Thiago Augusto Formentini

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9356089824069393
  • Última atualização do currículo em 01/10/2018


Doutor em Engenharia Ambiental pela Universidade Federal do Paraná (UFPR - 2016), com período sanduíche no Centro de Pesquisa e Ensino em Geociências Ambientais (CEREGE, Aix-en-Provence, França - 2014). Mestre em Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM - 2010). Graduação em Química Industrial pela UFSM (2007). Atualmente técnico de laboratório na UFSM. Experiência em processos químicos aplicados aos recursos hídricos e à qualidade dos solos. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Thiago Augusto Formentini
Nome em citações bibliográficas
FORMENTINI, T. A.;FORMENTINI, THIAGO AUGUSTO

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Tecnologia, Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental.
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
Camobi
97105900 - Santa Maria, RS - Brasil
Telefone: (55) 32208483


Formação acadêmica/titulação


2012 - 2016
Doutorado em Engenharia de Recursos Hídricos e Ambiental.
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
com período sanduíche em Centre de Recherche et d'Enseignement des Géosciences de l'Environnement (Orientador: Emmanuel Doelsch).
Título: Macroscopic, microscopic and molecular scale interactions affecting copper and zinc transfer within a clayey Hapludox soil subject to long-term pig slurry application, Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Cristovão Vicente Scapulatempo Fernandes.
Coorientador: Adilson Pinheiro.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Heavy metal; Organic amendment; Sequential extraction; Density fractionation; EXAFS.
2008 - 2010
Mestrado em Engenharia Civil.
Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
Título: Coeficientes de desoxigenação e de reaeração superficial em trechos do Rio Vacacaí Mirim,Ano de Obtenção: 2010.
Orientador: Maria do Carmo Cauduro Gastaldini.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Sanitária / Subárea: Saneamento Ambiental.
2003 - 2007
Graduação em Química Industrial.
Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.




Formação Complementar


2006 - 2006
Aperfeiçoamento em Projetos Ambientais. (Carga horária: 210h).
Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Técnico de Laboratório, Carga horária: 40



