Júlio Canello

Bolsista de Pós-doutorado Júnior do CNPq

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8950126352715491
  • Última atualização do currículo em 20/11/2018


Pós-Doutorando Junior do CNPq. Doutor e Mestre em Ciência Política pelo IESP-UERJ. Em 2014, foi Visiting Graduate Student no Massachusetts Institute of Technology (MIT). É também Especialista em Pensamento Político Brasileiro (lato sensu), Bacharel em Ciências Sociais e em Direito pela Universidade Federal de Santa Maria (RS). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Júlio Canello
Nome em citações bibliográficas
CANELLO, Júlio;CANELLO, JÚLIO


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2016
Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
com período sanduíche em Massachusetts Institute of Technology (Orientador: F. Daniel Hidalgo).
Título: Judicializando a Federação? O Supremo Tribunal Federal e os atos normativos estaduais, Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Fabiano Guilherme Mendes Santos.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2010 - 2010
Mestrado em CIÊNCIA POLÍTICA.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: Cartéis partidários e informação assimétrica em legislativos estaduais: os procedimentos de urgência no caso do Rio Grande do Sul (1999-2006),Ano de Obtenção: 2010.
Orientador: Fabiano Guilherme Mendes Santos.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2009 interrompida
Mestrado interrompido em 2010 em Ciência Política (Ciência Política e Sociologia).
Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, IUPERJ, Brasil.
Título: Cartéis partidários e informação assimétrica em legislativos estaduais: os procedimentos de urgência no caso do Rio Grande do Sul (1999-2006),Orientador: Fabiano Guilherme Mendes Santos.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Ano de interrupção: 2010
2007 - 2008
Especialização em Pensamento Politico Brasileiro. (Carga Horária: 360h).
Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
Título: O Pensamento Político Liberal e a Doutrina das Questões Políticas no STF: o caso da CPI do "Apagão Aéreo".
Orientador: Reginaldo Teixeira Perez.
2003 - 2008
Graduação em Direito.
Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
Título: Direito e Política no Supremo Tribunal Federal: uma aproximação sistêmica através do caso do Mandado de Segurança da CPI do Apagão Aéreo.
Orientador: Jerônimo Siqueira Tybusch.
2002 - 2007
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
Título: Indisciplina Partidária em Plenário: o caso da Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul (2003-2006).
Orientador: Luis Gustavo Mello Grohmann.


Pós-doutorado


2018
Pós-Doutorado.
Instituto de Estudos Sociais e Políticos da UERJ, IESP-UERJ, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2017 - 2017
Pós-Doutorado.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2016 - 2017
Pós-Doutorado.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Estado e Governo / Especialidade: Instituições Governamentais Específicas.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas / Especialidade: Análise do Processo Decisório.


Formação Complementar


2014 - 2014
Advanced Quantitative Research Methodology.
Harvard University, HARVARD, Estados Unidos.
2013 - 2013
Voting in Legislatures. (Carga horária: 64h).
International Political Science Association, IPSA, Canadá.
2012 - 2012
Behavioral games and strategies in politics. (Carga horária: 64h).
International Political Science Association, IPSA, Canadá.
2011 - 2011
Desenho de Pesquisa Empírica em Ciências Sociais.
Instituto de Estudos Sociais e Políticos da UERJ, IESP-UERJ, Brasil.
2006 - 2006
Minicurso Metodologias Informacionais NVivo. (Carga horária: 7h).
Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência - São Paulo, SBPC, Brasil.
2006 - 2006
Minicurso Descrição de Dados Quantitativos SPSS. (Carga horária: 4h).
Universidade do Vale do Rio dos Sinos, UNISINOS, Brasil.
2006 - 2006
Estágio-Visita de Curta Duração Cam. dos Deputados. (Carga horária: 36h).
Centro de Formação Treinamento e Aperfeiçoamento dos Servidores da Câmara d, CEFOR-CD, Brasil.
2003 - 2003
Extensão universitária em Curso de Língua Francesa Cels Idiomas.
Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
2002 - 2003
Extensão universitária em Curso de Língua Inglesa Cels Idiomas.
Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
1998 - 2001
Curso de Língua Inglesa.
Cipex Idiomas, CIPEX, Brasil.
2000 - 2000
Brasil Empreendedor.
Sebrae, SEBRAE, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto de Estudos Sociais e Políticos da UERJ, IESP-UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Pós-Doutorando, Enquadramento Funcional: Pós-Doutorando
Outras informações
Pesquisador de Pós-Doutorado do CNPq no IESP-UERJ. Atua como Pesquisador sênior do Núcleo de Estudos sobre o Congresso (NECON), com pesquisas nas áreas de estudos legislativos, política e comportamento judicial, relações Legislativo-Judiciário e lobby.

Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: Pós-Doutorando, Enquadramento Funcional: Pós-Doutorando
Outras informações
Pós-Doutorado vinculado ao INCT - Instituto da Democracia e Democratização da Comunicação. Nesse período, atuou como Professor Colaborador nos programas de Pós-Graduação em Ciência Política e Sociologia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP-UERJ), ministrando, em colaboração, o curso de "Introdução aos Estudos Legislativos".

Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: Pós-Doutorando, Enquadramento Funcional: Pós-Doutorando
Outras informações
Pós-Doutorando e Pesquisador junto ao DOXA - Laboratório de Estudos Eleitorais, de Comunicação Política e Opinião Pública, do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IESP-UERJ).

Vínculo institucional

2010 - 2016
Vínculo: Aluno de Pós-Graduação, Enquadramento Funcional: Aluno de Pós-Graduação (Mestrado e Doutorado)
Outras informações
Ingressou, por transferência, na condição de aluno de Mestrado. Entre 2011 e 2016 foi doutorando em Ciência Política. Foi bolsista CAPES até 02/2015.

Atividades

08/2018 - Atual
Ensino, Mestrado e Doutorado em Ciência Política, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Programação em R para Ciências Sociais
08/2017 - 12/2017
Ensino, Mestrado e Doutorado em Ciência Política, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução aos Estudos Legislativos
04/2015 - 06/2015
Treinamentos ministrados , Instituto de Estudos Sociais e Políticos da UERJ, .

Treinamentos ministrados
Curso de Introdução ao R (monitoria na disciplina de Lego I para alunos dos Programas de Pós Graduação em Ciência Política e Sociologia da UERJ)

Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, IUPERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Aluno, Enquadramento Funcional: Aluno de Mestrado, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Transferido para o Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da UERJ,


Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Estágio Docente, Enquadramento Funcional: Estágio Docência
Outras informações
Estágio Docência na disciplina de "Introdução à Estatística" para o Curso de Ciência Política da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO).

Atividades

03/2013 - 06/2013
Estágios , Reitoria, Centro de Ciências Jurídicas e Políticas (CCJP).

Estágio realizado
Estágio Docência na disciplina de "Introdução à Estatística" para o Curso de Ciência Política..

Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2008
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Aluno, Carga horária: 40
Outras informações
Bacharelado em Ciências Sociais. Ingresso em 2002. Aprovado em primeiro lugar no Programa de Ingresso ao Ensino Superior (PEIES). Bacharelado em Ciências Sociais e Jurídicas (Direito). Ingresso em 2003. Aprovado em segundo lugar no concurso vestibular. Especialização em Pensamento Político Brasileiro. Ingresso em 2007.

Atividades

09/2007 - 12/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Curso de Especialização em Pensamento Político Brasileiro, .

Cargo ou função
Representante discente no Colegiado do Curso.
05/2007 - 08/2007
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Sociais e Humanas. Departamento de Direito, Centro de Ciências Sociais e Humanas. Departamento de Direito.

Atividade realizada
Monitoria na Disciplina de Direito Constitucional I.
05/2006 - 09/2006
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Sociais e Humanas. Departamento de Ciências Sociais, Centro de Ciências Sociais e Humanas. Departamento de Ciências Sociais.

Atividade realizada
Monitoria na Disciplina de Estudos Legislativos Estaduais.
07/2004 - 04/2006
Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Federal de Santa Maria, .

Cargo ou função
Conselheiro da Comissão Própria de Avaliação Institucional da UFSM.
11/2003 - 11/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Federal de Santa Maria, .

Cargo ou função
Representante Discente no Conselho Universitário da UFSM.
11/2003 - 11/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Federal de Santa Maria, .

Cargo ou função
Coordenador Geral do Diretório Central dos Estudantes - UFSM.
10/2003 - 10/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Sociais e Humanas, .

Cargo ou função
Representante Discente no Conselho do Centro de Ciências Sociais e Humanas.
4/2003 - 4/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Federal de Santa Maria, .

Cargo ou função
Secretário Geral do Diretório Livre do Direito - UFSM.
9/2002 - 6/2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Sociais e Humanas, Curso de Ciências Sociais.

Cargo ou função
Conselheiro Discente no Colegiado do Curso de Ciências Sociais.

Wagner Advogados Associados, WAA, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Advogado, Regime: Dedicação exclusiva.


Bochi Brum e Zampieri Advogados Associados, ABBZ, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 12

Atividades

08/2007 - 12/2007
Estágios , Assessoria Jurídica, .

Estágio realizado
Pesquisa doutrinária, juridsprudencial, redação de pareceres e elaboração de peças processuais..

Programa de Defesa do Consumidor, PROCON, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 5

Atividades

4/2005 - 8/2005
Estágios , Programa de Defesa do Consumidor, .

Estágio realizado
Estágio Jurídico Voluntário.

Cooperativa Tritícola de Espumoso Ltda, COTRIEL, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2001
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário

Atividades

01/2001 - 02/2001
Estágios .

Estágio realizado
Mini-estágio pelo período de um mês no Setor de Comunicação e Educação da Cotriel..

Gráfica Líder, GRÁFICA LÍDER, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2001
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário

Atividades

11/2000 - 01/2001
Estágios .

Estágio realizado
Mini-estágio no Setor de Digitação e Fotocomposição da Gráfica Líder..

Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas, IBASE, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2003
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 0
Outras informações
Sistematização de Oficinas durante o Fórum Social Mundial.



