aplicada à Saúde da Fiocruz-RJ.



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Predição de óbitos segundo causa básica com machine learning em uma amostra longitudinal de 502.632 indivíduos
Descrição: Avanços recentes em capacidade computacional e na disponibilidade de grandes bancos de dados têm permitido o aumento do uso de métodos preditivos de inteligência artificial, conhecidos como machine learning. Na saúde, a predição da ocorrência de óbitos pode ajudar a melhorar decisões sobre a necessidade e a intensidade de tratamento médico e o estabelecimento de prioridades para internação. O projeto analisará os resultados do UK Biobank, um estudo longitudinal de 502.632 indivíduos acompanhados desde 2006-2010, que coletou características socioeconômicas, demográficas, fatores de risco, informações sobre histórico de saúde, medidas antropométricas e amostras de sangue e de urina, totalizando mais de 600 variáveis. Os óbitos são coletados continuamente por linkage e estima-se que ao início deste projeto tenham ocorrido mais de 25.000 óbitos de participantes. Serão testadas as performances de 10-20 modelos de machine learning para predizer óbito em 1, 2 e 5 anos por mortalidade geral e segundo grupos de causas básicas, utilizando as variáveis coletadas no baseline. Após a identificação do algoritmo com melhor performance preditiva, será testada a sua capacidade de generalização no estudo Saúde Bem-Estar e Envelhecimento (Projeto Temático 14/50649-6). O projeto permitirá identificar se é possível predizer com boa acurácia quem irá a óbito, e por qual causa, utilizando um grande número de características iniciais. O orçamento será utilizado para o pagamento da taxa de transferência dos dados e para a compra de duas máquinas especializadas em machine learning e big data. O projeto estabelecerá uma nova parceria entre o Laboratório de Big Data e Análise Preditiva (LABDAPS) da FSP/USP e a Plataforma de Ciência de Dados Aplicada à Saúde da Fiocruz-RJ..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (5) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Coordenador / Carla Ferreira do Nascimento - Integrante / Hellen Geremias dos Santos - Integrante / Joana Raquel Raposo dos Santos - Integrante / Marcel de Moraes Pedroso - Integrante / Ana Paula da Cunha - Integrante / Raphael de Freitas Saldanha - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2017 - Atual
O efeito de um médico: Avaliação do impacto do Programa Mais Médicos na situação de saúde e acesso a serviços de saúde
Descrição: O Programa Mais Médicos é atualmente responsável por mais de 18 mil médicos que atuam em 4.058 municípios brasileiros. A análise do seu impacto na saúde, entretanto, traz alguns desafios metodológicos devido à falta de aleatorização da intervenção e a diferenças pré-existentes entre os municípios, o que pode fazer com que os seus impactos não sejam facilmente identificados. O presente estudo tem como objetivo aplicar novas metodologias causais em crescente utilização em epidemiologia para testar o impacto real (ou causal) do programa na situação de saúde e no acesso a serviços de saúde nos municípios brasileiros contemplados pelo programa. Duas metodologias serão utilizadas: diferenças-em-diferenças e propensity score matching. A primeira terá como objetivo analisar as mudanças temporais no acesso a serviços e situação de saúde antes e após a introdução do programa. A segunda permitirá a identificação de contrafatuais para municípios de baixa renda que se beneficiaram do programa, assumindo-se que as diferenças pré-existentes sejam referentes a variáveis observáveis. O presente estudo utilizará informações de saúde provenientes do Departamento de Informática do SUS (DATASUS), cuja qualidade e abrangência é reconhecida internacionalmente, durante o período de 2010 a 2015. A análise do efeito dos médicos na saúde de populações vulneráveis irá auxiliar na formulação de políticas públicas na área da saúde, incentivando a alocação dos médicos em áreas onde terão um maior efeito. O objetivo final do projeto é publicar os resultados em um relatório de trabalho e em revistas científicas de epidemiologia e saúde pública de alto impacto..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (2) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Coordenador / Carla Ferreira do Nascimento - Integrante / Kaio Henrique Correa Massa - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2016 - Atual
Machine learning to estimate life expectancy by race in Brazil: challenges for a multiracial future
Descrição: Self-reported race is considered the gold standard to measure racial inequalities in health, especially in countries with fluid racial boundaries such as Brazil. However, life expectancy results use mortality data with racial classification determined by another individual, usually the physician that completed the death certificate. A previous study by the researchers of this proposal found that, in Brazil, mixed-race individuals have an overall higher life expectancy than whites (78.80 and 77.54 years for females, and 71.08 and 71.10 for males, respectively), despite presenting much lower levels of education and income. The result was attributed to interviewer whitening, as previous studies show that interviewers frequently consider other individuals whiter than the individuals themselves, so it could also be the case for death certificates. This spurious excess of white mortality could be the reason for the lower life expectancy found for whites, but this is yet to be confirmed. The researchers will compare self-reported racial data from deceased participants of ELSA-Brasil with their death certificate, available from the main project. Machine learning algorithms will be performed to identify individuals with high risk of having their race misclassified on the death certificate (assuming previously self-reported race as the gold standard), based on individual characteristics. The trained algorithm will then be performed in the official microdata death records from Brazil to correct racial classification for individuals with a predicted high risk of misclassification. The first results will be to produce the new (corrected) life expectancy rates in Brazil for whites, blacks and mixed races. The researchers will disseminate these results on Brazilian media and a scientific article will be written on the topic. The project also includes secondary objectives that aim to advance specific scientific knowledge on race, cultural factors and health in Brazil. The ELSA-Brasil sample has a very extensive database on social capital, neighborhood characteristics and chronic diseases. These results will be linked to self-reported race and genetic heritage data collected from the participants in 2010 with the objective of identifying factors associated with individuals that present large disparities between genetic heritage and self-reported race. This proposal is a collaboration between Professor Ichiro Kawachi, the John L. Loeb and Frances Lehman Loeb Professor of Social Epidemiology and Chair of the Department of Social and Behavioral Sciences of the Harvard School of Public Health, and Assistant Professor Alexandre Chiavegatto Filho of the School of Public Health of the University of São Paulo, Brazil.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Cidades e Saúde Mental: Determinantes sociais dos distúrbios mentais em grandes centros urbanos em uma análise multicêntrica do World Mental Health Survey Initiative
Descrição: Nas últimas décadas, os distúrbios mentais têm aumentado rapidamente de importância entre as causas de morbidade e incapacidade, principalmente nas grandes cidades. O presente projeto objetiva identificar e analisar os determinantes sociais dos distúrbios mentais nas dez megacidades que fazem parte do World Mental Health Survey Initiative (WHMI): Nova York, Los Angeles, Xangai, Pequim, Shenzhen, Lagos, Cidade do México, Paris, Buenos Aires e São Paulo, totalizando cerca de 20.000 indivíduos (média de 2.000 por megacidade), o que permitirá uma amostra de certo modo representativa de países de renda per capita baixa (Nigéria e China), média (Brasil, Argentina e México) e alta (Estados Unidos e França). As variáveis dependentes de interesse serão a presença de depressão, ansiedade e qualquer distúrbio mental, identificadas pelos critérios do Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (DSM-IV), traduzido e adaptado para as diferentes línguas. Na primeira parte do estudo serão ajustados modelos multinível logísticos Bayesianos com o objetivo de testar a associação entre as três variáveis dependentes com os determinantes individuais (sexo, idade, renda individual, escolaridade e estado civil) e os determinantes contextuais (desigualdade de renda, renda mediana e violência). Serão também ajustados modelos de equações estruturais para testar a presença de um efeito mediador das redes de apoio social (social networks) na associação entre os determinantes contextuais e os distúrbios mentais. O projeto será uma colaboração entre a Faculdade de Saúde Pública da USP, o Instituto de Psiquiatria da USP, a Mailman School of Public Health da Universidade de Columbia e a Harvard Medical School.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - Atual
São Paulo Megacity - Estudo Epidemiológico dos Transtornos Psiquiátricos na Região Metropolitana de São Paulo: Prevalências, Fatores de Risco e Sobrecarga Social e Econômica
Descrição: O presente projeto tem como proposta identificar as taxas de prevalência de transtornos psiquiátricos, avaliar o grau de incapacidade associada a eles, estudar a sua história natural e determinar possíveis fatores associados, na população residente na região metropolitana de São Paulo. É a extensão de um estudo realizado na área de captação do Hospital das Clínicas da FMUSP (dois bairros da zona oeste da cidade de São Paulo) e visa sanar algumas lacunas existentes em nosso meio, em relação a informações sobre o grau de sobrecarga social, econômica e familiar associadas a esses transtornos. O principal objetivo é fornecer subsídios ao estabelecimento de novas estratégias de prevenção e tratamento, bem como direcionar a elaboração de políticas de saúde mais adequadas à realidade da região e auxiliar no planejamento de serviços de saúde que atendam à demanda da população. É parte de um estudo que vem sendo realizado em vários países, coordenado pela Organização Mundial de Saúde, o World Mental Health Survey, que contará com um banco de dados de mais de 170 mil entrevistas, o que permitirá comparações transculturais entre sociedades com diferentes níveis de desenvolvimento. Segue a tendência dos estudos atuais de morbidade psiquiátrica na população geral: identificar as possíveis causas, conseqüências, estratégias para a prevenção e populações específicas em risco a determinados transtornos, além de direcionar a atenção à saúde em função da demanda conhecida. A relevância desse empreendimento pode ser enfatizada a partir de recentes publicações de organismos internacionais. No estudo The Global Burden of Disease, realizado pela Organização Mundial de Saúde e por pesquisadores da Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard (WHO; Ed. Murray & Lopez, 1996), foi demonstrado que os transtornos mentais e o uso de álcool e outras substâncias estão entre as principais causas de sobrecarga global, medida através do número anos vividos com incapacitações e número de anos p.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (2) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Integrante / Laura Helena S. G. Andrade - Coordenador / Maria Carmen Viana - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2011 - Atual
Estudo longitudinal sobre as condições de vida e saúde dos idosos do município de São Paulo - estudo SABE
Descrição: A Organização Pan Americana da Saúde conduziu, em 2000, um estudo multicêntrico sobre saúde e bem-estar de pessoas de 60 anos e mais em capitais e grandes cidades de sete países da América Latina e Caribe, entre elas São Paulo. Passados seis anos, foi realizada a continuação desse estudo, no Município de São Paulo, transformando-o em um estudo longitudinal composto de dois subprojetos: o primeiro que buscou as pessoas entrevistadas em 2000 para nova aplicação de questionário sobre as condições de vida e saúde em 2006, com ênfase em fatores de risco para mortalidade, institucionalização, alterações da funcionalidade e fragilidade. O segundo subprojeto consistiu na coleta de informações a respeito de nova coorte composta por aqueles de 60 a 64 anos em 2006 que, comparados à primeira coorte, identificaram as transformações que podem ocorrer no processo de envelhecimento na área urbana. Neste momento (2010), propõe-se uma terceira rodada de coleta de informações das pessoas que foram entrevistadas em 2000 e 2006 (coorte A), daquelas entrevistadas em 2006 (coorte B) e a introdução de uma nova coorte de pessoas de 60 a 64 anos (coorte C) seguindo o esquema proposto no estudo de 2006. A amostra dessa nova coorte será composta por 400 indivíduos, o que define a fração de amostragem 400/310694=0,001287. Para o cálculo do tamanho da amostra, considerou-se a prevalência de indivíduos com hipertensão igual a 50%, o efeito de delineamento igual a 1,5 e o erro de amostragem de 7%. O tamanho da amostra foi corrigido pela taxa resposta igual a 75% e a taxa de mortalidade de 2%. Nesta terceira fase do estudo será introduzida a coleta de sangue (além das medidas antropométricas) para avaliação de alguns parâmetros biológicos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Integrante / Ruy Laurenti - Integrante / Maria Lúcia Lebrão - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2010 - 2012
O estudo do binômio mãe-filho: uma necessidade imperiosa para alcançar os objetivos do desenvolvimento do milênio
Descrição: O projeto objetiva conhecer dados/eventos/situações ocorridas no ciclo gravídico-puerperal imediato da mulher e dados/situação/características do produto da gestação, bem como avaliar a qualidade da informação sobre a mortalidade das mulheres, e sobre a classificação dos eventos ?nascido vivo?, ?óbito fetal? e ?aborto? e preenchimento dos documentos DO, DN, DOF nos hospitais. A população de estudo diz respeito a gestantes internadas em maternidades e as áreas escolhidas para a sua realização são o Município de São Paulo-SP e o município de João Pessoa- PB, cujos dados serão comparados a alguns já levantados no município de Bauru-SP, onde foi realizada investigação relativa a uma parte do que ora está sendo proposto..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Integrante / Ruy Laurenti - Coordenador / Sabina Léa Davidson Gotlieb - Integrante / Maria Helena Prado de Mello Jorge - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2002 - 2009
Mortalidade de mulheres de 10 a 49 anos com ênfase na mortalidade materna nas capitais de estado do Brasil
Descrição: A mortalidade materna pode ser considerada um excelente indicador de saúde, não só da mulher, mas da população geral; mostra, também, iniqüidades. A redução da mortalidade materna é uma das principais metas, estando também incluída nas Metas do Desenvolvimento do Milênio da ONU. OBJETIVO: Conhecer a qualidade da informação da mortalidade de mulheres de 10 a 49 anos, e estimar a razão de mortalidade materna (RMM) e os fatores de ajuste para os dados oficiais, no conjunto das capitais de estados brasileiros e Distrito Federal..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Integrante / Ruy Laurenti - Coordenador / Sabina Léa Davidson Gotlieb - Integrante / Maria Helena Prado de Mello Jorge - Integrante.Financiador(es): Organizacão Pan-Americana da Saude/Organizacão Mundial da Saude - Auxílio financeiro.


