Jordana Cristina Oliveira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2170205301846759
  • Última atualização do currículo em 21/08/2017


Doutoranda do programa de Ciências Biológicas na área de Ciências Farmacêuticas da Universidade Federal de Goiás (UFG). Mestre em Ciências pela Universidade de São Paulo - USP no programa de Ciências (Relação Patógeno - Hospedeiro) no departamento de Parasitologia do Instituto de Ciências Biomédicas - ICB II com o trabalho intitulado "Desenvolvimento de estratégias alternativas para teste de drogas: obtenção e caracterização de linhagens mutantes estáveis de Leishmania expressando luciferase" financiado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Bacharel em Biomedicina e especialista em docência no ensino superior pelo Centro Universitário do Sul de Minas - UNIS/MG, na cidade de Varginha-MG. Foi bolsista por dois anos no programa de Iniciação Científica financiado pela Fundação de Amparo a Pesquisa de Minas Gerais - FAPEMIG, participou de projetos voluntários e realizou estágios em laboratórios de Análises Clínicas. Tem experiência em testes de sensibilidade de compostos e fármacos, técnicas de Biologia Molecular, cultura celular, testes em animais, testes de bioluminescência, rotina em laboratório de Análises Clínicas e Agência Transfusional. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Jordana Cristina Oliveira
Nome em citações bibliográficas
OLIVEIRA, J. C.;OLIVEIRA, JORDANA C.


Formação acadêmica/titulação


2016
Doutorado em andamento em CIÊNCIAS BIOLÓGICAS.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Título: Planejamento, síntese e avaliação farmacológica de novos candidatos a protótipos de fármacos anti-inflamatórios, desenhados a partir do protótipo LQFM 015,
Orientador: Ricardo Menegatti.
Coorientador: Elson Alves Costa.
Palavras-chave: Anti-inflamatórios; LQFM015; Protótipos.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Orgânica / Especialidade: Síntese Orgânica.
2012 - 2014
Mestrado em Ciências (Biologia da Relação Patógeno-Hospedeiro)pgbmp@icb.usp.br.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Desenvolvimento de estratégias alternativas para teste de drogas: obtenção e caracterização de linhagens mutantes estáveis de Leishmania expressando luciferase,Ano de Obtenção: 2014.
Orientador: Silvia Reni Bortolin Uliana.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2012 - 2014
Especialização em Docência no Ensino Superior. (Carga Horária: 420h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
Título: A INTERDISCIPLINARIDADE NAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS.
2008 - 2011
Graduação em BIOMEDICINA.
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
Título: Atualização dos principais mecanismos de resistência bacteriano.
Orientador: Amilton Marques.




Formação Complementar


2014 - 2014
Uso de Animais de experimentação. (Carga horária: 10h).
Instituto de Ciências Biomédicas - USP, ICB - USP, Brasil.
2012 - 2012
Cuidados e Manejo de Animais de Experimentação. (Carga horária: 20h).
Instuição de Ciências Biomédicas - Universidade de São Paulo, ICB - USP, Brasil.
2011 - 2011
Inglês.
Wizard Brasil, WIZARD, Brasil.
2011 - 2011
Estagio supervisionado em Análises Clínicas. (Carga horária: 300h).
Escola de Sargentos das Armas, ESSA, Brasil.
2010 - 2011
Estagio supervisionado em Análises Clínicas. (Carga horária: 628h).
Secretaria Municipal de Saúde - Três Corações MG., CEAM, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em Extensão universitária em Viva Bem com Saúde Na Me. (Carga horária: 16h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em Projeto Interdisciplinar - Viver bem com a idade. (Carga horária: 12h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em Sistemas de Gestão para a Área de Saúde. (Carga horária: 3h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em Sistema de Gestão para Clínicas de Saúde. (Carga horária: 1h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
2010 - 2010
Caracterização molecular - Schistosoma mansoni. (Carga horária: 4h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
2010 - 2010
Perícia Criminal. (Carga horária: 100h).
Associação Brasileira de Educação a Distância, ABED, Brasil.
2010 - 2010
Caracterização Molecular de Cryptococcus spp. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal do Triângulo Mineiro, UFTM, Brasil.
2010 - 2010
Curso de Análise Forense de DNA.. (Carga horária: 12h).
Renova Cursos, RENOVA CURSOS, Brasil.
2009 - 2009
Interpretação de Exames Laboratoriais e Tratamento. (Carga horária: 8h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
2009 - 2009
Biotecnologia. (Carga horária: 100h).
Associação Brasileira de Educação a Distância, ABED, Brasil.
2009 - 2009
Cursos Laboratoriais. (Carga horária: 4h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
2009 - 2009
Análise Microbiológica e fisico-química da água. (Carga horária: 4h).
Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Aluno Pós-Graduação (Mestrado), Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Aluna-Estagiária, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Atuo como estagiária no Instituto de Ciências Biomédicas - ICB II, na Universidade de São Paulo como pré-requisito para a entrada na pós-graduação no departamento de parasitologia.


