Fernanda Maciel Canile

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2893579508109837
  • Última atualização do currículo em 06/11/2018


Graduada em Geologia pela Universidade de São Paulo (2006), mestre (2010) e doutora (2016) em Geociências (Geoquímica e Geotectônica) pela Universidade de São Paulo. Atualmente é pesquisadora e professora Adjunta A do curso de Geologia da Universidade Federal de Goiás (UFG) e pesquisadora colaboradora do Centro de Pesquisas Antárticas da USP. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Sedimentologia, Estratigrafia e Evolução de Bacias. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Fernanda Maciel Canile
Nome em citações bibliográficas
CANILE, F. M.;CANILE, FERNANDA M.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Goiás, Faculdade de Ciências e Tecnologia.
Rua Mucuri
Parque Itatiaia
74968755 - Aparecida de Goiânia, GO - Brasil
Telefone: (62) 35187106
URL da Homepage: https://geologia.fct.ufg.br/


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2015
Doutorado em Geociências (Geoquímica e Geotectônica).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Geologia isotópica em zircões detríticos (U-Pb, Hf e O) e em rocha total (Sm-Nd e Pb-Pb) das rochas da Bacia do Paraná em Santa Catarina, Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Marly Babinski.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Bacia do Paraná; Zircão detrítico; Datação U-Pb; Isótopos de Hf e O; Gondwana; Coluna White.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia / Especialidade: Geotectônica.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia / Especialidade: Geologia Regional.
2007 - 2010
Mestrado em Geociências (Geoquímica e Geotectônica).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Evidências Geológicas de Mudanças Climáticas (Greenhouse-Icehouse) na Antártica Ocidental durante a passagem Eoceno-Oligoceno,Ano de Obtenção: 2010.
Orientador: Benjamim Bley de Brito Neves.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Antártica; variação climática; Limite Eoceno-Oligoceno.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia / Especialidade: Geoquímica.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia / Especialidade: Geologia Glacial.
2002 - 2006
Graduação em Bacharelado em Geologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Evidências Geológicas de Variação Paleoclimática no Terciário da Ilha Rei Jorge, Antártica Ocidental.
Orientador: Prof. Dr. Antonio Carlos Rocha-Campos.
1999 - 2001
Ensino Médio (2º grau).
Escola Estadual Pio X, E. E. PIO X, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Programa de Formação para Docência no Ensino Superior. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2015 - 2015
Túneis: Investigações, Modelagem, Projetos e ATO. (Carga horária: 16h).
Assocociação Brasileira de Geologia de Engenharia e Ambiental, ABGE, Brasil.
2015 - 2015
Investigações Geotécnicas: Sondagens e Ensaios. (Carga horária: 12h).
Ycon Formação Continuada, YCON, Brasil.
2015 - 2015
Auto Cad 2D. (Carga horária: 48h).
SENAI - Departamento Regional de São Paulo, SENAI/DR/SP, Brasil.
2014 - 2014
Gestão da Mobilidade Urbana. (Carga horária: 15h).
Centro Universitário Senac, SENAC/SP, Brasil.
2013 - 2013
Clay minerals as paleoenvironmental indicators. (Carga horária: 8h).
Instituto de Geociências, USP, IGC-USP, Brasil.
2010 - 2010
Gestão Responsável dos Contratos e as Licitações. (Carga horária: 12h).
Instituto Brasileiro de Administração Pública, IBAP, Brasil.
2010 - 2010
Prev. e Controle da Poluição do Solo e Águas Subt.. (Carga horária: 40h).
Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental, CETESB, Brasil.
2009 - 2009
Introdução ao Arc View 9.x. (Carga horária: 20h).
Geo Júnior Consultoria, GEO JR, Brasil.
2009 - 2009
Planejamento de Programas e Projetos. (Carga horária: 65h).
Fundação Getúlio Vargas, FGV, Brasil.
2006 - 2006
Amostragem de Águas Sub. pelo Método Baixa-Vazão. (Carga horária: 4h).
Clean Environment Brasil Engenharia e Comércio, CEBEC, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Adjunta A, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2018 - Atual
Ensino, Geologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
CIT0013 - Tópicos em Geologia
CIT0067 - Pedologia
CIT0191 - Trabalho de Campo de Petrologia Sedimentar
CIT0224 - Hidrogeologia
07/2018 - Atual
Direção e administração, Faculdade de Ciências e Tecnologia, .

Cargo ou função
Vice-Coordenadora de Graduação Geologia.
03/2018 - Atual
Ensino, Geologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
CIT0091-Processos Sedimentares
CIT0092-Petrologia e Petrografia de Rochas Sedimentares
CIT0207-Trabalho de Campo de Mapeamento Geológico I
01/2018 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Ciências e Tecnologia, .

Cargo ou função
Comissão de Seleção de Monitores para FCT 01/2018.
03/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Ciências e Tecnologia, .

Cargo ou função
Representante Docente do Curso de Geologia no Conselho Diretor da FCT.
02/2017 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Ciências e Tecnologia, .

08/2017 - 12/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Ciências e Tecnologia, .

Cargo ou função
Comissão do Grupo de Trabalho All Park.
07/2017 - 12/2017
Ensino, Geologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
CIT0019 - Trabalho de Campo de Geologia Básica
CIT0067 - Pedologia
CIT0191 - Trabalho de Campo de Petrologia Sedimentar
CIT0197 - Tópicos em Geologia de Superfície 1
03/2017 - 07/2017
Ensino, Geologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
CIT0092-Petrografia de Rochas Sedimentares
CIT0091-Petrologia e Processos Sedimentares

Centro de Pesquisas Antárticas-USP, CPA-USP, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador
Outras informações
Atividades de pesquisas junto ao CPA-USP, como colaboradora de projeto ProAntar. Membro da Comissão de Organização e Científica do Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica.

Atividades

2/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , CPA-USP, .


Companhia do Metropolitano de São Paulo Metro, METRÔ SP, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2017
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Geóloga, Carga horária: 40

Atividades

4/2014 - 2/2017
Serviços técnicos especializados , Metrô-SP, .

Serviço realizado
Geotecnia aplicada à túneis e obras subterrâneas.

Instituto de Geociencias - Univ. de São Paulo, IGc-USP, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Aluna de Doutorado, Enquadramento Funcional: Aluna de Doutorado

Vínculo institucional

2011 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsista CAPES do Programa de Pós-Graduação em Geoquímica e Geotectônica.

