Priscilla Teles de Oliveira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9090589941127459
  • Última atualização do currículo em 10/08/2018


Bacharel em Meteorologia pela Universidade Federal de Campina Grande (2008), Mestra em Meteorologia também pela UFCG (2010) e Doutora em Ciências Climáticas pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2014). Atualmente é Professora Assistente Doutora no curso de Meteorologia da Universidade Estadual paulista - Unesp Bauru. Especialista em climatologia, com ênfase em eventos extremos de precipitação sobre a região Nordeste do Brasil. Também tem experiência em Modelagem numérica e Hidrologia. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Priscilla Teles de Oliveira
Nome em citações bibliográficas
OLIVEIRA, P. T.;OLIVEIRA, P.;DE OLIVEIRA, PRISCILLA TELES


Formação acadêmica/titulação


2010 - 2014
Doutorado em CIÊNCIAS CLIMÁTICAS.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Título: ESTUDO ESTATÍSTICO SOBRE EVENTOS DE PRECIPITAÇÃO INTENSA NO NORDESTE DO BRASIL, Ano de obtenção: 2014.
Orientador: Claudio Moises Santos e Silva.
Coorientador: Kellen Carla Lima.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Eventos extremos; Climatologia; Análise cluster; Mann Kendall.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Probabilidade e Estatística / Subárea: Estatística / Especialidade: Análise de Dados.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia / Especialidade: Modelagem Numérica da Atmosfera.
2008 - 2010
Mestrado em Meteorologia.
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
Título: EFEITOS DA HETEROGENEIDADE DA SUPERFÍCIE NA COBERTURA DE CÚMULOS RASOS,Ano de Obtenção: 2010.
Orientador: Enio Pereira de Souza.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Cúmulos rasos; cobertura do solo; BRAMS.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
2003 - 2008
Graduação em Meteorologia.
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
Título: ÍNDICE DE VARIAÇÃO DA PRECIPITAÇÃO DA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE BRASILEIRO.
Orientador: Francisco de Assis Salviano de Sousa.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Pós-doutorado


2014 - 2017
Pós-Doutorado.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Probabilidade e Estatística / Subárea: Estatística / Especialidade: Análise de Dados.


Formação Complementar


2014 - 2014
PRODUÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO (80h). (Carga horária: 80h).
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, IFRN, Brasil.
2012 - 2012
Extensão universitária em FORMAÇÃO DE TUTORES DO CURSO TÉCNICO DO IMD (120h). (Carga horária: 120h).
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
2011 - 2011
CURSO DE MODELAGEM COM BRAMS (62h). (Carga horária: 62h).
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.
2011 - 2011
CURSO DE LINGUAGEM FORTRAN E SOFTWARE GrADS (32h). (Carga horária: 32h).
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO PEDAGÓGICA I (30h). (Carga horária: 30h).
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO PEDAGÓGICA II (45h). (Carga horária: 45h).
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
2009 - 2009
SOFTWARE SURFER 8.0 (20h). (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
2008 - 2008
USO E APLICAÇÕES DO SOFTWARE MAPINFO 7.0 (40h). (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
2006 - 2006
MINI CURSO GrADS (15h). (Carga horária: 15h).
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, UERN, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 20

Atividades

07/2016 - 12/2016
Ensino, Ciência da Computação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Álgebra Linear
Eletricidade e Magnetismo
01/2016 - 06/2016
Ensino, Ciência e Tecnologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Cálculo diferencial e integral III
Mecânica dos fluidos
04/2015 - 12/2015
Ensino, Ciência da Computação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Eletricidade e Magnetismo
Física para Computação
04/2015 - 12/2015
Ensino, Ciência e Tecnologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Matemática Fundamental I
10/2014 - 02/2015
Ensino, Ciência da Computação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Cálculo para Computação
Introdução à Matemática Computacional

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, IFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor pesquisador conteudista, Carga horária: 20

Atividades

09/2014 - 08/2015
Outras atividades técnico-científicas , Campus de Educação a Distância, Campus de Educação a Distância.

Atividade realizada
Elaboração de material didático para a disciplina Matemática do curso de graduação de Tecnologia em Gestão Ambiental modalidade à distância..

Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2014 - 2017
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador
Outras informações
Bolsista de pós doutorado no PPGCC, executando o projeto "ANÁLISE DE TENDÊNCIA DE EVENTOS DE PRECIPITAÇÃO INTENSA NO BRASIL".

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 40
Outras informações
Professora Substituta do Instituto Metrópole Digital - UFRN.

Vínculo institucional

2010 - 2014
Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Estudante de Pós - graduação (Doutorado)
Outras informações
1) Bolsista Capes/REUNI durante o período de 03/2010 à 04/2011; 2) Docência assistida: Ministração de aula em laboratório da disciplina Princípios e Fenômenos Eletromagnéticos da Escola de Ciência e Tecnologia da UFRN durante os períodos 2010.1, 2010.2 e 2011.1; 3) Bolsista Capes a partir de 05/2011.

Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 20

Atividades

01/2017 - Atual
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Cálculo III - Equações Diferenciais Aplicada às Ciências Atmosféricas
Informática Básica Aplicada às Ciências Atmosféricas
01/2017 - Atual
Ensino, Ecologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Hidrologia e Climatologia
07/2016 - Atual
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Energia e Meio Ambiente
Cálculo II aplicado às ciências atmosféricas
11/2014 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Exatas e da Terra, Programa de Pós graduação em Ciências Climáticas.

01/2016 - 06/2016
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Cálculo III - Equações diferenciais aplicadas às ciências exatas
01/2016 - 06/2016
Ensino, Ecologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Hidrologia e climatologia
08/2015 - 12/2015
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Cálculo I aplicado às ciências atmosféricas
08/2015 - 12/2015
Ensino, Engenharia Ambiental, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Meteorologia e Climatologia
01/2014 - 06/2014
Ensino, Tecnologia da Informação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Probabilidade
Vetores e Geometria Analítica
03/2010 - 04/2014
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Exatas e da Terra, Programa de Pós graduação em Ciências Climáticas.

07/2013 - 12/2013
Ensino, Tecnologia da Informação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Cálculo Diferencial e Integral I
07/2013 - 07/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Metrópole Digital - IMD, .

Cargo ou função
Comissão para elaborar uma Proposta de nivelamento ao curso do BTI na área de matemática.
02/2013 - 06/2013
Ensino, Tecnologia da Informação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Elementos de Matemática para Computação
Introdução ao Cálculo
09/2012 - 01/2013
Ensino, Tecnologia da Informação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Elaboração de material didático

Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Estudante de Pós - graduação (Mestrado), Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsista Capes.

Vínculo institucional

2003 - 2008
Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Estudante de Graduação, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
1) Integrante do Projeto de Iniciação à Docência intitulado: "Melhoria do ensino de graduação no CCT/UFCG", como monitora da disciplina Elementos de Astronomia e Cartografia, durante o período de 2004 à 2005; 2) Participou do projeto: 'BALANÇO DE UMIDADE DO SOLO NA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL', como bolsista de Iniciação científica do CNPq durante o período de 2004 à 2007.

Atividades

03/2008 - 02/2010
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Tecnologia e Recursos Naturais - Unidade Acadêmica de Ciências At, .

09/2004 - 09/2007
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Tecnologia e Recursos Naturais - Unidade Acadêmica de Ciências At, .

Linhas de pesquisa
Hidrologia
Análise de dados

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2018 - Atual
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Física Computacional II
02/2018 - 07/2018
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Climatologia I
Climatologia II
09/2017 - 01/2018
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Física Computacional II
Meteorologia Básica
07/2017 - 08/2017
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Climatologia II


Linhas de pesquisa


1.
Hidrologia
2.
Análise de dados
3.
Modelagem numérica da atmosfera
4.
Climatologia
5.
Análise estatística
6.
Climatologia
7.
Análise estatística


