Ronaldo Silva

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7210424052946873
  • Última atualização do currículo em 16/04/2018


Possui Mestrado em Integração Contemporânea da América Latina, área de avaliação Ciência Política e Relações Internacionais, pela Universidade Federal da Integração Latino-Americana -UNILA (2018); Especialização em Relações Internacionais Contemporâneas pela UNILA (2017); Graduação em Relações Internacionais e Integração pela Universidade Federal da Integração Latino-Americana - UNILA (2015); Atualmente é pesquisador - Núcleo de Pesquisa de Política Externa Latino-Americana, pesquisador - Núcleo Pós-colonialidade e Integração Latino-Americana, pesquisador - Núcleo de Estudos Afro Latino Americanos. Equipe técnica do Instituto Conexão e equipe técnica do Centro Latino-Americano de Estudos em Cultura. Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em Política Internacional, atuando principalmente nos seguintes temas: Cooperação Internacional; Política Externa Sul-Sul; Política Externa como Política Pública; BRICS; Setor Espacial; Análise Sul-Sul; Movimentos Sociais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Ronaldo Silva
Nome em citações bibliográficas
SILVA, R.;SILVA, Ronaldo.;SILVA, RONALDO


Formação acadêmica/titulação


2016 - 2018
Mestrado em Integração Contemporânea da América Latina - Ical.
Universidade Federal da Integração Latino-Americana, UNILA, Brasil.
Título: Cooperação internacional sino-brasileira na área espacial e suas interseções para com os BRICS,Ano de Obtenção: 2018.
Orientador: Jayme Benvenuto Lima Junior.
Coorientador: Marcos Ferreira Costa Lima.
2016 - 2017
Especialização em Relações Internacionais Contemporâneas. (Carga Horária: 420h).
Universidade Federal da Integração Latino-Americana, UNILA, Brasil.
Título: Descontinuidades na Política Externa de Direitos Humanos Brasileira Pós-Redemocratização.
Orientador: Lucas Ribeiro Mesquita.
2016 interrompida
Graduação interrompida em 2016 em Ciência Política e Sociologia - Sociedade, Estado e Política Na América Lat.
Universidade Federal da Integração Latino-Americana, UNILA, Brasil.
Ano de interrupção: 2016
2012 - 2015
Graduação em Relações Internacionais e Integração.
Universidade Federal da Integração Latino-Americana, UNILA, Brasil.
Orientador: Angela Maria de Souza.




Formação Complementar


2015 - 2015
Extensão universitária em Integração Regional na África e América Latina. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal da Integração Latino-Americana, UNILA, Brasil.
2015 - 2015
Introdução ao Direito Constitucional. (Carga horária: 40h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2015 - 2015
Introdução ao Direito do Consumidor. (Carga horária: 40h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2015 - 2015
Introdução ao Orçamento Público. (Carga horária: 40h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2015 - 2015
Participação Social na Política Externa Latino-Ame. (Carga horária: 4h).
Núcleo de Pesquisa de Política Externa Latino-Americana - (NUPELA-UNILA), NUPELA, Brasil.
2015 - 2015
Modalidades, Tipos e Fases da Licitação. (Carga horária: 40h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2015 - 2015
Processo Legislativo Federal. (Carga horária: 45h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2015 - 2015
Fundamentos da Integração Regional: O Mercosul. (Carga horária: 40h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2015 - 2015
Política Contemporânea. (Carga horária: 40h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2014 - 2015
Relações Internacionais: Teoria e História. (Carga horária: 60h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2014 - 2014
Cooperação Técnica Internacional. (Carga horária: 12h).
Parque Tecnológica Itaipu - Brasil, PTI, Brasil.
2006 - 2006
Montagem e Manutenção de Computadores. (Carga horária: 80h).
Intel Corporation, INTEL, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal da Integração Latino-Americana, UNILA, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica

Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica

Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica

Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica

Atividades

08/2016 - Atual
Estágios , Universidade Federal da Integração Latino-Americana, Instituto Latino-Americano de Economia, Sociedade e Política (ILAESP).

Estágio realizado
Estágio docente na disciplina de Política Internacional e Direitos Humanos e de Organizações Internacionais do curso de Relações Internacionais e Integração da UNILA.
06/2016 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Federal da Integração Latino-Americana, Conselho Universitário (CONSUN).

