Filipe Pinto Monteiro

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6387048911043004
  • Última atualização do currículo em 15/11/2018


Doutor pelo Programa de Pós-graduação em História das Ciências e da Saúde (PPGHCS) da Casa de Oswaldo Cruz (2016); mestre pelo Programa de Pós-graduação em História Social (PPGHIS) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (2011); concluiu bacharelado e licenciatura em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2007). Atualmente realiza estágio de pós-doutorado no Programa de Pós-graduação em História Social da Amazônia (PPHIST) da Universidade Federal do Pará. Tem experiência principalmente nas áreas de História do Pensamento Social brasileiro (História Intelectual ou História das Idéias, com ênfase no debate racial do século XIX); História das Ciências Biomédicas; Messianismos e milenarismos no Brasil; Pesquisa textual e iconográfica; jornalismo e editoração; e gerenciamento de Mídias Sociais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Filipe Pinto Monteiro
Nome em citações bibliográficas
MONTEIRO, Filipe Pinto;MONTEIRO, F. P.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Pará.
Rua Augusto Corrêa - até 937 - lado ímpar
Guamá
66075110 - Belém, PA - Brasil
Telefone: (91) 32018195
URL da Homepage: http://pphist.propesp.ufpa.br/


Formação acadêmica/titulação


2012 - 2016
Doutorado em História das Ciências.
Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Título: O Racialista Vacilante: Nina Rodrigues sob a luz de seus estudos sobre multidões, religiosidade e antropologia (1880 - 1906), Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Robert Wegner.
Bolsista do(a): Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
2009 - 2011
Mestrado em História Social.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Santos e Peregrinos: aspectos da vivência religiosa no movimento messiânico-milenarista de Pau de Colher (Casa Nova, Bahia, 1934-1938),Ano de Obtenção: 2011.
Orientador: Jacqueline Hermann.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2002 - 2007
Graduação em História Social.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: A gestação e o impacto político do movimento messiânico-milenarísta de Pau de Colher (Sertão da Bahia, 1934-1938).
Orientador: Jacqueline Hermann.


Pós-doutorado


2017
Pós-Doutorado.
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Formação Complementar


2011 - 2011
Extensão universitária em Espiritualidade Franciscana. (Carga horária: 132h).
Instituto Teológico Franciscano, ITF, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de pós-doutorado, Carga horária: 40

Atividades

08/2018 - 11/2018
Ensino, História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário de linha de Pesquisa Etnicidade e Territorialidades: usos e representações
03/2018 - 07/2018
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História do Brasil
08/2017 - 11/2017
Ensino, História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Raça no Pensamento Social Brasileiro

Associação Nacional de História - Sede, ANPUH/Sede, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2018
Vínculo: Prestador de Serviços, Enquadramento Funcional: Gestor de Redes Sociais
Outras informações
Gestão e monitoramento de mídias sociais, Facebook, Twitter e YouTube. Divulgação das atividades da associação, produção de conteúdo, campanhas de mobilização, informações sobre processos seletivos, lançamentos de livros e revistas, eventos nacionais e regionais; imagens, vídeos e textos relacionados ao universo das humanidades, em especial da História e da produção historiográfica. https://www.facebook.com/ANPUH/ https://twitter.com/ANPUH/ https://www.youtube.com/anpuhbrasil


Revista de História da Biblioteca Nacional, RHBN, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 8
Outras informações
Organização da pré-produção da revista, captação de artigos, redação e apuração para reportagens da seção "Em Dia", redação da seção "colaboradores", elaboração de resenhas, organização da seção "Cartas", organização da seção "Livros", organização de permuta com outras instituições, redação da seção "autores" do site www.revistadehistoria.com.br

Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 6
Outras informações
Organização da pré-produção da revista, captação de artigos, redação e apuração para reportagens da seção "Em Dia", redação da seção "colaboradores", elaboração de resenhas, organização da seção "Cartas", organização da seção "Livros", organização de permuta com outras instituições, redação da seção "autores" do site www.revistadehistoria.com.br


Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 6
Outras informações
Projeto: O Arquivo Nacional e a História Luso-brasileira: 200 Anos da Corte de D. João VI no Brasil - Coordenação: Prof. Dr. Cláudia Beatriz Heynemann


