Thaís de Carvalho Rodrigues Lopes

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3109402655300565
  • Última atualização do currículo em 05/09/2018


Doutoranda em International Development na University of East Anglia (Inglaterra), onde pesquisa o conceito de "infância" no imaginário brasileiro e os ciclos de discriminação e pobreza perpetuados entre gerações. Mestre em Comunicação Social pela PUC-Rio, realizou etnografia comparada para analisar o impacto do discurso midiático sobre os conflitos urbanos do Rio de Janeiro no imaginário das crianças cariocas sobre "paz" e "violência" (a dissertação encontra-se em vias de publicação pela editora PUC-Rio). Recebeu a bolsa parcial Marisa Letícia Lula da Silva, concedida a mulheres latino-americanas com reconhecido potencial de liderança social, para obter o certificado em Políticas Públicas pela Igualdade na América Latina do Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales (CLACSO). É membro do Centro Internacional de Estudos e Pesquisas sobre a Infância (CIESPI) e da rede Childwatch Latin America. Foi palestrante do Território de Estudos da Infância (TEI/DEDI), na Faculdade de Educação da UERJ, e consultora do International Summit on the Legal Rights of Street-Connected Children, organizado pela American Bar Association (ABA). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Thaís de Carvalho Rodrigues Lopes
Nome em citações bibliográficas
CARVALHO, Thaís de;DE CARVALHO, Thaís;LOPES, T.C.R.


Formação acadêmica/titulação


2018
Doutorado em andamento em International Development.
University of East Anglia, UEA, Inglaterra.
Orientador: Laura Camfield.
Coorientador: Caitlin Scott.
Bolsista do(a): School of Social Sciences Funding, SSF, Inglaterra.
Grande área: Ciências Humanas
2015 - 2017
Mestrado em Comunicação.
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Título: Infâncias Cariocas: discursos sobre paz e violência (estudo etnográfico comparado),Ano de Obtenção: 2017.
Orientador: José Carlos Rodrigues.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: comunicação; crianças; Rio de Janeiro; violência; etnografia comparada.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Mídia e Educação.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: sociologia da infância.
2009 - 2014
Graduação em Comunicação Social.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
com período sanduíche em Universidad de Buenos Aires (Orientador: Mirta Gloria Fernandez/Valeria Sorín).
Título: Era uma vez o fim: representações da morte na literatura infantil.
Orientador: Márcio Tavares D'Amaral.
Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil.




Formação Complementar


2017
Extensão universitária em Políticas Públicas para La Igualdad en América Latina. (Carga horária: 120h).
Consejo Latino-Americano de Ciencias Sociales - Argentina, CLACSO, Argentina.


Atuação Profissional



Ryerson University, RYERSON, Canadá.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Centro Internacional de Estudos e Pesquisas sobre Infância, CIESPI, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Assistente de Pesquisa, Carga horária: 30
Outras informações
- Alimentação da base de dados "população infantil e adolescente em situação de rua no mundo" (2010-2015) - Análise comparativa dos serviços e das políticas de atendimento a crianças e adolescentes em situação de rua no Rio de Janeiro e no mundo; - Consultoria para a American Bar Association sobre a implementação do comentário n.21 da ONU na Convenção sobre os Direitos da Criança, com a redação de um plano de ação que será entregue aos líderes dos países signatários do documento; - Assistente da pesquisa internacional sobre participação infanto-juvenil na política, coordenada pela Ryerson University (Canadá) em parceria com diversas instituições estrangeiras.


Arquivo Público do Estado do Rio de Janeiro, APERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Parte da pesquisa "Retratos da Repressão". sob orientação de Teresa Bastos e Maurício Lissovsky. Análise do perfil dos presos políticos na ditadura militar através dos retratos de identificação policial.


Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Externa
Outras informações
IDEA - Laboratório de Sistemas do Pensamento (Projeto "História Filosofia e Religião" do professor Marcio Tavares D'Amaral)


Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2017
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Mestranda, Carga horária: 40
Outras informações
Bolsista CAPES TAXAS

Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 4
Outras informações
GRUPEM - Grupo de Pesquisa em Educação e Mídia



