Adriana Andrade Carvalho

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4742115938322944
  • Última atualização do currículo em 21/08/2018


Graduada em Farmácia pela Universidade Federal de Sergipe (2008) é Mestre (2009) e Doutora (2011) em Farmacologia pela Universidade Federal do Ceará. É Professora Adjunta do Departamento de Farmácia da Universidade Federal de Sergipe, Campus Universitário Prof. Antônio Garcia Filho, na cidade de Lagarto, SE. É Professora Permanente do Programada de Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas; Professora Colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde e Professora Colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Ciências Aplicadas a Saúde. Foi sub-chefe do Departamento de Farmácia de Lagarto, Presidente do Núcleo Docente Estruturante do Curso de Farmácia; Diretora Acadêmico-Pedagógica deste mesmo Campus e atualmente é Diretora Geral do Campus de Lagarto. O Campus de Lagarto adota, em todos os 08 cursos da saúde, Metodologias Ativas de Ensino e Currículo Integrado. Desenvolve pesquisa e extensão na área de Oncologia, Farmacotécnica e Tecnologia Farmacêutica, Saúde Mental e Farmácia Hospitalar. É Coordenadora do Laboratório de Pesquisa em Oncologia Clínica e Experimental - LAPOCE da UFS e da Liga Acadêmica de Farmácia Hospitalar da UFS além de ser Coordenadora Adjunta da Liga Acadêmica de Farmácia Oncológica - LAFONC. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Adriana Andrade Carvalho
Nome em citações bibliográficas
CARVALHO, Adriana Andrade;CARVALHO, ADRIANA A.;CARVALHO, A.A.;CARVALHO, ADRIANA

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Sergipe, Centro de Saúde - Campus Lagarto.
Colégio Estadual Prof. Abelardo Romero Dantas; Rua Padre Alvares Pitangueira, nº 248
Centro
49400-000 - Lagarto, SE - Brasil
Telefone: (79) 21056550


Formação acadêmica/titulação


2009 - 2011
Doutorado em Farmacologia.
Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.
Título: Avaliação do potencial antimetastático e antiangiogênico da biflorina, Ano de obtenção: 2011.
Orientador: Manoel Odorico de Moraes.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: metástase; adesão celular; Produtos naturais; invasão celular; angiogenese; HUVECs.
Grande área: Ciências Biológicas
2008 - 2009
Mestrado em Farmacologia.
Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.
Título: Avaliação do efeito antimetastático da biflorina, uma o-naftoquinona isolada da Capraria biflora.,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Dr. Manoel Odorico de Moraes.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Produtos naturais; oncologia; metástase; invasão celular; adesão celular.
2002 - 2008
Graduação em Farmácia.
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
Título: Efeitos Cardiovasculares do Óleo Essencial da Hyptis fruticosa em ratos.
Orientador: Márcio Roberto Viana Santos.
1999 - 2001
Ensino Médio (2º grau).
Colégio Amadeus Ltda, AMADEUS, Brasil.




Formação Complementar


2018 - 2018
Pesquisa Clínica. (Carga horária: 20h).
Instituto Israelita de Ensino Albert Einstein, ONCOENSINO, Brasil.
2018 - 2018
Pesquisa Clínica. (Carga horária: 20h).
Instituto Israelita de Ensino Albert Einstein, ONCOENSINO, Brasil.
2017 - 2017
Psico-oncologia. (Carga horária: 12h).
Instituto Israelita de Ensino Albert Einstein, ONCOENSINO, Brasil.
2016 - 2016
Farmácia Hospitalar. (Carga horária: 60h).
Portal Educação de Campo Grande, PE, Brasil.
2014 - 2014
Farmacoterapia Oncológica Baseada em Evidências. (Carga horária: 4h).
Sociedade Brasileira de Farmacêuticos em Oncologia - Sobrafo, SOBRAFO, Brasil.
2014 - 2014
Otimizando as condições para uma aprendizagem ativ. (Carga horária: 8h).
Faculdade de Integração do Ensino Superior do Cone Sul, FISUL, Brasil.
2013 - 2013
Oncogenética. (Carga horária: 4h).
Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica, SBOC, Brasil.
2013 - 2013
LEGISLAÇÃO DA UFS: CONHECIMENTOS GERAIS E ESPECÍFI. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2013 - 2013
LEGISLAÇÃO E POLÍTICAS PÚBLICAS PARA A EDUCAÇÃO BÁ. (Carga horária: 80h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2013 - 2013
Capacitação em Radiofarmácia. (Carga horária: 50h).
A. C. Camargo Cancer Center, AC CAMARGO, Brasil.
2012 - 2012
REDAÇÃO OFICIAL E AS NOVAS REGRAS ORTOGRÁFICAS. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2012 - 2012
ABC do Câncer: Abordagens Básicas para o Controle.. (Carga horária: 20h).
Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
2011 - 2011
Genetics of Laboratory Rodent. (Carga horária: 60h).
Instituto Pasteur de Montevideo, PASTEUR, Uruguai.
2010 - 2010
Quimioterápicos e Antineoplásicos. (Carga horária: 80h).
Associação Brasileira de Educação a Distância, ABED, Brasil.
2010 - 2010
Homeopatia. (Carga horária: 60h).
Associação Brasileira de Educação a Distância, ABED, Brasil.
2009 - 2009
Celulas Madres: del laboratório a la clínica. (Carga horária: 70h).
Fundación Instituto Leloir, FIL, Argentina.
2009 - 2009
Genética em Oncologia. (Carga horária: 6h).
Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica, SBOC, Brasil.
2007 - 2007
Alimentos Funcionais: Uma abordagem terapêutica. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2007 - 2007
Bulas de Medicamentos: Informações X Legislação.. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2007 - 2007
Alimentos Funcionais: Uma Abordagem Terapêutica. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2005 - 2005
Mecanismo de Transdução Celular. (Carga horária: 12h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2004 - 2005
Inglês Intermediário.
Centro de Cultura Anglo Americana, CCAA, Brasil.
2004 - 2004
Access. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2004 - 2004
Interações Medicamentosas. (Carga horária: 9h).
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
2004 - 2004
Implantação da Atenção Farmacêutica. (Carga horária: 8h).
Sociedade Brasileira de Análises Clínicas, SBAC, Brasil.
2003 - 2004
Inglês Básico.
Centro de Cultura Anglo Americana, CCAA, Brasil.
2003 - 2003
I Curso de Farmacêuticos Em Oncologia. (Carga horária: 20h).
Sociedade Médica de Sergipe, SOMESE, Brasil.
2003 - 2003
Química dos Produtos Naturais com ênfase em Flavan. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
2003 - 2003
Francês Básico. (Carga horária: 50h).
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Adjunto IV, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Desenvolveu o projeto "Avaliação do potencial terapêutico de plantas medicinais utilizadas como antihipertensiva e antidiabética no povoado Colônia 13 em Lagarto/SE e implantação de farmácia viva" na condição de aluno/pesquisador.

Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Voluntária, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Participação no projeto "Efeito do óleo essencial de Hyptis fruticosa Salzm. ex Benth (LAMIACEAE) sobre a reatividade vascular de artéria mesentérica isolada de rato" como aluna/pesquisadora voluntária.

Atividades

01/2017 - Atual
Direção e administração, Campus Lagarto, .

Cargo ou função
Direção Geral.
01/2012 - Atual
Ensino, Ciências da Saude, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Farmacologia
01/2012 - Atual
Ensino, Ciências Fisiológicas, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Farmacologia
10/2011 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Campus Lagarto, .

10/2011 - Atual
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
II Ciclo de Farmácia
Optativas na área de Farmacologia / Oncologia / Fisiologia
12/2012 - 12/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro Editorial e Audiovisual, .

Cargo ou função
Conselheira.
01/2015 - 01/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, .

Cargo ou função
Conselheira do Conselho de Ensino e Pesquisa - CONEPE.
02/2014 - 01/2017
Direção e administração, Campus Lagarto, .

Cargo ou função
Diretora Acadêmico-Pedagógica.
03/2012 - 04/2013
Direção e administração, Centro de Saúde - Campus Lagarto, Núcleo de Farmácia.

Cargo ou função
Vice-Coordenador.

Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2011
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Bolsista, Regime: Dedicação exclusiva.


Bartneck e Weinfurter Farmácia de Manipulação LTDA, VICO-FARMA, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 16
Outras informações
Estágio realizado em Farmácia de Manipulação desenvolvendo funções em vários setores da farmácia como Laboratório de Sólidos, Líquidos e Controle de Qualidade, sob o supervisionamento da Farmacêutica.

Atividades

08/2005 - 10/2005
Estágios , Laboratório de Sólidos, Líquidos e Controle de Qualidade, .

Estágio realizado
Manipulação do fórmulas farmacêuticas no Laboratório de Sólidos e Líquidos além de realizado o Controle de Qualidade tanto das matéiras-primas quanto do produto acabado..

Hospital de Urgência de Sergipe Governador João Alves Filho, HUSE, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20
Outras informações
Seis meses na Farmácia do Setor de Oncologia e seis meses na Farmácia Central acompanhando o ciclo de Assistência Farmacêutica Hospitalar.


Fundação de Beneficência Hospital de Cirurgia, FBHC, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20
Outras informações
Acompanhou a terapia farmacológica do setor de oncologia, com análise de prescrição (foco nas Interações Medicamentosas, Relação Custo-Benefício, Custo-Efetividade e Custo-utilidade na Oncologia etc.) além de atuar na Assistência Farmacêutica na Farmácia Central. Tudo sob supervisão da Farmacêutica do setor.