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitora PAE - GSA0252 - Sedimentologia, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Aluna de Mestrado, Enquadramento Funcional: Aluna de Mestrado

Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitora PAE - GSA0307-Estratigrafia, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitora PAE - 040101 - Sistema Terra, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Mestrado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsista CNPq do Programa de Pós-Graduação em Geoquímica e Geotectônica

Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitora bolsista - GSA0307 - Estratigrafia, Carga horária: 20
Outras informações
Monitoria

Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitora bolsista - GSA0252 - Sedimentologia, Carga horária: 20
Outras informações
Monitoria

Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitora bolsista - GSA0307 - Estratigrafia, Carga horária: 20
Outras informações
Monitoria

Vínculo institucional

2003 - 2005
Vínculo: Estágio - IC, Enquadramento Funcional: Centro de Pesquisas Geocronológicas, Carga horária: 20
Outras informações
Preparação de amostras para datação Separação e triagem de material para datação (método U/Pb ? SHRIMP)

Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitora bolsista - 0440101- Sistema Terra, Carga horária: 20
Outras informações
Monitoria

Vínculo institucional

2003 - 2003
Vínculo: Estágio - IC, Enquadramento Funcional: Laboratório de Sedimentologia, Carga horária: 20
Outras informações
Preparação de seções delgadas com grãos Preparação de amostras de argila para análise em MEV (Microscópio Eletrônico de Varredura)


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: Desenvolvimento de Monografia de Formatura


Serviço Municipal Autonomo de Água e Esgoto de São José do Rio Preto, SEMAE, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Gestor em Serviços de Saneamento - Geologia, Carga horária: 40
Outras informações
Atuou junto a Divisão de Captação de Águas Subterrâneas e Coordenadoria de Tratamento de Água


Companhia Paulista de Obras e Serviços, CPOS, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Geóloga, Carga horária: 40
Outras informações
Atribuições: Geologia de Engenharia, Geologia Ambiental e Hidrogeologia


University of Minnesota System, UMN, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Monitor de trabalho de campo, Carga horária: 40
Outras informações
Monitoria de trabalho de campo em Witmarsum-PR para alunas de graduação participantes do REU (Research Experience for Undergraduates) da University of Minnesota

Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Estágio - IC, Enquadramento Funcional: Division of Science and Mathematics, Morris
Outras informações
Participação em projeto de cooperação entre a USP e a University of Minnesota, EUA, patrocinado pela National Science Foundation-EUA. Trabalhos de campo e pesquisa de depósitos glaciais no Brasil (Witmarsum, PR) e nos EUA (Morris, MN). Orientadores: Profs. Drs. A. C. Rocha-Campos (IGc-USP) e James F. P. Cotter (UMM-Morris)


Fundação de Estudos e Pesquisas Aquáticas, FUNDESPA, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2005
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20
Outras informações
Iniciação Científica - Calibração geocronológica da seqüência Permo-Carbonífera da Bacia do Paraná por meio de idade SHRIMP em zircões e palinologia. (Convênio USP-FUNDESPA/PETROBRÁS-CENPES). Orientador: Prof. Dr. A. C. Rocha-Campos, Co-orientador: Prof. Dr. Miguel S. Basei.


Petróleo Brasileiro - Rio de Janeiro - Matriz, PETROBRAS, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: CENPES
Outras informações
Estágio com o objetivo de conhecer os métodos de pesquisa em Sistemas Petrolíferos, Métodos de Exploração e Avaliação de Reservatórios. Supervisão: Dr. Armando Scarparo



Linhas de pesquisa


1.
Paleoclima
2.
Registro Geológico de Mudanças Climáticas
3.
Evolução de Bacias
4.
Geologia Isotópica no estudo de Proveniência


