João Paulo de Oliveira Pimenta

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4586586596992637
  • Última atualização do currículo em 06/11/2018


Licenciado em Geografia (2016) e Pedagogia (2010) pela FCT/UNESP (Faculdade de Ciências e Tecnologia - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho), Campus de Presidente Prudente, e Letras (2005) pela UNIESP (União das Instituições Educacionais de São Paulo). Atualmente, é Mestrando (bolsista CAPES) do Programa de Pós-Graduação em Geografia da FCT/UNESP, atuando na área de Geografia Física, Geomorfologia e Meio-Ambiente (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
João Paulo de Oliveira Pimenta
Nome em citações bibliográficas
PIMENTA, João Paulo de O.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.
Rua Roberto Simonsen, 305
Jardim das Rosas
19060900 - Presidente Prudente, SP - Brasil - Caixa-postal: 467
Telefone: (18) 32295388
URL da Homepage: www.fct.unesp.br


Formação acadêmica/titulação


2017
Mestrado em andamento em Geografia.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa,Orientador: Paulo Cesar Rocha.
Coorientador: Isabel Cristina Moroz Caccia Gouveia.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Geografia Física; Geomorfologia; Fragilidade Ambiental.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
2013 - 2016
Graduação em Geografia.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: Fragilidade Ambiental do Pontal do Paranapanema.
Orientador: Raul Borges Guimarães.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
2007 - 2010
Graduação em Pedagogia.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: AS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DOS PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE MARTINÓPOLIS ? SP SOBRE O ALUNO E A ESCOLA PÚBLICA..
Orientador: Yoshie Ussami Ferrari Leite.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2002 - 2005
Graduação em Letras.
União das Instituições de Ensino Superior Paulista, UNIESP, Brasil.
Título: Análise linguística dos aspectos sociais, pessoais e políticos das letras da Legião Urbana.
Orientador: Marta Aparecida Broieti Henrique.




Formação Complementar


2018 - 2018
Juventudes, Participação e Cuidado com a Água. (Carga horária: 30h).
Ministério do Meio Ambiente e da Amazonia Legal, MMA, Brasil.


