Ivelã Pereira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7842531749573861
  • Última atualização do currículo em 01/10/2018


Doutoranda em Linguística na UFSC, é Mestra em Linguística (2013), graduada em Licenciatura (2010) e Bacharelado (2011) em Letras/Português pela mesma universidade. Foi bolsista de Iniciação Científica em Semântica nos anos de 2008 e 2009. Sua dissertação de Mestrado, na área de Gramática do Uso, tratou sobre a multifuncionalidade do item gramatical "mesmo" no português brasileiro. Atuou como Professora Colaboradora no curso de Letras da Unicentro (Irati) e trabalhou como professora substituta em Linguística na UFSC. Já ministrou as disciplinas de Morfologia, Fonética e Fonologia, Sociolinguística, História dos Estudos Linguísticos, Estudos Gramaticais, Sociolinguística, Norma Padrão Escrita, Linguística Aplicada e Leitura e Produção Textual Acadêmica. Atualmente, sua área de abordagem é a Sociolinguística Variacionista, com foco na questão da morfologia verbal. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Ivelã Pereira
Nome em citações bibliográficas
PEREIRA, I.;PEREIRA, IVELÃ


Formação acadêmica/titulação


2016
Doutorado em andamento em Programa de Pós-Graduação em Lingüística da UFSC.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: A variação morfêmica verbal na P4 em verbos regulares de 1ª e 2ª conjugação no sul paranaense,
Orientador: Izete Lehmkuhl Coelho.
Coorientador: Loremi Loregian Penkal.
2011 - 2013
Mestrado em Lingüística.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Mesmo: a multifuncionalidade de um item linguístico camaleônico,Ano de Obtenção: 2013.
Orientador: Edair Maria Görski.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
2010 - 2011
Graduação em Letras e Literatura Vernáculas.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: O uso variado das formas anafóricas no acusativo.
Orientador: Izete Lehmkuhl Coelho.
2006 - 2009
Graduação em Letras e Literatura Vernáculas.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.




Formação Complementar


2018 - 2018
Extensão universitária em Curso extracurricular de italiano. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2018 - 2018
Extensão universitária em Curso extracurricular de alemão. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2018 - 2018
Extensão universitária em Curso extracurricular de italiano. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2017 - 2017
R sem medo: Estatística para Sociolinguística. (Carga horária: 6h).
Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS, Brasil.
2013 - 2013
Extensão universitária em Curso de Formação Continuada para Avaliadores das Redações do ENEM 2013. (Carga horária: 120h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2012 - 2012
Extensão universitária em XI Encontro de obras Educacionais da Província BRM. (Carga horária: 24h).
Universidade do Vale do Rio dos Sinos, UNISINOS, Brasil.
2011 - 2011
Extensão universitária em Oficina de web-ontologia e processamento de linguagem natural. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em Curso extracurricular de francês - nível 4. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2010 - 2010
Seminário de Formação Acadêmica. (Carga horária: 30h).
Colégio Catarinense, CC, Brasil.
2009 - 2009
Revisão de textos. (Carga horária: 50h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 18

Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Ministra aulas de 1. Sintaxe; 2. Estudos Linguísticos; 3. Fonética e Fonologia; 4. Leitura e Produção Escrita; 5. História da Língua Portuguesa; 6. Linguística Aplicada ao Ensino de Língua Portuguesa


Centro Universitário Internacional, UNINTER, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Tutor presencial, Carga horária: 5


União de Ensino do Sudoeste do Paraná, UNISEP, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 14

Atividades

02/2014 - Atual
Ensino, Administração, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Comunicação Empresarial I
Linguagem e Comunicação
Português Instrumental

Colégio Catarinense, CC, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 25

Vínculo institucional

2011 - 2014
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Revisora de Textos, Carga horária: 20


Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora substituta, Carga horária: 20
Outras informações
Disciplinas: Fonética e fonologia Morfologia

Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Mestrado, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Tutor a distância, Enquadramento Funcional: Tutor de Literatura Brasileira II, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Tutor presencial do moodle, Enquadramento Funcional: Tutor em Produção Textual Acadêmica, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Tutor a distância, Enquadramento Funcional: Tutor em Linguística Textual, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor de Prática do Ensino de LP, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Outro (bolsista PIBIC), Enquadramento Funcional: bolsista PIBIC, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.



