Deolinda Catarina França de Vilhena

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0999740637461083
  • Última atualização do currículo em 15/12/2018


Jornalista, produtora e administradora teatral. Bacharel em Comunicação Social com com habilitação em Jornalismo Impresso (1983) pela Faculdade da Cidade (RJ). Mestre em Artes (2001) pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. Mestre em Estudos Teatrais (2002) pela Université Sorbonne Nouvelle Paris 3. Doutora em Estudos Teatrais (2007) pela Université Sorbonne Nouvelle Paris 3. Bolsista de Pós-Doutorado (2008-2010) da Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de São Paulo Fapesp, com pós-doutoramento realizado na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo e estágio pós-doutoral na Université Paris Ouest Nanterre La Défense com a pesquisa Produção Teatral, da prática a teoria, a sistematização de uma disciplina. Estágio Sênior (2017) na Université de Paris Ouest Nanterre La Défense com a pesquisa A Formação e a Qualificação dos Técnicos em Espetáculos Teatrais por meio da Extensão Universitária. Professora do Departamento de Técnicas de Espetáculo da Escola de Teatro da UFBA, desde 2011. Professora do quadro permanente do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da UFBA - PPGAC-UFBA, desde 2011. Membro do Conselho Acadêmico de Pesquisa e Extensão CAPEX da Universidade Federal da Bahia (2017-...). Substituta eventual do Vice-Diretor da Escola de Teatro da UFBA (2018-...). Líder do Grupo Interdisciplinar de Pesquisa e Extensão em Contemporaneidade, Imaginário e Teatralidade GIPE-CIT (2017-...), registrado no CNPq. Chefe do Departamento de Técnicas de Espetáculo (2015-2017). Orientadora de teses de doutorado e dissertações de mestrado. Realiza o projeto de pesquisa: A Formação e a Capacitação dos Profissionais da Cultura que resultou na criação do Grupo de Estudos e Pesquisa em Produção Teatral ? GEPPTRAL (2018) em fase de estruturação. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Produção teatral, atuando principalmente nos seguintes temas: produção e administração teatral, formação e qualificação em cultura, politicas culturais, teatro brasileiro, teatro francês e economia da cultura. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Deolinda Catarina França de Vilhena
Nome em citações bibliográficas
FRANCA DE VILHENA, D. C.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal da Bahia, ESCOLA DE TEATRO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA.
Rua Araújo Pinho, 292
CANELA
40110-150 - Salvador, BA - Brasil
Telefone: (71) 32837850
URL da Homepage: http://www.teatro.ufba.br/


Formação acadêmica/titulação


2002 - 2007
Doutorado em Etudes théâtrales.
Institut d'Etudes Théâtrales - Université de la Sorbonne Nouvelle, PARIS III, França.
Título: Les modes de production au Théâtre du Soileil à l'aune de la production théâtrale francaise depuis 1968. Une exception dans l'exception culturelle?, Ano de obtenção: 2007.
Orientador: Jean-Pierre Ryngaert.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Ariane Mnouchkine; Théâtre du Soleil; politicas culturais; produção teatral; economia da cultura; teatro francês.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Teatro.
2001 - 2002
Mestrado em DEA - Théâtre et Arts du Spectacle.
Institut d'Etudes Théâtrales - Université de la Sorbonne Nouvelle, PARIS III, França.
Título: L'évolution de l'utopie - Les modes de production au Théâtre du Soleil,Ano de Obtenção: 2002.
Orientador: Jean-Pierre RYNGAERT.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Ariane Mnouchkine; Théâtre du Soleil; economia da cultura; politicas culturais; produção teatral; teatro francês.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Teatro.
1999 - 2001
Mestrado em Artes Cenicas.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Bibi Ferreira - A trajetória solitária de uma atriz por seis décadas do teatro brasileiro,Ano de Obtenção: 2001.
Orientador: Fausto Fuser.
Palavras-chave: Bibi Ferreira; atrizes brasileiras; interpretação; renovação cênica; teatro brasileiro; teatro moderno.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Setores de atividade: Produtos e Serviços Recreativos, Culturais, Artísticos e Desportivos.
1977 - 1983
Graduação em Comunicação Social.
Faculdade da Cidade, UNIVERCIDADE, Brasil.


Pós-doutorado


2017
Pós-Doutorado.
Université Paris-Ouest Nanterre la Défense, PARIS OUEST, França.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Teatro / Especialidade: Produção teatral.
2008 - 2010
Pós-Doutorado.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Teatro.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Teatro / Especialidade: Produção teatral.


Formação Complementar


2017 - 2017
Cours: Qu'est-ce que le talent? Pierre-Michel Menger. (Carga horária: 14h).
College de France, COLLEGE FRANCE, França.
2010 - 2010
Economia e Financiamento da Cultura. (Carga horária: 60h).
Université Paris Dauphine, UPD, França.


Atuação Profissional



Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto III, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas

Atividades

12/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, UFBA, .

Cargo ou função
REPRESENTANTE DA ETUFBA NO CONSELHO ACADËMICO DE PESQUISA E EXTENSÃO - CAPEX.
10/2011 - Atual
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
ORIENTADORA DE DOUTORADO E DE MESTRADO
2012-1 TEA 501, PESQUISA EM ARTES CÊNICAS - 34 horas/aula. Nível: Mestrado
2012-1TEA 514, TRABALHO INDIVIDUAL ORIENTADO - 51 horas/aula. Nível: Mestrado
2012-2 TEA 503, TEORIAS DO ESPETÁCULO - Da Produção coletiva à Produção Colaborativa: do Théâtre du Soleil ao Teatro da Vertigem. 51 horas/aula. Nível: Mestrado/Doutorado
2013-1 TEA501, PESQUISA EM ARTES CÊNICAS - 34 horas/aula. Nível: Mestrado
2013-2 TEA939 - ESTAGIO DOCENTE ORIENTADO/MESTRADO - 68 horas/aula
2015-1 DAN504 - SEMINARIO INTERDISCIPLINAR DE PESQUISA - 34 horas/aula. Nível: Doutorado
06/2011 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, .

06/2011 - Atual
Ensino, Artes Cênicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
2011 .2 - TEA324, MID: TEATRO NA EDUCAÇÃO IV - 17 horas/aula.
2011 .2 - TEA329, MID: INICIAÇÃO AO PROCESSO DE CRIAÇÃO CÊNICA II - 34 horas/aula.
2011 .2 - TEA331, MID: DIREÇÃO TEATRAL II - 51 horas/aula.
2011 .2 - TEA338, MID: INTERPRETAÇÃO TEATRAL IV - 34 horas/aula.
2012 .1 - TEA323, MID: TEATRO NA EDUCAÇÃO III - 17 horas/aula.
2012 .1 - TEA325, MID: TEATRO NA EDUCAÇÃO V - 34 horas/aula.
2012 .1 - TEA330, MID: DIREÇÃO TEATRAL I - 34 horas/aula.
2012 .1 - TEA339, MID: INTERPRETAÇÃO TEATRAL V - 17 horas/aula.
2012 .1 - TEA339, MID: INTERPRETAÇÃO TEATRAL V - 34 horas/aula.
2012 .2 - TEA329, MID: INICIAÇÃO AO PROCESSO DE CRIAÇÃO CÊNICA II - 34 horas/aula.
2012 .2 - TEA331, MID: DIREÇÃO TEATRAL II - 51 horas/aula.
2012 .2 - TEA333, MID: DIREÇÃO TEATRAL IV - 17 horas/aula.
2013.-1 - TEA328, MID: INICIAÇÃO AO PROCESSO DA CRIAÇÃO CÊNICA I Sub-componente: Introdução à pesquisa em Artes Cênicas - 34h
2013.1 - TEA332, MID: DIREÇÃO TEATRAL III Pesquisa em Direção Teatral III - 17h
2013.1 - TEA332, MID: DIREÇÃO TEATRAL III Sub-componente: Ética e Organização social do teatro II - 34h
2013.1 - TEA335, MID: INTERPRETAÇÃO TEATRAL I Sub-componente: Introdução à pesquisa em Artes Cênicas - 17h
2013.1 - TEA339, MID: INTERPRETAÇÃO TEATRAL V Sub-componente: Ética e Organização social do teatro - 34h
2013.1 - TEA339, MID: INTERPRETAÇÃO TEATRAL V Sub-componente: Pesquisa em Interpretação Teatral III - 17h
2013.2 - TEA331 - MID: DIREÇÃO TEATRAL II Sub-componente: Ética e Organização Social do Teatro I - 17h
2013.2 - TEA331 - MID: DIREÇÃO TEATRAL II Sub-componente: Pesquisa em Direção Teatral II
2014-1 - TEA 335, MID: INTERPRETAÇÃO TEATRAL I Sub-componente: Introdução à Pesquisa em Artes Cênicas - 17h
2014.1 - TEA328, MID: INICIAÇÃO AO PROCESSO DA CRIAÇÃO CÊNICA I Sub-componente: Introdução à Pesquisa em Artes Cênicas - 34h
2014-1 - TEA332, MID: DIREÇÃO TEATRAL III Sub-componente: Ética e Organização Social do Teatro II - 34h
2014-1 -TEA 339, MID: INTERPRETAÇÃO TEATRAL V Sub-componente: Ética e Organização Social do Teatro I - 34h
2014-2 TEAA21 - História do Teatro no Brasil e na Bahia - 68h
2014-2 TEA275 - HIST TEATRO BRASILEIRO I - 68h
2014-2 TEA331 - MID: DIREÇÃO TEATRAL II - 51h
2015-1 TEA259 - Produção Teatral - 68h
2015-2 TEA334 - MID: DIREÇÃO TEATRAL V - 34h
2015-2 TEA259 - Produção Teatral - 68h
2016-1 TEA259 - Produção Teatral - 68h
2018-1 TEAA48 - Laboratório de Escrita Monográfica em Pedagogia e Teatro ? 68h
2018-1 TEA259 - Produção Teatral ? 68h
2018-2 TEAA44 - Direção de Espetáculo Teatral II ? 68h
2018-2 TEAA25 - Laboratório de Direção Teatral: Teatro, Rito e Performance ? 68h
03/2015 - 03/2017
Direção e administração, Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, .