Atuação Profissional



UniEvangélica, UNIEVANGÉLICA, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Glorinha Pimentel - Guarulhos, EPG, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor - PEB I, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Novas Fronteiras no Oeste: Relação entre Sociedade e Natureza na Microrregião de Ceres em Goiás (1940-2013)
Descrição: Esta proposta foi elaborada em conjunto por docentes dos Programas de Pós-Graduação em Geografia, da Universidade Estadual Paulista-Júlio Mesquita Filho-Campus de Presidente Prudente (PPGG/UNESP); em Sociedade, Tecnologia e Meio Ambiente do Centro Universitário de Anápolis (PPSTMA/UniEVANGELICA); e em Desenvolvimento Sustentável da Universidade de Brasília (CDS/UnB). Considerando-se os objetivos do Programa Nacional de Cooperação Acadêmica (PROCAD), Edital CAPES Nº 71/2013, por meio desta proposta pretende-se viabilizar a realização de um conjunto de ações de integração dos Programas de Pós-graduação envolvidos, que propicie o desenvolvimento das potencialidades institucionais; a diminuição das assimetrias regionais; o fortalecimento e consolidação das linhas de pesquisa dos Programas (Proponente e Associados); a inserção e o vínculo em grupos de pesquisas nacionais e internacionais por meio de redes; a participação e a formação de redes de estudos ambientais sobre o Cerrado; a produção e a publicação coletiva de artigos científicos em periódicos indexados em revistas de elevado índice de fator de impacto; e a participação em eventos científicos nacionais e internacionais. Para tanto, as equipes participantes propõe-se a investigar os efeitos socioambientais decorrentes da expansão agrícola a partir das décadas de 1940 na microrregião de Ceres em Goiás. A microrregião de Ceres compreendia uma área de enclaves florestais de Cerrado conhecida como Mato Grosso de Goiás, mais especificamente como Mata de São Patrício, e experimentou a partir da década de 1940 um processo de devastação florestal em decorrência da expansão agrícola. Essa pesquisa será realizada de forma concomitante com projeto temático aprovado na FAPESP, sob a coordenação do Prof. Dr. Antonio Thomaz Jr, e inclui diferentes procedimentos metodológicos, visando à construção interdisciplinar do conhecimento ambiental, apoiando-se em equipes multidisciplinares, com pesquisas específicas e integradas em vários níveis (iniciação científica, mestrado, doutorado), missões de estudo, missões de pesquisa e ensino, realização de pós-doutoramentos, organização de eventos científicos, publicações conjuntas, entre outras, de modo a possibilitar permanente interlocução entre as equipes participantes, atingir os objetivos centrais da Cooperação Acadêmica e contribuir para a formação e capacitação de pesquisadores..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa
Descrição: A recente expansão do agronegócio canavieiro no Oeste Paulista data dos anos 1990 e, em seu processo de consolidação, modificou a matriz produtiva dessa região, acarretando transformações nas relações sociais e dinâmicas naturais. Considerando os diferentes usos, ocupações do solo e estrutura fundiária, propomos um estudo de Fragilidade Ambiental comparativo nos municípios de Junqueirópolis ? SP e Mirante do Paranapanema ? SP, ambos localizados no Oeste Paulista e pertencentes à Região Administrativa de Presidente Prudente. Estudos prévios indicam que ambos os municípios apresentam diferentes características quanto ao processo de reforma agrária, utilização de novas tecnologias no cultivo de cana e produção de alimentos. Subsidiados por uma literatura referente ao tema, trabalhos de campo e dados quantitativos e qualitativos (tabelas, mapas e fotos aéreas), nos utilizaremos da proposta de Análise Ambiental de Ross (1994), baseada no conceito Ecodinâmico de Tricart (1977), para um estudo comparativo, avaliando as transformações ambientais trazidas pela expansão da indústria canavieira na região. Propomos, ainda, a elaboração de um material cartográfico de síntese que possa auxiliar na análise de tais transformações contribuindo para possíveis ações e diretrizes voltadas ao ordenamento físico-territorial..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - 2017
Fragilidade Ambiental do Pontal do Paranapanema
Descrição: A pesquisa ?Fragilidade Ambiental do Pontal do Paranapanema? compõe o projeto temático 'Mapeamento e análise do território do agrohidronegócio canavieiro no Pontal do Paranapanema ? São Paulo ? Brasil: Relações de trabalho, conflitos e formas de uso da terra, e a saúde ambiental', contando com financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo ? FAPESP, sob orientação do Prof. Dr. Raul Borges Guimarães (Depto. De Geografia ? FCT/UNESP). Diante da expansão da indústria canavieira no Pontal do Paranapanema, principalmente durante os anos 90, fez-se necessário um olhar mais atento em relação às transformações sócio-ambientais decorrentes desse nevo contexto. Assim, o CETAS (Centro de Estudos do Trabalho, Ambiente e Saúde) tem se dedicado a buscar entender quais os desdobramentos decorrentes do avanço do agrohidronegócio canavieiro no Pontal do Paranapanema e seu impacto nas dinâmicas do trabalho, no meio-ambiente e saúde de trabalhadores e produtores..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2017
Atlas Ambiental Escolar de Presidente Prudente - São Paulo - Brasil
Descrição: A pesquisa Atlas Ambiental Escolar de Presidente Prudente-SP além de produzir conhecimento científico sobre as condições ambientais do município, será um material pedagógico, em formato digital e analógico, que poderá contribuir com o planejamento, gestão e educação ambiental em Presidente Prudente. Numa perspectiva ambiental que integra os conhecimentos físicos, históricos, sociais e culturais do ambiente, tem ainda o potencial de buscar compreender as questões ambientais na sua complexidade, considerando a interação da sociedade e da natureza nos processos que condicionam a qualidade do ambiente. Integrando pesquisa científica a produção de conhecimentos que possam resultar em processos de Educação Ambiental, a pesquisa está a serviço das demandas sociais e ambientais, colocando os conhecimentos produzidos a disposição dos educadores para atividades pedagógicas sobre o ambiente local, além de poder subsidiar ações no âmbito da gestão e do planejamento municipal. Considerando a carência de materiais científicos e culturais produzidos sobre a realidade local, certamente o resultado da pesquisa será uma fonte importante para diferentes segmentos sociais que queiram compreender os processos ambientais no município de Presidente Prudente, mas também para demais pesquisadores que queiram desenvolver novos materiais pedagógicos voltados para a educação ambiental, reproduzindo ou aprimorando, em outros locais, as técnicas e documentos produzidos a partir do Atlas Ambiental Escolar de Presidente Prudente-SP. A contribuição dos atlas escolares municipais está em disponibilizar às escolas um importante material de apoio didático-pedagógico, que permite o estudo do lugar de vivência, dando significado aos conteúdos ensinados e possibilitando a compreensão de processos históricos, ambientais e de apropriação do território de forma não convencional e enriquecedora, pois ao integrar textos, imagens e mapas oportunizam a construção de diferentes raciocínios sobre a temática estudada, que ainda tem com importância o fato de construir a identidade dos sujeitos com os lugares de convívios. O atlas ambiental escolar ainda pode ser um importante mecanismo de sensibilização e chamada à corresponsabilidade para com o ambiente. Além dos objetivos educativos, também o Atlas poderá ser apropriado pelo poder público ou iniciativa privada como fonte de análise para a gestão e planejamento territorial, uma vez que permitirá o conhecimento integrado da realidade ambiental do município..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (5) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (6) .