Linhas de pesquisa


1.
Oncologia Experimental e Clínica
2.
Etnofarmacologia
3.
Saúde Mental
4.
Farmacotécnica e Tecnologia Farmacêutica


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Saúde Mental de Profissionais da Saúde, Cuidadores e Pacientes Oncológicos
Descrição: Embora os avanços da medicina tenham possibilitado a descoberta de formas de tratamento mais eficazes da doença do foro oncológico, o câncer continua a ser uma das doenças mais preocupantes para a comunidade científica e sociedade em geral. As manifestações emocionais mais comuns em pacientes com diagnóstico de câncer incluem a ansiedade relacionada ao tratamento, pensamentos negativos a respeito da doença, sensação de esgotamento, alterações do sono, conflitos nos relacionamentos, sentimentos de vulnerabilidade e dúvidas existenciais, incluindo a questão da morte. Mesmo após o tratamento, costuma persistir a ansiedade, dessa vez, relacionada ao medo da doença voltar. Neste foco, esse projeto busca avaliar a saúde mental dos pacientes oncológicos.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / EDMEA FONTES DE OLIVA COSTA - Integrante / Enaldo Vieira de Melo - Integrante.
2018 - Atual
Desenvolvimento, caracterização e avaliação da atividade antitumoral do extrato hidroetanólico de Passiflora alata Curtis (maracujá-doce) encapsulado em lipossomas híbridos.
Descrição: Introdução: A palavra câncer se refere a uma variedade de doenças, responsáveis por 13% das mortes no mundo e 15,1% no Brasil, com estimativas de mortalidade crescente. Esses dados refletem a carência por agentes antineoplásicos mais efetivos, que levem ao aumento da expectativa de vida ou a cura. Nesse contexto, a natureza é uma alternativa para o problema, por abrigar uma gigantesca biodiversidade e o Brasil se destaca, por possuir a maior diversidade de espécies de plantas do mundo, mas pouco exploradas quanto suas características biológicas. Um exemplo é o maracujá, cuja utilização como planta medicinal faz parte da cultura de povos americanos, europeus e asiáticos. Os maracujás pertencem ao gênero Passiflora, compreende cerca de 500 espécies, sendo 142 delas encontradas no Brasil. Dentre elas, as mais conhecidas e utilizadas são a Passiflora alata Curtis e a P. edulis Sims. A P. alata é uma espécie nativa do Brasil usada em várias preparações farmacêuticas como ansiolítico e sedativo. Além do efeito ansiolítico, outras atividades biológicas já foram relatadas, como a atividade antitumoral do extrato hidroetanólico 64% (v/v) de P. alata. O uso da nanotecnologia na encapsulação de extratos medicinais tem aberto caminho para uma melhor atividade e sustentado a liberação de nanopartículas. Desde então, a estratégia de aplicação da nanotecnologia em extratos vegetais, em especial, vem sendo bastante citada na literatura uma vez que os sistemas nanoestruturados demonstram ser capazes de potencializar a ação de extratos deplantas, reduzindo a dose. Objetivos: Desenvolver biotecnologicamente e avaliar o efeito do extrato hidroetanólico 64% (v/v) das folhas de Passiflora alataCurtis encapsulado em lipossomas híbridos(LHPA)sobre a atividade citotóxica in vitroe antitumoral em animais com sarcoma 180..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / Luciana Nalone Andrade - Integrante / Ricardo Guimarães Amaral - Integrante / SILVANA VIEIRA FLORESTA GOMES - Integrante.
2017 - 2018
AVALIAÇÃO DE INTERAÇÕES ENTRE PLANTAS MEDICINAIS E O FÁRMACO ANTINEOPLÁSICO 5-FLUOROURACILA APLICADOS EM CAMUNDONGOS TRANSPLANTADOS COM O TUMOR SARCOMA 180
Descrição: O câncer é uma doença que rompe as regras elementares de funcionamento pelas quais os organismos são regidos e mantidos, e aproveita-se de todas as chances para instalar-se. A maioria dos cânceres têm peculiaridades que exibem a sua origem e cerca de 80% de todos os tipos que surgem no homem são carcinomas, os quais são derivados da multiplicação descontrolada de células epiteliais. urbana (OLIVEIRA, et. al, 2015). As principais formas de tratamento contra o câncer são a quimioterapia, radioterapia e a cirurgia, as quais podem ser indicadas em conjunto, dependendo da suscetibilidade dos tumores a essas modalidades terapêuticas. A quimioterapia, em específico, envolve o tratamento terapêutico sistêmico do câncer e utiliza os quimioterápicos/antineoplásicos. É classificada em quimioterapia neoadjuvante, adjuvante, curativa, para controle temporário de doença e paliativa (INCA, 2011). Apesar dos tratamentos padrões curativos para o câncer, grande parte dos pacientes estão empregando a medicina alternativa complementar (Complementary and Alternative Medicine - CAM), muitas vezes sem orientação médica (HIETALA et al., 2011, SPARREBOOM et. al., 2004). Neste contexto o objetivo principal desse projeto é avaliar as possíveis interações das plantas medicinais mais utilizadas pela população com o fármaco antineoplásico 5-fluorouracila aplicados em camundongos transplantados com sarcoma 180..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
INVESTIGAÇÃO DA SAÚDE MENTAL DOS GRADUANDOS DE CURSOS DA ÁREA DA SAÚDE DE UMA INSTITUIÇÃO PÚBLICA DE SERGIPE
Descrição: INTRODUÇÃO: Tornar-se médico é um oficio de alta complexidade uma vez que, fatores relativos à personalidade do estudante que motivaram sua escolha profissional, ao processo ensino-aprendizagem e à experiência diária com dor e morte, inerentes a este ofício, contribuem para vivências psicoemocionais peculiares, nem sempre investigadas profundamente durante a formação médica. OBJETIVOS: Identificar ideação suicida, estimar a prevalência de Transtornos Mentais Comuns (TMC), síndrome de Burnout e respectivos fatores associados. METODO: Estudo transversal com coleta de dados a ser realizada no período de dezembro/18 a fevereiro/19, abordando uma amostra representativa randomizada dos estudantes das tres Escolas Médicas de Sergipe com métodos de ensino diferentes. Utilizaremos de modo on-line os instrumentos Self Report Questionaire (SRQ-20) para ?screening? de Transtorno Mental Comum (TMC) e o Student Maslasch Burnout Inventory (MBI-SS) para investigação da Sindrome de Burnout (SB). Junto com estes dois instrumentos também será aplicado um questionário elaborado pelos autores e testado num estudo piloto anterior, contendo questões fechadas pré-codificadas sobre características socioeconômicas e demográficas, aspectos pessoais e processo educacional. Os dados serão analisados em três etapas: análise descritiva da amostra, cáculo das razões de prevalência na análise bivariada e etapa final com análise multivariada por regressão logística. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Acreditamos que nossa pesquisa é de grande relevância porque tem o diferencial de pesquisar ao mesmo tempo os estudantes de medicina das tres únicas Escolas Médicas do nosso Estado com métodos de ensino e caracteristicas diferentes. Assim, ela contribuirá para elaboração de medidas preventivas adequadas, caso sejam identificados alta prevalência sos sintomas psíquicos pesquisados e seus fatores de risco associados.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / Tais Christina Unfer - Integrante / EDMEA FONTES DE OLIVA COSTA - Integrante / Enaldo Vieira de Melo - Integrante / Margleice Marinho Vieira Rocha - Integrante.
2016 - Atual
DESENVOLVIMENTO DE NOVAS FORMULAÇÕES FARMACÊUTICAS COM EFEITO ANTITUMORAL APARTIR DE EXTRATOS DE PLANTAS MEDICINAIS OU SUBSTÂNCIAS SINTÉTICAS
Descrição: Câncer, neoplasia ou tumor maligno são usados como sinônimos para denominar uma classe de doenças caracterizada pelo crescimento descontrolado de células. Estas células invadem tecidos e órgãos normais, por extensão direta ou por disseminação à distância através do sangue, linfa ou superfície serosa, espalham-se para outras regiões do corpo e podem levar à morte A descoberta de novos compostos sem efeitos colaterais nocivos à vida e com atividade terapêutica para determinadas doenças tem sido sistematicamente procurada ao longo desses anos. Esse projeto visa o desenvolvimento de novas formulações farmacêuticas com extratos ou substâncias sintéticas com efeito antitumoral..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / Luciana Nalone Andrade - Integrante / Ricardo Guimarães Amaral - Integrante.
2015 - 2016
PADRONIZAÇÃO DE MODELO EXPERIMENTAL DE NEUROPATIA PERIFÉRICA INDUZIDA POR PACLITAXEL EM CAMUDONGOS SWISS
Descrição: O paclitaxel é um agente antitumoral, do grupo dos taxanes, derivado do extrato da casca do teixo do pacífico Taxus brevifolia, identificado em 1971 (WANI, et al., 1971). Desde então, é um quimioterápico amplamente utilizado, que de forma isolada ou combinado a outros quimioterápicos, participa do tratamento de diversos tipos de câncer, como neoplasias de mama, ovário, bexiga, pulmão, cabeça e pescoço. Sendo uma droga antimicrotúbulo, o paclitaxel atua promovendo uma distorção no fuso mitótico e um subsequente bloqueio na transição metáfase-anáfase da mitose, induzindo à apoptose na divisão celular (JORDAN e KAMATH, 2007). A Neuropatia periférica induzida por quimioterapia (NPIQ) é um dos efeitos adversos comumente relatados durante o uso de paclitaxel, podendo interferir no tratamento oncológico devido à necessidade de redução de dose ou descontinuação do tratamento (MILTENBURG e BOOGERD, 2014). À longo prazo, a NPIQ pode afetar a qualidade de vida dos pacientes (TANABE, et al., 2013). A incidência global de NPIQ é estimada em 80% dos pacientes tratados com esquemas de paclitaxel, sendo que aproximadamente 25% apresentam um quadro grave (HERSHMAN, et al.). A NPIQ relacionada ao paclitaxel é caracterizada por parestesia em extremidade dos membros, bilateral, simétrica em padrão bota-e-luva, podendo cursar com perda da sensibilidade periférica e dos reflexos tendíneos profundos. Apesar de uma apresentação clínica similar a de outras neuropatias induzidas por agentes quimioterápicos, acredita-se que a fisiopatologia da neuropatia pelo paclitaxel apresenta diferenças específicas relacionadas ao seu mecanismo antitumoral (SCRIPTURE, FIGG e SPARREBOOM, 2006). A incidência da NPIQ associada ao paclitaxel pode variar com a dose acumulada e por ciclo, tempo de infusão, esquema utilizado ou a presença comorbidades (LEE e SWAIN, 2006). Apesar da alta frequência da NPIQ durante o tratamento oncológico e das limitações terapêuticas importantes que esta pode ocasionar, até o presente momento, não há definida uma abordagem farmacológica específica para a NPIQ capaz de mostrar benefício clínico robusto (HERSHMAN, et al., 2014). O uso de opióides, anticonvulsivantes e antidepressivos para controle sintomático provém de resultados positivos destes medicamentos em outras neuropatias, como a diabética e a pós-herpética, que apresentam sintomatologia e fisiopatologia diferentes da NPIQ (WOLF, BARTON e QIN, 2012). Na tentativa de se encontrar uma droga efetiva para prevenção da neuropatia periférica induzida pelo paclitaxel, vários estudos com diferentes agentes farmacológicos, incluindo quimioprotetores, anticonvulsivantes, vitaminas, minerais, antidepressivos, foram realizados ao longo das últimas décadas, mas sem resultados clínicos consistentes (HERSHMAN, et al., 2014). Uma melhor compreensão sobre possíveis mecanismos de indução da neuropatia pelos quimioterápicos, e em específico pelo paclitaxel, tem permitido um direcionamento mais preciso na pesquisa de novos agentes neuroprotetores, como no grupo dos antioxidantes (FIDANBOYLU, GRIFFITHS e FLATTERS, 2011). Porém, apesar de amplo estudos não há um consenso de um modelo experimental usando animais de laboratórios de NPIQ, o qual dificulta o desenvolvimento de novas terapias farmacológicas e não-farmacológicas deste efeito adverso. Diante disso, esse projeto tem o objetivo padronizar um modelo experimental de neuropatia induzida por quimioterápico, utilizando o paclitaxel, possibilitando o estudo de novas terapias farmacológicas no tratamento deste efeito adverso..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2016
DESENVOLVIMENTO DE UM NOVO EXTRATO RICO EM FLAVANÓIDES ORIUNDO DA ESPÉCIE Passiflora COM POTENCIAL ANTICÂNCER, UTILIZANDO EXTRAÇÃO ACELERADA POR SOLVENTE (ASE).
Descrição: A palavra câncer se refere a uma variedade de doenças, em que sua característica principal é o crescimento descontrolado das células. Existem mais de 100 tipos de câncer, que diferem de acordo com o tipo de célula, tecido ou órgão em que ocorrem. O objetivo primário da quimioterapia é destruir as células neoplásicas, preservando as normais. Entretanto, a maioria dos agentes quimioterápicos atua de forma não-específica, lesando tanto células malignas quanto normais, particularmente as células de rápido crescimento, como as gastrointestinais, capilares e as do sistema imunológico. Isto explica a maior parte dos efeitos colaterais da quimioterapia: náuseas, perda de cabelo e susceptibilidade maior às infecções. Monografias das drogas vegetais de P. alata, P. edulis e P. incarnata, assim como a tintura de P. edulis estão descritas no Formulário de Fitoterápicos da Farmacopeia Brasileira (FFFB), todas com a indicação de uso como ansiolítico e sedativo leve (Brasil, 2011). Folhas de P. alata, P. edulis e partes aéreas de P. incarnata estão recomendadas para quadros leves de ansiedade e insônia a partir da infusão de suas drogas vegetais segundo a RDC nº 10 (2010) (Brasil, 2010), que trata da notificação de drogas vegetais junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Devido à sua grande importância terapêutica, as espécies de P. alata, P. edulis e P. incarnata encontram-se listadas na Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao SUS (RENISUS). A Anvisa padronizou e disponibilizou em seu site, conforme preconizado pela RDC nº 47 (2009) (Brasil, 2006), bula padrão de medicamento fitoterápico obtidos de P. incarnata, no qual o extrato/tintura das partes aéreas é padronizado com flavonoides totais expressos em vitexina. Vale ressaltar que o medicamento de P. incarnata é um dos fitoterápicos industrializados que possui registro simplificado no Brasil (Brasil, 2008) e em outros países, a exemplo dos países da Comunidade Europeia (Ema, 2013) e Canadá (HC, 2013). Porém, não há descrito na literatura nenhuma atividade antitumoral desse gênero, o qual torna nosso estudo inédito..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2017
Caracterização do Uso de Práticas Integrativas e Complementares por pacientes Oncológicos - CHAMADA MS/CNPQ/FAPITEC/SE/SES Nº 02/2013 ? PPSUS SERGIPE
Descrição: O campo das práticas integrativas e complementares (PIC) contempla sistemas médicos complexos e recursos terapêuticos. O interesse por essa temática tem aumentado, principalmente, entre pacientes oncológicos. De maneira geral, os pacientes oncológicos percebem o uso das PICs de maneira positiva, como úteis e não tóxicas, acreditando que propiciam uma mudança no estilo e na qualidade de vida, influenciando, positivamente, os rumos da doença. Dentre as PICs pode-se citar o uso de plantas medicinais e a fitoterapia (PMF). Porém, apesar da concepção errônea de ?é natural, não faz mal?, as PMFs, como todo medicamento, requerem cuidados especiais no uso, como tempo de administração e dosagem, além interações medicamentosas e contraindicações. Diante desse quadro, esse projeto visa caracterizar o uso de PICs por pacientes oncológicos, enfatizando as PMF e pesquisar na literatura os impactos que o uso destes produtos podem ter como consequência no tratamento do câncer. Como contrapartida a Saúde Pública, a proposta visa implementar o Centro de Informação aos Usuários de Plantas Medicinais e Fitoterápicos (CIU-PMF) na UFS como forma de prover o Uso Racional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, além de realizar o screening de produtos naturais, oriundos de plantas medicinais, a cerca do seu potencial citotóxico contra células tumorais in vitro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / Sara Maria Thomazzi - Integrante / TACIANE FÉLIX FERREIRA - Integrante / MARTA REGINA OLIVEIRA REIS - Integrante / PESSOA, CLAUDIA - Integrante / Luciana Nalone Andrade - Integrante / Ricardo Guimarães Amaral - Integrante / Luciana Pereira Lobato - Integrante / GISELLE DE CARVALHO BRITO - Integrante / Thelma Onozato - Integrante / Vitor Amorim - Integrante / Renata Cristian Andrade Assunção - Integrante / Gracilene Maria Silva - Integrante / NATÁLIA LIMA DE BARROS CAETANO - Integrante.Financiador(es): Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica do Estado de Sergipe - Remuneração.
2014 - 2017
Fortalecimento das Linhas de Pesquisa e Formação de Recursos Humanos em Neurociência e Produtos Naturais do Programa de Pós-graduação em Ciências Fisiológicas - EDITAL CAPES/FAPITEC/SE N° 08/2013 - PROMOB
Descrição: A construção de um curso de pós-graduação que contribua com a formação de recursos humanos e produção conhecimento científico de excelência, implica na troca de experiências entre os grupos científicos mais jovens e os mais tradicionais. Neste aspecto, a implementação de redes de cooperação acadêmicas no país é importante, principalmente, para a consolidação dos grupos mais novos. A presente proposta objetiva fortalecer as Linhas de Pesquisa e a Formação de Recursos Humanos em Neurociência e Produtos Naturais do Programa de Pós-graduação em Ciências Fisiológicas (PROCFIS) da Universidade Federal de Sergipe (UFS) em parceria com dois outros Programas de Pós-graduação com experiência bem consolidada, a Psicobiologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (Conceito 5) e a Farmacologia da Universidade Federal do Ceará (Conceito 6). Esta interação, dentre outros aspectos, visa a consolidação das linhas de pesquisa de Produtos Naturais e Neurociências; o estabelecimento de uma rede de pesquisa em Ciências Fisiológicas, o fortalecimento da cooperação acadêmica pré-existente entre os três grupos e a criação de novas parcerias entre pesquisadores dos Programas envolvidos; a melhoria da qualidade da formação dos alunos de pós-graduação envolvidos, pelas missões de estudo e docência; a implantação de novas técnicas de neurobiologia e etnofarmacologia nos laboratórios do PROCFIS; e finalmente, a elaboração de projetos de pesquisa inovadores que gerarão conhecimento científico e que permitirão elevar o nível da qualidade das pesquisas realizadas no PROCFIS, para tornarem-se competitivas no cenário nacional e internacional..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Integrante / Murilo Marchioro - Integrante / Manoel Odorico de Moraes - Integrante / Bruno Coelho Cavalcanti - Integrante / LETICIA VERAS COSTA-LOTUFO - Integrante / PESSOA, CLAUDIA - Integrante / DANIEL BADAUE PASSOS JUNIOR - Integrante / Ricardo Guimarães Amaral - Integrante / Flávia Teixeira Silva - Integrante / José Ronaldo dos Santos - Coordenador / Regina Helena Silva - Integrante / Jeferson de Souza Cavalcante - Integrante / Enilton Aparecido Camargo - Integrante / Alessandra Mussi Ribeiro - Integrante / Waldecy de Lucca Junior - Integrante / John Fontenele Araujo - Integrante / Marcellus Henrique Loiola Ponte de Souza - Integrante / Aline Lima Dierschnabel - Integrante / Rachel Rocha Cintra - Integrante / Katty Anne Amador de Lucena Medeiros - Integrante / Clarissa Loureiro das Chagas Campêlo - Integrante.Financiador(es): Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica do Estado de Sergipe - Auxílio financeiro.
2014 - 2016
Avaliação do Efeito da Biflorina sobre a Invasividade Tumoral Mediante a Alterações na Via de Sinalização Akt/PI3K. - CHAMADA UNIVERSAL MCTI/CNPq N º 14/2013
Descrição: A presença de metástase permanece como a principal causa de morte pelo câncer. Diante da ausência de terapia farmacológica para o tratamento de tumores secundários, a pesquisa de novas drogas com potencial antimetastático é de suma importância para o desenvolvimento de novos fármacos anticâncer. Dentre as substâncias que apresentam potencial sobre a invasividade da célula tumoral, destaca-se a biflorina uma o-naftoquinona isolada das raízes da Capraria biflora, droga com atividade citotóxica, antitumoral e antimetastática já descrita na literatura. Entretanto, estudos mais aprofundados a cerca da sua ação sobre a invasividade celular, assim como seu possível mecanismo de ação, ainda não foram realizados, o que torna urgente a continuidade do estudo dessa quinona. Diante disso, o presente projeto tem como objetivo avaliar a interferência da biflorina sobre invasividade celular utilizando células humanas tumorais altamente metastáticas e avaliar seu possível mecanismo de ação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
AVALIAÇÃO DO MECANISMO DE AÇÃO DE DERIVADOS SINTÉTICOS CITOTÓXICOS DO ÁLCOOL PERÍLICO - Edital CNPq - PIBIC
Descrição: Em ensaios realizados previamente em nosso laboratório, observamos que os monoterpenos LAP1, LAP2, LEP1 e LEP2 apresentaram inibição da proliferação de células tumorais significativa contra três linhagens de células analisadas, elas: adenocarcinoma ovariano (OVACAR-8), carcinoma de colón (HCT-116) e glioblastoma (SF-295). Foi observado um grau de inibição (GI) de 95,82 %, 91,68 % e 90,92 % para LAP1; 83,03 %, 70,24% e 59,28 % para LAP2; 99,46 %, 99,37% e 95,66 % para LEP1 e 98,64 %, 102,06 % e 90,92 % para LEP2, nas linhagens de células tumorais HCT -116, OVACAR-8 e SF-295, respectivamente. Também foi observado a atividade antitumoral do derivado monoterpênico LEP1 em camundongos transplantados com tumor sarcoma 180 (S180), no qual foi observado que o LEP1 inibiu o crescimento tumoral em 29,3 % e 53,3 % nas doses de 100 e 200 mg/kg/dia, respectivamente (p<0,001). Não foram observadas alterações comportamentais, na ingestão de água nem no consumo de alimentos nos animais tratados com LEP1. Diante disso, é essencial a avaliação do possível mecanismo de ação dos derivados do álcool perílico para a compreensão melhor do seu efeito antitumoral e citotóxico e para a prospecção de derivados bioativos de interesse para o tratamento do câncer..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / Cecília de C Oliveira - Integrante / Luciana Nalone Andrade - Integrante / Tayane Kayne Mariano da Silva - Integrante / Ricardo Guimarães Amaral - Integrante / Andressa da Silva - Integrante / EDUARDO TADEU AZEVEDO MOURA - Integrante.
2014 - 2015
ESTUDO QUÍMICO E BIOLÓGICO DE ÓLEOS ESSENCIAIS DE PLANTAS MEDICINAIS - Edital CNPq - PIBIC
Descrição: A busca por novos compostos bioativos de origem natural a partir do isolamento biomonitorado levou ao desenvolvimento de uma ampla variedade de medicamentos, com as mais diversas aplicações (CORDEL et al., 2007). O uso de plantas medicinais tradicionais para tratamento de infecções é conhecido, e trabalhos científicos nessa área tentam comprovar a eficácia dessa aplicação milenar. Para tanto, averiguar a eficácia e segurança do emprego desses extratos e óleos em testes laboratoriais minimiza alguns problemas, como intoxicação e/ou dosagem inapropriada. Os óleos essenciais de plantas aromáticas e medicinais são conhecidos desde a antiguidade por suas atividades biológicas, constituindo, assim, um dos grupos mais investigadas de metabolitos secundários. É sabido também que sua composição química é determinada geneticamente, sendo geralmente específica para um determinado órgão, e característica para seu estágio de desenvolvimento, mas as condições ambientais são capazes de causar variações significativas. Além disso, com o crescente interesse em seu uso nas indústrias farmacêuticas e agroquímicas, a análise sistemática de óleos para essas propriedades tornou-se cada vez mais importante. Dessa forma, os estudos dos óleos essenciais extraídos de plantas medicinais contribuíram e contribuirão para a identificação do potencial químico e biológico dos mesmos. Assim, em linhas gerais, esse projeto visa à extração de óleos essenciais de plantas medicinais do horto do município de Lagarto, envolvendo uma grande interdisciplinaridade, combinando a química (técnicas de análises cromatográficas e espectrométricas) e biológica (atividades biológicas) que fornecem a oportunidade de treinamento nessas áreas que estão em alta demanda nas indústrias químicas e farmacêuticas. Além disso, a iniciativa tem o propósito de desenvolver a produção de insumos de origem vegetal, preferencialmente com cultivo orgânico, considerando a agricultura familiar, o conhecimento tradicional e científico. Além disso, este projeto ajudará no processo ensino-aprendizagem dos alunos vinculados ao projeto, permitindo que os mesmos possam aplicar na pesquisa o que foi visto em sala de aula. Proporcionará retorno aos cursos de graduação e pós-graduação com os resultados obtidos, que serão divulgados e utilizados como justificativa na busca de recursos financeiros na forma de projetos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2014
AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTITUMORAL DE DERIVADOS SINTÉTICOS DO ÁLCOOL PERÍLICO - Edital CNPq - PIBIC
Descrição: A palavra câncer se refere a uma variedade de doenças, em que sua característica principal é o crescimento descontrolado das células. Existem mais de 100 tipos de câncer, que diferem de acordo com o tipo de célula, tecido ou órgão em que ocorrem. A própria palavra câncer é associada a temor e dor. Quando diagnosticada a algum parente próximo ou um ente querido, toda a família, amigos, colegas, profissionais e até a própria sociedade, o qual o mesmo está inserido, sente o impacto psicológico extremo, por esta ter se tornado um estigma de mortalidade e dor. Infelizmente há motivos para esse estigma, já que a mortalidade pelo câncer continua sendo inaceitavelmente alta, sendo considerada como segunda maior causa de morte no Brasil, perdendo apenas para as doenças do aparelho circulatório. Esse fato é claramente comprovado pelos dados do DATASUS (2010) que demonstraram que em 2010 houveram 178.990 mortes pelo câncer. No nordeste, a mortalidade do câncer foi de 37.330, perdendo, apenas, para doenças do aparelho circulatório (81.692 mortes). Além disso, as estimativas no Brasil para o ano de 2012, válidas também para o ano de 2013, apontam que ocorrerão 518.510 casos novos de câncer. Deste total espera-se 88.350 novos casos no nordeste, dados bastantes relevantes que justificam esse estigma de morte associado a doença. Dentre os tratamentos utilizados hoje na clínica podemos citar três tipos principais: cirurgia, radioterapia e quimioterapia. Mais recentemente tem-se usado a terapia de fotorradiação e a imunoterapia , sendo que o objetivo de cada um destes tratamentos é erradicar o câncer, normalmente por meio da terapia combinada, onde é associado mais que um tipo de tratamento. O objetivo primário da quimioterapia é destruir as células neoplásicas, preservando as normais. Entretanto, a maioria dos agentes quimioterápicos atua de forma não-específica, lesando tanto células malignas quanto normais, particularmente as células de rápido crescimento, como as gastrointestinais, capilares e as do sistema imunológico. Isto explica a maior parte dos efeitos colaterais da quimioterapia: náuseas, perda de cabelo e susceptibilidade maior às infecções. Porém, o corpo recupera-se destes inconvenientes após o tratamento, e o uso clínico desses fármacos exige que os benefícios sejam confrontados com a toxicidade, na procura de um índice terapêutico favorável. Um fator importante para o êxito da quimioterapia é a precocidade no diagnóstico do tumor. Diante de tal cenário, fica claro a necessidade de pesquisar novos grupos de fármacos para o controle e o tratamento do câncer. A prevenção de novos casos, o aumento da sobrevida e melhora na qualidade de vida das pessoas com câncer são uns dos novos desafios da pesquisa atualmente.Diante desse contexto, o seguinte projeto tem como objetivo avaliar a atividade antitumoral de derivados terpênicos do álcool perílico, substância que já possui atividade antitumoral descrita na literatura com a finalidade de descobrir novos derivados bioativos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / Cecília de C Oliveira - Integrante / Giovanna de Andrade Neo - Integrante / Luciana Nalone Andrade - Integrante / Tayane Kayne Mariano da Silva - Integrante / Damião Peregrino de Souza - Integrante / Ricardo Guimarães Amaral - Integrante.
2012 - 2014
PET-SAÚDE Subproposta: ?Saúde e Trabalho: O Agente Comunitário de Saúde? - Edital PRÓ/PET-SAÚDE 2012
Descrição: O desenvolvimento das principais ações da Estratégia de Saúde da Família ocorre através dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS), responsáveis pelo elo entre as unidades de saúde e a comunidade, da qual foram selecionados. Tradicionalmente, essas pessoas têm assumido importantes tarefas no cuidado de saúde, inclusive em diferentes sistemas e contextos, ganhando prestígios na comunidade e com conseqüente impacto positivo sobre os indicadores de saúde. O aumento significativo de trabalho e de responsabilidade, além de esperados conflitos, dentre outros fatores, pode ocasionar situações de estresse, causando problemas de saúde, desmotivação e insatisfação na execução das ações. Outro ponto relevante é o provável impacto em ações específicas, relevantes para a saúde profissional e da comunidade assistida. Diante disso, torna-se imprescindível conhecer e descrever o trabalho desses profissionais, e impacto de suas ações na saúde profissional e da comunidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (12) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Integrante / José Antonio Barreto Alves - Coordenador.Financiador(es): Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.
2012 - 2013
USO DE PLANTAS MEDICINAIS NO MUNICÍPIO DE LAGARTO, SE - Edital CNPq - PIBIC
Descrição: De acordo com a Organização Mundial da Saúde, plantas medicinais são todas as plantas que contêm em um ou mais de seus órgãos substâncias que podem ser utilizadas com propósitos terapêuticos ou que sejam precursoras de semi-síntese químico-farmacêutica. Só no Brasil, 80% da população brasileira utilizam os produtos de origem natural como única fonte de recursos terapêuticos. Além disso, nos países em desenvolvimento, bem como nos mais desenvolvidos, os apelos da mídia para o consumo de produtos à base de fontes naturais aumentam a cada dia. Os ervanários prometem saúde e vida longa, com base no argumento de que plantas usadas há milênios são seguras para a população.Apesar da importância das Plantas Medicinas e o desenvolvimento de novos fármacos, estima-se que apenas 17% das plantas foram estudadas de alguma maneira quanto ao seu emprego medicinal e, na maioria dos casos, sem grande aprofundamento nos aspectos fitoquímicos e farmacológicos.Diante desse quadro o presente projeto tem como objetivo fazer uma releitura da utilização das plantas medicinais pela população do município de Lagarto/SE. Esses dados podem servir como dados para o estudo futuro de espécies promissoras quanto aos aspectos fitoquímicos, farmacológicos e toxicológicos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / TACIANE FÉLIX FERREIRA - Integrante / MARTA REGINA OLIVEIRA REIS - Integrante / Giovanna de Andrade Neo - Integrante.
2008 - 2011
AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTIMETASTÁTICA DA BIFLORINA, UMA O-NAFTOQUINONA ISOLADA DAS RAÍZES DA Capraria biflora
Descrição: A combinação entre as informações populares e os estudos sistemáticos das plantas medicinais permitiu a descoberta de grande número de fármacos hoje usados na clínica. Tradicionalmente, os fármacos utilizados para tratamento do câncer foram descobertos pela triagem em larga escala de substâncias químicas sintéticas e produtos naturais utilizados contra sistema de tumores animais. A Biflorina, substância isolada das raízes da Capraria biflora L., é uma o-naftoquinona com efeito citotóxico e antitumoral já comprovado em estudos anteriores. Além disso, essa substância aumento a sobrevida dos animais transplantados com células de melanoma murino B16. Como uma das causas da morbidez e mortalidade do câncer é a presença ou não de metátase, esse projeto tem como objetivo avaliar a atividade da biflorina sobre modelo de metástase experimental utilizando as células B16-F10 além de avaliar sua atividade sobre a migração, adesão e invasão dessas células tumorais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Integrante / Manoel Odorico de Moraes - Coordenador.
2005 - 2006
AVALIAÇÃO DO POTENCIAL TERAPÊUTICO DE PLANTAS MEDICINAIS UTILIZADAS COMO ANTIHIPERTENSIVA E ANTIDIABÉTICA NO POVOADO COLÔNIA TREZE EM LAGARTO/SE E IMPLANTAÇÃO DE UMA FARMÁCIA VIVA
Descrição: A necessidade do estudo das plantas medicinais é urgente, pois é preciso selecionar aquelas que se apresentam ativas e dotadas de razoável grau de segurança, a fim de que possam ser utilizadas para aumentar o arsenal terapêutico disponível e ampliar a capacidade de atendimento médico-farmacêutico em saúde pública, especialmente na população de baixa renda. A OMS recomenda o uso de plantas medicinais pelos sistemas públicos de saúde como forma de baixar os custos dos programas de saúde pública e ampliar o número de beneficiários destes programas, principalmente nos países em desenvolvimento. Então, o objetivo principal deste trabalho é avaliar o potencial terapêutico de plantas medicinais utilizadas como antidiabética e antihipertensiva no povoado Colônia Treze e implantar uma farmácia viva neste povoado, visando informar a população consumidora dessas plantas e a comunidade científica em geral, a validade ou não de seus usos para fins de cura. Uma vez validadas, estas plantas poderão ser cultivadas e comercializadas em farmácias vivas a baixo custo e de maneira segura..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Integrante / Angelo Roberto Antoniolli - Coordenador / Márcio Roberto Viana dos Santos - Integrante / Igor Alexandre Cortes Menezes - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Sergipe - Auxílio financeiro.
2004 - 2005
EFEITO DO ÓLEO ESSENCIAL DE Hyptis fruticosa Salzm. ex Benth (LAMIACEAE) SOBRE A REATIVIDADE VASCULAR DE ARTÉRIA MESENTÉRICA ISOLADA DE RATO
Descrição: Avaliar o efeito do óleo essencial de H. fruticosa sobre a reatividade vascular de artéria mesentérica isolada de rato, e elucidar os possíveis mecanismos de ação implicados em seus efeitos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Integrante / Angelo Roberto Antoniolli - Coordenador / Márcio Roberto Viana dos Santos - Integrante.