Cargo ou função
Membro representante do discentes da Pós-graduação no Conselho Universitário (CONSUN). Portaria UNILA Nº 1003/2016, De 20 de Junho de 2016.

Centro Latino-Americano de Estudos em Cultura, CLAEC, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Associado Colaborador, Enquadramento Funcional: Equipe Técnica

Atividades

01/2017 - Atual
Direção e administração, Editora CLAEC, .

Cargo ou função
Editor-Assistente.

Instituto Conexão, ICS, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Equipe Técnica


Núcleo Estudos Estratégicos, Geopolítica e Integração Regional, NEEGI, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

06/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Núcleo Estudos Estratégicos, Geopolítica e Integração Regional, .


Núcleo de Pesquisa de Política Externa Latino-Americana, NUPELA, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

10/2015 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Núcleo de Pesquisa de Política Externa Latino-Americana, .



Linhas de pesquisa


1.
Geopolítica e Inserção Internacional dos Países Emergentes: Relações Sul-Sul e a estratégia dos países do BRICS

Objetivo: Esta linha de pesquisa tem como objetivo analisar as possíveis influências dos países emergentes, especialmente do grupo denominado BRICS nos conflitos e processos de integração regional na América Latina, África e Ásia. Pretende verificar em que medida os países emergentes do BRICS podem influenciar os diferentes tipos conflitos e de processos de integração, nos campos da integração econômica, político-institucional, de infraestrutura, sociocultural, e no plano da segurança e defesa..
2.
Políticas Públicas e Democratização da Política Externa

Objetivo: Esta linha de pesquisa trata da Política Externa como política pública, analisando o ciclo que engloba o período desde a formação da agenda, passando pela execução da política e posteriormente a verificação de seus efeitos na sociedade em geral. As pesquisas desenvolvidas no âmbito desta linha de pesquisa tem o foco tanto no processo decisório, com vistas a verificar a participação da sociedade como forma de democratização da Política Externa, como na relação entre política exterior e doméstica..
Palavras-chave: Política Pública; Democratização; Política Externa.


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
Cooperação internacional descentralizada: os governos locais e a construção do Mercosul contemporâneo.
Descrição: O fenômeno denominado "paradiplomacia" despontou como tema relevante na agenda de pesquisa das Relações Internacionais Latino-Americanas nas últimas duas décadas, como resultado de um processo da compreensão dos chamados "novos atores" no cenário internacional, dentre eles destacam-se os governos subnacionais. Tendo em conta a importância de se observar a atuação das cidades nas dinâmicas internacionais, esse projeto de pesquisa tem como objetivo analisar o papel de Foz do Iguaçu na promoção da integração regional mirando como a cidade se insere nas estratégias de política externa nacional e nas áreas temáticas do âmbito do Mercosul. Cabe destacar, que é de interesse dos governos nacionais do Mercosul fortalecer a cooperação intrarregional e capitalizar os esforços dos diferentes atores sociais e políticos nesse sentido. Essa estratégia característica da cooperação internacional descentralizada tem como objetivo atender aos interesses da política externa brasileira no que toca à integração regional por meio da mobilização desses atores não-centrais, no caso, as cidades. Portanto, busca-se com a iniciação científica mapear como a cidade de Foz do Iguaçu, localizada em região estratégica para os processos integracionistas, participa enquanto ator subnacional na promoção da integração regional..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Ronaldo Silva - Integrante / Felipe Cordeiro de Almeida - Coordenador / Isadota Wadi Staduto - Integrante / Guilherme Vasconcelos - Integrante / Karen dos Santos Honório - Integrante / Gabriel Reinaldi Silva - Integrante / Karen Susan Silva Pitinga da Rosa - Integrante.
2015 - Atual
A política externa dos países andinos e os grupos de interesse
Descrição: Esta pesquisa tem como objetivo compreender o papel dos grupos de interesse no processo decisório da Política Externa dos países andinos ? Bolívia, Chile, Equador, Peru, Colômbia e Venezuela ? e analisar as opções teórico-epistemológicas para a análise dos países da região. O período analisado é a fase a partir da redemocratização do final do século XX, quando novos grupos societais passaram a atuar na política destes países..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Mapeando a Política Externa da América Latina