Projetos de pesquisa


2016 - 2017
O contexto histórico sul-paranaense e a influência eslava para um estudo variacionista na concordância verbal
Descrição: Considerando o contexto histórico de expressiva imigração eslava (polonesa e ucraniana) no sul do estado do Paraná, esta investigação procura traçar reflexões, a partir de bibliografia especializada, sobre a história dos imigrantes eslavos (com foco nos descendentes de poloneses) nessa região do Paraná. O polonês ? língua materna de muitos polono-brasileiros ? é considerado uma língua minoritária no Brasil, e muitos descendentes restringiram seu uso por questões históricas de interdição e silenciamento, o que desencadeou um apagamento linguístico e cultural entre muitos deles. Esta pesquisa mostra que, em sua inserção na sociedade brasileira, os polono-brasileiros passaram por processos intensos de silenciamento histórico e pela não consideração do pluralismo linguístico no Brasil. Por outro lado, muitos aprenderam o português como segunda língua, e isso pode ter desencadeado ricas variações linguísticas resultantes de contato linguístico entre a língua materna e a L2. Para discutir essas questões históricas e de plurilinguismo no Brasil e no sul do Paraná, baseamo-nos, principalmente, em Altenhofen (2007, 2013), Calvet (2007 [1996]), Delong e Kersch (2014), Doustdar (1990), Almeida e Zanini (2011), Gardolinski (1956; 1976), Maher (2013), Nadalin (2001), Oliveira (2016), Polanczyk (2010), Wachowicz (1981, 2010), além de outros teóricos dedicados a pesquisas nas áreas de história, políticas linguísticas e sociolinguística. Com base no conhecimento dessa história, talvez seja possível pensar estratégias de propagação do pluralismo linguístico e cultural, contribuindo para a construção da história e a manutenção da língua desses imigrantes, além de trazer material bibliográfico para o banco VARLINFE (UNICENTRO, campus Irati) e futuras pesquisas sociolinguísticas dedicadas ao tema..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2016
A variação morfêmica na P4 em verbos de 1ª e 2ª conjugação no Pretérito Perfeito e Presente do Indicativo no sul paranaense
Descrição: Esta pesquisa teve como tema a variação morfêmica na P4 em verbos de 1ª e 2ª conjugação, objetivando encontrar registros escritos de ocorrência de tal variação linguística no contexto geográfico do sul paranense. O objetivo principal foi investigar se existe variação na P4 (pronome ?nós?) de verbos regulares de 1ª conjugação e 2ª conjugação no IdPt2 (Pretérito Perfeito) e IdPr (Presente do Indicativo), além de possíveis registros escritos dessa variação na região sul do Paraná. Por se tratar de uma pesquisa de caráter documental e bibliográfico, consultamos livros que contivessem depoimentos, entrevistas ou quaisquer outros registros escritos de informantes localizados em tal região, a fim de encontrar dados de variação entre ?amo(s) versus ?emo(s), como em ?cantamo(s)? e ?cantemo(s)?, bem como ?emo(s) versus ?imo(s), no caso, por exemplo, de ?comemo(s)? e ?comimo(s)?. Foram encontrados dados de variação entre as formas canônica (conforme a norma padrão) e não-canônica, o que nos permitiu traçar um breve perfil da fala campesina do sul paranaense, apontando que a variação linguística investigada parece ser comum entre falantes do Sul do Paraná..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - Atual
PARA A HISTÓRIA DO PORTUGUÊS BRASILEIRO DE SANTA CATARINA (PHPB-SC)
Descrição: Descrição: Este projeto tem como propósito (i) levantar e catalogar documentos que constituirão um corpus representativo da escrita catarinense dos séculos XIX e XX; (ii) editar e disponibilizar os documentos coletados; e (iii) descrever aspectos da realidade sócio-histórica e fenômenos de variação/mudança linguística do português de quatro localidades de Santa Catarina: Florianópolis, Lages, Blumenau e Chapecó, dos últimos dois séculos. Esta proposta se enquadra na metodologia de trabalho do Projeto Nacional Para a História do Português Brasileiro (PHPB) de levantamento e catalogação de fontes específicas, representativas do português escrito ao longo dos séculos, oriundas de levantamentos em arquivos históricos do Brasil. Não só um levantamento bibliográfico acerca da realidade sócio-histórica do Estado será efetuado, mas também informações sobre os diferentes períodos de formação de Santa Catarina, que se encontram nos textos coletados, serão levadas em consideração. O corpus servirá como fonte de estudos a respeito de aspectos linguísticos e sociais que possam contribuir para a caracterização do processo de formação do Português Brasileiro (PB), no curso dos séculos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
Amostra Digital VARSUL
Descrição: Este projeto, numa parceria interinstitucional que reúne a UFSC, a PUCRS, a UFRGS e a UFPR, tem por objetivo central disponibilizar à comunidade científica nacional e internacional uma amostra digital de fala (i) do projeto VARSUL (Variação Lingüística Urbana na Região Sul), referente às três capitais do Sul do Brasil (Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre); e (ii) dos bancos de dados de fala rural de Florianópolis, a fim de servir como fonte de informação sobre a(s) variedade(s) sociolingüística(s) do Sul do País e como fonte para a pesquisa sociocultural dos informantes. A disponibilização deste banco virtual poderá fornecer o desenvolvimento de projetos voltados para a pesquisa, o ensino e a extensão, tanto nos cursos de Pós graduação quanto nos de Graduação, nas modalidades presencial e a distância; bem como oferecer aos interessados em geral uma fonte de dados lingüísticos reais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Ivelã Pereira - Integrante / Izete Lehmkuhl Coelho - Coordenador / Edair Maria Görski - Integrante / Odete Menon - Integrante / Leda Bisol - Integrante / Valéria Monaretto - Integrante / Gisela Collischonn - Integrante / Luiz Schwindt - Integrante / Edson Domingos Fagundes - Integrante / Loremi Loregian-Penkal - Integrante.


