Jéssica Pedroso Rosado

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5157214007181828
  • Última atualização do currículo em 02/11/2018


Tecnóloga em Agropecuária formada pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS) no ano de 2013, onde atuou como Bolsista de iniciação cientifica Fapergs/PIBITI 2011-2013, pesquisas realizadas na área de adubação fosfatada na cultura da soja e trigo com solos do Rio Grande do Sul. Mestra pelo Programa de Pós Graduação em Manejo e Conservação do Solo e da Água (PPGMACSA) pela Universidade Federal de Pelotas (UFPEL) no ano de 2016, com ênfase em fertilidade do solo. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Jéssica Pedroso Rosado
Nome em citações bibliográficas
ROSADO, J. P.;ROSADO, JESSICA PEDROSO

Endereço


Endereço Profissional
Agronômica Laboratório de Diagnóstico Fitossanitário e Consultoria.
Avenida Ipiranga - 7464
Jardim Botânico
91530000 - Porto Alegre, RS - Brasil
Telefone: (51) 21316262
URL da Homepage: http://agronomicabr.com.br


Formação acadêmica/titulação


2014 - 2016
Mestrado em Manejo e Conservação do Solo e da Água.
Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.
Título: Uso Combinado de Lodo de Estação de Tratamento de Esgoto e Cinza de Casca de Arroz como Fertilizante em um Argissolo.,Ano de Obtenção: 2016.
Orientador: Ledemar Carlos Vahl.
Coorientador: Danilo Dufech Castilhos.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2009 - 2013
Graduação em Tecnologia em Agropecuaria Integrada.
Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, UERGS, Brasil.
Título: DISPONIBILIDADE DE FÓSFORO EM SOLOS DO RIO GRANDE DO SUL.
Orientador: Gustavo Kruger Gonçalves.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul, FAPERGS, Brasil.
2005 - 2007
Ensino Médio (2º grau).
Escola Estadual de Ensino Médio Macedo Beltrão do Nascimento, E.E.E.M.M.B.N, Brasil.
1997 - 2004
Ensino Fundamental (1º grau).
Escola Estadual de Ensino Médio Macedo Beltrão do Nascimento, E.E.E.M.M.B.N, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
I Curso Prático de Morfologia E Identificação De Sementes. (Carga horária: 40h).
Germinar Consultoria, GC, Brasil.
2015 - 2015
Educação ambiental. (Carga horária: 14h).
SENAI - Departamento Regional do Rio Grande do Sul, SENAI/DR/RS, Brasil.
2014 - 2014
Sala de Situação: Fique por Dentro. (Carga horária: 4h).
Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.
2014 - 2014
Comitê de bacias: O que é e o que faz. (Carga horária: 20h).
Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.
2014 - 2014
Caminho das Águas. (Carga horária: 20h).
Agência Nacional de Águas, ANA, Brasil.
2014 - 2014
Oportunidades Econômicas da Agropecuária Sustentáv. (Carga horária: 25h).
Intituto Friedrich Naumann/ Intituto CNA, CNA, Brasil.
2013 - 2013
Apicultura Básica. (Carga horária: 40h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2012 - 2012
Extensão universitária em Principios e técnicas de cultura de tecido vegetal. (Carga horária: 20h).
Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, UERGS, Brasil.
2012 - 2012
Abastecimento e Renda. (Carga horária: 6h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2012 - 2012
Direito de Propriedade. (Carga horária: 6h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2012 - 2012
Negócio Certo Rural. (Carga horária: 40h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2012 - 2012
Trabalhador Empreendedor. (Carga horária: 40h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2012 - 2012
Meio Ambiente. (Carga horária: 10h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2012 - 2012
Termográfica Veterinária. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
2012 - 2012
Saúde Rural . Qualidade de vida.. (Carga horária: 30h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2012 - 2012
Licenciamento Ambiental de Atividades Rurais. (Carga horária: 16h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2011 - 2011
Manejo Integrado do Cultivo do Arroz. (Carga horária: 20h).
Instituto Rio Grandense do Arroz, IRGA, Brasil.
2011 - 2011
Inseminação Artificial (Bovinos). (Carga horária: 40h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2011 - 2011
Primeiros Socorros e Patologias dos Rebanhos Leite. (Carga horária: 20h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, UERGS, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de IC PROBIC-FAPERGS UERGS, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de IC PROBIC-FAPERGS UERGS, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural/São Borja, SMDR, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Estágio Obrigatório, Enquadramento Funcional: Estagio Obrigatório, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade Federal do Rio Grande do Sul UFRGS, UFRGS, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Estágio Voluntário, Enquadramento Funcional: Estagio Voluntário, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Estágio Voluntário de 100 horas no Laboratório de Quimica e Fertilidade do solo da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). No período de 16 de Julho de 2012 á 07 de Agosto de 2012. Acompanhamento das atividades desenvolvidas no Laboratório de Química do solo. Preparo de solução extratora para Nitrogênio Mineral (KCL1M), destilação a vapor do Nitrogênio Mineral em diferentes solos. Entre os procedimentos laboratoriais incluem-se: a lavagem das vidrarias preparação da solução de KCL, pesagem das amostras de solo(determinação da umidade de campo do solo, peso da vidraria), preparo de reagentes e titulação de amostras.


Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Estágio Voluntário, Enquadramento Funcional: Estágio Voliuntário, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Estágio voluntário de 72 horas no Núcleo de Estudos em Sistemas de Produção de Bovinos de Corte e Cadeia Produtiva, NESPRO/ UFRGS. Realizado leituras técnicas e científicas no campo da produção animal, com ênfase na área de nutrição de ruminantes. Participou do curso de termografia de 06 horas.


Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária, FEPAGRO, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: estágio, Enquadramento Funcional: Estágio Voluntário, Carga horária: 24, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Estágio Voluntário com total de 114 horas, com participação de atividades de rotinas diárias, de pesquisa e de procedimentos de análise de qualidade de sementes. Recebimento de amostras, homogenização, divisão de amostras e obtenção de amostras de trabalhos. Realizado teste de pureza em amostras, exame de outras sementes por número. Teste de germinação, teste de tetrazólio ,teste de vigor e determinação de umidade nas amostras.


Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul, FAPERGS, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Bolsista- Graduação., Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.


Secretaria do Meio Ambiente- São Borja, SMAM, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Estágiario, Enquadramento Funcional: EstagioVoluntário, Carga horária: 30
Outras informações
Estágio Voluntário de 100hs com finalidade de pesquisa na área de Meio Ambiente. Interação no trabalho realizado pela secretaria com um auto beneficiamento de conhecimentos voltado sobre leis e projetos na melhoria do Meio Ambiente em geral.


Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Mestranda do PPGMACSA, Regime: Dedicação exclusiva.



Projetos de pesquisa


2012 - 2013
DISPONIBILIDADE DE FÓSFORO EM SOLOS
Descrição: Os solos do Rio Grande do Sul denominados pela região edafoclimática são originados de diferentes materiais de origem (granitos, arenitos e basaltos) e estão sujeitos a diferentes variações climáticas, o que pode resultar em diferentes rendimentos de grãos. As recomendações de adubação para a cultura da soja foram realizadas em experimentos localizados na região Noroeste e Norte do Rio Grande do Sul, oriundos de sedimento de basalto. Desta forma, o nível crítico de fósforo no solo pode não representar as condições atuais, já que hoje, o cultivo de soja expandiu-se para a região sul do RS, onde alguns solos são oriundos de granito e arenito. Além disso, as cultivares utilizadas naquela época possuía um potencial de rendimento menor do que as atuais. Além da obtenção do nível crítico, existe a necessidade de realizar experimentos de calibração em cada uma das classes de solos utilizadas para o cultivo de soja. Na região de São Borja, a classe de solo Nitossolo é a de maior abundância, apresentando características físicas ideais para o estabelecimento do cultivo da oleaginosa. Além disso, apresenta como principal limitação a deficiência de fósforo e a alta adsorção de fósforo pelos óxidos de ferro, que são oriundos das rochas basálticas responsáveis pela formação desta classe de solo. Desta forma, é uma excelente classe de solo para diagnosticar as respostas de cultivares a 2 adubação fosfatada. Com base no presente exposto, este trabalho tem os seguintes objetivos: a) Obter um nível crítico de fósforo, e b) Avaliar a resposta de cultivares de soja a adubação fosfatada em um Nitossolo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Jéssica Pedroso Rosado - Integrante / Gustavo Krugger Gonçalves - Coordenador.
2012 - 2012
RESPOSTA DE PORTA-ENXERTOS DE VIDEIRAS E PLANTAS DE COBERTURA A ADUBAÇÃO COM COBRE EM DOIS SOLOS COM MAIOR APTIDÃO PARA O CULTIVO DE UVAS EM SÃO BORJA-RS
Descrição: O trabalho objetivou avaliar a resposta de porta-enxertos de videiras e plantas de cobertura a adubação com cobre em dois solos com maior aptidão para o cultivo de uvas em São Borja - RS..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Jéssica Pedroso Rosado - Integrante / Gustavo Krugger Gonçalves - Coordenador / Marcelo vasquez - Integrante.
2011 - 2012
RESPOSTAS DE CULTIVARES DE TRIGO A ADUBAÇÃO FOSFATADA (? AREA DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS?)
Descrição: O cultivo de trigo associado com a pecuária de corte extensiva é o sistema de produção tradicionalmente estabelecido no período de inverno na localidade de São Borja-RS. Este município possui lavouras com maiores produtividades do cereal, sendo no passado conhecido como o principal produtor de trigo no país. No entanto, a cadeia de trigo tem enfrentado problemas de rentabilidade, pois o trigo em São Borja, apesar do alto rendimento, apresenta alto custo de produção devido principalmente a incidência de doenças, como a bruzone. O referido alto custo de produção e a falta de competitividade com o trigo oriundo da Argentina têm ocasionado em algumas lavouras a diminuição na utilização de calagem e adubos químicos. A fertilidade dos solos do município de São Borja é bastante variável, apresentando desde solos menos férteis (Planossolos) até solos de alta fertilidade, ou seja, alta capacidade de troca de cátions (Nitossolos). O cultivo de arroz irrigado é utilizado nos Planossolos, enquanto que o cultivo de soja e trigo são realizados no Nitossolo. Apesar de apresentar uma fertilidade alta, o Nitossolo, apresenta como principal limitação a deficiência de fósforo e a alta adsorção de fósforo pelos óxidos de ferro, que são oriundos das rochas basálticas responsáveis pela formação desta classe de solo. Desta forma, o máximo potencial genético das cultivares são limitados pelos teores de fósforo no solo inferiores ao nível de suficiência para as cultivares de trigo. Com intuito de corrigir a deficiência de fósforo, a necessidade de utilização da adubação fosfatada, a qual pode ser variável em função da marcha de absorção de fósforo de cada cultivar. Entretanto, o elevado custo dessa prática, bem como a condição de recurso natural esgotável das fontes de fósforo, motivam o desenvolvimento de pesquisas com a finalidade de obter cultivares de trigo com maior eficiência de aproveitamento do fósforo nativo do solo, ou adicionado como fertilizante..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Jéssica Pedroso Rosado - Integrante / Gustavo Krugger Gonçalves - Coordenador.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
FARIAS, ROSELI DE MELLO2014FARIAS, ROSELI DE MELLO ; BARRETO, CAROLINE FARIAS ; ZANDONÁ, RENAN RICARDO ; ROSADO, JESSICA PEDROSO ; MARTINS, CARLOS ROBERTO . Comportamento do consumidor de frutas na região da fronteira oeste do Rio Grande Do Sul com Argentina e Uruguai. Revista Brasileira de Fruticultura (Impresso), v. 36, p. 872-883, 2014.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
VASQUES, M. G. ; ROSADO, J. P. ; GONÇALVES, G. K. ; MAIRESSE, L. A. S. . Respostas de Plantas de Cobertura a Adubação com Cobre. In: 2 SALÃO INTEGRADO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO - SIEPEX, 2012, São Luiz Gonzaga. 2 SALÃO INTEGRADO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO - SIEPEX, 2012.