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Modelo Geoestatistico de Poisson Aplicado a Dados de Clima
Descrição: Neste projeto de pesquisa pretende-se abordar a modelagem estatística de precipitação de chuva extrema na Região Nordeste do Pais. Com esta perspectiva aplica-se o Modelo Geoestatistico de Poisson para dados de clima com objetivo de identificar áreas com maior intensidade de chuvas extremas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
ANÁLISE DE TENDÊNCIA DE EVENTOS DE PRECIPITAÇÃO INTENSA NO BRASIL
Descrição: Investigações científicas no âmbito da modelagem climática sugerem que as mudanças no clima atual estão resultando em eventos de precipitação intensa (EPI) mais frequentes e que a interferência do homem no meio ambiente vem intensificando as consequências destes eventos, com ações como o desmatamento de encostas e a construção civil em áreas de risco. Neste sentido, o objetivo principal da pesquisa é determinar a climatologia e tendência dos EPI em todo o Brasil, comparando seu comportamento com a climatologia e tendência dos eventos de precipitação fraca e dos eventos de precipitação normal. Para tanto, serão utilizados os dados observados diários de precipitação da rede hidrometeorológica gerenciada pela Agência Nacional de Águas. Por intermédio da técnica dos quantis serão definidos os eventos de precipitação e sua confiança estatística será analisada através do teste de Mann Kendall..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2014
ESTUDO OBSERVACIONAL E NUMÉRICO SOBRE EVENTOS DE PRECIPITAÇÃO INTENSA NO NORDESTE DO BRASIL
Descrição: Este projeto tem por objetivo estudar a variabilidade espacial e temporal de eventos de precipitação intensa (EPI) sobre o Nordeste do Brasil. Um EPI será definido quando eventos de precipitação acima do percentil 95% ocorram simultaneamente em pelo menos 10 pontos de observação. Os dados de precipitação são da Agência Nacional de Águas (ANA), totalizando 320 estações no NEB, que cobrem o período de 1979 a 2009. Propõe-se criar um banco de dados com informações sobre as características pluviométricas dos EPI e também sobre perdas materiais e humanas. Serão avaliadas dados de precipitação estimados via satélite do projeto Tropical Rainfall Measuring Mission (TRMM) através de análises objetivas baseada em índices de desempenho extraídos de tabelas de contingência 2x2. Para avaliar as condições sinóticas do ambiente associado aos EPI será aplicada a técnica de composição de dados, onde será possível quantificar as anomalias associadas aos EPI nos campos de temperatura, umidade, geopotencial, pressão e vento das simulações do modelo global do European Centre for Medium-Range Weather Forecasts (ECMWF), especificamente os dados do projeto ERA-INTERIM, cujo espaçamento de grade horizontal é de 1,5º de latitude por 1,5º de longitude. Finalmente, serão realizadas simulações com o modelo Brazilian developments on the Regional Atmospheric Model (BRAMS), que é um modelo operacional do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), a fim de se verificar se este modelo é capaz de reproduzir as características dos EPI e a precipitação associada a eles..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Priscilla Teles de Oliveira - Integrante / Claudio Moises Santos e Silva - Coordenador / Kellen - Integrante.Financiador(es): Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Norte - Auxílio financeiro.
2012 - 2014
PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE INSTRUMENTOS EDUCACIONAIS DE SUPORTE A AQUISIÇÃO DE CONHECIMENTOS NA ÁREA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO NO INSTITUTO METROPOLE DIGITAL
Descrição: Este projeto trata das ações a serem desenvolvidas pelo Instituto Metrópole Digital (IMD) no desenvolvimento de instrumentos educacionais de suporte a aquisição de conhecimentos na área de Tecnologia da Informação (TI) a partir da elaboração e avaliação de ferramentas para ambientes virtuais de aprendizagem e materiais didáticos específicos para cursos presenciais e semi-presenciais, sejam estes cursos técnicos, de graduação e pós graduação ministrados no Instituto..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2012
ESTUDO SOBRE EVENTOS DE PRECIPITAÇÃO INTENSA NO NORDESTE DO BRASIL
Descrição: Este projeto tem por objetivo estudar a variabilidade espacial e temporal de eventos de precipitação intensa (EPI) sobre o Nordeste do Brasil. Um EPI será definido quando eventos de precipitação acima do percentil 95% ocorram simultaneamente em pelo menos 10 pontos de observação. Os dados de precipitação são da Agência Nacional de Águas (ANA), totalizando 320 estações no NEB, que cobrem o período de 1979 a 2009. Propõe-se criar um banco de dados com informações sobre as características pluviométricas dos EPI e também sobre perdas materiais e humanas. Serão avaliadas dados de precipitação estimados via satélite do projeto Tropical Rainfall Measuring Mission (TRMM) através de análises objetivas baseada em índices de desempenho extraídos de tabelas de contingência 2x2. Para avaliar as condições sinóticas do ambiente associado aos EPI será aplicada a técnica de composição de dados, onde será possível quantificar as anomalias associadas aos EPI nos campos de temperatura, umidade, geopotencial, pressão e vento das simulações do modelo global do European Centre for Medium-Range Weather Forecasts (ECMWF), especificamente os dados do projeto ERA-INTERIM, cujo espaçamento de grade horizontal é de 1,5º de latitude por 1,5º de longitude. Finalmente, serão realizadas simulações com o modelo Brazilian developments on the Regional Atmospheric Model (BRAMS), que é um modelo operacional do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), a fim de se verificar se este modelo é capaz de reproduzir as características dos EPI e a precipitação associada a eles..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2015
SIMULAÇÃO NUMÉRICA DE EVENTOS DE PRECIPITAÇÃO INTENSA SOBRE O RIO GRANDE DO NORTE
Descrição: Este projeto tem por objetivo realizar simulações numéricas de eventos de precipitação intensa ocorridos no Estado do Rio Grande do Norte. Os eventos intensos serão definidos com base em critérios de estudos prévios (precipitação acumulada diária maior ou igual a 20% que o total esperado para a estação). O modelo numérico usado será o Brazilian Developments on the Regional Atmospheric Model (BRAMS). Os dados de precipitação para a identificação dos eventos e para a avaliação das simulações serão obtidos de estimativas via satélite projeto Tropical Rainfall Measuring Mission (TRMM). Espera-se compreender a natureza dos sistemas atmosféricos envolvidos nos casos de chuva intensa visando prognósticos confiáveis para a região, além disso, o projeto preza pela continuidade da formação de recurso humano local em modelagem numérica da atmosfera..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2013
DETERMINAÇÃO DO PERFIL VERTICAL DE VARIÁVEIS ATMOSFÉRICAS NO RIO GRANDE DO NORTE PARA VALIDAÇÃO DE DADOS OBTIDOS POR SATÉLITES: DEPEVARN
Descrição: O projeto consiste em conhecer e quantificar a distribuição espaço-temporal das principais variáveis atmosféricas no semi-árido e região costeira potiguar para validar os dados de satélites sobre o Rio Grande do Norte. As emissões de gases e partículas durante a estação seca provenientes das queimadas de vegetação nativa, da queima de carvão de uso industrial e aerossóis naturais oriundos do semi-árido alteram profundamente a composição da atmosfera. Não temos informações observacionais sobre estes processos na região do semi-árido e na região litorânea do Rio Grande do Norte e nem mesmo informações sobre a distribuição espacial e temporal das principais variáveis atmosféricas que caracterizam o clima. A necessidade de monitoramento é premente em todo o Nordeste principalmente no Semi Árido onde se instalam os principais problemas e talvez as mais ricas fontes de soluções, desde que sejam disponibilizadas informações técnicas e científicas necessárias. Além de fornecer dados e nformações preciosas esse projeto também propiciará a capacitação de pessoal para desenvolvimento de pesquisas e de equipamentos tecnologicamente inovadores para esta área de grandes demandas atuais e futuras, devido o Brasil ser uma grande potência ambiental de proporções continentais e, portanto, de variados cenários climáticos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2007
BALANÇO DE UMIDADE DO SOLO NA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL
Descrição: A região semi-árida do Nordeste do Brasil ocupa uma área com cerca de 860.000 km2, nela vive aproximadamente 10% da população do país. As características climáticas principais são: precipitação anual entre 400 e 800 mm, com coeficiente de variação que pode alcançar até 80% e altas temperaturas do ar. As taxas de evapotranspiração potencial podem ser superiores a 2000 mm/ano. As freqüentes ocorrências de secas na região são responsáveis, em parte, pelas condições de extrema pobreza de grande parte da população. Até os dias atuais, grande parte das medidas tomadas pelos governos para reduzir os impactos das secas sobre a economia da região foi ineficaz. Nessa região, o principal fator limitante na produção agrícola é a precipitação pluvial e a sua extrema variabilidade. A explicação e a previsão da variabilidade da chuva é um dos grandes desafios da meteorologia tropical. Estudos agroclimáticos baseados nas informações de umidade do solo com registros de longa duração, são mais confiáveis do que estudos que usam precipitações médias e probabilidades, visto que as informações de umidade do solo estão diretamente relacionadas ao crescimento da produção agrícola. O conhecimento do teor de umidade do solo, além de ser um importante parâmetro para a agricultura, também o é para a engenharia florestal e para estudos hidrológicos. Por ser impraticável a realização freqüente de medidas de umidade do solo em grandes áreas e com variação temporal, vários modelos têm sido desenvolvidos para a estimativa dessa variável em escala regional, Thornthwaite & Mather (1955); Holmes & Robertson (1959); Baier & Robertson (1966); De Jong & Shaykewich (1981) e Robertson (1985)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Priscilla Teles de Oliveira - Integrante / Francisco de Assis Salviano de Sousa - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
2003 - 2007
BALANÇO HÍDRICO ESPACIAL SOBRE A REGIÃO NORDESTE DO BRASIL
Descrição: Balanço hídrico espacial atmosférico, água-solo e superficial sobre a região Nordeste do Brasil, utilizando técnicas para análise de informações digitais do terreno...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Outros Projetos