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Marcelino Teixeira Lisboa em 10/02/2017.
Descrição: Realiza o mapeamento das características da política externa dos países latino-americanos, considerando seu processo decisório e suas diretrizes. Quanto ao processo decisório, analisam-se as condições institucionais sob as quais a política externa reserva espaços para a ação de agentes políticos do executivo e do legislativo, bem como a possibilidade de participação de atores sociais. Para esta parte da pesquisa, as fontes consultadas são as constituições dos países, os documentos ministeriais e das comissões legislativas. Em relação às diretrizes, são analisados os discursos presidenciais em instituições internacionais como a Organização das Nações Unidas, pronunciamentos internos dos ministros de relações exteriores, além de documentos oficiais que expressem o direcionamento da política externa dos respectivos governos. A pesquisa está organizada em três etapas, sendo que a primeira foca sua análise nos países do cone sul da América do Sul; a segunda etapa analisa os países da região andina; a terceira parte trata da América Central e Caribe..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (6) .
Integrantes: Ronaldo Silva - Integrante / Felipe Cordeiro de Almeida - Integrante / Karen dos Santos Honório - Integrante / Gabriel Reinaldi Silva - Integrante / Marcelino Teixeira Lisboa - Coordenador / Hugo Alfredo Jiménez Reyes - Integrante / Lucas Ribeiro Mesquita - Integrante / Lucas Duarte Vitorino de Paula Xavier Guerra - Integrante / Gustavo Luiz Frisso - Integrante / Lucas Gonçalves de Oliveira Ferreira - Integrante / Jóhidson André Ferraz de Oliveira - Integrante / Paula de Sousa Constante - Integrante / Isadora Wadi Staduto - Integrante / Macarena Mercado Mott - Integrante / Karen Johanna Bombon Pozo - Integrante.
2014 - 2015
Políticas Públicas voltadas para as populações Afro-descendentes na América Latina: Brasil, Colômbia e Uruguai.
Descrição: O Projeto se propõe a abordar as políticas públicas, na forma de ações afirmativas, voltadas para as populações afro-latino-americanas. A pequisa se realizará em duas etapas, a primeira consiste num levantamento destas políticas e suas formas de implementação no Brasil, Colômbia e Uruguai. A segunda etapa será a realização de pesquisa etnográfica na cidade de Foz do Iguaçu e região nas escolas da rede pública, com o objetivo principal de perceber a implantação destas políticas, especialmente a Lei 11.645/08 que inclui os conteúdos africanos, afro-brasileiros e indígenas nos currículos escolares da educação básica. Como abordagem teórica norteadora desta pesquisa usaremos alguns conceitos e concepções entre os quais estão: Diáspora e Identidade (Hall, 2003 e 2006), Colonialismo (Césaire, 2010), Atlântico Negro (Gilroy, 2001), representações sobre Nação (Segato, 2007), Identidade Negra (Munanga, 2012), entre outros. O objetivo principal é realizar um levantamento das políticas públicas, voltadas para as populações afro-descendentes, lançadas a partir da década de 1990 e analisar suas formas de implementação, tendo como foco as políticas públicas voltadas para a educação étnico-racial no contexto local a partir da cidade de Foz do Iguaçu..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Ronaldo Silva - Integrante / Angela Maria de Souza - Coordenador / Janaina de Jesus Lopes Santana - Integrante.
2011 - 2014
Estéticas afro-latino-americanas: o rap redefinindo fronteiras
Descrição: O rap, gênero musical que faz parte do Movimento hip hop, surge no encontro de prática músicoculturais nos Estados Unidos no final da década de 1970 entre jovens imigrantes de países latino americanos, jamaicanos e negros estadunidenses. Nesta confluência de experiências musicais o rap vai ganhando forma nos EUA e se espalha pelos mais diversos países. Em cada contexto nacional, regional, étnico-racial, religioso esta prática musical ganha novas formas e é ressignificada enquanto música que possui uma perspectiva política, que propõe mudanças de posicionamentos e representações. O rap tornou-se uma música que além de reivindicar um espaço político, propõe a desconstrução e consequente redefinição de olhares sobre negros, indígenas, mulheres, moradores de periferias e favelas etc, questionando processos de discriminação, expropriação, deslocamento, exploração. Neste sentido a proposta deste projeto busca analisar a criação musical destes jovens atentando-se os discursos e narrativas musicais. Através desta pesquisa procura-se perceber como estes jovens se representam, como significam o ?outro? em suas músicas e como se dá esta relação, ou seja, como constroem suas reflexões musicais. De quem falam? Que temas abordam? A quem querem atingir? Qual a intensão deste discurso? Quem são estes sujeitos poéticos e/ou sociais? Com estes questionamentos, a pesquisa se organiza da seguinte forma: Primeiro, na realização do trabalho etnográfico sobre a produção do rap da cidade de Foz do Iguaçu e região (incluindo cidades vizinhas da Argentina e Paraguai). Segundo, na busca de uma aproximação com a produção musical do rap em países como Argentina, Paraguai e Uruguai, buscando perceber como são construídas estas narrativas a partir de suas nações, o que será realizado através do uso dos recursos virtuais, tendo a Internet como instrumento de mediação desta relação de pesquisa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Ronaldo Silva - Integrante / Angela Maria de Souza - Coordenador.