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
O Congresso vai à Corte: questões políticas e Mandados de Segurança no Supremo Tribunal Federal
Descrição: O projeto analisa os Mandados de Segurança apresentados ao STF por atores políticos ligados ao legislativo federal, desde o advento da Constituição de 1988, e que pretendem impugnar atos próprios do poder legislativo, tais como negativas de instalação de CPIs, requerimentos diversos e a tramitação de proposições legislativas. As seguintes questões motivam a pesquisa: Em que condições atores políticos ligados ao Congresso Nacional buscam guarida no Supremo para questionar decisões e procedimentos do âmbito interno do legislativo? Como a Corte tem decidido tais casos? Há diferenças no padrão de comportamento dos atores políticos e judiciais ao longo do tempo, desde 1988? A hipótese a ser explorada é que, no período pós-88, houve uma inflexão no STF quanto à aceitabilidade de ações judiciais que tratam sobre questões políticas e sobre decisões internas ao legislativo federal. Por sua vez, os atores políticos ligados ao Congresso passam a demandar mais perante o Judiciário. As mudanças de padrão decisório decorrem tanto da nova Constituição quanto das alterações no perfil ideológico do STF, aumentando gradualmente a importância do Poder Judiciário no processo decisório legislativo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2008
Efeitos das alterações do número de vereadores sobre o sistema partidário municipal no Brasil
Descrição: O tema dessa investigação é determinar o efeito das regras do sistema eleitoral sobre o processo de representação política nos municípios do RS, especialmente considerando as alterações promovidas em 2004 pelo Tribunal Superior Eleitoral e pelo Supremo Tribunal Federal quanto à proporcionalidade da representação parlamentar em relação à população das localidades. Objetivo geral: Determinar os efeitos da alteração do número de vereadores nas eleições de 2004; nas legislaturas que delas emergem, de 2005 a 2007; sobre a representação política e a democracia no RGS, considerando especialmente o sistema partidário local. Objetivos específicos: - Determinar se houve concentração do sistema partidário. - Determinar se houve maior apoio legislativo aos prefeitos eleitos em 2004. - Determinar se as previsões das teorias dos sistemas eleitorais se realizaram, em especial, a previsão de que alterações na magnitude do distrito implicam alterações na representação partidária. - Determinar se as premissas que justificaram a adoção da medida se realizaram, a saber, a realização dos princípios de moralidade e economicidade dos gastos públicos quanto à representação política. - Discutir os pressupostos teóricos que embasaram as decisões do Tribunal Superior Eleitoral e do Supremo Tribunal Federal, verificando sua adequação à realidade gaúcha e brasileira. - Discutir a consistência desses pressupostos com as novas regras sobre o número de vereadores por meio do reconhecimento dos efeitos destas últimas sobre o processo político municipal. - Propor soluções institucionais e políticas para os problemas e impactos encontrados e verificados. - Criar banco de dados sobre o processo eleitoral municipal articulado com a dimensão legislativa e governativa dos mesmos.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Júlio Canello - Integrante / Graciela Froehlich - Integrante / Luis Gustavo Mello Grohmann - Coordenador / Fernando Elias Colombo - Integrante / Fernando Machado - Integrante.
2006 - 2007
Análise das Relações Executivo-Legislativo no Estado do Rio Grande do Sul (2006)
Descrição: Introdução No cenário nacional, o Rio Grande do Sul figura como um estado onde existe alternância no poder. Este fenômeno é acompanhado de muitos outros como, por exemplo, a falta de maioria parlamentar do Executivo. Dessa ausência pode surgir problemas para a governabilidade, derivados da instabilidade e da polarização política. Esta pesquisa tem como objetivo analisar as relações legislativas existentes entre o Governo do Estado do RGS e a Assembléia Legislativa no ano de 2006, dando prosseguimento à projetos realizados anteriormente. Metodologia O método de análise utilizado é o Método Comparativo, criando séries históricas sobre o processo legislativo, empregando as variáveis: quantidade de PECs, PLs e Vetos, assim como a origem do projeto, se foi aprovado ou não. Os dados (Projetos de Lei - PL -, Projetos de Emenda à Constituição - PEC -, e Vetos totais e parciais) são recolhidos por intermédio da Internet, sendo que após a observação das sessões integrais da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul, são dispostos em planilhas Excel..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Júlio Canello - Integrante / Luís Gustavo Mello Grohmann - Coordenador.Financiador(es): Universidade Federal de Santa Maria - Bolsa.
2006 - 2007
Juizado Especial Cível: Análise de seus princípios a partir do movimento de acesso à Justiça
Descrição: Tema: A atuação do Juizado Especial Cível e análise de seus critérios como princípios básicos no movimento de acesso à Justiça, possibilitando a prestação da tutela célere e efetiva dos direitos dos cidadãos. Objetivos Gerais: Investigar a atuação do Juizado Especial Cível no cumprimento do seu objetivo principal, qual seja, a prestação de uma tutela jurisdicional num tempo que satisfaça ambas as partes e, atenda, dessa forma, aos anseios sociais. Objetivos Específicos: Estudar um dos aspectos da efetivação da prestação jurisdicional, qual seja, a celeridade processual, isto é, descobrir quais são os fatores que interferem no tempo de tramitação dos processos nos Juizados Especiais Cíveis. Analisar a influência de cada um dos princípios norteadores dos Juizados Especiais Cíveis como forma de alcançar a tão almejada celeridade no julgamento das causas. Verificar o tempo que o sistema judicial leva para decidir as causas que lhe são submetidas, analisando os motivos da morosidade processual. Metodologia: O presente projeto prevê a realização de um conjunto de testes de hipóteses com base em levantamentos amostrais e métodos estatísticos de inferência probabilística. Os critérios de amostragem, para a seleção de cada uma das unidades de análise seguirão os princípios da amostragem estratificada e sistemática. Os instrumentos de coleta de dados serão de dois tipos distintos. O primeiro instrumento será um formulário desenvolvido a partir de um roteiro de questões referentes a propriedades específicas de cada ação, e possíveis fatores que estariam relacionados ao tempo de tramitação dos processos. O segundo instrumento será um formulário desenvolvido a partir de um roteiro de questões referentes à infra-estrutura e, forma de funcionamento e atendimento do JEC. Os resultados da pesquisa serão apresentados em tabelas e gráficos, que posteriormente serão interpretados e analisados a luz das teorias e bibliografias especializadas sobre o tema..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Júlio Canello - Integrante / Jânia Maria Lopes Saldanha - Coordenador.Financiador(es): Universidade Federal de Santa Maria - Auxílio financeiro.
2005 - 2007
Análise das Relações Executivo Legislativo no RS 1991-2004
Descrição: Esta pesquisa tem como objetivo analisar as relações legislativas existentes entre o Governo do Estado do RGS e a Assembléia Legislativa do ano de 1991 a 2004, dando prosseguimento à projetos realizados anteriormente, consolidando a base de 1995-2004 e expandindo-a para os anos 1991-1994. Prossegue na compilação de dados, formando extenso bano de dados sobre o processo legisaltivo no RS. Metodologia O método de análise utilizado é o Método Comparativo, criando séries históricas sobre o processo legislativo, empregando as variáveis: quantidade de PECs, PLs e Vetos, assim como a origem do projeto, se foi aprovado ou não. Os dados (Projetos de Lei - PL -, Projetos de Emenda à Constituição - PEC -, e Vetos totais e parciais) são recolhidos por intermédio da Internet, sendo que após a observação das sessões integrais da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul, são dispostos em planilhas Excel..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Júlio Canello - Integrante / Luis Gustavo Mello Grohmann - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.
2005 - 2006
Análise das Relações Executivo-Legislativo no RS - 2005
Descrição: Introdução No cenário nacional, o Rio Grande do Sul figura como um estado onde existe alternância no poder. Este fenômeno é acompanhado de muitos outros como, por exemplo, a falta de maioria parlamentar do Executivo. Dessa ausência pode surgir problemas para a governabilidade, derivados da instabilidade e da polarização política. Esta pesquisa tem como objetivo analisar as relações legislativas existentes entre o Governo do Estado do RGS e a Assembléia Legislativa no ano de 2005, dando prosseguimento à projetos realizados anteriormente. Metodologia O método de análise utilizado é o Método Comparativo, criando séries históricas sobre o processo legislativo, empregando as variáveis: quantidade de PECs, PLs e Vetos, assim como a origem do projeto, se foi aprovado ou não. Os dados (Projetos de Lei - PL -, Projetos de Emenda à Constituição - PEC -, e Vetos totais e parciais) são recolhidos por intermédio da Internet, sendo que após a observação das sessões integrais da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul, são dispostos em planilhas Excel..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Júlio Canello - Integrante / Luís Gustavo Mello Grohmann - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.
2003 - 2003
A opinião da comunidade de Santa Maria sobre o policiamento ostensivo da Brigada Militar
Descrição: Pesquisa de opinião junto à comunidade da Cidade de Santa Maria, RS, acerca do policiamento ostensivo da Brigada Militar.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Júlio Canello - Integrante / Valéria Aydos - Coordenador.
2003 - 2003
Sistematização de oficinas do III Fórum Social Mundial
Descrição: Seleção de amostra de oficinas inscritas ao III Fórum Social Mundial e sistematização de suas discusssões..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Júlio Canello - Integrante / Valéria Aydos - Coordenador.Financiador(es): Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas - Auxílio financeiro.


Revisor de periódico


2016 - 2017
Periódico: Revista Direitos Emergentes na Sociedade Global
2016 - 2017
Periódico: Primeiros Estudos - Revista de Graduação em Ciências Sociais
2018 - Atual
Periódico: REVISTA DE ESTUDOS EMPÍRICOS EM DIREITO
2018 - Atual
Periódico: DADOS-REVISTA DE CIENCIAS SOCIAIS
2018 - Atual
Periódico: BRAZILIAN POLITICAL SCIENCE REVIEW


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Comportamento Político/Especialidade: Comportamento Legislativo.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas/Especialidade: Análise do Processo Decisório.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Estado e Governo/Especialidade: Sistemas Governamentais Comparados.
4.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direito Público/Especialidade: Direito Constitucional.
5.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direito Público/Especialidade: Direito Administrativo.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2017
2º Lugar - Melhor Tese de Doutorado - IESP/UERJ - 2016, IESP - UERJ.
2017
Prêmio Guillermo O´Donnell, mejor tesis doctoral para el período 2015-2017, Associación Latinoamericana de Ciência Política.
2017
James Caporaso Best Paper Prize, 2016, Comparative Political Studies.
2017
Menção Honrosa para Tese de Doutorado - Concurso Brasileiro ANPOCS - Teses Universitárias, Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais.
2015
Aprovado em terceiro lugar no concurso para Professor Substituto de Teoria Social e Política Brasileira, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.
2011
Premio David Apter a la investigación sobre Política Comparada, Sociedade Argentina de Analisis Político.
2006
Menção Honrosa - Mostra de Iniciação Científica Unisinos, Unisinos.
2006
Destaque - XVIII Salão de Iniciação Científica UFRGS, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
2005
Projeto Perspectivas, Primeiro Lugar, Escola do Legislativo Romildo Bolzan, Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
HIDALGO, F. D.2016 HIDALGO, F. D. ; CANELLO, Júlio ; OLIVEIRA, R. L. . Can Politicians Police Themselves? Natural Experimental Evidence From Brazils Audit Courts. Comparative Political Studies, v. 49, p. 1739-1773, 2016.