2013 - 2014
Projeto de monitoria - Tecnologia da Informação: um incentivo à docência no Instituto Metrópole Digital
Descrição: Este projeto tem por objetivo contribuir para o desenvolvimento do ensino de graduação, através da introdução de metodologias inovadoras no processo ensino-aprendizagem dos componentes curriculares que o integram e para a formação profissional e acadêmica do monitor. Espera-se que o projeto tenha um impacto positivo no que concerne ao desenvolvimento dos alunos matriculados nas disciplinas beneficiadas, bem como dos próprios monitores. Estes terão a oportunidade de empregar e reforçar o conhecimento adquirido durante a graduação, além de ganhar experiência no âmbito do ensino, especialmente para os que almejam seguir carreira docente..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Revisor de periódico


2017 - Atual
Periódico: International Journal of Climatology
2017 - Atual
Periódico: REVISTA BRASILEIRA DE METEOROLOGIA


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Climatologia.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Probabilidade e Estatística / Subárea: Estatística/Especialidade: Análise de Dados.
4.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Civil / Subárea: Engenharia Hidráulica/Especialidade: Hidrologia.
5.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Modelagem Numérica da Atmosfera.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2012
The Best Poster of nternational Symposium on Climate Change, Impacts and Vulnerabilities in Brazil: Preparing the Brazilian Northeast for the Future, BID and UFRN.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
1OLIVEIRA, P. T.2016 OLIVEIRA, P. T.; SANTOS E SILVA, C. M. ; LIMA, KELLEN CARLA . Climatology and trend analysis of extreme precipitation in subregions of Northeast Brazil. THEORETICAL AND APPLIED CLIMATOLOGY, v. n, p. 1-14, 2016.

2.
2DE OLIVEIRA, PRISCILLA TELES2014 DE OLIVEIRA, PRISCILLA TELES; SILVA, CLÁUDIO MOISÉS SANTOS E ; LIMA, KELLEN CARLA . Linear trend of occurrence and intensity of heavy rainfall events on Northeast Brazil. Atmospheric Science Letters, v. 15, p. 172-177, 2014.

