Elâine Maria dos Santos Ribeiro

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3304685448889789
  • Última atualização do currículo em 14/02/2019


Sou tecnóloga em Gestão Ambiental pelo IFPE, bióloga pela UFPE, mestre e doutora em Ecologia e Conservação pelo PPGBV/UFPE. Atualmente sou professora do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade de Pernambuco - Campus Petrolina. Em minhas pesquisas busco entender como as atividades antrópicas atuam na organização de populações e comunidades vegetais. Além disso, investigo como interações planta-formiga e planta-humanos atuam estruturando populações e comunidades de plantas na Caatinga e Floresta Atlântica. Meu objetivo é gerar conhecimento científico que seja aplicado na construção de políticas públicas e práticas voltadas ao manejo adaptativo e conservação dos ecossistemas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Elâine Maria dos Santos Ribeiro
Nome em citações bibliográficas
RIBEIRO, E. M. S.;DOS SANTOS RIBEIRO, ELÂINE MARIA;RIBEIRO, ELÂINE M. S.;RIBEIRO, ELÂINE MARIA DOS SANTOS

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de Pernambuco, Faculdade de Formação, Campus Petrolina.
BR 203, km 2, S/N
Vila Eduardo
56328903 - Petrolina, PE - Brasil
Telefone: (87) 6666666666


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2015
Doutorado em Biologia Vegetal.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
com período sanduíche em Universidad Nacional Autónoma de Mexico (Orientador: Víctor Arroyo-Rodríguez (Agência Financiadora: CAPES)).
Título: Efeito de perturbações antrópicas sobre a diversidade e processos ecológicos da comunidade arbórea da Caatinga, Ano de obtenção: 2015.
Orientador: Inara Roberta Leal.
Coorientador: Bráulio Almeida Santos.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco, FACEPE, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
2009 - 2011
Mestrado em Biologia Vegetal.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: Influência de perturbações antrópicas sobre populações de cactáceas em áreas de Caatinga,Ano de Obtenção: 2011.
Orientador: Inara Roberta Leal.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco, FACEPE, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
2005 - 2008
Graduação em Bacharellado em Ciências Biológicas/ Ambientais.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: Clareiras naturais e clareiras das formigas cortadeiras: caracterização e contribuição para o recrutamento de plântulas de Licania tomentosa (BENTH.) FRITSCH. (Chrysobalanaceae) na Floresta Atlântica Nordestina.
Orientador: Inara Roberta Leal.
2004 - 2007
Graduação em Tecnologia em Sistema de Gestão Ambiental.
Instituto Federal de Pernambuco, IFPE, Brasil.
Título: Impactos da visitação em unidades de conservação: uma abordagem sobre o planejamento de duas trilhas no Parque Estadual de Dois Irmãos, Recife - PE, Brasil..
Orientador: Elba Maria Nogueira Ferraz Ramos.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Pós-doutorado


2016 - 2017
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Meio ambiente / Especialidade: Biologia da Conservação.
2015 - 2016
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas


Formação Complementar


2014 - 2014
Ecología y Conservación del Bosque Tropical Húmedo. (Carga horária: 80h).
Universidad Nacional Autónoma de Mexico, UNAM, México.
2013 - 2013
Ecologia funcional de plantas. (Carga horária: 45h).
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
2009 - 2009
Métodos de estudos de Frugivoria e Dispersão. (Carga horária: 4h).
Sociedade de Ecologia do Brasil, SEB, Brasil.
2009 - 2009
Interpretação de dados ecológicos. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
2009 - 2009
Técnicas de ordenação: introdução às análises mult. (Carga horária: 60h).
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
2006 - 2006
Planejamento e Manejo de áreas naturais protegidas. (Carga horária: 100h).
Fundação O Boticário de Proteção à Natureza, FBPN, Brasil.
2006 - 2006
Sistemas de certificação Ambiental. (Carga horária: 6h).
XI Congresso Nordestino de Ecologia/ Sociedade Nordestina de Ecologia, SNE, Brasil.
2006 - 2006
Interpretação da Natureza. (Carga horária: 8h).
Centro de Pesquisas Ecológicas Culturais e Sociais, CEPECS Brasil, Brasil.
2005 - 2005
Sistema de Gestão Ambiental - ISO 14000:2004. (Carga horária: 20h).
SENAI - Departamento Regional de Pernambuco, SENAI/DR/PE, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - 2018
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 16
Outras informações
Professor colaborador na disciplina Ecologia de Comunidades Vegetais do PPGBV-UFPE

Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: Professor colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 4
Outras informações
Professora colaboradora da disciplina BO336 - Ecologia de Comunidades e Ecossistemas do curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da UFPE

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 30
Outras informações
Participação como professora colaboradora na disciplina Diversidade Funcional e Filogenética do PPGBV/UFPE.

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 4
Outras informações
Participação como professora colaboradora na disciplina Ecologia de Comunidades do PPGBV/UFPE

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 18
Outras informações
Professora colaboradora da disciplina Introdução às Ciências Ambientais do curso de Bacharelado em Ciências Biológicas/ Ciências Ambientais da UFPE, nos semestres 2015.1 e 2015.2.

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador, Carga horária: 2
Outras informações
Professora colaboradora da disciplina Ecologia II do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da UFPE

Vínculo institucional

2011 - 2015
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estudante de doutorado, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Estagio, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 30
Outras informações
Estágio de Iniciação à Docência, realizado na disciplina Análise de Dados II do Curso de Bacharelado em Ciências Biológicas/Ambientais.

Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estudante de mestrado, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2004 - 2007
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estudante de graduação

Atividades

08/2008 - 01/2009
Estágios , Centro de Ciências Biológicas, .

Estágio realizado
Estágio.
08/2007 - 07/2008
Estágios , Centro de Ciências Biológicas, Departamento de Botânica.

Estágio realizado
Iniciação Científica - bolsa FACEPE/CNPq - Clareiras naturais versus clareiras das formigas cortadeiras: influências sobre o recrutamento de espécies vegetais da Floresta Atlântica Nordestina.
2008 - 2008
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências Biológicas, Centro de Ciências Biológicas.

Atividade realizada
Monitoria na disciplina Fitomorfologia L - ministrada ao curso de Licenciatura em Ciências Biológicas UFPE.

University of Tartu, UT, Estônia.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Pesquisador visitante, Enquadramento Funcional: Pesquisador visitante, Carga horária: 40


Universidad Nacional Autónoma de Mexico, UNAM, México.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Professor convidado, Enquadramento Funcional: Professor convidado, Carga horária: 4
Outras informações
Participação como professora convidada na disciplina "Temas Selectos de Regresión y Análisis de Varianza" do Programa de Posgrado en Ciências CIECO/UNAM.


Instituto Federal de Pernambuco, IFPE, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Tutora a distância, Carga horária: 8
Outras informações
Tutora a distância do Curso de Tecnologia em Gestão Ambiental, na modalidade de Educação à Distância. Disciplina: Saúde e saneamento Ambiental - carga horária: 48 horas.

Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: livre, Enquadramento Funcional: Tutora a distância, Carga horária: 8
Outras informações
Tutora a distância do Curso de Tecnologia em Gestão Ambiental, na modalidade de Educação à Distância. Disciplina: Instrumentos de Gestão Ambiental- carga horária: 48 horas.

Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: livre, Enquadramento Funcional: Tutora a distância, Carga horária: 8
Outras informações
Tutora a distância do Curso de Tecnologia em Gestão Ambiental, na modalidade de Educação à Distância. Disciplina: Gestão de Unidades de Conservação - carga horária: 36 horas.

Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor conteudista
Outras informações
Colaborador na construção do livro utilizado na displina de Gestão de Unidades de Conservação D-EaD IFPE.

