Ricardo Ceneviva

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5215324360791404
  • Última atualização do currículo em 09/05/2018


Professor Adjunto de Ciência Política do Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Antes de integrar o corpo docente do IESP, foi bolsita de pós-doutorado do Centro de Estudos da Metrópole (CEPID/FAPESP) no CEBRAP (Centro Brasileiro de Análise e Planejamento), instituição da qual é pesquisador associado. Graduadou-se em Comunicação Social e em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (USP); fez seu mestrado em Administração Pública e Governo na Fundação Getúlio Vargas (FGV/SP) na área de Economia e Política do Setor Público; e seu doutorado em Ciência Política na Universidade de São Paulo (DCP/USP). Entre 2009 e 2011, foi pesquisador visitante do departamento de Ciência Política da universidade de Stanford nos Estados Unidos. Suas principais áreas de pesquisa são Política Comparada e Métodos Quantitativos Aplicados em Ciências Sociais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Ricardo Ceneviva
Nome em citações bibliográficas
CENEVIVA, Ricardo;CENEVIVA, R.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Reitoria, Instituto de Estudos Sociais e Políticos.
Rua da Matriz, 82
Botafogo
22260100 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (021) 22668300
Ramal: 8360
URL da Homepage: http://www.iesp.uerj.br/


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2012
Doutorado em Ciência Política.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
com período sanduíche em Stanford University (Orientador: Jonathan Rodden).
Título: O Nível de Governo Importa para a Qualidade da Política Pública? O caso da educação fundamental no Brasil, Ano de obtenção: 2012.
Orientador: Marta Teresa da Silva Arretche.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: federalismo; descentralização; financiamento da educação; Municipalização; Desempenho Educacional.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Teoria Econômica / Especialidade: Economia Política.
2003 - 2006
Mestrado em Administração Pública e Governo.
Fundação Getulio Vargas - SP, FGV-SP, Brasil.
Título: Democracia, Accountability e Avaliação: a avaliação de política públicas como mecanismo de controle democrático,Ano de Obtenção: 2006.
Orientador: Marta Ferreira Santos Farah.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Avaliação de políticas públicas; Accountabiity; controles democráticos; Burocracia; SARESP; Programa Nacional de DST/AIDS.
1998 - 2004
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
1995 - 1998
Graduação em Comunicação Social.
Escola Superior de Propaganda e Marketing, ESPM, Brasil.


Pós-doutorado


2012 - 2014
Pós-Doutorado.
Centro Brasileiro de Análise e Planejamento, CEBRAP, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas


Formação Complementar


2005 - 2005
Extensão universitária em 1a. escola de inverno em métodos quantitativos. (Carga horária: 60h).
Fundação Getulio Vargas - SP, FGV-SP, Brasil.
2004 - 2004
Extensão universitária em Democracy: New Theories and New Evidences. (Carga horária: 60h).
Fundação Getulio Vargas - SP, FGV-SP, Brasil.
2004 - 2004
English Course. (Carga horária: 120h).
Reanding University, READING, Inglaterra.
2003 - 2003
Extensão universitária em "Social Policy in Latin America" prof Wendy Hunter. (Carga horária: 60h).
Fundação Getulio Vargas - SP, FGV-SP, Brasil.
1999 - 1999
Curso de Espanhol Para Estrangeiros. (Carga horária: 360h).
Universitat Autònoma de Barcelona - UAB, UAB, Espanha.


Atuação Profissional



Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor Adjunto do Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

Atividades

03/2017 - 07/2017
Ensino, CIÊNCIA POLÍTICA, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Análise de Dados
08/2016 - 12/2016
Ensino, CIÊNCIA POLÍTICA, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Políticas Públicas
03/2016 - 07/2016
Ensino, CIÊNCIA POLÍTICA, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Análise de Dados Categóricos
08/2015 - 12/2015
Ensino, CIÊNCIA POLÍTICA, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Economia Política do Desenvolvimento e das Instituições
03/2015 - 07/2015
Ensino, CIÊNCIA POLÍTICA, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Modelos de Regressão para Variáveis Dependentes Categóricas e Limitadas
08/2014 - 12/2014
Ensino, CIÊNCIA POLÍTICA, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Economia Política do Desenvolvimento
03/2014 - 06/2014
Ensino, CIÊNCIA POLÍTICA, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Modelos de Regressão para Variáveis Dependentes Categóricas e Limitadas