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Geodiversidades, interações e impactos sociambientais no Sistema Praia-Plataforma da Costa Oeste do Estado do Ceará
Descrição: O projeto ora apresentado, está inserido no programa PRONEX, no caso especifico desenvolvido pela Universidade Estadual do Ceará em conjunto conjunto com diversas instituições do estado do Ceará e pesquisadores da UFG. Neste contexto busca entender as características temporais e espaciais que resultam na heterogeneidade de paisagens em apenas 110 km de linha de costa na qual podem ser observados trechos com influência dos processos estruturais no acumulo de sedimentos, o aporte de sedimentos de dunas transversais e barcanas diretamente na faixa de praia, praias erosivas com zonas intertidais com extensão superior a 1,5 km, elevada mobilidade dos spits e pontais arenosos, sistemas estuarinos-lagunares associados as ilhas barreiras, extensos campos de eolianitos, além dos arenitos de praias emersos e submersos. Além de áreas de proteção total como trechos das praias de Jericoacoara e Almofala onde ocorre a desova de tartaruga marinha. A escolha do litoral oeste do Ceará pela escassez e/ou inexistência de estudos integrados plataforma-praia e a urgente necessidade de avaliar a pressão exercida nesses sistemas pelas atividades antropogênicas, a exemplo da aquicultura, usinas eólicas, pesca artesanal, extrativismo nos estuários, urbanização e turismo. Nesta região, no setor conhecido como Costa Negra é produzido o Litopenaeus vannamei, com a certificação do SEBRAE de melhor camarão com maior qualidade e elevado valor de mercado no mundo. Recentemente foram leiloados blocos de exploração de hidrocarbonetos pela ANP defronte a área, o que acarretará em pressões e condições de riscos ambientais nos geoambientes acima mencionados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (20) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Fernanda Maciel Canile - Integrante / José de Araújo Nogueira Neto - Integrante / Jader Onofre de Morais - Coordenador / Daniel Bezerra das Chagas - Integrante.
2017 - Atual
Proveniência Sedimentar da Borda Setentrional da Bacia do Paraná: implicações sobre sua evolução geológica.
Descrição: O projeto pretende obter dados isotópicos de proveniência sedimentar com o propósito de complementar os dados sobre proveniência e evolução paleogeográfica da Bacia do Paraná.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Fernanda Maciel Canile - Coordenador / Tulio Moreira de Assis - Integrante.
2017 - Atual
Banco de dados isotópicos em zircões (U-Pb, O e Hf) de áreas fontes e correlação com dados obtidos nos zircões detríticos das unidades da Bacia do Paraná na Coluna White, SC
Descrição: O projeto pretende atualizar e refinar as informações sobre as várias áreas fontes que possam ter contribuído para as diversas etapas de preenchimento sedimentar da Bacia do Paraná na região da Coluna White em SC. Essas informações se tornam disponíveis conforme os grupos de pesquisas que estudam rochas do entorno da Bacia do Paraná publiquem novos dados, especialmente dados isotópicos de Hf e O que por fornecerem a assinatura isotópica das rochas fontes (crustal ou mantélica) nos permite distinguir entre fontes com mesma idade U-Pb e diferentes histórias petrogenéticas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Fernanda Maciel Canile - Coordenador / Tulio Moreira de Assis - Integrante.
2013 - 2015
Geocronologia das rochas da Coluna White: implicações na proveniência sedimentar e evolução geológica da Bacia do Paraná
Descrição: O estudo de minerais detríticos, particularmente o zircão, se estabeleceu como uma abordagem extremamente útil para a interpretação da composição e história de sedimentos modernos e antigos. Em relação à Bacia do Paraná, estudos de proveniência são em número ainda reduzido, devido à sua enorme dimensão e espessura, com pacotes sedimentares representativos de diversos ambientes deposicionais. Sendo assim, sua história e evolução são ainda pouco conhecidas, inclusive sua origem. O presente projeto objetiva utilizar a geocronologia U-Pb em zircão detrítico e de níveis de cinza vulcânicas, se encontradas, para estabelecer limites de idade de deposição das unidades aflorantes na região da Coluna White, estado de SC, visando contribuir para o entendimento da origem e história deposicional da Bacia do Paraná, um dos mais importantes registros do Gondwana disponíveis no planeta. Serão também obtidas idades modelo Sm-Nd (TDM) em rocha total, para auxílio na identificação de áreas fontes, e isótopos de Hf, para permitir a identificação de fontes juvenis ou crustais. Todos os dados isotópicos serão associados a outros disponíveis na literatura sobre a proveniência desses estratos sedimentares, tais como, paleocorrentes, paleoventos, estrias glaciais e mapa de isópacas. A análise conjunta permitirá a interpretação paleoambiental completa da região estudada..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Fernanda Maciel Canile - Integrante / Antonio Carlos Rocha-Campos - Integrante / Marly Babinski - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2012 - 2016
Geodinâmica de Bacias Sedimentares e implicações para o potencial exploratório (petróleo, gás natural e água subterrânea) - GEO-SEDex
Descrição: Núcleo de Apoio à Pesquisa da Pró-Reitoria de Pesquisa da USP. O GEO-SEDex tem por missão principal incentivar, organizar e realizar pesquisas sobre processos geodinâmicos de grandes segmentos da litosfera que sofreram subsidência e sedimentação, exercitando visões aplicadas e em diferentes escalas espaciais e temporais. Três grandes linhas de pesquisa inter-relacionadas serão priorizadas, em função de estratégias combinadas de inovação científica e avanço tecnológico, especialidades dos pesquisadores e facilidades laboratoriais: 1) Estudos dos fatores envolvidos na origem e evolução de bacias sedimentares em escala litosférica e crustal, incluindo aspectos geofísicos e tectônicos regionais, tais como processos causadores de subsidência, interação crosta-manto e magmatismo associado, arcabouço estrutural de bacias e seu embasamento e caracterização tridimensional de campos/tensões temporalmente associados; 2) Evolução das sucessões sedimentares que constituem o preenchimento das bacias, abordando origem e características das áreas-fonte, proveniência sedimentar e diagênese, cronoestratigrafia e fases de inversão e deformação tectônica, com implicações para a origem e acúmulo de hidrocarbonetos, bem como quanto à geoquímica de processos de interação mais recentes com possíveis fluídos, como a água; 3) Preenchimento sedimentar e estado de tensões na margem continental durante o Quaternário, com estudos de alta resolução dos controles climáticos, oceanográficos e tectônicos, para o aprimoramento dos modelos de preenchimento das sucessões antigas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2010 - Atual
Registro paleoclimático da transição (greenhouse-icehouse) Eoceno-Oligoceno na Antártica Ocidental
Descrição: O presente projeto tem por objetivos: 1) descrever e interpretar a origem, ambientes de formação e condições paleoclimáticas registradas em rochas da ilha Rei Jorge, arquipélago de Shetland do Sul e ilha Seymour, arquipélago de James Ross, mar de Weddell, atribuídas ao intervalo Eoceno-Oligoceno; 2) identificar feições erosivas e deposicionais produzidas pelas geleiras cenozóicas; 3) estabelecer o sentido do movimento das geleiras que afetaram as regiões estudadas, com base na medição de feições glaciais erosivas; 4) revisar as idades geológicas atribuídas às rochas estudadas, por meio de determinações radiométricas e paleontológicas; 5) identificar e caracterizar traçadores biológicos, isotópicos e geoquímicos na microbiota recente associada a exudações de metano proveniente de hidrato de gás, na área de Admiralty Sound, mar de Weddell, Antártica Ocidental. Uma vez caracterizados esses traçadores, pretende-se utilizá-los na análise micropaleontológica da coluna sedimentar cenozóica com intuito de identificar eventos de escape de metano, no contexto da história paleoclimática da Antártica Ocidental..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Fernanda Maciel Canile - Integrante / Antonio Carlos Rocha-Campos - Coordenador / Paulo Roberto dos Santos - Integrante / Wânia Duleba - Integrante / Matheus Kuchenbecker - Integrante / Marly Babinski - Integrante / Silas Gubitoso - Integrante / Andrea Cristiane Teodoro - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3
2006 - 2006
Mudanças paleoclimáticas durante o Cenozóico da Antártica: o registro geológico terrestre
Descrição: Afloramentos da ilha Rei Jorge, Antártica Ocidental, compõem o mais importante e extenso registro sedimentar terrestre da história paleoclimática cenozóica do continente. A documentação geológica, representada por depósitos do diamictito Magda Nunatack e das formações Polonez Cove, Melvile e Grupo Legru abrange um intervalo de cerca de 30 Ma, documentando uma sucessão de fases de resfriamento e aquecimento global ocorridas entre o Eoceno e o Mioceno. Esses episódios precedem o estabelecimento da glaciação que levou à formação dos atuais mantos de gelo da Antártica Ocidental e Oriental e provavelmente incluem os mais antigos registros geológicos da glaciação cenozóica no continente. O presente projeto abrange o estudo do pacote sedimentar glaciogênico na ilha Rei Jorge com o objetivo de caracterizar eventos paleoclimáticos ocorridos em dois níveis de resolução temporal, macro (~ 5 - 10 Ma) e meso (~ 0,1 - 1 Ma), desse modo estendendo e completando os dados derivados da análise de testemunhos de gelo. Os resultados do estudo dos depósitos terrestres serão correlacionados com os resultados da análise de testemunhos de sedimentos marinhos e da evolução tectônica da área da Península Antártica. Espera-se, dessa forma, contribuir também para o entendimento da história da circulação do Oceano Austral e do estabelecimento do sistema termo-halino associado à instalação da corrente circumpolar, ocorridos no Cenozóico. A metodologia proposta, de natureza multidisciplinar, inclui estudos sedimentológicos, paleontológicos e bioestratigráficos. Análise paleomagnética de rochas ígneas intercaladas na seção glaciogênica e determinações radiométricas pelos métodos 40Ar/39Ar e 87Sr/86Sr permitirão obter dados geocronológicos precisos. Análises de isótopos estáveis (18O/16O; 13C/12C) em carapaças de fósseis serão realizadas para determinação de paleotemperatura e paleosalinidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Fernanda Maciel Canile - Integrante / Antonio Carlos Rocha-Campos - Integrante / Paulo Roberto dos Santos - Coordenador / Luis Eduardo Anelli - Integrante / José Alexandre de Jesus Perinotto - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2003 - 2018
Calibração geocronológica da seqüência permo-carbonífera da Bacia do Paraná
Descrição: O presente projeto pretende, através da utilização das técnicas geocronológicas modernas e de alta resolução, atingir os seguintes objetivos: a) obter idades radiométricas precisas das unidades estratigráficas neopaleozóicas da Bacia do Paraná, que permitam calibrar a sua posição no quadro da escala de tempo geológico padrão para o Carbonífero e Permiano; b) através das determinações paleontológicas de amostras datadas e de outras estratigraficamente relacionadas, correlacioná-las com o esquema bioestratigráfico do neopaleozóico da Bacia, calibrando-o geocronologicamente; c) elaborar um quadro cronoestratigráfico geral para o neopaleozóico da Bacia do Paraná, utilizando os dados radiométricos e paleontológicos disponíveis na literatura e obtidos na pesquisa; d) interpretar a origem das camadas piroclásticas e sua afinidade magmática e compara-las com rochas de formações geológicas neopaleozóicas do oeste argentino (Grupos Choiyoi e Paganzo), visando sua correlação e esclarecer a questão de sua área fonte; e) estudar geocronologicamente assembléias de zircões detríticos presentes nas amostras visando a identificação da área de proveniência dos sedimentos neopaleozóicos, com o propósito de caracterizar a evolução paleogeográfica da Bacia do Paraná, durante o Permo-Carbonífero..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Fernanda Maciel Canile - Integrante / Onicélia de Cássia Ribeiro da Rosa - Integrante / Miguel Angelo Stipp Basei - Integrante / Antonio Carlos Rocha-Campos - Coordenador / Paulo Roberto dos Santos - Integrante / Ricardo Varela - Integrante / Sérgio B. Citroni - Integrante / Carlos E. Toledo - Integrante / Luis R. Dino - Integrante / Carlos A. Cingolani - Integrante / Alan P. Nutman - Integrante.Financiador(es): Fundação de Estudos e Pesquisas Aquáticas - Auxílio financeiro.