Vínculo institucional

2004 - 2007
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estudante de graduação, Carga horária: 20

Atividades

2006 - 2007
Estágios , Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Pernambuco, .

Estágio realizado
Estágio de iniciação científica, bolsa PIBIC CNPq nº 115512/2005-5..
2005 - 2006
Estágios , Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Pernambuco, .

Estágio realizado
Estágio de iniciação científica, bolsa PIBIC CNPq nº 115512/2005-5..

Associação para Proteção da Mata Atlântica do Nordeste, AMANE, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: livre, Enquadramento Funcional: Monitora
Outras informações
Monitora do Curso de Capacitação em Gestão Participativa de Unidades de Conservação (75 horas/aula)


Prefeitura Municipal de Recife, PM/Recife, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Estágio, Carga horária: 20

Atividades

2005 - 2006
Estágios , Diretoria de Meio Ambiente, .

Estágio realizado
Estágio realizado no Jardim Botânico do Recife, atuando em atividades de educação ambiental nas trilhas..

Universidade de Pernambuco, UPE, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora adjunta, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Aprendendo sobre o valor da biodiversidade da Caatinga e seus serviços ecossistêmicos no ensino escolar
Descrição: Nos currículos do Ensino Fundamental e Médio são descritos como indispensáveis os temas: meio ambiente, diversidade de vida na Terra e a interação entre os seres vivos. Trabalhar esses temas no ensino básico ainda é um desafio, mas não há alternativa se desejamos tornar a relação sociedade-natureza mais amigável, formar cidadãos conscientes da importância da biodiversidade e de nossa dependência da mesma. Nas escolas localizadas na Caatinga, a qual foi historicamente descrita como pobre em termos de número de espécies é que por muito tempo foi negligenciada em termos de investimentos em pesquisa científica, esse desafio é ainda maior. Nesse contexto, esta proposta tem como objetivo principal a produção de um kit educacional voltado para a divulgação científica de conhecimentos relacionados a biodiversidade da Caatinga e seus serviços ecossistêmicos, tendo como publico alvo os estudantes de escolas públicas do Ensino Fundamental e Médio de Petrolina-PE e Juazeiro-BA. Para construção deste kit utilizaremos metodologias de pesquisa participativas, pois acreditamos que os sujeitos que fazem parte do público-alvo desta proposta são parte importante para a elaboração da mesma Espera-se que com a produção deste kit educacional possamos atuar efetivamente na divulgação científica de conceitos ecológicos, mudança de concepções sobre o valor da biodiversidade da Caatinga e de seus serviços ecossistêmicos. Além disso, almejamos estimular nos estudantes a percepção, reflexão e ação sobre os problemas ambientais que ameaçam a biodiversidade da Caatinga como a caça predatória, tráfico de animais e desmatamento. Por fim, esta proposta representa um marco para as escolas localizadas na Caatinga, uma vez que incentiva a inovação pedagógica e vivência aprofundada e contextualizada de temas estruturadores dos currículos do ensino básico..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Coordenador / Wesley Gomes dos Santos - Integrante / Mathiane Dourado Souza Costa - Integrante / Cintia Leideane Araújo Ferreira - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.
2018 - Atual
Flora lenhosa em serras de baixa altitude: uma abordagem da diversidade biológica e genômica evolutiva para conservação da Caatinga
Descrição: Este projeto visa avaliar áreas da Caatinga localizadas em diferentes níveis de altitude. A variação altitudinal é um fator abiótico importante na determinação da riqueza de espécies e organização das comunidades. Além disso, é crescente a quantidade de estudos onde se observa que existe limitação na colonização de nichos específicos (ex. habitats em altitudes distintas) por parte das espécies, devido ao tamanho do genoma. Portanto, neste projeto além das medidas de diversidade (taxonômica, funcional e filogenética), será também analisado via citometria de fluxo o tamanho do genoma das espécies estudadas. Para obtenção de uma análise consistente, tanto os índices de diversidade como os dados de tamanho dos genomas serão relacionados a árvores filogenéticas (datadas e não datadas), reconstruídas a partir de sequências gene-específicos disponíveis na literatura ou por meio de sequenciamento de DNA. Por fim, as espécies ainda serão caracterizadas quanto a suas características cariotípicas, assim contribuindo para o entendimento das relações sistemáticas e evolutivas dos táxons estudados...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Coordenador / Júlia Caram Sfair - Integrante / Geyner Alves Cruz dos Santos - Integrante / Ana Maria Benko-Iseppon - Integrante / Santelmo Selmo Vasconcelos Júnior - Integrante / Rafael Batista Louzada - Integrante.
2018 - Atual
Como a utilização humana da flora lenhosa altera a diversidade e estrutura filogenética de florestas tropicais secas e úmidas do Nordeste do Brasil?
Descrição: Nas florestas tropicais remanescentes os recursos florestais (e.g. madeira, sementes, frutos, flores, forragem etc.) são frequentemente utilizados de várias formas pelas populações humanas para subsistência. E dessa forma, a biomassa das florestas vai sendo removida gradualmente o que pode empobrecer e simplificar ainda mais essas áreas relictuais. A redução na riqueza e diversidade de espécies é em geral a principal consequência descrita da ação antrópica ecossistemas. No entanto, apenas essas duas medidas de diversidade taxonômica pouco informam como a comunidade está se reorganizando do ponto de vista filogenético e funcional. Nesse contexto, este projeto visa especificamente entender qual o efeito dos diferentes tipos de uso hda flora lenhosa sobre a diversidade e estrutura filogenética de comunidades vegetais de florestas secas e úmidas (Floresta Atlântica e Caatinga) do Nordeste do Brasil. Esse estudo será realizado a partir de bases de dados de estudos etnobotânicos e espera-se agregar novos conhecimentos sobre diversidade biológica dessas florestas, bem como incentivar ações que contemplem o manejo adaptativo do uso nas mesmas visando à conservação de sua flora e provisão de seus diversos serviços às comunidades humanas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Coordenador / Pille Gerhold - Integrante / Wesley Gomes dos Santos - Integrante / Katharyne Jessica Barbosa de Carvalho - Integrante / Washington Soares Ferreira Júnior - Integrante.
2016 - Atual
Macroecological and evolutionary determinants of community phylogenetic and functional diversity
Descrição: In the light of the rapid decline of biodiversity due to global change, it is crucial to identify the mechanisms that have shaped diverse communities because knowing these mechanisms helps to preserve diversity under changing conditions. Innovative evidence suggests that macroecological and evolutionary mechanisms may have a major role in shaping communities. Phylogenetic diversity (PD) and functional diversity (FD) have a great potential to reveal these mechanisms because PD reflects the diversity of evolutionary lineages accumulated and dispersed in time and space, whereas FD describes the diversity of traits evolved in lineages. In this project I will develop a cutting-edge approach focusing on four macroecological and evolutionary mechanisms that may have shaped community PD and FD in plants. I will conduct a meta-study to reveal the effects of latitude and climatic gradients, environmental heterogeneity, historical stability, and evolutionary age of habitat type..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Integrante / Pille Gerhold - Coordenador.
Financiador(es): Estonian Research Council - Auxílio financeiro.
2013 - 2015
Como a biota da Caatinga responde às atividades humanas? Efeitos do aumento da perturbação e da redução da pluviosidade (Edital APQ FACEPE processo número 0738-2.05/12)

