Claudia Rodrigues

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9404294693649713
  • Última atualização do currículo em 29/10/2014


É Doutora (em 2002) e Mestre (em 1995) em História Social pela Universidade Federal Fluminense. Graduada em História pela mesma universidade (em 1991). Foi professora do ensino Básico entre 1988 e 2010. Atualmente é Professora Adjunta da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. Jovem Cientista Nosso Estado/FAPERJ: 2012-2015. É pesquisadora e líder do Grupo de Pesquisa do CNPq, Imagens da Morte: a morte e o morrer no mundo Ibero-Americano, sediado na UNIRIO; atuando também como pesquisadora dos grupos de Pesquisa do CNPQ: Identidades, Hierarquias e Mobilidade na América Ibérica, sediado na UFRRJ, e ECCLESIA: Grupo de Estudos de História da Igreja Católica no Brasil, sediado na UNIRIO. É Membro da Associação Brasileira de Estudos Cemiteriais - ABEC. Desenvolve estudos com ênfase em História do Brasil Colônia e Império, mais especificamente sobre: história da morte, costumes fúnebres, cemitérios, testamentos, secularização da morte, história da Igreja, religiosidades, escravidão e africanidade. Temas estes que aparecem publicados sob a forma de capítulos de livros e de artigos em diferentes revistas científicas, de nível nacional e internacional. Teve sua Dissertação de Mestrado e sua Tese de Doutorado premiadas, respectivamente, pelo Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro (em 1995) e pelo Arquivo Nacional (em 2003). É autora dos livros Lugares dos mortos na cidade dos vivos: tradição e transformações fúnebres no Rio de Janeiro do século XIX (publicado pela Secretaria Municipal de Cultura/RJ, 1997) e Nas fronteiras do além: a secularização da morte no Rio de Janeiro - séculos XVIII e XIX" (publicado pelo Arquivo Nacional/RJ, 2005). E-mail: claudiarodrigues.3@hotmail.com (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Claudia Rodrigues
Nome em citações bibliográficas
RODRIGUES, C.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Reitoria, Centro de Ciências Humanas , Departamento de História.
Av. Pasteur, 458 (prédio José de Anchieta), 2o. andar, sala 224
Urca
24030-060 - Niteroi, RJ - Brasil
Telefone: (21) 25415640
URL da Homepage: http://www.unirio.br/historia


Formação acadêmica/titulação


1997 - 2002
Doutorado em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: Nas Fronteiras do Além: o processo de secularização da morte no Rio de Janeiro (séculos XVIII e XIX), Ano de obtenção: 2002.
Orientador: Sheila Siqueira de Castro Faria.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: História da Morte; Secularização; Cemitérios e Sepultamentos; História da Igreja no Brasil Império; Testamentos e Registros de Óbitos; Enterro Civil.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil / Especialidade: História do Brasil Império.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil / Especialidade: História do Brasil República.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil / Especialidade: História do Rio de Janeiro.
1993 - 1995
Mestrado em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: Lugares dos mortos na cidade dos vivos: tradições e transformações fúnebres na Corte,Ano de Obtenção: 1995.
Orientador: Francisco José Silva Gomes.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: História da Morte; Cemitérios - Enterramentos; Costumes fúnebres - Funerais; Funerais africanos; Epidemias - Febre amarela; História da Medicina.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil / Especialidade: História do Brasil Império.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil / Especialidade: História do Rio de Janeiro.
1987 - 1991
Graduação em Licenciatura Plena em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.




Formação Complementar


2009 - 2009
Capacitação dos Avaliadores do BASis. (Carga horária: 8h).
Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais.
2006 - 2006
Capacitação do Banco de Avaliadores do SINAES. (Carga horária: 24h).
Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, INEP/MEC, Brasil.


Atuação Profissional



Governo do Estado do Rio de Janeiro, GOVERNO/RJ, Brasil.
Vínculo institucional

1988 - 2004
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Docente, Carga horária: 20
Outras informações
Atuou sob a matrícula 282243-5, de 15/03/1988 a 12/1996. Foi admitida por concurso público, em 11/03/1988, como professor II (antigas 1ª a 4ª séries) e, desde setembro de 1989, desviada de função, passando a atuar como Prof. I (antigas 5ª a 8ª séries e 1º a 3º anos do antigo segundo grau). Em dezembro de 1996, foi exonerada a pedido, dentro do Programa de Demissão Voluntária. Atuou nas escolas: Colégio Estadual Ricarda Leon, em Belford Roxo, entre março de 1988 e dezembro de 1996). Atuou sob a matrícula 290439-9, de 15/08/1990 a 17/03/2004. Foi admitida por concurso público, em 15/08/1999, como professor II (antigas 1ª a 4ª séries) e, desde 1991, desviada de função, passando a atuar como Prof. I (antigas 5ª a 8ª séries e 1º a 3º anos do antigo segundo grau). Em 17/03/2004 foi exonerada a pedido. Atuou nas escolas: Colégio Estadual Ricarda Leon, em Belford Roxo (entre 15/08/1990 e 17/03/1999); Colégio Estadual Bolívar, Engenho de Dentro (entre 06/04/1999 e 21/10/2002); Colégio Estadual Visconde de Cairu, Méier (entre 22/10/2002 e 13/02/2004).


Prefeitura Municipal de São João de Meriti, PMSJM, Brasil.
Vínculo institucional

1988 - 1990
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor 3A, Carga horária: 20
Outras informações
Atuou sob a matrícula 2-06.186/4, após aprovação em concurso público.


Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto 2, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Nomeada no cargo de Professor de 3º Grau, classe Adjunto, nível 1, em regime de Dedicação Exclusiva, após ser habilitada em Concurso Público de Provas e Títulos. Diário Oficial da União, nº 178, de 16/09/2010, Seção 2, pg. 27, nº 647. Posse em 28/09/2010, mesma data em que foi exonerada a pedido do cargo de Professor do Ensino Básico no Colégio Pedro II (D.O.U, nº 187, de 29/09/2010)

Atividades

01/2013 - Atual
Direção e administração, Escola de História, .

Cargo ou função
Coordenadora do Curso de História - Semipresencial/EAD.
11/2012 - Atual
Direção e administração, Centro de Ciências Humanas e Sociais - CCH, .

Cargo ou função
Membro do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso de Bacharelado em História.
11/2012 - Atual
Direção e administração, Centro de Ciências Humanas e Sociais - CCH, .

Cargo ou função
Membro do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso de Licenciatura em HIstória.
11/2012 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas e Sociais - CCH, .

Cargo ou função
Membro do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso de Licenciatura em História, modalidade Ensino a Distância.
7/2011 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Humanas e Sociais - CCH, .

Cargo ou função
Membro da Subcomissão de Avaliação de Documentos do Centro de Ciências Humanas e Sociais - CCH - Julho de 2011.
03/2011 - Atual
Ensino, Programa de Pós-graduação em História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário da Linha de Pesquisa CULTURA, PODER e REPRESENTAÇÕES (2012.1)
Seminário de Pesquisa I em Cultura, Poder e Representações (2012.1)
Seminário de Pesquisa II em Cultura, Poder e Representações (2012.2)
01/2011 - Atual
Direção e administração, Escola de História, Ensino a Distância.

Cargo ou função
Coordenação de Disciplina de Ensino a Distância (História Moderna II).
01/2011 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
EAD - História Moderna II (2011.1; 2011.2; 2012.1; 2012.2)
11/2010 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, Programa de Pós-Graduação em História.

10/2010 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História do Brasil I (2011.2)
História do Rio de Janeiro (2011.1)
História Regional A (2011.2)
Seminário de Pesquisa em História (2012.2)
Tópico Especiail em História do Brasil A (2010.2)
09/2010 - Atual
Ensino, Museologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História do Brasil I (2010.2; 2011.1; 2012.1)

Universidade Salgado de Oliveira, UNIVERSO, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2010
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor e Pesquisador, Carga horária: 40

Atividades

03/2007 - Atual
Ensino, Mestrado em História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Metodologia da Pesquisa I (2o. sem./2008)
Estado e Igreja no Brasil Colônia e Império (1o. sem./2008)
As articulações entre História religiosa e História cultural (2o. sem./2007)
Igreja e Estado no Brasil escravista (1o. sem./2007)
09/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Pro Reitoria de Ensino e Pesquisa, .

09/2006 - Atual
Ensino, História do Brasil: sociedade, política e cultura, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Cultura e religiosidades no Império
Formas de trabalho no período colonial
Historiografia do Brasil Imperial
Métodos e Técnicas de Ensino
05/2006 - 06/2006
Extensão universitária , Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, .

Atividade de extensão realizada
Curso de Extensão: "Escravidão e sociedade brasileira" - 40hs.

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, INEP/MEC, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Avaliador, Carga horária: 0
Outras informações
Avaliadora de Cursos de graduação (selecionada pela Comissão Técnica de Acompanhamento da Avaliação - CTAA para integrar o Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior - BASis) nomeada pela Portaria do MEC n 1.751, de 27 de outubro de 2006 (publicada no D.O.U. de 30/10/2006).

Atividades

04/2006 - 04/2006
Outras atividades técnico-científicas , Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES)/DAES, .

Atividade realizada
Integrante de Comissão de Avaliação.

Fundação Educacional Unificada Campograndense, FEUC, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2008
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Titular, Carga horária: 15

Atividades

02/2006 - 02/2008
Direção e administração, Coordenadoria de Cursos, .

Cargo ou função
Coordenadora do Curso de História.
02/2006 - 02/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, CONCEC - Conselho de Coordenadores, .

Cargo ou função
Conselho de Coordenadores.
03/2000 - 02/2008
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
APPP - Metodologia do Trabalho Científico (2 Sem. 2006)
Atividades de Pesquisa e Prática Pedagógica I (1 Sem./2006; 1 Sem./2007)
Atividades de Pesquisa e Prática Pedagógica II (2 Sem./2006)
Atividades de Pesquisa e Prática Pedagógica III (1 Sem./2006; 1 Sem./2007)
História do Brasil II (Império) (Curso anual: 2003; 2 Sem./2003; 2 Sem./2004)
História do Rio de Janeiro (2 Sem./2003; 2 Sem./2004; 2 Sem./2005)
História Medieval (Curso anual: 2000 e 2001)
Métodos e Técnicas de Pesquisa (Curso anual: 2001 e 2002; 1 Sem./2003; 1 Sem./2004)
02/2004 - 12/2004
Ensino, Pedagogia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da Educação I (1 Sem./2004)
História da Educação II (2 Sem./2004)
02/2001 - 02/2002
Pesquisa e desenvolvimento .

Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 2002
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: prestação de serviço, Carga horária: 0
Outras informações
Curso de Pós-Graduação Lato Sensu: Raça, etnias e educação no Brasil/Programa de Educação sobre o Negro na Sociedade Brasileira (PENESB)

Vínculo institucional

1990 - 2002
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: .
Outras informações
Aluna e bolsista da graduação até o doutorado

Atividades

07/2008 - 07/2008
Ensino, Pos-Graduação Lato Sensu em História do RJ, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tirem os mortos da cidade: política de higiene pública no século XIX
09/1998 - 08/2002
Ensino, Educação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
História do negro na sociedade brasileira

Colégio Pedro II, CPII, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2010
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor de Ensino Básico, Carga horária: 40
Outras informações
Atuou sob a matrícula SIAPE 3299054, lecionando a disciplina de História, desde 11/12/2003 (nomeação em DOU, nº 236, de 04/12/2003, seção 2, pg. 12), após aprovação em concurso público. Entre 01/03/2004 e 01/03/2005, exerceu a função de coordenadora de 6ª séria. Exonerada a pedido, em 28/09/2010 (D.O.U, nº 198, de 15/10/2010, Seção 2, pg. 14), para fins de posse no cargo de Professor de 3º Grau, classe Adjunto, nível 1, na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, em regime de Dedicação Exclusiva, após ser habilitada em Concurso Público de Provas e Títulos. Diário Oficial da União, nº 178, de 16/09/2010, Seção 2, pg. 27, nº 647.

Atividades

12/2003 - 12/2006
Ensino,

Disciplinas ministradas
História
01/2004 - 01/2005
Direção e administração, Unidade São Cristóvão II, .

Cargo ou função
Coordenadora de Série.

Centro de Estudos Afro-Asiático, CEAA, Brasil.
Vínculo institucional

1992 - 1993
Vínculo: Bolsista Senior, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20
Outras informações
Cooparticipação na elaboração e execução do Projeto "O cotidiano da vida e da morte de escravos e forros", juntamente com a Profª. Sheila Siqueira de Castro Faria (Coordenação) e Silvia Maria Jardim Brügger. Projeto este que obteve aprovação na categoria de Bolsista Senior junto ao Centro de Estudos Afro-Asiáticos.



Linhas de pesquisa


1.
Sociedade, Cultura e Trabalho

Objetivo: A linha se propõe a discutir temáticas, tais como: o escravismo brasileiro e suas interfaces; as formas de organização do trabalho e suas relações com a ordem jurídica, o cotidiano, a família, a hierarquia e os valores sociais constituídos; etnicidade, cultura , identidade e gênero nos diversos grupos sociais; as dimensões sociais e culturais da morte; e cultura e representações sociais no campo do ensino, das religiosidades, dos saberes e das instituições. .
Palavras-chave: sociedade e cultura; religiosidades; História da Igreja; História da Morte; Escravidão.
2.
Cultura, Poder e Representações

Objetivo: A linha cultura, poder e representações reúne pesquisas que trabalham com diferentes interpretações do conceito de cultura, percebida em todas elas como uma dimensão fundamental do mundo social onde indivíduos e grupos elaboram suas práticas cotidianas, produzem representações e discursos sobre sociedades históricas diversas bem como sobre a natureza, enfim, constroem sistemas de sentido que dão corpo as experiências singulares e coletivas vivenciadas. A cultura é entendida também como um espaço de disputas entre diferentes representações, linguagens, práticas, símbolos e discursos, um lugar onde as redes de relações e poder concorrem e se reconstroem cotidianamente. Religiões e religiosidades, informações, práticas científicas, memórias e identidades, cultura urbana, políticas nacionais e internacionais de proteção ao patrimônio cultural, cultura visual, ensino de história, são temáticas presentes nessa linha. Destarte, é possível pesquisar também o lugar de uma determinada cultura em um contexto mais amplo, bem como comparar diferentes processos de construção e conflito de identidades, símbolos e discursos. Essa linha se caracteriza ainda pela pesquisa de diferentes linguagens, analisadas em sua produção, circularidade, recepção e ação..


