Anaxmandro Pereira da Silva

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7643374686458188
  • Última atualização do currículo em 20/06/2018


Possui graduação em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá-RJ (2010), aperfeiçoamento em web pelo Instituto INFNET-RJ (2010), Mestrado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte-UFRN (2016) e Doutorado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (em andamento). Atua como professor e supervisor acadêmico EaD pelo PRONATEC na Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ/UFRN), Gestor/Analista de Projetos e/ou soluções de TI para empresas, pesquisador de novas tecnologias para aplicação na computação, educacão, engenharia e área profissional. Pesquisador/Mestre em Engenharia Mecânica com ênfase em tecnologia dos materiais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Anaxmandro Pereira da Silva
Nome em citações bibliográficas
SILVA, A. P.;SILVA, Anaxmandro P.;SILVA, Anaxmandro Pereira da


Formação acadêmica/titulação


2016
Doutorado em andamento em Engenharia Mecânica.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
com período sanduíche em Universidade do Minho (Orientador: Raul Manuel Esteves Sousa Fangueiro).
Título: Desenvolvimento de um ecomaterial de cortiça de Calotropis Procera e sua potencial aplicação,
Orientador: Rasiah Ladchumananandasivam.
Coorientador: Késia Karina de Oliveira Souto Silva.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: ecomaterial; Compósito Polimérico; fibra natural; Reutilização de resíduo; Cortiça; calotropis procera.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Materiais Compósitos.
2014 - 2016
Mestrado em Engenharia Mecânica.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Título: Caracterização microestrutural e físico-química da fibra de Calotropis Procera com potencial aplicação na remoção de hidrocarbonetos em meio salino,Ano de Obtenção: 2016.
Orientador: Rasiah Ladchumananandasivam.
Coorientador: Késia Karina de Oliveira Souto Silva.
Palavras-chave: calotropis procera; sorção; petróleo; biosorvente; fibra natural.
Grande área: Engenharias
2010 - 2010
Aperfeiçoamento em web (Webmaster). (Carga Horária: 228h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
Título: Desenvolvimento de website vitrine. Ano de finalização: 2010.
Orientador: Carlos Alexandre.
2006 - 2010
Graduação em Sistemas de Informação.
Universidade Estácio de Sá, UNESA, Brasil.
Título: Sistema de Apoio a Decisão Logistico.
Orientador: Sergio Manuel Serra da Cruz.




Formação Complementar


2017 - 2017
DL 101P BR - Curso Geral de Propriedade Intelectual à Distância. (Carga horária: 75h).
World Intellectual Property Organization, WIPO, Suiça.
2016 - 2016
Técnicas de Análise e Ceracterização de Materiais. (Carga horária: 6h).
Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais, CBECIMAT, Brasil.
2014 - 2014
Gestão de Contratos de TI. (Carga horária: 30h).
Escola Nacional de Administração Pública - EAD, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
GCTI - Gestão de Contratos de TI. (Carga horária: 30h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
VII SIMPÓSIO OMPS - I (Práticas de Gestão em Organizações Militares PS). (Carga horária: 8h).
Marinha do Brasil, MB, Brasil.
2014 - 2014
Gestão de Projetos. (Carga horária: 24h).
Escola Nacional de Administração Pública - EAD, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Legislação aplicada à Gestão de Pessoas. (Carga horária: 30h).
Escola Nacional de Administração Pública - EAD, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Legislação aplicada à Logística de Suprimentos. (Carga horária: 30h).
Escola Nacional de Administração Pública - EAD, ENAP, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Adobe Photoshop. (Carga horária: 16h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Webstands, Tableless, CSS e Acessibilidade. (Carga horária: 24h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Programação com JavaScript. (Carga horária: 24h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Projeto e Administração Internet/Intranet. (Carga horária: 40h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Desenvolvimento de Aplicações Web com ASP. (Carga horária: 20h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Desenvolvimento de Aplicações Web com PHP. (Carga horária: 24h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Desenvolvimento de Interfaces Web com AJAX. (Carga horária: 24h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em HTML Completo. (Carga horária: 16h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Adobe Dreamweaver. (Carga horária: 24h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em Adobe Flash. (Carga horária: 16h).
Instituto Infnet do Rio de Janeiro, INFNET, Brasil.
2008 - 2008
Extensão universitária em MS 2274 - Managing a MS Windows Server 2003 Envir. (Carga horária: 40h).
NSI Training Tecnologia - CPLS, NSI, Brasil.
2008 - 2008
Atendimento ao Cidadão. (Carga horária: 20h).
Escola Nacional de Administração Pública - EAD, ENAP, Brasil.
2008 - 2008
Replicação, FSMOs, Sites e GCs no Windows Server. (Carga horária: 10h).
Microsoft TechNet - Online, TECHNET, Brasil.
2008 - 2008
Serviços Hospedados no Windows Server. (Carga horária: 10h).
Microsoft TechNet - Online, TECHNET, Brasil.
2008 - 2008
Ética e Serviço Público. (Carga horária: 10h).
Escola Nacional de Administração Pública - EAD, ENAP, Brasil.
2008 - 2008
Implementando Group Policy (GPO). (Carga horária: 10h).
Microsoft TechNet - Online, TECHNET, Brasil.
2008 - 2008
Internet Information Services (IIS). (Carga horária: 10h).
Microsoft TechNet - Online, TECHNET, Brasil.
2008 - 2008
Estágio -Qualificação no Sistema de Informações Gerenciais de Abastecimento. (Carga horária: 40h).
Marinha do Brasil, MB, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Students to Business. (Carga horária: 68h).
Centro de Inovações Microsoft, MIC, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Flash MX - Básico. (Carga horária: 16h).
Universidade Estácio de Sá, UNESA, Brasil.
2007 - 2007
Linux - Interface Gráfica - Fedora Core 2. (Carga horária: 20h).
Escola Nacional de Administração Pública - EAD, ENAP, Brasil.
2007 - 2007
e-Mag - Mod. de Acess. de Governo Eletrônico. (Carga horária: 10h).
Escola Nacional de Administração Pública - EAD, ENAP, Brasil.
2004 - 2004
Hardware. (Carga horária: 12h).
Instituto Politécnico de Ensino à Distância, IPED, Brasil.
2003 - 2003
Supervisor de Redes de Computadores. (Carga horária: 46h).
Marinha do Brasil, MB, Brasil.
2002 - 2002
Curso de Hardware. (Carga horária: 30h).
Pavão Informática, PI, Brasil.


Atuação Profissional



Escola Agrícola de Jundiaí, EAJ/UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Colaborador PRONATEC, Enquadramento Funcional: Supervisor/Professor-Tutor EaD, Carga horária: 20
Outras informações
Supervisor acadêmico de disciplinas EaD dos mais variados cursos técnicos do PRONATEC EAJ/UFRN e Professor-Tutor de disciplinas EaD.