Projetos de extensão


2018 - 2018
Inteligência Artificial em Saúde: o Uso de Machine Learning (Canal USP do Youtube)
Descrição: Em 9 aulas produzidas especialmente para o Canal USP, o professor Alexandre Chiavegatto Filho, da Faculdade de Saúde Pública da USP, apresenta os pontos fundamentais do impacto do uso da inteligência artificial em saúde. O curso introduz o espectador ao assunto, por meio de uma visão sintética do presente e do futuro próximo da tecnologia. Além disso, Chiavegatto ensina os primeiros passos para quem quiser aplicar machine learning a problemas de saúde pública. Imagens: Lucca Alves e Rafael Simões. Edição e finalização: Rafael Simões. Gravado em abril de 2018 na Faculdade de Saúde Pública..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2018 - Atual
Machine Learning em Saúde (Curso de Verão Presencial na FSP/USP)
Descrição: Conseguir predizer a ocorrência de eventos, como óbitos ou doenças, é uma preocupação estrutural da ciência, mas que tem sido negligenciada até recentemente. O curso tem como objetivo introduzir o aluno ao uso prático dos modelos preditivos de inteligência artificial (machine learning). Programação: 1 ? Perspectivas para o uso de inteligência artificial em saúde. 2 ? O uso do R para limpeza, transformação e visualização de dados. 3 ? Sobreajuste e divisão da amostra em treino, validação e teste. 4 ? Seleção, transformação e mensuração da importância das variáveis preditoras. 5 ? Mensuração da performance de modelos preditivos. 6 ? Modelos para predição de variável contínua (regressões lineares penalizadas com lasso e ridge, redes neurais, support vector machines, random forests e gradient boosted trees). 7 ? Modelos para predição de variável binária (regressões logísticas penalizadas com lasso e ridge, redes neurais, support vector machines, random forests e gradient boosted trees). 8 ? Deep learning. 9 ? Sobrevivência da espécie humana com a chegada da singularidade (provocações)..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2015 - 2017
Introdução a Big Data em Saúde (Curso de Verão presencial na FSP-USP)
Descrição: O curso tem como objetivo introduzir o aluno ao acesso e à análise de grandes bancos de dados para fornecer um panorama geral dos desafios e das possibilidades do uso de big data: 1) Fontes e bancos de dados de big data no Brasil e no mundo. 2) O uso do R para análise de grandes bancos de dados: aplicações práticas. 3) O uso de técnicas de programação (linguagem Python) para a análise de grandes bancos de dados. 4) Metodologias de big data: machine learning, redução de dimensão e controle de associações espúrias. 5) Métodos para análise causal: diferenças em diferenças, regressão descontínua e variáveis instrumentais. 6) O uso de big data para um SUS do século XXI.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Coordenador.
2015 - 2016
Big Data em Saúde no Brasil (curso online - Coursera/USP)
Descrição: O uso de big data pode trazer melhorias significativas em termos de transparência e responsabilidade por parte dos provedores de saúde, além de melhorar as decisões tomadas pelos pacientes. O curso abordou tanto a obtenção de dados em saúde como a sua utilização para melhorar a qualidade de hospitais e a provisão de serviços por parte de municípios, estados e do país. Mais especificamente, foi abordada a disponibilidade de dados públicos de saúde, o uso do R e do Python para a análise de dados e metodologias de big data como machine learning, redução de dimensão e como evitar associações espúrias. O curso teve um total de mais de 8.500 alunos matriculados, com representantes de todos os Estados brasileiros e o Distrito Federal. Segundo levantamento do Coursera, foi o terceiro curso online mais popular entre brasileiros em 2015.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Coordenador.
2014 - 2015
Jornada Universitária da Saúde
Descrição: A Jornada Universitária da Saúde (JUS) é um projeto de extensão universitária que desde 2007 propõe ações na promoção e educação da saúde em cidades do Estado de São Paulo. O objetivo da JUS é buscar alternativas para a melhoria da qualidade de vida dos habitantes do município e permitir a troca de conhecimentos entre os diferentes estudantes da área da saúde, contribuindo para a sua formação. Tem também como objetivo a capacitação de multiplicadores em saúde e a avaliação da situação de saúde por meio de questionários aplicados em trabalho de campo, em uma perspectiva multidisciplinar e interdisciplinar. Atualmente, tem a participação de estudantes de Enfermagem, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina, Nutrição e Terapia Ocupacional e Saúde Pública da USP, totalizando 75 alunos de graduação.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (75) .
Integrantes: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho - Coordenador.Financiador(es): Universidade de São Paulo - Auxílio financeiro.