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Monitoramento dos processos de participação infantil em políticas e programas de proteção à infância no Canadá e em âmbito internacional
Descrição: Esta pesquisa de colaboração internacional, coordenada pela Ryerson University no Canadá, visa a contribuir para que adultos incluam as perspectivas de crianças e adolescentes em processos políticos e tem como foco o monitoramento da participação infanto-juvenil nos programas de proteção à infância. O projeto engloba a atuação conjunta de pesquisadores brasileiros e estrangeiros. A International and Canadian Child Rights Partnership (ICCRP) foi criada para desenvolver esta parceria multisetorial. A equipe do projeto conta com 10 parceiros (ONGs internacionais e nacionais, instituições relacionadas à promoção dos Direitos Humanos, e instituições de pesquisa em 4 países) e 7 Universidades em 5 países. Tem ainda o compromisso de contar com a participação de um comitê jovem que dialoga com a equipe de pesquisadores. O estudo está sendo desenvolvido em três fases, com os seguintes objetivos: 1- Identificar conceitos de monitoramento de participação infantil no âmbito da proteção internacional à infância por meio da análise documental e de entrevistas; 2- Analisar e descrever contextos específicos de processos de monitoramento de participação infantil a partir de estudos de caso no Canadá, Brasil, China e na África do Sul; 3- Analisar as relações entre participação infantil e os impactos dos programas de proteção à infância. A fim de alcançar esses objetivos, a estratégia metodológica adotada por essa pesquisa está fundamentada em estudos de caso em quatro países com a participação de crianças e atores-chave tanto no trabalho de campo quanto na análise dos dados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Políticas públicas e os desafios da implementação: análise do caso da política de atendimento a crianças e adolescentes em situação de rua no Rio de Janeiro
Descrição: O projeto, realizado com o apoio da FAPERJ, tem como objetivo analisar os processos que facilitam ou dificultam a implementação de políticas públicas com foco sobre a população infantil e adolescente, tendo como estudo de caso a Política de Atendimento a Crianças e Adolescentes em Situação de Rua (Deliberação CMDCA 763/2009). A pesquisa é coordenada pela professora Irene Rizzini, do departamento de Serviço Social da PUC-Rio (DSS/PUC-Rio), com apoio FAPERJ (CNE, Cientista do Nosso Estado, 2014-2017; FAPERJ Ref. N° E-26/201.274/2014). A análise vem sendo desenvolvida a partir de atividades de pesquisa em dois eixos principais: 1- Base de Dados Bibliográficos: Levantamento e análise da literatura nacional e internacional sobre população infantil e adolescente em situação de rua no período de 2000 a 2015; 2- Prioridades em Políticas Públicas: Análise das propostas de políticas públicas e ações voltadas para este segmento populacional no Brasil e uma análise das políticas e ações em curso no município do Rio de Janeiro.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Sociologia da Educação.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: Comunicação e Representação.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Ciclos de Violência.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Antropologia da Infância.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Direitos Humanos.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2018
Bolsa CAPES de doutorado prêmio para cursar o doutorado na University of Cambridge ou na University College London (recusada em face da oferta da SSF), CAPES.
2017
Bolsa parcial Marisa Letícia Lula da Silva para mulheres brasileiras com reconhecido potencial de liderança social, CLACSO.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
DE CARVALHO, Thaís2016DE CARVALHO, Thaís. Percepções de crianças do Rio de Janeiro sobre as representações raciais: notas de campo. NOVOS OLHARES (USP), v. 5, p. 123, 2016.

2.
RODRIGUES, J. C. S.2016RODRIGUES, J. C. S. ; CARVALHO, Thaís de . O ?menor? na grande mídia: a fabricação do consentimento a favor da redução da maioridade penal. O SOCIAL EM QUESTÃO, v. 35, p. 87-102, 2016.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
DE CARVALHO, Thaís. 'Menos um verme': o menos suspeito como vida matável. In: VI Seminário Internacional Direitos Humanos, Violência e Pobreza: a situação de crianças e adolescentes na América Latina hoje, 2016, Rio de Janeiro. VI Seminário Internacional Direitos Humanos, Violência e Pobreza: a situação de crianças e adolescentes na América Latina hoje. Rio de Janeiro: Editora Rede Sirius/UERJ, 2016.

2.
CARVALHO, Thaís de. O ?Xou da Xuxa? como representação do ideal de branqueamento do Brasil. In: VII Encontro de pesquisa em comunicação, 2015, Curitiba. Anais do VII ENPECOM. Curitiba: UFPR, 2015. p. 327-340.

3.
CARVALHO, Thaís de. O Ciclo Sem Fim: Representações da morte nos desenhos de Walt Disney. In: VIII CONECO e XII PósCom, 2015, Rio de Janeiro. Comunicação e suas interlocuções. Rio de Janeiro. p. 713-727.

4.
CARVALHO, Thaís de; RODRIGUES, J. C. S. . Quem conta o conto: os contos populares do Antigo Regime à mídia globalizada. In: Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2015, Rio de Janeiro. Anais do XXXVIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. São Paulo: Intercom, 2015. v. 37.

Artigos aceitos para publicação
1.
DE CARVALHO, Thaís. Posibilidades teóricas y metodológicas para la investigación sobre desiguald en la niñez. REVISTA LATINOAMERICANA DE CIENCIAS SOCIALES, NIÑEZ Y JUVENTUD, 2019.