Escola de Sargentos das Armas, ESSA, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiária Laboratório de Análises Clínicas, Carga horária: 20
Outras informações
Estagiária no laboratório de Análises Clínicas da Escola de Sargentos das Armas, atuando nas diversas áreas dentro do laboratório, como Microbiologia, Urinálise, Parasitologia, Imunologia, Hematologia e bioquímica.


Secretaria Municipal de Saúde - Três Corações MG., CEAM, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estudante, Carga horária: 40
Outras informações
Estágiária no laboratório de Análises Clínicas da prefeitura de Três Corações, exercendo as atividades em diversas áreas como no setor de imunologia, bioquímica, parasitologia, urinálise, hematologia e coleta de sangue.


Centro Universitário do Sul de Minas, UNIS/MG, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Trabalho voluntário, Enquadramento Funcional: Voluntaria, Carga horária: 5

Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Aluna - Pesquisadora, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: PESQUISADORA, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Trabalho voluntário, Enquadramento Funcional: Voluntária, Carga horária: 4
Outras informações
Trabalho voluntário no projeto Rua de Lazer oferecido pelo UNIS/MG, atuando em diversas áreas com a finalidade de levar informação e diversão as cidades do sul de Minas Gerais.



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Planejamento, síntese e avaliação farmacológica de novos candidatos a protótipos de fármacos anti-inflamatórios, desenhados a partir do protótipo LQFM 015
Descrição: As doenças inflamatórias constituem um grupo complexo e heterogêneo de doenças. Este projeto busca o planejamento, a síntese e a avaliação de novos candidatos a protótipos de fármacos com ação anti-inflamatória, bem como a verificação dos seus mecanismos de ação..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Jordana Cristina Oliveira - Integrante / Ricardo Menegatti - Coordenador / Elson Alves Costa - Integrante.
2012 - 2014
Desenvolvimento de estratégias alternativas para teste de drogas: obtenção e caracterização de linhagens mutantes estáveis de Leishmania expressando luciferase
Descrição: As leishmanioses são antropozoonozes, de ocorrência mundial, representando um complexo de doenças com espectros clínicos e diversidade epidemiológica. Estima-se que por ano ocorram 2 milhões de novos casos no mundo, com aproximadamente 12 milhões de pessoas atualmente afetadas pela doença. Atualmente a terapêutica desta doença é um grande problema mundial. Os testes para a descoberta de novas drogas, que sejam ativas contra leishmânias são complexos, demorados e de alto custo, sendo necessária a criação ou reformulação das estratégias disponíveis com o objetivo de facilitar a observação de resultados. Uma maneira de simplificar todo esse processo seria utilizar leishmânias mutantes, que expressassem uma proteína que pudesse ser facilmente detectada, tanto em ensaios in vitro como in vivo. Um dos marcadores que tem sido utilizado para essas aplicações é a enzima luciferase. Em nosso laboratório foram produzidos anteriormente mutantes de Leishmania expressores de luciferase a partir de epissomos, mas a expressão por epissomos possuem algumas desvantagens, como a perda de expressão ?in vivo? e a impossibilidade da expressão em Leishmania (Viannia) braziliensis por causa da maquinaria de RNAi (RNA de interferência) intacta. Por essas razões, nos propusemos a produzir linhagens de L. (V.) braziliensis e L. (L.) amazonensis expressoras de luciferase de forma estável pelo método de recombinação homóloga, para utilização em testes de sensibilidade a drogas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2011