Revisor de periódico


2010 - Atual
Periódico: Social Science & Medicine (1982)
2011 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Epidemiologia (Impresso)
2011 - Atual
Periódico: Epidemiologia e Serviços de Saúde
2012 - Atual
Periódico: Journal of Epidemiology and Community Health (1979)
2013 - Atual
Periódico: Maternal and Child Health Journal
2013 - Atual
Periódico: International Journal of Public Health (Print)
2013 - Atual
Periódico: Social Psychiatry and Psychiatric Epidemiology (Print)
2013 - Atual
Periódico: Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Saúde e Sociedade (USP. Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Revista de Saúde Pública (Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Plos One
2014 - Atual
Periódico: BMC Public Health (Online)
2015 - Atual
Periódico: Journal of Health and Social Behavior
2015 - Atual
Periódico: Cadernos Saúde Coletiva (UFRJ)
2015 - Atual
Periódico: Ciência e Saúde Coletiva (Impresso)
2015 - Atual
Periódico: BMJ. British Medical Journal
2016 - Atual
Periódico: Paidéia (USP. Ribeirao Preto. Impresso)
2016 - Atual
Periódico: Health Sociology Review
2016 - Atual
Periódico: Health and Place
2017 - Atual
Periódico: International Journal of Environmental Research and Public Health
2017 - Atual
Periódico: ETHNICITY & HEALTH
2017 - Atual
Periódico: Population Review (Print)
2017 - Atual
Periódico: SSM - Population Health
2018 - Atual
Periódico: BMJ Open
2018 - Atual
Periódico: REVISTA BRASILEIRA DE PSIQUIATRIA


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Epidemiologia.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Epidemiologia/Especialidade: Bioestatística.
3.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Epidemiologia/Especialidade: Estatisticas de Saude.


Idiomas


Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2012
New Voices in Global Health, The Lancet.
2006
Prêmio Jabuti (co-autor), Câmara Brasileira do Livro.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
Massa, K.H.C.2018Massa, K.H.C. ; Pabayo, R ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Income inequality and self-reported health in a representative sample of 27 017 residents of state capitals of Brazil. Journal of Public Health, v. e01, p. 1-7, 2018.

2.
Diaz-Quijano, F.2018Diaz-Quijano, F. ; Pelissari, D. M. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Zika-associated microcephaly epidemic and birth rate reduction in Brazilian cities. AMERICAN JOURNAL OF PUBLIC HEALTH, v. 01, p. e1-e3, 2018.

3.
Santana, G. L.2018Santana, G. L. ; Coelho, B. M. ; Wang, Y.P. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Viana, M.C. ; Andrade, L.H.S.G. . The epidemiology of personality disorders in the Sao Paulo Megacity general population. PLoS One, v. 13, p. e0195581, 2018.

4.
Lay, A. A. R.2018Lay, A. A. R. ; Duarte, Y.A.O. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Factors associated with age at natural menopause among elderly women in São Paulo, Brazil. MENOPAUSE-THE JOURNAL OF THE NORTH AMERICAN MENOPAUSE SOCIETY, v. 13, p. 1, 2018.

5.
Lay, A. A. R.2018Lay, A. A. R. ; do Nascimento, CF ; Duarte, Y.A.O. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Age at natural menopause and mortality: a survival analysis of elderly residents of São Paulo, Brazil. MATURITAS, v. 1, p. 1, 2018.

6.
Sampson, L.2018Sampson, L. ; Martins, S. ; Yu, S. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Andrade, L.H.S.G. ; Viana, M.C. ; Medina-Mora, M. E. ; Benjet, C. ; Torres, Y. ; Piazza, M. ; Aguilar-Gaxiola, S. ; Cia, A. H. ; Stagnaro, J. C. ; Zaslavsky, A. M. ; Kessler, R. C. ; Galea, S. . The relationship between neighborhood-level socioeconomic characteristics and individual mental disorders in five cities in Latin America: multilevel models from the World Mental Health Surveys. SOCIAL PSYCHIATRY AND PSYCHIATRIC EPIDEMIOLOGY, v. 1, p. 1, 2018.

7.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2018 Chiavegatto Filho, A.D.P.; dos Santos, H. G. ; do Nascimento, CF ; Massa, K.H.C. ; Kawachi, I. . Overachieving municipalities in public health: a machine learning approach. EPIDEMIOLOGY, v. 1, p. 1, 2018.

8.
Suemoto, C. K.2017Suemoto, C. K. ; Ferretti-Rebustii, R. E. L. ; Rodriguez, R. D. ; Leite, R. E. P. ; Soterio, L. ; Brucki, S. M. D. ; Spera, R. R. ; Cippiciani, T. M. ; Farfel, J. M. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Naslavsky, M. S. ; Zatz, M. ; Pasqualucci, C. A. ; Jacob-Filho, W. ; Nitrini, R. ; Grinberg, L. T. . Neuropathological diagnoses and clinical correlates in older adults in Brazil: A cross-sectional study. PLoS Medicine (Online), v. 14, p. e1002267, 2017.

9.
Aaskari, M.2017Aaskari, M. ; Andrade, L.H.S.G. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Silveira, C. M. ; Siu, E. ; Wang, Y.P. ; Viana, M.C. ; Martins, S. . Dual burden of chronic physical diseases and anxiety/mood disorders among São Paulo Megacity Mental Health Survey Sample, Brazil. JOURNAL OF AFFECTIVE DISORDERS, v. 220, p. 1-7, 2017.

10.
Nunes B.P.2017Nunes B.P. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Pati, S. ; Teixeira, D.S.C. ; Flores, T. R. ; Camargo-Figuera, F. A. ; Munhoz, T. N. ; Thume, E. ; Facchini, L. A. ; Batista, S.R.R. . Contextual and individual inequalities of multimorbidity in Brazilian adults: a cross-sectional national-based study. BMJ Open, v. 7, p. e015885, 2017.

11.
Diaz-Quijano, F.2017Diaz-Quijano, F. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Reduction of the birth rate in São Paulo: a probable effect of the panic caused by the Zika-associated microcephaly epidemic. ANNALS OF EPIDEMIOLOGY, v. 28, p. online first, 2017.

12.
do Nascimento, CF2017do Nascimento, CF ; Duarte, Y.A.O. ; Lebrão, M. L. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Individual and contextual characteristics of indoor and outdoor falls in older residents of São Paulo, Brazil. ARCHIVES OF GERONTOLOGY AND GERIATRICS, v. 68, p. 119-125, 2017.

13.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2017Chiavegatto Filho, A.D.P.; Sampson, L. ; Martins, S. ; Yu, S. ; Huang, Y. ; He, Y. ; Lee, S. ; Hu, C. ; Zaslavsky, A. M. ; Kessler, R. C. ; Galea, S. . Neighbourhood characteristics and mental disorders in three Chinese cities: multilevel models from the World Mental Health Surveys. BMJ Open, v. 7, p. e017679, 2017.

14.
Wang, Y.P.2016Wang, Y.P. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Campanha, A. ; Malik, A.M. ; Mogadouro, M. ; Cambraia, M. ; Viana, M. ; Andrade, L.H.S.G. . Patterns and predictors of health service use among people with mental disorders in São Paulo metropolitan area, Brazil. Epidemiology and Psychiatric Sciences, v. 1, p. 1-13, 2016.

15.
Nunes B.P.2016Nunes B.P. ; Flores, T. R. ; Garcia, L. P. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Facchini, L. A. . Tendência temporal da falta de acesso aos serviços de saúde no Brasil, 1998-2013. Epidemiologia e Servicos de Saude, v. 25, p. 777-787, 2016.

16.
Massa, K.H.C.2016Massa, K.H.C. ; Pabayo, R ; Lebrão, M. L. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Environmental factors and cardiovascular diseases: the association of income inequality and green spaces in elderly residents of São Paulo, Brazil. BMJ Open, v. 6, p. e011850, 2016.

17.
do Nascimento, CF2016do Nascimento, CF ; Duarte, Y.A.O. ; Lebrão, ML ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Individual and Neighborhood Factors Associated With Functional Mobility and Falls in Elderly Residents of Sao Paulo, Brazil: A Multilevel Analysis. Journal of Aging and Health, v. 08, p. 01, 2016.

18.
Fisberg, M.2016Fisberg, M. ; Kovalskys, I. ; Gomez, G. ; Rigotti, A. ; Cortes, L. Y. ; Herrera-Cuenca, M. ; Yepez, M. C. ; Pareja, R. G. ; Guajardo, V. ; Zimberg, I. Z. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Pratt, M. ; Koletzko, B. ; Tucker, K. L. . Latin American Study of Nutrition and Health (ELANS): rationale and study design. BMC Public Health (Online), v. 16, p. 93, 2016.

