Luiz Eduardo Fonseca

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3058588390340718
  • Última atualização do currículo em 26/11/2011


Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais (1979), Mestrado em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública (1988) e Doutorado em Saúde Pública (2011) na área de Saúde Global e Políticas de Saúde. Experiência de trabalho e consultoria em organismos internacionais (UNICEF, OPS-OMS e CEPAL) em planejamento e políticas de saúde, nas áreas de saúde materno-infantil e familiar. Assessor do Centro de Relações Internacionais em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz com foco na cooperação com países africanos participa das pesquisas: 1) "Saúde Global: um novo enfoque da saúde coletiva"; 2) "Análise da cooperação em saúde entre América Latina e União Européia", com a Universidade Carlos III (Espanha) e "Perspectivas das Metas de Desenvolvimento do Milênio após 2015". (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Luiz Eduardo Fonseca
Nome em citações bibliográficas
FONSECA, L. E.

Endereço


Endereço Profissional
Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública.
Avenida Brasil, 4365
Manguinhos
21045-900 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (21) 38851779
Fax: (21) 22707444


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2011
Doutorado em Doutorado em Saúde Pública.
Escola Nacional de Saúde Pública.
Título: Formulação de políticas de saúde em situações pós-conflito: o processo de elaboração do primeiro documento propositivo de uma política de saúde para o Timor Leste, 1999-2002., Ano de obtenção: 2011.
Orientador: Celia Maria de Almeida.
Palavras-chave: Saúde internacional; Políticas de saúde e desenvolvimento; Cooperação internacional.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde internacional.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública.
Setores de atividade: Organismos internacionais e outras instituições extraterritoriais.
1985 - 1988
Mestrado em Mestrado em Saúde Pública.
Escola Nacional de Saúde Pública.
Título: O aluno carente e repetente não é doente: um estudo médico social sobre o fracasso escolar,Ano de Obtenção: 1988.
Orientador: Victor Vincent Valla.
Palavras-chave: saúde pública; Educação e saúde; Ciencias sociais em saúde.
1981 - 1982
Especialização - Residência médica.
Escola Nacional de Saúde Pública. Residência médica em: Saúde Pública
Número do registro: .
1974 - 1979
Graduação em Medicina.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
1971 - 1973
Ensino Médio (2º grau).
Colégio Loyola.
1967 - 1970
Ensino Fundamental (1º grau).
Colégio Loyola.


Atuação Profissional



Comisión Económica para América Latina, CEPAL, Argentina.
Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 24
Outras informações
Avaliador de projetos para o Concurso Projetos Inovadores da CEPAL


OPA Topografia e Engenharia, OPA, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Contrato de trabalho, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Consultor da OPS no Panamá para assessorar o Ministério da Saúde organizar seu Manual de Tratamento para o HIV-AIDS, usando uma abordagem integral junto a grupos inter-setoriais na construção do Manual e sua organização, e assessoria em projetos do Programa da Saúde da Familia do Ministério da Saúde do Panamá.

Atividades

01/2006 - 03/2006
Conselhos, Comissões e Consultoria, OPS, .

Cargo ou função
Consultor do programa de saúde da familia no Panamá.

Institut de Recherche pour le développement, IRD Montpellier, França.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Membro da missão conjunta Brasil-França, como colaborador da FIOCRUZ, para avaliar e recomendar ações e atividades para um futuro programa de apoio à pesquisa em saúde na Guiné Bissau com apoio do Brasil e da França em colaboração com possíveis estruturas de pesquisa do Senegal.

Atividades

01/2005 - 02/2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, IRD, .

Cargo ou função
Consultoria em missão conjunta à Guiné Bissau e Senegal.