Centro de Estudos da Metrópole, CEM, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: pesquisador

Vínculo institucional

2007 - 2011
Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: aluno de doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2013 - 02/2013
Ensino, IPSA-USP Summer School on Methods and Concepts in, Nível: Aperfeiçoamento

Disciplinas ministradas
Professor Assistente do curso ?Voting in Legislatures: From Theory to Data Analysis? ministrado pelo professor Simon Jackman (Stanford University)
01/2013 - 02/2013
Ensino, IPSA-USP Summer School on Methods and Concepts in, Nível: Aperfeiçoamento

Disciplinas ministradas
Instrutor do curso "Refresher Course in Statistics and R" na 4a Annual IPSA-USP Summer School on Methods and Concepts in Political Science and International Relations
06/2012 - 12/2012
Ensino, Ciências Sociais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos e Técnicas de Pesquisa em Ciência Política
01/2012 - 02/2012
Ensino, IPSA-USP Summer School on Methods and Concepts in, Nível: Aperfeiçoamento

Disciplinas ministradas
Instrutor do curso ?Refresher Course in Statistics and R? na 3a Annual IPSA-USP Summer School on Methods and Concepts in Political Science and International Relations
01/2012 - 02/2012
Ensino, IPSA-USP Summer School on Methods and Concepts in, Nível: Aperfeiçoamento

Disciplinas ministradas
Professor Assistente do curso ?A Practical Introduction to Bayesian Statistical Modeling? ministrado pelo professor Simon Jackman (Stanford University)

Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: livre, Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Carga horária: 0
Outras informações
Professor Assistente da disciplina "Introdução às Políticas Públicas", no curso de Formação de Gestores para as Carreiras de EPPGG e APO do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, no período de 14 a 21/01/09, Carga horária: 56h.


Fundação do Desenvolvimento Administrativo, FUNDAP, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: docente colaborador, Carga horária: 0

Atividades

02/2006 - Atual
Ensino, especialização / aperfeiçoamento, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Os Conselhos Gestores de Políticas Públicas: Governança, Participação e Controle Social.
Reforma do Estado e Administração Pública
Técnicas e Metodologias de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas

Fundação Getúlio Vargas, FGV/SP, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2006
Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: aluno de mestrado, Regime: Dedicação exclusiva.


Centro Universitário São Camilo, SÃO CAMILO, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 16
Outras informações
Professor substituto das disciplinas: ?Introdução a Sociologia? (cursos: administra- ção hospitalar e administração de empresas) e ?Responsabilidade Sócial Empresarial? (curso: administração de empresas).


Leite Paulista, CCLP, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 2001
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: assistente de marketing, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1998 - 1998
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: estagiário, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/1999 - 12/2000
Serviços técnicos especializados .

Serviço realizado
gestão de produtos.
05/1998 - 12/1998
Serviços técnicos especializados .

Serviço realizado
gestão de produtos.

Centro Latino Americano de Invetigação de Mercado, CLAIM, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 1997
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: pesquisador / suprevisor de campo, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

02/1996 - 12/1997
Serviços técnicos especializados .

Serviço realizado
Atividade principal: Levantamento de dados, elaboração de estudos, relatórios, desenvolvimento de pesquisas, arquivos e elaboração de banco de dados e treinamento e supervisão de equipes de campo..