Projetos de extensão


2017 - Atual
Ensino de ciências da Terra e Formação da microrregião da Chapada dos Veadeiros-GO
Descrição: O projeto de extensão é a parte social de um projeto maior do inventário do patrimônio geológico da microrregião do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. O local em si já é muito visitado por turistas e os guias e moradores da região apresentam pouca informação sobre como a Chapada foi formada. Durante o primeiro trabalho de campo viu-se a necessidade em fazer uma geoeducação continuada para com a população da região. Com apoio da associação de guias da Chapada dos Veadeiros.O ensino em geociências é de grande utilidade pública no local, inclusive podendo ser explorado como atrativo turístico.Compiani (1996) aponta que a importância das Geociências se deve a características intrínsecas do seu conteúdo, que amplia as noções de espaço e tempo, das relações de causalidade, de argumentar e de narrar processos históricos e de uma visão menos antropocêntrica da natureza. Compiani (2005) ressalta que as Geociências permitem aos estudantes desenvolver habilidades cognitivas essenciais e de visão espacial, na medida em que envolve as dimensões locais, regionais e planetárias do espaço e sua representação bi e tridimensional. Salienta ainda que o conhecimento geológico é tão ou mais importante para o ensino elementar do que para o secundário e que praticamente não existem estudos que se propõem a desenvolver uma nova abordagem didática da Geologia na escola elementar..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) .
Integrantes: Fernanda Maciel Canile - Integrante / Elisa Soares Rocha Barbosa - Integrante / Marcelo Henrique Leão-Santos - Integrante / Joana Paula Sanchez - Coordenador / Ánchel Belmonte Ribas - Integrante / Fernando Coutinho Pimentel Tatagiba - Integrante.


Revisor de periódico


2017 - Atual
Periódico: PRECAMBRIAN RESEARCH


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia/Especialidade: Sedimentologia.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia/Especialidade: Estratigrafia.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia/Especialidade: Geocronologia.
4.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia/Especialidade: Geologia Regional.


Idiomas


Alemão
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2011
Melhor apresentação em painel (2º lugar) - XVIII Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, Association of Polar Early Career Scientists (APECS Brasil).
2009
Student Travel Grant - First Antarctic Climate Evolution Symposium - Granada (Spain), SCAR - Scientific Committee on Antarctic Research.
2007
Prêmio de Melhor Aluno (Segunda aluna da turma de 2006), Instituto de Geociências - USP.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
ROCHA-CAMPOS, ANTONIO C.2017ROCHA-CAMPOS, ANTONIO C. ; KUCHENBECKER, MATHEUS ; DULEBA, WANIA ; DOS SANTOS, PAULO ROBERTO ; CANILE, FERNANDA M. . A (tidal-marine) boulder pavement in the late Cenozoic of Seymour Island, West Antarctica: contribution to the palaeogeographical and palaeoclimatic evolution of West Antarctica. ANTARCTIC SCIENCE, v. 29, p. 1-5, 2017.

2.
CANILE, FERNANDA M.2016 CANILE, FERNANDA M.; BABINSKI, MARLY ; ROCHA-CAMPOS, ANTONIO C. . Evolution of the Carboniferous-Early Cretaceous units of Paraná Basin from provenance studies based on U-Pb, Hf and O isotopes from detrital zircons. Gondwana Research, v. 40, p. 142-169, 2016.