ESTUDO DA PROTEÍNA C REATIVA E FATOR REUMATOIDE EM TRABALHADORES EXPOSTOS À SÍLICA NA CIDADE DE SÃO THOMÉ DAS LETRAS
Descrição: São Thomé das Letras é uma cidade turística de Minas Gerais sendo a principal exportadora de quartzo do Brasil, cerca de 4 mil operários trabalham em mineradores localizadas na região. A atividade mineradora gera toneladas de pó de pedra e de sílica, sendo estes os causadores de uma doença irreversível chamada silicose. A inalação dessas micro-partículas (aerodispersóides) e sua permanência nos pulmões provocam uma reação inflamatória, resultando na perda da elasticidade pulmonar, marcada pela presença de nódulos silicóticos. A doença é irreversível e não possui nenhuma forma de tratamento eficaz até o presente momento e o diagnóstico é feito através da clínica e do histórico ocupacional do paciente, juntamente com achados radiológicos. Além das complicações que o portador da doença apresenta como tosse, falta de ar, dores nas costas e principalmente a incapacidade de trabalhar, o individuo pode vir a manifestar outras doenças de origem auto-imune, pois vários estudos tem correlacionado a possível ligação entre a exposição ocupacional a poeira cristalina da sílica com doenças que apresentam auto imunidade. Diante de tais informações científicas, é de extrema relevância avaliar a situação dos trabalhadores de mineradora expostos à sílica. Portanto, no presente estudo, foram avaliados as dosagens de proteína C reativa e fator reumatóide em 24 trabalhadores localizados em mineradora de São Thomé das Letras, com o intuito de avaliar se a exposição ocupacional esta gerando algum processo inflamatório e se o fator reumatóide encontra-se ativo na corrente sanguínea..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Jordana Cristina Oliveira - Integrante / Giulia Maria de Castro Bani - Integrante / Amilton Marques - Integrante / Thiago Franco Nasser - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
2010 - 2011
Avaliação da Atividade antimicrobiana do extrato e tintura de ipê roxo sobre microrganismos produtores de β ? Lactamases de Espectro Estendido (ESBL).
Descrição: Um dos principais problemas da saúde publica nos dias atuais, é o crescente aparecimento de cepas de microrganismos resistentes a diversos agentes antimicrobianos. Este problema está principalmente ligado ao âmbito hospitalar, levando a sérias dificuldades no tratamento de pacientes hospitalizados com infecções bacterianas e fúngicas. Dentre os vários mecanismos de resistência bacteriana, a produção de β ? lactamases é um dos mais importantes e principais envolvendo as bactérias Gram-negativas. (DADE BEHRING LTDA, 2004 apud MENEZES et al, 2007). Esta é uma enzima capaz de catalizar a hidrólise do anel β - lactâmico levando a impossibilidade da atividade antimicrobiana. As β ? lactamases de espectro ampliado (ESBL) são resultantes de mutações das enzimas classicas (TEM-1 e SHV-1). E microrganismos desta natureza tem sido cada vez mais responsavel por infecções hospitares severas que muitas vezes causam óbito. Dentre as bactérias mais comuns produtoras de ESBL estão as enterobatérias. (TAVARES, 2002 apud MENEZES et al, 2007). Na tentativa de conseguir