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Colaborador PRONATEC, Enquadramento Funcional: Supervisor EaD, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Colaborador PRONATEC, Enquadramento Funcional: Supervisor EaD, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Professor Temporário PRONATEC, Enquadramento Funcional: Professor de Informática - UFRN, Carga horária: 16
Outras informações
DISCIPLINA: INFORMÁTICA BÁSICA APLICADA - 45H

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Colaborador PRONATEC, Enquadramento Funcional: Supervisor EaD, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Professor Temporário PRONATEC, Enquadramento Funcional: Professor de Informática - UFRN, Carga horária: 16
Outras informações
Disciplia: Informática Básica Aplicada - 60h

Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Colaborador PRONATEC, Enquadramento Funcional: Supervisor Acadêmico de Cursos Presenciais, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Colaborador PRONATEC, Enquadramento Funcional: Supervisor Acadêmico de Cursos Presenciais, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Professor Temporário PRONATEC, Enquadramento Funcional: Professor de Informática - UFRN, Carga horária: 16
Outras informações
Curso: Operador de Computador - 180h

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Professor Temporário PRONATEC, Enquadramento Funcional: Professor Informática - UFRN, Carga horária: 16
Outras informações
CURSO: OPERADOR DE COMPUTADOR - 180H

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Professor Temporário PRONATEC, Enquadramento Funcional: Professor Informática - UFRN, Carga horária: 16
Outras informações
curso: operador de computador - 180h


Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Professor Palestrante, Enquadramento Funcional: Palestarnte, Carga horária: 15
Outras informações
carga horária 63h

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: PPGEM-UFRN, Enquadramento Funcional: Estágio à Docência Assistida, Carga horária: 4
Outras informações
Disciplina: DET 0103 - engenharia dos polímeros e das fibras - carga horária semestral - 60h Departamento de Engenharia Têxtil UFRN Pós-graduação em Engenharia Mecânica da UFRN Orientador: Prof. Dr. Rasiah Ladchumananandasivam Co-orientadora: Profa. Dra. Késia Karina de Oliveira Souto Silva


Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, SENAC, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Professor Temporário, Enquadramento Funcional: Professor de Informática, Carga horária: 20
Outras informações
Professor temporário dos cursos de informática e redes de computadores. Ministrou 35 disciplinas


Microsoft Corporation, MC*, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2007 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estudante Parceiro (Student Partner), Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
O programa Microsoft Student Partner é uma oportunidade de desenvolver habilidades para ajudá-lo a ter sucesso em seu futuro profissional, para ajudar outros a aprender sobre novas tecnologias e se conectar com outros estudantes. - MSP são alunos inovadores e criativos, que são extremamente apaixonados por tecnologia. - Além dos benefícios listados a seguir, o programa de MSP é projetado para ajudá-lo a tirar o máximo proveito de tecnologias e ferramentas da Microsoft, desenvolver suas habilidades e dar-lhe uma experiência para quando se formar, se inserir no mercado de trabalho. - Durante todo o ano, você receberá treinamentos e suporte da Microsoft ( Estes podem ser na forma de treinamento on-line, recursos e materiais). - Além disso, haverá a oportunidade de participar de vários eventos MSP em locais diferentes, onde você vai aprender sobre as novas ferramentas e tecnologias, atender funcionários da Microsoft e até obter algumas surpresas legais!


Marinha do Brasil, MB, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 2016
Vínculo: Agregado, Enquadramento Funcional: Afastado por interesse particular


SENAI - Departamento Regional do Rio Grande do Norte, SENAI/ DR/RN, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Professor Extra-Quadro, Enquadramento Funcional: Professor Extra-Quadro Curso Telecomunicações, Carga horária: 20
Outras informações
Professor de disciplinas nos Cursos Técnicos em Telecomunicações.


Universidade Estácio de Sá, UNESA, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Professor Convidado, Enquadramento Funcional: Professor Convidado, Carga horária: 20
Outras informações
Professor de curso em Projeto de extensão da Universidade Estácio de Sá junto com o Microsoft Innovation Center. (Students to Business)



Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Fibras Naturais modificadas por plasma a baixa pressão para uso em materiais compósitos
Descrição: PVG14743-2017 Financiado por: Edital N° 01/2017 - Edital de Bolsas de Pesquisa da UFRN / Edital N° 01/2018 - Edital de Bolsas de Pesquisa da UFRN Atualmente, as fibras provenientes das plantas estão sendo utilizadas em compósitos, devido a sua baixa densidade, por serem não serem tóxicos e biodegradáveis. Além do uso como reforço de matriz polimérica, essas fibras estão sendo utilizadas como materiais absorventes de óleos, corantes e metais pesados encontrados em águas poluídas. Entretanto, para que essas fibras tenham adesão com a matriz polimérica e que absorvam os corantes e metais pesados é necessário que suas superfícies sejam modificadas, pois a fibra possui hidrofobicidade prejudicando a absorção de corantes da água. Outro fator que vale ressaltar é que a fibra tem uma superfície lisa, por isso que a adesão entre a fibra e a matriz é baixa, dessa forma é necessário que se faça a modificação na superfície, a fim de aumentar a rugosidade. Os processos utilizados para tratar as superfícies são poluentes, pois utilizam produtos como ácidos e sais fortes, além de provocar degradação da fibra. A fim de contornar os problemas citados, o presente trabalho tem como finalidade, modificar a superfície das fibras de Kapok e Calotropis, através do plasma por ser uma técnica ambientalmente segura. Após os tratamentos as fibras serão colocadas em aleatoriamente em resina epóxi, com a finalidade de produzir um compósito. Essas fibras também serão imersas em soluções com diferentes tipos de corantes. As fibras modificadas serão caracterizadas pelo MEV, FTIR e análises de absorção, a fim de se estudar a molhabilidade. Os compósitos serão caracterizados pelos ensaios de tração, compressão, flexão e MEV. Serão também analisadas a absorção de corantes pelas fibras tratadas, através da espectroscopia de ultra violeta, a fim de analisar a eficiência da retirada do corante absorvida pelas fibras. Como resultados espera-se que a molhabilidade da fibra seja aumentada e por conseguinte que o corante seja absorvido pelas fibras, e que haja uma melhora na interação da fibra com a resina de epóxi. Será realizado coleta e processamento de dados, através de metodologias computacionais, para buscar predição de resultados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Sistema de monitoramento on-line em ambientes virtuais de aprendizagem para classificação e predição de padrões comportamentais de alunos nestes ambientes
Descrição: PII14889-2017 Financiado por: [ENSINO MÉDIO/TÉCNICO] Edital Nº 02/2017 - Edital de Bolsas de Pesquisa do Ensino Médio - PIBIC EM O expressivo aumento de novas matrículas, experimentada pela Educação a Distância (EAD) de nível superior, nos últimos anos, coincide com o início do uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) como facilitadoras deste processo, principalmente a Internet e os Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVA). Especificamente quanto à ampliação de matrículas na EAD, pode ser verificado por meio de dados da Sinopse Estatística da Educação Superior, produzida pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP), os quais mostram que entre os anos de 2000 e 2005 a EAD passou de 5.287 ingressos para 127.014 (INEP, 2000; 2005), chegando a 431.597 ingressos em 2011(INEP 2011) e 515.405 em 2013 (INEP 2013). Nessa direção, o constante aumento de alunos na modalidade EAD aponta a necessidade de um melhor monitoramento de sua evolução nos AVA. Através da utilização de técnicas de Mineração de Dados voltadas à investigação de registros educacionais, podemos descobrir padrões de uso nos AVA. Essa área de pesquisa é denominada de Educational Data Mining (EDM), ou Mineração de Dados Educacionais. Em BAKER (2011), "A EDM é definida como a área de pesquisa que tem como principal foco o desenvolvimento de métodos para explorar conjuntos de dados coletados em ambientes educacionais". A motivação para o desenvolvimento da EDM advém da necessidade de adequação dos algoritmos de mineração de dados às especificidades dos dados escolares armazenados em AVA, principalmente em razão da dependência estatística e hierarquia existente entre esses dados. A investigação dos registros educacionais pode revelar padrões sequenciais que auxiliam no acompanhamento dos alunos dentro do AVA, apontando seu desenvolvimento no decorrer do curso. A descoberta de séries de dados frequentes consecutivas ou não, armazenadas em uma grande base de dados, é um significativo problema de mineração, visto que é muito comum a ordem de registro nas bases de dados seguirem uma distribuição cronológica, assim como acontece com o registro de atividades dos estudantes em um AVA. A identificação e a categorização desses padrões possibilita o desenvolvimento de uma ferramenta de acompanhamento online que faça predição de situações de evasão, sucesso ou insucesso do aluno, servindo como ferramenta de auxílio para o corpo docente enquanto ao melhor gerenciamento do AVA de forma a atender satisfatoriamente as necessidades dos alunos, evitando altos níveis de insucesso ou evasão..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - 2017
Desenvolvimento de um ecomaterial para remoção de contaminantes da água produzida da industria do petróleo.
Descrição: A indústria do petróleo desenvolve uma das atividades mais promissoras e impactantes do mundo que é a produção do petróleo para geração de energia, porém, esta produção gera resíduos tóxicos e agressivos ao meio ambiente. Além dos produtos de interesse econômico que são gerados por esta atividade, petróleo e gás natural, ocorre também a geração de subprodutos como a água produzida, que durante a extração de petróleo, acumula contaminantes, que descartada sem o devido tratamento, provoca relevantes danos ao meio ambiente. Uma forma econômica e eficiente de remediar as contaminações da indústria do petróleo é a utilização de materiais de origem natural e biomassa, empregando metodologias por sorção..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Integrante / José Heriberto Oliveira do Nascimento - Integrante / Késia Karina de Oliveira Souto Silva - Integrante / Rasiah Ladchumananandasivam - Coordenador / Erick Buonora Tabosa do Egito - Integrante.
2016 - Atual
Desenvolvimento de um ecomaterial de calotropis procera e sua potencial aplicação