19.
Massa, K.H.C.2016Massa, K.H.C. ; Antunes, J.L..F. ; Lebrão, M. L. ; Duarte, Y.A.O. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Factors associated with the use of antihypertensives among seniors. Revista de Saúde Pública (Impresso), v. 50, p. 1-11, 2016.

20.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2015Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. . Income inequality is associated with adolescent fertility in Brazil: a longitudinal multilevel analysis of 5,565 municipalities. BMC Public Health (Online), v. 15, p. 103-107, 2015.

21.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2015Chiavegatto Filho, A.D.P.; Wang, Y.P. ; Malik, A.M. ; Takaoka, J. ; Viana, M.C. ; Andrade, L.H.S.G. . Determinants of the use of health care services: multilevel analysis in the Metropolitan Region of Sao Paulo. Revista de Saúde Pública (Impresso), v. 49, p. 1-12, 2015.

22.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2015Chiavegatto Filho, A.D.P.. Uso de big data em saúde no Brasil: perspectivas para um futuro próximo. Epidemiologia e Servicos de Saude, v. 24, p. 325-332, 2015.

23.
Kovalskys, I.2015Kovalskys, I. ; Fisberg, M. ; Gomez, G. ; Rigotti, A. ; Cortes, L. Y. ; Yepez, M. C. ; Pareja, R. G. ; Herrera-Cuenca, M. ; Zimberg, I. Z. ; Tucker, K. L. ; Koletzko, B. ; Pratt, M. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Group, E. S. . Standardization of the Food Composition Database Used in the Latin American Nutrition and Health Study (ELANS). Nutrients (Basel), v. 7, p. 7914-7924, 2015.

24.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2015Chiavegatto Filho, A.D.P.; Wang, Y.P. ; Campino, A.C.C. ; Malik, A.M. ; Viana, M. ; Andrade, L.H.S.G. . Incremental health expenditure and lost days of normal activity for individuals with mental disorders: results from the São Paulo Megacity Study. BMC Public Health (Online), v. 15, p. 745, 2015.

25.
3Chiavegatto Filho, A.D.P.2014 Chiavegatto Filho, A.D.P.; Beltran-Sanchez, H. ; Kawachi, I. . Racial disparities in life expectancy in Brazil: Challenges from a multiracial society. American Journal of Public Health (1971), v. 104, p. 2156-2162, 2014.

26.
7Chiavegatto Filho, A.D.P.2013 Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. ; Wang, Y.P. ; Viana, M.C. ; Andrade, L.H.S.G. . Does income inequality get under the skin? A multilevel analysis of depression, anxiety and mental disorders in São Paulo, Brazil. Journal of Epidemiology and Community Health (1979), v. 67, p. 966-972, 2013.

27.
4Chiavegatto Filho, A.D.P.2013 Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. . Are sex-selective abortions a characteristic of every poor region? Evidence from Brazil. International Journal of Public Health (Print), v. 58, p. 395-400, 2013.

28.
5Chiavegatto Filho, A.D.P.2013Chiavegatto Filho, A.D.P.; Laurenti, R. . Decomposição da diferença da expectativa de vida de Minas Gerais em relação ao Rio de Janeiro e São Paulo, Brasil. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), v. 29, p. 1131-1140, 2013.

29.
8Pabayo, R2013Pabayo, R ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Lebrão, M. L. ; Kawachi, I. . Income inequality and mortality: Results from a longitudinal study of older residents of São Paulo, Brazil. American Journal of Public Health (1971), v. 103, p. 43-49, 2013.

30.
10Chiavegatto Filho, A.D.P.2013Chiavegatto Filho, A.D.P.. Partos cesáreos e a escolha da data de nascimento no Município de São Paulo. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), v. 18, p. 2413-2420, 2013.

31.
6Chiavegatto Filho, A.D.P.2013Chiavegatto Filho, A.D.P.; Laurenti, R. . Disparidades étnico-raciais em saúde autoavaliada: análise multinível de 2.697 indivíduos residentes em 145 municípios brasileiros. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), v. 29, p. 1572-1582, 2013.

32.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2013Chiavegatto Filho, A.D.P.; Gotlieb, S. L. D. ; de Almeida, S. L. ; Kawachi, I. . Como incluir características dos distritos do município de São Paulo em estudos epidemiológicos? Análise da desigualdade de renda pelo uso do propensity score matching. Saúde e Sociedade (USP. Impresso), v. 22, p. 1145-1153, 2013.

33.
9Chiavegatto Filho, A.D.P.2012 Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. ; Gotlieb, S.L.D. . Propensity score matching approach to test the association of income inequality and mortality in Sao Paulo, Brazil. Journal of Epidemiology and Community Health (1979), v. 66, p. 14-17, 2012.

34.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2012Chiavegatto Filho, A.D.P.; Gotlieb, S. L. D. ; Kawachi, I. . Cause-specific mortality and income inequality in São Paulo, Brazil. Revista de Saúde Pública (Impresso), v. 46, p. 712-718, 2012.

35.
Chiavegatto Filho, A.D.P.2012Chiavegatto Filho, A.D.P.; Laurenti, R. . O sexo masculino vulnerável: razão de masculinidade entre os óbitos fetais brasileiros. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), p. 720-728, 2012.

36.
1Chiavegatto Filho, A.D.P.2012Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. ; Lebrão, M. L. . Income inequality and elderly self-rated health in São Paulo, Brazil. ANNALS OF EPIDEMIOLOGY, v. 22(12), p. 863-867, 2012.

37.
12de Mello Jorge, M.H.P.2008de Mello Jorge, M.H.P. ; Laurenti, R. ; LIMA-COSTA, M. F. ; Gotlieb, S. L. D. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . A mortalidade de idosos no Brasil: a questão das causas mal definidas. Epidemiologia e Serviços de Saúde, v. 17, p. 271-281, 2008.

38.
13Chiavegatto Filho, A.D.P.;CHIAVEGATTO FILHO, A. D. P.;Chiavegatto Filho, Alexandre Dias Porto;Filho, Alexandre Dias Porto Chiavegatto;PORTO CHIAVEGATTO FILHO, ALEXANDRE DIAS;Chiavegatto Filho, Alexandre DP;Chiavegatto, Alexandre Dias Porto;Chiavegatto Filho, Alexandre;Filho, Alexandre Chiavegatto;CHIAVEGATTO FILHO, ALEXANDRE D P;CHIAVEGATTO FILHO, A D P2007Chiavegatto Filho, A.D.P.; Laurenti, R. ; Gotlieb, S. L. D. ; de Mello Jorge, M.H.P. . Desnutrição como causa básica ou associada de morte: análise da qualidade de informação em mulheres em idade fértil. Revista Brasileira de Epidemiologia (Impresso), v. 10, p. 30-38, 2007.

39.
14Chiavegatto Filho, A.D.P.2004Chiavegatto Filho, A.D.P.; Laurenti, R. ; Gotlieb, S.L.D. ; de Mello Jorge, M.H.P. . Mortalidade por doença hipertensiva em mulheres de 20 a 49 anos no Município de São Paulo, SP, Brasil. Revista Brasileira de Epidemiologia (Impresso), v. 7, p. 252-258, 2004.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
World Health Organization ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Global Report on Urban Health. 1. ed. , 2016. v. 1. 242p .

Capítulos de livros publicados
1.
Laurenti, R. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; da Siqueira, A.C.B. . Mortalidade por Doenças cardiovasculares no Brasil. In: Nobre F. Serrano Jr C.V.. (Org.). Tratado de Cardiologia. 1ed.São Paulo: Manole, 2005, v. 1, p. 16-21.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial pode melhorar decisões sobre tratamento de câncer no Brasil. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 13 - 13, 13 set. 2018.

2.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Por que se importar com a desigualdade de renda. O Visconde, São Paulo, p. 20 - 21, 20 ago. 2008.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
Laurenti, R. ; Buchalla, CM ; de Mello Jorge, M.H.P. ; Gotlieb, S.L.D. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Are the rules for selection of the cause of death useful for the selection of the true underlying cause?. In: Meeting of heads of WHO collaborating centres for classification of diseases, 2003, Cologne. World Health Organization, 2003.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
Aaskari, M. ; Andrade, L.H.S.G. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Silveira, C. M. ; Wang, Y.P. ; Viana, M.C. ; Martins, S. . Dual burden of chronic physical diseases and anxiety/mood disorders among São Paulo Megacity Mental Health Survey Sample, Brazil. In: Society for Epidemiologic Research, 2017, Seattle. Society for Epidemiologic Research, 2017.

2.
Moreira, T. C. L. ; Polize, J. L. ; Peres, C. ; Ribas, C. ; Silva Filho, D. F. ; Andrade, L.H.S.G. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Mauad, T. . Land use, green spaces and mental health. In: 29th Annual Conference of the International Society of Environmental Epidemiology, 2017, Sydney, Australia. 29th Annual Conference of the International Society of Environmental Epidemiology, 2017.

