Mariana Albuquerque Dantas

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8568216121012333
  • Última atualização do currículo em 03/12/2018


Possui graduação em história pela Universidade Federal de Pernambuco, mestrado e doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense. Desenvolve pesquisa sobre grupos indígenas no século XIX, enfocando dinâmicas sociais, reelaboração de identidades coletivas, estratégias indígenas, participação política, espaços informais de exercício da cidadania e formação do Estado nacional brasileiro. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Mariana Albuquerque Dantas
Nome em citações bibliográficas
DANTAS, Mariana A.;DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE;ALBUQUERQUE DANTAS, MARIANA

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal Rural de Pernambuco, UNIVERSIDADE FEDREAL RURAL DE PERNAMBUCO.
Universidade Federal Rural de Pernambuco
Dois Irmãos
52171900 - Recife, PE - Brasil
Telefone: (81) 33205443


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2015
Doutorado em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
com período sanduíche em Consejo Superior de Investigaciones Científicas (Orientador: Marta Irurozqui Victoriano).
Título: Dimensões da participação política indígena na formação do Estado nacional brasileiro: revoltas em Pernambuco e Alagoas (1817-1848), Ano de obtenção: 2015.
Orientador: Maria Regina Celestino de Almeida.
Coorientador: João Pacheco de Oliveira.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2008 - 2010
Mestrado em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: Dinâmica Social e Estratégias Indígenas: Disputas e Alianças no Aldeamento do Ipanema em Águas Belas, Pernambuco. (1860-1920),Ano de Obtenção: 2010.
Orientador: Maria Regina Celestino de Almeida.
Coorientador: João Pacheco de Oliveira.
Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil.
Palavras-chave: identidade indígena; aldeamento; caboclo.
2002 - 2006
Graduação em história.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: A Extinção do Aldeamento do Ipanema em Pernambuco: disputa fundiária e a construção da imagem dos "índios misturados" no século XIX.
Orientador: Marc Jay Hoffnagel.




Formação Complementar


2009 - 2009
Minicurso: Micro História. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
2006 - 2006
Os índios e o ensino de História. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil.
2005 - 2005
História Oral e Memória. (Carga horária: 20h).
Fundação Joaquim Nabuco, FUNDAJ, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

05/2018 - Atual
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Formação Econômica do Brasil
05/2018 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América II

Universidade Estadual Vale do Acaraú, UVA-CE, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2018
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora assistente, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

07/2017 - 04/2018
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América I
História da América II
01/2017 - 04/2018
Direção e administração, Curso de História - Centro de Ciência Humanas, Núcleo de Estudos e Documentação História (NEDHIS).

Cargo ou função
Coordenadora do NEDHIS.
01/2017 - 04/2018
Outras atividades técnico-científicas , Curso de História - Centro de Ciência Humanas, Curso de História - Centro de Ciência Humanas.

Atividade realizada
Tutora do PET História-UVA.
03/2017 - 08/2017
Direção e administração, Reitoria, Centro de Ciências Humanas.

Cargo ou função
Secretaria da Direção do Centro de Ciências Humanas.
02/2017 - 07/2017
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América I
História da América II
Pesquisa I
11/2016 - 01/2017
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América I
História da América II
Pesquisa em História I

Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2016
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora substituta, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Prestador de serviço didático, Enquadramento Funcional: Prestador de serviço, Carga horária: 60
Outras informações
Realização da disciplina História Indígena no Curso de Educação Intercultural para Professores Indígenas, na UFPE - Centro Acadêmico do Agreste - Núcleo de Formação Docente, em Caruaru, durante o período de 20 a 23 de agosto de 2009.

Atividades

04/2014 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América: da formação do Estado nacional ao século XX
História da América: da colônia à independência
História do Brasil Império

Fundação Joaquim Nabuco, FUNDAJ, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20


Paço do Frevo/ Fundação Roberto Marinho, FRM, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Pesquisadora, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 40
Outras informações
O Paço do Frevo é um projeto que tem por objetivo a concepção de um espaço de memória e estudos sobre o Frevo, sediado na cidade do Recife, cuja curadoria é de Bia Lessa.


