Montie Bryan Pitts Jr

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7275152004617355
  • Última atualização do currículo em 03/10/2018


Vice-diretor do Center for Latin American and Caribbean Studies na Indiana University. Pós-doutorado no Latin American Studies Institute da University of Georgia (2015-2018). Bolsista de pós-doutorado Fulbright na Universidade de Brasília (UnB), vinculado ao Instituto de Ciência Política (IPOL), e ao Centro de Formação (Cefor) da Câmara dos Deputados (2015). Artigos publicados na Hispanic American Historical Review (2012) e Revista Brasileira de História (2014). Coordenou o projeto Som e Política da Duke-Brazil Initiative da Duke University, que usa gravações de sessões da Câmara dos Deputados como ponto de partida para uma reflexão sobre as fontes aurais. Possui doutorado em História pela Duke University (2013) and mestrado em Estudos Latinoamericanos pela Vanderbilt University (2006). Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil República, História da América Latina Contemporânea e História da Sexualidade, e faz pesquisa principalmente nos seguintes temas: Ditadura Militar no Brasil, Cultura Política no Brasil, História Aural e Raça e Sexualidades no Brasil. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Montie Bryan Pitts Jr
Nome em citações bibliográficas
Pitts, B.;PITTS, BRYAN

Endereço


Endereço Profissional
Indiana University, Center for Latin American and Caribbean Studies.
School of Global and International Studies
355 N. Jordan Ave.
47405 - Bloomington, - Estados Unidos
Telefone: (812) 8558920


Formação acadêmica/titulação


2006 - 2013
Doutorado em História.
Duke University, DU, Estados Unidos.
Título: The Inadvertent Opposition: The São Paulo Political Class and the Demise of Brazil's Military Regime, 1968-1985, Ano de obtenção: 2013.
Orientador: John D. French.
Bolsista do(a): Duke University, DU, Estados Unidos.
Palavras-chave: ditadura militar; São Paulo; classe política; partidos políticos; transição democrática.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil.
2004 - 2006
Mestrado em Estudos Latinoamericanos.
Vanderbilt University, VANDERBILT, Estados Unidos.
Título: Forging Ethnic Identity Through Faith: Religion and the Syrian-Lebanese Community in São Paulo,Ano de Obtenção: 2006.
Orientador: Jane G. Landers.
Bolsista do(a): Vanderbilt University, VU, Estados Unidos.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.
1997 - 2001
Graduação em Teologia.
Oral Roberts University, ORU, Estados Unidos.
Título: That Man Might Become God: The Orthodox Doctrine of Deification.
Orientador: James B. Shelton.
Bolsista do(a): Oral Roberts University, ORJ, Estados Unidos.


Pós-doutorado


2015
Pós-Doutorado.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Bolsista do(a): Fulbright Commission, FC, Estados Unidos.
Grande área: Ciências Humanas
2015 - 2018
Pós-Doutorado.
University of Georgia, UGA, Estados Unidos.
Bolsista do(a): UGA Portuguese Flagship, PFP, Estados Unidos.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Língua Portuguesa.


Formação Complementar


2005 - 2005
Portugues avançado para estrangeiros.
Instituto Brasil-Estados Unidos, IBEU, Brasil.


Atuação Profissional



Indiana University, IU Bloomington, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Academic Specialist, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2018 - Atual
Direção e administração, Center for Latin American and Caribbean Studies, .

Cargo ou função
Vice-diretor.
01/2018 - Atual
Ensino, Estudos Latino-Americanos, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução aos Estudos Pós-Graduados em Estudos Latino-americanos e Caribenhos

University of Georgia, UGA, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2015 - 2018
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pós-doutorando em Estudos Latino-Americanos, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2017 - 12/2017
Direção e administração, Latin American and Caribbean Studies Institute, .