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Inara Roberta Leal em 21/08/2014.
Descrição: A ecologia há muito já sabe que as espécies evoluem, as comunidades se organizam e os ecossistemas apresentam padrões de funcionamento (fluxo de energia e ciclagem de nutrientes) em resposta a regimes de perturbações que são intrínsecos de cada ecossistema ou ambiente natural. Contudo, os ecossistemas estão cada vez mais expostos a perturbações de origem antrópica, causados por duas grandes forças estruturadoras (1) mudanças na dinâmica de uso do solo, principalmente a conversão de paisagens naturais em paisagens antrópicas e (2) mudanças climáticas globais, com repercussão nos perfis climáticos regionais. Sendo assim, o objetivo geral desta proposta é examinar como perturbações antrópicas, incluindo redução na pluviosidade, a principal expectativa das mudanças climáticas para o semiárido brasileiro, afetam as comunidades de e as interações entre plantas, herbívoros e predadores de herbívoros da Caatinga. O projeto está distribuído em três módulos (1) Padrões de diversidade das comunidades, que testará hipóteses sobre como perturbações antrópicas modificam a estrutura e composição de espécies bem como os padrões de diversidade taxonômica, funcional e filogenética das comunidades de plantas, herbívoros e predadores de herbívoros; (2) Processos estruturadores das comunidades, cujo objetivo é verificar a contribuição relativa das interações bióticas e dos filtros ambientais na estruturação das comunidades biológicas; e (3) Interações planta-animal, que investigará como interações planta-animal antagônicas (planta-herbívoro) e mutualísticas (planta-formiga) são reorganizadas em resposta às perturbações antrópicas e simular sua resposta às mudanças climáticas, mais especificamente, à redução na pluviosidade. O projeto será executado em um período de 24 meses, por uma equipe composta por quatro pesquisadores docentes brasileiros (três da UFPE, todos bolsistas de produtividade do CNPq, e um da UNIVASF), dois pesquisadores estrangeiros (Austrália e Alemanha), dois pós-doutores..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Integrante / Inara Roberta Leal - Coordenador / Laura Carolina Leal - Integrante / Kátia Fernanda Rito Pereira - Integrante / Talita Câmara dos Santos Bezerra - Integrante / José Domingos Ribeiro Neto - Integrante / Fernanda Pereira Oliveira - Integrante / Alan Andersen - Integrante / Gabriela Burle Arcoverde - Integrante / Marcelo Tabarelli - Integrante / Rainer Wirth - Integrante / Walkiria Rejane de Almeida - Integrante / Felipe Fernando da Silva Siqueira - Integrante / Ariadna V Lopes - Integrante.
2012 - 2015
Effects of chronic disturbance on diversity and ecological processes of woody flora from the Brazilian Caatinga: implications for management and conservation
Descrição: In this work, we hypothesize that human chronic disturbance is an important predictor of impoverishment of the diversity and ecological processes of wood plant communities from the Brazilian Caatinga. We assess if chronic disturbance is negatively correlated with the species, the functional and phylogenetic diversity of adult and regenerating communities. We also measure ecological processes like seed rain, germination and establishment. We expect that these processes are occurring in reduced rates in the more disturbed sites. Our results will guide local conservation policies for mitigating the negative effects of disturbance on plant communities..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Coordenador / Inara Roberta Leal - Integrante / Bráulio Almeida dos Santos - Integrante.
Financiador(es): The Rufford Small Grants Foundation - Auxílio financeiro.
2009 - 2012
Influência de perturbações antrópicas na rede de interações e ecologia da dispersão de sementes na Caatinga (MCT/CNPq Nº 014/2009 - Universal)
Descrição: Os animais atuam como os principais agentes transportadores durante as duas fases dispersivas do ciclo de vida dos vegetais, a polinização e a dispersão de sementes. O benefício mútuo gerado por estas relações tem sido um fator chave na evolução de angiospermas, insetos e vários grupos de animais vertebrados, atuando como força modeladora da biodiversidade terrestre. Essa importância das relações mutualísticas na manutenção da diversidade pode ser bastante evidenciada pelas conseqüências catastróficas causadas por perturbações antrópicas, onde o desaparecimento de animais provoca a extinção das plantas que dependem desses vetores para seu sucesso reprodutivo. Esse efeito cascata já foi bem descrito em florestas tropicais úmidas, mas tem sido completamente negligenciado para florestas secas como a Caatinga. O objetivo geral deste projeto é investigar as relações entre plantas e seus agentes dispersores na Caatinga, avaliando as variações na rede de interações ao longo das estações chuvosa e seca e em áreas com diferentes graus de perturbação (Módulo 1). Paralelo a essa caracterização geral da rede de interações planta-dispersor, será estudada a ecologia da dispersão de sementes das duas principais famílias botânicas da Caatinga (i.e., Cactaceae e Euphorbiaceae) em áreas com diferentes graus de perturbação, desde a caracterização das espécies dispersores até a distribuição espacial das plântulas e a estrutura e dinâmica das populações vegetais. Mais especificamente, investigaremos qual a eficiência dos diferentes dispersores que estão utilizando uma mesma espécie de planta em áreas com diferentes graus de perturbação (Módulo 2), qual o resultado da interação com os diferentes dispersores em termos de estabelecimento das plântulas nestas áreas (Módulo 3) e quais as conseqüências dos tipos de dispersores e do distúrbio antrópico na estrutura e dinâmica das populações (Módulo 4)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (4) Doutorado: (2) .

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Integrante / Inara Roberta Leal - Coordenador / Laura Carolina Leal - Integrante / Marcos Vinicius Meiado - Integrante / Kátia Fernanda Rito Pereira - Integrante / Talita Câmara dos Santos Bezerra - Integrante / José Domingos Ribeiro Neto - Integrante / Fernanda Pereira Oliveira - Integrante / Alan Andersen - Integrante / Larissa Nascimento Sátiro - Integrante / Gabriela Burle Arcoverde - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2009 - 2011
Redes de interações e ecologia da dispersão de sementes na Caatinga (APQ-0140- 2.05/08)
Descrição: Animais atuam como os principais agentes transportadores durante as duas fases dispersivas do ciclo de vida dos vegetais: a polinização de flores e a dispersão de propágulos. O benefício mútuo gerado por esta relação tem sido o fator chave na evolução de angiospermas e de muitos grupos de animais vertebrados e invertebrados, atuando como força modeladora da biodiversidade terrestre. A importância de relações mutualísticas na manutenção da diversidade em ecossistemas terrestres pode ser bastante evidenciada pelas conseqüências catastróficas causadas por perturbações antrópicas, cada vez mais freqüente nos últimos séculos. A extinção de espécies tem sido uma conseqüência bastante evidente da perda de habitat. Contudo, uma outra importante conseqüência tem sido pouco explorada nos estudos de conservação: a perda de interações biológicas. Com o desaparecimento de animais, muitas plantas que dependem desses vetores para seu sucesso reprodutivo também desaparecerão. Esse efeito cascata já foi bem descrito em florestas úmidas, porém, para florestas secas, poucos estudos visando às conseqüências da perda de habitat foram conduzidos, principalmente com objetivo de compreender efeitos de processos deletérios nas interações entre espécies. Assim, pretendemos com este projeto estudar as relações entre diásporos e seus agentes dispersores no contexto de comunidade, avaliando as suas variações ao longo do tempo, em áreas sob diferentes níveis de perturbação e as conseqüências destas variações nas redes de interação e no sucesso reprodutivo da comunidade vegetal. Os resultados obtidos contribuirão de forma bastante significativa na corroboração de diversos estudos teóricos acerca do tema. Além disso, o projeto contribuirá para o conhecimento sobre os processos ecológicos ocorrentes na Caatinga, os quais são praticamente inexplorados no cenário mundial e podem auxiliar o entendimento dos padrões das relações mutualísticas entre plantas e animais nos demais ecossistemas estudados..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (4) .