3.
4SANTOS E SILVA, C. M.2013SANTOS E SILVA, C. M. ; SILVA, A. ; OLIVEIRA, P. ; Lima, K. C. . Dynamical downscaling of the precipitation in Northeast Brazil with a regional climate model during contrasting years. Atmospheric Science Letters, v. 14, p. n/a-n/a, 2013.

4.
3OLIVEIRA, P. T.;OLIVEIRA, P.;DE OLIVEIRA, PRISCILLA TELES2013 OLIVEIRA, P. T.; Lima, K. C. ; Santos e Silva, Claudio Moises . Synoptic environment associated with heavy rainfall events on the coastland of Northeast Brazil. Advances in Geosciences, v. 35, p. 73-78, 2013.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
OLIVEIRA, P. T.. MATEMÁTICA. 1. ed. NATAL: IFRN, 2015. v. 1. 214p .

Capítulos de livros publicados
1.
OLIVEIRA, P. T.; Santos e Silva, Claudio Moises ; Lima, K. C. . TREND OF RAINFALL IN NORTHEAST BRAZIL. In: Olga E. Martín; Tricia M. Robert. (Org.). Rainfall: Behavior, forecasting and distribution. 1ed.New York: Nova Publishers, 2012, v. 1, p. 155-166.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BRITTO, I. V. ; OLIVEIRA, P. T. ; OLIVEIRA, W. F. ; BEZERRA, B. G. . ANÁLISE DA PRECIPITAÇÃO EXTREMA NA MICRORREGIÃO DO CARIRI-CE. In: II WORKSHOP INTERNACIONAL SOBRE ÁGUA NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO, 2015, campina grande. II Workshop internacional sobre água no semiárido brasileiro, 2015.

2.
OLIVEIRA, W. F. ; OLIVEIRA, P. T. ; BRITTO, I. V. ; BEZERRA, B. G. . COMPORTAMENTO DA PRECIPITAÇÃO EXTREMA NA MICRORREGIÃO DE IGUATU-CE. In: II WORKSHOP INTERNACIONAL SOBRE ÁGUA NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO, 2015, campina grande. II Workshop internacional sobre água no semiárido brasileiro, 2015.

3.
OLIVEIRA, P. T.; Santos e Silva, Claudio Moises ; Lima, K. C. . Estudo Estatístico Sobre a Ocorrência de Eventos Extremos de Precipitação no Nordeste do Brasil. In: Congresso de Matemática Aplicada e Computacional, 2012, Natal. Congresso de Matemática Aplicada e Computacional, 2012.

4.
OLIVEIRA, P. T.; Claúdio M. Santos e Silva ; Lima, K. C. . AMBIENTE SINÓTICO ASSOCIADO A EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITACÃO NA REGIÃO LITORÂNEA DO NORDESTE DO BRASIL: ANÁLISE PRELIMINAR. In: IV Simpósio Internacional de Climatologia, 2011, João Pessoa. IV Simpósio Internacional de Climatologia, 2011.

5.
OLIVEIRA, P. T.; Lima, K. C. ; Claúdio M. Santos e Silva . DISTRIBUIÇÃO DE FREQUÊNCIA DE EVENTOS INTENSOS DE PRECIPITAÇÃO SOBRE A REGIÃO NORDESTE DO BRASIL. In: IV Simpósio Internacional de Climatologia, 2011, João Pessoa. IV Simpósio Internacional de Climatologia, 2011.

6.
GURJÃO, C.D.S. ; OLIVEIRA, P. T. ; CAVALCANTI, E. P. . ESTUDO DA VARIAÇÃO TEMPORAL DA ÁGUA PRECIPITÁVEL PARA A REGIÃO TROPICAL DA AMÉRICA DO SUL. In: XVI Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2010, Belém. A Amazônia e o Clima Global, 2010.

7.
Cati E. A. Valadão ; Alexandre S. Santos ; Edmir S. Jesus ; Naurinete J. C. Barreto ; Washington L. F. Correia Filho ; Darlan M. Schmidt ; SILVA, B. K. N. ; OLIVEIRA, P. T. ; José U. Pinheiro ; Arthur Mattos ; Alexandre L. B. Lopo . CLASSIFICAÇÃO CLIMÁTICA DA MICRORREGIÃO DO SERIDÓ/RN. In: XVI Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2010, Belém. A Amazônia e o Clima Global, 2010.

8.
Cati E. A. Valadão ; OLIVEIRA, P. T. ; Paulo S. Lucio ; SILVA, B. K. N. ; Rênio L. Andrade ; Darlan M. Schmidt ; Washington L. F. Correia Filho ; Naurinete J. C. Barreto ; Maria V. M. Mata ; Maria H. C. Spyrides ; Alexandre L. B. Lopo . UMA ANÁLISE COMPARATIVA DE ALGUNS ÍNDICES DE ARIDEZ APLICADOS ÀS CAPITAIS DO NORDESTE DO BRASIL. In: XVI Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2010, Belém. A Amazônia e o Clima Global, 2010.