Projetos de extensão


2017 - Atual
Implantação do Centro de Informação sobre Medicamentos (CIMUFS-LAG) da Universidade Federal de Sergipe, Campus Professor Antônio Garcia Filho, Lagarto-SE no Hospital Universitário de Lagarto (HUL)
Descrição: A informação, no âmbito da saúde deve ser encarada como um instrumento controlador, sendo o ato de informar, uma importante estratégia de regulação da vida dos indivíduos. Segundo a OMS (1995), os Centrosde Informação sobre Medicamentos (CIMs), são unidades operacionais que proporcionam informações técnico-científicas sobre medicamentos de modo objetivo e oportuno, constituem uma estratégia para atender as necessidades particulares de informação. A informação técnica qualificada fornecida pelos CIMs pode auxiliar significativamente na garantia do direito integral e universal à saúde, contribuindo para o alcance de seu principal objetivo, a promoção do URM. Objetivo geral: Implantar o Centro de Informação sobre Medicamentos da Universidade Federal de Sergipe, Campus Professor Antônio Garcia Filho, da Cidade de Lagarto-SE (CIMUFS-LAG), oferecendo o serviço de informações científicas e técnicas sobre medicamentos. Metodologias: O projeto será executado em duas etapas: i) a primeira etapa de trabalho será a implantação do CIMUFS-LAG, envolvendo a organização dos recursos humanos envolvidos, capacitação da equipe, elaboração dos instrumentos de trabalho, horário de funcionamento, divulgação do serviço e busca de parceiros e solicitação da integração do CIMUFS-LAG na Rede Brasileira de Centros e Serviços de Informação sobre Medicamentos (REBRACIM); ii) a segunda etapa constituirá o início das atividades de extensão do CIMUFS-LAG, com a elaboração de informação passiva de acordo com as demandas de solicitações de informações sobre medicamentos enviadas ao CIMUFS-LAG por profissionais da saúde e da comunidade de maneira em geral; elaboração de informação ativa através de informes técnicos, alertas, boletins, folders, artigos, ou qualquer outro tipo de informação sobre medicamentos; treinamento, orientação e assessoramento dos estudantes do curso de farmácia que estejam no CIMUFS-LAG em estágio ou em atividades de extensão ou pesquisa; cooperação com a execução de evento com temática relacionada ao uso racional de medicamentos; colaboração na execução de projetos de pesquisa a partir das ações de extensão sobre o Uso Racional de Medicamentos. Resultados Esperados: Atender todas as demandas de solicitações de informações sobre medicamentos enviadas ao CIMUFS-LAG, oriundas de profissionais da saúde e da comunidade geral de forma técnico-científica imparcial, atualizada e objetiva..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (20) / Especialização: (2) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / RANGEL RODRIGUES BOMFIM - Integrante / GISELLE DE CARVALHO BRITO - Integrante / RAFAEL CIRO MARQUES CAVALCANTE - Integrante / Tais Christina Unfer - Integrante.
2017 - Atual
Liga Acadêmica de Farmácia Hospitalar
Descrição: A Liga Acadêmica de Farmácia Hospitalar (LAFH) consiste em uma organização multidisciplinar de estudantes e profissionais da área da saúde para desenvolvimento de trabalhos científicos, didáticos, assistenciais, culturais e sociais, fortalecendo a formação acadêmica. A proposta desse projeto é promover um aprofundamento maior sobre temas referentes a Farmácia Hospitalar, pertinentes e atuais, para a formação de um farmacêutico que exerce integralmente seu papel social. Trabalhando não somente aspectos técnicos, que visam um aprendizado teórico e prático, mas também a discussão de temas que poderão ser levados para a sociedade em geral, promovendo a educação em saúde tanto para o acadêmico quanto para a sociedade. Podendo resultar estas atividades em trabalhos de pesquisa sobre os resultados obtidos. As atividades a serem desenvolvidas pela LAFH constituirá em atividades científicas teóricas e práticas, com aulas, seminários, discussões de textos, acompanhamento a paciente, acompanhamento de profissionais da saúde na área hospitalar, na Farmácia Clínica ambulatorial e hospitalar e participação de grupos em atividades de ação social. Procura-se, nesse projeto, o despertar do papel do farmacêutico no ambiente hospitalar como ferramenta promotora da saúde integral do ser humano, no processo de formação e atuação dos profissionais da saúde e também de aprofundamento nesse tema tão amplo..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2017 - Atual
Liga Acadêmica de Farmácia Oncológica