Fundação Mudes, MUDES, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2005
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estágiário, Carga horária: 6
Outras informações
Projeto: "Memória dos Contos de Minas", coordenação: Prof. Dr. Luciano Raposo de Almeida Figueiredo


Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 6
Outras informações
Monitoria no Laboratório de Informática da Faculdade de Educação - Coordenação: Prof. Cesar Augusto Scelza



Membro de corpo editorial


2010 - 2011
Periódico: Revista Ars Historica


Revisor de periódico


2018 - 2018
Periódico: TEMPORALIDADES


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Pensamento Social.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História das ciências e da saúde.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História das Religiões e Religiosidades.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: história social.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Jornalismo e Editoração.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
MONTEIRO, Filipe Pinto2018 MONTEIRO, Filipe Pinto. The -sick dancers-: The construction of medical knowledge about the -epidemic of dance- in Itapagipe, Salvador, Bahia (1882-1901). STUDIES IN HISTORY AND PHILOSOPHY OF BIOLOGICAL AND BIOMEDICAL SCIENCES, v. 71, p. 32-40, 2018.

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto2015 MONTEIRO, Filipe Pinto. Nina Rodrigues e a loucura das multidões. REVISTA BRASILEIRA DE HISTÓRIA DA CIÊNCIA, v. 8, p. 65-82, 2015.

3.
MONTEIRO, Filipe Pinto2013MONTEIRO, Filipe Pinto. Peregrinação, violência e demonofobia: novas interpretações sobre o movimento messiânico-milenarista de Pau de Colher (Casa Nova, Sertão da Bahia, 1934-1938). PLURA, Revista de Estudos de Religião, v. 4, p. 62-92, 2013.

4.
MONTEIRO, Filipe Pinto2010MONTEIRO, Filipe Pinto. Messianismo, milenarismo e catolicismo (popular) no discurso intelectual das ciências humanas e sociais: apontamentos preliminares para uma questão conceitual. REVISTA DE TEORIA DA HISTÓRIA, v. 4, p. 84-116, 2010.

5.
MONTEIRO, Filipe Pinto2010MONTEIRO, Filipe Pinto. A Santíssima Trindade nos sertões: Severino Tavares e a gestação do movimento messiânico-milenarista de Pau de Colher (Casa Nova, Bahia, 1934-1938). Revista Crítica Histórica, v. 2, p. 50-79, 2010.

6.
MONTEIRO, Filipe Pinto2010 MONTEIRO, Filipe Pinto. Vida em Santidade: modos de ser santo em uma comunidade messiânico-milenarista do sertão baiano (Pau de Colher, 1934-1938) - DOI: 10.5752/P.2175-5841.2010v8n18p170. HORIZONTE : REVISTA DE ESTUDOS DE TEOLOGIA E CIÊNCIAS DA RELIGIÃO (IMPRESSO), v. 8, p. 170-195, 2010.

7.
MONTEIRO, Filipe Pinto2010MONTEIRO, Filipe Pinto. Entre terços e ?cacetes?: uma nova tentativa de interpretação do movimento messiânico-milenarista de Pau de Colher (Casa Nova, Bahia, 1934-1938). REVISTA ÁGORA (VITÓRIA), v. 11, p. 1-34, 2010.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. 80 anos depois de 'Raízes do Brasil', onde está o brasileiro cordial?. Uol Notícias - Seção Opinião, São Paulo, 03 abr. 2016.

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Falta de decoro intelectual. Observatório da Imprensa, São Paulo, 19 jun. 2014.

3.
MONTEIRO, Filipe Pinto. O estrago vai ser grande. Jornal O Globo, Rio de Janeiro, p. 7 - 7, 27 jul. 2012.

4.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Al-Gaddafi não é Al-Mahdi. Le Monde Diplomatique Brasil, São Paulo, 31 mar. 2011.

5.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Fim do mundo na Bahia. O Globo - Caderno Prosa e Verso, Rio de Janeiro, p. 5 - 5, 11 dez. 2010.

6.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro 'Balaiada a Guerra do Maranhão'. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 94 - 94, 01 set. 2009.

7.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro 'Os capixabas holandeses. Uma história holandesa no Brasil'. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 94 - 94, 01 maio 2009.