Cargo ou função
Chefe do Departamento de Técnicas do Espetáculo.
02/2012 - 06/2015
Conselhos, Comissões e Consultoria, Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, .

Cargo ou função
Membro do Núcleo Docente Estruturante.
04/2013 - 05/2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, .

Cargo ou função
Coordenadora de Colegiado de Curso Livre de Teatro Portaria 481/2013.

Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Adjunto I, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas Chefe do Departamento de Técnicas do Espetáculo


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2011
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Convidado, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Cursos ministrados: Disciplina CAC 5244-1 - O modelo de produção do Théâtre du Soleil Carga Horária - 105h Disciplina CAC 0545 - Produção teatral Carga Horária - 45h



Linhas de pesquisa


1.
Poéticas e Processos da Encenação - PPGAC
2.
Líder do Grupo Interdisciplinar de Pesquisa e Extensão em Contemporaneidade, Imaginário e Teatralidade


Projetos de pesquisa


2012 - Atual
A FORMAÇÃO E A CAPACITAÇÃO DOS PROFISSIONAIS EM CULTURA
Descrição: A FORMAÇÃO E A CAPACITAÇÃO DOS PROFISSIONAIS EM CULTURA O Projeto de Pesquisa intitulado A Formação e a capacitação dos profissionais em cultura é consequência natural do 1º Seminário Internacional de Formação e Capacitação em Cultura realizado em maio de 2012 no Teatro Vila Velha com o apoio do CNpq, da CAPES, da FAPESB, da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, da Embaixada da França e do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da UFBA. Em sua origem é um projeto de trabalho interdisciplinar, unindo França e Brasil, ou mais precisamente, a Université Paris Ouest Nanterre La Défense e a Universidade Federal da Bahia. O Seminário foi apenas a parte inicial de uma proposta que busca contemplar não só a pesquisa de docentes-pesquisadores, mas, de igual modo, a formação de estudantes-pesquisadores, interessados nessa área de atuação. Vale lembrar que a Universidade Federal da Bahia é pioneira na área, ao criar em meados da década de 90, no âmbito da Faculdade de Comunicação, a graduação em Produção Cultural. O Brasil e o mundo acompanham com expectativa o desenvolvimento do setor cultural nos próximos anos, na França o número de empregos na cultura supera o número de empregos na indústria automobilística e, tanto lá quanto no Brasil, a expansão da área não dá mostras de exaustão, cresce de modo contínuo e acentuado. E esse desenvolvimento acontece não apenas no setor privado, ele ocorre também no setor público e encontra-se em particular efervescência no chamado Terceiro Setor. No momento em o que o Brasil se preparar para sediar grandes eventos internacionais como a Copa do Mundo de Futebol (2014) e os Jogos Olímpicos (2016) nós da área da cultura não podemos deixar de pensar nos inúmeros investimentos que vem sendo feitos e simplesmente nos colocarmos como espectadores. Investir na formação e na capacitação dos nossos técnicos em espetáculos artísticos, cada um desses eventos citados realiza atividades artísticas; investir na formação prática de nossos atores e encenadores, para que eles estejam em condições de realizar projetos que serão levados à cena durante os eventos esportivos, assim como precisamos unir nossos pesquisadores em torno do tema da formação e capacitação nesse mundo que espera se apropriar da Economia Criativa, afinal são inúmeras as instituições, fundações, agências e organizações necessitando de recursos humanos. No Brasil, a despeito da importância do setor, as ações e os projetos culturais enfrentam graves problemas, muitos dos quais, decorrentes da ausência de formação específica para os que atuam na área. Essa ausência de formação/capacitação técnica, ou composta por mestrados profissionalizantes, nas áreas de história e cultura, de economia, de produção e gestão de bens culturais é uma lacuna a ser discutida e em seguida preenchida. Nossa discussão iniciada no Seminário de 2012 quer manter no centro da mesa a discussão em torno das questões seguintes: 1. A Formação profissional tornou-se essencial para o trabalho na área da cultura e em especial na área das artes cênicas? 2. Podemos sinalizar um aumento no nível de qualificação? 3. Esta qualificação pode facilitar a mobilidade profissional e uma carreira mais segura? 4. Quais os caminhos a seguir em busca dessa formação e os quais os caminhos que levam ao emprego? Em busca de respostas para que os profissionais que atuam, ou queiram atuar nesta área, possam usufruir de uma formação ampla, e especializada, composta por elementos indispensáveis, que permitam aumentar a competitividade em um mercado em expansão e agregar eficiência e eficácia às ações promovidas ou patrocinadas pelas organizações onde atuam, maximizando seus resultados e seu retorno..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (5) .
Integrantes: Deolinda Catarina França de Vilhena - Coordenador / Bernard Faivre D'Arcier - Integrante / Emmanuel Wallon - Integrante / Fernanda Paquelet Moreira Barbosa - Integrante / Anna Christina de Queiroz Rodrigues - Integrante / Paula Fragoso Mattos - Integrante / BIANCA CRUZ DE ARAÚJO - Integrante / PEDRO HENRIQUE LIRA VILELA - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2011 - 2013
NO REINO DOS FESTIVAIS
Descrição: Os festivais de artes cênicas são verdadeiros ?Tempos de Encontro: criação, acontecimento e pesquisa?. Dentro da dupla dimensão da cultura, intelectual e econômica, também são eventos que concentram um público anual de algumas centenas de milhares de pessoas, criam empregos e geram divisas. No Brasil estão inscritos num setor relativamente jovem, em pleno desenvolvimento, com forte propensão das instâncias públicas em apoiá-los. A abordagem desta pesquisa estrutura-se em três fases: retrato geral do setor dos festivais no Brasil, as grandes constatações e as tendências particulares; estudo de casos e conclusão e prospectivas. Busca-se comprovar que os festivais contribuem para o desenvolvimento econômico e social das comunidades que os acolhem, garantindo a essas cidades um impacto de notoriedade frequentemente muito importante em relação aos investimentos feitos. Palavras-chave: Festivais. Economia da cultura. Gestão..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
PRODUÇÃO TEATRAL: DA PRÁTICA A TEORIA A SISTEMATIZAÇÃO DE UMA DISCIPLINA
Descrição: 1. RESUMO No estágio pós-doutoral pretende-se elaborar as bases de uma nova linha de atuação e pesquisa : a Produção Teatral. Em muitos departamentos de Artes Cênicas, existe um vazio quanto a esta questão, no lugar em que se pensa o fazer teatral não se compreendeu, ainda, que a tentativa de explicação para os problemas do teatro feito hoje não está apenas no debate estético, mas também nas condições de produção. O objetivo desse projeto é o desenvolvimento de uma pesquisa que nos permita conceber, sistematizar e implementar, no Departamento de Artes Cênicas da ECA/USP, uma nova disciplina, cuja designação ? Produção Teatral ? tem em vista abranger, no sentido amplo do espetáculo, as suas vertentes técnica, de organização e de gestão. Esse estudo será realizado em parceria com as universidades de Paris III (Sorbonne Nouvelle), onde obtive meu doutorado em janeiro de 2007, e Paris X (Nanterre), nas quais a Produção Teatral vem sendo amplamente estudada nas formações Les métiers de la production théâtrale, Conduite de projets culturels e Administration du spectacle vivant. Baseadas na aquisição de competências fundadas sobre a cultura teatral, as disciplinas que compõem essas formações acrescentaram à estrutura curricular dos cursos elementos que permitem um melhor acompanhamento da evolução do mercado de trabalho e as mudanças na sociedade, adequando-o assim ao futuro desempenho profissional de seus alunos. Esse diálogo norte-sul, que conta com o aval dos professores Jean-Pierre Ryngaert e Emmanuel Wallon, ao mesmo tempo que contribui para reforçar as relações acadêmicas França-Brasil, pode nos favorecer na busca pela obtenção de resultados semelhantes no Brasil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2016 - 2016