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Luciana Nalone Andrade em 15/11/2017.
Descrição: A Liga acadêmica de Farmácia Oncológica (LAFONC) compreende estudantes, docentes e profissionais de saúde, e tem por fim fomentar o desenvolvimento acadêmico dos estudantes através do incentivo a Pesquisa e Extensão, de forma multidisciplinar, bem como impulsionar a propagação de trabalhos didáticos, socioculturais e outros, a fim de fortalecer a coesão social entre os estudantes do campus. A fundação da Liga de Farmácia Oncológica é necessária, pois com a sua criação existe a possibilidade dos discentes dos cursos de ciências de saúde ampliarem seus conhecimentos teóricos, e esses também aplicados à prática, a fim de complementar a formação acadêmica dos mesmos nos aspectos teóricos e técnicos e fomentar as suas perspectivas profissionais. A LAFONC tem por objetivo fomentar a participação acadêmica inter e multidisciplinar dos estudantes de ciências de saúde da Universidade Federal de Sergipe no campo da Farmácia Oncológica. As atividades da Liga Acadêmica de Farmácia Oncológica (LAFONC) serão realizadas no Campus Professor Antônio Garcia Filho, em Lagarto, hospitais do estado de Sergipe e demais redes de atenção à saúde, uma vez que esses locais surgem como facilitadores da formação acadêmica mais aprofundada na farmácia oncológica dos discentes, docentes e profissionais das ciências de saúde envolvidos com o projeto. É esperado que com a fundação da Liga Acadêmica de Farmácia Oncológica crie-se um ambiente que trabalhe a interdisciplinaridade, dentro e fora da sala de aula e que esse complemente e reforce os conhecimentos adquiridos ao longo da formação acadêmica dos ligantes, bem como dos colaboradores, acerca dos conhecimentos adquiridos através de grupos de estudos, projetos de extensão, pesquisa cientifica, seminários, work-shops, aulas práticas e teóricas, palestras, dentre outras atividades que proporcionem o aprendizado acerca de temas sobre a oncologia..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2017 - Atual
Liga Acadêmica de Farmacologia Clínica de Lagarto
Descrição: É com o objetivo de aprimorar tecnicamente os futuros profissionais da área da Saúde, capacitando?os quanto à função social na orientação do uso racional de medicamentos na prevenção, diagnóstico e tratamento de patologias, de forma a garantir maior eficácia terapêutica com o mínimo de riscos ao paciente, através do aprofundamento dos estudos em farmacologia clínica que a Liga de Farmacologia Clínica do Campus da UFS/Lagarto (LAFAC-LAG) se apresenta. A farmacologia clínica é o estudo das aplicações clínicas das drogas, por meio de ensaios clínicos e discussões (SCHELLACK, 2005) e é com o intuito de fomentar essa prática no meio acadêmico que a LAFAC-LAG se justifica..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2015 - 2016
Proteção solar e educação para a prevenção do câncer de pele em trabalhadores rurais expostos ao sol no município de Lagarto, Sergipe.
Descrição: Inúmeros indivíduos trabalham expostos ao sol todos os dias. Entre estes, há os trabalhadores rurais que têm muito pouca orientação e esclarecimento acerca dos danos que a exposição constante aos raios solares pode causar no organismo, assim como as formas de prevenção e tratamento das patologias que possam surgir. Há, de acordo com o Sindicato de da categoria, 17.916 trabalhadores rurais na cidade de Lagarto, situada no Centro Sul do estado de Sergipe. Segundo dados de instituições meteorológicas, esse município possui índice de radiação ultravioleta variando entre ?muito alto? e ?extremo?. A partir disso, há a necessidade, e interesse por parte da Prefeitura Municipal e do Sindicato de Trabalhadores Rurais, de que sejam realizadas ações educativas direcionadas a esta população rural com o objetivo de promover a educação em saúde, orientando quanto à prevenção do câncer de pele a partir rodas de conversa e orientação quanto à utilização de protetores solares e filtros labiais..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2014 - 2016
Acompanhamento Farmacoterapêutico e Implantação de Grupos de Motivação como Estratégia Auxiliar na Recuperação de Dependentes Químicos no Município de Lagarto,SE. - EDITAL PROEXT2014 / MEC-SESu
Descrição: O consumo de substâncias psicoativas gera grandes problemas sociais e de saúde, o qual torna necessário que o mesmo seja tratado como problema de saúde pública, com a necessidade da identificação precoce, encaminhamento adequado e, principalmente, a multiplicação de ações que possam auxiliar a recuperação dos envolvidos. Porém, devido a dificuldade atribuída a fatores sociais, familiares, individuais e sobretudo aos efeitos da síndrome de abstinência, podemos observar a falta de adesão ao tratamento, o qual gera falhas na sua recuperação e dificulta o progresso do seu quadro clínico. Essa situação gera um grande transtorno para a família, ao usuário e ao meio social o qual o mesmo está inserido, podendo desencandear dramas psicológicos. Por meio do acompanhamento farmacoterapêutico, foco desse programa, é possível observar os pontos falhos e a evolução da terapia em todas as etapas que concerne o tratamento desses indivíduos, desde o acolhimento a recuperação. Diante desse quadro, esse programa tem como objetivo realizar o acompanhamento farmacoterapêutico dos dependentes químicos do CAPS ad do Município de Lagarto, SE e realizar múltiplas Ações de Motivação que utilizam de estratégias lúdicas, sociais, psicológicas e sociais que visam facilitar a recuperação dos mesmos e promover sua inserção social..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / Fernanda Rodrigues Santana - Integrante / Graciéla Carvalho do Nascimento - Integrante.Financiador(es): Ministério da Educação - Auxílio financeiro.
2013 - 2014
Prevenção ao Uso do Crack nas Escolas Públicas do Município de Lagarto/SE - Edital PIBIX/UFS
Descrição: O consumo de substâncias psicoativas tem gerado problemas sociais e de saúde. O consumo de drogas ilícitas deve ser tratado como problema de saúde pública, sendo importante a identificação precoce, o encaminhamento adequado e, principalmente, a multiplicação de ações preventivas. Este quadro reforça a necessidade de se ampliar as pesquisas sobre o uso de drogas entre a população estudantil, com o objetivo de implantar programas de prevenção e de desenvolver programas considerando as particularidades de cada população, como diferenças culturais, drogas mais disponíveis, custos, entre outros. Diante disso esse projeto tem como objetivo caracterizar o consumo de crack nas escolas estaduais e municipais do município de Lagarto (SE), assim como o perfil de seu usuário, e realizar intervenções de modo a prevenir o consumo e sensibilizar os usuários a respeito dos riscos ao utilizar a referida droga..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Adriana Andrade Carvalho - Coordenador / Fernanda Rodrigues Santana - Integrante / Graciéla Carvalho do Nascimento - Integrante / Silvana de Brito - Integrante.
2013 - 2014
Consolidação de um modelo de Assistência Farmacêutica voltado para idosos em instituições de longa permanência
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Revisor de periódico


2013 - Atual
Periódico: Journal of Dermatological Case Reports
2013 - 2013
Periódico: Scientia Plena
2013 - Atual
Periódico: Journal of Pharmacy and Pharmacology
2014 - Atual
Periódico: Anais da Academia Brasileira de Ciências (Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Pharmaceutical Biology
2014 - Atual
Periódico: Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Journal of Ancient Diseases & Preventive Remedies


Revisor de projeto de fomento


2018 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica do Estado de Sergipe


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Oncologia Experimental e Clínica.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Farmácia / Subárea: Farmácia Hospitalar.
3.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Farmácia / Subárea: Epidemiologia.
4.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Farmácia / Subárea: Ensino-Aprendizagem.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2018
Prêmio Sílvio Romero - Destaque na Educação, Prefeitura de Lagarto, Sergipe.
2015
2o Colocado do Resumo apresentado: "Caracterização do Pensamento Crítico em Estudantes de Graduação em Farmácia: Um Estudo Piloto", XVIII Congresso da Federación Farmacéutica Sudamericana e 8º Congresso RIOPHARMA de Ciências Farmacê.
2015
2o Colocado do Trabalho: "8,9-Epóxi-Perilaldeído Induz Apoptose e Necrose em Linhagem de Células Leucêmicas", II Congresso Internacional de Inovação e 2º Encontro de Jovens Investigadores em Engenharia Biotecno.
2015
Mensão Honrosa do Projeto de Doutorado: "Avaliação da Atividade Antitumoral do Extrato das Folhas da Passiflora alata", Programa de Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas - PROCFIS.
2014
1o Colocado - Melhor Trabalho: "Avaliação da Composição Química e Citotoxicidade do Óleo Essencial da Mentha x Vilosa (LAMIACEAE) - II Prêmio SOBRAFO e GLENMARK de incentivo à pesquisa, Sociedade Brasileira de Farmacêuticos em Oncologia.
2010
Menção Honrosa no setor de Oncologia Experimental (In vivo Antitumor Effect of Ethanolic and Oil Propolis Extract), 5ª Reunião Regional da Federação de Sociedade de Biologia Experimental, FESBE.
2010
Menção Honrosa no setor de Oncologia Experimental (Inhibition of Human Melanoma Cell Line - MDAMB-435- Invasion by BFC1083, 5ª Reunião Regional da Federação de Sociedade de Biologia Experimental, FESBE.
2006
Menção Honrosa no setor de Produtos Naturais (Cardiovascular Effects Induced by Aqueous Extract of The Caesalpina Ferrea (CAESALPINACEAE) In Rats, XXI Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental, Fesbe.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:23
Total de citações:164
Fator H:8
Carvalho, Adriana A  Data: 30/07/2018

SCOPUS
Total de trabalhos:32
Total de citações:250
Carvalho, A.A.; Carvalho, Adriana Andrade  Data: 31/08/2016

Artigos completos publicados em periódicos

1.
AMARAL, R. G.2018AMARAL, R. G. ; ANDRADE, L. N. ; SEVERINO, P. ; SANTOS, M. I. S. ; DIAS, A. S. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. Ó. ; CARVALHO, ADRIANA ; THOMAZZI, S. M. ; ESTEVAM, C. S. . Investigation of the possible antioxidant and anticancer effects of Croton argyrophyllus (Euphorbiaceae). CHEMICAL ENGINEERING TRANSACTIONS, v. 64, p. 253-258, 2018.

2.
CARVALHO, LARISSA FEITOSA2017CARVALHO, LARISSA FEITOSA ; SILVA, ANA MARIA FANTINI ; CARVALHO, Adriana Andrade . The use of antioxidant agents for chemotherapy-induced peripheral neuropathy treatment in animal models. Clinical and Experimental Pharmacology & Physiology, v. 44, p. 971-979, 2017.

3.
JESUS, ELISDETE MARIA SANTOS DE2017JESUS, ELISDETE MARIA SANTOS DE ; SANTOS, DIANA VITURINO ; VIEIRA, MÁRCIO LIMA DA CONCEIÇÃO ; CARVALHO, Adriana Andrade . Metodologias de ensino e os estilos de aprendizagem na graduação em farmácia: um estudo piloto. POLÍTICA E GESTÃO EDUCACIONAL (ONLINE), v. 21, p. 621-639, 2017.

4.
DANTAS SILVA, REJANE PINA2017DANTAS SILVA, REJANE PINA ; MACHADO, BRUNA APARECIDA SOUZA ; BARRETO, GABRIELE DE ABREU ; COSTA, SAMANTHA SERRA ; ANDRADE, LUCIANA NALONE ; AMARAL, RICARDO GUIMARÃES ; CARVALHO, Adriana Andrade ; PADILHA, FRANCINE FERREIRA ; BARBOSA, JOSIANE DANTAS VIANA ; UMSZA-GUEZ, MARCELO ANDRES . Antioxidant, antimicrobial, antiparasitic, and cytotoxic properties of various Brazilian propolis extracts. PLoS One, v. 12, p. e0172585, 2017.

5.
VICTOR, MAURICIO2017VICTOR, MAURICIO ; DAVID, JORGE ; DOS SANTOS, MARCELO ; BARREIROS, ANDRÉ ; BARREIROS, MARIZETH ; ANDRADE, FERNANDA ; CARVALHO, ADRIANA ; LUCIANO, MARIA ; DE MORAES, MANOEL ; BARROS-NEPOMUCENO, FRANCISCO ; PESSOA, CLAUDIA . Synthesis and Evaluation of Cytotoxic Effects of Amino-ester Derivatives of Natural α,β-Amyrin Mixture. JOURNAL OF THE BRAZILIAN CHEMICAL SOCIETY, p. 2155-2162, 2017.

6.
DORIA, G. A. A.2016DORIA, G. A. A. ; MENEZES, P. B. ; LIMA, B. S. ; MORAES, M. O. ; CARVALHO, ADRIANA A. ; QUITANS, L. ; ARAUJO, A. A. A. D. S. . In vivo antitumor effect, induction of apoptosis and safety of Remirea maritima Aubl. (Cyperaceae) extracts. Phytomedicine (Stuttgart), v. 23, p. 914-922, 2016.

7.
ANDRADE, LUCIANA2016 ANDRADE, LUCIANA ; AMARAL, RICARDO ; DÓRIA, GRACE ; FONSECA, CECÍLIA ; DA SILVA, TAYANE ; ALBUQUERQUE JÚNIOR, RICARDO ; THOMAZZI, SARA ; DO NASCIMENTO, LÁZARO ; CARVALHO, ADRIANA ; DE SOUSA, DAMIÃO . In Vivo Anti-Tumor Activity and Toxicological Evaluations of Perillaldehyde 8,9-Epoxide, a Derivative of Perillyl Alcohol. INTERNATIONAL JOURNAL OF MOLECULAR SCIENCES, v. 17, p. 32, 2016.