Projetos de pesquisa


2012 - Atual
Deserdando as almas: novo estatuto para os mortos no mundo português do século XVIII - JOVEM CIENTISTA NOSSO ESTADO - 2012

Descrição: Busco aprofundar um aspecto presente nas pesquisas que venho desenvolvendo sobre o impacto das leis testamentárias pombalinas sobre as atitudes e representações em relação à morte no Rio de Janeiro colonial, entre 1750 e 1822, tecendo agora comparações com outras regiões do mundo português. A argumentação da Lei de 9 de setembro 1769 de que o grande número de missas estipuladas nos testamentos era impossível de ser cumprido e podia levar ao caso de as almas do outro mundo tornarem-se senhoras dos prédios do mundo português uma vez que muitos testadores imobilizaram parte de suas propriedades a fim de que seus rendimentos fossem vertidos em missas por sua alma, através das capelas e morgadios chama a atenção para uma política de Estado voltada tanto para os vivos (através da busca de controlar o patrimônio eclesiástico) quanto para os mortos. A necessidade de se criar medidas legais para limitar a grande quantidade de bens e fortunas imobilizadas pelos mortos/almas, no reino e domínios portugueses, demonstra o significativo papel que os ancestrais possuíam naquela cultura fúnebre. Até onde conhecemos, não existiu legislação similar para outro país no Setecentos com menção tão explícita à necessidade de controlar a chamada economia da salvação e a fortuna das almas. O que nos remete para o sentido de inovação das reformas pombalinas, muito embora não deixe de considerar também as continuidades com a época anterior, assim como a hipótese de que as intervenções sobre a prática testamentária corroboraram um movimento já existente naquelas sociedades de os próprios herdeiros questionarem e/ou descumprirem os gastos investidos pelos testadores na salvação de sua alma alegando que estariam sendo prejudicados. Aspectos que sugerem o desenvolvimento de alterações no papel antes atribuído aos mortos, sobrepondo os interesses da família consanguínea sobre a família espiritual, até então externalizada pela Igreja católica e pelas associações religiosas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador / Aryanne Faustina da Silva - Integrante / Ana Carolina Santoian Ferreira - Integrante.
Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa.
2011 - Atual
Testamentos e hierarquias em sociedades escravistas ibero-americanas (Séculos XVI-XVIII) - FAPERJ/PRONEM-2010

Descrição: A pesquisa enfoca hierarquias e trajetórias de mobilidade social, próprias de sociedades escravistas ibero-americanas a exemplo do Rio de Janeiro, de Minas Gerais e da Nova Espanha , que podem ser analisadas através de testamentos ditados, na proximidade da morte, por pessoas de diferentes origens, segmentos sociais e econômicos, entre os séculos XVI e XVIII. Para a história do Rio de Janeiro, há uma grande lacuna no uso de testamentos e, por conseguinte, na compreensão dos modos pelos quais podem contribuir significativamente para o avanço do conhecimento historiográfico, em especial nos períodos seiscentista e setecentista e na sua comparação com outras localidades. Ao correlacionar eixos temáticos, o foco do projeto está calcado em preocupações convergentes com a proposta do grupo de pesquisa emergente Identidades, Hierarquias e Mobilidade na América Ibérica (CNPQ), criado em 2008. Ao partir da análise de uma documentação comum pouco explorada, com metodologias variadas e intenso diálogo e troca de experiência entre pesquisadores, o projeto viabilizará decisivamente o intercâmbio acadêmico-científico e, sobretudo, possibilitará a consolidação do referido grupo de pesquisa. RECEBE FINANCIAMENTO DA FAPERJ (PRONEM/2011).
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Integrante / Anderson José Machado de Oliveira - Integrante / Roberto Guedes Ferreira - Coordenador / Márcio de Souza Soares - Integrante / William de Souza Martins - Integrante / Aryanne Faustina da Silva - Integrante / Milra Nascimento Bravo - Integrante / Antonio Carlos Jucá Sampaio - Integrante / Marcelo Rocha Wanderley - Integrante / Carlos Leonardo Kelmer Mathias - Integrante / Mônica da Silva Ribeiro - Integrante / Ana Carolina Santoian Ferreira - Integrante.
Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3
2010 - Atual
A morte e o morrer na sociedade Brasileira

Descrição: Através deste projeto, busca-se analisar atitudes e representações diante da morte na sociedade brasileira ao longo de sua história, contemplando diversificadas temáticas, tais como costumes fúnebres e concepções sobre o além túmulo no período colonial e suas transformações nos períodos seguintes: a medicalização da morte, a secularização dos cemitérios e da morte, a transformação da prática testamentária, a cremação de cadáveres, o tabu da morte na sociedade atual, dentre outras. Na análise de tais temáticas procura-se relacionar o papel e o impacto das diferentes conjunturas, identificando a historicidade das atitudes e representações sobre a morte e o morrer na sociedade brasileira. Sob tal historicidade busca-se também contemplar a morte nos diferentes sistemas de crença, tais como os das culturas africanas, indígenas e cristãs (incluindo tanto o catolicismo como as diferentes formas do chamado protestantismo). Particular atenção é dada ao papel e à influência da Igreja católica e da escravidão, tendo em vista o significativo impacto que tiveram sobre a sociedade e cultura brasileiras..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (3) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador / Barbara Alves Benevides - Integrante / Aryanne Faustina da Silva - Integrante / Giuliana Karen de Souza - Integrante / Maria Cristina Braga da Silva - Integrante / Milra Nascimento Bravo - Integrante / Juliana Vargas Gonçalves - Integrante / Michele Helena Peixoto da Silva - Integrante.
Número de orientações: 4
2010 - Atual
As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822) - FAPERJ/APQ1:2011.1 e UNIRIO-DPQ-2010-2013

Descrição: A pesquisa procura investigar, no âmbito da História Cultural e mais especificamente da História da Morte, o impacto das reformas pombalinas sobre a prática testamentária, na cidade do Rio de Janeiro, entre cerca de 1750 e 1822. Dentre as várias leis implementadas pelo Marquês de Pombal entre 1761 e 1775, com o intuito de regular o direito sucessório, duas afetaram diretamente o ato de testar, sendo comumente chamadas à época de as Leis Novíssimas . Trataram-se das leis testamentárias de 1766 e 1769, que procuraram limitar a prática até então vigente e bastante influenciada pela Igreja católica de os testadores destinarem parte significativa dos seus bens à realização de inúmeras missas em sufrágio de sua alma e das de outrem e ao cumprimento de legados piedosos a associações religiosas, a sacerdotes e a paróquias através destas práticas, muitos testadores privilegiavam a salvação de sua alma em detrimento da distribuição de bens aos seus herdeiros consangüíneos. Buscar-se-á identificar em que sentido tais leis refletiram, progressivamente, na transformação da prática testamentária em um instrumento exclusivo de transmissão de bens, em detrimento do seu anterior sentido soteriológico. TAL PESQUISA TEM RECEBIDO FINANCIAMENTO DA UNIRIO (3 bolsistas de IC) e da FAPERJ (APQ1.2011/1, PRONEM/2011, 2 bolsistas IC).
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador / Barbara Alves Benevides - Integrante / Caroline Mesquita Arosa - Integrante / FERNANDA AUGUSTA PEGORARO FERNANDES PEREIRA - Integrante.
Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro / Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa / Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4
2009 - 2011
Macaé em Fontes Primárias : fundos eclesiásticos para um acervo virtual FAPERJ/Apoio a Instituições de Ensino e Pesquisa...

Descrição: O projeto Macaé em Fontes Primárias : fundos eclesiásticos para um acervo virtual se propõe a formar, organizar, manter, incrementar e disponibilizar um acervo virtual de documentos eclesiásticos sobre Macaé no período colonial e imperial. Tal acervo reunirá fontes capturadas em foto ou transcritas dos livros paroquiais de batismos, matrimônios e óbitos e da documentação das associações religiosas (localizados em Macaé); dos breves apostólicos, dos documentos relativos a divórcios, dos libelos contra padres, dos processos de gênere, dos banhos matrimoniais (localizados no Arquivo da Cúria Metropolitana do Rio de Janeiro); de documentos da Mesa de Consciência e Ordem (localizados no Arquivo Nacional) e de documentos do Arquivo Ultramarino (localizados no IHGB). Ao cabo desta etapa de coleta das fontes, será construído e alimentado um banco de dados com as informações provenientes da documentação serial de registros paroquiais e os demais documentos serão organizados em fundos e coleções próprias. Por último, uma vez formado o acervo digital sobre a história de Macaé no período colonial e imperial, contendo o material fotografado e transcrito, tornar-se-á disponível a pesquisadores cadastrados para consultas locais ou pela internet, via mecanismo próprio abrigado no site do LADOCH e divulgar nos programas de Pós-graduação e ao público geral interessado. Paralelamente, serão promovidos encontros e debates, propiciando a integração de pesquisadores de diferentes níveis e instituições, articulando-os em torno de temáticas comuns acerca da história macaense, e a formação de agentes multiplicadores do conhecimento, com fornecimento de instrumentais teórico-metodológicos a professores do Ensino Básico. Este projeto conta com financiamento da FAPERJ, na modalidade de E-04: Apoio às Instituições de Ensino e Pesquisa Sediadas no RJ-2009.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Integrante / Márcia Amantino - Coordenador / Carlos Engemann - Integrante.
Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 1
2007 - 2010
A morte e o morrer na sociedade brasileira: atitudes e representações

Descrição: Através deste projeto, busca-se analisar atitudes e representações diante da morte na sociedade brasileira ao longo de sua história, contemplando diversificadas temáticas, tais como costumes fúnebres e concepções sobre o além túmulo no período colonial e suas transformações nos períodos seguintes: a medicalização da morte, a secularização dos cemitérios e da morte, a transformação da prática testamentária, a cremação de cadáveres, o tabu da morte na sociedade atual, dentre outras. Na análise de tais temáticas procura-se relacionar o papel e o impacto das diferentes conjunturas, identificando a historicidade das atitudes e representações sobre a morte e o morrer na sociedade brasileira. Sob tal historicidade busca-se também contemplar a morte nos diferentes sistemas de crença, tais como os das culturas africanas, indígenas e cristãs (incluindo tanto o catolicismo como as diferentes formas do chamado protestantismo). Particular atenção é dada ao papel e à influência da Igreja católica e da escravidão, tendo em vista o significativo impacto que tiveram sobre a sociedade e cultura brasileiras..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador / Paolla Rangel Rodrigues do Nascimento - Integrante / Maria da Conceição Vilela Tavares - Integrante / Ana Patrícia Ferreira Nogueira Alves - Integrante.
Financiador(es): Universidade Salgado de Oliveira - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 9 / Número de orientações: 1
2007 - 2009
A transformação da prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (1750-1822) - FAPERJ/APQ1 2007.2

Descrição: Esta pesquisa analisa o processo de transformação da prática testamentária na cidade do Rio de Janeiro, durante o período colonial, no contexto da governação pombalina, identificando o impacto das leis testamentárias da década de 1760 (que visavam limitar o excessivo gasto dos testadores com o estabelecimento de sufrágios, legados, doações e esmolas pios a fim de obterem a salvação da alma) sobre o conteúdo e a forma dos testamentos redigidos por ocasião da morte. Busca-se identificar em que medida as ações implementadas por Pombal refletiram na transformação do testamento em um instrumento exclusivo de transmissão de bens, em detrimento do seu anterior sentido soteriológico..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador / Paolla Rangel Rodrigues do Nascimento - Integrante / Rejane de Azevedo Borges - Integrante / Rafael Brandão de Magalhães - Integrante.
Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 22 / Número de orientações: 1
2006 - 2010
Macaé em fontes primárias

Descrição: Trata-se da construção e organização do acervo da Secretaria Municipal de Acervo e Patrimônio Histórico da Prefeitura Municipal de Macaé, com auxílio da Universidade Salgado de Oliveira, reunindo um rico e variado corpo de fontes primárias relativas ao atual Município de Macaé. Neste acervo, pretende-se organizar e digitalizar (visando futura construção de banco de dados) fontes de natureza eclesiástica, jurídico-cartorial e particular, relativas aos séculos XVIII, XIX e XX, que se encontravam dispersas e sem conservação sob a guarda de diferentes instituições localizadas na região, além de reunir cópias de documentos provenientes de outros fundos arquivísticos localizados fora do município, tais como Arquivo Nacional, Biblioteca Nacional, Arquivo da Cúria Metropolitana do Rio de Janeiro, dentre outros. O projeto é coordenado pelos professores Márcia Amantino e Cláudia Rodrigues (Universidade Salgado de Oliveira), Roberto Guedes Ferreira (UFRRJ), com aparticipação de Conceição Villela Franco (SEMAPH)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Integrante / Anderson José Machado de Oliveira - Integrante / Márcia Amantino - Coordenador / Roberto Guedes Ferreira - Integrante / Maria da Conceição Vilela Franco - Integrante / Márcio de Souza Soares - Integrante.
Financiador(es): Prefeitura Municipal de Macaé/Universidade Salgado de Oliveira - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 1
2006 - 2007
O impacto das reformas pombalinas sobre a morte e o morrer no Rio de Janeiro Setecentista

Descrição: Pesquisa ainda sem financiamento, que se propõe a analisar o impacto das reformas pombalinas sobre a prática testamentária, na medida em que afetaram o direito de testar, a fim de reduzir os legados pios a bem da alma. Ao meu ver, as várias leis implementadas entre 1761 e 1775, com o intuito de regular as práticas testamentária e sucessória, contribuiriam sobremaneira para o gestar da transformação, a médio e longo prazo, de uma prática até então predominantemente religiosa em outra meramente civil de transmissão de heranças. A investigação fará uso, basicamente, de testamentos e inventários post-mortem (que merecerão um tratamento serial e quantitativo) e da legislação pombalina referente ao tema. Tal pesquisa também será importante para a análise, sob o ponto de vista das atitudes diante da morte, do que parte da historiografia tem chamado de Ilustração pombalina e, até mesmo, secularização da sociedade no século XVIII..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador / Paolla Rangel Rodrigues do Nascimento - Integrante / Uaraci Jesus de Carvalho - Integrante / Rejane de Azevedo Borges - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 3
1997 - 2002
A secularização da morte no Rio de Janeiro (1850-1910): Projeto de Doutorado

Descrição: Análise do processo de secularização da morte, no Rio de Janeiro, na segunda metade do século XIX. Procurou-se identificar o processo de questionamento ao controle eclesiástico sobre as atitudes e representações sobre a morte, no contexto de afirmação dos movimentos liberal, republicano, maçônico e protestante no contexto da crise do Império..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 29
1993 - 1995
A criação do cemitério público e transformações fúnebres na Corte: uma história das atitudes e sensibilidades diante da morte (século XIX): Projeto de Mestrado

Descrição: Análise do processo de criação dos cemitérios públicos na Corte em 1851, como desdobramento da disseminação do saber médico sobre a sociedade e do impacto da epidemia de febre amarela de 1849-1850..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 38
1992 - 1993
O cotidiano da vida e da morte de escravos e forros

Descrição: Projeto proposto e desenvolvido juntamente com Sheila de Castro Faria (Coordenadora) e Silvia Brügger, que obteve aprovação na categoria de Bolsista Senior junto ao Centro de Estudos Afro-Asiáticos. Tratou-se de uma pesquisa voltada para a identificação de aspectos ligados às atitudes católicas e africanas diante do casamento e da morte, utilizando como fontes básicas os registros paroquiais de casamento e óbitos referentes à freguesia de Campos dos Goitacazes, no período escravista.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Claudia Rodrigues - Integrante / Sheila de Castro Faria - Coordenador / Silvia Brügger - Integrante.
Financiador(es): Centro de Estudos Afro-Asiáticos/Fundação Ford - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 3
1991 - 1992
Participação no Projeto: "Legitimidade de livres, libertos e escravos nos registros paroquiais no Brasil escravista (séculos XVII, XVIII e XIX)", como bolsista de Iniciação Científica

Descrição: Iniciação Científica, com financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Processo n 101097/91-3, sob a orientação da profª Sheila Siqueira de Castro Faria (UFF). Tratou-se da coleta, digitação em banco de dados e processamento de registros paroquiais de batismo, casamento e óbitos referentes à freguesia de Campos dos Goitacases, do século XVII ao XIX..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
1990 - 1991
Participação no Projeto: "Família e produção. Mobilidade social na Colônia brasileira (Rio de Janeiro: 1700-1800)", como bolsista de Iniciação Científica.

