Grazielly Alessandra Baggenstoss

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5153671954706971
  • Última atualização do currículo em 14/11/2018


Doutora em Direito, Política e Sociedade (UFSC), Mestra em Direito, Estado e Sociedade (UFSC), Doutoranda em Psicologia, com ênfase em Desenvolvimento Humano. Professora da Universidade Federal de Santa Catarina, Classe Adjunto, atuante no Curso de Graduação em Direito, no Programa de Pós-Graduação em Direito (PPGD) e no Programa de Pós-Graduação Profissional em Direito (PPGPD) nas disciplinas de Direito e Feminismos, Hermenêutica Jurídica, Prática Jurídica e Metodologias do Ensino Jurídico e da Pesquisa. Pesquisadora Líder do Grupo de Pesquisa/CNPq "Lilith: Núcleo de Pesquisas em Direito e Feminismos" da Universidade Federal de Santa Catarina. Pesquisa sobre sistemas sociais, epistemologias e análise discursiva jurídica. É Membro Avaliadora de Artigos Científicos do Conselho Nacional de Pós-Graduação em Direito - CONPEDI e Integrante do Instituto de Estudos de Gênero - IEG/UFSC. Presidente de Comissão institucional para apuração de casos referentes a assédio contra mulheres - Corregedoria/UFSC. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Grazielly Alessandra Baggenstoss
Nome em citações bibliográficas
BAGGENSTOSS, G. A.;BAGGENSTOSS, GA;BAGGENSTOSS, G.;BAGGENSTOSS, GRAZIELLY ALESSANDRA


Formação acadêmica/titulação


2018
Doutorado em andamento em Psicologia.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Violência contra mulheres acadêmicas no ensino jurídico: estudo de campo sobre o ensino de Direito em Universidade Brasileira,
Orientador: Carmen Leontina Ojeda Ocampo Moré.
2012 - 2014
Doutorado em Direito.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Uma proposta de dimensão prescritiva ao sistema jurídico a partir do pensamento sistêmico, Ano de obtenção: 2014.
Orientador: Luiz Henrique Urquhart Cademartori.
Palavras-chave: Teoria sistêmica de Niklas Luhmann; Garantismo Jurídico; Pensamento Sistêmico.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Teoria do Direito / Especialidade: Hermenêutica Jurídica.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Teoria do Direito / Especialidade: Filosofia do Direito.
2010 - 2012
Mestrado em Direito.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: A Democracia Deliberativa de Jürgen Habermas como Espaço Público Favorável ao Desenvolvimento do Sujeito a Partir de Sua Condição Humana,Ano de Obtenção: 2012.
Orientador: Luiz Henrique Urquhart Cademartori.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Teoria do Direito / Especialidade: Filosofia do Direito.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direito Público / Especialidade: Direito Constitucional.
2017 interrompida
Especialização interrompida em 2018 em Epistemologías del Sur. (Carga Horária: 360h).
Consejo Latino-Americano de Ciencias Sociales - Argentina, CLACSO, Argentina.
Ano de interrupção: 2018
2006 - 2006
Especialização em Especialização em Direito Processual Penal. (Carga Horária: 360h).
Universidade da Região de Joinville, UNIVILLE, Brasil.
Título: As mudanças processuais e a nova realidade social.
2000 - 2005
Graduação em Direito.
Universidade da Região de Joinville, UNIVILLE, Brasil.
Título: Jusnaturalismo e Positivismo Jurídico e o Processo Dialético dos Direitos Fundamentais.
Orientador: Mauro César dos Santos.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.




Formação Complementar


2016 - 2016
Filosofia Feminista. (Carga horária: 2h).
Universidade Presbiteriana Mackenzie, MACKENZIE, Brasil.
2015 - 2015
Extensão universitária em Modelagem de Sistemas Complexos.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2014 - 2014
Extensão universitária em Argumentação Jurídica Contemporânea. (Carga horária: 30h).
Fundação Getúlio Vargas, FGV, Brasil.
2013 - 2013
Argumentação Jurídica. (Carga horária: 5h).
Fundação Getúlio Vargas, FGV, Brasil.
2013 - 2013
Investimentos Basic. (Carga horária: 12h).
Fundação Getúlio Vargas, FGV, Brasil.
2013 - 2013
Introdução ao Direito Imobiliário. (Carga horária: 5h).
Fundação Getúlio Vargas, FGV, Brasil.
2013 - 2013
Acordo Ortográfico e Revisão Gramatical. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2013 - 2013
Redação Oficial - Memorando, Ofício, Ata, Portari. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2013 - 2013
Capacitação em Direito Administrativo. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em Curso de Extensão em Direito da Criança e Adolesce.
Escola Superior da Magistratura do Estado de Santa Catarina, ESMESC, Brasil.
2009 - 2009
Curso Intensivo em Direito Público.
Rede de Ensino Luiz Flávio Gomes, LFG, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Advocacia Criminal. (Carga horária: 60h).
Rede de Ensino Luiz Flávio Gomes, LFG, Brasil.
2005 - 2005
Oratória, Comunicação Verbal e Expressão Corporal. (Carga horária: 12h).
Câmara Júnior de Oratória de Joinville, JCI, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Acadêmico
Outras informações
Grupo de Pesquisa "Estado Constitucional de Direito e Instituições de Garantia no Brasil" Grupo de Pesquisa "Direito Administrativo e Constitucionalismo"

Atividades

05/2018 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Corregedoria, .

Cargo ou função
Presidente de Comissão institucional para apuração de casos referentes a assédio contra mulheres.
05/2016 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Pós-Graduação em Direito, .

Cargo ou função
Presidente da Comissão de Seleção do Programa de Mestrado e Doutorado em Direito - Edital 005/2016 Ingresso 2017.
01/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC, .

01/2016 - Atual
Ensino, Curso de Pós-Graduação em Direito- Mestrado e Doutorado, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Fundamentos e Metodologia do Ensino do Direito
Hermenêutica e Argumentação Jurídicas
Metodologia da Pesquisa
01/2016 - Atual
Extensão universitária , UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC, .

Atividade de extensão realizada
Gênero.
05/2015 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Direito, .

05/2013 - Atual
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Direito e Feminismos
Hermenêutica Jurídica
Prática Real
Linguagem e Argumentação Jurídica
01/2014 - 03/2017
Extensão universitária , UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC, .

Atividade de extensão realizada
Hermenêutica e Argumentação Jurídicas.

Instituto de Estudo de Gênero/UFSC, IEG/UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Integrante, Enquadramento Funcional: Coordenadora da pesquisa e pesquisadora


Associação Brasileira de Ensino do Direito, ABEDi, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Associada, Enquadramento Funcional: Associada


Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Direito, CONPEDI, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Avaliadora, Enquadramento Funcional: Avaliadora de Artigos, Carga horária: 5


Instituto Brasileiro de Direito de Família, IBDFAM, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Associada, Enquadramento Funcional: Associada
Outras informações
Atuação na temática gênero e combate à violência contra mulheres.

Vínculo institucional

2017 - 2018
Vínculo: Pesquisadora, Enquadramento Funcional: Pesquisadora


Conselho Nacional de Justiça, CNJ, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisadora Jurídica
Outras informações
Em vínculo com a Associação Brasileira de Jurimetria - ABJ, contratada pelo Edital de Convocação Pública e de Seleção - 1ª Edição da Série Justiça Pesquisa - Convocação nº 1/2012: "Tempo médio dos processos relacionados à adoção no Brasil: uma análise sobre os impactos da atuação do Poder Judiciário". Pesquisa consistente na verificação, sob o prisma sistêmico, das causas geradoras dos lapsos temporais dos processos de adoção e os fatores incidentes (práticas processuais, procedimentos administrativos, eventos incidentes e modelos mentais respectivos) que sobrecarregam o sistema judicial na área referida.


Ordem dos Advogados do Brasil de Santa Catarina, OAB-SC, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Advogada, Enquadramento Funcional: Auditora Jurídica
Outras informações
Auditoria Jurídica: Prestação de serviços jurídicos de cunho interdisciplinar com o objetivo de examinar e proferir parecer acerca da adequação do objeto analisado perante o ordenamento jurídico, estabelecendo a sua situação jurídica pela mensuração de riscos, especialmente nas áreas contratuais privada e pública, trabalhista, imobiliária e de propriedade intelectual.