Projetos de pesquisa


2013 - Atual
Transporte e acúmulo de cobre e zinco em solos com aplicação de dejeto líquido suíno como fertilizante
Descrição: A atividade suinícola no Brasil tem importância econômica e social, constituindo alternativa para viabilizar pequenas propriedades rurais. Porém, acarreta problemas ambientais decorrentes da destinação inadequada dos dejetos gerados. Uma das alternativas para a reciclagem desses dejetos é o uso como fertilizantes do solo. Entre outros aspectos, destaca-se a possibilidade de contaminação do solo e das águas devido à alta concentração de metais pesados, como Cu e Zn. A bacia do ribeirão Concórdia localiza-se no município de Lontras e é, em sua totalidade, agrícola, composta por pequenos produtores rurais, que sobrevivem da agricultura familiar. A bacia hidrográfica do rio Coruja-Bonito localiza-se no município de Braço do Norte. A densidade de suínos neste município é de 927 animais/km2, considerada a segunda maior do mundo. Com o intuito de avaliar a evolução espacial e temporal de Cu e Zn no solo e estudar o transporte destes elementos químicos contidos nos dejetos suínos, em condições de simulação de chuvas, serão instalados lisímetros de drenagem em laboratório, contendo amostras de solo das duas bacias citadas. Os lisímetros receberão diferentes tipos de tratamento, sendo controlada a quantidade e qualidade da água aplicada (precipitação e resíduos líquidos), em função das características do solo, das práticas agrícolas e da cultura desenvolvida. Ao final de cada ciclo de simulação de chuvas e adubação com dejetos suínos, os solos serão separados em camadas e serão determinadas a concentração e, conseqüentemente, a distribuição dos metais no perfil do solo. Será proposta uma metodologia para análise dos metais no perfil do solo, a fim de permitir a avaliação da evolução espacial e temporal e do transporte de Cu e Zn de forma mais precisa e por meio de uma rota analítica mais simples e eficiente. A metodologia a ser proposta utiliza como base a microscopia eletrônica de varredura (MEV), acoplada a um espectrômetro de energia dispersiva de raios-X (EDS)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - Atual
Monitoramento e modelagem da qualidade das águas do reservatório do Vacacaí Mirim
Descrição: A gestão dos recursos hídricos é assunto essencial a todos os usuários da água. A busca por alternativas viáveis, para a solução dos problemas quali-quantitativos dos recursos hídricos, sem impedir o desenvolvimento econômico de uma região, são as rotas para garantir às atuais e futuras gerações o acesso à água com quantidade e qualidade suficientes. Para auxiliar na gestão, controle e proteção dos corpos hídricos podem ser utilizadas ferramentas que possibilitem a análise e o prognóstico dos mesmos. Os modelos matemáticos de qualidade da água são utilizados para esses fins, permitindo a simulação dos processos de autodepuração dos corpos hídricos e, conseqüentemente, auxiliando na tomada de decisões referentes ao gerenciamento desses recursos. Esta pesquisa será realizada no reservatório do Vacacaí Mirim, situado na cidade de Santa Maria-RS. Sua bacia é caracterizada por área em urbanização na margem direita do reservatório e área rural na margem esquerda. Suas principais utilizações atuais são abastecimento doméstico e recreação de contato primário. A qualidade de suas águas tem sofrido degradação com a intensificação do uso do solo. Os objetivos desta pesquisa são monitorar e modelar a qualidade da água do reservatório do Vacacaí Mirim em vários períodos sazonais. Será realizado monitoramento de qualidade da água no reservatório do Vacacaí Mirim em diversos períodos sazonais, com coletas realizadas no epilímnio e no hipolímnio, visando identificar as influências da estratificação e clima na qualidade da água. Com os resultados do monitoramento, será realizada análise de sensibilidade, calibração e validação do modelo de qualidade da água CE-QUAL-W2 e simulados cenários para o reservatório..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - Atual
Estudo da reaeração superficial no rio Vacacaí Mirim
Descrição: A reposição de oxigênio dissolvido nos escoamentos de água naturais ocorre, principalmente, através da absorção física do oxigênio contido na atmosfera em função da movimentação turbulenta na superfície livre do escoamento. Este fenômeno, conhecido como reaeração, é quantificado através do coeficiente de reaeração (K2). Existe, na literatura, grande quantidade de fórmulas para prever este coeficiente, baseadas nas características hidráulicas dos escoamentos. Estas fórmulas, embora sejam normalmente utilizadas nos modelos de qualidade da água, não passam de formulações semi-empíricas válidas para as condições particulares dos escoamentos onde foram obtidas, além de seus resultados divergirem significantemente. Esta pesquisa objetiva avaliar o coeficiente de reaeração superfical em trechos do rio Vacacaí Mirim utilizando a técnica dos traçadores modificada. Será empregado o gás propano como traçador para o oxigênio e um traçador de referência, Rodamina WT, utilizando-se o método de injeção de curta duração do gás. Os coeficientes de reaeração dos diferentes trechos de rio em estudo serão calculados e posteriormente comparados com valores teóricos e/ou utilizados em estudos anteriores..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - Atual
Rede Cooperativa de Pesquisa em Disponibilidade Hídrica para Aplicação dos Instrumentos de Gestão de Recursos Hídricos. Quantidade e Qualidade de Água
Descrição: Este projeto, aprovado na Chamada Pública MCT/FINEP/CT- Hidro IGRh 01/2007, tem por objetivo geral aplicar, desenvovolver e testar metodologias de avaliação de disponibilidade hídrica de pequenas bacias hidrográficas e, o estudo do comportamento do processo de autodepuração de corpos hídricos em condições degradadas de qualidade da água ou sujeitos a intensas cargas de poluição, a partir do desenvolvimento, calibração e aplicação de modelos de qualidade da água, com o objetivo de dar sustentação para a efetiva implantação da ortorga e da cobrança pelo uso dos recursos hídricos e pelo lançamento de efluentes. Os objetivos específicos são: 1. Estimativa de disponibilidade hídrica de pequenas bacias aplicação e aperfeiçoamento de metodologias, com vistas a estimativas da disponibilidade hídrica para apoio a ações de planejamento, gestão e regulação.2. Estudo da capacidade de autodepuração de corpos hídricos visando à outorga e cobrança pela diluição de efluentes estudo do comportamento do processo de autodepuração de corpos hídricos em condições degradadas de qualidade da água ou sujeitos a intensas cargas de poluição, a partir do desenvolvimento, calibração e aplicação de modelos de qualidade da água, de modo a se definirem coeficientes, como o de decaimento de parâmetros de qualidade da água, notadamente a DBO (k1), e de oxigenação (k2), visando à aplicação da outorga de direito de uso de recursos hídricos e cobrança para a diluição de efluentes.Envolve 6 instiuições nacionais atuando em Rede Cooperativa de Pesquisa, a saber: UFSM, UFRGS, FURB, UFPR, USP e UFMS. Os responsáveis pela coordenacão do projeto e subprojetos são:Coordenação Geral: João Batista Dias de Paiva - UFSMSubprojeto 1: Eloiza Maria Cauduro Dias de Paiva- UFSMSubprojeto 2: Adilson Pinheiro - FURBSubprojeto 3. Nilza Maria Castro dos Reis- UFRGSSubprojeto 4. Cristovão Vicente Scapulatempo Fernandes - UFPRSubprojeto 5. Teodorico Alves Sobrinho - UFMS.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2011
Enquadramento em Regiões com Carência de Dados. Bases Tecnicas. Estudo de Caso. A Bacia do Rio Vacacaí Mirim
Descrição: Este projeto tem por objetivo a análise e o desenvolvimento de bases técnicas e metodológicas para o enquadramento dos cursos dágua em bacias hidrográficas com carência de dados, de maneira sustentável e tecnicamente embasadas, de forma a fornecer subsídios a implantação dos mecanismos de gestão previstos no Sistema Nacional de Recursos Hídricos e nos Sistemas de Recursos Hídricos dos Estados. É parte integrante da rede de pesquisa formada pela Finep através da CHAMADA PÚBLICA MCT/FINEP/CT-HIDRO-GRH - 01/2004, no tema TEMA: Desenvolvimento de metodologias de enquadramento dos corpos d'água que assegurem ao longo do tempo a qualidade das águas adequada para os diversos usos", composta pelas seguintes instituições: AIIEGA - Associação Instituto Internacional de Ecologia e Gerenciamento, EMBRAPA Pantanal, Poli- USP - Escola Politécnica - USP, UFBA - Universidade Federal da Bahia, UFES - Universidade Federal do Espírito Santo, UFPR - Universidade Federal do Paraná, UFSM- Universidade Federal de Santa Maria..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Revisor de periódico