Governo do Timor Leste, TIMOR, Timor.
Vínculo institucional

2002 - 2003
Vínculo: Contrato de trabalho, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Assessor da Unidade de Gestão do Ministério da Saúde do Timor Leste junto ao Banco Mundial, no Projeto de Desenvolvimento e Reabilitação do SetorSaúde, respondendo por 3 Distritos de Saúde do Timor Leste (provincias), dando apoio às Equipes Distritais de Saúde no desenvolvimento de suas responsabilidades de acordo com o Plano de Nacional de Saúde, com foco na capacitação de recursos humanos, processo de planejamento distrital, ajudando a Equipe a desenhar e implementar seu Plano Anual de Trabalho cujo objetivo era de melhorar a qualidade dos serviços e do monitoramento destas ações. Todo este processo era integrado com discussões multisetoriais e com a participação de representantes da comunidade.

Atividades

02/2002 - 01/2003
Serviços técnicos especializados , Timor, .

Serviço realizado
Assessoria em Planejamento de Saúde.

Agencia Brasileira de Cooperação, ABC, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2001
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Membro da Missão Conjunta Brasil-Japão, com apoio da FIOCRUZ, do Ministério da Saúde, da Agência Brasileira de Cooperação, e da Japan International Cooperation Agency, para estabelecimento de parcerias em vistas ao desenvolvimento de um projeto conjunto para capacitação de recursos humanos em saúde pública.

Atividades

06/2001 - 06/2001
Outras atividades técnico-científicas , ABC, .

Atividade realizada
Consultoria em missão conjunta a Angola e Moçambique.

Fundo das Nações Unidas para a Infância, UNICEF, Brasil.
Vínculo institucional

1989 - 1994
Vínculo: Assessor, Enquadramento Funcional: Coordenador de projeto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
1989-1992: funcionário do UNICEF encarregado dos Programas de Saúde, dando assistência direta e apoio ao Ministério de Saúde Pública da Guiné Bissau na implantação de sua política de saúde baseada na descentralização e apoiada por outras organizações internacionais. Treinamento de pessoal local com o primeiro curso básico de saúde pública para dirigentes locais. Implementação de um sistema nacional de distribuição de vacinas e equipamentos, assim como de coleta e análise de dados epidemiológicos, com a edição de boletins trimestrais; 1992-1994: como funcionário do UNICEF para o Afeganistão, encarregado do gerenciamento do Programa de Imunizações e outros projetos de saúde, lidando com educação em saúde, treinamento de trabalhadores de saúde, assim como de médicos e enfermeiras, negociação de estratégias de ação tanto com o governo central como das zonas tribais desenvolvendo parcerias entre diferentes ONGs e grupos políticos, produção do primeiro relatório nacional da situação vacinal do Afeganistão a partir de dados provinciais; 1994: consultoria para o escritório de Peshawar da Representação doUNICAF no Afeganistão para elaborar um estudo sobre "A Situação dos Programas de Vacinação em Países sob Situação de Emergência"; 1997: consultoria para o escritório do UNICEF em Cabo Verde, na Cidade da Praia, para elaborar documento conjunto com o Governo em relação à Revisão de Meio Percurso dos Programas em Saúde e Nutrição.

Atividades

03/1997 - 04/1997
Conselhos, Comissões e Consultoria, UNICEF, .

Cargo ou função
Consultor em planejamento em saúde em Cabo Verde.
11/1994 - 12/1994
Conselhos, Comissões e Consultoria, UNICEF, .

Cargo ou função
Consultoria técnica em programas de imunização - Somalia.
07/1992 - 12/1994
Serviços técnicos especializados , UNICEF, .

Serviço realizado
Coordenador do Programa Nacional de Imunização no Afeganistão.
02/1989 - 06/1992
Serviços técnicos especializados , UNICEF, .

Serviço realizado
Coordenador do Programa Nacional de Immunizações da Guiné Bissau.

Governo de Cabo Verde, G.CABO VERDE, Cabo Verde.
Vínculo institucional

1984 - 1984
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Como médico pediatra da cooperação Brasil-Cabo Verde, apoiada pelo PNUD, responsável pelo Hospital de Crianças de Mindelo, supervisionando e treinando sete enfermeiras e dois médicos residentes.

Atividades

03/1984 - 09/1984
Serviços técnicos especializados , G. Cabo Verde, .