Faculdade CESUSC, CESUSC, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Professora Convidada, Enquadramento Funcional: Professora Convidada
Outras informações
Professora convidada para ministrar as Disciplinas de Direito Sistêmico e de Bioética e Relações Familiares no Curso de Especialização em Direito das Famílias.


Sociedade Educacional de Santa Catarina, SOCIESC, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor Assistente
Outras informações
Disciplinas ministradas: Direito Processual Civil III (Processo Cautelar e Processo de Execução) Direito Processual Trabalhista Prática Trabalhista Direito Civil - Direito das Coisas Propriedade Intelectual


Associação Catarinense de Ensino, ACE, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Assistente
Outras informações
Disciplinas ministradas: Teoria Geral do Processo Direito Processual Civil I (Processo de Conhecimento) Integração Teórico-Prático II (Processo Civil, Processo Penal, Processo Trabalhista, Processo Tributário, Processo Constitucional)


Fundação Escola de Governo do Estado de Santa Catarina, ENA BRASIL, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultora Colaboradora
Outras informações
Prestação de serviços técnicos cujo objeto tenha relação com atividade exigida nos projetos da Fundação Escola de Governo ENA, tais como: a) coordenação de consultorias; b) orientação de projetos; c) treinamento de servidores em consultorias específicas; d) oficinas e workshops voltados ao escopo da consultoria; e) palestra, seminário ou conferência de consultores especificado em plano de trabalho.


Centro Universitário - Católica de Santa Catarina/ Joinville, CATÓLICA SC, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2017
Vínculo: Professora convidada, Enquadramento Funcional: Professora convidada
Outras informações
Professora convidada para ministrar a disciplina de Hermenêutica Jurídica em Curso de Especialização em Direito Processual Penal, Processual Civil, Previdenciário e Tributário.

Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor Assistente
Outras informações
Disciplina ministrada: Direito Civil I - Parte Geral


Associação Brasileira de Jurimetria, ABJUR, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Pesquisadora, Enquadramento Funcional: Pesquisadora jurídica


Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina, TJ-SC, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2012
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Assessora Judiciária, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Voluntariado, Enquadramento Funcional: Juíza Leiga

Vínculo institucional

2007 - 2009
Vínculo: 5ª Turma de Recursos, Enquadramento Funcional: Assessora da 5ª TR de Joinville, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Voluntariado, Enquadramento Funcional: Conciliadora


Ministério Público do Estado de Santa Catarina, MPSC, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Assistente de Promotoria, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2003 - 2006
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20


Universidade da Região de Joinville, UNIVILLE, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Outro (acadêmico), Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Acadêmico, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20


Jurisway Sistema Educacional Online, JURISWAY, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Voluntário
Outras informações
Dicas e Informações para Concursos Jurídicos.



Linhas de pesquisa


1.
Hermenêutica e Argumentação Jurídica
2.
Análise de Discurso Jurídico
3.
Feminismos
4.
Pensamento sistêmico
5.
Historicismo, Conhecimento Crítico e Subjetividade

Objetivo: Linha de pesquisa da Área de Concentração "Teoria e História do Direito".
6.
Controle Social e Direitos Humanos

Objetivo: Linha de pesquisa da Área de Concentração "Teoria e História do Direito".