Cargo ou função
Program Co-Director.
08/2015 - 12/2017
Ensino, Estudos Latino-Americanos, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América Latina Colonial
Raça e Classe no Brasil
Política e Cultura Política Brasileira
Introdução aos Estudos Latino-americanos

Duke University, DUKE, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor Visitante, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2011 - 12/2014
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Brasil Global
Ditadura, Democracia e Memória na América Latina
História da América Latina Pós-Independência
História da América Latinia Colonial
História Global da Sexualidade
Introdução á América Latina Contemporânea
Afro-Brasil


Projetos de pesquisa


2014 - Atual
O som e a política: história, metodologia e o Arquivo Sonoro da Câmara dos Deputados
Descrição: O que muda para o historiador quando as fontes são escutadas e não lidas? Este projeto buscar oferecer possíveis soluções a esta pergunta, utilizando como fonte o Arquivo Sonoro da Câmara dos Deputados, que contém mais de 125.000 de gravações de sessôes de plenário e comissões, desde a década de 60. Diferentemente da historiografia recente, que tende a utilizar fontes documentais para falar sobre o som, este projeto privilegia a fonte aúdio, enfatizando aspectos como volume, intonação e sotaque para construir uma história aural da política brasileira..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Montie Bryan Pitts Jr - Coordenador / Yahn Wagner Pinto - Integrante / Madeleine Roberts - Integrante.Financiador(es): Andrew W. Mellon Foundation - Remuneração.
2009 - Atual
A oposição não-intencional: a classe política paulista e a queda do regime militar brasileiro, 1968-1985
Descrição: O livro investiga o papel não intencional, mas ainda decisivo, da ?classe política? civil na queda da ditadura militar. Enquanto a maioria dos estudos da democratização brasileira enfatizam a resistência da sociedade civil, ou a iniciativa das próprias Forças Armadas, o meu projeto analisa como o ressentimento das elites políticas com a tutela militar e sua eventual aceitação, ainda hesitante, da mobilização popular, contribuíram a desestabilizar o regime, culminando no estabelecimento da democracia. Parte da hipótese de que um estudo, informado pela cultura, das atitudes e comportamentos das elites políticas, complementa estudos anteriores fundamentadas na análise de instituições que utilizam argumentos estruturais ou de escolha racional para explicitar a queda do regime..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: North American Congress on Latin America


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América/Especialidade: História Latino-Americana.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil República.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Moderna e Contemporânea.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2013
LASA Brazil Section Article Prize (Honorable Mention), Latin American Studies Association Brazil Section.
2010
John M. Tolman Award for Graduate Students, Brazilian Studies Association (BRASA).


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
PITTS, BRYAN2014PITTS, BRYAN. 'O sangue da mocidade está correndo': a classe política e seus filhos enfrentam os militares em 1968. Revista Brasileira de História (Online), v. 34, p. 39-65, 2014.

2.
Pitts, B.;PITTS, BRYAN2012 Pitts, B.. The Audacity to Strong-Arm the Generals: Paulo Maluf and the 1978 Sao Paulo Gubernatorial Contest. The Hispanic American Historical Review, v. 92, p. 471-505, 2012.

Capítulos de livros publicados
1.
Pitts, B.. ?Je veux élire mon président?: mobilisation populaire, classe politique et chute du régime militaire, 1984-1985. In: Monica Schpun; James N. Green. (Org.). 1964: La dictature brésilienne et sons legs. 1ed.Paris: Le Poisson Volant, 2018, v. , p. 399-415.

2.
Pitts, B.. O funeral da democracia: o caso Moreira Alves, a cultura política das elites e o estabelecimento de uma ditadura no Brasil. In: José D'Amico Bauab. (Org.). Paulistânia eleitoral: ensaios, memórias, imagens. 1ed.São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2011, v. , p. 285-300.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
Pitts, B.. Turning Likes into Votes. North American Congress on Latin America, New York, 03 out. 2018.

2.
Pitts, B.; IORIS, R. ; MIER, B. . Lula?s Arrest and the True State of the Brazilian Left. North American Congress on Latin America, New York, 13 abr. 2018.

3.
Pitts, B.. Vengeance Masquerading as Justice. North American Congress on Latin America, New York, 05 fev. 2018.

4.
Pitts, B.; JOYCE, R. ; SHEPTAK, R. ; HETHERINGTON, K. ; CASTILLO, M. ; IORIS, R. . 21st-Century Golpismo: A NACLA Roundtable. NACLA Report on the Americas, p. 334 - 345, 02 dez. 2016.