3.
ROCHA-CAMPOS, A. C.2011 ROCHA-CAMPOS, A. C. ; BASEI, M. A. S. ; NUTMAN, A. P. ; KLEIMAN, L. ; VARELA, R. ; LLAMBIAS, E. ; CANILE, F. M. ; ROSA, O. C. R. . 30million years of Permian volcanism recorded in the Choiyoi igneous province (W Argentina) and their source for younger ash fall deposits in the Paraná Basin: SHRIMP U-Pb zircon geochronology evidence. Gondwana Research, v. 19, p. 509-523, 2011.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
ASSIS, T. M. ; CANILE, F. M. . Análise e atualização de banco de dados isotópicos em zircões (U-Pb, O e Hf) de áreas fontes e correlação com dados obtidos nos zircões detríticos das unidades aflorantes da Bacia do Paraná na Coluna White, SC. In: 15° Congresso de Pesquisa, Ensino e Extendão - Conpeex, 2018, Goiânia. Anais do 15° Congresso de Pesquisa, Ensino e Extendão - Conpeex. Goiânia: UFG, 2018. v. 1. p. 1-1.

2.
FREITAS FILHO, A. F. F. ; SOUZA, J. B. F. ; MATTOS, I. C. ; SILVA, D. O. ; SOUSA, J. P. ; CANILE, F. M. ; NOGUEIRA, J. F. ; NOGUEIRA NETO, J. A. . Petrografia e caracterização tecnológica do arenito da Fm. Cabeças da Bacia do Parnaíba-PI: Análises preliminares. In: 49° Congresso Brasileiro de Geologia, 2018, Rio de Janeiro. Anais do 49° Congresso Brasileiro de Geologia. São Paulo: Sociedade Brasileira de Geologia, 2018. v. 1. p. 1-1.

3.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; FANNING, M. . Sedimentary provenance of the southern Paraná Basin based on U-Pb geochronology, and O and Hf isotopes on detrital zircon. In: VIII International SHRIMP Workshop, 2016, Granada, Espanha. VIII International SHRIMP Workshop - Program and Abstracts. Granada, Espanha, 2016. v. 1.

4.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Caracterização das rochas fontes da Bacia do Paraná em Santa Catarina por meio de assinaturas isotópicas de Lu-Hf e O em zircões detríticos. In: 48º Congresso Brasileiro de Geologia, 2016, Porto Alegre. Anais do 48º Congresso Brasileiro de Geologia. Porto Alegre, 2016. v. 1.

5.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Provenance of the southeastern Paraná Basin, Brazil, based on U-Pb, Lu-Hf and O isotopic study of detrital zircons and whole rock Sm-Nd and Pb-Pb isotopic signatures. In: 31st IAS Meeting of Sedimentology, 2015, Cracóvia, Polônia. 31st IAS Meeting of Sedimentology, 2015.

6.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . U-Pb geochronology of detrital zircons from the White´s column, Paraná Basin, State of Santa Catarina, Brazil. In: 9th South American Symposium on Isotope Geology, 2014, São Paulo. 9th South American Symposium on Isotope Geology - Program and Abstracts, 2014. v. 1. p. 205-205.

7.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Idades U-Pb de zircões detríticos e dados isotópicos de Sm-Nd das unidades da Coluna White, Bacia do Paraná. In: 47º Congresso Brasileiro de Geologia, 2014, Salvador. Programa do 47º Congresso Brasileiro de Geologia, 2014. v. 1.

8.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Weathered basalt flow from the Mazurek Point Formation (Eocene): implications for paleoclimatic conditions in the Paleogene of West Antarctica. In: XXXII Scientific Committee on Antarctic Research and Open Science Conference, 2012, Portland. XXXII SCAR and Open Science Conference ? Program and Abstracts, 2012. v. 1.

9.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; KUCHENBECKER, M. ; CANILE, F. M. ; SANTOS, P. R. . Cold and glacial events in the Late Paleogene and Neogene of Seymour Island, West Antarctica: A Review. In: XXXII Scientific Committee on Antarctic Research and Open Science Conference, 2012, Portland. XXXII SCAR and Open Science Conference ? Program and Abstracts, 2012. v. 1.

10.
KUCHENBECKER, M. ; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; CANILE, F. M. ; FANNING, M. ; SANTOS, P. R. . U-Pb geochronology of detrital zircons from Cenozoic units from Seymour Island, Western Antarctica. In: XXXII Scientific Committee on Antarctic Research and Open Science Conference, 2012, Portland. XXXII SCAR and Open Science Conference ? Program and Abstracts, 2012. v. 1.

11.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Derrames de basalto intemperizados da Formação Mazureck Point (Eoceno): relações com condições paleoclimáticas no Paleogêneo da Antártica Ocidental. In: 46º Congresso Brasileiro de Geologia e 1º Congresso de Geologia dos Países de Língua Portuguesa, 2012, Santos, SP. 46º Congresso Brasileiro de Geologia e 1º Congresso de Geologia dos Países de Língua Portuguesa ? Anais, 2012. v. 1.

12.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; KUCHENBECKER, M. ; CANILE, F. M. ; SANTOS, P. R. . Eventos paleoclimáticos frios e glaciais no Paleogêneo superior e Neogêneo da ilha de Seymour (Marambio), Antártica Ocidental: uma revisão.. In: 46º Congresso Brasileiro de Geologia e 1º Congresso de Geologia dos Países de Língua Portuguesa, 2012, Santos, SP. 46º Congresso Brasileiro de Geologia e 1º Congresso de Geologia dos Países de Língua Portuguesa - Anais, 2012. v. 1.

13.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Aplicação de índice de alteração química para cálculo de paleoprecipitação e paleotemperatura em basaltos da ilha Rei Jorge, Antártica Ocidental: registro da transição Eoceno-Oligoceno. In: XIX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, 2012, São Paulo, SP. XIX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica - Caderno de Resumos, 2012. v. 1. p. 31-32.

14.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; KUCHENBECKER, M. ; CANILE, F. M. ; SANTOS, P. R. . Cold and glacial events in the Late Paleogene and Neogene of Seymour Island, West Antarctica: a review. In: XIX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, 2012, São Paulo, SP. XIX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica - Caderno de Resumos, 2012. v. 1. p. 25-25.

15.
KUCHENBECKER, M. ; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; CANILE, F. M. ; FANNING, M. ; SANTOS, P. R. . U-Pb geochronology of detrital zircons from cenozoic units from Seymour island, Western Antarctica. In: XIX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, 2012, São Paulo, SP. XIX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica - Caderno de Resumos, 2012. v. 1. p. 144-144.