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Rasiah Ladchumananandasivam em 21/09/2016.
Descrição: A Calotropis Procera, conhecida também como Flor de seda, Algodão de seda, Algodão de praia, Leiteira, Paininha-de-Seda, Saco-de-Velho, Leiteiro, Queimadeira, Pé-de-Balão, Janaúba e Ciúme, é um arbusto rico em látex em sua secreção natural. Sua composição básica é constituída de raiz, caule, folhas e fruto. Sua raiz é bastante desenvolvida, profundas facilitando a captação de água e nutrientes de diversas camadas do solo. O caule é corticiforme e rígido na região da epiderme típico de arbusto e muito rico em suberina localizado em sua exoderme, possui cera, característica da lignina, agindo como uma eficiente barreira contra o ataque de insetos e regulador de temperatura, porém apresenta fissuras ou sulcos beneficiando a troca de calor com o meio agindo como um bom isolante térmico. As folhas são simples, subcoriáceas (consistência semirrígidas, espessas e sem suculência) e de coloração verde-clara. Os frutos possuem forma de folículos, secos, inflados, globosos e no seu interior possui fibras e sementes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (3) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Integrante / Késia Karina de Oliveira Souto Silva - Integrante / Rasiah Ladchumananandasivam - Coordenador.
2016 - Atual
Reaproveitamento de resíduos agroindustriais para produção de lipase por rota biotecnológica para aplicação em bioprocessos de materiais têxteis e tratamento de efluentes têxteis
Descrição: PVG13609-2016 Financiado por: Edital N° 01/2016 - Edital de Bolsas de Pesquisa da UFRN O interesse mundial pelo aproveitamento de resíduos agroindustriais como fonte renovável para produção de alimentos, biocombustíveis e outras aplicações tem aumentado cada vez mais. A geração de resíduos e subprodutos é inerente a qualquer setor produtivo. O aumento da conscientização ecológica, iniciado no final do século XX, deixou claro que o grande desafio da humanidade para as próximas décadas é equilibrar a produção de bens e serviços, crescimento econômico, igualdade social e sustentabilidade ambiental. Estes resíduos e subprodutos gerados pela agroindústria podem ser reaproveitados para obtenção de novos produtos. A biotecnologia se apresenta como ferramenta para atender esses objetivos. As condições brandas de processo envolvendo métodos biotecnológicos, implicam geralmente em danos mínimos ao meio ambiente e condição quase isenta de subprodutos indesejáveis. Entre os processos biotecnológicos, aqueles que utilizam enzimas estão entre os de maior importância. As enzimas que têm um importante papel na biotecnologia e tem sido grande foco de estudos atualmente, são as lipases, pois podem catalisar reações como hidrólise, transesterificação e esterificação, sendo o grupo mais importante de biocatalisadores para aplicações biotecnológicas. A produção de enzimas, objetivo deste projeto de pesquisa, irá utilizar como substrato biotecnológica as cascas das sementes de oiticica coletadas do NUPeg/UFRN proveniente da produção laboratorial de biodiesel. Essas lipases serão avaliadas para aplicações em bioprocessos têxteis e tratamento de efluentes. Será realizado coleta e processamento de dados, através de metodologias computacionais, para buscar predição de resultados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2017
Estudo e caracterização de águas residuais da industria do Petróleo
Descrição: A indústria do petróleo desenvolve uma das atividades mais promissoras e impactantes do mundo que é a produção do petróleo para geração de energia, porém, esta produção gera resíduos tóxicos e agressivos ao meio ambiente. Além dos produtos de interesse econômico que são gerados por esta atividade, petróleo e gás natural, ocorre também a geração de subprodutos como a água produzida, que durante a extração de petróleo, acumula contaminantes, que descartada sem o devido tratamento, provoca relevantes danos ao meio ambiente. Uma forma econômica e eficiente de remediar as contaminações da indústria do petróleo é a utilização de materiais de origem natural e biomassa, empregando metodologias por sorção..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (2) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Integrante / Késia Karina de Oliveira Souto Silva - Integrante / Rasiah Ladchumananandasivam - Coordenador.
2015 - Atual
Caracterização microestrutural e físico-química da fibra de Calotropis Procera com potencial aplicação na remoção de hidrocarbonetos em meio salino
Descrição: Acidentes ambientais envolvendo derramamento de petróleo e seus derivados em meios hídricos e solo são comuns e preocupantes, comprometendo a qualidade do meio ambiente. Uma forma econômica e eficiente de remediar estes derramamentos de óleo é o emprego do método de sorção utilizando fibras naturais ou biomassa. O objetivo deste trabalho é de investigar a capacidade sorvente da fibra de Calotropis Procera para remoção de petróleo em meio salino através de sua caracterização microestrutural. As análises realizadas na fibra foram: MEV, DRX, FRX, FTIR, densidade da fibra, ângulo de contato e TG/DSC. O petróleo foi classificado em seu grau API, viscosidade e densidade. Foram realizados ensaios de adsorção em sistema dinâmico e os efluentes gerados foram caracterizados pelo teor de óleos e graxas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Integrante / José Heriberto Oliveira do Nascimento - Integrante / Késia Karina de Oliveira Souto Silva - Integrante / Rasiah Ladchumananandasivam - Coordenador / Erick Buonora Tabosa do Egito - Integrante.
2014 - Atual
Tratamento de efluente industrial têxtil a partir de esferas de quitosana modificadas com óxidos mistos
Descrição: PVG11566-2014 Financiado por: EditalPIBIC_PIBIC_AF_PIBITI_2014-2015 Entre os novos processos de descontaminação ambiental que estão sendo desenvolvidos, os chamados ?Processos Oxidativos Avançados? (POAs) se destacam como uma excelente alternativa para o tratamento de efluentes com características diversas. Entre as várias fontes de contaminação ambiental, as indústrias têxteis ocupam lugar de destaque devido ao grande volume de efluentes gerados com elevada carga poluente. Nesta pesquisa está contemplado a produção de quitosana a partir de resíduos de camarão e siri de indústrias pesqueiras locais, visando a um melhor aproveitamento destas matérias-primas. A proposta de estudo visa aprimorar propriedades como a sua capacidade de adsorver e de complexar metais e, deste modo, adotá-la para o tratamento de efluentes reais de indústrias têxteis. Portanto, estes materiais poderão ser empregados com êxito na remoção de cátions metálicos desses efluentes, atuando como agentes na diminuição dos efeitos tóxicos causados por metais pesados e corantes, como também na renovação e preservação do ecossistema.Será realizado coleta e processamento de dados, através de metodologias computacionais, para buscar predição de resultados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Reciclagem de resíduos sólidos poliméricos à base de poliestireno para tratamento de efluente industrial têxtil
Descrição: PIG10806-2014 Financiado por: EDITAIS No. 004 e 005/2013 - PROPESQ-NUPLAM 2014 / Edital 07/2015 - PROPESQ_NUPLAM_2015-2016 - SUPLEMENTAR / Edital N° 01/2016 - Edital de Bolsas de Pesquisa da UFRN A reciclagem de materiais tornou-se um campo merecedor de pesquisa, desenvolvimento e aplicação de recursos, uma vez que existe um interesse ambiental e econômico na retirada de materiais descartados do meio ambiente. Os polímeros são os materiais que têm a maior contribuição para o impacto ambiental, pois vêm gradativamente substituindo materiais como vidros e metais devidos sua baixa densidade e propriedades físicas e químicas versáteis. O poliestireno faz parte desta grande família de polímeros. Possui boas propriedades mecânicas e isolantes sendo empregado em vários setores como materiais descartáveis (copos, pratos, bandejas, etc), proteção para equipamentos eletrônicos e espumas para embalagens e proteção. Devido ao elevado consumo de poliestireno, o destino final observado para estes materiais são aterros e lixões, uma vez que este raramente é reutilizado em sua forma original. Isto ocorre porque este processo não compensa economicamente, devido ao baixo preço da resina virgem. O uso de poliestireno sulfonado (PSS), produzido a partir de materiais descartados de poliestireno será o objetivo desta pesquisa para o tratamento de efluente industrial. O PSSNa será obtido por rota homogênea e caracterizado por FTIR, XRD, MEV, etc. O permeado será analisado através dos parâmetros de cor e turbidez, para constar a eficiência do polieletrólito a partir do poliestireno, contribuindo desta maneira para a preservação do meio ambiente. coleta e processamento de dados, através de metodologias computacionais, para buscar predição de resultados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2014