Outros Projetos


2013 - Atual
VARLINFE
Descrição: O projeto VARLINFE objetiva descrever e analisar as línguas eslavas, ucraniana e polonesa, faladas no centro-sul do Paraná, bem como visa realizar pesquisas sociolinguísticas que investiguem os traços linguísticos, principalmente, mas não exclusivamente, fonético-fonológicos e morfológicos, influenciados por essas línguas e que caracterizam a fala dessa região. Os trabalhos de seus pesquisadores contribuem para o conhecimento da pluralidade linguística brasileira e para a descrição do português falado no Brasil, fora do eixo dominante economicamente. Em 2014 o grupo contou com a presença (via intercâmbio, com bolsa da CAPES) da aluna de doutorado da University College Dublin, UCD, da Irlanda, Clarissa de Sousa Oliveira que coletou dados de poloneses de Mallet, Paraná, para comparação com os descendentes de poloneses de Dublin. Neste mesmo ano, o aluno da graduação em Letras da Unicentro Marcio Cotovicz, orientando de Luciane Trennephol, esteve em intercâmbio em Portugal..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Ivelã Pereira - Integrante / Loremi Loregian-Penkal - Coordenador / Luciane Trennephol da Costa - Integrante / Tadinei Daniel Jacumasso - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística.
2.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística / Subárea: Sociolingüística e Dialetologia.
3.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Língua Portuguesa.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende RazoavelmenteLê Pouco, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2010
MÉRITO ESTUDANTIL, Universidade Federal de Santa Catarina.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
PEREIRA, I.2018 PEREIRA, I.. O caso de -a-mo(s) versus -e-mo(s) e -e-mo(s) versus -i-mo(s): variação morfêmica ou especialização temporal?. CADERNO SEMINAL DIGITAL (RIO DE JANEIRO), v. 1, p. 400-436, 2018.

2.
PEREIRA, I.2018PEREIRA, I.; MARGOTTI, F. W. . Sobre onde nós fiquemo: mapeamento diatópico de um traço linguístico rural brasileiro. SOCIODIALETO, v. 8, p. 221-250, 2018.

3.
PEREIRA, I.2017 PEREIRA, I.. A voz de polono-brasileiros: um contexto histórico sul-paranaense. WORKING PAPERS EM LINGUÍSTICA (ONLINE), v. 18, p. 23-45, 2017.