novos princípios ativos que sejam eficazes ao combate as infecções causadas por bactérias produtoras de ESBL, vários pesquisadores estão voltados para a pesquisa com plantas e produtos naturais, já que o Brasil apresenta grande destaque com a riqueza em sua flora. A árvore ipê roxo é grande alvo destas pesquisas, por ter resultados positivos a diversas linhas de estudos farmacêuticos. As propriedades da tinturae do extrato serão testadas sobre as bactérias produtoras de β ? lactamases de espectro estendido (ESBL) isoladas em ambiente hospitalar. Os testes serão realizados in vitro, utilizando o método de Kirby-Bauer, Concentração inibitoria minima (CIM)e double-disk-synergy (DDS) (CLSI, 2009).
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Jordana Cristina Oliveira - Integrante / Giulia Maria de Castro Bani - Integrante / Amilton Marques - Coordenador / Thiago Franco Nasser - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
2010 - 2010
AVALIAÇÃO IN VITRO DO EXTRATO HIDROALCOÓLICO E EXTRATO FLUÍDO DO IPÊ ROXO SOBRE O CRESCIMENTO MICROBIANO
Descrição: O amento da resistência microbiana frente a vários fármacos faz com que haja a atuação de novos profissionais envolvidos em pesquisas que procurem produtos naturais que sejam eficazes frente a microrganismos resistentes. Devido a este fato, foi realizado um estudo de cunho científico que tem como o principal objetivo verificar a ação antifúngica e antibacteriana dos produtos derivados da árvore ipê roxo, como: extrato fluído e tintura. Os microrganismos testados foram: a levedura Cândida albicans e as bactérias Staphylococcus aureus e Escherichia coli. Estes microrganismos apresentam grande resistência a diversos fármacos, o que caracteriza a grande prevalência de infecções no âmbito hospitalar. A avaliação antimicrobiana foi realizada através do teste de difusão em ágar pelo método de Kimber e Bauer, também chamado de difusão em placas que relaciona o tamanho da zona de inibição de crescimento do microrganismo desafiado com a concentração da substância ensaiada. Frente aos testes realizados, os resultados obtidos foram que a bactéria Staphylococcus aureus apresenta maior inibição em se comparando com os outros microrganismos, seguindo pela levedura Candida albicans, que apresentou halos de inibição significativos e, por ultimo, a Escherichia coli, que não foi inibida pela ação dos produtos extrato fluido e tintura da árvore Ipê roxo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Jordana Cristina Oliveira - Integrante / Giulia Maria de Castro Bani - Integrante / OSWALDO HENRIQUE BAROLLI REIS - Integrante / Amilton Marques - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2014
Award to oral presentation entitled "Generation of luciferase-expressing Leishmania infantum chagasi: assessing miltefosine efficacy in infected hamsters through intravital microscopy", Brazilian Society of Protozoolog..
2012
Honra ao Mérito Universitário, Centro Universitário do Sul de Minas - UNIS/MG.
2012
Test of English for Academic Purposes - Possui certificação na língua inglesa, TesePrime.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
COELHO, A. C.2016COELHO, A. C. ; OLIVEIRA, J. C. ; ESPADA, C. R. ; TRINCONI, C. M. ; REIMAO, J. Q. ; ULIANA, S. R. B. . A Luciferase-Expressing Leishmania braziliensis Line that Leads to Sustained Skin Lesions in BALB/c Mice and Allows Monitoring of Miltefosine Treatment Outcome. PLoS Neglected Tropical Diseases, v. 10, p. e0004660, 2016.