8.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro 'O espaço e o vento. Olhares da migração gaúcha para Mato Grosso de quem partiu e de quem ficou'. Revista de História (Rio de Janeiro), p. 94 - 94, 01 maio 2009.

9.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Enquanto isso, do outro lado do mundo. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 8 - 8, 01 dez. 2008.

10.
MONTEIRO, Filipe Pinto. O preço da liberdade. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 8 - 8, 01 nov. 2008.

11.
MONTEIRO, Filipe Pinto; MELO, Igor . Diplomacia das canhoneiras. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 11 - 11, 01 set. 2008.

12.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Trevas, câmera, ação!. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 52 - 56, 01 set. 2008.

13.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Imigrantes em apuros. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 35, p. 6 - 7, 01 ago. 2008.

14.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Baleias de prata no céu. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 35, p. 8 - 8, 01 ago. 2008.

15.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Na calada da noite. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 35, p. 10 - 10, 01 ago. 2008.

16.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Aos timorenses com carinho. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 34, p. 6 - 7, 01 jul. 2008.

17.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Marujada na berlinda. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 34, p. 11 - 11, 01 jul. 2008.

18.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Os novos balaios. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 33, p. 7 - 7, 01 jun. 2008.

19.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Singeleza gera singeleza. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 33, p. 8 - 8, 01 jun. 2008.

20.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Juro que vi!. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 33, p. 11 - 11, 01 jun. 2008.

21.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Ernesto para os íntimos. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 33, p. 11 - 11, 01 jun. 2008.

22.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Salve o almirante negro. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 32, p. 7 - 7, 01 maio 2008.

23.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Direto da fonte. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 32, p. 9 - 9, 01 maio 2008.

24.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Sumidouro da Memória. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 31, p. 7 - 7, 01 abr. 2008.

25.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Integralismo Renovado. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 31, p. 10 - 10, 01 abr. 2008.

26.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Museu Ressuscitado. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 30, p. 9 - 9, 01 mar. 2008.

27.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Real Teatro da Discórdia. Revista de História da Biblioteca Nacional, Rio de Janeiro, p. 52 - 55, 01 dez. 2007.

28.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro 'Boticas e Pharmacias. Uma História Ilustrada da Farmácia no Brasil'. Revista de História da Biblioteca Nacional, , v. 11, p. 95 - 95, 15 ago. 2006.

29.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro '500 anos de engenharia no Brasil'. Revista de História da Biblioteca Nacional, p. 94 - 94, 15 jul. 2006.

30.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Na China A Conversa é Outra. Jornal O Globo, Rio de Janeiro, 25 abr. 2004.

31.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Fanatismo na Era Vargas. Nossa História, Rio de Janeiro, p. 26 - 28, 01 abr. 1900.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. O ?Racialista Vacilante?: Nina Rodrigues sob a luz de seus estudos sobre antropologia cultural e psicologia das multidões (1880-1906). In: 42° Encontro Anual da ANPOCS, 2018, Caxambu. Anais do 42° Encontro Anual da ANPOCS, 2018.

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Nina Rodrigues e a Psicologia das Multidões. In: 2ª Jornada de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde, 2013, Rio de Janeiro. Anais Eletrônicos, 2013.

3.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Nina Rodrigues e a Psicologia das Multidões. In: III Encontro Nacional de Pós-Graduandos em História das Ciências - ENAPEHC 3, 2013, Mariana. Anais do III ENAPEHC, 2013.

4.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Nina Rodrigues e a Psicologia das Multidões. In: XXVII Simpósio Nacional de História, 2013, Natal. Anais Eletrônicos, 2013.

5.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Vida em santidade: modos de ser santo em uma comunidade messiânico-milenarista do sertão baiano (Pau de Colher, 1934-1938). In: XII Simpósio Nacional da Associação Brasileira de História das Religiões, 2011, Juiz de Fora. Anais dos Simpósios da ABHR, 2011. v. 12.

6.
MONTEIRO, Filipe Pinto. ?U`a hecatombe semelhante á de Canudos!?: a gestação e o impacto politico do movimento messiânicomilenarista de Pau de Colher (Casa Nova, Bahia, 1934-1938). In: IV Jornada de Estudos Históricos do PPGHIS/IFCS/UFRJ, 2009, Rio de Janeiro. Jornadas. Rio de Janeiro: PPGHIS, 2009. p. I-XV.