Integrantes: João Paulo de Oliveira Pimenta - Coordenador / Encarnita Salas Martin - Integrante / Raul Borges Guimarães - Integrante / Paulo Cesar Rocha - Integrante / Isabel Cristina Moroz Caccia Gouveia - Integrante / José Mariano Caccia Gouveia - Integrante / João Osvaldo Rodrigues Nunes - Integrante / Margarete Cristiane Trindade de Costa Amorim - Integrante / José Tadeu Garcia Tommaselli - Integrante / Arthur Magon Whitacker - Integrante / Rosângela Aparecida de Medeiros Hespanhol - Integrante / Jurandyr Luciano Sanches Ross - Integrante / Érika Cristina Nesta Silva - Integrante / Melina Fushimi - Integrante / João Lima Sant'Anna Neto - Integrante / Ana Paula da Silva Moraes - Integrante / Ronaldo Celso Messias Correia - Integrante / João Baccarin Xisto Paes - Integrante / Haroldo Shigueaki Teruya - Integrante / Mario Augusto Maldonado - Integrante / Angélica Scheffer da Motta Abrantes - Integrante / Carlos Eduardo Barros - Integrante / Kênia Araújo da Rocha - Integrante / Lindberg Nascimento Júnior - Integrante / Maria Cristina Perusi - Integrante / Nayara Rodrigues da Silva - Integrante / Paulo Cesar Zangalli Júnior - Integrante / Wilson França de Souza - Integrante / Ricardo Pires de Paula - Integrante / Everaldo Santos Melazzo - Integrante / João Marcos do Nascimento Cardoso - Integrante / Sérgio Braz Magaldi - Integrante / Baltazar Casagrande - Integrante / Mariana Cristina da Cunha Souza - Integrante / Marquiana de Freitas Vilas Boas Gomes - Integrante / Patricia Sayuri Silvestre Matsumoto - Integrante / Tiago Matsuo Samizava - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2013 - 2014
Trabalhadores migrantes para os canaviais do Pontal do Paranapanema: migrações nos municípios de Emilianópolis, Presidente Bernardes e Santo Anastácio-SP
Descrição: O trabalho apresentou o acompanhamento dos processos de migração de trabalhadores rurais para a região do Pontal do Paranapanema (SP) e quais suas implicações na dinâmica geográfica do trabalho. O processo de migração atrela, em si, um novo olhar referente a territorialização e desterritorialização, nas quais o trabalhador vê-se obrigado a deixar seus locais de origem em busca de oportunidades de sobrevivência. Concomitantemente, o processo de desenvolvimento das forças produtivas e, em consequência, o de concentração e centralização dos capitais do setor, acaba por demarcar que os grupos mais tecnificados deem direção às formas de controle da força de trabalho, a começar pela substituição crescente de trabalhadores por máquinas no corte, bem como a manutenção do corte manual em algumas porções do território. Com a mecanização do corte da cana (principal função para a qual os migrantes são atraídos), os trabalhadores são obrigados a buscar outras rotas migratórias. A expansão do agrohidronegócio canavieiro traz para a região do Pontal do Paranapanema uma nova perspectiva pautada pelo discurso do desenvolvimento, principalmente ressignificando uma região que, historicamente, é marcada por conflitos fundiários e disputas por terras devolutas. Assim, temos analisado as contradições existentes entre essas propostas de desenvolvimento para a região do Pontal do Paranapanema (especificamente nos municípios de Emilianópolis, Presidente Bernardes e Santo Anastácio-SP) e suas implicações e consequências em relação à degradação do trabalho e o meio-ambiente, enfraquecimento dos movimentos sociais e nos processos de luta pela terra, além da condição de precariedade que assumem os trabalhadores migrantes ao se submeterem ao corte da cana nos canaviais da região..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - Atual
Mapeamento e análise do território do agrohidronegócio canavieiro no Pontal do Paranapanema-São Paulo-Brasil: Relações de trabalho, conflitos e formas de uso da terra e da água, e a saúde ambiental
Descrição: No presente projeto, desenvolveremos uma abordagem crítica acerca das questões da agroenergia e dos agrocombustíveis, com as atenções voltadas para a expansão e consolidação do capital agroindustrial canavieiro e os impactos nas formas de uso da terra e da água, e da saúde do trabalhador, no contexto do Polígono do Agrohidronegócio, no Pontal do Paranapanema. Para isso, será levada em conta a correlação entre as formas de uso da terra e da água e a legalização da grilagem por parte do agrohidronegócio, assim como seus desdobramentos para as ações políticas em torno da Reforma Agrária, e de temas ligados à Geografia do trabalho e da saúde ambiental. Assim, o projeto busca novos referenciais teóricos para romper as fragmentações clássicas dos estudos sobre a dinâmica da sociedade e da natureza. Da mesma forma, do ponto de vista metodológico, procura desenvolver metodologias de mapeamento e de aplicação de geotecnologias para apreender o movimento do trabalho e da natureza por dentro das disputas territoriais. Diante desses desafios, propomos-nos apreender o conteúdo e o significado dos conflitos sociais, sem perder de vista questões relacionadas à soberania alimentar e energética e à sustentabilidade ambiental. Dessa maneira, é relevante o aprofundamento do estudo sobre as formas de gestão e controle da água e das relações de trabalho, bem como de sua face nociva, quando consideramos a transmissão de doenças, contaminação ambiental, mutilação e morte dos trabalhadores, pois é uma possibilidade de discutirmos a invisibilidade social das doenças relacionadas ao trabalho, no Brasil, especialmente nas atividades agroenergéticas. Por conseguinte, a questão central é compreender o desenvolvimento destrutivo das forças produtivas e que o capitalismo globalizado apresenta um movimento intenso e contraditório de integração, fragmentação, polarização, que redimensiona constantemente a diferenciação dos espaços sociais..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (8) / Doutorado: (8) .
Integrantes: João Paulo de Oliveira Pimenta - Integrante / Raul Borges Guimarães - Integrante / Antonio Thomaz Júnior - Coordenador / Paulo Cesar Rocha - Integrante / Isabel Cristina Moroz Caccia Gouveia - Integrante / José Mariano Caccia Gouveia - Integrante / Carlos Alberto Feliciano - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.