Descrição: Projeto de Iniciação Científica, com financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - Processo n 80360188/3, sob orientação da profª Sheila Siqueira de Castro Faria (UFF) Tratou-se da continuidade do processo de coleta, digitação em banco de dados e processamento de registros paroquiais de batismo, casamento e óbitos referentes à freguesia de Campos dos Goitacases, do século XVII ao XIX..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Claudia Rodrigues - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1


Membro de corpo editorial


2011 - Atual
Periódico: Recôncavo: Revista de História da UNIABEU


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil Império.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Rio de Janeiro.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: HISTÓRIA/Especialidade: História da morte.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da Igreja Católica no Brasil.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil Colônia.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2012
FAPERJ: Jovem Cientista do Nosso Estado - 2012-2015, FAPERJ.
2011
FAPERJ - Auxílio à Pesquisa Básica - APQ1 2011/1, FAPERJ.
2010
FAPERJ - APQ2 2010/1 - Apoio para Organização de Eventos Científico (R$16.000,00), FAPERJ.
2010
Aprovação em 1o. Lugar no Concurso de Provas e Títulos para Professor Adjunto da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro -UNIRIO, UNIRIO - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.
2010
CNPq ARC - Apoio Financeiro a Promoção de Eventos Científicos - Edital 11/2010 (R$10.000,00), CNPq.
2007
FAPERJ: Auxílio à Pesquisa básica -APQ1 - 2007/2, FAPERJ.
2003
1º Lugar no Concurso de Monografias Prêmio Arquivo Nacional de Pesquisa 2003, com o trabalho "Nas fronteiras do além: a secularização da morte no Rio de Janeiro (séculos XVIII e XIX)", Arquivo Nacional/RJ.
1997
Bolsa de Doutorado/UFF, CNPq., CNPq.
1995
2º Lugar no Prêmio Carioca de Monografia, com a dissertação de mestrado: Lugares dos mortos na cidade dos vivos: tradições e transformações fúnebres no Rio de Janeiro (século XIX), Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro/Secretaria Municipal de Cultura.
1993
Bolsa de Mestrado/UFF, CNPq., CNPq.
1992
Bolsa de Aperfeiçoamento/UFF, Fundação Ford/CEAA, Centro de Estudos Afro-Asiáticos/Fundação Ford.
1991
Bolsa de Iniciação Científica/UFF, CNPq., CNPq.
1990
Bolsa de Iniciação Científica/UFF, CNPq., CNPq.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

SciELO
Total de trabalhos:2
Total de citações:2
RODRIGUES, Claudia  Data: 16/03/2012

SCOPUS

Artigos completos publicados em periódicos

1.
RODRIGUES, C.2013 RODRIGUES, C. . Lugares dos mortos na Cristandade Ocidental. Revista Brasileira de História das Religiões, v. 15, p. 105-129, 2013.

2.
RODRIGUES, C.2013RODRIGUES, C. ; TAVARES, M. D. . Desejando pôr a minha alma no caminho da salvação . Modelos católicos de testamentos no século XVIII. História Unisinos, v. 17, p. 1-11, 2013.

3.
RODRIGUES, C.2013RODRIGUES, C. ; CORDEIRO, G. C. . E nós andamos em procissão até o túmulo : sepultamentos, estrangeiros e alteridade no Brasil do século XIX a partir dos relatos de Robert Walsh. Recôncavo Revista de História da UNIABEU, v. 3, p. 15-46, 2013.

4.
RODRIGUES, C.2012RODRIGUES, C. ; BRAVO, M. N. . Morte, Cemitérios e hierarquias no Brasil escravista (séculos XVIII e XIX). Revista HABITUS | Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia | Pontifícia Universidade Católica de Goiás, v. 10, p. 3-30, 2012.

5.
RODRIGUES, C.2010RODRIGUES, C. . Morte, Catolicismo e Africanidade na cidade do Rio de Janeiro Setecentista. Ciencias Sociales y Religión (Online), v. 12, p. 31-52, 2010.

6.
RODRIGUES, C.2010RODRIGUES, C. . Morte e conflitos sociais na Jamaica escravista. Topoi (Rio de Janeiro), v. 11, p. 335-337, 2010.

7.
RODRIGUES, C.2010RODRIGUES, C. . Sepultura y enterramientos de protestantes como uma cuestion de ciudadanía em La crisis del Imperio Brasileño (1869-1889). Boletín de Monumentos Históricos, v. 19, p. 201-208, 2010.

8.
RODRIGUES, C.2009RODRIGUES, C. . Os cemitérios públicos como alvo das disputas entre Igreja e Estado na crise do Império (1869-1889). Diálogos (Maringá), v. 13, p. 119-142, 2009.

9.
ENGEMANN, C.2009ENGEMANN, C. ; RODRIGUES, C. ; AMANTINO, M. . Os jesuítas e a Ilustração na administração de Manuel Martins do Couto Reis da Real Fazenda de Santa Cruz (Rio de Janeiro, 1793-1804). História Unisinos, v. 13, p. 241-252, 2009.

10.
RODRIGUES, C.2009RODRIGUES, C. . The Reaper's Garden: Death and Power in the World of Atlantic Slavery by Vincent Brown. Journal of Latin American and Caribbean Anthropology, v. 14, p. 258-260, 2009.

11.
RODRIGUES, C.2008RODRIGUES, C. . A arte de bem morrer no Rio de Janeiro Setecentista. Varia História (UFMG. Impresso), v. 24, p. 255-272, 2008.

12.
RODRIGUES, C.2008RODRIGUES, C. . Os cemitérios como uma questão de (Conselho) de Estado no Segundo Reinado. Revista do Instituto Histórico e Geographico Brazileiro, v. a.169, p. 1-1, 2008.

13.
RODRIGUES, C.2008RODRIGUES, C. . Sepulturas e sepultamentos de protestantes como uma questão de cidadania na crise do Império (1869-1889). Revista de História Regional, v. 13, p. 23-38, 2008.

14.
RODRIGUES, C.2007 RODRIGUES, C. . Apropriações da morte católica por africanos e seus descendentes no Rio de Janeiro Setecentista. Especiaria (UESC), v. 10, p. 427-468, 2007.

15.
RODRIGUES, C.2004RODRIGUES, C. . A clericalização da memória dos mortos enquanto estratégia de cristianização no Ocidente medieval. Encontros (Rio de Janeiro), Colégio Pedro II, v. nº 1, n.nº 3, p. 20-32, 2004.

16.
RODRIGUES, C.2004RODRIGUES, C. . Notas sobre o trabalho de campo na Fortaleza de Santa Cruz/RJ: uma experiência interdisciplinar UESCII. Encontros (Rio de Janeiro), v. nº4, n.Ano 2, p. 89-98, 2004.

17.
RODRIGUES, C.2004RODRIGUES, C. . Nossa companheira, a morte. Nossa História (São Paulo), Rio de Janeiro, v. 11, n.n 11, p. 52-57, 2004.

18.
RODRIGUES, C.2003RODRIGUES, C. . A morte como elemento de afirmação da cultura africana no Rio de Janeiro escravista: o caso do cemitério dos Pretos Novos. Estudos de História, Franca, SP, v. 10, n.n 1, p. 141-167, 2003.

19.
RODRIGUES, C.2001RODRIGUES, C. . Da morte ao morto: costumes fúnebres no Rio de Janeiro, século XIX. Sesmaria (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, v. 1, p. 129-155, 2001.

20.
RODRIGUES, C.2000RODRIGUES, C. . População, costumes fúnebres e epidemias: o papel desestruturador dos surtos epidêmicos sobre a administração dos últimos sacramentos aos moribundos (Rio de Janeiro, século XIX). População e Família (USP), São Paulo, v. 14, n.3, p. 207-226, 2000.

21.
RODRIGUES, C.1999 RODRIGUES, C. . A cidade e a morte: a febre amarela e seu impacto sobre os costumes fúnebres no Rio de Janeiro (1849-1850). História, Ciências, Saúde-Manguinhos (Impresso), Rio de Janeiro, v. VI, n.I, mar.jun, p. 53-80, 1999.

22.
RODRIGUES, C.1996RODRIGUES, C. . Funerais Sincréticos: práticas fúnebres na sociedade escravista. Cativeiro e Liberdade: Revista Interdisciplinar de História Social, Rio de Janeiro, v. 3, p. 7-23, 1996.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
AMANTINO, M. (Org.) ; RODRIGUES, C. (Org.) ; ENGEMANN, C. (Org.) ; FREIRE, Jonis (Org.) . Povoamento, catolicismo e escravidão na antiga Macaé (Séculos XVII ao XIX). 1. ed. Rio de Janeiro: Apicuri, 2011. v. 1. 200p .

2.
OLIVEIRA, A. J. M. (Org.) ; RODRIGUES, C. (Org.) ; SANCHES, Marcos. (Org.) ; CAVALCANTE, Paulo. (Org.) . História do Brasil I (vol.1). 1. ed. Rio de Janeiro: Fundação CECIERJ, 2011. v. 1. 260p .

3.
OLIVEIRA, A. J. M. (Org.) ; RODRIGUES, C. (Org.) ; RODRIGUES, G. R. (Org.) ; SANCHES, Marcos. (Org.) ; CAVALCANTE, Paulo. (Org.) . História do Brasil 1 (Vol. 2). 1. ed. Rio de Janeiro: Fundação CECIERJ, 2011. v. 1. 274p .

4.
RODRIGUES, C. (Org.) ; ENGEMANN, C. (Org.) ; AMANTINO, M. (Org.) . Caderno de Programação e Resumos do IV Congresso Latino-americano de Ciências Sociais e Humanidades: Imagens da Morte. 1. ed. Nitérói: UNIVERSO, 2010. v. 1. 87p .

5.
RODRIGUES, C. (Org.) ; ENGEMANN, C. (Org.) ; AMANTINO, M. (Org.) . Anais Eletrônicos do IV Congresso Latino-americano de Ciênciais Sociais e Humanidades: Imagens da Morte. 1. ed. Niterói: Universo/Space Color Serviços Gráficos Ltda., 2010. v. 1.

6.
RODRIGUES, C. . Lugares dos Mortos na cidade dos vivos: tradições e transformações fúnebres no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro/Coleção Biblioteca Virtual/Biblioteca Carioca, 2007. v. 1. 276p .

7.
RODRIGUES, C. . Nas Fronteiras do Além: A secularização da Morte no Rio de Janeiro (séculos XVIII e XIX). 1ª. ed. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional/RJ, 2005. v. 1. 390p .

Capítulos de livros publicados
1.
ENGEMANN, C. ; RODRIGUES, C. ; AMANTINO, M. . Os jesuítas e a Ilustração na administração de Manoel Martins do Couto Reis da Real Fazenda de Santa Cruz. In: Marcia Amantino; Carlos Engemann. (Org.). Santa Cruz: de legado dos jesuítas a pérola da Coroa. 1ed.Rio de Janeiro: EdUERJ, 2013, v. 1, p. 291-313.

2.
RODRIGUES, C. ; OLIVEIRA, A. J. M. . El anticlericalismo en el Brasil. In: DI STEFANO, Roberto; ZANCA, José A.. (Org.). Pasiones anticlericales: un recorrido iberoamericano. 1ed.Bernal: Universidad Nacional de Quilmes, 2013, v. 1, p. 191-244.

3.
RODRIGUES, C. ; FRANCO, M. C. V. . Notas sobre a presença e a atuação da Igreja católica na Antiga Macaé. In: AMANTINO, Márcia; RODRIGUES, Claudia; ENGEMANN, Carlos; FREIRE, Jonis.. (Org.). Povoamento, catolicismo e escravidão na antiga Macaé (Séculos XVII ao XIX). 1ed.Rio de Janeiro: Apicuri, 2011, v. 1, p. 61-99.

4.
RODRIGUES, C. ; FRANCO, M. C. V. . O corpo morto e o corpo do morto entre a Colônia e o Império. In: PRIORE, Mary Del; AMANTINO, Márcia. (Org.). História do corpo no Brasil. 1ed.São Paulo: UNESP, 2011, v. 1, p. 157-183.

5.
RODRIGUES, C. ; OLIVEIRA, A. J. M. . Igreja, Estado e Missionação. In: OLIVEIRA, A. J. M.; RODRIGUES, C.; SANCHES, Marcos.; CAVALCANTE, Paulo (orgs.). (Org.). História do Brasil I.. 1ed.Rio de Janeiro: Fundação CECIERJ, 2011, v. 2, p. 7-37.

6.
RODRIGUES, C. ; OLIVEIRA, A. J. M. . Religião e religiosidades na América portuguesa. In: OLIVEIRA, A. J. M.; RODRIGUES, C.; SANCHES, Marcos.; CAVALCANTE, Paulo (orgs.).. (Org.). História do Brasil I.. 1ed.Rio de Janeiro: Fundação CECIERJ, 2011, v. 2, p. 39-98.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
RODRIGUES, C. . Lugares dos mortos na cidade dos vivos.... Jornal Praler, Nova Iguaçu/RJ, p. 8 - 8, 23 dez. 1998.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
RODRIGUES, C. . Os testamentos setecentistas do Rio de Janeiro enquanto fontes para uma História da morte. In: XXVII SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 2013, Natal/RN. ANAIS DO XXVII SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 2013.

2.
RODRIGUES, C. . O impacto das leis testamentárias sobre a economia da salvação no Rio de Janeiro colonial. In: XXVI Simpósio Nacional de História ANPUH São Paulo, julho 2011, 2011, São Paulo. Anais do XXVI Simpósio Nacional de História ANPUH São Paulo, julho 2011. São Paulo: ANPUH-SP - Internet, 2011. v. 1. p. 1-1.

3.
RODRIGUES, C. . Sepulturas e enterramientos de protestantes como una cuestión de ciudadanía en la crisis del Imperio brasileño (1869-1889). In: 53o. Congresso Internacional de Americanistas, 2009, Ciudad de México. 53o. Congreso Internacional de Americanistas. Ciudad de México: 53o ICA, 2009. v. 1.

4.
RODRIGUES, C. . Morte, Catolicismo e Africanidade na cidade do Rio de Janeiro Setecentista. In: XV Jornadas sobre Alternativas Religiosas en América Latina, 2009, Santiago de Chile. XV Jornadas sobre Alternativas Religiosas en América Latina: Religiones, Estado, Culturas, Ciudadania. Santiago de Chile: Instituto de Estudios Avanzados USACH - Chile, 2009.

5.
RODRIGUES, C. . A secularização da morte no Brasil Oitocentista. In: XII Congresso latinoamericano de religión y etnicidad, 2008, Bogotá. XII Congresso Latinoamericano de Religón Y Etnicidad: Cambios culturales, conflictos y transformaciones religiosas. Bogatá: Gráficas Ibañez Ltda, 2008. v. 1.

6.
RODRIGUES, C. . Política e religião no Império a partir da análise de um documento do Conselho de Estado. In: Encontro de História: Fontes históricas: abordagens, narrativas e concepções teóricas, 2008, Cachoeiras de Macacu. Anais do Encontro de História. Fontes históricas: abordagens, narrativas e concepções teóricas, 2008. v. 1.

7.
RODRIGUES, C. . As leis testamentárias de 1765 e 1769 no contexto das reformas pombalinas no mundo luso-brasileiro. In: XIII Encontro de História ANPUH-RJ, 2008, Seropédica/RJ. Anais do XIII Encontro de História ANPUH-RJ, 2008.

8.
RODRIGUES, C. . Os cemitérios como uma questão de religião e de Estado na crise do Império brasileiro (1869-1889). In: II Simposio internacional sobre religiosidad, cultura y poder (II SIRCP), 2008, Buenos Aires. II Simposio Internacional sobre Religiosidad, Cultura y Poder. Buenos Aires: GERE/PROHAL, 2008. v. 1.