2.
ROSADO, J. P.; VASQUES, M. G. ; MAIRESSE, L. A. S. ; GONÇALVES, G. K. . Respostas de Cultivares de Trigo a Adubação Fosfatada. In: 2 SALÃO INTEGRADO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO - SIEPEX UERGS, 2012, São Luiz Gonzaga. 2 SALÃO INTEGRADO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO - SIEPEX, 2012.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
ROSADO, J. P.; VAHL, L. C. ; SILVA, J. B. . USO DE CINZA DE CASCA DE ARROZ E LODO DE ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTO COMO FERTILIZANTES EM UM ARGISSOLO. In: XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2015, Natal - RN. CBSC 2015, 2015.

2.
GONÇALVES, G. K. ; ROSADO, J. P. . Desempenho de Cultivares De Soja a Adubação Fosfatada em NIitossolo. In: X Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo, 2014, Pelotas. FATOS E MITOS EM CÊNCIA DO SOLO, 2014.

3.
SCHOSSLER, D. S. ; ROSADO, J. P. ; VAH, L. C. ; HENANDEZKATH, A. ; ISLABAO, G. O. . Aplicação de Diferentes Doses de Cinza de Casca de Arroz e a Disponibilidade dos Micronutrientes Cobre e Zinco no Solo. In: X Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo, 2014, Pelotas. ?FATOS E MITOS EM CIÊNCIA DO SOLO?, 2014.

4.
FARIAS, R. M. ; ROSADO, J. P. . Diferenças Comportamentais de Consumo de Frutas na População Residente no Município de São Borja-RS. In: XXII Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2012, Bento Gonçalves, 2012, Bento Gonçalves. XXII Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2012, Bento Gonçalves, 2012.

5.
GONÇALVES, G. K. ; ROSADO, J. P. . Respostas do Crescimento da Videira em Dois Solos com Diferentes Doses de Cobre. In: FertBio, 2012, Alagoas. FERTBIO 2012, 2012.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
ROSADO, J. P.; VAHL, L. C. ; SILVA, J. B. . DISPONIBILIDADE DO POTÁSSIO TROCÁVEL PARA A PLANTA DE ARROZ EM FUNÇÃO DA CTC DO SOLO. In: XII Conferência de Arroz para a América Latina e Caribe, 2015, Porto Alegre. XII Conferência de Arroz para a América Latina e Caribe, 2015.