2.
SANTOS, FABIANO2016SANTOS, FABIANO ; CANELLO, JÚLIO . Comissões Permanentes, Estrutura de Assessoramento e o Problema Informacional na Câmara dos Deputados do Brasil. DADOS-REVISTA DE CIENCIAS SOCIAIS, v. 59, p. 1127-1168, 2016.

3.
SANTOS, F. G. M.2015 SANTOS, F. G. M. ; CANELLO, Júlio . Brazilian Congress, 2014 elections and governability challenges. Brazilian Political Science Review, v. 9, p. 115-134, 2015.

4.
SANTOS, F. G. M.2014SANTOS, F. G. M. ; CUNHA, B. ; CANELLO, Júlio ; BARBOSA, L. M. . A (con)figuração dos números eleitorais. Insight Inteligência (Rio de Janeiro), v. 67, p. 36-45, 2014.

5.
FIGUEIREDO, A. M. C.2013FIGUEIREDO, A. M. C. ; CANELLO, Júlio ; VIEIRA, M. M. . Governos Minoritários e Presidencialismo Latino-Americano. Insight Inteligência (Rio de Janeiro), v. 62, p. 82-93, 2013.

6.
FIGUEIREDO, A. M. C.2012 FIGUEIREDO, A. M. C. ; CANELLO, Júlio ; VIEIRA, M. M. . Governos minoritários no presidencialismo latino-americano: determinantes institucionais e políticos. Dados (Rio de Janeiro. Impresso), v. 55, p. 839-875, 2012.

7.
CANELLO, Júlio;CANELLO, JÚLIO2008CANELLO, Júlio. Comentários à organização dos poderes: aspectos da teoria política, direito constitucional e a institucionalidade brasileira. Sociais e Humanas, v. 21, p. 09-20, 2008.

8.
CANELLO, Júlio;CANELLO, JÚLIO2007CANELLO, Júlio. Os Contratos Eletrônicos no Direito brasileiro: comentários sobre o tempo e lugar da formação contratual. Sociais e Humanas, v. 20, p. 9-22, 2007.

9.
CANELLO, Júlio;CANELLO, JÚLIO2006CANELLO, Júlio. A Revisão Constitucional e a PEC 157-A/03. Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM, Santa Maria - RS, v. 1, n.2, p. 31-50, 2006.

10.
CANELLO, Júlio;CANELLO, JÚLIO2005CANELLO, Júlio. Poder Legislativo no Rio Grande do Sul: Re-visitando história e teoria. Revista Estudos Legislativos, Porto Alegre - RS, v. 1, n.1, p. 17-19, 2005.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
PEREZ, R. T. ; CANELLO, Júlio ; SIQUEIRA, H. S. G. ; PENNA, L. R. . STF E IDEOLOGIA: ENTRE AS INFLUÊNCIAS DA ORDEM LIBERAL-DEMOCRÁTICA E OS DESAFIOS DA GLOBALIZAÇÃO. 1. ed. Santa Maria, RS: Editora da UFSM, 2012. v. 1.

Capítulos de livros publicados
1.
GROHMANN, Luis Gustavo Mello ; CANELLO, Júlio ; FROEHLICH, Graciela ; COLOMBO, F. E. ; MACHADO, F. . Efeitos do Sistema Eleitoral sobre o Sistema Partidário: as alterações no número de vereadores do Brasil (2004/2007). In: Beatriz Teixeira Weber ; Diorge Alceno Konrad. (Org.). Visões do mundo comtemporâneo: caminhos, mitos e muros. Santa Maria: FACOS-UFSM, 2007, v. , p. 136-140.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
CANELLO, Júlio. No Congresso, Dilma perdeu menos que Lula (entrevista e apoio técnico à reportagem). O Globo, p. 14, 09 nov. 2014.

2.
CANELLO, Júlio; SANTOS, F. . O diálogo não basta (entrevista). Carta Capital, 01 nov. 2014.

3.
CANELLO, Júlio. 'Técnicos' ou 'Políticos? Uma questão mal colocada. Folha Espumosense, 14 maio 2011.

4.
CANELLO, Júlio. Judiciário e política: o caso da "ficha limpa". Folha Espumosense, 09 abr. 2011.

5.
CANELLO, Júlio. O cimento das bases de apoio. Folha Espumosense, Espumoso (RS), 19 mar. 2011.

6.
CANELLO, Júlio. Entre acordos e consensos: a questão das candidaturas únicas. Folha Espumosense, Espumoso - RS, 02 ago. 2008.

7.
CANELLO, Júlio. Como são eleitos os deputados no Brasil. Folha Espumosense, Espumoso - RS, 30 set. 2006.

8.
CANELLO, Júlio. Sobre as pesquisas eleitorais. Folha Espumosense, Espumoso - RS, 23 set. 2006.

9.
CANELLO, Júlio. Ética: um produto no mercado da política. Folha Espumosense, Espumoso - RS, 15 out. 2005.

10.
CANELLO, JÚLIO; SANTOS, F. G. M. ; BARBOSA, L. M. ; FERES JR, J. . O que as agendas de clima e ciência dizem sobre o Congresso. Nexo Jornal.

11.
CANELLO, JÚLIO; SILVA, T. M. . Sub-representação e insatisfação com a democracia Link para matéria: https://www.nexojornal.com.br/ensaio/2018/Sub-representa%C3%A7%C3%A3o-e-insatisfa%C3%A7%C3%A3o-com-a-democracia?utm_campaign=anexo&utm_source=anexo © 2018 | Todos os direitos deste material são reservados ao NEXO JORNAL LTDA., conforme a Lei nº 9.610/98. A sua publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização. Nexo Jornal.

12.
CANELLO, JÚLIO; SANTOS, F. G. M. ; FERES JR, J. ; BARBOSA, L. M. . Como legislam os deputados federais: clima e meio ambiente. Nexo Jornal.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CANELLO, Júlio. Por que Governadores vão ao Supremo? Razões para o controle direto de constitucionalidade de atos normativos estaduais no Brasil. In: Congresso da Latin American Studies Association - Latin American Studies in a Globalized World, 2018, Barcelona. Anais do Congresso da Latin American Studies Association 2018 - Latin American Studies in a Globalized World, 2018.