9.
RODRIGUES, C. . Entre a Licenciatura e o Bacharelado: dilemas, dicotomias e perspectivas nos cursos de formação de professores. In: I Encontro de História da Educação do Estado do Rio de Janeiro, 2007, Niterói. I Encontro de História da Educação do Estado do Rio de Janeiro. Niterói: UFF/IPAB-RJ, 2007.

10.
RODRIGUES, C. . As reformas pombalinas e a transformação da prática testamentária no Rio de Janeiro. In: I Congresso Internacional UFES/Université de Paris-Est (Marne-la-Vallée), 2007, Vitória/ES. Anais Eletrônicos do I Congresso Internacional UFES/Université de Paris-Est (Marne-la-Vallée). Vitória/ES: GM Editora, 2007. v. 1.

11.
RODRIGUES, C. . Cidadania e morte no Oitocentos. As disputas pelo direito de sepultura aos não-católicos na crise do Império (1869-1889). In: XXIV Simpósio Nacional de História: HISTÓRIA E MULTIDISCIPLINARIDADE: TERRITÓRIOS E DESLOCAMENTOS, 2007, São Leopoldo/RS. História e multidisciplinaridade: territórios e deslocamentos. Anais do XXIV Simpósio Nacional de História. São Leopoldo: ANPUH/UNISINOS, 2007.

12.
RODRIGUES, C. . Romanização e morte: as ações da Igreja católica em defesa do sepultamento eclesiástico na crise do Império (1869-1889). In: IX Simpósio Anual da ABHR: RELIGIÕES E RELIGIOSIDADES: ENTRE A TRADIÇÃO E A MODERNIDADE, 2007, Viçosa/MG. IX Simpósio Anual da ABHR: RELIGIÕES E RELIGIOSIDADES: ENTRE A TRADIÇÃO E A MODERNIDADE, 2007.

13.
RODRIGUES, C. . Testar para bem morrer: uma arte em transformação. A transformação do significado da prática testamentária no Rio de Janeiro Oitocentista. In: 2º Seminário Regional do Centro de Estudos do Oitocentos, 2004, São João del Rei. Programação do Segundo Seminário do Centro de Estudos do Oitocentos - CEO.. Juiz de Fora - MG: Clio Edições, 2004.

14.
RODRIGUES, C. . Entre o civil e o eclesiástico: o conflito de jurisdições sobre cemitérios e enterramentos na crise do Império brasileiro. In: XXII Simpósio Nacional de História da ANPUH: HISTÓRIA, ACONTECIMENTO E NARRATIVA, 2003, João Pessoa. Anais Eletrônicos Complementares do XXII Simpósio Nacional de História. João Pessoa: Associação Nacional de História, 2003.

15.
RODRIGUES, C. . A cidade e a epidemia da morte: a febre amarela e seu impacto sobre os costumes fúnebres no Rio de Janeiro (1849-1850). In: XI Encontro Nacional de Estudos Populacionais - POPULAÇÃO: GLOBALIZAÇÃO E EXCLUSÃO, 1998, Caxambu/MG. ANAIS do XI Encontro Nacional de Estudos Populacionais - POPULAÇÃO: GLOBALIZAÇÃO E EXCLUSÃO, 1998. p. 1217-1240.

16.
RODRIGUES, C. . Aspectos teóricos e metodológicos para uma análise do processo de secularização da morte no Rio de Janeiro oitocentista. In: VIII Encontro Regional de História da ANPUH-RJ: História e Religião, 1998, Vassoutas/RJ. História & Religião, 1998.

17.
RODRIGUES, C. . Morrer na Corte: lugares dos mortos no Rio de Janeiro, século XIX. In: VII Encontro Regional de História da ANPUH-RJ, 1996, Rio de Janeiro. História e Violência: caderno de resumos, 1996. p. 185-187.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
RODRIGUES, C. . O avesso da paisagem fúnebre no Rio de Janeiro escravista até 1850. In: III Colóquio Avesso da Paisagem: representações da morte no ambiente urbano, 2012, Rio de Janeiro. Colóquio Avesso da Paisagem: representações da morte no ambiente urbano. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, Escola de Belas Artes, 2012. v. 1. p. 30-33.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
RODRIGUES, C. . Campo santo? Cemitério público? Cemitgério secularizado? A natureza dos cemitérios oitocentistas no Brasil como uma questão. In: XII Encuentro Iberoamericano de Valorización y Gestión de Cementerios Patrimoniales/V Encontro da Associação Brasileira de Estudos Cemiteriais-ABEC, 2011, Salvador. XII Encuentro Iberoamericano de Valorización y Gestión de Cementerios Patrimoniales/V Encontro da Associação Brasileira de Estudos Cemiteriais-ABEC, 2011. v. 1. p. 26-27.

2.
RODRIGUES, C. . Os sufrágios e a economia da salvação em contexto de mudanças na América portuguesa (Rio de Janeiro-século XVIII). In: IV Congresso Latino-americano de Ciências Sociais e Humanidades: Imagens da Morte, 2010, Niterói, RJ. Caderno de Programação e Resumos do IV Congresso Latino-americano de Ciênciais Sociais e Humanidades: Imagens da Morte. Niterói: Universo/Space Color Serviços Gráficos Ltda., 2010. v. 1. p. 35-36.

3.
RODRIGUES, C. . Intervindo sobre a morte para melhor regular a vida: a transformação da legislação testamentária no governo pombalino na década de 1760. In: III Simpósio Internacional sobre Religiosidades, Diálogos e Hibridações, 2009, Campo Grande/MS. Programa e Resumosdo III Simpósio Internacional sobre Religiosidades, Diálogos e Hibridações:. Campo Grande/MS: Editora UFMS, 2009. v. 1. p. 222-223.

4.
RODRIGUES, C. . A secularização da morte no Brasil Oitocentista. In: XII Congresso latinoamericano de religión y etnicidad, 2008, Bogotá. XII Congresso Latinoamericano de Religón Y Etnicidad: Cambios culturales, conflictos y transformaciones religiosas. Bogotá: Gráficas Ibañez Ltda, 2008.

5.
RODRIGUES, C. . As leis testamentárias de 1765 e 1769 no contexto das reformas pombalinas no mundo luso-brasileiro. In: XIII Encontro de História ANPUH-RJ, 2008, Seropédica/RJ. Caderno de Resumos e Programação XII Encontro de História ANPUH-RJ. Rio de Janeiro: Armazem das Letras, 2008. v. 1. p. 161-161.

6.
RODRIGUES, C. . Entre a Licenciatura e o Bacharelado: dilemas, dicotomias e perspectivas nos cursos de formação de professores. In: I Encontro de História da Educação do Estado do Rio de Janeiro, 2007, Niterói. I Encontro de História da Educação do Estado do Rio de Janeiro: programa e resumo dos trabalhos. Niterói: H. P. Comunicação Editora, 2007. v. 1. p. 95-96.

7.
RODRIGUES, C. . Cidadania e morte no Oitocentos. As disputas pelo direito de sepultura aos não-católicos na crise do Império (1869-1889). In: XXIV Simpósio Nacional de História: HISTÓRIA E MULTIDISCIPLINARIDADE: TERRITÓRIOS E DESLOCAMENTOS, 2007, São Leopoldo/RS. História e multidisciplinaridade: territórios e deslocamentos: Caderno de Resumos do XXIV Simpósio Nacional de História. São Leopoldo/RS: Oikos, 2007. v. único. p. 498-498.

8.
RODRIGUES, C. ; FRANCO, M. C. V. . Notas sobre a presença e a atuação da Igreja católica na Antiga Macaé. In: I Encontro Macaé em Fontes Primárias: escravidão, cultura e sociedade, 2007, Macaé/RJ. I Encontro Macaé em Fontes Primárias~. Caderno de Programação e Resumos. Niterói: UNIVERSO, 2007. v. 1. p. 10-10.

9.
RODRIGUES, C. . As reformas pombalinas e a transformação da prática testamentária no Rio de Janeiro. In: I Congresso Internacional UFES/Université de Paris-Est (Marne-la-Vallée), 2007, Vitória/ES. Programação e Resumos: I Congresso Internacional UFES/Université de Paris-Est (Marne-la-Vallée)-XVI Simpósio de História da UFES:IMPÉRIOS, RELIGIOSIDADES E ETNIAS. Vitória/ES: GM Gráfica e Editora Ltda., 2007. v. 1. p. 52-52.

10.
RODRIGUES, C. . Testar para bem morrer: uma arte em transformação. A transformação do significado da prática testamentária no Rio de Janeiro Oitocentista. In: 2º Seminário Regional do Centro de Estudos do Oitocentos, 2004, São João del Rei - MG. Programação do Segundo Seminário do Centro de Estudos do Oitocentos - CEO. Juiz de Fora - MG: Clio Edições, 2004. p. 40-40.

11.
RODRIGUES, C. . Entre o civil e o eclesiástico: o conflito de jurisdições sobre cemitérios e enterramentos na crise do Império. In: XXII Simpósio Nacional de História da ANPUH: HISTÓRIA, ACONTECIMENTO E NARRATIVA, 2003, João Pessoa. XXII Simpósio Nacional de História - Caderno de Programação e Resumos. João Pessoa: Associação Nacional de História/Universidade Federal da Paraíba, 2003. v. 1. p. 280-281.

12.
RODRIGUES, C. . O bispo e o general: a Igreja ultramontana e o sepultamento do general Abreu e Lima. In: X Encontro Regional de História da ANPUH - HISTÓRIA E BIOGRAFIAS, 2002, Rio de Janeiro. História e Biografias: Livro de Resumos. Rio de Janeiro: Associação Nacional de História - Núcleo Rio de Janeiro/UERJ, 2002. v. unico. p. 63-63.

13.
RODRIGUES, C. . O processo de secularização das atitudes diante da morte no Rio de Janeiro oitocentista. In: XX Simpósio Nacional de História da ANPUH: HISTÓRIA E FRONTEIRAS, 1999, Florianópolis - SC. História e Fronteiras: programas & resumos. Florianópolis: Associação Nacional de História, 1999. v. único. p. 681-681.

14.
RODRIGUES, C. . Partindo para o Além: concepções cristãs sobre a morte e o post-mortem no Rio de Janeiro colonial. In: XX Simpósio Nacional de História da ANPUH: HISTÓRIA E FRONTEIRAS, 1999, Florianópolis. História e Fronteiras: programas & resumos. Florianópolis: Associação Nacional de História, 1999. v. único. p. 682-682.

15.
RODRIGUES, C. . Aspectos teóricos e metodológicos para uma análise do processo de secularização da morte no Rio de Janeiro oitocentista. In: VIII Encontro Regional de História da ANPUH-RJ: História e Religião, 1998, Vassouras. História e Religião: caderno de resumos, 1998. p. 28-28.

16.
RODRIGUES, C. . A atuação das irmandades religiosas diante do estabelecimento dos cemitérios públicos: uma comparação entre Salvador e Rio de Janeiro. In: VIII Encontro Regional de História da ANPUH-RJ: História e Religião, 1998, Vassouras. História e Religião: caderno de resumos, 1998. p. 38-38.

17.
RODRIGUES, C. . O uso de fontes seriais no estudo do cotidiano da morte no Rio de Janeiro. In: VIII Encontro Regional de História da ANPUH-RJ: História e Religião, 1998, Vassouras. História e Religião: caderno de resumos, 1998. p. 50-50.

18.
RODRIGUES, C. . Lugares dos Mortos na Cidade dos Vivos: tradições e transformações fúnebres na Corte. In: I Encontro Nacional de Pós-Graduandos em História, 1995, Niterói/RJ. Caderno de Resumo. Niterói/RJ: Programa de Pós-Graduação em História - Universidade Federal Fluminense, 1995. p. 55-56.

19.
RODRIGUES, C. . Funerais sincréticos: práticas fúnebres na sociedade escravista. In: XVIII Simpósio Nacional de História da ANPUH: HISTÓRIA E IDENTIDADES, 1995, Recife. História e Identidades: caderno de resumos, 1995. p. 37-37.

Apresentações de Trabalho
1.
RODRIGUES, C. ; CORDEIRO, G. C. . Sepulturas, estrangeiros e alteridade no Brasil do século XIX a partir dos relatos de Robert Walsh. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
RODRIGUES, C. . Dimensões do Catolicismo na América Portuguesa: o clero de cor e a prática testamentária no Rio de Janeiro. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
RODRIGUES, C. . Os testamentos setecentistas do Rio de Janeiro enquanto fontes para uma História da morte. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
RODRIGUES, C. . Historiografia da morte no Brasil: trejetórias, caminhos e desafios. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
RODRIGUES, C. . As religiões e a experiência da morte. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
RODRIGUES, C. . O avesso da paisagem fúnebre no Rio de Janeiro escravista até 1850. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
RODRIGUES, C. . O sentido soteriológico da prática testamentária na vivência da morte no Brasil colonial. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
RODRIGUES, C. . Regalismo ou Secularização? Significados das reformas pombalinas no mundo luso-brasileiro. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
RODRIGUES, C. . Cores dos mortos & Cores do morrer no Rio de Janeiro setecentista a partir de registros pariquiais de óbito. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
RODRIGUES, C. . Lugares dos Mortos na Cristandade Ocidental. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
RODRIGUES, C. . Temáticas, fontes e metodologias para um olhar sobre a morte na sociedade brasileira de outrora. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
RODRIGUES, C. . Potencialidades dos acervos eclesiásticos de Cantagalo para o estudo da história da região no período escravista. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
RODRIGUES, C. . O impacto das leis testamentárias sobre a economia da salvação no Rio de Janeiro colonial. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
RODRIGUES, C. . Campo santo? Cemitério público? Cemitperios secularizado? A natureza dos cemitérios públicos oitocentistas no Brasil como uma questão. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
RODRIGUES, C. . Os sufrágios e a economia da salvação em contexto de mudanças na América portuguesa (Rio de Janeiro-século XVIII). 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
RODRIGUES, C. . Religião, Estado e Secularização no Brasil Oitocentista. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
RODRIGUES, C. . Secularização da morte. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
RODRIGUES, C. . A morte como estratégia de cristianização no Ocidente medieval. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
RODRIGUES, C. . O passado e o presente das atitudes e sensibilidades diante da morte no Brasil. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
RODRIGUES, C. . La secularización de la morte en Río de Janeiro: câmbios y continuidades. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

21.
RODRIGUES, C. . A secularização da morte como parte das transformações político-culturais no Rio de Janeiro Oitocentista. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
RODRIGUES, C. . La transformación de la práctica testamentaria en Rio de Janeiro colonial (1750-1822). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
RODRIGUES, C. . Intervindo sobre a morte para melhor regular a vida: a transformação da legislação testamentária no governo pombalino na década de 1760. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
RODRIGUES, C. . Sepulturas e enterramientos de protestantes como una cuestión de ciudadanía en la crisis del Imperio brasileño (1869-1889). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
RODRIGUES, C. . Morte e secularização na crise do Império brasileiro (Rio de Janeiro, décadas de 1860 a 1880). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
RODRIGUES, C. . Muerte, cristiandad y secularización: un análisis conceptual sobre los procesos de transformación de las actitudes ante la muerte del siglo XIX, en Río de Janeiro. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
RODRIGUES, C. . Analisando a história da Cristandade no Brasil colonial e imperial a partir de uma história da morte: teoria e metodologia. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
RODRIGUES, C. . Morte, Catolicismo e Africanidade na cidade do Rio de Janeiro Setecentista. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