Estudo das formulações cerâmicas para fins de confecção de tubos porosos utilizando a filtração tangencial de efluente industrial têxtil
Descrição: PIG11186-2012 A recuperação de águas provenientes do processamento industrial se mostra como uma alternativa potencialmente necessária para se manter uma utilização racional desse valioso recurso (Oliveros et al., 1997). É observado que a reutilização da água tem sido efetuada para alcançar uma qualidade mínima, sendo um dos parâmetros exigidos a ausência de coloração, pois o corante remanescente poderá interagir nos processos de tingimento e enxágüe em que essa água reutilizada estará sendo empregada (Silva Filho, 1994; Silva, 2004). Os processos de separação por membranas possuem uma série de vantagens, das quais podemos destacar: economia de energia, seletividade, separação de compostos termolábeis e simplicidade de operação (Habert, Borges e Nóbrega, 2006). Métodos utilizando membranas em complemento a outros processos de tratamento de efluentes, têm surtido bons resultados. As membranas cerâmicas têm sido evidenciadas por terem boa resistência térmica, mecânica e ao ataque químico, possibilitando o controle do tamanho de poros, proporcionando maior durabilidade e eficiência no processo (Silva, 2004). O processo com uso de membranas cerâmicas possui aspectos favoráveis, por exemplo, a limpeza das membranas pode ocorrer sem produtos químicos, via queima de matéria orgânica, podendo ainda o material filtrante e cerâmico ser reciclado. Resultados satisfatórios foram obtidos ao utilizar o processo de microfiltração tangencial com membranas tubulares inorgânicas e tubos microporos na separação de misturas moleculares preparadas com os agentes polissacarídeos gomas Xantana e Guar em suspensão aquosa. (Queiroz, 2004) Experiências com microfltração tangencial também foram realizadas com efluente após tratamento biológico. Os resultados confirmaram que a microfiltração à 0,2µm é uma barreira eficaz na remoção dos coliformes fecais. A redução média da turbidez chegou a 99%, enquanto que as taxas de redução da DQO chegou até 60%. A microfiltração também eliminou todos os microorganismos indicadores de contaminação fecal (Langlais, 1992). Será realizado coleta e processamento de dados, através de metodologias computacionais, para buscar predição de resultados..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2016 - 2017
Implantação de um ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) para os cursos técnicos do PRONATEC da EAJ/UFRN
Descrição: O PRONATEC foi criado em 2011, por meio da Lei 12.513/2011, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) tem como finalidade ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica, por meio de programas, projetos e ações de assistência técnica e financeira. Dentre seus objetivos encontram-se a expansão das redes federal e estaduais de EPT, a ampliação da oferta de cursos a distância, a ampliação do acesso gratuito a cursos de Educação Profissional e Tecnológica em instituições públicas e privadas, a ampliação das oportunidades de capacitação para trabalhadores de forma articulada com as políticas de geração de trabalho, emprego e renda e a difusão de recursos pedagógicos para a EPT. O Pronatec representa um esforço de oferta de cursos de EPT voltados prioritariamente para os estudantes do ensino médio da rede pública, inclusive da educação de jovens e adultos, os trabalhadores, os beneficiários dos programas federais de transferência de renda e os estudantes que tenham cursado o ensino médio completo em escola da rede pública. O ensino presencial ofertado pela Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), unidade das atividades de ensino, pesquisa e extensão em Ciências Agrárias vinculada à Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), nos cursos Técnicos do PRONATEC, o maior programa de qualificação técnica profissional da história do Brasil, tem sido muito importante na formação de novos profissionais. Com o surgimento de novas tecnologias de ensino, algumas ferramentas têm sido utilizadas no apoio e alternativa ao ensino presencial. A plataforma Moodle (Modular Object Oriented Distance Learning) vem sendo usada em muitas instituições de ensino no Brasil e no mundo. Este projeto foi fruto de um estudo desde o início do ano de 2015 com o objetivo de incrementar ao trinômio ensino, aprendizado e profissionalização a utilização da plataforma moodle no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC) da EAJ para atender os cursos técnicos ofertados por ela. Foi implementado um servidor virtual com o Sistema Operacional Windows Server 2012 R2, implementado com o Serviços de Informações da Internet (IIS) rodando extensões nativas do serviço e extensões php e dependências, banco de dados em MySQL, e plataforma Moodle, incubado na Superintendência de Informática (SINFO) da UFRN. Os cursos técnicos foram remodelados com a introdução de disciplinas presenciais, semi-presenciais e não presenciais, utilizando a plataforma moodle como apoio teórico para as disciplinas presenciais, todo o conteúdo teórico de embasamento e preparação para as atividades práticas nas disciplinas semi-presenciais e a totalidade de conteúdo e carga horária aplicada nas não presenciais. Através desta inovação/reformulação pedagógica e tecnológica, o PRONATEC pode otimizar significativamente recursos e a administração de conteúdo dos cursos técnicos influenciando os alunos ao uso das Tecnologias da Informação e Comunicações (TIC) e expandindo mais as fronteiras do ensino técnico ofertado pela EAJ. PROJETO FINANCIADO ATRAVÉS PROGRAMA PRONATEC - SETEC-MEC-FNDE. Foi implementado um servidor virtual com o Sistema Operacional Windows Server 2012 R2 sobre a plataforma VMWare, implementado com o Serviços de Informações da Internet (IIS) rodando extensões nativas do serviço e extensões php e dependências, banco de dados em MySQL, e plataforma Moodle, incubado na Superintendência de Informática (SINFO) da UFRN. Após a instalação do servidor, serviços, banco de dados e plataforma moodle (versão inicial 2.9), foi feita as configurações institucionais e de acesso ao público pela internet institucional da UFRN (www.eadpronatec.eaj.ufrn.br). Foram feitos todos os testes necessários de segurança e conformidade para homologar o sistema..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2016 - 2017
Ambiente virtual de aprendizagem (AVA) para os cursos técnicos do PRONATEC/EAJ/UFRN