Apresentações de Trabalho
1.
CARVALHO, Thaís de. Posibilidades teorico-metodológicas para investigar las desigualdades entre las infancias latinoamericanas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
DE CARVALHO, Thaís. Considerações sobre as crianças cariocas e a violência urbana do Rio de Janeiro. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
CARVALHO, Thaís de. Criança como sujeito, infância como objeto: relatos iniciais de um projeto etnográfico em duas escolas do Rio de Janeiro. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
DE CARVALHO, Thaís. 'Menos um verme': o menor suspeito como vida matável. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
CARVALHO, Thaís de. Hate speech in social media: raising awareness and preventing discrimination at school. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
CARVALHO, Thaís de. O 'Xou da Xuxa' como representação do ideal de branqueamento do Brasil. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
CARVALHO, Thaís de; RODRIGUES, J. C. S. . Quem conta o conto: os contos populares do Antigo Regime à mídia globalizada. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
CARVALHO, Thaís de. O Ciclo Sem Fim: representações da morte nos desenhos de Walt Disney. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
CARVALHO, Thaís de. Retratos da Repressão - O Mito da Identidade nos Arquivos da Polícia Política. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Outras produções bibliográficas
1.
RIZZINI, I. ; DE CARVALHO, Thaís ; COUTO, R.M.B. . População infantil e adolescente em situação de rua: temas em destaque em âmbito internacional. Rio de Janeiro: CIESPI/PUC-Rio, 2017 (Livreto de pesquisa FAPERJ).


Demais tipos de produção técnica
1.
DE CARVALHO, Thaís. Discursos sobre infância e menoridade no contexto desigual do Rio de Janeiro. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

Demais trabalhos
1.
Grizzle, A. ; Lee, Z. ; Simmonds, A. ; CARVALHO, Thaís de . MIL CLICKS Pact. 2017 (Declaração UNESCO) .

2.
Lee, Z. ; Simmonds, A. ; CARVALHO, Thaís de . Youth Declaration on Media and Information Literacy. 2016 (Declaração UNESCO) .



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
III Bienal Latinoamericana y Caribeña de Infancias y Juventudes. Posibilidades teorico-metodológicas para investigar las desigualdades entre las infancias latinoamericanas. 2018. (Congresso).

2.
International Summit on the Legal Rights of Street-Connected Children.Children's rights as opposed to child protection. 2017. (Outra).

3.
Reunião Ampliada do Território dos Estudos da Infância.Discursos sobre infância e menoridade no contexto desigual do Rio de Janeiro. 2017. (Encontro).

4.
VI Congresso da Associação Portuguesa de Antropologia. Criança como sujeito, infância como objeto: relatos iniciais de um projeto etnográfico em duas escolas do Rio de Janeiro. 2016. (Congresso).

5.
8o Congresso dos Estudantes de Pós-graduação em Comunicação,. O Ciclo Sem Fim: representações da morte nos desenhos de Walt Disney. 2015. (Congresso).

6.
Fórum Pensar a Infância 2015. 2015. (Outra).

7.
II Seminário A criança e sua participação da cidade. 2015. (Seminário).

8.
II Simpósio Internacional A Vida Secreta dos Objetos. 2015. (Simpósio).

9.
I Seminário Comunicação, Temporalidades e Cultura. 2015. (Seminário).

10.
VII ENPECOM. O 'Xou da Xuxa' como representação do ideal de branqueamento do Brasil. 2015. (Congresso).

11.
XII Seminário de Alunos de Pós-graduação da PUC-Rio. O Ciclo Sem Fim: representações da morte nos desenhos de Walt Disney. 2015. (Congresso).

12.
XXXVIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Quem conta o conto: os contos populares do Antigo Regime à mídia globalizada. 2015. (Congresso).

13.
História Filosofia e Religião - Conversações. 2011. (Encontro).

14.
III Fórum Internacional de Comunicação e Sustentabilidade. 2010. (Outra).

15.
Jornada de Iniciação Científica.Retratos da Repressão. 2010. (Outra).

16.
Intercom Sudeste. 2009. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
DE CARVALHO, Thaís. XXXVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO. 2015. (Congresso).

2.
CARVALHO, Thaís de. 8o Congresso dos Estudantes de Pós- graduação em Comunicação. 2015. (Congresso).

3.
CARVALHO, Thaís de. XII Seminário de Alunos de Pós-graduação da PUC-Rio. 2015. (Congresso).

4.
CARVALHO, Thaís de. 66th Annual Conference of the International Communication Association. 2015. (Congresso).

5.
BASTOS, M. T. F. ; CARVALHO, Thaís de . Ruy Santos: imagens apreendidas. 2010. (Exposição).



Inovação



Projetos de pesquisa



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/10/2018 às 24:33:29