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Lilith: Desmistificando Feminismos
Descrição: O Programa de Extensão "Lilith: Desmistificando os feminismos" tem como objetivo promover pesquisas e atividades de extensão a fim de aprofundar os estudos sobre feminismos no âmbito jurídico, seja teórico ou prático. Para tanto, tem como escopos específicos: a) Estruturar vigas temáticas a serem estudadas e pesquisadas, com marcos teóricos sólidos, e desenvolver resumos e artigos; b) Participar e promover ações de extensão para explanar sobre o sistema de pensamento feminista no Direito, bem como divulgar o conhecimento acerca do tema. c) Realizar pesquisas, sejam empíricas ou teóricas, acerca da temática feminista, especialmente sobre o ensino do Direito..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Grazielly Alessandra Baggenstoss - Coordenador.
2016 - 2017
Direito das Mulheres
Descrição: O Projeto de Pesquisa e de Extensão "Direito das Mulheres" constitui um conjunto de ações voltadas à difusão os institutos jurídicos de promoção de liberdade, igualdade e respectiva proteção à dignidade da pessoa humana, cujo sujeito de direito seja a mulher, na comunidade florianopolitana. Para tanto, buscam-se reunir os saberes convergentes da ciência jurídica, tais como os existentes em Direitos Humanos, Direito de Família e Direito Penal, formatá-los em uma estrutura de palestras mensais em determinadas e estratégicas localidades de Florianópolis..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Grazielly Alessandra Baggenstoss - Coordenador / Amanda Muniz - Integrante.
2016 - Atual
Análise Sistêmica Aplicada de Problemáticas Interdisciplinares vinculadas ao Direito
Descrição: A presente pesquisa fundamenta-se na concepção metodológica do pensamento sistêmico, cuja pretensão é o esclarecimento sobre o modo de se analisar questões complexas a partir do exame de todos os fatores que contribuem para um determinado evento. Para o desenvolvimento da pesquisa proposta, intenta-se identificar problemáticas relevantes no meio social ? especialmente as que são correlacionadas diretamente com o Direito?, existentes na perspectiva de um sistema complexo, e, a partir de um exame e estudos interdisciplinares, pretende-se oferecer uma solução perante a modelagem realizada. Sua base, portanto, é procedimental, e seu recorte conteudístico é delimitado por temáticas interdisciplinares, mas predominantemente jurídicas. Com tal método, foge-se das explicações de senso comum sobre um determinado acontecimento e buscam-se as origens de sua ocorrência. Assim, no lugar de apenas remediar paliativamente uma problemática, é possível modificar os fatores que a originam e agir estrategicamente para que tal evento não ocorra novamente. O objetivo principal da pesquisa é, portanto, a propositura de inovações sociais e institucionalmente jurídicas para problemáticas atinentes ao recorte temático. É inovadora a aplicação do método na contemporaneidade e pode ser realizada em diversas áreas do conhecimento, como na biologia, administração, tecnologias, redes sociais. Seu principal resultado é gerir eficácia e sustentabilidade dos resultados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (3) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Grazielly Alessandra Baggenstoss - Coordenador / Amana Kauling Stringari - Integrante / Luiz Henrique Urquhart Cademartori - Integrante / Magda Fiegenbaum - Integrante / Thiago Yukio Guenka Campos - Integrante / Athena de Oliveira Nogueira Bastos - Integrante / Juliana Alice Fernandes Gonçalves - Integrante / Ramila Rossa - Integrante / Guilherme Peres Fiuza Lima - Integrante.
Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 9
2016 - Atual
Projeto Misto Indissociável de Pesquisa e Ensino na Modalidade Mestrado Profissional em Direito
Descrição: O projeto de pesquisa inclui duas linhas de pesquisa: 1. Acesso à Justiça e Formas Adequadas de Resolução de Conflitos: a administração da justiça sob o enfoque do diálogo e da participação Linha de pesquisa destinada a abrigar pesquisas aplicadas, voltadas à solução de problemas práticos atinentes ao acesso à justiça, com foco nos seguintes elementos: formas adequadas de resolução de conflitos (negociação, mediação, conciliação, arbitragem, audiências públicas, agências reguladoras , cartórios extrajudiciais e ombudsman); legislação brasileira contemporânea relativa às Formas Adequadas de Resolução de Conflitos; articulação entre as Formas adequadas de resolução de conflitos e os direitos materiais buscados; a importância do diálogo e da participação na resolução de conflitos. 2. Acesso à Justiça e Processos Jurisdicionais e Administrativos: a administração da justiça sob o enfoque do combate e da cooperação Linha de pesquisa destinada a abrigar pesquisas aplicadas, voltadas à solução de problemas práticos atinentes ao acesso à justiça, com foco nos seguintes elementos: Poder Judiciário e Funções Essenciais à Justiça; processos jurisdicionais; processos administrativos; judicialização da política e intervenção judicial em políticas públicas; legislação brasileira contemporânea relativa aos processos jurisdicionais e administrativos; articulação entre os processos jurisdicionais e administrativos e os direitos materiais buscados; a importância do ?duelo? e da cooperação na resolução de conflitos. O projeto inclui, dentro da linhas de pesquisa, seis grande temáticas: 1. Acesso à justiça e Direito Público 2. Acesso à justiça e Direitos Tradicionais 3. Acesso à justiça, Novos Direitos e Direitos Emergentes 4. Acesso à justiça, fundamentação das decisões, argumentação e redação jurídicas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2017
Sociedade de Debates da Universidade Federal de Santa Catarina
Descrição: Vinculada ao Departamento do Curso de Direito da Universidade Federal de Santa Catarina, a Sociedade de Debates tem como finalidade estimular o seu corpo discente para a prática da oratória e da argumentação por meio de atividades de caráter didático (oficina de debates, palestras) e de atividades de caráter competitivo (torneios internos, debates treino). Assim, sua operacionalidade vinculará duas dimensões: a do aprendizado de informações do campo jurídico e do campo da argumentação e a oferta do conhecimento para a comunidade. Além disso, pretende apresentar pesquisas e publicações sobre a aplicação da melhor argumentação para cada sistema social, mormente o sistema jurídico, a fim de embasar estudos e atos estatais que demandem de racionalidade jurídica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Grazielly Alessandra Baggenstoss - Coordenador / Luiz Henrique Urquhart Cademartori - Integrante / Amana Kauling Stringari - Integrante / Luana Renostro Heinen - Integrante / Helena Regis - Integrante / Gabriela Neckel Ramos - Integrante.
2013 - 2015
Análise das jurisprudências pátrias acerca do método teórico de fundamentação das decisões
Descrição: Projeto de pesquisa individual proposto à ie para concessão da excepcionalidade de carga de trabalho de 40h/a..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2014
O Tempo Médio do Processo de Adoção no Brasil
Descrição: Pesquisa instituída pelo Conselho Nacional de Justiça - CNJ.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (4) Doutorado: (5) .
Integrantes: Grazielly Alessandra Baggenstoss - Coordenador / Júlio Trecenti - Integrante / Marcelo Guedes Nunes - Integrante / Athos Damiani - Integrante / Manoela Carneiro Roland - Integrante.
2013 - 2013
Análise empírica das manifestações populares
Descrição: O projeto de pesquisa visa colher dados empíricos sobre as manifestações populares ocorridas em 2013 e analisá-las sobre o prima da teorização habermasiana acerca da democracia participativa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2012
A formação da identidade individual a partir da condição humana e da ética do discurso: a democracia deliberativa como espaço de construção do ser humano
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2005
O direito natural e sua influência na positivação do direito constitucional
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2002 - 2002
Crimes na internet: a importância de um suporte jurídico no espaço virtual
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2017 - Atual
Lilith: Direito e Interseccionalidades
Descrição: A atividade de extensão, vinculado do projeto de pesquisa com mesmo nome, tem o objetivo de promover palestras relativas à temática Feminismos e Direito no Curso de Graduação em Direito, seguindo os objetivos da pesquisa mencionada..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (45) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Grazielly Alessandra Baggenstoss - Coordenador.
2016 - Atual
Direito das Mulheres
Descrição: O Projeto de Pesquisa e de Extensão "Direito das Mulheres" constitui um conjunto de ações voltadas à difusão os institutos jurídicos de promoção de liberdade, igualdade e respectiva proteção à dignidade da pessoa humana, cujo sujeito de direito seja a mulher, na comunidade florianopolitana. Para tanto, buscam-se reunir os saberes convergentes da ciência jurídica, tais como os existentes em Direitos Humanos, Direito de Família e Direito Penal, formatá-los em uma estrutura de palestras mensais em determinadas e estratégicas localidades de Florianópolis..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2014 - 2017
Sociedade de Debates da Universidade Federa de Santa Catarina (SdDUFSC)
Descrição: Vinculada ao Departamento do Curso de Direito da Universidade Federal de Santa Catarina, a Sociedade de Debates tem como finalidade estimular o seu corpo discente para a prática da oratória e da argumentação por meio de atividades de caráter didático (oficina de debates, palestras) e de atividades de caráter competitivo (torneios internos, debates treino). Assim, sua operacionalidade vinculará duas dimensões: a do aprendizado de informações do campo jurídico e do campo da argumentação e a oferta do conhecimento para a comunidade. Além disso, pretende apresentar pesquisas e publicações sobre a aplicação da melhor argumentação para cada sistema social, mormente o sistema jurídico, a fim de embasar estudos e atos estatais que demandem de racionalidade jurídica..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Grazielly Alessandra Baggenstoss - Coordenador / Luiz Henrique Urquhart Cademartori - Integrante.
2011 - Atual
Projeto de Extensão Apoio ao Associativismo Comunitário
Descrição: Fomento ao associativismo, com a prestação de apoio jurídico às entidades comunitárias e visando à sustentabilidade local..
Situação: Desativado; Natureza: Extensão.
2010 - Atual
A teoria da prisionização e atos infracionais: um diálogo crítico acerca da reincidência dos adolescentes
Situação: Desativado; Natureza: Extensão.


Projetos de desenvolvimento


2011 - 2012
Consolidação da Legislação Catarinense
Descrição: Projeto UFSC/ALESC.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.


Outros Projetos


2012 - 2012
Etnografia do Poder Judiciário: uma perspectiva cultural e antropológica do poder e da hierarquia no sistema de justiça
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: REVISTA DE ARGUMENTAÇÃO E HERMENEUTICA JURÍDICA
2016 - Atual
Periódico: Revista de Direito e Liberdade


Revisor de periódico


2016 - Atual
Periódico: Sequência (UFSC)
2018 - Atual
Periódico: REVISTA JURÍDICA DA PRESIDÊNCIA


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Hermenêutica e Argumentação Jurídicas.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Análise de Discurso.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Direito e Feminismos.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Sistemas sociais e epistemologias.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Metodologias.


Idiomas


Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2014
Menção Honrosa à tese intitulada "Uma proposta de dimensão prescritiva ao sistema jurídico a partir do pensamento sistêmico", Escola da Magistratura de Tocantins - ESMAT.
2014
2º lugar pelo trabalho no Concurso de Teses e Dissertações, II Congresso Internacional de Direitos Humanos da Escola da Magistratura de Tocantins.
2012
Menção Honrosa - alto índice de satisfação no desempenho das funções educacionais, Sociedade Educacional de Santa Catarina - SOCIESC.
2002
VII Semana de Iniciação Científica na UNIVILLE - Área Ciências Sociais Aplicadas, UNIVILLE.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:1
Total de citações:1
Grazielly Alessandra Baggenstoss  Data: 01/02/2014

Artigos completos publicados em periódicos

1.
BAGGENSTOSS, GRAZIELLY ALESSANDRA2018BAGGENSTOSS, GRAZIELLY ALESSANDRA. CONEXÕES ENTRE PENSAMENTO SISTÊMICO, CONSTELAÇÕES SISTÊMICAS E DIREITO SISTÊMICO. Revista Cidadania e Acesso à Justiça, v. 4, p. 153-173, 2018.

2.
5BAGGENSTOSS, G. A.2017BAGGENSTOSS, G. A.. O Sistema de Precedente no CPC/2015: a calculabilidade das decisões judiciais pátrias como segurança jurídica defendida pela análise econômica do direito.. ECONOMIC ANALYSIS OF LAW REVIEW, v. 8, p. 299-316, 2017.

3.
9BAGGENSTOSS, GA2016BAGGENSTOSS, GA; CADEMARTORI, L. H. U. . O regime jurídico brasileiro dos bens públicos: uma análise crítica a partir do regime garantista dos bens fundamentais. Interesse Público (Impresso), v. 96, p. 50, 2016.