Descrição: O PRONATEC foi criado em 2011, por meio da Lei 12.513/2011, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) tem como finalidade ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica, por meio de programas, projetos e ações de assistência técnica e financeira. Dentre seus objetivos encontram-se a expansão das redes federal e estaduais de EPT, a ampliação da oferta de cursos a distância, a ampliação do acesso gratuito a cursos de Educação Profissional e Tecnológica em instituições públicas e privadas, a ampliação das oportunidades de capacitação para trabalhadores de forma articulada com as políticas de geração de trabalho, emprego e renda e a difusão de recursos pedagógicos para a EPT. O Pronatec representa um esforço de oferta de cursos de EPT voltados prioritariamente para os estudantes do ensino médio da rede pública, inclusive da educação de jovens e adultos, os trabalhadores, os beneficiários dos programas federais de transferência de renda e os estudantes que tenham cursado o ensino médio completo em escola da rede pública. Com a implantação da plataforma moodle nos cursos técnicos do PRONATEC EAJ/UFRN, surgiu a necessidade de vários processos que regulam a vida util de um projeto de software bem como sua manutenção e gestão de seu ciclo de vida. O objetivo deste projeto é implantar políticas de administração da plataforma mantendo usuários, gerenciando cursos, recursos e funcionalidades, regras de redundância nos dados armazenados, réplicas seguras, e atualizações ma plataforma e em todo o conjunto. PROJETO FINANCIADO PELO PROGRAMA PRONATEC/EAJ/UFRN - SETEC/MEC/FNDE Com o surgimento das TIC voltadas ao ensino, a educação, inclusive no ensino técnico e profissionalizante, está adotando plataformas multimídia para auxiliar o aprendizado, como por exemplo a internet, um ambiente de internet cria processos interativos entre usuários conectados, esses processos agem como verdadeiros vetores de aprendizado baseado em conectividade e interação. Através da administração do SGDB PHPMyAdmin, MySQL Workbench, Ferramentas de Gerência do Windows Server, IIS e da plataforma moodle, criar regras e rotinas de administração do conjunto de serviços que envolve o SLA do Ambiente Virtual de Aprendizagem dos cursos técnicos PRONATEC EAJ/UFRN gerindo usuários, cursos, disciplinas e demais recursos da plataforma moodle (Já atualizada atualmente na versão 3.2.x), Nos SGDB atuar criando rotinas de manutenção da concistência dos dados, backup de bases e replicação do sistema e nos sistemas que envolve o Windows Server 2012 R2 gerenciar backups e atualizações de segurança..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2016 - 2016
Curso de Metodologia Científica Aplicada ao Desenvolvimento de Trabalhos Acadêmicos - 2016.1
Descrição: O trabalho acadêmico, no contexto mundial, está relacionado diretamente a toda formação, seja profissional, de graduação, pós-graduação (Latu sensu e Strictu sensu) ou vida acadêmica continuada na condição de educadores e pesquisadores. Seguir as padronizações existentes, eleva o nível do trabalho científico e/ou acadêmico pesquisado aos mais altos patamares de aceitação das comunidades relacionadas, nos âmbitos nacinal e internacional, a níveis de uma compreensão organizada e mais ampla. A Assossiação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é uma organização privada e filantrópica, membro fundador da International Organization for Standardization (Organização Internacional de Normalização - ISO), Comisión Panamericana de Normas Técnicas (Comissão Pan-Americana de Normas Técnicas - Copant) e da Asociación Mercosur de Normalización (Associação Mercosul de Normalização - AMN). Desde a sua fundação, na década de 50, também é membro da International Electrotechnical Commission (Comissão Eletrotécnica Internacional - IEC) e a principal responsável pela elaboração das Normas Brasileiras (ABNT NBR), elaboradas por seus Comitês Brasileiros, Organismos de Normalização Setorial e Comissões de Estudos Especiais. Fonte pesquisada: www.abnt.org.br.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (13) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (6) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Integrante / José Heriberto Oliveira do Nascimento - Integrante / Késia Karina de Oliveira Souto Silva - Coordenador / Fernando Ribeiro de Oliveira - Integrante.
2016 - 2016
Composição da Seção de Pôsteres da XXII Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN - CIENTEC 2016
Descrição: Composição da Seção de Pôsteres das áreas de concentração envolvendo as Ciências e Engenharias do eixo tecncológico da XXII Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da Universidade Federal do Rio Grande do Norte - CIENTEC 2016..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Integrante / Leonardo Mendes Álvares - Coordenador.
2014 - 2014
III Semana de Engenharia Têxtil
Descrição: III Semana de Engenharia Têxtil - Sinergia, inovação e criatividade nas perspectivas futuras da indústria têxtil..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (20) / Mestrado acadêmico: (3) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Integrante / José Heriberto Oliveira do Nascimento - Integrante / Késia Karina de Oliveira Souto Silva - Coordenador / Fernando Ribeiro de Oliveira - Integrante / Marcos Silva de Aquino - Integrante.
2011 - 2011
INTEGRATEX 2011.2
Descrição: encontro semestral de integração dos alunos ingressantes no curso de Engenharia Têxtil da UFRN, com o objetivo de proporcionar motivação para área têxtil, através de depoimentos de ex-alunos inseridos no mercado de trabalho têxtil e palestras de professores do curso. Destacam-se também as informações acerca da história do curso, pós-graduações e projetos de pesquisa na área têxtil, funções da coordenação, do departamento e do centro acadêmico, apresentação do quadro de professores e funcionários do Departamento de Engenharia Têxtil, estrutura física, perspectivas do engenheiro depois de graduado, dentre outras..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2011 - 2011
TECITECA - Um acervo de amostras de tecidos para viabilizar o ensino e a pesquisa do curso de engenharia têxtil
Descrição: Percebendo a importância dos tecidos e substratos têxteis no campo da moda, sua constante atualização, seus frequentes desenvolvimentos tecnológicos, sempre buscando suprir necessidades dos atuais consumidores, e do quanto esses aspectos são fundamentais para a formação do Engenheiro Têxtil, propomos a criação de uma TECITECA. Atualmente, o curso de Engenharia Têxtil oferecido pela UFRN ainda não dispõe de nenhum acervo de tecidos, apesar de ter em sua estrutura curricular muitas disciplinas que estudam os substratos têxteis. O Projeto tem como objetivo organizar um acervo de amostras de tecidos, incluindo amostras de lavagens em jeans, como também catalogar de forma mais ampla o fluxo produtivo de alguns dos principais tecidos, desde a identificação da fibra utilizada até a produção e o acabamento do tecido. Este acervo servirá como instrumento para docentes e discentes do curso de Engenharia Têxtil, especialmente nas aulas laboratoriais na área de CAD-CAM aplicado ao vestuário, Moda, Criação de Coleções, Tecelagem, Introdução à Engenharia Têxtil, dentre outras disciplinas do curso, além de servir como base para desenvolvimento de pesquisas e projetos de iniciação científica. O Projeto de Criação da TECITECA disponibiliza aos alunos do curso de Engenharia Têxtil, e também à comunidade, amostras de tecidos e de processos de lavanderia de maneira acessível e organizada, com todas as especificações necessárias para seu estudo. Além dos tecidos e amostras de beneficiamento, a TECITECA oferecerá um catálogo com o contato dos principais fornecedores do Brasil, além de catálogos disponibilizados por algumas dessas empresas. Este projeto de extensão universitária deve atuar em caráter educativo, com ênfase no ensino-pesquisa aos acadêmicos do curso de Engenharia Têxtil, como também incentivá-los a divulgar o curso no âmbito das escolas públicas mostrando uma parte bastante atrativa da área têxtil. PALAVRAS-CHAVE: Tecidos. Acervo. Moda..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Coordenador.
2007 - 2012
Microsoft Student Partner
Descrição: Projeto de extensão universitária da Microsoft Brasil, é um Programa Acadêmico voltado para desenvolver habilidades para ajudar ao sucesso do futuro profissional, fomentar e mediar novas tecnologias e se conectar com outros estudantes. O programa de MSP promove o aproveitamento de tecnologias e ferramentas da Microsoft, desenvolvendo suas habilidades e dando experiência para os formandos na área de computação, facilitando sua inserção no mercado de trabalho..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Projetos de desenvolvimento