8.
AMARAL, RICARDO GUIMARÃES2016AMARAL, RICARDO GUIMARÃES ; ANDRADE, LUCIANA NALONE ; DÓRIA, GRACE ANNE AZEVEDO ; BARBOSA-FILHO, JOSÉ MARIA ; DE SOUSA, DAMIÃO PERGENTINO ; CARVALHO, Adriana Andrade ; THOMAZZI, SARA MARIA . Antitumour effects of the essential oil from Mentha x villosa combined with 5-fluorouracil in mice. FLAVOUR AND FRAGRANCE JOURNAL, v. 31, p. 250-254, 2016.

9.
MOUSINHO, K. C.2015MOUSINHO, K. C. ; MATOS-ROCHA, T. J. ; PEREIRA, E. A. C. ; CORREIRA, M. B. L. ; SIMEY, S. L. P. ; SOUZA, I. A. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; CASTANHO, M. T. J. . Efeito da fração não-oleosa doRicinus communisna biodistribuição comTecnécio-99m em camundongos. Revista Brasileira de Plantas Medicinais, v. 17, p. 420-426, 2015.

10.
SANTOS, A. A.2015 SANTOS, A. A. ; CARVALHO, ADRIANA A. . Pharmacological therapy used in the elimination of Helicobacter pylori infection: A Review. WORLD JOURNAL OF GASTROENTEROLOGY, v. 21, p. 139, 2015.

11.
CAETANO, N. L. B.2015CAETANO, N. L. B. ; FERREIRA, T. F. ; REIS, M. R. O. ; NEO, G. A. ; CARVALHO, ADRIANA A. . Plantas medicinais utilizadas pela população do município de Lagarto- SE, Brasil ? ênfase em pacientes oncológicos. Revista Brasileira de Plantas Medicinais, v. 17, p. 748-756, 2015.

12.
CARVALHO, ADRIANA A.2015CARVALHO, ADRIANA A.; ANDRADE, L. N. ; SOUZA, D. P. . Antitumor Phenylpropanoids Found in Essential Oils. BIOMED RES INT, v. 2015, p. 1-21, 2015.

13.
AMARAL, R. G.2015AMARAL, R. G. ; FONSECA, C. S. ; SILVA, T. K. M. ; ANDRADE, L. N. ; FRANCA, M. E. ; BARBOSA FILHO, J. M. ; SOUZA, D. P. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; CARVALHO, ADRIANA A. ; THOMAZZI, S. M. . Evaluation of the cytotoxic and antitumour effects of the essential oil from M entha x villosa and its main compound, rotundifolone. Journal of Pharmacy and Pharmacology, p. n/a-n/a, 2015.

14.
ANDRADE, L. N.2015ANDRADE, L. N. ; LIMA, T. C. ; AMARAL, R. G. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. ; SOARES, B. M. ; NASCIMENTO, L. ; CARVALHO, ADRIANA A. ; SOUZA, D. P. . Evaluation of the Cytotoxicity of Structurally Correlated p-Menthane Derivatives. Molecules (Basel. Online), v. 20, p. 13264-13280, 2015.

15.
COSTA, P. M.2015 COSTA, P. M. ; COSTA, M. P. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; CAVALCANTI, S. M. T. ; CARDOSO, M. V. O. ; OLIVEIRA FILHO, G. B. ; VIANA, D. A. ; FECHINE-JAMACARU, F. V. ; LEITE, A. C. L. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; FERREIRA, P. M. . Improvement of in vivo anticancer and antiangiogenic potential of thalidomide derivatives. Chemico-Biological Interactions (Print), p. 111-115, 2015.

16.
CARVALHO, Adriana Andrade2014CARVALHO, Adriana Andrade; BOMFIM, R. R. ; SARAIVA, N. N. ; PEREIRA, R. M. C. . O USO DE VÍDEOS COMO ELEMENTO DISPARADOR DE APRENDIZAGEM, NO LUGAR DE TEXTOS-PROBLEMAS, EM SESSÕES TUTORIAIS DE UM CURSO ESTRUTURADO EM METODOLOGIAS ATIVAS DE ENSINO.. Espaço para a Saúde (Online), v. 15, p. 681-688, 2014.

17.
CARVALHO, Adriana Andrade2014CARVALHO, Adriana Andrade. Utilização da Aprendizagem Baseada em Tarefas no Ensino do Metabolismo dos Carboidratos no Curso de Farmácia da Universidade Federal de Sergipe. Espaço para a Saúde (Online), v. 15, p. 153-160, 2014.

18.
FERRAZ, R.P.C.2013FERRAZ, R.P.C. ; CARDOSO, G. M. B. ; Silva, T.B. ; FONTES, J.E.N. ; PRATA, A.P.N. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; COSTA, E. V. ; BEZERRA, D. P. . Antitumor properties of the leaf essential oil of Xylopia frutescens Aubl. (Annonaceae). Food Chemistry, v. 141, p. 196-200, 2013.

19.
DO'N.'FONTES, JOSÉ ERALDO2013DO'N.'FONTES, JOSÉ ERALDO ; FERRAZ, ROSANA P. C. ; BRITTO, ANNY C. S. ; CARVALHO, ADRIANA A. ; MORAES, MANOEL O. ; PESSOA, CLAUDIA ; COSTA, EMMANOEL V. ; BEZERRA, DANIEL P. . Antitumor Effect of the Essential Oil from Leaves of Guatteria pogonopus (Annonaceae). Chemistry & Biodiversity (Print), v. 10, p. 722-729, 2013.

20.
CARVALHO, Adriana Andrade2013 CARVALHO, Adriana Andrade; COSTA, P. M. ; SOUZA, L. G. S. ; LEMOS,T.L.G. ; ALVES, A. P. N. N. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. . Inhibition of metastatic potential of B16F10 melanoma cell line in vivo and in vitro by biflorin. LIFE SCIENCES, v. 93, p. 201-207, 2013.

21.
CARVALHO, Adriana Andrade;CARVALHO, ADRIANA A.;CARVALHO, A.A.;CARVALHO, ADRIANA2013CARVALHO, Adriana Andrade; COSTA, P. M. ; SOUZA, L. G. S. ; LEMOS, T. L. G. ; NUNES, A. P. N. ; PESSOA, C. Ó. ; Moraes, M.O. . Inhibition of metastatic potential of B16-F10 melanoma cell line in vivo and in vitro by biflorin.. Life Sciences (1973), v. 93, p. 201-207, 2013.

22.
BRITO, A. C. S.2012BRITO, A. C. S. ; OLIVEIRA, A. C. A. ; HENRIQUES, R. M. ; CARDOSO, G. M. B. ; BOMFIM, D. S. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; PINHEIRO, M. L. B. ; COSTA, E. V. ; BEZERRA, D. P. . In vitro and in vivo antitumor effects of the essential oil from the leaves of Guatteria friesiana. Planta Medica, v. 01, p. 01-01, 2012.

23.
CAVALCANTI, B. C.2012CARVALHO, Adriana Andrade; CAVALCANTI, B. C. ; COSTA, P. M. ; RODRIGUES, F.A.R. ; AMORIM, R. C. N. ; da SILVA, E.C.C. ; POHLIT, A. M. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. . Involvement of intrinsic mitochondrial pathway in neosergeolide-induced apoptosis of human HL-60 leukemia cells: The role of mitochondrial permeability transition pore and DNA damage. Pharmaceutical Biology, v. 50, p. 980-993, 2012.

24.
Ribeiro, S.S.2012Ribeiro, S.S. ; Jesus, A.M. ; Anjos, C.S. ; Silva, T.B. ; SANTOS, A. D. C. ; Jesus, J.R. ; SAMPAIO, T. S. ; ALVES, Péricles Barreto ; CARVALHO, Adriana Andrade ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. ; PINHEIRO, M. L. B. ; NOGUEIRA, P. C. L. ; COSTA, E. V. ; BEZERRA, D. P. . Evaluation of the cytotoxic activity of some Brazilian medicinal plants. Planta Medica, v. 78, p. 1601-1606, 2012.

25.
BEZERRA, D.P.2012BEZERRA, D.P. ; BRITTO, A.C.S. ; OLIVEIRA, A.C.A. ; HENRIQUES, R.M. ; CARDOSO, G.M.B. ; BOMFIM, D.S. ; CARVALHO, A.A. ; PESSOA, C. ; PINHEIRO, M.L.B. ; COSTA, E.V. . 998 Assessment of Antitumor Properties of the Essential Oil From the Leaves of Guatteria Friesiana. European Journal of Cancer, v. 48, p. S241, 2012.

26.
CARVALHO, Adriana Andrade;CARVALHO, ADRIANA A.;CARVALHO, A.A.;CARVALHO, ADRIANA2011CARVALHO, Adriana Andrade; FINGER, D. ; MACHADO, C. S. ; SCHMIDT, E. M. ; COSTA, P. M. ; ALVES, A. P. N. N. ; QUEIROZ, M. G. R. ; QUINAIA, S. P. ; da Rosa, M.R. ; dos Santos, J.M.T. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; SAWAYA, A. C. H. F. ; EBERLIN, M. N. ; TORRES, Y. R. . In vivo antitumoural activity and composition of an oil extract of Brazilian propolis. FOOD CHEMISTRY, v. 126, p. 1239-1245, 2011.

27.
MOUSINHO, K. C.2011MOUSINHO, K. C. ; OLIVEIRA, C. C. ; OLIVIERA, J. R. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; MAGALHAES, H. I. ; BEZERRA, D. P. ; ALVES, A. P. N. N. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; PESSOA, C. O. ; RAMOS, M.V. ; MORAES, M. O. . Antitumor effect of laticifer proteins of Himatanthus drasticus (Mart.) Plumel - Apocynaceae. JOURNAL OF ETHNOPHARMACOLOGY, v. 1, p. 421-426, 2011.

28.
CARVALHO, Adriana Andrade;CARVALHO, ADRIANA A.;CARVALHO, A.A.;CARVALHO, ADRIANA2011CARVALHO, Adriana Andrade; COSTA, P. M. ; JAMACARU, F. V. F. ; MORAES, M. O. ; CAVALCANTI, B. C. ; PESSOA, C. O. . Natural products used as candidates for angiogenesis inhibitors in cancer therapy. Trends in Organic Chemistry, v. 15, p. 79-93, 2011.

29.
CARVALHO, Adriana Andrade;CARVALHO, ADRIANA A.;CARVALHO, A.A.;CARVALHO, ADRIANA2010CARVALHO, Adriana Andrade; MENEZES, I. A. C. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; SANTOS, M. R. V. . Effect of the chronic treatment with aqueous extract of Caesalpinia ferrea and Chrystobalanus icaco on the vascular reactivity of diabetic rats. Acta Farmaceutica Bonaerense, v. 29, p. 1-5, 2010.

30.
SANTOS, M. R. V.2007SANTOS, M. R. V. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; MEDEIROS, I. A. ; ALVES, Péricles Barreto ; MARCHIORO, M. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto . Cardiovascular effects of Hyptis fruticosa essetial oil in rats.. Fitoterapia (Milano, 1934) (Cessou em 1960. Foi fundido com ISSN 1971-5498 Fitoterapia. Edizione Farmaceutica; ISSN 1971-5501 Fitoterapia. Edizione Me, v. 78, p. 186-191, 2007.

31.
MENEZES, I. A. C.2007MENEZES, I. A. C. ; MOREIRA, I. J. A. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; SANTOS, M. R. V. . Cardiovascular effects of the aqueous extract from Caesalpinia ferrea: Involvement of ATP-sensitive potassium channels.. Vascular Pharmacology, v. 47, p. 41-47, 2007.

32.
MENEZES, I. A. C.2007MENEZES, I. A. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; SANTOS, M. R. V. . Cardiovascular effects and acute toxicity of the aqueous extract of Costus spicatus leaves (ZINGIBERACEAE).. Biologia Geral e Experimental, v. 7, p. 9-13, 2007.

Capítulos de livros publicados
1.
CARVALHO, Adriana Andrade; BEZERRA, D. P. . 5-Fluorouracil and its Immunotoxicity: A Clinical and Experimental Approach. In: Alberto C. Dário Longinho and Sebastiao E. Britto Dobreiro. (Org.). Fluorouracil: Synthesis, Health Effects and Role in Chemotherapy. 0ed.: , 2012, v. , p. 6-9.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CARVALHO, Adriana Andrade. UTILIZAÇÃO DA APRENDIZAGEM BASEADA EM TAREFAS NO ENSINO DO METABOLISMO DOS CARBOIDRATOS NO CURSO DE FARMÁCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE. In: VII Fórum Nacional de Metodologias Ativas de Ensino-Aprendizagem na Formação em Saúde, 2014, Curitiba/PR. Suplemento Especial da Revista Espaço para a Saúde., 2014.

2.
CARVALHO, Adriana Andrade; BOMFIM, R. R. ; SARAIVA, N. N. ; PEREIRA, R. M. C. . O USO DE VÍDEOS COMO ELEMENTO DISPARADOR DE APRENDIZAGEM, NO LUGAR DE TEXTOS-PROBLEMAS, EM SESSÕES TUTORIAIS DE UM CURSO ESTRUTURADO EM METODOLOGIAS ATIVAS DE ENSINO.. In: VII Fórum Nacional de Metodologias Ativas de Ensino-Aprendizagem na Formação em Saúde, 2014, Curitiba/PR. Suplemento Especial da Revista Espaço para a Saúde., 2014.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
SANTANA, V. S. ; LESSA JUNIOR, P. M. ; OLIVEIRA, L. A. C. ; SILVA, T. M. R. ; AGUIAR, R. G. ; APARECIDA, N. ; BRITO, G. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade . Avaliação das Atividades e Conhecimentos dos Agentes Comunitários de Saúde no Município de Lagarto, SE quanto a Promoção do Uso Correto de Medicamentos. In: 11 Congresso Internacional Rede Unida, 2014, Fortaleza, CE. Suplemento Revista Interface - Comunicação, Saúde, Educação, 2014.

2.
CARVALHO, Adriana Andrade; CABRAL, I. O. ; SOARES, B. M. ; MAGALHAES, H. I. ; CAVALCANTI, B. C. ; SILVA-JUNIOR, E. N. ; PINTO, A. V. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. . Interference of Dna Repair in the Cytotoxicity of nor-Β-Lapachone and Its Two New Arylamino Derivatives On Chinese Hamster Lung Fibroblasts (V79 Cells).. In: 2nd Brazilien Conference of Natural Products, 2009, São Pedro. 2nd Brazilien Conference of Natural Products, 2009.

3.
CARVALHO, Adriana Andrade; MACHADO, C. S. ; FINGER, D. ; TORRES, Y. R. ; SUCUPIRA, R. M. E. ; CANAMARY, V. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. . In Vitro and In Vivo Antitumor Effect of Oil Propolis Extract. In: 2nd Brazilien Conference of Natural Products, 2009, São Pedro. 2nd Brazilien Conference of Natural Products, 2009.