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Integrante / Inara Roberta Leal - Coordenador / Laura Carolina Leal - Integrante / Marcos Vinicius Meiado - Integrante / Kátia Fernanda Rito Pereira - Integrante / Talita Câmara dos Santos Bezerra - Integrante / José Domingos Ribeiro Neto - Integrante / Fernanda Pereira Oliveira - Integrante / Poliana Figueiroa Falcão - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.
2007 - 2009
Influência das formigas cortadeiras na estrutura da vegetação da Floresta Atlântica Nordestina (Projeto PROBRAL CAPES/DAAD processo número 257/07)
Descrição: O objetivo principal deste estudo é caracterizar o impacto direto e indireto das formigas cortadeiras sobre populações e, conseqüentemente, sobre a comunidade de plantas arbóreas em fragmentos de Floresta Atlântica Nordestina. Serão testadas duas hipóteses principais: (1) formigas cortadeiras reduzem o sucesso reprodutivo de espécies vegetais, tornando estas espécies menos abundantes (efeito direto) e (2) formigas cortadeiras ampliam as modificações do ambiente físico causadas pela fragmentação, reduzindo a área disponível para o estabelecimento de árvores tolerantes à sombra (efeito indireto). Para alcançar este objetivo principal, seis objetivos específicos foram definidos, os quais representam os módulos deste projeto. No módulo I e II serão quantificadas e caracterizadas as áreas ocupadas pelas formigas cortadeiras na Floresta Atlântica Nordestina. No módulo III será examinada a influência das áreas criadas pelas formigas cortadeiras no recrutamento de espécies de árvores selecionadas. No módulo IV será avaliada a influência da atividade de forrageamento das formigas cortadeiras no sucesso reprodutivo de espécies de árvores selecionadas. No módulo V será analisada a influência das formigas cortadeiras na estrutura da comunidade de plantas arbóreas da Floresta Atlântica Nordestina. Por fim, no módulo VI as clareiras das formigas serão comparadas física e biologicamente com clareiras naturais da floresta..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (4) .

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Integrante / Inara Roberta Leal - Coordenador / Veralucia Santos Barbosa - Integrante / Rainer Wirth - Integrante / Manoel Vieira de Araújo Júnior - Integrante / Walkiria Rejane de Almeida - Integrante / Michele Martins Correa - Integrante / Úrsula Andres Silveira da Costa - Integrante.
Financiador(es): Programa Probral (Brasil/Alemanha) - Bolsa.
2005 - 2008
Fragmentação florestal e formigas cortadeiras: impactos sobre populações de plantas na floresta Atlântica nordestina (EDITAL UNIVERSAL CNPq processo número 471904/2004-0)
Descrição: Em floresta contínua, os efeitos das formigas cortadeiras são positivos, uma vez que elas aumentam a heterogeneidade espacial e temporal de recursos essenciais como luz, nutrientes e até mesmo água, e alteram a habilidade competitiva de algumas espécies vegetais. Ambos os processos são importantes para a dinâmica do ecossistema e têm sido sugeridos como promotores e/ou mantenedores da diversidade de espécies em ambientes tropicais. Em florestas altamente fragmentadas, entretanto, nós acreditamos que ao invés de promoverem heterogeneidade, as formigas cortadeiras ampliam os efeitos negativos associados à criação de bordas. Mais especificamente, o aumento na densidade das populações com a fragmentação, associado às altas taxas de herbivoria em áreas fragmentadas e à criação das clareiras para o estabelecimento dos ninhos, faz com que as formigas cortadeiras aumentem a dessecação da floresta, diminuindo a área core dos fragmentos florestais, a qual representa a área de recrutamento para as espécies de árvores da floresta madura. Desta forma, a relação entre formigas cortadeiras e espécies de árvores parece ser um ótimo modelo biológico para entender como a perda e a fragmentação de habitats é capaz de alterar a estrutura trófica da comunidade e promover extinções em cascata em escala local e regional. O objetivo principal deste estudo é caracterizar o impacto direto e indireto das formigas cortadeiras sobre populações e comunidades de plantas arbóreas em fragmentos de floresta Atlântica nordestina. Serão testadas duas hipóteses principais: (1) formigas cortadeiras reduzem o sucesso reprodutivo de árvores tolerantes à sombra, tornando estas espécies menos abundantes (efeito direto) e (2) formigas cortadeiras ampliam as modificações do ambiente físico causadas pela fragmenta reduzindo a área disponível para o estabelecimento de árvores tolerantes à sombra (efeito indireto).
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (6) .

Integrantes: Elâine Maria dos Santos Ribeiro - Integrante / Inara Roberta Leal - Coordenador / Laura Carolina Leal - Integrante / José Domingos Ribeiro Neto - Integrante / Marcelo Tabarelli - Integrante / Sebastian Meyer - Integrante / Veralucia Santos Barbosa - Integrante / Rainer Wirth - Integrante / Manoel Vieira de Araújo Júnior - Integrante / Walkiria Rejane de Almeida - Integrante / Michele Martins Correa - Integrante / Ana Gabriela Delgado Bieber - Integrante / Paulo Sávio Damásio da Silva - Integrante / Úrsula Andres Silveira da Costa - Integrante / Priscila Matias - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.


Revisor de periódico


2014 - Atual
Periódico: Tropical Conservation Science
2016 - Atual
Periódico: Gaia Scientia (UFPB)
2016 - Atual
Periódico: Biotropica
2017 - Atual
Periódico: Journal of Applied Ecology (Print)
2017 - Atual
Periódico: Plant Ecology (Dordrecht. Online)
2016 - Atual
Periódico: Rodriguésia (Online)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Meio ambiente/Especialidade: Ecologia de populações e comunidades vegetais.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Meio ambiente/Especialidade: Biologia da Conservação.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Gestão Ambiental - Unidades de Conservação.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2016
IAVS Travel Award, International Association for Vegetation Science (IAVS).
2016
Menção honrosa no Prêmio CAPES de Melhor Tese 2016 na área de Biodiversidade, CAPES.
2016
Menção honrosa no XXI Encontro de Genética do Nordeste com o trabalho do estudante Paulo Aecyo, Sociedade Brasileira de Genética.
2016
Young scientist poster award para o estudante Joosep Sarapuu no 59th Annual Symposium of the International Association for Vegetation Science., International Association for Vegetation Science.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SILVA-JUNIOR, VALDECIR2018SILVA-JUNIOR, VALDECIR ; SOUZA, DANIELLE G. ; QUEIROZ, RUBENS T. ; SOUZA, LUIZ G. R. ; RIBEIRO, ELÂINE M. S. ; SANTOS, BRÁULIO A. . Landscape urbanization threatens plant phylogenetic diversity in the Brazilian Atlantic Forest. URBAN ECOSYSTEMS, v. 21, p. 625-634, 2018.

2.
RIBEIRO, ELÂINE M. S.2016RIBEIRO, ELÂINE M. S.; SANTOS, BRÁULIO A. ; ARROYO-RODRÍGUEZ, VÍCTOR ; TABARELLI, MARCELO ; SOUZA, GUSTAVO ; LEAL, INARA R. . Phylogenetic impoverishment of plant communities following chronic human disturbances in the Brazilian Caatinga. Ecology (Brooklyn, New York, N.Y.), v. 97, p. 1583-1592, 2016.

3.
RIBEIRO, E. M. S.;DOS SANTOS RIBEIRO, ELÂINE MARIA;RIBEIRO, ELÂINE M. S.;RIBEIRO, ELÂINE MARIA DOS SANTOS2015RIBEIRO, E. M. S.; MEIADO, M. V. ; LEAL, I. R. . The role of clonal and sexual spread in cacti species dominance at the Brazilian Caatinga. Gaia Scientia (UFPB), v. 9, p. 27-33, 2015.