3.
Massa, K.H.C. ; Duarte, Y.A.O. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Cardiovascular diseases and associated factors among the elderly in Sao Paulo, Brazil, 2000-2010. In: XXI World Congress of Epidemiology, 2017, Saitama, Japão. XXI World Congress of Epidemiology. Saitama, Japão, 2017.

4.
Lay, A. A. R. ; do Nascimento, CF ; Duarte, Y.A.O. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Sobrevida e idade da menopausa: uma análise longitudinal de idosas do Município de São Paulo. In: X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017. X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017.

5.
Massa, K.H.C. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Desigualdade de renda e doenças cardiovasculares no Brasil: uma análise multinível. In: X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017. X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017.

6.
do Nascimento, CF ; Lay, A. A. R. ; Duarte, Y.A.O. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Mortalidade e o declínio da mobilidade funcional em idosos do Município de São Paulo. In: X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017. X Congresso Brasileiro de Epidemiologia.

7.
do Nascimento, CF ; Duarte, Y.A.O. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Declínio da mobilidade segundo sexo entre idosos residentes no Município de São Paulo. In: X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017. X Congresso Brasileiro de Epidemiologia.

8.
dos Santos, H. G. ; Duarte, Y.A.O. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Machine learning para predizer inconsistências na raça/cor das declarações de óbito. In: X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017. X Congresso Brasileiro de Epidemiologia.

9.
Massa, K.H.C. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Saneamento básico e saúde autoavaliada nas capitais brasileiras: uma análise multinível. In: X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017. X Congresso Brasileiro de Epidemiologia.

10.
dos Santos, J. R. R. ; dos Santos, H. G. ; Dias, C. M. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Predição de recebimento de médicos pelo Mais Médicos: uma análise de machine learning. In: X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2017. X Congresso Brasileiro de Epidemiologia.

11.
Massa, K.H.C. ; Pabayo, R ; Lebrão, ML ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Income inequality and cardiovascular diseases: a multilevel analysis of elderly residents of Sao Paulo, Brazil. In: Epidemiology Congress of the Americas, 2016, Miami. Epidemiology Congress of the Americas, 2016.

12.
Martins, S. ; Sampson, L. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Kessler, R. C. ; Galea, S. . Associations between neighborhood-level unemployment, education and marital status with DSM-IV mental disorders in four large cities in Latin America: results from the World Mental Health Surveys. In: Epidemiology Congress of the Americas, 2016, Miami. Epidemiology Congress of the Americas, 2016.

13.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Sampson, L. ; Martins, S. ; Hwang, Y. ; He, Y. ; Lee, S. ; Hu, C. ; Zaslavsky, A. M. ; Kessler, R. C. ; Galea, S. . Neighborhood-level income and marital status in three large Chinese cities: associations with DSM-IV mental disorders from the World Mental Health surveys. In: Epidemiology Congress of the Americas, 2016, Miami. Epidemiology Congress of the Americas, 2016.

14.
Silva, V. C. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Aposentadoria e qualidade da dieta no Estudo ELSA-Brasil. In: II Simpósio Internacional em Epidemiologia Cardiovascular, 2016, São Paulo. II Simpósio Internacional em Epidemiologia Cardiovascular, 2016.

15.
Santos, C. G. ; Bensenor, I. ; Santos, S. M. ; Fonseca, M. J. ; Griep, R. H. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Dimensões de Capital Social, Características do Local de Residência e Autopercepção do Estado de Saúde: Uma Análise Multicêntrica dos Resultados do ELSA-Brasil​. In: I Seminário de Pesquisa da Faculdade de Saúde Pública e Escola de Enfermagem da USP, 2016, São Paulo. I Seminário de Pesquisa da Faculdade de Saúde Pública e Escola de Enfermagem da USP, 2016.

16.
do Nascimento, CF ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Duim, E.L. ; da Silva, A. . Relação entre o teste timed up & go e local da queda em idosos do município de São Paulo. In: VIII COMLAT - Congresso Latino Americano de Geriatria e Gerontologia, 2015, Belém, PA. VIII COMLAT, 2015.

17.
Wang, Y.P. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Bensenor, I. ; Viana, M.C. ; Andrade, L.H.S.G. . Patterns of multimorbidity and inequality in the general population: a multilevel analysis of disease clustering of chronic conditions in Metropolitan Area of São Paulo. In: World Health Summit Regional Meeting - Latin America, 2014, São Paulo. Lancet, 2014.

18.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Beltran-Sanchez, H. ; Kawachi, I. . Racial Disparities in Life Expectancy in Brazil: Causes and Implications for a Multiracial Future. In: Society for Epidemiologic Research, 2013, Boston. Society for Epidemiologic Research, 2013.

19.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. ; Wang, Y.P. ; Viana, M.C. ; Andrade, L.H.S.G. . Does Income Inequality get under the Skin? Depression, Anxiety and Mental Disorders in Sao Paulo, Brazil. In: Society for Epidemiologic Research, 2013, Boston. Society for Epidemiologic Research, 2013.

20.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. . Income inequality and youth pregnancies in Brazil: a regression analysis. In: World Health Summit, 2012, Berlim, Alemanha. The Lancet, 2012.

21.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Lebrão, ML ; Kawachi, I. . Desigualdade relativa de renda e saúde dos idosos. In: 10 Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, 2012, Porto Alegre. Anais de Saúde Coletiva, 2012.

22.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Cardoso, NR . Mortalidade por desnutrição em mulheres em idade fértil nas capitais brasileiras, segundo causas múltiplas. In: XII SIICUSP, 2004, São Paulo. XII SIICUSP, 2004.

23.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Oliveira, BZ ; Cardoso, NR ; Gotlieb, S.L.D. ; de Mello Jorge, M.H.P. . Doença Hipertensiva como causa de morte em mulheres em idade fértil no município de São Paulo. In: XI SIICUSP, 2003, São Paulo. XI SIICUSP, 2003.

24.
Oliveira, BZ ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Cardoso, NR ; Gotlieb, S.L.D. ; de Mello Jorge, M.H.P. . A correção dos dados de mortalidade de mulheres em idade fértil por algumas doenças nas macro regiões do Brasil. In: 11 SIICUSP, 2003, São Paulo. 11 SIICUSP, 2003.

25.
Cardoso, NR ; Oliveira, BZ ; Chiavegatto Filho, A.D.P. ; Gotlieb, S.L.D. ; Laurenti, R. . Diabetes como causa de morte em mulheres em idade fértil: um novo panorama epidemiológico. In: 11 SIICUSP, 2003, São Paulo. 11 SIICUSP, 2003.

Apresentações de Trabalho
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Machine learning em saúde (Fiocruz-BA e UFBA). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Machine learning para identificar boas práticas em políticas públicas (Banco Mundial, Brasília). 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial na gestão em saúde: novidades para os próximos anos (Fundação Seade). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Usos de inteligência artificial em saúde: perspectivas e preocupações (FMUSP). 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big data e inteligência artificial em saúde: perspectivas para os próximos anos (ESP-MG). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Aplicações de inteligência artificial em saúde. Instituto do Câncer de São Paulo (ICESP). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Modelos preditivos de inteligência artificial para estudos de multimorbidade (Fiocruz-RJ). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Machine learning em saúde: novidades para os próximos anos (Univille). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Preocupações éticas no uso de inteligência artificial em saúde (Hospital Infantil Sabará). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Introdução à inteligência artificial com foco em saúde (UFRGS). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Aplicações de inteligência artificial em saúde (UFMG). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial em saúde (Conexão Saúde da Folha de São Paulo). 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

13.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial para a análise de big data em saúde (Futurecom). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Introdução à Inteligência Artificial com Foco em Saúde (UFPR). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Aplicações de inteligência artificial em saúde (UFSC). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial para a análise de dados secundários em saúde (XVI CBIS). 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Aplicações de inteligência artificial em saúde (UFC). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial em saúde (VI Fórum de Assistência Farmacêutica e Farmacoeconomia). 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Aplicações de inteligência artificial em saúde (UFSCar). 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

20.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big Data e Inteligência Artificial em Saúde: Perspectivas para um Futuro Próximo (AC Camargo). 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Machine Learning for Health Data (MIT-Hospital Einstein Health Conference). 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Desigualdade de renda e saúde (UNICAMP). 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big Data e inteligência artificial em saúde: perspectivas e desafios (UFJF). 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. The use of machine learning for health data (AC Camargo). 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

25.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. O uso de inteligência artificial na atenção à saúde: perspectivas para um futuro próximo (Instituto da Criança do Hospital das Clínicas). 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

26.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Modelos Preditivos de Machine Learning: Possibilidades de Uso em Saúde (SBIS). 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

27.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial na atenção à saúde: Perspectivas e desafios para os próximos anos (Hcor). 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

28.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big data e inteligência artificial na saúde (Artemisia). 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