29.
RODRIGUES, C. . A transição das concepções sagradas acerca da doença e da cura no Rio de Janeiro do século XIX. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
RODRIGUES, C. . Os africanos e as apropriações das representações católicas sobre a morte no Rio de Janeiro colonial. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

31.
RODRIGUES, C. . A secularização da morte no Brasil Oitocentista. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

32.
RODRIGUES, C. . Política e religião no Império a partir da análise de um documento do Conselho de Estado. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

33.
RODRIGUES, C. . As leis testamentárias de 1765 e 1769 no contexto das "reformas pombalinas" no mundo luso-brasileiro. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

34.
RODRIGUES, C. . Os cemitérios como uma questão de religião e de Estado na crise do Império brasileiro (1869-1889). 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

35.
RODRIGUES, C. . As leis testamentárias da década de 1760 e o pretenso significado secularizante da administração pombalina. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

36.
RODRIGUES, C. . Escravidão e Saúde. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

37.
RODRIGUES, C. . La muerte en Rio de Janeiro en el Siglo XIX. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
RODRIGUES, C. . Fontes e metodologia para uma História da morte no Brasil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

39.
RODRIGUES, C. . Morte e sepultamento como uma questão de cidadania na crise do Império. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

40.
RODRIGUES, C. . Entre a Licenciatura e o Bacharelado: dilemas, dicotomias e perspectivas nos cursos de formação de professores. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
RODRIGUES, C. . Romanização e morte: as ações da Igreja católica em defesa do sepultamento eclesiástico na crise do Império (1869-1889). 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

42.
RODRIGUES, C. . Ambigüidades da formação de professores de História no Brasil (1960-2006). 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

43.
RODRIGUES, C. ; FRANCO, M. C . Notas sobre a presença e a atuação da Igreja católica na antiga Macaé. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

44.
RODRIGUES, C. . As reformas pombalinas e a transformação da prática testamentária no Rio de Janeiro. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

45.
RODRIGUES, C. . A morte como tema de pesquisas. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

46.
RODRIGUES, C. . Cidadania e morte no Oitocentos. As disputas pelo direito de sepultura aos não-católicos na crise do Império (1869-1889). 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

47.
RODRIGUES, C. . Histórico e Perspectivas do Curso de Licenciatura em História das FIC. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

48.
RODRIGUES, C. . História e Estudo do Meio: uma experiência interdisciplinar com alunos de 6ª série do Colégio Pedro II. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

49.
RODRIGUES, C. . Nas fronteiras do além: a secularização da morte no Rio de Janeiro dos séculos XVIII e XIX. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

50.
RODRIGUES, C. . Nas fronteiras do além: o processo de secularização da morte no Rio de Janeiro - séculos XVIII - XIX. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

51.
RODRIGUES, C. . A sociedade colonial brasileira: hierarquia, diversidade e mobilidade. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

52.
RODRIGUES, C. . Testar para Bem Morrer: uma arte em transformação. A transformação do significado da prática testamentária no Rio de Janeiro Oitocentista. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

53.
RODRIGUES, C. . Fontes e metodologia para uma história de Campo Grande no período escravista. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

54.
RODRIGUES, C. . Liberalismo e Catolicismo na crise do Império (1870-1889). 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

55.
RODRIGUES, C. . Olhares estrangeiros sobre a Zona Oeste (século XIX). 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

56.
RODRIGUES, C. . Cemitérios de Pretos Novos e costumes fúnebres no Rio de Janeiro. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

57.
RODRIGUES, C. . Os manuais de Bem Morrer: literatura mortuária e pedagogia da Boa Morte na sociedade colonial. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

58.
RODRIGUES, C. . Fontes e metodologia para uma história das atitudes diante da morte - Rio de Janeiro, século XIX. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

59.
RODRIGUES, C. . Partindo para o Além: concepções cristãs sobre a morte e o post-mortem no Rio de Janeiro Colonial. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

60.
RODRIGUES, C. . O processo de secularização das atitudes diante da morte no Rio de Janeiro oitocentista. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

61.
RODRIGUES, C. . A morte secularizada: transformação das atitudes diante da morte e do post-mortem no Rio de Janeiro, na segunda metade do Oitocentos. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

62.
RODRIGUES, C. . Costumes fúnebres e identidades no Rio de Janeiro escravista. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

63.
RODRIGUES, C. . A atuação das irmandades religiosas diante do estabelecimento dos cemitérios públicos: uma comparação entre Salvador e Rio de Janeiro. 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

64.
RODRIGUES, C. . Aspectos teóricos e metodológicos para uma análise do processo de secularização da morte no Rio de Janeiro oitocentista. 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

65.
RODRIGUES, C. . O uso de fontes seriais no estudo do cotidiano da morte no Rio de Janeiro no século XIX. 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

66.
RODRIGUES, C. . A cidade e a epidemia da morte: a febre amarela e seu impacto sobre os costumes fúnebres no Rio de Janeiro (1849-1850). 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

67.
RODRIGUES, C. . Morrer na Corte: lugares dos mortos no Rio de Janeiro, século XIX. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

68.
RODRIGUES, C. . Funerais sincréticos: práticas fúnebres no Brasil escravista. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

69.
RODRIGUES, C. . Lugares dos mortos na cidade dos vivos: tradições e transformações fúnebres na Corte. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

70.
RODRIGUES, C. . Igreja e associações religiosas na resistência às transformações fúnebres na Corte. 1994. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

71.
RODRIGUES, C. . Entre o axexe e a extrema-unção: a morte dos negros em Campos dos Goitacazes, séculos XVIII e XIX. 1994. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
RODRIGUES, C. ; HERRERA, L. . Apresentação. Niterói, 2010. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

2.
RODRIGUES, C. ; HERRERA, L. . Presentación. Niterói, 2010. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

3.
RODRIGUES, C. . The Reaper's Garden: death and power in the world of Atlantic slavery - Book Rewiew. University of Essex: Journal of Latin American & Caribbean Anthropology -, 2009 (Resenha (DOI: 10.1111/j.1935-4940.2009.01045_24.x)).

4.
RODRIGUES, C. . Manoel Vieira da Silva. Rio de Janeiro: Objetiva, 2008 (Verbete).

5.
RODRIGUES, C. . Nas fronteiras do além: o processo de secularização da morte no Rio de Janeiro (séculos XVIII e XIX). Niterói: EDUFF, 2002 (Tese de Doutorado).

6.
RODRIGUES, C. . Lugares dos mortos na cidade dos vivos: tradições e transformações fúnebres na Corte. Niterói: EDUFF, 1995 (Dissertação de Mestrado).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
RODRIGUES, C. . Consultoria para reportagem jornalística da TVE - Rede Brasil sobre os cemitérios de escravos no Rio de Janeiro, por ocasião das comemorações do dia 13 de maio. 2005.

2.
RODRIGUES, C. . Consultoria para a produção do programa (n 72/2005) da TV Campus Universitário/UERJ sobre as mudanças nos costumes fúnebres no Brasil com a criação dos cemitérios extramuros. 2005.

3.
RODRIGUES, C. . Consultoria para asuntos relativos à História da Escravidão Urbana no Rio de Janeiro (século XIX), relativa ao início dos trabalhos no sítio arqueológico CEMITÉRIO DOS PRETOS NOVOS (Gamboa/RJ), como parte das atividades do MÊS DA CONSCIÊNCIA NEGRA, organizadas pelo Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro. 2001.

Trabalhos técnicos
1.
RODRIGUES, C. . Parecer 'ad hoc' para a Revista VARIA HISTORIA. 2014.

2.
RODRIGUES, C. . Parecer 'ad hoc' para a REVISTA CONFLUÊNCIAS CULTURAIS. 2013.

3.
RODRIGUES, C. . Parecer 'ad hoc' para a Revista EM TEMPO DE HISTÓRIAS. 2013.

4.
RODRIGUES, C. . Parecer 'ad hoc' para a REVISTA ALMANACK. 2013.

5.
RODRIGUES, C. . Parecer 'ad hoc' para a Revista AFRO-ASIA. 2013.

6.
RODRIGUES, C. . Parecer "ad hoc" para a Revista TOPOI. 2012.

7.
RODRIGUES, C. . Parecer 'Ad hoc' para a Revista CIENCIAS SOCIALES Y RELIGIÓN/CIÊNCIAS SOCIAIS E RELIGIÃO. 2012.

8.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc para Revista HISTÓRIA, CIÊNCIAS, SAÚDE - MANGUINHOS. 2011.

9.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc a REVISTA BRASILEIRA DE HISTÓRIA. 2010.

10.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc a REVISTA DIÁLOGOS. 2009.

11.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc a REVISTA HISTÓRIA UNISINOS. 2009.

12.
RODRIGUES, C. ; GANDRA, E. A. . Relatório Técnico de Avaliação das Condições de Ensino do Curso de História das Faculdades Integradas Maria Imaculada para o INEP/SINAES. 2008.

13.
RODRIGUES, C. ; VENANCIO, G. M. . Relatório Técnico de Avaliação das Condições de Ensino do Curso de História da Faculdade J. Simões Ensino Superior para o INEP/SINAES. 2008.

14.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc a REVISTA DE HISTÓRIA REGIONAL. 2008.

15.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc a REVISTA TOPOI/UFRJ. 2005.

16.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc a REVISTA HISTÓRIA SOCIAL: revista da pós-graduação em história - Unicamp. 2004.

17.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc a HISTÓRIA, CIÊNCIA, SAÚDE - MANGUINHOS, publicação da Casa de Oswaldo Cruz, unidade da Fundação Oswaldo Cruz/FIOCRUZ. 2002.

18.
RODRIGUES, C. . Parecer ad hoc a HISTÓRIA, CIÊNCIAS, SAÚDE - MANGUINHOS: publicação da Casa de Oswaldo Cruz, unidade da Fundação Oswaldo Cruz/FIOCRUZ. 2000.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
RODRIGUES, C. . CONEXÃO FUTURA/Canal Futura - A realidade da morte, 02/11/2011, http://www.conexaofutura.org.br/videos-do-conexao/morte. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
RODRIGUES, C. . Telejornal NOTÍCIAS DO RIO/TVE - Cemitérios de escravos no Rio de Janeiro. 2005. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
RODRIGUES, C. . TV CAMPUS UNIVERSITÁRIO/UERJ (programa 72/2005) - As mudanças nos costumes fúnebres no Brasil com a criação dos cemitérios extramuros. 2005. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
RODRIGUES, C. . SÉRIE UNIDIVERSIDADE/Canal Saúde - Direito de Morrer. 2005. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).


Demais tipos de produção técnica
1.
RODRIGUES, C. . O súbito de Tânato: imaginário e representações da morte na História. 2013. (Coordenação de Simpósio Temático).

2.
RODRIGUES, C. ; LOPES, Fabio Henrique . Coordenação do Simpósio Temático 027: Imagens da Morte: a morte e o morrer no mundo Iberoamericano. 2012. (Coordenação de Simpósio Temático).

3.
RODRIGUES, C. ; JIMENEZ, M. D. M. ; ZACCA, I. . Coordenação do Simpósio Temático 791 Imágenes de la muerte y del morir en el mundo Iberoamericano . 2012. (Coordenação de Simpósio Temático).

4.
RODRIGUES, C. ; CARETTA, G. . Coordenação do Simpósio Temático 4: Representações sobre a morte e o morrer na IberoAmérica. 2012. (Coordenação de Simpósio Temático).

5.
RODRIGUES, C. . Coordenação da Sessão Coordenada: Escravidão, Alforrias e Mestiçagens em testamentos coloniais. 2012. (Coordenação de Sessão de Comunicação Coordenada).

6.
RODRIGUES, C. ; BORGES, M. E. . Coordenação do Simpósio Temático 082: Imagens da Morte; a morte e o morrer na sociedade brasileira. 2011. (Coordenação de Simpósio Temático).

7.
RODRIGUES, C. ; ENGEMANN, C. . Anais Eletrônicos do IV Congresso Latino-americano de Ciências Sociais e Humanidades: Imagens da Morte. 2010. (Editoração/Anais).

8.
RODRIGUES, C. ; ENGEMANN, C. . Caderno de Programação e Resumos do IV Congresso Latino-americano de Ciências Sociais e Humanidades: Imagens da Morte. 2010. (Editoração/Catálogo).

9.
RODRIGUES, C. ; AMANTINO, M. ; PORTO, W. . Escravidão e sociedade brasileira. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

10.
RODRIGUES, C. . História do Brasil/ Disciplina: Formas de trabalho no Brasil colonial. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

11.
RODRIGUES, C. ; AMANTINO, M. ; FRANCO, M. C. V. . Caderno de Programação e resumos do I Encontro Macaé em Fontes Primárias: escravidão, cultura e sociedade. 2007. (Editoração/Catálogo).

12.
RODRIGUES, C. ; NASCIMENTO, P. R. R. ; FRANCO, M. C. V. . Aspectos do papel da Igreja católica no Brasil escravista. 2007. (Coordenação de Sessão de Comunicação Coordenada).

13.
RODRIGUES, C. . Grupo de Trabalho: História, morte e escravidão. 2005. (Coordenação de Grupo de Trabalho).

14.
RODRIGUES, C. . Sesmaria: Revista do Núcleo de Estudos Históricos e Pesquisas Sociais. 2001. (Editoração/Periódico).

15.
RODRIGUES, C. . Praia Grande: cadernos de História do Programa de Pós-Graduação em História da UFF. 1998. (Editoração/Periódico).

16.
FARIA, Sheila de Castro ; RODRIGUES, C. ; BRUGGER, S. . Forros e seus descendentes: movimento, autonomia e casamento. 1993. (Relatório de pesquisa).

17.
RODRIGUES, C. . Mães forras, anjinhos de cor: mortalidade infantil entre filhos de libertos em Campos dos Goitacases no período colonial. 1992. (Relatório de pesquisa).

18.
FARIA, Sheila de Castro ; RODRIGUES, C. ; BRUGGER, S. . Morrer escravo. Africanidade e catolicismo: uma questão polêmica. 1992. (Relatório de pesquisa).

19.
RODRIGUES, C. . Partindo para o além: a morte e os mortos em Campos de Goitacases no período escravista. 1991. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
SOUZA, E. S.; RODRIGUES, C.; RAGGI, G.. Participação em banca de Luciana Onety da Gama Sobral. A morte como escola: a presença da pedagogia de bem morrer na cidade da Bahia (ca. 1640-1759). 2014. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em História) - Universidade Federal da Bahia.

2.
SILVA, E. M.; RODRIGUES, C.; MARZON, I. A.. Participação em banca de João Paulo Berto. Liturgias da Boa Morte e do Bem MOrrer: práticas e representações fúnebres na Campinas oitocentista (1760-1880). 2014. Dissertação (Mestrado em Pós-doutorado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

3.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, A. J. M.; FERREIRA, R. G.. Participação em banca de MILRA NASCIMENTO BRAVO. As hierarquias na morte: uma análise dos ritos fúnebres católicos no Rio de Janeiro (1720-1808). 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

4.
OLIVEIRA, A. J. M. de (orientador); RODRIGUES, C.; WANDERLEY, M. R.. Participação em banca de Elisabete da Silva Vasconcellos. "Extranjeros y vecinos": portugueses e vivências do catolicismo na Nova Espanha (1600-1630). 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

5.
GONCALVEZ, M. A.; RODRIGUES, C.; FERREIRA, R. G.. Participação em banca de Natália Coelho Gonçalves. A morte e o falecer católico na Freguesia de Santa Anna de Itacuruçá (1828-1890). 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

6.
ALMEIDA, M. R. C.; RODRIGUES, C.; VIANA, L.. Participação em banca de Luís Rafael Araújo Corrêa. A aplicação da política indigenista pombalina nas antigas aldeias do Rio de Janeiro: dinâmicas locais sob o Diretório dos Índios (1758-1818). 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pos-Graduação em História) - Universidade Federal Fluminense.