ESPETÁCULO O REI DA VELA - COORDENAÇÃO DE PRODUÇÃO
Descrição: Espetáculo de formatura da turma do Bacharelado de Interpretação da Escola de Teatro da UFBA com encenação de Fernanda Paquelet..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2013 - 2014
XXVIII CURSO LIVRE DE TEATRO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA
Descrição: O projeto em questão abraça a realização do XXVIII Curso de Teatro da Universidade Federal da Bahia, promovido anualmente pela Escola de Teatro da UFBA, através do Departamento de Técnicas do Espetáculo e do Departamento de Fundamentos do Teatro, o Curso Livre de Teatro é um programa permanente de extensão, que oferece a cada edição, de forma intensiva e essencialmente prática, noções e técnicas fundamentais para o exercício da arte do ator. Criado em 1979 no Teatro Castro Alves, o Curso Livre migrou para a Escola de Teatro em 1985 transformando-se na porta de entrada de grandes nomes no mercado teatral da Bahia. Funciona também como um primeiro contato com a ETUFBA, estimulando numerosos estudantes a ingressarem no seu curso superior. O Curso Livre mantém-se como um campo de investigação de propostas contemporâneas de linguagem funcionando como uma oficina de iniciação ao teatro e de aperfeiçoamento para o ator. Com aulas diárias de expressão corporal e vocal, interpretação, canto e dramaturgia, sem esquecer as noções de produção e administração teatral. Além das aulas noturnas, um sábado por mês serão realizadas palestras e oficinas que permitirão aos inscritos um contato com as diversas faces do teatro, numa interface permanente entre os aspirantes a alguma experiência nas artes cênicas, a comunidade acadêmica e o mundo do teatro profissional. No dia 9 de janeiro de 2014 o Teatro Vila Velha, de tantas histórias vividas, no ano em que completa 50 anos, será palco do espetáculo de formatura da turma 2013 numa temporada prevista para três semanas. O curso está estruturado de forma a atender simultaneamente tanto aqueles alunos que buscam sua iniciação na linguagem teatral, assim como os que visam o aperfeiçoamento técnico na área da interpretação teatral. Para aqueles que desejam ingressar nos cursos de 3º grau oferecidos pela Escola de Teatro (Bacharelado em Artes Cênicas com Habilitação em Direção Teatral, Bacharelado em Artes Cênicas com Habilitação em Interpretação Teatral e Licenciatura em Teatro), o Curso Livre de Teatro, ao longo dos seus 28 anos de existência, têm demonstrado também a sua eficácia como preparatório para a etapa dos testes específicos do vestibular..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Deolinda Catarina França de Vilhena - Coordenador / Márcio Meirelles - Integrante / Thales Branche Paes de Mendonça - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1
2013 - 2014
ESPETÁCULO TEATRAL TROILUS E CRÉSSIDA ENCENAÇÃO DE MÁRCIO MEIRELLES
Descrição: Após seis meses de aulas/ensaios que tiveram início em 8 de julho de 2013, os 32 formandos, dos 38 inscritos inicialmente, chegam ao final do curso apresentando entre 9 e 26 de janeiro de 2014, Troilus e Créssida de William Shakespeare no palco do Teatro Vila Velha, nas palavras de Gilberto Gil "a pia batismal dos artistas baianos" como bem nos lembrou Sonia Robatto, madrinha mais do que especial do XXVIII Curso Livre. Promovido anualmente pela Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, através do Departamento de Técnicas do Espetáculo e do Departamento de Fundamentos do Teatro, o Curso Livre de Teatro é um programa permanente de extensão, que oferece a cada edição, de forma intensiva e essencialmente prática, noções e técnicas fundamentais para o exercício da arte do ator. Estruturado de forma a atender simultaneamente tanto aqueles alunos que buscam sua iniciação na linguagem teatral, assim como os que visam o aperfeiçoamento técnico na área da interpretação teatral. A vigésima oitava edição do Curso Livre tem a Coordenação da Profa. Dra. Deolinda Vilhena e a direção artística de Márcio Meirelles, Diretor do Teatro Vila Velha e do Bando de Teatro Olodum, um dos mais atuantes e respeitados artistas no cenário teatral do país e ex-Secretário de Cultura do Estado da Bahia (2007-2011). Sinopse: Troilus e Créssida foi escrita por Shakespeare em 1602. O espetáculo coloca em cena 35 jovens aprendizes de atores mostrando a impossibilidade do amor numa sociedade decadente, sem valores, durante a guerra. Troilus, filho de Príamo, rei de Tróia e Créssida, heroína que enfrenta seu destino e se adapta corajosamente à condição de moeda de troca, imposta pelo estado troiano - simbolizam esse casal impedido de amar. SERVIÇO TROILUS & CRÉSSIDA Estreia: Quinta, 9 de janeiro, 19h Texto: William Shakespeare Tradução: Barbara Heliodora Encenação, figurino, concepção de espaço, desenho de luz: Márcio Meirelles Assistência de direção: Bertho Filho Coreografia: Leandro de Oliveira Direção Musical: Thales Branche Elenco: Formandos do XXVIII Curso Livre de Teatro da UFBA Realização: Universidade Federal da Bahia - Escola de Teatro em parceria com o Teatro Vila Velha.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Deolinda Catarina França de Vilhena - Coordenador / Márcio Meirelles - Integrante / Fernanda Paquelet Moreira Barbosa - Integrante / Thales Branche Paes de Mendonça - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1


Membro de corpo editorial


2012 - Atual
Periódico: REVISTA REPERTÓRIO TEATRO & DANÇA - PPGAC / UFBA
2011 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Estudos da Presença ISSN 2237-2660


Revisor de periódico


2012 - Atual
Periódico: Studii si Cercetari Filologice. Seria Limbi Romanice


Áreas de atuação


1.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Teatro/Especialidade: Produção teatral.
2.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Formação e qualificação.
3.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Teatro/Especialidade: Historia do teatro.
4.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Teatro/Especialidade: Teatro francês.


Idiomas


Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:2
Total de citações:2
França de Vilhena, Deolinda Catarina  Data: 07/02/2008

Artigos completos publicados em periódicos

1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.2009FRANCA DE VILHENA, D. C.. Ariane Mnouchkine ou a eterna busca pela estética de uma ética. Repertório Teatro & Dança, v. 13, p. 104-112, 2009.

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.2008FRANCA DE VILHENA, D. C.. Théâtre du Soleil ou a eterna "busca da beleza para alcançar a perfeição". Cavalo Louco, v. 5, p. 20-20, 2008.

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.2005FRANCA DE VILHENA, D. C.. Le Théâtre du Soleil: une troupe toujours à la recherche du théâtre. Passages de Paris (APEB-Fr), v. 1, p. 139-149, 2005.

4.
FRANCA DE VILHENA, D. C.2004FRANCA DE VILHENA, D. C.. Théâtre du Soleil ou quarenta anos realizando uma utopia. O Percevejo (UNIRIO), v. 13, p. 285-300, 2004.

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.2004FRANCA DE VILHENA, D. C.. Visar a perfeição para atingir a beleza. Sala Preta (USP), v. 4, p. 145-152, 2004.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
Ulisses Tavares ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . Se nem Freud explica, tente a poesia. São Paulo: Editora Francis, 2006. 272p .

Capítulos de livros publicados
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; LOPES, C. ; RAIMUNDO MATOS DE LEÃO . UM TCHEKHOV NA CENA SOTEROPOLITANA. In: CASSIA LOPES, RAIMUNDO MATOS DE LEÃO. (Org.). TRAVESSIAS DRAMATÚRGICAS A COMPANHIA DE TEATRO DA UFBA. 1ed.SALVADOR: EDUFBA, 2018, v. , p. 39-47.