Projetos de pesquisa


2012 - Atual
Os Partidos Políticos Fazem Diferença? Evidências dos Municípios Brasileiros
Descrição: Qual a importância dos partidos políticos para o comportamento fiscal dos governos no Brasil? Não há resposta clara para essa pergunta na Ciência Política. A dificuldade em encontrar um padrão coerente entre as políticas executadas e o partido no governo tem levado muitos pesquisadores a negligenciarem a importâncias dos partidos políticos, sobretudo no campo das políticas sociais. Nos últimos anos, a literatura nacional tem se dedicado a examinar a importância dos partidos políticos para o comportamento fiscal dos governos subnacionais ? sobretudo nos estados ? e entre estes estudos há uma tendência a negar a importância dos partidos políticos. O propósito deste projeto é examinar a importância dos partidos para a execução das políticas públicas de competência do municípios. Evidências empíricas preliminares indicam que o efeito partidário no comportamento fiscal faz-se valer sobretudo em áreas como: educação infantil, transporte público, habitação e infraestrutura urbana, nas quais a autonomia decisória dos prefeitos é mais acentuada, o que lhes faculta estabelecer uma agenda política própria; porém não em áreas que, embora de competência municipal, como saúde e educação fundamental, são reguladas por legislação federal..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - Atual
The Political Economy of Land Conflicts in Brazil
Descrição: Do land invasions foster land reform? Agitation for land reform began in the 1960?s. The Landless Rural Workers? Movement (widely known as the MST) was founded in 1984, as democracy returned after two decades of autocratic rule. Its activism has helped to change the countryside. Since 1995 governments have settled some 900,000 families (about 4m-5m people) n farming colonies, though sometimes in appalling conditions. Other changes have little to do with the protests. The country-side has modernized, with old-style landlords yielding to more enlightened heirs or to corporate farmers, for whom land is a business rather than a source of political power. In this project we use micro-level data on land reform and land invasions at municipal level in Brazil from 1988-2008, to test some hypothesis about land invasions, land reform and political electoral cycles..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - Atual
A Economia Política da Municipalização da Educação Fundamental no Brasil
Descrição: Este projeto pretende analisar os fatores políticos e econômicos que afe- tam as escolhas dos governos subnacionais com relação à provisão de serviços públicos na federação brasileira, tomando como objeto empírico de análise o crescimento da municipalização do ensino fundamental no país (1995-2010). A interpretação domi- nante sobre a municipalização no Brasil aponta o FUNDEF, uma norma aprovada pelo governo federal, como o único fator explicativo desse resultado. A razão para isto é que as regras desta norma federal passam a atrelar o atendimento de alunos à recei- tas orçamentárias, o que teria despertado o interesse dos municípios em ampliar suas redes de ensino. Há, no entanto, evidências empíricas que indicam que FUNDEF não é um fator suficiente para explicar nem a municipalização, nem a grande variação nos graus de municipalização verificados nos estados, bem como um número significativo de municípios que, mesmo com os incentivos do FUNDEF, optaram por não aumentar o atendimento municipal. Esse resultado só pode ser explicado por um conjunto de fatores que incluem outras regras federais e estaduais, a situação das contas públi- cas no momento da implementação do FUNDEF, o patamar inicial das matrículas, o partido político de governadores e prefeitos e outras variáveis de contexto local, como disponibilidade orçamentária e aspectos demográficos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2009 - Atual
Incumbency Advantage in Brazilian Mayoral Elections.
Descrição: Do incumbents enjoy an electoral advantage in a context of institutional instability? In many consolidated democracies, such as the U.S. or the U.K., incumbency status is a critical factor for the success of candidates. In contrast, evidence from the developing world points to no advantage or even adverse effects of holding office for the electoral chances of candidates. District preferences and the quality of both the incumbent and his challengers are usually unobserved and likely introduce biases into our estimation when omitted from the model. Weakly institutionalized and volatile party systems do not allow us to control for district preferences with the distribution of partisan preferences in past elections. We show that using repeated encounters of candidates can ameliorate these concerns and provide inferences unhampered by unob- served characteristics of the electoral district or the quality of the candidates competing in the election. Using data on Brazilian municipal elections from 1996 to 2008, we estimate whether and under which conditions Brazilian mayors enjoy an electoral incumbency advantage. We find that Brazilian mayors face a significant incumbency disadvantage. The extent of this disadvantage is declining over time and is found to be somewhat larger in poorer and less populous cities..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2011
A Municipalização do Ensino Fundamental no Brasil
Descrição: O objetivo do projeto é investigar se o nível de governo responsável pela prestação da política pública importa para a qualidade dos serviços públicos ofereci- dos à população. Para tanto, é examinado o caso da municipalização da educação fundamental no Brasil. Secundariamente, tenciona-se também estimar o efeito da municipalização das matrículas e dos gastos em educação no desempenho acadêmico dos alunos, das escolas municipalizadas e das redes escolares. São conduzidas três análises empíricas distintas de estimação do efeito da municipalização nos resultados educacionais. Primeiro, procura-se identificar e mensurar a diferença de desempe- nho dos estudantes de escolas púbicas estaduais e escolas públicas municipais. Num segundo momento, utilizando dados do SAEB e da Prova Brasil são acompanhados (retrospectivamente) um grupo de escolas em dois pontos no tempo: antes e depois da municipalização. Ou seja, é selecionado um grupo experimental de escolas que estavam sob controle estadual e foram transferidas para o controle municipal, e dois grupos de controle de escolas que estavam sob a gestão estadual ou municipal e assim permaneceram. Dessa forma, é comparado o efeito da municipalização das escolas no desempenho dos estudantes. Alternativamente, é utilizado um painel de dados de 2837 municípios com informações do Censo Escolar entre os anos 1999 e 2005, ao qual são empregadas as usuais técnicas de Mínimos Quadrados Ordinários (MQO) e Efeitos Fixos (EF) para se estimar o efeito da municipalização das matrículas e dos gastos em educação sobre uma série de indicadores educacionais, subagrupados em insumos escolares e resultados escolares..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Outros Projetos