7.
LEANDRO, J. A.; RODRIGUES, C.; CERVI, E. U.. Participação em banca de Maristela Carneiro. Construções tumulares e representações de alteridade: materialidade e simbolismo no Cemitério Municipal São José, Ponta Grossa/PR/BR, 1881-2011. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas) - Universidade Estadual de Ponta Grossa.

8.
QUEIROZ, T. J. M.; BRANCO, P. V. C.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Nercinda Pessoa da Silva Brito. O experenciar da morte: comportamento frente à finitude em Teresina de 1900 a 1930. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em História do Brasil) - Universidade Federal do Piauí.

9.
LIMA, D.; MAFRA, C.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Juliana Brandes da Rocha. A desconstrução da morte: uma análise da visão espírita. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Sociologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

10.
Grinberg, K.; ALMEIDA, M. R. C.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Bárbara Helena de Araújo Guimarães Sanches Bento. NOssa Senhora da Guia de Mangaratiba: conflito de identidades em terras de índios. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

11.
SANCHES, Marcos.; MARTINS, W. S.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Rodrigo de Sá Netto. Formulações sobre o controle da força de trabalho escrava no Brasil colonial: do suplício à disciplina. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

12.
RODRIGUES, C.; COSTA, M. T.; OLIVEIRA, Anderson J.M de.. Participação em banca de Heraldo Costa. A criação de cemitérios ingleses no Brasil colonial (Rio de Janeiro, 1810-1811). 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Salgado de Oliveira.

13.
KNAUSS, P.; PRIORE, M.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Maria da Conceição Vilela Franco. A morte conta a vida: sentenciamento, assassinatos e sepulturas como elementos de construção da memória macaense (1855-1910). 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Salgado de Oliveira.

14.
BARATA, Alexandre Mansur (Orientador); RODRIGUES, C.; BARBOSA, S. M.. Participação em banca de Fernanda Maria Matos da Costa. A morte e o morrer em Juiz de Fora: transformações nos costumes fúnebres, 1851-1890. 2007. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

15.
RODRIGUES, C.; FLORENTINO, Manolo; CARVALHO, José Murilo de. (orientador). Participação em banca de Júlio César Medeiros da Silva Pereira. À flor da terra: o Cemitério dos Pretos Novos no Rio de Janeiro. 2006. Dissertação (Mestrado em História) - Programa de Pós-Graduação em História Social (UFRJ).

16.
RODRIGUES, C.; BRETAS, Marcos; GOMES, F. J. S.. Participação em banca de Consuelo de Azevedo Carvalho. No silêncio dos túmulos: fim dos enterros nas igrejas e construção do Cemitério Geral na vila de São João del Rei (1820-1858). 2005. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Teses de doutorado
1.
SILVA, M. R. N. da; RODRIGUES, C.; GONÇALVES, M. A; SANCHES, M. G.; SHEINVAR, E.. Participação em banca de Luciano Rocha Pinto. Câmada Municipal: uma sociedade de discurso na cidade-corte do Império do Brasil (1828-1834). 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
FLECK, E. C. D.; RODRIGUES, C.; NASCIMENTO, Mara Regina; RAMOS, E. H. Capovilla da L.; MOREIRA, Paulo Roberto Staudt. Participação em banca de Mauro Dillmann Tavares. Morte e práticas fúnebres na secularizada República: a Irmandade e o Cemitério de São Miguel e Almas de Porto Alegre na primeira metade do século XX. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

3.
RODRIGUES, C.; BORGES, Maria Elizia (orientadora); MACEDO, M. K.; GONCALVES, A. T. M.; SILVA, M. da C.. Participação em banca de Alcinéia Rodrigues dos Santos. O processo de dessacralização da morte e a instalação de cemitérios no Seridó, séculos XIX e XX. 2011. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Goiás.

4.
KURY, L. B. (orientadora); FIGUEIREDO, B. G.; RODRIGUES, C.; FLEXOR, K. K.; PIMENTA, T. S.. Participação em banca de Silvio Cezar de Souza Lima. O corpo escravo como objeto das práticas médicas no Rio de Janeiro (1830-1850). 2011. Tese (Doutorado em PPGH em História das Ciênicas e da Saúde) - Fundação Oswaldo Cruz.

5.
BORGES, C. A. R. M.; BERKENBROCK, V. J.; JÚNIOR, R. D.; RODRIGUES, C.; MARTINS, W. S.. Participação em banca de Adriana Sampaio Evangelista. Pela salvação de minha alma: vivência da fé e vida cotidiana entre os irmãos terceiros em Minas Gerais - séculos XVIII e XIX. 2010. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciência da Religião) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

6.
VILLALTA, L. C. (orientador); RODRIGUES, C.; SOUZA, L. de M. e; FURTADO, J. P.; FARIA, L. M. de; FERNANDES, R. A.. Participação em banca de Christianni Cardoso Morais. Posse e usos da cultura escrita e difusão da escola: de Portugal ao Ultramar, Vila e Termo de São João Del-Rei, Minas Gerais (1750-1850). 2009. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
BERKENBROCK, V. J. (orientador); JÚNIOR, R. D.; BORGES, C. A. R. M.; SILVA, J. J. M.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Paulo Sérgio Quiossa. O morrer católico no viver de Juiz de Fora: 1850-1950. 2009. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciência da Religião) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

8.
MACEDO, J. R. (Orientador); RODRIGUES, C.; MOREIRA, Paulo Roberto Staudt; KUHN, Fábio; XAVIER, Regina Célia Lima. Participação em banca de Mara Regina do Nascimento. Irmandades Leigas em Porto Alegre: práticas funerárias e experiência urbana (séculos XVIII e XIX). 2006. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Qualificações de Doutorado
1.
FLECK, E. C. D.; MOREIRA, Paulo Roberto Staudt; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Mauro Dillmann Tavares. A Irmandade e o Cemitério São Miguel e Almas em Porto Alegre, século XX. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

2.
BORGES, Maria Elizia (orientadora); RODRIGUES, C.; MORAES, C. C. P.. Participação em banca de Deuzair José da Silva. A (re)invenção da vida: lugares, ritos e secularização da morte em Goiás (séculos XIX-XX). 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Goiás.

Qualificações de Mestrado
1.
SANTOS, B. C. C; RODRIGUES, C.; MARTINS, W. S.. Participação em banca de Anne elise Reis da Paixão. "´Bandas d´além": as práticas fúnebres nas paróquias de São Gonçalo e São Sebastião de Itaipu no século XVIII". 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação em História - PPGHIS) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
FERREIRA, R. G.; MATHIAS, C. L. K.; SOARES, M. S.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de MOISÉS PEIXOTO SOARES. Mulheres escravas e dinâmica social (Piedade de Iguaçu e Santo Antonio de Jacutinga, Rio de Janeiro, 1780-1840). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

3.
RODRIGUES, C.; LOPES, Fabio Henrique; ALMEIDA, M.. Participação em banca de MONIQUE LEONE CUNHA VIDAL. Os médicos e a cremação de cadáveres na crise do Império (1876-1889). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

4.
RODRIGUES, C.; FRANCA, J. M. C.; VAILATI, L. L.. Participação em banca de GABRIEL CAVALCANTE CORDEIRO. Caixões esplêndidos, costume abominável: identidade e alteridade estrangeira perante a morte no Brasil (1808-1868). 2014 - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

5.
RODRIGUES, C.; CAMPOS, A. A.; OLIVEIRA, A. J. M.. Participação em banca de VITOR CABRAL BRAGA. A gestão da morte no Recôncavo da Guanabara/RJ, entre 1700 e 1809. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

6.
GONCALVEZ, M. A.; RODRIGUES, C.; GANDELMAN, L. M.. Participação em banca de AGUIOMAR RODRIGUES BRUNO. A irmandade do Santíssimo Sacramento e as elites na vila de Piraí: o papel dos funerais na ostentação do poder - um estudo de caso das irmandades no Vale do Paraíba Fluminense. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

7.
RODRIGUES, C.; BASILE, M. O. N. C.; SANTIROCCHI, I.. Participação em banca de Pedro Henrique Cavalcante de Medeiros. A imprensa protestante e o discurso político no Brasil imperial (1868-1873). 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

8.
OLIVEIRA, Anderson J.M de.; WANDERLEY, M. R.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Elisabete da Silva Vasconcellos. Catolicismo de estrangeiros portugueses, vecindario e inquisição novo-hispânica QUALIFICAÇÃO DE MESTRADO. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

9.
GONCALVEZ, M. A.; FERREIRA, R. G.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Natália Coelho Conçalves. A prática do "Bem Morrer" em Itacuruçá (1828-1875). 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

10.
RODRIGUES, C.; JÚNIOR, Paulo Cavalcante de Oliveira; SANCHES, Marcos.. Participação em banca de Thalita de Moura Santos Maia. Terras e poderes: as redes de solidariedade que cercam os domínios territoriais da Câmara do Rio de Janeiro entre 1700 e 1763. QUALIFICAÇÃO DE MESTRADO. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

11.
RODRIGUES, C.; Grinberg, K.; ALMEIDA, M. R. C.. Participação em banca de Bárbara Helena de Araújo Guimarães Sanches. Nossa Senhora da Guia de Mangaratiba: conflitos de identidades em terras de índios. QUALIFICAÇÃO DE MESTRADO. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

12.
ALMEIDA, M. R. C.; RODRIGUES, C.; GARCIA, E. F.. Participação em banca de Luís Rafael Araújo Corrêa. A aplicação da política indigenista pombalina nas antigas aldeias do Rio de Janeiro: dinâmicas locais sob o Diretório dos Índios (1758-1818) - QUALIFICAÇÃO DE MESTRADO. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pos-Graduação em História) - Universidade Federal Fluminense.

13.
OLIVEIRA JUNIOR, C. R.; CERVI, E. U.; SILVA, E. A.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Maristela Carneiro. Construções tumulares e representações de alteridade: materialidade e simbolismo no Cemitério Municipal de São José, Ponta Grossa, PR, 1881-2011 - QUALIFICAÇÃO DE MESTRADO. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas) - Universidade Estadual de Ponta Grossa.

14.
RODRIGUES, C.; COSTA, M. T.; OLIVEIRA, A. J. M.. Participação em banca de Heraldo Costa. Licença para morrer: o cemitério dos ingleses do Rio de Janeiro (1810-1889). 2009. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em História) - Universidade Salgado de Oliveira.

15.
RODRIGUES, C.; KNAUSS, P.; PRIORE, M.. Participação em banca de Maria da Conceição Vilela Franco. A morte conta a vida: os cemitérios como lugar de memória na antiga Macaé (1798-1910). 2008. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em História) - Universidade Salgado de Oliveira.

16.
BARATA, Alexandre Mansur (Orientador); RODRIGUES, C.; BARBOSA, S. M.. Participação em banca de Fernanda Maria Matos da Costa. Secularização e Modernidade: Cemitério Público de Juiz de Fora (1850-1890). 2006. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

17.
RODRIGUES, C.; GOMES, F. J. S.; CARVALHO, José Murilo de.. Participação em banca de Júlio César Medeiros da S. Pereira. Os pretos novos: morte e sepultamento de escravos africanos recém-chegados da África, no Rio de Janeiro do século XIX. 2005. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

18.
GOMES, F. J. S.; BRETAS, Marcos; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Consuelo de Azevedo Carvalho. No silêncio dos túmulos: fim dos enterros nas igrejas e construção do Cemitério Geral na vila de São João del Rei (1820-1858)/ EXAME DE QUALIFICAÇÃO. 2004. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

19.
RODRIGUES, C.; FARIA, Sheila de Castro; NEVES, Guilherme Pereira. Participação em banca de Guilherme Decarlo Ferreira. Hábitos e costumes da terra: cultura material e sociedade escravista (século XVIII). EXAME DE QUALIFICAÇÃO. 2004. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pos-Graduação em História) - Universidade Federal Fluminense.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
RODRIGUES, C.; VASCONCELOS, M.; OLIVEIRA, A. J. M. de (Orientador). Participação em banca de Alessandra Regis Ferreira. Relações familiares e constituição da elite campograndense no período colonial. 2007. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Brasil) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses.

2.
RODRIGUES, C.; VASCONCELOS, M.; OLIVEIRA, A. J. M. de (Orientador). Participação em banca de Solange Maria Lourenço de Souza. Mulheres e patriarcalismo no Brasil colonial. 2007. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em HIstória do Brasil) - Faculdades Integradas Campograndenses.

3.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, Anderson J.M de.; OLIVEIRA, Ricardo de. Participação em banca de Leila de Barros Alves. Uma experiência em educação: Jesuítas e índios nos séculos XVI e XVII. 2006. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Centro de Estudos, Pós-Graduação e Pesquisa/CEPOPE) - Faculdade de Filosofia de Campo Grande/FEUC-RJ.

4.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, Anderson J.M de.; OLIVEIRA, Ricardo de. Participação em banca de Viviane Rodrigues Miranda. O Marquês de Pombal e a Expulsão dos Jesuítas. 2006. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Centro de Estudos, Pós-Graduação e Pesquisa/CEPOPE) - Faculdade de Filosofia de Campo Grande/FEUC-RJ.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, A. J. M.; FRANCO, M. C. V.. Participação em banca de Sandrianne Diniz Marchito Gripp.O PROTESTANTISMO BATISTA E SUA EXPANSÃO PELA REGIÃO SERRANA DO RIO DE JANEIRO ENTRE FINS DO SÉCULO XIX E INÍCIO DO XX. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

2.
RODRIGUES, C.; FERREIRA, C. A. P.; FRANCO, M. C. V.. Participação em banca de MATEUS BARRADAS TEIXEIRA.Conflitos em torno da instalação dos protestantes luteranos no Brasil do século XIX: o caso de Nova Friburgo (1824-1864l. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História - EAD) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

3.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, A. J. M.; SIQUEIRA, M. I.. Participação em banca de ARYANNE FAUSTINA DA SILVA.Tudo para uma "boa morte": o "fazer" testamentário no Rio de Janeiro colonial (1750-1822. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

4.
RODRIGUES, C.; THIESEN, I.; SIQUEIRA, M. I.. Participação em banca de BÁRBARA ALVES BENEVIDES.Os caminhos que levam à forca: rituais da execução da Pena de Morte na cidade do Rio de Janeiro colonial (1750-1822). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

5.
OLIVEIRA, A. J. M. de (orientador); RODRIGUES, C.. Participação em banca de Marcos Moreira Marques.Adolfo Bezerra de Menezes, o Reformador e a afirmação do espiritismo como religião. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História - EAD) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

6.
RODRIGUES, C.; MUAZE, M. F.. Participação em banca de Altino José Benício de Almeida.A inserção do protestantismo na região serrana fluminense: um estudo de caso. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História - EAD) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

7.
RODRIGUES, C.; MUAZE, M. F.; OLIVEIRA, A. J. M.. Participação em banca de Isabela Bittencourt de Abreu.Metodismo X Catolicismo: os primeiros missionários americanos no Rio de Janeiro (1836-1841). 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura e Bacharelado em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

8.
OLIVEIRA, A. J. M.; RODRIGUES, C.; SANCHES, Marcos.. Participação em banca de Alice Rocha Gomes dos Santos.Clero de cor, estratégias e mobilidade social, Centro Sul da América portuguesa, 1766-1797. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura e Bacharelado em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

9.
OLIVEIRA, A. J. M. de (Orientador); RODRIGUES, C.; Grinberg, K.. Participação em banca de Fernanda Vinagre Ferreira.Estigmas de Fé: catolicismo e classificações de negros e de cristãos-novos na América Portuguesa (século XVIII). 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura e Bacharelado em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

10.
FERREIRA, R. G.; RODRIGUES, C.; NASCIMENTO, A. P.. Participação em banca de Ana Paula de Souza Rodrigues.O bem morrer no Recôncavo da Guanabara: um olhar sobre a freguesia de Piedade do Iguaçu. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

11.
OLIVEIRA, A. J. M. de (orientador); RODRIGUES, C.; BENDELACK, Oswaldo. Participação em banca de Nely de Gouvêa Castello Branco.O ensino de História da África: perspectivas e desafios. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Educacional Unificada Campograndense.