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; CAP-BUN, M. ; NICOLAE, F. . MATEI VISNIEC UM ROMENO SEDUZ A BAHIA. In: MARINA CAP-BUN; FLORENTINA NICOLAE. (Org.). LITERATURA, TEATRUL SI FILMUL IN ONOAREA DRAMATURGULUI MATEI VISNIEC. 1ed.CONSTANTA ROMENIA: OVIDIUS PRESS UNIVERSITY CONSTANTA ROMENIA, 2015, v. 1, p. 103-115.

3.
Neyde Veneziano ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . Bibi Ferreira a vedeta bestial. In: Neyde Veneziano. (Org.). As grandes vedetes do Brasil. 1ed.São Paulo: Imprensa Oficial, 2010, v. , p. 70-73.

4.
Vieira de Andrade, Ana Lucia ; Bulhões Carvalho, Ana Maria de ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . Bibi Ferreira? Bem, Bibi é um caso à parte.... In: Vieira de Andrade, Ana Lucia; Bulhões Carvalho Edelweiss, Ana Maria. (Org.). A mulher e o teatro brasileiro do século XX. São Paulo: HUCITEC, 2008, v. , p. 42-66.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Christiane Jatahy põe no palco clássico das telas em Paris. O Estado de S. Paulo, São Paulo, p. Caderno 2 - C3 - C3, 13 fev. 2017.

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. JUBILEU DE DIAMANTE NO TCA. A TARDE, Salvador Bahia, , v. Caderno2, p. 1 - 1, 05 maio 2016.

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. MULHERES DE RENDA E DE AÇO. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 28 fev. 2014.

4.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. GABRIEL TRANSFORMA RÉQUIEM EM ODE AO TEATRO POPULAR. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 21 fev. 2014.

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. OS OITENTA ANOS DE MABEL VELLOSO. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 14 fev. 2014.

6.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. SOU GERAÇÃO REGINA DUARTE. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 07 fev. 2014.

7.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. UM TEATRO EM DIÁLOGO COM O SEU TEMPO. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 17 jan. 2014.

8.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. GREGOS E TROIANOS VÃO INVADIR O VILA VELHA. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 03 jan. 2014.

9.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. DUAS FACES DA MESMA MOEDA. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 29 nov. 2013.

10.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. AS ARTES CÊNICAS PODEM SIM SER UM GRANDE NEGÓCIO. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 15 nov. 2013.

11.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. SORRIA, BIBI ESTÁ NA BAHIA. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 25 out. 2013.

12.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A FESTA DO TEATRO SOTEROPOLITANO. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 05 abr. 2013.

13.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. PAIXÃO DE CRISTO CELEBRA SEMANA SANTA EM SALVADOR. TERRA MAGAZINE, SÃO PAULO, 29 mar. 2013.

14.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. BONITINHOS E NADA ORDINÁRIOS!. Terra Magazine, São Paulo (Brasil), 17 jan. 2013.

15.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. AVALIAÇÃO DO 15º FESTIVAL RECIFE DE TEATRO NACIONAL. SATISFEITA, YOLANDA?, Recife (Pernambuco), 09 dez. 2012.

16.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Para um artista desrespeito ao seu público deveria ser crime hediondo. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, São Paulo, 20 jul. 2012.

17.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Salvador recebe espetáculos da Fondazione Pontedera. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 23 jun. 2012.

18.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Virata teatral encerra FIT-BH. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, São Paulo, 22 jun. 2012.

19.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Sem formação não há solução!. Terra Magazine, São Paulo (Brasil), 02 jun. 2012.

20.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Eliane Costa deixa a Petrobras. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, SÃO PAULO, 06 maio 2012.

21.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bião lança Teatro de cordel: peças e ensaios. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, SÃO PAULO, 13 abr. 2012.

22.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. DE SALVADOR A JUIZ DE FORA COM ESCALA NO RIO. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, São Paulo, 23 mar. 2012.

23.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Março, o mês do teatro. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, 09 mar. 2012.

24.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Pterodátilos, um espetáculo de doer o estômago. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, São Paulo, 24 fev. 2012.

25.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Um Idiota impagável e imperdível. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, São Paulo, 10 fev. 2012.

26.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. UMA ESCOLA DE TEATRO CONTRA A PROVÍNCIA. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, São Paulo, 27 jan. 2012.

27.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. OMAR PORRAS NO BRASIL EM 2012?. TERRA MAGAZINE REVISTA ELETRÔNICA, SÃO PAULO, 20 jan. 2012.

28.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Sem Formação não há salvação. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 23 dez. 2011.

29.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Meus amores estão em cena. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 09 dez. 2011.

30.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Mostrar que o teatro é possível.... Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 25 nov. 2011.

31.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Borbulhantes da cena baiana.... Terra Magazine, São Paulo, 18 nov. 2011.

32.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. O Teatro maravilhoso chega à cidade maravilhosa. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 04 nov. 2011.

33.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. O Primeiro ´Colóquio a gente nunca esquece. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 21 out. 2011.

34.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. O Soleil que tanto amo.... Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 14 out. 2011.

35.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Em Salvador é tempo de Arbítrio. Terra Magazine Revista Eletrônico, São Paulo, 30 set. 2011.

36.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Alegre porto das artes da cena. Terra Magazine Revista Eletrônica, São paulo, 09 set. 2011.

37.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. No Reino dos festivais.... Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 26 ago. 2011.

38.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. O Teatro e eu em busca de rumos. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 19 ago. 2011.

39.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Olha a Bahia em cena, gente!. Terra Magazine, São Paulo, 05 ago. 2011.

40.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. O Teatro faz a festa!. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 22 jul. 2011.

41.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Colcha de retalhos cultural. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 08 jul. 2011.

42.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Um Festival sob o signo das estrelas. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 24 jun. 2011.

43.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Marieta Severo, uma mulher de teatro. Terra Magazine, São Paulo, 10 jun. 2011.

44.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A VIda entre os micróbios do samba e do teatro. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 03 jun. 2011.

45.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Teatro para todas as tribos.... Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 27 maio 2011.

46.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. O Theatro XVIII é nosso!. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 20 maio 2011.

47.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Mais, quero mais.... Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 13 maio 2011.

48.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Meus homens de teatro. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 06 maio 2011.

49.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Descobertas teatrais e aniversário de uma Diva. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 29 abr. 2011.

50.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bahia, aqui vou eu.... Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 22 abr. 2011.

51.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Em tempos de França, Oropa e Bahia.... Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 22 mar. 2011.

52.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Contra o calor? Vá ao teatro!. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 04 fev. 2011.

53.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Recordar é viver e muito mais. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 28 jan. 2011.

54.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Ópera e subúrbio em perfeita comunhão. Terra Magazine, São Paulo, 22 jan. 2011.

55.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Os setenta anos da maior cantora do Brasil. Terra Magazine Revista Eletrônica, São Paulo, 14 jan. 2011.

56.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bença, Olodum!. O Estado de S. Paulo, São Paulo (SP), p. D5 - D5, 05 nov. 2010.

57.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Mais uma obra-prima no currículo de Mnouchkine. Terra Magazine, Terra Magazine, 05 mar. 2010.

58.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Teatro de Aventura / Tributo cênico ao sonho de filmar. O Estado de S. Paulo Caderno 2, São Paulo, p. D1 - D5, 20 fev. 2010.

59.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Scapino d Molière a Porras em grande estilo. Terra magazine, São Paulo, 19 fev. 2010.

60.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. O bonde cafarnaum de Krzysztof Warlikowski. Terra Magazine, São Paulo, 05 fev. 2010.

61.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. BIS, Blaise, Brumachon, descobrindo Nantes e a vida. Terra Magazine, São Paulo, 29 jan. 2010.

62.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. As estreias daqui e dai. Terra Magazine, São Paulo, 15 jan. 2010.

63.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A Dinastia Chaplin brilha nos palcos de Paris. Terra Magazine, São Paulo, 25 dez. 2009.

64.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Patchwork francês. Terra magazine, São Paulo, 29 maio 2009.

65.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Ariane Mnouchkine premiada na Noruega. Terra Magazine, São Paulo, 29 maio 2009.

66.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Boal e Planchon: o teatro chora dois mestres. Terra Magazine, São Paulo, 15 maio 2009.

67.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Porras: "temos que acreditar em sonhos". Terra Magazine, São Paulo, 01 maio 2009.

68.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Borbulhantes do eixo Paris-Sampa-Rio. Terra Magazine, São Paulo, 24 abr. 2009.