2004 - 2006
Democracia, Accountability e Avaliação de Políticas Públicas
Descrição: O objetivo primário do projeto de pesquisa é investigar o papel que a avaliação de programas e políticas públicas pode desempenhar no aperfeiçoamento de mecanismos de controle da gestão pública. Mais especificamente, procura-se examinar se ? e descrever como ? a implantação de sistemas de avaliação contribui para reduzir a assimetria de informações entre cidadãos e políticos e entre políticos e burocratas. São discutidos os casos do Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo (SARESP) e do Sistema de Monitoramento e Avaliação (SMA) do Programa Estadual de DST/AIDS, deste mesmo estado. A análise desses casos sugere que os sistemas de avaliação podem contribuir para uma maior transparência da gestão pública e para a responsabilização dos agentes públicos pelos resultados das políticas e programas governamentais, mas que o grau com que avanços nesta direção ocorrem relaciona-se não apenas com características próprias da avaliação ? particularmente com as formas de apresentação e de divulgação dos dados da avaliação ?, mas também com a dinâmica dos atores envolvidos na gestão da avaliação e na própria prestação dos serviços públicos avaliados..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Membro de corpo editorial


2010 - Atual
Periódico: Leviathan (São Paulo)


Revisor de periódico


2013 - Atual
Periódico: Revista do Serviço Público
2013 - Atual
Periódico: Journal of Public Administration Research and Theory
2013 - Atual
Periódico: Revista de Sociologia e Política (UFPR. Impresso)
2012 - Atual
Periódico: Brazilian Political Science Review
2011 - Atual
Periódico: Cadernos Gestão Pública e Cidadania
2014 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Ciências Sociais (Impresso)
2015 - Atual
Periódico: Sociologias (UFRGS. Impresso)
2015 - Atual
Periódico: Latin American Politics & Society


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Teoria Econômica/Especialidade: Economia Política.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Estado e Governo.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:11
Total de citações:16
Ceneviva, R.; Ceneviva, Ricardo.  Data: 18/09/2012

Artigos completos publicados em periódicos

1.
2DE ANDRADE, JOSÉ S.2018DE ANDRADE, JOSÉ S. ; CÉSPEDES, ISABEL C. ; ABRÃO, RENATA O. ; DA SILVA, JOELCIMAR M. ; CENEVIVA, Ricardo ; RIBEIRO, DANIEL ARAKI ; BITTENCOURT, JACKSON C. ; VIANA, MILENA B. . Effects of acute restraint and unpredictable chronic mild stress on brain corticotrophin releasing factor mRNA in the elevated T-maze. BEHAVIOURAL BRAIN RESEARCH, v. 337, p. 139-150, 2018.