BJ Colégio e Curso, COLÉGIO BJ, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professora



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
PROTAGONISMO INDÍGENA NA ZONA DA MATA SUL DE PERNAMBUCO: O PROCESSO DE CONSTITUIÇÃO E DESESTRUTURAÇÃO DO ALDEAMENTO DO RIACHO DO MATO (1860-80)
Descrição: A região do Riacho do Mato, localizada na zona da mata sul de Pernambuco, era uma área importante de circulação, mais especificamente entre as vilas de Água Preta e Jacuípe. Nessa região de fronteira se desenvolveu grande parte dos conflitos relacionados às revoltas ocorridas na primeira metade do século XIX. Foi naquele espaço que desembarcaram as forças de repressão à Insurreição de 1817 e à Confederação do Equador de 1824, que contaram com apoio de populações indígenas e potentados locais; ali também se enfrentaram rebeldes e tropas imperiais durante a Guerra dos Cabanos (1832-1835), e, anos depois, os praieiros (Insurreição Praieira, 1848) se refugiaram e guerrearam contra as forças do governo instituído. Com isso, a população de pobres livres, libertos e escravizados que já habitava aquela região e também a que ali se refugiou, vivenciou experiências singulares nos diferentes contextos de revoltas e guerras. A temática central desse projeto é analisar o processo de formação de um aldeamento indígena na região do Riacho do Mato, em finais do século XIX, levando em consideração as especificidades desse espaço, tais como sua constituição enquanto fronteira entre Pernambuco e Alagoas, bem como a convergência e as interações entre diferentes sujeitos históricos que habitavam ou circulavam por esse território. Através da sua curta existência, a aldeia do Riacho do Mato estava na contracorrente do processo mais amplo de extinção das terras coletivas indígenas na província de Pernambuco e também em todo o Império. Os conflitos entre índios e não índios nesse período, grosso modo, giravam em torno dos territórios das aldeias e das disputas relativas às classificações étnicas, o que no caso do Riacho do Mato foram intensificadas em decorrência do uso do espaço como refúgio para populações diversas durante as revoltas ocorridas no início do século XIX. A aldeia possuía, assim, significados profundos para os seus habitantes, indígenas ou não, relacionados aos diversos usos dados ao espaço e à real possibilidade de defendê-lo como um aldeamento indígena, que ainda se constituía enquanto garantia de proteção e acesso a terras. O objetivo principal do projeto é compreender as relações interétnicas vivenciadas na zona da mata sul da província de Pernambuco, na segunda metade do século XIX e, assim, demonstrar o protagonismo indígena na política e nos conflitos armados da região..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Mariana Albuquerque Dantas - Coordenador / Danilo Vinícius da Silva Andrade - Integrante / Paulo Lima - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.


Membro de corpo editorial


2017 - Atual
Periódico: Revista Historiar - Revista Eletrônica do Curso de História Universidade Es


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnologia Indígena.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil Império.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2015
3º lugar no Concurso de monografias/Prêmio Arquivo Nacional de Pesquisa 2015, Arquivo Nacional.
2009
Bolsa Mestrado Nota 10 (MSC 10), Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj)..


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE2018 DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE. Do aldeamento do Riacho do Mato à Colônia Socorro: defesa de terras e aprendizado político dos indígenas de Pernambuco (1860-1880). REVISTA BRASILEIRA DE HISTÓRIA (IMPRESSO), v. 38, p. 81-102, 2018.

2.
ALBUQUERQUE DANTAS, MARIANA2016 ALBUQUERQUE DANTAS, MARIANA. La Guerra de los Cabanos. Participación indígena en la formación del Estado nacional brasileño en el siglo XIX. Provincias de Pernambuco y Alagoas (1832-1835). REVISTA DE INDIAS, v. 76, p. 100-136, 2016.