Apresentações de Trabalho
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Raça e psicologia das multidões em Nina Rodrigues. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Raça e psicologia das multidões em Nina Rodrigues. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Nina Rodrigues e a Psicologia das Multidões. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Nina Rodrigues e a Psicologia das Multidões. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Nina Rodrigues e a Psicologia das Multidões. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

6.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Miniaturas de uma nação. Construção do saber psiquiátrico sobre fenômenos religiosos populares no Brasil (1880-1930). 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

7.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Miniaturas de uma nação. Construção do saber psiquiátrico sobre fenômenos religiosos populares no Brasil (1880-1930). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Vida em santidade: modos de ser santo em uma comunidade messiânico-milenarista do sertão baiano (Pau de Colher, 1934-1938). 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

9.
MONTEIRO, Filipe Pinto. A Santíssima Trindade nos sertões: Severino Tavares, enviado de Padre Cícero e pessoa de José Lourenço. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
MONTEIRO, Filipe Pinto. A Santíssima Trindade nos sertões: Severino Tavares, enviado de Padre Cícero e pessoa de José Lourenço. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
MONTEIRO, Filipe Pinto. A gestação e o impacto político do movimento messiânico-milenarista de Pau de Colher (Bahia, 1934-1938). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Santos, peregrinos e demonófobos: os movimentos messiânicos e milenaristas brasileiros. Entrevista especial com Filipe Pinto Monteiro. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Até o Primeiro Disco. 2018. (Pesquisa de imagens e licenciamentos vídeo-iconográficos).

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Arte Brasileira Quadro a Quadro. 2018. (Pesquisa Iconográfica).

3.
AGOSTINHO, C. ; MONTEIRO, Filipe Pinto . Luz del Fuego, a bailarina do povo ? uma biografia. 2017. (Editoração/Livro).

4.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Papagaio das antigas - Projeto Lume História 9º ano. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Texto).

5.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Novos Balaios - Sequência Didática Histórica 8º ano. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Texto).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Qualificações de Doutorado
1.
ARENZ, K. H.; JESUS, J. P.; PACHECO, A. S.; BONILLO, P. I.; MONTEIRO, Filipe Pinto. Participação em banca de Jéssica Cristina Aguiar Ribeiro. De Terra da Macumba a Cidade de Deus: a polissemia das representações acerca da cidade de Codó-MA (1930-2000).. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Federal do Pará.

Qualificações de Mestrado
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Participação em banca de Mackendy Souverain. Arthur de Gobineau aux tropiques: la réception des pensées raciales du théoricien français au Brésil et en Haiti (1880-1930). 2018.

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Participação em banca de Carlos Denizar de Souza Machado. Festas de liberdade: tecendo um ideal de abolição, progresso e civilização em Belém (1881-1888). 2018. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal do Pará.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Processo Seletivo do Programa de Apoio à Qualificação de Servidores Docentes e Técnicos Administrativos da UFPA - PADT. 2018. Universidade Federal do Pará.

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Processo Seletivo do Programa de Pós-Graduação em História (PPHIST) - Mestrado. 2017. Universidade Federal do Pará.



Eventos



Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. XXIX Simpósio Nacional de História. 2017. (Congresso).

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. XXVIII Simpósio Nacional de História - SNH 2015. 2015. (Congresso).

3.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Jornada de História: Currículo da Educação Básica e Formação do Historiador: questões atuais e perspectivas. 2014. (Outro).

4.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Jornada História e Ética. 2014. (Outro).

5.
MONTEIRO, Filipe Pinto. XXVII Simpósio Nacional de História. 2013. (Congresso).

6.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Biblioteca Fazendo História: Espiritismo ? A ?Crença de Loucos? que conquistou o Brasil. 2008. (Outro).

7.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Biblioteca Fazendo História "Americano ensina tortura no Brasil - a trajetória de Dan Mitrione". 2008. (Outro).

8.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Biblioteca Fazendo História "Vargas e a imagem pública dos líderes brasileiros". 2008. (Outro).

9.
MONTEIRO, Filipe Pinto. 1º Seminário O Arquivo Nacional e a História Luso-Brasileira - Viver em colônias: índios, negros, judeus e ciganos no Brasil. 2006. (Congresso).