4.
RIBEIRO, ELÂINE M. S.2015RIBEIRO, ELÂINE M. S.; ARROYO-RODRÍGUEZ, VÍCTOR ; SANTOS, BRÁULIO A. ; TABARELLI, MARCELO ; LEAL, INARA R. . Chronic anthropogenic disturbance drives the biological impoverishment of the Brazilian Caatinga vegetation. Journal of Applied Ecology (Print), v. 52, p. 611-620, 2015.

5.
RIBEIRO, E. M. S.;DOS SANTOS RIBEIRO, ELÂINE MARIA;RIBEIRO, ELÂINE M. S.;RIBEIRO, ELÂINE MARIA DOS SANTOS2009RIBEIRO, E. M. S.; Meiado ; Leal, I. R. . Cómo los atributos demográficos de Cactaceae son alterados por las perturbaciones antrópicas en ambientes semiáridos?. Boletín de la Sociedad Latinoamericana y del Caribe de Cactáceas y otras Suculentas, v. 6, p. 4-8, 2009.

6.
JESUS, JOSÂNGELA DA SILVA2009JESUS, JOSÂNGELA DA SILVA ; DOS SANTOS RIBEIRO, ELÂINE MARIA ; NOGUEIRA FERRAZ, ELBA MARIA . Análise do potencial interpretativo da Trilha do Chapadão, Parque Nacional do Catimbau, Buíque, Pernambuco. Revista Nordestina de Ecoturismo, v. 2, p. 42, 2009.

7.
JESUS, JOSÂNGELA DA SILVA2008JESUS, JOSÂNGELA DA SILVA ; RIBEIRO, ELÂINE MARIA DOS SANTOS ; FERRAZ, ELBA MARIA NOGUEIRA . Interpretação ambiental no bioma da caatinga: potencialidades para o ecoturismo no Parque Nacional do Catimbau, Buíque, Pernambuco. Revista Nordestina de Ecoturismo, v. 1, p. 61-61, 2008.

8.
RIBEIRO, E. M. S.;DOS SANTOS RIBEIRO, ELÂINE MARIA;RIBEIRO, ELÂINE M. S.;RIBEIRO, ELÂINE MARIA DOS SANTOS2007 RIBEIRO, E. M. S.; Ferraz, E. M. N. ; Silva, J. S. B. . Impactos Ambientais Causados pelo Uso Público em Áreas Naturais do Parque Estadual de Dois Irmãos, Recife ? PE. Revista Brasileira de Biociências (Impresso), v. Vol. 5, p. 72-74, 2007.

Capítulos de livros publicados
1.
DEMZUCK, S. ; RIBEIRO, E. M. S. ; ARAUJO, T. ; PESSOA, M. B. ; QUIMBAYO, J. P. . Arquitetura de Tabebuia aurea (Bignoniaceae) e parasitismo por Phoradendron affini (Loranthaceae). In: Rodrigo Aranda; Raul Pereira; George Camargo; Andréa Araújo; Erich Fischer; Fabio Roque; Rudi Laps. (Org.). Ecologia do Pantanal. 1ed.Mato Grosso do Sul: Editora UFMS, 2015, v. , p. 35-40.

2.
ARAUJO, T. ; RIBEIRO, E. M. S. ; DEMZUCK, S. ; PESSOA, M. B. ; QUIMBAYO, J. P. . Ecomorfologia de Characiformes em praias e bancos de Eichornia azurea (Sw.) Kunth: forma do corpo. In: Rodrigo Aranda; Raul Pereira; George Camargo; Andréa Araújo; Erich Fischer; Fabio Roque; Rudi Laps. (Org.). Ecologia do Pantanal. 1ed.Mato Grosso do Sul: Editora UFMS, 2015, v. , p. 61-65.

3.
QUIMBAYO, J. P. ; RIBEIRO, E. M. S. ; ARAUJO, T. ; DEMZUCK, S. ; PESSOA, M. B. . Troca ecológica entre o crescimento e investimento reprodutivo em Byrsonima orbignyana (Malphigiaceae) no Pantanal da Nhecolândia. In: Rodrigo Aranda; Raul Pereira; George Camargo; Andréa Araújo; Erich Fischer; Fabio Roque; Rudi Laps. (Org.). Ecologia do Pantanal. 1ed.Mato Grosso do Sul: Editora UFMS, 2015, v. , p. 107-111.

4.
ZAVA, P. ; RIBEIRO, E. M. S. ; LEONEL, B. F. ; LABBE-BELLAS, R. ; ARAUJO, T. . Dispersão de diásporos de Pithecoctenium crucigerum (Bignoniaceae). In: Rodrigo Aranda; Raul Pereira; George Camargo; Andréa Araújo; Erich Fischer; Fabio Roque; Rudi Laps. (Org.). Ecologia do Pantanal. 1ed.Mato Grosso do Sul: Editora UFMS, 2015, v. , p. 131-136.

5.
LEONEL, B. F. ; RIBEIRO, E. M. S. ; ZAVA, P. ; LABBE-BELLAS, R. ; ARAUJO, T. . A metacomunidade de artrópodes em rolling stones: neutro e/ou nicho?. In: Rodrigo Aranda; Raul Pereira; George Camargo; Andréa Araújo; Erich Fischer; Fabio Roque; Rudi Laps.. (Org.). Ecogogia do Pantanal. 1ed.Mato Grosso do Sul: Editora UFMS, 2015, v. , p. 157-162.

6.
RIBEIRO, E. M. S.. Plantas hemiparasitas influenciam a estrutura da comunidade vegetal em áreas de mata ciliar do Pantanal?. In: Rodrigo Aranda; Raul Pereira; George Camargo; Andréa Araújo; Erich Fischer; Fabio Roque; Rudi Laps. (Org.). Ecologia do Pantanal. 1ed.Mato Grosso do Sul: Editora UFMS, 2015, v. , p. 221-228.

7.
LABBE-BELLAS, R. ; RIBEIRO, E. M. S. ; LEONEL, B. F. ; ARAUJO, T. ; ZAVA, P. . Effect of fire on the plant and ant mesofauna communities in an area of the Pantanal. In: Rodrigo Aranda; Raul Pereira; George Camargo; Andréa Araújo; Erich Fischer; Fabio Roque; Rudi Laps. (Org.). Ecologia do Pantanal. 1ed.Mato Grosso do Sul: Editora UFMS, 2015, v. , p. 183-190.

8.
Mendes, M. G. F. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Soares, S. M, N. A. ; Ramos, F. ; Almeida, W. R. ; Aguiar, A. V. . A comunidade de ortóptera está mais protegida em Cnidoscolus quercifolius?. In: Inara Roberta Leal; Walkiria Relane Almeida; Antônio Venceslau Aguiar. (Org.). Ecologia da Caatinga - curso de campo 2009. 1ed.Recife: Editora Universitária - UFPE, 2010, v. 1, p. 36-43.

9.
RIBEIRO, E. M. S.; Ramos, F. ; Mendes, M. G. F. ; Soares, S. M, N. A. ; Ribeiro Neto, J. D. ; Siqueira, J. A. . Por cima da carne seca: um caso de holoparasitismo em comunidades herbáceas. In: Inara Roberta Leal; Walkiria Relane Almeida; Antônio Venceslau Aguiar. (Org.). Ecologia da Caatinga - Curso de campo 2009. 1ed.Recife: Editora Universitária UFPE, 2010, v. 1, p. 73-81.

10.
Soares, S. M, N. A. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Mendes, M. G. F. ; Sobrinho, M. S. ; Fonseca, C. R. S. D. . Tamanho e simetria floral influencia a preferência de visitantes em Zornia diphyla (Fabaceae). In: Inara Roberta Leal; Walkiria Relane Almeida; Antônio Venceslau Aguiar. (Org.). Ecologia da Caatinga - Curso de campo 2009. 1ed.Recife: Editora Universitária - UFPE, 2010, v. 1, p. 103-109.