4.
CARVALHO, Adriana Andrade; MORENO, M. P. N. ; SANTOS, M. R. V. ; FERNANDES, J. B. . Efeito vasorrelaxante do extrato metanólico e das frações acetato de etila, diclorometano e éter de petróleo de Hyptis fruticosa (LAMIACEAE) em artéria mesentérica isolada de rato. In: 6a Jornada Científica da UFSCar, 2005, São Carlos. 6a Jornada Científica da UFSCar, 2005. v. 1. p. 1.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
AMARAL, R. G. ; ANDRADE, L. N. ; SOUZA, D. P. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; CARVALHO, ADRIANA A. ; THOMAZZI, S. M. . Avaiação da Composição Química e Citoxicidade do Óleo Essencial da Mentha x Vilosa (LAMIACEAE). In: VII Congresso Brasileiro de Farmacêuticos em Oncologia, 2014, Fortaleza, CE. Anais do VII Congresso Brasileiro de Farmacêuticos em Oncologia, 2014.

2.
ANDRADE, L. N. ; FONSECA, C. C. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; CARVALHO, ADRIANA A. ; SOUZA, D. P. . Citoxicidade de Monoterpenos Derivados de Óleo Essenciais Frente a Linhagens de Células Cancerígenas. In: VII Congresso Brasileiro de Farmacêuticos em Oncologia, 2014, Fortaleza, CE. Anais do VII Congresso Brasileiro de Farmacêuticos em Oncologia, 2014.

3.
FONSECA, C. C. ; ANDRADE, L. N. ; AMARAL, R. G. ; LIMA, T. C. ; SILVA, T. K. M. ; SOUZA, D. P. ; THOMAZZI, S. M. ; CARVALHO, ADRIANA A. . Atividade Antitumoral Do Derivado Monoterpênico Presente em Óleos Essenciais. In: VII Congresso Brasileiro de Farmacêuticos em Oncologia, 2014, Fortaleza, CE. Anais do VII Congresso Brasileiro de Farmacêuticos em Oncologia, 2014.

4.
SANTOS, R. A. ; SOUZA, P. D. F. ; SANDES, S. C. ; FEITOSA, E. P. ; RODRIGUES, J. L. S. A. ; NEVES, V. S. ; BRITO, G. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; AGUIAR, R. G. ; APARECIDA, N. . Agente Comunitário da Saúde: Um Relato de Experiência do PET-Saúde Lagarto, SE. In: 11 Congresso Internacional Rede Unida, 2014, Fortaleza, CE. Suplemento Revista Interface - Comunicação, Saúde, Educação, 2014.

5.
CARVALHO, L. V. ; VIANA, R. R. F. ; SANTOS, J. M. ; NERY, A. M. A. ; MESQUITA, S. J. ; BRITO, G. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; APARECIDA, N. ; AGUIAR, R. G. . Qualidade de Vida no Trabalho dos Agentes Comunitário de Saúde do Município de Lagarto, SE. In: 11 Congresso Internacional Rede Unida, 2014, Fortaleza, CE. Suplemento Revista Interface - Comunicação, Saúde, Educação, 2014.

6.
MOUSINHO, K. C. ; NOE, P. V. R. ; ARAUJO, E. M. M. ; BARBOSA, V. C. ; CARVALHO, ADRIANA A. ; MORAES, M. O. . AVALIAÇÃO DO ENVOLVIMENTO DA IMUNOMODULAÇÃO NA ATIVIDADE ANTITUMORAL DO HIMATANTHUS DRASTICUS. In: I Congresso Internacional Multiprofissional em Saúde, 2014, Recife, PE. I Congresso Internacional Multiprofissional em Saúde, 2014.

7.
CAETANO, N. L. B. ; NEO, G. A. ; CARVALHO, ADRIANA A. . Uso de Plantas Medicinais e Fitoterápicos por Pacientes Oncológicos Atendidos na Clínica OncoHematos de Aracaju, SE: Estudo piloto. In: VII Simpósio IberoAmericano de Plantas Medicinais e II Simpósio IberoAmericano de Investigação em Câncer, 2014, Ilhéus-BA. VII Simpósio IberoAmericano de Plantas Medicinais e II Simpósio IberoAmericano de Investigação em Câncer, 2014.

8.
FONSECA, C. S. ; SILVA, T. K. M. ; ANDRADE, L. N. ; AMARAL, R. G. ; THOMAZZI, S. M. ; SOUZA, D. P. ; CARVALHO, ADRIANA A. . Atividade Antitumoral de um Análogo Químico do Álcool Perílico presente em Óleos Essenciais. In: VII Simpósio IberoAmericano de Plantas Medicinais e II Simpósio IberoAmericano de Investigação em Câncer, 2014, Ilhéus-BA. VII Simpósio IberoAmericano de Plantas Medicinais e II Simpósio IberoAmericano de Investigação em Câncer, 2014.

9.
REIS, M. R. O. ; NEO, G. A. ; FERREIRA, T. F. ; CARVALHO, ADRIANA A. . O uso de plantas medicinais no município de Lagarto-SE. In: Congresso de Farmácia e Bioquímica, 2013, Minas Gerais. Congresso de Farmácia e Bioquímica, 2013.

10.
Alves-Conceição, V. ; SILVA, D. T. ; Santos, E.G. ; Oliveira, K.S. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; LYRA JUNIOR, D. P. . Avaliação da Complexidade da Farmacoterapia de Idosos Residentes em Instituições de Longa Permanência do Estado de Sergipe. In: Congresso Sul-Brasileiro de Geriatria e Gerontologia, XXIII Jornada Paranaense de Geriatria e Gerontologia, I Simpósio Idoso na Atenção Primária e I Fórum Sul-Brasileiro de Instituições de Longa Permanência., 2013, Curitiba/PR. Congresso Sul-Brasileiro de Geriatria e Gerontologia, XXIII Jornada Paranaense de Geriatria e Gerontologia, I Simpósio Idoso na Atenção Primária e I Fórum Sul-Brasileiro de Instituições de Longa Permanência., 2013.

11.
ANDRADE, L. N. ; AMARAL, R. G. ; SILVA, T. K. M. ; FONSECA, C. C. ; SOUZA, D. P. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; THOMAZZI, S. M. . Avaliação Do Efeito Antitumoral in vivo do 5-Fu Combinado Com Óleo Essencial Da Mentha Crispa (Lamiaceae). In: I Simpósio Ibero-Americano de Investigação em Câncer, 2013, Campinas/SP. I Simpósio Ibero-Americano de Investigação em Câncer, 2013.

12.
AMARAL, R. G. ; ANDRADE, L. N. ; FONSECA, C. C. ; SILVA, T. K. M. ; SOUZA, D. P. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; THOMAZZI, S. M. . Avaliação do Efeito Antitumoral do Óleo Essencial da Mentha crispa. In: I Simpósio Ibero-Americano de Investigação em Câncer, 2013, Campinas/SP. I Simpósio Ibero-Americano de Investigação em Câncer, 2013.

13.
Menezes, P.D.P. ; Doria, G.A.A. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; BEZERRA, D. P. ; ARAUJO, A. A. A. D. S. . Avaliação da Atividade Citotóxica de Extratos Obtidos de Remirea Marítma Aubl. In: FESBE Regional 2012, 2012, Maceió, AL. FESBE Regional 2012, 2012.

14.
BRITO, A. C. S. ; OLIVEIRA, A. C. A. ; HENRIQUES, R. M. ; CARDOSO, G. M. B. ; BOMFIM, D. S. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; PINHEIRO, M. L. B. ; COSTA, E. V. ; BEZERRA, D. P. . Antitumor Activity of Essential Oil From The Leaves of Guatteria friesiana. In: FESBE Anual 2012, 2012, Aguas de Lindoia. FESBE Anual 2012, 2012.

15.
FERREIRA, T. F. ; REIS, M. R. O. ; CARVALHO, Adriana Andrade . O uso de plantas medicinais no município de Lagarto-SE. In: II Cafe Academico, 2012, Lagarto. O uso de plantas medicinais no município de Lagarto-SE, 2012.

16.
SANTANA, F. R. ; NASCIMENTO, G. C. ; BRITO, S. ; CARVALHO, Adriana Andrade . Uso de Substâncias Psicoativas por Adolescentes e Jovens estudantes.. In: II Cafe Academico, 2012, Lagarto. Uso de Substâncias Psicoativas por Adolescentes e Jovens estudantes., 2012.

17.
Brito, A.C.S. ; OLIVEIRA, A. A. ; VIEIRA, G. C. ; HENRIQUES, R. M. ; MORAES, V. R. S. ; COSTA, E. V. ; NOGUEIRA, P. C. L. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; BEZERRA, D. P. . AVALIAÇÃO DO POTENCIAL ANTICÂNCER DE PLANTAS MEDICINAIS DO ESTADO DE SERGIPE.. In: 21 Encontro de Iniciação Científica, 2011, São Cristóvão/SE. 21 Encontro de Iniciação Científica, 2011.

18.
OLIVEIRA, A. A. ; Brito, A.C.S. ; VIEIRA, G. C. ; HENRIQUES, R. M. ; MORAES, V. R. S. ; COSTA, E. V. ; NOGUEIRA, P. C. L. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; BEZERRA, D. P. . ESTUDO DO POTENCIAL ANTITUMORAL DE ÓLEOS ESSENCIAIS DE PLANTAS DA FLORA BRASILEIRA.. In: 21 Encontro de Iniciação Científica, 2011, São Cristóvão/SE. 21 Encontro de Iniciação Científica, 2011.

19.
CARVALHO, Adriana Andrade; MACHADO, C. S. ; CABRAL, I. O. ; FINGER, D. ; TORRES, Y. R. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. . IN VIVO ANTITUMOR EFFECT OF ETHANOLIC AND OIL PROPOLIS EXTRACT. In: V REUNIÃO REGIONAL DA FESBE, 2010, Aracaju, SE. V REUNIÃO REGIONAL DA FESBE, 2010.

20.
CARVALHO, Adriana Andrade; SOUZA, L. G. S. ; LEMOS,T.L.G. ; MONTENEGRO, R. C. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. . INHIBITION OF HUMAN MELANOMA CELL LINE (MDAMB-435) INVASION BY BFC1083. In: V REUNIÃO REGIONAL DA FESBE, 2010, Aracaju, SE. V REUNIÃO REGIONAL DA FESBE, 2010.

21.
Jesus, J.R. ; Santos, A.D.C. ; Jesus, A.M. ; Anjos, C.S. ; Santos, D.S. ; Ribeiro, S.S. ; BEZERRA, D. P. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; Nogueira, P.C.L. . Avaliação da atividade citotóxica de plantas medicinais do estado de Sergipe. In: 33ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química., 2010, Águas de Lindóia, SP. 33ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química., 2010.

22.
CARVALHO, Adriana Andrade; OLIVEIRA, J.S. ; DE SOUZA, D.P. ; RAMOS, M.V. ; SOUZA, L. G. S. ; LEMOS,T.L.G. ; MONTENEGRO, R. C. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. . Inhibition of adhesion, migration and experimental metastasis by BFC1083. In: VII International Congress of Pharmaceutical Sciences (CIFARP), 2009, Ribeirão-Preto. VII International Congress of Pharmaceutical Sciences (CIFARP), 2009.

23.
SUCUPIRA, R. M. E. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; COSTA, P. M. ; CAVALCANTI, B. C. ; SILVA, E. C. C. ; POHLIT, A. M. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. . Preliminary cytotoxic studies of the bufadienolide hellebrigenin in human leukemia HL60 cells.. In: International Congress of Pharmaceutical Sciences (CIFARP), 2009, Ribeirão Preto. International Congress of Pharmaceutical Sciences (CIFARP), 2009.

24.
CANAMARY, V. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; ARAUJO, A. J. ; SOUZA, L. G. S. ; LEMOS,T.L.G. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; MONTENEGRO, R. C. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. . BFC1083 induces diferentiation in hl-60 cells. In: VII International Congress of Pharmaceutical Sciences (CIFARP), 2009, Ribeirao Preto. VII International Congress of Pharmaceutical Sciences (CIFARP), 2009.

25.
SUCUPIRA, R. M. E. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; TORRES, Y. R. ; FINGER, D. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. . Atividade antitumoral in vivo de extratos oléicos da própolis. In: XXVIII Encontro de Iniciação Científica, 2009. XXVIII Encontro de Iniciação Científica, 2009.

26.
CANAMARY, V. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; MACHADO, C. S. ; TORRES, Y. R. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; PESSOA, C. O. ; MORAES, M. O. . Avaliação da citotoxicidade de extratos oléicos da própolis. In: XXVIII Encontro de Iniciação Científica, 2009. XXVIII Encontro de Iniciação Científica, 2009.

27.
SUCUPIRA, R. M. E. ; COSTA, P. M. ; CAVALCANTI, B. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; AMORIM, R. C. N. ; SILVA, E. C. C. ; POHLIT, A. M. ; COSTA-LOTUFO, L. V. ; MORAES, M. O. ; PESSOA, C. O. . DNA DAMANGE AND APOPTOSIS-INDUCING EFFECT OF NEOSERGEOLIDE, A NATURAL QUASSINOID FROM PICROLEMMA SPRUCEI, IN HUMAN LEUKEMIA HL60 CELLS. In: 7 INTERNACIONAL CONGRESS OF PHARMACEUTICAL SCIENCES, CIFARP, 2009, Ribeirão Preto. 7 INTERNACIONAL CONGRESS OF PHARMACEUTICAL SCIENCES, 2009.

28.
MORENO, M. P. N. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; SIMOTE, S. ; ALVES, Péricles Barreto ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; PEREIRA, V. R. A. ; REIS, L. C. ; SOUZA, M. A. ; SILVA, M. F. G. F. ; SANTOS, M. R. V. ; FERNANDES, J. B. . Vasorelaxant effect in mesenteric artery isolated from rat and tocicity of 16-ent-kauranol and extracts of Hyptis fruticosa leaves. In: Brazilien Conference on Natural Products, 2007, São Pedro. Brazilien Conference on Natural Products, 2007. p. 243.

29.
MENEZES, I. A. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; MOREIRA, I. J. A. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; SANTOS, M. R. V. . Cardiovascular Effects Induced by Aqueous Extract of the Caesalpinia ferrea (CAESALPINIACEAE) in rats. In: FeSBE, 2006, Águas de Lindóia. ANAIS DA XXI REUNIÃO ANUAL DA FeSBE. SÃO PAULO : FeSBE, 2006, 2006. v. 1. p. 1-1.

30.
MORENO, M. P. N. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; ALVES, Péricles Barreto ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; FERNANDES, J. B. ; Silva, M. G. F. ; SANTOS, M. R. V. . Vasorelaxant Effect of Extracts of Hyptis fruticosa Leaves and 16-ent-kauranol in Mesenteric artery isolated from Rat. In: 3dr Brazilian Simposium on Medicinal Chemistry, 2006, São Pedro. Abstract Book of the 3rd Brazilian Simposium on Medicinal Chemistry, 2006. v. 1. p. S2123-S2123.

31.
CARVALHO, Adriana Andrade; MENEZES, I. A. C. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; SANTOS, M. R. V. . Effect of the chronic treatment with aqueous extract of Caesalpinia ferrea (CAESALPINIACEAE) in alloxan-induced diabetc rats. In: Fesbe, 2006, Águas de Lindóia. XXI Reunião Anual da FeSBE, 2006, Águas de Lindóia. Anais da XXI Reunião Anual da FeSBE, 2006. v. 1. p. 1-1.

32.
MENEZES, I. A. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; SANTOS, M. R. V. . Efeitos cardiovasculares em ratos induzidos por duas plantas medicinais usadas popularmente como antidiabéticas. In: XXV Congresso Norte Nordeste de Cardiologia, 2005, Salvador(BA). Gazeta Médica da Bahia. Salvador(BA): Faculdade de Medicina da Bahia - UFBA, 2005. v. 75. p. 20-20.