Projetos de extensão


2016 - Atual
Atualização e difusão de dados locais: as relações internacionais como vetor de desenvolvimento na região da trinacional
Descrição: O projeto "Atualização e difusão de dados locais: as relações internacionais como vetor de desenvolvimento na região da trinacional" tem como base a perspectiva da fundamental contribuição das localidades e suas instituições ao desenvolvimento e às relações internacionais. O objetivo do presente projeto é construir uma base de dados locais sólida e um conjunto consistente de primeiras propostas ao desenvolvimento local via cooperação internacional.O projeto apresenta-se como fase seguinte das iniciativas desenvolvidas no âmbito do projeto "Pensar Global agir Local: as RI nas políticas Públicas da Tríplice Fronteira" que promoveu a aproximação do grupo de extensionistas e pesquisadores docentes e discentes da sociedade local e algumas das suas instituições. Essa aproximação permitiu a utilização e acesso a dados locais sobre desenvolvimento e relações internacionais desenvolvidos por atores como o Instituto Polo Iguassu, Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteira (IDESF), Assessoria Municipal de Relações Internacionais, Casa do Imigrante e o Grupo de Pesquisa em Migrações. Esses dados, colhidos com diversos objetivos são de fundamental importância para a compreensão da região trinacional e seu planejamento.
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Ronaldo Silva - Integrante / Felipe Cordeiro de Almeida - Coordenador / Isadota Wadi Staduto - Integrante / Guilherme Vasconcelos - Integrante / Karen dos Santos Honório - Integrante / Gabriel Reinaldi Silva - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Integração Regional.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional/Especialidade: Organizações Internacionais.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
LISBOA, MARCELINO TEIXEIRA2017LISBOA, MARCELINO TEIXEIRA ; SILVA, RONALDO . A Path Dependence na inserção internacional da Guiana. CARTA INTERNACIONAL, v. 12, p. 123-147, 2017.

2.
HOFF, N. L. Z.2017HOFF, N. L. Z. ; SILVA, Ronaldo. ; ZABOLOTSKY, B. P. ; SOUTTO, D. L. . BREXIT - UNIÃO EUROPEIA: A Imigração como uma questão de Segurança Internacional. REVISTA DE ESTUDOS INTERNACIONAIS, v. 8, p. 64-82, 2017.

3.
MARIA DE SOUZA, ANGELA2014MARIA DE SOUZA, ANGELA ; SANTANA DE JESUS, JANAINA ; SILVA, RONALDO . Rap na fronteira: Narrativas poéticas do Movimento hip hop. REVISTA TOMO, v. 25, p. 9-26, 2014.

Capítulos de livros publicados
1.
SILVA, Ronaldo.; SOUZA, A. M. ; DULCI, T. M. S. . AS DINÂMICAS SOCIOCULTURAIS NAS RELAÇÕES INTERNACIONAIS: O MOVIMENTO HIP HOP. In: Bruno César Alves Marcelino;. (Org.). Dossiê Cultura em Foco: integração cultural latino-americana. 1ed.Jaguarão: Editora CLAEC, 2017, v. 1, p. 04-25.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, Ronaldo.. Descontinuidades na Política Externa de Direitos Humanos Brasileira Pós-Redemocratização. In: Seminário da Pós-Graduação Relações Internacionais Contemporâneas, 2017, Foz do Iguaçu. ANAIS DO I SEMINÁRIO DA PÓS-GRADUAÇÃO EM RELAÇÕES INTERNACIONAIS CONTEMPORÂNEAS (29 e 30 de setembro de 2017), 2017. p. 246-270.

2.
SILVA, R.; LISBOA, M. T. . Organizações internacionais e integração regional na política externa da Guiana. In: VII Seminário Nacional de Sociologia & Política, 2016, Curitiba. Anais VII Seminário Nacional de Sociologia & Política, 2016.

