Laíse Rabêlo Cabral

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1199500915639581
  • Última atualização do currículo em 01/12/2018


Graduada em Direito pela Universidade Católica de Brasília (2012) e graduanda em Filosofia licenciatura pela Universidade de Brasília - UnB. Advogada do Centro Popular de Formação da Juventude atua com proteção a Defensores de Direitos Humanos. Assistente de pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - IPEA em pesquisa sobre Conselhos de Direitos Humanos. Pesquisadora cadastrada nos grupos de pesquisa: Percursos, Narrativas e Fragmentos: História do Direito e do Constitucionalismo (http://dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/4979486258943273) e Direito, história e literatura: tempos e linguagens (http://dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/0741067178018459). Tem experiência/interesse em Assessoria Jurídica Popular, Proteção a Defensores de Direitos Humanos, História do Direito, Constitucionalismo latino-americano, discussões sobre Gênero e Filosofia Africana. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Laíse Rabêlo Cabral
Nome em citações bibliográficas
CABRAL, L. R.


Formação acadêmica/titulação


2014
Graduação em andamento em Filosofia.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2007 - 2012
Graduação em Direito.
Universidade Católica de Brasília, UCB/DF, Brasil.
Título: Educação Jurídica: Transdisciplinaridade e vivência social para um novo Direito.
Orientador: Judith Karine Cavalcanti dos Santos.
2003 - 2006
Ensino Médio (2º grau).
Centro de Ensino Médio 04 de Ceilândia, CEM%2004, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Curso à distância de formação em assessoria jurídica universitária popular. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2012 - 2013
Formação para o exercício da advocacia. (Carga horária: 90h).
Escola Superior de Advocacia, ESA, Brasil.
2005 - 2009
Inglês. (Carga horária: 160h).
Cultural Norte Americano, CNA, Brasil.


Atuação Profissional



Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Centro Popular de Formação da Juventude, VIDA E JUVENTUDE, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Advogada, Carga horária: 40
Outras informações
Atuação no Programa de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos- PPDDH, convênio exercido pelo Vida e Juventude e coordenado pela secretaria de direitos humanos, atualmente Ministério dos Direitos Humanos.

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Coordenadora, Carga horária: 40
Outras informações
Após cerca de oito meses atuando como advogada na EF/PPDDH, exerceu a função de coordenadora-geral da EF/PPDDH. A tarefa consistia em coordenar o trabalho de uma equipe multidisciplinar de aproximadamente 10 pessoas, composta de advogados/as, psicólogos/as e assistentes sociais. A saída se deu em virtude do término do convênio.

Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Advogada, Carga horária: 40
Outras informações
Advogada na Equipe Federal do Programa de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos - PPDDH, coordenado pela Secretaria de Direitos Humanos, atualmente Ministérios dos Direitos Humanos.


Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - DF, IPEA, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Assistente de pesquisa, Carga horária: 20
Outras informações
Assistente de pesquisa atuante no desenvolvimento do projeto "Conselhos de Direitos Humanos: implementação de demandas e capacitação de conselheiros". Selecionada por meio de Chamada Pública IPEA/PNDP n. 041/2018.


Fundación SOTRALI, SOTRALI, Argentina.
Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: Voluntária, Enquadramento Funcional: Voluntária, Carga horária: 20
Outras informações
A ONG se localiza na cidade de La Plata, Argentina. A Organização acolhe mulheres e seus/suas filhos/as que tenham sido vítimas de violência de gênero. O trabalho consistiu em preparar workshops e atividades que visam a integração e não-discriminação de meninas e mulheres na sociedade argentina.


Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, SEPPIR, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Assessora técnica - das 102.3, Carga horária: 40
Outras informações
Assessora técnica na Secretaria de Povos e Comunidades Tradicionais, com foco na pauta de regularização fundiária de territórios de comunidades quilombolas, comunidades tradicionais de matriz africana e de povos ciganos; monitoramento de conflitos que envolvem estas comunidades e povos; acompanhamento dos processos de resolução de conflitos fundiários junto ao INCRA, PPDDH/SDH, Câmara de Conciliação e Arbitragem da Administração Federal CCAF/AGU, Ministério da Defesa e processo de regulamentação da Consulta prévia, no Brasil, prevista na Convenção 169 OIT. E ainda no acompanhamento fiscal de convênios com entidades da sociedade civil. Foi exonerada a pedido (Diário Oficial da União, Brasília, DF, 02 maio 2014. Seção 2, p. 4)


Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Voluntário, Enquadramento Funcional: Monitora, Carga horária: 4
Outras informações
Monitora voluntária na cadeira de Introdução à Filosofia, ministrada pelo Professor Dr. Wanderson Flor do Nascimento. Atribuições: Acompanhamento de discentes.

Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Colaboradora, Enquadramento Funcional: Advogada Popular - AJUP
Outras informações
Advogada Popular colaboradora da AJUP Roberto Lyra Filho.


Tribunal de Justica do Distrito Federal, TJ/DF, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 20
Outras informações
Atuação no 1º Juizado Especial Cível de Ceilândia



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
As Damas da Cidade: uma reflexão sobre as mulheres de Christine de Pizan
Descrição: Iniciação científica de pesquisa sobre o livro "A Cidade das Damas" de Christine de Pizan, escrito no século XV, com pesquisa voltada à análise do contexto espaço e tempo do Direito na sociedade, em especial à literatura proto-feminista desenvolvida por Pizan..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Laíse Rabêlo Cabral - Integrante / Douglas Pinheiro Antônio Rocha - Coordenador.


Projetos de extensão


2018 - Atual
Direito Humanos e Gênero: Capacitação em Direitos Humanos e Cidadania - Promotoras Legais Populares
Descrição: Pesquisa e atuação em gênero e direito. Organizações de seminários e oficinas com as mulheres integrantes do projeto de extensão por meio da educação popular de metodologia freiriana possibilitando a abertura de noções de direitos das mulheres para além da lei com a verificação de que estes são construídos historicamente nas lutas sociais..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.


Projetos de ensino


2014 - 2014
Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID)
Descrição: Pibidiana de Filosofia para estudantes do 3º ano do Centro de Ensino Médio 03 de Taguatinga. O programa concede bolsas a alunas e alunos de licenciatura participantes de projetos de iniciação à docência desenvolvidos por instituições de educação superior (IES) em parceria com as redes de ensino..
Situação: Concluído;
É um projeto em cooperação com: Agência de fomento.
Em relação a temática: Formação inicial ou continuada de professores.
Natureza: Ensino.
Objetivos e metas: Objetiva incentivar a formação de docentes em nível superior para a educação básica; contribuir para a valorização do magistério; elevar a qualidade da formação inicial de professores nos cursos de licenciatura, promovendo a integração entre educação superior e educação básica;; inserir os licenciandos no cotidiano de escolas da rede pública de educação, proporcionando-lhes oportunidades de criação e participação em experiências metodológicas, tecnológicas e práticas docentes de caráter inovador e interdisciplinar que busquem a superação de problemas identificados no processo de ensino-aprendizagem; contribuir para a articulação entre teoria e prática necessárias à formação dos docentes, elevando a qualidade das ações acadêmicas nos cursos de licenciatura..
Alunos envolvidos: Ensino médio: (40) Graduação: (6) .
Integrantes: Laíse Rabêlo Cabral - Integrante / Pedro Ergnaldo Gontijo - Coordenador / Maria Cecília Pedreira de Almeida - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direitos Humanos.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Assessoria Jurídica Popular.
3.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direitos das mulheres.
4.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Povos e Comunidades Tradicionais.
5.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Filosofia Africana.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Libras
Compreende Razoavelmente, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Livros publicados/organizados ou edições
1.
MARTINS, I. G. ; MOTA, L. L. R. ; SEGALA, O. N. B. ; SANTOS, T. N. S. ; CABRAL, L. R. . Catadores de materiais recicláveis: um encontro nacional. 1. ed. Rio de Janeiro: IPEA, 2016. v. 1. 566p .