4.
2BAGGENSTOSS, G. A.2016BAGGENSTOSS, G. A.. Análise Da Pertinência Jurídica Do Programa Escola Sem Partido Com Base No Critério Da Proporcionalidade E Nos Controles De Evidência E Justificabilidade Aplicados Pelo Supremo Tribunal Federal. Revista de Argumentação e Hermeneutica Jurídica, v. 2, p. 22-40, 2016.

5.
4BAGGENSTOSS, G. A.2014 BAGGENSTOSS, G. A.. A contemporaneidade das teorias reducionistas a partir da teoria jurídica bobbiana. RECHTD. Revista de Estudos Constitucionais, Hermenêutica e Teoria do Direito, v. 6, p. 167-175, 2014.

6.
6BAGGENSTOSS, G. A.2014BAGGENSTOSS, G. A.. HERMENÊUTICA JURÍDICA NOS TRIBUNAIS SUPERIORES BRASILEIROS: PESQUISA AMOSTRAL DAS DECISÕES JUDICIAIS. Direito e Desenvolvimento, v. 5, p. 89-113, 2014.

7.
3BAGGENSTOSS, G. A.2013 BAGGENSTOSS, G. A.; CADEMARTORI, L. H. . Democracia e legitimação: uma análise a partir da política procedimentalista de Jürgen Habermas. Novos Estudos Jurídicos (Online), v. 18, p. 269, 2013.

8.
8BAGGENSTOSS, G. A.2013BAGGENSTOSS, G. A.; CAMINHA, A. T. . A responsabilização por danos morais em processos trabalhistas: um exame dos critérios de ponderação. Revista de Direito do Trabalho (São Paulo), v. 154, p. 70, 2013.

9.
7BAGGENSTOSS, G. A.2013BAGGENSTOSS, G. A.; CAMINHA, A. T. . A (in)eficiência da arbitragem. Âmbito Jurídico, v. 119, p. 1, 2013.

10.
11BAGGENSTOSS, G. A.2013BAGGENSTOSS, G. A.. A DEMOCRACIA BRASILEIRA COLONIZADA E A ASFIXIA DOS ATOS POPULARES. Revista da Faculdade de Direito do Sul de Minas, v. 29, p. 14-48, 2013.

11.
10BAGGENSTOSS, G. A.2013BAGGENSTOSS, G. A.. A decisão judicial no constitucionalismo garantista. Revista da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais (Impresso), v. 63, p. 307, 2013.

12.
1BAGGENSTOSS, G. A.2011 BAGGENSTOSS, G. A.; CADEMARTORI, Luiz Henrique Urquhart . A Coerência do Sistema Jurídico em Luhmann: uma proposta ao fechamento operacional e à abertura cognitiva da decisão judicial. Sequência (UFSC), v. 62, p. 322-359, 2011.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. Direito e feminismos: materialidades que confrontam discursos.. 1. ed. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2018. v. 1. 244p .

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. Direito das Mulheres. 1. ed. , 2017.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.. Teoria dos Sistemas Humanizada. 1. ed. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2015. v. 1. 208p .

Capítulos de livros publicados
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. Epílogo: Por uma Educação Crítica, Confrontando Discursos, Práticas e Corpos.. In: BAGGENSTOSS, Grazielly Alessandra.. (Org.). Direito e feminismos: materialidades que confrontam discursos. 1ed.Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2018, v. 1, p. 219-.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. O Discurso Universal e a Construção de Categorias Teóricas de Gênero: uma Análise Elementar do Direito Brasileiro sob o Viés da Epistemologia Feminista.. In: BAGGENSTOSS, Grazielly Alessandra.. (Org.). Direito e feminismos: materialidades que confrontam discursos. 1ed.Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2018, v. 1, p. 199-.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.; GONCALVES, J. A. F. . Traços para uma Metodologia Feminista do Ensino no Direito: Recorte Decolonial para o Brasil.. In: BAGGENSTOSS, Grazielly Alessandra.. (Org.). Direito e feminismos: materialidades que confrontam discursos. 1ed.Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2018, v. 1, p. 179-.

4.
BAGGENSTOSS, G. A.. DIREITOS FUNDAMENTAIS DAS MULHERES: O MÍNIMO EXISTENCIAL DIFERENCIADO PELO GÊNERO. In: Maria Claudia Crespo Brauner; Silvana Beline Tavares; Loiane da Ponte Souza Prado Verbicaro. (Org.). GÊNERO, SEXUALIDADES E DIREITO I. 1ed.Florianópolis: CONPEDI, 2018, v. 1, p. 61-81.

5.
BAGGENSTOSS, G. A.. Os direitos humanos na perspectiva de gênero: o mínimo existencial para a garantia da dignidade das mulheres. In: Grazielly Alessandra Baggenstoss. (Org.). Direito das Mulheres. 1ed.Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2017, v. 1, p. 0-0.

6.
BAGGENSTOSS, G. A.; RAMOS, G. N. . PERSPECTIVAS DA DOUTRINA CIVIL CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA ACERCA DO STATUS JURÍDICO DAS MULHERES NO CASAMENTO. Direito das Mulheres. 1ed.Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2017, v. 1, p. 1-1.

7.
BAGGENSTOSS, G. A.. A resistência das mulheres atuantes no meio jurídico. Direito das Mulheres. 1ed.Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2017, v. 1, p. 1-9.

8.
BAGGENSTOSS, G. A.. A primavera feminista. Direito das Mulheres. 1ed.Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2017, v. 1, p. 243-248.

9.
BAGGENSTOSS, G. A.; WULFING, J. . O PANORAMA HERMENÊUTICO DO ORDENAMENTO JURÍDICO PÁTRIO E O COMPLIANCE JUDICIAL DOS TRIBUNAIS SUPERIORES: PESQUISA AMOSTRAL SOBRE O NEOCONSTITUCIONALISMO. In: Fernando De Brito Alves; José Alcebiades De Oliveira Junior; Matheus Felipe De Castro. (Org.). Hermenêutica Jurídica - XXV Encontro do Compedi. 1ed.Florianópolis: CONPEDI, 2016, v. 1, p. 139-159.

10.
BAGGENSTOSS, G. A.; WULFING, J. . DIREITOS HUMANOS E MOVIMENTOS SOCIAIS COMO MANIFESTAÇÃO PARA A TRANSFORMAÇÃO DO ESTADO BRASILEIRO. In: Daniela Marques De Moraes; Daniela Menengoti Ribeiro;, Enoque Feitos a Sobreira Filho. (Org.). SOCIEDADE, CONFLITO E MOVIMENTOS SOCIAIS. 1ed.Florianópolis: CONPEDI, 2016, v. 1, p. 47-62.

11.
BAGGENSTOSS, G. A.; CAMINHA, A. T. . A responsabilização por danos morais em processos trabalhistas : um exame dos critérios de ponderação . Coleção Doutrinas Essenciais: Dano Moral. 1ed.São Paulo: Revista dos Tribunais, 2015, v. 4, p. 20-35.

12.
BAGGENSTOSS, G. A.. BREVES CONSIDERAÇÕES ACERCA DA ANÁLISE ECONÔMICA DO PROCESSO JUDICIAL. In: Gina Vidal Marcílio Pompeu; Felipe Chiarello de Souza Pinto; Everton das Neves Gonçalves. (Org.). Direito e economia I. 1ed.Florianópolis: CONPEDI, 2014, v. 1, p. 436-452.

13.
BAGGENSTOSS, G. A.. A Coerência do Sistema Jurídico em Luhmann com vistas ao Fortalecimento do Direito do Meio Ambiente: uma Proposta ao Fechamento Operacional e à Abertura Cognitiva da Decisão Judicial. In: Leonel Severo Rocha; Francisco Carlos Duarte. (Org.). Direito Ambiental e Autopoiese. 1ed.Curitiba: Juruá, 2012, v. , p. 25-.

14.
BAGGENSTOSS, G. A.. A fraternidade como método relacional e fundamento institucional: proposta de mudança paradigmática da percepção do ser humano acerca de si, de sua comunidade e do direito. In: Olga Maria B. Aguiar de Oliveira; Josiane Rose Petry Veronese. (Org.). Direito na pós-modernidade: a fraternidade em questão. 1ed.Florianópolis: FUNJAB, 2012, v. , p. 177-208.