11.
Mendes, M. G. F. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Soares, S. M, N. A. ; Ribeiro Neto, J. D. ; Santos, J. C. . Efeito de borda e relações tróficas: densidade da planta hospedeira, abundância de ortópteros (Proscopiidae) e parasitas na Caatinga. In: Inara Roberta Leal; Walkiria Relane Almeida; Antônio Venceslau Aguiar. (Org.). Ecologia da Caatinga - curso de campo 2009. 1ed.Recife: Editora Universitária - UFPE, 2010, v. 1, p. 130-137.

12.
Soares, S. M, N. A. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Mendes, M. G. F. ; Ribeiro Neto, J. D. ; Sobrinho, M. S. ; Almeida, W. R. . Termoregulação de libélulas (Odonata) em uma área de Caatinga. In: Inara Roberta Leal; Walkiria Relane Almeida; Antônio Venceslau Aguiar. (Org.). Ecologia da Caatinga - curso de campo 2009. 1ed.Recife: Editora Universitária - UFPE, 2010, v. 1, p. 157-166.

13.
RIBEIRO, E. M. S.. Mudança de simetria, diminuição na área e assimetria floral alteram a visitação em Oxalis psoraleoides (Oxalidaceae). In: Inara Roberta Leal; Walkiria Relane Almeida; Antônio Venceslau Aguiar. (Org.). Ecologia da Caatinga - curso de campo 2009. 1ed.Recife: Editora Universitária - UFPE, 2010, v. 1, p. 198-208.

14.
Jesus, J. S. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Ferraz, E. M. N. . Importância da comunidade local na construção do plano de interpreação ambiental em unidades de conservação: o caso do Parque Nacional do Catimbau, PE, Brasil.. In: Ariadne do Nascimento Moura ; Elcida Lima Araújo; Ulisses Paulino Albuquerque. (Org.). Biodiversidade, Potencial Econômico e Processos Eco-Fisiológicos em Ecossistemas Nordestinos. 1ed.Recife: Comunigraf, 2008, v. 1, p. 11-368.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
RIBEIRO, E. M. S.; Jesus, J. S. ; Vasconcelos, A. B. ; Ferraz, E. M. N. . Análise comparativa da implementação e gestão de unidades de conservação pertencentes a diferentes esferas governamentais no Estado de Pernambuco, Brasil. In: V Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação, 2007, Foz do Iguaçú. Anais - Trabalhos técnicos, 2007. v. 01. p. 1-86.

2.
Jesus, J. S. ; RIBEIRO, E. M. S. . Diagnóstico e proposta de implementação de trilha no Parque Metropolitano Armando de Holanda Cavalcanti, Cabo de Santo Agostinho, PE. In: I Congresso Nacional de Planejamento e Manejo de Trilhas, 2006, Rio de Janeiro. I Congresso Nacional de Planejamento e Manejo de Trilhas, 2006.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
Pereira, K. F. R. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Leal, I. R. . Influência de clareiras naturais e clareiras das formigas cortadeiras no conteúdo hídrico de Licania tomentosa (Benth.) Fritsch. (Chrysobalanaceae) em Floresta Atlântica Nordestina. In: IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2009, São Lourenço. Anais do IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2009.

2.
RIBEIRO, E. M. S.; Soares, S. M, N. A. ; Mendes, M. G. F. . Tamanho e simetria da flor explicando o número de visitantes em Styllosanthes sp. (Fabaceae). In: IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2009, São Lourenço. Anais do IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2009.

3.
Soares, S. M, N. A. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Mendes, M. G. F. ; Ribeiro Neto, J. D. ; Sobrinho, M. S. ; Almeida, W. R. . Termorregulação de Libélulas(Odonata) em uma área de Caatinga, município de Parnamirim, Pernambuco, Brasil.. In: IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2009, São Lourenço. Anais do IX Congresso de Ecologia do Brasil.

4.
RIBEIRO, E. M. S.; Ferraz, E. M. N. ; Silva, J. S. B. . Seleção de indicadores de impacto em trilhas: um dos passos para o monitoramento detalhado dos impactos ocasionados pelo uso público. In: XI Congesso Nordestino de Ecologia, 2006, Recife. Artigos do XI Congresso Nordestino de Ecologia: Nordeste Avanços e Desafios, 2006.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS NETO, P. ; LIMA-JUNIOR, F. ; OLIVEIRA, C. L. S. ; RIBEIRO, E. M. S. ; LEAL, INARA R. . The role of vegetation composition and spatial distance in soil ants communities assembly from the Caatinga, Brazil,. In: XXII Simpósio de Mirmecologia, 2015, Ilhéus. Anais do XXII Simpósio de Mirmecologia,, 2015.

2.
Tabarelli, M. ; RIBEIRO, E. M. S. ; LEAL, INARA R. . Chronic anthropogenic disturbances: from basic concepts to potential effects. In: 52nd Annual Meeting of Association for Tropical Biology and Conservation, 2015, Honolulu. Annals of the 52nd Annual Meeting of Association for Tropical Biology and Conservation, 2015.

3.
LEAL, INARA R. ; RIBEIRO, E. M. S. ; LEAL, L. C. S. ; Pereira, K. F. R. ; Tabarelli, M. . Human disturbances and their multiple ecological effects in the Caatinga vegetation. In: 52nd Annual Meeting of Association for Tropical Biology and Conservation, 2015, Honolulu. Annals of the 52nd Annual Meeting of Association for Tropical Biology and Conservation, 2015.

4.
RIBEIRO, E. M. S.; Leal, I. R. . Impact of human pressure on cacti populations from Brazilian Caatinga. In: 49th Annual Meeting of the Association for Tropical Biology and Conservation, 2012, Bonito. Program and abstracts, 2012.

5.
RIBEIRO, E. M. S.; Meiado . Nucleation process promoted by mistletoe in the Brazilian Pantanal and Caatinga. In: 49th Annual Meeting of the Association for Tropical Biology and Conservation, 2012, Bonito. Program and abstracts, 2012.

6.
Almeida, W. R. ; Araújo-Júnior ; Leal, I. R. ; RIBEIRO, E. M. S. . Edge effects on the density of treefall faps in the Brazilian Atlantic Forest. In: Conference of the Society for Tropical Ecology Gesellschaft für Tropenökologie e.V. - gtö, 2011, Frankfurt. STATUS AND FUTURE OF TROPICAL BIODIVERSITY Conference of the Society for Tropical Ecology Gesellschaft für Tropenökologie e.V. - gtö - Programme and Abstracts, 2011.

7.
RIBEIRO, E. M. S.; Leal, I. R. ; Araújo-Júnior . Clareiras naturais: existem padrões de tamanho e origem para as florestas neotropicais?. In: 59° Congresso Nacional de Botânica, 2009, Natal. Anais do 59° Congresso Nacional de Botânica, 31 Reunião Nordestina de Botânica, 4 Congresso da Sociedade Latino-americana de Cactaceae e outras Suculentas, 30° Congresso da Organização Internacional para o Estudo de Plantas Suculentas., 2009.

8.
Melo, A. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Santos, J. C. ; Almeida-Cortez . Competição entre duas guildas de herbívoros sobre Miconia prasina (SW) DC. (Melastomataceae) em um fragmento de Mata Atlântica. In: 59° Congresso Nacional de Botânica, 2008, Natal. Anais do 59° Congresso Nacional de Botânica, 31 Reunião Nordestina de Botânica, 4 Congresso da Sociedade Latino-americana de Cactaceae e outras Suculentas, 30° Congresso da Organização Internacional para o Estudo de Plantas Suculentas., 2008.