Projetos de extensão


2013 - 2013
CEMOSi - Centro de Memória e Hemeroteca Sindical "Florestan Fernandes"
Descrição: O CEMOSi (Centro de Memória e Hemeroteca Sindical "Florestan Fernandes" é um projeto de extensão da FCT/UNESP - Campus de Presidente Prudente, sob coordenação do Prof. Dr. Antônio Thomaz Júnior, com o objetivo de reunir e catalogar material impresso e digital (tais como livros, revistas, periódicos, filmes, documentários, sobre a história do trabalho e do movimento sindical..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação.
2.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2015
1º Prêmio Brasileiro de Fotogeografia - Paisagens Brasileiras, LAGIM/UnB - (Laboratório de Geoiconografia e Multidmídias - Universidade de Brasília).


Produções



Produção bibliográfica
Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
PIMENTA, João Paulo de O.. 'Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa'. In: VIII Simpósio Internacional de Geografia Agrária - Geografia das Redes de Mobilização Social na América-Latina: resistência e rebeldia desde baixo nos territórios de vida, 2017, Curitiba - PR. Anais do SINGA 2017, 2017.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
PIMENTA, João Paulo de O.; ROCHA, Paulo Cesar ; MOROZ-CACCIA GOUVEIA, Isabel C. ; SANTOS, Aline Ap. dos . Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa. In: VI Workshop Internacional Sobre Planejamento e Desenvolvimento Sustentável de Bacias Hidrográficas, 2017, Uberlândia-MG. VI Workshop Internacional Sobre Planejamento e Desenvolvimento Sustentável de Bacias Hidrográficas, 2017.