33.
CARVALHO, Adriana Andrade; MARQUES, M. S. ; SANTOS, T. C. ; MENEZES, I. A. C. ; SANTOS, M. R. V. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto . Efeitos Cardiovasculares induzidos pelo óleo essencial das folhas de Hyptis fructicosa (LAMIACEAE) em ratos. In: VII Congresso de Iniciação Científica / XV Encontro de Iniciação Científica, 2005, São Cristóvão. VII Congresso de Iniciação Científica, 2005. v. 1. p. 216.

34.
CARVALHO, Adriana Andrade; MORENO, M. P. N. ; FERNANDES, J. B. ; SANTOS, M. R. V. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto . Estudo Comparativo entre os efeitos vasorelaxantes do extrato metanólico de Hyptis fruticosa e suas frações em artéria mesentérica isolada de rato.. In: VII Congresso de Iniciação Científica / XV Encontro de Iniciação Científica, 2005, São Cristóvão. VII Congresso de Iniciação Científica, 2005. v. 1. p. 217.

35.
MENEZES, I. A. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; SANTOS, P. J. C. ; SANTOS, M. R. V. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto . Atividade cardiovascular e toxicidade aguda do extrato aquoso de Costus spicatus SWARTZ (ZINGIBERACEAE). In: VII Congresso de Iniciação Científica / XV Encontro de Iniciação Científica, 2005, São Cristóvão. VII Congresso de Iniciação Científica, 2005. v. 1. p. 226.

36.
MENEZES, I. A. C. ; CARVALHO, Adriana Andrade ; MARQUES, M. S. ; SANTOS, T. C. ; SANTOS, M. R. V. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto . Atividade cardiovascular do óleo essencial de Hyptis fruticosa em ratos. In: VII Congresso Sergipano de Cardiologia, 2005, Aracaju. VII Congresso Sergipano de Cardiologia, 2005. v. 1. p. 1.

37.
CARVALHO, Adriana Andrade; MARCHIORO, M. ; MEDEIROS, I. A. ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; SANTOS, M. R. V. . Cardiovascular effect induced by essetial oil of the leaves of the Hyptis fruticosa (LAMIACEAE) in rats. In: XX Reunial Anual da FeSBE, 2005, Águas de Lindóia-SP. XX Reunial Anual da FeSBE, 2005.

38.
MELLO, Iderjane Cavalcante Montalvão ; LISBOA, Ana Karla D'alcantara ; ARAUJO, Debora Basto ; CARVALHO, Adriana Andrade ; CAVALCANTI, Sócrates Cabral de Holanda ; MARÇAL, Rosilene Moretti ; ALVES, Péricles Barreto ; BRAZ FILHO, Raimundo ; ANTONIOLLI, Angelo Roberto ; SCHRIPSEMA, Jan . Efeito Antinociceptivo Central e Resposta Contráctil no Íleo de Cobaio do Ent-Kaur-16â-Olisolado de Hyptis fruticosa (Lamiaceae). In: VI Congresso de Iniciação Científica, 2004, São Cristóvão. Anais do VI Congresso de Iniciação Científica, 2004. v. 01. p. 210-210.

Artigos aceitos para publicação
1.
GOUVEIA, D. N. ; COSTA, J. S. ; OLIVEIRA, M. A. ; RABELO, T. K. ; SILVA, A. M. O. E. ; CARVALHO, ADRIANA ; SANTOS, R. M. ; SANTOS, S. L. ; SCOTTI, L. ; SCOTTI, M. T. . α-TERPINEOL REDUCES CANCER PAIN VIA MODULATION OF OXIDATIVE STRESS AND INHIBITION OF iNOS. BIOMEDICINE & PHARMACOTHERAPY, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
CARVALHO, ADRIANA A.. Inovações Metodológicas e Tecnológicas no Ensino Superior. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
CARVALHO, ADRIANA A.. Metodologias Ativas de Ensino na Saúde. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
CARVALHO, Adriana Andrade. Farmacocinética: Absorção e Distribuição. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
CARVALHO, Adriana Andrade. Farmacocinética: Biotransformação e Excreção. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
CARVALHO, Adriana Andrade. Introdução a Farmacologia: Histórico, Conceito e Divisões. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
CARVALHO, Adriana Andrade. Antineoplásicos e Imunossupressores. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
CARVALHO, Adriana Andrade. Bases Moleculares das Metástases. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
CARVALHO, Adriana Andrade. Angiogênese Tumoral. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
CARVALHO, ADRIANA. Implementação de Metodologias Ativas de Ensino-Aprendizagem em cursos na área da saúde. 2018.

Trabalhos técnicos
1.
CARVALHO, ADRIANA. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional semente de Iniciação Científica do CENTRO UNIVERSITÁRIO - CESMAC. 2018. 2018.

2.
CARVALHO, ADRIANA. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional semente de Iniciação Científica do CENTRO UNIVERSITÁRIO - CESMAC. 2017. 2017.

3.
CARVALHO, ADRIANA. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional semente de Iniciação Científica do CENTRO UNIVERSITÁRIO - CESMAC. 2016. 2016.

4.
CARVALHO, ADRIANA. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional semente de Iniciação Científica do CENTRO UNIVERSITÁRIO - CESMAC. 2015. 2015.

5.
CARVALHO, A.A.. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica - PIBIC/UFS.. 2014.

6.
CARVALHO, A.A.. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica - PIBIX/UFS.. 2014.

7.
CARVALHO, A.A.. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional semente de Iniciação Científica do CENTRO UNIVERSITÁRIO - CESMAC. 2014.

8.
CARVALHO, Adriana Andrade. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica - PIBIC/UFS.. 2013.

9.
CARVALHO, Adriana Andrade. Parecerista AD HOC: Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Extensão - PIBIX/UFS.. 2013.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
CARVALHO, Adriana Andrade. Chás podem fazer mal no tratamento contra o câncer. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
CARVALHO, A.A.. Estudo Aponta que 60% dos Pacientes Oncológicos de Sergipe Utilizam Plantas Medicinais. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
NASCIMENTO, G. C. ; SOARES, S. M. ; CARVALHO, Adriana Andrade . GUIA DE ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS INJETÁVEIS PARA USO EM PEDIATRIA. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

2.
CARVALHO, Adriana Andrade. Estudos de citotoxicidade in vitro e antitumoral in vivo. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Patentes e registros



Patente

A Confirmação do status de um pedido de patentes poderá ser solicitada à Diretoria de Patentes (DIRPA) por meio de uma Certidão de atos relativos aos processos
1.
 CARVALHO, ADRIANA A.; ARAUJO, A. A. S. ; THOMAZZI, S. M. ; DORIA, G. A. A. ; AMARAL, R. G. ; ALBURQUEQUE JUNIOR, R. L. C. ; VERDE, I. B. L. ; CARDOSO, J. C. ; GOMES, M. Z. ; BASTOS, T. S. . FORMULAÇÕES COM EFEITO ANTITUMORAL COM POTENCIAL INDUTOR DE APOPTOSE CONTENDO Punica granatum. 2015, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR1020150050380, título: "FORMULAÇÕES COM EFEITO ANTITUMORAL COM POTENCIAL INDUTOR DE APOPTOSE CONTENDO Punica granatum" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 06/03/2015

2.
 PEREIRA FILHO, R. N. ; ALBUQUERQUE JUNIOR, R. L. C. ; ALMEIDA, B. M. ; DARIVA, C. ; CARVALHO, ADRIANA ; ANDRADE, L. N. ; AMARAL, R. G. ; CARVALHO, F. M. A. ; SANTOS, A. V. O. ; SOUZA, L. O. ; BORGES, A. F. S. . FORMULAÇÃO COM EFEITO ANTITUMORAL CONTENDO Himatanthus bracteatus. 2017, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR10201702483, título: "FORMULAÇÃO COM EFEITO ANTITUMORAL CONTENDO Himatanthus bracteatus" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 21/11/2017

3.
 CARVALHO, ADRIANA; SOUZA, D. P. ; SOUZA, L. G. S. ; AGUIAR, R. G. ; THOMAZZI, S. M. ; ESTEVAM, C. S. ; PESSOA, C. Ó. ; MORAES, M. O. ; SOARES, B. M. . ?MICROEMULSÃO DO MONOTERPENO 1,2-EPÓXI-PERIALDEÍDO PARA ATIVIDADE ANTITUMORAL IN VITRO E IN VIVO?. 2018, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR10201800526, título: "?MICROEMULSÃO DO MONOTERPENO 1,2-EPÓXI-PERIALDEÍDO PARA ATIVIDADE ANTITUMORAL IN VITRO E IN VIVO?" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 16/03/2018



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
CARVALHO, Adriana Andrade; ABREU, J. F. F.; MARCHIORO, M.. Participação em banca de KATTY ANNE AMADOR DE LUCENA MEDEIROS. Efeito do Geraniol no comportamento e no padrao de ondas cerebrais de ratos. 2015. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe.

2.
CARVALHO, Adriana Andrade; WALKER, C. B.; VASCONCELOS, C. M. L.. Participação em banca de Ricardo Guimaraes Amaral. Avaliacao da atividade antitumoral do oleo essencial da Mentha x villosa. 2014. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe.

3.
CARVALHO, Adriana Andrade; SILVA, W. B.; SILVA, F. A.. Participação em banca de SANDRO MARTINS DE ASSUMPÇÃO. Financiamento do componente basico da Assistencia Farmaceutica e acesso a medicamentos e servicos farmaceuticos no municipio de Aracaju entre os anos de 2008 a 2012. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de Sergipe.

4.
CAMARGO., E. A.; CARVALHO, Adriana Andrade. Participação em banca de Ana Carla de Araujo Souza. EFEITO DO COMPLEXO DE INCLUSÃO DE ... COM ... NA LESÃO MUSCULAR ESQUELÉTICA AGUDA EM RATOS. 2013. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe.

5.
CARVALHO, Adriana Andrade. Participação em banca de ANA CARLA ARAUJO SOUZA. Efeito do Complexo de Inclusao de Carvacrol com ?-Ciclodextrina na Lesao Muscular Inflamatoria em Rato. 2013. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe.

Teses de doutorado
1.
CARVALHO, Adriana Andrade; LIMA, A. K.; ARAUJO, A. A. S.; OLIVEIRA FILHO, A. D.; LYRA JUNIOR, D. P.. Participação em banca de CHIARA ERMINIA DA ROCHA. SISTEMA DE SUPORTE A DECISAO CLINICA PARA INTERVENCOES FARMACEUTICAS NA PRATICA DA AUTOMEDICACAO RESPONSAVEL.. 2014. Tese (Doutorado em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe.

2.
THOMAZZI, S. M.; BEZERRA, D. P.; CARVALHO, Adriana Andrade; FERNANDES, M. F.; SOUZA, R. R.. Participação em banca de Sandra Santos Mendes. Estudos químicos e farmacológicos da Lippia gracilis Shauer. 2012. Tese (Doutorado em RENORBIO) - Universidade Federal de Sergipe.

Qualificações de Mestrado
1.
CARVALHO, Adriana Andrade; SILVA, F. T.. Participação em banca de FABIULA FRANCISCA DE ABREU. Acoes Farmacologicas da Rutina na Pancreatite Aguda em Camundongos. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe.

2.
CARVALHO, Adriana Andrade; TAVARES, D. S.; SANTOS, S. L.. Participação em banca de ERONEIDE SOUZA DE BRITO CARDOSO. Efeito do Timol no Modelo de Lesao Muscular Esqueletica Induzida por Cadiotoxina em Camundongos. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe.

3.
CARVALHO, Adriana Andrade; VENANCIO, A. M.; SILVA, L. F. S.. Participação em banca de KATTY ANNE AMADOR DE LUCENA MEDEIROS. Efeito do Geraniol no comportamento e no padrao de ondas cerebrais de ratos. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe.

4.
CARVALHO, Adriana Andrade; SILVA, W. B.. Participação em banca de SANDRO MARTINS DE ASSUMPÇÃO. SUFICIENCIA FINANCEIRA DA ASSISTENCIA FARMACEUTICA PARA AQUISICAO DE MEDICAMENTOS DO COMPONENTE BASICO EM MUNICIPIO DO ESTADO DE SERGIPE ENTRE OS ANOS DE 2008 A 2012. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal de Sergipe.

5.
SANTOS, S. L.; CARVALHO, Adriana Andrade; PASSOS JUNIOR, D. B.. Participação em banca de ALEXANDRE SANTOS MATOS. "Efeito do extrato etanolico da entrecasca de Caesalpinia pyramidalis Tul. na cistite hemorragica em ratos". 2013.

6.
NUNES, M. A. P.; LYRA JUNIOR, D. P.; CARVALHO, Adriana Andrade. Participação em banca de Patrícia Becker. Caracterização dos Efeitos e Estratégias de Aprendizagem Entre Estudantes do Curso de farmácia de uma Universidade Pública Brasileira. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
DIPIETRO, G.; CARVALHO, Adriana Andrade; FONTELES, .. M. M. F.. Concurso Público de Provas e Títulos para Professor Auxiliar I para a Matéria de Ensino II Ciclo de Farmácia (Edital 30/2012) - Foco Assistencia Farmaceutica e Farmacoepidemiologia. 2013. Universidade Federal de Sergipe.

2.
CARVALHO, Adriana Andrade; RAMOS., E. R. P.; CAMPESATTO, E. A.. Concurso Público para Professor Efetivo (Adjunto I) na carreira do Magistério Superior para a Matéria de Ensino ? II Ciclo de Farmácia (foco: Análises Clínicas) (Edital 30/2012).. 2013. Universidade Federal de Sergipe.

3.
CARVALHO, Adriana Andrade; LOBATO, L. P.; SANTANA, D. C.. Concurso Público para Professor Efetivo (Assistente A) na carreira do Magistério Superior, em regime de 40 horas D.E., do Campus Prof. Antônio Garcia Filho, desta Universidade, para a Matéria de Ensino ? II, III, IV, V Ciclos de Farmácia (foco: Farmacotécnica e Tecnologia Farmacêutica) (Edital 015/2013).. 2013. Universidade Federal de Sergipe.

4.
CARVALHO, Adriana Andrade; FARAONI, A. S.; SILVA, F. A.. Professor Temporário Farmácia Tutorial 2º Ciclo.. 2012. Universidade Federal de Sergipe.

5.
PIETRO, G.; CARVALHO, Adriana Andrade; LIMA, C. S. F. M.. Professor Temporário Farmácia Tutorial 2º Ciclo. 2012. Universidade Federal de Sergipe.

6.
PIETRO, G.; CARVALHO, Adriana Andrade; LIMA, C. S. F. M.. Professor Temporário Farmácia Tutorial 2º Ciclo. 2012.

7.
CARVALHO, Adriana Andrade; BEZERRA, D. P.; MILITAO, G. C. G.. Professor Efetivo Adjunto Farmácia II Ciclo (foco Plantas Medicinais). 2012. Universidade Federal de Sergipe.

8.
CARVALHO, Adriana Andrade; FARAONI, A. S.; ASSIS, S. A.. Professor Efetivo Adjunto Farmácia II Ciclo (foco: Metabolismo e Nutrição). 2012. Universidade Federal de Sergipe.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VI Simpósio de Farmácia e Enfermagem em Oncologia. 2013. (Simpósio).

2.
XVIII Congresso Brasileiro de Oncologia Clínica. 2013. (Congresso).

3.
V Reunião Regional da FESBE. 2010. (Congresso).

4.
7 Internacional Congress OF Pharmaceutical Sciences. 2009. (Congresso).