2.
1ANDRADE, FELIPE MACEDO DE2018ANDRADE, FELIPE MACEDO DE ; KOSLINSKI, MARIANE CAMPELO ; CENEVIVA, Ricardo . FATORES ASSOCIADOS À ROTATIVIDADE DE DIRETORES NO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO. EDUCAÇÃO EM REVISTA (ONLINE), v. 34, p. 11-37, 2018.

3.
3ALBERTUS, M.2016ALBERTUS, M. ; BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, Ricardo . Land Inequality and Rural Unrest: Theory and Evidence from Brazil. JOURNAL OF CONFLICT RESOLUTION, v. July, p. 2-40, 2016.

4.
5BRAMBOR, T.2012BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, Ricardo . Reeleição e continuísmo nos municípios brasileiros. Novos Estudos CEBRAP (Impresso), v. 2012, p. 09-21, 2012.

5.
4CENEVIVA, Ricardo2012CENEVIVA, Ricardo; Farah, Marta Ferreira Santos . Avaliação, informação e responsabilização no setor público. Revista de Administração Pública (Impresso), v. 46, p. 993-1016, 2012.

6.
6CENEVIVA, Ricardo;CENEVIVA, R.2007CENEVIVA, Ricardo. Avaliação e Accountability no Setor Público: um vincúlo possível e desejável. Alcance (UNIVALI), v. 14, p. 7-26, 2007.

Capítulos de livros publicados
1.
RIBEIRO, C. A. C. ; CENEVIVA, Ricardo ; BRITO, M. M. A. . Estratificação educacional entre jovens no Brasil: 1960 a 2010. In: Marta Arretche. (Org.). Trajetórias das desigualdades, como Brasil Mudou nos últimos 50 anos.. 1a.ed.São Paulo: UNESP, 2015, v. , p. 70-124.

2.
RIBEIRO, C. A. C. ; CENEVIVA, R. ; BRITO, M. M. A. . A Estratificação entre Jovens no Brasil: 1960 a 2010. In: Carlos Antoio Costa Ribeiro. (Org.). Juventudes e Educação. 1a.ed.Rio de Janeiro: Azougue, 2014, v. , p. 81-114.

3.
CENEVIVA, Ricardo; FARAH, M. F. S. . El papel de la evaluación de políticas públicas como mecanismo de control democrático de la Administración Pública. In: Alvaro Martim Guedes; Francisco Fonseca. (Org.). El control social de la Administración Pública: escenarios, avances y dilemas en Brasil. 1ed.Madrid: INAP - Instituto Nacional de Administración Pública, 2010, v. 1, p. 115-139.

4.
CENEVIVA, Ricardo; FARAH, M. F. S. . O papel da avaliação de políticas públicas como mecanismo de controle democrático da administração pública. In: Alvaro Martim Guedes; Francisco Fonseca. (Org.). O Controle Social da Administração Publica. 1ed.São Paulo: Editora UNESP, 2007, v. , p. 129-156.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
CENEVIVA, Ricardo; GUARNIERI, F. H. E. . Voto econômico explica menor taxa de reeleição dos prefeitos. Folha de São Paulo, São Paulo, 04 nov. 2012.

2.
CENEVIVA, Ricardo. Todo o Poder às Cidades. Exame CEO, Sao Paulo, 01 set. 2011.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CENEVIVA, Ricardo; FREITAS, Andréa ; IZUMI, Mauricio ; MEDEIROS, Danilo . Do Coalitions Matter? Success Rates and Duration Analysis of Legislative Initiatives in the Brazilian Lower Chamber.. In: American Political Science Association Annual Meeting, 2015, São Francisco. American Political Science Association Annual Meeting Proceedings. São Francisco: APSA, 2015.

2.
CENEVIVA, Ricardo; FREITAS, Andréa ; IZUMI, Mauricio ; MEDEIROS, Danilo . Do Coalitions Matter? Success Rates and Duration Analysis of Legislative Initiatives in the Brazilian Lower Chamber.. In: 72nd Annual Midwest Political Science Association Conference, 2014, Chicago, IL, USA. 72nd Annual Midwest Political Science Association Conference. Chicago, IL, USA: MPSA, 2014.