2.
PIMENTA, João Paulo de O.; ROCHA, Paulo Cesar ; MOROZ-CACCIA GOUVEIA, Isabel C. . 'Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa'. In: XII ENANPEGE - Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia, 2017, Porto Alegre - RS. XII ENANPEGE - Geografia, Ciência e Política: do pensamento à ação, da ação ao pensamento. Dourados - MS: UFGD Editora, 2017. v. 1ª Ed.. p. 2601-2612.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
PIMENTA, João Paulo de O.; THOMAZ JUNIOR, A. . Trabalhadores migrantes para os canaviais do Pontal do Paranapanema, nos municípios de Emilianópolis, Presidente Bernardes e Santo Anastácio-SP. In: XXVII Congresso de Iniciação Científica da UNESP, 2015, Presidente Prudente. Trabalhos apresentados na primeira fase do XXVII CIC, 2015.

2.
PIMENTA, João Paulo de O.; THOMAZ JUNIOR, A. . Trabalhadores migrantes para os canaviais do Pontal do Paranapanema: migrações nos municípios de Emilianópolis, Presidente Bernardes e Santo Anastácio-SP. In: XXVI Congresso de Iniciação Científica da UNESP, 2014, Presidente Prudente. Trabalhos apresentados na 1ª Fase do XXVI CIC, 2014.

3.
PIMENTA, João Paulo de O.; LEITE, Y. U. F. . Necessidades formativas dos docentes da rede municipal de ensino: Martinópolis e Iepê - Estado de São Paulo. In: XI Seminário Estadual da Associação Nacional de Política e Administração da Educação - Seção São Paulo - ANPAE-SP, 2009, São Paulo. Trabalhos apresentados no XI Seminário da ANPAE - Seção São Paulo-SP, 2009.

4.
PIMENTA, João Paulo de O.; LEITE, Y. U. F. . As representações sociais dos professores da rede municipal de ensino de Martinópolis sobre o aluno e a escola pública. In: XXI Congresso de Iniciação Científica da UNESP, 2009, São José do Rio Preto. Trabalhos apresentados no XXI CIC, 2009.

5.
PIMENTA, João Paulo de O.; LEITE, Y. U. F. . Formação contínua de professores: diagnóstico das necessidades formativas - municípios de Álvares Machado, Marabá Paulista, Santo Anastácio e Martinópolis-SP. In: XX Congresso de Iniciação Científica da UNESP, 2008, São José dos Campos. Tranalhos apresentados no XX Congresso de Iniciação Científica da UNESP, 2008.

Apresentações de Trabalho
1.
MOROZ-CACCIA GOUVEIA, Isabel C. ; GOUVEIA, José Mariano C. ; PIMENTA, João Paulo de O. . Fragilidade Ambiental aos Processos Erosivos Lineares no Pontal do Paranapanema. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
SANTOS, Aline Ap. dos ; ROCHA, Paulo Cesar ; PIMENTA, João Paulo de O. . Hidrossedimentologia, Meio Físico e Cobertura da Terra na UGRHI-22 Pontal do Paranapanema-SP. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
PIMENTA, João Paulo de O.; ROCHA, Paulo Cesar ; MOROZ-CACCIA GOUVEIA, Isabel C. ; SANTOS, Aline Ap. dos . Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
PIMENTA, João Paulo de O.. As Representações Sociais dos Professores da Rede Municipal de Ensino de Martinópolis-SP Sobre o Aluno e a Escola Pública. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).


Demais tipos de produção técnica
1.
PIMENTA, João Paulo de O.. Tecnologias e tecnologias digitais de informação e comunicação para o ensino de Geografia nos anos iniciais do Ensino Fundamental. 2017. .

2.
PIMENTA, João Paulo de O.. Oficina de Fotografia. 2015. .


Produção artística/cultural
Artes Cênicas
1.
PIMENTA, João Paulo de O.; CRUZ, Bruna Belloti da ; FERRO, Marcela Coladello ; SILVA, Valéria Santos da . Grupo Tiquim de Prosa - Espetáculo: "Cantos Encontados". 2010. Teatral.

2.
PIMENTA, João Paulo de O.; CRUZ, Bruna Belloti da ; FERRO, Marcela Coladello ; SILVA, Valéria Santos da . Grupo Tiquim de Prosa - Espetáculo: "Cantos Encontados". 2010. Teatral.

Artes Visuais
1.
PIMENTA, João Paulo de O.. 'Força Negra'. 2016. Fotografia.

2.
PIMENTA, João Paulo de O.. I Prêmio Brasileiro de Fotogeografia - Paisagens Brasileiras. 2015. Fotografia.

3.
PIMENTA, J. P. O.; PIMENTA, João Paulo de O. . Oficina Esculpindo Habilidades. 2013. Escultura.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Colóquio: Pensamento, Economia e Espaço. 2018. (Outra).