9.
RIBEIRO, E. M. S.; Jatobá, L. . Caracterização dos principais agentes componentes da dinâmica costeira e análise da ação antrópica sobre tais agentes na praia de Boa Viagem, Recife-PE, Brasil. In: I Simpósio de Geografia Física do Nordeste, 2007, Crato. Resumos, 2007.

10.
Jesus, J. S. ; RIBEIRO, E. M. S. . Interpretação Ambiental no Bioma da Caatinga: Potencialidades para o Ecoturismo no Parque Nacional do Catimbau, Buíque, PE. In: I Fórum Nordestino de Ecoturismo, 2006, Sergipe. Anais do I Fórum Nordestino de Ecoturismo, 2006.

Artigos aceitos para publicação
1.
RIBEIRO, E. M. S.; SPECHT, M. J. ; Tabarelli, M. ; Santos, B. A. ; GERHOLD, P. ; Leal, I. R. . Humanos e formigas usam as plantas que proliferaram com a fragmentação da Mata Atlântica nordestina. CIÊNCIA E CULTURA, 2019.

2.
GERHOLD, P. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Santos, B. A. ; SARAPUU, J. ; Tabarelli, M. ; Wirth, R. ; Leal, I. R. . Phylogenetic signal in leaf-cuting ant diet in the fragmented Atlantic rain forest. BIOTROPICA, 2019.

Apresentações de Trabalho
1.
RIBEIRO, ELÂINE M. S.. Diversidade e composição funcional de plantas lenhosas da Caatinga em um cenário de perturbação crônica. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
RIBEIRO, ELÂINE M. S.; Tabarelli, M. ; MELO, F. ; LEAL, I. R. . The main threats to the Caatinga dry forest and their implications for conserving biodiversity. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
RIBEIRO, ELÂINE M. S.; OLIVEIRA, C. L. S. ; REIS, D. Q. A. ; SILVA, C. H. F. ; LEAL, I. R. . Effects of disturbance and climate change on extrafloral nectaries' features at the Caatinga. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
RIBEIRO, E. M. S.. Como o uso humano crônico afeta a flora lenhosa da Caatinga? Uma abordagem taxonômica, funcional e filogenética. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
AECYO, P. ; ESPOSITO, T. ; BRAUN, M. ; RIBEIRO, E. M. S. . dentificação de microssatélites plastidiais polimórficos para análises genéticas de Cenostigma microphylla Gagnon (Leguminosae) em áreas da Caatinga. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

6.
RIBEIRO, E. M. S.; ARROYO-RODRIGUEZ, V. ; Santos, B. A. ; Tabarelli, M. ; Leal, I. R. . Human chronic disturbances effects on Brazilian Caatinga flora. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
RIBEIRO, E. M. S.; Meiado . Nucleation process promoted by mistletoe in the Brazilian Pantanal and Caatinga. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
RIBEIRO, E. M. S.; Leal, I. R. . Impact of human pressure on cacti populations from Brazilian Caatinga. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
RIBEIRO, E. M. S.; Leal, I. R. ; Araújo-Júnior . Clareiras naturais: existem padrões de tamanho e origem para as florestas neotropicais?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
Pereira, K. F. R. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Leal, I. R. . Influência de clareiras naturais e clareiras das formigas cortadeiras no conteúdo hídrico de Licania tomentosa (Benth.) Fritsch. (Chrysobalanaceae) em Floresta Atlântica Nordestina. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
RIBEIRO, E. M. S.; Soares, S. M, N. A. ; Mendes, M. G. F. . Tamanho e simetria da flor explicando o número de visitantes em Styllosanthes sp. (Fabaceae). 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
RIBEIRO, E. M. S.; Jesus, J. S. ; Vasconcelos, A. B. ; Ferraz, E. M. N. . Análise comparativa da implementação e gestão de unidades de conservação pertencentes a diferentes esferas governamentais no Estado de Pernambuco, Brasil. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
RIBEIRO, E. M. S.; Jatobá, L. . Caracterização dos principais agentes componentes da dinâmica costeira e análise da ação antrópica sobre tais agentes na praia de Boa Viagem, Recife-PE, Brasil. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
RIBEIRO, E. M. S.; Ferraz, E. M. N. . Análise do Planejamento e Manutenção das Trilhas Destinadas à Visitação no Parque Estadual de Dois Irmãos, Recife-PE, Brasil. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
Jesus, J. S. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Ferraz, E. M. N. . Interpretação Ambiental no Bioma da Caatinga: Potencialidades para o Ecoturismo no Parque Nacional do Catimbau, Buíque, PE. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

16.
Jesus, J. S. ; RIBEIRO, E. M. S. . Diagnóstico e proposta de implementação de trilha no Parque Metropolitano Armando de Holanda Cavalcanti, Cabo de Santo Agostinho, PE. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
RIBEIRO, E. M. S.; Ferraz, E. M. N. . Parque Nacional do Catimbau - História, aspectos naturais e suas trilhas. 2007.

Redes sociais, websites e blogs
1.
RIBEIRO, E. M. S.; Leal, I. R. ; Santos, B. A. ; Tabarelli, M. ; ARROYO-RODRIGUEZ, V. . From seedling to adult assemblages: chronic disturbance drives the biological impoverishment of Brazilian Caatinga flora. 2015. (Blog).


Demais tipos de produção técnica


Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
LOPES, S. F.; VALE, V. S.; RIBEIRO, ELÂINE M. S.. Participação em banca de Maiara Bezerra Ramos. Condições edáficas em um gradiente altitudinal determinam a distribuição de espécies arbustivas-árbóreas. 2018. Dissertação (Mestrado em ECOLOGIA E CONSERVAÇÃO) - Universidade Estadual da Paraíba.

2.
Tabarelli, M.; SFAIR, J. C.; RIBEIRO, ELÂINE M. S.. Participação em banca de Diego Pires Ferraz da Trindade. Montagem da comunidade de plantas durante a sucessão secundária na Caatinga: efeito da limitação de dispersão e de recrutamento. 2017. Dissertação (Mestrado em Biologia Vegetal) - Universidade Federal de Pernambuco.

3.
Santos, B. A.; LOPEZ, L. C. S.; RIBEIRO, E. M. S.. Participação em banca de Layla Santos Reis Cavalcante de Albuquerque. Perda de diversidade funcional e filogenética de pequenos mamíferos não voadores em paisagens urbanizadas da Mata Atlântica. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal da Paraíba.

4.
Tabarelli, M.; RIBEIRO, E. M. S.; LEAL, I. R.. Participação em banca de Leila Janaina Brito Gonçalves. Perturbações antrópicas, a proliferação da palmeira licuri (Syagrus coronata) e a comunidade de epífitas em uma paisagem antrópica na Caatinga. 2016. Dissertação (Mestrado em Biologia Vegetal) - Universidade Federal de Pernambuco.

Teses de doutorado
1.
Lopes A. V.; BORGES, L. A. A. P.; Leal, I. R.; Tabarelli, M.; RIBEIRO, ELÂINE M. S.. Participação em banca de Jéssica Luiza Souza e Silva. Macroecologia reprodutiva de plantas nas diferentes formações fitogeográficas da Caatinga: efeito das mudanças climáticas, déficit hídrico e perturbações antrópicas crônicas. 2018. Tese (Doutorado em Biologia Vegetal) - Universidade Federal de Pernambuco.

Qualificações de Doutorado
1.
Tabarelli, M.; VIADIU, X. A.; RIBEIRO, E. M. S.. Participação em banca de Felipe Fernando da Silva Siqueira. Influência de perturbações antrópicas crônicas sobre as interações entre plantas e formigas cortadeiras na Caatinga. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Biologia Vegetal) - Universidade Federal de Pernambuco.