16.
BABINSKI, M. ; KUCHENBECKER, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; CANILE, F. M. ; FANNING, M. ; SANTOS, P. R. . Provenance of Cenozoic units from Seymour Island, Western Antarctica, based on detrital zircon geochronology. In: 8th South American Symposium on Isotope Geology, 2012, Medellín. 8th South American Symposium on Isotope Geology - Program and Abstracts, 2012.

17.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; KUCHENBECKER, M. ; CANILE, F. M. . Paleoenvironmental and glacial events recorded at the contact of the La Meseta (Eocene) and Weddel Sea (late Pliocene ? early Pleistocene?) formations in Seymour Island, West Antarctic. In: 11th International Symposium on Antarctic Earth Sciences, 2011, Edinburgh. 11th International Symposium on Antarctic Earth Sciences - Programme and Abstracts, 2011. v. 1. p. 274-274.

18.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Geological evidences of a climatic change (greenhouse-icehouse) of Western Antarctica during the Eocene-Oligocene Transition. In: XVIII Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, 2011, São Paulo. XVIII Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica - Programa e Resumos, 2011. v. 1. p. 207-207.

19.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; KUCHENBECKER, M. ; CANILE, F. M. ; DULEBA, W. . Paleoenvironmental and glacial events recorded at the contact of the La Meseta (Eocene) and Weddel Sea (Late Pliocene-Early Pleistocene?) Formations in Seymour Island, West Antarctica. In: XVIII Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, 2011, São Paulo. XVIII Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica - Programa e Resumos, 2011. v. 1. p. 209-209.

20.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Intrabasalt Weathering Horizons and Sediment Overlain by Glacial Diamictite: Record Change from Greenhouse to Icehouse in the Mid-Eocene ? Early Oligocene of West Antarctica. In: First Antarctic Climate Evolution Symposium, 2009, Granada, Espanha. Program - First Antarctic Climate Evolution Symposium, 2009. v. 1.

21.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Weathered Horizons and Intrabasalt Sediment from the Tertiary of West Antarctica: Implications for Eocene-Oligocene climatic change. In: 44º Congresso Brasileiro de Geologia, 2008, Curitiba-PR. Anais do 44º Congresso Brasileiro de Geologia, 2008. v. 1.

22.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; ANELLI, L. E. . Weathered Eocene basalt (Mazurek Point Formation) overlain by early Oligocene glacigenic diamictites (Krakowiak Glacier Member, Polonez Cove Formation) record of change from mild to glacial conditions in W Antarctica. In: 10th International Symposium on Antarctic Earth Sciences, 2007, Santa Barbara, CA - EUA. Program book for the 10th International Symposium on Antarctic Earth Sciences. Antarctica: A Keystone in a Changing World - Online Proceedings, 2007. p. 46-46.

23.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; ANELLI, L. E. . Weathered Eocene basalt (Mazurek Point Fm) overlain by Early Oligocene glacigenic diamictites (Krakowiak Glacier Mb, Polonez Cove Fm) record of change from mild to glacial conditions in W Antarctica. In: XV Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, 2007, São Paulo. Programa e Resumos do XV Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, 2007. v. 1. p. 66-66.

24.
CANILE, F. M.; CAMPOS, A. C. R. ; SANTOS, P. R. ; ANELLI, L. E. . Evidências Geológicas de Variação Paleoclimática no Terciário da Ilha Rei Jorge, Antártica Ocidental. In: XIV Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica, 2006, São Paulo. Programa e Resumos do XIV Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. São Paulo: CPA-Centro de Pesquisas Antárticas-USP, 2006. p. 13-14.

25.
CANILE, F. M.; ROSA, O. C. R. . Extração e caracterização morfológica de cristais de zircão de rochas Permo-Carboníferas da Bacia do Paraná, para a obtenção de idades U-Pb (SHRIMP).. In: Simpósio Quarenta Anos de Geocronologia no Brasil, 2004, São Paulo. Simpósio Quarenta Anos de Geocronologia no Brasil, 2004.

26.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; BASEI, M. A. S. ; ROSA, O. C. R. ; CANILE, F. M. ; FERNANDES, M. T. . Calibração cronoestratigráfica da seqüência permo-carbonífera da Bacia do Paraná: problemas e perspectivas.. In: Simpósio 40 anos de Geocronologia no Brasil, 2004, São Paulo. Simpósio 40 anos de Geocronologia no Brasil, 2004. p. 26.

Artigos aceitos para publicação
1.
SOUZA, J. B. F. ; CANDEIRO, C. R. A. ; CAPISTRANO, G. O. W. ; CANILE, F. M. . A disciplina Paleontologia: a monitoria como participante do papel formador de discentes no curso de Geologia da Universidade Federal de Goiás. REVISTA MIRANTE (ONLINE), 2018.

2.
CAMPOS, A. C. R. ; BASEI, M. A. S. ; NUTMAN, A. P. ; SANTOS, P. R. ; PASSARELLI, C. R. ; CANILE, F. M. ; ROSA, O. C. R. ; FERNANDES, M. T. ; SANTA ANA, H. ; VEROSLAVSKY, G. . U-Pb zircon dating of ash fall deposits from the Paleozoic Paraná Basin of Brazil and Uruguay: A re-evaluation of the stratigraphic correlations.. JOURNAL OF GEOLOGY, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
CANILE, F. M.. A profissão Geólogo. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
CANILE, F. M.. A importância da Geologia em Obras Subterrâneas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Caracterização das rochas fonte da Bacia do Paraná em Santa Catarina por meio de assinaturas isotópicas de Lu-Hf e O em zircões detríticos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Provenance of the southeastern Paraná Basin, Brazil, based on U-Pb, Lu-Hf and O isotopic study of detrital zircons and whole rock Sm-Nd and Pb-Pb isotopic signatures. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Proveniência das unidades aflorantes na Coluna White-SC, Bacia do Paraná, baseada em dados isotópicos de U-Pb, Lu-Hf e O em zircões detríticos e assinaturas isotópicas de Sm-Nd e Pb-Pb em rocha total. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

6.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . U-Pb geochronology of detrital zircons from the White´s Column, Paraná Basin, State of Santa Catarina, Brazil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Idades U-Pb de zircões detríticos e dados isotópicos de Sm-Nd das unidades da Coluna White, Bacia do Paraná. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Geocronologia U-Pb de zircões detríticos da Coluna White, Bacia do Paraná: Resultados preliminares. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