9.
Washington L. F. Correia Filho ; Maria V. M. Mata ; Alexandre L. B. Lopo ; Cati E. A. Valadão ; OLIVEIRA, P. T. ; Paulo S. Lucio ; SILVA, B. K. N. ; Maria H. C. Spyrides ; Rênio L. Andrade ; Darlan M. Schmidt ; Claúdio M. Santos e Silva ; Naurinete J. C. Barreto . CARACTERIZAÇÃO DA VARIABILIDADE DE TEMPERATURA DA REGIÃO NORTE DO BRASIL. In: XVI Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2010, Belém. A Amazônia e o Clima Global, 2010.

10.
Washington L. F. Correia Filho ; Arthur Mattos ; Edmir S. Jesus ; José U. Pinheiro ; Cati E. A. Valadão ; OLIVEIRA, P. T. ; Darlan M. Schmidt ; SILVA, B. K. N. ; Alexandre L. B. Lopo ; Alexandre S. Santos ; Naurinete J. C. Barreto . ESTIMATIVA DO BALANÇO HÍDRICO CLIMATOLÓGICO PARA O ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE. In: XVI Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2010, Belém. A Amazônia e o Clima Global, 2010.

11.
OLIVEIRA, P. T.; SILVA, B. K. N. ; SILVA, Bernardo B. da ; BRAGA, C. C. . RELAÇÃO ENTRE COBERTURA VEGETAL E SALDO DE RADIAÇÃO NA SUB-BACIA HIDROGRÁFICA DO ALTO-PIRANHAS-PB ? BRASIL USANDO DADOS DO SATÉLITE LANDSAT-5 TM. In: III Simpósio Internacional de Climatologia, 2009, Canela. Mudanças de Clima e Extremos e Avaliação de riscos futuros, planejamento e desenvolvimento sustentável, 2009.

12.
ARAÚJO, A. L. ; SILVA, B. K. N. ; OLIVEIRA, P. T. ; GURJÃO, C.D.S. . ANÁLISE DA ÁGUA PRECIPITÁVEL E TEMPERATURA DA SUPERFÍCIE NO NORDESTE DO BRASIL. In: III Simpósio Internacional de Climatologia, 2009, Canela. Mudanças de Clima e Extremos e Avaliação de riscos futuros, planejamento e desenvolvimento sustentável, 2009.

13.
GURJÃO, C.D.S. ; OLIVEIRA, P. T. ; CAVALCANTI, E. P. . ESTUDO DA VARIAÇÃO DA ÁGUA PRECIPITÁVEL DURANTE UM EVENTO DE EL NIÑO E LA NIÑA. In: III Simpósio Internacional de Climatologia, 2009, Canela. Mudanças de Clima e Extremos e Avaliação de riscos futuros, planejamento e desenvolvimento sustentável, 2009.

14.
GURJÃO, C.D.S. ; OLIVEIRA, P. T. ; CAVALCANTI, E. P. . ESTUDO DA ÁGUA PRECIPITÁVEL SOBRE A AMÉRICA DO SUL DURANTE O ANO DE 2008. In: VI Congresso de Iniciação Científica da UFCG, 2009, Campina Grande. Ciências e Sociedade no século 21: O papel da iniciação científica, 2009.

15.
OLIVEIRA, P. T.; GURJÃO, C.D.S. ; COSTA, Rafaela Lisboa ; SOUSA, F. A. S. . ANÁLISE DA DISPONIBILIDADE HÍDRICA DO SOLO DO ESTADO DO MARANHÃO. In: XV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2008, São Paulo. A Meteorologia e as Cidades, 2008.

16.
OLIVEIRA, P. T.; SOUSA, F. A. S. . ÍNDICE DE VARIAÇÃO DA PRECIPITAÇÃO NO TRIMESTRE MAIS CHUVOSO NA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE BRASILEIRO. In: XV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2008, São Paulo. A Meteorologia e as Cidades, 2008.

17.
OLIVEIRA, P. T.; GURJÃO, C.D.S. ; COSTA, Rafaela Lisboa ; SOUSA, F. A. S. . ANÁLISE DA DISPONIBILIDADE HÍDRICA DO SOLO DO ESTADO DO PIAUÍ. In: XV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2008, São Paulo. A Meteorologia e as Cidades, 2008.

18.
OLIVEIRA, P. T.; SOUSA, F. A. S. . BALANÇO DE UMIDADE DO SOLO NA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL. In: XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2006, Florianópolis. A Meteorologia a Serviço da Sociedade, 2006.