3.
DANTAS, Mariana A.;DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE;ALBUQUERQUE DANTAS, MARIANA2015 DANTAS, Mariana A.. Os índios ?fanáticos realistas absolutos? e a figura do monarca português: disputas políticas, recrutamento e defesa de terras no contexto da Confederação do Equador. Clio. Série História do Nordeste (UFPE), v. 33, p. 49-73, 2015.

4.
DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE2014DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE. Trabalho, território e participação indígena na Guerra dos Cabanos e na Insurreição Praieira: apoios e disputas nas aldeias de Barreiros e Jacuípe (Pernambuco e Alagoas, 1832-1848). Revista Mundos do Trabalho(online), v. 6, p. 107-129, 2014.

5.
DANTAS, Mariana A.;DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE;ALBUQUERQUE DANTAS, MARIANA2011DANTAS, Mariana A.. A presença indígena na constituição da cidade de Águas Belas, Pernambuco.. CLIO. Série História do Nordeste (UFPE), v. 28.2, p. 28.2, 2011.

6.
DANTAS, Mariana A.;DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE;ALBUQUERQUE DANTAS, MARIANA2009DANTAS, Mariana A.. Possibilidades de escrita de uma história indígena. Boletim Tempo Presente (UFRJ), v. 4, p. 32, 2009.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
DANTAS, Mariana A.. Dimensões da participação política indígena: Estado nacional e revoltas em Pernambuco e Alagoas, 1817-1848.. 1. ed. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2018. v. 1. 264p .

Capítulos de livros publicados
1.
DANTAS, Mariana A.. Participação política, lideranças e identidade coletiva: índios de Barreiros na Insurreição Praieira (Pernambuco, década de 1840). In: Edvanir Maria da Silveira, Raimundo Nonato Rodrigues de Souza, Tito Barros Leal. (Org.). História e ensino: fontes, métodos e temas. 1ed.Sobral: Edições UVA/ Editora Sertão Cult, 2018, v. 1, p. 195-216.

2.
DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE. Do discurso sobre o desaparecimento à participação política de indígenas na Confederação do Equador (Pernambuco e Alagoas, 1824). In: Fábio Feltrin de Souza; Luisa Tombini Wittman. (Org.). Protagonismo indígena na História. 1ªed.Tubarão: Copiart; UFFS, 2016, v. , p. 143-172.

3.
DANTAS, Mariana A.. Invisibilidade e participação política: índios em Pernambuco na primeira metade do século XIX. In: Helenice Rocha; Ismênia Martins; Luis Edmundo de Souza Moraes; Rebeca Gontijo. (Org.). Identidades, memórias e projetos políticos. 1ed.Rio de Janeiro: FGV editora, 2016, v. 1, p. 11-25.

4.
DANTAS, Mariana A.. Identidades indígenas no Nordeste. In: Luisa Tombini Wittman. (Org.). Ensino (d)e História Indígena. 1ed.Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2015, v. 1, p. 81-116.

5.
DANTAS, Mariana A.. Estratégias indígenas: dinâmica social e relações interétnicas no aldeamento do Ipanema no final do século XIX. In: João Pacheco de Oliveira. (Org.). A presença indígena no Nordeste: processos de territorialização, modos de reconhecimento e regimes de memória. 1ed.Rio de Janeiro: Contra Capa, 2011, v. , p. 413-445.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
DANTAS, Mariana A.. Cartas-Diálogo com o autor. Revista de História (Rio de Janeiro), p. 96 - 96, 16 nov. 2012.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
DANTAS, Mariana A.. Estratégias Indígenas: dinâmica social no Aldeamento do Ipanema e em Águas Belas. In: XXV Simpósio Nacional de História. História e Ética. Anpuh, 2009, Fortaleza. Anais do ... Simpósio Nacional de História. Fortaleza, 2009. v. 25.