9.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Derrames de basalto intemperizados da Formação Mazureck Point (Eoceno): relações com condições paleoclimáticas no Paleogêneo da Antártica Ocidental. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Aplicação de índice de alteração química para cálculo de paleoprecipitação e paleotemperatura em basaltos da ilha Rei Jorge, Antártica Ocidental: registro da transição Eoceno-Oligoceno. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

11.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Weathered basalt flow from the Mazurek Point Formation (Eocene): implications for paleoclimatic conditions in the Paleogene of West Antarctica. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
CANILE, F. M.; BABINSKI, M. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. . Geocronologia U-Pb de zircões detríticos das unidades aflorantes na Coluna White, SC: implicações na proveniência sedimentar e evolução geológica da Bacia do Paraná. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

13.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Geological evidences of a climatic change (greenhouse-icehouse) of Western Antarctica during the Eocene-Oligocene Transition. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

14.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Intrabasalt weathering horizons and sediment overlain by glacial diamictite: record change from Greenhouse to Icehouse in the Mid-Eocene-Early Oligocene of West Antarctica. 2009. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

15.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. . Weathered Horizons and Intrabasalt Sediment from the Tertiary of West Antarctica: Implication for Eocene-Oligocene Climatic Change. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

16.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; ANELLI, L. E. . Wheatered Eocene basalt (Mazurek Point Fm) overlain by Early Oligocene glacigenic diamictites (Krakowiak Glacier Mb, Polonez Cove Fm) record of change from mild to glacial conditions in W Antarctica. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

17.
CANILE, F. M.; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; ANELLI, L. E. . Evidências Geológicas de Variação Paleoclimática no Terciário da Ilha Rei Jorge, Antártica Ocidental. 2006. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

18.
CANILE, F. M.; ROSA, O. C. R. . Extração e caracterização morfológica de cristais de zircão de rochas Permo-Carboníferas da Bacia do Paraná, para a obtenção de idades U-Pb (SHRIMP). 2004. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).


Demais tipos de produção técnica
1.
CANILE, F. M.. Classificação de sondagens em solo e rocha. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
NOGUEIRA NETO, J. A.; CANILE, F. M.; NOGUEIRA, J. F.. Participação em banca de Agnaldo Francisco de Freitas Filho. Caracterização geológica e tecnológica do arenito da Formação Cabeças (Pedra Mourisca) de Castelo de Piauí-PI. 2018. Dissertação (Mestrado em Geologia) - Universidade Federal do Ceará.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
NOGUEIRA NETO, J. A.; MELO, R. P.; CANILE, F. M.. Concurso público para Professor Efetivo da UFG (Área: Geologia do Brasil). 2017. Universidade Federal de Goiás.

2.
CANILE, FERNANDA M.; BAYER, M.; VASCONCELOS, S. M.. Concurso público para Professor Efetivo da UFG (Área: Hidrogeologia). 2017. Universidade Federal de Goiás.

3.
BARBOSA, E. S. R.; LEAO-SANTOS, M. H.; CANILE, FERNANDA M.. Membro da Banca da Prova Prática de Concurso para Técnico de Petrografia. 2017. Universidade Federal de Goiás.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
15° Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão - Conpeex. Avaliador. 2018. (Congresso).

2.
Dia C da Ciência no Aparecida Shopping. Exposição de Rochas e Minerais e Experimentos Geológicos. 2018. (Exposição).

3.
Ensino de Ciências da Terra e Processos Geológicos da Região da Área de Preservação Ambiental Nascentes do Rio Vermelho, Goiás, Brasil.Docente Instrutor. 2018. (Outra).

4.
II Semana da Geologia/UFG.A presença feminina no ambiente empresarial da geologia. 2018. (Seminário).

5.
VI Feira de Ciência e Tecnologia de Aparecida de Goiânia. Exposição de Minerais e Rochas. 2018. (Feira).

6.
Dinossauros, fósseis e rochas na Biblioteca do Campus Aparecida de Goiânia/UFG. Rochas Sedimentares. 2017. (Exposição).

7.
Espaço da Profissões UFG.A Profissão Geólogo. 2017. (Outra).

8.
Exposição de minerais e rochas na Feira de Ciência e Tecnologia de Aparecida de Goiânia. Rochas Sedimentares. 2017. (Feira).

9.
I Semana da Geologia/UFG.Comissão Científica. 2017. (Outra).

10.
Semana da Engenharia do Clube de Engenharia de Goiás.A importância da Geologia em Obras Subterrâneas. 2017. (Outra).

11.
XV Simpósio de Geologia do Centro-Oeste.Sessão Especial para Novas Pesquisas. 2017. (Simpósio).

12.
48º Congresso Brasileiro de Geologia. Caracterização das rochas fontes da Bacia do Paraná em Santa Catarina por meio de assinaturas isotópicas de Lu-Hf e O em zircões detríticos. 2016. (Congresso).

13.
31st IAS Meeting of Sedimentology. Provenance of the southeastern Paraná Basin, Brazil, based on U-Pb, Lu-Hf and O isotopic study of detrital zircons and whole rock Sm-Nd and Pb-Pb isotopic signatures. 2015. (Congresso).

14.
IV Workshop NAP GEO-SEDex.Proveniência das unidades aflorantes na Coluna White-SC, Bacia do Paraná, baseada em dados isotópicos de U-Pb, Lu-Hf e O em zircões detríticos e assinaturas isotópicas de Sm-Nd e Pb-Pb em rocha total. 2015. (Encontro).

15.
47º Congresso Brasileiro de Geologia. Idades U-Pb de zircões detríticos e dados isotópicos de Sm-Nd das unidades da Coluna White, Bacia do Paraná. 2014. (Congresso).

16.
9th South American Symposium on Isotope Geology.U-Pb geochronology of detrital zircons from the White´s column, Paraná Basin, State of Santa Catarina, Brazil. 2014. (Simpósio).

17.
6th Latin American Congress of Sedimentology. 2013. (Congresso).

18.
III Workshop NAP GEO-SEDex.Geocronologia U-Pb de zircões detríticos da Coluna White, Bacia do Paraná: Resultados preliminares. 2013. (Encontro).

19.
XX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. 2013. (Simpósio).

20.
20º SIICUSP.Avaliador. 2012. (Simpósio).

21.
46º Congresso Brasileiro de Geologia e 1º Congresso de Geologia dos Países de Língua Portuguesa. Derrames de basalto intemperizados da Formação Mazureck Point (Eoceno): relações com condições paleoclimáticas no Paleogêneo da Antártica Ocidental. 2012. (Congresso).