2.
III Seminário Instrumentos de Gestão em Recursos Hídricos. 2017. (Seminário).

3.
II Seminário Dinâmica Econômica e Desenvolvimento Regional.II Seminário Dinâmica Econômica e Desenvolvimento Regional. 2017. (Seminário).

4.
IV Seminário de Integração da Graduação e Pós-Graduação em Geografia - XVIII Semana de Geografia - XIII Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia.IV Seminário de Integração da Graduação e Pós-Graduação em Geografia - XVIII Semana de Geografia - XIII Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia. 2017. (Seminário).

5.
VIII SINGA - Simpósio Internacional de Geografia Agrária."Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa". 2017. (Simpósio).

6.
VI Workshop Internacional Sobre Planejamento e Desenvolvimento Sustentável em Bacias Hidrográficas. "Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa". 2017. (Congresso).

7.
XII ENANPEGE - Encontro Nacional da Associação e Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia."Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa". 2017. (Encontro).

8.
XVII Simpósio Brasileiro de Geografia Física Aplicada - I Congresso Nacional de Geografia Física.Hidrossedimentologia, Meio Físico e Cobertura da Terra na UGRHI-22 Pontal do Paranapanema-SP. 2017. (Simpósio).

9.
CEGeT 20 Anos: Duas décadas negando/afirmando o trabalho. 2016. (Encontro).

10.
III Seminário de Integração da Graduação e Pós-Graduação em Geografia, XVII Semana de Geografia, XII Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia."Fotografia e Intencionalidade na Geografia". 2016. (Oficina).

11.
III Seminário Nacional de Integração da Graduação e Pós-Graduação em Geografia, XVII Semana de Geografia e XII Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia. 2016. (Seminário).

12.
I Seminário de Estudos Aplicados: Vulnerabilidade de Aquíferos, Fragilidade Ambiental e Sustentabilidade no Pontal do Paranapanema."Mapeamento e Análise do Território do Agrohidronegócio Canavieiro no Pontal do Paranapanema, São Paulo-Brasil: Relações de trabalho, conflitos e formas de uso da terra e da água, e a saúde ambiental". 2016. (Seminário).

13.
XVII Jorna do Trabalho: Novas fronteiras para o trabalho e o trabalho em novas fronteiras em expansão do capital."Fotografia e Trabalho: a intencionalidade por trás da imagem". 2016. (Oficina).

14.
II Seminário de Integração da Graduação e Pós Graduação em Geografia, XVI Semana de Geografia, XI Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia.II Seminário de Integração da Graduação e Pós Graduação em Geografia, XVI Semana de Geografia, XI Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia. 2015. (Seminário).

15.
Seminário Regional de Saúde e Qualidade de Vida no Pontal do Paranapanema-SP. 2015. (Seminário).

16.
XI Encontro Nacional da Associação de Pós-Graduação e Pesquisa em Geografia."Paisagens Geográficas". 2015. (Encontro).

17.
XVI Jornada do Trabalho: Crise Social e Crise do/no Trabalho: Vínculos e Contradições entre Estrutura e Conjuntura no Brasil.XVI Jornada do Trabalho: Crise Social e Crise do/no Trabalho: Vínculos e Contradições entre Estrutura e Conjuntura no Brasil. 2015. (Encontro).

18.
XXVII Congresso de Iniciação Científica da UNESP. "Trabalhadores migrantes para os canaviais do Pontal do Paranapanema: migrações nos municípios de Emilianópolis, Presidente Bernardes e Santo Anastácio-SP". 2015. (Congresso).

19.
II Seminário de Climatologia Urbana. 2014. (Seminário).

20.
VII Congresso Brasileiro de Geógrafos. A AGB e a Geografia brasileira no contexto das lutas sociais frente aos projetos hegemônicos. 2014. (Congresso).

21.
XV Jornada do Trabalho: CONFLITOS TERRITORIAIS, (RE)INVENÇÕES DO CONTROLE SOCIAL E DAS RESISTÊNCIAS DO TRABALHO PARA ALÉM DO CAPITAL?.CONFLITOS TERRITORIAIS, (RE)INVENÇÕES DO CONTROLE SOCIAL E DAS RESISTÊNCIAS DO TRABALHO PARA ALÉM DO CAPITAL?. 2014. (Encontro).

22.
XXVI Congresso de Iniciação Científica da UNESP. "Trabalhadores migrantes para os canaviais do Pontal do Paranapanema: migrações nos municípios de Emilianópolis, Presidente Bernardes e Santo Anastácio-SP". 2014. (Congresso).