12.
OLIVEIRA, A. J. M. de (Orientador); RODRIGUES, C.; VASCONCELOS, M.. Participação em banca de Renata Pereira.Comércio de aguardente e rebelião no Rio de Janeiro: século XVII. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Educacional Unificada Campograndense.

13.
OLIVEIRA, A. J. M.; RODRIGUES, C.; BENDELACK, Oswaldo. Participação em banca de Alexandre Santiago Coelho de Oliveira.O movimento de Canudos (1896-1897): religiosidade e protesto social. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses.

14.
OLIVEIRA, A. J. M.; RODRIGUES, C.; ZAMPA, V.. Participação em banca de Glaucilene Vianna Eccard da Paixão Gomes.A mulher na sociedade colonial. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses.

15.
OLIVEIRA, R. C.; ZAMPA, V.; RODRIGUES, C.. Participação em banca de Glória Cristina Garcia Gueto.A Reforma Pereira Passos e a política sanitária na Primeira República (1902-1906). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses.

16.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, A. J. M.; BENDELACK, Oswaldo. Participação em banca de Joelma Dias Ernesto.A Revolta da Vacina. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses.

17.
RODRIGUES, C.; BENDELACK, Oswaldo; OLIVEIRA, A. J. M.. Participação em banca de Willian Lanes Ferreira.O Oitocentos e a crise do escravismo. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses.

18.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, Anderson J.M de.; OLIVEIRA, Ricardo de. Participação em banca de Juarez Gomes da Silva.Cristianismo e Império Romano: a transformação da identidade cristã nos séculos III e IV. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Faculdade de Filosofia de Campo Grande/FEUC-RJ.

19.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, A. J. M.; OLIVEIRA, Ricardo de. Participação em banca de Beatriz de Oliveira Martins.A palavra e a espada: as crônicas de Lima Barreto como denunciadoras do drama social no Rio de Janeiro da Velha República. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Educacional Unificada Campograndense.

20.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, Ricardo de; OLIVEIRA, A. J. M.. Participação em banca de Elanny Suely Lobato Brabo."A arte de criar bem os filhos": o problema da civilidade pueril e da normatização da infância no Pe. Alexandre de Gusmão. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Educacional Unificada Campograndense.

21.
RODRIGUES, C.; BENDELACK, Oswaldo; OLIVEIRA, A. J. M.. Participação em banca de Gilmar Freira Silva.Violência Urbana no Riuo de Janeiro: as vítimas da Regeneração (1902-1906). 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Educacional Unificada Campograndense.

22.
RODRIGUES, C.; OLIVEIRA, A. J. M.; OLIVEIRA, Ricardo de. Participação em banca de Maria Risonete Barreto da Silva Maranhão.As águas das "terras de Iguaçu": vias do expansionismo fluminense. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Educacional Unificada Campograndense.

23.
RODRIGUES, C.; MALAFAIA, Wolney Viana; BENDELACK, Oswaldo. Participação em banca de Lúcia Sayuri Yokoyama.Condições do trabalho imigrante nas lavouras cafeeiras do Oeste Paulista entre 1850-1870. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Fundação Educacional Unificada Campograndense.

24.
RODRIGUES, C.; JÚNIOR, Paulo Cavalcante de Oliveira; WANDERLEY, Sônia. Participação em banca de Carla Silva Machado de Melo.As representações sobre o negro na telenovela brasileira. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Graduação em História) - Universidade Gama Filho.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
RODRIGUES, C.; MAGALHAES, M.; MUAZE, M.; TURIM, R.; OLIVEIRA, G.. Seleção Pública de bolsista do CEDERJ para Coordenação de Tutor Presencial no Curso de História EAD-UNIRIO. 2013. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

2.
GRALHA, J. C. M.; PINTO, F. M.; RODRIGUES, C.. Banca de Seleção Pública Simplificada para Professor Temporário de História Medieval. 2011. Universidade Federal Fluminense/Pólo Universitário de Campos dos Goitacazes.

3.
RODRIGUES, C.. Vestibular UNIRIO/ENCE (como Supervisora). 2001. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

4.
RODRIGUES, C.. Vestibular UNIRIO/ENCE (como avaliadora). 2000. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

5.
RODRIGUES, C.. Vestibular UNIRIO/ENCE (como avaliadora). 1999. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

Avaliação de cursos
1.
RODRIGUES, C.; GANDRA, E. A.. Avaliação "in loco" das condições do curso. 2008. Faculdades Integradas Maria Imaculada/SP.

2.
VENANCIO, G. M.; RODRIGUES, C.. Avaliação "in loco" das condições do curso. 2008. Faculdade J. Simões Ensino Superior/Faculdade Batista de Vitória.

Outras participações
1.
RODRIGUES, C.; MUAZE, M. F.; MAGALHAES, M. S.. Seleção Pública de bolsista do CEDERJ para Coordenação de Disciplina e Conteudista no Curso de História EAD-UNIRIO. 2013. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

2.
RODRIGUES, C.. Membro da Comissão Externa de Avaliação do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica da Universidade Gama Filho. 2013. Universidade Gama Filho.

3.
RODRIGUES, C.; LEIRA, P. A; SIQUEIRA, M. I.. Membro da Comissão de Recursos no Processo Seletivo 2013 para o Doutorado no PPGH-UNIRIO. 2013. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

4.
RODRIGUES, C.; MUAZE, M. F.. Processo Seletivo Docente para Professor-Tutor Presencial das disciplinas de História Moderna II e Contemporânea. 2012. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.

5.
RODRIGUES, C.; SANTOS, C. R. A.. Processo Seletivo Docente para Professor-Tutor a Distância da disciplina História Moderna II - EAD UNIRIO. 2010. Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

6.
RODRIGUES, C.; COSTA, M. T.; SOUSA, J. P. de.. Banca de seleção para o Mestrado em História da UNIVERSO 2009.1. 2009. Universidade Salgado de Oliveira.

7.
RODRIGUES, C.; ENGEMANN, C.; SOUSA, J. P. de.. Banca de seleção para o Mestrado em História da UNIVERSO 2010.1. 2009. Universidade Salgado de Oliveira.

8.
AMANTINO, M.; CALACA, C. E.; RODRIGUES, C.. Banca de Seleção para o Mestrado em História da UNIVERSO 2008. 2008. Universidade Salgado de Oliveira.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
XVII Simpósio Nacional de História.Os testamentos setecentistas do Rio de Janeiro enquanto fontes para uma História da morte. 2013. (Simpósio).

2.
VI Encontro Nacional da Associação de Estudos Cemiteriais.Sepulturas, estrangeiros e alteridade no Brasil do século XIX a partir dos relatos de Robert Walsh. 2013. (Encontro).

3.
54 Congreso Internacional de Americanistas. Consideraciones acerca de la transformación de la 'economía de salvación' en sociedades Iberoamericanas. 2012. (Congresso).

4.
XV Encontro Regional de História - Rio de Janeiro.Considerações sobre a transformação da ' economia da salvação' em sociedades Ibero-americanas do século XVIII. 2012. (Encontro).

5.
IV Encontro Internacional de História Colonial.Regalismo ou Secularização? Significados das reformas pombalinas no mundo luso-brasileiro. 2012. (Encontro).

6.
IV Encontro do GT Nacional História das Religiões e das Religiosidades - ANPUH.Lugares dos Mortos na Cristandade Ocidental. 2012. (Encontro).

7.
III Colóquio Avesso da Paisagem: representações da morte no ambiente urbano.O avesso da paisagem fúnebre no Rio de Janeiro escravista até 1850. 2012. (Outra).

8.
III Colóquio Internacional de Estudos Medievais - Imagem, Ritual e MOrte nas narrativas medievais & II Encontro de Pós-graduandos da UFF - Projeto CAPES/Cofecub.O sentido soteriológico da prática testamentária na vovência da morte no Brasil colonial. 2012. (Outra).

9.
Colóquio Internacional Cores da Escravidão & Cores da Liberdade: Cor, Raça, Condição e Qualidadecor.Cores dos mortos & Cores do morrer no Rio de Janeiro setecentista a partir de registros paroquiais de óbitos. 2012. (Outra).

10.
Olhares sobre a morte.Temáticas, fontes e metodologias para um olhar sobre a morte na sociedade brasileira de outrora. 2011. (Seminário).

11.
I Seminário Pensa Rio: Arquivos paroquiais e metodologia em história social: América Lusa, séculos XVI a XVIII.Comentadora da Mesa de Debates II. 2011. (Seminário).

12.
IV Seminário de Pós-Graduandos em História Social - História Social: poder e suas dimensões.Instituições Clericais na Idade Moderna: práticas eclesiásticas e suas representações. 2011. (Seminário).

13.
XXVI Simpósio Nacional de História.O impacto das leis testamentárias sobre a economia da salvação no Rio de Janeiro colonial. 2011. (Simpósio).

14.
XII Encuentro Iberoamericano de Valorización y Gestión de Cementerios Patrimoniales/V Encontro da Associação Brasileira de Estudos Cemiteriais-ABEC.Campo Santo? Cemitério Público? Cemitérios Secularizado? A natureza dos cemitérios oitocentistas no Brasil como uma questão. 2011. (Encontro).

15.
VI Jornada de Estudos Históricos do PPGHIS.Comentadora do Grupo de Trabalho RITUAIS E ESCRAVIDÃO - BRASIL, SÉCULO XIX. 2011. (Encontro).

16.
IV Congresso Latino-americano de Ciências Sociais e Humanidades: Imagens da Morte. Os sufrágios e a economia da salvação em contexto de mudanças na América portuguesa (Rio de Janeiro-século XVIII). 2010. (Congresso).

17.
III Seminário de Pós-graduandos em História das Instituições/PPGH-UNIRIO.Mesa-Redonda: Administração colonial: embates jurisdicionais na América Portuguesa. 2010. (Seminário).

18.
Simpósio de Direito Biomédico/Escola Superior de Advocacia da Ordem dos Advogados do Brasil Seção de Minas Gerais.Secularização da morte. 2010. (Simpósio).

19.
IV Simpósio de Política e Cultura: diálogos e interfaces/Universidade Severino Sombra.Simpósio Temático Religião e Relações de Poder. 2010. (Simpósio).

20.
IV Simpósio de Política e Cultura: diálogos e interfaces/Universidade Severino Sombra..A secularização da morte como parte das transformações político-culturais no Rio de Janeiro Oitocentista. 2010. (Simpósio).

21.
II Encontro de Estudos Medievais da Faculdade de Letras/UFRJ: Amor, Vida e Morte.A morte como estratégia de cristianização no Ocidente medieval. 2010. (Encontro).

22.
História no Ponto: Revista de História da Biblioteca Nacional RHBN/Secretaria de Cidadania Cultural do Ministério da Cultura.O passado e o presente das atitudes e sensibilidades diante da morte no Brasil. 2010. (Outra).

23.
Reflexões sobre Religião, Estado e Sociedade.Religião, Estado e Secularização no Brasil Oitocentista. 2010. (Outra).

24.
53o. Congresso Internacional de Americanistas. Sepulturas y enterramientos de protestantes como una cuestión de ciudadanía en la crisis del Imperio brasileño (1869-1889). 2009. (Congresso).

25.
53o. Congreso Internacional de Americanistas. Morte e secularização na crise do Império brasileiro (Rio de Janeiro, décadas de 1860 a 1880). 2009. (Congresso).

26.
XV Jornadas sobre Alternativas Religiosas en América Latina. Morte, Catolicismo e Africanidade. 2009. (Congresso).

27.
III Simpósio Internacional sobre Religiosidades, Diálogos e Hibridações.Intervindo sobre a morte para melhor regular a vida: a transformação da legislação testamentária no governo pombalino da década de 1760. 2009. (Simpósio).

28.
Seminario del Proyecto: Catolicismo y secularización en la primera mitad del siglo XIX.La transformación de la practica testamentaria en Rio de Janeiro colonial (1750-1822). 2009. (Encontro).

29.
IX Congresso Internacional da Brazilian Studies Association (BRASA). Os afriicanos e as apropriações das representações católicas sobre a morte no Rio de Janeiro colonial. 2008. (Congresso).

30.
XII Congresso latinoamericano de religión y etnicidad. A secularização da morte no Brasil Oitocentista. 2008. (Congresso).

31.
II Simposio internacional sobre religiosidad, cultura y poder (II SIRCP).Os cemitérios como uma questão de religião e de Estado na crise do Império brasileiro (1869-1889). 2008. (Simpósio).

32.
V Simpósio de História da UNIVERSO: Nação, Identidade e Território.As leis testamentárias da década de 1760 e o pretenso significado secularizante da administração pombalina. 2008. (Simpósio).

33.
Encontro de História: Fontes históricas: abordagens, narrativas e concepções teóricas.Política e religião no Império a partir da análise de um documento do Conselho de Estado. 2008. (Encontro).

34.
XIII Encontro de História ANPUH-RJ.As leis testamentárias de 1765 e 1769 no contexto das "reformas pombalinas" no mundo luso-brasileiro. 2008. (Encontro).

35.
História e doenças: estudos e perspectivas.A transição das concepções sagradas acerca da doença e da cura no Rio de Janeiro do século XIX. 2008. (Outra).

36.
I Congresso Internacional UFES/Université de Paris-Est (Marne-la-Vallée). As reformas pombalinas e a transformação da prática testamentária no Rio de Janeiro. 2007. (Congresso).

37.
XXIV Simpósio Nacional de História: HISTÓRIA E MULTIDISCIPLINARIDADE: TERRITÓRIOS E DESLOCAMENTOS.Cidadania e morte no Oitocentos. As disputas pelo direito de sepultura aos não-católicos na crise do Império (1869-1889). 2007. (Simpósio).

38.
IX Simpósio Anual da ABHR: RELIGIÕES E RELIGIOSIDADES: ENTRE A TRADIÇÃO E A MODERNIDADE.Romanização e morte: as ações da Igreja católica em defesa do sepultamento eclesiástico na crise do Império (1869-1889). 2007. (Simpósio).

39.
IV Simpósio de História da UNIVERSO São Gonçalo: Fontes, problemas e métodos na investigação histórica.A morte como tema de pesquisas. 2007. (Simpósio).

40.
I Encontro de História da Educação do Estado do Rio de Janeiro.Entre a Licenciatura e o Bacharelado: dilemas, dicotomias e perspectivas nos cursos de formação de professores. 2007. (Encontro).

41.
I Encontro "Macaé em Fontes Primárias: escravidão, sultura e sociedade".Notas sobre a presença e a atuação da Igreja católica na antiga Macaé. 2007. (Encontro).