2.
CANELLO, JÚLIO. O Congresso vai à Corte: questões políticas e Mandados de Segurança no Supremo Tribunal Federal brasileiro. In: 9 Congreso Latinoamericano de Ciencia Política - ALACIP, 2017, Montevideo, Uruguay. Anais do 9 Congreso Latinoamericano de Ciencia Política - ALACIP, 2017.

3.
CANELLO, Júlio; FIGUEIREDO, A. M. C. ; VIEIRA, M. M. . Minority Government in Latin American Presidentialism: Cabinet Stability and Effectiveness. In: Western Political Science Association 2013 Anual Meeting, 2013, Los Angeles. WPSA 2013 Anual Meeting Papers, 2013.

4.
CANELLO, Júlio; FIGUEIREDO, A. M. C. ; VIEIRA, M. M. . Minority Governments in Latin American presidentialism: Political and Institutional determinants. In: 22nd World Congress of Political Science - IPSA, 2012, Madrid, Espanha. 22nd World Congress of Political Science - IPSA, 2012.

5.
VIEIRA, M. M. ; FIGUEIREDO, A. M. C. ; CANELLO, Júlio . Governos minoritários no presidencialismo Latino Americano: estabilidade e eficácia de gabinetes. In: 8º Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política - ABCP, 2012, Gramado, RS. Anais do 8º Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política - ABCP, 2012.

6.
CANELLO, Júlio. Procedimentos de urgência, informação assimétrica e cartéis partidários: o caso do RS (1999-2006). In: 8º Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política - ABCP, 2012, Gramado, RS. Anais do 8º Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política - ABCP, 2012.

7.
CANELLO, Júlio; VIEIRA, M. M. . Governos Minoritários em Sistemas Presidencialistas: Estimando os Determinantes de sua Formação na América Latina (1979-2008). In: X Congreso Nacional de Ciencia Política, Sociedad Argentina de Analisis Político, 2011, Cordoba, Argentina. X Congreso Nacional de Ciencia Política, 2011.

8.
CANELLO, Júlio; VIEIRA, M. M. . Governos minoritários em presidencialismos latino-americanos. In: III Seminário Nacional Sociologia & Política, 2011, Curitiba, PR. Anais do III Seminário Nacional Sociologia & Política. Curitiba, PR: UFPR, 2011.

9.
CANELLO, Júlio. Disciplina partidária em legislativos: a literatura sobre a América Latina e o caso da Assembléia do Rio Grande do Sul. In: II Seminário Nacional de Ciência Política da UFRGS - América Latina em Debate, 2009, Porto Alegre - RS. Anais do II Seminário Nacional de Ciência Política da UFRGS - América Latina em Debate, 2009.

10.
CANELLO, Júlio. A organização dos poderes em perspectiva: teoria política, constitucional e a institucionalidade brasileira. In: III Semana Acadêmica do Curso de Direito da UFSM, 2003. Anais da III Semana Acadêmica do Curso de Direito: Direito e Transdisciplinariedade - Propostar para uma (re)visão do saber jurídico. Santa Maria - RS: Imprensa Universitária - UFSM, 2003. v. 1. p. 65-86.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
CANELLO, Júlio; CENEVIVA, R. . Conflitos federativos no Supremo Tribunal Federal: uniformização ou diversidade?. In: 42º Encontro Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais, 2018, Caxambu. Anais do 42º Encontro Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais, 2018.

2.
CANELLO, Júlio; COLOMBO, F. E. ; FROEHLICH, Graciela ; MACHADO, F. . Analisando os Efeitos do Sistema Eleitoral sobre o Sistema Partidário: as alterações do número de vereadores no Brasil em 2004. In: Simpósio de Ensino, Pesquisa e Extensão e 2º Salão de Iniciação Científica da UNIFRA, 2006, Santa Maria - RS. Anais do Simpósio de Ensino, Pesquisa e Extensão e 2º Salão de Iniciação Científica da UNIFRA, 2006.

3.
CANELLO, Júlio. Relações Executivo-Legislativo no Rio Grande do Sul: Governo do Estado e Assembléia Legislativa (2003-2006). In: Simpósio de Ensino, Pesquisa e Extensão e 2º Salão de Iniciação Científica da UNIFRA, 2006, Santa Maria - RS. Anais do Simpósio de Ensino, Pesquisa e Extensão e 2º Salão de Iniciação Científica da UNIFRA, 2006.

4.
CANELLO, Júlio. Organização dos Poderes em perspectiva: teoria política e a institucionalidade brasileira. In: V Semana Acadêmica de Ciências Sociais da UFSM, 2003, Santa Maria - RS. Anais da V Semana Acadêmica de Ciências Sociais da UFSM, 2003.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CANELLO, Júlio. Judicial ideal point estimation: an application to Brazil's Supreme Court. In: 75th Annual Conference - Midwest Political Science Association, 2017, Chicago, IL, EUA. 75th Annual Conference - Midwest Political Science Association, 2017.

2.
CANELLO, Júlio; MAUERBERG JUNIOR, A. ; MELLO, R. B. . Institutional Duality in Lobbying Strategies from 2004 until 2014. In: 75th Annual Conference - Midwest Political Science Association, 2017, Chicago, IL, EUA. 75th Annual Conference - Midwest Political Science Association, 2017.

3.
HIDALGO, F. D. ; CANELLO, Júlio ; OLIVEIRA, R. L. . Can Politicians Police Themselves? Natural Experimental Evidence from Brazil´s Audit Court. In: 6th Annual Conference - Midwest Political Science Association, 2015, Chicago. 6th Annual Conference - Midwest Political Science Association, 2015.

4.
HIDALGO, F. D. ; CANELLO, Júlio ; OLIVEIRA, R. L. . Can Politicians Police Themselves? An Experiment using Brazil´s Audit Courts. In: 2015 Annual Meeting & Exhibition - American Political Science Association, 2015, San Francisco. 2015 Annual Meeting & Exhibition Papers - American Political Science Association, 2015.

5.
CANELLO, Júlio; COLOMBO, F. E. ; FROEHLICH, Graciela ; MACHADO, F. ; GROHMANN, Luis Gustavo Mello . Efeitos do Sistema Eleitoral sobre o Sistema Partidário: as alterações do número de vereadores no Brasil (2004/2007). In: 59ª Reunião Anual da SBPC, 2007, Belém - PA. Anais da 59ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, 2007.

6.
CANELLO, Júlio. Análise das Relações Executivo-Legislativo no Rio Grande do Sul (2005). In: Mostra Unisinos de Iniciação Científica, 2006, São Leopoldo - RS, 2006.

7.
CANELLO, Júlio. Disciplina Partidária em Plenário: uma análise da Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul (1999-2005). In: 58ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, 2006, Florianópolis - SC, 2006.