19.
Sousa, W.S. ; OLIVEIRA, P. T. ; SOUSA, F. A. S. . ESTUDO E REGIONALIZAÇÃO DA ESTRUTURA DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO POTENCIAL NA REGIÃO NORDESTE DO BRASIL. In: II Congresso de Iniciação Científica da UFCG, 2005, Campina Grande. I Congresso Unificado de Ensino, Pesquisa e Extensão, 2005.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
OLIVEIRA, P. T.; Claúdio M. Santos e Silva ; Lima, K. C. . Statistical analysis and synoptic on the occurrence of extreme rainfall events in Northeast Brazil. In: V Simpósio internacional de climatologia, 2013, Florianópolis. Interação oceano-atmosfera: impactos climáticos no presente e cenários futuros., 2013.

2.
OLIVEIRA, P. T.; Claúdio M. Santos e Silva ; Lima, K. C. . INTERANNUAL VARIABILITY OF INTENSE RAINFALL EVENTS IN NORTHEAST BRAZIL DURING 1972 - 2002. In: International Symposium on Climate Change, Impacts and Vulnerabilities in Brazil: Preparing the Brazilian Northeast for the Future, 2012, Natal. International Symposium on Climate Change, Impacts and Vulnerabilities in Brazil: Preparing the Brazilian Northeast for the Future, 2012.

3.
OLIVEIRA, P. T.; Claúdio M. Santos e Silva ; Lima, K. C. . LINEAR TREND OF EXTREME RAINFALL EVENTS IN NORTHEAST BRAZIL. In: CLIVAR VAMOS Workshop on Modeling and Predicting Climate in the Americas, 2012, Petrópolis - RJ. CLIVAR VAMOS Workshop on Modeling and Predicting Climate in the Americas, 2012.

4.
OLIVEIRA, P. T.; Claúdio M. Santos e Silva ; Lima, K. C. . SYNOPTIC ENVIRONMENT ASSOCIATED WITH HEAVY RAINFALL EVENTS ON THE COASTLAND OF NORTHEAST BRAZIL. In: 8th Alexander Von Humboldt International Conference, 2012, Cusco. 8th Alexander Von Humboldt International Conference, 2012.

Apresentações de Trabalho
1.
OLIVEIRA, P. T.. CLIMATOLOGIA E TENDÊNCIA DE EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO SEMIÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
OLIVEIRA, P. T.. CHUVA NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE E SUA RELAÇÃO COM OS EVENTOS DE PRECIPITAÇÃO INTENSA (1972-2002). 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
OLIVEIRA, P. T.; Claúdio M. Santos e Silva ; Lima, K. C. . Statistical analysis and synoptic on the occurrence of extreme rainfall events in Northeast Brazil. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

4.
OLIVEIRA, P. T.; Santos e Silva, Claudio Moises ; Lima, K. C. . LINEAR TREND OF EXTREME RAINFALL EVENTS IN NORTHEAST BRAZIL. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
OLIVEIRA, P. T.; Claúdio M. Santos e Silva ; Lima, K. C. . ESTUDO ESTATÍSTICO SOBRE A OCORRÊNCIA DE EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITAÇÃO NO NORDESTE DO BRASIL. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Demais tipos de produção técnica
1.
OLIVEIRA, P. T.; SOUSA, F. A. S. . BALANÇO DE UMIDADE DO SOLO NA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL. 2007. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
Da Silva, S. M. P.; ANDRADE, L. M. B.; OLIVEIRA, P. T.; MEDEIROS, J. F.. Participação em banca de Rafael Victor de Melo Silva. Sensoriamento remoto e análise de conteúdo no estudo da ocupação humana, dados de precipitação e morfodinâmica costeira na praia de Ponta Negra, Natal/RN. 2017. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS CLIMÁTICAS) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Workshop sobre Cenários Ecológicos e Vulnerabilidade Socioambiental em Regiões Semiáridas.CLIMATOLOGIA E TENDÊNCIA DE EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO SEMIÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL. 2016. (Outra).

2.
CAFÉ METEOROLÓGICO - 1ª edição.CLIMATOLOGIA E TENDÊNCIA DE EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITAÇÃO NA REGIÃO SEMIÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL. 2015. (Outra).

3.
CAFÉ METEOROLÓGICO - 2ª edição. 2015. (Outra).

4.
V Simpósio internacional de climatologia.Statistical analysis and synoptic on the occurrence of extreme rainfall events in Northeast Brazil. 2013. (Simpósio).

5.
8th Alexander Von Humboldt International Conference. Synoptic Environment Associated With Heavy Rainfall Events on the Coastland of Northeast Brazil. 2012. (Congresso).

6.
CLIVAR VAMOS Workshop on Modeling and Predicting Climate in the Americas.LINEAR TREND OF EXTREME RAINFALL EVENTS IN NORTHEAST BRAZIL. 2012. (Outra).

7.
Congresso de matemática aplicada e computacional. Estudo Estatístico Sobre a Ocorrência de Eventos Extremos de Precipitação no Nordeste do Brasil. 2012. (Congresso).

8.
International Symposium on Climate Change, Impacts and Vulnerabilities in Brazil: Preparing the Brazilian Northeast for the Future.INTERANNUAL VARIABILITY OF INTENSE RAINFALL EVENTS IN NORTHEAST BRAZIL DURING 1972 - 2002. 2012. (Simpósio).