42.
I Encontro de Ensino de História da UNIVERSO São Gonçalo.Ambigüidades da formação de professores de História no Brasil (1960-2006). 2007. (Encontro).

43.
I Jornada de Estudos Históricos do Programa de Pós-Graduação em História Social.Grupo de Trabalho:. 2005. (Seminário).

44.
HIstória, Cultura e Educação: Desafios, Problemas e Perspectivas.VIII Fórum de Educação, Ciência e Cultura. 2005. (Encontro).

45.
2º Seminário Regional do Centro de Estudos do Oitocentos.Testar para bem morrer: uma arte em transformação. A transformação do significado da prática cestamentária no Rio de Janeiro Oitocentista. 2004. (Seminário).

46.
Oficinas - Aula Brasil. 2004. (Oficina).

47.
XXII Simpósio Nacional de História da ANPUH: HISTÓRIA, ACONTECIMENTO E NARRATIVA.Entre o civil e o eclesiástico: o conflito de jurisdições sobre cemitérios e enterramentos na crise do Império brasileiro. 2003. (Simpósio).

48.
II Mostra de Pesquisa do NEHPS.II Mostra de Pesquisa do NEHPS. 2003. (Outra).

49.
IV Encontro de História da FEUC - HISTÓRIA E DEMOCRACIA.Liberalismo e catolicismo na crise do Império (1870-1889). 2002. (Encontro).

50.
X Encontro Regional de História da ANPUH-RJ.O bispo e o general: a Igreja ultramontana e o sepultamento do general Abreu e Lima. 2002. (Encontro).

51.
Seminário Cotas da Escravidão.Cemitérios de Pretos Novos e costumes fúnebres no Rio de Janeiro. 2001. (Seminário).

52.
IV Forum de Educação, Ciência e Cultura: IDENTIDADE E PLURALIDADE: caminhos para uma educação solidária.Olhares estrangeiros sobre a Zona Oeste (século XIX). 2001. (Outra).

53.
II Encontro de História da FEUC: HISTÓRIA E LITERATURA.Os manuais de Bem Morrer: literatura mortuária e pedagogia da Boa Morte na sociedade colonial. 2000. (Encontro).

54.
XII Congresso Internacional da AHILA: AMÉRICA LATINA: outro Ocidente? Debates do final do milênio. A morte secularizada: transformação das atitudes diante da morte e do post-mortem no Rio de Janeiro, na segunda metade do Oitocentos. 1999. (Congresso).

55.
XX Simpósio Nacional de História da ANPUH: HISTÓRIA E FRONTEIRAS.O processo de secularização das atitudes diante da morte no Rio de Janeiro oitocentista. 1999. (Simpósio).

56.
I Encontro de História da FEUC: CULTURA NA AMÉRICA.Costumes fúnebres e identidades no Rio de Janeiro escravista. 1999. (Encontro).

57.
VIII Encontro Regional de História: HISTÓRIA E RELIGIÃO.VIII Encontro Regional de História: HISTÓRIA E RELIGIÃO. 1998. (Encontro).

58.
XI Encontro Nacional de Estudos Populacionais: POPULAÇÃO: globalização e exclusão.XI Encontro Nacional de Estudos Populacionais: POPULAÇÃO: globalização e exclusão. 1998. (Encontro).

59.
II Encontro de História da UFF: SOCIEDADE E ESCRAVIDÃO: debate das interpretações.II Encontro de História da UFF: SOCIEDADE E ESCRAVIDÃO: debate das interpretações. 1997. (Encontro).

60.
VII Encontro Regional de História: HISTÓRIA E VIOLÊNCIA.VII Encontro Regional de História: HISTÓRIA E VIOLÊNCIA. 1996. (Encontro).

61.
XVIII Simpósio Nacional de HIstória: HISTÓRIA E IDENTIDADES.XVIII Simpósio Nacional de História: HISTÓRIA E IDENTIDADES. 1995. (Simpósio).

62.
I Encontro Nacional de Pós-Graduandos em História.I Encontro Nacional de Pós-Graduandos em História . 1995. (Encontro).

63.
VI Encontro REgional de História da ANPUH-RJ: RIO DE JANEIRO: um balanço historiográfico.VI Encontro Regional de História: RIO DE JANEIRO: um balanço historiográfico. 1994. (Encontro).

64.
V Encontro Regional de História da ANPUH-RJ: HISTÓRIA E DESCOBRIMENTOS.V Encontro Regional de História: HISTÓRIA E DESCOBRIMENTOS. 1992. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
RODRIGUES, C. ; HERRERA, L. ; SOUSA, J. P. de. . IV Congresso Latino-americano de Ciências Sociais e Humanidades: Imagens da Morte. 2010. (Congresso).

2.
RODRIGUES, C. ; BENDELACK, Oswaldo ; MALAFAIA, Wolney Viana ; ZAMPA, V. . VIII Ciclo de Debate do Curso de História: "200 anos depois: novos debates e perspectivas sobre a vinda da Corte portuguesa para o Brasil". 2007. (Outro).

3.
RODRIGUES, C. ; AMANTINO, M. . Curso de Extensão: Escravidão e sociedade brasileira (40hs). 2007. (Outro).

4.
AMANTINO, M. ; RODRIGUES, C. ; FRANCO, M. C. V. . I Encontro Macaé em Fontes Primárias: escravidão, cultura e sociedade. 2007. (Congresso).

5.
AMANTINO, M. ; RODRIGUES, C. ; SOUSA, J. P. de. . Exposição Cativeiro e Liberdade. 2007. (Exposição).

6.
AMANTINO, M. ; RODRIGUES, C. ; SOUZA, J. P . Encontro sobre escravidão, cultura negra e cidadania. 2007. (Congresso).

7.
RODRIGUES, C. . VII Ciclo de Debates do Curso de História: "O fazer monográfico em HIstória: teoria, metodologia e experiências. 2006. (Outro).

8.
RODRIGUES, C. . VIII Encontro de História das FIC: "Desafios e perspectivas do Ensino de História". 2006. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Monique Leone Cunha Vidal. O médicos e a cremação de cadáveres na crise do Império (1879 1891). Início: 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Gabriel Cavalcante Cordeiro. Caixões explêndidos, costume abominável: viajantes estrangeiros perante a morte brasileira (1808 1889). Início: 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. (Orientador).

3.
Vitor Cabral Braga. A gestão da morte no Recôncavo da Guanabara, entre 1700 e 1809. Início: 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Maria da Conceição Vilela Franco. De campo santo à necrópole secularizada: o processo de transformação do Cemitério Público de Campos dos Goytacazes/RJ (1855-1934). Início: 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em História/PPGH-UNIRIO) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Deusedino de Matos Junior. A pena de morte no Brasil imperial. Início: 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História - EAD) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. (Orientador).

2.
Mauri Silva dos Santos. Morte africana e morte dos africanos no Rio de Janeiro dos séculos XVIII e XIX. Início: 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História - EAD) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. (Orientador).

3.
Roberta Michaeli da Silva Nascimento. Os cemitérios da antiga Vassouras/RJ nos séculos XVII e XIX). Início: 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Licenciatura em História - EAD) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Barbara Alves Benevides. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). Início: 2014. Iniciação científica (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, PIBIC/CNPQ. (Orientador).

2.
Aryanne Faustina da Silva. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). Início: 2014. Iniciação científica (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, PIBIC/CNPQ. (Orientador).

3.
IURY MATIAS SOARES. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). Início: 2014. Iniciação científica (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
MILRA NASCIMENTO BRAVO. As hierarquias na morte: uma análise dos ritos fúnebres católicos no Rio de Janeiro (1720-1808). 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em HIstória) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Claudia Rodrigues.

2.
Heraldo Costa. A criação de cemitérios ingleses no Brasil colonial (Rio de Janeiro, 1810-1811). 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Salgado de Oliveira, . Orientador: Claudia Rodrigues.

3.
Maria da Conceição Vilela Franco. A morte conta a vida: sentenciamento, assassinatos e sepulturas na construção na memória no município de Macaé (Rio de Janeiro, 1855-1910). 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Salgado de Oliveira, . Orientador: Claudia Rodrigues.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Milra Nascimento Bravo. Sepulturas e sepultamentos de escravos, pobres e indigentes no Rio de Janeiro escravista. 2011. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Rio de Janeiro) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Claudia Rodrigues.

2.
Michele Helena Peixoto da Silva. A criação dos cemitérios públicos no Brasil imperial: uma visão comparativa (Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador). 2011. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Rio de Janeiro) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Claudia Rodrigues.

3.
Marcos de Souza Barbosa. A Criação dos cemitérios públicos no Rio de Janeiro Oitentista. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Rio de Janeiro) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Claudia Rodrigues.

4.
Raquel Silva de Jesus Moreira. Irmandades leigas e sepultamento de negros: séculos XVII e XVIII. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Rio de Janeiro) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Claudia Rodrigues.

5.
Samuel Silva do Carmo. O saber médico e a higiene na família. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Rio de Janeiro) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Claudia Rodrigues.

6.
Fábio Borges da Silva. A transição do ensino jesuítico para o régio na América Portuguesa (1759-1777). 2008. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Brasil: sociedade, política e cultura) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Sandrianne Diniz Marchito Gripp. O PROTESTANTISMO BATISTA E SUA EXPANSÃO PELA REGIÃO SERRANA DO RIO DE JANEIRO ENTRE FINS DO SÉCULO XIX E INÍCIO DO XX. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. Orientador: Claudia Rodrigues.

2.
BÁRBARA ALVES BENEVIDES. Os Caminhos que levam à forca: Rituais da execução da Pena de Morte na cidade do Rio de Janeiro colonial (1750-1822). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. Orientador: Claudia Rodrigues.

3.
ARYANNE FAUSTINA DA SILVA. TUDO PARA UMA BOA MORTE : O FAZER TESTAMENTÁRIO NO RIO DE JANEIRO COLONIAL (1750-1808). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. Orientador: Claudia Rodrigues.

4.
MATEUS BARRADAS TEIXEIRA. Conflitos em torno da instalação dos protestantes luteranos no Brasil do século XIX: o caso de Nova Friburgo (1824-1864). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Licenciatura em História - EAD) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. Orientador: Claudia Rodrigues.

5.
Altino José Benício de Almeida. Protestantismo na região serrana do Rio de Janeiro Oitocentista: um estudo de caso. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Licenciatura em História - EAD) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. Orientador: Claudia Rodrigues.

6.
Paolla Rangel Rodrigues do Nascimento. A prática testamentária dos libertos no período pombalino (1750-1777). 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.

7.
Rejane de Azevedo Borges. Os registros paroquiais na América portuguesa: um instrumento religioso de controle jurídico. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.

8.
Sebastião C. Viêtas da Silva. A remodelação urbana na cidade do Rio de Janeiro enquanto capital da Colônia (1763-1795). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.

9.
Willian Lanes Ferreira. O Oitocentos e a crise do escravismo. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses. Orientador: Claudia Rodrigues.

10.
Joelma Dias Ernesto. A Revolta da Vacina. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses. Orientador: Claudia Rodrigues.

11.
Glória Cristina Garcia Gueto. A Reforma Pereira Passos e a política sanitária na Primeira República (1902-1906). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Faculdades Integradas Campo-Grandenses. Orientador: Claudia Rodrigues.

12.
Gilmar Freire Silva. Violência Urbana no Rio de Janeiro: as vítumas da Regeneração (1902-1906). 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Faculdade de Filosofia de Campo Grande/FEUC-RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

13.
Risonete Barreto da Silva Maranhão. As Águas das "Terras de Iguaçu": vias do expansionismo fluminense. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Faculdade de Filosofia de Campo Grande/FEUC-RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

14.
Lúcia Sayuri Yokoyama. Condições do Trabalho Imigrante nas Lavouras Cafeeiras do Oeste Paulista entre 1850-1870. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Faculdade de Filosofia de Campo Grande/FEUC-RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

15.
Carla Silva Machado de Melo. As representações sobre o negro na Telenovela brasileira. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Graduação em História) - Universidade Gama Filho. Orientador: Claudia Rodrigues.

Iniciação científica
1.
IURY MATIAS SOARES. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura e Bacharelado em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Departamento de Pesquisa/Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Claudia Rodrigues.

2.
Caroline Mesquita Arosa. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

3.
FERNANDA AUGUSTA PEGORARO FERNANDES PEREIRA. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

4.
ANA CAROLINA SANTOIAN FERREIRA. Deserdando as almas: novo estatuto para os mortos no mundo português do século XVIII. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

5.
ARYANNE FAUSTINA DA SILVA. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

6.
Barbara Alves Benevides. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

7.
ARYANNE FAUSTINA DA SILVA. Testamentos e hierarquias em sociedades escravistas ibero-americanas (Séculos XVI-XVIII). 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, DPQ-UNIRIO. Orientador: Claudia Rodrigues.

8.
Caroline Mesquita Arosa. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura e Bacharelado em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

9.
FERNANDA AUGUSTA PEGORARO FERNANDES PEREIRA. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura e Bacharelado em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

10.
ANA CAROLINA SANTOIAN FERREIRA. Deserdando as almas: novo estatuto para os mortos no mundo português do século XVIII. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura e Bacharelado em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

11.
Barbara Alves Benevides. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

12.
ARYANNE FAUSTINA DA SILVA. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

13.
Giuliana Karen Soares de Souza. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

14.
Ana Carolina Santoian Ferreira. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2011. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, DPQ-UNIRIO. Orientador: Claudia Rodrigues.

15.
Barbara Alves Benevides. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2011. Iniciação Científica - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

16.
ARYANNE FAUSTINA DA SILVA. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

17.
Giuliana Karen Soares de Souza. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Licenciatura em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Departamento de Pesquisa. Orientador: Claudia Rodrigues.

18.
Aryanne Faustina da Silva. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (c. 1750 1822). 2010. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Claudia Rodrigues.

19.
Giuliana Karen Soares de Souza. As reformas pombalinas e a prática testamentária no Rio de Janeiro colonial. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Claudia Rodrigues.

20.
Rejane de Azevedo Borges. A transformação da prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (1750-1822). 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.

21.
Paolla Rangel Rodrigues do Nascimento. A transformação da prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (1750-1822). 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

22.
Juan Ellan de Oliveira Bezerra. Macaé em Fontes Primárias: fundos eclesiásticos para um acervo virtual. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.

23.
Rafael Brandão de Magalhães. A transformação da prática testamentária no Rio de Janeiro colonial (1750-1822). 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Claudia Rodrigues.

24.
Paolla Rangel Rodrigues do Nascimento. O impacto das reformas pombalinas sobre a morte e o morrer no Rio de Janeiro oitocentista. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.

25.
Paolla Rangel Rodrigues do Nascimento. O impacto das reformas pombalinas sobre a morte o o morrer no Rio de Janeiro oitocentista. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.

26.
Rafael Brandão de Magalhães. O impacto das reformas pombalinas sobre a morte e o morrer no Rio de Janeiro oitocentista. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Graduação em História) - Universidade Salgado de Oliveira. Orientador: Claudia Rodrigues.



Outras informações relevantes


Atualmente, venho trabalhando na finalização da co-organização das seguintes coletâneas, sendo ambas com financiamento APQ3 da FAPERJ livros: 
RODRIGUES, Claudia e LOPES, Fabio Henrique (org.). Sentidos da morte e do morrer na Ibero-américa. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2014 (ISBN 978-85-7511-325-7)
FALCON, Francisco José Calazans e RODRIGUES, Claudia (orgs.). A " Época Pombalina" no mundo luso-brasileiro. Rio de Janeiro: FGV, 2014.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 21/11/2014 às 2:18:19