15.
BAGGENSTOSS, G. A.. A concretização da concepção da igualdade de Robert Alexy no critério econômico do benefício assistencial previsto no art. 203, V, da CRFB/88. In: STRINGARI, Amana; CADEMARTORI, Luiz Henrique; DUARTE, Francisco Carloes. (Org.). Hermenêutica Aplicada - O Benefício Assistencial de Prestação Continuada à Luz das Teorias Neoconstitucionais. 1ed.Curitiba: Juruá, 2012, v. , p. 50-.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
BAGGENSTOSS, G. A.; ESSIG, G. . Mulheres encarceradas. Emporio do Direito, 09 set. 2016.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. Dignidade da mulher condicionada. Emporio do Direito, 05 ago. 2016.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.. Entre Lilith e Eva. Emporio do Direito, 08 jul. 2016.

4.
BAGGENSTOSS, G. A.. Direito, Mulheres, Pesquisa e Extensão. Emporio do Direito, 03 jun. 2016.

5.
BAGGENSTOSS, G. A.. Eu e Meus Botões. Revista Wiki, p. 58 - 58, 09 nov. 2010.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. A CONSTRUÇÃO DE INSTITUIÇÕES LEGÍTIMAS NO MODELO DISCURSIVO DE JÜRGEN HABERMAS. In: XXV CONPEDI CIDADANIA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: o papel dos atores sociais no Estado Democrático de Direito, 2016, Curitiba. XXV CONGRESSO DO CONPEDI - CURITIBA. Florianópolis: CONPEDI, 2016. v. 1. p. 69.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. A musicalidade do pensamento crítico da juventude. In: I Seminário Violar ? Problematizando as Juventudes na Contemporaneidade, 2010, Campinas. I Seminário Violar ? Problematizando as Juventudes na Contemporaneidade. Campinas: Unicamp, 2010. p. 2-18.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.; MEURER, B. . Crimes na internet: a importância de um suporte jurídico no espaço virtual. In: VII Semana de Iniciação Científica - UNIVILLE/ PIBIC-CNPq, 2003, Joinville. Caderno de Iniciação à Pesquisa. Joinville: Editoa da Univille, 2003. v. 5. p. 118-123.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CADEMARTORI, L. H. U. ; BAGGENSTOSS, G. A. ; STRINGARI, A. K. ; BOSELLI, F. ; SCHIEFLER, G. H. C. ; OLIVEIRA, T. B. G. . Direito Administrativo e Constitucionalismo. In: IV Fórum de Grupos de Pesquisa em Direito Constitucional e Teoria do Direito, 2012, Rio de Janeiro. Anais do IV Fórum de Grupos de Pesquisa em Direito Constitucional e Teoria do Direito. Rio de Janeiro: Faculdade Nacional de Direito, 2012.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.; SANTOS, M. C. . O direito natural e a sua influência na positivação do direito constitucional. In: X Semana de Iniciação Científica - UNIVILLE/ PIBIC - CNPq, 2005, Joinville. Anais de Resumos da X Semana de Iniciação Científica - UNIVILLE/ PIBIC - CNPq. Joinville: Editora da Univille, 2005. p. 148.

Artigos aceitos para publicação
1.
FIEGENBAUM, M. ; BAGGENSTOSS, G. A. . O MODELO DE ADMINISTRAÇÃO DE CONFLITOS NO CONTEXTO DO SISTEMA DE JUSTIÇA BRASILEIRO E AS CONSEQUÊNCIAS DE SUA ADOÇÃO COMO PARTIDA PARA A NECESSÁRIA AMPLIAÇÃO DE FOCO E DE PARADIGMAS. PROCESSO, ADMINISTRAÇÃO, ACESSO E JURISDIÇÃO DA JUSTIÇA, 2018.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. ANÁLISE DA PERTINÊNCIA JURÍDICA DO PROGRAMA ESCOLA SEM PARTIDO COM BASE NO CRITÉRIO DA PROPORCIONALIDADE E NOS CONTROLES DE EVIDÊNCIA E JUSTIFICABILIDADE APLICADOS PELO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. Revista de Argumentação e Hermenêutica Jurídica, 2016.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.. A CONSTRUÇÃO DE INSTITUIÇÕES LEGÍTIMAS NO MODELO DISCURSIVO DE JÜRGEN HABERMAS. Revista de Direitos Humanos e Efetividade, 2016.

Apresentações de Trabalho
1.
BAGGENSTOSS, GA; WULFING, J. . PANORAMA HERMENÊUTICO DO ORDENAMENTO JURÍDICO PÁTRIO E O COMPLIANCE JUDICIAL DOS TRIBUNAIS SUPERIORES: PESQUISA AMOSTRAL SOBRE O NEOCONSTITUCIONALISMO. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
BAGGENSTOSS, G. A.; WULFING, J. . DIREITOS HUMANOS E MOVIMENTOS SOCIAIS COMO MANIFESTAÇÃO PARA A TRANSFORMAÇÃO DO ESTADO BRASILEIRO. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
BAGGENSTOSS, GA. Escola Sem Partido: a ausência de motivação à proposta de lei. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
BAGGENSTOSS, GA. Capacitação em Ética Feminista. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
BAGGENSTOSS, GA. Os desafios da carreira docente. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
BAGGENSTOSS, G. A.. Breves Considerações acerca da Análise Econômica do Processo Judicial. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
BAGGENSTOSS, G. A.; Francisco Carlos Duarte . A COERÊNCIA DO SISTEMA JURÍDICO EM LUHMANN: UMA PROPOSTA AO FECHAMENTO OPERACIONAL E À ABERTURA COGNITIVA DA DECISÃO JUDICIAL. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. Astreintes: noções gerais sobre as multas cominatórias do processo civil pátrio. JurisWay, 2013 (Artigo Online).

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. Desconsideração da Personalidade Jurídica 2012 (Artigo Online).

3.
BAGGENSTOSS, G. A.. Direito da personalidade - imagem e honra - pessoa pública 2012 (Artigo Online).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. Base argumentativa para casos de discriminação por orientação sexual. 2018.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. Base argumentativa no exame de violência contra mulheres. 2018.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.. Critérios de Avaliação de Artigos. 2016.

Trabalhos técnicos
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. Avaliação de Artigos - CONPEDI. 2017.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. Avaliação de Artigos - CONPEDI. 2016.


Demais tipos de produção técnica
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. Direito Sistêmico. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

2.
BAGGENSTOSS, GA. Bioética e Relações Familiares. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

3.
BAGGENSTOSS, G. A.. Hermenêutica Jurídica. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

4.
BAGGENSTOSS, G. A.. Hermenêutica Jurídica. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

5.
BAGGENSTOSS, G. A.. Direito Civil - Parte Geral. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

6.
BAGGENSTOSS, G. A.. Direito Civil - Parte Geral. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

7.
BAGGENSTOSS, GA. Hermenêutica Jurídica. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

Demais trabalhos
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. Dança Urbana. 2001 (Trabalho Voluntário) .