2017 - Atual
Portal de suporte acadêmico - PRONATEC EAJ/UFRN
Descrição: Planejamento, implementação, homologação e início de produção do portal para o serviço de suporte acadêmico do PRONATEC EAJ/UFRN para os cursos técnicos..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Integrante / Késia Karina de Oliveira Souto Silva - Coordenador.
2015 - 2016
Ambiente Virtual de Aprendizagem para os cursos técnicos do PRONATEC EAJ/UFRN
Descrição: Planejamento, desenvolvimento, implementação e configuração de um VPS, implantação de um ambiente virtual de aprendizagem na plataforma moodle para atender a disciplinas regulares e eletivas dos cursos técnicos da Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ)/UFRN e suporte ao ambiente, sua plataforma operacional e serviços relacionados..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
2007 - 2012
Microsoft Student Partner
Descrição: Programa Acadêmico voltado para desenvolver habilidades para ajudá-lo a ter sucesso em seu futuro profissional, para ajudar outros a aprender sobre novas tecnologias e se conectar com outros estudantes. O programa de MSP é projetado para ajudá-lo a tirar o máximo proveito de tecnologias e ferramentas da Microsoft, desenvolver suas habilidades e dar-lhe uma experiência para quando se formar, se inserir no mercado de trabalho. http://www.microsoft.com/education/pt-br/leadership/Pages/StudentPartner.aspx http://www.microsoft.com/education/pt-br/leadership/Pages/index.aspx.
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (37) .
Integrantes: Anaxmandro Pereira da Silva - Coordenador / Anderson Ferreira de Almeida - Integrante / Aline Firmino Brito - Integrante / Luiz Pena - Integrante / Alexandre Zollinger Chohfi - Integrante / Ricardo Guerra Freitas - Integrante.
Número de produções C, T & A: 15