2.
DANTAS, Mariana A.. Aldeamento do Ipanema-PE: caminhos possíveis entre antropologia e história. In: XIX Encontro Regional de História - ANPUH São Paulo, 2008, São Paulo. Anais do XIX Encontro Regional de História da ANPUH - Seção São Paulo, 2008.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
DANTAS, Mariana A.. Multiplicidade da participação indigena nas revoltas de Pernambuco (1817-1848). In: IX Encontro estadual de História. História e Diversidade: novas narrativas, sujeitos e espaços., 2012, Caruaru-PE. Caderno de resumos e programação do IX Encontro Estadual de História. Anpuh-PE, 2012. p. 42-43.

2.
DANTAS, Mariana A.. A presença e o trabalho indígena na constituição da cidade de Águas Belas no interior de Pernambuco. In: 4° Encontro Cultura e Memória. História e Trabalho, 2009, Recife. Caderno de Resumos do 4° Encontro Cultura e Memória, 2009.

3.
DANTAS, Mariana A.. Estratégias indígenas: dinâmica social no aldeamento do Ipanema e em Águas Belas. In: XXV Simpósio Nacional de História. História e Ética. Anpuh., 2009, Fortaleza. Caderno de resumos do XXV Simpósio Nacional de História, 2009.

4.
DANTAS, Mariana A.. A extinção do aldeamento do Ipanema: questão fundiária e identidade indígena em disputa. In: 32° Encontro Anual da Anpocs, 2008, Caxambu. Caderno de Resumos do 32° Encontro Anual da Anpocs, 2008.

5.
DANTAS, Mariana A.. Disputas de identidade étnica na extinção do aldeamento do Ipanema-PE: caminhos possíveis entre antropologia e história.. In: XIX Encontro Regional de História. Poder, violência e exclusão. ANPUH-SP, 2008, São Paulo. Caderno de resumos do XIX Encontro Regional de História., 2008.

6.
DANTAS, Mariana A.. A extinção do aldeamento do Ipanema: questão fundiária e identidade indígena em disputa. In: XIII Encontro Regional de História AnpuhRio - Identidades, 2008, Seropédica. Caderno de Resumos do XIII Encontro Regional de História AnpuhRio - Identidades, 2008.

Apresentações de Trabalho
1.
DANTAS, Mariana A.. Prêmio Arquivo Nacional de Pesquisa. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
DANTAS, Mariana A.. Palestra no II Congresso Internacional Mundos Indígenas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
DANTAS, Mariana A.. Diálogos possíveis entre ensino e pesquisa: o protagonismo das populações indígenas no século XIX. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
DANTAS, Mariana A.. Dimensões da participação política indígena na formação do Estado nacional brasileiro: revoltas em Pernambuco e Alagoas (1817-1848). 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
DANTAS, Mariana A.. Espaços informais de participação e política indigenista: indígenas de Jacuípe e Barreiros na Confederação do Equador (Pernambuco e Alagoas, 1824). 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
DANTAS, Mariana A.; SOUZA, Raimundo N. R. . A presença indígena e negra no Nordeste brasileiro entre os séculos XVIII e XIX. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
DANTAS, Mariana A.. Participação indígena na Confederação do Equador (1824): disputas políticas, recrutamento e defesa de terras em Pernambuco e Alagoas. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
DANTAS, Mariana A.. Novas perspectivas sobre a presença indígena na História do Brasil Império. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
DANTAS, Mariana A.. Participação política indígena na Cabanada: índios cabanos e 'fiéis governistas'. Pernambuco e Alagoas, 1832-1835. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
DANTAS, Mariana A.. Identidades indígenas y rebeliones en Pernambuco: dinámica social durante la primera mitad del siglo XIX (1817-1850). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
DANTAS, Mariana A.. Presença indígena na construção da diversidade e da História de Pernambuco. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
DANTAS, Mariana A.. Multiplicidade da participação indigena nas revoltas de Pernambuco (1817-1848). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
DANTAS, Mariana A.. Os índios em Pernambuco. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
DANTAS, Mariana A.. Populações indígenas e movimentos rebeldes: Pernambuco na primeira metade do oitocentos. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
DANTAS, Mariana A.. Os índios no século XIX: participação política, identidades e estratégias. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
DANTAS, Mariana A.. Invisibilidade e participação política: índios em Pernambuco na primeira metade do século XIX.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
DANTAS, Mariana A.. Estratégias Indígenas: dinâmica social no Aldeamento do Ipanema e em Águas Belas. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
DANTAS, Mariana A.. A presença e o trabalho indígena na constituição da cidade de Águas Belas, no interior de Pernambuco.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
DANTAS, Mariana A.. Invisibilidade, reconhecimento étnico e território: os Carnijóem Águas Belas, Pernambuco.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
DANTAS, Mariana A.. Extinção do Aldeamento do Ipanema-PE: caminhos possíveis entre antropologia e história. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
DANTAS, Mariana A.. A extinção do aldeamento do Ipanema: questão fundiária e identidade indígena em disputa. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