3.
SILVA, R.. A POLÍTICA EXTERNA DA REPÚBLICA COOPERATIVA DA GUIANA. In: I Encontro Internacional de Política Externa Latino-Americana, 2015, Foz do Iguaçu. Anais do I Encontro Internacional de Política Externa Latino-Americana: Mapeando a Política Externa do Cone Sul, 2015. p. 89-105.

4.
SILVA, R.; SOUZA, A. M. . Rhythm and poetry: as escolhas lexicais no Rap (re) definindo as fronteiras de Foz do Iguaçu. In: II Seminário Internacional e III Nacional em Estudos da Linguagem (SNEL), 2014, Cascavel - PR. Anais - II Seminário Internacional e III Nacional em Estudos da Linguagem (SNEL), 2014.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, R.; SOUZA, A. M. ; SANTANA, J. J. L. . O estado da arte no Ritmo e Poesia (RAP): a insurgência político-cultural em debate. In: XII Seminário Nacional de Literatura, História e Memória e III Congresso Internacional de Pesquisa em Letras no Contexto Latino-Americano., 2015, Cascavel - Paraná. SIMPÓSIOS (Caderno de Resumos). Cascavel - PR: Catalogação na Publicação (CIP) Sistema de Bibliotecas da UNIOESTE, 2015.

2.
SILVA, R.; SOUZA, A. M. . A identidade negra no Movimento hip hop entre fronteiras. In: VIII Congresso Brasileiro de Pesquisadores/as Negros/as, 2014, Belém. Anais do VIII Congresso Brasileiro de Pesquisadores(as) Negros(as) - II Seminário de Iniciação Científica da ABPN, 2014.

3.
SILVA, R.; SOUZA, A. M. . Estéticas afro-latino-americanas: o rap como agência cultural de letramento de reexistência. In: II Encontro de Iniciação Científica da UNILA, 2013, Foz do Iguaçu. Anais do II Encontro de Iniciação Científica da Unila "Resultados em debate", 2013.

4.
SILVA, R.; SOUZA, A. M. . América La Tinha: (re) definindo fronteiras. In: Seminário de Extensão da UNILA (SEUNI), 2013, Foz do Iguaçu. Seminário de Extensão da UNILA - SEUNI, 2013. p. 24-25.

5.
SILVA, R.. Estéticas afro-latino-americanas: o rap nos espaços virtuais. In: I Encontro de Iniciação Científica e de Extensão da Unila, 2012, Foz do Iguaçu. Anais do I Encontro de Iniciação Científica e de Extensão da Unila, 2012.

Apresentações de Trabalho
1.
SILVA, R.. Organizações internacionais e integração regional na política externa da Guiana. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
SILVA, R.. Mesa-redonda: Políticas Afirmativas, histórias e culturas africanas. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
SILVA, R.. A POLÍTICA EXTERNA DA REPÚBLICA COOPERATIVA DA GUIANA. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
SILVA, R.. Políticas Públicas de Ações Afirmativas no Brasil e Colômbia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
SILVA, R.. Movimento - O Hip Hop redefinindo suas fronteiras: debates sobre marginalização social. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
SILVA, R.; SOUZA, A. M. . A identidade negra no Movimento hip hop entre fronteiras. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
SILVA, R.. Rhythm and poetry: As escolhas lexicais no Rap (re)definindo as fronteiras de Foz do Iguaçu. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

8.
SILVA, R.. Movimentos Hip Hop: Estética Afro-latino-Americana entre fronteiras. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
SILVA, R.. América La Tinha: (re) definindo fronteiras. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

10.
SILVA, R.. Estéticas afro-latino-americanas: o rap como agência cultural de letramento de reexistência. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
SILVA, R.; SOUZA, A. M. . Estéticas afro-latino-americanas: o rap nos espaços virtuais. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Cone Sul, Fonte Estratégica de Alimentos para a Humanidade ? Alimento, Bem-estar, Sociedade ? Desafios e Oportunidades. 2015. (Seminário).

2.
I Encontro Internacional de Política Externa Latino Americana (EIPELA).A Política Externa da República Cooperativa da Guiana. 2015. (Encontro).

3.
II COPENE SUL - Congresso das/os Pesquisadoras/es Negras/os da Região Sul. Políticas Públicas de Ações Afirmativas no Brasil e Colômbia. 2015. (Congresso).