8.
CANELLO, Júlio. Análise das Relações Executivo-Legislativo no Estado do Rio Grande do Sul (2005). In: XVIII Salão de Iniciação Científica e XV Feira de Iniciação Científicada UFRGS, 2006, Porto Alegre. Anais do XVIII Salão de Iniciação Científica e XV Feira de Iniciação Científicada UFRGS, 2006.

9.
VACCARI, Alexandre Missaggia ; CANELLO, Júlio ; POZZATTI JUNIOR, Ademar ; DEITOS, Marc Antoni ; NARDI, Francieli Trevisan de ; COSTA, Michele Romero da ; GUEVEDO, Dantro ; FORNO, Pietro Toaldo Dal . Movimento de Acesso à Justiça e a resposta mais efetiva e célere do Juizado Especial Cível. In: XVIII Salão de Iniciação Científica e XV Feira de Iniciação Científicada UFRGS, 2006, Porto Alegre - RS. Anais do XVIII Salão de Iniciação Científica e XV Feira de Iniciação Científicada UFRGS, 2006.

10.
COSTA, Michele Romero da ; CANELLO, Júlio ; NARDI, Francieli Trevisan de ; FORNO, Pietro Toaldo Dal ; GUEVEDO, Dantro ; VACCARI, Alexandre Missaggia ; DEITOS, Marc Antoni ; POZZATTI JUNIOR, Ademar . A Autocomposição nos Juizados Especiais Cíveis. In: XVIII Salão de Iniciação Científica e XV Feira de Iniciação Científicada UFRGS, 2006, Porto Alegre - RS. Anais do XVIII Salão de Iniciação Científica e XV Feira de Iniciação Científicada UFRGS, 2006.

11.
FORNO, Pietro Toaldo Dal ; CANELLO, Júlio ; NARDI, Francieli Trevisan de ; COSTA, Michele Romero ; GUEVEDO, Dantro ; VACCARI, Alexandre Missaggia ; DEITOS, Marc Antoni ; POZZATTI JUNIOR, Ademar . Juizado Especial Cível e citação por Edital: celeridade versus efetividade. In: XVIII Salão de Iniciação Científica e XV Feira de Iniciação Científicada UFRGS, 2006, Porto Alegre. Anais do XVIII Salão de Iniciação Científica e XV Feira de Iniciação Científicada UFRGS, 2006.

12.
CANELLO, Júlio. Análise das Relações Executivo-Legislativo no Rio Grande do Sul (2006). In: 21ª Jornada Acadêmica Integrada da UFSM, 2006, Santa Maria - RS. Anais da 21ª Jornada Acadêmica Integrada da UFSM, 2006.

13.
CANELLO, Júlio; COLOMBO, F. E. ; FROEHLICH, Graciela ; MACHADO, F. . Efeitos do Sistema Eleitoral sobre o Sistema Paridário: a alteração do número de vereadores no Brasil (2004/2007). In: 21ª Jornada Acadêmica Integrada da UFSM, 2006, Santa Maria - RS. Anais da 21ª Jornada Acadêmica Integrada da UFSM, 2006.

Apresentações de Trabalho
1.
CANELLO, Júlio. Por que Governadores vão ao Supremo? Razões para o controle direto de constitucionalidade de atos normativos estaduais no Brasil. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
CANELLO, Júlio. Tribunais de Contas: Ilustres Desconhecidos. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
CANELLO, Júlio; CENEVIVA, R. . Conflitos federativos no Supremo Tribunal Federal: uniformização ou diversidade?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
CANELLO, Júlio. Os Impetrantes importam? Questões políticas e Mandados de Segurança no Supremo. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
CANELLO, Júlio. Judicial ideal point estimation: an application to Brazil's Supreme Court. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
CANELLO, Júlio; MAUERBERG JUNIOR, A. ; MELLO, R. B. . Institutional Duality in Lobbying Strategies from 2004 until 2014. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
CANELLO, JÚLIO. O Congresso vai à Corte: questões políticas e Mandados de Segurança no Supremo Tribunal Federal brasileiro. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
CANELLO, JÚLIO. Como atores processuais importam? PGR e AGU. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
CANELLO, JÚLIO. Judicializando a Federação? O Supremo Tribunal Federal e os atos normativos estaduais. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
CANELLO, Júlio. Congresso Nacional em Ferramentas Web. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
SANTOS, F. G. M. ; CANELLO, Júlio . Na Câmara com DIlma: Partidos e Coalizões na Social Democracia Brasileira. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
CANELLO, Júlio; FIGUEIREDO, A. M. C. ; VIEIRA, M. M. . Minority Governments in Latin American Presidentialism: Cabinet stability and effectiveness. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
SANTOS, F. G. M. ; CANELLO, Júlio . POLÍTICA E INFORMAÇÃO NO LEGISLATIVO BRASILEIRO: UM ESTUDO DA ESTRUTURA DE ASSESSORIA DA CÂMARA DOS DEPUTADOS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
SANTOS, F. G. M. ; CANELLO, Júlio . Na Câmara com Dilma - performance parlamentar no plenário da Câmara dos Deputados nos governos petistas. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
CANELLO, Júlio. Cargos diferentes, bases distintas? A territorialização partidária das bases eleitorais de deputados estaduais e federais no Rio Grande do Sul (2002-2010). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
CANELLO, Júlio; FIGUEIREDO, A. M. C. ; VIEIRA, M. M. . Minority Governments in Latin American presidentialism: Political and Institutional determinants. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
CANELLO, Júlio. Procedimentos de urgência, informação assimétrica e cartéis partidários: o caso do RS (1999-2006). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
CANELLO, Júlio. Governos minoritários em presidencialismos latino-americanos. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
CANELLO, Júlio. Procedimentos de urgência em legislativos estaduais: um exame do caso gaúcho (1999-2006). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
CANELLO, Júlio; VIEIRA, M. M. . Governos Minoritários em Sistemas Presidencialistas: Estimando os Determinantes de sua Formação na América Latina (1979-2008). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
CANELLO, Júlio. Disciplina partidária em legislativos: a literatura sobre a América Latina e o caso da Assembléia do Rio Grande do Sul. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
CANELLO, Júlio. Análise das Relações Executivo-Legislativo no Rio Grande do Sul (2005). 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
CANELLO, Júlio. Disciplina partidária em plenário: uma análise da Assembléia Legislativa do estado do Rio Grande do Sul (1999-2005). 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).