2.
BAGGENSTOSS, G. A.. Palco Aberto - 18º Festival de Dança de Joinville. 2000 (Participação em Palco Aberto) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
BAGGENSTOSS, G. A.; ALBUQUERQUE, L.; MEDEIROS, F. L. F.; MELLO, M. E.. Participação em banca de Roger Fabre. Plano de gerenciamento costeiro em Santa Catarina: condicionantes da gestão integrada e compartilhada do patrimônio natural e cultural. 2017. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.; RODRIGUES, H. W.; GONCALVES, E. N.; LINS, H. N.; STERSI, R. S.; ROSA, A. M.. Participação em banca de Jéssica Gonçalves. Acesso à justiça: do modelo competitivo de estabilização dos conflitos à estratégica competitiva. 2016. Dissertação (Mestrado em Curso de Pós-Graduação em Direito- Mestrado e Doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
CASTRO, M. F.; CADEMARTORI, D. M. L.; DAL RI JUNIOR, A.; ARRUDA JUNIOR, E. L.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Gabriela Natacha Bechara. A história do direito nos cursos jurídicos brasileiros: trajetória e situação contemporânea. 2015. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
CASTRO, M. F.; CADEMARTORI, L. H. U.; DUTRA, D. V.; MARCELINO JUNIOR, J. C.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Danilo Christiano Antunes Meira. As críticas de Amartya Sen às teorias de justiça focadas em arranjos. 2015. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
BAGGENSTOSS, G. A.; CADEMARTORI, L. H. U.; BENITEZ, L. B. F.; WERLE, L.. Participação em banca de Rubin Assis da Silveira Souza. A decisão judicial e a filosofia relativista de Hans Kelsen: uma abordagem hermenêutica. 2015. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
BAGGENSTOSS, G. A.; CASTRO, M. F.; PORTANOVA, R. S.. Participação em banca de João Paulo de Souza Carneiro. Delimitação judicial do direito à saúde: uma leitura crítica do modelo teórico de Robert Alexy. 2015. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Teses de doutorado
1.
BAGGENSTOSS, GA; CADEMARTORI, L. H.; CRISTOVAM, J. S. S.; SANTO, D. E.. Participação em banca de Fernanda Mambrini Rudolfo. O modelo garantista na interpretação e na aplicação dos direitos fundamentais: um estudo comparado do posicionamento processual penal do Supremo Tribunal Federal Brasileiro em 2015 e 2016. 2017. Tese (Doutorado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.; RODRIGUES, H. W.; SANTOS NETO, A. B.; STAFFEN, M. R.; DUTRA, D. V.; FAGGION, A. L. B.. Participação em banca de Renata Rodrigues Ramos. O direito de fumar na perspectiva jusfilosófica de Friedrich Von Rayek: uma crítica às restrições aos locais de consumo no Brasil. 2016. Tese (Doutorado em Curso de Pós-Graduação em Direito- Mestrado e Doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.; ROSA, A. M.; RODRIGUES, H. W.; GONCALVES, E. N.; STAFFEN, M. R.; SANTOS NETO, A. B.; DUTRA, D. V.; MARCELINO JUNIOR, J. C.. Participação em banca de Luana Renostro Heinen. Performatividade: o Direito transformado em dispositivo econômico pela Análise Econômica do Direito. 2016. Tese (Doutorado em Curso de Pós-Graduação em Direito- Mestrado e Doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Qualificações de Doutorado
1.
BAGGENSTOSS, G. A.; BAHIA, C. M.; AREAS, P. O.; SILVA, C. E. R. F. E.. Participação em banca de Heloísa Gomes Medeiros. A sobreposição de direitos de propriedade intelectual no software: coexistência entre direito de autor e patente na sociedade informacional. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
CADEMARTORI, Luiz Henrique Urquhart; LADEIRA, C; CRISTOVAM, J. S. S.; BAGGENSTOSS, GA. Participação em banca de Fernanda Mambrini Rudolfo. O modelo garantista na interpretação e na aplicação dos direitos fundamentias: um estudo comparado do posicionamento processual penal do Supremo Tribunal Federal Brasileiro em 2015 e 2016. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
PORTANOVA, R. S.; LEITE, J. R. M.; VIEIRA, R. S.; ROVER, A. J.; BAGGENSTOSS, GA. Participação em banca de Caroline Vieira Ruschel. Os limites da legislação na proteção dos recursos naturais comuns: uma visão sistêmica. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
BAGGENSTOSS, G. A.; ROSA, A. M.; MARCELINO JUNIOR, J. C.; DUTRA, D. V.; GONCALVES, E. N.. Participação em banca de Luana Renostro Heinen. Performatividade: o Direito transformado em dispositivo econômico pela Análise Econômica do Direito. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
BAGGENSTOSS, G. A.; ROSA, A. M.; OLIVO, L. C. C.; AMORIM, W. L.. Participação em banca de Paulo Ferrareze Filho. Coerência narrativa dos fatos na decisão trabalhista: análise dos limites d ajornada de trabalho dos bancários. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
BAGGENSTOSS, G. A.; ROSA, A. M.; DUTRA, D. V.; MARCELINO JUNIOR, J. C.; MARTINS NETO, J. P.. Participação em banca de Renata Rodrigues Ramos. Liberdade de fumar em ambientes coletivos abertos, no Brasil, a partir da perspectiva jusfilosófica de Friedrich Von Hayek. 2015.

Qualificações de Mestrado
1.
MEZZAROBA, O.; CADEMARTORI, L. H.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Guilherme Peres Fiuza Lima. Intervenção judicial na política pública de ações afirmativas por cotas para negros em concursos públicos: subsídios para promover participação e representatividade de negros no judiciário brasileiro e mitigar o racismo institucional. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.; CADEMARTORI, Luiz Henrique Urquhart; MEZZAROBA, O.. Participação em banca de Magda Fiegenbaum. A efetividade das constelações sistêmicas no restabelecimento do diálogo e na pacificação dos conflitos familiares nos casos atendidos pelo EMAJ da UFSC. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
CADEMARTORI, Luiz Henrique Urquhart; BAGGENSTOSS, GA; MEZZAROBA, O.. Participação em banca de Ramila Rossa. Análise e aplicação dos conceitos de nova gestão pública, governança pública, governança de TI e pensamento sistêmico ao problema da inexistência de um comitê de governança dos sistemas judiciais no âmbito da estrutura administrativa do PJSC. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
CADEMARTORI, Luiz Henrique Urquhart; BAGGENSTOSS, GA; MEZZAROBA, O.. Participação em banca de Tatiana Bettiol Carneiro. A efetividade da garantia da eficiência no controle preventivo de atos de administração dos cartórios do Poder Judiciário Catarinente. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
CADEMARTORI, L. H.; BAGGENSTOSS, G. A.; MEZZAROBA, O.. Participação em banca de Frederico Augusto Paschoal. Implantação do CEJUSC em São Francisco do Sul: modelo pós-burocrático como alternativa para a crise do judiciário e acesso à Justiça. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
LAMY, E. A.; OLIVEIRA, P. M.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Luís Felipe Espíndola Gouvêa. Precedentes vinculantes e instrumentos processuais no novo Código de Processo Civil. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
OLIVEIRA, P. M.; LAMY, E. A.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Darilê Marques da Matta. A repercussão geral das questões constitucionais: o resgate da função constitucional do STF. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
OLIVEIRA, P. M.; LAMY, E. A.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Luíza Silva Rodrigues. Embargos de divergência e segurança jurídica. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

9.
OLIVEIRA, P. M.; LAMY, E. A.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Adriana Buchmann. Os atos de vontade no ordenamento jurídico e os limites oponíveis ao negócio jurídico processual. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

10.
BAGGENSTOSS, G. A.; GONCALVES, E. N.; OLIVEIRA, O. M. B. A.. Participação em banca de Jéssica Gonçalves. Acesso à justiça: do modelo competitivo de estabilização dos conflitos à estratégia cooperativa. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
BAGGENSTOSS, G. A.; DERANI, C.. Participação em banca de Alessandra Martinelli.Liberdade religiosa: o julgamento do caso SAS x França pela Corte Europeia de Direitos Humanos. 2014.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.; CADEMARTORI, L. H. U.. Participação em banca de Luiz Irapuan Campelo Bessa Neto.Constitucionalidade do Poder Normativo das Agências Reguladoras: alcance e legitimidade. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Marcela Saraiva Rodrigues Pereira.Responsabilidade civil em casos de alienação parental. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Jaime Bernarda de Alencar.A falta de vedação acústica nos edifícios como um vício do procuto amparado pelo Código de Defesa do Consumidor. 2014.