5.
PITTS, BRYAN. Bigger than Ever? Not So Fast. North American Congress on Latin America, 13 abr. 2015.

6.
IORIS, R. ; PITTS, BRYAN . Nossa guinada conservadora. O Estado de S. Paulo, São Paulo, 13 abr. 2015.

7.
PITTS, BRYAN. Who?s Protesting in Brazil, and Why?. North American Congress on Latin America, 09 abr. 2015.

8.
Pitts, B.. Elogiar, esquecer ou aprender. Brasil Post, 30 mar. 2014.

9.
Pitts, B.. A história do historiador: Vozes do passado. Revista de História, Rio de Janeiro, 01 fev. 2014.

Apresentações de Trabalho
1.
Pitts, B.. Como sabemos o que sabemos? A contribuição do historiador à metodologia científica. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

2.
Pitts, B.. O som e a política: história, metodologia e o Arquivo Sonoro da Câmara dos Deputados. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
Pitts, B.; JARRIN, A. . A reversão do olhar: turistas brasileiros gays e a construção do próprio pelos olhos do Outro. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
Pitts, B.. O Congresso nas ruas: classe política e mobilização popular, 1968 e 1980. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
Pitts, B.. O som e a furia: o Congresso brasileiro se encontra com House of Cards. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
Pitts, B.. O Peru pre-conquista e colonial. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
Pitts, B.. O Peru pós-independência. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

8.
Pitts, B.; JARRIN, A. . A branqueza exótica: turistas brasileiros gays e o Outro euro-americano. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
Pitts, B.. Como sabemos o que sabemos? A contribuição do historiador à metodologia científica. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

10.
Pitts, B.. 'Não podemos pensar a democracia como pensamos no passado': Fernando Henrique Cardoso, as greves do ABC e a recriação da cultura política da elite paulista, 1978-1980. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
Pitts, B.. ?Eu quero votar pra presidente:' Os políticos, a mobilização popular e a sucessão presidencial de 1984-1985. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
Pitts, B.. ?Eu quero votar pra presidente:' Os políticos, a mobilização popular e a sucessão presidencial de 1984-1985. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
Pitts, B.. 'Pirocudos, Quentes e Safados na Cama': Negritude, Desejo e Política Identitária numa Revista Gay Brasileira, 1997-2008. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
Pitts, B.. Viver é preciso: a anticandidatura de Ulysses Guimarães e a prática quotidiana da política no Brasil ditatorial. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
Pitts, B.. 'Não podemos pensar a democracia como pensamos no passado': Fernando Henrique Cardoso, as greves do ABC e a recriação da cultura política da elite paulista, 1978-1980. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

16.
Pitts, B.. 'Não podemos pensar a democracia como pensamos no passado': Fernando Henrique Cardoso, as greves do ABC e a recriação da cultura política da elite paulista, 1978-1980. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
Pitts, B.. Conceitualizando a classe política na ditadura militar: o crescimento do MDB interpretado por meio da teoria das elites. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

18.
Pitts, B.. ?Uma revolução pelas urnas': As eleições de 1974 e o renascimento da política oposiconista no Brasil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

19.
Pitts, B.. ?Uma revolução pelas urnas': As eleições de 1974 e o renascimento da política oposiconista no Brasil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

20.
Pitts, B.. "Não podemos pensar a democracia como pensamos no passado": as greves do ABC e a recriação da cultura política da elite paulista, 1978-1980. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
Pitts, B.. Comentário para a mesa Revolutionary Lives: Biography and Representations of Militant Activists during and after the Brazilian Military Dictatorship (1964-1985). 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
Pitts, B.. Explicando o sucesso eleitoral quantificando a realização da esperança: um exame de estudos do Governo Lula. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

23.
Pitts, B.. Elites de Cor, Novos e Antigos: Thales de Azevedo, Angela Figueiredo e a Ascensão Social de Afro-brasileiros em Salvador, 1953 e 2002. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
Pitts, B.. 'Pirucudos, quentes e safados na cama': Representações de homens afro-descendentes na mídia gay brasileira. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

25.
Pitts, B.. A audácia para pressionar os generais: Paulo Maluf e a disputa de 1978 para o governo de São Paulo. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
Pitts, B.. Resenha de 'Securing Sex: Morality and Repression in the Making of Cold War Brazil', Benjamin A. Cowan.. The Hispanic American Historical Review 98:2, 2018 (Resenha).

2.
Pitts, B.. Resenha de 'Memory?s Turn: Reckoning with Dictatorship in Brazil', por Rebecca Atencio. Bulletin of Spanish Studies 94:2, 2017 (Resenha).