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CABRAL, L. R.; SA, T. L. . Mulheres e reforma agrária: do luto à luta desenham sua coragem. In: Encontro Nacional de Pesquisa na Graduação em Filosofia da Universidade de Brasília ? ENPGFIL UNB, 2018, Brasília. Caderno do Encontro Nacional de Pesquisa na Graduação em Filosofia da Universidade de Brasília ? ENPGFIL UNB. Brasília, 2018. p. 63.

Apresentações de Trabalho
1.
CABRAL, L. R.; SA, T. L. . Mulheres e reforma agrária: Do luto à luta desenham sua coragem. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
CABRAL, L. R.. Quilombos no Brasil: é possível uma correlação entre a sua gênese epistêmica africana e sua (r)existência em nosso país?. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
CABRAL, L. R.. O voluntariado no hospital. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
CABRAL, L. R.. Educação Jurídica: Transdisciplinaridade e vivência social para um novo Direito. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
CABRAL, L. R.; SILVA, L. P. E. . Nota Técnica da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial ? SEPPIR sobre o PL 4774/2010. 2013.

2.
CABRAL, L. R.; OLIVEIRA, B. . Relatório de gestão 2012 - Programa Brasil Quilombola. 2013.

3.
CABRAL, L. R.; OLIVEIRA, B. . Guia de Políticas Públicas para comunidades quilombolas. 2013.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Encontro Nacional de Pesquisa na Graduação em Filosofia da Universidade de Brasília ? ENPGFIL UNB.Mulheres e reforma agrária: do luto à luta desenham sua coragem. 2018. (Encontro).

2.
OF 04: Cartografando escritas: corpo e território. 2018. (Oficina).

3.
XIII Jornadas Andinas de Literatura Latinoamericana. 2018. (Congresso).

4.
XVIII Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós-graduação em Filosofia F. 2018. (Congresso).

5.
Introdução ao Pensamento Filosófico de Adorno. 2017. (Oficina).

6.
Os Povos Indígenas e os Direitos Originários. 2017. (Oficina).

7.
Semana Paulo Freire e das atividades complementares. 2017. (Oficina).

8.
Curso de Formação em Mediação de Conflitos. 2016. (Outra).

9.
II Encontro Nacional de Filosofia e Culturas Africana e Indígena. 2016. (Encontro).

10.
Curso básico de Comunicação Não Violenta. 2015. (Oficina).

11.
Trabalho, Advocacia e Movimentos Sociais. 2015. (Seminário).

12.
Curso de Resolução Consensual de Conflitos que envolvem Políticas Públicas. 2014. (Outra).

13.
Direitos dos povos indígenas: Constitucionalismo latino-americano, pluralismo jurídico e interculturalidade ur. 2014. (Seminário).

14.
Seminário Internacional 10 anos da Convenção 169 - OIT. 2014. (Seminário).

15.
?De Hegel a Marx... e de volta a Hegel! A tradição dialética em tempos de crise. 2013. (Outra).

16.
Convênios e Contratos de Repasse: Prática - ESAF. 2013. (Oficina).

17.
III Seminário Direitos, Pesquisa e Movimentos Sociais. 2013. (Seminário).

18.
Oficina de Capacitação do Programa de Combate ao Racismo Institucional - pcri. 2013. (Oficina).

19.
Revolta Popular e perspectivas de luta política no Brasil e na América Latina. 2013. (Outra).

20.
Workshop de Ferramentas Digitais - IBGE. 2013. (Oficina).

21.
III Seminário Latino-Americano de Direitos Humanos - UnB. 2012. (Seminário).



Outras informações relevantes


Bolsista integral pelo Programa Universidade para Todos - PROUNI durante toda a graduação em Direito.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/01/2019 às 9:16:02