69.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Os caminhos do teatro. Terra Magazine, São Paulo, 17 abr. 2009.

70.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Sérgio Britto, dos 12, dos 7, dos 4 e único. Terra Magazine, São Paulo, 13 mar. 2009.

71.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. God save the Queen!. Terra Magazine, São Paulo, 27 fev. 2009.

72.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Divagando, palpitando e arrumando encrenca. Terra Magazine, São Paulo, 20 fev. 2009.

73.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Estreia em sampa, despedida em Salvador. Terra Magazine, São Paulo, 13 fev. 2009.

74.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Quando o teatro pode ser jogar e conversar. Terra Magazine, São Paulo, 06 fev. 2009.

75.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Eles mantêm o teatro vivo. Terra Magazine, Sao Paulo, 30 jan. 2009.

76.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. De Brecht a Brown, eu quero é mais.... Terra Magazine, São Paulo, 23 jan. 2009.

77.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Quem não gosta de teatro, bom sujeito não é.... Terra Magazine, São Paulo, 16 jan. 2009.

78.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Nem só de cariocas e paulistas vive o teatro no BR. Terra Magazine, São Paulo, 12 dez. 2008.

79.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. O talento de Araújo a serviço do primor de Purcell. Terra Magazine, São Paulo, 05 dez. 2008.

80.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Antônio Araujo et le Teatro da Vertigem, Quand le théâtre donne le vertige. Journal de l'ARTA - Association de recherche des tradictions de l'acteur - Paris, Paris/França, p. 28 - 33, 01 dez. 2008.

81.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Calígula, sem patrocínio, com o talento de Villela. Terra Magazine, São Paulo, 28 nov. 2008.

82.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Entre rainhas e tambores, um anjo e um imperador. Terra Magazine, São Paulo, 28 nov. 2008.

83.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A mulher e o teatro brasileiro do século XX. Terra Magazine, São Paulo, 21 nov. 2008.

84.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. ARBRACE e "Saga Lusa". Terra Magazine, São Paulo, 14 nov. 2008.

85.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Abrace e "Saga Lusa". Terra Magazine, São Paulo, 14 nov. 2008.

86.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. José de Alencar sob a benção de Baco e Violeta. Terra Magazine, São Paulo, 31 out. 2008.

87.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. José de Alencar: sob a bênção de Baco e Violeta. Terra Magazine, São Paulo, 31 out. 2008.

88.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A Bahia do TCA, do Juju e do FIAC. Terra Magazine, São Paulo, 24 out. 2008.

89.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Fiac coloca Bahia na rota do teatro mundial. Terra Magazine, São Paulo, 24 out. 2008.

90.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Conversando com meus leitores. Terra Magazine, São Paulo, 17 out. 2008.

91.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Wilker entre Jack Nicholson e Akira Kurosawa. Terra Magazine, Terra Magazine, 10 out. 2008.

92.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. TEA ou quando o teatro é necessário. Terra magazine, São Paulo, 03 out. 2008.

93.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Um ano depois, o legado do Théâtre du Soleil. Terra Magazine, São Paulo, 26 set. 2008.

94.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A Bahia é um "Alvoroço" permanente. Terra Magazine, São Paulo, 19 set. 2008.

95.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Sobrinha-neta filma amigos de Clarice Lispector. Terra Magazine, São Paulo, 05 set. 2008.

96.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. 15º Porto Alegre em Cena, Ói Nóis Aqui Traveiz!. Terra Magazine, São Paulo, 29 ago. 2008.

97.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Salmo 91, o sucesso agora em livro. Terra Magazine, 29 ago. 2008.

98.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Dib, Fausto e o "encantamento" de Caymmi. Terra Magazine, São Paulo, 22 ago. 2008.

99.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. SP: A máscara teatral e a arte de Donato Sartori. Terra Magazine, São Paulo, 15 ago. 2008.

100.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Antônio Araújo: e agora Doutor?. Terra Magazine, São Paulo, 15 ago. 2008.

101.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Mayette: enfim uma "patroa" na Casa de Molière. Terra Magazine, São Paulo, 25 jul. 2008.

102.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A França que o Brasil merece ver. Terra Magazine, São Paulo, 18 jul. 2008.

103.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Hanna Schygulla mistura talento, graça e carisma. Terra Magazine, São Paulo, 11 jul. 2008.

104.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Moreau: ser atriz é vocação, uma maneira de viver. Terra Magazine, São Paulo, 04 jul. 2008.

105.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Mnouchkine: Doutor Honoris Causa em Oxford. Terra Magazine, São Paulo, 27 jun. 2008.

106.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Paris: Sucesso da geração formada por Mnouchkine. Terra Magazine, São Paulo, 20 jun. 2008.

107.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A estética refinada de Márcio Aurélio em. Terra Magazine, São Paulo, 13 jun. 2008.

108.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Teatro para todos!. Terra Magazine, São Paulo, 06 jun. 2008.

109.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Amok Teatro: 10 anos dialogando com o presente. Terra Magazine, São Paulo, 30 maio 2008.

110.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. "O dragão": outro olhar sobre Israel-Palestina. Terra Magazine, São Paulo, 30 maio 2008.

111.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. De Paris as Minas Gerais. Terra Magazine, São Paulo, 23 maio 2008.

112.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Fabrice Luchini a mais pura dicção, sem digressão. Terra Magazine, São Paulo, 07 mar. 2008.

113.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Meu encontro com Beaumarchais na "casa" de Molière. Terra Magazine, São Paulo, 22 fev. 2008.

114.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Quando o "star system" invade os palcos de Paris. Terra Magazine, São Paulo, 08 fev. 2008.

115.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Emmanuel Wallon, ao mestre com carinho. Terra Magazine, São Paulo, 11 jan. 2008.

116.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. West Side Story: como chegar aos 50 sem rugas. Terra Magazine, São Paulo, 28 dez. 2007.

117.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Marivaux e as delícias do texto bom, compreensível. Terra Magazine, São Paulo, 21 dez. 2007.

118.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Paris, capital da diversidade cultural. Terra Magazine, São Paulo, 14 dez. 2007.

119.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bibi Ferreira: "a primeira figura do nosso teatro". Terra Magazine, São Paulo, 07 dez. 2007.

120.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Ariane Mnouchkine: "Cultura é arma contra a ignorância e a pobreza". Terra Magazine, São Paulo, 29 ago. 2007.

121.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Théâtre du Soleil na intimidade. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, p. B2 - B2, 29 ago. 2007.

122.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Grupo Divulgação, um teatro de voluntariados. Terra Magazine, São Paulo, 24 ago. 2007.

123.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Porto Alegre em cena: bem-vindo à cidade do teatro. Terra Magazine, São Paulo, 17 ago. 2007.

124.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Olivier Py e o bom teatro com platéia lotada. Terra Magazine, São Paulo, 03 ago. 2007.

125.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Salmo 91, mais um espetáculo do "Anjo" Gabriel. Terra Magazine, São Paulo, 27 jul. 2007.

126.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Saudades de uma atriz, Dina Sfat. Terra Magazine, São Paulo, 27 jul. 2007.

127.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Ariane Mnouchkine, um Leão de Ouro para uma leoa. Terra magazine, São paulo, 20 jul. 2007.

128.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. E por falar em teatro.... Terra Magazine, São Paulo, 13 jul. 2007.

129.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. As borbulhantes da semana. Terra Magazine, São Paulo, 13 jul. 2007.

130.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Tônia Carrero: nunca é hora de entregar os pontos. Terra Magazine, São Paulo, 06 jul. 2007.

131.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. "O Baile", "Fim de Jogo" e "Experimentos". Terra Magazine, São Paulo, 22 jun. 2007.

132.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Fazendo as pazes com o teatro brasileiro.... Terra Magazine, São Paulo, 01 jun. 2007.

133.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Théâtrotour por um teatro apaixonado. Terra Magazine, São Paulo, 18 maio 2007.

134.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Living Theater e My Fair Lady a caminho da Abrace. Terra Magazine, São Paulo, 15 maio 2007.

135.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Rio de cabo a rabo...a revista de 1979. Terra Magazine, São Paulo, 11 maio 2007.

136.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. ...e o teatro nos anos 2000.... Terra Magazine, São Paulo, 11 maio 2007.

137.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Os 80 anos de um homem "imortal": Sabato Magaldi. Terra Magazine, São Paulo, 04 maio 2007.

138.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A construção do matriarcado no teatro brasileiro. Terra Magazine, São Paulo, 20 abr. 2007.

139.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bibi Ferreira: Ás favas com os escrúpulos. Terra Magazine, São Paulo, 13 abr. 2007.