Serviço realizado
Pediatria e saúde pública.

Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

1983 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Médico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
1983-1989: como médico clínico e mestre em Saúde Pública, supervisionando dez médicos e cinco enfermeiras no ambulatório de cuidados primários do Instituto Fernandes Figueira, hospital infantil; 1988-1989: membro da coordenação e professor de Politicas Públicas no curso de mestrado em Saúde da Criança e professor na residência sobre temas de promoção da saúde, medicina social e saúde pública; 1995-2001: assessor da Coordenação de Cooperação Técnica e Internacional da Escola Nacional de Saúde Pública, atuando em negociação, financiamento, monitoramento e avaliação de projetos em saúde, contribuindo para a construção de parcerias na área de pesquisa e ensino; 1999-2001: responsável do Programa de Cooperação da ENSP com os Países Africanos de Língua Oficial Portuguêsa (PALOPs); participação na organização e implementação do Projeto de Desenvolvimento Sustentável à Nível Local na área de Manguinhos coordenando projeto de cooperação ENSP-CPHA (Canadá); 2003-2006: assessor da Assessoria de Cooperação Internacional (ACI) da FIOCRUZ atuando na negociação, implantação, monitoramento, avaliação e financiamento de projetos na área da saúde, masi especificamente para projetos de capacitação para os países africanos e latino americanos. 2008-2011: assessor do Centro de Relações Internacionais em Saúde da Fiocruz com foco para a cooperação com países africanos, com desenvolvimento dos projetos: 1) Saúde global e relações exteriores; 2) Situação da pesquisa em saúde na cooperação entre America Latina e União Européia; 3) Perspectivas das metas do mileni após 2015.

Atividades

03/2008 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Escola Nacional de Saúde Pública, .

03/2008 - Atual
Ensino, Curso de especialização em saúde global, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Cooperação Internacional em saúde
Organismos internacionais e legislação internacional em saúde
03/2003 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Presidência, .

03/2003 - Atual
Serviços técnicos especializados , Presidência, .

Serviço realizado
Assessor de Cooperação Técnica Internacional.
01/2000 - 12/2001
Pesquisa e desenvolvimento , Escola Nacional de Saúde Pública, .

09/2001 - 09/2001
Ensino, Pós-graduação em Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Promoção da saúde
01/1988 - 12/1988
Ensino, Pós-graduação em Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Políticas de saúde

Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, ABRASCO, Brasil.
Vínculo institucional

1982 - 1984
Vínculo: Contrato de trabalho, Enquadramento Funcional: Assessor, Carga horária: 30
Outras informações
Assistente da secretaria executiva na organização de seminários, encontros e oficinas, e também como parte do grupo de avaliação e monitoramento dos projetos apoiados pela ABRASCO.

Atividades

04/1982 - 01/1984
Outras atividades técnico-científicas , ABRASCO, .

Atividade realizada
Consultoria para o projeto de formação de redes de escolas de saúde pública no Brasil em 1983.


Linhas de pesquisa


1.
Promoção da saúde e desenvolvimento sustentável

Objetivo: O marco conceitual da promoção da saúde e a concepção de desenvolvimento local sustentável são os eixos integradores do projeto "Promoção da saúde em ação", da ENSP-FIOCRUZ em parceria com a Canadian Public Health Association. Seus objetivos são a inclusão das práticas de promoção da saúde na atenção primária, da inclusão da lógica das evidências nesta nova abordagem e da incorporação da teoria do desenvolvimento sustentável nas iniciativas conjuntas do centro de saúde junto a comunidade..
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva.
Setores de atividade: Desenvolvimento Urbano; Saúde Humana; Cuidado À Saúde das Populações Humanas.
Palavras-chave: Promoção da saúde; Desenvolvimento social; Desenvolvimento sustentável; Qualidade de vida.
2.
Capacitação de recursos humanos em saúde nos PALOP