4.
PEREIRA, I.2016PEREIRA, I.; GORSKI, E. M. . A multifuncionalidade do item ?mesmo? e sua(s) possível(is) trajetória(s) de gramaticalização. Guavira Letras, v. 1, p. 23-40, 2016.

5.
PEREIRA, IVELÃ2016 PEREIRA, IVELÃ; COELHO, IZETE LEHMKUHL ; LOREGIAN-PENKAL, LOREMI . Variação na concordância verbal de -nós- no presente e pretérito perfeito em verbos regulares de 1a e 2a conjugação: produtiva no sudeste paranaense?. Revista Signótica, v. 28, p. 481-508, 2016.

6.
PEREIRA, IVELÃ2014PEREIRA, IVELÃ. Cuidamos(s) e cuidemo(s): a variação morfêmica na P4 em verbos regulares de 1ª conjugação. WORKING PAPERS EM LINGUÍSTICA (IMPRESSO), v. 15, p. 49-71, 2014.

7.
PEREIRA, I.;PEREIRA, IVELÃ2013PEREIRA, I.; COELHO, I. L. . O uso variável das formas anafóricas no acusativo. Letrônica, v. 6, p. 288-318, 2013.

8.
PEREIRA, I.;PEREIRA, IVELÃ2008PEREIRA, I.; MOURA, H.M.M . Máquinas e Mentes: Interpretando a metáfora. WORKING PAPERS EM LINGUÍSTICA (IMPRESSO), v. 9, p. 81-99, 2008.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
PEREIRA, I.. Cuidamo(s) e cuidemo(s): a variação morfêmica na P4 em verbos de 1ª conjugação. In: I Jornadas Internacionales Beatriz Lavandera Sociolingüística y Análisis del discurso, 2013, Buenos Aires. Resúmenes. Buenos Aires, 2013. p. 263-264.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
PEREIRA, I.. Anoitecemos ou anoitecimos: a variação morfêmica na P4 em verbos de segunda conjugação. In: I International Symposium on Variation in Portuguese, 2014, Braga. Livro de resumos: I International Symposium on Variation in Portuguese. Braga: Universidade do Minho, 2014. v. 1. p. 37-38.

2.
PEREIRA, I.; COSTA, S. . O objeto anafórico no PB: um olhar sobre cartas de leitores e anúncios de jornal do século XIX. In: II Congresso Internacional de Linguística Histórica, 2012, São Paulo - SP. ANAIS DE RESUMOS DO HOMENAGEM A ATALIBA TEIXEIRA DE CASTILHO. São Paulo: USP,, 2012. p. 827-828.

3.
PEREIRA, I.. O uso variado das formas anafóricas no acusativo. In: II Congresso Internacional de Linguística Histórica, 2012, São Paulo - SP. ANAIS DE RESUMOS DO HOMENAGEM A ATALIBA TEIXEIRA DE CASTILHO. São Paulo: USP,, 2012. p. 388-388.

Apresentações de Trabalho
1.
PEREIRA, IVELÃ. Aspectos pragmáticos relacionados à aplicação de testes fonoaudiológicos. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
PEREIRA, IVELÃ. Questões semânticas e morfológicas referentes à aquisição da linguagem. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
PEREIRA, IVELÃ. Sintaxe: o português como língua SVO e o conceito de agramaticalidade sintática. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
PEREIRA, IVELÃ. O caso de -a-mo(s) versus - e-mo(s) e -emo( s) versus -i-mo(s): variação morfêmica ou especialização temporal?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
PEREIRA, IVELÃ. A voz de polono-brasileiros: um contexto histórico sul paranaense. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
PEREIRA, I.. 'Anoitecemos e anoitecimos: a variação morfêmica na P4 em verbos de segunda conjugação'. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
PEREIRA, I.. Cuidamo(s) e cuidemo(s): a variação morfêmica na P4 em verbos regulares de 1ª conjugação. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
PEREIRA, I.. O uso variado das formas anafóricas no acusativo. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
PEREIRA, I.. Teoria da variação e mudança linguística: fenômenos variáveis e/ou questões teórico-metodológicas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
PEREIRA, I.; GARCIA, J. C. . O que é uma pessoa letrada para a sociedade contemporânea. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
PEREIRA, I.. O roteiro na sala de aula. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
PEREIRA, I.. Mentes e máquinas: interpretando a metáfora. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
PEREIRA, I.. Mesmo: a multifuncionalidade de um item linguístico camaleônico 2016 (Dissertação de Mestrado).