140.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A vida no palco - Ariane Mnouchkine eo Théâtre du Soleil ou de como transformar utopia em sonho. Terra Magazine, São Paulo, 06 abr. 2007.

141.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Omar Porras, de como um malandro honra sua classe. Terra Magazine, São Paulo, 18 jan. 2007.

142.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Netos e herdeiros da arte de Charlie Chaplin. Terra Magazine, Brasil, 12 jan. 2007.

143.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Théâtre du Soleil estréia em Paris Les éphémères: Sobre aqueles instantes que nos definem. Jornal do Brasil, p. B03 - B03, 04 jan. 2007.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; DANIELE CANEDO . A EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA A SERVIÇO DA FORMAÇÃO E DA QUALIFICAÇÃO DAS FUNÇÕES TÉCNICO-ADMINISTRATIVAS DO ESPETÁCULO TEATRAL. In: XIV ENECULT ENCONTRO DE ESTUDOS MULTIDISCILPLINARES EM CULTURA, 2018, SALVADOR. ANAIS XIV ENECULT. SALVADOR: ENECULT, 2018. v. 1.

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; Armindo Bião . Ariane Mnouchkine e o Théâtre du Soleil: notas de uma trajetória entre palco e tela. In: VI COLÓQUIO INTERNACIONAL DE ETNOCENOLOGIA, 2009, Belo Horizonte. Anais do Colóquio Internacional de Etnocenologia: a voz do corpo, o corpo da voz: artes e ciências do espetáculo.. Belo Horizonte, 2009. p. 04-34.

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Produção teatral da pratica a teoria a sistematização de uma disciplina. In: V ENECULT - QUINTO ENCONTRO DE ESTUDOS MULTIDISCIPLINARES EM CULTURA, 2009, Salvador. V ENECULT. Salvador: Faculdade de Comunicação da Bahia, 2009.

4.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Produção teatral da prática à teoria. In: V Congresso da ABRACE, 2008, Belo Horizonte. V Congresso da ABRACE, 2008.

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bibi Ferreira a trajetoria solitaria de uma atriz por seis décadas do teatro brasileiro. In: I Congresso de Pesquisa e Pos-Graduação em Artes Cênicas, 1999. Anais do I Congresso Brasileiro de Pesquisa e Pos-Graduação em Artes cênicas. SALVADOR: ABRACE, 1999. p. 391-396.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bibi Ferreira - A trajetória solitária de uma atriz por seis décadas do teatro brasileiro. In: I Congresso Brasileiro de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas, 1999, São Paulo. Memória Abrace I. Salvador: Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas, 1999. v. 01. p. 391-396.

Apresentações de Trabalho
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA A SERVIÇO DA FORMAÇÃO E DA QUALIFICAÇÃO DAS FUNÇÕES TÉCNICO-ADMINISTRATIVAS DO ESPETÁCULO TEATRAL. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. CRIAÇÃO E MODOS DE PRODUÇÃO, O EXEMPLO DO THÉÂTRE DU SOLEIL. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; MAMBERTI, S. . A IMPORTÂNCIA DO PÚBLICO PARA O TEATRO. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. PRODUÇÃO CULTURAL: ARTISTAS COMO PROTAGONISTAS DE SUA HISTÓRIA. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Produção Teatral ? O Artista como Protagonista de Sua História. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Os modos de produção do Théâtre du Soleil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Les modes de production du théâtre brésilien à l'aube du XXIème siècle. / Os modos de produção do teatro brasileiro no amanhecer do século XXI. (em francês com tradução para o romeno). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Les modes de production du théâtre brésilien à l'aube du XXIème siècle. / Os modos de produção do teatro brasileiro no amanhecer do século XXI.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. NO REINO DOS FESTIVAIS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Produção teatral, da prática à teoria a sistematização de uma disciplina. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Produção teatral: da prática à teoria. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
FALABELLA, M.C.V. ; BANU, Georges ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . Le Théâtre du Soleil - Grupo Divulgação A Aventura Teatral Possível - L'Aventure Théâtrale Possible. Juiz de Fora - Minas Gerais, 2015. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; ALONGE, Roberto . «O retorno da vilegiatura », III, 2 no triângulo Strehler-Missiroli-Castri. Niterói (RJ): Revista do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Arte - Universidade Federal Fluminense, 2010. (Tradução/Artigo).

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Théâtre du Soleil ou a eterna busca da perfeição para atingir a beleza. Porto Alegre: Prefeitura de Porto Alegre, 2007 (Catálogo de Festival).

4.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; SAVARY, O. . Poesia do grão-Pará. Rio de Janeiro: GRAPHIA, 2001 (Antologia poética).

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; FERREIRA, A. I. F. B. ; KIRSCH, I. . Bibi chante et raconte Piaf, 2001. (Tradução/Outra).

6.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; SAVARY, O. . Antologia da nova poesia brasileira. Rio de Janeiro: Hipocampo, 1992 (Antologia poética).

7.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Brincando de ser. Edição da autora, 1990 (Poesia).

8.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Pensando ter vivido o que não vivi. Edição Independente, 1980 (Poesia).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; GUERREIRO, F. . XXVIII CURSO LIVRE DE TEATRO E A ESTREIA DE TROILUS E CRÉSSIDA. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; MARFUZ, L. ; Hebe Alves . 1º Seminário Internacional de Formação e Capacitação em Cultura. 2012; Tema: Formação e capacitação em cultura. (Blog).

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; Hebe Alves . Formação e Capacitação em Cultura. 2012; Tema: Formação e Capacitação em Cultura. (Site).

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; DARCIER, B. F. ; E. Wallon . No Reino dos Festivais. 2011; Tema: Festivais: um instrumento ou um pretexto para as políticas culturais?. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Oficina de Elaboração de Projetos de Mobilidade Artística e Intercâmbio Cultural. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
BODSTEIN, E. ; FRANCA DE VILHENA, D. C. ; PUPO, M. L. S. B. . Projeto Être au Soleil. 2014. (Editoração/Catálogo).

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. OFICINA DE INTRODUÇÃO À PRODUÇÃO TEATRAL FESTIVAL INTERNACIONAL VIVADANÇA. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. OFICINA DE INTRODUÇÃO À PRODUÇÃO TEATRAL EXTENSÃO ETUFBA. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. OFICINA DE INTRODUÇÃO A PRODUÇÃO TEATRAL FESTIVAL SANTISTA DE TEATRO. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. OFICINA DE INTRODUÇÃO A PRODUÇÃO TEATRAL PORTO ALEGRE EM CENA. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Produção teatral da prática a teoria a sistematização de uma disciplina. 2010. (Relatório de pesquisa).

8.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. PRODUÇÃO TEATRAL, ARTE E OFÍCIO - TUSP - TEATRO DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

9.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Festival Internacional de Teatro Porto Alegre em cena. 2007. (Assessoria de imprensa).


Produção artística/cultural
Artes Cênicas
1.
ANDRADE, O. ; BARBOSA, F. P. M. ; Luciano Bahia ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . O REI DA VELA ENCENAÇÃO FERNANDA PAQUELET. 2016. Teatral.

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; Márcio Meirelles . TROILUS E CRÉSSIDA. 2014. Teatral.

Outras produções artísticas/culturais
1.
Márcio Meirelles ; Hebe Alves ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . Leitura Dramática Comemorativa aos 35 anos do Avelãz y Avestruz. 2011 (Leitura Dramática).

2.
James, Jeremy ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . Jeremy James fala sobre a arte do ator no Théâtre du Soleil. 2008 (Palestra).

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. A cena em imagens. 2008 (Palestra de Béatrice Picon-Vallin no curso de Sílvia Fernandes (Tradução consecutiva)).

4.
Nicole Algranti ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . De corpo inteiro. 2008 (Filme).

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. "As influências do teatro francês no teatro brasileiro". 2000 (Mesa redonda).

6.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. I Congresso Brasileiro de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas. 1999 (Congresso).

7.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. "Bibi Ferreira, a trajetoria solitaria de uma atriz por seis décadas do teatro brasileiro". 1999 (Palestra).

8.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Editora do jornal da Aliança Francesa de Santos. 1998 (Jornal Hou la la!).

9.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. "Bibi canta e conta Piaf". 1995.

10.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bibi in concert 2 - Entertainer. 1994 (Espetaculo teatral).

11.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. "As atrizes". 1992.

12.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Bibi in concert 1. 1991 (Espetaculo teatral).

13.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. "PIAF - A vida de uma estrela da canção". 1985.