23.
7º Congresso de Extensão Universitária da UNESP -. Construindo o Centro de Memória, Documentação e Hemeroteca Sindical. 2013. (Congresso).

24.
I Seminário de Consciência Negra da FCT/UNESP: Mãos Negras: juntas contra o racismo e o preconceito.Dança Afro. 2013. (Seminário).

25.
Seminário Internacional "Questões do Trabalho, Ambientais e da Saúde do Trabalhador". 2013. (Seminário).

26.
XIV Jornada do Trabalho: O trabalho e a crise estrutural do capital: resistência, limite e alternativas.CEMOSi - Centro de Memória e Hemeroteca Sindical. 2013. (Encontro).

27.
XIV Semana de Geografia e IX Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia. 2013. (Encontro).

28.
"Literatura Infantil, Leitua e Oralidade"."Literatura Infantil, Leitua e Oralidade". 2010. (Outra).

29.
III Feira de Profissões do Cursinho Pré-Vestibular Ideal.III Feira de Profissões do Cursinho Pré-Vestibular Ideal. 2010. (Encontro).

30.
II Seminário de Consolidação do PROEXT - UFMS."Arte de Contar Histórias Infantis". 2010. (Seminário).

31.
IV Semana Acadêmica do Curso de Pedagogia - AEMS - Faculdades Integradas de Três Lagoas."Jogos Teatrais e Contação de Histórias: O Prazer de Ser Contador". 2010. (Oficina).

32.
XXI Semana da Educação / Pedagogia."Música na Literatura Infantil". 2010. (Oficina).

33.
Aula Magna - A Pedagogia da Ponte. 2009. (Outra).

34.
CONAE 2010 - Conferência Nacional de Educação - Etapa Intermunicipal de Presidente Prudente.CONAE 2010 - Conferência Nacional de Educação - Etapa Intermunicipal de Presidente Prudente. 2009. (Outra).

35.
II Forum Cultural FCT - UNESP - Universidade, Cultura e Sociedade:Revelando Emancipações Sociais.II Forum Cultural FCT - UNESP - Universidade, Cultura e Sociedade:Revelando Emancipações Sociais. 2009. (Outra).

36.
Trabalho de Campo - A Dinâmica da Paisagem como Instrumento Metodológico para Leitura da Cidade de Presidente Prudente-SP.Trabalho de Campo - A Dinâmica da Paisagem como Instrumento Metodológico para Leitura da Cidade de Presidente Prudente-SP. 2009. (Outra).

37.
XI Semninário Estadual da ANPAE - Associação Nacional de Política e Administração da Educação - Seção São Paulo."Necessidades Formativas dos Docentes da Rede Municipal de Ensino: Martinópolis e Iepê - Estado de São Paulo". 2009. (Seminário).

38.
XXI Congresso de Iniciação Científica - UNESP. "Normalização para Citação e Referência Bibliográfica de Docomentos Impresso e Eletrônico". 2009. (Congresso).

39.
XXI Congresso de Iniciação Científica - UNESP. "As Representações Sociais dos Professores da Rede Municipal de Ensino de Martinópolis-SP Sobre o Aluno e a Escola Pública". 2009. (Congresso).

40.
XXIX ENEPe - Encontro Nacional de Estudantes de Pedagogia.Educação e Periferias: Disciplinamento, Controle e Resistência. 2009. (Encontro).

41.
XX Semana da Educação / Pedagogia."Saberes sem fronteiras". 2009. (Outra).

42.
Curso de Férias.Astronomia Introdutória. 2008. (Oficina).

43.
Encontro dos Núcleos de Ensino da UNESP - 21 anos.Um Estudo Sobre o Perfil e Necessidades de Formação dos Professores das Redes Municipais da Região de Presidente Prudente - SP. 2008. (Encontro).

44.
XIX COPEPe - Conselho Paulista de Entidades de Pedagogia.Avaliação Institucional: a Homogeneização das Práticas. 2008. (Encontro).

45.
XIX Semana da Educação / Semana da Pedagogia. Identidade Cultural e Diferença: Desafios e Possibilidades à Educação. 2008. (Congresso).

46.
XV EPEPe - Encontro Estadual dos Estudantes de Pedagogia."Políticas Públicas Estaduais e a Luta pela Educação Pública: Mais um Espaço de Conquista". 2008. (Encontro).