5.
BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Pedro Henrique Platt Bordin.Dano moral e o cadastro positivo. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Priscila Meireles de Sousa.O filho havido por fertilização 'in vitro' homóloga e implantado 'post mortem' como sujeito de direitos sucessório e de filiação. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Camila Guerra.Afronta ao princípio republicano e o prefeito itinerante: um olha sobre o caso Dário Berger. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Fernanda Camila De Carli.Direito do consumidor, vulnerabilidade e contratos eletrônicos: o internauta como novo produto perante as redes sociais. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

9.
BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Samara Cristina Corrêa.A criação do Conselho Nacional de Justiça e sua função frente à Administração da Justiça brasileira no Estado Democrático de Direito. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

10.
BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Vanessa Restelatto Tochetto.O abandono afetivo dos filhos e sua reparação civil: uma violação aos direitos da personalidade. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

11.
CADEMARTORI, Luiz Henrique Urquhart; BAGGENSTOSS, G. A.; STRINGARI, A. K.. Participação em banca de Claudineia Aparecida Meurer.A concessão do benefício assistencial de prestação continuada ao estrangeiro: aspectos doutrinários e jurisprudenciais. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

12.
OLIVO, L. C. C.; MARTINS NETO, J. P.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Joana de Souza Sierra.Estudo de caso: o direito ao esquecimento contra a liberdade de imprensa. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

13.
CADEMARTORI, L. H. U.; OLIVO, L. C. C.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Marcelo Richar Valverde.A motivação do ato de dispensa nas empresas públicas e sociedades de economia mista. 2013 - Universidade Federal de Santa Catarina.

14.
CADEMARTORI, L. H. U.; BAGGENSTOSS, G. A.; STRINGARI, A. K.. Participação em banca de Barbara Kreutzfeld.O ativismo judicial na implantação de políticas públicas. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

15.
ROSA, L. M. Z.; GONCALVES, E. N.; BAGGENSTOSS, G. A.. Participação em banca de Manoela Catarina Bramorski Longen.Consequências jurídicas do exercício abusivo do direito. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

16.
SCOZ, A. S.; BAGGENSTOSS, G. A.; SILVEIRA, M. F.. Participação em banca de Ariane Cristine Alves da Maia.A Função Social da Propriedade Urbana no Ordenamento Jurídico Brasileiro. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Sociedade Educacional de Santa Catarina.

17.
BAGGENSTOSS, G. A.; CADEMARTORI, Luiz Henrique Urquhart. Participação em banca de Bruno Lameira Itano.As principais possibilidades de fraudes às licitações no âmbito da Lei 8.666/93. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

18.
BAGGENSTOSS, G. A.; CADEMARTORI, Luiz Henrique Urquhart. Participação em banca de Victor Zibetti.A retrocessão em face do não-atendimento pelo Poder Público da destinação atribuída ao bem desapropriado. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
BAGGENSTOSS, G. A.; CORREA, C. D.; MACEDO, C.. Processo Seletivo para Professor Substituto em Direito/Prática Jurídica ? Direito Penal. 2014. Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.; VECCHIO, H. P.; SILVA NETO, O. C.. Processo Seletivo para Professor Substituto de Direito Comercial. 2013. Universidade Federal de Santa Catarina.

Outras participações
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. VII Seminário de Pesquisa de Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Direito das UFSC. 2017. Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
BAGGENSTOSS, G. A.; LADEIRA, C; BAHIA, C.. Processo seletivo para contratação de Professor Substituto - Antropologia Jurídica e Teoria do Direito. 2016. Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
BAGGENSTOSS, G. A.; SILVA NETO, O. C.; WULFING, J.. Processo seletivo para contratação de Professor Substituto - Prática Jurídica. 2016. Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
BAGGENSTOSS, G. A.; CORREA, C. D.; HEINEN, L. R.; MAIDANA, J. R.; RANCO, M. C. V. F.. ANAIS DO IX CONGRESSO DE DIREITO DA UFSC ? 2014. 2014. Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
BAGGENSTOSS, G. A.; CECYN JUNIOR, J. A.. UMA ANÁLISE SOBRE AS MUDANÇAS NA ECONOMIA EM RELAÇÃO À MELHORA DA VIDA SOCIAL DOS IDOSOS. 2013. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

6.
BAGGENSTOSS, G. A.; CECYN JUNIOR, J. A.. A RELAÇÃO ENTRE LIBERDADE DE EXPRESSÃO E DIREITOS PERSONALISTAS. 2013. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

7.
BAGGENSTOSS, G. A.; CECYN JUNIOR, J. A.. EFICÁCIA E APLICABILIDADE DA PENA DE MORTE: SENTENÇA NORTE-AMERICANA. 2013. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

8.
BAGGENSTOSS, G. A.; DANTAS, F.. UMA ANÁLISE SOBRE A EFICÁCIA DO FIES PARA A EDUCAÇÃO E O DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO. 2013. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

9.
BAGGENSTOSS, G. A.; DANTAS, F.. ARBITRAGEM NOS CONTRATOS CONSUMERISTAS E O ADVOGADO. 2013. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

10.
BAGGENSTOSS, G. A.; DANTAS, F.; DARONCO, V. J.. DIREITO SOCIETÁRIO: A IMPORTÂNCIA DO ADVOGADO PARA A PREVENÇÃO DO JUÍZO ARBITRAL. 2013. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

11.
BAGGENSTOSS, G. A.; DARONCO, V. J.. O (DES)INTERESSE DO ADVOGADO NA ARBITRAGEM E O CERCEAMENTO NA RESOLUÇÃO DE CONFLITOS EXTRAJUDICIALMENTE. 2013. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

12.
BAGGENSTOSS, G. A.; MACHADO, M. F.. A família contemporânea mediante a adequação legal e aceitação social quanto à adoção homoafetiva. 2012. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

13.
BAGGENSTOSS, G. A.; MACHADO, M. F.. Políticas públicas do Estado: a efetividade da internação coercitiva na Cracolândia. 2012. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

14.
BAGGENSTOSS, G. A.; SOARES, M. A.. O direito à vida e a venda de órgãos artificiais. 2012. Sociedade Educacional de Santa Catarina.

15.
BAGGENSTOSS, G. A.; SOARES, M. A.. A trajetória do direito à vida ante as novas perspectivas. 2012. Sociedade Educacional de Santa Catarina.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Aula Inaugural do Curso de Direito da UNESC - Dia Internacional das Mulheres. Gênero, Feminismos e Educação Jurídica. 2018. (Congresso).

2.
Mulheres, Direito e Psicanálise - 8M. er Mulher: a performatividade determinada pelo Direito brasileiro e a ânsia de existir, co-existir e se expressar. 2018. (Congresso).

3.
Mulheres na Defensoria Pública de Santa Catarina. Direito das Mulheres e atuação jurídica. 2018. (Congresso).

4.
Palestras em Homenagem ao Dira Internacional da Mulher - PRF/SC. Direito das Mulheres: uma perspectiva sócio-jurídica em razão do gênero. 2018. (Congresso).

5.
Semana da Prática Jurídica - NPJ.Comunicação não-violenta e Justiça Restaurativa. 2018. (Seminário).

6.
Ciclo de Palestras em Pensamento Sistêmico. Pensamento Sistêmico e Direito Sistêmico. 2017. (Congresso).

7.
I Fórum de Educação Jurídica da OAB/SC.Pensamento Sistêmico e Direito Sistêmico na Educação Jurídica. 2017. (Seminário).

8.
Pesquisa na Academia.Criatividade na Produção Científica. 2017. (Oficina).

9.
Semana Acadêmica de Direito - Direitos Humanos - UNISUL.Identidade e Liberdade de Gênero. 2017. (Seminário).

10.
XX Semana Jurídica - UFSC.Análise Argumentativa da PEC-181-A. 2017. (Seminário).

11.
14ª SEPEX - Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC.Minicurso: Hermenêutica Constitucional. 2015. (Oficina).

12.
Jornada Ambito Jurídico - Direito Constitucional. 2013. (Simpósio).

13.
X Jornada de Estudos Jurídicos do Ibes/SOCIESC. Introdução à Análise Econômica do Processo Judicial. 2013. (Congresso).

14.
2º Colóquio Internacional Direito e Fraternidade. 2012. (Encontro).

15.
Capacitação de Educadores do Projeto Federal Projovem Urbano - Joinville, SC.O Encontro com o Jovem na Identificação e na Diferença. 2012. (Simpósio).