Demais trabalhos
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; ROSA, Gideon . COMISSÃO JULGADORA DO PRÊMIO BRASKEM DE TEATRO (BAHIA). 2012 (COMISSÃO JULGADORA) .

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; PREVEYRAUD, S. . Uma visita ao coração do Théâtre du Soleil. 2007 (Exposição fotografica) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; SANTOS G.M.; NUSSBAUMER, G. M.. Participação em banca de Poliana Nunes Santos de Carvalho. Organizar para Administrar: Uma Análise da Gestão dos Grupos Galpão e Bando de Teatro Olodum.. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia.

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; SILVA, H. A.; FALABELLA, M.C.V.. Participação em banca de FERNANDA PAQUELET MOREIRA BARBOSA. A TUA AÇÃO A formação no bacharelado em interpretação teatral na Escola de Teatro da UFBA. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Universidade Federal da Bahia.

3.
SANTOS G.M.; ALVES, E. P. M.; FRANCA DE VILHENA, D. C.. Participação em banca de ANNA CHRISTINA DE QUEIROZ RODRIGUES. O PERFIL DO PRODUTOR TEATRAL EM MACEIÓ: CARACTERÍSTICAS DA PROFISSÃO NOS GRUPOS DE TEATRO ATUANTES EM 2013. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia.

4.
ALVES, E. P. M.; SANTOS G.M.; FRANCA DE VILHENA, D. C.. Participação em banca de PAULA FRAGOSO MATTOS. A PRODUÇÃO TEATRAL POR MEIO DE INCUBADORA CULTURAL NA ESCOLA TÉCNICA DE ARTES DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia.

5.
NUSSBAUMER, G. M.; SILVA, M. S.; FRANCA DE VILHENA, D. C.. Participação em banca de JULIA TORRES DOS SANTOS. PRODUÇÃO E CONSUMO CULTURAL NO BAIRRO DO RIO VERMELHO. 2013. Dissertação (Mestrado em Cultura e Sociedade) - Universidade Federal da Bahia.

Teses de doutorado
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; MARFUZ, L.; SILVA, H. A.; SCHAFFNER, C. P.; MARTINS, F. C.. Participação em banca de RODRIGO CARVALHO MARQUES DOURADO. BONECAS FALANDO PARA O MUNDO: IDENTIDADES SEXUAIS DESVIANTES E TEATRO CONTEMPORÂNEO. 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênica) - Universidade Federal da Bahia.

2.
SILVA, T. B.; REIS, A. C.; WERNECK, M. H. V.; HEYMANN, L. Q.; FRANCA DE VILHENA, D. C.. Participação em banca de FABIANA SIQUEIRA FONTANA. POR UM SONHO DE NAÇÃO: PASCHOAL CARLOS MAGNO E O TEATRO DO ESTUDANTE NO BRASIL. 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Teatro UNIRIO) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
RENCONTRES NUMÉRIQUES - LES PUBLICS, IN SITU ET EN LIGNE. 2017. (Encontro).

2.
OFICINA O AVESSO DA CENA. 2014. (Oficina).

3.
Projeto Être au Soleil.Os Modos de Produção do Théâtre du Soleil. 2014. (Outra).

4.
15º Festival Recife do Teatro Nacional.AVALIAÇÃO DO 15º FESTIVAL RECIFE DO TEATRO NACIONAL. 2012. (Outra).

5.
FALATÓRIO CÊNICO.Dia do Teatro: Comemorar o quê? ?Políticas Culturais para o desenvolvimento das Artes Cênicas na Bahia.?. 2012. (Encontro).

6.
FESTA DA FRANCOFONIA.O Théâtre du Soleil, histórias e imagens. 2012. (Encontro).

7.
VIII Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura.PARECERISTA. 2012. (Encontro).

8.
XXVII SEMINÁRIO CAMINHOS DO TEATRO.OS CAMINHOS DO MERCADO TEATRAL. 2012. (Seminário).

9.
I COLÓQUIO INTERNACIONAL NO REINO DOS FESTIVAIS.Festivais: instrumento ou pretexto para as políticas culturais?. 2011. (Outra).

10.
II Seminário Internacional Ciência e Museologia: Universo imaginário.SUSTENTABILIDADE DA CULTURA, REALIDADE OU UTOPIA?. 2011. (Seminário).

11.
PRIMEIRO SEMINÁRIO A SOCIEDADE EM REDE E O TEATRO MANAUS.Sustentabilidade no setor do teatro: realidade ou utopia?. 2011. (Seminário).

12.
PRIMEIRO SEMINÁRIO A SOCIEDADE EM REDE E O TEATRO RECIFE.GESTÃO EM MODOS DE PRODUÇÃO TEATRAL - Das companhias de atores à produção colaborativa dos grupos de hoje. 2011. (Encontro).

13.
VII ENCONTRO DE ESTUDOS MULTIDISCIPLINARES EM CULTURA ENECULT/SALVADOR BA.Não cabe. 2011. (Encontro).

14.
VI REUNIÃO CIENTÍFICA DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PESQUISA E PÓS GRADUAÇÃO EM ARTES CÊNICAS.NO REINO DOS FESTIVAIS. 2011. (Outra).

15.
X ENCONTRO DE ARTISTAS PESQUISADORES DO FNT DE GUARAMIRANGA.GESTÃO EM MODOS DE PRODUÇÃO TEATRAL Das companhias de atores à produção colaborativa dos grupos de hoje. 2011. (Encontro).

16.
AMOS GITAI Mostra e Master Class.Encontro com Amos Gitai. 2010. (Encontro).

17.
Conversas Teatrais - Clube Hebraica São Paulo.Théâtre du Soleil, 45 anos de aventuras. 2010. (Encontro).

18.
Mês do Teatro - Teatro Vila Velha - Salvador.Ariane Mnouchkine e o Théâtre du Soleil, 45 anos de aventuras. 2010. (Outra).

19.
Programa Courants du Monde.Painel da produção cultural independente np Brasil. 2010. (Seminário).

20.
Rencontre nationale art, culture, émancipation, sens, utopie, projet. 2010. (Oficina).

21.
Centro Internacional de Formação e Pesquisa em Artes Cênicas.Processo de seleção. 2009. (Oficina).

22.
Primeiro Forum Franco-Brasileiro sobre Museus, Museologia e Sociedade - Membro da Comissão Cientifica.Membro da Comissão Cientifica. 2009. (Outra).

23.
Semana França Brasil Universidade Estadual de Feira de Santana.O modelo de produção de teatro na França - Estudo de caso: o Théâtre du Soleil. 2009. (Encontro).

24.
V Encontro de estudos multidisciplinares em cultura ENECULT/UFBA.Produção teatral da prática á teoria, a sistematização de uma disciplina. 2009. (Encontro).

25.
VI Colóquio Internacional de Etnocenologia.Ariane Mnouchkine e o Théâtre du Soleil: notas de uma trajetória entre palco e tela. 2009. (Outra).

26.
XXIV Seminário Os caminhos do Teatro - Forum da Cultura - UFJF e Grupo Divulgação.Os Caminhos da Política Cultural. 2009. (Seminário).

27.
Art et politique : éloge de la discorde. 2008. (Encontro).

28.
C?est meilleur à plusieurs : Des solutions d?administration en partage.Le Théâtre du Soleil en Amérique Latine. 2008. (Encontro).

29.
COLÓQUIO INTERNACIONAL DE TEATRO RUSSO: LITERATURA E ESPETÁCULO. 2008. (Encontro).

30.
Colóquio Internacional Teatro Russo: literatura e espetáculo. 2008. (Outra).

31.
L?impact de l?avant-garde américaine en Europe et la question de la performance. 2008. (Simpósio).

32.
L'action culturelle extérieure française et francophone et les défis de la mondialisation.De la remise en cause à l'adaptation (1980-2006). 2008. (Encontro).

33.
V Congresso Brasileiro de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas. Produção teatral: da prática à teoria. 2008. (Congresso).

34.
Ciclo Théâtre du Soleil: A conquista do público, uma história de amor.A conquista do público, uma história de amor. 2007. (Outra).

35.
Ciclo Théâtre du Soleil: A importância das trupes na história do teatro.A importância das trupes na história do teatro. 2007. (Encontro).

36.
Ciclo Théâtre du Soleil: a influência do oriente no trabalho do ator no Théâtre du Soleil.A influência do oriente no trabalho do ator no Théâtre du Soleil. 2007. (Outra).

37.
Ciclo Théâtre du Soleil : A passagem do texto à cena na criação coletiva, um ator poeta e improvisador.A passagem do texto à cena na criação coletiva, um ator poeta e improvisador. 2007. (Outra).