2.
RIBEIRO, E. M. S.. Participação em banca de Edyla Ribeiro de Andrade,. Efeito das perturbações antrópicas na diversidade filogenética de plantas: uma meta-análise. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia e Conservação da Biodiversidade) - Universidade Estadual de Santa Cruz.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Leal, I. R.; VIADIU, X. A.; RIBEIRO, ELÂINE M. S.. Participação em banca de Jonatas Levi Gomes da Silva.Estresse hídrico das plantas: um mecanismo responsável pelo aumento da abundância de formigas cortadeiras em borda de floresta. 2017.

2.
Tabarelli, M.; Pinto, S. R. R.; RIBEIRO, E. M. S.. Participação em banca de Gabriela Gehlen Leite.Caracterização da flora lenhosa em áreas de regeneração da Caatinga: uma abordagem visando a restauração ecológica. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Pernambuco.

3.
Tabarelli, M.; SILVA, E. A. E. S.; RIBEIRO, E. M. S.. Participação em banca de Alice Batista dos Santos.Recuperação dos nutrientes do solo ao longo da regenação de uma área de Caatinga. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Pernambuco.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
RIBEIRO, E. M. S.. Avaliação de projetos do PPGBV/UFPE. 2016.

2.
RIBEIRO, E. M. S.. Membro do Comitê Avaliador dos Resumos científicos do 66º Congresso Nacional de Botânica. 2015.

3.
RIBEIRO, E. M. S.. Membro de Comitê Avaliador das comunicações orais do VI Fórum de Pesquisa do IFPE. 2010. Instituto Federal de Pernambuco.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Conferência Rufford Foundation Brasil 2017.Perturbações antrópicas crônicas e seus múltiplos efeitos ecológicos sobre a flora lenhosa da Caatinga. 2017. (Outra).

2.
59º Symposium Annual of the International Association of Vegetation Science.Chronic human disturbances on Brazilian Caatinga wood flora: effects on taxonomic, phylogenetic and functional diversity. 2016. (Simpósio).

3.
59º Symposium Annual of the International Association of Vegetation Science.Cut evolution in cut forests? Changes in phylogenetic structure of tropical rainforests due ecological release of leaf-cut ants. 2016. (Simpósio).

4.
Seminários do Dep. de Botânica, Universidade de Tartu.Human chronic disturbances and their multiple effects on Brazilian Caatinga woody flora. 2016. (Seminário).

5.
Seminários do Dep. de Botânica, Universidade de Tartu.Methods of constructing molecular phylogenetic trees. 2016. (Seminário).

6.
Simpósio Internacional de Ecologia e Conservação.Human chronic disturbances effects on Brazilian Caatinga flora. 2014. (Simpósio).

7.
1º Seminário Brasileiro de Fogões Ecológicos. 2013. (Seminário).

8.
49th Annual Meeting of the Association for Tropical Biology and Conservation. Impact of human pressure on cacti populations from Brazilian Caatinga/ Nucleation process promoted by mistletoe in the Brazilian Pantanal and Caatinga. 2012. (Congresso).

9.
IX Congresso de Ecologia do Brasil. Tamanho e simetria da flor explicando o número de visitantes em Styllosanthes sp. (Fabaceae). 2009. (Congresso).

10.
VI Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação. 2009. (Congresso).

11.
59° Congresso Nacional de Botânica. Clareiras naturais: existem padrões de tamanho e origem para as florestas neotropicais?. 2008. (Congresso).

12.
I Simpósio de Geografia Física do Nordeste.Caracterização dos principais agentes componentes da dinâmica costeira e análise da ação antrópica sobre tais agentes na praia de Boa Viagem, Recife-PE, Brasil. 2007. (Simpósio).

13.
V Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação. Análise comparativa da implementação e gestão de unidades de conservação pertencentes a diferentes esferas governamentais no Estado de Pernambuco, Brasil. 2007. (Congresso).

14.
I Fórum Nordestino de Ecoturismo.Interpretação Ambiental no Bioma da Caatinga: Potencialidades para o Ecoturismo no Parque Nacional do Catimbau, Buíque, PE. 2006. (Outra).

15.
II Encontro de Extensão e Pesquisa Discentes em Ciências Biológicas.Análise do Planejamento e Manutenção das Trilhas Destinadas à Visitação no Parque Estadual de Dois Irmãos, Recife-PE, Brasil. 2006. (Encontro).

16.
XI Congresso Nordestino de Ecologia. Seleção de Indicadores de Impactos em Trilhas: Um dos Passos para o Monitoramento Detalhado dos Impactos Ocasionados pelo Uso Público. 2006. (Congresso).

17.
Encontro Intercomtinental sobre a Natureza O2. Encontro Intercontinental sobre a Natureza. 2005. (Congresso).

18.
Seminário Água e Qualidade de Vida no Semi-árido. 2005. (Seminário).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Iniciação científica
1.
Katharyne Jessica Barbosa de Carvalho. Efeito do uso humano de espécies lenhosas da Caatinga sobre a diversidade e estrutura filogenética das comunidades vegetais. Início: 2019. Iniciação científica (Graduando em Licenciatura em Ciências Biológicas) - Universidade de Pernambuco, Programa de Fortalecimento Acadêmico - UPE. (Orientador).

2.
Wesley Gomes dos Santos. Existe sinal filogenético nos tipos de uso humano da flora lenhosa da Caatinga?. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade de Pernambuco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Caroline de Lourdes Souza Oliveira. Variaçãoespaço-temporal e efeito das perturbações antrópicas crônica eprecipitação sobre a secreção do néctar extrafloral de Pytyrocarpamoniliformis (Leguminosae) na Caatinga. 2017. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Bacharelado em Ciências Biológicas/Ambientais) - Universidade Federal de Pernambuco. Orientador: Elâine Maria dos Santos Ribeiro.

Orientações de outra natureza
1.
Joosep Sarapuu. Effect of leaf-cutting ant herbivory on phylogenetic structure of tropical forests. 2016. Orientação de outra natureza - University of Tartu. Orientador: Elâine Maria dos Santos Ribeiro.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos aceitos para publicação
1.
RIBEIRO, E. M. S.; SPECHT, M. J. ; Tabarelli, M. ; Santos, B. A. ; GERHOLD, P. ; Leal, I. R. . Humanos e formigas usam as plantas que proliferaram com a fragmentação da Mata Atlântica nordestina. CIÊNCIA E CULTURA, 2019.

2.
GERHOLD, P. ; RIBEIRO, E. M. S. ; Santos, B. A. ; SARAPUU, J. ; Tabarelli, M. ; Wirth, R. ; Leal, I. R. . Phylogenetic signal in leaf-cuting ant diet in the fragmented Atlantic rain forest. BIOTROPICA, 2019.


Redes sociais, websites e blogs
1.
RIBEIRO, E. M. S.; Leal, I. R. ; Santos, B. A. ; Tabarelli, M. ; ARROYO-RODRIGUEZ, V. . From seedling to adult assemblages: chronic disturbance drives the biological impoverishment of Brazilian Caatinga flora. 2015. (Blog).



Outras informações relevantes


Aprovada em: 1) 3º lugar no concurso para Professor Substituto (vaga: Ecologia) da Universidade Federal de Pernambuco (Centro Acadêmico de Vitória),resultado publicado no DOU nº 176, de 15.09.2015, seção 3, pág. 62; 2) 2º lugar no concurso para Professor Adjunto (Subárea - Citologia, Histologia, Biodiversidade e Ensino de Ciências Biológicas) da Universidade de Pernambuco (Campus Petrolina), resultado publicado no DOE-PE, Portaria SAD 139, de 01/12/16; e 3) 3º lugar no concurso para Professor Adjunto (vaga: Ecologia Vegetal) da Universidade Federal da Paraíba (Campus Areia), resultado publicado no DOU n° 20, de 27/01/17, seção 3, pág. 61.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/02/2019 às 23:56:32