16.
Ciclo de Palestras da Semana do Advogado 2012 da OAB/Joinville. 2012. (Simpósio).

17.
I Simpósio de Direito Tributário da OAB/Joinville. 2012. (Simpósio).

18.
SEJOIT - Seminário Joinvilense sobre Tributação Municipal - 2ª edição. 2012. (Seminário).

19.
IX Seminário de Direito da Univille. 2003. (Seminário).

20.
1ª Jornada Jurídica da Justiça Federal de Joinville e 7ª Jornada Brasileira sobre Temas da Justiça Federal. 2002. (Congresso).

21.
VIII Seminário de Direito da Univille. 2002. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
BAGGENSTOSS, G. A.. XII Congresso de Direito UFSC. 2017. (Congresso).

2.
MUNIZ, A. ; BAGGENSTOSS, G. A. . II Colóquio de Direito e Arte: (trans)gêneros, mulheres e luta por direitos. 2017. (Outro).

3.
BAGGENSTOSS, G. A.; BASTOS, A. O. N. ; CAMPOS, T. Y. G. ; FIEGENBAUM, M. . Ciclo de Palestras em Pensamento Sistêmico. 2017. (Congresso).

4.
BAGGENSTOSS, G. A.. Pesquisa na Academia. 2017. (Outro).

5.
BAGGENSTOSS, G. A.. Evento Lilith: Exibição do documentário "Libertem Angela Davis". 2017. (Outro).

6.
MUNIZ, A. ; BAGGENSTOSS, G. A. . I COLÓQUIO DE DIREITO E ARTE e 3º ENCONTRO BRASILEIRO DE EPISTEMOLOGIA, EDUCAÇÃO E PESQUISA JURÍDICA. 2016. (Outro).

7.
MARTINS, L. H. S. ; OLSEN, A. C. L. ; SOARES, M. A. ; BAGGENSTOSS, G. A. . II Jornada Jurídica da SOCIESC/ IST (Sociedade de Ensino de Santa Catarina). 2013. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Juliana Alice Fernandes Gonçalves. Metodologia do Ensino do Direito na Perspectiva Feminista Decolonial. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Guilherme Peres. A filtragem racial nas decisões do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. Início: 2017. Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

3.
Magda Fiegenbaum. A eficácia das constelações sistêmicas no Escritório Modelo da UFSC. Início: 2017. Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

4.
Athena de Oliveira Bastos. Direito como Mito Salvador. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

5.
Ramila Rossa. Modelagem do fluxo judicial-processual no Ttribunal de Justiça de Santa Catarina. Início: 2017. Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

6.
Thiago Yukio. A racionalidade das decisões judiciais no direito penal. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Rafael Alt de Santos Chaves. A responsabilidade civil dos provedores de internet. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Direito Processual Civil) - Centro Universitário - Católica de Santa Catarina/ Joinville. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

2.
Jéssica Krichekdorf. Indenização por perda do tempo útil e a (im)possibilidade de cumulação com dano moral e material. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Direito Processual Civil) - Centro Universitário - Católica de Santa Catarina/ Joinville. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

3.
Maria Eduarda Maiole Brognoli. A estabilização da tutela antecipada no processo civil brasileiro. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Direito Processual Civil) - Centro Universitário - Católica de Santa Catarina/ Joinville. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

4.
Ana Cláudia Pacheco das Chagas. A mitigação da teoria finalista e o conceito de consumidor. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Direito Processual Civil) - Centro Universitário - Católica de Santa Catarina/ Joinville. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Desiree Ramos de Oliveira. Mulheres Negras no Direito Brasileiro: Políticas Públicas de Educação, Saúde, Trabalho. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

2.
Juliana Scheffer. A possibilidade de inserção do instituto da licença parental no Direito Brasileiro. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

3.
Julia Padova. A aplicação das constelações familiares nos conflitos familiares judiciais e extrajudiciais no Brasil. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

4.
Sara Helena Picooli Silvestrin. O tratamento dispendido às mães e grávidas reclusas. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

5.
Ariane Roseli da Cosa. A possibilidade jurídica da dupla maternidade: as técnicas de reprodução assistida e a ampliação do conceito de entidade familiar. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

6.
Juliana Klein Zamboni. Lei Maria da Penha: uma análise sobre a natureza jurídica das medidas protetivas de urgência. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

7.
Bruna Luiza de Souza Pfiffer de Oliveira. A ponderação de Robert Alexy nos tribunais pátrios: a liberdade de expressão e os limites do discruso de ódio. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

8.
Gerson Chiang. Mandado de segurança e os Juizados Especiais Cíveis Estaduais. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

9.
Gabriela Pereira Querino. A possibilidade de responsabilizar civilmente os pais pelos atos ilícitos cometidos pelos filhos capazes economicamente dependentes . 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

10.
Jéssica Campos Sarturi. A viabilidade da aplicação da análise econômica do direito ao processo judicial civil . 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

11.
Fernanda Almeida Marcon. A legislação brasileira e a proteção dos direitos do trabalhador imigrante . 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

12.
Isaura Remus Gregório. A participação popular e sua importância no planejamento municipal: a experiência do plano diretor do município de Florianópolis,SC. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

13.
Jaqueline Gonçalves Arsie. Violência obstétrica: uma violação aos direitos fundamentais da mulher. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

14.
Vinicius Paulo Jacobsen Pereira. A rescisão do contrato de prestação de serviços de telecomunicação por parte do consumidor conforme a Resolução nº 632 da ANATEL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

15.
Alan Engelbert. Dano moral: um ensaio acerca da problemática do arbitramento judicial do seu valor indenizatório no âmbito da responsabilidade civil subjetiva. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

16.
Carlos Davi Vieira Bastos. Análise da conduta de Edward Snowden sob a perspectiva moral de Michael J. Sandel. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

17.
Kátia Zambon. A aplicabilidade da responsabilidade civil pela perda de uma chance aos casos de inércia de advogados na atuação judicial. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

18.
Dahfine Loss. A adoção da criança no Brasil: adoção direta em confronto com a adoção pelo Cadastro Nacional de Adoção - CNA. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

19.
Daniel Salomon Guimarães. Argumentação jurídica e a nova retórica de Chaïm Perelman. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

20.
Samara C Corrêa. A CRIAÇÃO DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA E SUA FUNÇÃO FRENTE À ADMINISTRAÇÃO DA JUSTIÇA BRASILEIRA NO ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

21.
Raiany Maiara Freusch. A responsabilidade civil pela violação dos deveres conjugais. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

22.
Karla Aline de Moura. A (in)constitucionalidade do Sistema de Cotas raciais a partir de princípios constitucionais (título provisório). 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade da Região de Joinville. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.

Iniciação científica
1.
Aline Amábile Zimmermann. O mínimo existencial da mulher: modelagem do status jurídico das mulheres no Brasil. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Grazielly Alessandra Baggenstoss.



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
4BAGGENSTOSS, G. A.2014 BAGGENSTOSS, G. A.. A contemporaneidade das teorias reducionistas a partir da teoria jurídica bobbiana. RECHTD. Revista de Estudos Constitucionais, Hermenêutica e Teoria do Direito, v. 6, p. 167-175, 2014.

2.
BAGGENSTOSS, GRAZIELLY ALESSANDRA2018BAGGENSTOSS, GRAZIELLY ALESSANDRA. CONEXÕES ENTRE PENSAMENTO SISTÊMICO, CONSTELAÇÕES SISTÊMICAS E DIREITO SISTÊMICO. Revista Cidadania e Acesso à Justiça, v. 4, p. 153-173, 2018.



Outras informações relevantes


Aprovação no Exame OAB/SC - 2005/2 (Direito Tributário)
Aprovação no Exame de Proeficiência em Língua Italiana - UFSC/2009.
Aprovação no Exame de Proeficiência em Língua Inglesa - UFSC/2011.
Aprovação em Processo Seletivo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - Cargo de Professor Substituto - Área de Conhecimento Prática Jurídica - Direito do Trabalho - 4ª Colocação (Portaria nº 141, de 27 de fevereiro de 2012, publicada no Diário Oficial da União nº 40, na Seção 1, de 28 de fevereiro de 2012 -ISSN 1677-7042).
Aprovação de Concurso Público para Docente da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - Edital 130/DDPP/2011 - Cargo de Professor Assistente - Área de Conhecimento Prática Jurídica - 3ª Colocação



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/11/2018 às 19:47:26