9.
IV Simpósio Internacional de Climatologia.AMBIENTE SINÓTICO ASSOCIADO A EVENTOS EXTREMOS DE PRECIPITACÃO NA REGIÃO LITORÂNEA DO NORDESTE DO BRASIL: ANÁLISE PRELIMINAR. 2011. (Simpósio).

10.
XVI Congresso Brasileiro de Meteorologia. CLASSIFICAÇÃO CLIMÁTICA DA MICRORREGIÃO DO SERIDÓ/RN. 2010. (Congresso).

11.
III Simpósio Internacional de Climatologia.Relaçao entre a cobertura vegetal e saldo de radiação na sub-bacia hodrográfica do Alto-Piranhas-PB Brasil usando dados do satélite Landsat-5 TM. 2009. (Simpósio).

12.
II Simpósio Brasileiro de Geofísica Espacial e Aeronomia. 2008. (Simpósio).

13.
XV Congresso Brasileiro de Meteorologia. ÍNDICE DE VARIAÇÃO DA PRECIPITAÇÃO NO TRIMESTRE MAIS CHUVOSO NA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE BRASILEIRO. 2008. (Congresso).

14.
XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia. BALANÇO DE UMIDADE DO SOLO NA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL. 2006. (Congresso).

15.
I Encontro Unificado de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFCG - II Congresso de Iniciação Científica. BALANÇO DE UMIDADE DO SOLO NA REGIÃO SEMI-ÁRIDA DO NORDESTE DO BRASIL. 2005. (Congresso).

16.
XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia. 2004. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
OLIVEIRA, P. T.. Congresso de matemática aplicada e computacional. 2012. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Orientações de outra natureza
1.
JOSE RONALDO DE SOUZA FILHO. Monitoria na disciplina de Vetores e Geometria Analítica. 2014. Orientação de outra natureza. (Bacharelado em Tecnologia da Informação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Pró reitoria de graduação. Orientador: Priscilla Teles de Oliveira.

2.
THALES AGUIAR DE LIMA. Monitoria na disciplina de Vetores e Geometria Analítica. 2014. Orientação de outra natureza. (Bacharelado em Tecnologia da Informação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Pró reitoria de graduação. Orientador: Priscilla Teles de Oliveira.

3.
GEORGE KENNEDY ARAUJO DE MEDEIROS. Monitoria na disciplina Cálculo diferencial e integral I. 2013. Orientação de outra natureza. (Bacharelado em Tecnologia da Informação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Pró reitoria de graduação. Orientador: Priscilla Teles de Oliveira.

4.
FERNANDA MONTEIRO DE ALMEIDA. Monitoria na disciplina Introdução ao cálculo. 2013. Orientação de outra natureza. (Bacharelado em Tecnologia da Informação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Pró reitoria de graduação. Orientador: Priscilla Teles de Oliveira.

5.
DHIOGO PINHEIRO BOZA. Monitoria na disciplina Introdução ao cálculo. 2013. Orientação de outra natureza. (Bacharelado em Tecnologia da Informação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Pró reitoria de graduação. Orientador: Priscilla Teles de Oliveira.

6.
JOSÉ FRANCISCO DA SILVA NETO. Monitoria na disciplina Introdução ao cálculo. 2013. Orientação de outra natureza. (Bacharelado em Tecnologia da Informação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Pró reitoria de graduação. Orientador: Priscilla Teles de Oliveira.

7.
SÉRGIO LUIZ EDUARDO FERREIRA DA SILVA. Monitoria na disciplina Cálculo diferencial e integral I. 2013. Orientação de outra natureza. (Bacharelado em Tecnologia da Informação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Pró reitoria de graduação. Orientador: Priscilla Teles de Oliveira.



Outras informações relevantes


1) Aprovada em primeiro lugar no Processo seletivo simplificado para professor substituto da Escola de Ciência e Tecnologia da UFRN, edital nº 11/2011 de 14 de julho de 2011, na área de conhecimento Matemática.

2) Aprovada em primeiro lugar no Processo seletivo simplificado para professor substituto do Instituto Metrópole Digital - UFRN, edital nº 17/2012 de 17 de julho de 2012, na área de conhecimento Matemática.

3) Aprovada em segundo lugar no Concurso Público para provimento de vagas de cargos efetivos de Magistério Superior da UFRJ, edital nº 460, de 23 de dezembro de 2013, para o departamento de Meteorologia na área de conhecimento Clima e Métodos estatísticos.

4) Aprovada em primeiro lugar no Processo seletivo simplificado para professor substituto da UERN, edital nº 004/2014.2 de 12 de setembro de 2014, na área de conhecimento Cálculo para computação e Introdução à matemática computacional.

5) Aprovada em primeiro lugar no Processo seletivo simplificado para professor substituto do Departamento de Ciências Atmosféricas e Climáticas - UFRN, edital nº 08/2015 de 09 de junho de 2015, na área de conhecimento Hidrologia e Climatologia.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 26/09/2018 às 9:33:58