29.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big data e inteligência artificial em políticas públicas de saúde (Faculdade de Direito da USP). 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

30.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Consequências adversas na economia e sociedade do uso de big data e inteligência artificial (XII Congresso Brasileiro de Bioética). 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

31.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial em Saúde Pública (Unicid). 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

32.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Machine learning em saúde: novidades para os próximos anos (IME/USP). 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

33.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Modelos preditivos de machine learning: possibilidades do uso em epidemiologia (X Congresso Brasileiro de Epidemiologia). 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

34.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big data e inteligência artificial em APS (Hospital Albert Einstein). 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

35.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big Data em Saúde (Fórum de Big Data em Saúde). 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

36.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. O uso de Big Data para monitoramento, pesquisa, acesso e gestão da informação em saúde pública e privada (UFC). 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

37.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big data em saúde no Brasil: perspectivas para o futuro (Estadão Saúde Summit). 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

38.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Possibilidades do uso da análise de big data em saúde pública (UFSC). 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

39.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Análise de big data em saúde (FMUSP). 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

40.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Uso de big data e machine learning para fazer predições em saúde (Fiocruz-Bahia). 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

41.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big data em saúde no Brasil (Incor). 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

42.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. O uso de big data em saúde no Brasil: Perspectivas para um futuro próximo (Congresso Acadêmico da Uncisal). 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

43.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Social inequalities and health. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

44.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Representatividade em amostras epidemiológicas: ela é sempre necessária?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

45.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Modelos multinível para a análise dos determinantes sociais da saúde. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

46.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Beltran-Sanchez, H. ; Kawachi, I. . Racial disparities in life expectancy in Brazil: Causes and implications for a multiracial future. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

47.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. ; Wang, Y.P. ; Viana, M.C. ; Andrade, L.H.S.G. . Does income inequality get under the skin? Depression, anxiety and mental disorders in Sao Paulo, Brazil. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

48.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Kawachi, I. . Higher income inequality associated with more child and teenage pregnancies: A sign of things to come for developed countries?. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

49.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Some considerations about the effect of income inequality on health. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

50.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Income Inequality and Health in Brazil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

51.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. O uso do propensity score matching para identificar desigualdades de saúde em São Paulo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

52.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Mortalidade por desnutrição em mulheres em idade fértil nas capitais brasileiras segundo causas múltiplas. 2004. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

53.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Doença Hipertensiva como causa de morte em mulheres em idade fértil no município de São Paulo. 2003. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Outras produções bibliográficas
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Classificação Internacional de Doenças (CID-10) - tradução da atualização de 1996 a 2004. Genebra: World Health Organization, 2006. (Tradução/Livro).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista do Grand Challenges Explorations, da Bill & Melinda Gates Foundation. 2018.

2.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista da Bolsa Empreendedorismo da Agência USP de Inovação (AUSPIN).. 2018.

3.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista da FAPESP (Acordos de Cooperação / FWO - Research Foundation - Flanders / FWO - Projeto de Pesquisa - Regular). 2018.

4.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista do 26º SIICUSP. 2018.

5.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista do X Congresso Brasileiro de Epidemiologia. 2017.

6.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista da FAPESP. 2017.

7.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista do CNPq (Chamada DECIT-MS/CNPq N° 03/2016). 2016.

8.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista da chamada FAPDF/CNPq Nº 001/2016. 2016.

9.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista do 24o SIICUSP. 2016.

10.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Parecerista do VII Congresso Brasileiro de Ciências Sociais e Humanas em Saúde (Abrasco). 2016.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Há cem anos, gripe espanhola matou mais de 50 milhões e deixou enigmas. Folha de São Paulo. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial ajuda no diagnóstico precoce do câncer. O Tempo. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Faltam profissionais para trabalhar com inteligência artificial, diz pesquisador da USP. Jornal O Globo. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. USP lança curso on-line gratuito sobre inteligência artificial na saúde. Jornal da USP. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Inteligência artificial lidera nova revolução na medicina. O Tempo. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

6.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. 'Temos poucos dados médicos disponíveis e organizados', diz especialista em inteligência artificial. O Globo. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

7.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Dados médicos de 1,6 milhão de paulistanos serão usados em softwares de inteligência artificial. O Globo. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

8.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. O Hospital do Futuro. UOL. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

9.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big Data: quando os dados mudam de papéis a doses. Jornal O Estado de São Paulo (Estadão). 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

10.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Curso da USP está entre os mais populares na plataforma Coursera. Site da USP. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

11.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Leitura de livros aumenta longevidade, afirma estudo. Folha de São Paulo. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

12.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Brazil to investigate if other factors act with Zika to cause congenital defects. BMJ. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

13.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Para professor, big data pode acabar com era do 'achismo' no sistema de saúde do País. Jornal O Estado de São Paulo (Estadão). 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

14.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. USP terá laboratório para previsões sobre saúde e mortalidade. Jornal O Globo. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

15.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. USP terá laboratório de dados para prever situações na saúde. Jornal O Estado de São Paulo (Estadão). 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

16.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Como a inteligência artificial pode ajudar nos diagnósticos. Revista Época. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

17.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Projeto científico da Apple enfrenta desafios de amostragem e privacidade. Folha de São Paulo. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

18.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Apple Watch pode ter forte impacto no setor de saúde. Revista Exame. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

19.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big Data traz demandas grandes à saúde. Revista Com Ciência. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

20.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Número de cesáreas agendadas cai no Natal e Ano Novo, mostra estudo. Folha de São Paulo. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

21.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Análise de dados é esperança da saúde pública. Pró-Reitoria de Pesquisa USP. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

22.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Brazilië gaat naar stembus - vijf vragen over de presidentsverkiezingen. NRC Handelsblad. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

23.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. What the U.S. Can Learn From Brazil's Healthcare Mess. The Atlantic. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

24.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Trading wellness tips, Brazil's community workers plug primary health gaps. CS Monitor: Latin America. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

25.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Infecções deixam de ser a maior causa de morte de bebês no mundo. Folha de São Paulo. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

26.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Mães evitam dar à luz no Natal e no Dia de Finados, diz estudo. Globo.com. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

27.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Melhor dia para o parto e o pior dia para o parto: Existe isso?. Revista Saúde (Editora Abril). 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Introdução a Big Data em Saúde. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Apostila: Introdução a Big Data em Saúde. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila de curso de verão).

3.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Introdução a Big Data em Saúde. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Big data em saúde no Brasil. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Aulas online).

5.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Apostila: Introdução a Big Data em Saúde. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila de curso de verão).

6.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Introdução a Big Data em Saúde. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
Pisa, I. T.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Roza, B. A.. Participação em banca de Karoline da Silva Bonome. minerH: Mineração de Dados de Pacientes em Lista de Espera para Investigação do Impacto dos Critérios de Alocação de Rins na Equidade do Acesso do Transplante. 2018. Dissertação (Mestrado em Gestão e Informática em Saúde) - Universidade Federal de São Paulo.

2.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Lotufo, P. A.; Ribeiro, M. S. A.; Toporcov, T. N.. Participação em banca de Carla Graciane dos Santos. Capital social, características do local de residência e autopercepção do estado de saúde. 2017. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

3.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Lotufo, P. A.; Toporcov, T. N.; Oliveira, J. M.. Participação em banca de Vanderlei Carneiro da Silva. Aposentadoria, alimentação e fatores de risco à saúde no Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto (ELSA-Brasil). 2017. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

4.
Alencar, G. P.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Schlesinger, D.; Pereira. A. C.. Participação em banca de Lilian Skilnik Wilk. Aprendizado de estruturas de dependência entre fenótipos da Síndrome Metabólica em estudos genômicos. 2017. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

5.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Antunes, J.L..F.; Perracini, M.. Participação em banca de Carla Ferreira do Nascimento. Determinantes sociais da mobilidade funcional e quedas em idosos do município de São Paulo: uma análise multinível. 2016. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP.

Teses de doutorado
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Duarte, Y.A.O.; Antunes, J.L..F.; Ramos, L. R.; Lima, D. B.. Participação em banca de Kaio Henrique Correa Massa. Análise longitudinal multinível da morbidade por doenças cardiovasculares em idosos do município de São Paulo. 2018. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

2.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Zampieri, F.; Cavalcanti, A. B.; Izbicki, R.. Participação em banca de Hellen Geremias dos Santos. Comparação da performance de algoritmos de machine learning para a análise preditiva em saúde pública e medicina. 2018. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade de São Paulo.

3.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Santos, J. L. F.; Duarte, Y.A.O.; Ramos, L. R.. Participação em banca de Alejandra Andrea Roman Lay. Idade da menopausa em mulheres idosas do Município de São Paulo: fatores associados e análise de sobrevida. 2018. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

4.
Marchioni, D. M. L.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Bandoni, D. H.; Domene, S.; Segri, N. J.. Participação em banca de Bartira Mendes Gorgulho. Diferenças e similaridades na qualidade da refeição no Brasil e no Reino Unido: que lições podemos aprender?. 2016. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências) - Universidade de São Paulo.