Objetivo: Qualificar docentes nos Países Africanos de Língua Portuguesa em saúde pública com ênfase nas áreas de gestão, vigilância epidemiológica e administração hospitalar e desenvolver processo de formação profissional em saúde pública em diferentes níveis (médio e superior). .
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva.
Setores de atividade: Políticas, Planejamento e Gestão em Saúde; Educação.
Palavras-chave: Recursos humanos em saúde; Saúde internacional; Capacitação em saúde.
3.
Saúde global: em novo enfoque de estudo na saúde coletiva

Objetivo: Analisar e discutir as relações entre a dinâmica da globalização e seu impacto sobre as políticas de saúde, os sistemas de saúde e a saúde das populações em nível nacional e internacional, assim como identificar e analisar as conexões e interrelações entre relações internacionais e saúde..
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde internacional.
Setores de atividade: Políticas, Planejamento e Gestão em Saúde.
Palavras-chave: Saúde internacional; Políticas de saúde e desenvolvimento; Cooperação internacional.


Projetos de pesquisa


2011 - 2013
Saúde global e relações exteriores

Descrição: Pesquisa bibliografica sobre a relação entre saúde global e relações exteriores em termos de pólíticas públicas e atuação conjunta no cenário internacional a partir de 2000 até os dias atuais..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Luiz Eduardo Fonseca - Coordenador.
Financiador(es): Universidade de Oslo - Cooperação.
2011 - 2013
Perspectivas das metas do milênio após 2015

Descrição: Estudo sobre a tendencia do cenário das políticas internacionais em saúde relativas ao pós- 2015, quando termina o prazo para as metas de desenvolvimento do milenio traçadas em 2000..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Luiz Eduardo Fonseca - Coordenador.
2011 - 2013
Situação da pesquisa em saúde da cooperação entre a União Européia e a América Latina.

Descrição: Pesquisa quantitativa sobre as pesquisas em desenvolvimento na América Latina no campo da saúde com colaboração e financiamento da União Européia..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Luiz Eduardo Fonseca - Coordenador.
Financiador(es): Universidad Europea de Madrid - Cooperação.
2011 - 2013
Situação da pesquisa em saúde da cooperação entre a União Européia e a América Latina.

Descrição: Pesquisa quantitativa sobre as pesquisas em desenvolvimento na América Latina no campo da saúde com colaboração e financiamento da União Européia..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Luiz Eduardo Fonseca - Coordenador.
Financiador(es): Universidad Europea de Madrid - Cooperação.
2008 - Atual
Saúde Global: um novo objeto de estudo na Saúde Coletiva

Descrição: Analisar e discutir as relações entre a dinâmica da globalização e seu impacto sobre as políticas de saúde, os sistemas de saúde e a saúde das populações em nível nacional e internacional, assim como identificar e analisar as conexões e interrelações entre relações internacionais e saúde..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Luiz Eduardo Fonseca - Integrante / Celia Maria de Almeida - Coordenador / André Ferrari Haines - Integrante / Eliane dos Santos Oliveira - Integrante.
Financiador(es): Fundação Oswaldo Cruz - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2
2007 - 2011
Pre-projeto de Tese de Doutorado: Formulação de políticas de saúde em situações pós-conflito: o processo de elaboração do primeiro documento propositivo de uma poítica de saúde para o Timor Leste, 1999-2002

Descrição: Analisar e discutir as relações entre a dinâmica das políticas de desenvolvimento no ambito da globalização e seu impacto sobre as políticas de saúde, os sistemas de saúde e a saúde das populações, identificar e analisar as conexões e interrelações entre relações internacionais e saúde..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Luiz Eduardo Fonseca - Coordenador.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública/Especialidade: Saúde internacional.
3.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública/Especialidade: Planejamento e gestão de saúde.
4.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública/Especialidade: Economia e saúde.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Italiano
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Crioulo
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
ALMEIDA, C. M.2010ALMEIDA, C. M. ; Rodrigo Pires Campos ; BUSS, PB ; Ferreira, JR ; FONSECA, L. E. . A concepção brasileira de cooperação Sul-Sul estruturante em saúde. RECIIS. Revista eletrônica de comunicação, informação & inovação em saúde (Edição em português. Online), v. 4, p. 25-35, 2010.