3.
BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, R. . Do Parties Matter? Party affiliation and fiscal behavior in Brazilian municipalities. In: Midwest Political Science Association?s 71st Annual Conference, 2013, Chicago (IL). Proceedings of the 71st MPSA Annual National Conference, 2013.

4.
ALBERTUS, M. ; BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, R. . Land Reform and Land Invasions in Brazil. In: Midwest Political Science Association?s 71st Annual Conference, 2013, Chicago (IL). Proceedings of the 71st MPSA Annual National Conference, 2013.

5.
BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, Ricardo . Do Parties Matter? Party affiliation and fiscal behavior in Brazilian muncipalities. In: American Political Science Association Annual Meeting, 2013, Chicago. APSA Annual Meeting paper repository, 2013.

6.
ALBERTUS, M. ; BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, R. . Land Reform and Land Invasions in Brazil. In: American Political Science Association Annual Meeting, 2013, Chicago. APSA Annual Meeting 2013 paper repository, 2013.

7.
ALBERTUS, M. ; BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, R. . Ocupações de Terra e Reforma Agrária no Brasil. In: 37º Encontro Anual da ANPOCS, 2013, Águas de Lindóia. 37º Encontro Anual da ANPOCS. São Paulo: ANPOCS, 2013.

8.
BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, R. . Do Parties Matter? Party a affiliation and fiscal behavior in Brazilian municipalities. In: 37º Encontro Anual da ANPOCS, 2013, Águas de Lindóia. 37º Encontro Anual da ANPOCS. São Paulo: ANPOCS, 2013.

9.
MEDEIROS, Danilo ; FREITAS, Andréa ; IZUMI, Mauricio ; CENEVIVA, Ricardo . Fazendo política: o que ganham os partidos brasileiros quando entram para a coalizão governista?. In: Congreso Latinoamericano de Ciencia Política, 2013, Bogotá. 7º Congreso Latinoamericano de Ciencia Política. Bogotá, Colombia: ALACIP, 2013.

10.
BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, Ricardo . Elite control or competitive elections?: Evidence from Brazilian municipalities. In: 8º Encontro Associação Brasileira de Ciência Política, 2012, Gramado. Ampliando fronteiras da Ciência Politica: Desafios contemporâneos à democracia e ao desenvolvimento, 2012.

11.
CENEVIVA, Ricardo. O Nível de Governo Importa? A Municipalização da Educação Fundamental no Brasil. In: 8º Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política, 2012, Gramado / RS. Ampliando fronteiras da Ciência Politica: Desafios contemporâneos à democracia e ao desenvolvimento, 2012.

12.
BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, R. . Incumbency Advantage in Brazilian Mayoral Elections.. In: The MPSA Annual National Conference, 2011, Chicago. Midwest Political Science Association?s 69th Annual Meeting, 2011.

13.
BRAMBOR, T. ; CENEVIVA, R. . Incumbency Advantage in Brazilian Mayoral Elections.. In: American Political Science Association 2011 Annual Meeting, 2011, Seattle, WA. American Political Science Association 2011 Annual Meeting,, 2011.

14.
CENEVIVA, Ricardo; FARAH, M. F. S. . Avaliação, Informação e Participação: O sistema de avaliação do rendimento escolar do estado de São Paulo. In: 31º Encontro Anual da Anpocs (Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais), 2007, Caxambu (MG). 31º Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais, 2007.

15.
CENEVIVA, Ricardo. Accountability não-eleitoral: novas evidências e novos argumentos - uma revisão da literatura recente. In: II EnAPG - Encontro Nacional de Administração Pública e Governança, 2006, São Paulo. Anais do II EnAPG - Encontro Nacional de Administração Pública e Governança, 2006.

16.
CENEVIVA, Ricardo; FARAH, M. F. S. . Democracia, Avaliação e Accountability: a avaliação de políticas públicas como mecanismo de controle democrático. In: II EnAPG, 2006, São Paulo. EnAPG 2006, 2006.