5.
Ferreira, S.R.G.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Massad, E.; Vallle, L. C.; Cintra, D. E. C.. Participação em banca de Luciana Gavilan Dias Folchetti. Desenvolvimento de software para o monitoramento de saúde no Nutritionists' Health Study. 2016. Tese (Doutorado em Nutrição em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

6.
Sanchez, Z. V. D. M.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Carvalho, H. B.; Nascimento, A. F.; Andreoni, S.. Participação em banca de Adriana Sañudo. Uso de álcool e outras drogas entre frequentadores de baladas de São Paulo: diagnóstico e intervenção. 2016. Tese (Doutorado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Diaz-Quijano, F.; Dias, C. M.. Participação em banca de Joana Raquel Raposo dos Santos. O uso de machine learning em políticas públicas: desafios e aplicações. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

2.
Lago, T. G.; Solero, J. M. P.; Chiavegatto Filho, A.D.P.. Participação em banca de Luciana Bertholim Nasciben. Influência dos fatores demográficos, socioeconômicos e de acesso à saúde na adesão aos exames preventivos relacionados à saúde da mulher: uma análise com modelagem de equações estruturais. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade de São Paulo.

3.
Sato, A. P. S.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Batista, L. E.. Participação em banca de Roudom Ferreira Moura. Idosos brancos e negros no município de São Paulo: desigualdades nas condições de saúde. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade de São Paulo.

4.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Andrade, F. B.; Gramani-Say, K.. Participação em banca de Etienne Larissa Duim Negrini. Envelhecimento e funcionalidade: uma análise de trajetórias. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Epidemiologia) - Universidade de São Paulo.

5.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Diaz-Quijano, F.; Andrade, L.H.S.G.. Participação em banca de Vivian Boschesi Barros. Mortalidade associada a transtornos mentais: um estudo populacional de 10 anos na Região Metropolitana de São Paulo. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Global e Sustentabilidade) - Universidade de São Paulo.

6.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Santos, J. L. F.; Duarte, Y.A.O.. Participação em banca de Carla Ferreira do Nascimento. Declínio da mobilidade e sobrevida de idosos do município de São Paulo: análise longitudinal multinível do Estudo SABE (2000-2016). 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

7.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Sarti, F. M.; Antunes, J.L..F.. Participação em banca de Camila Ragne Torreglosa. Análise de custo-efetividade do Programa Alimentar Brasileiro Cardioprotetor (BALANCE): um estudo randomizado de 2.535 indivíduos com doença cardiovascular. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Global e Sustentabilidade) - Universidade de São Paulo.

8.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Duarte, Y.A.O.; Santos, J. L. F.. Participação em banca de Alejandra Andrea Roman Lay. Análise de sobrevida e doenças crônicas segundo idade da menopausa em mulheres do Município de São Paulo. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP.

9.
Goldbaum, M.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Suemoto, C. K.. Participação em banca de Diego José Brandão. Sobrevida em idosos com Depressão/Sintomas depressivos e baixo nível socioeconômico: 10 anos de seguimento do São Paulo Ageing and Health Study (SPAH). 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

10.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Lebrão, M. L.; Santos, I. S.. Participação em banca de Kaio Henrique Correa Massa. Análise longitudinal multinível da morbidade por doenças cardiovasculares em idosos do Município de São Paulo. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP.

Qualificações de Mestrado
1.
Pereira Junior, G. A.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Minghim, R.. Participação em banca de André Luis Antoneli Senju. Desenvolvimento de um módulo de software para detecção precoce de deterioração clínica e disfunções orgânicas. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Bioengenharia) - Universidade de São Paulo.

2.
Goldbaum, M.; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Suemoto, C. K.. Participação em banca de Diego José Brandão. Associação entre depressão/sintomas depressivos e mortalidade em idosos: análise de 10 anos de seguimento do São Paulo Ageing and Health Study (SPAH). 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

3.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Oliveira, J. M.; Toporcov, T. N.. Participação em banca de Vanderlei Carneiro da Silva. A transição para a aposentadoria no Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto: avaliação do hábito alimentar e a prevalência de doenças crônicas. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP.

4.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Antunes, J.L..F.; Santos, I. S.. Participação em banca de Carla Graciane dos Santos. Capital social, características do local de residência e situação de saúde: análise multinível dos resultados do ELSA-Brasil. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP.

5.
Tavares, H; Chiavegatto Filho, A.D.P.; Lotufo Neto, F.. Participação em banca de Geilson Lima Santana Júnior. Associação entre adversidades na infância e transtornos de personalidade na vida adulta.. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Psiquiatria) - Universidade de São Paulo.

6.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Antunes, J.L..F.; Perracini, M.. Participação em banca de Carla Ferreira do Nascimento. Determinantes sociais da mobilidade funcional e quedas em idosos do município de São Paulo: uma análise multinível. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Participação em banca de Stephanie Blum.Epidemiologia analítica do abortamento. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Matemática) - Universidade de São Paulo.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
#meetingdata (UFSCar).Aplicações de inteligência artificial em saúde. 2018. (Seminário).

2.
4º Congresso Internacional Sabará de Saúde Infantil. Preocupações éticas no uso de inteligência artificial em saúde. 2018. (Congresso).

3.
Conexão Saúde - Folha de São Paulo.Inteligência artificial em saúde. 2018. (Seminário).

4.
Data Science for Maternal & Child Health Workshop. Bill & Melinda Gates Foundation.Inovações em ciência de dados. 2018. (Oficina).

5.
Futurecom. Inteligência artificial para a análise de big data em saúde. 2018. (Feira).

6.
III Jornada Acadêmica Científica e Cultural da Medicina.Machine learning em saúde: novidades para os próximos anos. 2018. (Simpósio).

7.
Seminário de Métodos Avançados em Farmacoeconomia da UFMG.Aplicações de inteligência artificial em saúde. 2018. (Oficina).

8.
Simpósio de Inteligência Artificial e Bioética.Usos de inteligência artificial em saúde: perspectivas e preocupações. 2018. (Simpósio).

9.
Uso de Ciência de Dados como Ferramenta de Apoio Estratégico à Gestão do Sistema Único de Saúde.Machine learning para identificar boas práticas em políticas públicas. 2018. (Seminário).

10.
VI Fórum de Assistência Farmacêutica e Farmacoeconomia. Inteligência artificial em saúde. 2018. (Congresso).

11.
XVI Congresso Brasileiro de Informática em Saúde. Inteligência artificial para a análise de dados secundários em saúde. 2018. (Congresso).

12.
Basic Research Seminar Series I - AC Camargo.The use of machine learning for health data. 2017. (Seminário).

13.
Ciclo de Palestras sobre Epidemiologia Social da UNICAMP.Desigualdade de renda e saúde. 2017. (Encontro).

14.
Data Science Forum.Big data como ferramenta preditiva em saúde. 2017. (Encontro).

15.
III Simpósio Internacional de Atenção Primária à Saúde: Ideias Inovadoras (Hospital Albert Einstein).Big data e inteligência artificial em APS. 2017. (Simpósio).

16.
Liga de Saúde Pública da Unicid.Inteligência artificial em Saúde Pública. 2017. (Seminário).

17.
MIT-Hospital Einstein Health Conference.MIT-HIAE Health Conference and. 2017. (Seminário).

18.
Next Frontiers to Cure Cancer - AC Camargo. Big Data e Inteligência Artificial em Saúde: Perspectivas para um Futuro Próximo. 2017. (Congresso).

19.
Reunião Clínica do Instituto da Criança do Hospital das Clínicas.O uso de inteligência artificial na atenção à saúde: perspectivas para um futuro próximo. 2017. (Seminário).

20.
SAHE 2017.Inteligência artificial na área da saúde: Possibilidades e desafios. 2017. (Simpósio).

21.
Seminário de Direito, Políticas Públicas e Internet da Faculdade de Direito da USP. Big data e inteligência artificial em políticas públicas de saúde. 2017. (Congresso).

22.
Seminário Instituto de Pesquisa do HCor.Inteligência artificial na atenção à saúde: Perspectivas e desafios para os próximos anos. 2017. (Seminário).

23.
VIII Ciclo de Seminários da Sociedade Brasileira de Informática em Saúde.Modelos Preditivos de Machine Learning: Possibilidades de Uso em Saúde. 2017. (Seminário).

24.
Workshop de Big Data da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).Big Data e inteligência artificial em saúde: perspectivas e desafios. 2017. (Simpósio).

25.
Worshop Saúde no Brasil.Big data em saúde: Perspectivas para um futuro próximo. 2017. (Oficina).

26.
X Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Modelos preditivos de machine learning: possibilidades do uso em epidemiologia. 2017. (Congresso).

27.
XII Amostra Estatística do IME/USP.Machine learning em saúde: novidades para os próximos anos. 2017. (Simpósio).

28.
XII Congresso Brasileiro de Bioética. Consequências adversas na economia e sociedade do uso de big data e inteligência artificial. 2017. (Congresso).