Áreas de atuação


1.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Mecânica.
2.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Tecnologia dos Materiais.
3.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Materiais Compósitos.
4.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Computação.
5.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Ciência da Informação / Subárea: Sistemas de Informação.
6.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Ciência da Computação / Subárea: Análise de Sistemas.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Capítulos de livros publicados
1.
NASCIMENTO, J. H. O. ; COELHO, M. P. G. ; SILVA, A. P. ; SILVA, K. K. O. S. ; dos Santos, A. R. L. ; CAMPOS, C. F. ; MORAIS, J. P. S. ; Sivam, R. L. . Removal of Crude Oil Using a New Natural Fibre Calotropis procera. In: R. Fangueiro; S. Sana. (Org.). RILEM Bookseries. 1ed.: Springer Netherlands, 2016, v. Cap 9, p. 113-125.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, A. P.; NASCIMENTO, J. H. O. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; SILVA, K. K. O. S. . Offshore Oil Spill Pollution Remediation Through The Use Of Calotropis Procera Fiber. In: 3 rd International Conference on Natural Fibers - Advanced Materials for a Greener World,, 2017, Braga - PT. Anais do 3 rd International Conference on Natural Fibers - Advanced Materials for a Greener World, 2017.

2.
SILVA, A. P.; SANTOS, A. R. L. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SILVA, K. K. O. S. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. . characterization and potential application of the calotropis procera fi ber. In: 3 rd International Conference on Natural Fibers - Advanced Materials for a Greener World, 2017, Braga PT. Anais do 3 rd International Conference on Natural Fibers - Advanced Materials for a Greener World, 2017.

3.
SILVA, A. P.; SILVA, R. K. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SILVA, K. K. O. S. . Synthesis and characterization of micro/nanocapsules of andiroba. In: 3 rd International Conference on Natural Fibers - Advanced Materials for a Greener World,, 2017, Braga PT. Anais do 3 rd International Conference on Natural Fibers - Advanced Materials for a Greener World,, 2017.

4.
OLIVEIRA, D. A. J. ; SILVA, A. P. ; SILVA, K. K. O. S. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; OLIVEIRA, F. R. . Development of a New Dyeing Process to PES/CO Fabric. In: 3rd International Congress on Water, Waste and Energy Management (EWWM), 2016, Roma. 3rd International Congress on Water, Waste and Energy Management (EWWM) - Abstract Book. Portugal: ScienceKNOW Conferences C.B., 2016. v. 1. p. 309-310.

5.
SILVA, A. P.; SILVA, K. K. O. S. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SANTOS, A. R. L. ; EGITO, E. B. . Fibra de calotropis procera: um adsorvente eficaz para remoção de óleo na água do mar. In: 22 CBECIMAT, 2016, Natal. 22 CBECIMAT, 2016.

6.
SILVA, A. P.; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; EGITO, E. B. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SANTOS, A. R. L. . Estudo da caracterização microestrutural da fibra de calotropis procera e sua potencial aplicação na remoção de hidrocarbonetos e seus derivados. In: 22 CBECIMAT, 2016, Natal. 22 CBECIMAT, 2016.

7.
SILVA, A. P.; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; EGITO, E. B. T. ; OLIVEIRA, F. R. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SILVA, K. K. O. S. . Calotropis Procera fiber: an effective bioadsorbent for oil removal in seawater. In: 3rd International Congress on Water, Waste and Energy Management (EWWM), 2016, Roma. 3rd International Congress on Water, Waste and Energy Management (EWWM) - Abstract Book. Portugal: ScienceKNOW Conferences C.B., 2016. v. 1. p. 322-323.

8.
COELHO, M. P. G. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SILVA, A. P. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; SILVA, K. K. O. S. ; CAMPOS, C. F. ; SANTOS, A. R. L. ; MORAIS, J. P. S. . Removal of Crude Oil Using a New Natural Fiber - Calotropis Procera. In: ICNF2015 - 2nd International Conference on Natural Fibers, 2015, Azores - PT. ICNF2015 - 2nd International Conference on Natural Fibers. Azores, 2015. v. II. p. 377-379.

9.
COELHO, M. P. G. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SILVA, A. P. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; SILVA, K. K. O. S. ; CAMPOS, C. F. ; MORAIS, J. P. S. . Optimizing the oil adsorption in kapok fibers by response surface methodology. In: ICNF2015 - 2nd International Conference on Natural Fibers, 2015, Azores - PT. ICNF2015 - 2nd International Conference on Natural Fibers. Azores - PT, 2015.

10.
SILVA, E. S. ; SILVA, A. P. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SILVA, K. K. O. S. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. . Sericin nanoparticles synthesis and potential application in textile cosmetic area. In: ICNF2015 - 2nd International Conference on Natural Fibers, 2015, Azores - PT. ICNF2015 - 2nd International Conference on Natural Fibers. Azores - PT, 2015. v. 1. p. 363-365.

11.
COELHO, M. P. G. ; CAMPOS, C. F. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; SILVA, I. O. ; SILVA, K. K. O. S. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SILVA, A. P. ; SANTOS, A. R. L. . New application of natural fiber Calotropis Procera for treatment of oil industry effluent. In: International Conference on Chemical and Biochemical Engineering, 2015, Paris. International Conference on Chemical and Biochemical Engineering. Paris - FR, 2015.

12.
SILVA, K. K. O. S. ; PASKOCIMAS, C. A. ; FELIPE, B. H. S. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SILVA, A. P. . Removal of contaminants from textile wastewater through the use of porous alumina membranes. In: International Conference on Chemical and Biochemical Engineering, 2015, Paris. International Conference on Chemical and Biochemical Engineering. Paris - FR, 2015.

13.
SILVA, K. K. O. S. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; BORBA, P. B. ; OLIVEIRA, F. R. ; SILVA, A. P. . Synthesis of sericin nanoparticles for potential use in cosmetic and medical areas. In: 6th International Congress of Energy and Environment and Management, 2015, Paris, Frence. International Congress of Energy and Environment and Management - Abstract Book, 2015. p. 1-295.

14.
SILVA, K. K. O. S. ; SILVA, A. P. ; BRITO, L. P. . Characterization of effluent from jeans industry (indigo) in each stage of the textile processing and possible treatments. In: International Congress Water, Waste and Energy Management, 2014, Porto - PT. International Congress Water, Waste and Energy Management. Porto - PT, 2014. p. 117-117.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, A. P.; PINTO, C. U. O. ; SILVA, K. K. O. S. ; BRITO, L. P. . Caracterização de efluente industrial têxtil (índigo) e possíveis propostas de tratamento. In: CIENTEC, 2014, Natal. CIENTEC 2014, 2014.

2.
SILVA, A. P.; SILVA, K. K. O. S. ; PINTO, C. U. O. . Estudo da reciclagem de resíduos sóiidos poliméricos à base de poliestireno para tratamento de efluente industrial têxtil. In: CIENTEC, 2014, Natal. CIENTEC 2014, 2014.