17.
CENEVIVA, Ricardo; FARAH, M. F. S. . Avaliação, Participação e Controle Social: o sistema de avaliação escolar do estado de São Paulo. In: X Colóquio Internacional de Poder Local, 2006, Salvador (BA). Anais do X Colóquio Internacional de Poder Local, Salvador 2006, 2006.

18.
CENEVIVA, Ricardo. Avaliação e Accountability: A avaliação de políticas públicas e a introdução de mecanismos de Controle Social na gestão da política educacional e do programa de DST/AIDS no estado de São Paulo. In: ENANPAD, 2005, Brasília. ENANPAD 2005, 2005.

19.
CENEVIVA, Ricardo; MOZER, Josiane ; MELLO, Hivy Damásio Araújo . Reforma do Estado e Educação: uma análise das polítias públicas de educação primária e secundária no Brasil e na Argentina. In: ENANPAD, 2005, Brasília. Enanpad, 2005.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
CENEVIVA, Ricardo; FARAH, M. F. S. . Descentralização, Participação e Controle Social: o Programa Nacional de DST/AIDS. In: Encontro da Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva ? ABRASCO, 2007, Salvador (BA). Encontro Nacional da Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva ? ABRASCO, 2007.

Apresentações de Trabalho
1.
CENEVIVA, Ricardo. Métodos Quantitativos Aplicados em Ciências Sociais. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
CENEVIVA, Ricardo; FARAH, M. F. S. . Education Policy evaluation, information and participation: the school assessment system in the State of Sao Paulo. London 2009 (BRAZILINK - PORTAL EM INGLÊS DE PRODUÇÃO ACADÊ- MICA SOBRE O BRASIL).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
ARRETCHE, M. ; CAZZOLATO, J. D. ; COSTA, J. ; CENEVIVA, Ricardo ; FUSARO, E. ; PAVEZ, T. ; LOYOLA, P. ; SILVA, P. . Diagnóstico do Desempenho do Governo do Estado de Mato Grosso na Política de Segurança Pública.. 2011.

Trabalhos técnicos

Demais tipos de produção técnica
1.
CENEVIVA, Ricardo. Análise Espacial Usando o R. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
CENEVIVA, R.. Introdução à Programação em R. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
CENEVIVA, Ricardo. Modelos Linares Generalisados. 2012. .

4.
CENEVIVA, Ricardo. Introdução a Programação em R. 2011. .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
COSTA, M.; KOSLINSKI, M. C.; CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de Vitor Ribeiro Laufer Calafate. Mecanismo de Segmentação no Interior da Escola: a experiência das políticas de correção de fluxo no município do Rio de Janeiro. 2017. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
CAMPELLO, D.; MICHENER, R. G.; CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de André Dantas Cabral. Fiscal Cycles and the Brazilian States: an analysis of the mechanisms behind term limits. 2017. Dissertação (Mestrado em Administração Pública e Governo) - Fundação Getúlio Vargas.

3.
FIGUEIREDO, A. C.; BICHIR, R. M.; CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de Pedro Brás Martins da Costa. A contribuição do Fome Zero na consolidação da política brasileira de de segurança alimentar. 2016. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

4.
ZUCCO C.; GOLDSZMIDT, R. G. B.; CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de Evelyn Edith Contreras Medrano. Cursed by local institutions? An analysis of the role of institutions in the effects of natural resource abundance on the provision of public goods (evidence from Peruvian municipalities). 2016. Dissertação (Mestrado em Administração Pública e Governo) - Fundação Getúlio Vargas.

Teses de doutorado
1.
STEIN, E. A.; SANTOS, F. G. M.; CENEVIVA, Ricardo; LEAL, P. R. F.; TORRES, C. V.. Participação em banca de Vinícius Werneck Barbosa Diniz. Valores pessoais na política brasileira: diferenças partidárias e comportamento político nas câmaras municipais de Minas Gerais. 2017. Tese (Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
FIGUEIREDO, A. C.; NICOLAU, J.; SOUZA, C.; CENEVIVA, Ricardo; LIMA, M. R. S.. Participação em banca de Lilian Paula da Costa Oliveira. A Trajetória da Ciência Política Brasileira. 2016. Tese (Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
SANTOS, F. G. M.; FIGUEIREDO, A. C.; CENEVIVA, Ricardo; ARANTES, R. B.; SOUZA, C. M.. Participação em banca de Julio Canello. Judicializando a Federação? O Supremo Tribunal Federal e os atos normativos estaduais. 2016. Tese (Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