2.
Rodrigo Pires Campos2009Rodrigo Pires Campos ; ALMEIDA, C. M. ; FONSECA, L. E. . A Assistência Oficial para o Desenvolvimento ao setor saúde do Brasil de 1997 a 2007.. Comunicação em Ciências da Saúde (Impresso), v. 20, p. 21-38, 2009.

3.
FONSECA, L. E.1982FONSECA, L. E. . Tambor das Flores: uma análise da Federação Espírita Umbandista e dos Cultos Afro-Brasileiros do Pará. Religião & Sociedade, v. 8, p. 79-80, 1982.

Capítulos de livros publicados
1.
Ferreira, JR ; FONSECA, L. E. . A institucionalização da cooperação internacional. In: André-Pierre Contandriopoulos. (Org.). Santé et citoyenneté. Montréal: Presses de l'Université de Montréal, 2006, v. , p. -.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
FONSECA, L. E. . Équité em santé et coopération internationale.. Lettre em Ligne RÉFIPS, Montréal, p. 5 - 5, 03 dez. 2009.

2.
FONSECA, L. E. . Timor Leste: novos desafios para uma nova nação. Revista do Gerenciamento Costeiro Integrado, Itajaí, p. 19 - 19, 01 dez. 2002.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
FONSECA, L. E. . Anais. In: Seminário em Relações Internacionais e Saúde, 2006, Brasília. Relações Internacionais em Saúde, 2006.

2.
Marcia Hills ; MULLET, J. ; FONSECA, L. E. . Ensino da Promoção da Saúde: atitudes, aptidões e conhecimento. In: Oficina Ensino da Promoção da Saúde: atitudes, aptidões e conhecimento, 2000, Salvador. Ensino da Promoção da Saúde: atitudes, aptidões e conhecimento - impresso na ENSP-FIOCRUZ. Rio de Janeiro: Escola Nacional de Saúde Pública, 2000.

Apresentações de Trabalho
1.
FONSECA, L. E. ; FIGUEIREDO, M. C. B. ; MATTOS, A. ; MOTTA, J. I. J. ; SILVA, J. P. V. . Saúde, Trabalho e Educação. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Outras produções bibliográficas
1.
FONSECA, L. E. ; Fernandes, Rita . Promoção da Saúde: Carta de Ottawa, Declaração de Adelaide, Sundvall, Santa Fé de Bogotá, Jacarta, México e Rede de Megapaíses.. Brasília: Ministério da Saúde, 2001. (Tradução/Outra).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
FONSECA, L. E. . EPI in emergency situation. 1995.

Trabalhos técnicos
1.
FONSECA, L. E. . Circuitos da cooperação internacional no Brasil: a situação da cooperação internacional em saúde. 1997.

2.
FONSECA, L. E. . EPI Report in Afghanistan - 1993. 1994.

3.
FONSECA, L. E. . Annual report on the Expanded Programme on Immunization in Guinea Bissau 1991. 1992.

4.
FONSECA, L. E. . Annual report on the Expanded Programme on Immunization in Guinea Bissau 1990. 1991.

5.
FONSECA, L. E. . Estudo da nosologia prevalente em mulheres de 10 a 59 anos, atendidas pela Unidade de Treinamento Germano Sinval Faria da ENSP-FIOCRUZ, Rio de Janeiro, em 1983. 1984.


Demais tipos de produção técnica
1.
FONSECA, L. E. ; FIGUEIREDO, M. C. B. ; MATTOS, A. ; MOTTA, J. I. J. ; SILVA, J. P. V. . Saúde, Trabalho e Educação: bases conceituais e metodológicas para a construção de currículos de capacitação em saúde pública. 2009. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Material Instrucional).