5.
I Workshop Regional de Câncer.Angiogênese Tumoral. 2009. (Simpósio).

6.
I Workshop Regional de Câncer.Base Molecular das Metástases. 2009. (Simpósio).

7.
III Semana Farmacêutica de Sergipe. 2007. (Outra).

8.
I Simpósio de Atualização em Diagnóstico Clínico-Laboratorial de Sergipe. 2007. (Simpósio).

9.
1ª Semana Farmacêutica de Sergipe. 2005. (Outra).

10.
III Congresso Regional de Análises Clínicas do NE e I Simpósio de Farmácia de Sergipe. 2004. (Congresso).

11.
III Encontro Regional dos Estudantes de Farmácia NE e XXVII Semana de Farmácia. 2004. (Encontro).

12.
I Workshop de Química e Biotecnologia da Universidade Federal de Sergipe. 2004. (Outra).

13.
Seminário de Atualização Científica. 2003. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CARVALHO, Adriana Andrade; CARVALHO, I. M. M. ; FARRE, A. G. M. C. ; MARQUETI, A. C. ; ARAUJO, D. F. S. ; PINHEIRO, F. L. ; BRITO, G. C. ; BARBOSA, G. R. ; SILVA, T. M. A. L. ; LIMA, L. S. ; SILVA, M. N. S. ; PAIVA, S. F. ; SILVEIRA, N. A. ; MENDES, R. B. ; ALMEIDA, V. L. C. . I Fórum de Formação Docente: Resgatar para ressignificar.. 2014. (Outro).

2.
CARVALHO, Adriana Andrade; SANTANA, I. T. S. ; ALMEIDA, T. F. ; SANTOS, M. P. ; REIS, K. K. ; NASCIMENTO, G. C. ; SANTOS, J. H. ; SOUZA, A. C. ; VASCONCELOS, G. M. T. ; SILVA, A. W. A. ; PASSOS, F. R. S. ; PINHEIRO, F. L. ; OLIVEIRA, A. C. F. ; CARDOSO, D. S. ; MACHADO, R. F. O. ; ONOZATO, T. . 1º Encontro de Saúde Mental da UFS - Lagarto. 2014. (Outro).

3.
CARVALHO, Adriana Andrade; SERAFINI, M. R. ; LOBATO, L. P. ; PIETRO, G. ; SARAIVA, N. N. ; BOMFIM, R. R. ; BRITO, G. C. ; ROCHA, C. E. . I Encontro de Farmácia do Centro-Sul de Sergipe e I Semana Farmacêutica de Sergipe. 2014. (Congresso).

4.
CARVALHO, Adriana Andrade; NASCIMENTO, G. C. ; SANTANA, F. R. . 1a. Ação Preventiva Contra o Uso de Drogas - Usar Drogas é uma Droga. 2013. (Outro).

5.
CARVALHO, Adriana Andrade; GOMES, S. V. F. ; SIMOES, R. A. ; WALKER, C. I. B. ; SILVA, J. A. ; PIETRO, G. ; SILVA, K. F. A. ; SANTANA, L. B. ; BARBOSA, P. F. ; ONOZATO, T. ; AMORIM, V. ; SILVA, G. M. . III Semana de Acolhimento do Núcleo de Farmácia. 2013. (Outro).

6.
CARVALHO, Adriana Andrade; BRITO, G. C. ; APARECIDA, N. ; PIETRO, G. ; SILVA, G. M. . 1° Campanha do Idoso: Felicidade não tem idade!. 2013. (Outro).

7.
CARVALHO, Adriana Andrade. I Workshop de Biotecnologia em Produtos Farmacêuticos: Desenvolvimento, Produção e Regulamentação. 2011. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Roberio Oliveira de Menezes Filho. Avaliação das Interações Medicamentosas entre Plantas Medicinais e 5FU em camundongos. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
YASKARA VERUSKA RIBEIRO BARROS. Avaliação doAVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTITUMORAL DA APITOXINA OBTIDA DEABELHAS Apis mellifera. Início: 2016. Tese (Doutorado em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe. (Orientador).

2.
Elisdete Maria Santos. Impacto das diferenças metodológicas no comportamento acadêmico dos estudantes daárea de saúde de uma instituição de ensino superior pública do estado de Sergipe. Início: 2014. Tese (Doutorado em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
SARA ALBUQUERQUE DOS SANTOS. Interação medicamentosa entre planta medicinal e o 5FU. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciências Fisiológicas) - Universidade Federal de Sergipe, . Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

2.
ROBERTO LUIS BARRETO GOIS. TRANSTORNOS MENTAIS MENORES EM PROFISSIONAIS DA EQUIPE DE ENFERMAGEM NO CUIDADO COM PACIENTES ONCOLÓGICOS EM DUAS UNIDADES PÚBLICAS DE SAÚDE NO MUNICÍPIO DE ARACAJU ? SE. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe, . Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

3.
NATÁLIA LIMA DE BARROS CAETANO. Caracterização do Uso de Práticas Integrativas e Complementares por pacientes Oncológicos com Implementação do Centro de Informação aos Usuários de Plantas Medicinais e Fitoterápicos e Avaliação pré-clínica da atividade antitumoral de Produtos Naturais. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe, . Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

4.
Ana Maria Fantini. CÂNCER DE COLO UTERINO NO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE EM SERGIPE: AVALIAÇÃO DOS CUSTOS E CARACTERÍSTICAS SOCIODEMOGRÁFICAS DAS INTERNAÇÕES HOSPITALARES NO PERÍODO DE 2008 A 2015. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe, . Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

5.
Larissa Feitosa Carvalho. AVALIAÇÃO DO POTENCIAL ANALGÉSICO DO CARVACROL NA NEUROPATIA INDUZIDA POR PACLITAXEL EM CAMUNDONGOS. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe, . Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

6.
Ricardo Guimaraes Amaral. Avaliação da atividade antitumoral do óleo essencial da Mentha x vilosa. 2013. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe, . Coorientador: Adriana Andrade Carvalho.

Tese de doutorado
1.
Ricardo Guimaraes Amaral. Avaliação da atividade antitumoral da fração da Passiflora alatta.. 2018. Tese (Doutorado em CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Sergipe, . Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

2.
Daniel Tenório da Silva. Efeito de um programa de farmácia clínica em instituições de longa permanência para idosos.. 2012. Tese (Doutorado em Ciências da Saude) - Universidade Federal de Sergipe, . Coorientador: Adriana Andrade Carvalho.

3.
Luciana Nalone Andrade. Derivados de Óleos Essenciais: Desenvolvimento de um Candidato a Fármaco Antitumoral. 2012. Tese (Doutorado em RENORBIO) - Universidade Federal de Sergipe, . Coorientador: Adriana Andrade Carvalho.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
ADRIANA VENÂNCIO NOBREGA. MIELOMA MÚLTIPLO E OS AVANÇOS NO DIAGNOSTICO E TRATAMENTO:UMA REVISÃO DE LITERATURA. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Hematologia) - Instituto Brasil de Pós Graduação, Capacitação e Assessoria. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

2.
EDNILZA ALVES DE MEDEIROS. CÂNCER DE COLO UTERINO: UMA REVISÃO. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Citologia Clínica) - Instituto Brasil de Pós Graduação, Capacitação e Assessoria. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

3.
Jocelma Luiza de Jesus Souza. INTERVENÇÕES DA FARMÁCIA NO CONTROLE DO TABAGISMO: UMA REVISÃO INTEGRATIVA. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Farmacologia Clínica e Dispensação Farmacêutica) - Instituto Brasil de Pós Graduação, Capacitação e Assessoria. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

4.
Larissa Feitosa Carvalho. ANÁLISE DOS CUSTOS DE TRATAMENTOS ANTINEOPLÁSICOS REALIZADOS POR UM SERVIÇO AMBULATORIAL PRIVADO. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Farmacologia Clínica e Dispensação Farmacêutica) - Instituto Brasil de Pós Graduação, Capacitação e Assessoria. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

5.
Jocelma Luiza de Jesus Souza. FARMACÊUTICOS DA ALEGRIA ? RISOTERAPIA COMOUMA ALTERNATIVA NA HUMANIZAÇÃO DA SAÚDE. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Farmácia Hospitalar) - Instituto Brasil de Pós Graduação, Capacitação e Assessoria. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

6.
Natália Lima de Barros Caetano. ?CARACTERIZAÇÃO DO USO DE PLANTAS MEDICINAIS E/OU FITOTERÁPICOS COMO TRATAMENTO COMPLEMENTAR, POR PACIENTES ATENDIDOS NA ASSOCIAÇÃO DOS VOLUNTÁRIOS A SERVIÇO DA ONCOLOGIA EM SERGIPE (AVOSOS). 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Farmacologia Clínica e Dispensação Farmacêutica) - Instituto Brasil de Pós Graduação, Capacitação e Assessoria. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
ELUANA SILVA DE MELO. INVESTIGAÇÃO DA IDEAÇÃO SUICÍDA ENTREGRADUANDOS DE CURSOS DA ÁREA DA SAÚDE DEUMA INSTITUIÇÃO PÚBLICA DE SERGIPE. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

2.
Graciéla Carvalho do Nascimento. ELABORAÇÃO E AVALIAÇÃO DA UTILIZAÇÃO DE UM GUIA DE ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS INJETÁVEIS PARA PACIENTES PEDIÁTRICOS DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA UFS. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

3.
ARIOLANA ALVES DOS SANTOS. TERAPIA FARMACOLOGICA USADA NA ELIMINAÇÃO DA INFECÇÃO POR HELICOBACTER PYLORI: UMA REVISÃO. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

4.
CECILIA SANTOS FONSECA. AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTITUMORAL DE DERIVADOS SINTÉTICOS DO ÁLCOOL PERÍLICO. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

5.
MARTA REGINA OLIVEIRA REIS. O USO DE PLANTAS MEDICINAIS DO MUNICIPIO DELAGARTO-SE PARA FINS TERAPÊUTICOS: ÊNFASEEM PACIENTES ONCOLÓGICOS. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

6.
GRACIÉLA CARVALHO DO NASCIMENTO. ELABORAÇÃO DE UM GUIA DE DILUIÇÃO DE MEDICAMENTOS INJETÁVEIS PARA PEDIATRIA DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

7.
TAYANE KAYNE MARIANO DA SILVA. AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTITUMORAL DE DERIVADOS SINTÉTICOS DO ÁLCOOL PERÍLICO. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

Iniciação científica
1.
CECILIA SANTOS FONSECA. AVALIAÇÃO DO MECANISMO DE AÇÃO DE DERIVADOS SINTÉTICOS CITOTÓXICOS DO ÁLCOOL PERÍLICO. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

2.
Melina Vieira Alves. Avaliação da atividade antitumoral da fração da Passiflora alatta. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

3.
ANDRESSA DA SILVA. AVALIAÇÃO DO MECANISMO DE AÇÃO DE DERIVADOS SINTÉTICOS CITOTÓXICOS DO ÁLCOOL PERÍLICO.. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

4.
Taciane Félix Ferreira. Uso de Plantas Medicinais no Município de Lagarto, SE. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

5.
Marta Regina Oliveira Reis. Uso de Plantas Medicinais no Município de Lagarto, SE. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

6.
Fernanda Rodrigues Santana. Prevenção ao uso do Crack nas Escolas Públicas no Município de Lagarto, SE. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

7.
Graciéla Carvalho do Nascimento. Prevenção ao uso do Crack nas Escolas Públicas no Município de Lagarto, SE. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.

8.
Giovanna Gabrielle de Andrade Neo. Uso de Plantas Medicinais no Município de Lagarto, SE. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Farmácia) - Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Adriana Andrade Carvalho.



Inovação



Patente
1.
 PEREIRA FILHO, R. N. ; ALBUQUERQUE JUNIOR, R. L. C. ; ALMEIDA, B. M. ; DARIVA, C. ; CARVALHO, ADRIANA ; ANDRADE, L. N. ; AMARAL, R. G. ; CARVALHO, F. M. A. ; SANTOS, A. V. O. ; SOUZA, L. O. ; BORGES, A. F. S. . FORMULAÇÃO COM EFEITO ANTITUMORAL CONTENDO Himatanthus bracteatus. 2017, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR10201702483, título: "FORMULAÇÃO COM EFEITO ANTITUMORAL CONTENDO Himatanthus bracteatus" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 21/11/2017

2.
 CARVALHO, ADRIANA; SOUZA, D. P. ; SOUZA, L. G. S. ; AGUIAR, R. G. ; THOMAZZI, S. M. ; ESTEVAM, C. S. ; PESSOA, C. Ó. ; MORAES, M. O. ; SOARES, B. M. . ?MICROEMULSÃO DO MONOTERPENO 1,2-EPÓXI-PERIALDEÍDO PARA ATIVIDADE ANTITUMORAL IN VITRO E IN VIVO?. 2018, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR10201800526, título: "?MICROEMULSÃO DO MONOTERPENO 1,2-EPÓXI-PERIALDEÍDO PARA ATIVIDADE ANTITUMORAL IN VITRO E IN VIVO?" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 16/03/2018

3.
 CARVALHO, ADRIANA A.; ARAUJO, A. A. S. ; THOMAZZI, S. M. ; DORIA, G. A. A. ; AMARAL, R. G. ; ALBURQUEQUE JUNIOR, R. L. C. ; VERDE, I. B. L. ; CARDOSO, J. C. ; GOMES, M. Z. ; BASTOS, T. S. . FORMULAÇÕES COM EFEITO ANTITUMORAL COM POTENCIAL INDUTOR DE APOPTOSE CONTENDO Punica granatum. 2015, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR1020150050380, título: "FORMULAÇÕES COM EFEITO ANTITUMORAL COM POTENCIAL INDUTOR DE APOPTOSE CONTENDO Punica granatum" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 06/03/2015


Projetos de pesquisa

Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
CARVALHO, Adriana Andrade. Chás podem fazer mal no tratamento contra o câncer. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
CARVALHO, A.A.. Estudo Aponta que 60% dos Pacientes Oncológicos de Sergipe Utilizam Plantas Medicinais. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).



Outras informações relevantes


* Membro da Sociedade Brasileira de Biologia Celular, Sociedade Brasileira de Farmacêuticos em Oncologia e da Associação Brasileira de Educação Farmacêutica; 
* Conselheira do Corpo Editorial da UFS (Portaria no. 3596 de 28/12/2012) - Atual;
* Foi Vice-coordenadora do Núcleo de Farmácia, UFS, Lagarto (Portaria nº 0638 de 13/03/2012) no ano de 2012-2013 (Finalizado);
* É Membro do Órgão Conselho Departamental de Farmácia, UFS, Lagarto (desde 24/10/2011) - Atual;
* Foi Coordenadora do II Ciclo de Farmácia (2012 -2014)l
* Foi Presidente do Órgão Núcleo Docente Estruturante do Núcleo de Farmácia, UFS, Lagarto - 2012-2014 (Finalizado);
* Foi Membro do Órgão Núcleo Docente Estruturante do Núcleo de Fonoaudiologia, UFS, Lagarto 27/02/2012 - 2013.
* Foi Membro da Comissão Permanente de Formulação e Adaptação de Módulos Tutoriais do Curso de Farmácia UFS, Lagarto 2011 - 2014 (Finalizado);
* Foi Suplente do Órgão Colegiado do Núcleo de Nutrição, UFS Lagarto (desde 27/02/2012) (Finalizado);
* Foi Suplente do Órgão Núcleo Docente Estruturante do Núcleo de Nutrição, UFS Lagarto (desde 27/02/2012) (Finalizado).



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/11/2018 às 10:23:21