22.
DANTAS, Mariana A.. A extinção do aldeamento do Ipanema: questão fundiária e identidade indígena em disputa. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
DANTAS, Mariana A.. De Carnijó a Fulni-ô: identidade indígena e a extinção do aldeamento do Ipanema. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
DANTAS, Mariana A.. Índios contemporâneos de Pernambuco e Paraíba: uma análise em antropologia e história. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
DANTAS, Mariana A.. Identidade étnica indígena e Territorialização em Pernambuco e Paraíba. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

26.
DANTAS, Mariana A.. A Extinção do Aldeamento do Ipanema em Pernambuco: disputa fundiária e a construção da imagem dos "índios misturados" no século XIX. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

27.
DANTAS, Mariana A.. Identidade Étnica Indígena e Territorialização em Pernambuco e Paraíba. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

28.
DANTAS, Mariana A.. Territorialização e Memória: a problemática dos índios misturados no nordeste brasileiro. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

29.
DANTAS, Mariana A.. Territorialização e Memória: a problemática dos "índios misturados" no Nordeste brasileiro. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
DANTAS, Mariana A.. Disciplina e invenção 2016 (Resenha).


Produção técnica
Redes sociais, websites e blogs
1.
ALMEIDA, Maria Regina Celestino. ; LEMOS, Marcelo S. ; DANTAS, Mariana A. . Os índios no Rio de Janeiro. 2012; Tema: Presença indígena na História do Rio de janeiro. (Site).


Demais tipos de produção técnica
1.
DANTAS, Mariana A.. Revista Latinoamericana de Estudios de Seguridad (URVIO-FLACSO). 2018. (Parecer ad hoc).

2.
DANTAS, Mariana A.. Programa de Iniciação Científica (PIBIC)-UVA. 2018. (Parecer ad hoc).

3.
DANTAS, Mariana A.. Topoi. Revista de História. 2018. (Parecer ad hoc).

4.
DANTAS, Mariana A.. Revista Brasileira de História-ANPUH. 2017. (Parecer ad hoc).

5.
DANTAS, Mariana A.. Revista Habitus-PUC Goiás. 2017. (Parecer ad hoc).

6.
DANTAS, Mariana A.. Revista Clio - Revista de Pesquisa Histórica. 2016. (Parecer ad hoc).

7.
DANTAS, Mariana A.. Revista Estudos Ibero-Americanos (PUCRS). 2016. (Parecer ad hoc).

8.
DANTAS, Mariana A.. Revista História Social (Unicamp). 2013. (Parecer ad hoc).

9.
DANTAS, Mariana A.. História dos povos indígenas e a formação sócio-cultural brasileira. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

10.
DANTAS, Mariana A.. Territorialização e Memória: a problemática dos "índios misturados" no Nordeste brasileiro. 2006. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
DANTAS, Mariana A.; SILVA, Augusto N.; MORAIS, Grasiela F.. Participação em banca de Raimundo Gomes de Souza Júnior.Entre o protagonismo e a invisibilidade: a história indígena representada nos livros didáticos. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Pernambuco.