2.
SILVA, M. F. M. M. ; ROSADO, J. P. ; PANZIERA, W. ; VAHL, L. C. ; LIMA, C. L. R. . EFFECTS OF SOIL COMPACTION IN DEVELOPMENT CORN ROOT. In: Third Brazilian Soil Physics Meeting (3rd BSPM), 2015, Curitiba. http://www.agrarias.ufpr.br/portal/bspm2015/presentation/, 2015.

Apresentações de Trabalho
1.
ROSADO, J. P.; VAHL, L. C. ; SILVA, J. B. . USO DE CINZA DE CASCA DE ARROZ E LODO DE ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTO COMO FERTILIZANTES EM UM ARGISSOLO. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
ROSADO, J. P.; VAHL, L. C. ; SILVA, J. B. . Disponibilidade do Potássio Trocável Para a Planta de Arroz em Função da CTC do Solo. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
ROSADO, J. P.; GONÇALVES, G. K. . Desempenho de Cultivares De Soja a Adubação Fosfatada em NIitossolo. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
FARIAS, R. M. ; ROSADO, J. P. ; BARRETO, C. F. ; MARTINS, C. R. . Diferenças comportamentais de consumo de frutas na população residente no município de São Borja-RS. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
ROSADO, J. P.; GONÇALVES, G. K. . Resposta de cultivares de trigo a adubação fosfatada em Nitossolo no Rio Grande do Sul. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Agricultura, Desenvolvimento e Combate à Crise. 2016. (Seminário).

2.
Cidade Bem Tratada - SANEAMENTO BÁSICO E ENERGIAS ALTERNATIVAS. 2016. (Seminário).

3.
Conferência Estadual de Conservação do Solo e da Água. 2015. (Seminário).

4.
Congresso Internacional do Leite 2015. 2015. (Congresso).

5.
Fórum Brasileiro de Reciclagem Energética de Resíduos Sólidos. 2015. (Seminário).

6.
I Dia de Campo de Verão Sistemas Integrados de Produção Agropecuária em Terras Baixas. 2015. (Encontro).

7.
IV Salão de Iniciação Científica e Inovação Tecnológica ? SICIT. 2015. (Seminário).

8.
Programa de Fomento as Cadeias Produtivas de Reciclagem de RSU e Geração de Energia: Desafio e oportunidades. 2015. (Seminário).

9.
Third Brazilian Soil Physics Meeting (3rd BSPM). 2015. (Encontro).

10.
V Fórum Internacional de Gestão Ambiental. 2015. (Simpósio).

11.
XII Conferência Internacional do Arroz para América Latina e Caribe. 2015. (Outra).

12.
XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. CBCS. 2015. (Congresso).

13.
1° Seminário Ambiental Rural. 2014. (Seminário).

14.
Cidade Bem Tratada. 2014. (Seminário).

15.
ENERGIPLAST/Resíduos Sólidos e Energias Alternativas: Uma Nova Economia. 2014. (Outra).

16.
Palestra: A Criminalistica na Perícia Ambiental. 2014. (Encontro).

17.
Palestra Perícia e Acidentes Ambientais. 2014. (Outra).

18.
X Reunião Sul Brasileira de Ciência do Solo. 2014. (Outra).

19.
XXII Congreso Aapresid - LaMisión. 2014. (Congresso).

20.
9º Agrimark Brasil. Seminário Brasileiro de Marketing no Agronegócio. 2013. (Seminário).

21.
Fórum Brasileiro de Reciclagem Energética de Resíduos Sólidos com Ênfase em Plásticos/Energiplast. 2013. (Seminário).

22.
Importância da Boa Gestão: Como atingir o nível 4 da maturidade (Darci Prado/Palestrante). 2013. (Outra).

23.
IV Simpósio Regional IPNI Brasil. 2013. (Simpósio).

24.
ll Salão de Iniciação Científica e Inovação Tecnológica - llSICIT / FEPAGRO. 2013. (Seminário).

25.
ll Simpósio de Queijos Artesanais do Brasil. 2013. (Simpósio).

26.
Salão de Iniciação Científica da UFRGS - SIC.Resposta de cultivares de trigo a adubação fosfatada em solo Nitossolo no Rio Grande do Sul. 2012. (Outra).

27.
Salão Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão.Resposta de cultivares de trigo a adubação fosfatada em solo Nitossolo no Rio Grande do Sul. 2012. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ROSADO, J. P.. X Reunião Sul-Brasileira de Ciência do Solo. 2014. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/11/2018 às 3:58:45