2.
PEREIRA, I.. O uso variado das formas anafóricas no acusativo 2010 (Trabalho de Conclusão de Curso).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
PEREIRA, IVELÃ. A aerodinâmica das consoantes nasais bilabiais e alveolares do português brasileiro. 2018.

2.
PEREIRA, IVELÃ. Estatividade e morfologia progressiva: Uma análise à luz da aquisição do português do Brasil. 2018.

3.
PEREIRA, IVELÃ. Uma análise composicional da acionalidade das construções com verbos leves. 2018.


Demais tipos de produção técnica
1.
PEREIRA, I.. A variação morfêmica na P4 em verbos de 1ª e 2ª conjugação no Pretérito Perfeito e Presente do Indicativo no sul paranaense. 2016. (Relatório de pesquisa).

2.
PEREIRA, I.; GARCIA, J. C. . Minicurso 'Roteiro'. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
PEREIRA, I.; MOURA, H.M.M . O literal e o metafórico. 2009. (Relatório de pesquisa).

4.
PEREIRA, I.. REFACÇÃO TEXTUAL: UMA PROPOSTA DIDÁTICA. 2009. (Relatório de Estágio).

5.
PEREIRA, I.; GARCIA, J. C. . PROJETANDO A LÍNGUA PORTUGUESA NOS CURTAS-METRAGENS. 2009. (Relatório de Estágio).

6.
PEREIRA, I.; MOURA, H.M.M . MÁQUINAS E MENTES: INTERPRETANDO A METÁFORA. 2008. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
PEREIRA, I.. Participação em banca de Dayanne Villani do Nascimento. A influência do dialeto italiano no português falado dos descendentes ítalo-brasileiro: uma análise sociolinguística da vogal nasal [ã]. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Letras: Linguagem e Sociedade) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

2.
PEREIRA, I.. Participação em banca de Janete Maria de Jezuz. Influência do dialeto italiano na fala pato-branquense: pronúncia do erre forte. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Letras: Linguagem e Sociedade) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
COSTA, L. T.; PEREIRA, I.; MARQUES, J. G.. Participação em banca de Márcio Cotovicz.As realizações róticas no português falado em Rebouças-PR. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade Estadual do Centro-Oeste.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Linguística Formal I. 2018. (Encontro).

2.
Linguística Formal I.O caso de -a-mo(s) versus - e-mo(s) e -emo( s) versus -i-mo(s): variação morfêmica ou especialização temporal?. 2018. (Encontro).

3.
V Simpósio Internacional de Estudos Eslavos.A voz de polono-brasileiros: um contexto histórico sul paranaense. 2018. (Simpósio).

4.
Encontro intermediário do GT de Sociolinguística da ANPOLL."Limo, limo, limo, não entendimo nada: reflexões sobre ensino e concordância verbal não-padrão no sul do Paraná. 2017. (Encontro).

5.
II SIMPÓSIO DE VARIAÇÃO LINGUÍSTICA E ENSINO."?LIMO, LIMO, LIMO, NÃO ENTENDIMO NADA?: REFLEXÕES SOBRE ENSINO E UMA CONCORDÂNCIA VERBAL NÃO PADRÃO NO SUL DO PARANÁ". 2017. (Simpósio).

6.
Seminário de Estudos Gramaticais - 2a edição. 2017. (Seminário).

7.
Seminário de Estudos Gramaticais - 2a edição."Cantamo(s) versus cantemo(s)" e "comemo(s) versus comimo(s)": alomorfia da vogal temática ou desinência modo-temporal?. 2017. (Seminário).

8.
V Jornada do VARSUL.Variação na concordância verbal de "nós" no presente e pretérito perfeito em primeira e segunda conjugações. 2017. (Encontro).

9.
III Seminário do Núcleo de Estudos Semânticos. 2016. (Seminário).

10.
IV Encontro da Rede Sul Letras. 2016. (Encontro).

11.
IV Encontro da Rede Sul Letras.Banco VARLINFE: ampliação do córpus de fala eslava no Paraná. 2016. (Encontro).

12.
IV SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE ESTUDOS ESLAVOS.POLACO OU E/OU POLONÊS: VARIAÇÃO LEXICAL EM UMA COMUNIDADE DE PRÁTICA POLONO-BRASILEIRA. 2016. (Simpósio).