2.
FONSECA, L. E. ; FERREIRA ; JOUVAL JUNIOR, H. ; ALMEIDA, C. M. . Saúde Global e Diplomacia da Saúde. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

3.
FONSECA, L. E. . Alma Ata: Saúde e desenvolvimento para todos. 2001. (Trabalho de final de Curso de Antropologia do Desenvolvimento).

4.
Marcia Hills ; MULLET, J. ; FONSECA, L. E. . Oficina Ensino da Promoção da Saúde: atitudes, aptidões e conhecimento . 2000. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
Julieta Domingos Nancassa; FONSECA, L. E.. Participação em banca de Julieta Domingos Nancassa. Implementação de uma estratégia de informação sobre aleitamento materno para a comunidade guineense por meio da rede de saúde em parceria com a pastoral da criança. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Gestão de Políticas de Alimentos) - Fundação Oswaldo Cruz.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Conferencia Mundial sobre Determinantes Sociais da Saúde. nenhum. 2011. (Congresso).

2.
Seminário preparatório da Conferencia Mundial sobre Determinantes Sociais da Saúde.nenhum. 2011. (Seminário).

3.
Oficina de ofertas e demandas de cooperação internacional em saúde na UNASUL.A cooperação da Fiocruz. 2011. (Oficina).

4.
Seminário Internacional em Diplomacia e Saúde Global.Situação do CRIS-Fiocruz. 2010. (Seminário).

5.
Simpósio Brasil-China. 2008. (Simpósio).

6.
Oficina Pedagógica de Avaliação e Validação de Material Instrucional.Saúde, Trabalho e Educação: bases conceituais e metodologicas para a construção de currículos de capacitação em saúde pública. 2008. (Oficina).

7.
Rencontre francophone internationale sur les inégalités sociales de santé.Pays à faible revenu et inégalités sociales de santé. 2008. (Encontro).

8.
Seminário sobre Cooperação Fiocruz-África.Projetos com a CPLP. 2007. (Seminário).

9.
Congresso da ABRASCO. 2006. (Congresso).

10.
Seminário em Relações Internacionais e Saúde.Relatório Final. 2006. (Seminário).

11.
Oficina sobre Boas Práticas, Desafios e Perspectivas da Gestão da Cooperação Técnica Internacional Prestada.Aspectos da Cooperação Internacional da FIOCRUZ. 2006. (Oficina).

12.
Seminário sobre Cooperação Internacional do IRD.Cooperação da FIOCRUZ com o IRD. 2005. (Seminário).

13.
Simpósio Brasil-África Austral e Oriental. 2005. (Simpósio).

14.
Forum Desafios à Gestão da Cooperação Internacional. 2005. (Outra).

15.
11 Congresso Internacional em Ensino a Distancia. Projeto da FIOCRUZ de Capacitação em Saúde para os PALOP. 2004. (Congresso).

16.
Desenvolvimento e novas abordagens da gestão social.Apresentação do Projeto de Promoção da Saúde em Ação. 2001. (Seminário).

17.
II Encontro de Educação Popular e Promoção da Saúde.Apresentação do Projeto Promoção da Saúde em Ação. 2001. (Encontro).

18.
Simpósio sobre Promoção da Saúde e Cidades Saudáveis.Cidades saudáveis e promoção da saúde. 2000. (Simpósio).

19.
Oficina Ensino da Promoção da Saúde: atitudes, aptidões e conhecimento.Ensino da Promoção da Saúde: atitudes, aptidões e conhecimento. 2000. (Oficina).

20.
Thinking globally acting locally: building concepts based on our practices in health promotion.Health promotion in action. 2000. (Oficina).

21.
Logical Framework Workshop.Logical framework. 1998. (Oficina).

22.
IV Encontro Brasileiro de Saúde Pública.Promoção da Saúde. 1997. (Encontro).

23.
Repensando a estratégia de saúde para todos na América Latina.Cooperação em Saúde. 1996. (Encontro).

24.
International Cooperation in Health Sector.Saúde internacional. 1995. (Seminário).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 28/07/2014 às 19:31:05