Educação e Popularização de C & T



Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Na China A Conversa é Outra. Jornal O Globo, Rio de Janeiro, 25 abr. 2004.

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro 'Boticas e Pharmacias. Uma História Ilustrada da Farmácia no Brasil'. Revista de História da Biblioteca Nacional, , v. 11, p. 95 - 95, 15 ago. 2006.

3.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro '500 anos de engenharia no Brasil'. Revista de História da Biblioteca Nacional, p. 94 - 94, 15 jul. 2006.

4.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Fanatismo na Era Vargas. Nossa História, Rio de Janeiro, p. 26 - 28, 01 abr. 1900.

5.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Real Teatro da Discórdia. Revista de História da Biblioteca Nacional, Rio de Janeiro, p. 52 - 55, 01 dez. 2007.

6.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Museu Ressuscitado. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 30, p. 9 - 9, 01 mar. 2008.

7.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Sumidouro da Memória. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 31, p. 7 - 7, 01 abr. 2008.

8.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Salve o almirante negro. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 32, p. 7 - 7, 01 maio 2008.

9.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Direto da fonte. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 32, p. 9 - 9, 01 maio 2008.

10.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Os novos balaios. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 33, p. 7 - 7, 01 jun. 2008.

11.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Singeleza gera singeleza. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 33, p. 8 - 8, 01 jun. 2008.

12.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Juro que vi!. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 33, p. 11 - 11, 01 jun. 2008.

13.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Ernesto para os íntimos. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 33, p. 11 - 11, 01 jun. 2008.

14.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Aos timorenses com carinho. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 34, p. 6 - 7, 01 jul. 2008.

15.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Marujada na berlinda. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 34, p. 11 - 11, 01 jul. 2008.

16.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Imigrantes em apuros. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 35, p. 6 - 7, 01 ago. 2008.

17.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Baleias de prata no céu. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 35, p. 8 - 8, 01 ago. 2008.

18.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Na calada da noite. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 35, p. 10 - 10, 01 ago. 2008.

19.
MONTEIRO, Filipe Pinto; MELO, Igor . Diplomacia das canhoneiras. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 11 - 11, 01 set. 2008.

20.
MONTEIRO, Filipe Pinto. O preço da liberdade. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 8 - 8, 01 nov. 2008.

21.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Enquanto isso, do outro lado do mundo. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 8 - 8, 01 dez. 2008.

22.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro 'Balaiada a Guerra do Maranhão'. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 94 - 94, 01 set. 2009.

23.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Trevas, câmera, ação!. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 52 - 56, 01 set. 2008.

24.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Fim do mundo na Bahia. O Globo - Caderno Prosa e Verso, Rio de Janeiro, p. 5 - 5, 11 dez. 2010.

25.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro 'Os capixabas holandeses. Uma história holandesa no Brasil'. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, p. 94 - 94, 01 maio 2009.

26.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Resenha do livro 'O espaço e o vento. Olhares da migração gaúcha para Mato Grosso de quem partiu e de quem ficou'. Revista de História (Rio de Janeiro), p. 94 - 94, 01 maio 2009.

27.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Al-Gaddafi não é Al-Mahdi. Le Monde Diplomatique Brasil, São Paulo, 31 mar. 2011.

28.
MONTEIRO, Filipe Pinto. 80 anos depois de 'Raízes do Brasil', onde está o brasileiro cordial?. Uol Notícias - Seção Opinião, São Paulo, 03 abr. 2016.

29.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Integralismo Renovado. Revista de História (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, , v. 31, p. 10 - 10, 01 abr. 2008.


Desenvolvimento de material didático ou instrucional
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Papagaio das antigas - Projeto Lume História 9º ano. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Texto).

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto; BENJAMIN, Mariana . Novos Balaios - Sequência Didática Histórica 8º ano. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Texto).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Biblioteca Fazendo História: Espiritismo ? A ?Crença de Loucos? que conquistou o Brasil. 2008. (Outro).

2.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Biblioteca Fazendo História "Americano ensina tortura no Brasil - a trajetória de Dan Mitrione". 2008. (Outro).

3.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Biblioteca Fazendo História "Vargas e a imagem pública dos líderes brasileiros". 2008. (Outro).

4.
MONTEIRO, Filipe Pinto. Jornada História e Ética. 2014. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/12/2018 às 23:29:26