24.
CANELLO, Júlio. Análise das Relações Executivo-Legislativo no Estado do Rio Grande do Sul (2005). 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
CANELLO, Júlio. Relações Executivo-Legislativo no Rio Grande do Sul: Governo do Estado e Assembléia Legislativa (2003-2006). 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
CANELLO, Júlio; COLOMBO, F. E. ; FROEHLICH, Graciela ; MACHADO, F. . Analisando os Efeitos do Sistema Eleitoral sobre o Sistema Partidário: as alterações do número de vereadores no Brasil em 2004. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

27.
CANELLO, Júlio. Análise das Relaçõe Executivo-Legislativo no Rio Grande do Sul (2006). 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

28.
CANELLO, Júlio. A organização dos poderes em perspectiva: teoria política, constitucional e a institucionalidade brasileira. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

29.
CANELLO, Júlio. Organização dos poderes em perspectiva: teoria política e a institucionalidade brasileira. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
CANELLO, JÚLIO. Por que se preocupar com as Assembleias Legislativas? 2018 (Artigo publicado na Internet).

2.
CANELLO, Júlio. The Brazilian Supreme Court and subnational legislative decision-making process: an exploratory analysis 2014 (Artigo publicado na Internet).

3.
CANELLO, Júlio. Desempenho de Dilma no Congresso até agora supera os governos Lula 2014 (Entrevista para Blog "Na Base dos Dados", do Jornal O Globo).

4.
CANELLO, Júlio. Ética: um produto no mercado da política ?! 2006 (Artigo publicado na Internet).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
WAGNER, J. L. ; RANGEL, C. A. B. ; CANELLO, Júlio . Cartilha Informativa: Estágio Probatório no Serviço Público. 2014.

2.
Boechat, Carlos Alberto ; CANELLO, Júlio . Cartilha do Plano de Carreira e Cargos do Magistério Federal. 2012.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
CANELLO, Júlio. Unidiversidade - Congresso Nacional. 2016.

2.
CANELLO, Júlio. Painel da Manhã - Eleições EUA 2016. 2016. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

3.
CANELLO, Júlio. Unidiversidade - Supremo Tribunal Federal. 2016.

4.
CANELLO, Júlio. Painel da Manhã - O Mundo em Guerra. 2015. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

5.
CANELLO, Júlio. Unidiversidade - Federalismo brasileiro. 2013.

6.
CANELLO, Júlio. Painel da Manhã - Julgamento do 'Mensalão'. 2013. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

7.
CANELLO, Júlio. Programa Conceito. 2012. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

8.
CANELLO, Júlio. Programa Conceito. 2012. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

9.
CANELLO, Júlio. Programa Conceito. 2012. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

10.
CANELLO, Júlio. Programa Conceito. 2012. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

11.
CANELLO, Júlio. O panorama atual da política brasileira. 2006. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
CANELLO, JÚLIO. Judicialização ou Politização? Supremo Tribunal Federal, Democracia e políticas públicas no Brasil. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
CANELLO, Júlio. A Reforma Universitária. 2004. (Participação em Mesa Redonda).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Qualificações de Doutorado
1.
CANELLO, Júlio; FIGUEIREDO, A. M. C.; GUARNIERI, F. H. E.. Participação em banca de Rodolfo Scotelaro Porto Darrieux. Determinantes do sucesso legislativo parlamentar na Câmara de Deputados do Brasil. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em CIÊNCIA POLÍTICA) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
42 Encontro Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais.Conflitos federativos no Supremo Tribunal Federal: uniformização ou diversidade?. 2018. (Encontro).

2.
Congresso da Latin American Studies Association - Latin American Studies in a Globalized World. Por que Governadores vão ao Supremo? Razões para o controle direto de constitucionalidade de atos normativos estaduais no Brasil. 2018. (Congresso).

3.
Mare Incognitum II - desafios da pesquisa empírica sobre o Supremo Tribunal Federal.Os Impetrantes importam? Questões políticas e Mandados de Segurança no Supremo. 2018. (Oficina).

4.
XI Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política.Tribunais de Contas: Ilustres Desconhecidos. 2018. (Encontro).

5.
75th Annual Conference - Midwest Political Science Association. Judicial ideal point estimation: an application to Brazil's Supreme Court & Institutional Duality in Lobbying Strategies from 2004 until 2014. 2017. (Congresso).

6.
9º Congresso Latinoamericano de Ciencia Política. O Congresso vai à Corte: questões políticas e Mandados de Segurança no Supremo Tribunal Federal brasileiro. 2017. (Congresso).

7.
Mare incognitum: desafios da pesquisa empírica sobre o Supremo Tribunal Federal.Como atores processuais importam? PGR e AGU. 2017. (Oficina).

8.
Conferência Nacional dos Advogados. 2014. (Encontro).

9.
Reunião do Grupo de Estudos Legislativos da Associação Latino Americana de Ciência Política.Na Câmara com Dilma. 2014. (Seminário).

10.
VII Encontro do Coletivo Jurídico do SINASEFE. 2014. (Encontro).

11.
37º Encontro Anual da Anpocs.POLÍTICA E INFORMAÇÃO NO LEGISLATIVO BRASILEIRO: UM ESTUDO DA ESTRUTURA DE ASSESSORIA DA CÂMARA DOS DEPUTADOS. 2013. (Encontro).

12.
Western Political Science Association 2013 Annual Meeting. Minority Governments in Latin American Presidentialism: Cabinet stability and effectiveness. 2013. (Congresso).

13.
22nd World Congress of Political Science - IPSA. Minority Governments in Latin American presidentialism: Political and Institutional determinants. 2012. (Congresso).

14.
8º Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política - ABCP.Procedimentos de urgência, informação assimétrica e cartéis partidários: o caso do RS (1999-2006). 2012. (Encontro).

15.
I Jornada de Grupos de Pesquisa da ALACIP.Cargos diferentes, bases distintas? A territorialização partidária das bases eleitorais de deputados estaduais e federais no Rio Grande do Sul (2002-2010). 2012. (Seminário).

16.
III Seminário Nacional Sociologia & Política.Governos minoritários em presidencialismos latino-americanos. 2011. (Seminário).

17.
X Congreso Nacional de Ciencia Política. Governos Minoritários em Sistemas Presidencialistas: Estimando os Determinantes de sua Formação na América Latina (1979-2008). 2011. (Congresso).

18.
II Seminário Nacional de Ciência Política da UFRGS - América Latina em Debate.Disciplina partidária em legislativos: a literatura sobre América Latina e o caso da Assembléia do Rio Grande do Sul. 2009. (Seminário).

19.
Curso de Negociação - Catho Recursos Humanos. 2008. (Outra).

20.
Seminário Especial "As instituições políticas na América Latina" - Mestrado em Integração Latino Americana. 2007. (Seminário).

21.
Seminário Nacional "Visões do Mundo Contemporâneo: caem barreiras, mitos e muros?". 2007. (Seminário).

22.
Workshop "Pesquisa de Mídia e Opinião" - IBOPE. 2007. (Oficina).

23.
1º Colóquio sobre Comportamento e Instituições Políticas. 2006. (Outra).

24.
21ª Jornada Acadêmica Integrada da UFSM.Análise das Relações Executivo-Legislativo no Rio Grande do Sul (2006). 2006. (Outra).

25.
58ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência.Participou como OUVINTE e APRESENTADOR de TRABALHO da 58ª Reunião Anual da SBPC. 2006. (Encontro).

