Alana Camila Schneider

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7980310427577914
  • Última atualização do currículo em 10/12/2018


Graduanda em Enfermagem da 10ª fase pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Participa como bolsista de iniciação científica desde 2014 do Grupo de Pesquisa Enfermagem, Cuidado Humano e Processo Saúde-Adoecimento. Também é monitora da disciplina de Enfermagem no Cuidado ao Paciente Crítico de Saúde. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Alana Camila Schneider
Nome em citações bibliográficas
SCHNEIDER, A. C.


Formação acadêmica/titulação


2014
Graduação em andamento em Enfermagem.
Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.
Título: Redes de Atenção à Saúde e as Tecnologias de Cuidado: conhecimento de enfermeiros da Rede Municipal de Chapecó.
Orientador: Elisangela Argenta Zanatta.
2011 - 2013
Ensino Médio (2º grau).
EEB SÃO VICENTE, EEBSV, Brasil.
2002 - 2010
Ensino Fundamental (1º grau).
EEB SÃO VICENTE, EEBSV, Brasil.




Formação Complementar


2012 - 2016
Extensão universitária em English Courses. (Carga horária: 300h).
FISK English Courses, FISK, Brasil.
2013 - 2013
Administre seu Dinheiro de Forma Consciente. (Carga horária: 4h).
SESI - Departamento Nacional, SESI/DF, Brasil.
2013 - 2013
Otimização do Tempo. (Carga horária: 4h).
SESI - Departamento Nacional, SESI/DF, Brasil.
2012 - 2012
Gerenciamento do Estresse. (Carga horária: 4h).
SESI - Departamento Nacional, SESI/DF, Brasil.
2012 - 2012
Disciplina, Organização e Planejamento. (Carga horária: 4h).
SESI - Departamento Nacional, SESI/DF, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 10
Outras informações
Monitora da disciplina de Enfermagem no Cuidado ao Paciente Crítico de Saúde.

Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Acadêmica Extensionista, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista de extensão universitária no programa "Cuidar, brincar e aprender: estratégias para promover a saúde da criança e do adolescente".

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Acadêmica Extensionista, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista extensionista do programa de extensão intitulado "Brincar, divertir, cuidar, ensinar e aprender: perspectivas da educação em saúde com crianças e adolescentes".

Atividades

03/2016 - 12/2017
Extensão universitária , Centro de Educação Superior do Oeste, .

Atividade de extensão realizada
Brincar, cuidar e aprender: estratégias para prover a saúde da criança e do adolescente..
05/2014 - 12/2014
Extensão universitária , Centro de Educação Superior do Oeste, .

Atividade de extensão realizada
Brincar, divertir, cuidar, ensinar e aprender: perspectivas da educação em saúde com crianças e adolescentes..

Seara Alimentos S/A, Seara, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Jovem Aprendiz, Enquadramento Funcional: Aprendiz, Carga horária: 20


Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina, FAPESC, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Redes de Atenção a Saúde e Tecnologias no Cuidado: Fortalecimento das Práticas de Enfermagem
Descrição: Este projeto de pesquisa terá como objetivo geral conhecer e estudar as práticas de cuidado em enfermagem e as demandas de saúde das populações nas diferentes etapas do curso da vida e como estão organizadas nas redes de atenção à saúde no município de Chapecó a partir dos elementos fundamentais: população, estrutura operacional e modelo de atenção à saúde. Os objetivos específicos serão realizar o perfil diagnóstico dos serviços de saúde do município de Chapecó a partir de sua estrutura, população e modelo de atenção à saúde; conhecer as demandas de saúde e o itinerário das populações nas diferentes etapas do curso da vida nas Redes de Atenção à Saúde; identificar o conhecimento dos enfermeiros quanto as Redes de Atenção à Saúde bem como as habilidades e competências destes profissionais para atuar neste cenário; reconhecer as práticas de cuidado de enfermagem desenvolvidas com as populações nas diferentes etapas do curso da vida nas Redes de Atenção de Saúde. Para alcançar esses objetivos será desenvolvido um estudo de método misto, com triangulação de dados concomitante, com enfermeiros que atuam nos serviços de saúde e usuários deste serviço no município de Chapecó. Para a coleta de dados quantitativos será organizado um instrumento o qual terá o objetivo de buscar informações para traçar o perfil diagnóstico dos serviços de saúde do município, sendo utilizada a estatística descritiva para análise dos dados. Os dados qualitativos serão coletados por meio da entrevista semi-estruturada com os enfermeiros e usuários dos serviços de Saúde e analisados utilizando a análise de conteúdo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Alana Camila Schneider - Integrante / Elisangela Argenta Zanatta - Coordenador / Bruna Sczesny - Integrante / Maria Elisa Cabral Breda - Integrante / Lucineia Ferraz - Integrante / Lucimare Ferraz - Integrante / Arnildo Korb - Integrante / Andrea Noeremberg Guimarães - Integrante / Ariane Thaise Frello Roque - Integrante / Leila Zanatta - Integrante / Silvana dos Santos Zanotelli - Integrante / Aline Pestana Magalhães - Integrante / Dara Portaluppi - Integrante / Flávia Rankrape - Integrante.
2014 - 2016
Implicações da violência no processo de formação profissional de jovens acadêmicos de enfermagem
Descrição: Pesquisa vinculada ao Grupo de Pesquisa Enfermagem, Cuidado Humano e Processo Saúde-Adoecimento e Grupos de Estudos sobre Saúde e Trabalho (GESTRA) da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). O objetivo geral da pesquisa é analisar como a violência se apresenta no contexto do processo de formação na graduação em enfermagem; e como objetivos específicos: conhecer como a violência se apresenta para os jovens universitários de enfermagem no decorrer da graduação; identificar quais as repercussões desse fenômeno em sua formação profissional na perspectiva da vulnerabilidade; identificar as percepções dos docentes de cursos de graduação quanto à presença da violência no contexto da formação em enfermagem; identificar as práticas dos docentes de cursos de graduação em enfermagem quanto à abordagem e desenvolvimento do tema violência durante a graduação; avaliar como o perfil dos jovens universitários e dos docentes de enfermagem interfere na sua percepção sobre a violência; identificar como o tema violência se apresenta nos Projetos Pedagógicos dos Cursos (PPC) de Enfermagem das Universidades em estudo. Será desenvolvido um estudo qualitativo com jovens, estudantes de cursos e com docentes de dois cursos de graduação em enfermagem de universidades públicas localizadas no município de Chapecó - SC..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Alana Camila Schneider - Integrante / Elisangela Argenta Zanatta - Coordenador / Thais Cristina Hermes - Integrante / Jean Krueger - Integrante / Lucineia Ferraz - Integrante / Dara Portaluppi - Integrante / Flávia Rankrape - Integrante / Letícia de Lima Trindade - Integrante / Carine Vendruscolo - Integrante / Daiana Kloh - Integrante.