22.
Frontiers in Earth Sciences. 2012. (Outra).

23.
II Workshop NAP GEO-SEDex.Geocronologia U-Pb de zircões detríticos das unidades aflorantes na Coluna White, SC: implicações na proveniência sedimentar e evolução geológica da Bacia do Paraná. 2012. (Encontro).

24.
I Workshop of Astro and Paleobiology. 2012. (Outra).

25.
XIX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica.Aplicação de índice de alteração química para cálculo de paleoprecipitação e paleotemperatura em basaltos da ilha Rei Jorge, Antártica Ocidental: registro da transição Eoceno-Oligoceno. 2012. (Simpósio).

26.
XXXII Scientific Committee on Antarctic Research and Open Science Conference. Weathered basalt flow from the Mazurek Point Formation (Eocene): implications for paleoclimatic conditions in the Paleogene of West Antarctica. 2012. (Congresso).

27.
XVIII Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica.Geological evidences of a climatic change (greenhouse-icehouse) of Western Antarctica during the Eocene-Oligocene Transition. 2011. (Simpósio).

28.
First Antarctic Climate Evolution Symposium.. Intrabasalt Weathering Horizons and Sediment Overlain by Glacial Diamictite: Record Change from Greenhouse to Icehouse in the Mid-Eocene ? Early Oligocene of West Antarctica. 2009. (Simpósio).

29.
44º Congresso Brasileiro de Geologia. Weathered Horizons and Intrabasalt Sediment from the Tertiary of West Antarctica: Implications for Eocene-Oligocene Climatic Changes. 2008. (Congresso).

30.
XVI Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. 2008. (Simpósio).

31.
XV Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica.Weathered Eocene basalt (Mazurek Point Fm) overlain by Early Oligocene glacigenic diamictites (Krakowiak Glacier Mb, Polonez Cove Fm) record of change from mild to glacial conditions in W Antarctica. 2007. (Simpósio).

32.
XIV Simpósio Brasilerio sobre Pesquisa Antártica.Evidências Geológicas de Variação Paleoclimática no Terciário da Ilha Rei Jorge, Antártica Ocidental. 2006. (Simpósio).

33.
Simpósio Quarenta Anos de Geocronologia no Brasil.Simpósio Quarenta Anos de Geocronologia no Brasil. 2004. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CANILE, FERNANDA M.; BARBOSA, E. S. R. ; GERVASONI, F. ; NOGUEIRA NETO, J. A. . Dia C da Ciência no Aparecida Shopping. 2017. (Exposição).

2.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; DULEBA, W. ; CANILE, F. M. . Oficina PROANTAR 30(1) ANOS: O QUE APRENDEMOS?. 2013. (Congresso).

3.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; DULEBA, W. ; CANILE, F. M. . XX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. 2013. (Congresso).

4.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; DULEBA, W. ; TEODORO, A. C. ; CANILE, F. M. ; ASTOLFI, E. . XIX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. 2012. (Congresso).

5.
CANILE, F. M.; TEODORO, A. C. ; ASTOLFI, E. ; DULEBA, W. . POLARIS, 80 dias de veleiro pela Antártica e Geórgia do Sul - Fotos de Maristela Colucci. 2012. (Exposição).

6.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; DULEBA, W. ; TEODORO, A. C. ; CANILE, F. M. ; ASTOLFI, E. . Workshop Estado da arte da Estratigrafia e o registro paleoclimático do Cenozoico da Antártica Ocidental. 2012. (Congresso).

7.
SANTOS, P. R. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; GOMES, V. ; PELLIZARI, V. ; CANILE, F. M. ; ASTOLFI, E. . XVIII Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. 2011. (Congresso).

8.
SANTOS, P. R. ; ROCHA-CAMPOS, A. C. ; GOMES, V. ; PELLIZARI, V. ; CANILE, F. M. . XVI Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. 2008. (Congresso).

9.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; NGAN, P. V. ; PELLIZARI, V. ; SANTOS, P. R. ; DUARTE, R. ; CANILE, F. M. . XV Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. 2007. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Orientações de outra natureza
1.
Tulio Moreira de Assis. Monitoria da disciplina CIT0191-Trabalho de Campo de Petrologia Sedimentar. Início: 2018. Orientação de outra natureza. Universidade Federal de Goiás. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Iniciação científica
1.
Tulio Moreira de Assis. Elaboração e análise de banco de dados isotópicos (U-Pb, O e Hf) de possíveis rochas fontes das unidades sedimentares aflorantes na Coluna White-SC. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Fernanda Maciel Canile.

Orientações de outra natureza
1.
Matheus Caixeta Ferreira Marques. Monitoria da Disciplina CIT0092-Petrologia e Petrografia de Rochas Sedimentares. 2018. Orientação de outra natureza. (Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Fernanda Maciel Canile.

2.
Isabel Araújo Barbosa. Monitoria da Disciplina CIT0019-Trabalho de Campo de Geologia Básica. 2017. Orientação de outra natureza. (Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Fernanda Maciel Canile.

3.
Nicole Lima Magny. Monitoria da Disciplina CIT0019-Trabalho de Campo de Geologia Básica. 2017. Orientação de outra natureza. (Geologia) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Fernanda Maciel Canile.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos aceitos para publicação
1.
SOUZA, J. B. F. ; CANDEIRO, C. R. A. ; CAPISTRANO, G. O. W. ; CANILE, F. M. . A disciplina Paleontologia: a monitoria como participante do papel formador de discentes no curso de Geologia da Universidade Federal de Goiás. REVISTA MIRANTE (ONLINE), 2018.


Apresentações de Trabalho
1.
CANILE, F. M.. A profissão Geólogo. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
CANILE, F. M.. A importância da Geologia em Obras Subterrâneas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
CANILE, F. M.. Classificação de sondagens em solo e rocha. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; DULEBA, W. ; CANILE, F. M. . Oficina PROANTAR 30(1) ANOS: O QUE APRENDEMOS?. 2013. (Congresso).

2.
CANILE, FERNANDA M.; BARBOSA, E. S. R. ; GERVASONI, F. ; NOGUEIRA NETO, J. A. . Dia C da Ciência no Aparecida Shopping. 2017. (Exposição).

3.
ROCHA-CAMPOS, A. C. ; SANTOS, P. R. ; DULEBA, W. ; CANILE, F. M. . XX Simpósio Brasileiro sobre Pesquisa Antártica. 2013. (Congresso).



Outras informações relevantes


Participou de 5 expedições científicas ao continente Antártico. Membro da SBGEO (Sociedade Brasileira de Geologia) e da IAS (International Association of Sedimentologists).



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/11/2018 às 16:44:28