26.
Empreendendorismo no Meio Acadêmico. 2006. (Outra).

27.
Minicurso Direitos Fundamentais e Novas Tecnologias. 2006. (Oficina).

28.
Minicurso Judiciário, Política e Cidadania. 2006. (Oficina).

29.
Minicurso Sociologia Econômica. 2006. (Oficina).

30.
Mostra UNISINOS de Iniciação Científica 2006.Participou como OUVINTE e APRESENTADOR de TRABALHO da Mostra UNISINOS de Iniciação Científica 2006. 2006. (Outra).

31.
VI Simpósio Estadual de Direito Agrário. 2006. (Simpósio).

32.
X Simpósio de Ensino, Pesquisa e Extensão e 2º Salão de Iniciação Científica da UNIFRA. 2006. (Simpósio).

33.
XVIII Salão de Iniciação Científica da UFRGS.Análise das Relaçõe Executivo-Legislativo no Rio Grande do Sul (2005). 2006. (Outra).

34.
I Jornada Integrada de Direitos Humanos. 2005. (Outra).

35.
I Semana do Consumidor: direito de todos. 2005. (Outra).

36.
Simpósio Células-Tronco e transgênicos: biossegurança em Lei. 2005. (Simpósio).

37.
VII Semana Acadêmica do Curso de Ciências Sociais da UFSM. 2005. (Outra).

38.
I Simpósio Santamariense de Ciências Criminais. 2004. (Simpósio).

39.
IV Semana Acadêmica do Direito. 2004. (Outra).

40.
Reunião Regional da SBPC - RS: ciência e cotidiano: construindo saberes.Participação em MESA REDONDA sobre A Reforma Univerisitária na Reunião Regional da SBPC-RS. 2004. (Encontro).

41.
Seminário Estadual sobre a Reforma Universitária. 2004. (Seminário).

42.
XIV Encontro Gaúcho de Estudantes de Direito. 2004. (Encontro).

43.
48º Congresso da União Nacional dos Estudantes. Participação no 48º Congresso da UNE. 2003. (Congresso).

44.
6º Encontro Estadual de Sociologia: Sociologia debate 70 anos do primeiro Curso de CIências Sociais no Brasil. 2003. (Outra).

45.
Ciclo de Palestras - Guerra no Iraque. 2003. (Outra).

46.
Conselho Regional dos Estudantes de Ciências Sociais.Participação no Conselho Regional dos Estudantes de Ciências Sociais. 2003. (Encontro).

47.
DLD Debate - A Reforma da Previdência. 2003. (Outra).

48.
I Ciclo de Estudos Críticos do Novo Direito de Família. 2003. (Outra).

49.
III Semana Acadêmica da Faculdade de Direito da UFSM: Direito e Transdisciplinariedade: propostas para uma (re)visão do saber jurídico.Participação como OUVINTE e APRESENTADOR de TRABALHO da III Semana Acadêmica da Faculdade de Direito da UFSM. 2003. (Outra).

50.
III Simpósio Estadual de Direito Agrário. 2003. (Simpósio).

51.
Trocando Idéias. 2003. (Outra).

52.
V Semana Acadêmica de Ciências Sociais da UFSM.Participação como OUVINTE e APRESENTADOR de TRABALHO na V Semana Acadêmica de Ciências Sociais da UFSM. 2003. (Outra).

53.
V Simpósio Jurídico Estadual. 2003. (Simpósio).

54.
XVII Ciclo de Estudos Jurídicos Elói José Petry. 2003. (Outra).

55.
II Seminário Revolução Farroupilha: política - cultura - tradição - história. 2002. (Seminário).

56.
Método Científico e Fronteiras do Conhecimento. 2002. (Outra).

57.
Simpósio Bem Comum e Solidariedade: por uma ética na Economia e na Política do Brasil. 2002. (Simpósio).

58.
XIV Encontro Regional dos Estudantes de Ciências Sociais.Participou do XIV Encontro Regional dos Estudantes de Ciências Sociais. 2002. (Encontro).

59.
Seminário Nacional Aprendendo/Ensinando Paulo Freire. 2001. (Seminário).

60.
Conferência Estadual da Educação.Participou da Conferência Estadual da Educação. 2000. (Encontro).

61.
Os Jovens e o Caminho Para o Sucesso. 2000. (Outra).

62.
Pensamento e Inteligência Emocional. 2000. (Outra).

63.
Desenvolvimento do Pensamento Positivo. 1998. (Outra).

64.
Oficina de Teatro. 1998. (Oficina).

65.
VII Festival Gaúcho de Teatro Amado.Atuou no VII Festival Gaúcho de Teatro Amador - Fase Regional. 1996. (Outra).

66.
VI Festival Gaúcho de Teatro Amado.Atuou no VI Festival Gaúcho de Teatro Amador - Fase Final. 1995. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CANELLO, Júlio; SANTOS, F. . Painéis NECON - Cenários de Governabilidade. 2014. (Outro).

2.
BOSCHI, R. R. ; SANTOS, F. G. M. ; FLEURY, S. ; PAULA, L. F. ; CANELLO, Júlio . Workshop - Democracia, Redistribuição e Investimento: Dilemas Atuais do Desenvolvimento Brasileiro. 2013. (Outro).

3.
SANTOS, F. G. M. ; CANELLO, Júlio ; DALIMONTE, R. . Painéis NECON - What is wrong with the Euro?. 2013. (Outro).

4.
SANTOS, F. G. M. ; CANELLO, Júlio ; FIGUEIREDO, A. M. C. ; RENNO JUNIOR, L. R. ; PEREIRA FILHO, C. E. F. ; ALMEIDA, A. S. . Painéis NECON. 2012. (Outro).

5.
SANTOS, F. G. M. ; MONTERO, M. G. ; CANELLO, Júlio . Painéis NECON - Confianza en el Parlamento em América Latina: valores y instituciones. 2012. (Outro).

6.
CANELLO, Júlio; FROEHLICH, Graciela ; GROHMANN, Luis Gustavo Mello ; COLOMBO, F. E. . 1º Colóquio sobre Comportamento e Instituições Políticas. 2006. (Outro).

7.
CANELLO, Júlio. VI Simpósio Estadual de Direito Agrário. 2006. (Congresso).

8.
CANELLO, Júlio. Simpósio Células-Tronco e transgênicos: biossegurança em Lei. 2005. (Outro).

9.
CANELLO, Júlio. Seminário Estadual sobre a Reforma Universitária. 2004. (Outro).

10.
CANELLO, Júlio. XVII Ciclo de Estudos Jurídicos Elói José Petry. 2003. (Outro).

11.
CANELLO, Júlio. III Semana Acadêmica da Faculdade de Direito da UFSM. 2003. (Outro).

12.
CANELLO, Júlio. V Simpósio Jurídico Estadual. 2003. (Outro).

13.
CANELLO, Júlio. Trocando Idéias. 2003. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 11/12/2018 às 11:27:57