2014 - Atual
Periódico: REVISTA BRASILEIRA DE RECURSOS HÍDRICOS
2017 - Atual
Periódico: REGA - REVISTA DE GESTÃO DE ÁGUA DA AMÉRICA LATINA
2015 - 2016
Periódico: Water SA (Online)
2017 - Atual
Periódico: SCIENCE OF THE TOTAL ENVIRONMENT


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Analítica.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Analítica/Especialidade: Análise de Traços e Química Ambiental.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
FORMENTINI, THIAGO AUGUSTO2017 FORMENTINI, THIAGO AUGUSTO; LEGROS, SAMUEL ; FERNANDES, CRISTOVÃO VICENTE SCAPULATEMPO ; PINHEIRO, ADILSON ; LE BARS, MAUREEN ; LEVARD, CLÉMENT ; MALLMANN, FÁBIO JOEL KOCHEM ; DA VEIGA, MILTON ; DOELSCH, EMMANUEL . Radical change of Zn speciation in pig slurry amended soil: Key role of nano-sized sulfide particles. Environmental Pollution (1987), v. 222, p. 495-503, 2017.

2.
FORMENTINI, THIAGO AUGUSTO2015 FORMENTINI, THIAGO AUGUSTO; MALLMANN, FÁBIO JOEL KOCHEM ; PINHEIRO, ADILSON ; FERNANDES, CRISTOVÃO VICENTE SCAPULATEMPO ; BENDER, MARCOS ANTONIO ; DA VEIGA, MILTON ; DOS SANTOS, DANILO RHEINHEIMER ; DOELSCH, EMMANUEL . Copper and zinc accumulation and fractionation in a clayey Hapludox soil subject to long-term pig slurry application. Science of the Total Environment, v. 536, p. 831-839, 2015.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
FORMENTINI, T. A.; FERNANDES, C. V. S. ; PINHEIRO, A. . Extrações sequenciais seletivas na avaliação da mobilidade de metais pesados no solo ? revisão de procedimentos analíticos. In: XII Simpósio Ítalo-Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental, 2014, Natal. XII Simpósio Ítalo-Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental. Rio de Janeiro: ABES, 2014.