2.
REIMÃO, JULIANA Q.2015 REIMÃO, JULIANA Q. ; OLIVEIRA, JORDANA C. ; TRINCONI, CRISTIANA T. ; COTRIM, PAULO C. ; COELHO, ADRIANO C. ; ULIANA, SILVIA R. B. . Generation of Luciferase-Expressing Leishmania infantum chagasi and Assessment of Miltefosine Efficacy in Infected Hamsters through Bioimaging. PLoS Neglected Tropical Diseases (Online), v. 9, p. e0003556, 2015.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
REIS, L. C. ; RAMOS-SANCHEZ, E. M. ; TRINCONI, CRISTIANA T. ; OLIVEIRA, J. C. ; ULIANA, S. R. B. ; GOTO, H. . TH2-SKEWED RESPONSE DEPENDS ON INSULIN-LIKE GROWTH FACTOR I IN LEISHMANIA (LEISHMANIA) MAJOR INFECTION. In: XL Congress of the Brazilian Society of Immunology, 2015, Guarujá. TH2-SKEWED RESPONSE DEPENDS ON INSULIN-LIKE GROWTH FACTOR I IN LEISHMANIA (LEISHMANIA) MAJOR INFECTION, 2015.

2.
REIMAO, J. Q. ; TRINCONI, C. M. ; OLIVEIRA, J. C. ; YASUNAKA, J. K. U. Y. ; MIGUEL, D. C. ; ULIANA, S. R. B. . Comparative analysis of the parasite burden in infections by Leishmania (Leishmania) amazonensis determnined by luciferase detections and classical methods. In: WorldLeish5 - Fifth World Congress on Leishmaniasis, 2013, Porto de Galinhas. Comparative analysis of the parasite burden in infections by Leishmania (Leishmania) amazonensis determnined by luciferase detections and classical methods, 2013. v. 01.

3.
REIMAO, J. Q. ; TRINCONI, CRISTIANA T. ; OLIVEIRA, J. C. ; YASUNAKA, J. K. U. Y. ; MIGUEL, D. C. ; ULIANA, SILVIA R. B. . EVALUATION OF ANFOTERICIN B AND TAMOXIFEN IN COMBINED THERAPEUTIC SCHEMES FOR CUTANEOUS LEISHMANIASIS.. In: WORLDLEISH 5, 2013, Porto de Galinhas. worldleish, 2013. v. 1. p. 514-515.

Apresentações de Trabalho
1.
OLIVEIRA, J. C.. Leishmania expressando luciferase como alternativa para testes de fármacos. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
COELHO, A. C. ; OLIVEIRA, J. C. ; ESPADA, C. R. ; TRINCONI, C. M. ; ULIANA, SILVIA R. B. . INVESTIGATION OF MILTEFOSINE EFFICACY IN A MOUSE MODEL OF INFECTION WITH LUCIFERASE-EXPRESSING LEISHMANIA BRAZILIENSIS. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
REIMÃO, JULIANA Q. ; OLIVEIRA, J. C. ; TRINCONI, C. M. ; COTRIM, P. C. ; ULIANA, SILVIA R. B. . GENERATION OF LUCIFERASE-EXPRESSING LEISHMANIA INFANTUM CHAGASI: ASSESSING MILTEFOSINE EFFICACY IN INFECTED HAMSTERS THROUGH INTRAVITAL MICROSCOPY. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
OLIVEIRA, J. C.; BANI, G. M. C. ; MARQUES, Amilton . Avaliação da Atividade antimicrobiana do extrato e tintura de ipê roxo sobre microganismos produtores de b - lactamases de espetro ampliado (ESBL). 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
BANI, G. M. C. ; OLIVEIRA, J. C. ; MARQUES, Amilton ; Nasser, T. F. . ESTUDO DA PROTEÍNA C REATIVA E FATOR REUMATOIDE EM TRABALHADORES EXPOSTOS À SÍLICA NA CIDADE DE SÃO THOMÉ DAS LETRAS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
OLIVEIRA, J. C.; BANI, G. M. C. ; MARQUES, Amilton . AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTIMICROBIANA DO EXTRATO E TINTURA DE IPÊ ROXO SOBRE MICRORGANISMOS PRODUTORES DE Β ? LACTAMASES DE ESPETRO AMPLIADO (ESBL).. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

7.
OLIVEIRA, J. C.; BANI, G. M. C. ; MARQUES, Amilton ; REIS, O. H. Barolli . ATIVIDADE ANTIMICROBIANA IN VITRO DO EXTRATO HIDROALCOOLICO E TINTURA DO IPÊ ROXO. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Alcantara, A. M. P. P; OLIVEIRA, J. C.; CARNEIRO, P. A. P.. Participação em banca de Danielle Caroline Ap. S. Melo.IDENTIFICAÇÃO DE MANCHA DE SANGUE POR QUIMILUMINESCÊNCIA EM HOMICÍDIO: RELATO DE CASO. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Centro Universitário do Sul de Minas.

2.
PAIVA, P. M. H.; OLIVEIRA, J. C.; GRAZIANI, S.. Participação em banca de Luiza Ferreira Maffud.PREVALENCIA DE INFECÇÕES HOSPITALARES POR Staphylococcus aureus RESISTENTES À OXACILINA (ORSA). 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Centro Universitário do Sul de Minas.