3.
SCHETTINI, C. ; Pitts, B. . Between Rio?s Red-Light District and the League of Nations: Immigrants and Sex Work in 1920s Rio de Janeiro. International Review of Social History, 2017. (Tradução/Artigo).

4.
CORREA, L. R. ; Pitts, B. . Looking at the Southern Cone: American Trade Unionism in the Cold War Military Dictatorships of Brazil and Argentina. International Review of Social History, 2017. (Tradução/Artigo).

5.
PAZ, A. ; Pitts, B. . Free and Unfree Labor in the Nineteenth-Century Brazilian Amazon. International Review of Social History, 2017. (Tradução/Artigo).

6.
Pitts, B.. Resenha de 'Hard Times in the Marvelous City: From Dictatorship to Democracy in the Favelas of Rio de Janeiro', por Bryan McCann.. The Latin Americanist 60:3, 2016 (Resenha).

7.
ROUSSEFF, D. ; Pitts, B. . Speech by Dilma Rousseff, upon Her Removal as President of Brazil. Labor and Working Class History Association, 2016. (Tradução/Outra).

8.
Pitts, B.. Resenha de 'A Global History of Sexuality: The Modern Era', Robert M. Buffington, Eithne Luibheid e Donna J. Guy, orgs.. H-Net HistSex, 2015 (Resenha).

9.
CALIL, G. ; PITTS, BRYAN . Paraná: The Story Behind a Massacre. BrasilWire, 2015. (Tradução/Artigo).

10.
Pitts, B.. Resenha de 'The Politics of Sexuality in Latin America: A Reader on LGBT Rights', Javier Corrales e Mario Pecheny, orgs.. H-Net Histsex, 2014 (Resenha).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
Pitts, B.; MIER, B. . Bryan Pitts fala sobre Trump e Bolsonaro. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
Pitts, B.; MIER, B. . Entrevista com Dr. Bryan Pitts, Professor da Universidade de Indiana. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
Pitts, B.. The Role of the United States in Operation Lava Jato. 2018. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

4.
Pitts, B.. Interview about the Right Turn in Brazilian Politics. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
Pitts, B.. Interview about 2015 Brazilian Political Protests. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
Pitts, B.. Sound and Politics. 2017. (Site).


Demais tipos de produção técnica


Eventos



Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Pitts, B.; FREIJE, V. . Heroes or Hacks? Media Cultures, Politics, and Democracy in Latin America. 2013. (Congresso).

2.
French, John D. ; Fortes, Alexandre ; Pitts, B. . Nurturing Hope, Deepening Democracy, and Combating Inequalities: An Assessment of Lula s Presidency. 2008. (Outro).



Outras informações relevantes


Outras bolsas recebidas:

2018
Title VI National Resource Center/Foreign Language and Area Studies Grant, Department of Education (Bolsa institucional para o Center for Latin American and Caribbean Studies, Indiana University)

2015
Bolsa de Pós-doutorado Fulbright Scholars, Instituto de Ciência Política, Universidade de Brasília

2010
Bolsa Mellon Foundation para Pesquisa de Campo do Duke Center for Latin American and Caribbean Studies
John W. Tolman Award da Brazilian Studies Association (BRASA)

2009
Fulbright-Hays Doctoral Dissertation Research Abroad (DDRA)
Bolsa de Pesquisa de Verão da Duke University Graduate School
Bolsa de Viagem a Conferência da Duke Center for Latin American and Caribbean Studies

2008
Bolsa Mellon Foundation para Pesquisa de Campo do Duke Center for Latin American and Caribbean Studies
Bolsa de Viagem a Conferência da Duke Center for Latin American and Caribbean Studies

2007
Bolsa de Pesquisa Internacional de Pre-Tese da Duke University Graduate School
Bolsa Mellon Foundation para Pesquisa de Campo do Duke Center for Latin American and Caribbean Studies
Bolsa de Pesquisa de Verão do Duke University Department of History

2006
Bolsa Mellon Foundation para Pesquisa de Campo do Duke Center for Latin American and Caribbean Studies
Bolsa de Pesquisa de Dissertação da Vanderbilt University Graduate School 
Bolsa de Intercâmbio do Fund for the Improvement of Post-Secondary Education(FIPSE)

2006-2010
Bolsa James B. Duke de Duke University



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/10/2018 às 20:26:55