2.
DANTAS, Mariana A.; SANTOS, Carlos Augusto P.; OLIVEIRA, Ana Amélia. Participação em banca de Antônio Jardson Peixto de Araujo.Memória viva: ensino de História local na cidade de Tianguá (2000-2015). 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual Vale do Acaraú.

3.
DANTAS, Mariana A.; SOUZA, Raimundo N. R.; MARTINS, P. H. S.. Participação em banca de Roberto Valter da Silveira Júnior.Análises historiográficas sobre a etnia Tremembé. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual Vale do Acaraú.

4.
DANTAS, Mariana A.; SOUZA, Raimundo N. R.; SILVEIRA, Edvanir M.. Participação em banca de Oneide Sousa do Carmo.A importância do ensino de História para a preservação da cultura Tremembé: o desafio do MITS (Magistério Indígena Tremembé Superior). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Estadual Vale do Acaraú.

5.
DANTAS, Mariana A.; MIRANDA, C. A. C.; CERQUEIRA, J. L. C.. Participação em banca de Walter Torres da Silva.Construção e consolidação de uma metrópole regional - o Recife na década de 40: expansão urbana e demográfica sob o signo da modernidade excludente. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Pernambuco.

6.
DANTAS, Mariana A.; CABRAL, George; CERQUEIRA, J. Luciano.. Participação em banca de Filipe Diêgo Cintra Machado.A independência das treze colônias inglesas na América do Norte (1760-1783). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Pernambuco.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VII Encontro Internacional de História Colonial. 2018. (Encontro).

2.
I Jornada com Povos Indígenas.Espaços informais de participação e política indigenista: indígenas de Jacuípe e Barreiros na Confederação do Equador (Pernambuco e Alagoas, 1824). 2017. (Outra).

3.
XXIX Simpósio Nacional de História.Indígenas na Insurreição Praieira: identidades étnicas, violência política e Estado nacional (Pernambuco: 1848-1849). 2017. (Simpósio).

4.
XXVIII Simpósio Nacional de História.Participação indígena na Confederação do Equador (1824): disputas políticas, recrutamento e defesa de terras em Pernambuco e Alagoas. 2015. (Simpósio).

5.
29ª Reunião Brasileira de Antropologia. Participação política indígena na Cabanada: índios cabanos e "fiéis governistas". 2014. (Congresso).

6.
IX Encontro Estadual de História. História e Diversidade: novas narrativas, sujeitos e espços.Multiplicidade da participação indigena nas revoltas de Pernambuco (1817-1848). 2012. (Encontro).

7.
XXVI Simpósio Nacional de História. Anpuh: 50 anos.Populações indígenas e movimentos rebeldes: Pernambuco na primeira metade do oitocentos. 2011. (Simpósio).

8.
III Jornada de Estudos sobre Etnicidade em Pernambuco. 2009. (Encontro).

9.
XXV Simpósio Nacional de História.Estratégias Indígenas: dinâmica social no Aldeamento do Ipanema e em Águas Belas. 2009. (Simpósio).

10.
32° Encontro Anual da ANPOCS. 2008. (Encontro).

11.
Culturas Políticas, Memória e Historiografia. 2008. (Seminário).

12.
Seminário: Mitos, Projetos e Práticas Políticas. 2008. (Seminário).

13.
XIII Encontro de História AnpuhRio - Identidades.A extinção do aldeamento do Ipanema. 2008. (Encontro).

14.
XIX Encontro Regional de História da ANPUH - Seção São Paulo.Disputas de Identidade Étnica na extinação do aldeamento do Ipanema-PE. 2008. (Encontro).