4.
II COPENE SUL - Congresso das/os Pesquisadoras/es Negras/os da Região Sul. 2015. (Congresso).

5.
III Encontro Internacional de Mediação Cultural.Mesa-redonda: Políticas Afirmativas, histórias e culturas africanas. 2015. (Encontro).

6.
Olhares historiográficos sobre a América Latina. 2015. (Seminário).

7.
Seminário Internacional Reservas da Biosfera, Conservação da Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável da Pan-Amazônia. 2015. (Seminário).

8.
Abertura da XLVIII Reunião do CONERI ? Conselho Nacional dos Estudantes de Relações Internacionais,. 2014. (Encontro).

9.
CATEDRA EDISON CARNEIRO: HISTÓRIA AFRO- LATINO-AMERICANA. 2014. (Seminário).

10.
III Encontro de Iniciação Científica da Unila -.Movimentos Hip Hop: Estética Afro-latino-Americana entre fronteiras. 2014. (Encontro).

11.
IV Jornadas Internacionais de Problemas Latino-Americanos - América Latina: lutas, experiências e debates por uma integração dos povos. 2014. (Seminário).

12.
Palestra:" Crisis sistémicas, desordem mundial, financiación: desafíos y oportunidades para Brasil" - Marcos Costa Lima.. 2014. (Encontro).

13.
VIII Congresso Brasileiro de Pesquisadores/as Negros/as.. A identidade negra no Movimento hip hop entre fronteiras. 2014. (Congresso).

14.
VIII CONGRESSO BRASILEIRO DE PESQUISADORES(AS) NEGROS(AS) - AÇÕES AFIRMATIVAS: CIDADANIA, RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS. 2014. (Congresso).

15.
XXVI Encontro Regional dos Estudantes de Ciencias Sociais ? ERECS/ SUL 2014.Movimento ? O Hip Hop redefinindo suas fronteiras: debates sobre marginalização social. 2014. (Encontro).

16.
XXVI Encontro Regional dos Estudantes de Ciencias Sociais ? ERECS/ SUL 2014.Grupo de Trabalho: Formação socio-histórica brasileira. 2014. (Encontro).

17.
Cátedra Latino-Americana Raul Fernandes de Direito Internacional. 2013. (Encontro).

18.
Encontro Cultivando Água Boa - o futuro no presente. 2013. (Encontro).

19.
II Encontro de Iniciação Científica da UNILA.Estéticas afro-latino-americanas: o rap como agência cultural de letramento de reexistência. 2013. (Encontro).

20.
II Fórum Mundial de Desenvolvimento Econômico Local. 2013. (Encontro).

21.
I Seminário de Extensão da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (SEUNI).América La Tinha: (re) definindo fronteiras. 2013. (Seminário).

22.
I Seminário de Extensão da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (SEUNI). 2013. (Seminário).

23.
Seminário de Estudos Latino-Americanos: Interpretando os Andes: Novos paradigmas para o século XXI. 2013. (Seminário).

24.
VII Encontro Regional Sul de História Oral "História Oral e a Integração Latino-Americana". 2013. (Encontro).

25.
I Encontro de Iniciação Científica e de Extensão da UNILA.Estéticas afro-latino-americanas: o rap nos espaços virtuais. 2012. (Encontro).

26.
I Colóquio Capitalismo e Produção Simbólica. 2011. (Encontro).

27.
I Congresso Internacional de Estudos do Léxico. 2011. (Congresso).

28.
VI Congresso Internacional Roa Bastos - Arquivos de Fronteira. 2011. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LIMA JUNIOR, A. M. ; MARCELINO, B.C.A. ; PEREIRA, C. P. T. ; THURLER, D. ; INCHAUSPE, I. V. ; MARCELINO, Isac Morais Lages ; MACHADO, J. P. ; HERMMANN, M. B. ; SILVEIRA, R. R. P. ; SEGOVIA, R. C. ; SILVA, Ronaldo. . II Encontro Humanístico Multidisciplinar e I Congresso Latino-Americano de Estudos Humanísticos Multidisciplinares. 2016. (Congresso).

2.
SILVA, R.. I SEMINÁRIO DE DIÁLOGOS EM ARTE E INTERCULTURALIDADE DA UNILA. 2011. (Outro).

3.
SILVA, R.. VI Congresso Internacional Roa Bastos: Arquivos de Fronteira. 2011. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/10/2018 às 9:55:30