47.
XVI Colóquio do Programa de Pós-Graduação em Educação."O centro de formação de professores: experiências em discussão". 2008. (Outra).

48.
XX Congresso de Iniciação Cientítica - UNESP. "Formação Contínua de Professores: Diagnóstico das Necessidades Formativas - Municípios de Álvares Machado, Marabá Paulista, Santo Anastácio e Martinópolis - SP". 2008. (Congresso).

49.
"A pesquisa em Educação e a Formação de Professores"."A pesquisa em Educação e a Formação de Professores". 2007. (Seminário).

50.
Curso: "Introdução à análise de dados qualitativos com o uso do SPSS".Curso: "Introdução à análise de dados qualitativos com o uso do SPSS". 2007. (Oficina).

51.
II EIDE - Encontro Iberoamericano de Educação.II EIDE. 2007. (Encontro).

52.
VI Congreso Internacional de Salud Mental y Derechos Humanos. 2007. (Congresso).

53.
XIV EPEPe - Encontro Paulista dos Estudantes de Pedagogia.Movimento Estudantil como espaço de formação e atuação. 2007. (Encontro).

54.
XVIII COPEPe - Conselho Paulista de Entidades de Pedagogia."PDE: Plano de Desenvolvimento da Educação?". 2007. (Encontro).

55.
XVIII Semana da Educação / Pedagogia. "Políticas Públicas e Formação de Professores: O que você tem a ver cm isso?". 2007. (Congresso).

56.
III Semana de Letras - UNIESP. I Ciclo de Debates de Tradução e Interpretação. 2004. (Congresso).

57.
IISemana de Letras - IESPP. "Anticlericalismo na obra 'O Crime do Padre Amaro', de Eça de Queiróz".. 2003. (Congresso).

58.
II Semana de Letras - IESPP. Signos da Heterogeneidade: Olhares plurissignificativos na seara dos estudos da linguagem. 2003. (Congresso).

59.
II Semana de Letras - IESPP. Nos cárceres da memória: (re) vendo Graciliano Ramos. 2003. (Congresso).

60.
I Semana de Letras - IESPP. I Semana de Letras - IESPP. 2002. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PIMENTA, João Paulo de O.; GOMES, M. T. S. . II Seminário Dinâmica Econômica e Desenvolvimento Regional. 2017. (Congresso).

2.
MARTIN, E. S. ; PIMENTA, João Paulo de O. . Semana do Meio Ambiente. 2015. (Exposição).

3.
PIMENTA, João Paulo de O.. I Seminário de Integração da Graduação e Pós-Graduação em Geografia, XV Semana de Geografia e X Encontro de Estudantes de Licenciatura em Geografia "Geografia no Século XXI: Pensar e Agir na Diversidade. 2014. (Congresso).

4.
MATOS, M. P. B. ; CASTELLANOS, I. A. P. ; PIMENTA, João Paulo de O. . XI FONEPe - Fórum Nacional de Entidades de Pedagogia - Plano de Desenvolvimento da Educação". 2008. (Congresso).

5.
PIMENTA, João Paulo de O.; OLIVEIRA, L. F. . XVIII Semana da Educação / Pedagogia. 2007. (Congresso).



Inovação



Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
MOROZ-CACCIA GOUVEIA, Isabel C. ; GOUVEIA, José Mariano C. ; PIMENTA, João Paulo de O. . Fragilidade Ambiental aos Processos Erosivos Lineares no Pontal do Paranapanema. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
PIMENTA, João Paulo de O.; ROCHA, Paulo Cesar ; MOROZ-CACCIA GOUVEIA, Isabel C. ; SANTOS, Aline Ap. dos . Fragilidade Ambiental na Área dos Municípios de Junqueirópolis-SP e Mirante do Paranapanema-SP: Uma Análise Comparativa. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
PIMENTA, João Paulo de O.. Oficina de Fotografia. 2015. .

2.
PIMENTA, João Paulo de O.. Tecnologias e tecnologias digitais de informação e comunicação para o ensino de Geografia nos anos iniciais do Ensino Fundamental. 2017. .


Artes Visuais
1.
PIMENTA, João Paulo de O.. 'Força Negra'. 2016. Fotografia.

1.
PIMENTA, João Paulo de O.. I Prêmio Brasileiro de Fotogeografia - Paisagens Brasileiras. 2015. Fotografia.

1.
PIMENTA, J. P. O.; PIMENTA, João Paulo de O. . Oficina Esculpindo Habilidades. 2013. Escultura.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/11/2018 às 1:23:43