13.
III Simpósio Internacional de Linguística Funcional.A MULTIFUNCIONALIDADE DO ITEM ?MESMO? E SUA(S) POSSÍVEL(IS) TRAJETÓRIA(S) DE GRAMATICALIZAÇÃO. 2015. (Simpósio).

14.
III Simpósio Internacional de Linguística Funcional. 2015. (Simpósio).

15.
VII SINPEL - Seminário Integrado de Pesquisa em Linguística.A variação morfêmica na P4 em verbos de CI e CII no IdPt2 e IdPr no sul do Paraná. 2015. (Seminário).

16.
II Congresso Internacional de Linguística Histórica. 2012. (Congresso).

17.
VI Semana Acadêmica de Letras. 2012. (Encontro).

18.
V Seminário Integrado de Pesquisas em Linguística - SINPEL. 2012. (Seminário).

19.
IX CELSUL. ?PROJETANDO A LÍNGUA PORTUGUESA NOS CURTAS-METRAGENS?. 2010. (Congresso).

20.
III SEMANA ACADÊMICA DE LETRAS DA UFSC. 2009. (Oficina).

21.
III SEMANA ACADÊMICA DE LETRAS DA UFSC.O que é uma pessoa letrada para a sociedade contemporânea. 2009. (Encontro).

22.
III SEMINÁRIO INTEGRADO DE PESQUISAS EM LINGUÍSTICA (III SINPEL). 2009. (Seminário).

23.
7ª SEMANA DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. 2008. (Oficina).

24.
7ª SEMANA DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. 2008. (Oficina).

25.
7ª SEMANA DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. 2008. (Oficina).

26.
II SEMANA ACADÊMICA DE LETRAS DA UFSC. 2008. (Oficina).

27.
II SEMANA ACADÊMICA DE LETRAS DA UFSC. 2008. (Oficina).

28.
SEGUNDO SEMINÁRIO DO NES."Mentes e Máquinas: interpretando as metáforas". 2008. (Seminário).

29.
6ª SEMANA DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. 2007. (Oficina).

30.
III SEMANA ACADÊMICA DE LETRAS DA UFSC. 2007. (Encontro).

31.
I SEMANA ACADÊMICA DE LETRAS DA UFSC. 2007. (Oficina).

32.
I SEMANA ACADÊMICA DE LETRAS DA UFSC. 2007. (Oficina).

33.
I SEMANA ACADÊMICA DE LETRAS DA UFSC. 2007. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PEREIRA, I.; AGOSTINHO, A.L.S ; SANTOS, E.F. ; FREITAS, Shirley ; BANDEIRA, M. ; MARTINS, M. A. . VII Seminário Internacional do GELIC. 2017. (Outro).

2.
PEREIRA, I.. 11ª Semana de Ensino Pesquisa e Extensão da UFSC. 2012. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Hosana Gomes Alves. A APLICAÇÃO DAS DCE DE LÍNGUA PORTUGUESA NO ENSINO SOB A ÓTICA DOCENTE. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade Estadual do Centro-Oeste. Orientador: Ivelã Pereira.

2.
Roseli Pabis. O conceito de "variação linguística" em livros didáticos de 6º ano. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Espanhol) - Universidade Estadual do Centro-Oeste. Orientador: Ivelã Pereira.

3.
Giseli Mierzwa. A importância da refacção textual no processo de ensino-aprendizagem de LP:. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade Estadual do Centro-Oeste. Orientador: Ivelã Pereira.

Orientações de outra natureza
1.
Lorena Reck Portela Rebesco. Monitoria em Estudos Linguísticos I. 2015. Orientação de outra natureza. (Letras - Língua Portuguesa) - Universidade Estadual do Centro-Oeste. Orientador: Ivelã Pereira.

2.
Sabrina Travinski. Monitoria em Língua Portuguesa I. 2015. Orientação de outra natureza. (Letras - Língua Portuguesa) - Universidade Estadual do Centro-Oeste, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Ivelã Pereira.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 11/12/2018 às 4:36:09