Projetos de extensão


2016 - 2017
Cuidar, Brincar e Aprender: Estratégias Para Prover a Saúde da Criança e do Adolescente
Descrição: A educação em saúde instrumentaliza os profissionais de saúde para a intervenção individual e coletiva sobre os determinantes do processo saúde/doença. O lúdico contribui para o desenvolvimento intelectual, o que pode ser evidenciado nos resultados positivos observados durante o processo de recuperação da criança doente..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Alana Camila Schneider - Integrante / Elisangela Argenta Zanatta - Integrante / Lucineia Ferraz - Coordenador / Carolina Pasa Provesi - Integrante.
2015 - 2015
O lúdico como instrumento de educação em saúde às crianças hospitalizadas e seus familiares/acompanhantes
Descrição: O processo de internação hospitalar pode desenvolver sentimentos confusos e estresse na criança e sua família, caracterizando o hospital como um ambiente de experiências dolorosas. Dessa forma, o lúdico e o brinquedo terapêutico vêm como instrumentos para minimizar o estresse da internação, bem como servir de estratégia criativa e eficaz para desenvolver a educação em saúde. O brinquedo possui uma ação potencialmente terapêutica no ambiente hospitalar e vem sendo usado como forma de propiciar desenvolvimento físico, mental, emocional e social. O lúdico é um meio que contribui e enriquece o desenvolvimento intelectual, o que pode ser evidenciado nos resultados positivos observados durante o processo de recuperação da criança doente e/ou hospitalizada. O objetivo desse projeto foi promover a saúde de crianças hospitalizadas utilizando o lúdico como instrumento de educação em saúde, envolvendo seus familiares/acompanhantes nesse processo, proporcionando a essas a vivencia do brincar, na tentativa de reduzir as consequências negativas provocadas pela hospitalização infantil, possibilitando por meio de atividades lúdico-educativas, ações de cuidado a saúde. As atividades foram realizadas no Hospital da Criança de Chapecó ?SC. As temáticas trabalhadas foram: crescimento e desenvolvimento infantil; alimentação saudável;patologias que acometem crianças, sua prevenção e tratamento; higiene; primeiros socorros e prevenção de acidentes..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Alana Camila Schneider - Integrante / Elisangela Argenta Zanatta - Integrante / Lucineia Ferraz - Coordenador.
2014 - 2014
Brincar, Divertir, Cuidar, Ensinar e Aprender: Perspectivas da Educação em Saúde Com Crianças e Adolescentes
Descrição: A Educação em Saúde pode ser entendida como um recurso que permite ao indivíduo ampliar seus conhecimentos sobre sua própria saúde. Como estratégia metodológica para efetivar as ações de educação em saúde destaca-se as atividades lúdicas nas suas mais variadas formas. O enfermeiro tem um papel importante e, por vezes, fundamental na Educação em Saúde - o de proporcionar ao indivíduo oportunidades de expressar seus pensamentos, valorizando-o e dando subsídios para que ele possa fazer escolhas saudáveis na busca por uma melhor qualidade de vida.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Alana Camila Schneider - Integrante / Elisangela Argenta Zanatta - Coordenador / Lucineia Ferraz - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Enfermagem / Subárea: Enfermagem em Saúde Coletiva.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Enfermagem / Subárea: Enfermagem na Gestão e Gerenciamento.
3.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Enfermagem / Subárea: Enfermagem em Saúde da Criança e do Adolescente.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2012
Prêmio desempenho escolar, EEB São Vicente.
2011
Bolsa de Iniciação Científica Júnior, FAPESC.
2011
Prêmio desempenho escolar, EEB São Vicente.
2010
Prêmio desempenho escolar, EEB São Vicente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
ZANATTA, E. A.2016 ZANATTA, E. A. ; SCHNEIDER, A. C. ; KLOH, D. ; VENDRUSCOLO, C. ; KRUEGER, J. ; HERMES, T. C. ; FERRAZ, L. . Violência no Âmbito da Formação em Saúde: Estudo Bibliométrico. Revista Saúde (Ung. Online), v. 9, p. 81-92, 2016.

Capítulos de livros publicados
1.
LORENZON, T. L. N. ; BARROS, L. R. ; WEBER, M. L. ; SCHNEIDER, C.F ; HANZEN, I. P. ; ROSA, A. P. L. ; SCHNEIDER, A. C. ; VENDRUSCOLO, C. . EXPERIÊNCIA DE UMA EQUIPE DE SAÚDE DA FAMÍLIA NO CUIDADO EM SAÚDE MENTAL. In: Vanessa Lima Gonçalves Torres. (Org.). Princípios e Fundamentos das Ciências da Saúde 2. 1ed.Ponta Grossa (PR): Atena Editora, 2018, v. 2, p. 156-167.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
SCHNEIDER, A. C.; ZANATTA, E. A. ; ZANOTELLI, S. S. . Tecnologias de Cuidado: entendimento de enfermeiros da Rede Municipal de Chapecó. In: 2º Congresso Sul Brasileiro de Sistematização da Assistência de Enfermagem e 1ª Mostra Internacional de Cuidado de Enfermagem no Ciclo de Vida, 2017, Chapecó. Anais do 2º Congresso Sul Brasileiro de Sistematização da Assistência de Enfermagem e 1ª Mostra Internacional de Cuidado de Enfermagem no Ciclo de Vida, 2017. p. 636-637.

2.
HERMES, T. C. ; RANKRAPE, F. ; SCHNEIDER, A. C. ; KRUEGER, J. ; DUARTE, P. L. ; ZANATTA, E. A. . Entendimento de Docentes de Enfermagem Sobre Violência. In: 77ª Semana Brasileira de Enfermagem, 12ª Semana De Enfermagem ABEn SC, 2016, Chapecó. 77ª Semana Brasileira de Enfemagem. 12ª Semana de Enfermagem ABEn SC. Maringá: Master Editora, 2016. v. 15. p. 57-58.