38.
Ciclo Théâtre du Soleil: Do processo ao produto, como e porque filmar o teatro hoje?.Do processo ao produto, como e porque filmar o teatro hoje?. 2007. (Encontro).

39.
Ciclo Théâtre du Soleil: Todo teatro, digno desse nome, é político.Todo teatro, digno desse nome, é político. 2007. (Outra).

40.
IV Reunião Cientifica de Pesquisa e Pos-Graduação em Artes Cênicas. 2007. (Outra).

41.
Mostra de Teatro - Experimentos (TUSP - Teatro da USP).Como os meios de produção dialogam e expressam o pensamento artístico?. 2007. (Encontro).

42.
Seminario Les Politiques de la Scène.La tournée du Théâtre du Soleil en Amérique Latine, sur les traces de Louis Jouvet. 2007. (Seminário).

43.
Villa-Lobos une vie passionnée.Villa-Lobos une vie passionnée. 2005. (Encontro).

44.
Dialoguer, un nouveau partage des voix (dans le théâtre moderne et contemporain). 2004. (Simpósio).

45.
Faut-il avoir peur du financement privé de la culture?. 2004. (Simpósio).

46.
La notion de troupe. 2004. (Encontro).

47.
La troupe peut-elle être une alternative viable à la situation actuelle du spectacle vivant ?. 2004. (Encontro).

48.
Arts du spectacle, métiers et industries culturelles : penser la généalogie. 2003. (Outra).

49.
L'acteur entre personnage et performance. Présence de l'acteur dans la représentation contemporaine. 2001. (Congresso).

50.
I Congresso de Pesquisa e Pos-Graduação em Artes Cênicas. Bibi Ferreira a trajetoria solitaria de uma atriz por seis décadas do teatro brasileiro. 1999. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
B. PICON-VALLIN ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . ENCONTROS COM BÉATRICE PICON-VALLIN. 2015. (Outro).

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. 1º SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO EM CULTURA - PRESIDENTE DA COMISSÃO ORGANIZADORA. 2012. (Outro).

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; Armindo Bião . I COLÓQUIO INTERNACIONAL NO REINO DOS FESTIVAIS - Festival: instrumento ou pretexto para as políticas culturais? PRESIDENTE DA COMISSÃO ORGANIZADORA. 2011. (Outro).

4.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Centro Internacional de Pesquisa e Formação em Artes Cênicas. 2009. (Outro).

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Porto Alegre em Cena. 2007. (Festival).

6.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; PREVEYRAUD, S. . Uma visita ao coração do Théâtre du Soleil. 2007. (Exposição).

7.
ABRACE ; Armindo Bião ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . Primeiro Congresso de Pesquisa e Pos-Graduação em Artes Cênicas. 1999. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
CLAUDIA SALOMÃO COSTA. PROFISSIONAIS DA TÉCNICA EM ESPETÁCULOS: UMA ANÁLISE NOS ESPAÇOS TEATRAIS DE SALVADOR. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia. (Orientador).

2.
PEDRO HENRIQUE LIRA VILELA. REVOADA ? O TEATRO DE GRUPO NO RECIFE. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
MARCELLO GIROTTI CALLAS. A IMAGEM-MOVIMENTO NO TEATRO BRASILEIRO: UMA ABORDAGEM DA POÉTICA E DA TÉCNICA AUDIOVISUAL. Início: 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia. (Orientador).

2.
MICHELLE CRISTINA DE ASSIS COUTO. UBERIZAÇÃO DA PROFISSÃO DO ARTISTA. Início: 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia. (Orientador).

3.
TACIANO ARARIPE SOARES. TEATROS DO REAL: UMA (POSSÍVEL) CONEXÃO COM O ESPECTADOR CONTEMPORÂNEO. Início: 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
BIANCA CRUZ DE ARAÚJO. O FILHO DO BARDO: UM ESTUDO DE CASO DO SHAKESPEARE?S GLOBE THEATRE. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Deolinda Catarina França de Vilhena.

2.
POLIANA LIMA BICALHO. O EDIFICIO TEATRAL COMO ESPAÇO ARTÍSTICO-PEDAGÓGICO: A PRÁXIS DA MEDIAÇÃO CULTURAL NO TEATRO SESC-SENAC PELOURINHO. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Deolinda Catarina França de Vilhena.

3.
POLIANA NUNES SANTOS DE CARVALHO. ORGANIZAR PARA ADMINISTRAR: UMA ANALISE DA GESTÃO DOS GRUPOS GALPÃO (MG) E BANDO DE TEATRO OLODUM (BA). 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Deolinda Catarina França de Vilhena.

4.
FERNANDA PAQUELET MOREIRA BARBOSA. A TUA AÇÃO - A Formação no Bacharelado em Interpretação na Escola de Teatro da UFBA. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Deolinda Catarina França de Vilhena.

5.
PAULA FRAGOSO DE MATTOS. A Produção teatral por meio de incubadora cultural na Escola Técnica de Artes da Universidade Federal de Alagoas. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, . Orientador: Deolinda Catarina França de Vilhena.

6.
ANNA CHRISTINA DE QUEIROZ RODRIGUES. O PERFIL DO PRODUTOR TEATRAL EM MACEIÓ: CARACTERÍSTICAS DA PROFISSÃO NOS GRUPOS DE TEATRO ATUANTES EM 2013. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas) - Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, . Orientador: Deolinda Catarina França de Vilhena.



Educação e Popularização de C & T



Textos em jornais de notícias/revistas
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. PAIXÃO DE CRISTO CELEBRA SEMANA SANTA EM SALVADOR. TERRA MAGAZINE, SÃO PAULO, 29 mar. 2013.

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. SORRIA, BIBI ESTÁ NA BAHIA. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 25 out. 2013.

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. AS ARTES CÊNICAS PODEM SIM SER UM GRANDE NEGÓCIO. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 15 nov. 2013.

4.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. DUAS FACES DA MESMA MOEDA. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 29 nov. 2013.

5.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. UM TEATRO EM DIÁLOGO COM O SEU TEMPO. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 17 jan. 2014.

6.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. SOU GERAÇÃO REGINA DUARTE. TERRA MAGAZINE ON LINE, SÃO PAULO, 07 fev. 2014.

7.
FRANCA DE VILHENA, D. C.. Christiane Jatahy põe no palco clássico das telas em Paris. O Estado de S. Paulo, São Paulo, p. Caderno 2 - C3 - C3, 13 fev. 2017.


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; GUERREIRO, F. . XXVIII CURSO LIVRE DE TEATRO E A ESTREIA DE TROILUS E CRÉSSIDA. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Redes sociais, websites e blogs
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; MARFUZ, L. ; Hebe Alves . 1º Seminário Internacional de Formação e Capacitação em Cultura. 2012; Tema: Formação e capacitação em cultura. (Blog).

2.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; DARCIER, B. F. ; E. Wallon . No Reino dos Festivais. 2011; Tema: Festivais: um instrumento ou um pretexto para as políticas culturais?. (Blog).

3.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; Hebe Alves . Formação e Capacitação em Cultura. 2012; Tema: Formação e Capacitação em Cultura. (Site).


Artes Cênicas
1.
FRANCA DE VILHENA, D. C.; Márcio Meirelles . TROILUS E CRÉSSIDA. 2014. Teatral.

1.
ANDRADE, O. ; BARBOSA, F. P. M. ; Luciano Bahia ; FRANCA DE VILHENA, D. C. . O REI DA VELA ENCENAÇÃO FERNANDA PAQUELET. 2016. Teatral.



Outras informações relevantes


Presidente da Comissão Organizadora do 1º Colóquio Internacional No Reino dos Festivais - Festival: instrumento ou pretexto para as políticas culturais? Evento realizado em outubro de 2011 - Universidade Federal da Bahia e contemplado com o Programa de Apoio a Eventos no País - PAEP/CAPES e com o apoio da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia e do Serviço de Cooperação e Ação Cultural da Embaixada da França.

Presidente da Comissão Organizadora do 1º Seminário Internacional de Formação e Capacitação em Cultura. Evento realizado em maio de 2012 no Teatro Vila Velha (Salvador - Ba) e contemplado com o Programa de Apoio a Eventos no País - PAEP/CAPES; com o Apoio à Organização de Eventos Científicos ou Tecnológicos da FAPESB; com o Auxílio Promoção de Eventos Científicos, Tecnológicos e/ou de Inovação - ARC/CNPq e com o apoio da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia e do Serviço de Cooperação e Ação Cultural da Embaixada da França.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/01/2019 às 17:49:58