2.
FORMENTINI, T. A.; GASTALDINI, M. C. C. . Determinação do coeficiente de desoxigenação em trechos do rio Vacacaí Mirim. In: 26º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental, 2011, Porto Alegre. Saneamento Ambiental: a excelência da gestão como caminho para a universalização. Rio de Janeiro: ABES, 2011.

3.
FORMENTINI, T. A.; GASTALDINI, M. C. C. . Determinação experimental do coeficiente de reaeração superficial: estado da arte. In: X Simpósio Ítalo-Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental, 2010, Maceió. Gestão de Resíduos: Desafios e Oportunidades. Rio de Janeiro: ABES, 2010.

4.
FORMENTINI, T. A.; GASTALDINI, M. C. C. . Estudo das metodologias disponíveis para determinação experimental do coeficiente de reaeração superficial. In: XXXII Congreso Interamericano de Ingeniería Sanitaria y Ambiental, AIDIS, 2010, Punta Cana. El cumplimiento de las metas del milenio en la busqueda de la universalizacion de los servicios. São Paulo: AIDIS, 2010.

5.
BINOTTO, D. ; GASTALDINI, M. C. C. ; FORMENTINI, T. A. . Avaliação preliminar da qualidade da água na bacia hidrográfica do Arroio Jacutinga, Ivorá - RS - Brasil. In: XXXII Congreso Interamericano de Ingeniería Sanitaria y Ambiental, AIDIS, 2010, Punta Cana. El cumplimiento de las metas del milenio en la busqueda de la universalizacion de los servicios. São Paulo: AIDIS, 2010.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
FORMENTINI, T. A.; FERNANDES, C. V. S. ; PINHEIRO, A. ; VEIGA, M. . Comparação dos teores totais e extraíveis de Zn em um solo sujeito à aplicação continuada de dejetos líquidos de suinocultura. In: XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2015, Natal. XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. Viçosa: SBCS, 2015.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
LEVARD, CLÉMENT ; LE BARS, MAUREEN ; LEGROS, SAMUEL ; FORMENTINI, T. A. ; KIM, B. ; DUBLET, G. ; ROSE, J. ; DOELSCH, EMMANUEL . Formation and Reactivity of ZnS Nanoparticles Formed in Organic Wastes. In: 12th SOLEIL Users? Meeting, 2017, Paris. 12th SOLEIL Users? Meeting, 2017.

2.
ROSA, B. D. ; FORMENTINI, T. A. ; GASTALDINI, M. C. C. ; BRUST, D. . Análise da curva de passagem de traçador no rio Vacacaí Mirim. In: 25ª Jornada Acadêmica Integrada, 2011, Santa Maria. 25ª Jornada Acadêmica Integrada. Santa Maria: UFSM, 2011.

3.
MISSIO, D ; OPPA, L.F. ; BRITTES, A.P.Z. ; GASTALDINI, M. C. C. ; FORMENTINI, T. A. . Avaliação preliminar da qualidade da água da bacia do Vacacaí Mirim. In: XX JORNADA ACADÊMICA INTEGRADA, 2006, Santa Maria. XX JORNADA ACADÊMICA INTEGRADA, 2006.

4.
OPPA, L.F. ; BRITTES, A.P.Z. ; GASTALDINI, M. C. C. ; SILVA, C.E. ; FORMENTINI, T. A. . Diagnóstico preliminar da qualidade da água da bacia do Vacacaí Mirim. In: XX Congresso Regional de Iniciação Científica e Tecnológica em Engenharia, 2005, Foz do Iguaçu. XX Congresso Regional de Iniciação Científica e Tecnológica em Engenharia, 2005.

Apresentações de Trabalho
1.
FORMENTINI, T. A.. X-Ray Absorption Spectroscopy: Principles and Environmental Applications. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/10/2018 às 12:18:52