3.
ZANATTA, E. A. ; KRUEGER, J. ; FERRAZ, L. ; FERRAZ, L. ; VENDRUSCOLO, C. ; KLOH, D. ; HERMES, T. C. ; SCHNEIDER, A. C. . Manifestações da Violência no Decorrer da Formação Profissional em Saúde. In: 25º Seminário de Iniciação Científica (25º SIC) da UDESC, 2015, Chapecó. 25º Seminário de Iniciação Científica (25º SIC) da UDESC, 2015.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SOUZA, D. B. de ; ZANATTA, E. A. ; ZANOTELLI, S. S. ; SCHNEIDER, A. C. . Rede Cegonha: entendimento de enfermeiros da rede municipal de Chapecó - SC. In: X COBEON - Congresso Brasileiro de Enfermagem Obstétrica e Neonatal, 2018, Campo Grande. Anais do Congresso Brasileiro de Enfermagem Obstétrica e Neonatal, 2018.

2.
ZANATTA, E. A. ; SCHNEIDER, A. C. ; ZOCCHE, D. A. A. ; ZANOTELLI, S. S. . CONHECIMENTOS DE ENFERMEIROS DE UM MUNICÍPIO DO OESTE CATARINENSE SOBRE REDES DE ATENÇÃO À SAÚDE E TECNOLOGIAS DE CUIDADO. In: 13º Congresso Internacional da Rede Unida, 2018, Manaus. Anais do 13ª Congresso Internacional da Rede UNIDA, 2018. v. 4.

3.
CECONI,J. M ; GIRARDI, F ; SCHNEIDER, A. C. ; PROVESI, C. P. ; COMERIATTO, J.O ; CONTERATTO, K. S . O fazer do Agente Comunitário de Saúde: uma reflexão sobre seu processo de trabalho - Relato de Experiência. In: 2º Congresso Sul Brasileiro de Sistematização da Assistência de Enfermagem e 1ª Mostra Internacional de Cuidado de Enfermagem no Ciclo de Vida, 2017, Chapecó. Anais do 2º Congresso Sul Brasileiro de Sistematização da Assistência de Enfermagem e 1ª Mostra Internacional de Cuidado de Enfermagem no Ciclo de Vida, 2017. p. 442-443.

4.
HERMES, T. C. ; KRUEGER, J. ; DUARTE, P. L. ; SCHNEIDER, A. C. ; KLOH, D. ; ZANATTA, E. A. . Violência na Formação Profissional: Entendimentos de Jovens Acadêmicos. In: 67º Congresso Brasileiro de Enfermagem, 2015, São Paulo. 67º Congresso Brasileiro de Enfermagem, 2015.

5.
ZANATTA, E. A. ; FERRAZ, L. ; HERMES, T. C. ; KRUEGER, J. ; VENDRUSCOLO, C. ; SCHNEIDER, A. C. . Percepção dos Docentes Sobre a Violência Presente no Processo de Formação Profissional em Enfermagem. In: VI Congresso Brasileiro de Enfermagem Pediátrica e Neonatal, 2015, Foz do Iguaçu. VI Congresso Brasileiro de Enfermagem Pediátrica e Neonatal, 2015. p. 75-75.

6.
ZANATTA, E. A. ; FERRAZ, L. ; KLOH, D. ; HERMES, T. C. ; KRUEGER, J. ; SCHNEIDER, A. C. . Violência no Processo de Formação Profissional em Enfermagem - Estudo Bibliométrico. In: VI Congresso Brasileiro de Enfermagem Pediátrica e Neonatal, 2015, Foz do Iguaçu. VI Congresso Brasileiro de Enfermagem Pediátrica e Neonatal, 2015. p. 75-75.