Apresentações de Trabalho
1.
SILVA, A. P.; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; EGITO, E. B. T. ; OLIVEIRA, F. R. ; SILVA, K. K. O. S. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SANTOS, A. R. L. . Calotropis Procera fiber: an effective bioadsorbent for oil removal in seawater. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
SILVA, A. P.; SILVA, K. K. O. S. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; EGITO, E. B. T. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SANTOS, A. R. L. . Estudo da caracterização microestrutural da fibra de Calotropis Procera e sua potencial aplicação na remoção de hidrocarbonetos e seus derivados. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
SILVA, A. P.; SILVA, K. K. O. S. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. ; EGITO, E. B. T. ; NASCIMENTO, J. H. O. ; SANTOS, A. R. L. . Fibra de Calotropis Procera: Um adsorvente eficaz para a remoção de óleo na água do mar. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
SILVA, A. P.; SILVA, K. K. O. S. ; PINTO, C. U. O. . Estudo da reciclagem de resíduos sólidos poliméricos à base de poliestireno para tratamento de efluente industrial têxtil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
SILVA, K. K. O. S. ; SILVA, A. P. ; LADCHUMANANANDASIVAM, R. . Abordagem conceitual sobre modelagem e simulação no estudo de possibilidades no desenvolvimento de novos materiais têxteis. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
SILVA, K. K. O. S. ; SILVA, A. P. ; PINTO, C. U. O. ; BRITO, L. P. . Caracterização de Efluente Industrial Têxtil (índigo) e possíveis propostas de tratamentos. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
SILVA, A. P.. Ambiente Virtual de Aprendizagem dos cursos Técnicos PRONATEC EAJ/UFRN. 2015.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
SILVA, A. P.. Entrevista com o colaborador dos repentistas - Desconectados CCE. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
SILVA, A. P.. Repentistas criam e-mail - Desconectados CCE. 2010.

3.
SILVA, A. P.; Corp. Microsoft. ; ALMEIDA, A. F. . Programas contribuem para o crescimento econômico. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
SILVA, A. P.. Curso de Capacitação e Habilitação em Ensino à Distância - Plataforma EaD PRONATEC EAJ/UFRN. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
SILVA, A. P.; SILVA, K. K. O. S. ; OLIVEIRA, F. R. . Curso de Metodologia Científica Aplicada ao Desenvolvimento de Trabalhos Acadêmicos - 2016.1. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
SILVA, A. P.. I Workshop de EaD do PRONATEC/EAJ/UFRN - O Moodle como ferramenta de aplicação e apoio às atividades docentes e pedagógicas. 2015. .

4.
SILVA, A. P.. Programa Students to Business - S2B - 1ª Edição. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
SILVA, A. P.. programa Students to Business - S2B - 2ª Edição. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
SILVA, A. P.; NASCIMENTO, J. H. O.; FERNANDES, J. E. A.; SILVA, K. K. O. S.. Participação em banca de Vaneska Mirelli Silva.Multifuncionalidade aplicada aos têxteis: A micro e nanotecnologia na indústria de moda praia. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Têxtil) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
SILVA, A. P.. XXVIII CICT - Congresso de Iniciação Científica e Tecnológica da UFRN. 2017. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

2.
SILVA, A. P.. CIENTEC 2016 - Avaliador de pôsteres com orientador da UFRN. 2016. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

3.
SILVA, A. P.. XXVII CICT - Congresso de Iniciação Científica e Tecnológica da UFRN. 2016. Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

4.
SILVA, A. P.; ALENCASTRO, C.; VASCONCELOS, R.. Avaliador de projetos no programa Students to Business - S2B - 1ª Edição. 2008. Universidade Estácio de Sá.

5.
SILVA, A. P.; ALENCASTRO, C.; VASCONCELOS, R.. Avaliador de projetos no programa Students to Business - S2B - 2ª Edição. 2008. Universidade Estácio de Sá.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
22º Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais. Estudo da caracterização microestrutural da fibra de Calotropis Procera e sua potencial aplicação na remoção de hidrocarbonetos e seus derivados. 2016. (Congresso).

2.
22º Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais. Fibra de Calotropis Procera: Um adsorvente eficaz para a remoção de óleo na água do mar. 2016. (Congresso).

3.
22º Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais. 2016. (Congresso).

4.
CIENTEC 2014 - Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN.Abordagem conceitual sobre modelagem e simulação no estudo de possibilidades no desenvolvimento de novos materiais têxteis. 2014. (Outra).

5.
CIENTEC 2014 - Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN.Estudo da Reciclagem de Resíduos Sólidos Poliméricos à base de Poliestireno para Tratamento de Efluente Industrial Têxtil. 2014. (Outra).

6.
CIENTEC 2014 - Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN.Caracterização de Efluente Industrial Têxtil (índigo) e possíveis propostas de tratamentos. 2014. (Outra).

7.
International Congress Water, Waste and Energy Management. Characterization of effluent from jeans industry (indigo) in each stage of the textile processing and possible treatments. 2014. (Congresso).

8.
VII SIMPÓSIO OMPS - I.VII SIMPÓSIO OMPS - I. 2014. (Simpósio).

9.
FEUC Install Fest.Tecnologias Microsoft. 2009. (Seminário).

10.
IX Semana Acadêmica de Informática - FEUC.Novas tecnologias Microsoft. 2009. (Seminário).

11.
Microsoft Academic Night.Segurança em redes sem fio. 2009. (Seminário).

12.
V Semana de Informática da Universidade Estácio de Sá - Campus Cabo Frio.Interoperabilidade em Sistemas Operacionais e Serviços (Abordagem sobre Softwares livres e proprietários). 2009. (Seminário).

13.
XVIII Semana de Informática - UNIVERSO.Segurança da Informação. 2009. (Seminário).

14.
I Jornada de Informática do Centro Universitário Celso Lisboa/RJ.Novas tecnologias Microsoft. 2008. (Seminário).

15.
Imagine CUP. Algorítimo e programação para nano robôs na resolução de problemas no meio ambiente. 2008. (Olimpíada).

16.
I Semana de Informática da FEUDUC.Conhecendo o Microsoft Windows Vista. 2008. (Seminário).

17.
VIII FEUCTEC.Novas Tecnologias Microsoft na convergência digital. 2008. (Seminário).

18.
Imagine CUP. Algorítimo e programação para nano robôs na resolução de problemas no corpo humano. 2007. (Olimpíada).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ALVARES, L. M. ; SILVA, A. P. . Composição da seção de pôsteres da XXII CIENTEC/UFRN. 2016. (Exposição).

2.
SILVA, A. P.. I Workshop de EaD do PRONATEC/EAJ/UFRN - O Moodle como ferramenta de aplicação e apoio às atividades docentes e pedagógicas. 2015. (Outro).



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de desenvolvimento tecnológico

Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Cursos de curta duração ministrados
1.
SILVA, A. P.. Programa Students to Business - S2B - 1ª Edição. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
SILVA, A. P.. Curso de Capacitação e Habilitação em Ensino à Distância - Plataforma EaD PRONATEC EAJ/UFRN. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
SILVA, A. P.. programa Students to Business - S2B - 2ª Edição. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
SILVA, A. P.. Entrevista com o colaborador dos repentistas - Desconectados CCE. 2010. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
SILVA, A. P.; Corp. Microsoft. ; ALMEIDA, A. F. . Programas contribuem para o crescimento econômico. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
SILVA, A. P.. Repentistas criam e-mail - Desconectados CCE. 2010.


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ALVARES, L. M. ; SILVA, A. P. . Composição da seção de pôsteres da XXII CIENTEC/UFRN. 2016. (Exposição).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/01/2019 às 10:55:05