15.
I Colóquio Internacional de História da UFRPE. Brasil e Portugal: nossa história ontem e hoje. 2007. (Outra).

16.
I Encontro Pernambucano de Ensino de História. 2007. (Encontro).

17.
Tradições e Traduções. A cultura imaterial em Pernambuco. 2007. (Seminário).

18.
II Jornada de Iniciação Científica da Fundaj. 2006. (Congresso).

19.
Os Sertões. Espaços, tempos e movimentos. 2006. (Seminário).

20.
VI Encontro Estadual de História da ANPUH: História, Sociedade e Cultura. 2006. (Encontro).

21.
Curso História Oral e Memória.Curso História Oral e Memória. 2005. (Outra).

22.
I Jornada de Iniciação Científica da Fundaj. 2005. (Congresso).

23.
I Semana Acadêmica e Cultural de História. 2005. (Encontro).

24.
IV Semana de História da UFRPE. História Local e Regional: sociedade, política e patrimônio do Nordeste. 2005. (Seminário).

25.
Seminário Internacional Inclusão Social e as Perspectivas Pós-Estruturalistas de Análise Social.Seminário Internacional Inclusão Social e as Perspectivas Pós-Estruturalistas de Análise Social. 2005. (Seminário).

26.
I Mostra de História da UFPE.I Mostra de História da UFPE. 2004. (Seminário).

27.
II Semana de História.III Semana de História - História: Censura e Imaginário. 2003. (Seminário).

28.
III Seminário de História.III Seminário de História - História e Cidade. 2002. (Seminário).

29.
Simpósio de História do Brasil 1822-2002.Simpósio de História do Brasil 1822-2002. 2002. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
DANTAS, Mariana A.; APOLINARIO, J. R. . Coordenação de Simpósio Temático. Povos Indígenas no Brasil Colonial. 2018. (Congresso).

2.
DANTAS, Mariana A.; SILVA, E. . Coordenação de Grupo de Trabalho "História Indigena e ensino da temática indígena". 2015. (Congresso).

3.
DANTAS, Mariana A.; SILVA, E. ; GOMES, A. . Simpósio Temático 5: Os índios na História: ensino e abordagens interdisciplinares.. 2012. (Congresso).

4.
OLIVEIRA, João Pacheco de ; DANTAS, Mariana A. . Índios: os primeiros brasileiros. sob a coordenação do Prof. Dr. João Pacheco de Oliveira. 2007. (Exposição).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Cleide Coelho Trindade. Cultura Tupiguarani: breve análise e similaridades da cerâmica encontrada nos sítios São Bento e Santo Antônio I. 2011. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós-Graduação Lato Sensu em História do Brasil) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Mariana Albuquerque Dantas.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Antônio Tarciano Aragão de Sousa. "Este negro tem muito valor". Um estudo sobre Umbanda em Sobral, a partir da entidade Zé Pilintra (2000-2017). 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Estadual Vale do Acaraú. Orientador: Mariana Albuquerque Dantas.



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
DANTAS, Mariana A.. Identidades indígenas no Nordeste. In: Luisa Tombini Wittman. (Org.). Ensino (d)e História Indígena. 1ed.Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2015, v. 1, p. 81-116.

2.
DANTAS, MARIANA ALBUQUERQUE. Do discurso sobre o desaparecimento à participação política de indígenas na Confederação do Equador (Pernambuco e Alagoas, 1824). In: Fábio Feltrin de Souza; Luisa Tombini Wittman. (Org.). Protagonismo indígena na História. 1ªed.Tubarão: Copiart; UFFS, 2016, v. , p. 143-172.


Textos em jornais de notícias/revistas
1.
DANTAS, Mariana A.. Cartas-Diálogo com o autor. Revista de História (Rio de Janeiro), p. 96 - 96, 16 nov. 2012.


Apresentações de Trabalho
1.
DANTAS, Mariana A.. Os índios em Pernambuco. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Redes sociais, websites e blogs
1.
ALMEIDA, Maria Regina Celestino. ; LEMOS, Marcelo S. ; DANTAS, Mariana A. . Os índios no Rio de Janeiro. 2012; Tema: Presença indígena na História do Rio de janeiro. (Site).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 12/12/2018 às 12:53:03