4.
GUARNIERI, F. H. E.; SANTOS, F. G. M.; CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de Décio Vieira da Rocha. Natalidade/Mortalidade dos partidos: origem e estratégias políticas dos partidos brasileiros. 2016. Tese (Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

5.
CARDOSO, A. M.; BOSCHI, R. R.; CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de João Assis Dulci. Desenvolvimento Regional e Mercado de Trabalho em Perspectiva Comparada: Vale do paraíba Fluminense e Camaçari (BA).. 2015. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

6.
CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de Thiago Gomide Nasser. Poder e Comer. 2014. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

7.
OLIVEIRA, A. J. S. N.; BARBERIA, L. G.; CENEVIVA, R.; MANCUSO, W. P.; PEREIRA NETO, M. G.. Participação em banca de Gustavo Batista Arajo. Contribuições de campanha influenciam decisões públicas? O caso dos contratos públicos federais e das emendas de orçamento no Brasil.. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
STEIN, E. A.; CAMPELLO, D.; CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de Karine Belarmino Lourenço da Silva. Mídia, política e mercados. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
SOARES, G. A. D.; FIGUEIREDO, A. C.; CENEVIVA, R.. Participação em banca de Shatterson Diego Feliz Cuello. "Tamaño dos partidos y preferencias electorales y inestables en la Republica Dominicana". 2015. Exame de qualificação (Doutorando em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
CENEVIVA, Ricardo. Participação em banca de Flávia Bozza Martins. Os determinantes do comportamento eleitoral dos latino-americanos. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

4.
SANTOS, F. G. M.; POGREBINSCHI, T.; CENEVIVA, R.. Participação em banca de Tiago Augusto da Silva Ventura. Democracia, políticas públicas e redistribuição: análise da efetividade das inovações democráticas no meio rural brasileiro. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.




Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Violeta Aguilar. A lei de restituições de terras e conflitos agrários na Colômbia. Início: 2015. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Walkiria Zambrzycki Dutra. Indução Federal em Âmbito Estadual: arranjos institucionais para a implementação de políticas públicas no Brasil. Início: 2015. Tese (Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Marcus Vinicius Chevitarese Alves. Conexão Digital Eleitoral? Mecanismos de influência política nas plataformas digitais: um estudo comparativo entre as eleições para deputado federal de 2010 e 2014. Início: 2015. Tese (Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

3.
Renato Soares Peres Ferreira. As Conexões Políticas Importam? uma análise da proporção de doadores de campanha no rol dos beneficiários de empréstimos subsidiados concedidos pelo BNDES entre 1994 e 2015. Início: 2015. Tese (Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

4.
Tiago Ventura. Democracia, políticas públicas e redistribuição. Análise da efetividade das inovações democráticas no meio rural brasileiro.. Início: 2014. Tese (Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Ghaio Nicodemos Barbosa. Trincheiras Radioativas: a dinâmica entre grupos de interesse e institucionalidade na formação do programa nuclear brasileiro. 2018. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Ricardo Ceneviva.

2.
Violeta Maria Aguilar Abaunza. Política de Restituição de Terras e o desenvolvimento econômico local na Colômbia. 2017. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Ricardo Ceneviva.

3.
Pedro Brás Martins da Costa. A contribuição do fome zero na consolidação da política brasileira de segurança alimentar. 2017. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Ricardo Ceneviva.

4.
Bruno Kazihiro. A Democracia Intrapartidária Brasileira: as comissões executivas provisórias, os estatutos e a trajetória das partidos poeiticos nacionais. 2015. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, . Orientador: Ricardo Ceneviva.



Educação e Popularização de C & T



Textos em jornais de notícias/revistas
1.
CENEVIVA, Ricardo; GUARNIERI, F. H. E. . Voto econômico explica menor taxa de reeleição dos prefeitos. Folha de São Paulo, São Paulo, 04 nov. 2012.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/12/2018 às 7:21:22