29.
Estadão Summit Saúde.Big data em saúde no Brasil: perspectivas para o futuro. 2016. (Simpósio).

30.
Fórum de Big Data em Saúde.Big Data em Saúde. 2016. (Simpósio).

31.
Seminário Integração de Dados e Conhecimentos para a Saúde (Fiocruz-Bahia).Uso de big data e machine learning para fazer predições em saúde. 2016. (Seminário).

32.
Seminário Internacional de Informação para a Saúde (UFC).O uso de Big Data para monitoramento, pesquisa, acesso e gestão da informação em saúde pública e privada. 2016. (Seminário).

33.
Simpósio da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).Possibilidades do uso da análise de big data em saúde pública. 2016. (Simpósio).

34.
Simpósio Internacional em Epidemiologia Cardiovascular (FMUSP).Big data em saúde. 2016. (Simpósio).

35.
World Mental Health Survey Annual Meeting 2016.Cities and Mental Health. 2016. (Encontro).

36.
Incor - Simpósio do Laboratório de Genética e Cardiologia Molecular.Big data em saúde no Brasil: perspectivas para um futuro próximo. 2015. (Simpósio).

37.
V Congresso Acadêmico da Uncisal. O uso de big data em saúde no Brasil: Perspectivas para um futuro próximo. 2015. (Congresso).

38.
World Mental Health Survey Annual Meeting 2015. Determinants of health services use: a multilevel analysis of the São Paulo Megacity study. 2014. (Congresso).

39.
Society for Epidemiologic Research. 2013. (Congresso).

40.
Carr Center for Human Rights Policy in Latin America.Income Inequality and Health in Brazil. 2012. (Seminário).

41.
RWJF Health & Society Scholars Seminar Series. 2012. (Seminário).

42.
World Health Summit. 2012. (Congresso).

43.
Harvard Inequality and Social Policy Seminar. 2011. (Seminário).

44.
Congresso Mundial de Epidemiologia. 2008. (Congresso).

45.
Social, Cultural and Economic Determinants of Health: International Perspectives for Global Action. 2007. (Congresso).

46.
Vigilancia de mortalidad materna en la región de ALC: aprendiendo de los países. 2006. (Congresso).

47.
12 SIICUSP.Mortalidade por desnutrição em mulheres em idade fértil nas capitais brasileiras, segundo causas múltiplas. 2004. (Simpósio).

48.
11 SIICUSP.Doença Hipertensiva como causa de morte em mulheres em idade fértil no município de São Paulo. 2003. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Salvo, M. P. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Apresentação do Grand Challenges Explorations da Fundação Bill & Melinda Gates. 2018. (Exposição).

2.
Chiavegatto Filho, A.D.P.. Reunião Científica FSP/USP: Epidemiologia Psiquiátrica. 2018. (Exposição).

3.
Lichand, G. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Avaliando Políticas Inavaliáveis - o Caso da Modernização das UBS em Embu das Artes. 2017. (Exposição).

4.
Diaz-Quijano, F. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Reunião científica FSP/USP: A pesquisa das Arboviroses no contexto da Re-emergencia da Febre Amarela. 2017. (Outro).

5.
Camara, T. N. L. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Reunião científica FSP/USP: Zika no Brasil. 2016. (Outro).

6.
Camara, T. N. L. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Reunião científica FSP/USP: Aquecimento global e consequências na saúde pública. 2016. (Outro).

7.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Camara, T. N. L. . Reunião científica FSP/USP: Saúde do Trabalhador. 2016. (Outro).

8.
Chiavegatto Filho, A.D.P.; Camara, T. N. L. . Reunião científica FSP/USP: Modelos preditivos na prática: o uso de machine learning (aprendizado de máquina). 2016. (Outro).

9.
Martins, S. ; Chiavegatto Filho, A.D.P. . Estágio sanduíche, mestrado, doutorado e pós-doutorado em saúde pública na Universidade de Columbia. 2015. (Exposição).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Bruno Casaes Teixeira. Machine learning para predizer variações anômalas de prevalência oncológica. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Fernando Timoteo Fernandes. Uso de machine learning como ferramenta de análise preditiva de risco de adoecimento no trabalho. Início: 2018. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

2.
Joana Raquel Raposo dos Santos. Avaliação de impacto do Programa Mais Médicos. Início: 2017. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

3.
Vivian Boschesi Barros. Prevalência e Preditores de violência contra a mulher na população brasileira. Início: 2016. Tese (Doutorado em Saúde global) - Faculdade de Saúde Pública da USP. (Orientador).

4.
Carla Ferreira do Nascimento. Declínio da mobilidade e sobrevida em idosos residentes no município de São Paulo: O contexto influencia nesta relação?. Início: 2016. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP. (Orientador).

5.
Camila Ragne Torreglosa. Análise do custo-efetividade do Programa Alimentar Brasileiro Cardioprotetor (DICA-BR): um estudo randomizado de 2535 indivíduos com doença cardiovascular. Início: 2016. Tese (Doutorado em Saúde global) - Faculdade de Saúde Pública da USP. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Vanderlei Carneiro da Silva. A transição para a aposentadoria no Brasil: mudanças nos hábitos alimentares e prevalência de doenças crônicas. 2017. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP, . Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

2.
Carla Graciane dos Santos. Capital social, características do local de residência e autopercepção do estado de saúde. 2017. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP, . Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

3.
Carla Ferreira do Nascimento. Determinantes sociais da mobilidade funcional e quedas em idosos do Município de São Paulo: uma análise multinível. 2016. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

Tese de doutorado
1.
Hellen Geremias dos Santos. Comparação da performance de algoritmos de machine learning para a análise preditiva em saúde pública e medicina. 2018. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

2.
Kaio Henrique Correa Massa. Análise longitudinal multinível da morbidade por doenças cardiovasculares em idosos do município de São Paulo. 2018. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

3.
Alejandra Andrea Roman Lay. Idade da menopausa em mulheres idosas do Município de São Paulo: fatores associados e análise de sobrevida. 2018. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Faculdade de Saúde Pública da USP, Comisión Nacional de Investigación Científica y Tecnológica (Chile). Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

Iniciação científica
1.
Wilson dos Anjos Junior. Predição de risco de depressão em adultos brasileiros pelo uso de técnicas de machine learning. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Estatística) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

2.
Victor Hugo Braguim Canto. Uso de técnicas de machine learning para identificar indivíduos com alto risco de diabetes: uma análise dos dados da Pesquisa Nacional de Saúde. 2017. Iniciação Científica - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

Orientações de outra natureza
1.
Kaio Massa. Monitor do Curso de Verão "Introdução a Big Data em Saúde".. 2017. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

2.
Nuria Sanchez. Aluna PAE da disciplina HEP5760 - Estatísticas de Saúde. 2017. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

3.
Hellen Geremias dos Santos. Aluna PAE da disciplina HEP 0170 - Estatísticas de Saúde. 2017. Orientação de outra natureza. (Enfermagem) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

4.
Aline Kurnow. Monitora da disciplina HEP 0153 - Sistemas de Informação de Saúde. 2017. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

5.
Carla Ferreira do Nascimento. Aluna PAE da disciplina HEP 0146 - Epidemiologia Descritiva. 2017. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

6.
Raquel Gardini Sanches Palasio. Aluna PAE da disciplina HEP 0145 - Epidemiologia Descritiva. 2017. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

7.
Carla Graciane dos Santos. Aluna PAE da disciplina HEP0172 - Introdução Demografia. 2016. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

8.
Isabella Sattamini. Aluna PAE da disciplina HEP 0153 - Sistemas de Informação em Saúde. 2016. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

9.
Jailson Lopes de Sousa. Monitor da disciplina PSP5108 - Estatísticas de Saúde. 2016. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

10.
Kaio Massa. Aluno PAE da disciplina HEP-0170 - Estatísticas de Saúde. 2016. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

11.
Carla Ferreira do Nascimento. Monitor do Curso de Verão "Introdução a Big Data em Saúde".. 2016. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

12.
Carla Ferreira do Nascimento. Aluna PAE da disciplina HEP 0170 - Estatísticas de Saúde. 2015. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

13.
Janessa Oliveira. Monitora da disciplina HEP 0140 - Estatísticas de Saúde. 2015. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

14.
Carla Ferreira do Nascimento. Monitora do Curso de Verão "Introdução a Big Data em Saúde".. 2015. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

15.
Cláudia Scinachi. Aluna PAE da disciplina HEP 0145 - Epidemiologia Descritiva. 2014. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

16.
Patrícia Santos. Aluna PAE da disciplina HEP 0149 Bioestatística II. 2014. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.

17.
Bárbara Moura. Aluna PAE da disciplina HEP 0172 - Introdução à Demografia. 2013. Orientação de outra natureza. (Saúde Pública) - Universidade de São Paulo. Orientador: Alexandre Dias Porto Chiavegatto Filho.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 11/12/2018 às 22:48:46