Apresentações de Trabalho
1.
SCHNEIDER, A. C.; ZANATTA, E. A. ; ZANOTELLI, S. S. . Redes de Atenção à Saúde e as Tecnologias de Cuidado: o quê os enfermeiros da Rede Municipal de Chapecó conhecem. 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
SCHNEIDER, A. C.; ADAMY, EK ; KUCZMAINSKI, A. G. ; BITENCOURT, Júlia Valéria de Oliveira Vargas . Desenvolvimento de Definições Operacionais para Indicadores NOC: um relato de experiência. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
SCHNEIDER, A. C.; ZANATTA, E. A. ; ZANOTELLI, S. S. . Tecnologias de Cuidado: entendimento de enfermeiros da Rede Municipal de Chapecó. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
SCHNEIDER, A. C.; HERMES, T. C. ; VENDRUSCOLO, C. ; ZANATTA, E. A. ; RANKRAPE, F. ; DUARTE, P. L. ; KRUEGER, J. . Entendimento de docentes sobre violência na formação em enfermagem. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
SCHNEIDER, A. C.; ZANATTA, E. A. . Brincar, divertir, cuidar, ensinar e aprender: perspectivas da educação em saúde com crianças e adolescentes. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
SILVA, O. M.; ASCARI, R.A; FRIZON, G.; MARIN, S. M.; SCHNEIDER, A. C.. Participação em banca de Yndaiá Zamboni.Custo direto para prevenção e tratamento de lesões de pele em uma Unidade de Terapia Intensiva. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Universidade do Estado de Santa Catarina.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
28º SIC - Seminário de Iniciação Científica.Redes de Atenção à Saúde e as Tecnologias de Cuidado: o quê os enfermeiro da Rede Municipal de Chapecó conhecem. 2018. (Seminário).

2.
79ª Semana Brasileira de Enfermagem e 14ª Semana de Enfermagem ABEn Núcleo Chapecó/SC.Desenvolvimento de definições operacionais para indicadores NOC: um relato de experiência. 2018. (Outra).

3.
SUMMIT CHAPECÓ@ #06 - Marco legal da Ciência Tecnologia e Inovação. 2018. (Outra).

4.
2º Congresso Sul Brasileiro de Sistematização da Assistência de Enfermagem e 1ª Mostra Internacional de Cuidado de Enfermagem no Ciclo da Vida. Tecnologias de Cuidado: entendimento de enfermeiros da Rede Municipal de Chapecó. 2017. (Congresso).

5.
78ª Semana Brasileira de Enfermagem e 13ª Semana de Enfermagem ABEn núcleo Chapecó/SC. 2017. (Oficina).

6.
78ª Semana Brasileira de Enfermagem e 13ª Semana de Enfermagem ABEn núcleo Chapecó/SC. 2017. (Outra).

7.
78ª Semana Brasileira de Enfermagem e 13ª Semana de Enfermagem núcleo ABEn Chapecó. 2017. (Oficina).

8.
X Seminário de Socialização dos Trabalhos de Conclusão de Curso - TCC. 2017. (Seminário).

9.
26º SIC - Seminário de Iniciação Científica. 2016. (Seminário).

10.
Compartilhando Vivências de Internacionalização. 2016. (Outra).

11.
VI Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão - SEPE. 2016. (Seminário).

12.
76ª Semana Brasileira de Enfermagem - A Enfermagem em Defesa do SUS: construindo a 15º Conferência Nacional de Saúde. 2015. (Outra).

13.
III SEMPAT - NR32 Avanços e Desafios. 2015. (Outra).

14.
III SEMPAT - Segurança e Saúde Ocupacional Rural. 2015. (Outra).

15.
10º Encontro de Extensão da Universidade do Estado de Santa Catarina.Brincar, divertir, cuidar, ensinar e aprender: perspectivas da educação em saúde com crianças e adolescentes. 2014. (Encontro).

16.
11ª Jornada Acadêmica "Protagonismo da Espiritualidade no Processo de Cuidar". 2014. (Outra).

17.
IV Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão - SEPE. 2014. (Seminário).

18.
Roda de Conversa sobre o Dia Mundial de Combate ao Uso e Tráfico de Drogas. 2014. (Outra).

19.
Vi Feira Estadual de Ciências e Tecnologia da Educação Básica. 2011. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
HILLESHEIM, A.C ; ASCARI, R.A ; SCHNEIDER, A. C. . 76ª Semana Brasileira de Enfermagem e 11ª Semana de Enfermagem, Núcleo ABEn Chapecó. 2015. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/01/2019 às 17:05:59