3.
DELU FILHO, N.; OLIVEIRA, J. C.; Nasser, T. F.. Participação em banca de Geneiville Abreu da Silva.APICAÇÕES DA TERAPIA GÊNICA NA SAÚDE HUMANA2015. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Centro Universitário do Sul de Minas.

4.
Alcantara, A. M. P. P; OLIVEIRA, J. C.. Participação em banca de Ana Carolina Alves dos Reis.PERFIL DE UTILIZAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS POR MORADORES DA ZONA RURAL DO MUNICÍPIO DE SÃO GONÇALO DO SAPUCAÍ-MG. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Centro Universitário do Sul de Minas.

5.
MARQUES, Amilton; PAIVA, P. M. H.; OLIVEIRA, J. C.. Participação em banca de Claudia Morais Pereira.NÍVEIS DE FERRO SÉRICO ENCONTRADOS EM IDOSOS DE UM ASILO DA CIDADE DE CAMBUQUIRA ? MG. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Centro Universitário do Sul de Minas.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Congresso Internacional "O mundo em Suas Mãos". 2015. (Congresso).

2.
I Congresso Internacional "O mundo em Suas Mãos". Empreendedorismo e Inovação "Leishmania expressando luciferase como alternativa para testes de fármacos.". 2015. (Congresso).

3.
I Simpósio de profilaxia e tratamento de doenças causadas por tripanossomatídeos. 2014. (Simpósio).

4.
14º Encontro Nacional de Biomedicina.ATIVIDADE ANTIMICROBIANA IN VITRO DO EXTRATO HIDROALCOOLICO E TINTURA DO IPÊ ROXO. 2011. (Encontro).

5.
Desenvolvimento Científico e Tecnológico- Prêmio Peter Muraniy.Atividade antimicrobiana in vitro do extrato hidroalcoolico e tintura do ipê roxo. 2011. (Outra).

6.
IX Encontro de Iniciação Cientifica.Avaliação da Atividade antimicrobiana do extrato e tintura de ipê roxo sobre microganismos produtores de lactamases de espetro ampliado (ESBL). 2011. (Seminário).

7.
IX Encontro de Iniciação Cientifica.AVALIAÇÃO DOS TRABALHADORES EXPOSTOS À SÍLICA NO MUNICÍPIO DE SÃO THOMÉ DAS LETRAS: Análises citológicas e imunológicas. 2011. (Seminário).

8.
Artefatos em Imagens de Ressonância Magnética. 2010. (Encontro).

9.
Sistema de Gestão para Clínicas de Saúde.. 2010. (Outra).

10.
Sistemas de Gestão para a Área de Saúde. 2010. (Outra).

11.
VII Encontro Mineiro de Biomedicina. 2010. (Encontro).

12.
VIII Encontro de Iniciação Cientifica.Efeitos In vitro do Óleo Essencial, Extrato Fluído e Tintura da Árvore Ipê Roxo sobre o crescimento Microbiano. 2010. (Encontro).

13.
VIII Encontro de Iniciação Cientifica.Efeitos In vitro do Óleo Essencial, Extrato Fluído e Tintura da Árvore Ipê Roxo sobre o crescimento Microbiano. 2010. (Encontro).

14.
VIII Encontro de Iniciação Cientifica.Avaliação do Efeito Antimicrobiano dos Produtos Derivados da Árvore Ipê Roxo em Ratos Infectados por Microrganismos Multiresistentes. 2010. (Encontro).

15.
VII Encontro de Iniciação Cientifica.Efeitos in vitro do Óleo Essencial da Casaca da Árvore Ipê Roxo Sobre o Crescimento da Levedura Candida albicans. 2009. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
OLIVEIRA, J. C.; OLIVEIRA, E. C. ; OLIVÉ, A. N. ; MELLO, J. M. ; FLORIANO, V. ; BANI, G. M. C. ; SANTOS, K. A. . V Jornada de Biomedicina do Centro Universitário do Sul de Minas.. 2011. (Congresso).



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
OLIVEIRA, J. C.. Leishmania expressando luciferase como alternativa para testes de fármacos. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/12/2018 às 10:37:42